11/05/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 2.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "11/05/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 2."

Transcrição

1 Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Dinâmica nas Organizações Prof.: Fernando Hadad Zaidan 1 Unidade ETAPAS DO DESENVOLVIMENTO DA TEORIA DA ADMINISTRAÇÃO 2.10 Abordagem Contigencial 2 Bibliografia da disciplina Bibliografia Obrigatória CARAVANTES, G. R., PANNO, C. C.; KLOECKNER, M. C. Administração: teoria e processos. São Paulo: Pearson-Prentice Hall, Bibliografia Adicional: Para Saber Mais CHIAVENATO, I. Administração: teoria, processo e prática. 3.ed. São Paulo: Makron Books, p. CHIAVENATO, I. Introdução à teoria geral da administração. Rio de Janeiro: Campus, STONER, J. F.; FREEMAN, E. Administração. 5.ed. Rio de Janeiro: Prentice Hall, p. Os slides para as aulas foram baseados em materiais próprios, nas referências bibliográficas e nos materiais preparados pelos professores de Gestão da Faculdade INED. 3 1

2 ABORDAGEM Adm. Científica Burocrática Teoria Clássica Relações Humanas Estruturalismo Abordagem Sistêmica Abordagem Sociotécnica Abordagem Neoclássica Abordagem Comportamental Abordagem Contingencial Conhecimento Organizacional TGA ANO REFERÊNCIA 1903 (Clássica) 1905 (Clássica) 1916 (Clássica) 1932 (Humanística) 1947 (Organizacional) 1951 (Sistêmica) 1953 (Sociotécnica) 1954 (Neoclassicista) 1957 (Behaviorismo) 1972 (Contingencialismo) 1990 (Gestão organizacional) 4 Abordagem Contingencial Plano de Contingência: - Prever algo fora do normal e prever ações - Procurar se preparar para tudo; Ex.: Bug do Ano 2000 Contingencial: Alguma coisa que pode ou não acontecer; Algo incerto; Meio ambiente atual: algo pouco estável, contingencial mesmo; Não existe uma fórmula única; 5 Abordagem Contigencial Teoria da Contingência na Administração: - Tudo é relativo; - O Meio Ambiente é que vai determinar as teorias e as técnicas; - Bem como as melhores alternativas de ação administrativa; - As práticas administrativas variam enormemente de empresa para empresa respeitando o meio ambiente externo; 6 2

3 Empresas segundo o sistema: Características Sist. Orgânico Sist. Mecânico Meio ambiente Instável/dinâmico Estável Estrutura Flexível Permanente Autoridade Conhecimento Hierarquia Funções Cargo Polivalente Especialista Proc. Decisório Centralizado Descentralizado Comunicação Vertical Horizontal Ênfase organizacional Informal Normas/ regulamentos Teoria Aplicada R.H / Sistemas Clássica 7 Abordagem Contingencial Chandler em 1962: - Estudo histórico da Sears, GM, Dupont; - Essas empresas ao longo de sua existência vinham alterando continuamente, de acordo com as demandas impostas pelo meio ambiente, não apenas suas estruturas organizacionais, bem como as estratégias adotadas. 8 Lawrence e Lorsch Seus estudos: O meio ambiente é que vai determinar as teorias e as técnicas a serem utilizadas; Significa dar importância a algo que pode ou não acontecer - fenomenologia; Saber lidar com o Macro e Micro ambiente - com as exigências dos mercados competitivos; Novas tecnologias / consumidores exigentes / ser flexível as mudanças causadas pela globalização; O ambiente organizacional e os Stakeholders 9 3

4 Lawrence e Lorsch Quanto mais uma organização cresce, mais ela se diferencia, ou seja, divide-se em subsistemas especializados (departamentos, seções, etc), para melhor desempenharem uma tarefa e assim atender às demandas do meio ambiente; Ao diferenciar-se necessidade de integrar os subsistemas; Problema grave desestabilização e desintegração; Não há um jeito único de administrar as empresas precisam ser sistematicamente ajustadas às condições ambientais. 10 Ambiente Organizacional Tudo o que envolve externamente uma organização; Clientes, fornecedores, tecnologia, leis, economia, política, cultura, etc. Tipos: Homogêneo poucos tipos de mercado; Heterogêneo guarda grandes diferenças de mercado. Estável poucas mudanças; Instável mudanças frequentes e variadas. 11 Estratégias Organizacionais É viável gastar o precioso tempo na elaboração de planos? Vale a pena administração ad hoc de acordo com o momento absolutamente contingencial. Diferença básica planejamento consiste em definição de objetivos organizacionais função básica da Administração. Resultados disto planos; um barco não chega a um porto sem uma direção a seguir; Uma organização precisa de um plano de um norte. 12 4

5 Estratégias Organizacionais Não confundir com planejamento tático nível gerencial análise de alternativas para a realização da missão; Nem com o planejamento operacional dia-a-dia; Planejar estrategicamente rumo e missão da organização, através de diretrizes amplas e gerais (políticas) que fundamentarão as estratégias num horizonte temporal extenso. Metas e objetivos de longo prazo; Existem técnicas que auxiliam a elaboração de estratégias matriz BCG (Boston Consulting Group), desenhos de cenários, modelo Porter (diferenciação), etc. 13 Conclusões Cada teoria representa soluções dentro de sua própria abordagem e abre uma grande variedade de opções à disposição do administrador. Teoria Contingencial enfatiza a multidimensionalidade das organizações e sugere delineamentos organizacionais e ações gerenciais para situações específicas. Não existe a melhor maneira de administrar tudo depende das circunstâncias e do ambiente. Habilidade de diagnóstico do administrador. Se desejar mudar o comportamento organizacional atuar sobre as contingências ambientais para conseguir conseqüências diferentes alcançar resultados melhores. 14 Conclusões Teoria Contingencial mistura teoria e prática, integrativamente, com visão relativista. Não existe uma única fórmula perfeita para todas as empresas. Existe sim, uma fórmula perfeita para cada empresa. Tarefa do executivo criar a organização que melhor atenda a meta de entregar, lucrativamente, o valor mais alto aos clientes. Próximos passos: Conhecimento Organizacional Organizações que aprendem estratégicas que visam as trocas de conhecimento. 15 5

