Projeto de Recuperação Final - 1ª Série (EM)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Projeto de Recuperação Final - 1ª Série (EM)"

Transcrição

1 Projeto de Recuperação Final - 1ª Série (EM) Matemática 1 MATÉRIA A SER ESTUDADA Nome do Fascículo Aula Ex de aula Ex da tarefa Funções Inequação do 1º grau, pág ,5,6 Funções Inequação do 1º grau, pág 60 1,2, 2,,4,5 Funções Inequação do 1º grau, pág 61 1,2,,4 4,5 Funções Função do 2º grau, pág ,2,6 Funções Função do 2º grau, pág 6 1,2,7 Funções Função do 2º grau, pág 64 1, 1,2,4,5 Funções Função do 2º grau, pág 65 1,,5,7 Funções Função do 2º grau, pág 66 1,2, 1,2 Funções Função do 2º grau, pág 67 1,2,,4 1,2,5,6 Exponencial e logaritmos Propriedades dos expoentes, pág 0 1,2,,4,5 1,2,,4,5,8 Exponencial e logaritmos Função exponencial e problemas, pág 1 1,2,4 2,6,7 Exponencial e logaritmos Função exponencial e problemas, pág 2 1,2 1,2,4,5,7 Exponencial e logaritmos Inequações exponenciais, pág 2, 1,2,4,5,7,8,9 Exponencial e logaritmos Equações exponenciais, pág 4 1,2,4 1,2,,5,6,8,10 Exponencial e logaritmos Equações exponenciais, pág 5 1,2,4 1,2,,4,5,6,8,10 Exponencial e logaritmos Logaritmos, pág 8 1,2, 1,2,,4,5,8 Exponencial e logaritmos Logaritmos, pág 9,4 1,2,6,8 LISTA DE EXERCÍCIOS PARA ENTREGAR x 2 1. Resolva a inequação 0 x 2. Sabendo que o mínimo valor de uma função é dado por y V = - /4a, calcule o valor de m na função y = x 2 6x + m, onde o valor mínimo da função é -8.. Resolva a equação ( 2 ) x = Resolva a equação x 2 1 x. 5. Calcule o valor de log x 2 6. Resolva a inequação 0. 2x 7. Dada a função f(x) = x 2 4, pede-se: a) f(2) + f(-2). b) f(0) c) sua concavidade. 8. O volume de água de um reservatório varia com o tempo, em horas, conforme a expressão V(t) = 240 0,4t. Sabendo que o volume medido em metros cúbicos não pode ficar menor do que 25% do inicial, por motivos de segurança, determine o intervalo de tempo em que a água pode ser utilizada.

2 9. Dadas as funções reais, de variável real, definidas por: f(x) = x 6 g(x) = 2x 5 h(x) = -x Para que valores de x temos f(x) < g(x) < h(x)? 10. Para que valor de m a função y = (m 2 9)x (m + )x 2 7x + 2 pode representar uma função de segundo grau? 11. Determine m para que o gráfico da função y = x 2 + mx + 16 seja tangente ao eixo das abscissas, ou seja, que a função tenha apenas uma raiz real. 12. O custo C, em reais, para produzir n unidades de determinado produto é dado por C(n) = n + n 2. Quantas unidades deverão ser produzidas para obter o custo mínimo? 1. Calcule o valor de log Resolva log ( x 2) Calcule o valor de log (1/ab), sabendo que a e b são raízes da equação x 2 7x + 10 = Sabendo que log (x-2) 4 = 2, calcule x. 17. Sabe-se que log x 81 = 4, log y 8 = x, log y z = 6. Determine x, y e z. 18. Escreva em forma de potência o número 9 f ( x) 2m é decrescente? 19. Para que valores de m a função x 20. Uma população de coelhos cresce 0% ao mês. Escreva a função que representa o número y de animais após x meses, supondo uma população inicial P 0. Gabarito: 1. { } 2. m = / { } 7. a) 0 b) -4 c) p/ cima min 9. ]-1,1[ 10. m ± 11. m = ± / / / 17. x= y = 2 z = /6 19. /2 < m < P 0. (1,) x

3 Matemática 2 MATÉRIA A SER ESTUDADA Nome do Fascículo Aula Exercícios de aula Exercícios de tarefa Introdução a geometria analítica: Plano Cartesiano; Ponto Médio e 1,2 1,4,7,11 Baricentro pag 2 Introdução a geometria analítica: Plano Cartesiano; Ponto Médio e,4 4,5,6,7,8 Baricentro, pag Distância entre dois pontos pag 4 1,2 1,2,,4,5,7 Distância entre dois pontos e circunferência; pag 5 1,2,,4 1,2,,4,6,7 1,2,4 1,2,,6,7,9 6 1, 1,2, 7 1 1,2 8 1,2 1,2, 9 1, 1,2, 40 geral e soma. pag 29 1,2, 1,2,,4,6,8,9 geral e soma. pag 0 1,2 2,,5,7,9 geral e soma. pag 1 1,2 1,,9,10,12 geral e soma. pag 2 1,,4 1,,4 1,2,,4 1,2,,5,7 pag 1, 1,2,5 pag 4 1,2 1,2,4,5 pag 5 Soma dos termos e Limite da Soma 1,2,,5 1,,4,7,8 pag 6 pag 7 2,4 2,6 LISTA DE EXERCÍCIOS PARA ENTREGAR 1) Calcule a distância entre os pontos dados: a) A(,7) e B(1,4) b) E(,1) e F(,5) c) H(-2,-5) e O(0,0) 2) Determine o ponto médio do segmento de extremidades: a) A(-1,6) e B(-5,4) b) A(-1,-7) e B(,-5) c) A(-4,-2) e B(-2,-4)

