Patrimonialismo, Burocracia e Administração por Objetivos

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Patrimonialismo, Burocracia e Administração por Objetivos"

Transcrição

1 Patrimonialismo, Burocracia e Administração por Objetivos Três modelos gerenciais básicos e suas respectivas fontes de legitimação nas organizações. Fundamentos da Administração

2 Origens históricas do Patrimonialismo e da Burocracia O Sociólogo e Historiador alemão Max Weber foi o pioneiro no estudo e descrição dos modelos de gestão Patrimonialista e Burocrático. Explicou suas origens a partir das mudanças no sistema de poder da sociedade ocidental, que ocorreram especialmente após a revolução industrial. Max Weber

3 Origens históricas do Patrimonialismo e da Burocracia Max Weber observou que estava havendo uma profunda transformação da sociedade de sua época. Essa transformação, que ele entendeu como processo de racionalização, perpassou todas as dimensões econômicas e culturais da antiga sociedade tradicional. Os impactos dessa transformação foram por ele percebidos diretamente no modo como a sociedade se organizava para atender suas necessidades, cada vez mais dependente de organizações especializadas. A nova forma de organização e direção do trabalho, Weber chamou de burocracia. A nova gestão burocrática, que tem como base de legitimação a dominação racional-legal, rompe com a velha gestão patrimonialista, que tem como base de legitimação a dominação tradicional.

4 Origens históricas dos modelos Patrimonialista e Burocrático Na dominação tradicional: O poder do líder era legitimado pela prática tradicional corriqueira (sempre se agiu assim) conhecida por todos; O poder do líder era herdado ou transmitido segundo os preceitos da tradição; O limite das ordens do líder era fixado pelos hábitos e costumes dos liderados (o que se espera do líder). Ex.: tribo, sociedade medieval, família. Na dominação racional-legal: O poder do líder é legitimado através da aceitação das normas (leis) oficialmente estabelecidas; As normas ou leis, que dão sustentação à dominação racional-legal, são definidas quanto a um propósito; O limite das ordens do líder é fixado pela norma ou lei formal. Ex.: exército, Estado (adm pública), empresa.

5 Modelo Patrimonialista Principais características do modelo patrimonialista: Pauta-se em normas, regras e hábitos tradicionais de trabalho; A divisão do trabalho não é racional sob o ponto de vista dos fins almejados; Orienta-se para a mera manutenção dos costumes e hábitos tradicionais; A comunicação não é formal (escrita); Há mistura entre patrimônio público e privado; Não há separação entre propriedade e administração; Ampara-se no personalismo; Baseia-se na confiança e estreiteza de vínculos afetivos diretos, inclusive familiares; Hierarquia difusa e controle direto; Tem a precisão e eficiência no alcance de metas predefinidas limitadas pela tradição. Está presente em organizações familiares, especialmente as ligadas a atividades rurais. Ética do respeito pela tradição.

6 Modelo Patrimonialista Principais limitações do modelo patrimonialista: Alta dependência do poder discricionário do líder; Divisão irracional de tarefas; Conflitos entre necessidades afetivas e necessidades funcionais de trabalho; Baixa previsibilidade no funcionamento da organização; Baixa governabilidade, especialmente em organizações que atingiam certo tamanho; Ineficiência para o atendimento de demandas em massa.

7 Modelo Burocrático De modo amplo podemos dizer que a burocracia é uma estrutura social na qual a direção das atividades coletivas fica a cargo de um aparelho impessoal hierarquicamente organizado, que deve agir segundo critérios impessoais e métodos racionais (Prestes Motta, 1981, p. 07). A burocracia é uma forma de organização humana que se baseia na racionalidade, isto é na adequação dos meios aos objetivos (fins) pretendidos, a fim de garantir a máxima eficiência possível no alcance desses objetivos (Chiavenato, 2000, p. 304). A burocracia pode ser também entendida como: uma forma moderna de gestão ou administração; um grupo ou classe social, os burocratas.

8 Modelo Burocrático Principais características do modelo burocrático: Pauta-se em normas e regulamentos detalhados, numerosos e extensivos de conduta profissional que têm validade legal dentro das organizações; Caráter formal das comunicações (registros escritos); Divisão racional, minuciosa e precisa do trabalho (em função dos objetivos organizacionais predeterminados); Separação entre propriedade e administração; Separação entre planejamento e execução do trabalho ( segredo de cúpula); Impessoalidade; Meritocracia; Profissionalismo; Hierarquização do controle; Precisão, eficiência e eficácia no alcance de metas predeterminadas. Está presente em grandes empresas e governos. Ética da obediência disciplinar das normas burocráticas.

9 Modelo Burocrático Objetivos Racionalidade Burocrática Previsibilidade Controle

10 Modelo Burocrático Principais limitações do modelo burocrático: Os meios, normas e regras, podem transformar-se em fins; A formalização pode levar a um excesso de papelório; A previsibilidade e constância das atividades pode transformar-se em resistência à mudanças; A impessoalidade excessiva desconsidera a importância dos vínculos informais (alta racionalização das relações humanas); A estandardização e compartimentalização das tarefas e atividades de cada membro desestimula e bloqueia o processo criativo.

11 Origens históricas da Administração por Objetivos Peter Drucker, considerado popularmente como o pai da administração moderna, difundiu o modelo de gestão conhecido como Administração por Objetivos (no livro The Practice of Management, 1954). Justificou sua necessidade frente a crescente competitividade, busca por agilidade, eficiência e produtividade demandadas pelas empresas ocidentais, especialmente após Peter Drucker

12 Origens históricas da Administração por Objetivos A APO surgiu em um contexto de crescente competitividade e busca por eficiência que caracterizou a gestão das empresas ocidentais, especialmente após a Segunda Guerra Mundial. Em função do seu aumento vertiginoso de tamanho, as grandes empresas de atuação global começaram a ficar reféns das disfunções da burocracia (rigidez, lentidão adaptativa e ineficiências). Por isso, uma forma de gestão mais livre da disciplina das regras e normas burocráticas extensivas e detalhadas passou a ser necessária. A flexibilidade, criatividade e foco nos resultados, não nos meios de trabalho, passam a ser necessários para a sobrevivência e prosperidade das empresas. A ideia de harmonização dos interesses de trabalhadores e administradores, chefes e subordinados, para o sucesso comum da organização, fornece a fonte ideológica de legitimação da APO.

