Pecuária Sustentável Walmart Brasil. Camila Valverde Diretora de Sustentabilidade

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Pecuária Sustentável Walmart Brasil. Camila Valverde Diretora de Sustentabilidade"

Transcrição

1 Pecuária Sustentável Walmart Brasil Camila Valverde Diretora de Sustentabilidade

2 Walmart no mundo Presente em 27 países lojas 2,2 milhões de funcionários Faturamento global: US$ 466,7 bi (2012)

3 Presença no Brasil 18 Estados + DF: 547 lojas (2012) / 9 bandeiras 82,3 mil funcionários Faturamento: R$ 25,9 bilhões (2012) Multiformatos Hipermercados Supermercados Lojas de Vizinhança Clubes de Compras Comércio Eletrônico Atacado

4 O jeito Walmart de trabalhar

5 Sustentabilidade - O Impacto do Varejo INDIRETO 92% DIRETO 8%

6 Metas Globais de Sustentabilidade Clima e Energia Ser suprido 100% por energia renovável Resíduos Destinar resíduo zero para aterros Produtos Comercializar produtos mais sustentáveis Pessoas / Comunidade

7 Agricultura Sustentável Agricultura Sustentável: Foco em três áreas Apoiar produtores e suas comunidades Produzir mais comida com menos recursos e menos disperdício Origem sustentável dos principais produtos agrícolas

8 Compromisso global de carne bovina Garantir que a carne bovina comprada do Brasil em todas as operações do Walmart no mundo, não contribua em sua origem com o desmatamento do bioma Amazônia até

9 Contexto global Rede global de mais de 400 varejistas e fabricantes que compartilham a visão de Better Lives through Better Business Membros tem posicionamentos comuns sobre questões estratégicas Sustentabilidade é um dos cinco pilares estratégicos da CFG CARNE BOVINA 2010: Alcançar desmatamento líquido zero até 2020, através de parcerias coletivas e ações para cada empresa Membros estão buscando formas de garantir a origem sustentável das principais commodities GTPS tem um papel fundamental para fortalecer a credibilidade ao mercado brasileiro! 4 9

10 Contexto do bioma Amazônia Uso ilegal de terras Propriedades rurais sem regulalização fundiária e ambiental Uso ilegal de Terras Indígenas Uso ilegal de Unidades de conservação Conflito Social: 60% dos casos brasileiros de trabalho escravo estão na Amazônia e a cadeia de carne bovina representa 80% Baixa produtividade 0,8 cabeças de gado/ha Conflitos sociais e Trabalho Esc\ravo Drivers Cadeia produtiva predatória Desmatamento Relação entre a localização dos frigoríficos e desmatamento Pelo menos 17% da Amazônia Brasileira já foi desmatada. Produção de gado contribiu com cerca de 60 %. 5 10

11 Plataforma Brasileira de Pecuária Sustentável PECUÁRIA SUSTENTÁVEL WALMART BRASIL VALORES (Política) RELACIONAMENTO STAKEHOLDERS Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável (GTPS) Conexões Sustentáveis Fórum Amazônia Sustentável Pacto pela Sustentabilidade Ministério Público Federal e ABRAS DESENVOLVIMENTO DA CADEIA/ PRODUTO Desenvolvimento de uma cadeia pecuária responsável na Amazônia (São Felix do Xingu) Monitoramento do Pacto pela Sustentabilidade GESTÃO DE RISCOS Sistema de Monitoramento e Gestão de Riscos Socioambientais Parceria Empresarial pelos Serviços Ecossistêmicos (PESE) GESTÃO DO CONHECIMENTO Parceria Empresarial pelos Serviços Ecossistêmicos (PESE); Estudos sobre perfil do consumidor; Seminários GTPS 11

12 Gestão do conhecimento Parceria Empresarial pelos Serviços Ecossistêmicos (PESE) Metodologia WRI: Corporate Ecosystem Services Review (ESR) 47

13 Gestão do conhecimento Parceria Empresarial pelos Serviços Ecossistêmicos 1. Selecionar o Escopo 2. Identificar Serviços Ecossistêmico s Prioritários 3. Analisar as tendências dos Serv. Eco. Prioritários 4. Identificar os riscos e oportunidades p/ os negócios 5. Desenvolver estratégias Qual o estágio da cadeia de valor? Produto fornecedores CARNE BOVINA Dependências e Impactos Provisão de água Regulação do clima Regulação (manutenção) da qualidade do solo Regulação da purificação da água/assimilação de efluentes 5 Seções Condições e Tendências Drivers diretos Atividades da empresa Atividades de outros Drivers indiretos Tipo Operacional Regulatório e legal Reputação Mercado e Produto Financeiro 3 Categorias Mudanças internas Engajamento de Setor ou stakeholder Políticas Públicas 47

14 Relacionamento com Stakeholders Governo Grupos de Trabalho ONGs

15 Meio Ambiente Produtividade Gerenciamento Desenvolvimento de uma cadeia pecuária sustentável na Amazônia - São Félix do Xingú Desenvolver um modelo de cadeia pecuária responsável que pode conciliar produção e conservação ambiental em regiões do Estado do Pará, pelo por meio do fortalecimento e da adequação ambiental desses municípios e, com isso, monitorar a origem da matéria-prima comercializada Regularização Ambiental Recuperação de áreas degradadas Melhoria na gestão da propriedade Aplicar tecnologia Aplicar Boas Práticas Sistema de monitoramento mais efetivo Garantir a origem dos animais Conservação da biodiversidade Redução das emissões de GHG Aumentar a produtividade Rentabilidade para o produtor Reduzir os riscos e impactos ambientais Qualidade do Produto Prover transparência para o comprador e consumidor

16 Desenvolvimento de uma cadeia pecuária sustentável na Amazônia São Félix do Xingú

17 Desenvolvimento de uma cadeia pecuária sustentável na Amazônia - São Félix do Xingú Lançamento do Programa

18 Sistema de Monitoramento e Gestão de Riscos socioambientais da Cadeia da Pecuária Bovina na Amazônia Objetivo Gerenciar os riscos da compra de carne bovina pelo WM Riscos socioambientais* Desmatamento, Trabalho escravo, Áreas embargadas Terras indígenas Unidades de Conservação *Uso de um Sistema de Informações Geográficas e Banco de Dados Públicos 18

19 Sistema de monitoramento e gestão de riscos socioambientais da cadeia pecuária bovina Sistema de Monitoramento e Gestão de Riscos Foco de atuação 19

