Helbor Empreendimentos Reunião Anual 2015

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Helbor Empreendimentos Reunião Anual 2015"

Transcrição

1 Helbor Empreendimentos Reunião Anual 2015

2 Aviso Legal Esta apresentação pode conter certas afirmações que expressam expectativas, crenças e previsões da administração da Helbor sobre eventos ou resultados futuros. Tais afirmações não são fatos históricos, estando baseadas em informações relacionadas ao mercado imobiliário, e informações econômicas e financeiras disponíveis até o momento e em projeções relacionadas ao mercado em que a Helbor se insere. Os verbos antecipar, acreditar, estimar, esperar, prever, planejar, projetar, almejar e outros verbos similares têm a intenção de identificar estas afirmações, as quais envolvem riscos e incertezas que podem resultar em diferenças materiais entre os dados atuais e as eventuais projeções discutidas nesta apresentação, e desempenho futuro da Helbor. Os fatores que podem afetar o desempenho operacional e econômico-financeiro da Helbor incluem, mas não estão limitados a: (i) riscos associados à atividade de incorporação imobiliária; (ii) falta de financiamento para suprir nossas atividades necessidades; (iii) incapacidade de repassar nossa carteira de recebíveis; (iv) eventuais problemas de atrasos e falhas em nossos empreendimentos imobiliários; (v) sucesso de nossas parcerias; (vi) competitividade do setor imobiliário; (vii) mudanças na legislação que regula o setor. Esta apresentação foi baseada em informações e dados disponíveis na data em que foi feita e a Helbor não se obriga a atualizá-las com base em novas informações e/ou acontecimentos futuros. As demonstrações contábeis utilizadas nesta apresentação baseiam-se práticas contábeis adotadas no Brasil que compreendem as normas da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e os pronunciamentos do Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC) e estão em conformidade com as normas internacionais de contabilidade (International Financial Reporting Standards IFRS) aplicáveis a entidades de incorporação imobiliária no Brasil, como aprovadas pelo (CPC), pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC). 2

3 Agenda Dados Operacionais Diretor de Novos Negócios Denervaldo Aparecido Setin Aquisição de Terrenos Banco de Terrenos Manutenção do Banco de Terrenos Diretor de Vendas Marcelo Lima Bonanata Lançamentos Comercial Vendas VSO Estoque Vendas de Estoque 2015 Estratégias Comerciais Resultados Financeiros Diretor Financeiro e de RI Roberval Lanera Toffoli Financeiro Despesas G&A Endividamento Cash Burn Mix de Entregas Distrato Estratégias 2015/2016 Diretor Técnico Carlos Eduardo Kehdi Engenharia Entregas 4T15/1T16 3

4 Aquisição de Terrenos Fluxograma de Trabalhos Novo Terreno Localização Preços Zoneamento Consultas Técnicas 1 ANÁLISES PRELIMINARES Verificação: se localização do terreno se encaixa no perfil dos lançamentos da companhia Comparação do preço por metro quadrado de aquisição do terreno e preço médio de venda do empreendimento Verificação do: Zoneamento Urbano Coeficiente de Aproveitamento Taxa de Ocupação Gabarito Consultas técnicas do terreno, incluindo tombamentos, acidentes geográficos, Comar, etc. Definição do Conceito do Produto Estudo de Viabilidade (Numérico) Custo de Obra Estudo de Viabilidade Econômica Comitê de Terrenos Proposta e Negociação do Terreno 2 ANÁLISES APROFUNDADAS Consulta às Imobiliárias e a Área Comercial para definição do produto. Estudo numérico elaborado por arquitetos baseado no briefing da área comercial Elaboração do custo da obra, baseado no estudo numérico Determinação das rentabilidades e margens baseados nos custos de aquisição, obra e venda Decisão de compra ou não do terreno Discussão comercial e jurídica para fechamento do terreno 4

5 Banco de Terrenos Percentual de Permuta Land Bank - VGV Helbor (R$ Bi)* Permutas 35% 39% 45% 73% 3,5 5,0 5,1 5,1 5,1 81% 79% 69% 71% 4,9 78% 1,7 1,6 1, /9/2015 5

6 Banco de Terrenos Setembro/15 Abertura por Cidade e Área Total de Vendas (mil m²) Abertura por Cidade e VGV Helbor (R$ Milhões) Osasco 57,34 6% São José dos Campos 61,88 7% Campinas 48,76 5% Curitiba 48,60 5% Outras 136,42 14% Mogi das Cruzes 250,21 26% São Paulo 358,31 37% Curitiba R$ 240,7 5% Rio de Janeiro R$ 242,1 5% Osasco R$ 335,9 7% São José dos Campos R$ 184,3 4% Campinas R$ 207,3 4% Outras R$ 401,9 8% Mogi das Cruzes R$ 915,8 18% São Paulo R$ 2.412,0 49% Banco de Terrenos de R$ 4,9 bi (Parte Helbor) 6

7 Manutenção do Banco de Terrenos Estratégias 2015/2016 Tamanho adequado do Banco de Terrenos atual. - Continuidade nos processos de aprovação. - Análise de viabilidade seletiva. Permutas Físicas. - Prioridade de aquisição via permuta. - Adequação das bases da permuta para produtos já lançados/entregues. Aprovação vs Lançamentos. - Produtos aprovados em stand by. - Prioridade para produtos residenciais. Prioridade em praças menores. - Municípios da RMSP (Excluindo Capital). - Aprovação da Nova Lei de Zoneamento. 7

8 Lançamentos 9M15 Urban Resort 1T15 São Paulo VGV Helbor: R$ 57,2 milhões 63,6% Vendido Helbor Family Garden 2T15 São Bernardo do Campo VGV Helbor: R$ 107,9 milhões 43,3% Vendido Trilogy Home, Office & Stay 3T15 São Bernardo do Campo VGV Helbor: R$ 113,7 milhões 27,0% Vendido 8

9 Comercial Segmentação Número de Empreendimentos Lançados por Ano e Perfil de Produto M15 Médio Baixo Médio Médio Alto Alto Comercial Hotel *Empreendimentos com mais de um segmento, como por exemplo comercial e residencial, foram considerados como empreendimentos separados. 9

10 ,0% 90, 0% 80, 0% 70, 0% 60, 0% 50, 0% 40, 0% 30, 0% 20, 0% 10, 0% 0,0 % Vendas Contratadas % Helbor - R$ Milhões ,9% ,3% 41,4% ,3% 75,0% 70,7% 52,7% 57,1% 58,6% 92,0% 43,7% 29,3% 25,0% 8,0% 9M09 9M10 9M11 9M12 9M13 9M14 9M15 Abertura por Segmentos 9M15 Lançamentos Estoques Abertura por Cidades 9M15 Comercial R$ 64,2 12% Loteamento R$ 0,1 0% Médio Alto R$ 170,6 33% Médio R$ 239,1 46% Médio Baixo R$ 3,5 1% Alto R$ 42,3 8% Hotel R$ 1,9 0% Mogi das Cruzes R$ 81,9 16% Guarulhos R$ 29,4 5% São José dos Campos R$ 77,2 15% Outras R$ 154,6 30% São Paulo R$ 106,5 20% São Bernardo do Campo R$ 72,0 14% 10

11 Velocidade de Vendas (VSO) 2015 VSO (Parte Helbor) 1T15 2T15 3T15 9M15 Estoque no Início do Período (A) La nça mentos (B) Di s tra tos (C) Oferta (A+B+C) Venda s (D) VSO (D/A+B+C) 6,8% 7,0% 6,4% 17,7% VSO (Total) 1T15 2T15 3T15 9M15 Estoque no Início do Período (A) La nça mentos (B) Di s tra tos (C) Oferta (A+B+C) Venda s (D) VSO (D/A+B+C) 6,8% 7,1% 6,6% 18,1% 11