4 ) Determine a equação da reta que passa pelo ponto A(4,2) e tem inclinação de 45 com eixo das abscissas. 4) Determine a equação da reta que passa pelos pontos A(-1,4) e tem coeficiente angular 2. 5) Determine a equação da reta que passa pelos pontos A(-1,-2) e B(5,2). 6) Dados os pontos A(2,4), B(8,5) e C(5,9). Pede-se: a) O ponto médio de. b) A distância entre os pontos A e C. c) Um equação de reta que passa por A e B. 7) Determine uma equação da circunferência que tem : a) Centro C(2,5) e raio b) Centro C(-1,-4) e raio 8) Dê as coordenadas do centro e do raio das circunferências representadas pela equações: a) (x+2) 2 +(y+6) 2 =5 b) x 2 + y 2-2x -2 y =0 c) x 2-4x + y 2-8y+16=0 d) x 2 + y 2 =10 9) Determine a equação da reta que passa pelo ponto P e é perpendicular à reta r em cada um dos seguintes casos: a) P(2,6) e equação de r: 2x- y+=0 b) P(-,2) e equação de r: x + 4y - 4=0 10) Dada a equação de reta (s): 2x - y +1 = 0, a equação de reta paralela a,que passa pelo ponto P(1,1) será: a) 2x - y = 0 b) 2x + y +1 = 0 c) 2x + y -1 = 0 d) 2x - y -1 = 0 e) 2x - y + 2 = 0 11) Seja a reta r, de equação y=(x/2) +17. Das equações a seguir, a que representa uma reta paralela a r é : a) 2y = (x/2) + 10 b) 2y = - 2x + 5 c) 2y = x + 12 d) y = - 2x + 5 e) y = x ) Interpolando-se 7 termos aritméticos entre os números 10 e 98, obtém-se uma progressão aritmética cujo termo central é: a) 45 b) 52 c) 54 d) 55 e) 57 1) Inserindo-se 5 números entre 18 e 96, de modo que a seqüência (18, a 2, a, a 4,a 5,a 6, 96) seja uma progressão aritmética, tem-se a igual a: a) 4 b) 44 c) 45 d) 46 e) 47 14) Um pai resolve depositar todos os meses uma certa quantia na caderneta de poupança de sua filha. Pretende começar com R$ 5,00 e aumentar R$ 5,00 por mês, ou seja, depositar R$ 10,00 no segundo mês, R$ 15,00 no terceiro mês e assim por diante. Após efetuar o décimo quinto depósito, a quantia total depositada por ele será de: a) R$ 150,00 b) R$ 250,00 c) R$ 400,00 d) R$ 520,00 e) R$ 600,00 15) Num programa de condicionamento físico uma pessoa começa correndo 00 metros num dia, 400 metros no dia seguinte, 500metros no próximo dia e assim sucessivamente até o décimo dia.pergunta-se: a) Quantos metros correu no décimo dia? b) Qual o total de metros percorridos por essa pessoas nos 10 dias? 16) Calcule o valor de x para que os números (2x; 1-7x; x-11) nesta ordem, formem uma P. A. 17) Para que valor de x a sequência (x-4; 2x; x+2) é uma P.A? 18) Determine a soma da P.G infinita (1/ +1/9 +1/ ) 19) Calcule o 10 termo da P.G (9,27...) 20) Calcule o 1 termo da P.G em que a 4 =64 e q=2.

5 Gabarito: 1. a), b) 4, c) 2 a) (-,5), b) (1,-1) c) (-,-). x - y - 2 = x - y + 6 = x + y - 4 = 0 6. a) (5;4,5), b), c) x - 6y + 22 = 0 7. a) (x - 2)² + (y - 5)² = 9 b) (x + 1)² + (y + 4)² = 2 8. a) (-2,-6) e b) (1,1) e c) (2,4) e 2 d) (0,0) e 9. a) x + 2y - 15 = 0 b) 4x - y - 18 = c 11. c e 15. a) 1200 b) / /

EXERCÍCIOS DE REVISÃO ENSINO MÉDIO 4º. BIMESTRE

EXERCÍCIOS DE REVISÃO ENSINO MÉDIO 4º. BIMESTRE EXERCÍCIOS DE REVISÃO ENSINO MÉDIO 4º. BIMESTRE 1ª. SÉRIE Inequações Modulares 1.- Resolver em IR a) x 1 < 2 b) 1-2x > 3 c) x 2 4x < 0 Exercícios de PA e PG 1. Determinar o 61º termo da PA ( 9,13,17,21,...)

Leia mais

EXERCÍCIOS DE REVISÃO ENSINO MÉDIO 4º. BIMESTRE

EXERCÍCIOS DE REVISÃO ENSINO MÉDIO 4º. BIMESTRE EXERCÍCIOS DE REVISÃO ENSINO MÉDIO 4º. BIMESTRE 1ª. SÉRIE Exercícios de PA e PG 1. Determinar o 61º termo da PA ( 9,13,17,21,...) Resp. 249 2. Determinar a razão da PA ( a 1,a 2, a 3,...) em que o primeiro

Leia mais

ALUNO(A): Prof.: André Luiz Acesse: 02/05/2012

ALUNO(A): Prof.: André Luiz Acesse:  02/05/2012 1. FUNÇÃO 1.1. DEFINIÇÃO Uma função é um conjunto de pares ordenados de números (x,y) no qual duas duplas ordenadas distintas não podem ter o mesmo primeiro número, ou seja, garante que y seja único para

Leia mais

Matemática - 3ª série Roteiro 04 Caderno do Aluno. Estudo da Reta

Matemática - 3ª série Roteiro 04 Caderno do Aluno. Estudo da Reta Matemática - 3ª série Roteiro 04 Caderno do Aluno Estudo da Reta I - Inclinação de uma reta () direção É a medida do ângulo que a reta forma com o semieixo das abscissas (positivo) no sentido anti-horário.

Leia mais

FUNÇÃO DE 2 GRAU. 1, 3 e) (1,3)

FUNÇÃO DE 2 GRAU. 1, 3 e) (1,3) FUNÇÃO DE 2 GRAU 1-(ANGLO) O vértice da parábola y= 2x²- 4x + 5 é o ponto 1 11 1, 3 e) (1,3) a) (2,5) b) (, ) c) (-1,11) d) ( ) 2-(ANGLO) A função f(x) = x²- 4x + k tem o valor mínimo igual a 8. O valor

Leia mais

Plano de Recuperação 1º Semestre EF2-2011

Plano de Recuperação 1º Semestre EF2-2011 Professor: Marcelo, Cebola e Natália Ano: 9º Objetivos: Proporcionar ao aluno a oportunidade de resgatar os conteúdos trabalhados em Matemática nos quais apresentou defasagens e os quais lhe servirão como

Leia mais

TECNÓLOGO EM CONSTRUÇÃO CIVIL. Aula 5 _ Função Polinomial do 1º Grau Professor Luciano Nóbrega

TECNÓLOGO EM CONSTRUÇÃO CIVIL. Aula 5 _ Função Polinomial do 1º Grau Professor Luciano Nóbrega 1 TECNÓLOGO EM CONSTRUÇÃO CIVIL Aula 5 _ Função Polinomial do 1º Grau Professor Luciano Nóbrega 2 FUNÇÃO POLINOMIAL DO 1º GRAU Uma função polinomial do 1º grau (ou simplesmente, função do 1º grau) é uma

Leia mais

3º ANO DO ENSINO MÉDIO. 1.- Quais são os coeficientes angulares das retas r e s? 60º 105º. 0 x x. a) Escreva uma equação geral da reta r.

3º ANO DO ENSINO MÉDIO. 1.- Quais são os coeficientes angulares das retas r e s? 60º 105º. 0 x x. a) Escreva uma equação geral da reta r. EXERCÍCIOS DE REVISÃO 3º BIMESTRE GEOMETRIA ANALÍTICA 3º ANO DO ENSINO MÉDIO 1.- Quais são os coeficientes angulares das retas r e s? s 60º 105º r 2.- Considere a figura a seguir: 0 x r 2 A C -2 0 2 5

Leia mais

Função de 1º Grau. Como construir um Gráfico. Função constante. Matemática Básica I. RANILDO LOPES Slides disponíveis no nosso SITE:

Função de 1º Grau. Como construir um Gráfico. Função constante. Matemática Básica I. RANILDO LOPES Slides disponíveis no nosso SITE: Matemática Básica Como construir um Gráfico Unidade 5. Gráficos de Funções Reais RANILDO LOPES Slides disponíveis no nosso SITE: https://ueedgartito.wordpress.com x y = f(x) x y x x 3 y x 4 y 3 y 4 x 5

Leia mais

Geometria Analítica - AFA

Geometria Analítica - AFA Geometria Analítica - AFA x = v + (AFA) Considerando no plano cartesiano ortogonal as retas r, s e t, tais que (r) :, (s) : mx + y + m = 0 e (t) : x = 0, y = v analise as proposições abaixo, classificando-

Leia mais

Componente Curricular: Professor(a): Turno: Data: Matemática PAULO CEZAR Matutino Aluno(a): Nº do A- Série: Turma: Lista de Exercícios

Componente Curricular: Professor(a): Turno: Data: Matemática PAULO CEZAR Matutino Aluno(a): Nº do A- Série: Turma: Lista de Exercícios Valor 1,0 Componente Curricular: Professor(a): Turno: Data: Matemática PAULO CEZAR Matutino Aluno(a): Nº do A- Série: Turma: luno: 1º Ano Sucesso! Pontuação EXTRA Esta lista é facultativa ao aluno. Lista

Leia mais

MATEMÁTICA PROGRESSÕES ARITMÉTICAS (P.A.) PROFº. ADRIANO PAULO. 02. Calcule o 17º termo da P.A. cujo primeiro termo é 3 e cuja razão é 5.

