1 Identificando o Negócio

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1 Identificando o Negócio"

Transcrição

1 Processo de Planejamento Estratégico Parte I Especificação das fases 1 Identificando o Negócio Prof. José Alexandre C. Alves (MSc) Negócio É o âmbito de atuação da empresa; É o entendimento do principal benefício esperado pelo cliente. Benefícios : Ajuda a focar o diferencial i competitivo; ii Orienta o posicionamento estratégico; Orienta a terceirização (Core Business); Ajuda a identificar quem é concorrente; Evita a miopia estratégica. 3 Um negócio pode ser definido em três dimensões: Negócio Necessidades de Clientes Grupos de Clientes Tecnologia 4 1

2 Exemplo: Empresa de Iluminação Grupo de Clientes Residências Necessidades dos Clientes Iluminação Tecnologia Iluminação eletrônica Adequação do Negócio ao Séc. XXI Evite a miopia do Negócio Empresa Negócio Míope Negócio Estratégico Amil Assistência Médica Saúde Arroz Tio João Arroz Soluções em alimentos Água de Cheiro Perfumes Beleza 5 Sebrae-MG Consultoria Resultado Prof. José Alexandre C. Alves (MSc) 6 Empresa Definição por produto Definição por mercado Missouri-Pacific Transportamos pessoas e Operamos uma ferrovia. Railroad mercadorias Ajudamos a aumentar a Xerox Fabricamos copiadoras. produtividade dos escritórios. Standard Oil Vendemos gasolina. Fornecemos energia. Columbia Pictures Fazemos filmes. Promovemos entretenimento. Encyclopaedia Britannica Vendemos enciclopédias. Distribuímos informação. Carrier Fabricamos aparelhos de arcondicionado e aquecedores. climático Fornecemos controle residencial. Prof. José Alexandre C. Alves (MSc) 7 2 Definindo a Missão 2

3 Missão É a razão de existir da empresa no seu Negócio. Benefícios de sua definição: Orienta a partida; Funciona como farol alto; Atrai, motiva e retém talentos; Orienta a formulação dos objetivos; 9 Descrição da Missão Normalmente a missão de um negócio define-se em duas ou três linhas, estando quase sempre ligada a uma ou várias necessidades latentes e dificilmente identificáveis. Fornece aos interessados ou investidores, uma fotografia da razão de existência da empresa, indicando sua aderência ao negócio ; Demonstra que existem efetivamente necessidades concretas (manifestas e latentes) sentidas pelos clientes potenciais e pelo mercado. 10 Definindo a Missão Identificação da Missão atual. Responda às seguintes perguntas: O que efaz a empresa? Como ela faz? Por que ela faz? Onde ela faz? Com qual responsabilidade social? 11 Características da Missão A Missão deve explicitar o Negócio de sua empresa. A Missão deve ser concisa e objetiva. A Missão deve ser detalhada, porém identificando seus elementos essenciais. Ex.: Empresa de Instrumentos de Precisão: Oferecer soluções em mecânica de precisão, medição e controle, através de produtos e serviços com tecnologia e qualidade que assegurem a satisfação do cliente, considerando princípios éticos e respeitando o meio ambiente. 12 3

4 Exemplos de Missão Alimentos e Bebidas: Servir alimentos de qualidade com rapidez e simpatia, em um ambiente limpo e agradável, satisfazendo as necessidades de clientes. Saúde 3 Definição da Visão Salvar vidas, utilizando conhecimento, tecnologias e processos no estado da arte, dentro de princípios éticos. 13 A visão da empresa pode ser conceituada das seguintes formas: Clara e permanente demonstração, para a comunidade, da natureza do negócio e da liderança competitiva, para prover a estrutura que regula as relações entre a empresa e os principais interessados e para os objetivos gerais de desempenho da empresa (Hax e Majluf, 1984); 15 Algo que vislumbre para o futuro desejado da empresa (Quigley, 1993); Idealização de um futuro desejado d para a empresa (Collins e Porras, 1993); Articulação das aspirações de um empresa a respeito de seu futuro (Hart, 1994). 16 4

5 Visão é conceituada como limites com que os proprietários e executivos da empresa conseguem enxergá-la em um período de tempo mais longo em uma abordagem mais ampla; Nesse contexto, a visão proporciona o grande delineamento do planejamento estratégico a ser desenvolvido e implementado pela empresa; A visão representa o que a empresa quer ser e como está posicionada. 17 Visão A Visão pode funcionar como Sonho ou como Desafio Estratégico. É a explicitação do que se visualiza para a empresa, em um determinado cenário. 18 Visão Benefícios da definição da Visão: Tira a empresa da zona de conforto ; Estimula e inspira a equipe; Orienta o planejamento ; Complementa a Missão; Orienta os Objetivos; Orienta estratégias; Incentiva a inovação; 19 Definindo a Visão Para funcionar como desafio estratégico, a visão deve ser ou estar: Focalizada no futuro; Modificar-se diante de novos desafios; Orientadora da estratégia; Indicar para onde vamos; Aquilo que se deseja ser; Desafiadora. 20 5

6 4 Identificando os Princípios Princípios (Valores) São os balizamentos para o processo decisório e comportamento da empresa no cumprimento de sua Missão. Benefícios de sua definição: Balizam o processo decisório Orientam o comportamento dos indivíduos Balizam as Estratégias Criam diferencial competitivo 22 Exemplos de Princípios Hospital Clientes Ética Equipe Atualização Princípios cristãos. Prof. José Alexandre C. Alves (MSc) 23 Exemplos de Princípios Empresa de Fast-Food: Qualidade Serviço Limpeza Valor. Revendedora de Automóveis Qualidade Prestação de Serviços Limpeza. 24 6

7 5 Analise Ambiental Análise do Ambiente Conjunto de técnicas que permitem identificar e monitorar permanentemente as variáveis competitivas que afetam a performance da empresa. 26 Públicos Relevantes (stakeholders) Clientes Concorrentes Fornecedores Distribuidores Equipe Empresa Acionistas I Análise do Ambiente Operacional (MICRO AMBIENTE) Avaliar a existência ou não de necessidades reais por satisfazer, ou seja, necessidades latentes que permitam agir antecipadamente; Governo Mídia Comunidade Outros Contextualizar o ambiente operacional da organização (ambiente tarefa);

