Fluxo de caixa desde Qui 10/2/11 GP5 - Cronograma

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Fluxo de caixa desde Qui 10/2/11 GP5 - Cronograma 201010010"

Transcrição

1 Projeto GP5: Casa Popular Gerenciamento de Projetos 1ª Entrega Project Charter do Projeto Pesquisar sobre o Projeto R$ 7.666,88 R$ 7.666,88 Descrever o Project Charter R$ 573,75 R$ 573,75 Revisar o Project Charter R$ 270,00 R$ 270,00 Alterar Project Charter revisado R$ 900,00 R$ 900,00 Cronograma Prévio do Projeto Confeccionar a WBS R$ 123,75 R$ 123,75 Elaborar o Cronograma R$ 236,25 R$ 236,25 Revisar o Cronograma R$ 540,00 R$ 540,00 Alterar o Cronograma revisado R$ 900,00 R$ 900,00 Conclusão da 1ª Entrega 2ª Entrega Análise Estratégica da Fase Pré-Projeto Elaborar Definição do Negócio Atual R$ 90,00 R$ 90,00 Analisar o Ambiente Externo R$ 90,00 R$ 90,00 Analisar o Ambiente Interno R$ 90,00 R$ 90,00 Definir a Postura Estratégica/Estratégia Genérica R$ 90,00 R$ 90,00 Definir o Negócio Atual, Missão, Visão e Valores R$ 90,00 R$ 90,00 Definir os Objetivos Estratégicos R$ 90,00 R$ 90,00 Estabelecer as Estratégias Ideais e Específicas R$ 90,00 R$ 90,00 Revisar Análise Estratégica da Fase de Pré-Projeto R$ 180,00 R$ 180,00 Alterar Análise Estratégica da Fase de Pré-Projeto revisada R$ 180,00 R$ 180,00 Plano de Desenvolvimento de Produto Elaborar Pesquisa de Mercado R$ 90,00 R$ 90,00 Especificar Produto e Serviços R$ 90,00 R$ 90,00 Descrever a Previsão de Vendas R$ 90,00 R$ 90,00 Revisar Plano de Desenvolvimento de Produto R$ 180,00 R$ 180,00 Alterar Plano de Desenvolvimento de Produto revisado R$ 180,00 R$ 180,00 Plano de Gerenciamento de Custos Decomposição do Orçamento do Projeto por Atividade Fluxo de Caixa do Projeto Elaborar Plano de Gerenciamento de Custos Revisar Plano de Gerenciamento de Custo Alterar Plano de Gerenciamento de Custos revisado Estrutura Analítica de Projeto (WBS) detalhada 2ª Entrega Detalhar WBS R$ 450,00 R$ 450,00 Página 1

2 Revisar WBS detalhada R$ 360,00 R$ 360,00 Alterar WBS detalhada revisada R$ 180,00 R$ 180,00 Cronograma Completo do Projeto com Acompanhamento Detalhar Cronograma Completo R$ 900,00 R$ 900,00 Revisar Cronograma detalhado R$ 180,00 R$ 180,00 Alterar Cronograma detalhado R$ 360,00 R$ 360,00 Registro das Alterações 2ª Entrega Avaliar as alterações R$ 180,00 R$ 180,00 Registrar as alterações R$ 90,00 R$ 90,00 Revisar as alterações R$ 180,00 R$ 180,00 Alterar o registro de alterações revisadas R$ 180,00 R$ 180,00 Conclusão da 2ª Entrega 3ª Entrega Plano de Gerenciamento de Recursos Humanos Elaborar Estrutura Organizacional R$ 900,00 R$ 900,00 Detalhar Políticas e Investimentos em Gestão de Pessoas: R$ 900,00 R$ 900,00 Elaborar Matriz de Responsabilidade do Projeto R$ 450,00 R$ 450,00 Descrever Avaliação de resultados do projeto R$ 450,00 R$ 450,00 Revisar Plano de Gerenciamento de Recurso Humanos R$ 270,00 R$ 270,00 Alterar Plano de Gerenciamento de Recursos Humanos R$ 180,00 R$ 180,00 Plano Financeiro Elaborar Fluxo de Caixa R$ 900,00 R$ 900,00 Elaborar Indicadores de Liquidez R$ 900,00 R$ 900,00 Elaborar Indicadores de Investimento R$ 900,00 R$ 900,00 Elaborar Indicadores de Progresso do Projeto R$ 450,00 R$ 450,00 Revisar Plano de Gerenciamento de Custo R$ 270,00 R$ 270,00 Alterar Plano de Gerenciamento de Custos revisado R$ 180,00 R$ 180,00 Plano de Gerenciamento da Qualidade do Projeto Detalhar dos Requisitos de Qualidade R$ 1.350,00 R$ 1.350,00 Revisar Plano de Gerenciamento da Qualidade do Projeto R$ 180,00 R$ 180,00 Alterar Plano de Gerenciamento da Qualidade R$ 270,00 R$ 270,00 Plano de Gerenciamento de Riscos Elaborar Risk Breakdown Structure R$ 1.350,00 R$ 1.350,00 Qualificar os Riscos R$ 450,00 R$ 450,00 Quantificar dos riscos R$ 900,00 R$ 900,00 Revisar Plano de Gerenciamento de Riscos R$ 450,00 R$ 450,00 Alterar Plano de Gerenciamento de Riscos R$ 180,00 R$ 180,00 Cronograma Completo do Projeto Detalhar Cronograma Completo R$ 2.700,00 R$ 2.700,00 Página 2

3 Revisar Cronograma detalhado R$ 450,00 R$ 450,00 Alterar Cronograma detalhado R$ 450,00 R$ 450,00 Registro das alterações 3ª Entrega Avaliar as alterações R$ 1.800,00 R$ 1.800,00 Registrar as alterações R$ 900,00 R$ 900,00 Revisar as alterações R$ 900,00 R$ 900,00 Alterar o registro de alterações revisadas R$ 900,00 R$ 900,00 Estrutura Analítica do Projeto (WBS) 3ª Entrega Detalhar WBS R$ 1.800,00 R$ 1.800,00 Revisar WBS detalhada R$ 900,00 R$ 900,00 Alterar WBS detalhada revisada R$ 450,00 R$ 450,00 Conclusão da 3ª Entrega 4ª Entrega Planejamento Técnico Estudo Preliminar Elaborar Croquis R$ 1.080,00 R$ 1.080,00 Aprovar Estudo do Croqui R$ 720,00 R$ 720,00 Projeto Arquitetônico Elaborar Projeto Arquitetônico R$ 1.440,00 R$ 1.440,00 Aprovar Projeto Arquitetônico na Prefeitura R$ ,00 R$ ,00 Sondagem Geotécnica R$ 1.000,00 R$ 1.000,00 Projeto Executivo Elaborar Projeto Estrutural R$ 1.500,00 R$ 1.500,00 Elaborar Projeto de Instalações Hidráulicas R$ 1.500,00 R$ 1.500,00 Elaborar Projeto Elétrico R$ 1.500,00 R$ 1.500,00 Elaborar Projeto de Telefonia R$ 1.500,00 R$ 1.500,00 Aprovar Projeto Executivo R$ 1.080,00 R$ 1.080,00 Serviços Preliminares Terraplanagem R$ 800,00 R$ 800,00 Ligação Provisória de Água e Luz Instalar Sistema de Água e Energia R$ 800,29 R$ 800,29 Canteiro de Obras Levantar Barraco R$ ,63 R$ ,63 Instalar Hidráulica R$ 376,25 R$ 376,25 Instalar Elétrica R$ 565,40 R$ 565,40 Instalar Telefone R$ 475,80 R$ 475,80 Construção Fundação Casa 1 Página 3

