Saudabilidade no Food Service. Tendências

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Saudabilidade no Food Service. Tendências"

Transcrição

1 Saudabilidade no Food Service Tendências

2 Introdução ao Mercado de Food Service

3 Introdução Mercado que envolve toda a cadeia de produção e distribuição de alimentos, bebidas, insumos, equipamentos e serviços orientado a atender os estabelecimentos que preparam e fornecem refeições efetuadas principalmente fora do lar. A origem do preparo da refeição é o diferencial deste mercado. Varejo do Food Service É o mercado que envolve as refeições preparadas, fora de casa, em estabelecimentos especializados e servidas dentro do lar. 3

4 Canais do Food Service O objetivo principal é a geração de lucro com a venda de refeições. É o Core Business do negócio Comercial Restaurantes: A la carte, Self Service, Prato Pronto, Churrascarias, Pizzarias; Lanchonete, Padarias; Bares; Quiosques; Buffet; Rotisserie independente; Vending Machine Comercial serviço A alimentação é um serviço e não a atividade principal do negócio mas com objetivo de lucro. Hotéis; Motéis, Escolas; Hospitais; Catering (aéreo, terrestre e marítimo) 4

5 Canais do Food Service Comercial alternativo Venda de refeições prontas para o consumo imediato ou posterior. Fonte alternativa de lucro. Lojas de Conveniência; Rotisserie e Lanchonetes dentro de Supermercados; Social A alimentação é um serviço. O objetivo não é o lucro. Exército; Merenda Escolar; Presídios; Restaurantes Populares 5

6 Mercado de Food Service Valores (R$ bilhões) compras dos operadores vendas dos operadores ,6 43,4 107,2 50,3 124,4 58, ,4 159,4 75,1 185,6 88 Fonte: ABIA / IBGE

7 Mercado de Food Service Variação (%) Food service PIB 18,7 17,3 16,0 16,5 15,8 15,1 13,2 12,3 10,7 7,5 5,2 5,4 5,5 3,7 2,3 2,7 0,5-0, Fonte: ABIA / IBGE 7

8 Transações Anuais No Food Service Número de transações-dia (milhões) ,1 65,2 63,3 61, ,6 57,5 56,4 Fonte: Datamonitor / ECD

9 Ticket Médio no Food Service Fonte: ECD (2010) 9

10 Food Service Dimensionamento Representação dos canais, baseado em faturamento 2% 13% 4% 7% 11% 13% 12% 23% 15% restaurantes padarias fast food bares lanchonetes ref. coletivas hotéis catering outros Dados: ABIA - Associação Brasileira das Industrias de Alimentação

11 Food Service Expectativas A despesa do brasileiro em alimentação fora de casa é medida periodicamente pelo IBGE POF. Acreditamos que as taxas atuais de crescimento nos permitem projetar para 2014 os seguintes indicadores 40 38, ,9 31, ,7 21,3 24,1 Conservadora Agressiva Fonte: IBGE POF (1988, 1996, 2003, ) / ECD Consultoria estimativa conservadora e agressiva (2007, 2012) 11

12 Macro tendências mundiais

13 Macro tendências mundiais na alimentação SENSORIALIDADE E PRAZER ÉTICA E SUSTENTABILIDADE SAUDABILIDADE E BEM ESTAR CONFIABILIDADE E QUALIDADE CONVENIÊNCIA E PRATICIDADE 13

14

15 Macro tendências mundiais na alimentação SAUDABILIDADE E BEM ESTAR Maior preocupação dos consumidores com a nutrição e com o estilo de vida mais saudável. Tendência presente mundialmente na indústria de alimentos e bebidas. Nos EUA a presença do apelo à saudabilidade tem forte relevância. No Brasil já é uma forte tendência. Onde vemos? Gordura trans Sal (quantidade de sódio) Menos doce / menos açúcar diet e light Integral (grãos, massas, pães) Funcionais Orgânicos Alimentação infantil Entradas / couvert (mais saudáveis ex.: vegetais grelhados) 15

16

17 Macro tendências mundiais na alimentação SENSORIALIDADE E PRAZER Valorização da experiência alimentar (sabor, atratividade visual, aromas) e da harmonização entre alimentos e bebidas, valorização de ingredientes regionais. Esta tendência une dois aspectos importantes na alimentação fora de casa: O consumidor procurando alimentos que proporcionem prazer ao consumir, utilizando os sentidos como visão, olfato e paladar. Para a indústria do food service, uma oportunidade de agregar valor a seus produtos e serviços. Onde vemos? Produtos artesanais Produtos regionais, trabalhar cooperativas Pães rústicos Embalagens específicas (mini, individuais ajuda na divulgação da marca ex.: queijos, azeites, vinagre) Produtos inspirados na cultura de outros países Denominação de origem Confort food e Slow food Harmonização de sabores / ambiente 17

18 Sensorialidade e Prazer Sensorialidade e Prazer Saudabilidade Ser saudável também pode e deve ser gostoso. Experiência de prazer sem culpa!

19

20 Macro tendências mundiais na alimentação CONVENIÊNCIA E PRATICIDADE Demanda por produtos que permitam a economia de tempo e de esforço tanto para os operadores como para os consumidores. No geral, o mercado do food service, seja fabricante, operador ou distribuidor, procura por produtos e serviços que facilitem as operações, reduzam o tempo e o espaço de preparo, e aumentem a produtividade, proporcionando uma redução de custos. Onde vemos? Porcionados Pré-misturas Congelados (hambúrguer, almôndega, nuggets, massas) Embalagens (tipo de material, tamanho / volume) Produtos prontos e semi-prontos (sopas) Sobremesas Bases prontas (ex.: cebola, temperos, caldos aromatizados e novos sabores) Produtos multifuncionais (utilização para mais de uma preparação) 20

21 Conveniência e Praticidade Conveniência e Praticidade Saudabilidade Prático e Saudável! A falta de tempo pode ser um aliado para a saúde

22

23 Macro tendências mundiais na alimentação CONFIABILIDADE E QUALIDADE Preocupação em garantir a qualidade na manipulação e preparo dos alimentos através de processos de preparo e higienização adequados. Uma tendência relevante já que o consumidor está mais informado, consciente e exigente. Tecnologia como ferramenta eficiente na garantia de um produto confiável. Onde vemos? Selo de qualidade Normas de controle de qualidade na produção Rastreabilidade Redes sociais ( reclamações, sugestões, elogios) O que a indústria pode fazer para mostrar o diferencial da sua marca e que isso seja repassado para o cliente? 23

24 Confiabilidade e Qualidade Confiabilidade e Qualidade Saudabilidade Ser saudável e confiável Consumidores mais atentos, mais desconfiados Informação mais acessível