20 Sistema de Monitoramento e Gestão de Riscos 1) Mapeamento dos fornecedores 30% das plantas frigoríficas de fornecedores do WMT Brasil estão no bioma Amazônia Brasil Bioma Amazônia 101 Plantas Frigoríficas 31 Plantas Frigoríficas Amazon biome Slaughterhouse unit 12

21 Sistema de Monitoramento e Gestão de Riscos 2) Risco dos municípios Análise do raio de 300 km da Planta Frigorífica Sistema de Informações Geográficas (GIS) e informações públicas Matriz de riscos Sociais e Ambientais

22 Sistema de Monitoramento e Gestão de Riscos 2) Risco dos municípios Análise do raio de 300 km da Planta Frigorífica Risco muito alto % de áreas envolvidas no raio de 300 km ao redor da planta frigorífica em que o município apresentou pelo menos 1 critério de alto risco (vermelho) pela matriz de risco

23 Sistema de Monitoramento e Gestão de Riscos 3) Qualificação do produtor de carne bovina Análise de risco das fazendas fornecedoras Fase atual: Cadastro das fazendas!!! 1 COORDENADA - ANÁLISE DO RAIO 10KM POLÍGONO OU CAR (CADASTRO AMBIENTAL RURAL) QUANTO MELHOR A INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA MELHOR A ANÁLISE E GESTÃO DOS RISCOS ASSOCIADOS A ESTA FAZENDA. 23

24 24 Localização geográfica das fazendas fornecedoras

25 Sistema de Monitoramento e Gestão de Riscos Análise de risco: critérios socioambientais 25

26 Sistema de Monitoramento e Gestão de Riscos 26

27 Obrigada!

The Nature Conservancy, Walmart, Marfrig e produtores do sudeste do Pará trabalharão juntos pela pecuária sustentável na Amazônia

The Nature Conservancy, Walmart, Marfrig e produtores do sudeste do Pará trabalharão juntos pela pecuária sustentável na Amazônia The Nature Conservancy, Walmart, Marfrig e produtores do sudeste do Pará trabalharão juntos pela pecuária sustentável na Amazônia Cadeia irá trabalhar unida na implementação das melhores práticas socioambientais

Leia mais

A Floresta Amazônica, as mudanças climáticas e a agricultura no Brasil

A Floresta Amazônica, as mudanças climáticas e a agricultura no Brasil A Floresta Amazônica, as mudanças climáticas e a agricultura no Brasil Quem somos? A TNC é a maior organização de conservação ambiental do mundo. Seus mais de um milhão de membros ajudam a proteger 130

Leia mais

CRITÉRIOS MÍNIMOS PARA OPERAÇÕES COM GADO E PRODUTOS BOVINOS EM ESCALA INDUSTRIAL NO BIOMA AMAZÔNIA

CRITÉRIOS MÍNIMOS PARA OPERAÇÕES COM GADO E PRODUTOS BOVINOS EM ESCALA INDUSTRIAL NO BIOMA AMAZÔNIA PLANO DE TRABALHO JBS CRITÉRIOS MÍNIMOS PARA OPERAÇÕES COM GADO E PRODUTOS BOVINOS EM ESCALA INDUSTRIAL NO BIOMA AMAZÔNIA Sistema de Monitoramento Socioambiental das Fazendas Fornecedoras de Gado da JBS

Leia mais

Crescimento global da consciência socioambiental

Crescimento global da consciência socioambiental Programa de Sustentabilidade Bunge 1. Contextualização Crescimento global da consciência socioambiental Sociedade Importância do tema Estruturação e articulação das entidades civis Pressões comerciais

Leia mais

Diagnóstico de oportunidades de quebra de barreiras para acesso às políticas públicas da Agricultura Familiar em São Félix do Xingu, Pará.

Diagnóstico de oportunidades de quebra de barreiras para acesso às políticas públicas da Agricultura Familiar em São Félix do Xingu, Pará. TERMO DE REFERÊNCIA Diagnóstico de oportunidades de quebra de barreiras para acesso às políticas públicas da Agricultura Familiar em São Félix do Xingu, Pará. 1. Título: Diagnóstico de oportunidades para

Leia mais

O que é o Fundo? Que diferença ele fará para SFX? Qual é o objetivo do Fundo?

O que é o Fundo? Que diferença ele fará para SFX? Qual é o objetivo do Fundo? O que é o Fundo? O Fundo Terra Verde é uma fonte de financiamento para o desenvolvimento sustentável de São Félix do Xingu (SFX), no sudeste do Pará. Ele é um mecanismo privado e tem como objetivo captar,

Leia mais

Ações Estratégicas do Agronegócio Soja Responsabilidade Ambiental do Setor

Ações Estratégicas do Agronegócio Soja Responsabilidade Ambiental do Setor Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Ações Estratégicas do Agronegócio Soja Responsabilidade Ambiental do Setor Carlo Lovatelli Presidente da São Paulo - SP 8 de novembro de 2011 1 A

Leia mais

Sustentabilidade no Grupo Boticário. Atuação com a Rede de Franquias

Sustentabilidade no Grupo Boticário. Atuação com a Rede de Franquias Sustentabilidade no Grupo Boticário Atuação com a Rede de Franquias Mais de 6.000 colaboradores. Sede (Fábrica e Escritórios) em São José dos Pinhais (PR) Escritórios em Curitiba (PR) e São Paulo (SP).

Leia mais

Conexões Sustentáveis São Paulo Amazônia Quem se beneficia com a destruição da Amazônia Edição 2011

Conexões Sustentáveis São Paulo Amazônia Quem se beneficia com a destruição da Amazônia Edição 2011 Caso: O desmatamento ilegal do bife Link: http://reporterbrasil.org.br/conexoes/?p=147 Íntegra do posicionamento das empresas JBS Friboi 1) Quais as ações realizadas pela empresa para evitar, em sua cadeia

Leia mais

Agenda. O que é o CDP O que é o CDP Supply Chain CDP Supply Chain 2014

Agenda. O que é o CDP O que é o CDP Supply Chain CDP Supply Chain 2014 www.cdp.net @CDP Agenda O que é o CDP O que é o CDP Supply Chain CDP Supply Chain 2014 O que é Organização internacional que trabalha com as principais forças do mercado para motivar as empresas e cidades

Leia mais

Instituto Ethos. de Empresas e Responsabilidade Social. Emilio Martos Gerente Executivo de Relacionamento Empresarial

Instituto Ethos. de Empresas e Responsabilidade Social. Emilio Martos Gerente Executivo de Relacionamento Empresarial Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social Emilio Martos Gerente Executivo de Relacionamento Empresarial Missão do Instituto Ethos Mobilizar, sensibilizar e ajudar as empresas a gerir seus negócios

Leia mais

Estratégias para evitar o desmatamento na Amazônia brasileira. Antônio Carlos Hummel Diretor Geral Serviço Florestal Brasileiro

Estratégias para evitar o desmatamento na Amazônia brasileira. Antônio Carlos Hummel Diretor Geral Serviço Florestal Brasileiro Estratégias para evitar o desmatamento na Amazônia brasileira Antônio Carlos Hummel Diretor Geral Serviço Florestal Brasileiro Perfil - 2-1. Fatos sobre Brasil 2. Contexto Florestal 3. Estratégias para

Leia mais

Associação sem fins lucrativos, fundada em 1998, por um grupo de 11 empresários; 1475 associados: empresas de diferentes setores e portes.