6 Estruturalista Comportamental Sistemas Contingencial organizacional Org.formal/infor Ser social que vive dentro da organização (Thompson) administrativo Org.formal/infor Ser racional tomador de decisões - Simon Funcional Org.sistemas abertos Desempenho de papéis Complexo Org.ambiente sistemas abertos Desempenho de papéis (Lorsch/Perrow) Conflitos inevitáveis levam a inovação Conflito negociáveis Equilíbrio Eficiência e eficácia Conflitos de papéis / máxima eficiência Conflitos de papéis / com eficiência e eficácia 16 Clássica R.Humanas Neoclássica Burocracia Econômicos Org. formal Comport.isolado (Taylor/ Fayol) Homo social Org. informal Ser social Equipe Grupo ( Mayo) org /administrativo Org.formal/infor. Ser racional alcance objetivos individuais (Druker) Organizacional Org.formal Isolado objetivo dentro do cargo (Weber) materiais e sociais e : materiais e salariais simbólicos Materiais e salariais sociais Max. Eficiência/ sem conflitos perceptíveis Satisfação do operário / o conflito é indesejável. Eficiência e Eficácia / sem conflitos perceptível Máxima Eficiência / sem conflito perceptível 17 Bons Estudos, Prof. Zaidan "A inteligência não pode ser jamais mero funcionalismo mecânico. A inteligência é a capacidade para receber diretamente a Essência, o Real, o que verdadeiramente É". Samael Aun Weor 18 6

Unidade 1 20/04/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan

Unidade 1 20/04/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Dinâmica nas Organizações Prof.: Fernando Hadad Zaidan 1 Unidade 1 2 Bibliografia da disciplina Bibliografia Obrigatória CARAVANTES,

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 3.

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 3. Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Dinâmica nas Organizações Prof.: Fernando Hadad Zaidan Unidade 3.2 3 A DINÂMICA DAS ORGANIZAÇÕES E AS ORGANIZAÇÕES DO CONHECIMENTO

Leia mais

20/04/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 2.

20/04/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 2. Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Dinâmica nas Organizações Prof.: Fernando Hadad Zaidan 1 Unidade 2.1 2 ETAPAS DO DESENVOLVIMENTO DA TEORIA DA ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Processos Administrativos II

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Processos Administrativos II Faculda INED Curso Superior Tecnologia: Res Computadores Unida 3.2 3 A DINÂMICA DAS ORGANIZAÇÕES E AS ORGANIZAÇÕES DO CONHECIMENTO 3.2 Organizar Disciplina: Dinâmica nas Organizações Prof.: Fernando Hadad

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO EM ENFERMAGEM. As Teorias de administração e os serviços de enfermagem

ADMINISTRAÇÃO EM ENFERMAGEM. As Teorias de administração e os serviços de enfermagem ADMINISTRAÇÃO EM ENFERMAGEM As Teorias de administração e os serviços de enfermagem Teorias da administração no processo da enfermagem Administrar: é um processo de planejamento, organização, liderança

Leia mais

PLANO DE CURSO. organizações. Novas configurações organizacionais. Organização. Planejamento. Direção: comunicação,

PLANO DE CURSO. organizações. Novas configurações organizacionais. Organização. Planejamento. Direção: comunicação, PLANO DE CURSO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Curso: Bacharelado em Administração Disciplina: Teoria da Administração I Professor: Salomão David Vergne Cardoso e-mail: vergne07@gmail.com Código: MAR00 Carga

Leia mais

ORGANIZAÇÕES NOS NOVOS TEMPOS. Prof. Marcio R. G. de Vazzi

ORGANIZAÇÕES NOS NOVOS TEMPOS. Prof. Marcio R. G. de Vazzi ORGANIZAÇÕES NOS NOVOS TEMPOS Prof. Marcio R. G. de Vazzi UMA PEQUENA REVISÃO TEORIA ORGANIZACIONAL - CONCEITOS Organização: É uma combinação de esforços individuais que tem por finalidade realizar propósitos

Leia mais

IESST Instituto de Ensino Superior Social e Tecnológico

IESST Instituto de Ensino Superior Social e Tecnológico PLANO DE ENSINO FACITEC Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas Teorias de Administração IESST Instituto de Ensino Superior Social e Tecnológico Credenciada pelas Portarias MEC 292, de 15.02.2001

Leia mais

Henri Fayol (1841-1925) Teoria Clássica da Administração. Contexto de Fayol: Para Fayol Administrar é:

Henri Fayol (1841-1925) Teoria Clássica da Administração. Contexto de Fayol: Para Fayol Administrar é: Henri Fayol (1841-1925) Teoria Clássica da Administração Formou-se em Engenharia de Minas aos 19 anos e desenvolveu sua carreira numa mesma empresa. Sua principal obra é o livro Administração Geral e Industrial,

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Unidade 2.4 2 ETAPAS DO DESENVOLVIMENTO DA TEORIA DA ADMINISTRAÇÃO 2.4 Abordagem das Disciplina: Dinâmica nas Organizações Prof.: Fernando

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 2.

