Análise do Comério Varejista Janeiro-2016

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Análise do Comério Varejista Janeiro-2016"

Transcrição

1 Análise do Comério Varejista Janeiro-2016 A Análise do Comércio Varejista é uma avaliação bimestral que visa mostrar o desempenho dos negócios do comércio no mês de Dezembro/2015 e identifica a percepção dos empresários para o mês de Janeiro/2016. Melhor para 32,6% das empresas Em média: 21,1% p.p. Nov/15 44,3% Dez/2014-1,8 Comércio Varejista Restrito Melhor para 32,3% das empresas Desempenho FATURAMENTO Expectativa O percentual de empresários que obtiveram um resultado melhor em dezembro foi inferior em 34,7 p.p ao percentual que esperava melhora das vendas no período. 35,9% espera um faturamento melhor em Janeiro de 2015 Liquidações Apenas 54,7% das empresas realizaram promoções/ liquidações em dez/15 57,1% das empresas fecharam o mês com o estoque no ponto ideal. Estoque 65,8% realizarão neste mês 2 p.p. Nov/15 Vendas à prazo 38,6% das vendas foram realizadas a prazo Dessas 75,9% feitas através de Cartão de Crédito 86,7% dos empresários planejam manter a equipe 2,7% aumentará 10,5% diminuirá Número de funcionários Expectativas para o Carnaval 2016 Para 27,4% dos empresários o carnaval de rua de Belo Horizonte tem impacto positivo para o comércio. 29,9% acredita que sua loja irá vender mais que na festa do ano de Nota: *A população considerada é composta por empresas dos (RAIS 2014) estabelecimentos do comércio varejista de Belo Horizonte. Foram entrevistados 480 empresários do Comércio Varejista de Belo Horizonte, entre os dias 5 e 14 de Janeiro de 2016.

2 Comércio Varejista Restrito Ampliado 67,3% 32,6% Melhor Igual Pior Melhor Igual Pior 21,3% Perfil das Empresas 72,2% das empresas de Belo Horizonte possuem até 9 pessoas em seu quadro de funcionários, o que caracteriza microempresas 23,9% Faturamento de dez/15 em relação a nov/15 Faturamento Tempo de atuação das empresas Até 02 anos De 2 a 5 anos De 5 a 10 anos De 10 a 20 anos De 20 a 50 anos Acima de 50 anos Faturamento de dez/15 em relação aos seis meses anteriores 3,2% 12,7% 21,4% 32,3% 28,5% 1,9% Faturamento de dez/15 em relação a dez/14 32,6% 16,5% 12,9% 23,9% 31,2% 15,6% 43,5% 52,3% 71,4% 32,3% 17,8% 13,0% 22,3% 30,6% 14,7% 45,4% 51,7% 72,2% 11,4% Estimado (1) Realizado (2) 43,5% Em relação a nov/15 o faturamento em dez/15 foi melhor para 32,6% das empresas de Belo Horizonte. Este resultado foi 34,7 p.p. inferior ao percentual de empresários que esperavam melhorar o faturamento no mês. 56,5% do empresariado vendeu, em dez/15, mais ou igual ao mês de nov/15, porém, esse percentual foi inferior em 10,8 se comprado com o mesmo período de Melhor Igual Pior (1) Percepção avaliada na pesquisa anterior (2) Resultado para o Comércio Varejista Ampliado 67,3% Vendas melhores ou iguais às realizadas em relação ao mês anterior 57,5% 50,9% 49,1% 50,2% 52,7% 56,5% 50,7% 34,5% 36,8% 40,8% 44,2% 40,1% 54,6% jan/15 fev/15 mar/15 abr/15 mai/15 jun/15 jul/15 ago/15 set/15 out/15 nov/15 dez/15 jan/16 Comércio Varejista Ampliado Comércio Varejista Restrito TEL

3 Expectativas para janeiro Melhores do que o mês anterior Iguais ao do mês anterior Piores do que o mês anterior Expectativas para o Faturamento Comércio Varejista Ampliado Restrito ,7% 35,9% 35,3% 26,8% 31,6% 33,1% 25,5% 32,5% 31,7% Ao avaliar o comércio varejista restrito, desconsiderando as empresas do segmento Veículos, motos, partes e peças e de Materiais de construção, 35,3% dos empresários esperam um faturamento melhor em janeiro do que no mês de dezembro. Expectativa de faturamento melhor frente ao mês anterior Para 35,9% dos empresários entrevistados, o faturamento em janeiro será melhor que em dezembro. Em relação a 2015, os empresários estavam mais otimistas, uma vez que no mesmo período, o percentual foi de 47,7%. 47,7% 45,8% 71,4% 57,8% 63,1% 64,5% 53,3% 63,9% 65,7% 62,6% 66,6% 67,3% 35,9% 35,3% jan/15 fev/15 mar/15 abr/15 mai/15 jun/15 jul/15 ago/15 set/15 out/15 nov/15 dez/15 jan/16 Comércio Varejista Ampliado Comércio Varejista Restrito Segmentos do Comércio Varejista Percentual de empresas que observaram/esperam melhora no faturamento Desempenho em dez/15 Combustíveis e Lubrificantes Supermercados, hipermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo Tecido, vestuário e calçados Movéis e eletrodomésticos Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos Equipamentos e materiais para escritório, Informática e de comunicação Livros, jornais, revistas e papelaria Outros artigos de uso pessoal e doméstico Veículos e motocicletas, partes e peças Material de construção Expectativas para jan/16 28,6% 33,3% 22,0% 30,8% 39,3% 32,6% 28,1% 43,8% 36,4% 28,1% 27,3% 33,3% 16,7% 44,4% 44,1% 54,8% 45,3% 30,0% 20,5% 47,8% TEL