12 Estoque % Helbor Unidades no Período Entregues Em Construção e Lançamento Unidades Lançadas* Unidades em Estoque** * Quantidade total de unidades lançadas em cada período ** Quantidade de unidades em estoque no final do 9M15 por período de lançamento 12

13 Estoque % Helbor R$ Milhões Setembro/15 Estoque Helbor: R$ 2.384,2 milhões Abertura do Estoque por Lançamento 20,1% 36,1% 20,2% 22,8% 4,4% Médio R$ 348,2 15% Hotel R$ 131,4 5% Abertura por Segmentos Loteamento R$ 0,2 0% Médio-Alto R$ 839,4 35% Alto R$ 443,1 Comercial 19% R$ 621,9 26% Médio Baixo R$ 0,0 0% 15,5% Unid. Prontas 9,1% 4,0% 8,9% 4,3% 4,4% 5,6% 6,5% 7,7% 0,1% 3,9% 5,4% 2,6% 1,8% 0,9% M15 1T 2T 3T 4T Guarulhos R$ 118,0 5% São Bernardo do Campo; R$ 400,1 17% Abertura por Cidades São José dos Campos R$ 180,7 7% Outras R$ 544,0 23% São Paulo R$ 611,3 25% Mogi das Cruzes R$ 254,4 11% Rio de Janeiro R$ 134,4 6% Fortaleza R$ 141,4 6% 13

14 Estoque por Ano de Entrega Setembro/2015 Total : Unidades Unidades 31,9% 30,9% 18,0% 15,3% 3,8% Entregue Total : R$ 2,4 bilhões VGV Helbor 33,7% 25,3% 15,4% 20,1% 5,6% Entregue

15 Vendas de Estoque 2015 R$ 300 VGV Total 3T15 VGV Total Vendido 2015 R$ 259 R$ ,5% R$ 200 R$ 150 R$ 100 R$ 196 R$ 112 R$ ,5% -9,5% R$ 99-18,7% R$ 93-13,1% R$ 71 R$ 69 R$ 50 R$ 79 R$ 99 R$ 80 R$ 81 R$ 57-20,5% R$ 47-32,2% R$ - São José dos Campos Campinas Salvador Joinville Santos Curitiba Cuiabá 15

16 Vendas de Estoque 2015 Empreendimentos Helbor Paesaggio Jardim das Colinas São José dos Campos % Vendido do Estoque Inicial 2015: 38% Helbor Corporate Tower Jardim das Colinas São José dos Campos % Vendido do Estoque Inicial 2015: 41% Terraços Jardim das Colinas São José dos Campos % Vendido do Estoque Inicial 2015: 30% Helbor Magnifiquè Joinville % Vendido do Estoque Inicial 2015: 100% Arthouse Double Sky Campinas % Vendido do Estoque Inicial 2015: 65% Reserva Bonifácia by Helbor Cuiabá % Vendido do Estoque Inicial 2015: 30% Helbor Cosmopolitan Home Stay & Offices Salvador % Vendido do Estoque Incial 2015: 59% Helbor Espaço e Vida Ipoema Mogi das Cruzes % Vendido do Estoque Inicial 2015: 59% 16

17 Vendas de Estoque 2015 Empreendimentos HelborEspaço e Vida Ipoema II Mogi das Cruzes % Vendido do Estoque Inicial 2015: 73% Spazio Club Alto do Ipiranga Mogi das Cruzes % Vendido do Estoque Inicial 2015: 30% Helbor Jardins Ipoema Mogi das Cruzes % Vendido do Estoque Inicial 2015: 23% Helbor Lead Offices Faria Lima São Paulo % Vendido do Estoque Inicial 2015: 22% 17

18 Estratégias Comerciais Equipe de plataforma digital Ativação regional em algumas praças Time exclusivo de vendas web. Tabelas específicas de vendas Análise de Propostas sob medida. Prioridade para unidades em estoque/prontas Eventos Regionais Só Helbor a tem. 18

19 Engenharia Contratação da Construtora Helbor Riscos Negociados: Aumentos de custos de insumos não acompanhados pelos índices setoriais (INCC, CUB) Erros na avaliação do custo da obra Construtora Preocupações na contratação da construtora: Capacidade técnica e operacional Capacidade financeira Governança corporativa Princípios sólidos Empatia entre construtora e incorporadora Garantias oferecidas pela construtora: Fiança bancária ou pessoal Retenção (caução) Seguro de performance ( performance bond ) 19

20 Engenharia Parceiros Construtores Ativos Cidades: São Paulo (SP), Salvador (BA): 4 obras Cidades: Mogi das Cruzes, Barueri (SP): 8 obras Cidades: São Bernardo do Campo, São Paulo, São José dos Campos (SP): 12 obras Cidades: Joinville (SC), Cuiabá (MS): 2 obras Cidades: Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte(MG): 3 obras Cidades: Santos, São Vicente (SP): 5 obras Cidade: São Paulo (SP): 4 obras Cidade: São Paulo (SP): 3 obras Cidade: Fortaleza (CE): 2 obra Cidade: Curitiba (PR): 2 obra Cidade: Brasília (DF): 1 obra Cidades: Guarulhos, São Paulo (SP): 5 obras Cidades: São José dos Campos, Taubaté (SP): 2 obras Cidades: Jundiaí, São Paulo (SP): 2 obras Cidade: São Paulo (SP): 3 obras Cidade: Fortaleza (CE): 2 obras Cidades: Guarulhos, Campinas (SP): 3 obras Cidade: Campo Grande (MS): 1 obra Cidade: São José dos Campos (SP): 1 obra 43 obras Set/15 20

21 21 Engenharia Canteiros de Obras jan/10 abr/10 jul/10 out/10 jan/11 abr/11 jul/11 out/11 jan/12 abr/12 jul/12 out/12 jan/13 abr/13 jul/13 out/13 jan/14 abr/14 jul/14 out/14 jan/15 abr/15 jul/15 out/15 Números de Canteiros

22 Engenharia Contratação por Preço Máximo Garantido Preço Máximo Garantido Cerca de 10% a 20% Na Contratação: Custo Orçado Eventuais Taxa de Administração Parcela na Incorporação Economia de Custos: Custo Realizado Prêmio Taxa de Administração Parcela na Incorporação Estouro de Custos: Custo Realizado Eventuais Estouro Adm Parcela na Incorporação Custo Realizado Eventuais Estouro Parcela na Incorporação Custo Realizado Eventuais Estouro Parcela na Incorporação Legenda: Custos da Construtora Lucro da Construtora 22

23 Engenharia Entregas Forma como é feita a entrega é diferencial no mercado: Equipe exclusiva Helbor cuidando da montagem e decoração das áreas comuns: mobília, iluminação, equipamentos, etc. Realização de evento para entrega dos empreendimentos R$ Milhões *Líquido de permutas M15 Unidades VGV Total* Nº de Empreendimentos 23

24 Perspectivas 4T15/1T16 Entregas Helbor Condomínio Parque Clube Fortaleza II Fortaleza VGV Helbor: R$ 67,6 milhões 96,6% Vendido Helbor Corporate Tower Jardim das Colinas São José dos Campos VGV Helbor: R$ 61,5 milhões 30,0% Vendido Helbor Classic Bosque Maia Guarulhos VGV Helbor: R$ 112,7 milhões 88,4% Vendido Helbor Dual Business Office & Coporate Cuiabá VGV Helbor: R$ 67,0 milhões 99,4% Vendido Rio Stay Residence Rio de Janeiro VGV Helbor: R$ 65,9 milhões 93,6% Vendido Reserva Bonifácia by Helbor Cuiabá VGV Helbor: R$ 71,0 milhões 63,1% Vendido Square Offices and Mall Taubaté VGV Helbor: R$ 32,0 milhões 75,4% Vendido Helbor Dual Patteo Mogilar Mogi das Cruzes VGV Helbor: R$ 71,1 milhões 88,6% Vendido 24

