AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO COM FOCO EM COMPETÊNCIAS:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO COM FOCO EM COMPETÊNCIAS:"

Transcrição

1 AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO COM FOCO EM COMPETÊNCIAS: Implantação do sistema de Avaliação de Desempenho com Foco em Competências no Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região

2 Belém PA 2013 AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO COM FOCO EM COMPETÊNCIAS: Implantação do sistema de Avaliação de Desempenho com Foco em Competências no Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região ÓRGÃO RESPONSÁVEL PELO PROJETO ODETE DE ALMEIDA ALVES Desembargadora Presidente CONTATOS (91) / TEMA: Gestão Estratégica

3 Ser reconhecido como o melhor Tribunal para se trabalhar e de melhores resultados. Visão de Futuro do TRT da 8ª Região. 1 JUSTIFICATIVA As constantes mudanças nos ambientes de trabalho das organizações tem conduzido os gestores a novos desafios, especialmente no que se refere à gestão de pessoas. Gerir pessoas com excelência exige um alto grau de expertise na área e é algo que precisa ser trabalhado continuamente, pois elas são a mola propulsora de qualquer instituição, seja pública ou privada. Apesar dos grandes avanços tecnológicos dos últimos tempos, com a crescente automatização de serviços, as organizações modernas vem buscando maneiras de aperfeiçoar os seus profissionais para enfrentarem esse novo cenário de inovações e sistemas de trabalho cada vez mais complexos. Se por um lado implantar e integrar bons sistemas informatizados, em geral, se traduz em melhoria de qualidade e de produtividade, a instituição que investe fortemente na preparação técnica e comportamental de seus colaboradores, adquire a capacidade de prospectar um futuro mais promissor. Foi com essa percepção, alinhada à visão de futuro de ser um dos melhores tribunais para se trabalhar e de melhores resultados, que o TRT da 8ª Região, por meio da Resolução TRT8 n.º 274/2010, definiu como meta institucional a necessidade de Converter 100% dos processos e instrumentos aplicados no desenvolvimento de pessoas para o sistema de gestão por competências, até dezembro de 2013 (meta 22). O Sistema de Gestão por Competências foi formalmente instituído pela política de Desenvolvimento de Recursos Humanos (Resolução n 408/2008) para planejar, monitorar e avaliar ações de treinamento a partir da identificação de competências necessárias ao servidor, no exercício de sua função. Para dar cumprimento aos dispositivos da Política relacionados à implementação do Sistema de Gestão por

4 Competências, a Secretaria de Gestão Estratégica propôs a realização de um projeto-piloto para Avaliação das Competências dos Gestores, objeto do Contrato TRT n.º 92/2008 (Processo TRT-ADM n.º 1035/2008). Posteriormente, o escopo desse projeto foi ampliado para todos os servidores do TRT da 8ª Região. 2 OBJETIVOS 2.1 GERAL - Mensurar o desempenho dos gestores e demais servidores do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região por quatro perspectivas básicas: técnica, comportamental, resultados e complexidade. 2.2 ESPECÍFICOS - Reduzir a subjetividade nas avaliações de desempenho; - Construir uma base de informações para os subsistemas e ações de recursos humanos; - Subsidiar decisões futuras da Administração Superior do Tribunal sobre o direcionamento de investimentos na carreira dos servidores; - Promover a retenção de talentos. 3 PÚBLICO-ALVO - Gestores e servidores do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região. 4 ALINHAMENTO ESTRATÉGICO O projeto está alinhado à meta institucional de Converter 100% dos processos e instrumentos aplicados no desenvolvimento de pessoas para o sistema de gestão por competências, até dezembro de 2013 (meta 22). A iniciativa também colabora com o objetivo estratégico nacional n.º 11: desenvolver conhecimentos, habilidades e atitudes dos magistrados e servidores (art. 1º, inciso IV, f, da Resolução n.º 70/2009, do Conselho Nacional de Justiça). 5 MARCOS E ENTREGAS DO PROJETO

5 Em 20 e 21 de janeiro de 2009, servidores ocupantes de cargos de natureza gerencial da 8ª Região estiveram reunidos com o consultor organizacional Romeu Huczok, para iniciar os trabalhos de avaliação de perfis profissionais do TRT-8ª. No encontro, foi feita a coleta de indicadores de competências comportamentais, inspiradas nas crenças e valores da instituição. Na reunião seguinte, em 04 de março de 2009, houve a apresentação formal da metodologia da avaliação de competências. Dando sequência às reuniões, o consultor Romeu Huczok, com o apoio da professora Norma de Marchi Assunção, coordenou o evento intitulado Seminário devolutiva perfil MBTI e Treinamento devolutiva de avaliação de competências e feedback, nos dias 25 e 26 de março de O trabalho destinou-se à validação das competências técnicas e comportamentais das funções, ocasião em que também foram prestados esclarecimentos sobre os resultados das avaliações por parte dos gestores. Em continuidade à avaliação das competências, no dia 13 de maio de 2009, o psicólogo organizacional Euclides Evangelista Junior iniciou entrevistas individuais com servidores que desempenham cargos de direção nas VTs de Belém e nas unidades administrativas do Tribunal. O processo de mapeamento das competências prosseguiu na terceira semana de junho/2009 e por mais duas semanas em agosto/2009. Após o levantamento de competências realizado junto aos diretores de unidades da JT-8ª, o TRT iniciou, no dia 4 de setembro de 2009, a avaliação de suas unidades. A primeira unidade a receber a avaliação foi a 15ª Vara do Trabalho de Belém. Com a aplicação do instrumento de avaliação na 15ª Vara do Trabalho de Belém, foram definidos ajustes na metodologia e definida a estratégia de aplicação nas demais unidades judiciárias e administrativas do Tribunal. É importante ressaltar a necessidade da atuação da liderança do Órgão, no sentido de mobilizar os seus colaboradores para se engajarem em um projeto de tal magnitude, a exemplo da iniciativa da então Presidente, Desembargadora Francisca Oliveira Formigosa, que, nos dias 21 e 22 de janeiro de 2010, visitou pessoalmente as unidades administrativas do Tribunal e Varas de Belém, para reforçar o convite às avaliações que seriam realizadas na sequência. Na oportunidade, foi ressaltado que com esta ação, o TRT-8ª busca alcançar sua visão de futuro traçada no Planejamento

6 Estratégico Institucional: Ser reconhecido como um dos melhores tribunais para se trabalhar e de melhores resultados. Esta visão poderá ser alcançada com conhecimento, habilidade e, fundamentalmente, com ATITUDE para consolidar o novo modelo, ressaltou a presidente do TRT-8ª ao longo de suas visitas às unidades. APOIO DA PRESIDÊNCIA Para responder aos questionários, os servidores receberam treinamento com o psicólogo Euclides Junior, no dia 25 de janeiro de 2010, a fim de entender a metodologia e sua importância no processo. Em Belém e Ananindeua, as palestras foram presenciais. Nas VTs de Santa Izabel, Castanhal e Capanema, o treinamento foi presencial aplicado por Euclides Júnior e pelo assessor de Planejamento e Gestão, Rodopiano Neto. Para algumas unidades mais distantes, o treinamento foi realizado por vídeos institucionais ou videoconferência, onde a tecnologia já foi instalada pelo Tribunal. No dia 27 de janeiro de 2010, cada servidor recebeu um com dados individuais para acesso ao sistema para o preenchimento do formulário de avaliação do diretor de sua unidade, etapa que foi cumprida no dia 12 de fevereiro.