Associação sem fins lucrativos, fundada em 1998, por um grupo de 11 empresários; 1475 associados: empresas de diferentes setores e portes. Instituto Ethos Associação sem fins lucrativos, fundada em 1998, por um grupo de 11 empresários; 1475 associados: empresas de diferentes setores e portes. MISSÃO: Mobilizar, sensibilizar e ajudar as empresas

Leia mais

PRODUÇÃO RESPONSAVEL X INCENTIVOS AMBIENTAIS BERTIN S/A. Daniel Furquim Badim Machado Zootecnista Departamento de Sustentabilidade

PRODUÇÃO RESPONSAVEL X INCENTIVOS AMBIENTAIS BERTIN S/A. Daniel Furquim Badim Machado Zootecnista Departamento de Sustentabilidade PRODUÇÃO RESPONSAVEL X INCENTIVOS AMBIENTAIS BERTIN S/A Daniel Furquim Badim Machado Zootecnista Departamento de Sustentabilidade Bertin S.A. Fundação: 1977 / Sede: Lins/SP Empresa de capital 100% nacional

Leia mais

POLÍTICAS DE GESTÃO PROCESSO DE SUSTENTABILIDADE

POLÍTICAS DE GESTÃO PROCESSO DE SUSTENTABILIDADE POLÍTICAS DE GESTÃO PROCESSO DE SUSTENTABILIDADE 1) OBJETIVOS - Apresentar de forma transparente as diretrizes de sustentabilidade que permeiam a estratégia e a gestão; - Fomentar e apoiar internamente

Leia mais

NOSSA ASPIRAÇÃO JUNHO/2015. Visão Somos uma coalizão formada por associações

NOSSA ASPIRAÇÃO JUNHO/2015. Visão Somos uma coalizão formada por associações JUNHO/2015 NOSSA ASPIRAÇÃO Visão Somos uma coalizão formada por associações empresariais, empresas, organizações da sociedade civil e indivíduos interessados em contribuir para a promoção de uma nova economia

Leia mais

Promover um ambiente de trabalho inclusivo que ofereça igualdade de oportunidades;

Promover um ambiente de trabalho inclusivo que ofereça igualdade de oportunidades; POLÍTICA DE SUSTENTABILIDADE OBJETIVO Esta Política tem como objetivos: - Apresentar as diretrizes de sustentabilidade que permeiam a estratégia e a gestão; - Fomentar e apoiar internamente as inovações

Leia mais

Municípios Prioritários: Reputação ou Fiscalização?

Municípios Prioritários: Reputação ou Fiscalização? Municípios Prioritários: Reputação ou Fiscalização? Juliano Assunção Romero Rocha Agosto de 2014 Um Relatório do Agradecimentos Agradecemos o Ministério do Meio Ambiente (MMA) e, particularmente Francisco

Leia mais

CAPACITAÇÃO SOBRE A AVALIAÇÃO EMPRESARIAL DE SERVIÇOS ECOSSISTÊMICOS (ESR) Parceria Empresarial pelos Serviços Ecossistêmicos (PESE)

CAPACITAÇÃO SOBRE A AVALIAÇÃO EMPRESARIAL DE SERVIÇOS ECOSSISTÊMICOS (ESR) Parceria Empresarial pelos Serviços Ecossistêmicos (PESE) CAPACITAÇÃO SOBRE A AVALIAÇÃO EMPRESARIAL DE SERVIÇOS ECOSSISTÊMICOS (ESR) Parceria Empresarial pelos Serviços Ecossistêmicos (PESE) MAIO 2014 + Agenda Horário Atividade Facilitador 10:00 Boas Vindas e

Leia mais

Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios

Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios Em 2013, a Duratex lançou sua Plataforma 2016, marco zero do planejamento estratégico de sustentabilidade da Companhia. A estratégia baseia-se em três

Leia mais

Unilever Brazil Sustentabilidade Cada Gesto Conta

Unilever Brazil Sustentabilidade Cada Gesto Conta Unilever Brazil Sustentabilidade Cada Gesto Conta 01/06/2011 A Visão da Unilever Trabalhamos para criar um futuro melhor todos os dias. Ajudamos as pessoas a se sentirem bem, bonitas e a aproveitarem mais

Leia mais

Meio Ambiente propõe mutirão nacional para regularização ambiental de propriedades rurais brasileiras

Meio Ambiente propõe mutirão nacional para regularização ambiental de propriedades rurais brasileiras Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Nº 39/2013 maio Informativo digital sobre temas da cadeia produtiva da soja Meio Ambiente propõe mutirão nacional para regularização ambiental de

Leia mais

Roberto Strumpf 01.06.2011. Mensuração e Gestão de GEE

Roberto Strumpf 01.06.2011. Mensuração e Gestão de GEE Roberto Strumpf 01.06.2011 Mensuração e Gestão de GEE Conteúdo A economia de baixo carbono Mensuração de emissões Programa Brasileiro GHG Protocol Gestão de emissões Plataforma Empresas Pelo Clima Economia

Leia mais

O papel da APROSOJA na promoção da sustentabilidade na cadeia produtiva da soja brasileira

O papel da APROSOJA na promoção da sustentabilidade na cadeia produtiva da soja brasileira O papel da APROSOJA na promoção da sustentabilidade na cadeia produtiva da soja brasileira Clusters para exportação sustentável nas cadeias produtivas da carne bovina e soja Eng Agrônomo Lucas Galvan Diretor

Leia mais

I Fórum Sustentabilidade da Cadeia do Cacau

I Fórum Sustentabilidade da Cadeia do Cacau I Fórum Sustentabilidade da Cadeia do Cacau Produção e Mercado de Cacau com Responsabilidade Socioambiental: Criação de Capacidades em Boas Práticas e Certificação na Cadeia do Cacau do Brasil. Missão:

Leia mais

Empresas se veem numa nova lógica de mercado...

