CAPÍTULO 6. SISTEMAS EMPRESARIAIS Sistemas de Processamento de Transação (SPT) Sistemas Colaborativos Sistemas de Informações Gerenciais (SIG)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CAPÍTULO 6. SISTEMAS EMPRESARIAIS Sistemas de Processamento de Transação (SPT) Sistemas Colaborativos Sistemas de Informações Gerenciais (SIG)"

Transcrição

1 CAPÍTULO 6. SISTEMAS EMPRESARIAIS Sistemas de Processamento de Transação (SPT) Sistemas Colaborativos Sistemas de Informações Gerenciais (SIG) 1 O objetivo do capítulo é explicar como os sistemas de processamento de transações, os sistemas colaborativos e os sistemas de informação gerencial foram desenvolvidos e aplicados às operações das empresas e situações de tomada de decisão enfrentadas pelos gerentes. Mostra as principais tendências e mudanças que estão ocorrendo no suporte às decisões empresariais, as quais estão dotando os profissionais de empresas e trabalhadores de conhecimento, os gerentes e executivos, com ferramentas de suporte e análise. Os SI nos Negócios Existem tantas maneiras de utilizar a tecnologia da informação nos negócios quanto atividades empresariais a serem executadas, problemas empresariais a serem resolvidos e oportunidades empresariais a serem buscadas. Como usuário final, você precisa possuir um entendimento e avaliação básicos das principais maneiras pelas quais os sistemas de informação são utilizados para apoiar cada uma das funções de negócios. Os sistemas de informação empresarial podem ser descritos como uma série de tipos de sistemas de informação (processamento de transações, colabotrativos e informações gerenciais, etc.) que apóiam as funções organizacionais de contabilidade, finanças, marketing, administração de operações e administração de RH Sistemas de Processamento de Transação (SPT) Os SPT são sistemas que servem o nível operacional da organização, monitorando as atividades diárias ou normais de uma empresa como controle de estoque, folha de pagamento, atendimento a clientes, fluxo de materiais, entre outros. O principal objetivo dos SPT é responder a questões rotineiras e acompanhar o fluxo de transações através da organização. Os SPT capacitam as organizações a executar suas atividades mais importantes de maneira mais eficiente. Sendo assim, esses sistemas são importantes fornecedores de dados para o nível operacional da empresa e também para os níveis mais elevados da empresa Exemplos de SPT Sistema de reserva de hotel, Informações de clientes, Folha de pagamento, Cadastro de empregados, Processamento de pedidos, Faturamento, Controle de estoques, Contas a pagar receber, Compras, Controle de pontos de funcionários, Expedição de material Descrição de Alguns SPT Processamento de Pedidos É um importante sistema de processamento de transações que capta e processa pedidos dos clientes e produz os dados necessários para a análise de vendas e o controle de estoque. Também acompanha a situação dos pedidos dos clientes até que as mercadorias sejam entregues. Fornecem um método rápido, acurado e eficiente de registrar e classificar pedidos de clientes e transações de vendas. Fornecem aos sistemas de controle de estoque informações sobre pedidos aceitos para que possam ser preenchidos o mais depressa possível. Controle de Estoque Processam dados refletindo mudanças nos artigos em estoque. Registra mudanças nos níveis de estoque e prepara os devidos documentos de expedição. Pode notificar os gerentes sobre artigos que precisam ser encomendados novamente e fornecerlhes uma série de relatórios de situação do estoque.

2 2 Ajuda uma empresa a fornecer serviço de alta qualidade para os clientes, minimizando, ao mesmo tempo, o investimento e os custos de manutenção de estoque. Contas a Receber Mantêm registros de totais devidos por clientes a partir de dados gerados pelas compras e pagamentos dos clientes. Produzem faturas e extratos mensais para os clientes e relatórios de administração de crédito. Estimulam o pronto pagamento dos clientes por meio da preparação de faturas acuradas e oportunas e extratos mensais para os clientes a prazo. Fornecem relatórios aos gerentes para ajudá-los a controlar o montante de crédito prorrogado e a cobrança de dinheiro devido. Ajudam a maximizar as vendas a crédito minimizando, ao mesmo tempo, perdas com calotes. Contas a Pagar Localizam dados relativos a compras e pagamentos aos fornecedores. Preparem cheques em pagamento de faturas e produzem relatórios de administração de caixa. Ajudam a garantir o pronto pagamento de fornecedores para manter boas relações, a garantir uma boa situação de crédito e a assegurar todos os descontos oferecidos pelo pronto pagamento. Propiciam rigoroso controle financeiro de todos os desembolsos de caixa da empresa. Fornecem à administração as informações necessárias para a análise de pagamentos, despesas, compras, contas de despesa com funcionários e necessidades de fundos de caixa. Folha de Pagamento Rcebem e mantêm dados dos cartões de ponto dos funcionários e outros registros de trabalho. Produzem contracheques e outros documentos como, por exemplo, declarações de rendimentos, relatórios de folha de pagamento e de análise da mão-de-obra. Ajudam as empresas a efetuarem pagamentos pontuais e acurados a seus funcionários, bem como relatórios à órgãos do governo no tocante a rendimentos, impostos e outras deduções. Fornecem relatórios analisando os custos e a produtividade da força de trabalho. Livro-razão Geral Consolidam dados recebidos de contas a receber, contas a pagar, folha de pagamento e outros sistemas de informação contábil. Os sistemas de livro-razão geral: Produzem os demonstrativos e relatórios financeiros periódicos Ajudam as empresas a executar tarefas contábeis de maneira acurada e oportuna. Normalmente fornecem melhores controles financeiros e relatórios administrativos e envolvem menos pessoal e menores custos do que os métodos contábeis manuais Características dos SPT Entrada e alimentação de dados Processamento e armazenamento Geração de documentos Grande quantidade de dados de entrada e de saída Necessidade de processamento eficiente (on-line ou batch) Alto grau de repetição no processamento Computação simples Grande necessidade de armazenamento Necessidade de auditoria Problemas relacionados com segurança As atividades do SPT compreendem a: Coleta de dados: pode ser manual ou automatizada, consiste na entrada dos dados

3 Edição de dados: validação e integridade Correção de dados: erros diversos Manipulação dos dados: cálculos, classificação, disposição... Armazenamento: guarda dos dados em um ou mais bancos de dados Produção de documentos: podem ser impressos ou exibidos na tela do computador Colaboração nas Empresas Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar a colaborar comunicando idéias, compartilhando recursos, e coordenando nossos esforços de trabalho cooperativo como membros de muitos processos formais e informais e equipes e grupos de trabalho de projetos que compõem muitas organizações atuais. A meta dos sistemas colaborativos é possibilitar que as pessoas trabalhem em conjunto de forma fácil e eficaz, ajudando-as a: Comunicar - compartilhar informações com outros Coordenar- coordenar esforços de trabalho individual e utilização compartilhada de recursos Colaborar - trabalhar cooperativamente em projetos e tarefas comuns Ferramentas para Colaboração na Empresa: Muitos analistas do setor acreditam que as capacidades e o potencial da Internet, assim como das intranets e extranets, estão impulsionado a demanda por ferramentas de colaboração nas empresas. Por outro lado, é a tecnologia da Internet, como os navegadores e os servidores de rede, os bancos de dados e os documentos hipermídia, e as intranets e extranets, que estão fornecendo o hardware, o software, os dados e as plataformas de rede para muitas das ferramentas de groupware de colaboração que os usuários de empresas desejam. Comunicação eletrônica, Conferência eletrônica, Controle do trabalho colaborativo Ferramentas de Comunicação Eletrônica Abrangem o correio eletrônico, o correio de voz, o envio de fax, a publicação na Web, os pagers, e os sistemas de telefonia pela Internet. Essas ferramentas possibilitam o envio eletrônico de mensagens, documentos e arquivos de dados, texto, voz, ou multimídia em redes de computadores. Isso ajuda a compartilhar tudo: de voz e mensagens de textos a cópias de documentos de projeto e arquivos de dados, com seus colegas de equipe, onde quer que eles estejam Ferramentas de Conferência Eletrônica Ajudam as pessoas a se comunicar e a colaborar enquanto trabalham juntas. Os membros de equipes e de grupos de trabalho em diferentes locais podem trocar idéias interativamente, ao mesmo tempo ou em momentos diferentes, graças a uma variedade de métodos de conferência. As opções de conferência eletrônica também incluem sistemas eletrônicos de reunião, no qual os membros de uma equipe podem encontrar-se num mesmo tempo e lugar num ambiente de sala de decisões. Entre as ferramentas de conferência eletrônica encontramos: Videoconferência, Sistemas de bate-papo, Fóruns de discussão, Sistemas de reunião eletrônica Ferramentas de Administração do Trabalho em Colaboração Ajudam as pessoas a executar ou a controlar atividades do trabalho do grupo. Essa categoria de groupware inclui: Ferramentas de agendamento e programação Gerenciamento de atividades e projetos Sistemas de fluxo de trabalho Ferramentas de gerenciamento do conhecimento.

