DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1T16. Viver Anuncia os Resultados do Primeiro Trimestre de Destaques

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1T16. Viver Anuncia os Resultados do Primeiro Trimestre de Destaques"

Transcrição

1 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1T16 Teleconferência de Resultados Segunda-feira, 16 de maio de 2016 Português - com tradução simultânea para o inglês 10h00 (horário de Brasília) 09h00 (horário de Nova York) Telefone: +55 (11) (11) Código: Viver Telefone Replay: +55 (11) Código Replay: Inglês Telefone: +1 (516) Código: Viver Telefone Replay: +55 (11) Código Replay: Viver Anuncia os Resultados do Primeiro Trimestre de 2016 São Paulo, 13 de maio de 2016 A Viver Incorporadora e Construtora S.A. (VIVR3) anuncia seus resultados operacionais e financeiros relativos ao primeiro trimestre encerrados em 31 de março de 2016 (1T16). Destaques Repasses ultrapassaram R$ 48,5 milhões no 1T16. Vendas brutas totalizaram R$ 29,3 milhões, no primeiro trimestre, enquanto as vendas líquidas representaram um valor de R$ 11,4 milhões no mesmo período. A companhia encerrou o 1T16 com aproximadamente R$ 651,5 milhões de recebíveis e R$ 355,1 milhões de estoque a valor de mercado, base da geração de caixa de As despesas gerais e administrativas seguem em trajetória decrescente fechando em R$ 4,8 milhões no 1T16 o que representa um valor anualizado de R$ 19,2 milhões. A Companhia concluiu a liquidação financeira da primeira etapa referente à venda do terreno Parque do Carmo, gerando uma importante redução da dívida corporativa. O Conselho de Administração contratou a Alvarez&Marsal para revisar o plano estratégico, auxiliar na reestruturação de suas dívidas e monetização de seus ativos. As informações operacionais e financeiras da Companhia, exceto onde estiver indicado de outra forma, são apresentadas com base em números consolidados e em Reais (R$) e seguem as normas internacionais de contabilidade (IFRS) aplicáveis a entidades de incorporação imobiliária no Brasil, conforme aprovadas pelo Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC), pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC). 1

2 Índice Indicadores Operacionais e Financeiros... 3 Desempenho Operacional... 4 Desempenho Econômico-Financeiro... 5 Balanço Patrimonial... 7 ApêndiceErro! Indicador não definido

3 Indicadores Operacionais e Financeiros Destaques Operacionais (R$ milhões) 1T16 1T15 Var% 4T15 Var% Lançamentos (100%) - - n.a. - n.a. Lançamentos (% Viver) - - n.a. - n.a. Lançamentos (Unidades) - - n.a. - n.a. Preço Médio de Lançamentos (R$000) - - n.a. - n.a. Vendas Contratadas (100%) 11,8 19,4-39,2% 10,9 8,2% Vendas Contratadas (% Viver) 11,4 12,9-11,9% 11,4-0,5% Vendas Contratadas (Unidades) ,1% 98-66,3% Preço Médio de Vendas (R$000) ,8% ,7% Destaques Financeiros (R$ milhões) 1T16 1T15 Var% 4T15 Var% Receita Líquida 17,1 30,1-43,4% 10,5 62,9% Lucro Bruto (22,5) (14,8) 52,4% (7,3) 208,4% Margem Bruta -131,9% -49,0% bps -69,7% 01 bps Lucro Bruto Ajustado 1 (12,6) 5,6-325,0% (8,8) 43,8% Margem Bruta Ajustada 1-73,5% 18,5% bps -83,6% 00 bps EBITDA Ajustado 2 (43,9) (8,1) 441,6% (42,1) 4,3% Margem EBITDA Ajustado 2-256,9% -27,0% bps -401,4% 00 bps Lucro (Prejuízo) Líquido (89,6) (43,8) 104,6% (91,7) -2,3% Margem Líquida -524,7% -145,2% bps -874,9% 00 bps Receitas a Apropriar 86,8 166,4-47,8% 89,8-3,3% Resultados a Apropriar 29,6 54,5-45,6% 30,5-2,8% Margem dos Resultados a Apropriar 34,1% 32,7% 141 bps 33,9% 19 bps Despesas com comercialização (1,8) (2,7) -33,3% (5,2) -65,4% G&A (4,8) (7,0) -32,2% (6,2) -23,4% ¹ Excluindo Juros capitalizados no custo operacional. 2 Excluindo itens que a Companhia considera como não recorrentes 3

4 Desempenho Operacional Lançamentos A Companhia não realizou lançamentos em 2016, em linha com a estratégia de preservação de caixa e de direcionar os esforços para monetização dos recebíveis e estoque vigente. Vendas Contratadas e Distratos As vendas contratadas brutas totalizaram R$ 29,3 milhões no primeiro trimestre de O volume de distratos foi de R$ 17,9 milhões no 1T16, resultando em vendas líquidas de R$ 11,4 milhões no trimestre. As tabelas abaixo apresentam uma descrição detalhada das vendas contratadas (líquidas de distratos) no primeiro trimestre de 2016, comparando com o mesmo período de 2015, bem como a evolução da velocidade de vendas nos últimos trimestres: Vendas Contratadas 1T16 Vendas Contratadas % Viver (R$ milhões) # de unidades¹ Preço médio unidade (R$000)¹ Segmento 1T16 1T15 1T16 x 1T15 1T16 1T15 1T16 x 1T15 1T16 1T15 1T16 x 1T15 Super Economico (2.9) % (29) % 111, , % Economico % % 191, , % Médio % % 181, , % Médio-Alto % % 922, , % Alto - - n.a. - - n.a. - - n.a. Turismo e Comercial 0.6 (1.0) % 1 (1) n.a. 639, ,891 n.a. TOTAL % % 356, , % Região 1T16 1T15 1T16 x 1T15 1T16 1T15 1T16 x 1T15 1T16 1T15 1T16 x 1T15 São Paulo (0.4) % (8) (1) 700.0% 90,058 (4,788,098) % Sudeste (ex SP) % % 133, , % Sul % % 1,242, , % Centro-Oeste 3.3 (1.1) % 21 (5) % 160, , % Norte (0.1) % (9) % 8, , % Nordeste 2.5 (1.2) % 8 (3) % 382, , % TOTAL % % 356, , % Ano de lançamento 1T16 1T15 1T16 x 1T15 1T16 1T15 1T16 x 1T15 1T16 1T15 1T16 x 1T15 Lançamentos de n.a. - - n.a. - - n.a. Lançamentos de % % - 175, % Lançamentos de % % 147, , % Lançamentos de 2011 (1.0) (0.4) 165.9% (12) (8) 50.0% 117,294 (347,393) % Lançamentos de % (7) % (71,917) 324, % Lançamentos anteriores a % % 299, , % TOTAL % % 356, , % ¹ Exclui projetos comerciais. Velocidade de Vendas (R$ mil) 1T15 2T15 3T15 4T15 1T16 Estoque Inicial Lançamentos Vendas Contratadas (4.999) VSO trimestral 2,5% 2,2% -1,3% 3,1% 3,2% VSO= Vendas Contratadas/(Estoque Inicial+Lançamentos) 4