Empresas se veem numa nova lógica de mercado... Empresas se veem numa nova lógica de mercado... 20/04/2010 Acidente com uma plataforma de petróleo que causou o vazamento de 2,2 milhões de barris no mar. - 53,79% ... mas também enxergam novas oportunidades.

Leia mais

Descrição de Posição

Descrição de Posição Descrição de Posição NOME DA POSIÇÃO: Economista Rural Coordenador de Projeto NOME DA FUNÇÃO: CONSERVATION INFORMATION MANAGER V GRUPO DA FUNÇÃO: Conservação NÚMERO DA FUNÇÃO: 200059 GRADE SALARIAL: 7

Leia mais

MORATÓRIA DA SOJA: Avanços e Próximos Passos

MORATÓRIA DA SOJA: Avanços e Próximos Passos MORATÓRIA DA SOJA: Avanços e Próximos Passos - Criação e Estruturação da Moratória da Soja - Realizações da Moratória da Soja - A Prorrogação da Moratória - Ações Prioritárias Relatório Apresentado pelo

Leia mais

NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS

NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS A única alternativa filme 3 Ps: Profit( lucro), People ( pessoas),planet ( planeta) 1 Sustentabilidade ou responsabilidade social corporativa Assegurar o sucesso do negócio a longo

Leia mais

Empresas e as mudanças climáticas

Empresas e as mudanças climáticas Empresas e as mudanças climáticas O setor empresarial brasileiro, por meio de empresas inovadoras, vem se movimentando rumo à economia de baixo carbono, avaliando seus riscos e oportunidades e discutindo

Leia mais

Desafios e iniciativas do Pará na agenda de clima da Amazônia

Desafios e iniciativas do Pará na agenda de clima da Amazônia Desafios e iniciativas do Pará na agenda de clima da Amazônia Belém, Setembro de 2015 Desafios e iniciativas do Pará na agenda de clima da Amazônia Agenda global: o desafio do nosso tempo Agenda regional:

Leia mais

Política Estadual de Governança Climática e Gestão da Produção Ecossistêmica

Política Estadual de Governança Climática e Gestão da Produção Ecossistêmica Política Estadual de Governança Climática e Gestão da Produção Ecossistêmica R E A L I Z A Ç Ã O : A P O I O : A Razão Diversos estados e municípios também estão avançando com suas políticas de mudanças

Leia mais

JBS S.A. Políticas de Sustentabilidade da Pecuária 2º Curso ABIOVE para Jornalistas. Márcio Nappo. Diretor de Sustentabilidade JBS Brasil

JBS S.A. Políticas de Sustentabilidade da Pecuária 2º Curso ABIOVE para Jornalistas. Márcio Nappo. Diretor de Sustentabilidade JBS Brasil JBS S.A. Políticas de Sustentabilidade da Pecuária 2º Curso ABIOVE para Jornalistas Márcio Nappo Diretor de Sustentabilidade JBS Brasil AGENDA 1. O Contexto da Pecuária Sustentável no Brasil 2. JBS Case:

Leia mais

CARTA ABERTA AO BRASIL SOBRE MUDANÇA DO CLIMA 2015

CARTA ABERTA AO BRASIL SOBRE MUDANÇA DO CLIMA 2015 ATENÇÃO: ANTES DE ASSINAR ESTA CARTA, LEIA O CONTEÚDO ATÉ O FINAL E CLIQUE NO LINK. FÓRUM DE AÇÃO EMPRESARIAL PELO CLIMA CARTA ABERTA AO BRASIL SOBRE MUDANÇA DO CLIMA 2015 O desafio da mudança do clima

Leia mais

PROCERRADO PROJETO DE REDUÇÃO DO DESMATAMENTO E DAS QUEIMADAS NO CERRADO DO PIAUÍ TERMO DE REFERÊNCIA

PROCERRADO PROJETO DE REDUÇÃO DO DESMATAMENTO E DAS QUEIMADAS NO CERRADO DO PIAUÍ TERMO DE REFERÊNCIA PROCERRADO PROJETO DE REDUÇÃO DO DESMATAMENTO E DAS QUEIMADAS NO CERRADO DO PIAUÍ Acordo de Doação Nº TF016192 TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA INDIVIDUAL DE LONGO

Leia mais

Compromissos com o Meio Ambiente e a Qualidade de Vida Agenda Socioambiental para o Desenvolvimento Sustentável do Amapá

Compromissos com o Meio Ambiente e a Qualidade de Vida Agenda Socioambiental para o Desenvolvimento Sustentável do Amapá Compromissos com o Meio Ambiente e a Qualidade de Vida Agenda Socioambiental para o Desenvolvimento Sustentável do Amapá Eu, ( ) (sigla do partido) me comprometo a promover os itens selecionados abaixo

Leia mais

SUSTENTABILIDADE JBS S/A

SUSTENTABILIDADE JBS S/A SUSTENTABILIDADE JBS S/A VISÃO DE SUSTENTABILIDADE JBS A sustentabilidade é um valor fundamental presente em todas as operações da JBS e na maneira como realiza seus negócios e estabelece suas parcerias.

Leia mais

Nota: Mecanismos de controle e redução do desmatamento no Bioma Amazônia Brasileiro

Nota: Mecanismos de controle e redução do desmatamento no Bioma Amazônia Brasileiro Nota: Mecanismos de controle e redução do desmatamento no Bioma Amazônia Brasileiro Informamos, de uma forma sintética e resumida, os recentes avanços e novas ferramentas ligados ao setor agropecuário,

Leia mais

Desafios e oportunidades associadas ao Cadastro Ambiental Rural (CAR) 7ª CONSEGURO setembro 2015

Desafios e oportunidades associadas ao Cadastro Ambiental Rural (CAR) 7ª CONSEGURO setembro 2015 Desafios e oportunidades associadas ao Cadastro Ambiental Rural (CAR) 7ª CONSEGURO setembro 2015 Meta brasileira de redução das emissões até 2020 36,1% a 38,9% das 3.236 MM de tonco2eq de emissões projetadas

Leia mais

Planos de Ação para a Proteção de Florestas da Cargill

Planos de Ação para a Proteção de Florestas da Cargill Planos de Ação para a Proteção de Florestas da Cargill ESTAMOS AGINDO Ao endossar a Declaração de Nova York sobre Florestas em 2014, a Cargill comprometeu-se a fazer a sua parte e promover medidas práticas

Leia mais

Brasil: Cenário Atual

Brasil: Cenário Atual Encontro ILSI Brasil São Paulo, 10 de Dezembro de 2012 Brasil: Cenário Atual 8 milhões de quilômetros quadrados 194 milhões de habitantes 84% em cidades com crescimento desordenado 6ª maior economia mundial,

