GESTÃO Marketing. 5.3-Marketing mix

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "GESTÃO. 5. - Marketing. 5.3-Marketing mix"

Transcrição

1 GESTÃO 5. - Marketing 5.3-Marketing mix

2 A estratégia de posicionamento é corporizada em termos tácticos por variáveis controláveis: Marketing Mix Produto Preço Distribuição Comunicação/Promoção 2

3 Produto DEFINIÇÃO DE PRODUTO EM MARKETING Tudo que pode ser oferecido a um mercado para aquisição, atenção, uso ou consumo, e que possa satisfazer uma necessidade ou desejo. Inclui: bens físicos serviços pessoas lugares organizações ideias 3

4 Os sucessivos níveis do Produto Exemplos de componentes Instalação Entrega Embalagem Produto aumentado Marca Benefício nuclear Extras Serviço pósvenda Produto real Estilo Crédito Qualidade Garantia 4

5 Classificação de produtos Quanto à durabilidade ou tangibilidade os produtos podem-se classificar em: Bens não duradouros Bens duradouros Serviços Classificação de bens de consumo Quanto aos hábitos de compra dos consumidores, os bens de consumo podem-se classificar em: Bens de conveniência Shopping goods (sujeitos a esforço de comparação) Specialty goods (sujeitos a esforço especialmente grande) Bens não procurados 5

6 Classificação de bens industriais Quanto ao modo como entram no processo de produção e ao seu custo, podem-se classificar em: Matérias Primas e Componentes Matérias primas Materiais transformados e componentes Bens de Capital Instalações Equipamento acessório e de suporte Material de consumo corrente e serviços Material de consumo corrente Serviços 6

7 Serviços Serviço é qualquer acto ou desempenho, que uma parte pode oferecer a outra, que é essencialmente intangível e não resulta na posse de algo. A sua produção pode ou não estar ligada a um produto físico. (Kotler) Existe um contínuo bens tangíveis/serviços : Bens tangíveis puros Bens tangíveis acompanhados de serviços Híbridos Serviços acompanhados perifericamente de bens físicos e serviços acessórios. Serviços Puros Segmentos diversos dentro de um mesmo mercado frequentemente caem em pontos diferentes deste contínuo 7

8 Características dos Serviços Embora seja difícil generalizar, devido à sua grande heterogeneidade, os serviços partilham características que condicionam/ determinam o marketing mix apropriado: Intangibilidade Inseparabilidade Variabilidade Perecibilidade 8

9 Tipos de Serviços Tipo de meios dominantes Baseados em equipamento Baseados em mão de obra Não qualificada Qualificada/profissional Interactividade Exigindo a presença do cliente Não exigindo a presença do cliente Destinatários Serviços pessoais Serviços organizacionais Objectivos e propriedade dos prestadores de serviços Lucrativos vs não lucrativos Privados vs públicos 9

10 Ciclo de Vida do Produto A história de vendas de um produto apresenta diferentes estágios, com diferentes potencial de lucro, oportunidades e problemas em estratégia, e políticas de marketing mix. Também pode apresentar formas diferentes. Introdução Crescimento Maturidade Declínio Vendas no Mercado Total Tempo O conceito de ciclo de vida pode ser usado a diferentes níveis Categorias de Produto Formas de Produto Marcas A extensão absoluta e relativa de cada fase depende do nível e é muito variável de produto para produto Existem formas de ciclo diferentes 10

11 Marketing Típico em cada Fase do Ciclo de Vida Embora esteja longe de universalmente aplicável, o quadro seguinte ajuda a entender a ênfase do marketing em cada fase Objectivos de marketing Produto Introdução Crescimento Maturidade Declínio Criar consciência e experimentação Produto básico Maximizar de quota de mercado Oferecer extensões, serviço, garantias Preço Baseado no custo Penetração Maximizar lucro defendendo quota de mercado Diversificar marcas e modelos Face à concorrência Distribuição Selectiva Intensiva Mais intensiva Promoção Publicidade/vendas pessoais para criar consciência nos inovadores e distribuidores; Promoção de vendas para experimentação * * Publicidade/vendas pessoais para consciência e interesse Promoção de vendas reduzida Publicidade/v. pessoais para dar ênfase a diferenças de marca e benefícios Promoção de vendas para troca de marca Reduzir despesas e retirar o máximo de valor Abandonar items mais fracos Baixar preço Evoluir para selectiva. Reduzir a níveis mínimos (indispensáveis para retenção de núcleo duro) * - As opções de preço de novos produtos são mais amplas como se verá. 11

12 Preço DEFINIÇÃO DE PREÇO Valor em dinheiro recebido em troca de um bem ou serviço Em termos mais gerais (vide definição de marketing):soma dos valores que os compradores permutam pelos benefícios de ter ou usar um bem ou serviço O PREÇO É O ÚNICO ELEMENTO DO MARKETING MIX QUE PRODUZ RECEITAS: TODOS OS OUTROS REPRESENTAM DESPESAS O PREÇO É SOMENTE UM ENTRE MUITOS FACTORES QUE AFECTA A ESCOLHA DE PRODUTO A COMPRAR A concorrência em preços pode ser uma estratégia indesejável. Outros factores são frequentemente mais importantes ( importância do marketing) 12

13 Factores condicionantes do preço Valor perceptual para o cliente Preço máximo (definição do preço com base no valor para o cliente) Preços da concorrência e outros factores Preço real (definição do preço com base na concorrência) Custos Preço mínimo (definição do preço baseado nos custos fixos e variáveis) 13

14 Os objectivos e estratégias de preço devem apoiar os objectivos e estratégia de marketing Objectivos da definição de preços devem incluir: Objectivos de Segmentação e de Posicionamento Objectivos de Vendas e de Lucro (em particular maximização do Lucro no longo prazo) Objectivos competitivos Objectivos de sobrevivência Objectivos sociais Relação com os outros elementos do marketing mix Custos totais (fixos e variáveis) 14

15 Alguns factores afectando decisões de preço Sensibilidade ao preço, por parte dos consumidores Elasticidade Procura-Preço (price elasticity of demand): variação percentual da quantidade procurada resultante da variação em 1% no preço Muito dependente do segmento de mercado e de factores como, por exemplo, a situação económica. Situação competitiva Efeito dependente do segmento de mercado Percepção do comprador da relação preço/valor Muito dependente do segmento Dependente do restante marketing mix (próprio e da concorrência) Efeito sinalizador do preço Efeitos psicológicos 15

16 Preço de Novos Produtos Duas estratégias mais extremas: Desnatação (Skimming) vs. Penetração Preço de Produtos já existentes Características dos produtos a considerar na definição do preço incluindo a sua perecibilidade; grau de diferenciação do produto; estádio do ciclo de vida em que se encontra; Definição de preços de gamas e de linhas de produtos em vez de produtos individuais. 16