13 Administração por Objetivos Principais características da APO: Pauta-se em metas ou objetivos fixados para cada um dos integrantes da organização; A divisão do trabalho depende dos objetivos estratégicos que a administração pretende atingir em um dado período; Orienta-se pela busca de integração dos interesses de trabalho dos funcionários e expectativas de desempenho da administração, propondo um ambiente gerencial participativo ; Visa proporcionar um diálogo direto entre chefes e subordinados para a negociação das metas de desempenho, acesso aos recursos de trabalho necessários e planos de capacitação profissional; Baseia-se na avaliação periódica de desempenho e feedback cíclicos; O estabelecimento de metas e prazos é formal, assim como é sua avaliação periódica, mas a comunicação ligada ao acompanhamento cotidiano do trabalho não é; Relativiza a importância das regras e normas burocráticas como forma de controle do trabalho nas organizações, buscando estimular a criatividade e a autonomia para definição e alcance das metas; Não elimina totalmente o controle burocrático, mas limita sua precisão e extensividade; Está presente em organizações pequenas ou grandes, especialmente aquelas que atuam em ambientes competitivos, turbulentos ou pouco previsíveis. Ética da flexibilidade e da produtividade.

14 Administração por Objetivos Extraído de: CHIAVENATO, 2000, p. 273.

15 Três modelos gerenciais básicos Modernização gerencial Patrimonialismo Burocracia Adm. por Objetivos Profissionalização Profissionalização

Evolução do Pensamento Administrativo

Evolução do Pensamento Administrativo Evolução do Pensamento Administrativo Rosely Gaeta Abordagem Estruturalista (Weber) E Neoclássica (APO Peter Drucker) Slides de Aula Fonte: Chiavenatto e diversos autores 22/11/2014 Abordagem Estruturalista

Leia mais

Teoria Básica da Administração. Teoria burocrática. Professor: Roberto César

Teoria Básica da Administração. Teoria burocrática. Professor: Roberto César Teoria Básica da Administração Teoria burocrática Professor: Roberto César BUROCRACIA No início do século XX, MAX WEBER, um sociólogo alemão, publicou uma bibliografia a respeito das grandes organizações

Leia mais

Burocracia segundo Weber. A Sociedade da Hierarquia Burocrática

Burocracia segundo Weber. A Sociedade da Hierarquia Burocrática Burocracia segundo Weber A Sociedade da Hierarquia Burocrática Problematização l O que há em comum entre a administração pública e a privada, que garante estabilidade política para a primeira e estabilidade

Leia mais

TGA PROFA. LUCIANA F. NOVO TEORIA DA BUROCRACIA. Características Disfunções Níveis

TGA PROFA. LUCIANA F. NOVO TEORIA DA BUROCRACIA. Características Disfunções Níveis TGA PROFA. LUCIANA F. NOVO TEORIA DA BUROCRACIA Características Disfunções Níveis RACIONALIDADE DA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL BUSCA NOVA TEORIA MAIS ADEQUADA À COMPLEXIDADE MAX WEBER: PREOCUPAÇÃO CENTRAL RACIONALIDADE

Leia mais

Aula 6 Abordagem Estruturalista da Administração EPA

Aula 6 Abordagem Estruturalista da Administração EPA Aula 6 Abordagem Estruturalista da Administração EPA Os desdobramentos da Abordagem Estruturalista Teoria da Burocracia Ênfase na Estrutura Abordagem Estruturalista Teoria Estruturalista Ênfase na Estrutura,

Leia mais

EIXO 3 ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA. D 3.1 Debate Contemporâneo da Gestão Pública (16h)

EIXO 3 ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA. D 3.1 Debate Contemporâneo da Gestão Pública (16h) EIXO 3 ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA D 3.1 Debate Contemporâneo da Gestão Pública (16h) Professor : Fernando Luiz Abrucio Aula 1 03, 04 e 06 de outubro de 2011 AS BASES DA BUROCRACIA PÚBLICA CONTEMPORÂNEA 1) Origens:

Leia mais

TEORIA da BUROCRACIA WEBER ( )

TEORIA da BUROCRACIA WEBER ( ) TEORIA da BUROCRACIA WEBER (1864 1920) LIVROS - A ÉTICA PROTESTANTE E O ESPÍRITO DO CAPITALISMO, Theory of social and Economic Organization e Três aspectos da autoridade legítima somente a partir de 1940

Leia mais

Abordagem Estruturalista

Abordagem Estruturalista Abordagem Estruturalista A Abordagem Estruturalista se divide em: Teoria da Burocracia com ênfase na estrutura e Teoria Estruturalista com ênfase na Estrutura, nas Pessoas e no Ambiente. Teoria da Burocracia

Leia mais

TEORIA BUROCRACIA. Profa. Dra. Rosângela F. Caldas

TEORIA BUROCRACIA. Profa. Dra. Rosângela F. Caldas TEORIA BUROCRACIA CONCEITO Trabalho baseado em papéis e documentos, movimentados em seqüência contínua entre as várias unidades componentes da estrutura organizacional DESENVOLVIMENTO Europa - Sec. XX

Leia mais

Organização Formal. Organização Formal x Organização Informal. Tipos de Organização. Divisão Racional do Trabalho

Organização Formal. Organização Formal x Organização Informal. Tipos de Organização. Divisão Racional do Trabalho Divisão Racional do Trabalho Organização Formal x Organização Informal Organização Formal - Heterogênea -Rígida - Hierarquizada -Estática - Limitada Princípios Básicos das Organizações - Divisão do Trabalho

Leia mais

AP05 A ESCOLA DE RELAÇÕES HUMANAS

AP05 A ESCOLA DE RELAÇÕES HUMANAS 1 2 Conhecer a Escola de Relações Humanas iniciada com as ideias de ELTON MAYO e a Teoria da Burocracia, de MAX WEBER. 3 SUMÁRIO 1. A ESCOLA DE RELAÇÕES HUMANAS 2. A TEORIA DA BUROCRACIA 4 RECAPTULANDO...