8 I Análise do Ambiente Operacional (MICRO AMBIENTE) Análise do Cliente (consumidores) Avaliar as estratégias, pontos fortes e fracos dos concorrentes diretos e indiretos Analisar o comportamento e estrutura de distribuiçãosuprimento dos distribuidores e fornecedores Analisar o comportamento dos concorrentes atuais e novos entrantes Avaliar a influência das entidades reguladoras 29 II O Ambiente Geral (MACRO AMBIENTE) O Ambiente Geral é composto por entidades e variáveis externas dinâmicas, sobre as quais não se poderá exercer quase nenhuma influência direta, através das suas decisões de gestão estratégica e operacional. 30 Objetivos da análise do Macro Ambiente Os objetivos que se pretendem atingir com a análise deste ambiente são fundamentalmente: Tecnologia Variáveis de análise do Macro Ambiente Dotar a empresa e os seus gestores de informação externa importante t de forma a possibilitar-lhes a criação de alternativas estratégicas e tomada de decisões que sirvam de absorvedores dos impactos externos não controláveis que podem influenciar aspectos micro ambientais; Grau de maturidade d das tecnologias existentes; Política e orçamento de P&D existente no país; Aquisição e transferência de tecnologia pelo país; Incentivos e reservas de mercado;

9 Variáveis de análise do Macro Ambiente Economia ( Macroeconômicos) Taxa de Inflação; Níveis de desemprego; Crescimento do Produto Interno Bruto do País Níveis de Investimento em Indústrias de capital intensivo e mão de obra intensiva Evolução das Taxas de Juro e das Taxas de Câmbio Política Industrial e de incentivos ao investimento, criação de emprego e apoio a PME s Evolução da Balança Comercial Nacional/Regional 33 Variáveis de análise do Macro Ambiente Social e Cultural Estilos de vida, alterações nas modas e costumes, alteração de valores e princípios fundamentais Evolução das opiniões públicas sobre determinado produto ou serviço Mercado de trabalho, conflitos entre classes sociais ou profissionais, papel dos sindicatos Existência de grupos sociais (étnicos, políticos, religiosos, etc) 34 Variáveis de análise do Macro Ambiente Política, Governo e Legislação Esferas : federal, estadual e municipal; Política governamental do país: monetária, partidária, estatização, estrutura de poder, etc..; Política Industrial e de incentivos ao investimento, criação de emprego e apoio a PME s; Variáveis de análise do Macro Ambiente Política, Governo e Legislação Estabilidade política ou mudanças; Leis Laborais (Acordos Coletivos de Trabalho) ; Reservas de mercado e subsídios governamentais; Etc

10 Variáveis de análise do Macro Ambiente Condições Demográficas Evolução da Pirâmide Etária do país; Tendências para a Emigração ou Imigração; Renda per capita e distribuição do poder de compra; Escolaridade média das famílias. Variáveis de análise do Macro Ambiente Condições ecológicas e ambientais Legislaçãoe e restrições ambientais; Impactos ambientais diversos; Condições naturais; Fenômenos naturais; 37 Análise SWOT Examina como se alinham as vantagens de desvantagens internas (forças e fraquezas) com os fatores externos positivos ou negativos (oportunidades e ameaças), no sentido de gerar valor. A expressão SWOT resulta das palavras strengths (pontos fortes), weaknesses (pontos fracos), opportunities (oportunidades) e Threats (ameaças). 39 Análise dos Ambientes Externos e Internos Ambiente Externo: Oportunidades são situações externas, atuais ou futuras, que podem influenciar positivamente o desempenho da empresa; Ameaças são situações externas, atuais ou futuras, que podem influenciar negativamente o desempenho da empresa

11 Ambiente Interno Forças são características ou qualidades da empresa, tangíveis ou não, que podem influenciar positivamente seu desempenho; Fraquezas são características ou qualidades da empresa, tangíveis ou não, que podem influenciar negativamente seu desempenho. 41 Ex. Análise SWOT- Hotel 42 Análise SWOT Conteúdo da Matriz de Análise Swot Análise Interna Oportunidades Análise Externa Ameaças Pontos Fortes Pontos Fracos Política de Ação ofensiva ou Aproveitamento : área de domínio da empresa Política de Manutenção ou Melhoria: área de aproveitamento potencial Política de Ação defensiva ou Enfrentamento: área de risco enfrentável Política de Saída ou Desativação: área de risco acentuado 44 11

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PARTE 1

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PARTE 1 1 INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO AULA 9 PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PARTE 1 OBSERVAÇÃO: Esta apresentação é quase que a totalidade de uma apresentação do consultor em planejamento estratégico e palestrante Mario

Leia mais

Planejamento estratégico. Amanda Rafaela Vitti Bruno Thomazini Coletti

Planejamento estratégico. Amanda Rafaela Vitti Bruno Thomazini Coletti Planejamento estratégico Amanda Rafaela Vitti Bruno Thomazini Coletti O que é Planejamento Estratégico: Planejamento estratégico é o processo gerencial de desenvolver e manter uma direção estratégica que

Leia mais

UNIVERSIDADE GAMA FILHO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO GESTÃO ESTRATÉGICA

UNIVERSIDADE GAMA FILHO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO GESTÃO ESTRATÉGICA UNIVERSIDADE GAMA FILHO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO GESTÃO ESTRATÉGICA Prof. Marcelo Lisboa Luz Aula 5 Análise do Ambiente Externo VISÃO Aonde a empresa quer chegar Explicitação do que se idealiza Envolve desejos,

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO É o processo gerencial de desenvolver e manter um ajuste viável entre os objetivos, experiências e recursos da organização e suas oportunidades de mercado. Moldando e remoldando