4 Casa 2 Casa 3 Casa 4 Casa 5 Página 4

5 Casa 6 Casa 7 Casa 8 Casa 9 Casa 10 Página 5

6 Casa 11 Casa 12 Casa 13 Casa 14 Casa 15 Página 6

7 Casa 16 Casa 17 Casa 18 Casa 19 Casa 20 Página 7

8 Alvenaria Levantar Alvenaria - Casa 1 R$ 2.804,40 R$ 2.804,40 Levantar Alvenaria - Casa 2 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 3 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 4 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 5 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 6 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 7 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 8 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 9 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 10 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 11 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 12 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 13 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 14 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 15 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 16 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 17 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 18 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 19 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Levantar Alvenaria - Casa 20 R$ 1.204,40 R$ 1.204,40 Estrutura Casa 1 Casa 2 Casa 3 Página 8

9 Casa 4 Casa 5 Casa 6 Casa 7 Casa 8 Casa 9 Casa 10 Casa 11 Página 9

10 Casa 12 Casa 13 Casa 14 Casa 15 Casa 16 Casa 17 Casa 18 Casa 19 Página 10

11 Casa 20 Esquadria Assentar Esquadria - Casa 1 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 2 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 3 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 4 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 5 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 6 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 7 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 8 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 9 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 10 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 11 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 12 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 13 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 14 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 15 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 16 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 17 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 18 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 19 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Assentar Esquadria - Casa 20 R$ 1.769,39 R$ 1.769,39 Telhado Casa 1 Casa 2 Casa 3 Página 11

12 Casa 4 Casa 5 Casa 6 Casa 7 Casa 8 Casa 9 Casa 10 Casa 11 Casa 12 Página 12

13 Casa 13 Casa 14 Casa 15 Casa 16 Casa 17 Casa 18 Casa 19 Casa 20 Instalações Instalação Hidráulica Casa 1 Colocar Caixa d' Água R$ 285,32 R$ 285,32 Página 13

14 Casa 2 Casa 3 Casa 4 Casa 5 Casa 6 Casa 7 Casa 8 Página 14

15 Casa 9 Casa 10 Casa 11 Casa 12 Casa 13 Casa 14 Página 15

16 Casa 15 Casa 16 Casa 17 Casa 18 Casa 19 Casa 20 Instalação Elétrica e Telefônica Casa 1 Página 16

17 Casa 2 Casa 3 Casa 4 Casa 5 Casa 6 Casa 7 Página 17

18 Casa 8 Casa 9 Casa 10 Casa 11 Casa 12 Casa 13 Casa 14 Página 18

19 Casa 15 Casa 16 Casa 17 Casa 18 Casa 19 Casa 20 Página 19

20 Acabamento Revestimento / Acabamento Casa 1 Casa 2 Casa 3 Casa 4 Casa 5 Casa 6 Casa 7 Página 20

21 Casa 8 Casa 9 Casa 10 Casa 11 Casa 12 Casa 13 Casa 14 Casa 15 Página 21

22 Casa 16 Casa 17 Casa 18 Casa 19 Casa 20 Pintura Casa 1 Casa 2 Casa 3 Página 22

23 Casa 4 Casa 5 Casa 6 Casa 7 Casa 8 Casa 9 Casa 10 Casa 11 Casa 12 Casa 13 Página 23

24 Casa 14 Casa 15 Casa 16 Casa 17 Casa 18 Casa 19 Casa 20 Vidros Colocar Vidro - Casa 1 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 2 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 3 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 4 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 5 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 6 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 7 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 8 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 9 R$ 138,80 R$ 138,80 Página 24

25 Colocar Vidro - Casa 10 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 11 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 12 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 13 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 14 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 15 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 16 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 17 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 18 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 19 R$ 138,80 R$ 138,80 Colocar Vidro - Casa 20 R$ 138,80 R$ 138,80 Serviços Complementares Fazer Limpeza Geral R$ 1.647,20 R$ 1.647,20 Fazer Urbanização Geral R$ ,80 R$ ,80 Fechamento Lições Aprendidas Elaborar Lições Aprendidas R$ 2.160,00 R$ 2.160,00 Apresentar Lições Aprendidas R$ 1.260,00 R$ 1.260,00 Relatório Final do Projeto Elaborar Relatório Final R$ 4.500,00 R$ 4.500,00 Enviar Relatório Final R$ 1.800,00 R$ 1.800,00 R$ ,54 R$ ,26 R$ ,80 Página 25

MEMORIAL DESCRITIVO DE MATERIAIS E MÉTODOS

MEMORIAL DESCRITIVO DE MATERIAIS E MÉTODOS MEMORIAL DESCRITIVO DE MATERIAIS E MÉTODOS MEMORIAL DESCRITIVO DADOS DA OBRA: ESTACIONAMENTO COBERTO DA CÂMARA MUNICIPAL DE NOVO SÃO JOAQUIM Cidade: Novo São Joaquim/MT Imóvel: Publico Quadra: 07 Lote:

Leia mais

Cronograma do Projeto de Iniciação Científica 6º ano do EF

Cronograma do Projeto de Iniciação Científica 6º ano do EF Cronograma do Projeto de Iniciação Científica 6º Entrega dos slides de apresentação do préprojeto no Bancas do pré-projeto dos Anos Finais do EF e EM - 30 de abril Entrega do pré-projeto escrito - 8 de

Leia mais

Modelo de documentação Universidade de Brasília

Modelo de documentação Universidade de Brasília 1 OBJETIVO Assegurar o bom andamento de um projeto e desenvolvimento, conforme diretrizes regais de qualidade. 2 DEFINIÇÕES 2.1 WBS Work Breakdown Structure. Com base na técnica de decomposição que se

Leia mais

Click to edit Master title style

Click to edit Master title style Click to edit Master title style Lidera GP Primavera Risk Analysis Flávio Luiz Silva, PMP Recife, Dezembro de 2015 O que é o Risk Analysis Primavera Risk Analysis é uma ferramenta para gerenciamento de

Leia mais

BIM Gerenciamento de Projetos Construção Enxuta

BIM Gerenciamento de Projetos Construção Enxuta BIM Gerenciamento de Projetos Construção Enxuta FASES DE UM EMPREENDIMENTO PROJETOS PLANEJAMENTO CONSTRUÇÃO BIM GP LEAN FASES DE UM EMPREENDIMENTO PROJETOS Evolução dos Sistemas de TI Antes dos anos 80