17 Preços de gama Preços por linha de produtos Preços de opções Preços de produto cativo Preços de pacotes de produtos e product bundling Condições de entrega Ex-works, FOB, C&F, CIF, etc. Política de preços geográfica Preço base e descontos Descontos financeiros, de quantidade (por entrega/ por período), funcionais, sazonais, etc. & Cash / pronto-pagamento Preços de catálogo vs preços de concurso Evolução temporal e resposta a alterações das condições: Mecanismos de aumento e redução de preços 17

18 Adaptação do preço Preços promocionais Loss Leaders (Preços baixos, atractivos) Acontecimentos especiais Cash rebates Garantias e contratos de assistência Descontos psicológicos (preços psicológicos) Preços discriminatórios Por segmentos de clientes (e.g., pensionistas) Por forma de produto (e.g., embalagem) Por imagem (e.g., rótulo diferente) Por local (restaurante, vending machine) Por data/hora (e.g. cinema, época do ano) Por área geográfica 18

19 Alguns factores legais com relevância para os preços Lei da concorrência (Lei 18/2003) com impacto para além dos preços, mas previne: Práticas individuais Imposição de preços mínimos (ou margens de comercialização) Imposição de condições discriminatórias em condições equivalentes Recusa de venda Práticas colectivas Acordos entre empresas tendo em vista impedir, falsear ou restringir a concorrência (Cartéis) Abuso de posição dominante Intervenção do Estado na fixação dos preços Embora domine o regime de preços livres, existem regimes de preços controlados em certos segmentos.(www.dgcc.pt) 19

20 Distribuição Distribution is all about getting your product/service to the right people at the right time with special consideration for profit and effectiveness. CANAIS DE DISTRIBUIÇÃO(CD): Intermediários entre a empresa e os destinatários finais do bem ou serviço. Conjunto de indivíduos e firmas que, assumindo ou não titularidade do bem ou serviço, assistem na sua transferência para o comprador final. Os CD não implicam necessariamente intermediação: a distribuição pode ser feita pela própria empresa Uma actividade, muito importante, associada à distribuição é a Logística 20

21 Breve nota sobre Logística A Logística é a gestão da distribuição física e integra todas as funções como a planificação, implementação e controlo eficiente do fluxo de matérias-primas, recursos de produção e produtos finais, desde o ponto de origem até ao consumo. Nota sobre Logística Inversa (Reverse Logistics) Estas funções incluem: serviços ao cliente controlo de inventários serviços de reparação, manuseamento de mercadorias, compras, recuperação e tratamento de desperdícios, distribuição e transporte e armazenamento. 21

22 Porquê usar intermediários? O uso de intermediários reduz o controlo sobre passos importantes do processo de marketing, e é portanto indesejável a priori. Contudo, em muitas situações o uso de intermediários é mais eficiente na disponibilização de produtos aos mercados alvo por: Economias de escala Para o vendedor e para o comprador Especialização Diferentes dimensões, tipos de empresa e foco Contactos Frequentemente ligados a presença local ou em meios que não são os meios primários de acção da empresa produtora Experiência Em sectores que não correspondem ao da empresa 22 produtora

23 Funções dos intermediários As funções dos intermediários são funções necessárias, e que aqueles podem executar de modo mais eficiente em situações específicas. Variam de caso para caso. As funções dos intermediários têm de ser pagas por margens ou de outra forma Entre as funções possíveis: Constituição de sortido Fraccionamento Informação Promoção Negociação Encomenda Financiamento Assunção de risco Transporte e armazenagem Assistência pré e pós venda, a diferentes níveis 23

24 Canais de Distribuição - problemas com os intermediários Poder excessivo Barreiras fundamentais à entrada para muitos produtos Condições de compra (preços, pagamentos, serviços) desfavoráveis ao produtor Inadequação face a alterações do mercado, produto ou concorrência. P.ex., no mercado dos micro-computadores: venda especializada vs commodity venda directa (Dell) Conflitos de canal Horizontais P.ex., em territórios; preços; qualidade dos serviços Verticais P.ex., em produtos competitivos comercializados, preços praticados, níveis de serviço e promoção, vendas a grandes clientes. 24

25 Os circuitos de distribuição podem ter vários níveis Vejam a repercussão sobre os preços e controle dos seguintes casos: Marketing directo (nível zero) Venda directa do produtor ao consumidor Um nível P.ex., produtor-retalhista-consumidor Dois níveis P.ex., produtor-grossista-retalhista-consumidor Três níveis P.ex., produtor-distribuidor-grossista-retalhistaconsumidor 25

26 Número e tipo de intermediários em cada nível de canal Distribuição exclusiva Distribuição selectiva Distribuição intensiva 26

27 Comunicação/ Promoção A Comunicação/Promoção é o conjunto de actividades desenvolvidas pela empresa para comunicar com os seus clientes - actuais e potenciais. Por vezes, em linguagem corrente, usa-se de modo impreciso Promoção como sinónimo de marketing (por exemplo, chamando campanha de marketing a uma campanha de publicidade). Notem que se Marketing é bem mais amplo que comunicação/promoção, também esta é bem mais do que apenas a publicidade, promoção de vendas ou força de vendas. 27

28 Alguns componentes do mix de comunicação/promoção Publicidade Forma paga de apresentação e de promoção não pessoal de ideias, bens ou serviços por uma organização/marca identificada. Marketing Directo Comunicação ou solicitação de actuação de clientes actuais e potenciais específicos utilizando o correio, telefone ou outros meios não pessoais Força de Vendas Interacção pessoal com compradores (correntes e potenciais) Promoção de Vendas Incentivos de curto prazo e temporários destinados a encorajar experimentação ou compra (ou recompra) de um bem ou serviço. Relações Públicas Programas destinados a promover e/ou proteger a imagem da organização ou dos seus produtos 28

29 Processo de Comunicação Emissor Codificação Mensagem Descodificação Receptor Canais de comunicação Ruído Feedback Resposta 29

30 Decisões de comunicação 1. Receptor (audiência alvo) Utilizadores potenciais? Actuais? Decisores? Influenciadores? Outros? 2. Resposta [A resposta desejada está ligada ao estado de prontidão do comprador] 3. Mensagem [Conteúdo, estrutura(apelo racional, emocional, moral), formato e fonte da mensagem] 4. Canais de comunicação (Pessoais; não pessoais) 5. Emissor (Ligado à credibilidade do emissor) 6. Retorno (Feedback) Avaliação de impacto: memorização, atribuição, compreensão, credibilidade, aceitação, incitação à compra, e, em última análise, evolução das vendas. 30

31 A RESPOSTA pretendida é condicionada pelo estado do comprador Deve corresponder ao padrão AIDA: Obter ATENÇÃO Levantar INTERESSE Relacionando-se com os estádios do modelo de comportamento: Estádios cognitivos 1. Consciência 2. Conhecimento Estádios afectivos 3. Interesse (valor absoluto) 4. Preferência (valor relativo) Suscitar DESEJO Causar ACÇÃO Estádios de comportamento 5. Convicção 6. Compra 31