7 De acordo com a metodologia empregada, o processo de avaliação é composto de duas etapas: uma de Avaliação Comportamental - nesta o formulário deve ser preenchido pelo avaliado (autoavaliação), pelo superior do avaliado e pelos componentes da equipe do avaliado, nominados de colaboradores; e outra de Avaliação Técnica - nesta o formulário deve ser preenchido pelo avaliado (autoavaliação) e pelo superior do avaliado. Como resultado positivo da estratégia de mobilização, mais de 80% dos servidores responderam à avaliação comportamental. Durante o Encontro de Diretores 2010, cada gestor recebeu o resultado das avaliações realizadas junto a seus colaboradores e superiores hierárquicos. Nos dias 23 e 24 de fevereiro de 2010, o consultor Rogerio Leme, criador da metodologia utilizada pelo Tribunal, realizou treinamento de feedback e da metodologia de avaliação da gestão por competências com gestores de Belém e todas as demais unidades que compõem a 8ª Região Trabalhista. Em fevereiro de 2012, se iniciou o Programa de Desenvolvimento de Líderes, com a realização das seguintes atividades: Diagnóstico das Lideranças Inicial: Avaliação 180º (Auto-avaliação e Avaliação dos Subordinados) Implementação do Programa Encontro de Líderes (Trabalhar os 4 imperativos de Grandes Líderes: Confiança e Credibilidade; Motivação e Energização de Pessoas; Foco em Resultados e Metas Crucialmente Importantes; Trabalho em Equipe) Reuniões de Coaching e Counseling Diagnóstico das Lideranças Final O Programa de Desenvolvimento de Líderes se encerrou em agosto de 2013, com a certificação dos gestores do Tribunal. Em junho de 2012, concomitante ao período de execução do Programa de Desenvolvimento de Líderes, foi dado início à Avaliação de Desempenho com Foco em Competências. Dessa etapa, o Tribunal já concluiu as seguintes atividades: Capacitação do Comitê de Implantação referente à metodologia de Gestão por Competências;

8 Coleta piloto do IAP (Inventário de Atribuições por Produto); Apresentação para o Comitê Estratégico e Coleta dos Indicadores; Apresentação para Coleta dos Indicadores Comportamentais com os servidores; Sensibilização dos gestores para a coleta do IAP's junto aos seus servidores; Validação dos IAPs junto aos gestores (atribuições e competências técnicas); Entrega das Descrições de Papel/Função (exceto competências comportamentais); Consolidação do Inventário Comportamental; Reunião de validação do Inventário Comportamental; Apresentação aos gestores para orientação sobre o Mapeamento das Competências Comportamentais. 5.1 RESULTADOS ALCANÇADOS Com a conclusão do Programa de Desenvolvimento de Líderes, em agosto de 2013, o TRT da 8ª Região obteve os seguintes resultados: Em torno de 60 Gestores capacitados; Reuniões de Coaching e Counseling realizadas presencialmente e via hangout do Google; Elaboração de Placares de Metas Crucialmente Importantes para cada gestor; Mais cursos incluídos no Plano Anual de Capacitação visando a qualificação de líderes: Grid Gerencial, Leader Training. Ainda em fase de conclusão, a etapa de Avaliação de Desempenho com Foco em Competência já apresentou alguns resultados iniciais, quais sejam: Comitê de Implantação definido envolvendo servidores de diversas áreas; Equipe da Escola de Servidores capacitada para acompanhamento do projeto;

9 Aproximadamente 160 funções mapeadas; 100% dos gestores avaliados; Atualização da descrição dos cargos; Plano Anual de Capacitação com Foco em Competências; Aplicação do Processo Seletivo Interno para o preenchimento de cargos em comissão e funções de confiança; 6 PRÓXIMAS ATIVIDADES Para conclusão do projeto, estão previstas as seguintes atividades: Coleta do Mapeamento das Competências Comportamentais dos Papéis/Funções (Outubro/2013) Identificação de Avaliados e Avaliadores (Outubro/2013) Sensibilização dos gestores e dos servidores para a Avaliação de Competências Comportamentais (Outubro/2013) Avaliações de Competências Comportamentais, Técnicas e de Responsabilidade (Outubro/2013) Geração, análise e interpretação dos relatórios (Outubro/2013) Preparo dos gestores para Dar e Receber Feedback (Outubro/2013) Preparo dos servidores para Receber Feedback (Outubro/2013) Treinamento em Gestão do Desempenho para o Comitê (Outubro/2013) A previsão é que o projeto se encerre em dezembro de 2013, ocasião em que será realizada uma palestra sobre Metas e Gestão do Desempenho. 7 CONCLUSÃO A partir das avaliações de competências dos gestores, a

10 Justiça do Trabalho da 8ª Região pôde identificar o perfil dos servidores que desempenham cargos de chefia e investir na melhoria de suas competências por meio de cursos específicos. Com isso, os gestores comprometem-se na busca pelo autodesenvolvimento profissional e, consequentemente, com a melhoria de sua unidade. O programa está sendo estendido para todos os servidores e o ciclo da avaliação de desempenho com foco em competência passará a ser anual. O próximo passo do TRT da 8ª Região será o de aperfeiçoar os modelos atuais de avaliação de desempenho, no sentido de reduzir a subjetividade e, com isso, construir uma base de informações para os subsistemas e ações de recursos humanos. Dessa forma, pretende-se converter 100% dos instrumentos de gestão de pessoas utilizados atualmente pelo Tribunal para o Sistema de Gestão por Competências.