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública. Processos de gerenciamento de projetos de um projeto Primeira Parte

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública. Processos de gerenciamento de projetos de um projeto Primeira Parte Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública Processos de gerenciamento de projetos de um projeto Primeira Parte Processos de gerenciamento de projetos O gerenciamento de projetos é realizado através

Leia mais

Curitiba, 04 de Agosto de 2016

Curitiba, 04 de Agosto de 2016 Curitiba, 04 de Agosto de 2016 1 O PRODUTO E O PROJETO É preciso conhecer o produto para definir o ESCOPO do PROJETO! Para ter um produto, preciso de um projeto Tendo um Projeto, posso ter um produto EAP

Leia mais

PROJETO INTEGRADO AULA 4 INTEGRAÇÃO E ESCOPO

PROJETO INTEGRADO AULA 4 INTEGRAÇÃO E ESCOPO PROJETO INTEGRADO AULA 4 INTEGRAÇÃO E ESCOPO PROF.: KAIO DUTRA Gerenciamento da Integração do Projeto O gerenciamento da integração do projeto inclui os processos e as atividades necessárias para identificar,

Leia mais

O PRODUTO E O PROJETO

O PRODUTO E O PROJETO Curitiba, 04 de Agosto de 2016 1 O PRODUTO E O PROJETO É preciso conhecer o produto para definir o ESCOPO do PROJETO! Para ter um produto, preciso de um projeto Tendo um Projeto, posso ter um produto 1

Leia mais

Administração de Projetos

Administração de Projetos Administração de Projetos O Guia PMBOK e as áreas do Gerenciamento de Projetos Prof. Robson Almeida PMI e PMBOK PMI: Project Management Institute Entidades sem fim lucrativo Congrega profissionais de gestão

Leia mais

GESTÃO DE PROJETOS Unidade 3 Gerenciamento de Escopo. Luiz Leão

GESTÃO DE PROJETOS Unidade 3 Gerenciamento de Escopo. Luiz Leão Unidade 3 Gerenciamento de Escopo Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com Conteúdo Programático Definição de escopo e gerenciamento de escopo Coleta de Requisitos Declaração de Escopo Restrições

Leia mais

Planeamento de Projectos

Planeamento de Projectos de Projectos José Cruz Filipe 1 Tópicos O processo geral O planeamento das actividades O planeamento de tempos O planeamentos dos custos O planeamento do risco 2 1 O processo geral O Triângulo Fatal Recursos

Leia mais

Gerência do Escopo. Gestão de Projetos

Gerência do Escopo. Gestão de Projetos Gerência do Escopo Gestão de Projetos Estrutura da Gerência de Projetos PMBOK Estrutura Básica Estrutura da Gerência Integração (Coordenação) Custo (Orçamento) Comunicação (Informações) Escopo (Requisitos)

Leia mais

MANUAL DE OBRAS DE SANEAMENTO MOS 3ª EDIÇÃO

MANUAL DE OBRAS DE SANEAMENTO MOS 3ª EDIÇÃO 3ª EDIÇÃO ÍNDICE GERAL P/ 1/5 0 DISPOSIÇÕES GERAIS DEFINIÇÃO, ORÇAMENTO... 2/39 CONTRATO, SUBCONTRATAÇÃO... 6/39 PRAZO DE EXECUÇÃO, GARANTIA DE SERVIÇO... 7/39 INST. DA OBRA, PESSOAL DA CONTRATADA... 8/39

Leia mais

Construa a casa dos seus sonhos com a Yellowbrick Houses

Construa a casa dos seus sonhos com a Yellowbrick Houses Construa a casa dos seus sonhos com a Yellowbrick Houses 1 Quem é a Yellowbrick Houses Somos uma incorporadora atuando no mercado de casas residenciais em Alphaville/Tamboré desde 2009 Nossos diferenciais:

Leia mais

O USO DO LIGHT STEEL FRAME NO EMPREENDIMENTO VIDA VIVA CLUBE CENTRO

O USO DO LIGHT STEEL FRAME NO EMPREENDIMENTO VIDA VIVA CLUBE CENTRO 3º Seminário de Tecnologia e Inovação da Construção Civil O USO DO LIGHT STEEL FRAME NO EMPREENDIMENTO VIDA VIVA CLUBE CENTRO ENGº JOÃO PAULO MARIA Melnick Even, com 23 anos de atuação no mercado gaúcho

Leia mais

Planejamento Teoria e aplicações na fiscalização. Professor Mestre Erich Wolff

Planejamento Teoria e aplicações na fiscalização. Professor Mestre Erich Wolff Planejamento Teoria e aplicações na fiscalização Professor Mestre Erich Wolff wolff.erich@gmail.com erich.wolff@dnit.gov.br Quais são as partes da apresentação? Objetivo Introdução Discussão do conceito

Leia mais

Capítulo 5 Gerenciamento do Escopo do projeto. Introdução. Antes de iniciarmos vamos pensar um pouco.

Capítulo 5 Gerenciamento do Escopo do projeto. Introdução. Antes de iniciarmos vamos pensar um pouco. Capítulo 5 Gerenciamento do Escopo do projeto 1 Introdução Antes de iniciarmos vamos pensar um pouco. 2 Introdução 3 Introdução 4 Introdução 5 Introdução O projeto se inicia com a definição de quais objetivos

Leia mais

Tema 01 Conceitos sobre gerenciamento de tempo e projeto

Tema 01 Conceitos sobre gerenciamento de tempo e projeto Tema 01 Conceitos sobre gerenciamento de tempo e projeto Objetivos da Aula Compreender a importância do tempo nos projetos. Revisar conceitos. Compreender o que deve ser considerado na elaboração de um

Leia mais

Disciplina de Engenharia de Software

Disciplina de Engenharia de Software Disciplina de Engenharia de Software Windson Viana de Carvalho Rute Nogueira Pinto [windson,rute]@lia.ufc.br Mestrado em Ciência da Computação UFC Produzido em 19/07/2004 Alterado em 23/10/2006 por Rossana

Leia mais

Project Builder: Apoio a Gestão de Projetos do Nível G ao C do MPS.BR

Project Builder: Apoio a Gestão de Projetos do Nível G ao C do MPS.BR Project Builder: Apoio a Gestão de Projetos do Nível G ao C do MPS.BR Bernardo Grassano 1, Analia Irigoyen Ferreiro Ferreira 2, Mariano Montoni 3 1 Project Builder Av. Rio Branco 123, grupo 612, Centro

Leia mais

Estrutura Analítica do Projeto EAP

Estrutura Analítica do Projeto EAP Estrutura Analítica do Projeto EAP Estrutura Analítica do Projeto Também conhecida por Work Breakdown Structure, a Estrutura Analítica do Projeto EAP é a representação visual de toda a estrutura do objetivo

Leia mais

PLANILHA AUXILIAR B DADOS DO IMÓVEL: PROJETO 02. ÁREA TOTAL TERRENO: 336,00m²

PLANILHA AUXILIAR B DADOS DO IMÓVEL: PROJETO 02. ÁREA TOTAL TERRENO: 336,00m² - INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS Abrigo provisório de madeira executada na obra para alojamento e depósitos de materiais e ferramentas. Unidade: m² Critério de medição: Pela área de projeção horizontal do abrigo.