4 4 6.3 Sistemas de Informação Gerencial (SIG) Conjunto integrado de pessoas, procedimentos, banco de dados e dispositivos que suprem os gerentes e os tomadores de decisão com informações para ajudá-los a alcançar as metas da organização, gerando relatórios diversos. Ele gera produtos de informação que apóiam muitas das necessidades cotidianas de tomada de decisão de gerentes de empresas. Relatórios, telas e respostas produzidas por esses SI fornecem informações que os gerentes especificaram de antemão para o adequado atendimento de suas necessidades de informação. Esses produtos de informação predefinidos satisfazem as necessidades de informação dos administradores dos níveis operacional e tático, que encontram tipos mais estruturados de situações de decisão Características de um SIG Geram relatórios com formatos fixos e padronizados Produzem relatórios impressos e em tela Usam dados internos armazenados em computador Permitem que usuários finais façam seus próprios relatórios personalizados Requerem pedidos formais dos usuários Benefícios do SIG para as empresas: 1. Redução de custos nas operações. 2. Melhoria no acesso às informações com relatórios precisos e rápidos, com menor esforço. 3. Melhoria na produtividade e nos serviços realizados e oferecidos. 4. Melhoria na tomada de decisões, com fornecimento de informações mais rápidas e precisas. 5. Estímulo de maior interação entre os tomadores de decisão. 6. Fornecimento de melhores projeções dos efeitos das decisões. 7. Melhoria na estrutura organizacional, para facilitar o fluxo de informações. 8. Redução do grau de centralização de decisões na empresa e, 9.Melhoria na adaptação da empresa para enfrentar os acontecimentos não previstos Relatórios Três importantes alternativas de relatórios são fornecidas por esses sistemas: Relatórios Periódicos Programados ou agendados Esta forma tradicional de fornecimento de informações para os gerentes utiliza um formato préespecificado projetado para fornecer aos gerentes informações em uma base regular. Relatórios de Exceção Os relatórios são produzidos apenas quando ocorrem condições excepcionais. Relatórios por Demanda ou Solicitação As informações encontram-se disponíveis sempre que um gerente as requisita Áreas de aplicação dos SIG SIG de Marketing SIG Industrial SIG de Recursos Humanos SIG Financeiro 6.4 Sistemas de Informação de Marketing: A função organizacional de marketing diz respeito ao planejamento, promoção e venda de produtos existentes em mercados existentes e ao desenvolvimento de novos produtos e novos mercados para melhor atender clientes correntes e potenciais. Os sistemas de informação de marketing integram o fluxo de informações exigido pelas muitas atividades de marketing.

5 Os sistemas de informação de marketing fornecem informação para que: Os sites possibilitem um processo de marketing interativo, onde os clientes possam tornar-se parceiros na criação, comercialização, compra e melhoria de produtos e serviços. Os sistemas de automação da força de vendas utilizem tecnologias móveis de computação para automatizar atividades de processamento de informações para administração de vendas. Outros sistemas de marketing auxiliem os gerentes de marketing no planejamento do produto, estimativa e outras decisões de administração de produto, estratégias de propaganda e promoção de vendas e pesquisa e previsão de mercado. As diversas maneiras importantes utilizadas pelos sistemas de informação baseados no computador para apoiar a função de marketing são: Marketing Interativo, Automação da Força de Vendas, Propaganda e Promoção, Administração de Vendas, Pesquisa e Previsão de Mercado, Atendimento e Suporte ao Cliente, Administração de Produto. A Internet se tornou o principal canal de distribuição do novo ambiente de marketing on-line. Os clientes não são apenas participantes passivos que recebem propaganda da mídia antes de comprar, mas estão ativamente envolvidos em um processo antecipador e interativo propiciado pela rede. O marketing interativo encara os clientes potenciais como pertencendo a muitos segmentos de mercado distintos que devem ser abordados de modo diferente on-line por meio de técnicas de marketing direcionado. O marketing interativo também encoraja os clientes a se envolverem em questões de desenvolvimento do produto, entrega e atendimento. Tecnologias da Internet: Grupos de discussão na rede, Formulários e questionários da rede, Correio eletrônico Marketing Interativo: O crescimento da Internet produziu um impacto na função de marketing. O termo foi cunhado para descrever um tipo de marketing baseado na utilização da Internet, intranets e extranets para estabelecer a interação entre uma empresa e seus clientes atuais ou potenciais. Sua meta é possibilitar que uma empresa utilize de modo lucrativo essas redes para atrair e manter clientes que se tornarão parceiros da empresa na criação, aquisição e melhoria de produtos e serviços. Os resultados esperados do marketing interativo são uma mistura rica de: Dados vitais de marketing, Idéias de novos produtos, Vendas em grande quantidade, Fortes relações com clientes Automação da Força de Vendas Cada vez mais, os computadores e redes estão fornecendo a base para a automação da força de vendas. Em muitas empresas, a força de vendas está sendo equipada com notebooks que as conecta aos navegadores de rede e aos sites de marketing de software de gerenciamento de contatos de vendas na Internet, extranets e às intranets da empresa. Suas características: Aumento na produtividade pessoal dos vendedores. Drástica agilização da captação e análise de dados de venda desde o campo para os gerentes de marketing no escritório central da empresa. Possibilidade de administração de marketing e vendas na melhoria do suporte que a empresa fornece a seus vendedores. Muitas empresas encaram a automação da força de vendas como uma maneira de conquistar uma vantagem estratégica na produtividade de vendas e na capacidade de respostas de marketing. Alguns dos benefícios da automação da força de vendas baseada na rede incluem: Encurtar o ciclo de vendas por meio da pré-qualificação de clientes potenciais. Aumentar a receita por meio do marketing direcionado. 5