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 2. Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Dinâmica nas Organizações Prof.: Fernando Hadad Zaidan Unidade 2.4 2 ETAPAS DO DESENVOLVIMENTO DA TEORIA DA ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

Administração de Pessoas

Administração de Pessoas Administração de Pessoas MÓDULO 5: ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS 5.1 Conceito de ARH Sem as pessoas e sem as organizações não haveria ARH (Administração de Recursos Humanos). A administração de pessoas

Leia mais

EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO

EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO MÓDULO 17 - Teorias Contingenciais de Liderança Para STONER e FREEMAN (1985; 350) a abordagem contingencial é a visão de que a técnica de administração que melhor

Leia mais

Gestão de pessoas: revisão de conceitos

Gestão de pessoas: revisão de conceitos Glaucia Falcone Fonseca Chegamos ao final de nosso curso e vale a pena fazer uma retrospectiva sobre os principais aspectos da gestão de pessoas, algo tão importante no atual mundo do trabalho, caracterizado

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA DE TAQUARITINGA PLANO DE ENSINO 2013 2º SEMESTRE DE 2013 3252 ADMINISTRAÇÃO GERAL

FACULDADE DE TECNOLOGIA DE TAQUARITINGA PLANO DE ENSINO 2013 2º SEMESTRE DE 2013 3252 ADMINISTRAÇÃO GERAL FACULDADE DE TECNOLOGIA DE TAQUARITINGA 1 ANO PLANO DE ENSINO 2013 2º SEMESTRE DE 2013 DEPARTAMENTO 32 AGRONEGÓCIO DISCIPLINA 3252 ADMINISTRAÇÃO GERAL PROFESSOR RESPONSÁVEL 0019036 MOACIR JOSÉ BERTACI

Leia mais

Aula 08 Programas de Treinamento

Aula 08 Programas de Treinamento Aula 08 Programas de Treinamento Objetivos da aula: Conhecer os programas de desenvolvimento e métodos de treinamento utilizados nas empresas como sua política e prática de Recursos Humanos. Compreender

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos carlos@oficinadapesquisa.com.br www.oficinadapesquisa.com.br Objetivos desta unidade: Ao final desta

Leia mais

Parte I - Conceitos, origens, contexto dos estudos e tendências da administração, 1

Parte I - Conceitos, origens, contexto dos estudos e tendências da administração, 1 Prefácio Estrutura do livro Informações complementares aos leitores Parte I - Conceitos, origens, contexto dos estudos e tendências da administração, 1 Apresentação, 3 1 Conceitos, Origens e Consolidação

Leia mais

Seguiu-se a Teoria Estruturalista com ênfase na estrutura, nas pessoas e no ambiente.

Seguiu-se a Teoria Estruturalista com ênfase na estrutura, nas pessoas e no ambiente. NOVOS TEMPOS Gestão Estratégica nas Organizações Produtos de Informática X Departamentalização HISTÓRICO (1) Abordagem Neoclássica O enfoque gerencial, nos anos 50 (século XX) dava ênfase para a departamentalização,

Leia mais

Evolução da Disciplina. Modelo de Gestão CONTEXTUALIZAÇÃO. As Funções Gerenciais e as Mudanças. As Funções Gerenciais

Evolução da Disciplina. Modelo de Gestão CONTEXTUALIZAÇÃO. As Funções Gerenciais e as Mudanças. As Funções Gerenciais Evolução da Disciplina Modelos de Gestão Aula 1: Principais Modelos das Teorias da Administração Aula 2: Origem, Evolução, Classificação e Tipologia das Organizações Aula 3: Termos comuns às Organizações;

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Autorizado plea Portaria nº 1.399 de 04/07/01 DOU de 09/07/01

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Autorizado plea Portaria nº 1.399 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Autorizado plea Portaria nº 1.399 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 Componente Curricular: AMPE - ADM DE MICRO E PEQ EMPRESAS Código: ADM 253 Pré-requisito: ------ Período Letivo: 2013.2

Leia mais

Departamento de Administração DEADM/I

Departamento de Administração DEADM/I Departamento de Administração DEADM/I EMENTA: Teorias da Administração Professor: Dr.Sérgio Luis Dias Doliveira E-mail: sldd@uol.com.br Face: Sergio Luis Dias Doliveira Skype: sergio.doliveira Fone: (42)

Leia mais

Planejamento Tático e Operacional

Planejamento Tático e Operacional UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA Faculdade de Filosofia e Ciências Câmpus de Marília Departamento de Ciência da Informação Tático e Operacional Profa. Marta Valentim Marília 2014 Geral É um processo desenvolvido

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Autorizado plea Portaria nº 1.399 de 04/07/01 DOU de 09/07/01

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Autorizado plea Portaria nº 1.399 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Autorizado plea Portaria nº 1.399 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 Componente Curricular: TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO Código: ADM 150 Pré-Requisito: ------ Período Letivo: 2013.1 Professor:

Leia mais

0806evandro@gmail.com 2 Acadêmico do Curso de Administração do Instituto Federal Farroupilha Campus Júlio de Castilhos. E-mail:

0806evandro@gmail.com 2 Acadêmico do Curso de Administração do Instituto Federal Farroupilha Campus Júlio de Castilhos. E-mail: ANÁLISE AMBIENTAL DE UMA EMPRESA DE ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS Evandro Dallanora 1 Evandro Leão de Freitas 2 Luciana Perazzolo Cristofaria 3 Camila Coletto 4 1 INTRODUÇÃO O presente trabalho trata de uma análise

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ADMINISTRAÇÃO PROF. WALTENO MARTINS PARREIRA JÚNIOR CONTEÚDO E OBJETO DE ESTUDO DA ADMINISTRAÇÃO

ADMINISTRAÇÃO INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ADMINISTRAÇÃO PROF. WALTENO MARTINS PARREIRA JÚNIOR CONTEÚDO E OBJETO DE ESTUDO DA ADMINISTRAÇÃO ADMINISTRAÇÃO INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ADMINISTRAÇÃO PROF. WALTENO MARTINS PARREIRA JÚNIOR CONTEÚDO E OBJETO DE ESTUDO DA ADMINISTRAÇÃO Administração do latim ad(direção, tendência para) e minister(subordinação

Leia mais

Teoria da Contingência

Teoria da Contingência Teoria da Contingência Eduardo de Oliveira Fargnoli Etel Maria Mendes de Almeida Gustavo Diniz Palhares Keiliane Souza Silvério Raphaela Gomes Marques RESUMO O objetivo principal de presente ensaio é demonstrar

Leia mais

PLANO DE ENSINO UNIVERSIDADE BRAZ CUBAS UBC ENSINO A DISTÂNCIA. Administração, Ciências Contábeis e CSTs

PLANO DE ENSINO UNIVERSIDADE BRAZ CUBAS UBC ENSINO A DISTÂNCIA. Administração, Ciências Contábeis e CSTs PLANO DE ENSINO UNIVERSIDADE BRAZ CUBAS UBC ENSINO A DISTÂNCIA Administração, Ciências Contábeis e CSTs Disciplina: Teoria Geral da Administração Carga Horária: 80 horas Prof.: João Luiz de Souza Lima

Leia mais

Objetivos da aula 9/8/2012. Gestão de Recursos Humanos. Teorias da Administração. Empresas X Pessoas X Administração: uma coisa tem a ver com a outra?