5 Projetos em Construção e Projetos Concluídos Em 31 de março de 2016 a Companhia possuía 5 projetos em construção sob sua gestão. Grande parte dos esforços operacionais estão direcionados a entregas dos nossos projetos, considerando que 100% dos sites serão entregues até A tabela abaixo detalha o cronograma de entrega de projetos, com a performance prevista dos recebíveis e do estoque a valor de mercado da Companhia: R$ Mil Concluído Total Sites n.a Cronograma de recebíveis Estoque Banco de Terrenos Em 31 de março de 2016, o banco de terrenos da Companhia representava um VGV estimado em R$ 2,2 bilhões. Do total do banco de terrenos, projetos com aproximadamente R$ 1,2 bilhão em VGV possuem a possibilidade de lançamento nos próximos três anos (banco de terrenos de curto prazo). A tabela abaixo apresenta a composição de projetos do banco de terrenos de curto prazo atual da Companhia: VGV Potencial - Participação Viver (R$ milhões) Super Econômico Econômico Médio Médio-Alto Alto Comercial Total São Paulo (estado) - 327,6 322, ,4 786,1 Sudeste (ex SP) ,7 24,0 221,7 Sul 63,2 14,7 52, ,0 191,9 Centro-Oeste Norte Nordeste Total do VGV (% Viver) 63,2 342,3 374,1-197,7 222, ,7 % do Total 5,3% 28,5% 31,2% 0,0% 16,5% 18,5% 100,0% # de unidades ¹ Terrenos relacionados a projetos que a Companhia tem a capacidade operacional para lançar nos próximos três anos. Desempenho Econômico-Financeiro Os resultados estão apresentados conforme as práticas contábeis adotadas no Brasil, em reais (R$), de acordo com a legislação societária. Receita Líquida A receita operacional líquida totalizou R$ 17,1 milhões no 1T16, uma redução de 43,4% em relação ao mesmo período do ano de 2015, explicada pelo fato de não terem sido realizados lançamentos e redução do estoque de receita a apropriar. 5

6 Custos dos Imóveis No 1T16, o custo dos imóveis foi de R$ 39,6 milhões, uma redução de 11,8% comparado a um custo de R$ 44,9 milhões no 1T15, que ocorreu principalmente devido ao volume de projetos entregues no último ano. As amortizações dos encargos financeiros capitalizados totalizaram R$ 10,0 milhões no primeiro trimestre, representando 25,2% do custo dos imóveis do período. A tabela abaixo apresenta a composição do custo dos imóveis: Custo dos Imóveis (R$ mil) 1T16 4T15 1T15 1T16x4T15 1T16x1T15 Custo dos Imóveis ,7% -11,8% Custo com terreno, incorporação e construção ,0% 20,6% Encargos Financeiros (1.460) ,3% -51,0% Lucro Bruto e Receitas e Resultados a Apropriar No 1T16, o lucro bruto ficou negativo em R$ 22,5 milhões e, impactados principalmente por reprecificação de parte do estoque de unidade concluídas e despesas financeiras corporativas. Lucro Bruto (R$ mil) 1T16 4T15 1T15 1T16x4T15 1T16x1T15 Lucro Bruto (22.529) (7.304) (14.779) 208,4% 52,4% Margem Bruta -131,9% -69,7% -49,0% 01 bps 02 bps Margem Bruta Ajustada¹ -73,5% -83,6% 18,5% 1012 bps bps ¹ Excluindo Juros capitalizados no custo operacional. No 1T16, as receitas a apropriar totalizaram R$ 86,8 milhões, enquanto os resultados a apropriar alcançaram R$ 29,6 milhões. A margem a apropriar do trimestre foi de 34,1%, 141 pontos base acima da margem registrada no 1T15. Os custos a apropriar não contemplam encargos financeiros e provisões de garantia, os quais são reconhecidos como custos operacionais, quando incorridos, na proporção das unidades vendidas. Receitas e Resultados a apropriar (R$ mil) (no final do período) 1T16 4T15 1T15 1T16x4T15 1T16x1T15 Receita a apropriar ,3% -47,8% Custo a apropriar (57.209) (59.346) ( ) -3,6% -48,9% Resultado Bruto a apropriar ,8% -45,6% Margem a apropriar 34,1% 33,9% 32,7% 19 bps 141 bps Despesas com Comercialização, Gerais e Administrativas No 1T16, as despesas com comercialização totalizaram R$ 1,8 milhões, uma redução de 33,3% em relação ao mesmo período do ano anterior. As despesas gerais e administrativas líquidas de depreciação e amortização foram de R$ 4,8 milhões no 1T16, uma redução de 32,3% em relação ao 1T15, demonstrando um valor anualizado de R$ 19,2 milhões. 6

7 EBITDA O EBITDA da Companhia ficou negativo em R$ 43,9 milhões no 1T16. A tabela abaixo mostra a evolução do EBIT, EBITDA e da margem EBITDA ao longo dos últimos trimestres. EBITDA e EBITDA Ajustado (R$ mil) 1T16 4T15 1T15 EBT (89,490) (92,490) (43,058) (+) Resultado Financeiro Despesa financeira (Líquida) 34,644 50,870 13,546 Despesa financeira (SFH) 8,873 7,976 9,654 Despesa financeira (Corporativa) 1,103 (9,436) 10,708 EBIT (44,870) (43,080) (9,150) Depreciação 998 1,016 1,011 Amortização EBITDA (43,872) (42,064) (8,139) Margem EBITDA % % -27.0% Resultado Financeiro As despesas financeiras líquidas totalizaram R$ 34,6 milhões no 1T16, apresentando crescimento quando comparamos com o 1T15, impactado pela não capitalização de despesas financeiras de dívidas corporativas em empreendimentos em construção e concluídos. Prejuízo Líquido No 1T16, a Viver apresentou um prejuízo líquido de R$ 89,6 milhões. Podemos destacar que cerca de R$ 38,2 milhões do prejuízo gerado no primeiro trimestre de 2016 foi gerado pela não mais capitalização de despesas financeiras corporativas, reprecificação do estoque de unidade concluídas, perdas estimadas de outras contas receber e parcerias, além do aumento das provisões para demandas judiciais de clientes. Balanço Patrimonial Caixa e Equivalentes de Caixa e Títulos e valores mobiliários Em 31 de março de 2016, as contas de caixa e equivalentes de caixa totalizaram R$ 24,4 milhões, contra um saldo de R$ 22,7 milhões apurado em 31 de dezembro de Durante o primeiro trimestre, os recursos foram utilizados principalmente para manutenção das operações da Companhia. Gestão de Carteira e Repasse Encerramos o primeiro trimestre de 2016 com uma carteira total de R$ 651,5 milhões de recebíveis, sendo que R$ 451,6 milhões são relativos a projetos concluídos e R$ 199,9 milhões serão performados até 2017, conforme detalhado no gráfico abaixo. 7