Leia mais

PLANILHA AUXILIAR C DADOS DO IMÓVEL: PROJETO 03. ÁREA TOTAL TERRENO: 325,00m²

PLANILHA AUXILIAR C DADOS DO IMÓVEL: PROJETO 03. ÁREA TOTAL TERRENO: 325,00m² ENDEREÇO: Rua 580, S/Nº - INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS Abrigo provisório de madeira executada na obra para alojamento e depósitos de materiais e ferramentas. Unidade: m² Critério de medição: Pela área de projeção

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Project Management Institute. Prof. Miguel Torres

Gerenciamento de Projetos Project Management Institute. Prof. Miguel Torres Gerenciamento de Projetos Project Management Institute Prof. Miguel Torres miguel.torres@feol.com.br Objetivo do Curso Criar condições e proporcionar métodos para o desenvolvimento da capacidade gestora,

Leia mais

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DAS OBRAS PERÍODO JANEIRO E FEVEREIRO DE 2017

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DAS OBRAS PERÍODO JANEIRO E FEVEREIRO DE 2017 PERÍODO JANEIRO E FEVEREIRO DE 2017 Andamento das Obras Realizado Serviços concluídos até 28/02/2017 Instalações hidráulicas nos subsolos, barrilete superior e em todas as unidades residenciais e áreas

Leia mais

C O N S U L T O R E S D E E N G E N H A R I A E A M B I E N T E

C O N S U L T O R E S D E E N G E N H A R I A E A M B I E N T E C O N S U L T O R E S D E E N G E N H A R I A E A M B I E N T E Fundada em 1962, a COBA é hoje a maior empresa portuguesa de Consultores de Engenharia 250 colaboradores. 400 colaboradores ao serviço do

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO PMSP SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SEMPLA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SME

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO PMSP SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SEMPLA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SME PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO PMSP SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SEMPLA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SME RESULTADO DOS RECURSOS INTERPOSTOS CONTRA A AVALIAÇÃO DE TÍTULOS

Leia mais

TAP Termo de Abertura do Projeto

TAP Termo de Abertura do Projeto GESTÃO DE PESSOAS E PROJETOS TAP Termo de Abertura do Projeto Prof. Luciel H. de Oliveira ELABORAÇÃO DO POS PROJECT OVERVIEW STATEMENT OU PROJECT CHARTER Termo de Abertura do Projeto (TAP) Prof. Luciel

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DEPARTAMENTO DE AGRONOMIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DEPARTAMENTO DE AGRONOMIA UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DEPARTAMENTO DE AGRONOMIA PROJETO FINAL CURRAL DE MANOBRAS 1000 ANIMAIS Trabalho apresentado como parte dos requisitos

Leia mais

PLANO DO PROJETO Data Rev. No.

PLANO DO PROJETO Data Rev. No. Cópia: Lista de Distribuição: Pag. 1(16) Alunos do grupo 1. PROJETO DE (Coloque aqui o nome do Projeto) 1.1 Resumo (Coloque aqui um breve resumo do que é o projeto a ser desenvolvido) Gerente do Projeto:

Leia mais

INDUSTRIALIZAÇÃO INDUSTRIALIZAÇÃO E NOVAS TECNOLOGIAS E TECNOLOGIAS ALTERNATIVAS

INDUSTRIALIZAÇÃO INDUSTRIALIZAÇÃO E NOVAS TECNOLOGIAS E TECNOLOGIAS ALTERNATIVAS INDUSTRIALIZAÇÃO E NOVAS TECNOLOGIAS E TECNOLOGIAS ALTERNATIVAS INDUSTRIALIZAÇÃO CONCEITOS É um método produtivo baseado na mecanização e num processo organizado de caráter repetitivo que requer continuidade.

Leia mais

INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO CENTRO EMPRESARIAL DE DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO DA INDÚSTRIA ELÉTRICA E ELETRÔNICA

INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO CENTRO EMPRESARIAL DE DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO DA INDÚSTRIA ELÉTRICA E ELETRÔNICA INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO CENTRO EMPRESARIAL DE DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO DA INDÚSTRIA ELÉTRICA E ELETRÔNICA Propriedade: SENAI Área: 217 mil metros quadrados Jan/2015 Mai/2016 Set/2016 Mai/2016 Mai/2016

Leia mais

Curso Técnico Integrado em EDIFICAÇÕES MATRIZ CURRICULAR. Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 480h. Unidade Curricular Semestral.

Curso Técnico Integrado em EDIFICAÇÕES MATRIZ CURRICULAR. Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 480h. Unidade Curricular Semestral. Curso Técnico Integrado em EDIFICAÇÕES CÂMPUS FLORIANÓPOLIS MATRIZ CURRICULAR Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 480h Unidade Curricular C/H Semestral Pré-Requisito Português e Hist da Liter. Bras.

Leia mais

ADEQUAÇÕES A NBR 9077 Nos Blocos Administrativo e Auditório ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS. CAMPUS BAGÉ Barras Antipânico e Inversão de Portas

ADEQUAÇÕES A NBR 9077 Nos Blocos Administrativo e Auditório ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS. CAMPUS BAGÉ Barras Antipânico e Inversão de Portas ADEQUAÇÕES A NBR 9077 Nos Blocos Administrativo e Auditório ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS CAMPUS BAGÉ Barras Antipânico e Inversão de Portas Setembro de 2011. GENERALIDADES A presente especificação refere-se

Leia mais

ÍTEM SINAPI DISCRIMINAÇÃO UNID.

ÍTEM SINAPI DISCRIMINAÇÃO UNID. INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAIANO. CAMPUS BOM JESUS DA LAPA- BA OBRA: INSTALAÇÃO DE CURRAL DE MANEJO PARA BOVINOS LOCAL DOS SERVIÇOS: PERIMETRO IRRIGADO FORMOSO, LOTE 1194 BR

Leia mais

CARVALHO, M. M.; RABECHINI, R. Construindo competências para gerenciar projetos. Atlas:São Paulo, PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE. PMI.