Objetivos da aula 9/8/2012. Gestão de Recursos Humanos. Teorias da Administração. Empresas X Pessoas X Administração: uma coisa tem a ver com a outra? Gestão de Recursos Humanos Profª: Silvia Gattai Teorias da Administração Objetivos da aula Construir conhecimentos sobre as várias teorias da administração, que embasam as metodologias de gestão de pessoas

Leia mais

Prof. Dr.Onofre Miranda Agosto/2014

Prof. Dr.Onofre Miranda Agosto/2014 Prof. Dr.Onofre Miranda Agosto/2014 1 OBJETIVOS Objetivo Geral: Revisar conceitos e abordagens clássicas das Teorias da Administração (Introdução à Administração); Objetivos Específicos: Contextualizar

Leia mais

CURSO DE ENFERMAGEM NÚCLEO 15 TEORIAS GERAIS DA ADMINISTRAÇÃO. Profa. Ivete Maroso Krauzer

CURSO DE ENFERMAGEM NÚCLEO 15 TEORIAS GERAIS DA ADMINISTRAÇÃO. Profa. Ivete Maroso Krauzer UNIVERSIDADE COMUNITÁRIA DA REGIÃO DE CHAPECÓ CURSO DE ENFERMAGEM NÚCLEO 15 TEORIAS GERAIS DA ADMINISTRAÇÃO Profa. Ivete Maroso Krauzer TEORIA GERAL DE ADMINISTRAÇÃO 1.Administração Científica 2.Teoria

Leia mais

O gerenciamento de pessoas e processos para cursos de engenharia: uma experiência de ensino em sala de aula

O gerenciamento de pessoas e processos para cursos de engenharia: uma experiência de ensino em sala de aula O gerenciamento de pessoas e processos para cursos de engenharia: uma experiência de ensino em sala de aula Edimar Alves Barbosa (UFCG) - eab@cct.ufcg.edu.br Luciano Gomes de Azevedo (UFCG) - azevedo@dec.ufcg.edu.br

Leia mais

Gerenciamento de Projetos. Faculdade Unisaber 2º Sem 2009

Gerenciamento de Projetos. Faculdade Unisaber 2º Sem 2009 Semana de Tecnologia Gerenciamento de Projetos Faculdade Unisaber 2º Sem 2009 ferreiradasilva.celio@gmail.com O que é um Projeto? Projeto é um "esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço

Leia mais

TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO. Fundamentos da Administração. Conteúdo programático: Administração e suas Perspectivas

TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO. Fundamentos da Administração. Conteúdo programático: Administração e suas Perspectivas TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO Fundamentos da Administração Prof. Me. Olney Bruno da Silveira Junior Conteúdo programático:. Ênfase nas tarefas e Ênfase na Estrutura Organizacional. Ênfase nas Pessoas. Ênfase

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ - UFPA FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO - FAAD Curso de Especialização em Gestão Empresarial PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ - UFPA FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO - FAAD Curso de Especialização em Gestão Empresarial PLANO DE ENSINO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ - UFPA FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO - FAAD Curso de Especialização em Gestão Empresarial 1) Dados de Identificação Disciplina: Administração de Empresas. Caráter: Obrigatória.

Leia mais

O SISTEMA DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS (S.I.G.) APLICADO EM SUPRIMENTOS E PROCESSOS DECISÓRIOS

O SISTEMA DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS (S.I.G.) APLICADO EM SUPRIMENTOS E PROCESSOS DECISÓRIOS O SISTEMA DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS (S.I.G.) APLICADO EM SUPRIMENTOS E PROCESSOS DECISÓRIOS Hugo Bianchi BOSSOLANI 1 RESUMO: Sistema de Informações Gerenciais (S.I.G.) é o processo de transformação de

Leia mais

3.6 3 A DINÂMICA DAS ORGANIZAÇÕES E AS ORGANIZAÇÕES DO CONHECIMENTO

3.6 3 A DINÂMICA DAS ORGANIZAÇÕES E AS ORGANIZAÇÕES DO CONHECIMENTO Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Dinâmica nas Organizações Prof.: Fernando Hadad Zaidan Unidade 3.6 3 A DINÂMICA DAS ORGANIZAÇÕES E AS ORGANIZAÇÕES DO CONHECIMENTO

Leia mais

Fundamentos da Administração Estratégica AULA 2

Fundamentos da Administração Estratégica AULA 2 Fundamentos da Administração Estratégica AULA 2 Fundamentos da Administração Vem do latim: ad (direção para, tendência para) e minister (subordinação ou obediência), e significa aquele que realiza uma

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO DE PROCESSOS

ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO DE PROCESSOS ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO DE PROCESSOS Atualizado em 21/12/2015 GESTÃO DE PROCESSOS Um processo é um conjunto ou sequência de atividades interligadas, com começo, meio e fim. Por meio de processos, a

Leia mais

3 - O ambiente das organizações

3 - O ambiente das organizações Objetivos de aprendizagem 3 - O ambiente das organizações Após estudar este capítulo, você deverá estar capacitado para: Definir o ambiente das empresas e suas características principais. Descrever o ambiente