6 6 Automatizar a administração e qualificação das indicações de vendas na rede. Pegar todas as informações sobre o cliente diretamente para os bancos de dados de vendas. Melhorar a administração de pedidos com o acesso a dados sobre preços, promoções, disponibilidade, programações de produção, regulamentações de exportação, transportadores e programas de transporte. Administração de Vendas e Produtos Os gerentes de vendas devem planejar, monitorar e apoiar o desempenho dos vendedores em suas organizações. Sistemas computacionais produzem relatórios de vendas que analisam as vendas por produto, linha de produtos, cliente, tipo de cliente, vendedor e território de vendas. Esses relatórios ajudam os gerentes de marketing a monitorar o desempenho das vendas de produtos e dos vendedores e os ajudam a desenvolver programas de apoio para aumentar os resultados das vendas. Os gerentes de produto precisam de informações para: Planejar e controlar o desempenho de produtos específicos, linhas de produtos e marcas. Os computadores ajudam a fornecer informações de preço, receita, custo e crescimento para produtos existentes e desenvolvimento de novos produtos. Fornecer informações e análise para decisões de preço é uma das principais funções deste sistema. As informações também se fazem necessárias nos recursos de fabricação e distribuição que os produtos propostos irão exigir. Os modelos computadorizados podem ser utilizados para avaliação do desempenho de produtos atuais e dos clientes potenciais para sucesso dos produtos propostos. Propaganda e Promoção Os gerentes de marketing necessitam de informações para ajudá-los a maximizar as vendas aos custos mais baixos possíveis para a propaganda e promoção. Os computadores utilizam informações de pesquisa de mercado e modelos de promoção para ajudar a: Selecionar mídias e métodos promocionais Alocar recursos financeiros Controlar e avaliar resultados de várias campanhas de propaganda e promoção. Marketing Direcionado: Tornou-se uma importante ferramenta no desenvolvimento de estratégias de propaganda e promoção para os sites de comércio eletrônico de uma empresa. O marketing direcionado é um conceito de administração de propaganda e promoção que inclui cinco componentes-alvo: Comunidade. As empresas podem personalizar suas mensagens de propaganda na rede e seus métodos de promoção para atrair pessoas de comunidades específicas. Estas podem ser comunidades de interesse, tais como as comunidades virtuais. Conteúdo. Propaganda na forma de cartazes eletrônicos ou banners pode ser veiculada em site na Internet, além da home page da empresa. Essas mensagens alcançam o público-alvo. Contexto. A propaganda figura apenas em páginas da Internet que são relevantes ao conteúdo de um produto ou serviço. Por isso, a propaganda é dirigida apenas a pessoas que já estejam procurando informações sobre um assunto relacionado aos produtos de uma empresa. Aspectos Demográficos e Psicológicos. Os esforços de marketing podem ser dirigidos apenas a tipos específicos ou classes da população. Comportamento On-line. As campanhas de propaganda e promoção podem ser adaptadas a cada visita individual a um site. Esta estratégia se baseia em arquivos web cookie gravados na unidade de disco do visitante a partir de visitas prévias. Os arquivos de cookies permitem à empresa acompanhar o comportamento on-line de uma pessoa em seu site para que os esforços de marketing possam ser instantaneamente desenvolvidos e direcionados para esse indivíduo a cada uma de suas visitas ao site.

7 Pesquisa e Previsão de Mercado Os sistemas de informação de pesquisa de mercado propiciam informações de marketing para ajudar os gerentes a fazerem melhores previsões de marketing e desenvolverem estratégias de marketing mais eficazes. Os sistemas de informação de marketing ajudam os pesquisadores de mercado a coletarem, analisarem e manterem uma quantidade enorme de informações sobre uma ampla gama de variáveis de mercado sujeitas a constante mudança. Isto inclui: Informações sobre clientes existentes, clientes potenciais, consumidores e concorrentes. As tendências mercadológicas, econômicas e demográficas também são analisadas. Os dados podem ser reunidos a partir de muitas fontes, entre as quais os bancos de dados de uma empresa, mercados de dados e depósitos de dados, sites na Rede Mundial de Computadores e empresas de serviços de telemarketing. Ferramentas estatísticas de software podem ajudar os gerentes a analisarem dados de pesquisa de mercado e preverem vendas e outras importantes tendências de mercado. 6.5 Sistemas de Informação Industrial Os sistemas de informação industrial apóiam a função de produção/operações, que inclui todas as atividades relativas ao planejamento e controle dos processos de produção de bens ou serviços. A função de produção/operações diz respeito à administração dos sistemas operacionais de todas as empresas. Os sistemas de informação de planejamento e controle utilizados para a administração de operações e processamento de transações apoiam todas as empresas que precisam planejar, monitorar e controlar estoques, compras e o fluxo de bens e serviços. Manufatura Integrada por Computador (CIM) Os sistemas de informação para fabricação utilizam várias técnicas importantes para apoiar a manufatura integrada por computador (CIM). A CIM é um conceito global que enfatiza que os objetivos do uso do computador na automação industrial devem servir para: Simplificar (reprojetar) os processos de produção, desenhos de produtos e organização fabril como fundamento vital para a automação e a integração. Automatizar Os processos de produção e as funções organizacionais que os apóiam com computadores e robôs. Integrar Os processos de produção/apoio usando computadores e redes de telecomunicações. A implementação desses conceitos de fabricação permite que uma empresa responda rapidamente e atenda requisitos de clientes por meio de produtos e serviços de qualidade. Os usos de computadores na manufatura incluem: Engenharia assistida por computador (CAE) Projeto assistido por computador (CAD) Planejamento de processos assistido por computador (CAPP) Planejamento de requisitos de material (MRP) Planejamento de recursos de fabricação (MRP-II) Manufatura assistida por computador (CAM) Os sistemas de manufatura assistida por computador (CAM) são aqueles que automatizam o processo de produção. Isto poderia ser realizado, por exemplo, pela monitoração e controle do processo de produção em uma fábrica por meio de sistemas de execução industrial, ou pelo controle direto de um processo físico (controle de processo), uma máquina-ferramenta (controle de máquinas) ou máquinas com algumas capacidades de trabalho semelhantes às humanas (robôs). Os sistemas de execução industrial (MES) são sistemas de informação de monitoração de desempenho para operações no chão da fábrica. Eles monitoram, acompanham e controlam os cinco componentes essenciais envolvidos em um processo de produção: 7

8 Matéria-prima, Equipamento, Pessoal, Instruções e especificações, Instalações de produção 8 Os MES incluem: Sistemas de programação e controle do chão da fábrica Sistemas de controle de máquinas Sistemas de controle robótico Sistemas de controle de processo Redes de Manufatura Colaborativa Processos de fabricação como a engenharia e desenho assistidos por computador, controle da produção, programação da produção e administração de compras normalmente envolvem um processo de colaboração. Cada vez mais, isto envolve o uso da Internet, intranets, extranets e outras redes para conectar as estações de trabalho de engenheiros e outros especialistas com seus colegas em outros locais. Essas redes podem conectar funcionários dentro de uma empresa ou incluir representantes de seus fornecedores ou clientes onde quer que possam estar localizados. Controle de Processo Éo uso de computadores para controlar um processo físico em curso. Os computadores de controle de processo são utilizados para controlar processos físicos em áreas como: Refinarias de petróleo, Fábricas de produtos alimentícios, Fábricas de cimento, Fábricas de papel e celulose, Siderúrgicas, Usinas de energia elétrica, Fábricas de produtos químicos. Controle de Máquinas É o uso de um computador para controlar as ações de uma máquina. Este controle também é popularmente conhecido como controle numérico. O controle de máquinas-ferramentas nas fábricas é uma aplicação típica de controle numérico, embora também se refira ao controle de máquinas de composição tipográfica, máquinas têxteis e outros tipos de maquinaria industrial. Os computadores de controle de máquinas são utilizados em áreas como: Fábricas, Indústrias e Lojas que utilizem máquinas Robótica Robôs são máquinas inteligentes que controlam diretamente suas próprias atividades com a ajuda de microcomputadores. É a tecnologia de montar e utilizar máquinas (robôs) com inteligência de computador e faculdades físicas semelhantes às humanas controladas por computador (destreza, movimento, visão e assim por diante). Os robôs são utilizados como trabalhadores de colarinho de aço para aumentar a produtividade e reduzir os custos. Eles são utilizados em áreas como: Fábricas e Atividades de trabalho que envolvam riscos. Engenharia Assistida por Computador Os engenheiros de fabricação utilizam a engenharia assistida por computador (CAE) para simular, analisar e avaliar os modelos de desenhos de produto que eles desenvolveram utilizando métodos de desenho assistido por computador (CAD). As redes de poderosas estações de trabalho de engenharia dotadas de alta capacidade gráfica e de cálculo e software CAD ajudam a: Analisar e projetar produtos e processos e instalações de fabricação. Refinar os desenhos iniciais do engenheiro e fornecer gráficos tridimensionais que podem ser girados para exibir todos os lados do objeto que está sendo projetado. Aumentar o zoom para visualizar detalhes de uma peça específica e até fazer com que peças do produto se movam como o fariam em uma operação normal. Fazer com que o desenho possa ser convertido para modelo matemático acabado do produto.