CARVALHO, M. M.; RABECHINI, R. Construindo competências para gerenciar projetos. Atlas:São Paulo, PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE. PMI. Gestão de Projetos 4/18/2012 1 CARVALHO, M. M.; RABECHINI, R. Construindo competências para gerenciar projetos. Atlas:São Paulo, 2006. PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE. PMI. Um guia do conhecimento em gerenciamento

Leia mais

4. Classificação dos materiais quanto à função:

4. Classificação dos materiais quanto à função: 1. Introdução A disciplina Materiais de Construção tem a sua importância na formação e no exercício profissional por ser um pré-requisito a ser aplicado em Técnicas Construtivas, que posteriormente serão

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO 1. OBRA/LOCAL/IDENTIFICAÇÃO

MEMORIAL DESCRITIVO 1. OBRA/LOCAL/IDENTIFICAÇÃO MEMORIAL DESCRITIVO 1. OBRA/LOCAL/IDENTIFICAÇÃO Obra: Construção de um Prédio Residencial Multifamiliar Local: Avenida Maria José Pinheiro Machado x Jorge Calixto nº 570 Planta aprovada nº 174/16 expedida

Leia mais

Residência em Arquitetura de Software. Gerência de Tempo. Prof. Dr. Sandro Ronaldo Bezerra Oliveira

Residência em Arquitetura de Software. Gerência de Tempo. Prof. Dr. Sandro Ronaldo Bezerra Oliveira Residência em Arquitetura de Software Gerência de Tempo Prof. Dr. Sandro Ronaldo Bezerra Oliveira srbo@ufpa.br www.ufpa.br/srbo Gerência de Desenvolvimento 2008.2 Faculdade de Computação Instituto de Ciências

Leia mais

UNIVERSIDADE EDUARDO MONDLANE

UNIVERSIDADE EDUARDO MONDLANE UNIVERSIDADE EDUARDO MONDLANE ANOS DA CRIAÇÃO DO CIUEM 3ª FASE DO DESENVOLVIMENTO DO CIUEM 2009 2013 TICs PARA TODOS NO ENSINO, INOVAÇÃO E INVESTIGAÇÃO Tecnologias de Informação e Comunicação A expansão

Leia mais

GERENCIAMENTO DE CUSTOS DO PROJETO (PARTE I - Teoria)

GERENCIAMENTO DE CUSTOS DO PROJETO (PARTE I - Teoria) UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO DE CONSTRUÇÃO CIVIL GERENCIAMENTO DE CUSTOS DO PROJETO (PARTE I - Teoria) EQUIPE: TC_045 - GERENCIAMENTO DE PROJETOS PROFESSORA: ELAINE SOUZA MARINHO DEFINIÇÃO

Leia mais

Prefeitura Municipal de São Miguel das Missões Construção de Lavanderia na UBS/Bairro Alegria PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

Prefeitura Municipal de São Miguel das Missões Construção de Lavanderia na UBS/Bairro Alegria PLANILHA ORÇAMENTÁRIA 3.3 73942/002 Prefeitura Municipal de São Miguel das Missões 1. SERVIÇOS PRELIMINARES R$ 355,38 1.1 73801/001 DEMOLICAO DE PISO DE ALTA RESISTENCIA M² 8,25 R$ 17,84 R$ 22,30 R$ 183,98 1.2 LOCACAO CONVENCIONAL

Leia mais

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DAS OBRAS PERÍODO MARÇO A MAIO DE 2017

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DAS OBRAS PERÍODO MARÇO A MAIO DE 2017 PERÍODO MARÇO A MAIO DE 2017 Andamento das Obras Serviços concluídos até 31/05/2017 Fachadas Instalações hidráulicas, elétricas, interfones, alarme de incêndio, sistema de monitoramento e controle de acesso;

Leia mais

QUANTITATIVOS, ORÇAMENTO ESTIMATIVO

QUANTITATIVOS, ORÇAMENTO ESTIMATIVO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO DE CONSTRUÇÃO CIVIL QUANTITATIVOS, ORÇAMENTO ESTIMATIVO TC_042 - CONSTRUÇÃO CIVIL IV PROFESSORA: ELAINE SOUZA MARINHO MÉTODOS DE ORÇAMENTO ESTRUTURA ANALÍTICA

Leia mais

Curitiba, 15 de Março de 2016

Curitiba, 15 de Março de 2016 Curitiba, 15 de Março de 2016 1 PROGRAMAÇÃO DA AULA 1ª PARTE: PROFESSORA Teoria sobre Escopo Montagem de EAP 2 PROGRAMAÇÃO DA AULA 2ª PARTE: ALUNOS Montagem de Mapa Mental p/ criação de uma EAP 3 O que

Leia mais

Administração de Projetos

Administração de Projetos Administração de Projetos gerenciamento do escopo Prof. Robson Almeida Gerenciamento do Escopo Sendo o primeiro passo do Planejamento do Projeto, esta fase identifica e documenta o trabalho que produzirá

Leia mais

MBA em Gerenciamento de Projetos

MBA em Gerenciamento de Projetos Coordenação: Prof. André Valle, Doutor Código SIGA: TMBAGPJ*12/01 Currículo: TMBAGPJ*12_01-1 1 JUSTIFICATIVA Em países emergentes como o Brasil, existe uma grande demanda a nível nacional por cursos de

Leia mais

CUMEEIRA TELHA CERAMICA EMBOCADA ARGAMASSA 1:2:8 (CIMENTO, CAL E AREIA) 63,00 m 25, ,34

CUMEEIRA TELHA CERAMICA EMBOCADA ARGAMASSA 1:2:8 (CIMENTO, CAL E AREIA) 63,00 m 25, ,34 UL URUAÇU - ORÇAMENTO PARA REFORMA DA INSTALAÇÕES DA UNIDADE LOCAL DE URUAÇU MÊS REFERÊNCIA SETEMBRO 2015 ITEM ITEM SINAPI DESCRIÇÃO QUANT. UNID. SERVIÇO UNIT. TOTAL 01. SERVIÇOS PRELIMINARES 1.575,00

Leia mais

NR 18 PROPOSTA DE ALTERAÇÃO PLANO DE TRABALHO

NR 18 PROPOSTA DE ALTERAÇÃO PLANO DE TRABALHO NR 18 PROPOSTA DE ALTERAÇÃO PLANO DE TRABALHO PRESSUPOSTOS Pontos fortes Norma extremamente avançada quando da sua concepção; Inovadora na criação do diálogo tripartite CPN; Proporcionou alta capilaridade

Leia mais

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DA OBRA PERÍODO MARÇO E ABRIL DE 2016

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DA OBRA PERÍODO MARÇO E ABRIL DE 2016 RELATÓRIO DE ANDAMENTO DA OBRA PERÍODO MARÇO E ABRIL DE 2016 Andamento das Obras Civis Serviços concluídos até 29/04/16: Remoção total da terra proveniente das escavações dos subsolos; Escavação, arrasamento

Leia mais

MANUAL PARA INÍCIO DE OBRA

MANUAL PARA INÍCIO DE OBRA MANUAL PARA INÍCIO DE OBRA 1 PROCEDIMENTOS PARA INÍCIO DE OBRA 1. Apresentar cópia de Planta Aprovada pela Prefeitura Municipal de Campinas, cópia do Alvará de Execução para liberação de obra e cópia da

Leia mais

GERENCIAMENTO DAS COMUNICAÇÕES DO PROJETO (PARTE I - Teoria)

GERENCIAMENTO DAS COMUNICAÇÕES DO PROJETO (PARTE I - Teoria) UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO DE CONSTRUÇÃO CIVIL GERENCIAMENTO DAS COMUNICAÇÕES DO PROJETO (PARTE I - Teoria) EQUIPE: TC_045 - GERENCIAMENTO DE PROJETOS PROFESSORA: ELAINE SOUZA MARINHO