4 Situação Financeira 66,0% novembro dezembro 24,3% dezembro novembro 9,7% Para 9,7% do comércio varejista de Belo Horizonte, a saúde do fluxo de caixa em dezembro foi melhor em relação ao mês anterior, índice menor que o apurado na última avaliação (13,6%). Comércio Varejista Restrito: 9,7% das empresas apresentaram em dezembro a saúde do fluxo de caixa melhor e 23,9% manteve a situação financeira. Estoque Acima do desejado No ponto ideal Abaixo do desejado 18,8% 57,1% 24,1% Estoque final no ponto desejado Entre os empresários entrevistados, 57,1% fecharam o mês de dezembro com o estoque no ponto ideal, resultado superior ao apurado na avaliação anterior (54,7%). 18,8% fecharam o mês com estoque acima do esperado. O percentual de empresas que terminaram o período com o estoque abaixo do ideal 24,1% foi inferior do que na última avaliação (29,6%). 79% 75% 75% 73% 77% 66% 72% 82% 78% 70% 72% 56% 61% 59% 59% 62% 60% 53% 60% 53% 57% 58% 55% 57% jan fev mar abr mai jun jul ago set out nov dez jan fev mar abr mai jun jul ago set out nov dez Liquidações e Promoções É a hora do consumidor ficar atento às oportunidades de aliar preço e qualidade, otimizando seu poder de compra. Pelo lado do lojista é possível girar os estoques dos artigos, estimulando as compras por impulso, e fortalecer o caixa da empresa para a compra do novo mix de produtos. A competição acirrada, que caracteriza o comércio varejista, tem exigido uma postura agressiva na definição da política de preços e promoções. O fator chave tem sido a criatividade na conquista do consumidor, seja através do atendimento e do mix de produtos ou de novos canais de vendas, como a internet ou vendas diretas e compras coletivas. 65,8% farão liquidações e promoções neste mês. 54,7% dos empresários de Belo Horizonte realizaram promoções/liquidações em janeiro TEL

5 38,4% novembro dezembro 47,7% Em dezembro, o preço dos fornecedores aumentou para 59,3% dos empresários da capital. Análise do Comércio Varejista Unidades pedidas aos fornecedores em dezembro dezembro novembro 13,9% Os empresários fazem suas encomendas com vistas a oferecer um estoque diversificado, inovador e competitivo, hoje, um dos principais atributos de valor. Os investimentos em estoque de mercadorias para as vendas de dezembro mativeram o mesmo volume para 47,7% dos empresários, valor inferior aos 53,1% apurados na pesquisa anterior. 13,9% aumentaram o volume de seus pedidos, número menor em relação a avaliação anterior (17,3%). Expectativa dos preços dos fornecedores para janeiro Irão aumentar em relação ao mês anterior 47,7% Irão manter em relação ao mês anterior 50,4% Irão diminuir em relação ao mês anterior 1,9% Número de empregados Aumentaram/Aumentará Manteve-se/Manterá Diminuiu/Diminuirá Em dezembro 5,0% 80,0% 15,0% Expectativa para janeiro 2,7% 86,7% 10,5% Meios de pagamento Para janeiro, 86,7% dos empresáros planejam manter a equipe, 02,7% aumentá-la e 10,5% dos entrevistados irão reduzi-la. À vista (cartão de débito, dinheiro e cheque) 61,4% Receita de Vendas Vendas a Prazo (cartão de crédito, cheque pré-datado, etc.) 38,6% Formas de vendas a prazo 75,9% das vendas a prazo, foram feitas através do cartão de crédito em Belo Horizonte 83% 82% 82% 84% 83% 82% 77% 80% 78% 75% 79% 82% 81% 70% 71% 70% 69% 73% 72% 71% 72% 71% 74% 76% 76% 10% 8% 10% 7% 8% 8% 11% 9% 13% 12% 11% 7% 12% 19% 15% 18% 20% 16% 16% 16% 17% 16% 16% 15% 17% Cheque Cartão de Crédito Cartão de Crédito Próprio Boleto Em dezembro os cheques responderam a 17,3% das vendas a prazo, índice superior ao obtido na avaliação anterior. Já os cartões de crédito próprio e os boletos, responderam por 02,9% e 17,3% respectivamente. TEL

6 Cartão de Crédito Dos empresários consultados, 98,1% trabalharam/aceitaram Cartão de Crédito em nov/15, houve um recuo em relação a sondagem anterior (98,7%). N de parcelas >12 jan/16 dez/15 nov/15 3,1% 0,6% 2,5% 5,8% 9,1% 8,4% 23,9% 13,9% 18,8% 14,2% 7,5% 7,1% 9,6% 13,6% 10,1% 26,0% 28,0% 24,8% 0,5% 0,0% 0,3% 1,0% 1,9% 0,3% 0,0% 0,0% 0,0% 11,6% 17,7% 20,2% 0,0% 0,0% 0,0% 4,3% 7,8% 7,6% 0,0% 0,0% 0,0% Na opinião de muitos empresários, o fato de não trabalhar com cartões limita o fluxo de negócios da empresa, comprometendo a imagem do estabelecimento junto aos consumidores/clientes. Isso não implica em não trabalhar com outras formas de pagamento. Número de paracelas por meio de pagamento (3) 100% 100% 90% 91% 76% 69% 55% 67% 27% 27% 25% 25% 53% 43% 8% 8% 0% 17% 17% 0% 0% 0% 0% 16% 16% 4% 4% >12 a 24 >24 0% Cartão de Crédito Cheque Cartão de Crédito Próprio Boleto/Carnê (3)Indica o percentual de empresas que praticam ATÉ determinado número de parcelas Aceite de cheque 24% 25% 28% 21% 21% 22% 22% 21% 21% 19% 21% 16% 10% 12% 14% 15% 13% 8% 9% 9% 11% 8% 14% 16%20% Os empresários afirmam que o risco ao receber cheques é 68,6% da empresa e 31,4% da financeira. TEL

7 Medidas contra a Inadimplência Ações Capacita colaboradores ( vendedores, caixas) Cheque pré-datado com prazo menor Cheque só p/ cliente Fidelizado Condiciona volume de compra a prazo Desconto para pagamento em dinheiro Não aceita cheques Prioriza o uso do Cartão de Crédito Restringe o recebimento de cheques pré-datados Utiliza Cadastro jan/16 dez/15 nov/15 15,0% 23,5% 22,0% 0,0% 0,0% 0,0% 7,1% 6,2% 8,1% 0,0% 0,0% 0,0% 0,0% 0,0% 1,2% 77,1% 69,5% 67,6% 0,8% 0,0% 0,4% 0,0% 0,0% 0,0% 0,0% 0,9% 0,8% Expectativas para o Carnaval 2016 Na opnião dos empresários o carnaval de rua de Belo Horizonte será, para o comércio varejista 27,4% 42,4% 30,2% Motivo para ser POSITIVO Motivo para ser NEGATIVO Mais movimento na loja 69,3% Muitos consumidores viajam 52,6% Mais turistas/pessoas na cidade 26,1% Pouco movimento 44,3% Maior venda de bebidas Festas, alegria das pessoas 11,4% 5,7% A data não favorece o comércio Crise econômica O carnaval de BH não é atrativo 10,3% 4,1% 27,8% Divulgação melhor 4,5% Endividamento do consumidor 3,1% Investimento da prefeitura 1,1% Não tem carnaval no entorno 3,1% Vendas da loja Vender menos; 28,8% Vender mais ; 29,9% 61,8% 37,0% 32,4% 33,3% 24,1% Vender o mesmo; 41,3% 5,9% 5,6% 0,0% Até 10,0% De 10,1% a 20,0%De 20,1% a 50,0% Acima de 50,0% Vender mais Vender menos TEL