9 6.6 Sistemas de Informação de Recursos Humanos A função de administração de recursos humanos envolve o recrutamento, colocação, avaliação, remuneração e desenvolvimento dos funcionários de uma organização. A meta é o uso eficaz e eficiente dos recursos humanos de uma empresa. Dessa forma, os sistemas de informação de recursos humanos são projetados para apoiar: O planejamento para atender as necessidades de pessoal da empresa. O desenvolvimento de funcionários até o seu potencial pleno. O controle de todas as políticas e programas de pessoal. Originalmente, as empresas utilizavam sistemas de informação baseados em computador para: Produzir contracheques e relatórios de folha de pagamento Manter cadastro de pessoal Analisar o uso de pessoal nas operações das empresas. Muitas empresas foram além destas funções tradicionais de administração de pessoal e desenvolveram sistemas de informação de recursos humanos que também apóiam: Recrutamento, seleção e contratação, Lotação de cargos, Avaliações de desempenho, Análise de benefícios dos funcionários, Treinamento e desenvolvimento, Saúde e segurança do trabalho Preenchendo Cargos na Organização A função de lotação de cargos deve ser apoiada por sistemas de informação que registrem e localizem os recursos humanos dentro de uma empresa para maximizar seu aproveitamento. Esses sistemas são utilizados em sistemas de manutenção de cadastro de pessoal, sistemas de inventário das qualificações dos funcionários e sistemas de previsão de requisitos de pessoal. Treinamento e Desenvolvimento Os sistemas de informação ajudam os gerentes de RH a planejar e monitorar o recrutamento, treinamento, avaliações de desempenho e desenvolvimento de carreira dos funcionários por meio da análise da história de sucesso dos programas em curso. Também analisam a situação do desenvolvimento de carreira de cada funcionário para determinar se deveriam ser recomendados métodos de desenvolvimento como programas de treinamento e avaliações periódicas. Análise de Remuneração Os sistemas de informação podem ajudar a analisar o alcance e distribuição da remuneração dos funcionários (ordenados, salários, pagamentos de incentivos e benefícios extras) dentro de uma empresa e fazer comparações com remuneração paga por empresas similares ou com vários indicadores econômicos. Esta informação é útil para: Planejar mudanças na remuneração, principalmente se estão envolvidas negociações com sindicatos trabalhistas. Ajudar a manter competitiva e justa a remuneração de uma empresa, ao mesmo tempo que controla os custos de remuneração. Relatórios para Órgãos Governamentais Os informes para as agências de governo são uma das principais responsabilidades da administração de recursos humanos. As organizações utilizam SI computadorizados para manter atualizadas as estatísticas e relatórios de produção requeridos por uma série de leis e regulamentações governamentais. Essas estatísticas podem dizer respeito a questões como: Políticas e estatísticas de oportunidade similar, Saúde do funcionário, Acidentes e riscos no local de trabalho, Procedimentos de segurança. 9

10 6.7 Sistemas de Administração Financeira: São baseados no computador apóiam os gerentes financeiros nas decisões relativas ao financiamento de uma empresa e à alocação e controle de recursos financeiros na empresa. As principais categorias de sistemas de administração financeira incluem: A administração de caixa e investimentos, Orçamentos de capital, Previsão financeira e Planejamento financeiro Administração de Caixa Coletam informações, em tempo real ou em uma base periódica, sobre todos os recebimentos e desembolsos de caixa de uma empresa. Os sistemas de administração de caixa: Permitem às empresas depositarem ou investirem mais depressa os fundos em excesso e, com isso, aumentarem a renda gerada por fundos depositados ou investidos. Produzem previsões diárias, semanais ou mensais de recebimentos ou desembolsos de dinheiro (previsões de fluxo de caixa) que são usadas para identificar futuros déficits ou excessos de caixa. Administração de Investimentos On-line Muitas empresas investem seu excesso de caixa em títulos negociáveis de baixo risco a curto prazo ou em alternativas de maior retorno e risco, de forma que a receita do investimento possa ser obtida até que os fundos sejam requeridos. Os serviços on-line de administração de investimentos: Ajudam o gerente financeiro a tomar decisões de compra, venda ou retenção para cada tipo de título de forma a desenvolver uma composição ótima de títulos que minimize riscos e maximize receitas de investimento para a empresa. Orçamentos de Capital O processo de orçamento de capital envolve a avaliação da rentabilidade e impacto financeiro de propostas de dispêndios de capital. Esta aplicação faz uso intenso de modelos de planilha eletrônica que incorporam a análise do valor atual dos fluxos de caixa esperados e a análise de probabilidade de riscos para determinar a ótima combinação de projetos de capitalização para a empresa. Previsão e Planejamento Financeiros Uma diversidade de pacotes de previsão financeira fornece técnicas analíticas que resultam em previsões econômicas ou financeiras de condições econômicas locais e nacionais, níveis de salários, níveis de preço e taxas de juros. Os sistemas de planejamento financeiro utilizam modelos de planejamento financeiro para avaliar o desempenho financeiro presente e projetado de uma empresa ou de uma de suas divisões ou subsidiárias. Os sistemas de planejamento financeiro: Ajudam a determinar as necessidades financeiras de uma empresa e analisam métodos alternativos de financiamento do negócio. Utilizam previsões financeiras relativas à situação econômica, operações empresariais, tipos de financiamento disponíveis, taxas de juros e preços de ações e obrigações para desenvolver um plano ótimo de financiamento para a empresa. Usam pacotes de planilhas eletrônicas para montar e manipular modelos. São utilizados para responder situações hipotéticas e perguntas relativas a busca de objetivos para avaliar alternativas de financiamento e investimento. 10

11 MODELO DE SIG Entradas: internas e externas Internas: Externas: Sistemas de Processamento de Transações (SPT) outras áreas específicas da empresa (Planejamento Estratégico, Política Organizacional, Plano de Metas, etc.) clientes, fornecedores, concorrentes, mercado, governo, etc Saídas: relatórios diversos : Agendados ou Periódicos Demanda ou Solicitação De Exceção Drill Down 6.9 EXEMPLO DE SIG FINANCEIRO Entradas: Internas: Planejamento Estratégico Política corporativa Plano de metas SPT: Folha de pagamento Razão geral Contas a pagar Contas a receber Externas: Concorrência Índices de preço Indicadores econômicos Leis tributárias Agências governamentais Saídas: (Relatórios diversos) Custo da folha de pagamento Investimento em estoque Total das vendas por período Pagamento a fornecedores Valores devidos pelos clientes Custos e lucros Administração de fundos Etc... FIM

SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL

SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL 1. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL (SIG) Conjunto integrado de pessoas, procedimentos, banco de dados e dispositivos que suprem os gerentes e os tomadores

Leia mais

3. SISTEMAS DE APOIO GERENCIAIS

3. SISTEMAS DE APOIO GERENCIAIS 1 3. SISTEMAS DE APOIO GERENCIAIS 3.1. COLABORAÇÃO NAS EMPRESAS Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar a colaborar, comunicando idéias, compartilhando recursos,

Leia mais

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1. COLABORAÇÃO NAS EMPRESAS Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar a colaborar, comunicando idéias, compartilhando

Leia mais

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG Capítulo 3: Sistemas de Negócios Colaboração SPT SIG Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos, gerentes e profissionais de empresas.