Leia mais

ABORDAGEM ESTRUTURALISTA DA ADMINISTRAÇÃO

ABORDAGEM ESTRUTURALISTA DA ADMINISTRAÇÃO 1. Conceito: Teoria iniciada em meados de 1950, que trata a organização formada pelo todo (organização formal e informal) e inserida em um ambiente maior. 2. Estrutura: Conjunto formal constituído por

Leia mais

SIDNEI BAPTISTA DA SILVA BUROCRACIA NO TRABALHO

SIDNEI BAPTISTA DA SILVA BUROCRACIA NO TRABALHO SIDNEI BAPTISTA DA SILVA BUROCRACIA NO TRABALHO Faculdade da Aldeia de Carapicuíba Carapicuíba 2010 SIDNEI BAPTISTA DA SILVA BUROCRACIA NO TRABALHO Trabalho apresentado a Faculdade da Aldeia de Carapicuíba

Leia mais

Abordagens Organizacionais

Abordagens Organizacionais NOTA DE AULA CLASS NOTE Abordagens Organizacionais Roberto de Medeiros Junior roberto.medeiros.junior@hotmail.com Prof. Maria Terezinha Angeloni, Dr. terezinha.angeloni@unisul.br Abordagens Organizacionais

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO 22/02/ HISTÓRICO NOVOS MODELOS GERENCIAIS ADMINISTRAÇÃO JAPONESA

ADMINISTRAÇÃO 22/02/ HISTÓRICO NOVOS MODELOS GERENCIAIS ADMINISTRAÇÃO JAPONESA ADMINISTRAÇÃO 1.HISTÓRICO A Administração Participativa é uma das idéias mais antigas da administração. Ela nasceu na Grécia com a invenção da democracia. Continua a ser uma idéia moderna, que integra

Leia mais

UNIP Universidade Paulista

UNIP Universidade Paulista Teoria Burocracia Escola Clássica da Administração Escola Clássica da Administração Teoria administrativa Fayol (1841 1925) Administração científica Taylor (1856 1915) A teoria da burocracia Max Weber

Leia mais

EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO

EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO MÓDULO 6 - Abordagem Neoclássica da Administração De acordo com CHIAVENATO (2003), esta abordagem surgiu em 1954, nos Estados Unidos da América do Norte, enfocou as

Leia mais

Quem criou o termo e desenvolveu a sociologia como ciência autônoma foi Auguste Comte. Sua obra inicia-se no início do século XIX e é central a noção

Quem criou o termo e desenvolveu a sociologia como ciência autônoma foi Auguste Comte. Sua obra inicia-se no início do século XIX e é central a noção Quem criou o termo e desenvolveu a sociologia como ciência autônoma foi Auguste Comte. Sua obra inicia-se no início do século XIX e é central a noção de evolução social na compreensão deste sociólogo sobre

Leia mais

Sistemas de Informação

Sistemas de Informação Sistemas de Informação O uso consciente da tecnologia para o gerenciamento Prof. Msc. Christien Lana Rachid Organização 1. Vínculo Administração-Tecnologia 2. Introdução a sistemas 3. Empresas e Sistemas

Leia mais

Administração Interdisciplinar

Administração Interdisciplinar Administração Interdisciplinar LIVRO Administração, teoria e prática no contexto brasileiro: Filipe Sobral e Alketa Peci (capítulos 1 e 2) Original: Profª Me. Elizete F. Montalvão Adaptado por Prof. Me.

Leia mais

Teorias das Organizações. Prof. Doutora Maria José Sousa

Teorias das Organizações. Prof. Doutora Maria José Sousa Teorias das Organizações 1 Prof. Doutora Maria José Sousa 2 Abordagem Clássica Administração Científica Referência: Frederick Taylor (1903) Elemento Nuclear: A tarefa Termos mais utilizados Organização

Leia mais

Organização da Aula. Contextualização. Principais Conceitos e Modelos de Gestão. Instrumentalização. Fundamentos da Administração.

Organização da Aula. Contextualização. Principais Conceitos e Modelos de Gestão. Instrumentalização. Fundamentos da Administração. Fundamentos da Administração Organização da Aula Aula 2 Modelos de Gestão Prof. Me. Daniel Francisco Rossi Contextualização Das funções concentradas em comando e controle, a partir dos modelos burocráticos

Leia mais

BASES CONCEITUAIS - SISTEMA DE NEGOCIAÇÃO PERMANENTE da Administração Pública Federal - SINP/FEDERAL

BASES CONCEITUAIS - SISTEMA DE NEGOCIAÇÃO PERMANENTE da Administração Pública Federal - SINP/FEDERAL BASES CONCEITUAIS - SISTEMA DE NEGOCIAÇÃO PERMANENTE da Administração Pública Federal - SINP/FEDERAL 1- As bases conceituais do Sistema de Negociação Permanente da Administração Pública Federal - SINP/FEDERAL

Leia mais

Noções de Administração: Geral e Pública Agente da Polícia Federal

Noções de Administração: Geral e Pública Agente da Polícia Federal Noções de Administração: Geral e Pública Agente da Polícia Federal Conteúdo do edital 1 Noções de administração. 1.1 Abordagens clássica, burocrática e sistêmica da administração. 1.2 Evolução da administração

Leia mais

Economia Monetária: a moeda racionaliza as transações econômicas Superioridade Técnica: a Burocracia é superior a qualquer outro tipo de organização

Economia Monetária: a moeda racionaliza as transações econômicas Superioridade Técnica: a Burocracia é superior a qualquer outro tipo de organização TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO II Modelo Burocrático de Organização Max Weber (1864 1920), sociólogo alemão, foi o criador da Sociologia da Burocracia. Foi professor das Universidades de Friburgo e de Heidelberg