8 Ações para o período Medidas para incremento das vendas no período Preços promocionais 46,7% Liquidações 23,1% Visibilidade da loja 8,7% Diversidade de pordutos 44,8% Outros 1,6% 0,3% Funcionamento das lojas no período 23,6% 13,3% 8,2% 7,3% 1,8% 0,9% Segunda-feira e quarta-feira Não irá funcionar Apenas na segunda-feira Todos os dias Ainda não sabe Quarta-feira após 12h Outros Metodologia Pesquisa quantitativa do tipo survey telefônico, baseada em amostra estratificada pelos segmentos do Comércio Varejista e regiões de Belo Horizonte. O universo pesquisado foram as empresas do comércio varejista da capital mineira. O método utilizado para a seleção das lojas foi definido com base no cadastro da área de Estudos Econômicos do Sistema Fecomércio MG. A pesquisa foi realizada entre os dias 5 e 14 de Janeiro/2016. Foram avaliadas 480 empresas, sendo que 381 pertencem ao comércio varejista restrito, perfazendo uma margem de erro da ordem de 5,0% para a amostra a um intervalo de confiança de 95%. A avaliação sobre as expectativas para o carnaval de 2016 foi realizada apenas com as empresas do comércio varejista restrito. Nota: Para o ano de 2016, a àrea de Estudos Econômicos da Fecomércio MG preparou algumas mudanças nos indicadores acompanhados pela instituição. A períodicidade desta pesquisa, Análise do Comércio Varejista, foi alterada de mensal para bimestral. Essa alteração possibilitará o acompanhamento de outros indicadores para auxíliar os empresários no desenvolvimento de seu negócio. As análises bimestrais trarão, além dos indicadores padrão, informações pontuais a cada aplicação. Alguns indicadores serão calculados de duas formas, uma conciderando todas as empresas do comércio varejista e outra considerando apenas os segmentos do comércio varejista restrito. As avaliações anteriores não incluíam todos os segmentos do varejo. TEL

9 Glossário Comércio Varejista Ampliado: Inclui todas as empresas do comércio varejista. Elas correspondem aos segmentos de: Combustíveis e lubrificantes; Supermercados, hipermercados, produtos alímentícios, bebidas e fumo; tecidos, vestuário e calçados; Móveis e eletrodomésticos; Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos; Equipamentos e materiais para escritório, informática e de comunicação; Livros, jornais, revistas e papelaria; Outros artigos de uso pessoal e domésticos; Veículos e motocicletas, partes e peças; Material de construção. Comércio Varejista Restrito: Inclui os segmentos de: Combustíveis e lubrificantes; Supermercados, hipermercados, produtos alímentícios, bebidas e fumo; tecidos, vestuário e calçados; Móveis e eletrodomésticos; Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos; Equipamentos e materiais para escritório, informática e de comunicação; Livros, jornais, revistas e papelaria; Outros artigos de uso pessoal e domésticos. EQUIPE TÉCNICA - ESTUDOS ECONÔMICOS Responsável: Guilherme Lucas Moreira Dias Almeida Analista de Pesquisa: Elisa Castro da Mata Ferreira Assistente Administrativo: Dayanne Jéssica da Silva Mendes Pesquisadores: Daylla Themis Vilefort Campos Sato Marcos Vinícius Martins de Sousa Sabrina Cristina Sousa Santos Sara Ângela dos Santos Jovem Aprendiz: Yanna Paula Araújo da Silva TEL

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte Abril/15 A mostra o desempenho dos negócios do comércio no mês de Março/2015 e identifica a percepção dos empresários para o mês de Abril/2015. O mês de março mostrou mais uma queda no faturamento dos

Leia mais

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte Março/15 A mostra o desempenho dos negócios do comércio no mês de Fevereiro/2015 e identifica a percepção dos empresários para o mês de Março/2015. Neste mês, 20,8% dos empresários conseguiram aumentar

Leia mais

*A 30.453 38.654 (RAIS

*A 30.453 38.654 (RAIS Nota: *A população considerada é composta por 30.453 empresas dos 38.654 (RAIS 2014) estabelecimentos do comércio varejista de Belo Horizonte. Foram entrevistados 380 empresários do Comércio Varejista

Leia mais

EXPECTATIVAS PARA AS OLIMPÍADAS RIO 2016

EXPECTATIVAS PARA AS OLIMPÍADAS RIO 2016 EXPECTATIVAS PARA AS OLIMPÍADAS RIO 2016 A realização das Olimpíadas 2016 promete movimentar o comércio de bens, serviços e turismo não apenas no Rio de Janeiro. O Estado de Minas Gerais receberá delegações

Leia mais

Balanço do Crédito do Comércio Varejista

Balanço do Crédito do Comércio Varejista Receitas de Vendas A vista (cartão de débito, dinheiro e cheque) Vendas a Prazo (cartão de crédito, cheque pré-datado, etc.) Total Formas de vendas a prazo que a empresa aceita Cheque Cartão de Crédito

Leia mais

Comércio em Números. Brasil. meses.

Comércio em Números. Brasil. meses. Belo Horizonte MG Abril de 2015 O Comércio em Números é um acompanhamento sistemático das estatísticas econômicas. Trata-se de um estudo que busca acompanhar o comportamento das variáveis de desempenho

Leia mais

Opinião do Consumidor Natal - 2015

Opinião do Consumidor Natal - 2015 exigir mais qualidade de produtos e prestação de serviço diferenciada, a preços acessíveis. A área de Estudos Econômicos do Sistema Fecomércio MG realizou esta pesquisa com o objetivo de traçar um quadro

Leia mais

Expectativas do Comércio Varejista de Belo Horizonte para o Natal 2014

Expectativas do Comércio Varejista de Belo Horizonte para o Natal 2014 Cenário: Expectativas do Comércio Varejista de A área de Estudos Econômicos da FECOMÉRCIO MG realizou esta pesquisa, com objetivo de captar a percepção, as estratégias e as tendências a serem adotadas

Leia mais

Comércio Eletrônico - Consumidor Dezembro -2015

Comércio Eletrônico - Consumidor Dezembro -2015 Dezembro -2015 O comércio eletrônico ou e-commerce é a compra e venda de mercadorias ou serviços por meio da Internet, onde as chamadas Lojas Virtuais oferecem seus produtos e formas de pagamento online.