Leia mais

Remuneração e Avaliação de Desempenho

Remuneração e Avaliação de Desempenho Remuneração e Avaliação de Desempenho Objetivo Apresentar estratégias e etapas para implantação de um Modelo de Avaliação de Desempenho e sua correlação com os programas de remuneração fixa. Programação

Leia mais

A ESTRUTURA ORGANIZACIONAL COMO REFERÊNCIA PARA A GESTÃO DA EAD

A ESTRUTURA ORGANIZACIONAL COMO REFERÊNCIA PARA A GESTÃO DA EAD 1 A ESTRUTURA ORGANIZACIONAL COMO REFERÊNCIA PARA A GESTÃO DA EAD São Luís MA Maio/2012 Categoria: C Setor Educacional: 3 Classificação das Áreas de Pesquisa em EaD Macro: D / Meso: H / Micro: M Natureza:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ UFPR BACHARELADO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ UFPR BACHARELADO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO CI 221 DISCIPLINA: Engenharia de Software AULA NÚMERO: 5 DATA: / / PROFESSOR: Andrey APRESENTAÇÃO Nesta aula serão apresentados e discutidos os conceitos de Gestão de projetos de software, riscos de software,

Leia mais

Administração Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios

Administração Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Administração Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Cronograma das Aulas. Hoje você está na aula Semana Tema 01 Apresentação do PEA. Fundamentos

Leia mais

3. Introdução à Teoria Geral da Administração (TGA)

3. Introdução à Teoria Geral da Administração (TGA) 3. Introdução à Teoria Geral da Administração (TGA) Conteúdo 1. Conceitos Básicos 2. Histórico da Teoria Geral da Administração (TGA) 3. Abordagem Clássica da Administração 1 Bibliografia Recomenda Livro

Leia mais

GABARITO TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO I

GABARITO TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO I UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI NÚCLEO DE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA GABARITO TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO I GRUPO: TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO I DATA:

Leia mais

Aula 09 - Remuneração por competências: uma alavanca para o capital intelectual

Aula 09 - Remuneração por competências: uma alavanca para o capital intelectual Aula 09 - Remuneração por competências: uma alavanca para o capital intelectual Objetivos da aula: Estudar a remuneração por habilidades; Sistematizar habilidades e contrato de desenvolvimento contínuo.

Leia mais

A Ciência e a Arte de Ser Dirigente. Autor: Ader Fernando Alves de Pádua

A Ciência e a Arte de Ser Dirigente. Autor: Ader Fernando Alves de Pádua A Ciência e a Arte de Ser Dirigente Autor: Ader Fernando Alves de Pádua 1 INTRODUÇÃO Este tema traz a tona uma grande questão que vamos tentar responder nestas poucas paginas, ser um dirigente requer grande

Leia mais

Planejamento e Gestão de Projetos

Planejamento e Gestão de Projetos MBA em EXCELÊNCIA EM GESTÃO DE PROJETOS E PROCESSOS ORGANIZACIONAIS Planejamento e Gestão de s Planejamento e Gestão de s Prof. Msc. Maria C Lage Prof. Newman Serrano, PMP Visão geral da disciplina Objetivos

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS

UNIVERSIDADE PAULISTA GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS UNIVERSIDADE PAULISTA GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS Prof. Cassimiro Nogueira Junior PESSOAS CAPITAL HUMANO CAPITAL INTELECTUAL GRAU DE CONHECIMENTO: PRODUTIVOS E RECONHECIDOS

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos carlos@oficinadapesquisa.com.br www.oficinadapesquisa.com.br Organizações Nenhuma organização existe

Leia mais

FACULDADE ANHANGUERA DE ITAPECERICA DA SERRA

FACULDADE ANHANGUERA DE ITAPECERICA DA SERRA FACULDADE ANHANGUERA DE ITAPECERICA DA SERRA Profº Paulo Barreto Paulo.santosi9@aedu.com www.paulobarretoi9consultoria.com.br 1 Analista da Divisão de Contratos da PRODESP Diretor de Esporte do Prodesp

Leia mais

AS ETAPAS DO PLANEJAMENTO

AS ETAPAS DO PLANEJAMENTO AS ETAPAS DO PLANEJAMENTO O planejamento possui três etapas: O estabelecimento dos objetivos a alcançar Tomada de decisões a respeito das ações futuras Elaboração de planos Explicando melhor, quanto mais

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Banco de Dados e Sistemas para Internet Disciplina: Projeto Integrador III Prof.: Fernando Hadad Zaidan

Curso Superior de Tecnologia em Banco de Dados e Sistemas para Internet Disciplina: Projeto Integrador III Prof.: Fernando Hadad Zaidan Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia em Banco de Dados e Sistemas para Internet Disciplina: Projeto Integrador III Prof.: Fernando Hadad Zaidan Ago-2008 1 Gestão de requisitos 2 Bibliografia: PAULA

Leia mais

TEORIAS E MODELOS DE GESTÃO

TEORIAS E MODELOS DE GESTÃO TEORIAS E MODELOS DE GESTÃO Capítulo 02 1 EVOLUÇÃO DAS TEORIAS ORGANIZACIONAIS INICIADAS DE FATO POR FAYOL E TAYLOR NO INÍCIO DO SÉCULO XX PRODUZIDAS COM BASE EM UMA NECESSIDADE DE CADA MOMENTO DA GERAÇÃO

Leia mais

TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO I AULA 02: AMBIENTES ORGANIZACIONAIS E DA ADMINISTRAÇÃO TÓPICO 01: DISTRIBUIÇÃO DE FREQÜÊNCIAS inserir aqui conteúdo alternativo do flash (imagens ou versão textual) VERSÃO TEXTUAL

Leia mais

3. Estratégia e Planejamento

3. Estratégia e Planejamento 3. Estratégia e Planejamento Conteúdo 1. Conceito de Estratégia 2. Vantagem Competitiva 3 Estratégias Competitivas 4. Planejamento 1 Bibliografia Recomenda Livro Texto: Administração de Pequenas Empresas

Leia mais

Responda as questões que orientam o sucesso na disciplina via web. Gestão de Pessoas. Qual o objetivo da disciplina?