Leia mais

Termo de Referência INTRODUÇÃO E CONTEXTO

Termo de Referência INTRODUÇÃO E CONTEXTO Termo de Referência CONSULTORIA PARA AVALIAÇÃO DOS FINANCIAMENTOS DO BANCO DA AMAZÔNIA BASA, PARA FORTALECIMENTO DA AGENDA DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL DA AMAZÔNIA BRASILEIRA, COM DESTAQUE PARA

Leia mais

PROGRAMA PETROBRAS SOCIOAMBIENTAL: Desenvolvimento Sustentável e Promoção de Direitos

PROGRAMA PETROBRAS SOCIOAMBIENTAL: Desenvolvimento Sustentável e Promoção de Direitos PROGRAMA PETROBRAS SOCIOAMBIENTAL: Desenvolvimento Sustentável e Promoção de Direitos Pra começo de conversa, um video... NOVO PROGRAMA Programa Petrobras SOCIOAMBIENTAL 2014-2018 3 ELABORAÇÃO DO NOVO

Leia mais

Projeto Ortópolis Barroso Uma Experiência em Desenvolvimento Local. Juliana Andrigueto SBCS10 São Paulo/SP 8.11.10

Projeto Ortópolis Barroso Uma Experiência em Desenvolvimento Local. Juliana Andrigueto SBCS10 São Paulo/SP 8.11.10 Projeto Ortópolis Barroso Uma Experiência em Desenvolvimento Local Juliana Andrigueto SBCS10 São Paulo/SP 8.11.10 Holcim Grupo de origem suíça Líder mundial em cimento, concreto e agregados Mais de 80.000

Leia mais

Política de Responsabilidade Socioambiental

Política de Responsabilidade Socioambiental Política de Responsabilidade Socioambiental SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 OBJETIVO... 3 3 DETALHAMENTO... 3 3.1 Definições... 3 3.2 Envolvimento de partes interessadas... 4 3.3 Conformidade com a Legislação

Leia mais

MINISTERIO DO MEIO AMBIENTE Secretaria Executiva Departamento de Politicas de Combate ao Desmatamento

MINISTERIO DO MEIO AMBIENTE Secretaria Executiva Departamento de Politicas de Combate ao Desmatamento MINISTERIO DO MEIO AMBIENTE Secretaria Executiva Departamento de Politicas de Combate ao Desmatamento Ações de Prevenção e Controle do Desmatamento no Brasil: Amazônia, Cerrado e Caatinga Brasília, setembro

Leia mais

O Investimento Social Britânico no Brasil: Caso do HSBC Bank Brasil

O Investimento Social Britânico no Brasil: Caso do HSBC Bank Brasil O Investimento Social Britânico no Brasil: Caso do HSBC Bank Brasil Ariel Scheffer da Silva Gerente de Sustentabilidade HSBC Bank Brasil São Paulo 24 de novembro de 2009 Sustentabilidade no HSBC Comunicação

Leia mais

O Desafio da Sustentabilidade no Setor Petroquímico

O Desafio da Sustentabilidade no Setor Petroquímico Seminário Nacional de Gestão Sustentável nos Municípios Relato de Experiências O Desafio da Sustentabilidade no Setor Petroquímico Porto Alegre, 28 de Março de 2008 Roteiro Empresa Cenários Conceitos Dimensão

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2012 JBS Nome fantasia: JBS S/A - CNPJ: 02.916.265/0001-60 Tipo da empresa: Holding Setor econômico: C. Indústrias de

Leia mais

Programa Municípios Verdes. Incentivos à produção rural sustentável

Programa Municípios Verdes. Incentivos à produção rural sustentável Programa Municípios Verdes Incentivos à produção rural sustentável Programa Municípios Verdes Criado em 2011, inspirado na experiência de Paragominas, atualmente em 100 municípios Tem como base pactos

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 JBS Nome fantasia: JBS S/A - CNPJ: 02.916.265/0001-60 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico: C. Indústrias de transformação

Leia mais

Moratória da Soja no Bioma Amazônia Brasileiro

Moratória da Soja no Bioma Amazônia Brasileiro Moratória da Soja no Bioma Amazônia Brasileiro Uma iniciativa multistakeholder de sucesso no combate ao desflorestamento Conferência da Convenção-Quadro sobre Mudança do Clima Copenhague, Dinamarca Dezembro

Leia mais

TFD: Iniciativa sobre Plantios Arbóreos sob Manejo Intensivo

TFD: Iniciativa sobre Plantios Arbóreos sob Manejo Intensivo TFD: Iniciativa sobre Plantios Arbóreos sob Manejo Intensivo Contexto, Evolução e Progresso até o momento TFD IMPF Dialogue 16 de abril de 2008 Novotel Vitoria Vitoria, Brasil Perspectiva Geral Origem

Leia mais

Plano de Sustentabilidade da Unilever

Plano de Sustentabilidade da Unilever Unilever Plano de Sustentabilidade da Unilever Eixo temático Governança Principal objetivo da prática Para a Unilever, o crescimento sustentável e lucrativo requer os mais altos padrões de comportamento

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Cursos itinerantes sobre REDD+

TERMO DE REFERÊNCIA. Cursos itinerantes sobre REDD+ TERMO DE REFERÊNCIA Cursos itinerantes sobre REDD+ 1. Código: TDR_RRB_03 2. Título: Desenho e facilitação de cursos itinerantes sobre REDD+ para comunidades rurais de São Felix do Xingu 3. The Nature Conservancy

Leia mais

PROGRAMA BRASILEIRO GHG PROTOCOL. Utilizando o inventário de emissões de GEE como ferramenta de gestão corporativa

PROGRAMA BRASILEIRO GHG PROTOCOL. Utilizando o inventário de emissões de GEE como ferramenta de gestão corporativa PROGRAMA BRASILEIRO GHG PROTOCOL Utilizando o inventário de emissões de GEE como ferramenta de gestão corporativa São Paulo, 03 de setembro de 2013 VI SEMINÁRIO HOSPITAIS SAUDÁVEIS - SHS 2013 EMISSÕES

Leia mais

DILMA ROUSSEFF Presidenta da República. PATRUS ANANIAS Ministro do Desenvolvimento Agrário

DILMA ROUSSEFF Presidenta da República. PATRUS ANANIAS Ministro do Desenvolvimento Agrário DILMA ROUSSEFF Presidenta da República PATRUS ANANIAS Ministro do Desenvolvimento Agrário MARIA FERNANDA RAMOS COELHO Secretária Executiva do Ministério do Desenvolvimento Agrário MARIA LÚCIA DE OLIVEIRA