MATEMÁTICA PROGRESSÕES ARITMÉTICAS (P.A.) PROFº. ADRIANO PAULO. 02. Calcule o 17º termo da P.A. cujo primeiro termo é 3 e cuja razão é 5. MATEMÁTICA PROGRESSÕES ARITMÉTICAS (P.A.) PROFº. ADRIANO PAULO Determine x de modo que (x, 2x + 1, 5x + 7) seja uma P.A. 01. Determine a de modo que (a 2, (a + 1) 2, (a + 5) 2 ) seja uma P.A. 02. Calcule

Leia mais

SUMÁRIO. Unidade 1 Matemática Básica

SUMÁRIO. Unidade 1 Matemática Básica SUMÁRIO Unidade 1 Matemática Básica Capítulo 1 Aritmética Introdução... 12 Expressões numéricas... 12 Frações... 15 Múltiplos e divisores... 18 Potências... 21 Raízes... 22 Capítulo 2 Álgebra Introdução...

Leia mais

UFBA / UFRB a Fase Matemática RESOLUÇÃO: Professora Maria Antônia Gouveia. QUESTÕES de 01 a 08

UFBA / UFRB a Fase Matemática RESOLUÇÃO: Professora Maria Antônia Gouveia. QUESTÕES de 01 a 08 UFBA / UFRB 008 1a Fase Matemática Professora Maria Antônia Gouveia QUESTÕES de 01 a 08 INSTRUÇÃO: Assinale as proposições verdadeiras, some os números a elas associados e marque o resultado na Folha de

Leia mais

Exercícios de Matemática Geometria Analítica

Exercícios de Matemática Geometria Analítica Eercícios de Matemática Geometria Analítica. (UFRGS) Considere um sistema cartesiano ortogonal e o ponto P(. ) de intersecção das duas diagonais de um losango. Se a equação da reta que contém uma das diagonais

Leia mais

a) b) 5 3 sen 60 o = x. 2 2 = 5. 3 x = x = No triângulo da figura abaixo, o valor do x é igual a: a) 7 c) 2 31 e) 7 3 b) 31 d) 31 3

a) b) 5 3 sen 60 o = x. 2 2 = 5. 3 x = x = No triângulo da figura abaixo, o valor do x é igual a: a) 7 c) 2 31 e) 7 3 b) 31 d) 31 3 Matemática a. série do Ensino Médio Frentes e Eercícios propostos AULA FRENTE Num triângulo ABC em que AB = 5, B^ = º e C^ = 5º, a medida do lado AC é: a) 5 b) 5 c) 5 d) 5 e) 5 Sabendo-se que um dos lados

Leia mais

Matemática Básica. Fração geratriz e Sistema de numeração 1) 0, = ) 2, =

Matemática Básica. Fração geratriz e Sistema de numeração 1) 0, = ) 2, = Erivaldo UDESC Matemática Básica Fração geratriz e Sistema de numeração 1) 0,353535... = 35 99 2) 2,1343434... = 2134 21 99 0 Decimal (Indo-Arábico): 2107 = 2.10 3 + 1.10 2 + 0.10 1 + 7.10 0 Número de

Leia mais

13. (Uerj) Em cada ponto (x, y) do plano cartesiano, o valor de T é definido pela seguinte equação:

13. (Uerj) Em cada ponto (x, y) do plano cartesiano, o valor de T é definido pela seguinte equação: 1. (Ufc) Considere o triângulo cujos vértices são os pontos A(2,0); B(0,4) e C(2Ë5, 4+Ë5). Determine o valor numérico da altura relativa ao lado AB, deste triângulo. 2. (Unesp) A reta r é perpendicular

Leia mais

Proposta de teste de avaliação

Proposta de teste de avaliação Proposta de teste de avaliação Matemática A 10. O ANO DE ESCOLARIDADE Duração: 90 minutos Data: Grupo I Na resposta aos itens deste grupo, selecione a opção correta. Escreva, na folha de respostas, o número

Leia mais

CÁLCULO FUNÇÕES DE UMA E VÁRIAS VARIÁVEIS Pedro A. Morettin, Samuel Hazzan, Wilton de O. Bussab.

CÁLCULO FUNÇÕES DE UMA E VÁRIAS VARIÁVEIS Pedro A. Morettin, Samuel Hazzan, Wilton de O. Bussab. Introdução Função é uma forma de estabelecer uma ligação entre dois conjuntos, sujeita a algumas condições. Antes, porém, será exposta uma forma de correspondência mais geral, chamada relação. Sejam dois

Leia mais

GEOMETRIA ANALÍTICA CONTEÚDOS. Distância entre pontos Equação da reta Distância ponto reta Coeficientes Equação da circunferência.

GEOMETRIA ANALÍTICA CONTEÚDOS. Distância entre pontos Equação da reta Distância ponto reta Coeficientes Equação da circunferência. GEOMETRIA ANALÍTICA CONTEÚDOS Distância entre pontos Equação da reta Distância ponto reta Coeficientes Equação da circunferência. AMPLIANDO SEUS CONHECIMENTOS Neste capítulo, estudaremos a Geometria Analítica.

Leia mais

3ª série do Ensino Médio Turma 1º Bimestre de 2017 Data / / Escola Aluno

3ª série do Ensino Médio Turma 1º Bimestre de 2017 Data / / Escola Aluno AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM EM PROCESSO Matemática 3ª série do Ensino Médio Turma 1º Bimestre de 2017 Data / / Escola Aluno EM 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 Avaliação da Aprendizagem em Processo

Leia mais

Matemática e suas tecnologias

Matemática e suas tecnologias Matemática e suas tecnologias Fascículo 1 Módulo 1 Teoria dos conjuntos e conjuntos numéricos Noção de conjuntos Conjuntos numéricos Módulo 2 Funções Definindo função Lei e domínio Gráficos de funções

Leia mais

As funções do 1º grau estão presentes em

As funções do 1º grau estão presentes em Postado em 01 / 04 / 13 FUNÇÃO DO 1º GRAU Aluno(: 1.1.2 TURMA: 1- FUNÇÃO DO PRIMEIRO GRAU As funções do 1º grau estão presentes em diversas situações do cotidiano. Vejamos um exemplo: Uma loja de eletrodomésticos