8 Contas a receber (R$ mil) 1T16 4T15 1T15 1T16x4T15 1T16x1T15 Curto Prazo ,1% -16,1% Longo Prazo ,9% -26,4% Total on balance ,1% -16,7% Total "off balance ,3% -47,8% Total de Contas a Receber ,0% -22,8% R$ 652 milhões de recebíveis Os recursos gerados por repasses e gestão de carteira atingiram R$ 48,5 milhões no 1T16. Pro-forma (Ex-IFRS 10) 8

9 Estoque (imóveis para desenvolvimento e venda) Em 31 de março de 2016, o saldo do estoque da Viver era de R$ 513,8 milhões. O estoque da Companhia inclui terrenos adquiridos em dinheiro e via permuta, construções em andamento, adiantamentos a fornecedores e unidades concluídas, como detalhado abaixo. Estoque a Valor de Custo (R$ mil) 1T16 4T15 1T15 1T16x4T15 1T16x1T15 Terrenos ,8% 12,4% Construções em andamento ,9% -34,8% Unidades prontas ,8% -17,0% Adiantamento a fornecedores ,0% -97,9% Total ,7% -10,8% Estoque a Valor de Mercado O gráfico abaixo apresenta a composição do VGV de nosso estoque a valor de mercado considerando o cronograma de entrega dos projetos: R$ 355 milhões de estoque Em 31 de março de 2016, o estoque a valor de mercado de unidades concluídas representava um VGV de R$ 248 milhões. Estoque a Valor de Mercado (R$ mil) Segmento Unidades Próximos 12 Concluídas meses Após 12 meses Total Alto Médio Alto 83, ,598 Médio 60,868 16,920 52, ,174 Econômico e Super Econômico 53,348 2,559 35,016 90,923 Turismo e Comercial 50, ,449 TOTAL 248,263 19,479 87, ,145 % 69.9% 5.5% 24.6% 100.0% 9

10 Endividamento Ao final do primeiro trimestre de 2016, a Viver possuía uma dívida corporativa de R$ 249,1 milhões (excluindo dívidas para financiamentos de projetos e SFH), como detalhado na tabela abaixo. O repasse de recebíveis gerado no trimestre aliado a conclusão da primeira etapa da venda do terreno Parque do Carmo, contribuíram para redução da dívida líquida da Companhia em aproximadamente R$ 9 milhões. A Viver com suporte da Alvarez&Marsal esta atuando em diversas frentes para reestabelecer a sua liquidez, como a reestruturação de suas dívidas e a monetização de seus ativos, pilares fundamentais para estabilização da Companhia. Variação da Dívida Líquida + Securitizações (R$ milhões) 1T16 4T15 3T15 2T15 1T15 Disponibilidades Variação de Caixa 1.7 (27.0) (4.2) Endividamento Dívida Corporativa Dívida de SFH e Projetos Variação do Endividamento 12.6 (5.1) Variação da Dívida Líquida Securitização Coobrigação Emissão de CRI Variação de Securitizações (19.7) (0.5) (5.7) (2.3) (3.5) Variação da Dívida Líquida + Securitizações (8.9) (2.2) 17.5 Sobre a Viver Incorporadora e Construtora S.A. A Viver é uma incorporadora e construtora fundada há mais de 20 anos e conhecida por seus empreendimentos de alta qualidade e pelo pioneirismo na tecnologia de construção. A Companhia tem seu foco de atuação no mercado residencial, nos segmentos de médio e médio alto padrão, principalmente nos estados de São Paulo e na região da grande Porto Alegre. A Companhia adota um modelo de gestão baseado na proximidade entre Diretoria, Conselho de Administração e acionistas e rígidos padrões de governança corporativa. A Viver integra o Novo Mercado da BM&FBOVESPA e é negociada sob o código VIVR3. Relações com Investidores Tel: (55 11)

11 Apêndice Demonstrações consolidadas de Resultados (R$000) 1T16 1T15 1T16 x 1T15 Receita Operacional Bruta ,3% Impostos sobre serviços e receitas (719) (1.216) -40,9% Receita operacional líquida ,4% Custos dos imóveis (39.604) (44.926) -11,8% Lucro Bruto (22.529) (14.779) 52,4% Receitas (Despesas) Operacionais (32.317) (14.733) 119,4% Despesas com comercialização (1.787) (2.678) -33,3% Despesas gerais e administrativas (4.758) (7.024) -32,3% Depreciações e amortizações (988) (1.000) -1,2% Outras receitas e (despesas) operacionais (21.390) (5.293) 304,1% Resultado de equivalência patrimonial (3.394) ,9% Prejuízo antes do resultado financeiro (54.846) (29.512) 85,8% Resultado financeiro líquido (34.644) (13.546) 155,8% Despesas financeiras (40.706) (17.651) 130,6% Receitas financeiras ,7% Prejuízo antes do imposto de renda e contribuição social (89.490) (43.058) 107,8% Imposto de renda e contribuição social (383) (713) -46,3% Prejuízo líquido do período (89.873) (43.771) 105,3% Participação de não controladores 272 (14) -2042,9% Prejuízo líquido do exercício (89.601) (43.785) 104,6% 11

12 Balanço Patrimonial Consolidado (R$000) Mar 16 Dez 15 Mar 2016 x Dez 15 Mar 15 Mar 2016 x Mar 15 ATIVO Circulante ,8% ,8% Caixa e equivalentes de caixa ,2% ,9% Contas a receber ,5% ,1% Imóveis a comercializar ,3% ,2% Créditos diversos ,3% ,5% Impostos e contribuições a compensar ,1% ,1% Despesas com vendas a apropriar ,9% ,7% Não circulante ,4% ,0% Realizável a longo prazo ,6% ,5% Títulos e valores mobiliários - nc nc Contas a receber ,9% ,4% Imóveis a comercializar ,2% ,6% Contas correntes com parceiros nos empreendimentos ,1% ,5% Partes relacionadas ,2% ,1% Impostos e contribuições a compensar ,4% ,8% Despesas com vendas a apropriar ,0% 590 9,8% ,6% ,3% Investimentos ,8% ,7% Imobilizado líquido ,7% ,4% Intangível ,9% ,9% Total do ativo ,2% ,2% PASSIVO E PATRIMÔNIO LÍQUIDO Circulante ,5% ,1% Empréstimos e financiamentos ¹ ,4% ,4% Debêntures ¹ ,2% ,6% Coobrigação na cessão de recebíveis ,7% ,5% Certificados de recebíveis imobiliários ,6% ,3% Obrigações com investidores ,4% ,0% Fornecedores ,6% ,7% Obrigações trabalhistas e tributárias ,4% ,8% Contas a pagar ,1% ,4% Credores por imóveis compromissados ,0% ,0% Adiantamentos de clientes e outros ,4% ,0% Partes relacionadas ,8% ,9% Provisões ,5% ,3% Provisões para perdas em investimentos ,5% ,4% Não Circulante ,9% ,0% Empréstimos e financiamentos ¹ ,6% ,1% Debêntures ¹ - - nc nc Coobrigação na cessão de recebíveis ,5% ,6% Certificados de recebíveis imobiliários ,9% ,6% Obrigações com investidores ,8% ,5% Obrigações trabalhistas e tributárias ,6% ,2% Contas a pagar ,1% ,4% Adiantamentos de clientes e outros ,0% ,4% Provisões ,5% ,5% Participação dos não controladores - - nc ,0% Patrimônio Líquido ( ) ( ) 48,4% ,5% Capital social ,0% ,1% Prejuízos acumulados ( ) ( ) 6,2% ( ) 25,0% Total do passivo e patrimônio líquido ,2% ,2% ¹ Conforme detalhado na nota explicativa nº 15 e 16 da DFP. 12