25 Perspectivas 4T15/1T16 Entregas My Helbor Patteo Mogilar Mogi das Cruzes VGV Helbor: R$ 55,2 milhões 63,9% Vendido Helbor Carpe Diem Bosque Maia Guarulhos VGV Helbor: R$ 151,2 milhões 81,8% Vendido 25

26 3T07 1T08 3T08 1T09 3T09 1T10 3T10 1T11 3T11 1T12 3T12 1T12* 3T12* 1T13* 3T13* 1T14* 3T14* 1T15* 3T15* R$ R$ R$ R$ R$ R$ - 3T07 4T07 1T08 2T08 3T08 4T08 1T09 2T09 3T09 4T09 1T10 2T10 3T10 4T10 1T11 2T11 3T11 4T11 1T12 2T12 3T12 4T12 1T12* 2T12* 3T12* 4T12* 1T13* 2T13* 3T13* 4T13* 1T14* 2T14* 3T14* 4T14* 1T15* 2T15* 3T15* 70, 0% 60, 0% 50, 0% 40, 0% 30, 0% 20, 0% 10, 0% 0,0 % -10,0% 3T07 1T08 3T08 1T09 3T09 1T10 3T10 1T11 3T11 1T12 3T12 1T12* 3T12* 1T13* 3T13* 1T14* 3T14* 1T15* 3T15* R$ R$ R$ R$ R$ R$ R$ R$ R$ R$ R$ - 60, 0% 50, 0% 40, 0% 30, 0% 20, 0% 10, 0% 0,0 % -10,0% Financeiro R$ Milhões Lucro Bruto Margem Bruta Margem Bruta Ajust. Lucro Líquido Margem Líquida 36,1% 27,1% R$ 95 6,0% R$ 21 Receita Líquida R$ 350

27 MRV Direcional Helbor Even Gafisa Tecnisa Média Trisul Cyrela João Fortes PDG Ez Tec Rodobens JHSF Rossi Resultados Financeiros Despesas G&A 4,6% 2,9% 4,4% 4,0% 4,2% 3,2% DG&A / Receita Líquida - Helbor 5,1% 3,5% 4,2% 4,1% 3,8% 3,4% 3,0% 5,6% 4,4% 4,9% 6,6% 7,0% 6,6% Média Histórica: 4,5% 1T11 2T11 3T11 4T11 1T12 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 3T13 4T13 1T14 2T14 3T14 4T14 1T15 2T15 3T15 DG&A / Receita Líquida 3T15 11,4% 11,4% 11,9% 12,5% 12,6% 7,7% 8,2% 8,8% 9,0% 9,4% 10,2% 6,0% 6,5% 6,6% 15,9% *Fonte: Releases de Resultados das Companhias **CR2 - evento não recorrente distorce a média *** 1T14, 2T14, 4T14, 1T15 e 2T15 a receita liquida já está sendo contabilidaza pelo novo método contabil 27

28 Endividamento 3T15 R$ Milhões 349,9 117,8 339, , , , ,1 Financiamentos de Obras Debêntures Empréstimos Dívida Total Disponibilidades Dívida Líquida Dívidas para Financiamento de Obras (SFH) Dívida Líquida / Patrimônio Líquido Consolidado: 80,8% 128,7 Dívida Líquida (ex-sfh) 28

29 1.60 0, , , ,0 800,0 600,0 400,0 200,0 - (2 00,0) 150,0% 130,0% 110,0% 90, 0% 70, 0% 50, 0% 30, 0% 10, 0% -10,0% Cash Burn R$ Milhões Cash Burn Dívida Líquida Dívida Líquida / PL Consolidado Dividendos ,3% 53,7% ,0% 66,9% 57,3% 58,2% 59,6% 53,7% ,8% 78,5% 71,1% 39,5 99,5 17,3 142,1 3,2 99,2 34,3 88,9 (14,1) (60,6) (23,0) 1T13 2T13 3T13 4T13 1T14 2T14 3T14 4T14 1T15 2T15 3T15 *Cálculo do cash burn desconsidera o pagamento de dividendos. Valores positivos representam queima de caixa (cash burn) e negativos geração de caixa. 29

30 Entregas 2015/2016 Mix de Entregas R$ VGV Total 14 Nº de Empreendimentos R$ R$ R$ R$ R$ VGV Total 2015 VGV Total Nº de Empreendimentos 2015 Nº de Empreendimentos 2016 R$ R$ - Comercial Residencial Comercial e Hotel, Residencial Comercial e Residencial 0 Comercial Comercial e Residencial Hotel, Residencial Comercial e Residencial 30

31 Entregas 2015/2016 Mix de Entregas Nordeste % Soma de VGV Total* (R$ Mil) Sudeste % Centro-Oeste Sul 7% % RMSP % Soma de VGV Total* (R$ Mil) Sudeste % Sudeste 1 5% Nordeste 4 18% Centro-Oeste 2 9% Sudeste 2 10% Nº de Empreendimentos Sul 2 9% RMSP 13 59% Nº de Empreendimentos Nordeste % Centro-Oeste % RMSP % Nordeste 2 9% Centro-Oeste 3 14% RMSP 13 62% Sul % Sul 1 5% 31

32 Características de Financiamento x Cash burn Financiamento 74,7% de Financiamento à Produção 64,2% pagamento após Pagamento de Plano Empresário 1 ano após entrega Custo da Dívida indexado pela TR Cronograma de amortização equalizado. Cash Burn Dificuldade de Repasses Desembolsos relativos à incorporação (CEPAC s/outorga) Devolução de valores aos clientes por conta dos distratos Ritmo das obras acelerado Recompra de Ações 32

33 Distratos 9M15 Tipo de Empreendimento Comercial 26,0% Hotel 1,0% Estágio de Obra Em Construção 17,0% Residencial 73,0% Entregue 59,0% Em Construção (12 meses para entrega) 12,0% Residencial Médio 46,0% Médio Alto 12,0% Alto 13,0% Entregue + Em Construção (6 meses para entregar): 71,0% Em Construção (6 meses para entrega) 12,0% Médio Baixo 2,0% Obs. Cálculo em VGV Total 33

34 Distratos Região/Estado 9M15 Nordeste 5% Sul 2% Centro- Oeste 5% Região Santos 11% São Bernardo do Campo 11% Sudeste 88% São Paulo 24% São José dos Campos 13% Sudeste Mogi das Cruzes 28% Guarulhos 6% Outras Cidades 9% Minas Gerais 1% Estado - São Paulo São Vicente 3,2% Osasco 1,9% Jundiaí 1,7% Rio de Janeiro 5% São Paulo 94% Diadema 0,9% Taubaté 0,5% Barueri 0,3% Campinas 0,3% Obs. Cálculo em VGV Total São Caetano do Sul 0,1% 34

35 Distratos Velocidade de Revenda 9M15 Total Geral Obs. Cálculo em VGV Total Média de dias para revenda: 74,0 dias Revendido 44% Não Revendido 56% Em Obras Entregue Não Revendido 48% Não Revendido 67% Revendido 52% Média de dias para revenda: 67,8 dias Revendido 33% Média de dias para revenda: 88 dias 35

36 Distratos Motivos dos Distratos Redução de renda/dificuldades financeiras: 59,1% Dificuldade de venda/compra especulativa: 28,6% Questões pessoais (Mudança de cidade ou país, separação, saúde, fim da sociedade): 5,6% Dificuldade na obtenção de Financiamento Bancário: 4,0% Problemas com o empreendimento (entrega da obra, acabamento e etc): 2,7% Dificuldade de venda/compra Especulativa 28,6% Redução de Renda/Dificuldad e Financeira 59,1% Questões Pessoais 5,6% Dificuldade na obtenção de Financiamento Bancário 4,0% Problemas com o empreendimento 2,7% 36