25

26 Macro tendências mundiais na alimentação ÉTICA E SUSTENTABILI- DADE Preocupação com o meio ambiente e com a possibilidade de contribuir para causas sociais. Uma tendência que toma proporções expressivas na indústria alimentícia nos EUA e na Europa. Sua presença relevante pode ser um fator diferenciado nos próximos anos em países emergentes como o Brasil. Onde vemos? Rastreabilidade (ex.: frigoríficos) Preservação do meio ambiente Ações sociais Processos e normas da indústria Responsabilidades sócio-ambientais Reciclagem de lixo Coleta de óleo Embalagens recicláveis Uso de energia renovável Trabalho infantil e escravo 26

27 Ética e Sustentabilidade Ética e Sustentabilidade Saudabilidade Entrosamento entre ser saudável e politicamente correto. Afinidades ideológicas. Saudabilidade mais além

28 Saudabilidade nas Tendências Sócio Econômicas do Brasil

29 Expansão da classe C 29

30 Expansão da participação da classe C na sociedade brasileira ,7 44,9 50, , Classes D/E Classe C Classe A/B 10 9,4 10,6 0 Fonte: FGV, Data Popular (2010)

31 Expansão da participação da classe C na sociedade brasileira A saudabilidade para a classe C já está presente na escolha de alimentos mais saudáveis. Escolha de uma alimentação balanceada Frequentam os restaurantes por quilo durante a semana Leitura de rótulos já fazem parte de sua rotina Globalização das informações Fonte: FGV, Data Popular (2010) 31

32 Mulher no mercado de trabalho 32

33 Participação da mulher no mercado de trabalho 48,8 49,7 46,0 43,5 Fonte: IBGE PNAD (2010)

34 Participação da mulher no mercado de trabalho A mulher é uma das grandes defensoras da bandeira da saudabilidade Escolha de alimentos saudáveis para ela e para sua família Introdução do conceito para os filhos Escolha do lugar e de produtos baseados neste critério Fonte: IBGE PNAD (2010) 34

35 Pessoas com mais de 60 anos 35

36 Percentual de pessoas com mais de 60 anos 11,3 11,6 8,5 9, Fonte: IBGE / PNAD (2010) 36

37 Percentual de pessoas com mais de 60 anos Pessoas economicamente ativas Preocupação com saúde e qualidade de vida Alimentação grande fonte de prazer e sociabilidade Prolongamento ao máximo da juventude Fonte: IBGE / PNAD (2010) 37

38 Busca pela saudabilidade no Food Service

39 A busca pela saudabilidade Restaurantes por quilo são muito associados à saudabilidade, comida caseira Carne de porco trabalho para associação com saudabilidade A indústria de massas quer quebrar o estigma de alimento não saudável

40 O Food Service como vitrine

41 O Food Service como vitrine Gerador de tendências Propagador de novos hábitos Vitrine de experimentação!

42 Migração do Food para o Varejo Azeite Ketchup Mostarda Mozzarella de Búffala Molho Shoyo Cortes diferenciados de carne: Bife Ancho, Picanha Tomate Seco Risoto Batata pré frita Petit Gateau Molho de mostarda e mel Manga na salada Molho agridoce

43

44 Obrigada!

Tendências e oportunidades do mercado de Food Service para pescados e frutos do mar Enzo Donna

Tendências e oportunidades do mercado de Food Service para pescados e frutos do mar Enzo Donna Tendências e oportunidades do mercado de Food Service para pescados e frutos do mar Enzo Donna 1 MERCADO DE FOOD SERVICE 2 FOOD SERVICE Mercado que envolve toda a cadeia de produção e distribuição de alimentos,

Leia mais

UM MERCADO EM CRESCIMENTO CONHEÇA AS OPORTUNIDADES E COMO PARTICIPAR

UM MERCADO EM CRESCIMENTO CONHEÇA AS OPORTUNIDADES E COMO PARTICIPAR FOOD SERVICE UM MERCADO EM CRESCIMENTO CONHEÇA AS OPORTUNIDADES E COMO PARTICIPAR I-INTRODUÇÃO AO MERCADO DE FOOD SERVICE INTRODUÇÃO Mercado que envolve toda a cadeia de produção e distribuição de alimentos,

Leia mais

O mercado de Food Service no Brasil. Enzo Donna

O mercado de Food Service no Brasil. Enzo Donna O mercado de Food Service no Brasil Enzo Donna 1 PANORAMA DO MERCADO BRASILEIRO DE FOOD SERVICE 2 FOOD SERVICE Mercado que envolve toda a cadeia de produção e distribuição de alimentos, bebidas, insumos,

Leia mais

As Tendências da Alimentação Fora do Lar Enzo Donna

As Tendências da Alimentação Fora do Lar Enzo Donna São Paulo, 11 de agosto de 2010 As Tendências da Alimentação Fora do Lar Enzo Donna DEFINIÇÃO DE FOOD SERVICE O mercado que envolve toda a cadeia de produção e distribuição de alimentos, insumos, equipamentos

Leia mais

Food Service. como restaurante, rotisserie, comprada no local ou entregue em casa.

Food Service. como restaurante, rotisserie, comprada no local ou entregue em casa. Food Service Food Service é o mercado que envolve toda a cadeia de produção e distribuição de alimentos, insumos, equipamentos e serviços, orientado a atender os estabelecimentos que preparam e fornecem

Leia mais

As tendências da alimentação. Lívia Barbosa, Luis Madi, Maria Aparecida Toledo, Raul Amaral

As tendências da alimentação. Lívia Barbosa, Luis Madi, Maria Aparecida Toledo, Raul Amaral As tendências da alimentação Lívia Barbosa, Luis Madi, Maria Aparecida Toledo, Raul Amaral Metodologia Coleta sistemática de informações Documentos técnicos e científicos, bancos de dados, pesquisas de

Leia mais

As Ferramentas e Opções do Varejo no Mercado de FLV

As Ferramentas e Opções do Varejo no Mercado de FLV As Ferramentas e Opções do Varejo no Mercado de FLV Luiz Claudio Haas Diretor Comercial de Frutas, Legumes e Verduras Agosto 2014 Por que o agronegócio é importante mundialmente? 100% da população depende

Leia mais

As Tendências da Alimentação -- Varejo de autosserviço --

As Tendências da Alimentação -- Varejo de autosserviço -- São Paulo, 11 de agosto de 2010 As Tendências da Alimentação -- Varejo de autosserviço -- Informações sobre o setor de supermercados SETOR SUPERMERCADISTA EM 2009 Faturamento R$ 177 bilhões Participação

Leia mais

A Indústria de Alimentação

A Indústria de Alimentação A Indústria de Alimentação 61 A indústria brasileira de alimentação está inserida na cadeia do agronegócio e representa parte significativa do PIB. O texto aponta as características do setor, seu desempenho

Leia mais

Setor de Panificação e Confeitaria

Setor de Panificação e Confeitaria Setor de Panificação e Confeitaria Em 2014 o setor de Panificação e Confeitaria brasileiro cresceu 8,02%e faturou R$ 82,5 bilhões. Desde 2010, o mercado vem registrando uma desaceleração. Setor de Panificação