Leia mais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Capítulo 3: Sistemas de Apoio Gerenciais Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos,

Leia mais

SIE - Sistemas de Informação Empresarial. Transação. Fontes: O Brien e Associação Educacional Dom Bosco

SIE - Sistemas de Informação Empresarial. Transação. Fontes: O Brien e Associação Educacional Dom Bosco SIE - Sistemas de Informação Empresarial SPT Sistemas de Processamento de Transação Fontes: O Brien e Associação Educacional Dom Bosco Visão Integrada do Papel dos SI s na Empresa O Brien [ Problema Organizacional

Leia mais

5. SISTEMAS DE NEGÓCIOS

5. SISTEMAS DE NEGÓCIOS 1 5. SISTEMAS DE NEGÓCIOS 5.1. COLABORAÇÃO NAS EMPRESAS Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar a colaborar, comunicando idéias, compartilhando recursos, e coordenando

Leia mais

4. SISTEMAS DE NEGÓCIOS

4. SISTEMAS DE NEGÓCIOS 4. SISTEMAS DE NEGÓCIOS 4.1. COLABORAÇÃO NAS EMPRESAS Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar a colaborar, comunicando idéias, compartilhando recursos, e coordenando

Leia mais

Estudar os Sistemas de Processamento de Transação (SPT)

Estudar os Sistemas de Processamento de Transação (SPT) Estudar a Colaboração Empresarial. Objetivos do Capítulo Estudar os Sistemas de Processamento de Transação (SPT) Identificar o papel e alternativas de relatórios dos sistemas de informação gerencial. Estudar

Leia mais

Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso

Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso 1. Muitas organizações estão utilizando tecnologia da informação para desenvolver sistemas

Leia mais

Capítulo 2 Sistemas de e-business

Capítulo 2 Sistemas de e-business Capítulo 2 Sistemas de e-business 2.1 Sistemas de e-business Interfuncionais Aplicativos de e-business: Este capítulo explora o mundo de rápidas mudanças das aplicações de tecnologia da informação em e-business

Leia mais

7 Sistemas de e-business

7 Sistemas de e-business 7 Sistemas de e-business I. VISÃO GERAL DO CAPÍTULO O propósito deste capítulo é descrever como os sistemas de informação integram e apóiam todos os processos da empresa e suas funções organizacionais

Leia mais

Tecnologias e Sistemas de Informação

Tecnologias e Sistemas de Informação Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Administração Tecnologia e Sistemas de Informação - 02 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

Sistemas de Informações Transacionais SIT Sistemas de Informações Gerenciais SIG. Ana Clara Araújo Gomes da Silva araujo.anaclara@gmail.

Sistemas de Informações Transacionais SIT Sistemas de Informações Gerenciais SIG. Ana Clara Araújo Gomes da Silva araujo.anaclara@gmail. Sistemas de Informações Transacionais SIT Sistemas de Informações Gerenciais SIG Ana Clara Araújo Gomes da Silva araujo.anaclara@gmail.com Papéis fundamentais dos SI Os SI desempenham 3 papéis vitais em

Leia mais

Visão Geral dos Sistemas de Informação

Visão Geral dos Sistemas de Informação Visão Geral dos Sistemas de Informação Existem muitos tipos de sistemas de informação no mundo real. Todos eles utilizam recursos de hardware, software, rede e pessoas para transformar os recursos de dados

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA 1 OBJETIVOS 1. Quais são as principais aplicações de sistemas na empresa? Que papel eles desempenham? 2. Como os sistemas de informação apóiam as principais funções empresariais:

Leia mais

Sistemas de e-business. Objetivos do Capítulo

Sistemas de e-business. Objetivos do Capítulo Objetivos do Capítulo Identificar cada um dos sistemas de e-business interfuncionais abaixo e dar exemplos de como eles podem fornecer significativo valor para uma empresa, seus clientes e parceiros de

Leia mais

Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1

Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1 Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1 Fundação Getúlio Vargas Estudantes na Escola de Administração da FGV utilizam seu laboratório de informática, onde os microcomputadores estão em rede

Leia mais

Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 1: Fundamentos dos SI. Resposta do Exercício 1

Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 1: Fundamentos dos SI. Resposta do Exercício 1 Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 1: Fundamentos dos SI Resposta do Exercício 1 Fundação Getúlio Vargas Leia o texto e responda o seguinte: a) identifique os recursos de: Hardware: microcomputadores,

Leia mais

Anderson L. S. Moreira

Anderson L. S. Moreira Tecnologia da Informação Aula 11 Sistemas de E-business Anderson L. S. Moreira anderson.moreira@ifpe.edu.br Instituto Federal de Pernambuco Recife PE Esta apresentação está sob licença Creative Commons

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA 2 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA OBJETIVOS Quais são as principais aplicações de sistemas na empresa? Que papel eles desempenham? Como os sistemas de informação apóiam as principais funções empresariais:

Leia mais

ADM041 / EPR806 Sistemas de Informação

ADM041 / EPR806 Sistemas de Informação ADM041 / EPR806 Sistemas de Informação UNIFEI Universidade Federal de Itajubá Prof. Dr. Alexandre Ferreira de Pinho 1 Componentes de uma empresa Organizando uma empresa: funções empresariais básicas Funções

Leia mais

Identificar cada um dos sistemas de e-business interfuncionais abaixo e dar exemplos de como eles podem fornecer significativo valor para uma

Identificar cada um dos sistemas de e-business interfuncionais abaixo e dar exemplos de como eles podem fornecer significativo valor para uma 1 Identificar cada um dos sistemas de e-business interfuncionais abaixo e dar exemplos de como eles podem fornecer significativo valor para uma empresa, seus clientes e parceiros de negócios: de recursos

Leia mais

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET AULA 02 ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET JAMES A. O BRIEN CAPÍTULO 01 continuação Páginas 03 à 25 1 COMPONENTES DE UM SISTEMA DE INFORMAÇÃO Especialistas

Leia mais

Tecnologia da Informação e Comunicação. Douglas Farias Cordeiro

Tecnologia da Informação e Comunicação. Douglas Farias Cordeiro Tecnologia da Informação e Comunicação Douglas Farias Cordeiro Algumas coisas que vimos até aqui Qual a diferença entre as funções do analista e do projetista? Como funciona o ciclo de vida de um projeto

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAIS

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAIS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAIS O PODER DA INFORMAÇÃO Tem PODER quem toma DECISÃO Toma DECISÃO correta quem tem SABEDORIA Tem SABEDORIA quem usa CONHECIMENTO Tem CONHECIMENTO quem possui INFORMAÇÃO (Sem

Leia mais

Governança de TI Funções Gerenciais e Estrutura Organizacional. Raimir Holanda raimir@tce.ce.gov.br

Governança de TI Funções Gerenciais e Estrutura Organizacional. Raimir Holanda raimir@tce.ce.gov.br Governança de TI Funções Gerenciais e Estrutura Organizacional Raimir Holanda raimir@tce.ce.gov.br Agenda Componentes de uma empresa Objetivos Organizacionais X Processos de negócios Gerenciamento integrado

Leia mais

Universidade Federal de Itajubá EPR 806 Sistemas de Informação

Universidade Federal de Itajubá EPR 806 Sistemas de Informação Tipos de Sistemas de Informação Sistemas sob a Perspectiva de Grupos Usuários Sistemas de apoio ao executivo (SAE); Universidade Federal de Itajubá EPR 806 Sistemas de Informação Segundo semestre de 2012

Leia mais

Então, as empresas utilizam seus sistemas para resolver problemas organizacionais e para reagir a uma mudança no ambiente.