32 Canais de comunicação Pessoais Mais eficazes, porque interactivos, mas mais caros O passa-a-palavra (word-of-mouth) com origem em fontes isentas, em particular líderes de opinião (sociais ou periciais) é crítico, mas não é directamente controlável A influência pessoal tem particular importância quando: Os produtos são caros, envolvem risco, ou são comprados infrequentemente Quando os produtos sugerem (ou podem sugerir) algo sobre o status ou gostos da pessoa. Não pessoais Incluem: media, ambientes, eventos (e.g., desportivos) Frequentemente intermediado por líderes de opinião 32

33 ESTRATÉGIAS PUSH E PULL ESTRATÉGIA PUSH Produtor promove agressivamente Grossista promove agressivamente Retalhista promove agressivamente Consumidor ESTRATÉGIA PULL Produtor promove agressivamente Grossista Retalhista Consumidor 33

GESTÃO. 5. - Marketing. 5.3-Marketing mix

GESTÃO. 5. - Marketing. 5.3-Marketing mix GESTÃO 5. - Marketing 5.3-Marketing mix A estratégia de posicionamento é corporizada em termos tácticos por variáveis controláveis: Marketing Mix Produto Preço Distribuição Promoção 2 Produto DEFINIÇÃO

Leia mais

Prof. Jorge Romero Monteiro 1

Prof. Jorge Romero Monteiro 1 Marketing 1 CONCEITOS DE MARKETING 2 Conceitos de Marketing O MARKETING é tão importante que não pode ser considerado como uma função separada. É o próprio negócio do ponto de vista do seu resultado final,

Leia mais

Gestão de Mercados e Estratégia de Marketing Administrando o Composto de Marketing: Os 4P s Aula 3

Gestão de Mercados e Estratégia de Marketing Administrando o Composto de Marketing: Os 4P s Aula 3 Gestão de Mercados e Estratégia de Marketing Administrando o Composto de Marketing: Os 4P s Aula 3 Prof. Me. Dennys Eduardo Rossetto. Objetivos da Aula 1. O composto de marketing. 2. Administração do P

Leia mais

Marketing Operacional

Marketing Operacional Estratégia de Preço Objectivos Analisar a forma com as empresas fixam um preço para um produto ou serviço Avaliar como os preços podem ser adaptados às condições do mercado Discutir em que condições deverão

Leia mais

Testes de Diagnóstico

Testes de Diagnóstico INOVAÇÃO E TECNOLOGIA NA FORMAÇÃO AGRÍCOLA agrinov.ajap.pt Coordenação Técnica: Associação dos Jovens Agricultores de Portugal Coordenação Científica: Miguel de Castro Neto Instituto Superior de Estatística

Leia mais

8. POLÍTICA DISTRIBUIÇÂO. 8.1- Variável distribuição 8.2- Canal 8.3- Transporte 8.4- Logística

8. POLÍTICA DISTRIBUIÇÂO. 8.1- Variável distribuição 8.2- Canal 8.3- Transporte 8.4- Logística 8. POLÍTICA DISTRIBUIÇÂO 8.1- Variável distribuição 8.2- Canal 8.3- Transporte 8.4- Logística 8.1- Variável distribuição Variável DISTRIBUIÇÃO A distribuição pode entender-se em diferentes sentidos: -

Leia mais

Trabalho realizado por: Diogo Santos Nº3 11ºD. Escola secundária de Figueiró dos Vinhos. Disciplina de Organização de gestão desportiva

Trabalho realizado por: Diogo Santos Nº3 11ºD. Escola secundária de Figueiró dos Vinhos. Disciplina de Organização de gestão desportiva Trabalho realizado por: Diogo Santos Nº3 11ºD Escola secundária de Figueiró dos Vinhos Disciplina de Organização de gestão desportiva Data de entrega: 10/02/2015 Diogo Santos Página 1 Escola secundária

Leia mais

Escola Secundária de Paços de Ferreira 2009/2010. Marketing Mix. Tânia Leão n.º19 12.ºS

Escola Secundária de Paços de Ferreira 2009/2010. Marketing Mix. Tânia Leão n.º19 12.ºS Escola Secundária de Paços de Ferreira 2009/2010 Marketing Mix Tânia Leão n.º19 12.ºS Marketing Mix O Marketing mix ou Composto de marketing é formado por um conjunto de variáveis controláveis que influenciam

Leia mais

Departamento Comercial e Marketing. Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010. Técnicas de Secretariado

Departamento Comercial e Marketing. Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010. Técnicas de Secretariado Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010 Técnicas de Secretariado Departamento Comercial e Marketing Módulo 23- Departamento Comercial e Marketing Trabalho realizado por: Tânia Leão Departamento

Leia mais

Agente. Análise SWOT. Auditoria de marketing. Break-even-point Cadeia de lojas Canal de distribuição Canibalização. Cash-and-carry Central de compras

Agente. Análise SWOT. Auditoria de marketing. Break-even-point Cadeia de lojas Canal de distribuição Canibalização. Cash-and-carry Central de compras Termo Agente Análise SWOT Auditoria de marketing Break-even-point Cadeia de lojas Canal de distribuição Canibalização Cash-and-carry Central de compras Ciclo de vida do produto/serviço Contexto de marketing

Leia mais

Unidade II MARKETING DE VAREJO E. Profa. Cláudia Palladino

Unidade II MARKETING DE VAREJO E. Profa. Cláudia Palladino Unidade II MARKETING DE VAREJO E NEGOCIAÇÃO Profa. Cláudia Palladino Preço em varejo Preço Uma das variáveis mais impactantes em: Competitividade; Volume de vendas; Margens e Lucro; Muitas vezes é o mote

Leia mais

Escola Secundaria de Paços de Ferreira Técnicas de secretariado 2009/2010

Escola Secundaria de Paços de Ferreira Técnicas de secretariado 2009/2010 Marketing mix Trabalho realizado por: Sandra Costa 12ºS Marketing mix É formado por um conjunto de variáveis controláveis que influenciam a maneira com que os consumidores respondem ao mercado e é dividido

Leia mais

GESTÃO. 5. - Marketing. 5.1- Introdução, conceitos fundamentais Comportamento do consumidor

GESTÃO. 5. - Marketing. 5.1- Introdução, conceitos fundamentais Comportamento do consumidor GESTÃO 5. - Marketing 5.1- Introdução, conceitos fundamentais Comportamento do consumidor Definições de Marketing Kotler (1991): Marketing é um processo social e de gestão pelo qual indivíduos e grupos

Leia mais

EMPREENDEDORISMO Marketing

EMPREENDEDORISMO Marketing Gerenciando o Marketing EMPREENDEDORISMO Marketing De nada adianta fabricar um bom produto ou prestar um bom serviço. É preciso saber colocálo no mercado e conseguir convencer as pessoas a comprá-lo. O

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS» ADMINISTRAÇÃO (MARKETING) «

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS» ADMINISTRAÇÃO (MARKETING) « CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS» ADMINISTRAÇÃO (MARKETING) «21. É falacioso falar que o marketing é filho do capitalismo e, portanto, apenas ajudaria a concentrar a renda satisfazendo necessidades supérfluas

Leia mais

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO PLANO DE MARKETING

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO PLANO DE MARKETING DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO PLANO DE MARKETING Na elaboração do plano de marketing deve procurar responder a três questões básicas: - onde é que estamos? - para onde é que queremos ir? - como é que lá chegamos?