Leia mais

Balanced Scorecard. Planejamento Estratégico através do. Curso e- Learning

Balanced Scorecard. Planejamento Estratégico através do. Curso e- Learning Curso e- Learning Planejamento Estratégico através do Balanced Scorecard Todos os direitos de cópia reservados. Não é permitida a distribuição física ou eletrônica deste material sem a permissão expressa

Leia mais

G t es ã tão E t s t ra é té i g? ca O Que é isso? TEORIA TE DAS DA ORGANIZA OR Ç GANIZA Õ Ç ES E Prof. Marcio Peres

G t es ã tão E t s t ra é té i g? ca O Que é isso? TEORIA TE DAS DA ORGANIZA OR Ç GANIZA Õ Ç ES E Prof. Marcio Peres Gestão Et Estratégica? téi O Que é isso? TEORIA DAS ORGANIZAÇÕES Prof. Marcio Peres Estratégias Linhas de ação ou iniciativas altamente relevantes que indicam como serão alcançados os Objetivos Estratégicos.

Leia mais

Formulação da Visão e da Missão

Formulação da Visão e da Missão Formulação da Visão e da Missão Zilta Marinho zilta@globo.com Os grandes navegadores sempre sabem onde fica o norte. Sabem aonde querem ir e o que fazer para chegar a seu destino. Com as grandes empresas

Leia mais

Módulo 4.2 DIAGNÓSTICO ESTRATÉGICO

Módulo 4.2 DIAGNÓSTICO ESTRATÉGICO Módulo 4.2 DIAGNÓSTICO ESTRATÉGICO DIAGNÓSTICO ESTRATÉGICO Proporciona ao executivo informações básicas b para começar a usufruir das vantagens do planejamento estratégico, através s do tratamento adequado

Leia mais

Gestão Estratégica. Gestão Estratégica

Gestão Estratégica. Gestão Estratégica Gestão Estratégica Aula 3 Diagnóstico Estratégico marcopereira@usp.br Diagnóstico Se conhecemos o inimigo ( ) e a nós mesmos ( Interno), não precisamos temer o resultado de uma centena de combates. Se

Leia mais

MARKETING INTERNACIONAL

MARKETING INTERNACIONAL MARKETING INTERNACIONAL Produtos Ecologicamente Corretos Introdução: Mercado Global O Mercado Global está cada dia mais atraente ás empresas como um todo. A dinâmica do comércio e as novas práticas decorrentes

Leia mais

Planejamento Estratégico do Sistema 2008/2010 PARTE II

Planejamento Estratégico do Sistema 2008/2010 PARTE II Planejamento Estratégico do Sistema 2008/2010 Planejamento Estratégico do Sistema 2008/2010 PARTE II 10/08/2007 SUMÁRIO Conceitos... 2 1. Missão... 2 2. Negócio... 3 3. Visão... 3 4. Valores... 5 5. Cenários...

Leia mais

PROJECTO CRIAR EMPRESA

PROJECTO CRIAR EMPRESA PROJECTO CRIAR EMPRESA Análise SWOT Pedro Vaz Paulo 1. PROJECTO CRIAR EMPRESA 1. Projecto Definição 1. Âmbito do negócio 2. Inovação 3. Concorrência 4. Análise SWOT 5. ( ) 2. ANÁLISE SWOT Definição A Análise

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO ESTRATÉGICA Organograma e Departamentalização

ADMINISTRAÇÃO ESTRATÉGICA Organograma e Departamentalização ADMINISTRAÇÃO ESTRATÉGICA Organograma e Departamentalização DISCIPLINA: Introdução à Administração FONTE: BATEMAN, Thomas S., SNELL, Scott A. Administração - Construindo Vantagem Competitiva. Atlas. São

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Pessoas

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Pessoas Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Pessoas Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Gestão de Pessoas tem por objetivo o fornecimento de instrumental que possibilite

Leia mais

Empresa organizada tem melhor desempenho

Empresa organizada tem melhor desempenho Empresa organizada tem melhor desempenho O SEBRAE e o que ele pode fazer pelo seu negócio Consultorias SEBRAE Mais Programas setoriais Palestras Trilha de aprendizagem empresarial EAD Na Medida Cursos

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PESSOAL

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PESSOAL PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PESSOAL Nome: Elaboração: / / Inspiração empresarial A criação desse modelo de Planejamento Estratégico Pessoal foi baseada numa reportagem da Revista Você S/A (Dez/2002: Paul

Leia mais

E s c o l a d e E n g e n h a r i a d e L o r e n a E E L

E s c o l a d e E n g e n h a r i a d e L o r e n a E E L : Diagnóstico A realidade é como ela é e não como gostaríamos que ela fosse. (Maquiavel) INTRODUÇÃO O Diagnóstico Estratégico de uma organização, também chamado por muitos autores de Análise do Ambiente,

Leia mais

Empresa organizada tem melhor desempenho

Empresa organizada tem melhor desempenho Empresa organizada tem melhor desempenho O SEBRAE e o que ele pode fazer pelo seu negócio Consultorias SEBRAE Mais Programas setoriais Palestras Trilha de aprendizagem empresarial EAD Na Medida Cursos

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PLANO DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA Flash Lan House: FOCO NO ALINHAMENTO ENTRE CAPITAL HUMANO E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Leia mais

ANEXO B CONTEXTUALIZAÇÃO DA PROMOÇÃO DA SAÚDE EM MODELO DE GESTÃO ORGANIZACIONAL DE ALTO DESEMPENHO

ANEXO B CONTEXTUALIZAÇÃO DA PROMOÇÃO DA SAÚDE EM MODELO DE GESTÃO ORGANIZACIONAL DE ALTO DESEMPENHO ANEXO B CONTEXTUALIZAÇÃO DA PROMOÇÃO DA SAÚDE EM MODELO DE GESTÃO ORGANIZACIONAL DE ALTO DESEMPENHO Autoria: Elaine Emar Ribeiro César Fonte: Critérios Compromisso com a Excelência e Rumo à Excelência

Leia mais

PARTE III Introdução à Consultoria Empresarial

PARTE III Introdução à Consultoria Empresarial FATERN Faculdade de Excelência Educacional do RN Coordenação Tecnológica de Redes e Sistemas Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores Técnicas de Consultoria Prof. Fabio Costa Ferrer, M.Sc.