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T14. Viver Anuncia os Resultados do Quarto Trimestre e do Ano de Destaques

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T14. Viver Anuncia os Resultados do Quarto Trimestre e do Ano de Destaques DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T14 Teleconferência de Resultados Quarta-feira, 01 de abril de 2015 Português (com tradução simultânea para o inglês) 10h00 (horário de Brasília) 09h00 (horário de Nova York)

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2T17. Viver Anuncia os Resultados do Segundo Trimestre do Ano de Destaques

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2T17. Viver Anuncia os Resultados do Segundo Trimestre do Ano de Destaques DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2T17 Teleconferência de Resultados Segunda-feira, 14 de agosto de 2017 Português - com tradução simultânea para o inglês 10h00 (horário de Brasília) 09h00 (horário de Nova York)

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3T13. Viver Anuncia os Resultados do Terceiro Trimestre de Destaques

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3T13. Viver Anuncia os Resultados do Terceiro Trimestre de Destaques DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3T13 Teleconferência de Resultados Terça-feira, 19 de novembro de 2013 Português (com tradução simultânea para o inglês) 11h00 (horário de Brasília) 08h00 (horário de Nova York)

Leia mais

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T17

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T17 TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T17 Português TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 2017 16 de maio de 2017 Hora: 11h (Brasília) 10h (US-EST) Telefone: +55 (11) 2188-0155 Código: Trisul Replay disponível

Leia mais

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T15 e 2015

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T15 e 2015 TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T15 e 2015 Português TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 4T15 E 2015 21 de março de 2016 Hora: 11h (Brasília) 10h (US-EST) Telefone: +55 (11) 2188-0155 Código: Trisul São

Leia mais

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T16 E 2016

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T16 E 2016 TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T16 E 2016 Português TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 2016 20 de março de 2017 Hora: 11h (Brasília) 10h (US-EST) Telefone: +55 (11) 2188-0155 Código: Trisul Replay disponível

Leia mais

REUNIÃO PÚBLICA COM INVESTIDORES DEZ/16

REUNIÃO PÚBLICA COM INVESTIDORES DEZ/16 REUNIÃO PÚBLICA COM INVESTIDORES DEZ/16 Destaques Recentes Pedido de Recuperação Judicial, diante da constante deterioração dos fundamentos do setor, aliado as dificuldades que a empresa estava encontrando

Leia mais

Teleconferência dos Resultados do 4T16 e 2016

Teleconferência dos Resultados do 4T16 e 2016 Teleconferência dos Resultados do 4T16 e 2016 Greenville Lumno Salvador/BA 30 de Março de 2017 Recuperação Judicial Agenda DRE, Balanço e Ajustes Contábeis Ações - Plano de Reestruturação Sumário Executivo

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ ROSSI RESIDENCIAL SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ ROSSI RESIDENCIAL SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

EARNINGS RELEASE 3T17

EARNINGS RELEASE 3T17 Recuperação do Lucro Líquido e margem EBITDA crescendo em torno de 10 p.p.. São Paulo, 31 de Outubro de 2017 - A Inbrands S.A. ( Inbrands ou Companhia ), uma empresa brasileira consolidadora e operadora

Leia mais

4. INFORMAÇÕES RELATIVAS À EMISSORA Informações Financeiras Selecionadas da Companhia Análise e Discussão da Administração sobre Demonstrações

4. INFORMAÇÕES RELATIVAS À EMISSORA Informações Financeiras Selecionadas da Companhia Análise e Discussão da Administração sobre Demonstrações 4. INFORMAÇÕES RELATIVAS À EMISSORA Informações Financeiras Selecionadas da Companhia Análise e Discussão da Administração sobre Demonstrações Financeiras e Resultados Operacionais da Emissora Eventos

Leia mais

Apresentação de Resultados Teleconferência 1T17

Apresentação de Resultados Teleconferência 1T17 Apresentação de Resultados Teleconferência 12 de Maio de 2017 Agenda Ricardo Ribeiro Vice Presidente Destaques Operacionais Carlos Wollenweber CFO / RI Destaques Financeiros 2 Destaques (1/2) Lançamentos

Leia mais

Divulgação de resultados 2T13

Divulgação de resultados 2T13 Brasil Brokers divulga seus resultados do 2º Trimestre do ano de 2013 Rio de Janeiro, 13 de agosto de 2013. A Brasil Brokers Participações S.A. (BM&FBovespa: BBRK3) uma empresa com foco e atuação no mercado

Leia mais

Divulgação de resultados 4T13

Divulgação de resultados 4T13 Brasil Brokers divulga seus resultados do 4º Trimestre e do ano de 2013 Rio de Janeiro, 18 de março de 2013. A Brasil Brokers Participações S.A. (BM&FBovespa: BBRK3) uma empresa com foco e atuação no mercado

Leia mais

EARNINGS RELEASE. 3T12 e 9M12

EARNINGS RELEASE. 3T12 e 9M12 EARNINGS RELEASE 3T12 e 9M12 São Paulo, 01 de abril de 2013 - A Inbrands S.A. ( Inbrands ou Companhia ), uma empresa de consolidação e gestão de marcas de lifestyle e moda premium do Brasil, anuncia hoje

Leia mais

A Taxa de Ocupação dos veículos no segmento de Aluguel de Carros RAC (excluindo Franquias) foi de 77,4% no 1T14, 6,9p.p. acima da realizada no 1T13.

A Taxa de Ocupação dos veículos no segmento de Aluguel de Carros RAC (excluindo Franquias) foi de 77,4% no 1T14, 6,9p.p. acima da realizada no 1T13. São Paulo, 02 de Maio de 2014 - A Unidas S.A. ( Companhia ou Unidas ) anuncia os seus resultados do primeiro trimestre de 2014 (). As informações financeiras são apresentadas em milhões de Reais, exceto

Leia mais

FORJAS TAURUS S.A. 3T11

FORJAS TAURUS S.A. 3T11 FORJAS TAURUS S.A. 3T11 Cotações (30-09-11): FJTA3 R$ 1,91 FJTA4 R$ 1,79 Porto Alegre, 11 de novembro de 2011 - A Forjas Taurus S.A. (Bovespa: FJTA3, FJTA4), maior produtora de armas curtas da América

Leia mais

A Geradora Aluguel de Máquinas S.A.