Leia mais

Análise de Endividamento do Consumidor

Análise de Endividamento do Consumidor Belo Horizonte - 2015 A Análise Mensal do Endividamento do Consumidor traça o quadro de endividamento e inadimplência dos consumidores da capital. Essas informações são importantes porque englobam dados

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Vendas no 2 Semestre de 2013 e Expectativa de vendas para o 1 Semestre de 2014

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Vendas no 2 Semestre de 2013 e Expectativa de vendas para o 1 Semestre de 2014 Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista Vendas no 2 Semestre de 2013 e Expectativa de vendas para o 1 Semestre de 2014 2014 Apresentação Observar e entender como foram às vendas no início do ano são

Leia mais

Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Minas Gerais Rua Curitiba, 561 Centro CEP 30170-120 Belo Horizonte/MG TEL + 55 31 3270

Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Minas Gerais Rua Curitiba, 561 Centro CEP 30170-120 Belo Horizonte/MG TEL + 55 31 3270 Perfil do Consumidor 54,3% 45,7% 19,9% 23,2% 18,7% 22,5% 15,7% 16 a 24 25 a 34 35 a 44 45 a 59 60 ou mais 67,8% Ensino fundamental incompleto Ensino fundamental completo 2ª Grau incompleto e completo Superior

Leia mais

PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2016 -

PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2016 - PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2016 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico Coordenação de Campo: Roberto Guerra SUMÁRIO

Leia mais

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte A saúde do fluxo de caixa em julho piorou para 60,2% dos empresários. No que se refere aos estoques 60,4% conseguiram fechar o mês no ponto ideal. Já os números de pedidos, 49,1% dos empresários mantiveram

Leia mais

Análise do Comércio Varejista Setembro

Análise do Comércio Varejista Setembro A Análise do Comércio Varejista é uma avaliação bimestral que visa mostrar o desempenho do comércio no mês de agosto/2016 e identifica a percepção dos empresários para o mês de setembro/2016. Agosto apresentou

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Consumidor Expectativas para o Natal 2014

Pesquisa de Opinião do Consumidor Expectativas para o Natal 2014 A área de Estudos Econômicos do Sistema Fecomércio MG realizou esta pesquisa com o objetivo de traçar um quadro sobre o possível comportamento do consumidor no Natal 2014. Trata-se de um instrumento capaz

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Expectativas para o Dia dos Pais

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Expectativas para o Dia dos Pais Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista Expectativas para o Dia dos Pais 2013 Apresentação O Dia dos Pais marca a abertura do calendário de datas comemorativas do comércio varejista no segundo semestre.

Leia mais

Dia dos Pais - 2010. SCS Qd. 06 Ed. Jessé Freire, 6º Andar CEP: 70306-911 Brasília-DF - Fone: (61) 3962-2011 Fax: (61) 3962-2021

Dia dos Pais - 2010. SCS Qd. 06 Ed. Jessé Freire, 6º Andar CEP: 70306-911 Brasília-DF - Fone: (61) 3962-2011 Fax: (61) 3962-2021 Dia dos Pais - 2010 Expectativa de Vendas do Comércio de Varejo do Distrito Federal Brasília, Julho de 2010. 1. ÍNDICE Apresentação...4 Expectativa de Vendas...5 Variação nos Estoques...7 Preço Médio do

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Copa das Confederações

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Copa das Confederações Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista 2013 Apresentação A de 2013 teve sua nona edição realizada no Brasil entre os dias 15 e 30 de junho e serviu como base para a Copa do Mundo de 2014. Belo Horizonte

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Comércio Eletrônico

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Comércio Eletrônico Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista 2013 1 Apresentação Com o avanço constante e veloz da Tecnologia da Informação, a internet eliminou barreiras geográficas e se tornou um caminho para o Comércio

Leia mais

Análise do Comércio Varejista - Maio Área de Estudos Econômicos

Análise do Comércio Varejista - Maio Área de Estudos Econômicos Análise do Comércio Varejista - Maio 2017 Área de Estudos Econômicos Análise do Comércio Varejista Conhecer o desenvolvimento do comércio e as suas expectativas é importante para auxiliar o planejamento

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista de Belo Horizonte

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista de Belo Horizonte A Copa do Mundo FIFA terá como anfitrião o Brasil e Belo Horizonte foi eleita uma das doze cidades-sedes dos jogos. Este será um importante evento para a capital mineira. Espera-se a chegada de aproximadamente

Leia mais

Balanço do Crédito do Comércio Varejista de Belo Horizonte

Balanço do Crédito do Comércio Varejista de Belo Horizonte Balanço do Crédito do Comércio de Belo Horizonte Novembro 2013 BALANÇO DO CRÉDITO DO COMÉRCIO VAREJISTA DE BELO HORIZONTE Novembro/2013 1 O Balanço do Crédito do Comércio de Belo Horizonte é uma pesquisa

Leia mais

EXPECTATIVAS, GESTÃO E AÇÕES DOS EMPRESÁRIOS DO COMÉRCIO VAREJISTA PARA O NATAL DE 2013 MACAPÁ - 2013

EXPECTATIVAS, GESTÃO E AÇÕES DOS EMPRESÁRIOS DO COMÉRCIO VAREJISTA PARA O NATAL DE 2013 MACAPÁ - 2013 EXPECTATIVAS, GESTÃO E AÇÕES DOS EMPRESÁRIOS DO COMÉRCIO VAREJISTA PARA O NATAL DE 2013 MACAPÁ - 2013 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 POPULAÇÃO... 3 4 COLETA DE DADOS... 3 5 RESULTADOS... 4 Ilustração 1 -

Leia mais

Análise do Comércio Varejista - Janeiro Área de Estudos Econômicos

Análise do Comércio Varejista - Janeiro Área de Estudos Econômicos Análise do Comércio Varejista - Janeiro 2017 Área de Estudos Econômicos Análise do Comércio Varejista Conhecer o desenvolvimento do comércio e as suas expectativas é importante para auxiliar o planejamento

Leia mais

Pesquisa de Orçamento Doméstico

Pesquisa de Orçamento Doméstico Fonte: Sistema Fecomércio MG EE A Pesquisa de Orçamento Doméstico de Belo Horizonte é um balizador do comportamento das famílias, relativo aos seus compromissos correntes e financeiros. A falta de planejamento,

Leia mais

Análise do Comércio Varejista Materiais de Construção 2 Sem/2016

Análise do Comércio Varejista Materiais de Construção 2 Sem/2016 Análise do Comércio Varejista Materiais de Construção 2 Sem/2016 O Sindicato do Comércio Varejista de Materiais de Construção, Tintas, Ferragens e Maquinismos - Sindimaco, em parceria com a área de Estudos