37 Financeiro Estratégias 2015/2016 Fortalecimento da parceria com as instituições financeiras que nos apoiam (Renovação e incremento de nossas linhas de crédito). Reforço na área de repasses com a contratação de assessoria exclusiva. Reforço da área de renegociação/distratos. Estruturação de operação exclusiva para securitização de recebíveis. 37

38 Contato de RI Roberval Lanera Toffoli Diretor Financeiro e de RI Ricardo Rosanova Garcia Gerente de RI Vinicius Bioni Analista de RI (11) ou (11)

Apresentação de Resultados do 1T10

Apresentação de Resultados do 1T10 Apresentação de Resultados do 1T10 Lançamentos do 1T10 Helbor Home Flex Pacaembu Helbor Park Elegance Helbor Home Club Itajaí Helbor Espaço & Vida Ipoema 2 Helbor Sunshine Gonzaga Isla Life Style Aviso

Leia mais

Helbor Empreendimentos 3T13

Helbor Empreendimentos 3T13 Helbor Empreendimentos 3T13 Aviso Legal Esta apresentação pode conter certas afirmações que expressam expectativas, crenças e previsões da administração da Helbor sobre eventos ou resultados futuros. Tais

Leia mais

Helbor Empreendimentos Reunião Anual

Helbor Empreendimentos Reunião Anual Helbor Empreendimentos Reunião Anual Aviso Legal Esta apresentação pode conter certas afirmações que expressam expectativas, crenças e previsões da administração da Helbor sobre eventos ou resultados futuros.

Leia mais

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS DO 4T16 e 2016 Vendas crescem 82% em relação ao trimestre anterior

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS DO 4T16 e 2016 Vendas crescem 82% em relação ao trimestre anterior PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS DO e 2016 crescem 82% em relação ao trimestre anterior Mogi das Cruzes, 30 de janeiro de 2017 A Helbor Empreendimentos S.A. (BM&FBOVESPA: HBOR3), incorporadora residencial

Leia mais

Helbor Empreendimentos

Helbor Empreendimentos Helbor Empreendimentos Aviso Legal Esta apresentação pode conter certas afirmações que expressam expectativas, crenças e previsões da administração da Helbor sobre eventos ou resultados futuros. Tais afirmações

Leia mais

Vendas Contratadas somam R$ 1 bilhão no ano e atingem R$ 320 milhões no 3T12

Vendas Contratadas somam R$ 1 bilhão no ano e atingem R$ 320 milhões no 3T12 somam R$ 1 bilhão no ano e atingem R$ 320 milhões no 3T12 Mogi das Cruzes, 19 de outubro de 2012 A Empreendimentos S.A. (BM&F BOVESPA: HBOR3), incorporadora residencial e comercial com presença em 10 estados

Leia mais

Reunião Pública e Helbor Day 2012

Reunião Pública e Helbor Day 2012 Reunião Pública e Helbor Day 2012 Aviso Legal Esta apresentação pode conter certas afirmações que expressam expectativas, crenças e previsões da administração da Helbor sobre eventos ou resultados futuros.

Leia mais

Reunião Pública. 21 de Dezembro de 2011

Reunião Pública. 21 de Dezembro de 2011 Reunião Pública 21 de Dezembro de 2011 Aviso Legal Esta apresentação pode conter certas afirmações que expressam expectativas, crenças e previsões da administração da Helbor sobre eventos ou resultados

Leia mais

Apresentação Corporativa. Nova Nação América - Bauru

Apresentação Corporativa. Nova Nação América - Bauru Apresentação Corporativa 2016 Nova Nação América - Bauru Aviso Esta apresentação poderá conter certas projeções e tendências que não são resultados financeiros realizados, nem informação histórica. Estas

Leia mais

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 2T16 e 1S16 Margem bruta aumenta 710 bps em relação ao 1T16 atingindo 22,3% no 2T16

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 2T16 e 1S16 Margem bruta aumenta 710 bps em relação ao 1T16 atingindo 22,3% no 2T16 HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 2T16 e 1S16 Margem bruta aumenta 710 bps em relação ao atingindo 22,3% no 2T16 Mogi das Cruzes, 11 de agosto de 2016 A Helbor Empreendimentos S.A. (BM&FBOVESPA:

Leia mais

Apresentação Corporativa

Apresentação Corporativa Apresentação Corporativa PÁG 2 Aviso Esta apresentação poderá conter certas projeções e tendências que não são resultados financeiros realizados, nem informação histórica. Estas projeções e tendências

Leia mais

Apresentação dos Resultados 4T13 e Relações com Investidores

Apresentação dos Resultados 4T13 e Relações com Investidores Apresentação dos Resultados 4T13 e 2013 Relações com Investidores Índice Abertura e Planejamento Estratégico: Leonardo Nogueira Diniz CEO Desempenho Operacional: Rodrigo Martins Diretor Comercial Desempenho

Leia mais

Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14

Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14 Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14 Highligts i. Geração de caixa. Geração de caixa nos nove primeiros meses de R$ 169,0 milhões (proporcional) e de R$ 86,9 milhões no trimestre, crescimento significativo

Leia mais

Apresentação Corporativa

Apresentação Corporativa Apresentação Corporativa PÁG 2 Aviso Esta apresentação poderá conter certas projeções e tendências que não são resultados financeiros realizados, nem informação histórica. Estas projeções e tendências

Leia mais

Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14

Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14 Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14 Destaques do Período Geração de caixa. Geração de caixa no semestre de R$ 82 milhões (proporcional) e R$ 64 milhões (IFRS). Redução de alavancagem no semestre. Dívida

Leia mais

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 3T14 e 9M14 Vendas Contratadas Totais aumentam 35,8% no 3T14 e 16,6% no 9M14

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 3T14 e 9M14 Vendas Contratadas Totais aumentam 35,8% no 3T14 e 16,6% no 9M14 HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 3T14 e 9M14 Vendas Contratadas Totais aumentam 35,8% no 3T14 e 16,6% no 9M14 Mogi das Cruzes, 12 de novembro de 2014 A Helbor Empreendimentos S.A. (BM&FBOVESPA:

Leia mais

Apresentação dos Resultados do 1T10. Teleconferência de Resultados

Apresentação dos Resultados do 1T10. Teleconferência de Resultados Apresentação dos Resultados do 1T10 Teleconferência de Resultados Visão Geral do 1T10 2 Destaques A Companhia Alcançou Resultados Operacionais Positivos e Concluiu Plano de Capitalização Plano de Capitalização

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 2009 1 Aviso Legal Esta apresentação pode conter certas afirmações que expressam expectativas, crenças e previsões da administração da Helbor sobre eventos ou resultados futuros.

Leia mais

Apresentação. Resultados 3T08 13 DE NOVEMBRO DE 2008

Apresentação. Resultados 3T08 13 DE NOVEMBRO DE 2008 Apresentação Resultados 3T08 13 DE NOVEMBRO DE 2008 Participantes Jorge Cury - Diretor Presidente Marco Mattar - Diretor Vice Presidente Financeiro e Diretor Técnico Rebeca Ouro-Preto - Diretora de Relações

Leia mais

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 3T12 E 9M12 Lucro líquido atinge R$ 81,6 milhões no trimestre, 70% superior que o 3T11

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 3T12 E 9M12 Lucro líquido atinge R$ 81,6 milhões no trimestre, 70% superior que o 3T11 HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 3T12 E 9M12 Lucro líquido atinge R$ 81,6 milhões no trimestre, 70% superior que o 3T11 Mogi das Cruzes, 13 de novembro de 2012 A Helbor Empreendimentos

Leia mais

Divulgação de Resultados do 1T10 07 de maio de 2010

Divulgação de Resultados do 1T10 07 de maio de 2010 Divulgação de Resultados do 07 de maio de 2010 Divulgação de Resultados Comentários de abertura Rubens Menin 2 Divulgação de Resultados Destaques Crescimento com margens diferenciadas; Maior operação no

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1T16. Viver Anuncia os Resultados do Primeiro Trimestre de Destaques