Responda as questões que orientam o sucesso na disciplina via web. Gestão de Pessoas. Qual o objetivo da disciplina? Responda as questões que orientam o sucesso na disciplina via web Quem é a professora responsável? Qual o objetivo da disciplina? Como estudar e obter nota para aprovação? Qual é a bibliografia básica?

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente 2015

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente 2015 Administração Central Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL Plano de Trabalho Docente 2015 Etec Doutor Júlio Cardoso Código: 078 Município: Franca EE: Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios

Leia mais

Questões de Concurso Público para estudar e se preparar... Prefeitura Olinda - Administrador. 1. Leia as afirmativas a seguir.

Questões de Concurso Público para estudar e se preparar... Prefeitura Olinda - Administrador. 1. Leia as afirmativas a seguir. Questões de Concurso Público para estudar e se preparar... Prefeitura Olinda - Administrador 1. Leia as afirmativas a seguir. I. O comportamento organizacional refere-se ao estudo de indivíduos e grupos

Leia mais

Os cinco subsistemas de Gestão de Pessoas

Os cinco subsistemas de Gestão de Pessoas Faculdade de Tecnologia Senac Goiás Os cinco subsistemas de Gestão de Pessoas Trabalho de Gestão de Pessoas Alunos: Nilce Faleiro Machado Goiânia,4 de dezembro de 2015 1 Sumário Capa...1 Sumário...2 Introdução...3

Leia mais

Introdução O AMBIENTE DAS EMPRESAS. Seleção Ambiental. Mapeamento Ambiental

Introdução O AMBIENTE DAS EMPRESAS. Seleção Ambiental. Mapeamento Ambiental Introdução O AMBIENTE DAS EMPRESAS Curso: Engenharia Mecatrônica Disciplina: Administração Ambiente Universo que envolvo e externamente uma empresa É a própria sociedade maior É de onde as empresas obtém

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec: Gino Rezaghi Código: 191 Município: Cajamar Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO Qualificação: AUXILIAR

Leia mais

Fundação Vanzolini O GERENCIAMENTO DA QUALIDADE NA SAÚDE E A ACREDITAÇÃO. Departamento de Certificação

Fundação Vanzolini O GERENCIAMENTO DA QUALIDADE NA SAÚDE E A ACREDITAÇÃO. Departamento de Certificação Fundação Vanzolini O GERENCIAMENTO DA QUALIDADE NA SAÚDE E A ACREDITAÇÃO Departamento de Certificação A FUNDAÇÃO VANZOLINI Fundada em 1967 pelos professores do Departamento de Engenharia de Produção da

Leia mais

G P - AMPLITUDE DE CONTROLE E NÍVEIS HIERÁRQUICOS

G P - AMPLITUDE DE CONTROLE E NÍVEIS HIERÁRQUICOS G P - AMPLITUDE DE CONTROLE E NÍVEIS HIERÁRQUICOS Amplitude de Controle Conceito Também denominada amplitude administrativa ou ainda amplitude de supervisão, refere-se ao número de subordinados que um

Leia mais

Principais Vultos: Peter F. Drucker, Willian Newman, Ernest Dale, Ralph C. Davis, Louis Allen e George Terry.

Principais Vultos: Peter F. Drucker, Willian Newman, Ernest Dale, Ralph C. Davis, Louis Allen e George Terry. Abordagem Neoclássica da Administração Todas as teorias administrativas assentaram-se na Teoria Clássica, seja, como ponto de partida, seja como crítica para tentar uma posição diferente, mas a ela relacionada

Leia mais

Curso de Engenharia de Produção. Organização do Trabalho na Produção

Curso de Engenharia de Produção. Organização do Trabalho na Produção Curso de Engenharia de Produção Organização do Trabalho na Produção Condicionantes da Estrutura Organizacional De acordo com Simeray ( 1970) é produto dos seguintes fatores: O valor do homem O conhecimento

Leia mais

A CULTURA ORGANIZACIONAL PODE INFLUENCIAR NO PROCESSO DE AGREGAR PESSOAS

A CULTURA ORGANIZACIONAL PODE INFLUENCIAR NO PROCESSO DE AGREGAR PESSOAS A CULTURA ORGANIZACIONAL PODE INFLUENCIAR NO PROCESSO DE AGREGAR PESSOAS Juliana da Silva, RIBEIRO 1 Roberta Cavalcante, GOMES 2 Resumo: Como a cultura organizacional pode influenciar no processo de agregar

Leia mais

Rita/João Abril -2014

Rita/João Abril -2014 Rita/João Abril -2014 Conteúdo Programático (Qui)10/04 Estratégia de gerenciamento de pessoas com foco em resultado e gestão por competências Rita (Qui)17/04 - Conceitos de liderança, equipes eficazes,

Leia mais

Administração e Gestão de Pessoas

Administração e Gestão de Pessoas Administração e Gestão de Pessoas Aula Gestão de Pessoas Prof.ª Marcia Aires www.marcia aires.com.br mrbaires@gmail.com Percepção x trabalho em equipe GESTÃO DE PESSOAS A Gestão de Pessoas é responsável

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DE VISEU

INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DE VISEU INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DE VISEU ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE GESTÃO GUIA DO ALUNO DE ORGANIZAÇÃO E GESTÃO DE EMPRESAS DO CURSO DE TURISMO DISCIPLINA: Organização e Gestão de Empresas

Leia mais

Desempenho. Processos. Processos. Gerente Apuração de dados. Avaliação. Avaliação. Avaliação. Planejamento. Implantação. Diagnóstico.