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Expectativas dos Empresários do Comércio Varejista de Belo Horizonte para a Copa das Confederações 2013

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Expectativas dos Empresários do Comércio Varejista de Belo Horizonte para a Copa das Confederações 2013 Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista Expectativas dos Empresários do Comércio Varejista de Belo Horizonte para a Copa das Confederações 2013 Março 2013 Apresentação A Copa das Confederações de 2013

Leia mais

INTENÇÃO DE CONSUMO DAS FAMÍLIAS - ICF

INTENÇÃO DE CONSUMO DAS FAMÍLIAS - ICF INTENÇÃO DE CONSUMO DAS FAMÍLIAS - ICF Goiânia GO Janeiro 2010 SUMÁRIO Tabela 1 - Síntese dos Resultados 3 Tabela 2 - Variações percentuais sobre o mês anterior 3 Análise dos Resultados 4 Tabela 3 - Intenção

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Contratação de trabalho temporário

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Contratação de trabalho temporário Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista Contratação de trabalho temporário 2013 1 Apresentação O Natal é a melhor data de vendas para o comércio varejista. É o período das confraternizações, mundialmente

Leia mais

Expectativa de Vendas 1 Sem/2016

Expectativa de Vendas 1 Sem/2016 Observar e entender como foram às vendas no segundo semestre do ano são fundamentais para auxiliar no planejamento o próximo semestre, que contempla uma das mais importantes datas comemorativas para o

Leia mais

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES Página 1 de 28 Atualização: da poupança jun/81 1 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00 26.708,00-0,000% - 26.708,00 26.708,00 26.708,00 jul/81 2 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00

Leia mais

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo.

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo. 1 MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo Maio/ 2014 Metodologia 2 Metodologia 3 Técnica Pesquisa quantitativa,

Leia mais

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 30 de Novembro de 2015

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 30 de Novembro de 2015 Associação Brasileira de Supermercados Nº58 ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 30 de Novembro de 2015 Índice de Vendas acumula queda de -1,02% até outubro Vendas do setor

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 1.72.380,00 0,00 0,00 0,00 361.00,00 22,96 22,96 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl Acum 14 set/11 15

Leia mais

Determinantes da Evolução Recente do Consumo Privado

Determinantes da Evolução Recente do Consumo Privado Determinantes da Evolução Recente do Consumo Privado O dinamismo do consumo privado, traduzindo a evolução favorável das condições dos mercados de trabalho e de crédito, e das expectativas dos consumidores,

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista A Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista de Belo Horizonte, realizada pela área de do Sistema Fecomércio MG mostra o desempenho dos negócios do comércio varejista no mês anterior e identifica a percepção

Leia mais

PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO

PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO FORTALEZA Dezembro 2009 Apresentação 3 Delineamento da Amostra 5 Quadros Estatísticos 7 Tabela 2 - Faturamento - Variação Frente a Igual Período do Ano Anterior 9 Tabela

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Produtos Importados

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista. Produtos Importados Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista 2013 O consumo no Brasil atravessa uma fase de mudanças importantes de hábitos, produtos e preços. Depois da abertura comercial, que trouxe na década de 1990 a

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista de Belo Horizonte. Polo de Moda

Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista de Belo Horizonte. Polo de Moda Pesquisa de Opinião do Comércio Varejista de Belo Horizonte 2013 Apresentação Belo Horizonte também é conhecida por abrigar, entre suas montanhas, tradicionais polos da moda. Os bairros de Lourdes, Prado,

Leia mais

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo.

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo. 1 MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo Abril / 2014 Metodologia 2 Metodologia 3 Técnica Pesquisa quantitativa,

Leia mais

PAINEL. US$ Bilhões. nov-05 0,8 0,7 0,6 0,5 0,4 0,3 0,2 0,1

PAINEL. US$ Bilhões. nov-05 0,8 0,7 0,6 0,5 0,4 0,3 0,2 0,1 Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior ASSESSORIA ECONÔMICA PAINEL PRINCIPAIS INDICADORES DA ECONOMIA BRASILEIRA Número 68 1 a 15 de fevereiro de 211 ANÚNCIOS DE INVESTIMENTOS De

Leia mais

Comércio em Números. Brasil. meses.

Comércio em Números. Brasil. meses. Belo Horizonte MG Dezembro de 2015 O é um acompanhamento sistemático das estatísticas econômicas. Trata-se de um estudo que busca acompanhar o comportamento das variáveis de desempenho do consumo e das

Leia mais

SONDAGEM INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO

SONDAGEM INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO Indicadores CNI SONDAGEM INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO Indústria da construção aprofunda deterioração A indústria da construção continua a se deteriorar. O índice de nível de atividade e o número de empregados

Leia mais

1. COMÉRCIO 1.1. Pesquisa Mensal de Comércio. 1.2. Sondagem do comércio

1. COMÉRCIO 1.1. Pesquisa Mensal de Comércio. 1.2. Sondagem do comércio Nº 45- Maio/2015 1. COMÉRCIO 1.1. Pesquisa Mensal de Comércio O volume de vendas do comércio varejista restrito do estado do Rio de Janeiro registrou, em fevereiro de 2015, alta de 0,8% em relação ao mesmo

Leia mais

Expectativa de Vendas 2 Sem/2016

Expectativa de Vendas 2 Sem/2016 Observar e entender como foram as vendas no início do ano são fundamentais para auxiliar no planejamento para o 2 semestre, que terá três datas comemorativas importantes, o Dia dos Pais, o Dia das Crianças

Leia mais

Relatório Resultado de vendas do Dia dos Pais

Relatório Resultado de vendas do Dia dos Pais Federação do Comércio do Estado de Santa Catarina Relatório Resultado de vendas do Dia dos Pais Cenário da variação na economia no período do Dia dos Pais em 2009 Divisão de planejamento Núcleo de Pesquisa

Leia mais

Índice de Confiança da Indústria Pernambucana mantém-se em queda em julho

Índice de Confiança da Indústria Pernambucana mantém-se em queda em julho Outubro de 2009 Julho de 2012 Índice de Confiança da Indústria Pernambucana mantém-se em queda em julho O Índice de Confiança da Indústria de Transformação de Pernambuco (ICI-PE) volta a recuar em julho

Leia mais

BOLETIM CONJUNTURAL BOLETIM COMÉRCIO VAREJISTA DE PERNAMBUCO: AGOSTO DE 2014 (MÊS DE REFERÊNCIA: JUNHO DE 2014) INSTITUTO FECOMÉRCIO - PE 3