Leia mais

Ambiente externo à empresa. Resumo

Ambiente externo à empresa. Resumo Ambiente externo à empresa Fábio Bruno Tavares de Sousa 1 1) Fábio Sousa fabiobtsousa@gmail.com Resumo O ambiente empresarial é bastante complexo. Na actualidade, é imprescindível avaliar o comportamento

Leia mais

É um documento que sistematiza a informação sobre a ideia de negócio, como pretende implementá-la, e que resultados espera obter no futuro.

É um documento que sistematiza a informação sobre a ideia de negócio, como pretende implementá-la, e que resultados espera obter no futuro. Feira do Empreendedor, 23 de Novembro de 2012 É um documento que sistematiza a informação sobre a ideia de negócio, como pretende implementá-la, e que resultados espera obter no futuro. É essencial para

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PROFª DANIELLE VALENTE DUARTE

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PROFª DANIELLE VALENTE DUARTE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PROFª DANIELLE VALENTE DUARTE MODELO PARA FORMULAÇÃO DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Análise do ambiente externo Macroambiente Ambiente setorial feedback Ambiente Interno (forças e

Leia mais

Inteligência Competitiva

Inteligência Competitiva Inteligência Competitiva Prof. Patricia Silva psilva@univercidade.br Aula 6 Objetivos da aula 6 n Análise SWOT n Bibliografia: Estratégia de Marketing O C. Ferrell Cap. 4 Strenghts (forças), Weaknesses

Leia mais

Missão, Visão e Valores

Missão, Visão e Valores , Visão e Valores Disciplina: Planejamento Estratégico Página: 1 Aula: 12 Introdução Página: 2 A primeira etapa no Planejamento Estratégico é estabelecer missão, visão e valores para a Organização; As

Leia mais

POLÍTICAS DE GESTÃO PROCESSO DE SUSTENTABILIDADE

POLÍTICAS DE GESTÃO PROCESSO DE SUSTENTABILIDADE POLÍTICAS DE GESTÃO PROCESSO DE SUSTENTABILIDADE 1) OBJETIVOS - Apresentar de forma transparente as diretrizes de sustentabilidade que permeiam a estratégia e a gestão; - Fomentar e apoiar internamente

Leia mais

Curso de Pós-Graduação em CC / SI Especialização em Engenharia de Software

Curso de Pós-Graduação em CC / SI Especialização em Engenharia de Software Curso de Pós-Graduação em CC / SI Especialização em Engenharia de Software Disciplina: Modelagem de Processos Prof. Ricardo Villarroel Dávalos ricardo.davalos@unisul.br e rvdavalos@gmail.com Porto União,

Leia mais

EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016

EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016 EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016 901491 - EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO I Estudo da administração, suas áreas e funções, o trabalho do administrador e sua atuação; a evolução da teoria organizacional

Leia mais

Unidade IV. Gerenciamento de Produtos, Serviços e Marcas. Prof a. Daniela Menezes

Unidade IV. Gerenciamento de Produtos, Serviços e Marcas. Prof a. Daniela Menezes Unidade IV Gerenciamento de Produtos, Serviços e Marcas Prof a. Daniela Menezes Tipos de Mercado Os mercados podem ser divididos em mercado de consumo e mercado organizacional. Mercado de consumo: o consumidor

Leia mais

4. Análise de Mercado

4. Análise de Mercado 4. Análise de Mercado Ações de Maturação e Aceleração 01.04.2014 Carla Machado Análise de Mercado Índice 1. Evolução Previsional do Setor Enquadre o negócio no setor de atividade, referindo oportunidades

Leia mais

Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor

Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor Resumo: A finalidade desse documento é apresentar o projeto de planejamento

Leia mais

Documento que sistematiza informação sobre a ideia de negócio, como pretende implementá-la, e que resultados espera obter no futuro.

Documento que sistematiza informação sobre a ideia de negócio, como pretende implementá-la, e que resultados espera obter no futuro. Feira do Empreendedor 2014 Documento que sistematiza informação sobre a ideia de negócio, como pretende implementá-la, e que resultados espera obter no futuro. É essencial para a estruturação e defesa

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 MISSÃO DO CURSO

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 MISSÃO DO CURSO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS MISSÃO DO CURSO Formar profissionais de elevado nível de consciência crítica, competência técnica empreendedora, engajamento ético

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação. Estratégias e Mudanças

Estratégias em Tecnologia da Informação. Estratégias e Mudanças Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 3 Estratégias e Mudanças Material de apoio 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina e não substitui a leitura da bibliografia

Leia mais

ANÁLISE DO AMBIENTE DE MARKETING

ANÁLISE DO AMBIENTE DE MARKETING ANÁLISE DO AMBIENTE DE MARKETING SISTEMA DE MARKETING O Sistema de Marketing como foi apresentado até agora compreende o chamado micro-ambiente de marketing. Além da própria empresa e de seu mercado, também

Leia mais

CURSO DE EMPREENDEDORISMO E VALORIZAÇÃO DA INVESTIGAÇÃO

CURSO DE EMPREENDEDORISMO E VALORIZAÇÃO DA INVESTIGAÇÃO c E v I CURSO DE EMPREENDEDORISMO E VALORIZAÇÃO DA INVESTIGAÇÃO MÓDULO: Plano de Negócios Maria José Aguilar Madeira Silva Professora Auxiliar do DGE UBI 1 Objectivos Programa Conteúdo Lista de Questões

Leia mais

ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções)

ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) 13. CONEX Pôster Resumo Expandido 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( X ) TRABALHO

Leia mais

Processo de Planejamento Estratégico

Processo de Planejamento Estratégico Processo de Planejamento Estratégico conduzimos o nosso negócio? Onde estamos? Definição do do Negócio Missão Visão Análise do do Ambiente Externo e Interno Onde queremos Chegar? poderemos chegar lá? saberemos

Leia mais

MANUAL FORMAÇÃO PME GESTÃO ESTRATÉGICA

MANUAL FORMAÇÃO PME GESTÃO ESTRATÉGICA MANUAL FORMAÇÃO PME GESTÃO ESTRATÉGICA 1/21 ANÁLISE DA ENVOLVENTE EXTERNA À EMPRESA... 3 1. Análise do Meio Envolvente... 3 2. Análise da Evolução do Mercado... 7 3. Análise da Realidade Concorrencial...