Desempenho. Processos. Processos. Gerente Apuração de dados. Avaliação. Avaliação. Avaliação. Planejamento. Implantação. Diagnóstico. NÍVEL DE ENSINO: Graduação CARGA HORÁRIA: 80h PROFESSOR-AUTOR: Maria Helena Duarte de Oliveira NAS ORGANIZAÇÕES DESENVOLVIMENTO HUMANO APRESENTAÇÃO Desempenho Sabe-se que uma organização não existe as

Leia mais

Gestão Empresarial. Um Pouco de História... Administração Científica. Aula 2. Comércio Exterior. Frederick Taylor (1856-1915) Tarefa

Gestão Empresarial. Um Pouco de História... Administração Científica. Aula 2. Comércio Exterior. Frederick Taylor (1856-1915) Tarefa Gestão Empresarial Um Pouco de História... Aula 2 Prof. Elton Ivan Schneider tutoriacomercioexterior@grupouninter.com.br Comércio Exterior Administração Pré-Científica Administração Científica Maior interesse

Leia mais

Rotinas de DP- Professor: Robson Soares

Rotinas de DP- Professor: Robson Soares Rotinas de DP- Professor: Robson Soares Capítulo 2 Conceitos de Gestão de Pessoas - Conceitos de Gestão de Pessoas e seus objetivos Neste capítulo serão apresentados os conceitos básicos sobre a Gestão

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA EMBED CorelDRAW.Graphic.12 Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001.

Leia mais

INFORMAÇÃO ORGÂNICA COMO INSUMO DO PROCESSO DE TOMADA DE DECISÃO EMPRESARIAL

INFORMAÇÃO ORGÂNICA COMO INSUMO DO PROCESSO DE TOMADA DE DECISÃO EMPRESARIAL INFORMAÇÃO ORGÂNICA COMO INSUMO DO PROCESSO DE TOMADA DE DECISÃO EMPRESARIAL 1 LOUSADA, Mariana marianalousada@hotmail.com 2 VALENTIM, Marta Lígia Pomim valentim@marilia.unesp.br Resumo: O foco desta pesquisa

Leia mais

FERRAMENTA FLUXOGRAMA ESSENCIAL NO PROCESSO LOGÍSTICO

FERRAMENTA FLUXOGRAMA ESSENCIAL NO PROCESSO LOGÍSTICO FERRAMENTA FLUXOGRAMA ESSENCIAL NO PROCESSO LOGÍSTICO Douglas Lima 1 Lucas Rocco 2 Stefano Batista 3 Professor Orientador: André Rodrigues da Silva 4 Professor Orientador: Fábio Fernandes 5 Resumo A tendência

Leia mais

Introdução à Teoria Geral da Administração

Introdução à Teoria Geral da Administração à Teoria Geral da Administração Disciplina: Modelo de Gestão Página: 1 Aula: 01 Página: 2 O mundo em que vivemos é uma sociedade institucionalizada e composta por organizações. Todas as atividades relacionadas

Leia mais

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET AULA 01 ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET JAMES A. O BRIEN CAPÍTULO 01 Páginas 03 à 25 1 A mistura de tecnologias da Internet e preocupações empresariais

Leia mais

PLANO DE ENSINO - 2º SEMESTRE / 2009. Curso ADMINISTRAÇÃO. 4h/a 4h/a 76h/a 2h/a 04

PLANO DE ENSINO - 2º SEMESTRE / 2009. Curso ADMINISTRAÇÃO. 4h/a 4h/a 76h/a 2h/a 04 PLANO DE ENSINO - 2º SEMESTRE / 2009 Disciplina Treinamento e Desenvolvimento de Recursos humanos Professor(a) Nazaré da Silva Dias Ferrão Carga Horária Semanal Curso ADMINISTRAÇÃO Carga Horária Semestral

Leia mais

FACITEC Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas IESST Instituto de Ensino Superior Social e Tecnológico

FACITEC Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas IESST Instituto de Ensino Superior Social e Tecnológico FACITEC Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas IESST Instituto de Ensino Superior Social e Tecnológico PLANO DE ENSINO Administração em Comunicação Credenciada pelas Portarias MEC 292, de 15.02.2001

Leia mais

Faculdade de Ciências Sociais e Aplicadas de Petrolina - FACAPE Curso: Ciência da Computação Disciplina: Ambiente de Negócios e Marketing

Faculdade de Ciências Sociais e Aplicadas de Petrolina - FACAPE Curso: Ciência da Computação Disciplina: Ambiente de Negócios e Marketing Faculdade de Ciências Sociais e Aplicadas de Petrolina - FACAPE Curso: Ciência da Computação Disciplina: Ambiente de Negócios e Marketing Recursos Humanos cynaracarvalho@yahoo.com.br Conceitos A gestão

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO I. 1 Elaborar cuidadosamente o planejamento da organização e assegurar que o mesmo seja executado.

ADMINISTRAÇÃO I. 1 Elaborar cuidadosamente o planejamento da organização e assegurar que o mesmo seja executado. 3 PAPEL DOS GERENTES Os gerentes são os protagonistas do processo administrativo. Eles são responsáveis por coordenar o trabalho dos outros funcionários da empresa. Não existe apenas um modelo administrativo,

Leia mais

Liderança Organizacional

Liderança Organizacional Liderança Organizacional Mauricio Lima Competência 07 Desenvolvimento de Recursos, Finanças e Legislação Corporativa Fundamentação Teórica Entre as atividades mais importantes do líder está a responsabilidade

Leia mais

SOLUÇÃO PARA PROBLEMAS GERENCIAIS ATRAVÉS DA TEORIA DE DECISÃO APLICADA : UM ESTUDO DE CASO EM MINAS GERAIS.