Então, as empresas utilizam seus sistemas para resolver problemas organizacionais e para reagir a uma mudança no ambiente. Curso: Ciências Contábeis Disciplina: Sistemas Contábeis Prof. MSc: Arnoldo Schmidt Neto 2005 2 1. Todas as empresas têm dois problemas genéricos: como gerenciar as forças e grupos internos que geram seus

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Capítulo 2 Componentes de uma empresa

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Capítulo 2 Componentes de uma empresa SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Capítulo 2 Componentes de uma empresa PROCESSOS DE NEGÓCIOS ou processos organizacionais Como você quer que seus funcionários executem essas funções? Quais tarefas específicas seu

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA Capítulo 2 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA 2.1 2003 by Prentice Hall OBJETIVOS Quais são as principais aplicações de sistemas na empresa? Que papel eles desempenham? Como os sistemas de informação apóiam

Leia mais

NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES

NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES 1. Conectando a Empresa à Rede As empresas estão se tornando empresas conectadas em redes. A Internet e as redes de tipo Internet dentro da empresa (intranets), entre uma

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - SI

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - SI SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - SI Elaborado e adaptado por: Prof.Mestra Rosimeire Ayres Sistemas Colaborativos Empresariais (ECS) Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL 2015 Sabemos que as empresas atualmente utilizam uma variedade muito grande de sistemas de informação. Se você analisar qualquer empresa que conheça, constatará que existem

Leia mais

Sistemas de Informação: tipos e características

Sistemas de Informação: tipos e características Sistemas de Informação: tipos e características Tipos de sistemas de informação. Os quatro tipos principais de sistemas de informação. Sistemas do ponto de vista de pessoal Sistemas de processamento de

Leia mais

Sistemas de Informações. Daniel Gondim

Sistemas de Informações. Daniel Gondim Sistemas de Informações Daniel Gondim Roteiro da Aula SPT Sistema de Processamento de Transações Visão geral; métodos e objetivos Atividades no processamento de transações Controle de Administração Aplicações

Leia mais

Faculdade de Tecnologia da Zona Leste Prof. Fumio Ogawa

Faculdade de Tecnologia da Zona Leste Prof. Fumio Ogawa Faculdade de Tecnologia da Zona Leste Prof. Fumio Ogawa Sistemas de Informação 2 1. Fundamentos dos Sistemas de Informação Antes de começar a discutir os sistemas de informação precisamos definir e entender

Leia mais

COMO AS ORGANIZAÇÕES USAM OS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

COMO AS ORGANIZAÇÕES USAM OS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO COMO AS ORGANIZAÇÕES USAM OS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. José Luiz Mendes Prof. Gerson Volney Lagemann Prof. Ricardo José Pfitscher 2/78 Relembrando Organização empresarial: Organização complexa e formal

Leia mais

1: FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES

1: FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES 1: FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES 1 Os sistemas de informação (SI) utilizam hardware, software, redes de telecomunicações, técnicas de administração de dados computadorizadas e outras formas de

Leia mais

Sistemas de Informação

Sistemas de Informação Capítulo : SPT e SIG Sistemas de Informação e as decisões gerenciais na era da Internet Objetivos do Capítulo Explicar como os sistemas de informação empresariais podem apoiar as necessidades de informação

Leia mais

E-Business global e colaboração

E-Business global e colaboração E-Business global e colaboração slide 1 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. 2.1 Copyright 2011 Pearson Education, Inc. publishing as Prentice Hall Objetivos de estudo Quais as principais

Leia mais

Tecnologia da Informação Aula 3 Revolução dos SI

Tecnologia da Informação Aula 3 Revolução dos SI Tecnologia da Informação Aula 3 Revolução dos SI Anderson L. S. Moreira anderson.moreira@ifpe.edu.br Instituto Federal de Pernambuco Recife - PE Visão Geral Desafios Empresariais Administração * Monitora

Leia mais

Unidade IV SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Prof. Daniel Arthur Gennari Junior

Unidade IV SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Prof. Daniel Arthur Gennari Junior Unidade IV SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Daniel Arthur Gennari Junior Sobre esta aula Sistema de informação nos negócios Sistemas de informação no apoio ao processo de tomada de decisão Sistemas colaborativos

Leia mais

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO @ribeirord FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Rafael D. Ribeiro, M.Sc,PMP. rafaeldiasribeiro@gmail.com http://www.rafaeldiasribeiro.com.br Sistemas de Informação Sistemas de Apoio às Operações Sistemas

Leia mais

Prof. Lucas Santiago

Prof. Lucas Santiago Classificação e Tipos de Sistemas de Informação Administração de Sistemas de Informação Prof. Lucas Santiago Classificação e Tipos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação são classificados por

Leia mais

Sistemas de Informações Gerenciais

Sistemas de Informações Gerenciais Sistemas de Informações Gerenciais Aula 4 Sistema de Informação SI baseado em computadores Organização, administração e estratégia Professora: Cintia Caetano INTRODUÇÃO Sistemas de Informação são parte

Leia mais

Conceitos. - Sistema de Informação, Estruturas e Classificação. - Dados x Informações. Edson Almeida Junior www.edsonalmeidajunior.com.

Conceitos. - Sistema de Informação, Estruturas e Classificação. - Dados x Informações. Edson Almeida Junior www.edsonalmeidajunior.com. Conceitos - Sistema de Informação, Estruturas e Classificação - Dados x Informações Edson Almeida Junior www.edsonalmeidajunior.com.br Definição de Sistema Uma coleção de objetos unidos por alguma forma

Leia mais

Sistemas Colaborativos Simulado

Sistemas Colaborativos Simulado Verdadeiro ou Falso Sistemas Colaborativos Simulado 1. Todos os tipos de organizações estão se unindo a empresas de tecnologia na implementação de uma ampla classe de usos de redes intranet. Algumas das

Leia mais

Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informações gerencias, editora Pearson, 2010. Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informação, editora LTC, 1999

Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informações gerencias, editora Pearson, 2010. Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informação, editora LTC, 1999 FSI capítulo 2 Referências bibliográficas: Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informações gerencias, editora Pearson, 2010 Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informação, editora LTC, 1999 Porter M., Competitive

Leia mais

08/03/2009. Como mostra a pirâmide da gestão no slide seguinte... Profª. Kelly Hannel. Fonte: adaptado de Laudon, 2002

08/03/2009. Como mostra a pirâmide da gestão no slide seguinte... Profª. Kelly Hannel. Fonte: adaptado de Laudon, 2002 Pirâmide da Gestão Profª. Kelly Hannel Fonte: adaptado de Laudon, 2002 Diferentes tipos de SIs que atendem diversos níveis organizacionais Sistemas do nível operacional: dão suporte a gerentes operacionais

Leia mais

PERSPECTIVA FUNCIONAL DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E TIPOS DE SISTEMA DE INFORMAÇÃO

PERSPECTIVA FUNCIONAL DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E TIPOS DE SISTEMA DE INFORMAÇÃO CURSO: GESTÃO AMBIENTAL PROFESSOR: WENES SILVA DOS SANTOS ALUNOS: ANDRÉ VIANA CAVALCANTE, DANILO CARVALHO DE OLIVEIRA, GEISA MOREIRA DE SOUSA, FERNANDA MONTES, LIAMAR MONTES, PRISCILA CASTRO, RAIMUNDINHA

Leia mais

Lógica de Programação

Lógica de Programação Lógica de Programação Sistema de Informação Sistemas de Informação em Negócios e SIG Francisco Rodrigues Sistemas de Informação em Negócios Ajudam os funcionários na execução das tarefas, principalmente

Leia mais

Sistemas de Processamento de Transações. Sandro da Silva dos Santos sandro.silva@sociesc.com.br

Sistemas de Processamento de Transações. Sandro da Silva dos Santos sandro.silva@sociesc.com.br Sistemas de Processamento de Transações Sandro da Silva dos Santos sandro.silva@sociesc.com.br Evolução dos sistemas de informação Os dispositivos de computação passaram dos tubos a vácuo, nos anos 50

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL SIG. Diferença entre relatórios gerados pelo SPT e os gerados pelo SIG

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL SIG. Diferença entre relatórios gerados pelo SPT e os gerados pelo SIG Introdução SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL SIG A finalidade principal de um SIG é ajudar uma organização a atingir as suas metas, fornecendo aos administradores uma visão das operações regulares da empresa,

Leia mais

3. Sistemas Empresariais de Processamento de Transações

3. Sistemas Empresariais de Processamento de Transações Curso de Especialização em Gestão Empresarial (MBA Executivo Turma 12) Disciplina: Sistemas de Informações Gerenciais Prof. Dr. Álvaro José Periotto 3. Sistemas Empresariais de Processamento de Transações

Leia mais

Classificação dos Sistemas de Informação

Classificação dos Sistemas de Informação Sistemas de Informação Classificação dos Sistemas de Informação O que veremos? Estaremos examinando o tipo de sistema de informação Gerencial. Veremos também, outras classificações dos sistemas de informação.