Leia mais

Prof. Marcelo Mello. Unidade I GERENCIAMENTO

Prof. Marcelo Mello. Unidade I GERENCIAMENTO Prof. Marcelo Mello Unidade I GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS Objetivos gerenciamento de serviços Utilizar modelos de gestão e desenvolvimento voltados para o segmento de prestação de serviços em empresas de

Leia mais

Conceitos e tarefas da administração de marketing DESENVOLVIMENTO DE ESTRATEGIAS E PLANOS DE MARKETING

Conceitos e tarefas da administração de marketing DESENVOLVIMENTO DE ESTRATEGIAS E PLANOS DE MARKETING Sumário Parte um Conceitos e tarefas da administração de marketing CAPITULO I MARKETING PARA 0 SÉCULO XXI A importância do marketing O escopo do marketing 0 que é marketing? Troca e transações A que se

Leia mais

COMERCIALIZAÇÃO E MARKETING DE PRODUTOS ALIMENTARES DE QUALIDADE (DOP) QUEIJO SERRA DA ESTRELA

COMERCIALIZAÇÃO E MARKETING DE PRODUTOS ALIMENTARES DE QUALIDADE (DOP) QUEIJO SERRA DA ESTRELA Ovinicultura Actividade Tradicional e de Futuro 1.º Encontro Jovem Produtor de Queijo Serra da Estrela COMERCIALIZAÇÃO E MARKETING DE PRODUTOS ALIMENTARES DE QUALIDADE (DOP) QUEIJO SERRA DA ESTRELA Maria

Leia mais

REVISANDO O CONCEITO E A EVOLUÇÃO DO MARKETING

REVISANDO O CONCEITO E A EVOLUÇÃO DO MARKETING PROGRAMA PRIMEIRA EMPRESA INOVADORA PRIME GESTÃO MERCADOLÓGICA 2009 REVISANDO O CONCEITO E A EVOLUÇÃO DO MARKETING Todo comprador poderá adquirir o seu automóvel da cor que desejar, desde que seja preto.

Leia mais

Marketing Internacional. Negócios Internacionais

Marketing Internacional. Negócios Internacionais Marketing Internacional 1 Objectivos do Capítulo Compreender a Política do Produto e a sua implementação a nível internacional; Descortinar as razões que levam as empresas a escolher entre a estandardização

Leia mais

Os 4 P s. P de PRODUTO

Os 4 P s. P de PRODUTO Os 4 P s P de PRODUTO O que é um Produto? Produto é algo que possa ser oferecido a um mercado para aquisição, uso ou consumo e que possa satisfazer a um desejo ou necessidade. Os produtos vão além de bens

Leia mais

Administração Mercadológica

Administração Mercadológica Organização Competitiva e Estratégias de Branding Administração Mercadológica Os elementos do mix de marketing Marketing-mix = Composto de MKt = 4P s Estratégia de produto Estratégia de preço Estratégia

Leia mais

MARKETING ESTRATÉGICO

MARKETING ESTRATÉGICO MARKETING ESTRATÉGICO Os 4 Ps CONCEITO DE PRODUTO E SERVIÇO Um produto é algo que pode ser oferecido a um mercado para satisfazer uma necessidade ou desejo. Serviço é qualquer ato ou desempenho, essencialmente

Leia mais

Objetivo: identificar as variáveis de marketing e os 4 A s; saber da sua utilizaçao

Objetivo: identificar as variáveis de marketing e os 4 A s; saber da sua utilizaçao Objetivo: identificar as variáveis de marketing e os 4 A s; saber da sua utilizaçao 1 Composto de marketing é um conjunto de instrumentos geradores de ações para direcionar a demanda de produtos e realização

Leia mais

PROJECTO CRIAR EMPRESA

PROJECTO CRIAR EMPRESA PROJECTO CRIAR EMPRESA Conceito, Análise de Concorrência 1. INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO INDÚSTRIA CONSTRUÇÃO Custos Prazo de execução /Esforço Qualidade EXTRAS Ambiente Socio-Políticos Imposições legais Segurança

Leia mais

Questões que afetam o Preço

Questões que afetam o Preço Questões que afetam o Preço Este artigo aborda uma variedade de fatores que devem ser considerados ao estabelecer o preço de seu produto ou serviço. Dentre eles, incluem-se o método de precificação, o

Leia mais

Unidade IV. Marketing. Profª. Daniela Menezes

Unidade IV. Marketing. Profª. Daniela Menezes Unidade IV Marketing Profª. Daniela Menezes Comunicação (Promoção) Mais do que ter uma ideia e desenvolver um produto com qualidade superior é preciso comunicar a seus clientes que o produto e/ ou serviço

Leia mais

COMUNICAÇÃO DE MARKETING

COMUNICAÇÃO DE MARKETING COMUNICAÇÃO DE MARKETING COMUNICAÇÃO INTEGRADA DE MARKETING Meio através do qual a empresa informa, persuadi e lembra os consumidores sobre o seu produto, serviço e marcas que comercializa. Funções: Informação

Leia mais

Canais de marketing. Trade Marketing. Trade Marketing. Trade marketing é uma ferramenta que atua diretamente em três níveis:

Canais de marketing. Trade Marketing. Trade Marketing. Trade marketing é uma ferramenta que atua diretamente em três níveis: Canais de marketing Prof. Ricardo Basílio ricardobmv@gmail.com Trade Marketing Trade Marketing Trade marketing é uma ferramenta que atua diretamente em três níveis: Distribuidores; Clientes; Ponto de venda.