BOLETIM CONJUNTURAL BOLETIM COMÉRCIO VAREJISTA DE PERNAMBUCO: AGOSTO DE 2014 (MÊS DE REFERÊNCIA: JUNHO DE 2014) INSTITUTO FECOMÉRCIO - PE 3 Boletim Conjuntural Junho / 2014 BOLETIM CONJUNTURAL BOLETIM COMÉRCIO VAREJISTA DE PERNAMBUCO: AGOSTO DE 2014 (MÊS DE REFERÊNCIA: JUNHO DE 2014) 1. Contexto nacional e regional Em junho, a economia brasileira

Leia mais

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 29 de Outubro de 2015

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 29 de Outubro de 2015 Associação Brasileira de Supermercados Nº57 ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 29 de Outubro de 2015 Setor de supermercados acumula queda de -0,96% Renda e inflação afetam

Leia mais

Análise do Comércio Varejista - Materiais de Construção 1 Sem/2017

Análise do Comércio Varejista - Materiais de Construção 1 Sem/2017 Análise do Comércio Varejista - Materiais de Construção 1 Sem/2017 Análise do Comércio Varejista - Sindimaco 2016 A área de Estudos Econômicos da Fecomércio MG (Federação do Comércio de Bens, Serviços

Leia mais

SENSUS. Relatório Síntese CNT SENSUS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL RODADA 97. 25 a 29 de Maio de 2009

SENSUS. Relatório Síntese CNT SENSUS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL RODADA 97. 25 a 29 de Maio de 2009 Pesquisa e Consultoria Relatório Síntese PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL RODADA 97 CNT 25 a 29 de Maio de 2009 SAUS Q 01 - Bloco J - Entradas 10 e 20 Rua Grão Pará, 737 4ºandar Ed. CNT - 11 o andar

Leia mais

Comércio em Números. Brasil. meses.

Comércio em Números. Brasil. meses. Belo Horizonte MG Novembro de 2016 O é um acompanhamento sistemático das estatísticas econômicas. Trata-se de um estudo que busca acompanhar o comportamento das variáveis de desempenho do consumo e das

Leia mais

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 29 de Setembro de 2015

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 29 de Setembro de 2015 Associação Brasileira de Supermercados Nº56 ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 29 de Setembro de 2015 Ritmo de vendas do autosserviço diminui em agosto Resultado do mês

Leia mais

Federação do Comércio do Estado de Santa Catarina Relatório de Resultado de vendas Dia dos Namorados

Federação do Comércio do Estado de Santa Catarina Relatório de Resultado de vendas Dia dos Namorados Federação do Comércio do Estado de Santa Catarina Relatório de Resultado de vendas Dia dos Namorados Panorama do movimento na economia durante o Dia dos Namorados 1 Divisão de Planejamento Núcleo de Pesquisa

Leia mais

Informações e orientações para organização do processo decisório

Informações e orientações para organização do processo decisório Informações e orientações para organização do processo decisório Prof. Pedro Paulo H. Wilhelm, Dr. Eng. Prod (Dep. Economia) WILHELM@FURB.BR Prof. Maurício C. Lopes, Msc. Eng. Prod. (Dep. Computação) MCLOPES@FURB.BR

Leia mais

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+ CALENDÁRIO, 2015 7 A JAN. 0 QUARTA -1-0.0018 7022.5 3750.3 1 QUINTA 0 +0.0009 7023.5 3751.3 2 SEXTA 1 +0.0037 7024.5 3752.3 3 SÁBADO 2 +0.0064 7025.5 3753.3 4 DOMINGO 3 +0.0091 7026.5 3754.3 5 SEGUNDA

Leia mais

PLANO DE NEGÓCIOS. Causas de Fracasso:

PLANO DE NEGÓCIOS. Causas de Fracasso: PLANO DE NEGÓCIOS Causas de Fracasso: Falta de experiência profissional Falta de competência gerencial Desconhecimento do mercado Falta de qualidade dos produtos/serviços Localização errada Dificuldades

Leia mais

ANÁLISE DO VOLUME DE VENDAS DO COMÉRCIO VAREJISTA FEV/2015

ANÁLISE DO VOLUME DE VENDAS DO COMÉRCIO VAREJISTA FEV/2015 ANÁLISE DO VOLUME DE VENDAS DO COMÉRCIO VAREJISTA FEV/015 O COMÉRCIO VAREJISTA NO BRASIL APRESENTA RETRAÇÃO NAS VENDAS EM FEVEREIRO A Pesquisa Mensal de Comércio (PMC) realizada pelo Instituto Brasileiro

Leia mais

Relatório de Pesquisa. Março 2013

Relatório de Pesquisa. Março 2013 Relatório de Pesquisa SONDAGEM CONJUNTURAL DO VAREJO BRASILEIRO Março 2013 SONDAGEM CONJUNTURAL DO VAREJO BRASILEIRO Pesquisa realizada pela CNDL e SPC Brasil. Foram ouvidos em todo o país 615 varejistas.

Leia mais

Notas sobre a divulgação do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) JUNHO/2010

Notas sobre a divulgação do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) JUNHO/2010 Notas sobre a divulgação do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) JUNHO/2010 Dados divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego para junho de 2010 confirmam a recuperação do emprego

Leia mais

SECRETARIA DA INDÚSTRIA, COMÉRCIO E MINERAÇÃO SICM SUPERINTENDÊNCIA DE COMÉRCIO E SERVIÇOS SCS Informativo CODAV ATACADO, VAREJO E DISTRIBUIÇÃO

SECRETARIA DA INDÚSTRIA, COMÉRCIO E MINERAÇÃO SICM SUPERINTENDÊNCIA DE COMÉRCIO E SERVIÇOS SCS Informativo CODAV ATACADO, VAREJO E DISTRIBUIÇÃO PÁGINA 1 Página 1 SECRETARIA DA INDÚSTRIA, COMÉRCIO E MINERAÇÃO SICM SUPERINTENDÊNCIA DE COMÉRCIO E SERVIÇOS SCS Informativo CODAV ATACADO, VAREJO E DISTRIBUIÇÃO I N F O R M A T I V O B I M E S T R A L

Leia mais

Área de Estudos Econômicos. Expectativa de vendas 1 semestre de 2017

Área de Estudos Econômicos. Expectativa de vendas 1 semestre de 2017 Área de Estudos Econômicos Expectativa de vendas 1 semestre de 2017 Expectativa de vendas - 1 semestre de 2017 Observar e entender como foram as vendas no segundo semestre de 2016 é fundamental para auxiliar

Leia mais

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 22 de Dezembro de 2015

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 22 de Dezembro de 2015 Associação Brasileira de Supermercados Nº59 ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 22 de Dezembro de 2015 Supermercados mostram queda de -1,61% até novembro Desemprego e renda

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Janeiro de 2014 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

Pesquisa de Endividamento do Consumidor (PEC) de Belo Horizonte

Pesquisa de Endividamento do Consumidor (PEC) de Belo Horizonte Pesquisa de Endividamento do Consumidor (PEC) de Belo Horizonte Setembro 2013 Apresentação A Pesquisa de Endividamento do Consumidor (PEC) traça o quadro de endividamento e inadimplência dos consumidores.

