Casamento coletivo. Ação social Promoção do comércio

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Casamento coletivo. Ação social Promoção do comércio"

Transcrição

1 ESPAÇO COMERCIAL

2 CASES DE SUCESSO

3 Casamento coletivo + Ação social Promoção do comércio

4 CASAMENTO COLETIVO

5 COMO TUDO COMEÇOU.

6 1 EDIÇÃO Novembro de casais

7

8

9

10

11 2 EDIÇÃO Outubro de casais

12

13

14 3 EDIÇÃO Abril de casais

15

16

17

18

19 4 EDIÇÃO Agosto de casais

20

21 BENEFICIOS DO EVENTO Ação social Movimentação comercial (vestuário, fotografia, salão de beleza, festas/jantares)

22 Passo a passo Reunião com igrejas e cartório. Apoio de outras entidades/empresas. Apoio e Valorização do Comércio local.

23 MUITO OBRIGADO DANIELA TREVISAN (49)

24

25 DECLARAÇÃO NADA CONSTA AUTOMOTIVA

26 DECLARAÇÃO NADA CONSTA AUTOMOTIVA OBJETIVO: Atender os requisitos da lei No , de 25 de março de 2015 Obriga das revendedoras de veículos automotores a informarem o comprador o valor dos tributos incidentes sobre a venda e a situação de regularidade do veículo quanto a: furto, multas, taxas anuais, débitos de impostos, alienação fiduciária ou quaisquer outros registros que limitem ou impeçam a circulação do veículo.

27 ITENS CONSTANTES NA DECLARAÇÃO AUTOMOTIVA Alienação Fiduciária; Multas e taxas anuais legalmente devidas; Multa, IPVA, licenciamento, seguro obrigatório Histórico de Furto e roubo: Essa consulta retorna o histórico de tudo que aconteceu com o veículo em relação a Roubo e Furto, mesmo que o veículo não esteja mais em situação de roubo e já tenha sido recuperado e desenvolvido, sendo assim, nosso cliente terá como saber quanto tempo o veículo ficou desaparecido, data de recuperação e qual a data de devolução para o proprietário Perda Total: Base de Sinistro Irrecuperável lançados por todas as seguradoras conveniadas e que podem estar em circulação novamente.

28 ALERTA CPF CONSULTADO NO BALCÃO Associado que registrou o CPF consultado receberá um informando que o cliente inadimplente esteve na CDL solicitando declaração nada consta.

29

30 NOVA MODALIDADE DE ALERTA B.O. Inserção automática via sistema; Cancelamento deverá ser feito pela vítima. Por telefone com o número do B.O. ( ) Pessoalmente em qualquer CDL; mediante documento com foto.

31 TELA DO ALERTA DE B.O.

32 TELA DO ALERTA DE B.O.

33 TELA DO ALERTA DE B.O.

34

35 OUTRAS OPÇÕES DE SCORE 76, 77, 79, 30 CONSULTA 80 SCORE PF +

36 CONSULTA PESSOA JURÍDICA OPÇÃO 30 - SPC JURÍDICA RISKSCORING A MELHOR RELAÇÃO CUSTO/BENEFÍCO DO MERCADO PARA CADASTRAMENTO DE NOVOS CLIENTES E PROPOSTAS DE MAIOR VALOR AGREGADO

37 OPÇÃO 30 - SPC JURÍDICA RISKSCORING Base de SC - Alertas, Cheques Pré-Datados, Cheques Devolvidos, Referências Comerciais e Inadimplências Relativas a Crediário; Banco Central (Bacen) - Cadastro de Cheques sem Fundos(CCF); Base da SERASA - PEFIN (Pendências Financeiras), REFIN (Pendências Bancárias ); Protestos (de todo Brasil); Ações Judiciais; Confirmei, Razão Social, Nome Fantasia, Data de Fundação, Endereço, Razão Social da Antecessora, Inscrição Estadual, Data de Atualização/Status do CNPJ, Data de Atualização da I.E. (Inscrição Estadual; Participação Societária; Valor do Capital Social; Histórico de Pagamentos; Relacionamento com fornecedores mais antigos; Participação dos sócios em Empresas; Riskscoring/PRINAD 12 meses