Leia mais

Portfolio de Atividades. Prof. João Carlos Boyadjian,PMP,MBA,MSc

Portfolio de Atividades. Prof. João Carlos Boyadjian,PMP,MBA,MSc Portfolio de Atividades Prof. João Carlos Boyadjian,PMP,MBA,MSc A JCB MANAGEMENT. é uma empresa voltada para o segmento de Gerenciamento de Projetos, Planejamento, Controle de Projetos e Produção para

Leia mais

GERENCIAMENTO DE INTEGRAÇÃO PROF. BARBARA TALAMINI VILLAS BÔAS

GERENCIAMENTO DE INTEGRAÇÃO PROF. BARBARA TALAMINI VILLAS BÔAS GERENCIAMENTO DE INTEGRAÇÃO PROF. BARBARA TALAMINI VILLAS BÔAS 9 ÁREAS DE CONHECIMENTO DE GP / PMBOK / PMI DEFINIÇÃO O Gerenciamento de Integração do Projeto envolve os processos necessários para assegurar

Leia mais

CANTEIRO DE OBRA 1. ESPECIFICAÇOES TECNICAS DOS SERVIÇOS

CANTEIRO DE OBRA 1. ESPECIFICAÇOES TECNICAS DOS SERVIÇOS CANTEIRO DE OBRA 1. ESPECIFICAÇOES TECNICAS DOS SERVIÇOS 1.1- FUNDAÇÕES Blocos em concreto simples 0.45mx0,40mx0,24m 1.4- COBERTURA Em telhas recicladas de tetra pack e alumínio. Uma cobertura ecologicamente

Leia mais

Informativo nº 03/ de março de 2017 MOVIMENTO NOVA 381

Informativo nº 03/ de março de 2017 MOVIMENTO NOVA 381 MOVIMENTO NOVA 381 Data do lançamento: 21 de março de 2013 55.810 Participantes Inscritos 22 Estados Brasileiros com participantes 589 Municípios com participantes Como surgiu? Por meio da iniciativa de

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS 2016 SENADO FEDERAL

PRESTAÇÃO DE CONTAS 2016 SENADO FEDERAL PRESTAÇÃO DE CONTAS 2016 SENADO FEDERAL Prestação de Contas ANEEL Comissão de Infraestrutura do Senado Federação (CI) 2016 Brasília - DF 15 de junho de 2016 Diretoria Colegiada da ANEEL ESTRUTURA INSTITUCIONAL

Leia mais

DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO. Estágio Curricular Supervisionado

DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO. Estágio Curricular Supervisionado DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO Estágio Curricular Supervisionado DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO Estágio Curricular Supervisionado - ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS - ADMINISTRAÇÃO INDUSTRIAL E LOGÍSTICA - ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

PLANEAMENTO DE OBRAS José Amorim Faria

PLANEAMENTO DE OBRAS José Amorim Faria PLANEAMENTO DE OBRAS José Amorim Faria ABRIL 2011 1 OBJECTO 1. Noção de Planeamento 2. Dados base 3. Resultados do planeamento 4. Como obter os dados base 5. Planeamento de obras Reflexões teóricas 6.

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS DA BIBLIOTECA ESCOLAR / DOS SERVIÇOS DE BIBLIOTECA ESCOLAR DE ESCOLA / AGRUPAMENTO...

MANUAL DE PROCEDIMENTOS DA BIBLIOTECA ESCOLAR / DOS SERVIÇOS DE BIBLIOTECA ESCOLAR DE ESCOLA / AGRUPAMENTO... THEKA Projecto Gulbenkian de Formação de Professores para o Desenvolvimento de Bibliotecas Escolares www.theka.org MÓDULO E: GESTÃO DE RECURSOS. Maria José Vitorino (2005) MANUAL DE PROCEDIMENTOS DA BIBLIOTECA

Leia mais

Materializando Sonhos. Desde 1980

Materializando Sonhos. Desde 1980 Materializando Sonhos. Desde 1980 Prezados clientes: Como de costume viemos atualizá-los sobre o andamento das atividades realizadas no mês de novembro na Obra do Condomínio Recanto dos Pássaros. Continuamos

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Convênio: Obra: Fabricação e Instalação de 2 Paradas de Ônibus. Local: Av. Dr. Waldomiro Graeff. O presente memorial descritivo e especificações técnicas tem

Leia mais

WWW.PAINEISTERMOISOLANTES.COM.BR Sistema construtivo industrializado alinhado aos critérios da norma de desempenho para empreendimentos habitacionais Giovani Oliveira Gerente do Segmento Revestimentos

Leia mais

Limpeza do terreno m 2 Área de ocupação, mais 3m em toda a periferia ou o total. Locação da obra m 2 Área do primeiro pavimento da obra.

Limpeza do terreno m 2 Área de ocupação, mais 3m em toda a periferia ou o total. Locação da obra m 2 Área do primeiro pavimento da obra. CRITÉRIOS PARA MEDIÇÃO DOS SERVIÇOS Limpeza do terreno m 2 Área de ocupação, mais 3m em toda a periferia ou o total. Locação da obra m 2 Área do primeiro pavimento da obra. Em obras muito extensas ou recortadas,

Leia mais

03/02/2014. Gestão de Projetos. Tema 1. Motivação. Fatores que influenciaram as empresas ao longo do tempo: Motivação Tecnologia

03/02/2014. Gestão de Projetos. Tema 1. Motivação. Fatores que influenciaram as empresas ao longo do tempo: Motivação Tecnologia Gestão de Projetos Tema 1 A Natureza e a Estrutura da Gestão de Projetos Motivação Fatores que influenciaram as empresas ao longo do tempo: Tecnologia. Mercado. Sociedade. Clientes. Motivação Tecnologia

Leia mais

Estrutura Analítica do Projeto EAP

Estrutura Analítica do Projeto EAP Estrutura Analítica do Projeto EAP Estrutura Analítica do Projeto Também conhecida por Work Breakdown Structure, a Estrutura Analítica do Projeto EAP é a representação visual de toda a estrutura do objetivo

Leia mais

Orçamento: RESIDENCIA - ANDRE CONGONHAS

Orçamento: RESIDENCIA - ANDRE CONGONHAS Orçamento: RESIDENCIA - ANDRE CONGONHAS Orçamento parcial nº 1 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 m2 Corte de capoeira fina a foice 900,000 0,19 171,00 1.2 m2 Raspagem e limpeza manual de terreno 900,000 0,63 567,00

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR TÉCNICO

INSTITUTO SUPERIOR TÉCNICO INSTITUTO SUPERIOR TÉCNICO GESTÃO DE EMPREENDIMENTOS E OBRAS GUIÃO DA DISCIPLINA DOCENTES: Prof. Antunes Ferreira Prof. Pedro Gameiro Henriques Prof. Rui Cunha Marques Eng.ª Inês Flores-Colen ANO LECTIVO

Leia mais

ITAQUERÃO Estrutura Analítica do Projeto

ITAQUERÃO Estrutura Analítica do Projeto Prof. Luciel H. de Oliveira ITAQUERÃO Estrutura Analítica do Projeto Gestão de Pessoas e Projetos Desenvolvido por: Alexandre Weinberger, Freddy Marcos, Giuliana Klotz, Larissa Soares, Lydia Nasser Agenda