Leia mais

Plataforma Ambiental para o Brasil

Plataforma Ambiental para o Brasil Plataforma Ambiental para o Brasil A Plataforma Ambiental para o Brasil é uma iniciativa da Fundação SOS Mata Atlântica e traz os princípios básicos e alguns dos temas que deverão ser enfrentados na próxima

Leia mais

Políticas públicas e Projetos privados de REDD+ no Brasil. Marina Piatto Iniciativa de Clima e Agricultura

Políticas públicas e Projetos privados de REDD+ no Brasil. Marina Piatto Iniciativa de Clima e Agricultura Políticas públicas e Projetos privados de REDD+ no Brasil Marina Piatto Iniciativa de Clima e Agricultura REDD+ no Brasil INICIATIVAS NACIONAIS PNMC Estratégia Nacional de REDD+ (em desenvolvimento) Projeto

Leia mais

Sustentabilidade no Setor Varejista Brasileiro. Fernando de Castro Presidente

Sustentabilidade no Setor Varejista Brasileiro. Fernando de Castro Presidente Sustentabilidade no Setor Varejista Brasileiro Fernando de Castro Presidente Quem Somos Grupo de empresários preocupados em: o Contribuir com políticas de desenvolvimento para o Brasil o Participação do

Leia mais

Carta de Apresentação Documento Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura 11/06/15

Carta de Apresentação Documento Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura 11/06/15 Carta de Apresentação Documento Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura 11/06/15 Formada por associações empresariais, empresas, organizações da sociedade civil e indivíduos interessados na construção

Leia mais

Moratória da Soja no. Bioma Amazônia. RELATÓRIO - 1º ANO 24 de julho de 2007. GTS - Grupo de Trabalho da Soja

Moratória da Soja no. Bioma Amazônia. RELATÓRIO - 1º ANO 24 de julho de 2007. GTS - Grupo de Trabalho da Soja Moratória da Soja no Bioma Amazônia RELATÓRIO - 1º ANO 24 de julho de 2007 GTS - Grupo de Trabalho da Soja 02 Moratória da Soja no PRODUÇÃO RESPONSÁVEL: MORATÓRIA DA SOJA NO ABIOVE (Associação Brasileira

Leia mais

1. Apresentação. 2. Pontos Fixos de Comercialização Solidária

1. Apresentação. 2. Pontos Fixos de Comercialização Solidária Edital de Seleção de Pontos Fixos de Comercialização Solidária Candidatos para Participar da Rede Brasileira de Comercialização Solidária - Rede Comsol (Edital - Ubee/Ims N. 01/2014) 1. Apresentação A

Leia mais

APRESENTAÇÃO PARTE 1 AGRICULTURA FAMILIAR NO BRASIL E O MDA-SAF PARTE 3 EXEMPLOS DE INICIATIVAS DE AGREGAÇÃO DE VALOR NA AGRICULTURA FAMILIAR

APRESENTAÇÃO PARTE 1 AGRICULTURA FAMILIAR NO BRASIL E O MDA-SAF PARTE 3 EXEMPLOS DE INICIATIVAS DE AGREGAÇÃO DE VALOR NA AGRICULTURA FAMILIAR MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO MDA E REGIÃO AMAZÔNICA: GERAÇÃO DE RENDA E AGREGAÇÃO DE VALOR NA PRODUÇÃO ORGÂNICA, AGROECOLÓGICA E EXTRATIVISTA DA AGRICULTURA FAMILIAR Manaus, 28.10.2011 APRESENTAÇÃO

Leia mais

PMS-MT Cartilha. Breve histórico e Abrangência Objetivos gerais e benefícios esperados Componentes. Governança Funcionamento do Programa

PMS-MT Cartilha. Breve histórico e Abrangência Objetivos gerais e benefícios esperados Componentes. Governança Funcionamento do Programa PMS-MT Cartilha Breve histórico e Abrangência Objetivos gerais e benefícios esperados Componentes Fortalecimento da gestão ambiental municipal Contexto e benefícios Tarefas Regularização ambiental e fundiária

Leia mais

Grupo Sustentabilidade

Grupo Sustentabilidade ABIOVE Grupo Sustentabilidade de Trabalho da Moratória na ria Amazônia da Soja (GTS) ABAG Reunião com o Governo Associação Brasileira de Agribusiness 16/maio/2007 Carlo Lovatelli Presidente Alemanha 10

Leia mais

RELATÓRIO DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COE INSTITUTO BRASILEIRO DE PESQUISA E GESTÃO DE CARBONO CO2 ZERO

RELATÓRIO DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COE INSTITUTO BRASILEIRO DE PESQUISA E GESTÃO DE CARBONO CO2 ZERO RELATÓRIO DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COE INSTITUTO BRASILEIRO DE PESQUISA E GESTÃO DE CARBONO CO2 ZERO DECLARAÇÃO DE APOIO CONTÍNUO DO DIRETOR PRESIDENTE Brasília-DF, 29 de outubro de 2015 Para as partes

Leia mais

Faturamento da Indústria R$ 832 milhões. Faturamento Rede R$ 2,4 bilhões. 70 lojas e 1000 pontos de venda espalhados por 20 países.

Faturamento da Indústria R$ 832 milhões. Faturamento Rede R$ 2,4 bilhões. 70 lojas e 1000 pontos de venda espalhados por 20 países. Faturamento da Indústria R$ 832 milhões. Faturamento Rede R$ 2,4 bilhões. 70 lojas e 1000 pontos de venda espalhados por 20 países. 2500 lojas no Brasil, em 1400 cidades. Mix de 600 produtos. 1200 Colaboradores.