Leia mais

ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas

ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas 1) Resumo Executivo Descrição dos negócios e da empresa Qual é a ideia de negócio e como a empresa se chamará? Segmento

Leia mais

Conteúdo. 1. Origens e Surgimento. Origens e Surgimento

Conteúdo. 1. Origens e Surgimento. Origens e Surgimento 1 2 Planejamento Estratégico: conceitos e evolução; administração e pensamento estratégico Profª Ms Simone Carvalho simonecarvalho@usp.br Profa. Ms. Simone Carvalho Conteúdo 3 1. Origens e Surgimento 4

Leia mais

Módulo 4.3 FORMULAÇÃO ESTRATÉGICA

Módulo 4.3 FORMULAÇÃO ESTRATÉGICA Módulo 4.3 FORMULAÇÃO ESTRATÉGICA A Gestão do desempenho e outros requisitos Planejamento Estratégico A Importância do Planejamento Estratégico Menos de 10% das estratégias efetivamente formuladas são

Leia mais

Marketing Turístico e Hoteleiro

Marketing Turístico e Hoteleiro 2 CAPÍTULO II Significado do Marketing em Hotelaria e Turismo Significado do Marketing em Hotelaria e Turismo Capítulo II Sumário As características especiais do Marketing em Hotelaria e Turismo O ambiente

Leia mais

ANEXO 2 Estrutura Modalidade 1 ELIS PMEs PRÊMIO ECO - 2015

ANEXO 2 Estrutura Modalidade 1 ELIS PMEs PRÊMIO ECO - 2015 ANEXO 2 Estrutura Modalidade 1 ELIS PMEs PRÊMIO ECO - 2015 Critérios Descrições Pesos 1. Perfil da Organização Breve apresentação da empresa, seus principais produtos e atividades, sua estrutura operacional

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO Evolução de Pensamento Administrativo I Estudo da administração, suas áreas e funções, o trabalho do administrador e sua atuação; a evolução

Leia mais

Metodologias de Apoio ao Planejamento Estratégico. Profa. Lillian Alvares Faculdade de Ciência da Informação, Universidade de Brasília

Metodologias de Apoio ao Planejamento Estratégico. Profa. Lillian Alvares Faculdade de Ciência da Informação, Universidade de Brasília Metodologias de Apoio ao Planejamento Estratégico Profa. Lillian Alvares Faculdade de Ciência da Informação, Universidade de Brasília Análise Ambiental Análise Ambiental : Matriz SWOT A sigla SWOT Ambiente

Leia mais

FACULDADE ESTÁCIO MONTESSORI DE IBIÚNA ESTÁCIO FMI SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1

FACULDADE ESTÁCIO MONTESSORI DE IBIÚNA ESTÁCIO FMI SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: ADMINISTRAÇÃO - BACHARELADO MISSÃO DO CURSO Formar profissionais de elevado nível de consciência crítica, competência técnica empreendedora, engajamento

Leia mais

Metodologia gerencial que permite estabelecer a direção a ser seguida pela empresa, visando maior grau de interação com o ambiente.

Metodologia gerencial que permite estabelecer a direção a ser seguida pela empresa, visando maior grau de interação com o ambiente. Mário Sérgio Azevedo Resta CONSULTOR TÉCNICO EM NEGÓCIOS PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Metodologia gerencial que permite estabelecer a direção a ser seguida pela empresa, visando maior grau de interação com

Leia mais

Comunicação Social. Planejamento de Marketing. Análise SWOT

Comunicação Social. Planejamento de Marketing. Análise SWOT Comunicação Social Planejamento de Marketing 1 Análise SWOT 2 1 Análise SWOT Slide 3 A Análise SWOT é uma ferramenta utilizada para fazer análise de cenário (ou análise de ambiente), sendo usado como base

Leia mais

FILOSOFIA EMPRESARIAL

FILOSOFIA EMPRESARIAL FILOSOFIA EMPRESARIAL FILOSOFIA EMPRESARIAL Bebidas S/A Troféu Prata FILOSOFIA EMPRESARIAL MISSÃO SACIAR NATURALMENTE A SEDE DOS GAÚCHOS. Bebidas S/A Troféu Prata FILOSOFIA EMPRESARIAL VISÃO QUEREMOS SER

Leia mais

FACULDADE ANHANGUERA DE ITAPECERICA DA SERRA

FACULDADE ANHANGUERA DE ITAPECERICA DA SERRA FACULDADE ANHANGUERA DE ITAPECERICA DA SERRA Profº Paulo Barreto Paulo.santosi9@aedu.com www.paulobarretoi9consultoria.com.br 1 Analista da Divisão de Contratos da PRODESP Diretor de Esporte do Prodesp

Leia mais

GESTÃO DE MARKETING RECAPITULANDO. Prof. Marcopolo Marinho

GESTÃO DE MARKETING RECAPITULANDO. Prof. Marcopolo Marinho GESTÃO DE MARKETING RECAPITULANDO Prof. Marcopolo Marinho Marketing: É a área do conhecimento que engloba todas as atividades referente às relações de troca de bens entre pessoas ou instituições, buscando

Leia mais

PLANO DE DESENVOLVIMENTO E PLANO ESTRATÉGICO DE MARKETING DO APL MERS SEMINÁRIO 1. Porto Alegre, 20 de Novembro de 2014