11 ANEXO I Meritocracia: Processo Seletivo Interno

12 ANEXO II

MANUAL DE GESTÃO DE PROJETOS: Guia de referência do sistema de gestão de projetos do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região

MANUAL DE GESTÃO DE PROJETOS: Guia de referência do sistema de gestão de projetos do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região MANUAL DE GESTÃO DE PROJETOS: Guia de referência do sistema de gestão de projetos do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região Belém PA 2013 MANUAL DE GESTÃO DE PROJETOS: Guia de referência do sistema

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 3ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 3ª REGIÃO Controle de Versões Autor da Solicitação: Subseção de Governança de TIC Email:dtic.governanca@trt3.jus.br Ramal: 7966 Versão Data Notas da Revisão 1 03.02.2015 Versão atualizada de acordo com os novos

Leia mais

1. Escopo ou finalidade da iniciativa

1. Escopo ou finalidade da iniciativa 1. Escopo ou finalidade da iniciativa O Poder Judiciário tem-se conscientizado, cada vez mais, de que se faz necessária uma resposta para a sociedade que exige uma prestação jurisdicional mais célere e

Leia mais

Plano de Ação Política de Gestão de Pessoas

Plano de Ação Política de Gestão de Pessoas Plano de Ação Política de Gestão de Pessoas (Produto 1) TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DA BAHIA PROGRAMA DE MODERNIZAÇÃO DO SISTEMA DE CONTROLE EXTERNO DOS ESTADOS, DISTRITO FEDERAL E MUNICÍPIOS

Leia mais

PROCESSO SELETIVO INTERNO: A experiência do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região com a implantação do projeto de gestão por competências

PROCESSO SELETIVO INTERNO: A experiência do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região com a implantação do projeto de gestão por competências PROCESSO SELETIVO INTERNO: A experiência do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região com a implantação do projeto de gestão por competências Belém PA 2013 PROCESSO SELETIVO INTERNO: A experiência do

Leia mais

Planejamento Estratégico Projeto 18 Gestão por Competências

Planejamento Estratégico Projeto 18 Gestão por Competências Projeto 18 Gestão por Competências Brasília, 10 de agosto de 2011. Equipe do Projeto Carla Leivas Ferro Costa Craveiro GRH/SAF Alexandre Hertz - SNM/GDM Camila Romero Monteiro da Silva - GED/SPO Daniel

Leia mais

Portaria nº 3156, de 5 de dezembro de 2013.

Portaria nº 3156, de 5 de dezembro de 2013. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais, CONSIDERANDO o Planejamento Estratégico Participativo em execução (2009/2014), aprovado pela Resolução Administrativa

Leia mais

Consultoria em Treinamento & Desenvolvimento de Pessoas

Consultoria em Treinamento & Desenvolvimento de Pessoas Consultoria em Treinamento & Desenvolvimento de Pessoas Evolução PMC têm atuação diferenciada na gestão de pessoas e clima organizacional, gerando na equipe mais agilidade para a mudança e maior capacidade

Leia mais

Desenvolvendo Pessoas para Servirem com Excelência. Instituto Crer & Ser. A excelência honra a Deus!

Desenvolvendo Pessoas para Servirem com Excelência. Instituto Crer & Ser. A excelência honra a Deus! Palestras, Treinamentos e Consultoria para Gestão Ministerial Desenvolvendo Pessoas para Servirem com Excelência Instituto Crer & Ser A excelência honra a Deus! Quem somos O Instituto Crer & Ser nasceu

Leia mais

Programa de Capacitação

Programa de Capacitação Programa de Capacitação 1. Introdução As transformações dos processos de trabalho e a rapidez com que surgem novos conhecimentos e informações têm exigido uma capacitação permanente e continuada para propiciar

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DO MODELO DE GESTÃO DE PESSOAS POR COMPETÊNCIAS NA JUSTIÇA DO TRABALHO DE PRIMEIRO E SEGUNDO GRAUS

IMPLANTAÇÃO DO MODELO DE GESTÃO DE PESSOAS POR COMPETÊNCIAS NA JUSTIÇA DO TRABALHO DE PRIMEIRO E SEGUNDO GRAUS Anexo - Modelo de Gestão de Pessoas 936/2012 - Segunda-feira, 12 de Março de 2012 Conselho Superior da Justiça do Trabalho 1 Página 1 de 14 IMPLANTAÇÃO DO MODELO DE GESTÃO DE PESSOAS POR COMPETÊNCIAS NA

Leia mais

Desenvolvimento Humano

Desenvolvimento Humano ASSESSORIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS Desenvolvimento Humano ADVISORY Os desafios transformam-se em fatores motivacionais quando os profissionais se sentem bem preparados para enfrentá-los. E uma equipe

Leia mais

SEJAM BEM-VINDOS! 5 PASSOS E UMA FERRAMENTA IMPRESCINDÍVEL PARA TORNAR O RH ESTRATÉGICO

SEJAM BEM-VINDOS! 5 PASSOS E UMA FERRAMENTA IMPRESCINDÍVEL PARA TORNAR O RH ESTRATÉGICO SEJAM BEM-VINDOS! 5 PASSOS E UMA FERRAMENTA IMPRESCINDÍVEL PARA TORNAR O RH ESTRATÉGICO APRESENTAÇÃO & EXPECTATIVAS Quais os desafios para tornar o RH ESTRATÉGICO? OBJETIVOS DESTE WORKSHOP Debater técnicas

Leia mais

O NOVO MODELO DE AVALIAÇÃO

O NOVO MODELO DE AVALIAÇÃO III Congresso Consad de Gestão Pública O NOVO MODELO DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DA SEPLAG Norma Maria Cavalcanti Alcoforado Painel 02/007 Avaliação de desempenho e remuneração variável O NOVO MODELO DE

Leia mais

FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃODE RECURSOS HUMANOS DA ANTT

FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃODE RECURSOS HUMANOS DA ANTT FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃODE RECURSOS HUMANOS DA ANTT Quadro de Servidores SITUAÇÃO 2008 2009 Abril 2010 CARGOS EFETIVOS (*) 429 752 860 Analista Administrativo 16 40 41 Especialista em Regulação 98 156 169

Leia mais

Pessoas e Negócios em Evolução

Pessoas e Negócios em Evolução Empresa: Atuamos desde 2001 nos diversos segmentos de Gestão de Pessoas, desenvolvendo serviços diferenciados para empresas privadas, associações e cooperativas. Prestamos serviços em mais de 40 cidades

Leia mais

ANEXO 15: NECESSIDADES DE CONHECER DA COORDENAÇÃO GERAL DE DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS (CGDEP)

ANEXO 15: NECESSIDADES DE CONHECER DA COORDENAÇÃO GERAL DE DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS (CGDEP) ANEXO 15: NECESSIDADES DE CONHECER DA COORDENAÇÃO GERAL DE DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS (CGDEP) Referentes ao Planejamento Estratégico EIXO 1 - GESTÃO POR COMPETÊNCIAS E AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO Objetivo

Leia mais

Resumo Gestão de Pessoas por Competências

Resumo Gestão de Pessoas por Competências Resumo Gestão de Pessoas por Competências A coordenação técnica e acompanhamento especializado para a realização do projeto são realizados pela consultora e professora Sonia Goulart, da SG Educação Empresarial.