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1T16. Viver Anuncia os Resultados do Primeiro Trimestre de Destaques DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1T16 Teleconferência de Resultados Segunda-feira, 16 de maio de 2016 Português - com tradução simultânea para o inglês 10h00 (horário de Brasília) 09h00 (horário de Nova York)

Leia mais

A HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA SEUS RESULTADOS DO 4T11 e 2011 LUCRO LÍQUIDO ATINGE R$ 213,3 MILHÕES NO ANO, 17,2% MAIOR DO QUE EM 2010

A HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA SEUS RESULTADOS DO 4T11 e 2011 LUCRO LÍQUIDO ATINGE R$ 213,3 MILHÕES NO ANO, 17,2% MAIOR DO QUE EM 2010 A HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA SEUS RESULTADOS DO 4T11 e 2011 LUCRO LÍQUIDO ATINGE R$ 213,3 MILHÕES NO ANO, 17,2% MAIOR DO QUE EM 2010 Mogi das Cruzes, 14 de março de 2012 A Helbor Empreendimentos

Leia mais

Resultados 2T12 Teleconferência. 10 de Agosto de 2012

Resultados 2T12 Teleconferência. 10 de Agosto de 2012 Resultados 2T12 Teleconferência 10 de Agosto de 2012 1 Aviso Nós fazemos declarações prospectivas que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições de nossa

Leia mais

Lançamentos atingem R$ 937 milhões no 4T12 e R$ 1,8 bilhão em 2012

Lançamentos atingem R$ 937 milhões no 4T12 e R$ 1,8 bilhão em 2012 Lançamentos atingem R$ 937 milhões no 4T12 e R$ 1,8 bilhão em 2012, 17 de janeiro de 2013 A Helbor Empreendimentos S.A. (BM&F BOVESPA: HBOR3), incorporadora residencial e comercial com presença em 10 estados

Leia mais

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T14 e 2014 Helbor atinge recorde de entregas em 2014 totalizando R$ 1,6 bilhão

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T14 e 2014 Helbor atinge recorde de entregas em 2014 totalizando R$ 1,6 bilhão HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T14 e 2014 Helbor atinge recorde de entregas em 2014 totalizando R$ 1,6 bilhão Mogi das Cruzes, 24 de março de 2015 A Helbor Empreendimentos S.A. (BM&FBOVESPA:

Leia mais

... 3... 4... 4... 5... 7... 7... 8... 10... 11... 14... 15... 15... 16... 16... 17... 18... 19... 19... 20... 20... 21... 22... 22... 23... 23... 24... 26... 27... 29... 29... 30... 30... 31... 32...

Leia mais

NOVAMERICA São Paulo, SP Lançado em março de % vendido no trimestre

NOVAMERICA São Paulo, SP Lançado em março de % vendido no trimestre NOVAMERICA São Paulo, SP Lançado em março de 2009 45% vendido no trimestre Resultados 1T09 13 de maio de 2009 Escritório Santana São Paulo, SP Lançado em março de 2009 59% vendido no trimestre 1º Trimestre

Leia mais

Reunião com Analistas, Investidores e Profissionais do Mercado

Reunião com Analistas, Investidores e Profissionais do Mercado Reunião com Analistas, Investidores e Profissionais do Mercado Dezembro 2005 www.cyrela.com.br Time Cyrela Brazil Realty Diretor Financeiro e de RI Luis Largman Diretor de Controle e Planej. Financeiro

Leia mais

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 2T16

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 2T16 PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 2T16 No 2T16, lançamentos consolidados atingiram R$545,0 milhões, com vendas brutas de R$644,9 milhões. As vendas líquidas encerraram o 2T16 em R$454,5 milhões, alcançando

Leia mais

Comunicado ao Mercado

Comunicado ao Mercado MRV ENGENHARIA E PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº 08.343.492/0001-20 NIRE 31.300.023.907 Comunicado ao Mercado Recorde histórico de geração de caixa para o 1º semestre, atingindo R$ 325 milhões. Crescimento

Leia mais

Divulgação de Resultados 3º trimestre de 2011

Divulgação de Resultados 3º trimestre de 2011 Divulgação de Resultados 3º trimestre de 2011 10 de Novembro, 2011 Agenda Destaques do Período 3 Performance Operacional 6 Análise Financeira 12 2 4T08 1T09 2T09 3T09 4T09 1T10 2T10 3T10 4T10 1T11 2T11

Leia mais

Apresentação de Resultados

Apresentação de Resultados Apresentação de Resultados Participantes Jorge Cury Diretor Presidente Marco Mattar Diretor Vice Presidente e DRI Interino Disclaimer: As afirmações contidas neste documento relacionadas a perspectivas

Leia mais

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T17

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T17 HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T17 Mogi das Cruzes, 11 de maio de 2017 A Helbor Empreendimentos S.A. (BM&FBOVESPA: HBOR3), incorporadora residencial e comercial com presença em 10

Leia mais

Apresentação da Companhia

Apresentação da Companhia Apresentação da Companhia Janeiro 2006 www.cyrela.com.br Aviso - Informações e Projeções O material exibido é uma apresentação de informações gerais de antecedentes da Cyrela Brazil Realty S.A. Empreendimentos

Leia mais

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 4T16 e 2016

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 4T16 e 2016 PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 4T16 e 2016 Lançamentos consolidados atingiram R$673,3 milhões no 4T16, totalizando R$2,3 bilhões no ano As vendas líquidas alcançaram R$667,5 milhões no trimestre, encerrando

Leia mais

Comunicado ao Mercado

Comunicado ao Mercado MRV ENGENHARIA E PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº 08.343.492/0001-20 NIRE 31.300.023.907 Comunicado ao Mercado No 4T15 a Companhia alcançou R$ 1,4 bilhão em vendas contratadas, e no ano de 2015 atingimos

Leia mais

Release de Resultados 1T11

Release de Resultados 1T11 Release de Resultados 1T11 Lançamentos (parte Rossi) atingem R$ R$ 723 milhões; Vendas contratadas (parte Rossi) de R$ 768 milhões; Lucro Líquido atinge R$ 26 milhões. São Paulo, 09 de outubro de 2012

Leia mais

Resultados 1T13 Teleconferência. 13 de maio de 2013

Resultados 1T13 Teleconferência. 13 de maio de 2013 Resultados 1T13 Teleconferência 13 de maio de 2013 1 1 Aviso Nós fazemos declarações prospectivas que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições de nossa

Leia mais

Resultados 3T10. Conferência de Resultados

Resultados 3T10. Conferência de Resultados Resultados 3T10 Conferência de Resultados 1 Aviso Nós fazemos declarações prospectivas que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições de nossa Administração

Leia mais

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T15 Vendas de Estoque representam 94,1% das vendas do trimestre.

HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T15 Vendas de Estoque representam 94,1% das vendas do trimestre. HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T15 Vendas de Estoque representam 94,1% das vendas do trimestre. Mogi das Cruzes, 12 de maio de 2015 A Helbor Empreendimentos S.A. (BM&FBOVESPA: HBOR3),

Leia mais

COMUNICADO AO MERCADO

COMUNICADO AO MERCADO Belo Horizonte, 12 de janeiro de 2017 - A Direcional Engenharia S.A., uma das maiores incorporadoras e construtoras do Brasil, com foco no desenvolvimento de empreendimentos populares de grande porte e

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2T17. Viver Anuncia os Resultados do Segundo Trimestre do Ano de Destaques

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2T17. Viver Anuncia os Resultados do Segundo Trimestre do Ano de Destaques DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2T17 Teleconferência de Resultados Segunda-feira, 14 de agosto de 2017 Português - com tradução simultânea para o inglês 10h00 (horário de Brasília) 09h00 (horário de Nova York)

Leia mais

COMUNICADO AO MERCADO DIRECIONAL ANUNCIA LANÇAMENTOS DE R$ 287,9 MILHÕES NO 2T11 COM CRESCIMENTO DE 28,9% EM RELAÇÃO AO 1T11.