Leia mais

INOVAÇÃO ABERTA FERRAMENTA DE COMPETITIVIDADE DE PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS

INOVAÇÃO ABERTA FERRAMENTA DE COMPETITIVIDADE DE PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS FERRAMENTA DE COMPETITIVIDADE DE PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS FERRAMENTA DE COMPETITIVIDADE DE PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS PRINCIPAIS TENDÊNCIAS Tendências DE INOVAÇÃO de mercado NO SECTOR Agro-alimentar

Leia mais

www.petitegourmet.com.br Costantino Mariella Fabio Motta de Almeida Julio Camargo Manuel Almeida Marcela Cassiolato Rodrigo Botinhão

www.petitegourmet.com.br Costantino Mariella Fabio Motta de Almeida Julio Camargo Manuel Almeida Marcela Cassiolato Rodrigo Botinhão www.petitegourmet.com.br Costantino Mariella Fabio Motta de Almeida Julio Camargo Manuel Almeida Marcela Cassiolato Rodrigo Botinhão Necessidade do Negócio Projeto baseado na necessidade do Grupo Busca

Leia mais

eliminando GORDURA TRANS ARTIFICIAL nos estabelecimentos de Serviços Alimentícios de Cambridge

eliminando GORDURA TRANS ARTIFICIAL nos estabelecimentos de Serviços Alimentícios de Cambridge eliminando GORDURA TRANS ARTIFICIAL nos estabelecimentos de Serviços Alimentícios de Cambridge Como Cumprir: O que Restaurantes, Buffets, Vendedores Ambulantes de Alimentos, e outros, precisam fazer www.cambridgepublichealth.org

Leia mais

Gastronomia. Lethiais)

Gastronomia. Lethiais) Nutrição Ciência que trata da alimentação e dos alimentos sob todos os seus aspectos: utilização e transformação dos alimentos, a assimilação dos alimentos no organismo através do qual são garantidas a

Leia mais

GUIA DE BEM VIVER PARA SI, CONSUMIDOR

GUIA DE BEM VIVER PARA SI, CONSUMIDOR GUIA DE BEM VIVER PARA SI, CONSUMIDOR LANÇAMOS ESTE GUIA DE BEM VIVER COMO FORMA DE CELEBRAR COM ORGULHO OS NOSSOS CONSUMIDORES E O TRABALHO QUE DIARIAMENTE DESENVOLVEMOS EM CADA UMA DAS NOSSAS UNIDADES.

Leia mais

Prático, bom e barato. Novos tempos

Prático, bom e barato. Novos tempos Prático, bom e barato Arisco nasceu de maneira modesta: uma mistura de sal e temperos, ideal para facilitar a vida da dona de casa, que não teria mais de acertar na medida de condimentos a cada refeição

Leia mais

Uma autêntica refeição italiana é uma verdadeira experiência culinária: um enriquecimento aos olhos e ao paladar.

Uma autêntica refeição italiana é uma verdadeira experiência culinária: um enriquecimento aos olhos e ao paladar. Uma autêntica refeição italiana é uma verdadeira experiência culinária: um enriquecimento aos olhos e ao paladar. Os italianos desfrutam de várias e prazerosas refeições ao longo do dia, com uma grande

Leia mais

Clique aqui http://emagrecaki.com.br/medotof

Clique aqui http://emagrecaki.com.br/medotof Clique aqui http://emagrecaki.com.br/medotof Clique aqui http://emagrecaki.com.br/emagrecimentom Clique aqui http://emagrecaki.com.br/medotof ÍNDICE Pasta & Feijões 3 Perú 4 O Roti Saudável 5 Massa De

Leia mais

Pesquisa Nacional Fiesp/IBOPE sobre o Perfil do Consumo de Alimentos no Brasil

Pesquisa Nacional Fiesp/IBOPE sobre o Perfil do Consumo de Alimentos no Brasil Pesquisa Nacional Fiesp/IBOPE sobre o Perfil do Consumo de Alimentos no Brasil Introdução e objetivo Para avaliar o grau de aderência do consumidor brasileiro às tendências internacionais, a Fiesp encomendou

Leia mais

Consultoria e Assessoria em Serviços de Alimentação para uma prática de qualidade

Consultoria e Assessoria em Serviços de Alimentação para uma prática de qualidade Consultoria e Assessoria em Serviços de Alimentação para uma prática de qualidade Rochele de Quadros Rodrigues Nutricionista e Especialista em Qualidade de Alimentos Mestranda em Ciência e Tecnologia de

Leia mais

DATA: 05/05 AUDITÓRIO: OPERAÇÕES TEMA: SUSTENTABILIDADE NAS ORGANIZAÇÕES BRASILEIRAS: ONDE ESTAMOS? PALESTRANTE: NATHAN HERSZKOWICZ

DATA: 05/05 AUDITÓRIO: OPERAÇÕES TEMA: SUSTENTABILIDADE NAS ORGANIZAÇÕES BRASILEIRAS: ONDE ESTAMOS? PALESTRANTE: NATHAN HERSZKOWICZ DATA: 05/05 AUDITÓRIO: OPERAÇÕES TEMA: SUSTENTABILIDADE NAS ORGANIZAÇÕES BRASILEIRAS: ONDE ESTAMOS? PALESTRANTE: NATHAN HERSZKOWICZ Planejamento Boa Gestão Consciência Política Sustent bilidade Participação

Leia mais

III Mostra Nacional de Produção em Saúde da Família IV Seminário Internacional de Atenção Primária/ Saúde da Família. Brasília, 08 de Agosto de 2008

III Mostra Nacional de Produção em Saúde da Família IV Seminário Internacional de Atenção Primária/ Saúde da Família. Brasília, 08 de Agosto de 2008 Oficina de Promoção da Alimentação Saudável para Agentes Comunitários de Saúde III Mostra Nacional de Produção em Saúde da Família IV Seminário Internacional de Atenção Primária/ Saúde da Família Brasília,

Leia mais

Almoços Saudáveis Para Uma Semana De Moura

Almoços Saudáveis Para Uma Semana De Moura Índice Índice Massa & Feijões Perú O Roti Saudável Almoço Mexicano Pizza Saudável Vegetais Grelhados Almoços Saudáveis Para Uma Semana De Moura Massa & Feijões Este prato saudável combina feijão que enchem

Leia mais

Sódio em Debate Desafios na Redução do Consumo

Sódio em Debate Desafios na Redução do Consumo V Encontro de Especialistas Sódio em Debate Desafios na Redução do Consumo Profª Raquel Botelho Universidade de Brasília Problemática Consumo excessivo Oferta excessiva Adaptação do Paladar Escolha de

Leia mais

Brasil Food Trends 2020 Usando as tendências para alavancar a indústria de alimentos e bebidas