Leia mais

Gestão Pública Orientada para Resultados

Gestão Pública Orientada para Resultados Gestão Pública Orientada para Brasília, 24 de novembro de 2009. Paulo Daniel Barreto Lima Consultor em desenvolvimento gerencial p Estado: Estado: Estado: o o o campo campo campo da da da gestão gestão

Leia mais

PRINCÍPIOS DE ADMINISTRAÇÃO ACH1113. Profa. Sylmara Gonçalves Dias. Profa. Sylmara Gonçalves Dias. ACH113 Princípios de Administração

PRINCÍPIOS DE ADMINISTRAÇÃO ACH1113. Profa. Sylmara Gonçalves Dias. Profa. Sylmara Gonçalves Dias. ACH113 Princípios de Administração PRINCÍPIOS DE ADMINISTRAÇÃO ACH1113 Profa. Sylmara Gonçalves Dias Agenda de aula (1)A evolução da Administração O processo administrativo e as funções gerenciais segundo Fayol O processo administrativo

Leia mais

TESTE DE FUNDAMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

TESTE DE FUNDAMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA TESTE DE FUNDAMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA 1. Em relação ao modelo burocrático de administração pública no Brasil, é incorreto afirmar: A) a administração pública burocrática foi adotada para substituir

Leia mais

A SOCIOLOGIA COMPREENSIVA DE MAX WEBER. Professora: Susana Rolim

A SOCIOLOGIA COMPREENSIVA DE MAX WEBER. Professora: Susana Rolim A SOCIOLOGIA COMPREENSIVA DE MAX WEBER Professora: Susana Rolim MAX WEBER Sociólogo alemão, nascido em 21 de abril de 1864. Seu primeiro trabalho foi A Ética Protestante e o Espírito do Capitalismo (1905).

Leia mais

II Encontro Paulista de Escolas de Governos Municipais. Palestra. Gestão Pública Contemporânea e o caso Brasileiro. Prof. Dr. Fernando S.

II Encontro Paulista de Escolas de Governos Municipais. Palestra. Gestão Pública Contemporânea e o caso Brasileiro. Prof. Dr. Fernando S. II Encontro Paulista de Escolas de Governos Municipais Palestra Gestão Pública Contemporânea e o caso Brasileiro Prof. Dr. Fernando S. COELHO Jundiaí, 27 de novembro de 2014 1 O que abordarei nesta exposição?

Leia mais

CAPÍTULO 5. Max Weber e o estudo da Burocracia

CAPÍTULO 5. Max Weber e o estudo da Burocracia CAPÍTULO 5 Max Weber e o estudo da Burocracia Objetivos Pessoas Informação Conhecimento Espaço Tempo Dinheiro Instalações Organização MAXIMIANO /TGA Fig. 5.1 Uma organização é um sistema de recursos que

Leia mais

Profa.: Ms. Leila Souza

Profa.: Ms. Leila Souza Profa.: Ms. Leila Souza 1 Origem da APO - 1954 Livro de Peter Druker APO. - Empresas americanas passavam por momentos difíceis : queda nas margens de lucros, intervenções do governo, redução de despesas,

Leia mais

A Liderança das Mulheres no Terceiro Milênio

A Liderança das Mulheres no Terceiro Milênio A Liderança das Mulheres no Terceiro Milênio ANITA PIRES EMAIL: anitap@matrix.com.br FONE/FAX: (48) 223 5152 Características Históricas Ontem: Relações autoritárias; Trabalho escravo; Patrimônio: tangível

Leia mais

Perspectivas da Gestão Estratégica de Pessoas para as Organizações Públicas

Perspectivas da Gestão Estratégica de Pessoas para as Organizações Públicas Perspectivas da Gestão Estratégica de Pessoas para as Organizações Públicas Aleksandra Pereira dos Santos Doutora em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações UnB Coordenadora-Geral de RH Previc

Leia mais

INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS

INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS Prof. Ms. Marco A. Arbex marco.arbex@fatecourinhos.edu.br Introdução ARH (Administração de Recursos Humanos) é a função na organização que está relacionada

Leia mais

Panorama histórico da administração, parte I Taylor, ford, fayol, weber

Panorama histórico da administração, parte I Taylor, ford, fayol, weber Panorama histórico da administração, parte I Taylor, ford, fayol, weber Panorama histórico da ADM I Nascido na Filadélfia (EUA); Engenheiro Mecânico; Carreira na Midvale Steel Co. (de capataz a engenheiro)

Leia mais

Núcleo de Materiais Didáticos 1

Núcleo de Materiais Didáticos 1 Gestão de Talentos e Mapeamento por Competências Aula 1 Prof a Cláudia Patrícia Garcia claudiagarcia@grupouninter.com.br MBA em Gestão de Recursos Humanos Mini Currículo Administradora Marketing EAD Metodologia

Leia mais

ESCOLA CLÁSSICA DA ADMINISTRAÇÃO

ESCOLA CLÁSSICA DA ADMINISTRAÇÃO ESCOLA CLÁSSICA DA ADMINISTRAÇÃO Em linhas gerais, administrar significa planejar, organizar, dirigir e controlar, que consiste na definição da escola do processo administrativo essa escola define não

Leia mais

GESTÃO SUSTENTÁVEL IMPACTOS DA LEGISLAÇÃO TRABALHISTA NA SUSTENTABILIDADE DO NEGÓCIO GEP BRASIL 2015 RIBEIRÃO PRETO JUNHO 2015

GESTÃO SUSTENTÁVEL IMPACTOS DA LEGISLAÇÃO TRABALHISTA NA SUSTENTABILIDADE DO NEGÓCIO GEP BRASIL 2015 RIBEIRÃO PRETO JUNHO 2015 GESTÃO SUSTENTÁVEL IMPACTOS DA LEGISLAÇÃO TRABALHISTA NA SUSTENTABILIDADE DO NEGÓCIO GEP BRASIL 2015 RIBEIRÃO PRETO JUNHO 2015 SUMÁRIO PROBLEMAS LEGISLAÇÃO AMBIENTE SOLUÇÕES PROBLEMAS CULTURA HISTÓRIA

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 3.