Leia mais

CAERN. Descrição de Perfis

CAERN. Descrição de Perfis Nível: Superior Reporte: Coordenador Sumário Participar do planejamento e desenvolvimento das políticas e práticas de Recursos Humanos da empresa. Desenvolver atividades técnicas de avaliação comportamental

Leia mais

Gestão por Competências

Gestão por Competências Gestão por Competências Projeto de Implantação da Gestão por Competências no TRT 23ª Região Baseado na Metodologia do Inventário Comportamental Legislação Decreto n. 5.707/2006: institui a Política e as

Leia mais

ESCOLA JUDICIAL DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 16ª REGIÃO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO QUALIFICAR

ESCOLA JUDICIAL DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 16ª REGIÃO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO QUALIFICAR PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO QUALIFICAR CALENDÁRIO DE CURSOS EXERCÍCIO 2011 PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2011-2015 PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO QUALIFICAR Escopo Capacitar magistrados e servidores em gestão

Leia mais

SIMPLIFICAÇÃO DE PROCESSOS

SIMPLIFICAÇÃO DE PROCESSOS SIMPLIFICAÇÃO DE PROCESSOS 1 FINALIDADE DO PROJETO ESTRATÉGICO Simplificar e padronizar os processos internos, incrementando o atendimento ao usuário. Especificamente o projeto tem o objetivo de: Permitir

Leia mais

BPM Congress 27 e 28-11-2012. Palestrante: Ranussy Gonçalves

BPM Congress 27 e 28-11-2012. Palestrante: Ranussy Gonçalves BPM Congress 27 e 28-11-2012 Palestrante: Ranussy Gonçalves O SEBRAE-MG Mais de 700 funcionários Orçamento para 2012 de mais de R$ 185 milhões 130 mil empresas atendidas em 2011 e 150 mil para 2012 O início

Leia mais

Ana Cláudia Braga Mendonça

Ana Cláudia Braga Mendonça Plano de Cargos e Salários CSJT OCUPAÇÃO DE FUNÇÃO COMISSIONADA E CARGO EM COMISSÃO I - FUNÇÕES COMISSIONADAS (FC-1 - FC-6) 80% > servidores integrantes das Carreiras do Poder Judiciário da União; (Art.3º)

Leia mais

IV Encontro Nacional de Escolas de Servidores e Gestores de Pessoas do Poder Judiciário Rio de Janeiro set/2012

IV Encontro Nacional de Escolas de Servidores e Gestores de Pessoas do Poder Judiciário Rio de Janeiro set/2012 IV Encontro Nacional de Escolas de Servidores e Gestores de Pessoas do Poder Judiciário Rio de Janeiro set/2012 Rosely Vieira Consultora Organizacional Mestranda em Adm. Pública Presidente do FECJUS Educação

Leia mais

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014 Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Histórico de elaboração Julho 2014 Motivações Boa prática de gestão Orientação para objetivos da Direção Executiva Adaptação à mudança de cenários na sociedade

Leia mais

Região. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 24ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais, regimentais e regulamentares,

Região. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 24ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais, regimentais e regulamentares, PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 24ª REGIÃO PORTARIA TRT/GP/DGCA Nº 630/2011 Define a Política de Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicações

Leia mais

ITINERÁRIO FORMATIVO DE DIRETORES DE SECRETARIA DE VT s. Coordenador: Desembargador Fernando Luiz Gonçalves Rios Neto

ITINERÁRIO FORMATIVO DE DIRETORES DE SECRETARIA DE VT s. Coordenador: Desembargador Fernando Luiz Gonçalves Rios Neto ITINERÁRIO FORMATIVO DE DIRETORES DE SECRETARIA DE VT s Coordenador: Desembargador Fernando Luiz Gonçalves Rios Neto 1. PROCESSO DE TRABALHO 1.1. Esfera Administrativa Planejamento Análise da realidade

Leia mais

SEJAM BEM-VINDOS! WORKSHOP DE COACHING PROFISSIONAIS DE RH

SEJAM BEM-VINDOS! WORKSHOP DE COACHING PROFISSIONAIS DE RH SEJAM BEM-VINDOS! WORKSHOP DE COACHING PROFISSIONAIS DE RH APRESENTAÇÃO & EXPECTATIVAS Quais os desafios do profissional de RH? OBJETIVOS DESTE WORKSHOP Experimentar o processo de coaching e aplicar as

Leia mais

Liziane Castilhos de Oliveira Freitas Departamento de Planejamento, Orçamento e Gestão Escritório de Soluções em Comportamento Organizacional

Liziane Castilhos de Oliveira Freitas Departamento de Planejamento, Orçamento e Gestão Escritório de Soluções em Comportamento Organizacional CASO PRÁTICO COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL E GESTÃO DE TALENTOS: COMO A GESTÃO DA CULTURA, DO CLIMA E DAS COMPETÊNCIAS CONTRIBUI PARA UM AMBIENTE PROPÍCIO À RETENÇÃO DE TALENTOS CASO PRÁTICO: COMPORTAMENTO

Leia mais

SEJAM BEM-VINDOS! COACHING PARA PROFISSIONAIS DE RH

SEJAM BEM-VINDOS! COACHING PARA PROFISSIONAIS DE RH SEJAM BEM-VINDOS! COACHING PARA PROFISSIONAIS DE RH APRESENTAÇÃO Quais os maiores desafios do profissional de RH? OBJETIVOS DESTE WORKSHOP Experimentar o processo de coaching e aplicar as técnicas em seu

Leia mais

QUALIDADE DE VIDA 1. FINALIDADE DO PROJETO ESTRATÉGICO 2. JUSTIFICATIVA. Promover a saúde e a segurança dos servidores e magistrados.