SOLUÇÃO PARA PROBLEMAS GERENCIAIS ATRAVÉS DA TEORIA DE DECISÃO APLICADA : UM ESTUDO DE CASO EM MINAS GERAIS. SOLUÇÃO PARA PROBLEMAS GERENCIAIS ATRAVÉS DA TEORIA DE DECISÃO APLICADA : UM ESTUDO DE CASO EM MINAS GERAIS. LEONARDO TAVARES SANTOS 1, ADILSON LEITE 2 & REGINALDO FERREIRA de SOUZA 3 Universidade Federal

Leia mais

UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA UNIVERSO - CAMPUS GOIÂNIA Curso: Administração

UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA UNIVERSO - CAMPUS GOIÂNIA Curso: Administração PLANEJAMENTO e PROGRAMA 1.º Semestre de 2011 CURSO: Administração DISCIPLINA: Organização Métodos e Sistemas CÓDIGO: 3131 PERÍODO: 3º PRÉ-REQUISITO: CARGA HORÁRIA: 75 CRÉDITOS: 05 PROFESSOR ROBERTO COUTO

Leia mais

3 Gerenciamento de Projetos

3 Gerenciamento de Projetos 34 3 Gerenciamento de Projetos Neste capítulo, será abordado o tema de gerenciamento de projetos, iniciando na seção 3.1 um estudo de bibliografia sobre a definição do tema e a origem deste estudo. Na

Leia mais

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO (Currículo iniciado em 2012)

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO (Currículo iniciado em 2012) EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO (Currículo iniciado em 2012) ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO I 1992 C/H 102 Aspectos histórico/evolutivos; Administração da produção e seus aspectos gerenciais

Leia mais

Tribunais Exercícios Noções de Administração Teorias Administrativa Keyvila Menezes

Tribunais Exercícios Noções de Administração Teorias Administrativa Keyvila Menezes Tribunais Exercícios Noções de Administração Teorias Administrativa Keyvila Menezes 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. AULA DE EXERCÍCIOS: Teorias Administrativas

Leia mais

10.1. Estratégias para desenvolvimento de novos produtos

10.1. Estratégias para desenvolvimento de novos produtos Módulo 10. Planejamento de novos produtos Uma economia sofrendo as conseqüências de um mercado globalizado, onde a concorrência não dorme nem perdoa atrasos ou percalços. Esta é o macro ambiente onde estão

Leia mais

Prof.: Mauricio Fernandes Lima

Prof.: Mauricio Fernandes Lima Disciplina: Curso: Prof.: Mauricio Fernandes Lima PROFESSOR-AUTOR: Mauricio Lima nasceu em São Luís MA, formado em Administração, CRA-MA nº 3510, dedica-se desde 2002 ao Serviço Público com foco especial

Leia mais

O PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO CORPORATIVO E O PROCESSO DE MARKETING

O PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO CORPORATIVO E O PROCESSO DE MARKETING O PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO CORPORATIVO E O PROCESSO DE MARKETING Planejamento estratégico é o processo de desenvolver e manter um ajuste estratégico entre os objetivos, habilidades e recursos de uma organização

Leia mais

CÓDIGO CRÉDITOS PERÍODO PRÉ-REQUISITO TURMA ANO INTRODUÇÃO

CÓDIGO CRÉDITOS PERÍODO PRÉ-REQUISITO TURMA ANO INTRODUÇÃO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS ESCOLA DE GESTÃO E NEGÓCIOS CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS, ADMINISTRAÇÃO E ECONOMIA DISCIPLINA: ESTRUTURA E ANÁLISE DE CUSTO CÓDIGO CRÉDITOS PERÍODO PRÉ-REQUISITO

Leia mais

Aprendizado Organizacional Universidades Corporativas e os novos modelos de educação nas empresas. Prof. Augusto Gaspar

Aprendizado Organizacional Universidades Corporativas e os novos modelos de educação nas empresas. Prof. Augusto Gaspar Aprendizado Organizacional Universidades Corporativas e os novos modelos de educação nas empresas Prof. Augusto Gaspar Aspectos Humanos - Tendências Singularidade e Hiperconectividade Fevereiro 2011 Junho

Leia mais

A ESTRUTURA DA GESTÃO DE

A ESTRUTURA DA GESTÃO DE A ESTRUTURA DA GESTÃO DE PROJETOS Professor: Rômulo César romulodandrade@gmail.com www.romulocesar.com.br IMPORTÂNCIA DO GERENCIAMENTO DE PROJETO Gerenciamento de Projetos GP é o caminho para atingir

Leia mais

Introdução à Teoria Geral da Administração. Aula 5 Motivação e Liderança

Introdução à Teoria Geral da Administração. Aula 5 Motivação e Liderança Introdução à Teoria Geral da Administração Aula 5 Motivação e Liderança Taylor e Hawthorne Há relação entre o taylorismo e a experiência de Hawthorne? Há relação entre Taylor e a motivação? Homo Oeconomicus

Leia mais

Gestão da Qualidade em Projetos

Gestão da Qualidade em Projetos Gestão da Qualidade em Projetos Você vai aprender: Introdução ao Gerenciamento de Projetos; Gerenciamento da Integração; Gerenciamento de Escopo- Declaração de Escopo e EAP; Gerenciamento de Tempo; Gerenciamento

Leia mais

Estruturas Organizacionais

Estruturas Organizacionais Estruturas Organizacionais Deve ser delineado de acordo com os objetivos e estratégias estabelecidos pela empresa. É uma ferramenta básica para alcançar as situações almejadas pela empresa. Conceito de

Leia mais

PLANO DE GERÊNCIAMENTO DE RISCOS

PLANO DE GERÊNCIAMENTO DE RISCOS 1 PLANO DE GERÊNCIAMENTO DE RISCOS Versão 1.1 Rua Pedro Ribeiro, 85 - Matriz, Vitória de Santo Antão - PE, 55612-275 Pernambuco Brasil (81) 3523-0012 www.qualistec.com.br suporte@qualistec.com.br 2 Histórico

Leia mais

Descrição dos processos de treinamento e sua importância

Descrição dos processos de treinamento e sua importância Descrição dos processos de treinamento e sua importância Alisson Henrique Silva¹; Jaqueline Nascimento da Silva²; Lorena Coutinho Rodrigues³; Cleiton Magela Luz 4 ; Márcio Rezende Santos 5 (1) Estudante

Leia mais