Leia mais

SONDAGEM INDUSTRIAL Dezembro de 2015

SONDAGEM INDUSTRIAL Dezembro de 2015 SONDAGEM INDUSTRIAL Dezembro de 2015 Indústria espera que as exportações cresçam no primeiro semestre de 2016 A Sondagem industrial, realizada junto a 154 indústrias catarinenses no mês de dezembro, mostrou

Leia mais

EVOLUÇÃO DO EMPREGO POR SUBSETORES DE ATIVIDADES ECONÔMICAS ESPÍRITO SANTO - SALDO DE EMPREGOS

EVOLUÇÃO DO EMPREGO POR SUBSETORES DE ATIVIDADES ECONÔMICAS ESPÍRITO SANTO - SALDO DE EMPREGOS EVOLUÇÃO DO EMPREGO POR SUBSETORES DE ATIVIDADES ECONÔMICAS ESPÍRITO SANTO - SALDO DE EMPREGOS O Ministério do Trabalho e Emprego divulgou o saldo de empregos dos principais setores da economia, através

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Agosto de 2014 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

SONDAGEM INDUSTRIAL Março de 2015

SONDAGEM INDUSTRIAL Março de 2015 SONDAGEM INDUSTRIAL Março de 2015 A exportação se consolida como perspectiva positiva para os próximos meses A Sondagem industrial, realizada junto a 162 indústrias catarinenses no mês de março, mostrou

Leia mais

Informativo PIB Trimestral

Informativo PIB Trimestral Informativo PIB Trimestral v. 1 n. 1 abr. jun. 2010 ISSN 2178-8367 Economia baiana cresce 10,4% no segundo trimestre e acumula alta de 10,0% no 1º semestre No segundo trimestre de 2010, a economia baiana

Leia mais

BALANÇO ECONÔMICO 2013 & PERSPECTIVAS 2014

BALANÇO ECONÔMICO 2013 & PERSPECTIVAS 2014 BALANÇO ECONÔMICO 2013 & PERSPECTIVAS 2014 Porto Alegre, 4 de fevereiro de 2014 a CENÁRIO INTERNACIONAL CRESCIMENTO ANUAL DO PIB VAR. % ESTADOS UNIDOS: Focos de incerteza Política fiscal restritiva Retirada

Leia mais

B R A S I L EMERGENTE E X P E C T A T I V A D E V I D A E C O N S U M O E M 2 0 1 5

B R A S I L EMERGENTE E X P E C T A T I V A D E V I D A E C O N S U M O E M 2 0 1 5 B R A S I L EMERGENTE E X P E C T A T I V A D E V I D A E C O N S U M O E M 2 0 1 5 O I N V E S T I M E N T O P E L A L Ó G I C A D A D E M A N D A R E N A T O M E I R E L L E S r e n a t o @ d a t a p

Leia mais

Pesquisa de Opinião do Consumidor Orçamento Doméstico. Abril 2013

Pesquisa de Opinião do Consumidor Orçamento Doméstico. Abril 2013 Pesquisa de Opinião do Consumidor Abril Belo Horizonte MG Abril de Apresentação Acompanhar o consumidor através da organização de seu orçamento doméstico é uma ferramenta valiosa para auxiliar a tomada

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego

Pesquisa Mensal de Emprego Pesquisa Mensal de Emprego Rio de Janeiro, 28 de janeiro de 2016. PME Retrospectiva 2003-2015 13 anos Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento 1 (IBGE / DPE / COREN) 1 Rio de Janeiro,

Leia mais

PAINEL 9,6% dez/07. out/07. ago/07 1.340 1.320 1.300 1.280 1.260 1.240 1.220 1.200. nov/06. fev/07. ago/06

PAINEL 9,6% dez/07. out/07. ago/07 1.340 1.320 1.300 1.280 1.260 1.240 1.220 1.200. nov/06. fev/07. ago/06 Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior ASSESSORIA ECONÔMICA PAINEL PRINCIPAIS INDICADORES DA ECONOMIA BRASILEIRA Número 35 15 a 30 de setembro de 2009 EMPREGO De acordo com a Pesquisa

Leia mais

Atendimento Virtual Ampla

Atendimento Virtual Ampla 21 a 25 de Agosto de 2006 Belo Horizonte - MG Atendimento Virtual Ampla Carlos Felipe de Moura Moysés Ampla Energia e Serviços S.A cmoyses@ampla.com André Theobald Ampla Energia e Serviços S.A theobald@ampla.com

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Julho de 2015 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

Notícias Economia Internacional. e Indicadores Brasileiros. Nº 2/2 - Janeiro de 2014

Notícias Economia Internacional. e Indicadores Brasileiros. Nº 2/2 - Janeiro de 2014 Notícias Economia Internacional e Indicadores Brasileiros Nº 2/2 - Janeiro de 2014 Sindmóveis - Projeto Orchestra Brasil www.sindmoveis.com.br www.orchestrabrasil.com.br Realização: inteligenciacomercial@sindmoveis.com.br

Leia mais

FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO

FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO ANÁLISE CONJUNTURAL DO MÊS DE DEZEMBRO DE 2013 CURITIBA E R.M Este relatório, referente ao mês de Dezembro de 2013, da Pesquisa Conjuntural

Leia mais

Resultados 1T15. 05 de Maio de 2015 11h00 (Brasília) / 10h00 (US EST) Português: +55 (11) 2188-0155 Inglês: +1 (646) 843-6054 Código de Acesso: Marisa

Resultados 1T15. 05 de Maio de 2015 11h00 (Brasília) / 10h00 (US EST) Português: +55 (11) 2188-0155 Inglês: +1 (646) 843-6054 Código de Acesso: Marisa Resultados 05 de Maio de 2015 11h00 (Brasília) / 10h00 (US EST) Português: +55 (11) 2188-0155 Inglês: +1 (646) 843-6054 Código de Acesso: Marisa Nota de Ressalva E s t a a p r e s e n t a ç ã o pode i

Leia mais

Perfil de endividamento das famílias por faixas de renda para São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte

Perfil de endividamento das famílias por faixas de renda para São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte Perfil de endividamento das famílias por faixas de renda para São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte Em agosto de 2014, as famílias com renda entre cinco e dez salários mínimos apresentaram a maior