COMUNICADO AO MERCADO DIRECIONAL ANUNCIA LANÇAMENTOS DE R$ 287,9 MILHÕES NO 2T11 COM CRESCIMENTO DE 28,9% EM RELAÇÃO AO 1T11. PRÉVIA OPERACIONAL Belo Horizonte, 05 de Julho de 2011 - A Direcional Engenharia S.A., uma das maiores incorporadoras e construtoras do Brasil, com foco no desenvolvimento de empreendimentos populares

Leia mais

12 de Maio de Resultados do 1T16

12 de Maio de Resultados do 1T16 12 de Maio de 2016 Resultados do 1T16 Sumário Executivo Agenda Gestão dos Ativos: Vendas Distratos Contas a Receber Estoque Gestão dos Passivos: Desalavancagem G&A Corcovado Rio de Janeiro/RJ Projetos

Leia mais

Non Deal Renda Fixa Outubro 2014

Non Deal Renda Fixa Outubro 2014 Non Deal Renda Fixa Outubro 2014 Aviso Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos históricos, mas refletem as metas e as expectativas da direção da MRV Engenharia

Leia mais

Prévia Operacional de Resultados 4T13

Prévia Operacional de Resultados 4T13 Contate RI: Prévia Operacional de Resultados 4T13 A. Emílio C. Fugazza Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Pedro Henrique Rocha Nocetti Coordenador de Relações com Investidores Erik Rodrigues

Leia mais

Aviso Legal antecipar, acreditar, estimar, esperar, prever, planejar, projetar, almejar

Aviso Legal antecipar, acreditar, estimar, esperar, prever, planejar, projetar, almejar BTG Pactual Real Estate Outlook in Focus 13 de Julho de 2010 1 Aviso Legal Esta apresentação pode conter certas afirmações que expressam expectativas, crenças e previsões da administração da Helbor sobre

Leia mais

Roadshow Renda Fixa Janeiro de 2015

Roadshow Renda Fixa Janeiro de 2015 Roadshow Renda Fixa Janeiro de 2015 Aviso Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos históricos, mas refletem as metas e as expectativas da direção da MRV

Leia mais

Teleconferência dos Resultados do 2T14

Teleconferência dos Resultados do 2T14 Niemeyer Monumental Niterói, RJ 1º de Agosto de 2014 Teleconferência dos Resultados do 2T14 Destaques do Resultado Trimestre atípico ; Postergação de alguns lançamentos; Redução do custo a incorrer do

Leia mais

Relatório Gerencial - CSHG Realty BC II FIP

Relatório Gerencial - CSHG Realty BC II FIP CREDIT SUISSE HEDGING-GRIFFO Relatório Gerencial - CSHG Realty BC II FIP 2 Trimestre de 2009 1. Palavra do Gestor Prezado Investidor, Durante o segundo trimestre de 2009 o Fundo acompanhou as obras e vendas

Leia mais

Orçamentos de Despesas Ajustadas e de Investimentos Despesas ajustadas e investimentos para 2017

Orçamentos de Despesas Ajustadas e de Investimentos Despesas ajustadas e investimentos para 2017 Orçamentos de Despesas Ajustadas e de Investimentos Despesas ajustadas e investimentos para 2017 Dez/2016 ORÇAMENTOS DE DESPESAS AJUSTADAS E INVESTIMENTOS Confidencial Restrita Confidencial Uso Interno

Leia mais

Prévia Operacional 4T15

Prévia Operacional 4T15 São Paulo, 22 de Janeiro de 2016: a Rodobens Negócios Imobiliários(BM&FBovespa: RDNI3) divulga a prévia de seus resultados operacionais não-auditados referente ao quarto trimestre e ano de 2015. LANÇAMENTO

Leia mais

Performance Operacional dos 9M10 supera o ano de Vendas Contratadas Trisul atingem R$639 milhões e Lançamentos totalizam R$634 milhões

Performance Operacional dos 9M10 supera o ano de Vendas Contratadas Trisul atingem R$639 milhões e Lançamentos totalizam R$634 milhões Performance Operacional dos 9M10 supera o ano de 2009 Vendas Contratadas Trisul atingem R$639 milhões e Lançamentos totalizam R$634 milhões São Paulo, 18 de outubro de 2010 - A TRISUL S.A. (BM&FBovespa:

Leia mais

Apresentação de Resultados da Lopes 2T09. Apresentação Marcos Lopes CEO Francisco Lopes COO Marcello Leone CFO e DRI

Apresentação de Resultados da Lopes 2T09. Apresentação Marcos Lopes CEO Francisco Lopes COO Marcello Leone CFO e DRI Apresentação de Resultados da Lopes 2T09 Apresentação Marcos Lopes CEO Francisco Lopes COO Marcello Leone CFO e DRI Aviso importante Esta apresentação não constitui uma oferta, convite ou pedido de qualquer

Leia mais

1º Trimestre de 2007 Apresentação da Teleconferência de Resultados. Lopes LPS Brasil

1º Trimestre de 2007 Apresentação da Teleconferência de Resultados. Lopes LPS Brasil 1º Trimestre de 2007 Apresentação da Teleconferência de Resultados Lopes LPS Brasil Apresentação Português Marcos Lopes CEO - Roberto Amatuzzi CFO Ingles Francisco Lopes COO - Roberto Amatuzzi CFO Aviso

Leia mais

Reunião Pública APIMEC. Novembro/2013

Reunião Pública APIMEC. Novembro/2013 Reunião Pública APIMEC Novembro/2013 Composição Acionária 3T13* Conselho e Diretoria 22,6% Free Float 77,4% Itaú Unibanco Squadra ADRs Bovespa 19,6% 17,6% 8,7% 31,5% *Data base: 30/09/2013 2 Modelo de

Leia mais

Divulgação de Resultados do 4T12 e do ano de de março de 2013

Divulgação de Resultados do 4T12 e do ano de de março de 2013 do e do ano de 2012 15 de março de 2013 Comentários de abertura Rubens Menin 2 Destaques Fluxo de Caixa; Qualidade Operacional; Margem Bruta; RET; Subsidiárias: LOG e Urbamais Geração de Valor. 3 Fluxo

Leia mais

Conjuntura Econômica e o Mercado Imobiliário

Conjuntura Econômica e o Mercado Imobiliário Conjuntura Econômica e o Mercado Imobiliário Ricardo Yazbek Vice Presidente do Secovi-SP IBAPE - 16/09/2016 Economia Produto Interno Bruto do Brasil (%) 0,5% 4,4% 1,4% 3,1% 1,1% 5,8% 3,2% 4,0% 6,1% 5,1%

Leia mais

Relatório do Administrador FI Imobiliário BB Votorantim JHSF Cidade Jardim Continental Tower (CNPJ no / )

Relatório do Administrador FI Imobiliário BB Votorantim JHSF Cidade Jardim Continental Tower (CNPJ no / ) Relatório do Administrador FI Imobiliário BB Votorantim JHSF Cidade Jardim Continental Tower (CNPJ no. 10.347.985/0001-80) Em conformidade com o Artigo n. 39 da Instrução CVM n. 472, de 31 de outubro de

Leia mais

2T13. Apresentação de Resultados

2T13. Apresentação de Resultados Apresentação de Resultados INFORMAÇÃO IMPORTANTE Este documento conte m considerac o es futuras referentes a s perspectivas do nego cio, estimativas de resultados operacionais e financeiros, e a s perspectivas

Leia mais

Você espera o melhor. A gente faz. Junho / 2015

Você espera o melhor. A gente faz. Junho / 2015 Você espera o melhor. A gente faz. Junho / 2015 SEÇÃO 1 Visão Geral da Companhia História de Empreendedorismo e Crescimento 2014 1993 Fundação com 16 carros 2008 PRIVATE EQUITY maior disciplina financeira

Leia mais

Mercado imobiliário: Desafios e perspectivas para 2007

Mercado imobiliário: Desafios e perspectivas para 2007 Mercado imobiliário: Desafios e perspectivas para 2007 20 de março de 2007 João Crestana Vice-presidente de Incorporação do Secovi-SP Crédito Imobiliário Período Negro 1986 a 2001 Extinção do BNH Distribuição

Leia mais

Os recursos não investidos permanecem alocados no HG Premium, Fundo que acumula uma rentabilidade de 2,50% em 2008, representando 97,00% do CDI.