Leia mais

Lideres - IBJO 07/09/2014

Lideres - IBJO 07/09/2014 IGREJA BATISTA JARDIM DAS OLIVEIRAS PLANO DE AÇÃO PLANEJAMENTO 2014/2020 Lideres - IBJO 07/09/2014 PLANO DE AÇÃO (PA) Objetivo: Alvará de Funcionamento Definitivo e Aprovação do Projeto Construtivo do

Leia mais

PLANO DE MANUTENÇÃO, ATUALIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E INSTALAÇÕES E PROCEDIMENTOS PARA EXPANSÃO DA INFRAESTRUTURA

PLANO DE MANUTENÇÃO, ATUALIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E INSTALAÇÕES E PROCEDIMENTOS PARA EXPANSÃO DA INFRAESTRUTURA PLANO DE MANUTENÇÃO, ATUALIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E INSTALAÇÕES E PROCEDIMENTOS PARA EXPANSÃO DA INFRAESTRUTURA APRESENTAÇÃO Este plano objetiva orientar as rotinas de manutenção, conservação e atualização

Leia mais

índice Fases básicas da obra 3 Importância da estrutura .4 Mapa estrutural 5 Alvenaria 7 Cobertura 8 Acabamento 9 Como escolher o cimento

índice Fases básicas da obra 3 Importância da estrutura .4 Mapa estrutural 5 Alvenaria 7 Cobertura 8 Acabamento 9 Como escolher o cimento índice Fases básicas da obra...3 Importância da estrutura...4 Mapa estrutural...5 Alvenaria...7 Cobertura...8 Acabamento...9 Como escolher o cimento...10 Portfólio...12 Dicas...14 Uma obra passa por dezenas

Leia mais

Gestão de Projectos. 1. Introdução 2

Gestão de Projectos. 1. Introdução 2 1. Introdução 2 2. Especificação do Projecto 2.1. Identificação da missão 2.2. Objectivos do projecto 2.. Produto Final a entregar ao cliente 4 2.4. Cliente do projecto 4 2.5. Requisitos do Cliente 4 2.6.

Leia mais

1.3.Formação da Equipa de Qualidade Constituição definitiva. 1.4.Sensibilização para a Qualidade

1.3.Formação da Equipa de Qualidade Constituição definitiva. 1.4.Sensibilização para a Qualidade Implementação do Sistema de Gestão de Qualidade da Segurança Social Nível C 1.1.Reflexão sobre o que significa um processo de Qualidade Pertinência / Oportunidade para o CST IPSS Reunião Técnica 5 de Fevereiro

Leia mais

Anexo XII - Modelo de Orçamento - Bloco Sanitários

Anexo XII - Modelo de Orçamento - Bloco Sanitários BLOCO SANITÁRIOS 1. Serviços Iniciais 1.1 Demolição prédio de madeira m2 61 33,31 2.031,91 1.2 Limpeza permanente m2 61 3,22 196,36 1.3 Tapume compensado 2,20 m de altura m 34 102,03 3.469,02 1.4 Locação

Leia mais

CONDOMÍNIO CIDADE JARDIM 2 CJ2 EDITAL Nº02/2014/CJ2

CONDOMÍNIO CIDADE JARDIM 2 CJ2 EDITAL Nº02/2014/CJ2 CONDOMÍNIO CIDADE JARDIM 2 CJ2 EDITAL Nº02/2014/CJ2 O CONDOMÍNIO CIDADE JARDIM 2 CJ2 comunica que estará recebendo na Administração, localizada na Av. Augusto Montenegro, 6955, em horário comercial, propostas

Leia mais

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DA OBRA PERÍODO JANEIRO E FEVEREIRO DE 2016

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DA OBRA PERÍODO JANEIRO E FEVEREIRO DE 2016 RELATÓRIO DE ANDAMENTO DA OBRA PERÍODO JANEIRO E FEVEREIRO DE 2016 Andamento das Obras Civis Serviços concluídos até 12/02/16: Estacas Escavadas são as paredes de concreto com profundidade de 11 metros

Leia mais

Tudo o que você precisa saber para reformar sua casa!

Tudo o que você precisa saber para reformar sua casa! Tudo o que você precisa saber para reformar sua casa! 1. INTRODUÇÃO... 3 2. PLANEJAMENTO... 4 3. DETALHES... 5 4. CRONOGRAMA... 6 5. PREÇOS DA MÃO DE OBRA E MATERIAIS... 7 6. FORMAS DE PAGAMENTO... 8 7.

Leia mais

MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL ITAU UNIBANCO

MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL ITAU UNIBANCO MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL ITAU UNIBANCO QUADRO DE DISCIPLINAS Disciplinas Economia Empresarial Finanças Corporativas Gestão Contábil Financeira Gestão de Pessoas Gestão da Qualidade e Processos Gestão

Leia mais

REMODELAÇÃO DO ESTALEIRO MUNICIPAL VIANA DO ALENTEJO

REMODELAÇÃO DO ESTALEIRO MUNICIPAL VIANA DO ALENTEJO REMODELAÇÃO DO ESTALEIRO MUNICIPAL VIANA DO ALENTEJO ÍNDICE 1 CADERNO DE ENCARGOS 2 PROJECTO DE EXECUÇÃO A ARQUITECTURA 1.1.2 Solução Proposta 1.1.2.1 - Introdução 1.1.2.2 Caracterização do Espaço 1.1.2.2.1

Leia mais

TUTORIAL FAZENDO CONSTRUÇÕES COM MATERIAIS SIMPLES E ACESSÍVEIS

TUTORIAL FAZENDO CONSTRUÇÕES COM MATERIAIS SIMPLES E ACESSÍVEIS TUTORIAL FAZENDO CONSTRUÇÕES COM MATERIAIS SIMPLES E ACESSÍVEIS Todos nós hobistas queremos que as nossas maquetes contenham cênicas com construções, galpões, industrias, estações, plataformas, centrais

Leia mais

Por que o Project Builder é tão efetivo como ferramenta para PMO

Por que o Project Builder é tão efetivo como ferramenta para PMO argumento da apresentação Por que o Project Builder é tão efetivo como ferramenta para PMO - assertividade da abordagem conceitual - características tecnológicas - flexibilidade da oferta Efetivo na implementação

Leia mais

Visão geral do PMBOK. Objetivo do PMBOK

Visão geral do PMBOK. Objetivo do PMBOK Visão geral do PMBOK PMI - Project Management Institute William Lopes de Oliveira Objetivo do PMBOK Identificar e descrever o conhecimento e as práticas aplicáveis na maioria das vezes na maioria dos projetos

Leia mais

ÁREA DO CONCURSO: TÉCNICAS DE CONSTRUÇÃO CIVIL

ÁREA DO CONCURSO: TÉCNICAS DE CONSTRUÇÃO CIVIL PROGRAMA E BIBLIOGRAFIA DO CONCURSO PARA PROVIMENTO DE VAGA DE PROFESSOR ADJUNTO EM REGIME DE 20 HORAS SEMANAIS PARA O DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE MATERIAIS E CONSTRUÇÃO ÁREA DO CONCURSO: TÉCNICAS DE