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CONCEITOS

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CONCEITOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CONCEITOS 1. Sabe-se que o conceito de Sistema de Informação envolve uma série de sistemas informatizados com diferentes características e aplicações, os quais, porém, têm em comum

Leia mais

Aula 03 CLASSIFICAÇÃO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

Aula 03 CLASSIFICAÇÃO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Aula 03 CLASSIFICAÇÃO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Na prática, não existe uma classificação rígida, permitindo aos autores e principalmente as empresas classificar seus sistemas de diversas maneiras. A ênfase

Leia mais

Fonte de Consulta: Sistemas de Informação e as Decisões Gerenciais na Era da Internet James A. O Brien NOTAS DE AULA

Fonte de Consulta: Sistemas de Informação e as Decisões Gerenciais na Era da Internet James A. O Brien NOTAS DE AULA NOTAS DE AULA 1. TENDÊNCIAS EM SISTEMAS DE MICROCOMPUTADORES Existem várias categorias principais de sistemas de computadores com uma diversidade de características e capacidades. Consequentemente, os

Leia mais

Sistemas de Informações Gerenciais

Sistemas de Informações Gerenciais Sistemas de Informações Gerenciais Intranets, Extranets e a Internet Uma intranet Sites é uma na rede Internet interna a uma organização que utiliza tecnologias da Internet para fornecer um ambiente do

Leia mais

IF685 Gerenciamento de Dados e Informação - Prof. Robson Fidalgo 1

IF685 Gerenciamento de Dados e Informação - Prof. Robson Fidalgo 1 IF685 Gerenciamento de Dados e Informação - Prof. Robson Fidalgo 1 Banco de Dados Introdução Por: Robson do Nascimento Fidalgo rdnf@cin.ufpe.br IF685 Gerenciamento de Dados e Informação - Prof. Robson

Leia mais

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE Rafael D. Ribeiro, M.Sc,PMP. rafaeldiasribeiro@gmail.com http://www.rafaeldiasribeiro.com.br Princípios da Teoria de Sistemas 1 Grupos diferentes dentro de uma organização necessitam

Leia mais

Objectivos de aprendizagem

Objectivos de aprendizagem 2 Objectivos de aprendizagem ƒ Dar exemplos de como a Internet e outras tecnologias da informação apoiam os processos de negócio nas seguintes funções empresariais: ƒ contabilidade; ƒ gestão financeira;

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação I

Administração de Sistemas de Informação I Administração de Sistemas de Informação I Prof. M.Sc. Anderson Pazin Aula 01 Sistema Sistema é um conjunto de elementos dinamicamente relacionados formando uma atividade para atingir um objetivo sobre

Leia mais

AULA 5 O E-BUSINESS E OS SISTEMAS DE APOIO ÀS DECISÕES E DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA

AULA 5 O E-BUSINESS E OS SISTEMAS DE APOIO ÀS DECISÕES E DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA AULA 5 O E-BUSINESS E OS SISTEMAS DE APOIO ÀS DECISÕES E DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA APOIO ÀS DECISÕES DE E-BUSINESS E SISTEMAS DE APOIO ÀS DECISÕES Conceito O conceito básico de e-business é simples: negócios

Leia mais

Capítulo 2 E-Business global e colaboração

Capítulo 2 E-Business global e colaboração Objetivos de estudo Capítulo 2 E-Business global e colaboração Quais as principais características de um negócio que são relevantes para a compreensão do papel dos sistemas de informação? Como os sistemas

Leia mais

MATERIAL DIDÁTICO: APLICAÇÕES EMPRESARIAIS SISTEMA DE APOIO À DECISÃO (SAD)

MATERIAL DIDÁTICO: APLICAÇÕES EMPRESARIAIS SISTEMA DE APOIO À DECISÃO (SAD) AULA 07 MATERIAL DIDÁTICO: APLICAÇÕES EMPRESARIAIS SISTEMA DE APOIO À DECISÃO (SAD) JAMES A. O BRIEN MÓDULO 01 Páginas 286 à 294 1 AULA 07 SISTEMAS DE APOIO ÀS DECISÕES 2 Sistemas de Apoio à Decisão (SAD)

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Aula 02

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Aula 02 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Aula 02 SOCIEDADE PÓS-INDUSTRIAL Valorização das características humanas; Querer Fazer (atitude, determinação, interesse); Saber como fazer (habilidade, técnica); Saber o que e porque

Leia mais

Identificar as mudanças que acontecem na forma e no uso de apoio à decisão em empreendimentos de e-business. Identificar o papel e alternativas de

Identificar as mudanças que acontecem na forma e no uso de apoio à decisão em empreendimentos de e-business. Identificar o papel e alternativas de 1 Identificar as mudanças que acontecem na forma e no uso de apoio à decisão em empreendimentos de e-business. Identificar o papel e alternativas de relatórios dos sistemas de informação gerencial. Descrever

Leia mais

Objectivos de aprendizagem

Objectivos de aprendizagem Capítulo 6 1 Telecomunicações e redes 2 Objectivos de aprendizagem ƒ Identificar as principais tendências e os grandes desenvolvimentos nas empresas, nas tecnologias e nas aplicações de negócio, das telecomunicações

Leia mais

Tipos de Sistemas de Informação Aula 02 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE

Tipos de Sistemas de Informação Aula 02 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Tipos de Sistemas de Informação Aula 02 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Sistemas de informação Manual técnicas de arquivamento e recuperação de informações de grandes arquivos.

Leia mais

Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello

Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Roberto Marcello SI Sistemas de gestão A Gestão dos Sistemas Integrados é uma forma organizada e sistemática de buscar a melhoria de resultados.

Leia mais

Sistemas de Informação

Sistemas de Informação Capítulo 7: Sistemas de Informação Colaborativos 7-1 Sistemas de Informação e as decisões gerenciais na era da Internet James A. O'Brien Saraiva S/A Livreiros Editores, 2001 Editora Saraiva The McGraw-Hill

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS CATU

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS CATU MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS CATU Sistemas Controle Processos Industriais Sistemas Colaborativos Profª.