Leia mais

SISTEMA DE EIXOS COORDENADOS

SISTEMA DE EIXOS COORDENADOS PET FÍSICA SISTEMA DE EIXOS COORDENADOS Aula 6 TATIANA MIRANDA DE SOUZA VICTOR ABATH DA SILVA FREDERICO ALAN DE OLIVEIRA CRUZ AGRADECIMENTOS Esse material foi produzido com apoio do Fundo Nacional de Desenvolvimento

Leia mais

b) Para que valores reais de x, f(x) > 2x + 2? 2. (Ufscar 2002) Sejam as funções f(x) = x - 1 e g(x) = (x + 4x - 4).

b) Para que valores reais de x, f(x) > 2x + 2? 2. (Ufscar 2002) Sejam as funções f(x) = x - 1 e g(x) = (x + 4x - 4). 1. (Fuvest 2000) a) Esboce, para x real, o gráfico da função f(x)= x-2 + 2x+1 -x-6. O símbolo a indica o valor absoluto de um número real a e é definido por a =a, se aµ0 e a =-a, se a

Leia mais

ITA º DIA MATEMÁTICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

ITA º DIA MATEMÁTICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR ITA - 2006 3º DIA MATEMÁTICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Matemática Questão 01 Seja E um ponto externo a uma circunferência. Os segmentos e interceptam essa circunferência nos pontos B e A, e, C

Leia mais

PROVA 3 conhecimentos específicos

PROVA 3 conhecimentos específicos PROVA conhecimentos específicos MATEMÁTICA QUESTÕES OBJETIVAS QUESTÕES APLICADAS A TODOS OS CANDIDATOS QUE REALIZARAM A PROVA ESPECÍFICA DE MATEMÁTICA. UEM Comissão Central do Vestibular Unificado GABARITO

Leia mais

MAT001 Cálculo Diferencial e Integral I

MAT001 Cálculo Diferencial e Integral I 1 MAT001 Cálculo Diferencial e Integral I GEOMETRIA ANALÍTICA Coordenadas de pontos no plano cartesiano Distâncias entre pontos Sejam e dois pontos no plano cartesiano A distância entre e é dada pela expressão

Leia mais

Seu pé direito nas melhores faculdades

Seu pé direito nas melhores faculdades Prova tarde Seu pé direito nas melhores faculdades IBMEC - 05/novembro/006 ANÁLISE QUANTITATIVA E LÓGICA DISCURSIVA a) 9 x, se x p 0. Considere a função f (x) =, em que p é x, se x > p uma constante real.

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA-Ensino Médio Componente Curricular: Matemática

MATRIZ DE REFERÊNCIA-Ensino Médio Componente Curricular: Matemática MATRIZ DE REFERÊNCIA-Ensino Médio Componente Curricular: Matemática Conteúdos I - Conjuntos:. Representação e relação de pertinência;. Tipos de conjuntos;. Subconjuntos;. Inclusão;. Operações com conjuntos;.

Leia mais

Plano cartesiano, Retas e. Alex Oliveira. Circunferência

Plano cartesiano, Retas e. Alex Oliveira. Circunferência Plano cartesiano, Retas e Alex Oliveira Circunferência Sistema cartesiano ortogonal O sistema cartesiano ortogonal é formado por dois eixos ortogonais(eixo x e eixo y). A intersecção dos eixos x e y é

Leia mais

matemática geometria analítica pontos, baricentro do triângulo, coeficiente angular e equações da reta Exercícios de distância entre dois pontos

matemática geometria analítica pontos, baricentro do triângulo, coeficiente angular e equações da reta Exercícios de distância entre dois pontos Exercícios de distância entre dois pontos 1. (FUVEST 1ª fase) Sejam A = (1, ) e B = (3, ) dois pontos do plano cartesiano. Nesse plano, o segmento AC é obtido do segmento AB por uma rotação de 60º, no

Leia mais

Retas Tangentes à Circunferência

Retas Tangentes à Circunferência Retas Tangentes à Circunferência 1. (Fuvest 01) São dados, no plano cartesiano, o ponto P de coordenadas (,6) e a circunferência C de equação um ponto Q. Então a distância de P a Q é a) 15 b) 17 c) 18

Leia mais

TIPO DE PROVA: A. Questão 3. Questão 1. Questão 2. Questão 4. alternativa D. alternativa B. alternativa E

TIPO DE PROVA: A. Questão 3. Questão 1. Questão 2. Questão 4. alternativa D. alternativa B. alternativa E Questão TIPO DE PROVA: A Os números compreendidos entre 400 e 500, divisíveis ao mesmo tempo por 8 e 75, têm soma: a) 600 d) 700 b) 50 e) 800 c) 50 Questão Na figura, temos os esboços dos gráficos de f

Leia mais

Geometria Analítica Fundamentos

Geometria Analítica Fundamentos Geometria Analítica Fundamentos 1. (Eear 017) Seja ABC um triângulo tal que A(1, 1), B(3, 1) e C(5, 3). O ponto é o baricentro desse triângulo. a) (,1). b) (3, 3). c) (1, 3). d) (3,1).. (Ita 017) Considere

Leia mais

PROVA 3 conhecimentos específicos

PROVA 3 conhecimentos específicos PROVA conhecimentos específicos MATEMÁTICA QUESTÕES OBJETIVAS QUESTÕES APLICADAS A TODOS OS CANDIDATOS QUE REALIZARAM A PROVA ESPECÍFICA DE MATEMÁTICA. UEM Comissão Central do Vestibular Unificado GABARITO

Leia mais

Nome: E F. As dimensões da caçamba, dadas em metros, são AB = 2, CD = 3,2, BC = 1 e CG = 1,5. Calcule a capacidade dessa caçamba, em metros cúbicos.

Nome: E F. As dimensões da caçamba, dadas em metros, são AB = 2, CD = 3,2, BC = 1 e CG = 1,5. Calcule a capacidade dessa caçamba, em metros cúbicos. 1. Uma caçamba para recolher entulho, sem tampa, tem a forma de um prisma reto, conforme mostra a figura, em que o quadrilátero ABCD é um trapézio isósceles. H G D C E F A As dimensões da caçamba, dadas

Leia mais

A 1. Na figura abaixo, a reta r tem equação y = 2 2 x + 1 no plano cartesiano Oxy. Além disso, os pontos B 0. estão na reta r, sendo B 0

A 1. Na figura abaixo, a reta r tem equação y = 2 2 x + 1 no plano cartesiano Oxy. Além disso, os pontos B 0. estão na reta r, sendo B 0 MATEMÁTICA FUVEST Na figura abaixo, a reta r tem equação y = x + no plano cartesiano Oxy. Além disso, os pontos B 0, B, B, B 3 estão na reta r, sendo B 0 = (0,). Os pontos A 0, A, A, A 3 estão no eixo

Leia mais

TD GERAL DE MATEMÁTICA 2ª FASE UECE

TD GERAL DE MATEMÁTICA 2ª FASE UECE Fundação Universidade Estadual do Ceará - FUNECE Curso Pré-Vestibular - UECEVest Fones: 3101.9658 / E-mail: uecevest_itaperi@yahoo.com.br Av. Dr. Silas Munguba, 1700 Campus do Itaperi 60714-903 Fone: 3101-9658/Site:

Leia mais

Conjuntos Numéricos. I) Números Naturais N = { 0, 1, 2, 3,... }

Conjuntos Numéricos. I) Números Naturais N = { 0, 1, 2, 3,... } Conjuntos Numéricos I) Números Naturais N = { 0, 1, 2, 3,... } II) Números Inteiros Z = {..., -2, -1, 0, 1, 2,... } Todo número natural é inteiro, isto é, N é um subconjunto de Z III) Números Racionais

Leia mais

PROFESSOR FLABER 2ª SÉRIE Circunferência

PROFESSOR FLABER 2ª SÉRIE Circunferência PROFESSOR FLABER ª SÉRIE Circunferência 01. (Fuvest SP) A reta s passa pelo ponto (0,3) e é perpendicular à reta AB onde A=(0,0) e B é o centro da circunferência x + y - x - 4y = 0. Então a equação de

Leia mais

Nome: nº Professor(a): UBERLAN / CRISTIANA Série: 3ª EM Turmas: 3301 / 3302 Data: / /2013

Nome: nº Professor(a): UBERLAN / CRISTIANA Série: 3ª EM Turmas: 3301 / 3302 Data: / /2013 Nome: nº Professor(a): UBERLAN / CRISTIANA Série: 3ª EM Turmas: 3301 / 3302 Data: / /2013 Sem limite para crescer Bateria de Exercícios de Matemática II 1) A área do triângulo, cujos vértices são (1, 2),

Leia mais

1 a) Quantos múltiplos de 9 há entre 100 e 1000? b) Quantos múltiplos de 9 ou 15 há entre 100 e 1000?

1 a) Quantos múltiplos de 9 há entre 100 e 1000? b) Quantos múltiplos de 9 ou 15 há entre 100 e 1000? MATEMÁTICA 1 a) Quantos múltiplos de 9 há entre 100 e 1000? b) Quantos múltiplos de 9 ou 1 há entre 100 e 1000? a) Os múltiplos inteiros de 9 compreendidos entre 100 e 1000 formam uma progressão aritmética

Leia mais

a) 6% b) 7% c) 70% d) 600% e) 700%

a) 6% b) 7% c) 70% d) 600% e) 700% - MATEMÁTICA 01) Supondo-se que o número de vagas em um concurso vestibular aumentou 5% e que o número de candidatos aumentou 35%, o número de candidatos por vaga para esse curso aumentou: a) 8% b) 9%

Leia mais

MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS

MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS Lista de Exercícios de Matemática / º ano Professor(: Leonardo Data: / JANEIRO / 06. De sonhos e Aluno(: Questão 0) Um casal tem três filhos cujas idades estão em progressão

Leia mais

Quantos números pares, formados por algarismos distintos, existem entre 500 e 2000?

Quantos números pares, formados por algarismos distintos, existem entre 500 e 2000? PROVA DE MATEMÁTICA - TURMAS DO 3 O ANO DO ENSINO MÉDIO COLÉGIO ANCHIETA-BA - AGOSTO DE 011. ELABORAÇÃO: PROFESSORES OCTAMAR MARQUES E ADRIANO CARIBÉ. PROFESSORA MARIA ANTÔNIA C. GOUVEIA Questão 01 Quantos

Leia mais

Matemática E Intensivo V. 1

Matemática E Intensivo V. 1 GABARITO Matemática E Intensivo V. Exercícios 0) 5 0) 5 Seja o termo geral = 3n, então: Par =, temos: a = 3. = 3 = Par =, temos: a = 3. = 6 = 5 Par = 3, temos: a 3 = 3. 3 = 9 = 8 Então a + a + a 3 = +

Leia mais

Matemática 41 c Resolução 42 b Resolução 43 e OBJETIVO 2001

Matemática 41 c Resolução 42 b Resolução 43 e OBJETIVO 2001 Matemática c Numa barraca de feira, uma pessoa comprou maçãs, bananas, laranjas e peras. Pelo preço normal da barraca, o valor pago pelas maçãs, bananas, laranjas e peras corresponderia a 5%, 0%, 5% e

Leia mais

a 1 a 2 = a 7 = a 31 = a 44 = a 51 = Podemos escrever qualquer termo de uma PA se soubermos o 1º termo e a razão desta PA. n ln.

a 1 a 2 = a 7 = a 31 = a 44 = a 51 = Podemos escrever qualquer termo de uma PA se soubermos o 1º termo e a razão desta PA. n ln. 1.6. Progressão Aritmética (PA). Observe as sequências abaixo: (a n) = (1, 4, 7, 10, 13,...) (b n) = ( -7, -5, -3, -1, 1, 3,...) (c n) = (2016, 2012, 2008, 2004,...) Elas possuem um padrão semelhante.

Leia mais

Nivelamento Matemática Básica

Nivelamento Matemática Básica Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga Av. Dr. Flávio Henrique Lemos, 8 Portal Itamaracá Taquaritinga/SP CEP 900-000 fone (6) -0 Nivelamento Matemática Básica ELIAMAR FRANCELINO DO PRADO Taquaritinga

Leia mais

TIPO DE PROVA: A. Questão 1. Questão 4. Questão 2. Questão 5. Questão 3. alternativa C. alternativa E. alternativa B.

TIPO DE PROVA: A. Questão 1. Questão 4. Questão 2. Questão 5. Questão 3. alternativa C. alternativa E. alternativa B. Questão TIPO DE PROVA: A Se um número natural n é múltiplo de 9ede, então, certamente, n é: a) múltiplo de 7 b) múltiplo de 0 c) divisível por d) divisível por 90 e) múltiplo de Se n é múltiplo de 9 e

Leia mais

Geometria Analítica retas equações e inclinações, distância entre dois pontos, área de triângulo e alinhamento de 3 pontos.

Geometria Analítica retas equações e inclinações, distância entre dois pontos, área de triângulo e alinhamento de 3 pontos. Geometria Analítica retas equações e inclinações, distância entre dois pontos, área de triângulo e alinhamento de pontos. 1. (Ufpr 014) A figura abaixo apresenta o gráfico da reta r: y x + = 0 no plano

Leia mais

2 Uma caixa d'água cúbica, de volume máximo, deve ser colocada entre o telhado e a laje de uma casa, conforme mostra a figura ao lado.

2 Uma caixa d'água cúbica, de volume máximo, deve ser colocada entre o telhado e a laje de uma casa, conforme mostra a figura ao lado. MATEMÁTICA Uma pessoa possui a quantia de R$7.560,00 para comprar um terreno, cujo preço é de R$5,00 por metro quadrado. Considerando que os custos para obter a documentação do imóvel oneram o comprador

Leia mais

6. Sendo A, B e C os respectivos domínios das

6. Sendo A, B e C os respectivos domínios das 1 FGV. Seja f uma função tal que f(xy) = f (x) y todos os números reais positivos x e y. Se f(300) = 5, então, f(700) é igual a: A) 15/7 B) 16/7 C) 17/7 D) 8/3 E) 11/4 para 5 Insper. O conjunto A = {1,,

Leia mais

3) O ponto P(a, 2) é equidistante dos pontos A(3, 1) e B(2, 4). Calcular a abscissa a do ponto P.

3) O ponto P(a, 2) é equidistante dos pontos A(3, 1) e B(2, 4). Calcular a abscissa a do ponto P. Universidade Federal de Pelotas Cálculo com Geometria Analítica I Prof a : Msc. Merhy Heli Rodrigues Lista 2: Plano cartesiano, sistema de coordenadas: pontos e retas. 1) Represente no plano cartesiano

Leia mais

01. (UFRGS/2003) Se n é um número natural qualquer maior que 1, então n! + n 1 é divisível por. (A) n 1. (B) n. (C) n + 1. (D) n! - 1. (E) n!.