38 30 - SPC JURÍDICA RISKSCORING Quadro societário

39 30 - SPC JURÍDICA RISKSCORING outras empresas dos sócios

40 Riskscoring/PRINAD 12 meses SERASA NA OPÇÃO 30 - PJ Perfil de risco relativo aos próximos 12 meses. Perfil da empresa (quanto maior o perfil, menor a probabilidade de inadimplência) Percentual de risco de inadimplência dentro da mesma classe de empresas

41 OPÇÃO 30 E O RETORNO PARA A CDL Custo CDL R$ 10,39 Sugestão (mínimo) para associa. R$ 13,52 Avaliar a possibilidade de marjorar o valor de venda da opção 30 considerando o perfil e as necessidades do associado ou prospect e a oferta do mercado. NEGOCIAR PARA GANHAR

42 O associado quer saber se o cliente possui sociedade em alguma empresa. Qual consulta eu indico?

43 Necessidade: Avaliar empresas do cliente PF 70 - SPC TOP FÍSICA Base de SC - Alertas, Referências Comerciais, Inadimplências Relativas a Crediário, Cheques Pré-Datados e Cheques Devolvidos. CCF - Cadastro de cheques sem Fundos do Banco Central. Base do SPC Brasil - Referências Comerciais, Registros de Cheques e Crediário. Base da SERASA - PEFIN (Pendencias Financeiras) de todos os Estados da Federação, Informações de Chequenet, Achei Recheque (Cheques Roubados, Sustados, Cancelados ou Extraviados e Cheques sem Fundos, Cadastrados pelo Varejo), Confirmei, e Protesto. Confirmação do CPF na Receita Federal on-line. , Dados do Assinante do telefone, Telefones Vinculados ao CPF, Telefones Consultados Anteriormente, últimos Endereços Informados, Crédito Concedido, Divergência(CPF X Conta Corrente), Divergência (CPF x Contra-ordem), participação societária.

44 70 - SPC TOP FÍSICA Única opção de consulta que indica Crediário, Cheques Pré-Datados e Cheques Devolvidos. CCF - Cadastro divergências de cheques entre sem Fundos o CPF do Banco consultado Central. e informações do cheque. Crediário. Ex. Conta não pertence ao CPF Base de SC - Alertas, Referências Comerciais, Inadimplências Relativas a Base do SPC Brasil - Referências Comerciais, Registros de Cheques e Base da SERASA - PEFIN (Pendencias Financeiras) de todos os Estados da Federação, Informações de Chequenet, Achei Recheque (Cheques Roubados, Sustados, Cancelados ou Extraviados Traz e ainda: Cheques sem Fundos, Cadastrados pelo Varejo), Confirmei, Confirmação e Protesto. Confirmação dos dados do CPF na Receita Federal on-line. , Dados do Assinante do telefone, (endereço) do assinante do Telefones Vinculados ao CPF, Telefones Consultados Anteriormente, últimos Endereços Informados, Crédito Concedido, telefone. Divergência(CPF X Conta Corrente), Divergência (CPF x Contra-ordem), participação societária.

45 REGISTRO COM PROTESTO

46 REGISTRO COM PROTESTO - ATÉ 10/07/2015 Indicador Protestos Aceitos Valor Pago em Cartório R$ ,35 Valor recebido na loja pelo associado R$ ,04 Total recebido no período R$ ,39 CDLs Usuárias 180 Associados Usuários PARCERIA QUE TRAZ RESULTADOS

47

48 POR QUE MUDOU? Maior segurança para o associado Alguns devedores questionavam a divergência do tipo de título. Ex: Como estou sendo protestado por uma duplicata se na verdade minha divida é de um cheque?

49 BASE LEGAL ATÉ AQUI PARA ENVIO SEM IMAGEM OU APRESENTAÇÃO DO ORIGINAL NO CARTÓRIO Parágrafo 4.o, do artigo 860, do seu Código de normas do Tribunal de Justiça de SC: "Na hipótese de o DOCUMENTO DE DÍVIDA e a indicação serem apresentados em meio eletrônico, não será necessária a apresentação da respectiva documentação em meio físico na serventia a que forem distribuídos".