Brasil Food Trends 2020 Usando as tendências para alavancar a indústria de alimentos e bebidas Brasil Food Trends 2020 Usando as tendências para alavancar a indústria de alimentos e bebidas Marco Simões Vice-Presidente Tendências e pesquisas Nossas pesquisas corroboram os dados da pesquisa BFT Tendências

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE PLANO DE REDUÇÃO DO SÓDIO EM ALIMENTOS PROCESSADOS

MINISTÉRIO DA SAÚDE PLANO DE REDUÇÃO DO SÓDIO EM ALIMENTOS PROCESSADOS MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO Em termos globais, a redução do consumo de sódio pelas populações tem ocupado posição de destaque entre as prioridades de saúde pública, tendo em vista a relação direta do consumo

Leia mais

Conjuntura Macroeconômica e Setorial

Conjuntura Macroeconômica e Setorial Conjuntura Macroeconômica e Setorial O ano de 2012 foi um ano desafiador para a indústria mundial de carnes. Apesar de uma crescente demanda por alimentos impulsionada pela contínua expansão da renda em

Leia mais

Segredo do Emagrecimento Rápido http://www.coisasqueemagrecem.com.br/segredoemagrecimentorapido

Segredo do Emagrecimento Rápido http://www.coisasqueemagrecem.com.br/segredoemagrecimentorapido ÍNDICE Pasta & Feijões 3 Perú 4 O Roti Saudável 5 Massa De Gergelin Com Frango 7 Almoço Mexicano 8 Pizza Saudável 9 Vegetais Grelhados 10 Imformações importantes! Este Ebook não pode ser modificado / editado,

Leia mais

Distribuição Urbana de Food Service. Francisco Moura, ABIAF

Distribuição Urbana de Food Service. Francisco Moura, ABIAF Distribuição Urbana de Food Service Francisco Moura, ABIAF Agenda O Mercado de Food Service e segmentos Como as cadeias de suprimentos estão organizadas EUA e Brasil O Operador Logístico de FS dificuldades,

Leia mais

Estratégias Governamental para Redução do Sódio

Estratégias Governamental para Redução do Sódio VIII REUNIÃO DA VIGILÂNCIA SANITÁRIA DE ALIMENTOS Goiânia, 22,23 e 24/08/12 Estratégias Governamental para Redução do Sódio DENISE DE OLIVEIRA RESENDE Gerente-Geral de Alimentos Ações Governamentais :

Leia mais

Vida bem estar. Menu Semanal e Lista de Compras. Para uma alimentação saudável!

Vida bem estar. Menu Semanal e Lista de Compras. Para uma alimentação saudável! Vida bem estar Menu Semanal e Lista de Compras Para uma alimentação saudável! Vida bem estar Lista de Compras Lista de Compras Frutas Abacate Banana Maçã Tomate Frutas secas Damasco Banana Abacaxi Ameixa

Leia mais

PARCERIAS MAPA MS ABIA INMETRO ABNT PIF ANDEF SUPORTE INSTITUCIONAL

PARCERIAS MAPA MS ABIA INMETRO ABNT PIF ANDEF SUPORTE INSTITUCIONAL PARCERIAS MAPA MS ABIA INMETRO ABNT PIF ANDEF SUPORTE INSTITUCIONAL ABRANGÊNCIA DO PAS INDÚSTRIA COMERCIALIZAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO CONSUMIDOR FINAL INDÚSTRIA DISTRIBUIÇÃO MESA CADEIA PRODUTIVA AÇÕES ESPECIAIS

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS

CATÁLOGO DE PRODUTOS CATÁLOGO DE PRODUTOS SLOW COW RELAX DRINK Slow Cow é uma bebida canadense, inovadora e premiada, referência mundial em relax drink. Refrescante e deliciosa, é ideal para ser consumida no trabalho, após

Leia mais

Profa Tânia Maria Leite da Silveira

Profa Tânia Maria Leite da Silveira Profa Tânia Maria Leite da Silveira Como o consumidor adquire informações sobre os alimentos? Conhecimento da família Educação Mídia Publicidade Rotulagem Importância da rotulagem Informações corretas

Leia mais

INFORMAÇÃO NUTRICIONAL

INFORMAÇÃO NUTRICIONAL INFORMAÇÃO NUTRICIONAL PASTÉIS TRADICIONAIS QG Total Trans Fibra Sódio (mg) PASTEL DE CARNE 310,0 1302,0 26,3 16,8 62,2 3,9 0 0,8 323,8 Valores Diários para uma dieta de 2000 kcal(%) 15,5 8,8 22,4 113,1

Leia mais

Vida saudável com muito mais sabor

Vida saudável com muito mais sabor 1 Vida saudável com muito mais sabor APAE DE SÃO PAULO, com o objetivo de atender um grande público formado por pessoas que A precisam seguir dietas restritivas, em decorrência de doenças metabólicas,

Leia mais

sal.final.qxp 06/06/02 1:35 Page 1

sal.final.qxp 06/06/02 1:35 Page 1 sal.final.qxp 06/06/02 1:35 Page 1 sal.final.qxp 06/06/02 1:35 Page 2 2 sal.final.qxp 06/06/02 1:35 Page 3 Sal Colecção: Princípios para uma Alimentação Saudável Edição: Direcção Geral da Saúde Alameda

Leia mais

A ROTULAGEM DE ALIMENTOS PROMOVENDO O CONTROLE SANITÁRIO E A ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

A ROTULAGEM DE ALIMENTOS PROMOVENDO O CONTROLE SANITÁRIO E A ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL Prefeitura Municipal do Natal Secretaria Municipal de Saúde Departamento de Vigilância em Saúde Setor de Vigilância Sanitária Distrito Sanitário Oeste Núcleo de Vigilância Sanitária A ROTULAGEM DE ALIMENTOS

Leia mais

Registo Alimentar de 3 dias. Nota: Leia com atenção, e tente cumprir, os parâmetros de utilização.