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 3. Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Dinâmica nas Organizações Prof.: Fernando Hadad Zaidan Unidade 3.3 3 A DINÂMICA DAS ORGANIZAÇÕES E AS ORGANIZAÇÕES DO CONHECIMENTO

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS

ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS Graduação 1 UNIDADE 4 TEORIA DA BUROCRACIA Nesta unidade, estudaremos a Teoria da Burocracia, que foi a primeira teoria a receber a influência da Sociologia. Para melhor conduzir

Leia mais

Gestão de Produção Aula1: Conceitos e Fundamentos da Administração da Produção. Prof. Valdir Tavares de Lucena

Gestão de Produção Aula1: Conceitos e Fundamentos da Administração da Produção. Prof. Valdir Tavares de Lucena Gestão de Produção Aula1: Conceitos e Fundamentos da Administração da Produção Prof. Valdir Tavares de Lucena »Vamos começar relembrando algumas teorias administrativas... 2 EVOLUÇÃO HISTÓRICA Pré-história

Leia mais

Modelos Contemporâneos de Organização

Modelos Contemporâneos de Organização Modelos Contemporâneos de Organização Metáforas segundo Mintzberg e Handy 1 Prof.a Ms. Lilian A Pasquini Miguel Prof. Ms. José A. Ulhôa C. Ferreira Prof. Ms. Rogério S. Monteiro 1º Semestre de 2008 Reflexões

Leia mais

Administração Interdisciplinar

Administração Interdisciplinar Administração Interdisciplinar 21/9/2015 Rosely Gaeta Revisão Fundamentos da Administração Introdução àadministração e às organizações Fonte: Felipe Sobral Alketa Peci - Teoria e Prática no Contexto Brasileiro

Leia mais

Prova de Seleção. Curso de Especialização em Gestão Pública Municipal

Prova de Seleção. Curso de Especialização em Gestão Pública Municipal Universidade Federal de Santa catarina Centro Sócio-Econômico Departamento de Ciências da Administração Prova de Seleção Curso de Especialização em Gestão Pública Municipal 29/01/2012 1. De acordo com

Leia mais

Administração Pública. Prof. Joaquim Mario de Paula Pinto Junior

Administração Pública. Prof. Joaquim Mario de Paula Pinto Junior Administração Pública Prof. Joaquim Mario de Paula Pinto Junior 1 O Estado É uma comunidade de homens fixada sobre um território com poder de mando, ação e coerção (ato de pressionar, induzir) constituída

Leia mais

GESTÃO EM SAÚDE. Teorias da Administração. Renata Loretti Ribeiro - Enfermeira

GESTÃO EM SAÚDE. Teorias da Administração. Renata Loretti Ribeiro - Enfermeira 1 GESTÃO EM SAÚDE Teorias da Administração - 2 DEFINIÇÕES GESTÃO - engloba pessoas, processos e planejamento. ADMINISTRAÇÃO - finanças, contabilidade e mercado. 3 DEFINIÇÕES O conceito de administração

Leia mais

MODELOS DE ESTADO, MODELOS DE ADMINISTRAÇÃO E REFORMA DA GESTÃO PÚBLICA NO BRASIL

MODELOS DE ESTADO, MODELOS DE ADMINISTRAÇÃO E REFORMA DA GESTÃO PÚBLICA NO BRASIL MODELOS DE ESTADO, MODELOS DE ADMINISTRAÇÃO E REFORMA DA GESTÃO PÚBLICA NO BRASIL ESTÁCIO-CERS PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO ADMINISTRATIVO Prof. Jorge Munhós jorgemunhos@yahoo.com Facebook: jorgemunhos LIVROS

Leia mais

Administração. Módulo 2 Assistente Administrativo. Prof. Edgard Lourenço Jr. Colégio Técnico PoliBrasil

Administração. Módulo 2 Assistente Administrativo. Prof. Edgard Lourenço Jr. Colégio Técnico PoliBrasil Administração Módulo 2 Assistente Administrativo Unidade I Introdução e Influência Histórica ADMINISTRAÇÃO: CONCEITO E IMPORTÂNCIA Conceito O que significa administrar? A Administração (Ciência da Administração)

Leia mais

A gaiola de ferro revisitada: isomorfismo institucional e racionalidade coletiva nos campos organizacionais Paul J. DiMaggio; Walter W.

A gaiola de ferro revisitada: isomorfismo institucional e racionalidade coletiva nos campos organizacionais Paul J. DiMaggio; Walter W. A gaiola de ferro revisitada: isomorfismo institucional e racionalidade coletiva nos campos organizacionais Paul J. DiMaggio; Walter W. Powell Apresentação por Gislaine Aparecida Gomes da Silva Mestranda

Leia mais

Gestão de Negócios OBJETIVO NESTA AULA. A Pirâmide das Finanças Pessoais - AULA 01

Gestão de Negócios OBJETIVO NESTA AULA. A Pirâmide das Finanças Pessoais - AULA 01 A Pirâmide das Finanças Pessoais - OBJETIVO Formar profissionais com atuação eficaz nas empresas, apresentando uma visão holística das diversas atividades e processos que interagem nos ambientes interno

Leia mais

PALESTRA COMO DESVENDAR E RETER TALENTOS. educare

PALESTRA COMO DESVENDAR E RETER TALENTOS. educare PALESTRA COMO DESVENDAR E RETER TALENTOS Maria de Lourdes Nogueira Psicóloga, Mestre Administração de Empresas e Pós-Graduada em ADM.RH e Psicologia Organizacional. É professora do curso de Pós - Graduação

Leia mais

4. Teorias da Administração

4. Teorias da Administração 4. Teorias da Administração Teorias da Administração Teorias Mecanicista- Burocrática/Clássica Teorias Gerenciais/Neoclássica TQM- Modelo japonês - Contingenciamento Teorias da Administração ANO TEORIA