A Geradora Aluguel de Máquinas S.A. Balanço patrimonial em 31 de dezembro Ativo Passivo e patrimônio líquido Circulante Circulante Caixa e equivalentes de caixa (Nota 6) 25.888 67.330 Fornecedores 4.797 8.340 Aplicações financeiras 3.341

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ CYRELA BRAZIL REALTY SA EMPRS E PARTS Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ CYRELA BRAZIL REALTY SA EMPRS E PARTS Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ROSSI RESIDENCIAL SA Versão : 2. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ROSSI RESIDENCIAL SA Versão : 2. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

Balanço patrimonial em 31 de dezembro Em milhares de reais

Balanço patrimonial em 31 de dezembro Em milhares de reais Balanço patrimonial em 31 de dezembro Em milhares de reais Ativo 2016 2015 Passivo e patrimônio líquido 2016 2015 Circulante Circulante Caixa e equivalentes de caixa (Nota 6) 25.431 27.730 Fornecedores

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ FRAS-LE SA Versão : 1. Balanço Patrimonial Ativo 1. Balanço Patrimonial Passivo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ FRAS-LE SA Versão : 1. Balanço Patrimonial Ativo 1. Balanço Patrimonial Passivo 2 Índice DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 1 Balanço Patrimonial Passivo 2 Demonstração do Resultado 3 Demonstração do Resultado Abrangente 4 Demonstração do Fluxo de Caixa 5 Demonstração das Mutações

Leia mais

Movida - Divulgação de Resultados do 4T16 e 2016

Movida - Divulgação de Resultados do 4T16 e 2016 Índice Movida - Divulgação de Resultados do 4T16 e 2016 1. Aluguel de Carros (RAC) 2. Gestão e Terceirização de Frotas (GTF) 3. Seminovos 4. Resultado Financeiro 5. Lucro Líquido 6. Investimento Líquido

Leia mais

Apresentação dos Resultados do 1T10. Teleconferência de Resultados

Apresentação dos Resultados do 1T10. Teleconferência de Resultados Apresentação dos Resultados do 1T10 Teleconferência de Resultados Visão Geral do 1T10 2 Destaques A Companhia Alcançou Resultados Operacionais Positivos e Concluiu Plano de Capitalização Plano de Capitalização

Leia mais

Apresentação de Resultados Teleconferência 3T16

Apresentação de Resultados Teleconferência 3T16 Apresentação de Resultados Teleconferência 16 de Novembro de 2016 Agenda Ricardo Ribeiro Vice Presidente Destaques Operacionais Fernando Ramos CFO e Diretor de RI Destaques Financeiros 2 Evolução no segmento

Leia mais

Even divulga os resultados do 2T17

Even divulga os resultados do 2T17 Even divulga os resultados do 2T17 São Paulo, 14 de agosto de 2017 A Even Construtora e Incorporadora S.A. EVEN (B3: EVEN3), com atuação em São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul e foco nos empreendimentos

Leia mais

Even divulga os resultados do 1T17

Even divulga os resultados do 1T17 Even divulga os resultados do 1T17 São Paulo, 15 de maio de 2017 A Even Construtora e Incorporadora S.A. EVEN (BM&FBOVESPA: EVEN3), com atuação em São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul e foco nos

Leia mais

Elekeiroz S.A. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2013

Elekeiroz S.A. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2013 Elekeiroz S.. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2013 Balanço patrimonial tivo Circulante Nota 31 de dezembro de 2013 31 de

Leia mais

RELEASE DE RESULTADOS 1T14

RELEASE DE RESULTADOS 1T14 RELEASE DE RESULTADOS 1T14 Contate RI: Adolpho Lindenberg Filho Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Telefone: +55 (11) 3041-2700 ri@lindenberg.com.br www.grupoldi.com.br/relacao DIVULGAÇÃO

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ LOJAS AMERICANAS SA Versão : 1. Balanço Patrimonial Ativo 1. Balanço Patrimonial Passivo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ LOJAS AMERICANAS SA Versão : 1. Balanço Patrimonial Ativo 1. Balanço Patrimonial Passivo 2 Índice DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 1 Balanço Patrimonial Passivo 2 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração do Fluxo de Caixa 7 Demonstração das Mutações

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ DIRECIONAL ENGENHARIA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ DIRECIONAL ENGENHARIA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente 7 Demonstração

Leia mais

Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14

Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14 Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14 Highligts i. Geração de caixa. Geração de caixa nos nove primeiros meses de R$ 169,0 milhões (proporcional) e de R$ 86,9 milhões no trimestre, crescimento significativo

Leia mais

SOMOS Educação DR 2T17

SOMOS Educação DR 2T17 SOMOS Educação DR 2T17 São Paulo, 14 de agosto de 2017 A SOMOS Educação S.A. (BM&FBOVESPA: SEDU3) divulga seus resultados do 2º trimestre de 2017 ( 2T17 ) e do primeiro semestre de 2017 ( 1S17 ). Os comentários

Leia mais

2º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS

2º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS fg 2º TRIMESTRE DE 2016 Retomada do crescimento de vendas totais e mesmas lojas, aliada a ganho consistente de market share no mercado total a. A receita líquida totalizou R$4,3 bilhões no 2T16, com retomada

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ DIRECIONAL ENGENHARIA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ DIRECIONAL ENGENHARIA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

Divulgação de Resultado 4T15

Divulgação de Resultado 4T15 Divulgação de Resultado 4T15 1 Dados de mercado em 17/03/2016 Cotação: R$2,12 Valor de Mercado: R$140.103.091,68 T e l e c o n f e r ê n c i a 4T15 Teleconferência em português: 18 de março de 2016 Sexta-feira,

Leia mais

12 de Maio de Resultados do 1T16

12 de Maio de Resultados do 1T16 12 de Maio de 2016 Resultados do 1T16 Sumário Executivo Agenda Gestão dos Ativos: Vendas Distratos Contas a Receber Estoque Gestão dos Passivos: Desalavancagem G&A Corcovado Rio de Janeiro/RJ Projetos

Leia mais

A Companhia. Destaques. da Controladora. do Consolidado RESULTADOS DO 4T14 1/9. Fundada em 1950, a Companhia Grazziotin teve seu capital aberto

A Companhia. Destaques. da Controladora. do Consolidado RESULTADOS DO 4T14 1/9. Fundada em 1950, a Companhia Grazziotin teve seu capital aberto A Companhia Passo Fundo, 05 de março de 2014 Fundada em 1950, a Companhia Grazziotin teve seu capital aberto Dados em 31/12/2014 em 1979. Desde 1950 Grazziotin PN (CGRA4) R$ 17,28 Sua sede fica em Passo