Registo Alimentar de 3 dias. Nota: Leia com atenção, e tente cumprir, os parâmetros de utilização. Registo Alimentar de 3 dias Nota: Leia com atenção, e tente cumprir, os parâmetros de utilização. Parâmetros de Utilização: É necessário anotar tudo o que foi ingerido durante 3 dias representativos do

Leia mais

Matéria de capa Mais que um pão

Matéria de capa Mais que um pão Matéria de capa Mais que um pão Um alimento básico, presente de várias formas em todas as culturas no mundo, hoje, ganha novos atributos e, além de nutrir satisfaz outras necessidades do organismo. Consumidores

Leia mais

BEM NUTRIDO: UM NOVO CONCEITO DE ALIMENTAÇÃO PARA O CENÁRIO BRASILEIRO ATUAL

BEM NUTRIDO: UM NOVO CONCEITO DE ALIMENTAÇÃO PARA O CENÁRIO BRASILEIRO ATUAL BEM NUTRIDO: UM NOVO CONCEITO DE ALIMENTAÇÃO PARA O CENÁRIO BRASILEIRO ATUAL Autora: Luísa Arantes Vilela Coautora: Juliana de Oliveira Abrahão O excesso de peso e a obesidade aumentam continuamente ao

Leia mais

9º Pesquisa Setorial ABF Food Service 2015. Enzo Donna

9º Pesquisa Setorial ABF Food Service 2015. Enzo Donna 9º Pesquisa Setorial ABF Food Service 2015 Enzo Donna INTRODUÇÃO Com a finalidade de levantar informações sobre as redes de alimentação, a Associação Brasileira de Franchising (ABF) e a ECD Food Service

Leia mais

O Nutricionista e o Mercado Gastronômico

O Nutricionista e o Mercado Gastronômico O Nutricionista e o Mercado Gastronômico Nutricionista Lilian Cristian Mattos Proprietária da Qualité Consultoria Mestre em Ciência e Tecnologia de Alimentos/UFG Pós-Graduada em Gastronomia/UNB Graduada

Leia mais

INDÚSTRIA DE ALIMENTOS

INDÚSTRIA DE ALIMENTOS DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos INDÚSTRIA DE ALIMENTOS OUTUBRO DE 2015 PRODUTOS INDÚSTRIA DE ALIMENTOS NO BRASIL 2012 EXPORTAÇÕES US$ 43 Bilhões (23%) 23% Ásia 22% União Europeia FATURAMENTO

Leia mais

QUESTIONÁRIO DE FREQÜÊNCIA ALIMENTAR ADULTO

QUESTIONÁRIO DE FREQÜÊNCIA ALIMENTAR ADULTO Setor: N o. do quest QUESTIONÁRIO DE FREQÜÊNCIA ALIMENTAR ADULTO PARA TODAS AS PESSOAS COM 20 ANOS OU MAIS Data da entrevista / / Hora de início: Nome do entrevistador: Nº de identificação: Nome: Sexo

Leia mais

PLANEJAMENTO DE CARDÁPIOS

PLANEJAMENTO DE CARDÁPIOS PLANEJAMENTO DE CARDÁPIOS TIPOS DE CARDÁPIOS E CARACTERÍSTICAS Cardápio Trivial - Características: 1. Pouca variedade 2. Baixo Custo 3. Preparações não complexas 4. Rápida Execução 1 COMPOSIÇÃO DE CARDÁPIO

Leia mais

INFORMAMOS OS LANÇAMENTOS DE PRODUTOS NA APAS 2007: PERDIGÃO - NOVO SABOR DO QUICKPIZZA: FRANGO COM REQUEIJÃO E MUSSARELA

INFORMAMOS OS LANÇAMENTOS DE PRODUTOS NA APAS 2007: PERDIGÃO - NOVO SABOR DO QUICKPIZZA: FRANGO COM REQUEIJÃO E MUSSARELA INFORMAMOS OS LANÇAMENTOS DE PRODUTOS NA APAS 2007: PERDIGÃO - NOVO SABOR DO QUICKPIZZA: FRANGO COM REQUEIJÃO E MUSSARELA Opção chega para suprir a expectativa de consumidores cada vez mais exigentes O

Leia mais

Dicas Para Emagrecer com Saúde

Dicas Para Emagrecer com Saúde 2011 www.blog.vivaplenamente.com Página 1 DIREITOS DE DISTRIBUIÇÃO Você pode distribuir este e-book livremente, assim como presenteá-lo a través do seu site ou blog aos seus visitantes e clientes. A única

Leia mais

GUIA DE BEM VIVER PRAZERES SAUDÁVEIS 7 DIAS POR SEMANA!

GUIA DE BEM VIVER PRAZERES SAUDÁVEIS 7 DIAS POR SEMANA! GUIA DE BEM VIVER PRAZERES SAUDÁVEIS 7 DIAS POR SEMANA! ESTAR CONSIGO À MESA EM TODOS OS MOMENTOS, ESTAR CONSIGO NUMA AGRADÁVEL REFEIÇÃO EM FAMÍLIA, NUM JANTAR ROMÂNTICO, NO CONVÍVIO ENTRE AMIGOS ESTAR

Leia mais

Na primeira coluna da ficha são registrados os produtos que compõem a receita. Na segunda coluna são especificadas as medidas utilizadas para a

Na primeira coluna da ficha são registrados os produtos que compõem a receita. Na segunda coluna são especificadas as medidas utilizadas para a ficha técnica 9 ficha técnica 9 A ficha técnica é uma ferramenta fundamental na profissionalização dos serviços de alimentação de grande ou pequeno porte, importante na tomada de decisões e na orientação

Leia mais

Termo de Referência. 25 de abril a 24 de junho de 2012. Nos restaurantes, bares e hotéis do Rio de Janeiro.

Termo de Referência. 25 de abril a 24 de junho de 2012. Nos restaurantes, bares e hotéis do Rio de Janeiro. Termo de Referência 25 de abril a 24 de junho de 2012. Nos restaurantes, bares e hotéis do Rio de Janeiro. TERMO DE REFERÊNCIA 1. INTRODUÇÃO Pela segunda vez, a cidade do Rio de Janeiro será palco do festival

Leia mais

Manual AVANTE. Sirva-se e bom apetite!

Manual AVANTE. Sirva-se e bom apetite! Manual AVANTE Sirva-se e bom apetite! Sumário O seu estabelecimento como referência em alimentação de qualidade Conceito Alimentação Saudável O Programa Avante pela Qualidade de Vida O que temos para o

Leia mais

Unidade de Saúde do Afonsoeiro DIVERSIFICAÇÃO ALIMENTAR

Unidade de Saúde do Afonsoeiro DIVERSIFICAÇÃO ALIMENTAR Unidade de Saúde do Afonsoeiro DIVERSIFICAÇÃO ALIMENTAR GRUPO A Batata Cenoura Abóbora Dente de alho Nabo Cebola 4 5 meses SOPA DE LEGUMES GRUPO B Alho Francês Alface Brócolos Nabiça Agrião Espinafres

Leia mais

Trabalho realizado por: Filipa Bandeira Margarida Caupers Maria João Bule Ricardo Santos Sérgio Monteiro

Trabalho realizado por: Filipa Bandeira Margarida Caupers Maria João Bule Ricardo Santos Sérgio Monteiro Instituto Superior de Agronomia Introdução à Engenharia Alimentar Trabalho realizado por: Filipa Bandeira Margarida Caupers Maria João Bule Ricardo Santos Sérgio Monteiro Sumário Definição de Fast-food;

Leia mais

principal pilar da sua empresa " i Ca,pitalh. setor é ret na 3ª pesquisa realizada pela Abras em parceria com a Deloitte

principal pilar da sua empresa  i Ca,pitalh. setor é ret na 3ª pesquisa realizada pela Abras em parceria com a Deloitte principal pilar da sua empresa " i Ca,pitalh. setor é ret na 3ª pesquisa realizada pela Abras em parceria com a Deloitte Marcas próprias ganham espaço na casa do consumidor As marcas pertencentes aos supermercados

Leia mais

A Vivenda do Camarão é a maior rede de restaurantes de frutos do mar do país, presente em 20 estados brasileiros e 1 unidade no Paraguay.