Leia mais

Unidade I. Avaliação de Desempenho. Profª. Ana Paula de Andrade Trubbianelli

Unidade I. Avaliação de Desempenho. Profª. Ana Paula de Andrade Trubbianelli Unidade I Avaliação de Desempenho Profª. Ana Paula de Andrade Trubbianelli Avaliação / desempenho Avaliação: apreciação, análise Desempenho: possibilidade de atuação Conceituação de avaliação de desempenho

Leia mais

Introdução à Administração. Prof. Marcos Vinicius Pó

Introdução à Administração. Prof. Marcos Vinicius Pó Introdução à Administração Prof. Marcos Vinicius Pó marcos.po@ufabc.edu.br 1. Introdução e antecedentes históricos da administração 2. Abordagem clássica da administração 3. Administração e o ambiente

Leia mais

Direção da Ação Empresarial

Direção da Ação Empresarial Direção da Ação Empresarial Ação Empresarial Direção Estilos de Direção Teoria X Homem é preguiçoso, indolente Falta-lhe ambição Egocêntrico Resiste às mudanças Dependência: precisa ser dirigido Ação Empresarial

Leia mais

POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 02. Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua

POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 02. Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 02 Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua O processo de elaboração de políticas públicas no Estado capitalista moderno BUROCRATAS E DISCRICIONARIEDADE NO PROCESSO DE ELABORAÇÃO DE POLÍTICAS

Leia mais

BUROCRACIA INTRODUÇÃO

BUROCRACIA INTRODUÇÃO BUROCRACIA INTRODUÇÃO Uma das primeiras aplicações do termo Burocracia data do século XVIII, onde o termo era carregado de forte conotação negativa, designando aspectos de poder dos funcionários de uma

Leia mais

Delegação, centralização e descentralização

Delegação, centralização e descentralização Delegação, centralização e descentralização Amplitude de controle PROF. DACIANE DE O. SILVA DISCIPLINA- OSM Referência: REBOUÇAS, Djalma de Oliveira DELEGAÇÃO Definição : A Delegação pode ser definida

Leia mais

Outline da carta de Madri de 1998

Outline da carta de Madri de 1998 CLAD - Conselho Latino-Americano de Administração para o Desenvolvimento Outline da carta de Madri de 1998 Este outline foi preparado por Luiz Carlos Bresser- Pereira em 23.2.98 para servir de base para

Leia mais

Administração Publica Burocrática

Administração Publica Burocrática Administração Publica Burocrática Modelo inspirado por Max Weber. Modelo mais racional cuja concentração das decisões não podia depender do arbítrio de um só individuo. Conceito Burocracia é administração

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Mintzberg Define planejamento estratégico como sendo processo gerencial que possibilita ao executivo estabelecer o rumo a ser seguido pela empresa, com vistas a obter um nível

Leia mais

PLANEJAMENTO DE CARREIRA BIBLIOGRAFIA: CHIAVENATO; DUTRA FONTE: VALENTINI E CESAR

PLANEJAMENTO DE CARREIRA BIBLIOGRAFIA: CHIAVENATO; DUTRA FONTE: VALENTINI E CESAR PLANEJAMENTO DE CARREIRA BIBLIOGRAFIA: CHIAVENATO; DUTRA FONTE: VALENTINI E CESAR PLANEJAMENTO DE CARREIRA Para tornarmos o trabalho uma atividade alegre e criativa não basta apenas alterarmos as formas

Leia mais

Teoria da Contingência. Prof. Me. Wesley Vieira Borges

Teoria da Contingência. Prof. Me. Wesley Vieira Borges Teoria da Contingência Prof. Me. Wesley Vieira Borges Teoria da Contingência Não há nada de absoluto nas organizações ou na teoria administrativa. Tudo é relativo. Tudo depende. Há uma relação funcional

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO GERAL CONCEITOS BÁSICOS

ADMINISTRAÇÃO GERAL CONCEITOS BÁSICOS ADMINISTRAÇÃO GERAL CONCEITOS BÁSICOS Atualizado em 27/10/2015 CONCEITOS BÁSICOS Administração, em seu conceito tradicional, é definida como um conjunto de atividades, princípios, regras, normas que têm

Leia mais

Gestão em Saúde LIDERANÇA

Gestão em Saúde LIDERANÇA Gestão em Saúde LIDERANÇA Profa. Ms. Raquel J. Oliveira Lima A administração tinha como objetivos principais: alcançar a eficiência e eficácia, Hoje alcançar a excelência por meio da eficiência e eficácia

Leia mais

ADM Administração para Engenharia. Prof. Henrique

ADM Administração para Engenharia. Prof. Henrique ADM29008 Administração para Engenharia Prof. Henrique Roteiro Introdução Abordagem Clássica (Teorias Clássica e Científica) Teoria Comportamental (Relações Humanas) Hierarquia de Necessidades (Maslow)

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO FARMACÊUTICA

ADMINISTRAÇÃO FARMACÊUTICA ADMINISTRAÇÃO FARMACÊUTICA Fazer acontecer Acadêmicos: Everson Fialho e Rafael Reis. Disciplina: Administração Farmacêutica Professora Patrícia Dutra Sauzem Conceitos: Administração Ad: direção, tendência

Leia mais

FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO

FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO Cursos: Ciências Contábeis Disciplina: Fundamentos da Administração Carga Horária: (horas/semestre) 50 aulas Semestre Letivo / Turno: 1 o Semestre - Noturno Professores:, Período: (semestre/ano) Ementa

Leia mais

O poder e a política SOCIOLOGIA EM MOVIMENTO

O poder e a política SOCIOLOGIA EM MOVIMENTO Capítulo 6 Poder, política e Estado 1 O poder e a política Poder se refere à capacidade de agir ou de determinar o comportamento dos outros. As relações de poder perpassam todas as relações sociais. As

Leia mais

TEORIA GERAL DOS SISTEMAS Teoria Geral da Administração - TGA. Professores: Jailson Castro Freitas Sâmya Aguiar Lôbo