Leia mais

GESTÃO LOGÍSTICA 05. O Papel da Logística na Organização Empresarial e na Economia. Padrões de SaC. Amílcar Arantes 1

GESTÃO LOGÍSTICA 05. O Papel da Logística na Organização Empresarial e na Economia. Padrões de SaC. Amílcar Arantes 1 GESTÃO LOGÍSTICA 2004-05 05 Capítulo - 2 Índice 1. Introdução 2. Definição de 3. 4. Desenvolvimento e Documentação de Padrões de SaC 5. Barreiras a uma Estratégia efectiva de SaC 6. Melhorar o Desempenho

Leia mais

MARKETING EMPRESARIAL MARCO ANTONIO LIMA GESTÃO EMPRESARIAL E SUSTENTABILIDADE

MARKETING EMPRESARIAL MARCO ANTONIO LIMA GESTÃO EMPRESARIAL E SUSTENTABILIDADE MARCO ANTONIO LIMA GESTÃO E SUSTENTABILIDADE Marketing: uma introdução Introdução ao Marketing O que é Marketing Marketing é a área do conhecimento que engloba todas as atividades concernentes às relações

Leia mais

Marketing Empresarial MARCO ANTONIO LIMA GESTÃO EMPRESARIAL E SUSTENTABILIDADE

Marketing Empresarial MARCO ANTONIO LIMA GESTÃO EMPRESARIAL E SUSTENTABILIDADE Marketing Empresarial Capítulo 1 Marketing: uma introdução Introdução ao Marketing O que é Marketing Marketing é a área do conhecimento que engloba todas as atividades concernentes às relações de troca,

Leia mais

... ... Exemplos de inovações de produto...3 Bens...3 Serviços...4

... ... Exemplos de inovações de produto...3 Bens...3 Serviços...4 E X E M P L O S D E I N O V A Ç Ã O 2 0 0 8 2 Exemplos de Inovação Apresentação de alguns exemplos relacionados com os vários tipos de inovação para ajuda no preenchimento das questões relacionadas com

Leia mais

7. POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO. 7.1- Comunicação 7.2- Publicidade 7.3- Promoção 7.4- Marketing directo

7. POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO. 7.1- Comunicação 7.2- Publicidade 7.3- Promoção 7.4- Marketing directo 7. POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO 7.1- Comunicação 7.2- Publicidade 7.3- Promoção 7.4- Marketing directo A COMUNICAÇÃO Comunicar Comunicar no marketing emitir mensagem para alguém emitir mensagem para o mercado

Leia mais

MERCADO MERCADO PESSOAS 22-05-2013

MERCADO MERCADO PESSOAS 22-05-2013 MERCADOLOGIA MARKETING FAZER e TRABALHAR MERCADOS MARKETING... O sucesso da empresa está no exterior. Dentro só existem custos...(drucker) Abordagem Inside out? Tecnologias/Recursos... Outside-in? O que

Leia mais

Administração de Preços. Administração de Preços. Panorama para o tema Vamos definir preço e sua relação com o composto mercadológico;

Administração de Preços. Administração de Preços. Panorama para o tema Vamos definir preço e sua relação com o composto mercadológico; Panorama para o tema Vamos definir preço e sua relação com o composto mercadológico; O escopo da precificação e os métodos mais comuns, incluindo as principais táticas; Uma sugestão: amplie seu nível de

Leia mais

Ciclo da Inovação. Maria José Sousa

Ciclo da Inovação. Maria José Sousa Ciclo da Inovação Maria José Sousa Ciclo da Inovação Geração de Ideias Técnicas de criatividade Estratégia competitiva Políticas de comercialização e distribuição Estratégia de Marketing Estratégia Competitiva

Leia mais

Marketing Estratégico no Agronegócio Brasileiro

Marketing Estratégico no Agronegócio Brasileiro Marketing Estratégico no Agronegócio Brasileiro Prof. Adriano Alves Fernandes DCAB - Departamento de Ciências Agrárias e Biológicas CEUNES - Universidade Federal do Espírito Santo 1- Introdução Uma grande

Leia mais

Promoção de vendas é a pressão de marketing de mídia ou não mídia exercida durante um período predeterminado e limitado de tempo ao nível de

Promoção de vendas é a pressão de marketing de mídia ou não mídia exercida durante um período predeterminado e limitado de tempo ao nível de Metas das Comunicações de Marketing: Criação de consciência informar os mercados sobre produtos, marcas, lojas ou organizações. Formação de imagens positivas desenvolver avaliações positivas nas mentes

Leia mais

4. ESTRATÉGIAS DE MARKETING INTERNACIONAL

4. ESTRATÉGIAS DE MARKETING INTERNACIONAL 4. ESTRATÉGIAS DE MARKETING INTERNACIONAL 4.1- TIPOS DE ESTRATÉGIA DE MARKETING 4.2- PLANEAMENTO ESTRATÉGICO PARA O MARKETING 4.3- ESTRUTURA CONCEPTUAL PARA ESTRATÉGIA DE MARKETING 4.4- MODELOS COMO INSTRUMENTOS

Leia mais

Marketing Turístico e Hoteleiro

Marketing Turístico e Hoteleiro 1 CAPÍTULO I Introdução ao Marketing Introdução ao Estudo do Marketing Capítulo I 1) INTRODUÇÃO AO MARKETING Sumário Conceito e Importância do marketing A evolução do conceito de marketing Ética e Responsabilidade

Leia mais

Fazer um plano de marketing

Fazer um plano de marketing Gerir - Guias práticos de suporte à gestão Fazer um plano de marketing A coerência e articulação das diferentes políticas da empresa ou produto(s) é responsável em grande parte pelo seu sucesso ou insucesso.

Leia mais

Gestão em Farmácia. Marketing 3. Manuel João Oliveira. Identificação e Selecção da Estratégia

Gestão em Farmácia. Marketing 3. Manuel João Oliveira. Identificação e Selecção da Estratégia Gestão em Farmácia Marketing 3 Manuel João Oliveira Análise Externa Análise do Cliente Segmentação, comportamento do cliente, necessidades não-correspondidas Análise dos Concorrentes Grupos estratégicos,

Leia mais

Marketing. Política da distribuição. Prof. José M. Veríssimo

Marketing. Política da distribuição. Prof. José M. Veríssimo Marketing Política da distribuição Prof. José M. Veríssimo 1 Objectivos Identificar as formas de organização de canais de distribuição. Identificar as funções dos canais de distribuição. Compreender a

Leia mais

MARKETING E VENDAS NA FARMÁCIA

MARKETING E VENDAS NA FARMÁCIA MARKETING E VENDAS NA FARMÁCIA Há muito se discute que o mercado de farmácias é ambiente competitivo e que a atividade vem exigindo profissionalismo para a administração de seus processos, recursos e pessoal.