PLANO DE DESENVOLVIMENTO E PLANO ESTRATÉGICO DE MARKETING DO APL MERS SEMINÁRIO 1. Porto Alegre, 20 de Novembro de 2014 PLANO DE DESENVOLVIMENTO E PLANO ESTRATÉGICO DE MARKETING DO APL MERS SEMINÁRIO 1 Porto Alegre, 20 de Novembro de 2014 Agenda Divulgação dos resultados da análise de desafios e oportunidades de desenvolvimento

Leia mais

Promover um ambiente de trabalho inclusivo que ofereça igualdade de oportunidades;

Promover um ambiente de trabalho inclusivo que ofereça igualdade de oportunidades; POLÍTICA DE SUSTENTABILIDADE OBJETIVO Esta Política tem como objetivos: - Apresentar as diretrizes de sustentabilidade que permeiam a estratégia e a gestão; - Fomentar e apoiar internamente as inovações

Leia mais

Marketing. Aula 04. Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho

Marketing. Aula 04. Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Marketing Aula 04 Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Este material é parte integrante da disciplina oferecida pela UNINOVE. O acesso às atividades, conteúdos multimídia e

Leia mais

MBA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS. 1 Prof. Martius v. Rodriguez y Rodriguez, pdsc.

MBA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS. 1 Prof. Martius v. Rodriguez y Rodriguez, pdsc. MBA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS 1 Prof. Martius v. Rodriguez y Rodriguez, pdsc. PRINCÍPIOS ANÁLISE ESTRATÉGICA (FOfA) BALANCED SCORECARD (BSC) EVOLUÇÃO DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. ESCOLAS DE PENSAMENTO

Leia mais

ANEC PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO UMA ABORDAGEM. Reflexões voltadas para a Gestão

ANEC PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO UMA ABORDAGEM. Reflexões voltadas para a Gestão ANEC PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO UMA ABORDAGEM Reflexões voltadas para a Gestão MUDANÇAS EDUCAÇÃO NO BRASIL 1996 Lei 9.934 LDB 1772 Reforma Pombalina 1549 Ensino Educação público no dos Brasil Jesuítas Lei

Leia mais

Líder em consultoria no agronegócio

Líder em consultoria no agronegócio MPRADO COOPERATIVAS mprado.com.br COOPERATIVAS 15 ANOS 70 Consultores 25 Estados 300 cidade s 500 clientes Líder em consultoria no agronegócio 1. Comercial e Marketing 1.1 Neurovendas Objetivo: Entender

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DO CAU Exercício 2013

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DO CAU Exercício 2013 PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DO CAU Exercício 2013 Aprovado na 11ª Reunião Plenária. Brasília/DF, 04 de outubro de 2012. CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO BRASIL CAU/BR SCN Quadra 01, BL. E, Ed. Central

Leia mais

Estabelecimento da Diretriz Organizacional

Estabelecimento da Diretriz Organizacional Estabelecimento da Diretriz Organizacional AULA 3 Bibliografia: Administração Estratégica: Planejamento e Implantação da Estratégia SAMUEL C. CERTO & J. P. PETERTO ASSUNTO: Três importantes considerações

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Turismo. Conteúdo Programático. Administração Geral / 100h

Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Turismo. Conteúdo Programático. Administração Geral / 100h Administração Geral / 100h O CONTEÚDO PROGRAMÁTICO BÁSICO DESTA DISCIPLINA CONTEMPLA... Administração, conceitos e aplicações organizações níveis organizacionais responsabilidades Escola Clássica história

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO Nome da disciplina Evolução do Pensamento Administrativo I Estudo da administração, suas áreas e funções, o trabalho do administrador e sua atuação;

Leia mais

Sistema de Gestão Ambiental

Sistema de Gestão Ambiental Objetivos da Aula Sistema de Gestão Ambiental 1. Sistemas de gestão ambiental em pequenas empresas Universidade Federal do Espírito Santo UFES Centro Tecnológico Curso de Especialização em Gestão Ambiental

Leia mais

Empreender 360º - Apoios ao Empreendedorismo! 23-05-2014. http://www.strongautomotive.com/step-back-evaluate-2014-marketing-plan/

Empreender 360º - Apoios ao Empreendedorismo! 23-05-2014. http://www.strongautomotive.com/step-back-evaluate-2014-marketing-plan/ Empreender 360º - Apoios ao Empreendedorismo! 23-05-2014 http://www.strongautomotive.com/step-back-evaluate-2014-marketing-plan/ Estrutura possível de um plano de marketing 1. Sumário Executivo 7. Marketing-mix

Leia mais

Gestão eficaz de pessoas melhorando a produtividade, qualidade e resultados organizacionais. Mário Ibide

Gestão eficaz de pessoas melhorando a produtividade, qualidade e resultados organizacionais. Mário Ibide Gestão eficaz de pessoas melhorando a produtividade, qualidade e resultados organizacionais. Mário Ibide A Nova América na vida das pessoas 8 Cultural Empresarial Missão Do valor do campo ao campo de valor

Leia mais

3º ENCONTRO ANUAL DA AACE

3º ENCONTRO ANUAL DA AACE 3º ENCONTRO ANUAL DA AACE 1 Empresas de Construção: Seleção de Projetos, Gestão e Controles para Atingir as Metas de Desempenho Patricia Atallah Gestão e Planejamento Estratégico são Cruciais para uma

Leia mais

Gestão em Farmácia. Marketing 3. Manuel João Oliveira. Identificação e Selecção da Estratégia

Gestão em Farmácia. Marketing 3. Manuel João Oliveira. Identificação e Selecção da Estratégia Gestão em Farmácia Marketing 3 Manuel João Oliveira Análise Externa Análise do Cliente Segmentação, comportamento do cliente, necessidades não-correspondidas Análise dos Concorrentes Grupos estratégicos,

Leia mais

Planejamento Estratégico. Valéria Mendes Meschiatti Nogueira

Planejamento Estratégico. Valéria Mendes Meschiatti Nogueira Planejamento Estratégico Valéria Mendes Meschiatti Nogueira Conceitos básicos de Estratégia Propósito de uma organização: é o impulso, a motivação que direciona para os caminhos que ela escolher. Sem propósito