TEORIA GERAL DOS SISTEMAS Teoria Geral da Administração - TGA. Professores: Jailson Castro Freitas Sâmya Aguiar Lôbo TEORIA GERAL DOS SISTEMAS Teoria Geral da Administração - TGA Professores: Jailson Castro Freitas Sâmya Aguiar Lôbo Na ENFERMAGEM, o enfermeiro incorpora, em sua formação profissional, o saber de várias

Leia mais

Unidade 3: A Teoria da Ação Social de Max Weber. Professor Igor Assaf Mendes Sociologia Geral - Psicologia

Unidade 3: A Teoria da Ação Social de Max Weber. Professor Igor Assaf Mendes Sociologia Geral - Psicologia Unidade 3: A Teoria da Ação Social de Max Weber Professor Igor Assaf Mendes Sociologia Geral - Psicologia A Teoria de Ação Social de Max Weber 1 Ação Social 2 Forma de dominação Legítimas 3 Ética Protestante

Leia mais

Evolução histórica da. Administração e. Administração. Empreendedorismo. . Administração e Empreendedorismo. Professor Dr. Alexandre Silva de Oliveira

Evolução histórica da. Administração e. Administração. Empreendedorismo. . Administração e Empreendedorismo. Professor Dr. Alexandre Silva de Oliveira . Administração e Empreendedorismo Evolução histórica da Administração Professor Dr. Alexandre Silva de Oliveira 1 Temas abordados Aula 1 e 2: Conceito de administração Eficiência e eficácia As funções

Leia mais

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA NA GESTÃO DA CADEIA LOGÍSTICA

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA NA GESTÃO DA CADEIA LOGÍSTICA RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA NA GESTÃO DA CADEIA LOGÍSTICA Coordenadoria de Economia Mineral Diretoria de Geologia, Mineração e Transformação Mineral Premissas do Desenvolvimento Sustentável Economicamente

Leia mais

Desafio: Administração Geral - Parte I

Desafio: Administração Geral - Parte I Desafio: Administração Geral - Parte I 1. Em uma organização, os líderes podem possuir diferentes perfis ou estilos. Qual o estilo em que a liderança ocorre quando o colaborador necessita aprender a tarefa

Leia mais

WELTOM CARVALHO NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA. 1ª Edição MAI 2013

WELTOM CARVALHO NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA. 1ª Edição MAI 2013 WELTOM CARVALHO NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA 110 QUESTÕES DE PROVAS DE CONCURSOS GABARITADAS Seleção das Questões: Prof. Weltom Alves de Carvalho Organização e Diagramação: Mariane dos Reis 1ª Edição

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA GESTÃO DA QUALIDADE: Benefícios e Aplicações Práticas

OS PRINCÍPIOS DA GESTÃO DA QUALIDADE: Benefícios e Aplicações Práticas OS PRINCÍPIOS DA GESTÃO DA QUALIDADE: Benefícios e Aplicações Práticas Rev. 00 de Março/2013 1/208 1/ 42 Rodrigo Sousa Atuação: Instrutor de treinamentos Consultor e Auditor em Sistemas de Gestão da Qualidade

Leia mais

GESPÚBLICA - FMVZ/USP

GESPÚBLICA - FMVZ/USP Universidade de São Paulo Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia GESPÚBLICA - FMVZ/USP Desburocratização & Excelência 2008 O que é GESPÚBLICA? É o programa do Ministério do Planejamento, Orçamento

Leia mais

PLANO DE CURSO. Bases históricas. Abordagens clássica, neoclássica, humanista, estruturalista, sistêmica e contingencial das

PLANO DE CURSO. Bases históricas. Abordagens clássica, neoclássica, humanista, estruturalista, sistêmica e contingencial das PLANO DE CURSO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Curso: Bacharelado em Administração Disciplina: Teoria da Administração I Professor: Salomão David Vergne Cardoso e-mail: vergne07@gmail.com Código: MAR00 Carga

Leia mais

Métodos contemporâneos para avaliação de desempenho

Métodos contemporâneos para avaliação de desempenho Métodos contemporâneos para avaliação de desempenho Gestão do desempenho Prof. Marco A. Arbex Gestão x avaliação O termo gestão do desempenho surge nos últimos anos como conceito alternativo para as técnicas

Leia mais

Teoria em Recursos Humanos

Teoria em Recursos Humanos Aula 2 Teoria em Recursos Humanos Prof. Lucia B. Oliveira Agenda 1 2 3 Evolução teórica em RH Desenvolvimento de teoria em RH Abordagens teóricas à gestão de RH 1 Algumas definições Administração de Recursos

Leia mais

Faculdade Zumbi dos Palmares RESUMO SOCIOLOGIA DA EDUCAÇÃO EDUCAÇÃO E BUROCRACIA O MITO DA EDUCAÇÃO LIBERTADORA

Faculdade Zumbi dos Palmares RESUMO SOCIOLOGIA DA EDUCAÇÃO EDUCAÇÃO E BUROCRACIA O MITO DA EDUCAÇÃO LIBERTADORA INSTITUTO AFRO BRASILEIRO DE ENSINO SUPERIOR Faculdade Zumbi dos Palmares Faculdade de Pedagogia RESUMO SOCIOLOGIA DA EDUCAÇÃO EDUCAÇÃO E BUROCRACIA O MITO DA EDUCAÇÃO LIBERTADORA JOYCE MOURÃO RODRIGUES

Leia mais

Caderno de Prova Área Administração

Caderno de Prova Área Administração CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 6) Em relação a gestão de recursos materiais, assinale a alternativa 8) Entre os itens a seguir, acerca de administração de recursos materiais assinale a alternativa correta.

Leia mais

Cultura Organizacional

Cultura Organizacional Cultura Organizacional Pacto Global das Nações Unidas (UNGC) desempenha um relevante papel para estabelecer parâmetros centrais para o desenvolvimento de ações relacionadas à gestão da sustentabilidade,

Leia mais

CURSO: BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Professor ADERSON Castro, Me. MATERIAL DIDÁTICO 1º.sem/2013.