Os recursos não investidos permanecem alocados no HG Premium, Fundo que acumula uma rentabilidade de 2,50% em 2008, representando 97,00% do CDI. Relatório Gerencial HG Realty BC FIP 1 Trimestre de 2008 CREDIT SUISSE HEDGING-GRIFFO 1. Palavra do Gestor Prezado Investidor, No primeiro trimestre de 2008 o Fundo continuou o acompanhamento das vendas

Leia mais

Saraiva S.A. Livreiros Editores

Saraiva S.A. Livreiros Editores 1 Saraiva S.A. Livreiros Editores Teleconferência - Resultados até setembro de 2006 17 de novembro de 2006 Ressalvas sobre declarações futuras 2 Esta apresentação contém informações futuras. Tais informações

Leia mais

Apresentação Corporativa Reunião APIMEC

Apresentação Corporativa Reunião APIMEC Apresentação Corporativa Reunião APIMEC 23 de Novembro, 2011 Agenda Estratégia 3 Performance Operacional 6 Análise Financeira 12 Destaques do Período 16 2 Estratégia de Liderança nos 4 Maiores Mercados

Leia mais

Resultados 2T08 15 DE AGOSTO DE 2008

Resultados 2T08 15 DE AGOSTO DE 2008 Apresentação Resultados 2T08 15 DE AGOSTO DE 2008 Participantes Jorge Cury - Diretor Presidente Marco Mattar - Diretor Vice Presidente Financeiro e Diretor Técnico Rebeca Ouro-Preto - Diretora de Relações

Leia mais

Comunicado ao Mercado

Comunicado ao Mercado MRV ENGENHARIA E PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº 08.343.492/0001-20 NIRE 31.300.023.907 Comunicado ao Mercado Recorde de vendas contratadas atingindo R$ 6,0 bilhões em 2014 Em 2014 os lançamentos atingiram

Leia mais

JHSF RIO BRAVO FAZENDA BOA VISTA CAPITAL PROTEGIDO FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII

JHSF RIO BRAVO FAZENDA BOA VISTA CAPITAL PROTEGIDO FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII JHSF RIO BRAVO FAZENDA BOA VISTA CAPITAL PROTEGIDO FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII RBBV11 RELATÓRIO TRIMESTRAL 1º TRIMESTRE DE 2017 JHSF Rio Bravo Fazenda Boa Vista Capital Protegido Fundo de Investimento

Leia mais

Resultados 4T de Março de 2011

Resultados 4T de Março de 2011 Resultados 4T10 22 de Marçode 2011 1 AGENDA DESTAQUES Providência USA RESULTADOS PERSPECTIVAS 2 DESTAQUES Conclusão do projeto da primeira planta da Companhia nos Estados Unidos, com uma linha de produção

Leia mais

Reunião Pública Outubro/2016

Reunião Pública Outubro/2016 Reunião Pública Outubro/2016 Modelo de Negócios Desenvolver Land Bank Permutar Resultado Vender 3 Composição Acionária Conselho e Diretoria 17,19% Free Float 82,81% Itaú Unibanco Squadra Claudio Coutinho

Leia mais

Brasil Pharma. Conferência de Resultados 2T16 11 de Agosto de 2016

Brasil Pharma. Conferência de Resultados 2T16 11 de Agosto de 2016 Brasil Pharma Conferência de Resultados 2T16 11 de Agosto de 2016 2 Destaques 2T16 Destaques: Margem Bruta Margem bruta de 30,0%, com crescimento de 1,6 p.p. em relação ao 1T16 e 2,4 p.p. em relação ao

Leia mais

INFORMAÇÃO IMPORTANTE

INFORMAÇÃO IMPORTANTE RESULTADOS INFORMAÇÃO IMPORTANTE Este documento conte m considerac o es futuras referentes a s perspectivas do nego cio, estimativas de resultados operacionais e financeiros, e a s perspectivas de crescimento

Leia mais

Panorama do Mercado Imobiliário

Panorama do Mercado Imobiliário Panorama do Mercado Imobiliário Celso Petrucci Economista-Chefe do Secovi-SP Entendendo o Mercado Imobiliário Leis 4.380 (BNH) e 4.591 (Incorporação Imobiliária) Extinção do BNH Pré- 1964 1964 1966 1986

Leia mais

Conference Call de Resultado OPÇÕES 1T16

Conference Call de Resultado OPÇÕES 1T16 Conference Call de Resultado OPÇÕES 1T16 Agenda Destaques do 1T16 Inaugurações e Eventos Relevantes Projetos em Andamento Resultados Destaques do 1T16 (1/2) EBITDA atingiu R$ 129 milhões no 1T16, crescimento

Leia mais

Renda Recorrente Pipeline Receita Bruta R$ milhões. Expansão Compl. Cid. Shops / Crescimento. Corporate / Outros Portfolio Atual.

Renda Recorrente Pipeline Receita Bruta R$ milhões. Expansão Compl. Cid. Shops / Crescimento. Corporate / Outros Portfolio Atual. Aviso Esta apresentação pode incluir declarações que representem expectativas sobre eventos ou resultados futuros de acordo com a regulamentação de valores mobiliários brasileira e internacional. Essas

Leia mais

"Aspectos Contábeis importantes do Mercado Imobiliário" Apresentação APIMEC 28/02/2013

Aspectos Contábeis importantes do Mercado Imobiliário Apresentação APIMEC 28/02/2013 "Aspectos Contábeis importantes do Mercado Imobiliário" Apresentação APIMEC 28/02/2013 AGENDA Práticas contábeis específicas à atividade imobiliária Assuntos polêmicos Pontos de atenção para análise de

Leia mais

Divulgação de resultados 4T13

Divulgação de resultados 4T13 Brasil Brokers divulga seus resultados do 4º Trimestre e do ano de 2013 Rio de Janeiro, 18 de março de 2013. A Brasil Brokers Participações S.A. (BM&FBovespa: BBRK3) uma empresa com foco e atuação no mercado

Leia mais

1T16 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números Copobras. Resultados. Grupo Copobras

1T16 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números Copobras. Resultados. Grupo Copobras Grupo Copobras São Ludgero, 26 de abril de 2016 O Grupo Copobras, apresenta seus resultados não auditados do primeiro trimestre de 2016. O Grupo Copobras compreende as empresas abaixo: - Copobras S/A Indústria

Leia mais

Destaques Abertura de Capital, 100% primária e listagem no Novo Mercado, com captação bruta de R$ 477,9 milhões

Destaques Abertura de Capital, 100% primária e listagem no Novo Mercado, com captação bruta de R$ 477,9 milhões Reunião Pública com APIMEC - SP Resultados 2010 e 4T10 06 de Abril de 2011 Destaques 2010 Abertura de Capital, 100% primária e listagem no Novo Mercado, com captação bruta de R$ 477,9 milhões Receita Bruta

Leia mais

Resultados 9M16. 7 de novembro de 2016

Resultados 9M16. 7 de novembro de 2016 Resultados 9M16 7 de novembro de 2016 Terceiro Trimestre Sólido Menor capacidade da indústria, BRL mais forte, economia de combustível Crescimento do tráfego em 10% vs. 2T16, taxa de ocupação de 80% Aumento

Leia mais

Apresentação. Presentation de novembro de H07 9 de novembro de 2007

Apresentação. Presentation de novembro de H07 9 de novembro de 2007 Apresentação Apresentação dos dos Resultados Resultados do do 3T07 3T07 Presentation de novembro de 2007 1H07 9 de novembro de 2007 1 As Demonstrações Financeiras são de caráter pro-forma, abrangendo demonstrações