Leia mais

Análise do Ambiente Interno

Análise do Ambiente Interno Análise do Ambiente Interno Professor: Claudemir Duca Vasconcelos Disciplina: Estratégia e Planejamento Corporativo Alunas: Gleice Costa e Cintia Belo 16 Abril 2015 Ambiente Interno de uma Organização

Leia mais

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br Corporativo Transformar dados em informações claras e objetivas que possibilitem às empresas tomarem decisões em direção ao sucesso. Com essa filosofia a Star Soft Indústria de Software e Soluções vem

Leia mais

PLANO MUNICIPAL DE TURISMO DE BLUMENAU. Senac Santa Catarina

PLANO MUNICIPAL DE TURISMO DE BLUMENAU. Senac Santa Catarina PLANO MUNICIPAL DE TURISMO DE BLUMENAU Senac Santa Catarina PLANO MUNICIPAL DE TURISMO UMA CONSTRUÇÃO COLETIVA Órgão Proponente: Prefeitura Municipal Órgão Executor: Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial

Leia mais

PROPOSTA CURRICULAR DO ENSINO MÉDIO INTEGRADO COM ADMINISTRAÇÃO PARTE TÉCNICA GESTÃO EMPRESARIAL

PROPOSTA CURRICULAR DO ENSINO MÉDIO INTEGRADO COM ADMINISTRAÇÃO PARTE TÉCNICA GESTÃO EMPRESARIAL PROPOSTA CURRICULAR DO ENSINO MÉDIO INTEGRADO COM ADMINISTRAÇÃO PARTE TÉCNICA GESTÃO EMPRESARIAL 1. História da Teoria da Administração: fundamentos da Administração: Era Clássica; Revolução Industrial;

Leia mais

Desafios na Gestão da Unidade de Alimentação e Nutrição. Odete Sanches Maio/2013

Desafios na Gestão da Unidade de Alimentação e Nutrição. Odete Sanches Maio/2013 Desafios na Gestão da Unidade de Alimentação e Nutrição Odete Sanches Maio/2013 O que é Gestão? Significa gerenciamento, administração, onde existe uma instituição, uma empresa, uma entidade social de

Leia mais

Planejamento de Marketing.

Planejamento de Marketing. Planejamento de Marketing. Análise de Mercado Identificação de Riscos e Oportunidades Segmentação de mercado; Seleção de mercado alvo Objetivos de Marketing Estratégia de diferenciação de produto Estratégia

Leia mais

CLIENTE A Autoescola Paula está localizada na Avenida Paraná, nº 1641, no bairro Bacacheri, que compõe a região do Boa Vista. É um CFC de pequeno porte, que conta com 15 funcionários e 10 veículos. Oferecem

Leia mais

Estratégia Empresarial. Prof. Felipe Kovags

Estratégia Empresarial. Prof. Felipe Kovags Estratégia Empresarial Prof. Felipe Kovags Conteúdo programático Planejamento: definição, origem, espírito, princípios e tipos empresariais Planejamento estratégico por negócio Formulação de estratégia:

Leia mais

Faculdade Pitágoras de Uberlândia. Administração

Faculdade Pitágoras de Uberlândia. Administração Faculdade Pitágoras de Uberlândia Apostila de Administração Prof. Walteno Martins Parreira Júnior www.waltenomartins.com.br waltenomartins@yahoo.com 2014 SUMÁRIO 1 O PLANO DE NEGÓCIOS...2 1.1 SUMÁRIO EXECUTIVO...5

Leia mais

Balanced Scorecard BSC. O que não é medido não é gerenciado. Medir é importante? Também não se pode medir o que não se descreve.

Balanced Scorecard BSC. O que não é medido não é gerenciado. Medir é importante? Também não se pode medir o que não se descreve. Balanced Scorecard BSC 1 2 A metodologia (Mapas Estratégicos e Balanced Scorecard BSC) foi criada por professores de Harvard no início da década de 90, e é amplamente difundida e aplicada com sucesso em

Leia mais

Gestão Empresarial. Aula 5. A Estrutura Estratégica. Modelo de Gestão. Missão da Empresa. Prof. Elton Ivan Schneider.

Gestão Empresarial. Aula 5. A Estrutura Estratégica. Modelo de Gestão. Missão da Empresa. Prof. Elton Ivan Schneider. Gestão Empresarial Aula 5 Prof. Elton Ivan Schneider tutoriacomercioexterior@grupouninter.com.br A Estrutura Estratégica Comércio Exterior Fornecedores Macro Ambiente Organizacional Ambiente Organizacional

Leia mais

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014 Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Histórico de elaboração Julho 2014 Motivações Boa prática de gestão Orientação para objetivos da Direção Executiva Adaptação à mudança de cenários na sociedade

Leia mais

Gerenciamento Estratégico e EHS Uma parceria que dá certo

Gerenciamento Estratégico e EHS Uma parceria que dá certo Gerenciamento Estratégico e EHS Uma parceria que dá certo INTRODUÇÃO O Balanced Scorecard (BSC) é uma metodologia desenvolvida para traduzir, em termos operacionais, a Visão e a Estratégia das organizações

Leia mais

Diagnostico Organizacional Compreendendo o sistema de definição de objetivos. Missão. As principais forças. Visão. O sonho que nos move.

Diagnostico Organizacional Compreendendo o sistema de definição de objetivos. Missão. As principais forças. Visão. O sonho que nos move. VALORES Qualificação / Valorização Disponibilização / Visibilidade. Diagnostico Organizacional Compreendendo o sistema de definição de objetivos Missão As principais forças Visão O sonho que nos move Princípios

Leia mais

Responsabilidade Social

Responsabilidade Social Responsabilidade Social Profa. Felicia Alejandrina Urbina Ponce A questão principal é debater: o que torna uma empresa socialmente responsável? É o fato de ela ser ética? Ou fi lantrópica? Ou porque ela

Leia mais

1º SEMESTRE 2º SEMESTRE

1º SEMESTRE 2º SEMESTRE 1º SEMESTRE 7ECO003 ECONOMIA DE EMPRESAS I Organização econômica e problemas econômicos. Demanda, oferta e elasticidade. Teoria do consumidor. Teoria da produção e da firma, estruturas e regulamento de

Leia mais

Análise do Ambiente estudo aprofundado

Análise do Ambiente estudo aprofundado Etapa 1 Etapa 2 Etapa 3 Etapa 4 Etapa 5 Disciplina Gestão Estratégica e Serviços 7º Período Administração 2013/2 Análise do Ambiente estudo aprofundado Agenda: ANÁLISE DO AMBIENTE Fundamentos Ambientes

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING CENÁRIO E TENDÊNCIAS DOS NEGÓCIOS 8 h As mudanças do mundo econômico e as tendências da sociedade contemporânea.