QUALIDADE DE VIDA 1. FINALIDADE DO PROJETO ESTRATÉGICO 2. JUSTIFICATIVA. Promover a saúde e a segurança dos servidores e magistrados. QUALIDADE DE VIDA 1. FINALIDADE DO PROJETO ESTRATÉGICO Promover a saúde e a segurança dos servidores e magistrados. 2. JUSTIFICATIVA Segundo França (1996), a Qualidade de Vida no Trabalho (QVT) representa

Leia mais

Meritocracia na Gestão Pública

Meritocracia na Gestão Pública Meritocracia na Gestão Pública A experiência do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte (MPRN) no processo seletivo para cargos de provimento em comissão Adriana Nóbrega Silva Azevedo Motivação

Leia mais

Ministério do Meio Ambiente MMA. Programa Nacional do Meio Ambiente PNMA (Fase 2)

Ministério do Meio Ambiente MMA. Programa Nacional do Meio Ambiente PNMA (Fase 2) Ministério do Meio Ambiente MMA Programa Nacional do Meio Ambiente PNMA (Fase 2) Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - IBAMA Termo de Referência PNMA nº 02/2013 O presente

Leia mais

Catálogo de treinamentos

Catálogo de treinamentos Catálogo de treinamentos 11 3892-9572 www.institutonobile.com.br Desenvolvendo seus Talentos O Instituto Nobile desenvolve as mais modernas soluções em treinamento e desenvolvimento. Oferecemos programas

Leia mais

LIDERANÇA & GESTÃO DE PESSOAS 12 DESAFIOS, 3 FERRAMENTAS E UMA DECISÃO

LIDERANÇA & GESTÃO DE PESSOAS 12 DESAFIOS, 3 FERRAMENTAS E UMA DECISÃO LIDERANÇA & GESTÃO DE PESSOAS 12 DESAFIOS, 3 FERRAMENTAS E UMA DECISÃO INTRODUÇÃO O setor de RH deve ser extinto. Ram Charan em artigo na Harvard Business Review Você concorda? OBJETIVOS DESTE WORKSHOP

Leia mais

O PROCESSO DE SELEÇÃO NO CONTEXTO DO MODELO DE COMPETÊNCIAS E GESTÃO DOS TALENTOS

O PROCESSO DE SELEÇÃO NO CONTEXTO DO MODELO DE COMPETÊNCIAS E GESTÃO DOS TALENTOS O PROCESSO DE SELEÇÃO NO CONTEXTO DO MODELO DE COMPETÊNCIAS E GESTÃO DOS TALENTOS Autor: Maria Rita Gramigna Como identificar potenciais e competências em um processo seletivo? Como agir com assertividade

Leia mais

1. Escopo ou finalidade da iniciativa

1. Escopo ou finalidade da iniciativa 1. Escopo ou finalidade da iniciativa Estruturar e implantar uma unidade administrativa para assessorar a alta administração do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais em relação à elaboração e ao

Leia mais

Núcleo de Monitoramento de Ações Estratégicas do INEA NUMAE Contrato de Gestão e Avaliação de Desempenho Individual

Núcleo de Monitoramento de Ações Estratégicas do INEA NUMAE Contrato de Gestão e Avaliação de Desempenho Individual Núcleo de Monitoramento de Ações Estratégicas do INEA NUMAE Contrato de Gestão e Avaliação de Desempenho Individual 1 Relatório de Apuração e Análise dos Resultados Institucionais e Estratégicos e de Resultados

Leia mais

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014 Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014 Grupos de trabalho: formação Objetivo: elaborar atividades e

Leia mais

W-06. Como implantar Gestão por Competências na prática: passo a passo. Maria Odete Rabaglio (odeterh@uol.com.br)

W-06. Como implantar Gestão por Competências na prática: passo a passo. Maria Odete Rabaglio (odeterh@uol.com.br) W-06 Como implantar Gestão por Competências na prática: passo a passo. Maria Odete Rabaglio (odeterh@uol.com.br) Maria Odete Rabaglio Formação: Contabilidade e Psicologia Diretora da Rabaglio Educação

Leia mais

Estruturando o modelo de RH: da criação da estratégia de RH ao diagnóstico de sua efetividade

Estruturando o modelo de RH: da criação da estratégia de RH ao diagnóstico de sua efetividade Estruturando o modelo de RH: da criação da estratégia de RH ao diagnóstico de sua efetividade As empresas têm passado por grandes transformações, com isso, o RH também precisa inovar para suportar os negócios

Leia mais

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS GESTÃO POR COMPETÊNCIAS STM ANALISTA/2010 ( C ) Conforme legislação específica aplicada à administração pública federal, gestão por competência e gestão da capacitação são equivalentes. Lei 5.707/2006

Leia mais

Implantação da Governança a de TI na CGU

Implantação da Governança a de TI na CGU Implantação da Governança a de TI na CGU José Geraldo Loureiro Rodrigues Diretor de Sistemas e Informação Controladoria-Geral da União Palestra UNICEUB Estratégia utilizada para implantação da Governança

Leia mais

V Congresso Auditar. Tema:

V Congresso Auditar. Tema: V Congresso Auditar Tema: Carreira em Organizações Públicas - Conceitos e Experiências Prof. Dr. José Antonio Monteiro Hipólito Brasília, 05 de setembro de 014 14:00 15:30h Agenda 1. Introdução: Importância

Leia mais

Perspectivas para o desenvolvimento de dirigentes públicos: A experiência da ENAP

Perspectivas para o desenvolvimento de dirigentes públicos: A experiência da ENAP Painel 05 - A Atuação das Escolas de Governo na inovação na Gestão Pública Congresso CONSAD de Gestão Pública, Brasília, 27 de maio de 2008 Perspectivas para o desenvolvimento de dirigentes públicos: A

Leia mais

1. Escopo ou finalidade da iniciativa

1. Escopo ou finalidade da iniciativa 1. Escopo ou finalidade da iniciativa A Escola Judicial Desembargador Edésio Fernandes EJEF, atenta aos objetivos do Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJMG e às novas diretrizes para formação de servidores

Leia mais

SIMPROS 2001. Experiência de implantação da norma ISO 9001:2000 a partir da utilização da ISO/IEC TR 15504 (SPICE) para Melhoria de Processos

SIMPROS 2001. Experiência de implantação da norma ISO 9001:2000 a partir da utilização da ISO/IEC TR 15504 (SPICE) para Melhoria de Processos Experiência de implantação da norma ISO 9001:2000 a partir da utilização da ISO/IEC TR 15504 (SPICE) para Melhoria de Processos Adilson Sérgio Nicoletti Blumenau, SC - setembro de 2001 Conteúdo Apresentação

Leia mais

MBA em Gestão de Pessoas

MBA em Gestão de Pessoas REFERÊNCIA EM EDUCAÇÃO EXECUTIVA MBA em Gestão de Pessoas Coordenação Acadêmica: Profª. Dra. Ana Ligia Nunes Finamor A Escola de Negócios de Alagoas. A FAN Faculdade de Administração e Negócios foi fundada

Leia mais

Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS

Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS Adm.Walter Lerner 1.Gestão,Competência e Liderança 1.1.Competências de Gestão Competências Humanas e Empresariais são Essenciais Todas as pessoas estão, indistintamente,

Leia mais

FÓRUM GESTÃO DE TALENTOS 2013 ASSESSMENT

FÓRUM GESTÃO DE TALENTOS 2013 ASSESSMENT FÓRUM GESTÃO DE TALENTOS 2013 ASSESSMENT Aplicações do Assessment Composição de um programa de Assessment Resultados do Assessment Etapas de Carreira Diferentes Etapas de Carreira Novas responsabilidades