Leia mais

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos COMÉRCIO VAREJISTA NOVEMBRO DE 2015

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos COMÉRCIO VAREJISTA NOVEMBRO DE 2015 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos COMÉRCIO VAREJISTA NOVEMBRO DE 2015 PRODUTOS O COMÉRCIO RESPONDE POR 12,7% DO PIB BRASILEIRO O COMÉRCIO VAREJISTA É RESPONSÁVEL POR 42% DO COMÉRCIO

Leia mais

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,8 21-Jul-00 Real 0,6493 Sem frete - PIS/COFINS

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Novembro de 2009 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal

Leia mais

Dificuldade no acesso ao crédito é disseminada na construção

Dificuldade no acesso ao crédito é disseminada na construção SONDAGEM INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO Informativo da Confederação Nacional da Indústria Ano 5 Número 6 Junho de 2014 www.cni.org.br ISSN 2317-7322 Destaques ANÁLISE ECONÔMICA Falta de crédito dificulta recuperação

Leia mais

Descrição Jan a Jun. 2013 Jan a Jun. 2014 Variação R$ Variação % Receitas Custos Assistenciais Resultado Operacional

Descrição Jan a Jun. 2013 Jan a Jun. 2014 Variação R$ Variação % Receitas Custos Assistenciais Resultado Operacional Comparativamente com o mesmo período de 2013, o percentual de crescimento dos custos assistenciais (atendimentos a beneficiários locais - 158) foi de 20,06%, enquanto que as receitas oriundas de mensalidades

Leia mais

- Gestão Financeira 1 -

- Gestão Financeira 1 - 1 Cap 2 - Administração do Capital de Giro 2.1 Introdução 2.2 O capital circulante e capital circulante líquido 2.3 Políticas de gerenciamento do capital circulante 2.4 Capital de Giro Próprio 2.5 Capital

Leia mais

Unidade III MARKETING DE VAREJO E. Profa. Cláudia Palladino

Unidade III MARKETING DE VAREJO E. Profa. Cláudia Palladino Unidade III MARKETING DE VAREJO E NEGOCIAÇÃO Profa. Cláudia Palladino Compras, abastecimento e distribuição de mercadorias Os varejistas: Precisam garantir o abastecimento de acordo com as decisões relacionadas

Leia mais

NCIA DAS. Palmas - TO

NCIA DAS. Palmas - TO PESQUISA DE ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA NCIA DAS FAMÍLIAS Palmas - TO Janeiro 2010 SUMÁRIO Análise dos Resultados 3 Tabela 1 PEIC - Evolução nos últimos 13 meses 3 Tabela 2 PEIC Evolução nos últimos

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO Plano de Ensino EIXO TECNOLÓGICO: Gestão e Negócios IDENTIFICAÇÃO CURSO: Técnico em Vendas FORMA/GRAU:( )integrado ( x )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

PESQUISA DE ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR - PEIC PORTO ALEGRE - RS

PESQUISA DE ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR - PEIC PORTO ALEGRE - RS PESQUISA DE ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR - PEIC PORTO ALEGRE - RS JULHO/2012 SUMÁRIO Histórico da PEIC... 3 Tabela 1 - Nível de endividamento... 4 Tabela 2 - Tipo de dívida... 5 Tabela 3

Leia mais

Soluções estratégicas em economia

Soluções estratégicas em economia Soluções estratégicas em economia Cenário macroeconômico e perspectivas para 2014/2018 maio de 2014 Perspectivas para a economia mundial Perspectivas para a economia brasileira Perspectivas para os Pequenos

Leia mais

PESQUISA DE ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR - PEIC PORTO ALEGRE - RS

PESQUISA DE ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR - PEIC PORTO ALEGRE - RS PESQUISA DE ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR - PEIC PORTO ALEGRE - RS NOVEMBRO/2012 SUMÁRIO Histórico da PEIC... 3 Tabela 1 - Nível de endividamento... 4 Tabela 2 - Tipo de dívida... 5 Tabela

Leia mais

Área de Estudos Econômicos. Expectativas do Comércio Varejista Natal 2016

Área de Estudos Econômicos. Expectativas do Comércio Varejista Natal 2016 Área de Estudos Econômicos Expectativas do Comércio Varejista Natal 2016 Expectativa de vendas O Natal é a melhor data de vendas para o comércio varejista. É período de confraternizações, mundialmente

Leia mais

RELATÓRIO DE RESULTADOS MARÇO/15 INDICADORES DO COMÉRCIO VAREJISTA DO DISTRITO FEDERAL PANORAMA E PERSPECTIVAS

RELATÓRIO DE RESULTADOS MARÇO/15 INDICADORES DO COMÉRCIO VAREJISTA DO DISTRITO FEDERAL PANORAMA E PERSPECTIVAS RELATÓRIO DE RESULTADOS MARÇO/15 INDICADORES DO COMÉRCIO VAREJISTA DO DISTRITO FEDERAL PANORAMA E PERSPECTIVAS 1. Resultados consolidados para todas as categorias associadas ao Sindivarejista 2. Resultados

Leia mais

Resultados 4T14 13 de fevereiro de 2014

Resultados 4T14 13 de fevereiro de 2014 Resultados 4T14 13 de fevereiro de 2014 12h00 (Brasília) / 09h00 (US EST) Português: +55 (11) 2188-0155 Inglês: +1 (646) 843-6054 Código de Acesso: Marisa Nota de Ressalva E s t a a p r e s e n t a ç ã

Leia mais

Mapa Estratégico de Minas Gerais

Mapa Estratégico de Minas Gerais Mapa Estratégico de Minas Gerais ORGANIZAÇÃO DAS ÁREAS DE RESULTADO => Desafios setoriais Desdobrados em: => Objetivos Estratégicos Traduzidos em: => Resultados Finalísticos: Indicadores e Metas Materializados

Leia mais

REPRESENTATIVIDADE. Lojas: 3.466 Check-outs: 29.150 Funcionários empregados: 239.381 Área de vendas: 3.728.435 m² Faturamento: R$ 68.789.659.505.

REPRESENTATIVIDADE. Lojas: 3.466 Check-outs: 29.150 Funcionários empregados: 239.381 Área de vendas: 3.728.435 m² Faturamento: R$ 68.789.659.505. BEM VINDOS! Araújo Superm. (CD) Arcos Bistek Superm. Bonanza Superm. Carvalho Superm. Center Box Superm. Central de Compras Cesta do Povo Chama Superm. Coop Da Praça Superm. Dia % Enxuto Epa Superm. Festval

Leia mais