Leia mais

Workshop Internacional sobre Soluções para o Desmatamento e Emissões de Gases de Efeito Estufa Causadas pela Expansão da Pecuária

Workshop Internacional sobre Soluções para o Desmatamento e Emissões de Gases de Efeito Estufa Causadas pela Expansão da Pecuária Workshop Internacional sobre Soluções para o Desmatamento e Emissões de Gases de Efeito Estufa Causadas pela Expansão da Pecuária Em colaboração com: Embrapa e Fórum Paulista de Mudanças Climáticas e Biodiversidade

Leia mais

III CONGRESSO BRASILEIRO DO CACAU: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E SUSTENTABILIDADE

III CONGRESSO BRASILEIRO DO CACAU: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E SUSTENTABILIDADE III CONGRESSO BRASILEIRO DO CACAU: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E SUSTENTABILIDADE Painel 8: O papel de Instituições Públicas para Desenvolvimento da Cacauicultura Brasileira O Cacau e a Agricultura Familiar Adriana

Leia mais

EXO ANEXO TEMÁTICO 2: Tema Prioritário II Manejo de Paisagem Linha de Ação Temática 2.1 Manejo Florestal Sustentável

EXO ANEXO TEMÁTICO 2: Tema Prioritário II Manejo de Paisagem Linha de Ação Temática 2.1 Manejo Florestal Sustentável EXO ANEXO TEMÁTICO 2: Tema Prioritário II Manejo de Paisagem Linha de Ação Temática 2.1 Manejo Florestal Sustentável 1. Objetivos da Chamada de Projetos para esta Linha de Ação Temática O objetivo da chamada

Leia mais

RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE. exercício 2014

RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE. exercício 2014 RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE 2015 exercício 2014 Coordenação Walmart Brasil Assuntos Corporativos Comunicação Externa e Sustentabilidade Projeto gráfico e consultoria TheMediaGroup Redação Marina Bueno

Leia mais

CDP - SUPPLY CHAIN BRASIL DESAFIOS E CONQUISTAS - 2014 BUSINESS CASES

CDP - SUPPLY CHAIN BRASIL DESAFIOS E CONQUISTAS - 2014 BUSINESS CASES CDP - SUPPLY CHAIN BRASIL DESAFIOS E CONQUISTAS - 2014 BUSINESS CASES Profa. Dra. Priscila Borin de Oliveira Claro priscila.claro@insper.edu.br 05/02/2015 Apoio: Agenda Apresentação Parceria CDP e Insper

Leia mais

Grupo de Trabalho da Soja Moratória da Soja no Bioma Amazônia Brasileiro

Grupo de Trabalho da Soja Moratória da Soja no Bioma Amazônia Brasileiro Grupo de Trabalho da Soja Moratória da Soja no Bioma Amazônia Brasileiro Um iniciativa multistakeholder de sucesso no combate ao desflorestamento Carlo Lovatelli Presidente - ABIOVE Copenhagen, Denmark

Leia mais

Iniciativas Futuro Verde" do Japão

Iniciativas Futuro Verde do Japão 1. Compreensão Básica Iniciativas Futuro Verde" do Japão 1. Nas condições atuais, em que o mundo está enfrentando diversos problemas, como o crescimento populacional, a urbanização desordenadas, a perda

Leia mais

Inventário de emissões de gases de efeito estufa. Elaboração e uso como ferramenta de gestão

Inventário de emissões de gases de efeito estufa. Elaboração e uso como ferramenta de gestão Inventário de emissões de gases de efeito estufa Elaboração e uso como ferramenta de gestão 25 de agosto de 2011 Programa Brasileiro GHG Protocol Origens Metodologia mais utilizada mundialmente para a

Leia mais

Nossa História. Ajudando o mundo a produzir os alimentos de que precisa

Nossa História. Ajudando o mundo a produzir os alimentos de que precisa Nossa História Ajudando o mundo a produzir os alimentos de que precisa O desafio é imenso: acabar com a fome, dobrar a produção de alimentos até 2050 e ajudar a reduzir o impacto ambiental da agricultura

Leia mais

SUSTENTABILIDADE: estratégia de geração de valor para a MMX. Agosto 2013

SUSTENTABILIDADE: estratégia de geração de valor para a MMX. Agosto 2013 SUSTENTABILIDADE: estratégia de geração de valor para a MMX Agosto 2013 ESTRATÉGIA EM SUSTENTABILIDADE Visão Uma estratégia de sustentabilidade eficiente deve estar alinhada com o core business da empresa

Leia mais

O Impacto da Gestão da Cadeia de Fornecedores na Sustentabilidade das Organizações

O Impacto da Gestão da Cadeia de Fornecedores na Sustentabilidade das Organizações Webinar O Impacto da Gestão da Cadeia de Fornecedores na Sustentabilidade das Organizações Juliana Scalon 4 de Setembro de 2013 Aprimore o desempenho dos fornecedores Para se sobressair no mercado atual

Leia mais

A SUSTENTABILIDADE COMO FERRAMENTA DE INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE

A SUSTENTABILIDADE COMO FERRAMENTA DE INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE A SUSTENTABILIDADE COMO FERRAMENTA DE INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE Coordenação de Competitividade Adriana Rodrigues XXIII Reunião da RedIbero Manaus AM 26 a 27 Nov 2015 APEX-BRASIL Promoção das exportações

Leia mais

Curso Agenda 21. Resumo da Agenda 21. Seção I - DIMENSÕES SOCIAIS E ECONÔMICAS

Curso Agenda 21. Resumo da Agenda 21. Seção I - DIMENSÕES SOCIAIS E ECONÔMICAS Resumo da Agenda 21 CAPÍTULO 1 - Preâmbulo Seção I - DIMENSÕES SOCIAIS E ECONÔMICAS CAPÍTULO 2 - Cooperação internacional para acelerar o desenvolvimento sustentável dos países em desenvolvimento e políticas

Leia mais

RESÍDUOS AGROSSILVOPASTORIS

RESÍDUOS AGROSSILVOPASTORIS RESÍDUOS AGROSSILVOPASTORIS Diretriz 01: Desenvolvimento e inovação de tecnologias para o aproveitamento de resíduos agrossilvopastoris 1.Estabelecimento de linhas de financiamento em condições específicas

Leia mais

Políticas Públicas para Operacionalizar o CAR Câmara temática de Insumos Agropecuários Brasília, 27 de maio de 2014

Políticas Públicas para Operacionalizar o CAR Câmara temática de Insumos Agropecuários Brasília, 27 de maio de 2014 Políticas Públicas para Operacionalizar o CAR Câmara temática de Insumos Agropecuários Brasília, 27 de maio de 2014 O QUE É O CAR O Cadastro Ambiental Rural - CAR, é o registro público eletrônico de âmbito

Leia mais

(E-MAIL): marfa.alessandra@seagro.to.gov.br. Fortalecimento dos Serviços Públicos Selecionados

(E-MAIL): marfa.alessandra@seagro.to.gov.br. Fortalecimento dos Serviços Públicos Selecionados NOME DO PROJETO: PROJETO DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL INTEGRADO E SUSTENTÁVEL PDRIS Nº ACORDO EMPRÉSTIMO: 8185-0/BR NÃO OBJEÇÃO - (TERMO DE REFERÊNCIA) Nº DO TDR: 02/2015 DATA: 01/02/2015 COMPONENTE: SUBCOMPONENTE:

Leia mais

PROJETO DE RECUPERAÇÃO DE MATAS CILIARES GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

PROJETO DE RECUPERAÇÃO DE MATAS CILIARES GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO PROJETO DE RECUPERAÇÃO DE MATAS CILIARES GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO Secretaria do Meio Ambiente Secretaria da Agricultura e Abastecimento Dezembro de 2005 COBERTURA FLORESTAL (Inventário Florestal,

Leia mais

Diagnóstico Socioeconômico e Ambiental da Região de Integração Xingu. Geovana Pires Diretora de Socioeconomia da FAPESPA

Diagnóstico Socioeconômico e Ambiental da Região de Integração Xingu. Geovana Pires Diretora de Socioeconomia da FAPESPA Diagnóstico Socioeconômico e Ambiental da Região de Integração Xingu Geovana Pires Diretora de Socioeconomia da FAPESPA RI XINGU PIB de R$ 2,7 bilhões, respondendo por 3% do total do estado. 57.149 empregos

Leia mais

Palma de óleo, agricultura familiar e desenvolvimento rural sustentável

Palma de óleo, agricultura familiar e desenvolvimento rural sustentável Palma de óleo, agricultura familiar e desenvolvimento rural sustentável Sumário Agricultura familiar no Brasil Importância e aspectos positivos da palma de óleo Programa Palma de Óleo e sinergia com o

Leia mais

X SEMINÁRIO DO FÓRUM NACIONAL DE GESTÃO DA ÉTICA NAS EMPRESAS ESTATAIS

X SEMINÁRIO DO FÓRUM NACIONAL DE GESTÃO DA ÉTICA NAS EMPRESAS ESTATAIS X SEMINÁRIO DO FÓRUM NACIONAL DE GESTÃO DA ÉTICA NAS EMPRESAS ESTATAIS PAINEL : FERRAMENTA PARA A GESTÃO DA ÉTICA E DOS DIREITOS HUMANOS RONI ANDERSON BARBOSA INSTITUTO OBSERVATORIO SOCIAL INSTITUCIONAL

Leia mais

Unindo forças por um mesmo objetivo

Unindo forças por um mesmo objetivo Unindo forças por um mesmo objetivo Seguindo o conceito do programa em fomentar iniciativas de coleta e reciclagem, a parceria vai ampliar a atuação do Programa de Reciclagem do Óleo de Fritura (PROL),

Leia mais

PANORAMA GERAL DO PROGRAMA NO ESTADO

PANORAMA GERAL DO PROGRAMA NO ESTADO GOVERNO DO DO PARÁ SECRETARIA ESPECIAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E INCENTIVO À PRODUÇÃO-SEDIP PROGRAMA DE REDUÇÃO DA POBREZA E GESTÃO DOS RECURSOS NATURAIS DO PARÁ Incentivo Apoio Técnico Fortalecimento

Leia mais

Painel 3 - Sustentabilidade: o produtor rural como gestor do território

Painel 3 - Sustentabilidade: o produtor rural como gestor do território SEMINÁRIO VALOR ECONÔMICO AGRICULTURA COMO INSTRUMENTO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO Painel 3 - Sustentabilidade: o produtor rural como gestor do território Gestão da propriedade e governança do território

Leia mais

A Água da Amazônia irriga o Sudeste? Reflexões para políticas públicas. Carlos Rittl Observatório do Clima Março, 2015

A Água da Amazônia irriga o Sudeste? Reflexões para políticas públicas. Carlos Rittl Observatório do Clima Março, 2015 A Água da Amazônia irriga o Sudeste? Reflexões para políticas públicas Carlos Rittl Observatório do Clima Março, 2015 servatório(do(clima( SBDIMA( (( Sociedade(Brasileira( de(direito( Internacional(do(

Leia mais

Apresentação do projeto CiViA Ciclo de Vida Aplicado

Apresentação do projeto CiViA Ciclo de Vida Aplicado Apresentação do projeto CiViA Ciclo de Vida Aplicado Agenda Sobre o GVces CiViA Contexto: ACV e o GVces Objetivos Atividades Cronograma Formas de adesão ciclo 2015 Evento de lançamento CiViA Centro de

Leia mais

A contribuição das organizações da sociedade civil no fomento da responsabilidade social

A contribuição das organizações da sociedade civil no fomento da responsabilidade social A contribuição das organizações da sociedade civil no fomento da responsabilidade social FÓRUM ÉTICA E TRANSPARÊNCIA NAS EMPRESAS DE PEQUENO PORTE INSTITUTO IRIS SALVADOR, BAHIA 2008 TEMAS ABORDADOS Responsabilidade

Leia mais

Tutorial para a utilização do Visualizador de Mapas Matriz Brasil

Tutorial para a utilização do Visualizador de Mapas Matriz Brasil http://brazil.forest-trends.org/ Tutorial para a utilização do Visualizador de Mapas Matriz Brasil Versão 13.01.14 Projeto Matriz de Incentivos aos Serviços Ecossistêmicos Iniciativas Brasileiras que Promovem

Leia mais

Ficha de Inscrição do 18º Prêmio Expressão de Ecologia

Ficha de Inscrição do 18º Prêmio Expressão de Ecologia Ficha de Inscrição do 18º Prêmio Expressão de Ecologia OBS: Apresentação obrigatória na primeira página do case 1. Informações cadastrais a) Identificação: empresa b) Nome: Walmart Brasil c) Setor: Comércio

Leia mais

3º ENCONTRO ANUAL DA AACE

3º ENCONTRO ANUAL DA AACE 3º ENCONTRO ANUAL DA AACE 1 Empresas de Construção: Seleção de Projetos, Gestão e Controles para Atingir as Metas de Desempenho Patricia Atallah Gestão e Planejamento Estratégico são Cruciais para uma

Leia mais

Sustentabilidade Corporativa: do conceito à prática

Sustentabilidade Corporativa: do conceito à prática Sustentabilidade Corporativa: do conceito à prática Clarissa Lins F U N D A Ç Ã O B R A S I L E I R A P A R A O D E S E N V O L V I M E N T O S U S T E N T Á V E L Índice Paradigmas do Desenvolvimento

Leia mais

INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 007

INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 007 INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA 1. IDENTIFICAÇÃO DA CONSULTORIA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 007 Consultoria especializada (pessoa física) para elaborar e implantar novas metodologias

Leia mais

ABCE REVITALIZADA PLANEJAMENTO 2011-2015

ABCE REVITALIZADA PLANEJAMENTO 2011-2015 ABCE REVITALIZADA PLANEJAMENTO 2011-2015 1 Destaques do levantamento de referências de associações internacionais Além dos membros associados, cujos interesses são defendidos pelas associações, há outras

Leia mais