Leia mais

MBA Executivo FranklinCovey

MBA Executivo FranklinCovey MBA Executivo FranklinCovey LIDERANÇA E GESTÃO ORGANIZACIONAL PRODUTIVIDADE E EXECUÇÃO FranklinCovey Internacional A FranklinCovey é líder global no treinamento em eficácia, em ferramentas de produtividade

Leia mais

Projeto de Extensão 1 IDENTIFICAÇÃO DO EVENTO

Projeto de Extensão 1 IDENTIFICAÇÃO DO EVENTO 1 IDENTIFICAÇÃO DO EVENTO Título: PROJETO DE GESTÃO E VALORIZAÇÃO DE PESSOAS Data de realização: a partir de 2013 Local de realização: IESUR Clientela: Colaboradores e acadêmicos do IESUR Unidade organizadora

Leia mais

A EXPERIÊNCIA DO TRT DA 10ª REGIÃO NA IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO ESTRATÉGICA

A EXPERIÊNCIA DO TRT DA 10ª REGIÃO NA IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO ESTRATÉGICA A EXPERIÊNCIA DO TRT DA 10ª REGIÃO NA IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO ESTRATÉGICA Fabiana Alves de Souza dos Santos Diretora de Gestão Estratégica do TRT 10 1/29 O TRT da 10ª Região Criado em 1982 32 Varas do Trabalho

Leia mais

PES. 01 TREINAMENTO E INTEGRAÇÃO

PES. 01 TREINAMENTO E INTEGRAÇÃO 1 de 21 6 TREINAMENTO E INTEGRAÇÃO MACROPROCESSO GESTÃO DE PESSOAS PROCESSO TREINAMENTO E INTEGRAÇÃO TREINAMENTO E INTEGRAÇÃO 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA... 2 3. DOCUMENTOS RELACIONADOS... 2 4. PROCEDIMENTOS...

Leia mais

componente de avaliação de desempenho para sistemas de informação em recursos humanos do SUS

componente de avaliação de desempenho para sistemas de informação em recursos humanos do SUS Informação como suporte à gestão: desenvolvimento de componente de avaliação de desempenho para sistemas de Esta atividade buscou desenvolver instrumentos e ferramentas gerenciais para subsidiar a qualificação

Leia mais

Programa de Avaliação de Desempenho da UTFPR. Programa de Avaliação de Desempenho dos Servidores da UTFPR

Programa de Avaliação de Desempenho da UTFPR. Programa de Avaliação de Desempenho dos Servidores da UTFPR Programa de Avaliação de Desempenho dos Servidores da UTFPR Universidade Tecnológica Federal do Paraná 100 anos Histórico 1966 - ETFPR professores e técnicost cnicos- administrativos avaliados. 1994 -

Leia mais

Professora Débora Dado. Prof.ª Débora Dado

Professora Débora Dado. Prof.ª Débora Dado Professora Débora Dado Prof.ª Débora Dado Planejamento das aulas 7 Encontros 19/05 Contextualizando o Séc. XXI: Equipes e Competências 26/05 Competências e Processo de Comunicação 02/06 Processo de Comunicação

Leia mais

RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO

RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO SISTEMATIZAÇÃO DOS RESULTADOS Atendendo a solicitação do CNMP, o presente documento organiza os resultados

Leia mais

Execução da Estratégia e Alinhamento Organizacional. JOSÉ SILVA BARBOSA Secretário de Gestão Estratégica

Execução da Estratégia e Alinhamento Organizacional. JOSÉ SILVA BARBOSA Secretário de Gestão Estratégica Execução da Estratégia e Alinhamento Organizacional JOSÉ SILVA BARBOSA Secretário de Gestão Estratégica SET/2010 Quem Somos? Criação: Lei nº 8.430/92, 8 de junho de 1992 Varas do Trabalho: 26 Varas Itinerantes:

Leia mais

1 APRESENTAÇÃO. Página 3 de 16

1 APRESENTAÇÃO. Página 3 de 16 Sumário 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 OBJETIVOS... 4 3 PÚBLICO-ALVO DA GESTÃO ESTRATÉGICA... 4 4 INFORMAÇÕES SOBRE O MODELO DE GESTÃO ESTRATÉGICA DO TCE/RN... 5 4.1 DIRECIONADORES ESTRATÉGICOS... 5 4.2 OBJETIVOS

Leia mais

Educação Corporativa. Liderança Estratégia Gestão. KM Partners Educação Corporativa

Educação Corporativa. Liderança Estratégia Gestão. KM Partners Educação Corporativa Educação Corporativa Liderança Estratégia Gestão O que é Educação corporativa? Educação corporativa pode ser definida como uma prática coordenada de gestão de pessoas e de gestão do conhecimento tendo

Leia mais

Planejamento Estratégico

Planejamento Estratégico Planejamento Estratégico A decisão pela realização do Planejamento Estratégico no HC surgiu da Administração, que entendeu como urgente formalizar o planejamento institucional. Coordenado pela Superintendência

Leia mais

Plano Anual de Educação Institucional 2013

Plano Anual de Educação Institucional 2013 Plano Anual de Educação Institucional 2013 Sumário Apresentação Metodologia de Construção do Plano Anual de Educação Ações do CEAF Planejadas para 2013 Programa Direito Programa Atuação Ministerial Programa

Leia mais

1 LIDERANÇA. Indicador 1: Eficiência da Comunicação Organizacional

1 LIDERANÇA. Indicador 1: Eficiência da Comunicação Organizacional COMPILADO DAS SUGESTÕES DE MELHORIAS PARA O IDGP/2011 por critério e indicador 1 LIDERANÇA O critério Liderança aborda como está estruturado o sistema de liderança da organização, ou seja, o papel da liderança

Leia mais

A Estratégia do Conselho da Justiça Federal 2015/2020 CJF-POR-2015/00359, de 26 de agosto de 2015

A Estratégia do Conselho da Justiça Federal 2015/2020 CJF-POR-2015/00359, de 26 de agosto de 2015 A Estratégia do Conselho da Justiça Federal CJF-POR-2015/00359, de 26 de agosto de 2015 SUEST/SEG 2015 A estratégia do CJF 3 APRESENTAÇÃO O Plano Estratégico do Conselho da Justiça Federal - CJF resume

Leia mais

Pesquisa de Clima tornou-se uma ação estratégica de Gestão de Pessoas

Pesquisa de Clima tornou-se uma ação estratégica de Gestão de Pessoas Pesquisa de Clima tornou-se uma ação estratégica de Gestão de Pessoas Boas propostas são essenciais para que uma gestão tenha êxito, mas para que isso ocorra é fundamental que os dirigentes organizacionais