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ BROOKFIELD INCORPORAÇÕES S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ BROOKFIELD INCORPORAÇÕES S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14

Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14 Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14 Destaques do Período Geração de caixa. Geração de caixa no semestre de R$ 82 milhões (proporcional) e R$ 64 milhões (IFRS). Redução de alavancagem no semestre. Dívida

Leia mais

Divulgação de Resultados do 1T10 07 de maio de 2010

Divulgação de Resultados do 1T10 07 de maio de 2010 Divulgação de Resultados do 07 de maio de 2010 Divulgação de Resultados Comentários de abertura Rubens Menin 2 Divulgação de Resultados Destaques Crescimento com margens diferenciadas; Maior operação no

Leia mais

JOÃO FORTES - RESULTADOS DE 2T16

JOÃO FORTES - RESULTADOS DE 2T16 JOÃO FORTES - RESULTADOS DE 2T16 Rio de Janeiro, 12 de agosto de 2016 - A João Fortes Engenharia S.A (BOVESPA: JFEN3), tradicional construtora e incorporadora do país e pioneira na abertura de capital

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BANCO BRADESCO S.A. Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BANCO BRADESCO S.A. Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/2016 - BANCO BRADESCO S.A. Versão : 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo

Leia mais

Resultados do 1º Trimestre de 2017

Resultados do 1º Trimestre de 2017 Resultados do 1º Trimestre de 2017 São Paulo, 15 de Maio de 2017: a PDG Realty S.A. (PDGR3) Em Recuperação Judicial anuncia hoje seus resultados do primeiro trimestre de 2017. Fundada em 2003, a PDG desenvolve

Leia mais

Earnings Release. Relações com Investidores. Destaques do 1T11. Brasil Insurance Anuncia Resultados do 1T11

Earnings Release. Relações com Investidores. Destaques do 1T11. Brasil Insurance Anuncia Resultados do 1T11 Relações com Investidores Bruno Padilha de Lima Costa Diretor de Relações com Investidores (55 21) 3433-5060 ri@brasilinsurance.com.br Teleconferência de Resultados 1T11 Terça-feira, 17 de maio de 2011

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ EVEN CONSTRUTORA E INCORPORADORA S/A Versão : 3. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ EVEN CONSTRUTORA E INCORPORADORA S/A Versão : 3. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ DIRECIONAL ENGENHARIA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ DIRECIONAL ENGENHARIA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

Redução de 36% nas despesas administrativas no 1T17 x 1T16. Recebimento com venda de terrenos no valor de R$ 43 milhões

Redução de 36% nas despesas administrativas no 1T17 x 1T16. Recebimento com venda de terrenos no valor de R$ 43 milhões São Paulo, 11 de maio de 2017. A Rossi Residencial S.A. (BM&FBovespa: RSID3; OTC: RSRZY; Bloomberg: RSID3 BZ Equity), anuncia os resultados referente ao primeiro trimestre de 2017. RSID3: R$ 7,54 por ação

Leia mais

2

2 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 Controladora Consolidado ATIVO Jun 2009 Set 2009 Jun 2009 Set 2009 Circulante Disponibilidades 23,0 37,4 56,1 92,1 Contas a receber de clientes 62,8 72,8 114,2 125,9 Estoques

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BROOKFIELD INCORPORAÇÕES S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BROOKFIELD INCORPORAÇÕES S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração

Leia mais

A HELBOR EMPRENDIMENTOS S.A

A HELBOR EMPRENDIMENTOS S.A A HELBOR EMPRENDIMENTOS S.A. (HBOR3) ANUNCIA OS RESULTADOS DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2009 RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA CRESCEU 38% E LUCRO LÍQUIDO ATINGIU R$ 11 MILHÕES Mogi das Cruzes, 12 de maio de 2009

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS TECNISA S.A. 1T15

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS TECNISA S.A. 1T15 São Paulo, 29 de abril de 2015. DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS TECNISA S.A. Vendas Contratadas crescem 80% em relação ao trimestre anterior, impulsionando Lucro Líquido para R$ 30 milhões. Repasses alcançam

Leia mais

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 3T14 E 9M14

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 3T14 E 9M14 TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 3T14 E 9M14 TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 2T14 12 de Novembro de 2014 Português Data: 12 de novembro de 2014 Hora: 11h (Brasília) 8h (US-EST) Telefone: +55 (11) 2188-0155

Leia mais

2T17. Divulgação de Rsultados 2T17 e 1S17. carros

2T17. Divulgação de Rsultados 2T17 e 1S17. carros 2T17 Divulgação de Rsultados 2T17 e 1S17 carros Divulgação de Resultados 2T17 e 1S17 Frota em 30/06/2017: 151.750 carros Destaques Operacionais Diárias - Aluguel de Carros (mil) Destaques Financeiros Receita

Leia mais

Resultados do 2º Trimestre e 1 Semestre de 2016

Resultados do 2º Trimestre e 1 Semestre de 2016 Resultados do 2º Trimestre e 1 Semestre de 2016 São Paulo, 10 de Agosto de 2016: a PDG Realty S.A. (PDGR3) anuncia hoje seus resultados do segundo trimestre e primeiro semestre de 2016. Fundada em 2003,

Leia mais

Apresentação de Resultados do 1T10

Apresentação de Resultados do 1T10 Apresentação de Resultados do 1T10 Lançamentos do 1T10 Helbor Home Flex Pacaembu Helbor Park Elegance Helbor Home Club Itajaí Helbor Espaço & Vida Ipoema 2 Helbor Sunshine Gonzaga Isla Life Style Aviso

Leia mais

Restoque Comércio e Confecções de Roupas S.A. Balanço Patrimonial Consolidado em 31 de dezembro de 2014 Em milhares de reais

Restoque Comércio e Confecções de Roupas S.A. Balanço Patrimonial Consolidado em 31 de dezembro de 2014 Em milhares de reais Restoque Comércio e Confecções de Roupas S.A. Balanço Patrimonial Consolidado em 31 de dezembro de 2014 Em milhares de reais Ativo Passivo e Patrimônio Líquido Circulante R$ Circulante R$ Caixa e equivalentes

Leia mais

Dersa Desenvolvimento Rodoviário S.A. Balanços patrimoniais

Dersa Desenvolvimento Rodoviário S.A. Balanços patrimoniais Balanços patrimoniais em 31 de dezembro de 2014 e 2013 Ativo Nota 2014 2013 Passivo Nota 2014 2013 (Ajustado) (Ajustado) Circulante Circulante Caixa e equivalentes de caixa 5 48.650 835 Fornecedores 10

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ BROOKFIELD INCORPORAÇÕES S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ BROOKFIELD INCORPORAÇÕES S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

Aumento de 26% na entrada de caixa parte Rossi no 3T16 x 2T16

Aumento de 26% na entrada de caixa parte Rossi no 3T16 x 2T16 Teleconferência São Paulo, 10 de novembro de 2016. A Rossi Residencial S.A. (BM&FBovespa: RSID3; OTC: RSRZY; Bloomberg: RSID3 BZ Equity), anuncia os resultados referente ao terceiro trimestre de 2016.