01. (UFRGS/2003) Se n é um número natural qualquer maior que 1, então n! + n 1 é divisível por. (A) n 1. (B) n. (C) n + 1. (D) n! - 1. (E) n!. 0. (UFRGS/00) Se n é um número natural qualquer maior que, então n! + n é divisível por n. n. n +. n! -. n!. 0. (UFRGS/00) Se num determinado período o dólar sofrer uma alta de 00% em relação ao real,

Leia mais

Plano Cartesiano e Retas. Vitor Bruno Engenharia Civil

Plano Cartesiano e Retas. Vitor Bruno Engenharia Civil Plano Cartesiano e Retas Vitor Bruno Engenharia Civil Sistema cartesiano ortogonal O sistema cartesiano ortogonal é formado por dois eixos ortogonais(eixo x e eixo y). A intersecção dos eixos x e y é o

Leia mais

A velocidade instantânea (Texto para acompanhamento da vídeo-aula)

A velocidade instantânea (Texto para acompanhamento da vídeo-aula) A velocidade instantânea (Texto para acompanamento da vídeo-aula) Prof. Méricles Tadeu Moretti Dpto. de Matemática - UFSC O procedimento que será utilizado neste vídeo remete a um tempo em que pesquisadores

Leia mais

CANDIDATO: DATA: 20 / 01 / 2010

CANDIDATO: DATA: 20 / 01 / 2010 UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ - UECE SECRETARIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - SEaD Universidade Aberta do Brasil UAB LICENCIATURA PLENA EM MATEMÁTICA SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS CANDIDATO: DATA: 0 / 0

Leia mais

a média de gols da primeira rodada, M G a média de gols das duas primeiras rodadas e x o número de gols da segunda rodada, tem-se 15 + x 15 M G

a média de gols da primeira rodada, M G a média de gols das duas primeiras rodadas e x o número de gols da segunda rodada, tem-se 15 + x 15 M G MATEMÁTICA O número de gols marcados nos 6 jogos da primeira rodada de um campeonato de futebol foi 5,,,, 0 e. Na segunda rodada, serão realizados mais 5 jogos. Qual deve ser o número total de gols marcados

Leia mais

UNIFEI - UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PROVA DE CÁLCULO 1

UNIFEI - UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PROVA DE CÁLCULO 1 UNIFEI - UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PROVA DE CÁLCULO 1 PROVA DE TRANSFERÊNCIA INTERNA, EXTERNA E PARA PORTADOR DE DIPLOMA DE CURSO SUPERIOR - 16/10/2016 CANDIDATO: CURSO PRETENDIDO: OBSERVAÇÕES: 1.

Leia mais

Simulado AFA. 2. Sejam x e y números reais tais que: Então, o número complexo z = x + yi. é tal que z 3 e z valem, respectivamente: (D) i e 1.

Simulado AFA. 2. Sejam x e y números reais tais que: Então, o número complexo z = x + yi. é tal que z 3 e z valem, respectivamente: (D) i e 1. Simulado AFA 1. Uma amostra de estrangeiros, em que 18% são proficientes em inglês, realizou um exame para classificar a sua proficiência nesta língua. Dos estrangeiros que são proficientes em inglês,

Leia mais

A x,y e B x,y, as coordenadas do ponto médio desse segmento serão dadas por:

A x,y e B x,y, as coordenadas do ponto médio desse segmento serão dadas por: . Plano Cartesiano: é formado por dois eixos perpendiculares, um horizontal (eixo das abscissas) e outro vertical (eixo das ordenadas), dividido em quatro quadrantes contados no sentido anti-horário como

Leia mais

3º trimestre SALA DE ESTUDOS Data: 11/17 Ensino Médio 3º ano A, B e C. Prof. Maurício Nome: nº

3º trimestre SALA DE ESTUDOS Data: 11/17 Ensino Médio 3º ano A, B e C. Prof. Maurício Nome: nº º trimestre SALA DE ESTUDOS Data: 11/17 Ensino Médio º ano A, B e C. Prof. Maurício Nome: nº CONTEÚDOS: EQUAÇÃO DA RETA E EQUAÇÃO DA CIRCUNFERÊNCIA. 1. (Eear 017) O triângulo ABC a) escaleno b) isósceles

Leia mais

MATEMÁTICA. log 2 x : logaritmo de base 2 de x. 28. Sendo a, b e c números reais, considere as seguintes afirmações.

MATEMÁTICA. log 2 x : logaritmo de base 2 de x. 28. Sendo a, b e c números reais, considere as seguintes afirmações. MATEMÁTICA NESTA PROVA SERÃO UTILIZADOS OS SEGUINTES SÍMBOLOS E CONCEITOS COM OS RESPECTIVOS SIGNIFICADOS: sen x : seno de x log x : logaritmo de base de x 6 Considere que o corpo de uma determinada pessoa

Leia mais

RESUMO - GRÁFICOS. O coeficiente de x, a, é chamado coeficiente angular da reta e está ligado à inclinação da reta

RESUMO - GRÁFICOS. O coeficiente de x, a, é chamado coeficiente angular da reta e está ligado à inclinação da reta RESUMO - GRÁFICOS Função do Primeiro Grau - f(x) = ax + b O gráfico de uma função do 1 o grau, y = ax + b, é uma reta. O coeficiente de x, a, é chamado coeficiente angular da reta e está ligado à inclinação

Leia mais

Av. João Pessoa, 100 Magalhães Laguna / Santa Catarina CEP

Av. João Pessoa, 100 Magalhães Laguna / Santa Catarina CEP Disciplina: Matemática Curso: Ensino Médio Professor(a): Flávio Calônico Júnior Turma: 3ª Série E M E N T A II Trimestre 2013 Conteúdos Programáticos Data 21/maio 28/maio Conteúdo FUNÇÃO MODULAR Interpretação

Leia mais

SIMULADO DE MATEMÁTICA 2 COLÉGIO ANCHIETA-BA - SETEMBRO DE ELABORAÇÃO: PROFESSORES OCTAMAR MARQUES E ADRIANO CARIBÉ.

SIMULADO DE MATEMÁTICA 2 COLÉGIO ANCHIETA-BA - SETEMBRO DE ELABORAÇÃO: PROFESSORES OCTAMAR MARQUES E ADRIANO CARIBÉ. SIMULADO DE MATEMÁTICA TURMAS DO 3 O ANO DO ENSINO MÉDIO COLÉGIO ANCHIETA-BA - SETEMBRO DE 0. ELABORAÇÃO: PROFESSORES OCTAMAR MARQUES E ADRIANO CARIBÉ. PROFESSORA MARIA ANTÔNIA C. GOUVEIA QUESTÕES DE 0

Leia mais

O objeto fundamental deste curso são as funções de uma variável real. As funções surgem quando uma quantidade depende de outra.