Leia mais

2T15 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números Copobras. Resultados. Grupo Copobras

2T15 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números Copobras. Resultados. Grupo Copobras Grupo Copobras São Ludgero, 15 de julho de 2015 O Grupo Copobras, apresenta seus resultados não auditados do segundo trimestre de 2015. O Grupo Copobras compreende as empresas abaixo: - Copobras S/A Indústria

Leia mais

3º Trimestre de 2008. Teleconferência de Resultados. Lançamentos de 2008. Viver São J. Pinhais (São J. Pinhais-PR) 2T08

3º Trimestre de 2008. Teleconferência de Resultados. Lançamentos de 2008. Viver São J. Pinhais (São J. Pinhais-PR) 2T08 3º Trimestre de 2008 Teleconferência de Resultados Lançamentos de 2008 La Vita (Vitoria-ES) 2T08 Beach Park Wellness Resort (Aquiraz-CE) 1T08 Viver Caxias (Caxias do Sul-RS) 3T08 Viver São J. Pinhais (São

Leia mais

1T15 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números. Resultados. Grupo Copobras

1T15 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números. Resultados. Grupo Copobras Grupo Copobras São Ludgero, 17 de abril de 2015 O Grupo Copobras, apresenta seus resultados não auditados do primeiro trimestre de 2015. O Grupo Copobras compreende as empresas abaixo: - Copobras S/A Indústria

Leia mais

Destaques 1S15 e Eventos Subsequentes

Destaques 1S15 e Eventos Subsequentes Resultados 2T15 Aviso Legal As demonstrações financeiras individuais e consolidadas foram elaboradas de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil, as quais abrangem a legislação societária, os

Leia mais

BC Fund. Webcast Resultados de março de 2013

BC Fund. Webcast Resultados de março de 2013 BC Fund Webcast Resultados 2012 28 de março de 2013 Resultados 2012 Destaques Receita de locação totalizou R$ 200,3 milhões, um crescimento de 23,7% vs. 2011 (R$ 161,9 milhões) 29,0% da carteira passou

Leia mais

Divulgação de Resultados TECNISA S.A. 1T12 Recuperação da margem bruta para 31%, com margem líquida negativa devido ao baixo nível de receitas.

Divulgação de Resultados TECNISA S.A. 1T12 Recuperação da margem bruta para 31%, com margem líquida negativa devido ao baixo nível de receitas. São Paulo, 14 de maio de 2012 Divulgação de Resultados TECNISA S.A. Recuperação da margem bruta para 31%, com margem líquida negativa devido ao baixo nível de receitas. A TECNISA S.A. (BMF&BOVESPA: TCSA3),

Leia mais

CICLO DO NEGÓCIO. Alessandro Vedrossi Diretor Executivo da UN SP e Coordenação de Negócio

CICLO DO NEGÓCIO. Alessandro Vedrossi Diretor Executivo da UN SP e Coordenação de Negócio CICLO DO NEGÓCIO Alessandro Vedrossi Diretor Executivo da UN SP e Coordenação de Negócio O Ciclo da Incorporação Fórum de Entrega Entrega de chaves Assistência técnica Prospecção de Terreno Pesquisa de

Leia mais

Planejamento Estratégico Relações com Investidores

Planejamento Estratégico Relações com Investidores Planejamento Estratégico 2013-2015 Relações com Investidores Novo Organograma CEO Leonardo Diniz Formado em Engenharia pela UFMG e Pós- Graduado em Administração pela FGV-SP; Atua na Rossi desde 2001;

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Novembro de 204 Sumário A VIA VAREJO EM RESUMO B POSICIONAMENTO DA VIA VAREJO C DESTAQUES DO 3T4 2 Sumário A VIA VAREJO EM RESUMO B POSICIONAMENTO DA VIA VAREJO C DESTAQUES DO

Leia mais

2T14 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números. Resultados. Grupo Copobras. Grupo Copobras

2T14 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números. Resultados. Grupo Copobras. Grupo Copobras Destaques Grupo Copobras Grupo Copobras São Ludgero, 23 de julho de 2014 O Grupo Copobras, apresenta seus resultados não auditados do segundo trimestre de 2014. O Grupo Copobras compreende as empresas

Leia mais

Souza Barros Fique por dentro. Apresentação dos Resultados 1T13 Nutriplant. Ricardo Pansa Presidente e DRI. Maio de 2013

Souza Barros Fique por dentro. Apresentação dos Resultados 1T13 Nutriplant. Ricardo Pansa Presidente e DRI. Maio de 2013 Souza Barros Fique por dentro Apresentação dos Resultados 1T13 Nutriplant Ricardo Pansa Presidente e DRI Maio de 2013 Nutriplant: opção de investimento em insumos diferenciados para o agronegócio brasileiro.

Leia mais

Apresentação. Cyrela by Pininfarina São Paulo - SP

Apresentação. Cyrela by Pininfarina São Paulo - SP Apresentação Cyrela by Pininfarina São Paulo - SP AGENDA Cyrela Visão Geral; Histórico; Foco estratégico; Desempenho operacional; Indicadores financeiros; Portfólio. AGENDA Cyrela Visão Geral; Histórico;

Leia mais

Apresentação Corporativa

Apresentação Corporativa Apresentação Corporativa Marcelo Willer (Diretor Executivo), Camillo Baggiani (Diretor Financeiro e Adm.) Fabio Valle (Diretor Comercial e Novos Negócios) 27 Fevereiro 2013 1 Disclaimer Ressaltamos que

Leia mais

Conferência de Resultados 2T13 15 de agosto, 2013

Conferência de Resultados 2T13 15 de agosto, 2013 Conferência de Resultados 2T13 15 de agosto, 2013 Operacionais & Financeiros Receita bruta de R$845,4 milhões, um crescimento de 13,2% ante o 2T12 Margem bruta de 31,5%, 1,4p.p acima do 2T12 SSS de 9,8%

Leia mais

Coletiva de Imprensa. Financiamento Imobiliário 1º Semestre de São Paulo 26 de Julho de Gilberto Duarte de Abreu Filho Presidente

Coletiva de Imprensa. Financiamento Imobiliário 1º Semestre de São Paulo 26 de Julho de Gilberto Duarte de Abreu Filho Presidente Coletiva de Imprensa Financiamento Imobiliário 1º Semestre de 2016 Gilberto Duarte de Abreu Filho Presidente São Paulo 26 de Julho de 2016 Índice 1 2 3 4 5 6 Conjuntura Construção Civil Financiamento Imobiliário

Leia mais

Prévia Operacional de Resultados 4T14

Prévia Operacional de Resultados 4T14 Contate RI: Prévia Operacional de Resultados 4T14 A. Emílio C. Fugazza Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Pedro Henrique Rocha Nocetti Coordenador de Relações com Investidores Erik Rodrigues

Leia mais

Teleconferência de Resultados Exercício 2008 e 4T2008

Teleconferência de Resultados Exercício 2008 e 4T2008 Teleconferência de Resultados Exercício 2008 e 4T2008 Teleconferência em Português Evento com tradução simultânea para inglês Horário: 13h (Brasil) / 11h (US-ET) Acesso em português: +55 (11) 4688-6301

Leia mais

JHSF RIO BRAVO FAZENDA BOA VISTA CAPITAL PROTEGIDO FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII

JHSF RIO BRAVO FAZENDA BOA VISTA CAPITAL PROTEGIDO FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII JHSF RIO BRAVO FAZENDA BOA VISTA CAPITAL PROTEGIDO FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII RBBV11 RELATÓRIO TRIMESTRAL 1º TRIMESTRE DE 2016 JHSF Rio Bravo Fazenda Boa Vista Capital Protegido Fundo de Investimento

Leia mais