A Vivenda do Camarão é a maior rede de restaurantes de frutos do mar do país, presente em 20 estados brasileiros e 1 unidade no Paraguay. A Vivenda do Camarão é a maior rede de restaurantes de frutos do mar do país, presente em 20 estados brasileiros e 1 unidade no Paraguay. O cardápio Vivenda oferece Produtos Congelados, In Natura, e em

Leia mais

Tempero. Restaurante. Restaurante Tempero Rua de São Bento nº 318 Merces-Lisboa 1200-822 Tel. (351)-213.900.216 Tlm. 924371372

Tempero. Restaurante. Restaurante Tempero Rua de São Bento nº 318 Merces-Lisboa 1200-822 Tel. (351)-213.900.216 Tlm. 924371372 Tempero Nossa História... Ao início de 2013 nasceu no coração de nossa família o sonho de abrir um café, no entanto sem pensarmos...no acaso do destino nos foi oferecido a comprar um restaurante no mês

Leia mais

03 Queijo Provolone Assado Delicioso queijo provolone assado no palito, com molho de azeite extra virgem e pimenta

03 Queijo Provolone Assado Delicioso queijo provolone assado no palito, com molho de azeite extra virgem e pimenta 01 Couvert Azeitona, torradinhas, patês ou hummus R$ 9,90 por pessoa 02 Batatas Fritas R$ 12,80 03 Queijo Provolone Assado Delicioso queijo provolone assado no palito, com molho de azeite extra virgem

Leia mais

Passion La Villette FICHA TÉCNICA. Heloi sa Helena de Medeiros Duarte. Cozinha Profissional 113 www.cozinhaprofissional.com.br

Passion La Villette FICHA TÉCNICA. Heloi sa Helena de Medeiros Duarte. Cozinha Profissional 113 www.cozinhaprofissional.com.br FICHA TÉCNICA Passion a Villette Heloi sa Helena de Medeiros Duarte Heloisa Helena de Medeiros Duarte é consultora e proprietária da H2 Consultoria. Desenvolve trabalhos na área de alimentação fora do

Leia mais

VOCÊ SABIA? Iogurte - Brasil - Dezembro 2012. Compre Este Relatório Agora

VOCÊ SABIA? Iogurte - Brasil - Dezembro 2012. Compre Este Relatório Agora Introdução O mercado brasileiro de iogurtes está em pleno desenvolvimento e vem ampliando sua presença de maneira significativa. Segundo levantamento da Mintel, de 2010 para 2011, a categoria teve um crescimento

Leia mais

Alimentação saudável. Nídia Braz Outubro, 2012

Alimentação saudável. Nídia Braz Outubro, 2012 Alimentação saudável Nídia Braz Outubro, 2012 A alimentação tradicional portuguesa é variada, usa matérias primas diversas, preparadas de modos muito variado, quer pela indústria quer em casa. 2 Nídia

Leia mais

Gastronomia Saudável. Nutricionista Liana Klagenberg, CRN-2 8081. Porto Alegre, 05 de abril de 2013.

Gastronomia Saudável. Nutricionista Liana Klagenberg, CRN-2 8081. Porto Alegre, 05 de abril de 2013. Gastronomia Saudável Nutricionista Liana Klagenberg, CRN-2 8081 Porto Alegre, 05 de abril de 2013. Gastronomia Hospitalar Grego "estômago e "lei, "conhecimento. UAN integrar princípios dietéticos com a

Leia mais

ALIMENTAÇÃO NO VERÃO

ALIMENTAÇÃO NO VERÃO ALIMENTAÇÃO NO VERÃO 1 - Quais os alimentos devem ser privilegiados no verão e quais devem ser evitados? Os alimentos que devem ser privilegiados no verão são as frutas, verduras e legumes, pois são ótimas

Leia mais

Nutrição Infantil. Paula Veloso / Nutricionista

Nutrição Infantil. Paula Veloso / Nutricionista Nutrição Infantil Paula Veloso / Nutricionista Relação alimentação/saúde é para toda a vida! A mulher grávida preocupa-se com a alimentação. Relação alimentação/saúde é para toda a vida! Os pais preocupam-se

Leia mais

TABELA ALERGIAS E INTOLERÂNCIAS ALIMENTARES

TABELA ALERGIAS E INTOLERÂNCIAS ALIMENTARES SANDES QUENTES SANDES FRIAS Supremo de frango Supremo de lombo Supremo de carne assada Supremo de rosbife Gaulesa Provencal Frango Lombo queijo bacon Francesa Tradicional Bifana de queijo em pão bola de

Leia mais

Fabiana Castro fabiana.castro@gsmd.com.br

Fabiana Castro fabiana.castro@gsmd.com.br Fabiana Castro fabiana.castro@gsmd.com.br Cenário Food Service No Brasil, transformações socioeconômicas impactam na alimentação fora do lar Fonte: IBGE (Brasil), Bureau of Labour Statistics (EUA) e estimativas

Leia mais

Perder peso Comendo. Pare de comer depressa

Perder peso Comendo. Pare de comer depressa Vou passar a você, algumas receitas que usei para poder emagrecer mais rápido e com saúde. Não direi apenas só sobre como preparar algumas receitas, mas também direi como perder peso sem sofrimento e de

Leia mais

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ISABEL MARQUES DIETISTA DO SERVIÇO DE ALIMENTAÇÃO E DIETÉTICA DO CHTV, E.P.E. 30 DE NOVEMBRO DE 2011

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ISABEL MARQUES DIETISTA DO SERVIÇO DE ALIMENTAÇÃO E DIETÉTICA DO CHTV, E.P.E. 30 DE NOVEMBRO DE 2011 ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ISABEL MARQUES DIETISTA DO SERVIÇO DE ALIMENTAÇÃO E DIETÉTICA DO CHTV, E.P.E. 30 DE NOVEMBRO DE 2011 ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL Uma alimentação equilibrada proporciona uma quantidade correcta

Leia mais

Termo de Referência. 25 de abril a 24 de junho de 2012. Nos restaurantes, bares e hotéis do Rio de Janeiro.