Leia mais

Divulgação de Resultados 3T16

Divulgação de Resultados 3T16 Rodobens Divulga Resultados do 3T16 São Paulo, 10 de Novembro de 2016: a Rodobens Negócios Imobiliários (BM&FBovespa: RDNI3) incorporadora imobiliária e construtora anuncia hoje seus resultados auditados

Leia mais

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T14 E 2014

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T14 E 2014 TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4T14 E 2014 TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 4T14 E 2014 20 de Março de 2015 Português Data: 20 de março de 2015 Hora: 11h (Brasília) 10h (US-EST) Telefone: +55 (11) 2188-0155

Leia mais

1º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS. Ganhos consistentes de market share e melhora na tendência de vendas

1º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS. Ganhos consistentes de market share e melhora na tendência de vendas \ Ganhos consistentes de market share e melhora na tendência de vendas A receita líquida totalizou R$4,7 bilhões no 1T16, com melhora sequencial nas vendas mesmas lojas durante o trimestre e ganho de market

Leia mais

"Aspectos Contábeis importantes do Mercado Imobiliário" Apresentação APIMEC 28/02/2013

Aspectos Contábeis importantes do Mercado Imobiliário Apresentação APIMEC 28/02/2013 "Aspectos Contábeis importantes do Mercado Imobiliário" Apresentação APIMEC 28/02/2013 AGENDA Práticas contábeis específicas à atividade imobiliária Assuntos polêmicos Pontos de atenção para análise de

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ EMBRAER S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ EMBRAER S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

CR2 DIVULGA SEUS RESULTADOS DO 3T16. Contínua redução do G&A, com aumento marginal de 5% em relação ao 2T16 e redução de 55% em relação ao 3T15.

CR2 DIVULGA SEUS RESULTADOS DO 3T16. Contínua redução do G&A, com aumento marginal de 5% em relação ao 2T16 e redução de 55% em relação ao 3T15. CR2 DIVULGA SEUS RESULTADOS DO 3T16 Rio de Janeiro, 10 de novembro de 2016 A CR2 Empreendimentos Imobiliários S.A. (Bovespa: CRDE3; OTC: CREIY) anuncia seus resultados do terceiro trimestre de 2016 (3T16).

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ EZ TEC EMPREEND. E PARTICIPAÇÕES S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ EZ TEC EMPREEND. E PARTICIPAÇÕES S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ DIRECIONAL ENGENHARIA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ DIRECIONAL ENGENHARIA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

Nivelamento de Conceitos Contábeis

Nivelamento de Conceitos Contábeis Nivelamento de Conceitos Contábeis Demonstrações Contábeis Balanço Patrimonial - BP Demonstração de Resultado do Exercício - DRE Demonstração dos Fluxos de Caixa DFC Substituiu a Demonstração das Origens

Leia mais

Divulgação de Resultados 1T16 06 de maio de Empreendimento: Bosques da Lapa

Divulgação de Resultados 1T16 06 de maio de Empreendimento: Bosques da Lapa Divulgação de Resultados 1T16 06 de maio de 2016 Empreendimento: Bosques da Lapa Lançamentos Lançamentos de 2016 (3 projetos lançados com VGV médio de R$ 42,8 milhões) 1º trimestre Empreendimento Região

Leia mais

PAGAMENTO DE DIVIDENDOS; FORTE REPUTAÇÃO E RECONHECIMENTO NOS MERCADOS DE RJ E BA:

PAGAMENTO DE DIVIDENDOS; FORTE REPUTAÇÃO E RECONHECIMENTO NOS MERCADOS DE RJ E BA: PDG ALCANÇA NO TRIMESTRE R$239 MILHÕES DE LUCRO LÍQUIDO AJUSTADO, 33% MAIOR SE COMPARADO COM O 1º TRIMESTRE DE 2010. LANÇAMENTOS NO TRIMESTRE ATINGEM R$ 1,76 BILHÃO, 19% DO PONTO MÉDIO DO GUIDANCE DO ANO

Leia mais

Release de Resultados

Release de Resultados São Paulo, 14 de novembro de 2016 O Banco Sofisa S.A. (SFSA4), banco múltiplo, especializado na concessão de crédito para empresas de pequeno e médio porte, anuncia hoje seu resultado do 3º trimestre de

Leia mais

Divulgação de Resultados 2T16

Divulgação de Resultados 2T16 Rodobens Divulga Resultados do 2T16 São Paulo, 11 de Agosto de 2016: a Rodobens Negócios Imobiliários (BM&FBovespa: RDNI3) incorporadora imobiliária e construtora anuncia hoje seus resultados auditados

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ EMBRAER S/A Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ EMBRAER S/A Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

VIVER INCORPORADORA E CONSTRUTORA S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF nº / NIRE PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO

VIVER INCORPORADORA E CONSTRUTORA S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF nº / NIRE PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO VIVER INCORPORADORA E CONSTRUTORA S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF nº 67.571.414/0001-41 NIRE 35.300.338.421 PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO Senhores Acionistas: Nos termos do Artigo 11 da Instrução n 481, de 17

Leia mais

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ HELBOR EMPREENDIMENTOS S.A / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF ITR - INFORMAÇÕES TRIMESTRAIS Data-Base - 3/9/27 O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA, SENDO OS SEUS ADMINISTRADORES RESPONSÁVEIS PELA VERACIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESTADAS.

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ RODOBENS NEGOCIOS IMOBILIARIOS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ RODOBENS NEGOCIOS IMOBILIARIOS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T14

TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T14 TRISUL S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T14 TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 1T14 14 de maio de 2014 Português Data: 15 de maio de 2014 Hora: 11h (Brasília) 10h (US-EST) Telefone: +55 (11) 2188-0155 Código:

Leia mais

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ DROGASIL SA / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ DROGASIL SA / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF ITR - INFORMAÇÕES TRIMESTRAIS Data-Base - 31/3/27 O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA, SENDO OS SEUS ADMINISTRADORES RESPONSÁVEIS PELA VERACIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESTADAS.