Leia mais

Formulário de Projecto de Investimento

Formulário de Projecto de Investimento Formulário de Projecto de Investimento 1. Identificação do Projecto Título do projecto: Nome do responsável: Contacto Telefónico: Email: 1.1. Descrição sumária da Ideia de Negócio e suas características

Leia mais

PLANO SUCINTO DE NEGÓCIO

PLANO SUCINTO DE NEGÓCIO 1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJECTO PLANO SUCINTO DE NEGÓCIO Título do projecto: Nome do responsável: Contacto telefónico Email: 1.1. Descrição sumária da Ideia de Negócio e suas características inovadoras (Descreva

Leia mais

REQUISITOS MÍNIMOS DE INFORMAÇÕES E DADOS PARA OS ESTUDOS DE VIABILIDADE TÉCNICA, ECONÓMICA E FINANCEIRA (EVTEF) DOS PROJECTOS

REQUISITOS MÍNIMOS DE INFORMAÇÕES E DADOS PARA OS ESTUDOS DE VIABILIDADE TÉCNICA, ECONÓMICA E FINANCEIRA (EVTEF) DOS PROJECTOS PROCESSOS DE CANDIDATURA A FINANCIAMENTO DO BANCO DE DESENVOLVIMENTO DE ANGOLA REQUISITOS MÍNIMOS DE INFORMAÇÕES E DADOS PARA OS ESTUDOS DE VIABILIDADE TÉCNICA, ECONÓMICA E FINANCEIRA (EVTEF) DOS PROJECTOS

Leia mais

Marketing de Serviços

Marketing de Serviços Marketing de Serviços Distribuição de Serviços 1 Objectivos Discutir as formas de distribuição de serviços e os seus desafios Avaliar as implicações da distribuição de serviços através de canais físicos

Leia mais

Prof. Marcopolo Marinho

Prof. Marcopolo Marinho Aula 05 Marketing Modelo E-C-D; Modelo de cinco forças de ameaças ambientais; Análise do Ambiente Externo; Ferramenta de mapeamento de processos e de planificação estratégica - 5w2h; O Plano Estratégico:

Leia mais

Desenvolvimento do Mix de Marketing

Desenvolvimento do Mix de Marketing Desenvolvimento do Mix de Marketing Mix de Marketing O composto de marketing é conhecido no escopo mercadológico como os 4Ps denominados por Jeronme Mc Carthy como: product, price, place e promotion. Na

Leia mais

MARKETING DESENVOLVIMENTO HUMANO

MARKETING DESENVOLVIMENTO HUMANO MRKETING DESENVOLVIMENTO HUMNO MRKETING rte de conquistar e manter clientes. DESENVOLVIMENTO HUMNO É a ciência e a arte de conquistar e manter clientes e desenvolver relacionamentos lucrativos entre eles.

Leia mais

AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR

AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR KOTLER, 2006 AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR. OS CANAIS AFETAM TODAS AS OUTRAS DECISÕES DE MARKETING Desenhando a estratégia

Leia mais

Administrando os canais de distribuição (aula 2)

Administrando os canais de distribuição (aula 2) 13 Aula 2/5/2008 Administrando os canais de distribuição (aula 2) 1 Objetivos da aula Explicar como os profissionais de marketing usam canais tradicionais e alternativos. Discutir princípios para selecionar

Leia mais

E - Simulado 02 Questões de Tecnologia em Marketing

E - Simulado 02 Questões de Tecnologia em Marketing E - Simulado 02 Questões de Tecnologia em Marketing Questão 01: (ENADE 2009): Um fabricante de sapatos pode usar a mesma marca em duas ou mais linhas de produtos com o objetivo de reduzir os custos de

Leia mais

Qualidade em e-serviços multicanal

Qualidade em e-serviços multicanal Qualidade em e-serviços multicanal Em anos recentes temos assistido a um grande crescimento dos serviços prestados pela internet (e-serviços). Ao longo deste percurso, os e-serviços têm também adquirido

Leia mais

-Resumo- Marketing Internacional Professor Doutor Jorge Remondes. Joana Rita Rodrigues da Silva, Número 7989. Comunicação Empresarial, 2º ano

-Resumo- Marketing Internacional Professor Doutor Jorge Remondes. Joana Rita Rodrigues da Silva, Número 7989. Comunicação Empresarial, 2º ano Marketing Internacional Professor Doutor Jorge Remondes Joana Rita Rodrigues da Silva, Número 7989 Comunicação Empresarial, 2º ano -Resumo- As estratégias de marketing são uma aposta importante tanto para

Leia mais

Seminário Internacional Cooperação Internacional e Inovação em Logística. Feira de Valladolid

Seminário Internacional Cooperação Internacional e Inovação em Logística. Feira de Valladolid Seminário Internacional Cooperação Internacional e Inovação em Logística Feira de Valladolid Copyright 2011 APLOG All Rights Reserved. 1 Desde 1991 20 anos de existência É uma associação de conhecimento,

Leia mais

MBA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS

MBA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS MBA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS 1 Prof. Martius v. Rodriguez y Rodriguez, pdsc. PRINCÍPIOS ANÁLISE ESTRATÉGICA (FOfA) BALANCED SCORECARD (BSC) EVOLUÇÃO DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO ESCOLAS DE PENSAMENTO

Leia mais

Informática. Conceitos Básicos. Informação e Sistemas de Informação. Aula 3. Introdução aos Sistemas

Informática. Conceitos Básicos. Informação e Sistemas de Informação. Aula 3. Introdução aos Sistemas Informática Aula 3 Conceitos Básicos. Informação e Sistemas de Informação Comunicação Empresarial 2º Ano Ano lectivo 2003-2004 Introdução aos Sistemas A Teoria dos Sistemas proporciona um meio poderoso

Leia mais

Inovação e Criação de Novos Negócios

Inovação e Criação de Novos Negócios INOVAÇÃO E TECNOLOGIA NA FORMAÇÃO AGRÍCOLA Inovação e Criação de Novos Negócios Luís Mira da Silva Cristina Mota Capitão Isabel Alte da Veiga Carlos Noéme Inovação INOVAÇÃO Inovação: introdução INOVAR

Leia mais

FUNDAMENTOS PARA A ADMINISTRAÇÃO ESTRATÉGICA

FUNDAMENTOS PARA A ADMINISTRAÇÃO ESTRATÉGICA FUNDAMENTOS PARA A ADMINISTRAÇÃO ESTRATÉGICA Abordagem da estratégia Análise de áreas mais específicas da administração estratégica e examina três das principais áreas funcionais das organizações: marketing,

Leia mais

Gestão de. O que é Marketing? Steven Albuquerque. Steven Albuquerque DISCIPLINA. Conceituação de Marketing. Conceituação de Marketing 15/02/2016

Gestão de. O que é Marketing? Steven Albuquerque. Steven Albuquerque DISCIPLINA. Conceituação de Marketing. Conceituação de Marketing 15/02/2016 2 Gestão de Mestre em Administração Univ. Federal de Pernambuco - UFPE Master em International Business Universidad de Barcelona MBA em Estratégico Univ. Federal de Pernambuco - UFPE Administrador Univ.

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO E COMUNICAÇÃO

DISTRIBUIÇÃO E COMUNICAÇÃO Gestão de Marketing 25ª Aula (teórica) Apresentação elaborada por Pedro Dionísio e Hélia Gonçalves Pereira, professores do ISCTE. É expressamente proibida qualquer utilização sem a prévia autorização dos

Leia mais

4. Análise de Mercado

4. Análise de Mercado 4. Análise de Mercado Ações de Maturação e Aceleração 01.04.2014 Carla Machado Análise de Mercado Índice 1. Evolução Previsional do Setor Enquadre o negócio no setor de atividade, referindo oportunidades

Leia mais

COMO ELABORAR UM PLANO DE NEGÓCIOS DE SUCESSO

COMO ELABORAR UM PLANO DE NEGÓCIOS DE SUCESSO COMO ELABORAR UM PLANO DE NEGÓCIOS DE SUCESSO 1 Sumário: Conceito e Objectivos Estrutura do PN o Apresentação da Empresa o Análise do Produto / Serviço o Análise de Mercado o Estratégia de Marketing o

Leia mais

Estratégias de marketing para serviços de alimentação Prof. Dr. Raul Amaral

Estratégias de marketing para serviços de alimentação Prof. Dr. Raul Amaral Estratégias de marketing para serviços de alimentação Prof. Dr. Raul Amaral 1) Estratégias de produtos e serviços. 2) Estratégias de preços. 3) Estratégias de promoção e vendas. 1) Estratégias de produtos

Leia mais

CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA.

CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA. CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA. A CompuStream, empresa especializada em desenvolvimento de negócios, atua em projetos de investimento em empresas brasileiras que tenham um alto

Leia mais

As Vendas e Prestações de Serviços

As Vendas e Prestações de Serviços Disciplina: Técnicas de Secretariado Ano lectivo: 2009/2010 Prof: Adelina Silva As Vendas e Prestações de Serviços Trabalho Realizado por: Susana Carneiro 12ºS Nº18 Marketing Marketing é a parte do processo

Leia mais

Gestão e Marketing Análise SWOT - FFOA

Gestão e Marketing Análise SWOT - FFOA Gestão e Marketing Análise SWOT - FFOA SWOT Strengths (Forças), Weaknesses (Fraquezas), Opportunities (Oportunidades) e Threats (Ameaças) Forças Oportunidades Fraquezas Ameaças Interno Externo Ajudam Atrapalham

Leia mais

Módulo 2 Planeamento de Marketing. Capítulo 4. Atribuição de Preço. Dr. Andrea Grimm Dr. Astin Malschinger

Módulo 2 Planeamento de Marketing. Capítulo 4. Atribuição de Preço. Dr. Andrea Grimm Dr. Astin Malschinger Módulo 2 Planeamento de Marketing Capítulo 4 Atribuição de Preço Dr. Andrea Grimm Dr. Astin Malschinger CONTEÚDOS 2 MÓDULO 2 PLANEAMENTO DE MARKETING Capítulo 4: Atribuição de preços Autores: Dr. Andrea

Leia mais

Gestão e Teoria da Decisão

Gestão e Teoria da Decisão Gestão e Teoria da Decisão e Gestão de Stocks Licenciatura em Engenharia Civil Licenciatura em Engenharia do Território 1 Agenda 1. Introdução 2. Definição de 3. Evolução Histórica da 4. Integração - Aproximação

Leia mais

Marketing de Serviços e de Relacionamento. MBA em Gestão de Marketing Prof.: Alice Selles

Marketing de Serviços e de Relacionamento. MBA em Gestão de Marketing Prof.: Alice Selles Marketing de Serviços e de Relacionamento MBA em Gestão de Marketing Prof.: Alice Selles Conteúdo programático Os fundamentos do Marketing de serviços O comportamento do consumidor nos serviços As expectativas

Leia mais

Desmistificando o Marketing Sérgio Luis Ignácio de Oliveira

Desmistificando o Marketing Sérgio Luis Ignácio de Oliveira Desmistificando o Marketing Sérgio Luis Ignácio de Oliveira Novatec Sumário Agradecimentos... 13 Sobre o autor... 15 Prefácio... 17 Capítulo 1 Desmistificando o Marketing... 20 Mas o que é Marketing?...20

Leia mais

Strenghts: Vantagens internas da empresa ou produto(s) em relação aos seus principais concorrentes;

Strenghts: Vantagens internas da empresa ou produto(s) em relação aos seus principais concorrentes; Gerir - Guias práticos de suporte à gestão A análise SWOT A Análise SWOT é uma ferramenta de gestão muito utilizada pelas empresas para o diagnóstico estratégico. O termo SWOT é composto pelas iniciais

Leia mais

Empreender 360º - Apoios ao Empreendedorismo! 23-05-2014. http://www.strongautomotive.com/step-back-evaluate-2014-marketing-plan/

Empreender 360º - Apoios ao Empreendedorismo! 23-05-2014. http://www.strongautomotive.com/step-back-evaluate-2014-marketing-plan/ Empreender 360º - Apoios ao Empreendedorismo! 23-05-2014 http://www.strongautomotive.com/step-back-evaluate-2014-marketing-plan/ Estrutura possível de um plano de marketing 1. Sumário Executivo 7. Marketing-mix

Leia mais

Desenvolver uma estratégia de marketing

Desenvolver uma estratégia de marketing Gerir - Guias práticos de suporte à gestão Desenvolver uma estratégia de marketing O principal objectivo de uma Estratégia de Marketing é o desenvolvimento do negócio, tendo em linha de conta, a análise

Leia mais

VINIPORTUGAL Plano Estratégico 2012 / 2014 VINIPORTUGAL. Associação Interprofissional. para a. Promoção dos Vinhos de Portugal

VINIPORTUGAL Plano Estratégico 2012 / 2014 VINIPORTUGAL. Associação Interprofissional. para a. Promoção dos Vinhos de Portugal VINIPORTUGAL Plano Estratégico 2012 / 2014 VINIPORTUGAL Associação Interprofissional para a Promoção dos Vinhos de Portugal I - PLANO ESTRATÉGICO (CORPORATE BUSINESS PLAN) Desenvolver e executar estratégias

Leia mais

LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza

LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza edwin@engenharia-puro.com.br www.engenharia-puro.com.br/edwin Introdução A A logística sempre existiu e está presente no dia a dia de todos nós, nas mais diversas

Leia mais

GESTÃO ESTRATÉGICA DE MARKETING

GESTÃO ESTRATÉGICA DE MARKETING GESTÃO ESTRATÉGICA DE MARKETING PÓS-GRADUAÇÃO / FIB-2009 Prof. Paulo Neto O QUE É MARKETING? Marketing: palavra em inglês derivada de market que significa: mercado. Entende-se que a empresa que pratica

Leia mais

RECURSOS HUMANOS PRODUÇÃO

RECURSOS HUMANOS PRODUÇÃO RECURSOS HUMANOS FINANCEIRO VENDAS PRODUÇÃO DEPARTAMENTO MERCADOLÓGICO Introduzir no mercado os produtos ou serviços finais de uma organização, para que sejam adquiridos por outras organizações ou por

Leia mais

PLANO DE MARKETING. Trabalho realizado por: Vera Valadeiro, nº20. TAG 4/2010 17 Valores

PLANO DE MARKETING. Trabalho realizado por: Vera Valadeiro, nº20. TAG 4/2010 17 Valores 0366 PLANO DE MARKETING Trabalho realizado por: Vera Valadeiro, nº20 TAG 4/2010 17 Valores Índice Introdução Diagnóstico Análise do Mercado Análise da Concorrência Análise da Empresa Análise SWOT Objectivos