O objeto fundamental deste curso são as funções de uma variável real. As funções surgem quando uma quantidade depende de outra. Universidade Federal Fluminense Departamento de Análise GAN0045 Matemática para Economia Professora Ana Maria Luz 00. Unidade Revisão de função de uma variável real O objeto fundamental deste curso são

Leia mais

Tecnologia em Construções de Edifícios

Tecnologia em Construções de Edifícios 1 Tecnologia em Construções de Edifícios Aula 9 Geometria Analítica Professor Luciano Nóbrega 2º Bimestre 2 GEOMETRIA ANALÍTICA INTRODUÇÃO A geometria avançou muito pouco desde o final da era grega até

Leia mais

MATEMÁTICA SARGENTO DA FAB

MATEMÁTICA SARGENTO DA FAB MATEMÁTICA BRUNA PAULA 1 COLETÂNEA DE QUESTÕES DE MATEMÁTICA DA EEAr (QUESTÕES RESOLVIDAS) QUESTÃO 1 (EEAr 2013) Se x é um arco do 1º quadrante, com sen x a e cosx b, então é RESPOSTA: d QUESTÃO 2 (EEAr

Leia mais

x 1. Em cada uma das figuras, eles são apenas os primeiros elementos dos

x 1. Em cada uma das figuras, eles são apenas os primeiros elementos dos 0) Nas figuras a seguir, a curva é o gráfico da função x retângulos hachurados para infinitos que possuem as mesmas características. f x. Observe atentamente o que ocorre com os x. Em cada uma das figuras,

Leia mais

21- EXERCÍCIOS FUNÇÕES DO SEGUNDO GRAU

21- EXERCÍCIOS FUNÇÕES DO SEGUNDO GRAU 1 21- EXERCÍCIOS FUNÇÕES DO SEGUNDO GRAU 1. O gráfico do trinômio y = ax 2 + bx + c. Qual a afirmativa errada? a) se a > 0 a parábola possui concavidade para cima b) se b 2 4ac > 0 o trinômio possui duas

Leia mais

TESTE DE DIAGNÓSTICO

TESTE DE DIAGNÓSTICO TESTE DE DIAGNÓSTICO 9.º 10.º ANO NOME: N.º: TURMA: ANO LETIVO: / DURAÇÃO DO TESTE: 90 MINUTOS DATA: / / O teste é constituído por dois grupos. No Grupo I, são indicadas quatro opções de resposta para

Leia mais

1.- Escrevendo como uma potência de base 2 cada um dos números : A= ( 2 3 ) 7 ; B = e C = escreva-os em ordem decrescente:

1.- Escrevendo como uma potência de base 2 cada um dos números : A= ( 2 3 ) 7 ; B = e C = escreva-os em ordem decrescente: EXERCÍCIOS DE REVISÃO ENSINO MÉDIO 4º. BIMESTRE 2014 1ª. SÉRIE 1.- Escrevendo como uma potência de base 2 cada um dos números : A= ( 2 3 ) 7 ; B = e C = escreva-os em ordem decrescente: 2.-Ao fazer uma

Leia mais

1 Refazer a Prova 2 2 Fazer o TC 3 Refazer as listas que a Professora Ivânia entregou em aula.

1 Refazer a Prova 2 2 Fazer o TC 3 Refazer as listas que a Professora Ivânia entregou em aula. Exercícios para a Prova 3 de Matemática 2 Trimestre 1 Refazer a Prova 2 2 Fazer o TC 3 Refazer as listas que a Professora Ivânia entregou em aula. Módulo 19 Equações de 2 Grau, Fórmula de Báskara 1. Calcule

Leia mais

3ª Série do Ensino Médio

3ª Série do Ensino Médio 3ª Série do Ensino Médio 01. Num laboratório, foi feito um estudo sobre a evolução de uma população de vírus. Ao final de um minuto do início das observações, existia 1 elemento na população; ao final

Leia mais

MATEMÁTICA. ENSINO MÉDIO - 1º ANO Função Polinomial do 1º Grau (FUNÇÃO AFIM) PROFESSOR: ALEXSANDRO DE SOUSA

MATEMÁTICA. ENSINO MÉDIO - 1º ANO Função Polinomial do 1º Grau (FUNÇÃO AFIM) PROFESSOR: ALEXSANDRO DE SOUSA E.E. Dona Antônia Valadares MATEMÁTICA ENSINO MÉDIO - 1º ANO Função Polinomial do 1º Grau (FUNÇÃO AFIM) PROFESSOR: ALEXSANDRO DE SOUSA http://donaantoniavaladares.comunidades.net Definição: Uma função

Leia mais

Função Exponencial, Inversa e Logarítmica

Função Exponencial, Inversa e Logarítmica CURSO INTRODUTÓRIO DE MATEMÁTICA PARA ENGENHARIA 2015.1 Função Exponencial, Inversa e Logarítmica Bruno Conde Passos Engenharia Civil Rodrigo Vanderlei - Engenharia Civil Função Exponencial Dúvida: Como

Leia mais

Colégio Adventista Portão EIEFM MATEMÁTICA Geometria Analítica 3º Ano APROFUNDAMENTO/REFORÇO

Colégio Adventista Portão EIEFM MATEMÁTICA Geometria Analítica 3º Ano APROFUNDAMENTO/REFORÇO Colégio Adventista Portão EIEFM MATEMÁTICA Geometria Analítica 3º Ano APROFUNDAMENTO/REFORÇO Professor: Hermes Jardim Disciplina: Matemática Lista 1 1º Bimestre 2012 Aluno(a): Número: Turma: 1) Resolva

Leia mais

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS - Grupo 500. Planificação Anual /Critérios de avaliação

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS - Grupo 500. Planificação Anual /Critérios de avaliação AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS - Grupo 500 Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Matemática A _ 11º ano _ CCH 2016/2017 Início

Leia mais

NOTAÇÕES. : inversa da matriz M : produto das matrizes M e N : segmento de reta de extremidades nos pontos A e B

NOTAÇÕES. : inversa da matriz M : produto das matrizes M e N : segmento de reta de extremidades nos pontos A e B NOTAÇÕES R C : conjunto dos números reais : conjunto dos números complexos i : unidade imaginária i = 1 det M : determinante da matriz M M 1 MN AB : inversa da matriz M : produto das matrizes M e N : segmento

Leia mais

NOTAÇÕES MATEMÁTICAS UTILIZADAS

NOTAÇÕES MATEMÁTICAS UTILIZADAS Prova de MTMÁTI - Modelo R R R + R + R R Q Q Z Z + Z N N f(x) f(a) log a sen α cos α tg α cotg α cossec α x n! NOTÇÕS MTMÁTIS UTILIZS - conjunto dos números reais - conjunto dos números reais não nulos

Leia mais

Colégio Santa Maria Lista de exercícios 1º médio 2011 Prof: Flávio Verdugo Ferreira.

Colégio Santa Maria Lista de exercícios 1º médio 2011 Prof: Flávio Verdugo Ferreira. Colégio Santa Maria Lista de exercícios 1º médio 2011 Prof: Flávio Verdugo Ferreira. 1- ( VUNESP) A parábola de equação y = ax² passa pelo vértice da parábola y = 4x - x². Ache o valor de a: a) 1 b) 2

Leia mais

Nenhum obstáculo é tão grande se a sua vontade de vencer for maior.