Termo de Referência. 25 de abril a 24 de junho de 2012. Nos restaurantes, bares e hotéis do Rio de Janeiro. Termo de Referência 25 de abril a 24 de junho de 2012. Nos restaurantes, bares e hotéis do Rio de Janeiro. TERMO DE REFERÊNCIA 1. INTRODUÇÃO Em 2003, o Instituto de Nutrição Annes Dias da Secretaria Municipal

Leia mais

Aposta certa. Ao abrirem sua primeira loja

Aposta certa. Ao abrirem sua primeira loja Divulgação Aposta certa Ao encarar o desafio de atender a um cliente que não tinha ainda aberto sua primeira loja no país, a Luft Food Service fez uma aposta num projeto que, após apenas três anos, cumpriu

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2005

PROJETO DE LEI Nº, DE 2005 PROJETO DE LEI Nº, DE 2005 (Do Sr. Alex Canziani) Dispõe sobre a regulamentação do exercício da profissão de cozinheiro. Congresso Nacional decreta: Art. 1º Considera-se cozinheiro, para efeitos desta

Leia mais

Informativo Digital da Escola de Nutrição da UFBA N.117/2012

Informativo Digital da Escola de Nutrição da UFBA N.117/2012 Informativo Digital da Escola de Nutrição da UFBA N.117/2012 Salvador, 14 de setembro de 2012 A editora da UFBA, EDUFBA lançou vários livros ontem na Biblioteca Central da UFBA. O evento teve uma boa aceitação

Leia mais

Cardápio Diário da Fase 1 (Indução) da Dieta da Proteína

Cardápio Diário da Fase 1 (Indução) da Dieta da Proteína Cardápio Diário da Fase 1 (Indução) da Dieta da Proteína Fase 1: Indução - Menos de 10g de Carboidratos por dia. Este cardápio serve apenas como sugestão. Se preferir pode combinar os diferentes alimentos

Leia mais

Receitas MENOS SAL MAIS SABOR A VIDA. Fazer bem está na nossa NATUREZA.

Receitas MENOS SAL MAIS SABOR A VIDA. Fazer bem está na nossa NATUREZA. Receitas Uma iniciativa Com o apoio Fazer bem está na nossa NATUREZA. Menos Sal, Mais Sabor a Vida é a iniciativa da sua Unidade de Saúde Familiar pensada para apontar novos caminhos para a sua saúde cardiovascular.

Leia mais

Atendimento ao canal de Hotéis e Restaurantes

Atendimento ao canal de Hotéis e Restaurantes Atendimento ao canal de Hotéis e Restaurantes AGENDA - MERCADO DE FOOD SERVICE - MODELO ABASTECIMENTO ATUAL E ENTENDIMENTO CADEIA DE ABASTECIMENTO - MODELO PROPOSTO - PRINCIPAIS BENEFÍCIOS DO MODELO -

Leia mais

NÚMERO. Alimentação: Sustentável. Receitas deliciosas. O seu dia a dia muito mais saboroso. CHICO SARDELLI DEPUTADO ESTADUAL PV

NÚMERO. Alimentação: Sustentável. Receitas deliciosas. O seu dia a dia muito mais saboroso. CHICO SARDELLI DEPUTADO ESTADUAL PV Alimentação: Sustentável NÚMERO 3 Receitas deliciosas. O seu dia a dia muito mais saboroso. Risoto de casca de Abóbora Cascas de 2kg de abóbora (ralada ) 3 xicaras de arroz cozido 1 cebola grande (picada)

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS DE UBERLÂNDIA

FACULDADE PITÁGORAS DE UBERLÂNDIA FACULDADE PITÁGORAS DE UBERLÂNDIA Douglas Ferreira Guilherme Fileto João Gabriel Marques Matheus Pereira Matheus Silva River Bruno Plano de Negócio Trabalho Número 10 - Sumário Executivo; - A empresa;

Leia mais

SOU CELÍAC@: Posso brincar e comer em sua casa? ACELBRA-RJ. www.riosemgluten.com

SOU CELÍAC@: Posso brincar e comer em sua casa? ACELBRA-RJ. www.riosemgluten.com SOU CELÍAC@: Posso brincar e comer em sua casa? ACELBRA-RJ www.riosemgluten.com GLÚTEN Cozinhar para compartilhar uma refeição com alguém que é celíaco pode ser trabalhoso...mas, é possível: sempre se

Leia mais

Diabetes e doença cardiovascular

Diabetes e doença cardiovascular Diabetes e doença cardiovascular A diabetes implica um risco aumentado de doença cardiovascular? Sim! As pessoas com diabetes têm um risco aumentado de doenças cardiovasculares, tais como a doença coronária

Leia mais

Pesquisa. Consumo de Frutas e Hortaliças

Pesquisa. Consumo de Frutas e Hortaliças Pesquisa Consumo de Frutas e Hortaliças Pesquisa Quantitativa Consumo de Frutas e Hortaliças Elaborado por CONNECTION RESEARCH Maio 2011 2 Objetivos da pesquisa. Estudar os hábitos alimentares da população

Leia mais

Setor produtivo G01 - Alimentação/ Bebidas/ Massas. Contém 1120204 estabelecimentos. DESCRIÇÃO DO CNAE 0111-3/99 Cultivo de outros cereais não

Setor produtivo G01 - Alimentação/ Bebidas/ Massas. Contém 1120204 estabelecimentos. DESCRIÇÃO DO CNAE 0111-3/99 Cultivo de outros cereais não Setor produtivo G01 - Alimentação/ Bebidas/ Massas. Contém 1120204 estabelecimentos. CNAE DESCRIÇÃO DO CNAE 0111-3/99 Cultivo de outros cereais não especificados anteriormente 0116-4/99 Cultivo de outras

Leia mais

Food Service - O Mercado da Alimentação Fora do Lar Food Service - The market of food outside the home

Food Service - O Mercado da Alimentação Fora do Lar Food Service - The market of food outside the home Food Service - O Mercado da Alimentação Fora do Lar Food Service - The market of food outside the home ThaianeGraziele da Silva 1 Maria Aparecida Teixeira Lamounier 2 Natália de Carvalho Teixeira 3 Resumo:

Leia mais

Leite integral Pão francês com requeijão. Leite integral com

Leite integral Pão francês com requeijão. Leite integral com CARDÁPIO OUTUBRO/2012 Café Somos aquilo que comemos Cardápio Sonho Mágico Educação Infantil 2ª feira 01.10 3ª feira 02.10 4ª feira 03.10 5ª feira 04.10 6ª feira 05.10 + mel + aveia Rosquinha doce coco

Leia mais

COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL?

COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL? COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL? O Ministério da Saúde está lançando a versão de bolso do Guia Alimentar para a População Brasileira, em formato de Dez Passos para uma Alimentação Saudável, com o objetivo

Leia mais

Plano Abras Maior Apresentação maio/2013

Plano Abras Maior Apresentação maio/2013 Plano Abras Maior Apresentação maio/2013 Gestão Abras PLATAFORMA ABRAS 2013-2014 - 2014 SETOR HOJE PLATAFORMA ABRAS 2013-2014 Setor faturou R$ 242,9 bilhões em 2012 Supermercados respondem por 83,7% do

Leia mais

www.guiadeemagrecimento.com.br

www.guiadeemagrecimento.com.br Guia de Emagrecimento Direitos Reservados 1 Quando falamos em emagrecer, dieta, perder peso, nossa alimentação é um dos alvos principais e está diretamente relacionada ao nosso estilo de vida. Como vivemos

Leia mais

CUIDADOS COM A ALIMENTAÇÃO

CUIDADOS COM A ALIMENTAÇÃO SENADO FEDERAL CUIDADOS COM A ALIMENTAÇÃO SENADOR CLÉSIO ANDRADE 2 Cuidados com a alimentação apresentação Uma boa saúde é, em grande parte, resultado de uma boa alimentação. Há muita verdade no dito

Leia mais

Amadora Sintra ALIMENTAÇÃO

Amadora Sintra ALIMENTAÇÃO Amadora Sintra ALIMENTAÇÃO no 1º ano de vida INÍCIO DA DIVERSIFICAÇÃO A diversificação pode ser iniciada após os 4 meses. Substituir uma refeição de leite por: Papa sem glúten ou caldo de legumes (antes

Leia mais

28 o chef ensina. Hugo Silva

28 o chef ensina. Hugo Silva 28 o chef ensina Hugo Silva Tem apenas 34 anos mas é ele quem assume os comandos da cozinha do Restaurante The Mix, no Farol Design Hotel, em Cascais. Aprenda com o chef Hugo Silva a fazer bifanas gourmet,

Leia mais

www.500receitasparaemagrecer.com.br SUPER 9 DIETAS 500 Receitas para Emagrecer Dicas Dietas sobre Metabolismo

www.500receitasparaemagrecer.com.br SUPER 9 DIETAS 500 Receitas para Emagrecer Dicas Dietas sobre Metabolismo SUPER 9 DIETAS Esta dieta é baseada principalmente na ingestão de alimentos que aumentam a densidade nutricional e diminuir a densidade calórica. É uma das dietas mais equilibradas, uma vez que não se

Leia mais

Cultura Alimentar. Apreciando o Antigo e Acolhendo o Novo. Campo de arroz japonês (Foto: Cortesia de AFLO)

Cultura Alimentar. Apreciando o Antigo e Acolhendo o Novo. Campo de arroz japonês (Foto: Cortesia de AFLO) Cultura Alimentar Apreciando o Antigo e Acolhendo o Novo Campo de arroz japonês A cultura alimentar japonesa, que está centrada no arroz, desenvolveu-se a partir da introdução do cultivo do arroz úmido

Leia mais

Conheça nosso ambiente de trabalho, Onde transformamos seus sonhos em realidade!

Conheça nosso ambiente de trabalho, Onde transformamos seus sonhos em realidade! Conheça nosso ambiente de trabalho, Onde transformamos seus sonhos em realidade! Aposte em você e Emagreça com Saúde! Cardápio Equilíbrio R$ 12,00 prato principal a base de peixes Atum- enlatado 1.Casquinha

Leia mais

anos anos Histórico Saúde 1990 - Nasce a Empresa Nutrisaude, atuando no ramo de refeições coletivas na cidade de Avaí/SP

anos anos Histórico Saúde 1990 - Nasce a Empresa Nutrisaude, atuando no ramo de refeições coletivas na cidade de Avaí/SP Nossa Empresa A Nutrisaude é uma empresa jovem e dinâmica buscando sempre o encantamento de seus clientes, garantindo uma parceria focada em agilidade, qualidade e custo benefício. Em 1990 na cidade de

Leia mais

ITENS DA MERENDA ESCOLAR 2015

ITENS DA MERENDA ESCOLAR 2015 ITENS DA MERENDA ESCOLAR 2015 Nº ITEM UNIDADE DE MEDIDA 1 ABACATE 2 ABACAXI 3 ABÓBORA 4 ACHOCOLATADO EM PÓ EMBALAGEM DE 800G FARDO COM 24 PCT DE 400G 5 ACHOCOLATADO EM PÓ DIET EMBALAGEM DE 210G 6 ACHOCOLATADO

Leia mais

Alimentação saudável é o caminho.

Alimentação saudável é o caminho. Alimentação saudável é o caminho. Prato Legal: uma parceria em prol da saúde do trabalhador brasileiro O Prato Legal é uma iniciativa pioneira da Associação das Empresas de Refeição e Alimentação Convênio

Leia mais

I n ova ç ã o Produtos. Matérias-Primas. Seminário Tecnológico ABIP / ITPC / SEBRAE Isabela Cardoso Michele Bianchini 19/07/2012

I n ova ç ã o Produtos. Matérias-Primas. Seminário Tecnológico ABIP / ITPC / SEBRAE Isabela Cardoso Michele Bianchini 19/07/2012 I n ova ç ã o Produtos Processos Matérias-Primas Seminário Tecnológico ABIP / ITPC / SEBRAE Isabela Cardoso Michele Bianchini 19/07/2012 Não é a mais forte das espécies que sobrevive, nem a mais inteligente,

Leia mais

BAIXO TEOR DE GORDURA Ao vapor, assado, cozido, com molho de vinho, grelhado, salteado, estufado.

BAIXO TEOR DE GORDURA Ao vapor, assado, cozido, com molho de vinho, grelhado, salteado, estufado. GUIA PARA COMER FORA ENTRADAS Desfrute de sopas de legumes, marisco ao vapor ou sumo natural. Evite as entradas fritas, com queijo ou natas. PÃO Prefira pão integral ou de centeio, sem manteiga. Limite

Leia mais

Executivo ½ Porção do prato escolhido + ½ porção de Arroz Chop Suey (Exceto no Yakisoba), serve 1 pessoa. ENTRADAS:

Executivo ½ Porção do prato escolhido + ½ porção de Arroz Chop Suey (Exceto no Yakisoba), serve 1 pessoa. ENTRADAS: ½ Porção do prato escolhido + ½ porção de Arroz Chop Suey (Exceto no Yakisoba), serve 1 pessoa. : Porção para 2 pessoas (não acompanha Arroz). ENTRADAS: 58-Camarão Empanado (4 unidades) R$: 33,00 67-Rolinho

Leia mais

ORIENTAÇÃO NUTRICIONAL PARA DIABETES. Elaboração de conteúdo: Equipe de Nutrição

ORIENTAÇÃO NUTRICIONAL PARA DIABETES. Elaboração de conteúdo: Equipe de Nutrição ORIENTAÇÃO NUTRICIONAL PARA DIABETES Elaboração de conteúdo: Equipe de Nutrição PRINCÍPIOS GERAIS PARA MANUTENÇÃO DA GLICEMIA (GLICOSE NO SANGUE) ADEQUADA: Perder peso, se estiver acima do adequado. Fazer

Leia mais