CURSO: BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Professor ADERSON Castro, Me. MATERIAL DIDÁTICO 1º.sem/2013. BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Disciplina: QUALIDADE EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CURSO: BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Professor ADERSON Castro, Me. MATERIAL DIDÁTICO 1º.sem/2013. Fonte:

Leia mais

O mundo do trabalho ontem e hoje

O mundo do trabalho ontem e hoje O mundo do trabalho ontem e hoje 1 O Mundo do Trabalho Ontem Décadas de 1940-70 Hoje A partir de meados da década de 80 1 Relações empresa-empregado Ontem Antigo contrato de trabalho Hoje Novo contrato

Leia mais

Unidade I PROCESSOS ORGANIZACIONAIS. Prof. Léo Noronha

Unidade I PROCESSOS ORGANIZACIONAIS. Prof. Léo Noronha Unidade I PROCESSOS ORGANIZACIONAIS Prof. Léo Noronha Introdução aos processos organizacionais Qualquer tamanho de empresa, até as informais ou do terceiro setor. Visão moderna de gestão organizacional,

Leia mais

Teoria Geral da Administração

Teoria Geral da Administração Teoria Geral da Administração Tópicos de discussão Conceitos Administração, gestão, gerência Eficiência, eficácia Organizações Teorias da Administração Escolas e teorias administrativas Trabalho e sociedade

Leia mais

Fundamentos da Administração 1) Conceito de Administração de Empresas

Fundamentos da Administração 1) Conceito de Administração de Empresas Fundamentos da Administração 1) Conceito de Administração de Empresas Administração é uma das áreas do conhecimento mais impregnadas de complexidades e de desafios; Administrador eclético ou polivalente?

Leia mais

TÍTULO: OS PROCESSOS ORGANIZACIONAIS: O MODELO BUROCRÁTICO DENTRO DAS EMPRESAS COMERCIAIS

TÍTULO: OS PROCESSOS ORGANIZACIONAIS: O MODELO BUROCRÁTICO DENTRO DAS EMPRESAS COMERCIAIS Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: OS PROCESSOS ORGANIZACIONAIS: O MODELO BUROCRÁTICO DENTRO DAS EMPRESAS COMERCIAIS CATEGORIA:

Leia mais

Economia Monetária: a moeda racionaliza as transações econômicas Superioridade Técnica: a Burocracia é superior a qualquer outro tipo de organização

Economia Monetária: a moeda racionaliza as transações econômicas Superioridade Técnica: a Burocracia é superior a qualquer outro tipo de organização TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO II Modelo Burocrático de Organização Max Weber (1864 1920), sociólogo alemão, foi o criador da Sociologia da Burocracia. Foi professor das Universidades de Friburgo e de Heidelberg

Leia mais

Unidade: Introdução à Sociologia

Unidade: Introdução à Sociologia Unidade: Introdução à Sociologia Construção do conhecimento em sociologia Senso comum: conjunto de opiniões, recomendações, conselhos, práticas e normas fundamentadas na tradição, nos costumes e vivências

Leia mais

A HISTÓRIA DO PENSAMENTO JURÍDICO. Aula n.º 02

A HISTÓRIA DO PENSAMENTO JURÍDICO. Aula n.º 02 A HISTÓRIA DO PENSAMENTO JURÍDICO Aula n.º 02 A HISTÓRIA DO PENSAMENTO JURÍDICO Correntes de pensamento que tem o objetivo de explicar a origem do direito; Cada uma afirma que o direito provém de uma fonte

Leia mais

EIXO 3 ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA. D3.7 Gestão Estratégica nas Organizações Públicas (32h) 24, 28, 29 e 30 de novembro de 2011

EIXO 3 ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA. D3.7 Gestão Estratégica nas Organizações Públicas (32h) 24, 28, 29 e 30 de novembro de 2011 EIXO 3 ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA D3.7 Gestão Estratégica nas Organizações Públicas (32h) Professores: Gabriela Lotta e José Carlos Vaz 24, 28, 29 e 30 de novembro de 2011 Objetivos Desenvolver uma visão estratégica

Leia mais

Evolução da Teoria das Organizações

Evolução da Teoria das Organizações Organização, Sistemas e Métodos Evolução da Teoria das Organizações Por José Luís Carneiro - www.jlcarneiro.com - Grandes feitos da Humanidade As pirâmides do Egito A Grande Muralha da China A Acrópole

Leia mais

Aspectos Administrativos Comuns às Organizações (segundo Drucker)

Aspectos Administrativos Comuns às Organizações (segundo Drucker) Apostila : Teoria Neoclássica da Administração Apesar da influência das ciências do comportamento sobre a teoria administrativa os pontos de vista dos autores clássicos nunca deixaram de ser considerados.

Leia mais

Gerência de Projetos de TI

Gerência de Projetos de TI Gerência de de TI Experiência da COPEL SIMPROS 2001 Paulo Henrique Rathunde phr@copel.com Agenda Introdução Gerência de Definição dos Processos Implantação Reflexões 2/33 São Paulo, Brasil 17-20/09/2001

Leia mais

Tecnologias da informação com aplicabilidade ao RH. O Modelo Competitivo de Gestão de Pessoas

Tecnologias da informação com aplicabilidade ao RH. O Modelo Competitivo de Gestão de Pessoas Tecnologias da informação com aplicabilidade ao RH O Modelo Competitivo de Gestão de Pessoas 1 2 3 A nova economia Início do século XX Papéis determinantes para a empresa: Localização; Mão de obra barata;

Leia mais

MÓDULO XVIII PRÊMIO NACIONAL DA QUALIDADE PNQ

MÓDULO XVIII PRÊMIO NACIONAL DA QUALIDADE PNQ SISTEMA DE QUALIDADE EAD MÓDULO XVIII PRÊMIO NACIONAL DA QUALIDADE PNQ Nesse módulo iremos estudar o Modelo de Excelência Brasileiro, seus fundamentos, características e especificidades, abordando os critérios

Leia mais

Gerência Conceito e características dessa função

Gerência Conceito e características dessa função Gerência Conceito e características dessa função Alan de Matos Souza Gerente - Conceito Indivíduos que supervisionam as atividades de outros. (Robbins, 2002). São os agentes protagonistas dos processo

Leia mais