Nenhum obstáculo é tão grande se a sua vontade de vencer for maior. COLÉGIO MODELO LUIZ EDUARDO MAGALHÃES LISTA 1: PONTO E RETA MATEMÁTICA 3ª SÉRIE TURMA: II UNIDADE ------ CAMAÇARI - BA PROFESSOR: HENRIQUE PLÍNIO ALUNO (A): DATA: / /2016 Nenhum obstáculo é tão grande

Leia mais

b) Determinar as raízes de f(x) = g(x) quando m = 1/2. c) Determinar, em função de m, o número de raízes da equação f(x) = g(x).

b) Determinar as raízes de f(x) = g(x) quando m = 1/2. c) Determinar, em função de m, o número de raízes da equação f(x) = g(x). 1. (Fuvest 2000) a) Esboce, para x real, o gráfico da função f(x) = x - 2 + 2x + 1 - x - 6. O símbolo a indica o valor absoluto de um número real a e é definido por a = a, se a µ 0 e a = - a, se a < 0.

Leia mais

FUNÇÃO EXPONENCIAL. Chama-se função exponencial de base a, com a Є f: R definida por f(x) =

FUNÇÃO EXPONENCIAL. Chama-se função exponencial de base a, com a Є f: R definida por f(x) = Matemática Matemática Avançada 3 o ano João mar/11 Nome: FUNÇÃO EXPONENCIAL Definição Chama-se função exponencial de base a, com a Є f: R definida por f(x) = - {1}, a função Definições - O gráfico da função

Leia mais

1. Construir o gráfico da função Resposta: 2. Construir o gráfico da função y = 2x Resposta: 3. Construir o gráfico da função Y = -2x Resposta:

1. Construir o gráfico da função Resposta: 2. Construir o gráfico da função y = 2x Resposta: 3. Construir o gráfico da função Y = -2x Resposta: ENGENHARIA CIVIL MATEMÁTICA BÁSICA / VALE VT TDE Lista - VT 05 09/04/2015 (Turma NOITE) - QUESTÕES OBJETIVAS CONJUNTOS TRABALHO DE PESQUISA - VALE VT ENTREGAR AO PROFESSOR em 22/04/2015 (4ª feira) Aluno:

Leia mais

Escola Secundária de Alberto Sampaio Ficha Formativa de Matemática A Geometria II O produto escalar na definição de lugares geométricos

Escola Secundária de Alberto Sampaio Ficha Formativa de Matemática A Geometria II O produto escalar na definição de lugares geométricos Escola Secundária de Alberto Sampaio Ficha Formativa de Matemática A Geometria II O produto escalar na definição de lugares geométricos º Ano No plano Mediatriz de um segmento de reta [AB] Sendo M o ponto

Leia mais

CURSO DE MATEMÁTICA BÁSICA PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL CENTRO DE ENGENHARIA DA MOBILIDADE

CURSO DE MATEMÁTICA BÁSICA PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL CENTRO DE ENGENHARIA DA MOBILIDADE CURSO DE MATEMÁTICA BÁSICA Funções polinomiais Logaritmo Aula 03 Funções Polinomiais Introdução: Polinômio Para a sucessão de termos comcom, um polinômio de grau n possui a seguinte forma : Ex : Funções

Leia mais

IME º DIA MATEMÁTICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

IME º DIA MATEMÁTICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR IME - 2006 1º DIA MATEMÁTICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Matemática Questão 01 Sejam a 1 = 1 i, a n = r + si e a n+1 = (r s) + (r + s)i (n > 1) termos de uma sequência. DETERMINE, em função de n,

Leia mais

84 x a + b = 26. x + 2 x

84 x a + b = 26. x + 2 x Para a fabricação de bicicletas, uma empresa comprou unidades do produto A, pagando R$ 96,00, e unidades do produto B, pagando R$ 84,00. Sabendo-se que o total de unidades compradas foi de 6 e que o preço

Leia mais

EFOMM , sabendo-se que I 1 corresponde ao ruído sonoro de 8 decibéis de uma aproximação de dois. metro quadrado.

EFOMM , sabendo-se que I 1 corresponde ao ruído sonoro de 8 decibéis de uma aproximação de dois. metro quadrado. EFOMM 009 (0) Qual é o número inteiro cujo produto por 9 é um número natural composto apenas pelo algarismo? (A) 459 (B) 4569 (C) 45679 (D) 45789 (E) 456789. (0) O logotipo de uma certa Organização Militar

Leia mais

FUNÇÃO EXPONENCIAL. Definição. - {1}, a função f: R!! Chama-se função exponencial de base a, com a Є!! definida por f(x) =!!

FUNÇÃO EXPONENCIAL. Definição. - {1}, a função f: R!! Chama-se função exponencial de base a, com a Є!! definida por f(x) =!! Matemática Matemática Avançada 3 o ano João mar/1 Nome: FUNÇÃO EXPONENCIAL Definição Chama-se função exponencial de base a, com a Є!! - {1}, a função f: R!! definida por f(x) =!! Definições - O gráfico

Leia mais

Caderno 1: 35 minutos. Tolerância: 10 minutos. (é permitido o uso de calculadora)

Caderno 1: 35 minutos. Tolerância: 10 minutos. (é permitido o uso de calculadora) Prova Final de Matemática 3.º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei n.º 139/01, de 5 de julho Prova 9/1.ª Chamada Caderno 1: 7 Páginas Duração da Prova (CADERNO 1 + CADERNO ): 90 minutos. Tolerância: 30 minutos.

Leia mais

REVISÃO - DESIGUALDADE, MÓDULO E FUNÇÕES

REVISÃO - DESIGUALDADE, MÓDULO E FUNÇÕES REVISÃO - DESIGUALDADE, MÓDULO E FUNÇÕES Marina Vargas R. P. Gonçalves a a Departamento de Matemática, Universidade Federal do Paraná, marina.vargas@gmail.com, http:// www.estruturas.ufpr.br 1 REVISÃO

Leia mais

Aluno: Turma: 2º CN Ano: 2014 Data : Matéria: Turno:Noite Valor :30pontos Nota:

Aluno: Turma: 2º CN Ano: 2014 Data : Matéria: Turno:Noite Valor :30pontos Nota: ESCOLA ESTADUAL DR JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA TRABALHO ESTUDOS INDEPENDENTES DE RECUPERAÇÃO JANEIRO/2015 RESOLUÇÃO SEE Nº 2.197, DE 26 DE OUTUBRO DE 2012 Aluno: Turma: 2º CN Ano: 2014 Data : Matéria: Turno:Noite

Leia mais

ÁLGEBRA. Aula 5 _ Função Polinomial do 1º Grau Professor Luciano Nóbrega. Maria Auxiliadora

ÁLGEBRA. Aula 5 _ Função Polinomial do 1º Grau Professor Luciano Nóbrega. Maria Auxiliadora 1 ÁLGEBRA Aula 5 _ Função Polinomial do 1º Grau Professor Luciano Nóbrega Maria Auxiliadora 2 FUNÇÃO POLINOMIAL DO 1º GRAU Uma função polinomial do 1º grau (ou simplesmente, função do 1º grau) é uma relação

Leia mais

CPV O cursinho que mais aprova na GV

CPV O cursinho que mais aprova na GV O cursinho que mais aprova na GV FGV ADM Objetiva Turma A 24/outubro/2010 matemática 01. O gráfico de uma função polinomial do primeiro grau passa pelos pontos de coordenadas (x; y) dados abaixo. Podemos

Leia mais