Leia mais

IDN-Incubadora de Idanha-a-Nova

IDN-Incubadora de Idanha-a-Nova IDN-Incubadora de Idanha-a-Nova Guião do estudo económico e financeiro IDN - Incubadora de Idanha - Guião de candidatura Pág. 1 I CARACTERIZAÇÃO DO PROMOTOR 1.1 - Identificação sumária da empresa 1.2 -

Leia mais

5.1 Introdução, conceitos fundamentais, comportamento do consumidor

5.1 Introdução, conceitos fundamentais, comportamento do consumidor Capítulo 5: Marketing Conteúdo Temático 5.1 Introdução, conceitos fundamentais, comportamento do consumidor 5.2 Segmentação, escolha de mercados alvo e posicionamento 5.3 Marketing Mix 5.1 Introdução,

Leia mais

Palavras-chave: Marketing internacional; marketing Mix; Distribuição; Forca de vendas

Palavras-chave: Marketing internacional; marketing Mix; Distribuição; Forca de vendas Marketing Mix Internacional Comunicação Empresarial Marketing Internacional José António Gonçalves Costa 7828 Resumo Neste artigo vou procurar definir o que é o Marketing internacional, Marketing Mix e

Leia mais

FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM ADMINISTRAÇÃO MÓDULO DE MARKETING. Professor: Arlindo Neto

FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM ADMINISTRAÇÃO MÓDULO DE MARKETING. Professor: Arlindo Neto FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM ADMINISTRAÇÃO MÓDULO DE MARKETING Professor: Arlindo Neto Competências a serem trabalhadas GESTÃO DE MARKETING PUBLICIDADE E PROPAGANDA GESTÃO COMERCIAL FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM

Leia mais

Departamento comercial e Marketing

Departamento comercial e Marketing Departamento comercial e Marketing Tânia Carneiro Nº20 12ºS Departamento Comercial Noção e objectivos da função comercial O departamento de vendas é considerado por muitos como mais importante da empresa,

Leia mais

Fundamentos de Marketing Global Parte 02 Decisão sobre o programa de Marketing Global Alternativas estratégicas de expansão geográfica

Fundamentos de Marketing Global Parte 02 Decisão sobre o programa de Marketing Global Alternativas estratégicas de expansão geográfica Fundamentos de Marketing Global Parte 02 Decisão sobre o programa de Marketing Global Alternativas estratégicas de expansão geográfica As empresas podem crescer de três maneiras diferentes. Os métodos

Leia mais

O Processo Básico de Reorganização da Economia

O Processo Básico de Reorganização da Economia O Processo Básico de Reorganização da Economia É útil, sempre, mas particularmente no tempo que vivemos, mantermos clara a compreensão do processo de reorganização da economia dos agentes intervenientes

Leia mais

PLANEAMENTO ESTRATÉGICO DE SI/TI

PLANEAMENTO ESTRATÉGICO DE SI/TI (1) PLANEAMENTO ESTRATÉGICO DE SI/TI Docente: Turma: T15 Grupo 5 Mestre António Cardão Pito João Curinha; Rui Pratas; Susana Rosa; Tomás Cruz Tópicos (2) Planeamento Estratégico de SI/TI Evolução dos SI

Leia mais

MANUAL FORMAÇÃO PME GESTÃO ESTRATÉGICA

MANUAL FORMAÇÃO PME GESTÃO ESTRATÉGICA MANUAL FORMAÇÃO PME GESTÃO ESTRATÉGICA 1/21 ANÁLISE DA ENVOLVENTE EXTERNA À EMPRESA... 3 1. Análise do Meio Envolvente... 3 2. Análise da Evolução do Mercado... 7 3. Análise da Realidade Concorrencial...

Leia mais

Módulo 5. Composto de Marketing (Marketing Mix)

Módulo 5. Composto de Marketing (Marketing Mix) Módulo 5. Composto de Marketing (Marketing Mix) Dentro do processo de administração de marketing foi enfatizado como os profissionais dessa área identificam e definem os mercados alvo e planejam as estratégias

Leia mais

Módulo 12. Estratégias para formação de preços

Módulo 12. Estratégias para formação de preços Módulo 12. Estratégias para formação de preços As decisões de preços estão sujeitas a um conjunto inacreditavelmente complexo de forças ambientais e competitivas. Não existe como uma empresa, simplesmente,

Leia mais

(c) Activos biológicos relacionados com a actividade agrícola e produto agrícola na altura da colheita (ver a NCRF 17 - Agricultura).

(c) Activos biológicos relacionados com a actividade agrícola e produto agrícola na altura da colheita (ver a NCRF 17 - Agricultura). NCRF 18 Inventários Esta Norma Contabilística e de Relato Financeiro tem por base a Norma Internacional de Contabilidade IAS 2 - Inventários, adoptada pelo texto original do Regulamento (CE) n.º 1126/2008

Leia mais

Índice. rota 3. Enquadramento e benefícios 6. Comunicação Ética 8. Ética nos Negócios 11. Promoção para o Desenvolvimento Sustentável 13. Percurso 1.

Índice. rota 3. Enquadramento e benefícios 6. Comunicação Ética 8. Ética nos Negócios 11. Promoção para o Desenvolvimento Sustentável 13. Percurso 1. rota 3 CLIENTES Rota 3 Índice Enquadramento e benefícios 6 Percurso 1. Comunicação Ética 8 Percurso 2. Ética nos Negócios 11 Percurso 3. Promoção para o Desenvolvimento Sustentável 13 responsabilidade

Leia mais

Prof. Marcelo Mello. Unidade III DISTRIBUIÇÃO E

Prof. Marcelo Mello. Unidade III DISTRIBUIÇÃO E Prof. Marcelo Mello Unidade III DISTRIBUIÇÃO E TRADE MARKETING Canais de distribuição Canal vertical: Antigamente, os canais de distribuição eram estruturas mercadológicas verticais, em que a responsabilidade

Leia mais

Marketing para exportadores de vinho

Marketing para exportadores de vinho Marketing para exportadores de vinho Apesar da longa tradição de fabrico de vinho em Portugal, as informações sobre o marketing destes produtos ainda são muito escassas. Dada a importância do sector para

Leia mais

Questões abordadas - Distribuição

Questões abordadas - Distribuição AULA 11 Marketing Questões abordadas - Distribuição O que é um sistema de canais de marketing e uma rede de valor? Qual é o trabalho realizado pelos canais de marketing? Como esses canais devem ser projetados?

Leia mais

Plano de Marketing. Introdução (breve) ao Marketing Análise de Mercado Estratégias de Marketing

Plano de Marketing. Introdução (breve) ao Marketing Análise de Mercado Estratégias de Marketing Plano de Marketing Introdução (breve) ao Marketing Análise de Mercado Estratégias de Marketing 1 Plano de Marketing É o resultado de um processo de planejamento. Define o quevai ser vendido, por quanto,

Leia mais