Leia mais

PLENÁRIA FINAL JUSTIÇA ELEITORAL

PLENÁRIA FINAL JUSTIÇA ELEITORAL 1ª Reunião da Rede de Priorização do Primeiro Grau de Jurisdição PLENÁRIA FINAL JUSTIÇA ELEITORAL 05 a 07 de maio de 2015 ESMAF Brasília/DF Integrantes da Rede de Priorização do Primeiro Grau no segmento

Leia mais

O RH dos sonhos dos CEOs

O RH dos sonhos dos CEOs O RH dos sonhos dos CEOs Expectativas e estratégias da liderança para os Recursos Humanos Presidentes de empresas de todos os portes falaram sobre a importância dos Recursos Humanos para as suas empresas

Leia mais

1. PRÁTICA EFICAZ DE GESTÃO EDUCACIONAL Gestão do ciclo completo de relacionamento com o aluno SRM da Universidade Feevale

1. PRÁTICA EFICAZ DE GESTÃO EDUCACIONAL Gestão do ciclo completo de relacionamento com o aluno SRM da Universidade Feevale RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO 1. PRÁTICA EFICAZ DE GESTÃO EDUCACIONAL Gestão do ciclo completo de relacionamento com o aluno SRM da Universidade Feevale 1.1 Histórico da Prática Eficaz Por meio do Departamento

Leia mais

RETORNO EM EDUCAÇÃO CORPORATIVA DEVE SER MENSURADO

RETORNO EM EDUCAÇÃO CORPORATIVA DEVE SER MENSURADO RETORNO EM EDUCAÇÃO CORPORATIVA DEVE SER MENSURADO Apesar de as empresas brasileiras estarem despertando para o valor das ações de educação corporativa em prol dos seus negócios, muitos gestores ainda

Leia mais

Planos de Logística e Contratações Sustentáveis

Planos de Logística e Contratações Sustentáveis Planos de Logística e Contratações Sustentáveis Jhéssica Cardoso Brasília, 5 de fevereiro de 2015 Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Elaborando Planos de Gestão de Logística Sustentável

Leia mais

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016 Versão 1.0 1 APRESENTAÇÃO O Planejamento

Leia mais

Plano de Ação 2015: Objetivos estratégicos, Indicadores, Metas e Projetos priorizados

Plano de Ação 2015: Objetivos estratégicos, Indicadores, Metas e Projetos priorizados E77p Espírito Santo. Tribunal de Contas do Estado. Plano de Ação 2015: Objetivos estratégicos, Indicadores, Metas e Projetos priorizados / Tribunal de Contas do Estado. Vitória/ES: TCEES, 2015. 13p. 1.Tribunal

Leia mais

Apresentação. A Martins Guerra Consultoria é formada por gente jovem, engajada e de atitude. É feita de um trabalho dedicado e muito profissionalismo.

Apresentação. A Martins Guerra Consultoria é formada por gente jovem, engajada e de atitude. É feita de um trabalho dedicado e muito profissionalismo. Apresentação A Martins Guerra Consultoria é formada por gente jovem, engajada e de atitude. É feita de um trabalho dedicado e muito profissionalismo. Nossa missão é promover o encontro entre pessoas e

Leia mais

Desenvolvendo pessoas e um melhor serviço à sociedade

Desenvolvendo pessoas e um melhor serviço à sociedade Desenvolvendo pessoas e um melhor serviço à sociedade Relatório de atividades 2014 Introdução No quadriênio de 2007 a 2010 a implantação de Modelo de Gestão de Pessoas por Competências na Secretaria da

Leia mais

MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL TERMO DE REFERÊNCIA CAPACITAÇÃO INTERNA FACILITADOR PEDAGÓGICO

MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL TERMO DE REFERÊNCIA CAPACITAÇÃO INTERNA FACILITADOR PEDAGÓGICO MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL SECRETARIA NACIONAL DE DEFESA CIVIL TERMO DE REFERÊNCIA CAPACITAÇÃO INTERNA FACILITADOR PEDAGÓGICO 1 Função no Projeto Facilitação especializada em metodologias pedagógicas

Leia mais

Sistema RH1000. Gestão de Pessoas por Competências. Foco em Resultados. Ohl Braga Desenvolvimento Empresarial desde 1987. Atualizado em 01Set2015 1

Sistema RH1000. Gestão de Pessoas por Competências. Foco em Resultados. Ohl Braga Desenvolvimento Empresarial desde 1987. Atualizado em 01Set2015 1 Sistema RH1000 Gestão de Pessoas por Competências Foco em Resultados Ohl Braga Desenvolvimento Empresarial desde 1987 Atualizado em 01Set2015 1 Implantação do RH de Resultados (RHR ) Solução Completa Metodologia

Leia mais

A comunicação eficaz é tão estimulante como um café preto e tão difícil quanto dormir depois...

A comunicação eficaz é tão estimulante como um café preto e tão difícil quanto dormir depois... A comunicação eficaz é tão estimulante como um café preto e tão difícil quanto dormir depois... livro Comunicação Interpessoal Empresas investem cada vez mais no desenvolvimento de pessoas e processos

Leia mais

Permita-se ir além e descubra uma nova possibilidade, um conjunto de ideias e inovação, construído por você.

Permita-se ir além e descubra uma nova possibilidade, um conjunto de ideias e inovação, construído por você. Somos uma empresa inovadora, que através de uma metodologia vencedora proporciona a nossos clientes um ambiente favorável ao desenvolvimento de capacidades, para que seus profissionais alcancem o melhor

Leia mais

REFLEXÃO. (Warren Bennis)

REFLEXÃO. (Warren Bennis) RÉSUMÉ Consultora nas áreas de Desenvolvimento Organizacional e Gestão de Pessoas; Docente de Pós- Graduação; Coaching Experiência de mais de 31 anos na iniciativa privada e pública; Doutorado em Administração;

Leia mais

Programa de Desenvolvimento Gerencial. Brasília, Maio de 2014

Programa de Desenvolvimento Gerencial. Brasília, Maio de 2014 Programa de Desenvolvimento Gerencial Brasília, Maio de 2014 A Embrapa Missão Viabilizar soluções de pesquisa, desenvolvimento e inovação para a sustentabilidade da agricultura em benefício da sociedade

Leia mais

GUIA DE GESTÃO DE PESSOAS POR COMPETÊNCIAS TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO GESCOM. Gestão por. Competências. Capacitação e Desenvolvimento