Leia mais

Reunião Pública Anual 2016

Reunião Pública Anual 2016 Reunião Pública Anual 2016 Destaques A Geração de Caixa Operacional nos 9M16 registrou R$125,5 milhões, elevação de 191% ante o mesmo período do ano anterior. As Vendas Contratadas % Trisul YTD totalizaram

Leia mais

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 3T16

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 3T16 1) VISÃO GERAL DA COMPANHIA A Iochpe- é uma companhia global, líder mundial na produção de rodas automotivas, um dos principais produtores de componentes estruturais automotivos nas Américas e também líder

Leia mais

JOÃO FORTES - RESULTADOS DE 2015

JOÃO FORTES - RESULTADOS DE 2015 JOÃO FORTES - RESULTADOS DE 2015 Rio de Janeiro, 30 de março de 2016 - A João Fortes Engenharia S.A (BOVESPA: JFEN3), tradicional construtora e incorporadora do país e pioneira na abertura de capital dentro

Leia mais

Hypermarcas anuncia Lucro Líquido Ajustado* de R$65,5 milhões no 1T08 ou R$0,53 por ação

Hypermarcas anuncia Lucro Líquido Ajustado* de R$65,5 milhões no 1T08 ou R$0,53 por ação Hypermarcas anuncia Lucro Líquido Ajustado* de R$65,5 milhões no 1T08 ou R$0,53 por ação São Paulo, 13 de Maio de 2008 A Hypermarcas S.A. (Bovespa: HYPE3; Reuters: HYPE3.SA; Bloomberg: HYPE3 BZ) anuncia

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1T09

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1T09 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1T09 LOPES ALCANÇA R$1,4 BILHÕES EM VENDAS CONTRATADAS NO 1T09 São Paulo, 14 de maio de 2009 A Lopes LPS Brasil (Bovespa: LPSB3; Reuters: LPSB3.SA; Bloomberg: LPSB3.BZ), maior

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ CONSTRUTORA TENDA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ CONSTRUTORA TENDA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

Iochpe-Maxion S.A. e Controladas

Iochpe-Maxion S.A. e Controladas Iochpe-Maxion S.A. e Controladas Informações Contábeis Intermediárias Individuais e Consolidadas Referentes aos Períodos de Três e Nove Meses Findos em 30 de Setembro de 2016 e Relatório sobre a Revisão

Leia mais

Resultados 1T13 Teleconferência. 13 de maio de 2013

Resultados 1T13 Teleconferência. 13 de maio de 2013 Resultados 1T13 Teleconferência 13 de maio de 2013 1 1 Aviso Nós fazemos declarações prospectivas que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições de nossa

Leia mais

Divulgação de Resultados 2008

Divulgação de Resultados 2008 LOPES ALCANÇA R$10,1 BILHÕES EM VENDAS CONTRATADAS AO LONGO DE 2008 São Paulo, 19 de fevereiro de 2009 A Lopes LPS Brasil (Bovespa: LPSB3; Reuters: LPSB3.SA; Bloomberg: LPSB3.BZ), maior empresa de consultoria

Leia mais

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ UNIPAR - UNIÃO DE INDS. PETROQUÍMICAS SA / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ UNIPAR - UNIÃO DE INDS. PETROQUÍMICAS SA / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF ITR - INFORMAÇÕES TRIMESTRAIS Data-Base - 3/6/28 O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA, SENDO OS SEUS ADMINISTRADORES RESPONSÁVEIS PELA VERACIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESTADAS.

Leia mais

Gas Brasiliano Distribuidora S.A.

Gas Brasiliano Distribuidora S.A. Balanço patrimonial em 31 de março (não auditado) Ativo 2016 2015 Passivo e patrimônio líquido 2016 2015 Circulante Circulante Caixa e equivalentes de caixa 78.050 132.536 Fornecedores 23.096 19.064 Contas

Leia mais

Contabilidade ESTRUTURA PATRIMONIAL SITUAÇÃO LÍQUIDA (PATRIMÔNIO LÍQUIDO) FLUXO DE RECURSOS. Fluxo dos recursos SÍNTESE DO FUNCIONAMENTO DAS CONTAS

Contabilidade ESTRUTURA PATRIMONIAL SITUAÇÃO LÍQUIDA (PATRIMÔNIO LÍQUIDO) FLUXO DE RECURSOS. Fluxo dos recursos SÍNTESE DO FUNCIONAMENTO DAS CONTAS ESTRUTURA PATRIMONIAL Patrimônio = Bens + Direitos ( ) Obrigações SITUAÇÃO LÍQUIDA (PATRIMÔNIO LÍQUIDO) Ativo ( ) Passivo = Situação Líquida (Patrimônio Líquido) FLUXO DE RECURSOS ATIVO Aplicação dos Recursos

Leia mais

SOMOS Educação ER 1T17

SOMOS Educação ER 1T17 SOMOS Educação ER 1T17 1 São Paulo, 15 de maio de 2017 A SOMOS Educação S.A. (BM&FBOVESPA: SEDU3) divulga seus resultados do 1º trimestre de 2017 ( 1T17 ). Os comentários aqui incluídos referem-se aos

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ SARAIVA SA LIVREIROS EDITORES Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ SARAIVA SA LIVREIROS EDITORES Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 1T16

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 1T16 PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 1T16 No 1T16, lançamentos consolidados atingiram R$308,6 milhões, com vendas brutas de R$549,8 milhões. As vendas líquidas abriram o ano em R$333,3 milhões. PARA DIVULGAÇÃO

Leia mais

NÚCLEO DE GESTÃO DO PORTO DIGITAL

NÚCLEO DE GESTÃO DO PORTO DIGITAL ATIVO CIRCULANTE DISPONIBILIDADE CAIXA 1.028,94 BANCOS-CONTAS CORRENTES 211.547,05 APLICAÇÕES DE LIQUIDEZ IMEDIATA 4.614.347,81 DIREITOS REALIZÁVEIS A CURTO PRAZO TÍTULOS A RECEBER 93.509,62 ADIANTAMENTOS

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ ALPARGATAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ ALPARGATAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2011 E 2010 (Valores expressos em reais)

BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2011 E 2010 (Valores expressos em reais) BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2011 E 2010 ATIVO Explicativa n o 31/12/2011 31/12/2010 PASSIVO E PATRIMÔNIO LÍQUIDO Explicativa n o 31/12/2011 31/12/2010 CIRCULANTE CIRCULANTE Disponibilidades

Leia mais

Gas Brasiliano Distribuidora S.A.

Gas Brasiliano Distribuidora S.A. Balanço patrimonial em 31 de março (não auditado) Ativo 2017 2016 Passivo e patrimônio líquido 2017 2016 Circulante Circulante Caixa e equivalentes de caixa 50.383 78.050 Fornecedores 22.725 23.096 Contas

Leia mais

METALÚRGICA GERDAU S.A. e empresas controladas. Informações Consolidadas

METALÚRGICA GERDAU S.A. e empresas controladas. Informações Consolidadas METALÚRGICA GERDAU S.A. e empresas controladas Desempenho da Metalúrgica Gerdau no 2 o trimestre As Demonstrações Financeiras Consolidadas da Metalúrgica Gerdau S.A. são apresentadas em conformidade com

Leia mais

Repasse de R$ 220 milhões com VSO de repasse de 27% Geração de caixa de R$ 179 milhões nos ult. 12meses

Repasse de R$ 220 milhões com VSO de repasse de 27% Geração de caixa de R$ 179 milhões nos ult. 12meses Teleconferência São Paulo, 12 de maio de 2016. A Rossi Residencial S.A. (BM&FBovespa: RSID3; OTC: RSRZY; Bloomberg: RSID3 BZ Equity), anuncia os resultados referente ao primeiro trimestre de 2016. RSID3:

Leia mais