Leia mais

Balanced Scorecard. As quatro perspectivas de desempenho compreendem diversos indicadores, tais como:

Balanced Scorecard. As quatro perspectivas de desempenho compreendem diversos indicadores, tais como: Balanced Scorecard Inicialmente desenvolvido pelo Dr. Robert Kaplan e David Norton - Harvard, o Balanced Scorecard é uma filosofia prática e inovadora de gestão da performance das empresas e organizações.

Leia mais

Estratégias de Internacionalização para Empresas Inovadoras

Estratégias de Internacionalização para Empresas Inovadoras Estratégias de Internacionalização para Empresas Inovadoras Índia e China são alvos de multinacionais para produção e serviços de TI! Notícias na Mídia! Índia virou um gigante em TI! China e Índia lideram

Leia mais

POLÍTICA DE SUSTENTABILIDADE

POLÍTICA DE SUSTENTABILIDADE POLÍTICA DE SUSTENTABILIDADE 1. OBJETIVO E ABRANGÊNCIA Esta Política tem como objetivos: Apresentar de forma transparente os princípios e as diretrizes de sustentabilidade que permeiam a estratégia e direcionam

Leia mais

Felipe Pedroso Castelo Branco Cassemiro Martins BALANCED SCORECARD FACULDADE BELO HORIZONTE

Felipe Pedroso Castelo Branco Cassemiro Martins BALANCED SCORECARD FACULDADE BELO HORIZONTE Felipe Pedroso Castelo Branco Cassemiro Martins BALANCED SCORECARD FACULDADE BELO HORIZONTE Belo Horizonte 2011 Felipe Pedroso Castelo Branco Cassemiro Martins BALANCED SCORECARD FACULDADE BELO HORIZONTE

Leia mais

Strenghts: Vantagens internas da empresa ou produto(s) em relação aos seus principais concorrentes;

Strenghts: Vantagens internas da empresa ou produto(s) em relação aos seus principais concorrentes; Gerir - Guias práticos de suporte à gestão A análise SWOT A Análise SWOT é uma ferramenta de gestão muito utilizada pelas empresas para o diagnóstico estratégico. O termo SWOT é composto pelas iniciais

Leia mais

Modelos de Gestão Estratégica

Modelos de Gestão Estratégica Aula 04 Modelos de Gestão Estratégica TI-011 Gerenciamento Estratégico Corporativo Prof a. Gabriela Barbarán MISSÃO E VISÃO Dirige Direciona ESTRATÉGIAS PROCESSOS Aperfeiçoa Utiliza e Mensura RECURSOS

Leia mais

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade Eficácia e Liderança de Performance O Administrador na Gestão de Pessoas Grupo de Estudos em Administração de Pessoas - GEAPE 27 de novembro

Leia mais

GESTÃO EMPRESARIAL INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE GESTÃO ESTRATÉGICA E DE ESTRATÉGIA. Profª. Danielle Valente Duarte

GESTÃO EMPRESARIAL INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE GESTÃO ESTRATÉGICA E DE ESTRATÉGIA. Profª. Danielle Valente Duarte GESTÃO EMPRESARIAL INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE GESTÃO ESTRATÉGICA E DE ESTRATÉGIA Profª. Danielle Valente Duarte 2014 Os Estudos e a Prática da Gestão Estratégica e do Planejamento surgiram no final da década

Leia mais

Gestão da Qualidade. Gestão da. Qualidade

Gestão da Qualidade. Gestão da. Qualidade Gestão da Qualidade Gestão da Qualidade 1621131 - Produzido em Abril/2011 Gestão da Qualidade A Gestão da Qualidade é um modelo de mudança cultural e comportamental, através de uma liderança persistente

Leia mais

Marco Antonio P. Gonçalves. Planejamento Estratégico na Advocacia + Workshop. 22 de Setembro, 2012

Marco Antonio P. Gonçalves. Planejamento Estratégico na Advocacia + Workshop. 22 de Setembro, 2012 Marco Antonio P. Gonçalves Planejamento Estratégico na Advocacia + Workshop 22 de Setembro, 2012 Marco Antonio P. Gonçalves Administrador especializado em estratégias de marketing e desenvolvimento de

Leia mais

COMPETÊNCIAS FUNCIONAIS. Finanças

COMPETÊNCIAS FUNCIONAIS. Finanças COMPETÊNCIAS FUNCIONAIS Finanças DESCRIÇÕES DOS NÍVEIS APRENDIZ Aprende para adquirir conhecimento básico. É capaz de pôr este conhecimento em prática sob circunstâncias normais, buscando assistência

Leia mais

MBA em Design Estratégico

MBA em Design Estratégico MBA em Design Estratégico Público - alvo Indicado para profissionais com formação em Design, Arquitetura, Moda ou gestores e empreendedores que estejam buscando novas formas de gestão orientadas para a

Leia mais

Pós-Graduação Governança dos Negócios: Direito, Economia e Gestão

Pós-Graduação Governança dos Negócios: Direito, Economia e Gestão Pós-Graduação Governança dos Negócios: Direito, Economia e Gestão Turmas de Agosto de 2014 Início das Aulas: 18/08/2014 Termino das Aulas: 31/08/2015 Dias e horários das aulas: Segunda-Feira 18h30 às 22h30

Leia mais