Leia mais

SISTEMA DE PROCESSAMENTO DE TRANSAÇÕES (SPT) PARADA OBRIGATÓRIA!!! SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO (SPT, SIG e ERP) CONTEÚDO DA AULA

SISTEMA DE PROCESSAMENTO DE TRANSAÇÕES (SPT) PARADA OBRIGATÓRIA!!! SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO (SPT, SIG e ERP) CONTEÚDO DA AULA PROF.ª MARCIA CRISTINA DOS REIS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 14/08/2012 Aula 4 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO (SPT, SIG e ERP) PARADA OBRIGATÓRIA!!! LEITURA DO LIVRO DO TURBAN, RAINER JR E POTTER Sistemas SPT p. 212

Leia mais

Conceitos de Sistemas de Informação

Conceitos de Sistemas de Informação Conceitos de Sistemas de Informação Prof. Miguel Damasco AEDB 1 Objetivos da Unidade 1 Explicar por que o conhecimento dos sistemas de informação é importante para os profissionais das empresas e identificar

Leia mais

Sistemas de Informação para Apoio à Decisão Gerencial

Sistemas de Informação para Apoio à Decisão Gerencial Sistemas de Informação para Apoio à Decisão Gerencial Sistemas de Apoio à decisão (DSS) Os sistemas de apoio à decisão (Decision Support System, ou DSS) são uma das principais categorias de sistemas de

Leia mais

Sistemas de Informação CEA460 - Gestão da Informação

Sistemas de Informação CEA460 - Gestão da Informação Sistemas de Informação CEA460 - Gestão da Informação Janniele Aparecida Conceitos Sistema de Informação Conjunto de componentes interrelacionados que coletam (ou recuperam), processam e armazenam e distribuem

Leia mais

SISTEMA DE INFORMAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO CORPORATIVA

SISTEMA DE INFORMAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO CORPORATIVA SISTEMA DE INFORMAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO SISTEMA DE INFORMAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO CORPORATIVA SISTEMA DE INFORMAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO SISTEMA DE INFORMAÇÕES Um Sistema de Informação não precisa ter essencialmente

Leia mais

Sistemas de Informação e Decisão. Douglas Farias Cordeiro

Sistemas de Informação e Decisão. Douglas Farias Cordeiro Sistemas de Informação e Decisão Douglas Farias Cordeiro Algumas coisas que vimos até aqui! Em termos gerais, o que é um sistema? Qual a diferença entre dado, informação e conhecimento? A inteligência

Leia mais

Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE. Prof. Luís Rodolfo

Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE. Prof. Luís Rodolfo Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Luís Rodolfo Vantagens e desvantagens de uma rede para a organização Maior agilidade com o uso intenso de redes de computadores; Grandes interações

Leia mais

Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 4.1

Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 4.1 Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 4.1 4 OBJETIVOS OBJETIVOS A EMPRESA DIGITAL: COMÉRCIO E NEGÓCIOS ELETRÔNICOS Como a tecnologia de Internet mudou propostas de valor e modelos de negócios

Leia mais

Gestão empresarial simplificada

Gestão empresarial simplificada de Soluções SAP Soluções SAP para pequenas e médias empresas SAP Business One Objectives Gestão empresarial simplificada Gerencie e promova o crescimento de sua pequena empresa Gerencie e promova o crescimento

Leia mais

Conceitos e tarefas da administração de marketing DESENVOLVIMENTO DE ESTRATEGIAS E PLANOS DE MARKETING

Conceitos e tarefas da administração de marketing DESENVOLVIMENTO DE ESTRATEGIAS E PLANOS DE MARKETING Sumário Parte um Conceitos e tarefas da administração de marketing CAPITULO I MARKETING PARA 0 SÉCULO XXI A importância do marketing O escopo do marketing 0 que é marketing? Troca e transações A que se

Leia mais

Sistemas Integrados de Gestão I

Sistemas Integrados de Gestão I Sistema Binário Faculdades Integradas Campos Salles Sistemas Integrados de Gestão I Aula - 8 Classificação dos sistemas de informação Carlos Antonio José Oliviero São Paulo - 2012 Tipos de SIs de acordo

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação

Estratégias em Tecnologia da Informação Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 6 Sistemas de Informações Estratégicas Sistemas integrados e sistemas legados Sistemas de Gerenciamento de Banco de Dados Material de apoio 2 Esclarecimentos

Leia mais

Transformação do call center. Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas.

Transformação do call center. Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas. Transformação do call center Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas. Lucre com a atenção exclusiva de seus clientes. Agora,

Leia mais

Sistemas de Apoio à Decisão. Ciências Contábeis Informática Aplicada

Sistemas de Apoio à Decisão. Ciências Contábeis Informática Aplicada Sistemas de Apoio à Decisão Ciências Contábeis Informática Aplicada Sistemas de Apoio à Decisão Segundo LAUDON (2004) apud SANTOS () afirma que um SAD tem por objetivo auxiliar o processo de decisão gerencial,

Leia mais

2.3. ORGANIZAÇÕES E GESTÃO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

2.3. ORGANIZAÇÕES E GESTÃO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 2.3. ORGANIZAÇÕES E GESTÃO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO As Empresas e os Sistemas Problemas locais - impacto no sistema total. Empresas como subsistemas de um sistema maior. Uma empresa excede a soma de

Leia mais

Sistemas de Informação James A. O Brien Editora Saraiva Capítulo 5

Sistemas de Informação James A. O Brien Editora Saraiva Capítulo 5 Para entender bancos de dados, é útil ter em mente que os elementos de dados que os compõem são divididos em níveis hierárquicos. Esses elementos de dados lógicos constituem os conceitos de dados básicos

Leia mais

CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Franco Vieira Sampaio 1 Atualmente a informática está cada vez mais inserida no dia a dia das empresas, porém, no início armazenavam-se os dados em folhas,

Leia mais

Atividade Capitulo 6 - GABARITO

Atividade Capitulo 6 - GABARITO Atividade Capitulo 6 - GABARITO 1. A Internet é uma força motriz subjacente aos progressos em telecomunicações, redes e outras tecnologias da informação. Você concorda ou discorda? Por quê? Por todos os

Leia mais

Software de gerenciamento de trabalho

Software de gerenciamento de trabalho Software de gerenciamento de trabalho Software de gerenciamento de trabalho GoalPost O software de gerenciamento de trabalho (LMS) GoalPost da Intelligrated fornece informações sob demanda para medir,

Leia mais

DCC133 Introdução à Sistemas de Informação. E-business global e colaboração

DCC133 Introdução à Sistemas de Informação. E-business global e colaboração Curso de Bacharelado em Sistemas de Informação DCC133 Introdução à Sistemas de Informação TÓPICO 2 E-business global e colaboração Prof. Tarcísio de Souza Lima OBJETIVOS DE ESTUDO Identificar e descrever

Leia mais

ERP. Planejamento de recursos empresariais

ERP. Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning -Sistema de Gestão Empresarial -Surgimento por volta dos anos 90 -Existência de uma base de dados

Leia mais

APTRA PASSPORT DA NCR. Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos

APTRA PASSPORT DA NCR. Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos APTRA PASSPORT DA NCR Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos Uma maneira melhor para os seus clientes depositarem cheques Bancos e instituições financeiras continuam a enfrentar os desafios

Leia mais

Sistema de gestão. Sistema de Gestão ERP

Sistema de gestão. Sistema de Gestão ERP Sistema de gestão ERP MÓDULOS E CLIENTES Os módulos podem ser adquiridos separadamente, conforme a sua necessidade. ÁREA COMERCIAL ÁREA ADMINISTRATIVA FINANCEIRA ÁREA PRODUÇÃO E SUPRIMENTOS ÁREA FISCAL

Leia mais

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1 2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Fundamentos da Vantagem Estratégica ou competitiva Os sistemas de informação devem ser vistos como algo mais do que um conjunto de tecnologias que apoiam

Leia mais

Fundamentos do Sistema de Informação nas Empresas. Objetivos do Capítulo

Fundamentos do Sistema de Informação nas Empresas. Objetivos do Capítulo Objetivos do Capítulo Explicar por que o conhecimento dos sistemas de informação é importante para os profissionais das empresas e identificar as cinco áreas dos sistemas de informação que esses profissionais

Leia mais

Sistema de Informação Gerencial (SIG)

Sistema de Informação Gerencial (SIG) Sistema de Informação Gerencial (SIG) Os Sistemas de Informação Gerencial (SIG) são sistemas ou processos que fornecem as informações necessárias para gerenciar com eficácia as organizações. Um SIG gera

Leia mais