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES DE DESEMPENHO EM EMPREENDIMENTOS DE HIS

ESPECIFICAÇÕES DE DESEMPENHO EM EMPREENDIMENTOS DE HIS ESPECIFICAÇÕES DE DESEMPENHO EM EMPREENDIMENTOS DE HIS 2.1 Diretrizes gerais de projeto para atender aos requisitos de desempenho 2.1.1 Segurança no uso e operação 2.1.2 Segurança contra

Leia mais

Conceitos Básicos Evolução do Gerenciamento de Projetos

Conceitos Básicos Evolução do Gerenciamento de Projetos EXCELÊNCIA EM GESTÃO DE PROJETOS Conceitos Básicos Evolução do Gerenciamento de Projetos Prof. Adriane Queiroz DEA-UFMS PROJETO VIDA PESSOAL E SOCIAL DE ONDE SURGEM OS PROJETOS? Sonhos e desejos Solidariedade

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ESTADO DOS TRANSPORTES E OBRAS PÚBLICAS INSTITUTO DE OBRAS PÚBLICAS DO ESPÍRITO SANTO 2016 R0

GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ESTADO DOS TRANSPORTES E OBRAS PÚBLICAS INSTITUTO DE OBRAS PÚBLICAS DO ESPÍRITO SANTO 2016 R0 PROJETOS PARA EDIFICIOS EDUCACIONAIS LEVANTAMENTO ARQUITETÔNICO M2 R$ 4,34 PROJETO REDES ELÉTRICAS M2 R$ 10,00 LEVANTAMENTO DE CARGAS E REDES ELÉTRICAS M2 R$ 2,11 PROJETO TELEFÔNICO M2 R$ 3,01 PROJETO

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PROJETOS

GERENCIAMENTO DE PROJETOS GERENCIAMENTO DE PROJETOS O que é um projeto? PROJETO é o oposto de ROTINA Projeto é um empreendimento temporário conduzido para criar um produto ou serviço único. Projeto é um processo único, consistente

Leia mais

8. INFORMATIVO TRIMESTRAL DE ANDAMENTO DE OBRA EDIFÍCIO AIMBERÊ HOUSE PERDIZES RUA AIMBERÊ, 618 PERDIZES - SÃO PAULO/SP

8. INFORMATIVO TRIMESTRAL DE ANDAMENTO DE OBRA EDIFÍCIO AIMBERÊ HOUSE PERDIZES RUA AIMBERÊ, 618 PERDIZES - SÃO PAULO/SP São Paulo, 31 de outubro de 2016. LW/WA/127/1016. 8. INFORMATIVO TRIMESTRAL DE ANDAMENTO DE OBRA EDIFÍCIO AIMBERÊ HOUSE PERDIZES RUA AIMBERÊ, 618 PERDIZES - SÃO PAULO/SP Prezado (a) cliente, Com relação

Leia mais

Objetivo. Planeje. Atribuição não-comercial. 1 Acesse o CAQi no

Objetivo. Planeje. Atribuição não-comercial. 1 Acesse o CAQi no Objetivo Desenvolver um processo de planejamento financeiro para uma Política Intersetorial de Educação Integral garantindo os recursos necessários e tendo como base o Planejamento Intersetorial territorializado,

Leia mais

Gerência e Planejamento de Projeto. Engenharia de Software I Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2015

Gerência e Planejamento de Projeto. Engenharia de Software I Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2015 Gerência e Planejamento de Projeto Engenharia de Software I Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2015 Conteúdo: Parte 1: Gerenciamento & Qualidade Plano de Projeto - aspectos gerais Parte 2: Plano

Leia mais

A SUBCONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS NA ATIVIDADE ECONÔMICA DA CONSTRUÇÃO CIVIL

A SUBCONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS NA ATIVIDADE ECONÔMICA DA CONSTRUÇÃO CIVIL A SUBCONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS NA ATIVIDADE ECONÔMICA DA CONSTRUÇÃO CIVIL A subcontratação de serviços é inerente à atividade da construção civil Processo contínuo de surgimento de novas técnicas de construção

Leia mais

Campus Capivari Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS) Prof. André Luís Belini /

Campus Capivari Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS) Prof. André Luís Belini   / Campus Capivari Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS) Prof. André Luís Belini E-mail: prof.andre.luis.belini@gmail.com / andre.belini@ifsp.edu.br MATÉRIA: GESTÃO DE PROJETOS Aula N : 05 Tema: Gerenciamento

Leia mais

PESSOA A CONTACTAR Nome telefone/ telemóvel

PESSOA A CONTACTAR Nome telefone/ telemóvel INSERRALVES Incubadora de Indústrias Criativas FORMULÁRIO DE CANDIDATURA A preencher pela Fundação de Serralves Entidade receptora Data de recepção DESIGNAÇÃO DO PROJECTO Nome Actividade PESSOA A CONTACTAR

Leia mais

Catálogo. de Produtos

Catálogo. de Produtos Catálogo de Produtos A Telhas Brasil é uma empresa com mais de 15 anos de experiência no desenvolvimento e fabricação de produtos para coberturas metálicas. São produzidos de acordo com as normas vigentes.

Leia mais

Residencial. Mona Lisa CRECI 17429J

Residencial. Mona Lisa CRECI 17429J APARTAMENTO TIPO Planta Apartamento TIPO 1 Dormitórios 45,52 m² área útil privativa + vaga Planta Apartamentos com 2 Dormitórios (2º dormitório reversível) por conta do comprador Schultzer de Camargo Valter

Leia mais

INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO 31/03/2015 GESTÃO DO TEMPO CRONOGRAMA GERENCIAMENTO DE PROJETOS DEFINIÇÃO DA ATIVIDADE DEFINIÇÃO DA ATIVIDADE

INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO 31/03/2015 GESTÃO DO TEMPO CRONOGRAMA GERENCIAMENTO DE PROJETOS DEFINIÇÃO DA ATIVIDADE DEFINIÇÃO DA ATIVIDADE UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO DE CONSTRUÇÃO CIVIL INTRODUÇÃO 2 GERENCIAMENTO DE PROJETOS Prof. : Heloisa Campos GESTÃO DO TEMPO GESTÃO DO ESCOPO DEFINIDA Definir as atividade; Sequenciar

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA Agosto de 2015 INTRODUÇÃO O Ministério de Educação (MEC) através do Sistema Nacional

Leia mais

Cursos IST/OE(RS) (Análises Económica e de Decisão aplicadas à avaliação de projetos de engenharia)

Cursos IST/OE(RS) (Análises Económica e de Decisão aplicadas à avaliação de projetos de engenharia) Cursos IST/OE(RS) Curso de Engenharia Económica (EE) (Análises Económica e de Decisão aplicadas à avaliação de projetos de engenharia) Quintas-feiras, 19h às 22h, sala VA1, Pavilhão de Civil, IST Alameda.

Leia mais