GUIA DE GESTÃO DE PESSOAS POR COMPETÊNCIAS TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO GESCOM. Gestão por. Competências. Capacitação e Desenvolvimento GUIA DE GESTÃO DE PESSOAS POR COMPETÊNCIAS TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO GESCOM Porto Velho - RO - 2014 TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO Rondônia / Acre IDENTIDADE ORGANIZACIONAL

Leia mais

Levantamento de Governança e Gestão de Pessoas na APF

Levantamento de Governança e Gestão de Pessoas na APF Secretaria de Fiscalização de Pessoal Levantamento de Governança e Gestão de Pessoas na APF Fabiano Nijelschi Guercio Fernandes Auditor Federal de Controle Externo Brasília-DF, 25 de fevereiro de 2013

Leia mais

www.omra.com.br (11) 3846-7995 / 98473-3133 www.produtividadeprofissional.com.br

www.omra.com.br (11) 3846-7995 / 98473-3133 www.produtividadeprofissional.com.br Wagner Mancini wmancini@omra.com.br www.omra.com.br (11) 3846-7995 / 98473-3133 www.produtividadeprofissional.com.br Treinamentos inovadores de Produtividade Pessoal O que é o PPG? Pessoas atingindo seus

Leia mais

RH: GESTÃO INOVADORA ORGANIZACIONAL

RH: GESTÃO INOVADORA ORGANIZACIONAL programação do evento 4ª edição RH: GESTÃO INOVADORA ORGANIZACIONAL 10 de abril de 2014 Staybridge Suites São Paulo PATROCÍNIO GOLD PATROCÍNIO SILVER EXPO BRAND APOIO REALIZAÇÃO Os desafios do futuro na

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA (TR) GAUD 4.6.8 01 VAGA

TERMO DE REFERÊNCIA (TR) GAUD 4.6.8 01 VAGA INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA (TR) GAUD 4.6.8 01 VAGA 1 IDENTIFICAÇÃO DA CONSULTORIA Contratação de consultoria pessoa física para serviços de preparação

Leia mais

Implantação da Governança a de TI na CGU

Implantação da Governança a de TI na CGU Implantação da Governança a de TI na CGU José Geraldo Loureiro Rodrigues Diretor de Sistemas e Informação Controladoria-Geral da União I Workshop de Governança de TI da Embrapa Estratégia utilizada para

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 23/2012 Aprova a implantação do Sistema de Gestão de Pessoas por Competências (SGPC) da UFPB. O Conselho Universitário

Leia mais

1. Escopo ou finalidade da iniciativa

1. Escopo ou finalidade da iniciativa 1. Escopo ou finalidade da iniciativa Esta iniciativa busca a modernização e a ampliação das ações e dos instrumentos de Comunicação para atender às necessidades de divulgação e alinhamento de informações

Leia mais

WORKSHOP DE COACHING PARA GESTORES. www.diogohudson.com.br

WORKSHOP DE COACHING PARA GESTORES. www.diogohudson.com.br WORKSHOP DE COACHING PARA GESTORES www.diogohudson.com.br APRESENTAÇÃO & EXPECTATIVAS Se apresentem e discutam: O que você esperadeste workshop? COACHING PARA GESTORES 7 papéis de um gestor Como o coaching

Leia mais

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade Eficácia e Liderança de Performance O Administrador na Gestão de Pessoas Grupo de Estudos em Administração de Pessoas - GEAPE 27 de novembro

Leia mais

EIXO DE APRENDIZAGEM: CERTIFICAÇÃO E AUDITORIA Mês de Realização

EIXO DE APRENDIZAGEM: CERTIFICAÇÃO E AUDITORIA Mês de Realização S QUE VOCÊ ENCONTRA NO INAED Como instituição que se posiciona em seu mercado de atuação na condição de provedora de soluções em gestão empresarial, o INAED disponibiliza para o mercado cursos abertos,

Leia mais

TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA 5 GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETOS 7 INTRODUÇÃO AO GERENCIAMENTO DE PROJETOS

TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA 5 GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETOS 7 INTRODUÇÃO AO GERENCIAMENTO DE PROJETOS TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA Líderes eficazes devem encontrar maneiras de melhorar o nível de engajamento, compromisso e apoio das pessoas, especialmente durante os períodos

Leia mais

PODERJUD1CIÂRIO TRIBUNAL DEJUSTIÇA DO ESTADO DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE GESTÃO DE PESSOAS TERMO DE REFERÊNCIA

PODERJUD1CIÂRIO TRIBUNAL DEJUSTIÇA DO ESTADO DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE GESTÃO DE PESSOAS TERMO DE REFERÊNCIA PODERJUD1CIÂRIO TRIBUNAL DEJUSTIÇA DO ESTADO DE PERNAMBUCO TERMO DE REFERÊNCIA l. DO OBJETO CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA ESPECIALIZADA EM CLIMA ORGANIZACIONAL PARA ATUAR EM TODAS AS UNIDADES DO PODER JUDICIÁRIO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 2ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 2ª REGIÃO PROJETO: APERFEIÇOAR O PROCESSO DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO INSTITUCIONAL Número do Projeto: 02/2011 Código do Projeto:CPG_APERFEICOAR_PEI Versão: 2 Área demandante: Comitê de Planejamento e Gestão Data

Leia mais

METODOLOGIA HSM Centrada nos participantes com professores com experiência executiva, materiais especialmente desenvolvidos e infraestrutura tecnológica privilegiada. O conteúdo exclusivo dos especialistas

Leia mais

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO NOVAS LIDERANÇAS

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO NOVAS LIDERANÇAS Apresentação Atenta aos movimentos do mercado e ao cenário competitivo vivenciado pelas empresas e profissionais, a ADVB/RS atua na área de educação corporativa e oferece conhecimentos alinhado às principais

Leia mais

COACHING E MENTORING APLICADOS A PROJETOS

COACHING E MENTORING APLICADOS A PROJETOS COACHING E MENTORING APLICADOS A PROJETOS CONHEÇA OS FUNDAMENTOS O QUE É O COACHING? Coaching é um processo de aceleração de resultados que consiste no desenvolvimento de competências e habilidades profissionais

Leia mais

ASSUNTO: PARTICIPAÇÃO DE GESTORES DO IFPR- 4º FORUM NACIONAL DE ESTRATÉGIA & GOVERNANÇA PÚBLICA.

ASSUNTO: PARTICIPAÇÃO DE GESTORES DO IFPR- 4º FORUM NACIONAL DE ESTRATÉGIA & GOVERNANÇA PÚBLICA. Memorando Circular 26/2013 PROGEPE/DIDEP/CCA Aos Senhores: Chefe de Gabinetes, Diretores-Gerais, Pró-Reitores e Chefias de Diretorias Sistêmicas. Com cópia para GT Pessoas ASSUNTO: PARTICIPAÇÃO DE GESTORES

Leia mais