50 É POSSIVEL ENVIAR OS TITULOS SEM A IMAGEM? SIM. PARA ENVIAR OS TITULOS COMO ANTERIORMENTE, SEM ANEXAR AS IMAGENS, O USUÁRIO DEVERÁ OPTAR PELO SELECIONAR DMI (Duplicada Mercantil por Indicação). ATENÇÃO: AO ENVIAR DUPLICATAS, CHEQUES OU CONTRATOS COMO DMI O USUÁRIO ASSUME O RISCO DA CONTESTAÇÃO DO SACADO

51 PROBLEMAS COM IMAGENS DE TÍTULOS Qualidade da imagem ruim; Notas Promissórias em branco; Documento com número diferente do informado; Cheque sem o verso Impossível conferir alínea; Promissória com valor diferente do informado no registro. Necessário enviar o verso. Documento não passíveis de protesto; Fichas, Pedidos, orçamentos, controle interno;

52 CANCELAMENTO X RETIRADA ATENÇÃO: ANTES DO VENCIMENTO NO CARTÓRIO A RETIRADA E AS CUSTAS SÃO DE RESPONSBILIDADE DO CREDOR/ASSOCIADO

53 CARTA DE ANUÊNCIA SOMENTE APÓS PROTESTO

54 PROTESTO DE CHEQUES Jurisprudência do STJ permite apontamento até 6 meses além do prazo de protesto. Fonte: informativo 556 do STJ Apelação cível TJSC n Lei do cheque (Lei nº 7.357/85) ; Prescrição do direito de execução é de 6 meses, Prazo legal para o protesto: 30 dias se for da praça; 60 dias de fora da praça;

55 ARMAZENAMENTO DE NFes - Notas Fiscais Eletrônicas (xml)

56 Lei , de 26 de dezembro de 1996 (alterada pela Lei nº de 07/12/2009) Art. 81-B Deixar de remeter ou disponibilizar ao destinatário o arquivo de documento fiscal eletrônico: MULTA de R$ 1.000, Incorre também na multa..., o destinatário que: II - deixar de guardar os arquivos eletrônicos... SINIEF 08/10, Cláusula décima O emitente e o destinatário deverão manter a NF-e em arquivo digital, sob sua guarda e responsabilidade, pelo prazo estabelecido na legislação tributária, mesmo que fora da empresa, devendo ser disponibilizado para a Administração Tributária quando solicitado. 1º O destinatário deverá verificar a validade e autenticidade da NF-e e a existência de Autorização de Uso da NF-e.

57 BENEFÍCIOS DO XML-SPC? Armazenamento; Verificação de autenticidade; Validação automática; Emissor de Nfe; Manifesto do Destinatário; Captura de notas emitidas Controle gerencial; Visualização do Danfe e do XML 24h por dia 7 dias por semana, em computadores, tablet s, smartfhones.

58 ACESSO DO XML-SPC PELA PLATAFORMA GOSOCKET CADASTRAMENTO GRATUITO Acessando:

59 R$ 99,00 P/ano NFs Opção R$9,90/mês Consulte planos para empresas com maior volume de notas

60 OPORTUNIDADE XML-SPC 1. Envio automático de marketing com convite para todos os associados; 2. Cadastramento automático de todos os associados da CDL.

61 MODELO DO MARKETING AUTOMATICO

62 MODELO DO MARKETING AUTOMATICO

63 Relacionamento Com associados

64 No contexto do SISPC, o módulo de relacionamento está ligado com os conceitos de um CRM do mercado

65

66 Mas afinal o que é um CRM? É um sistema integrado de gestão com foco no cliente, que reúne os processos da organização de uma forma organizada e integrada

67

68 CRM É CULTURA! Não adianta ter o melhor sistema de RELACIONAMENTO se a CDL não tiver uma cultura voltada ao atendimento dos seus associados e a obtenção/registro de informações úteis.

69 Áreas contempladas pelo CRM - Gestão do Marketing - Gestão Comercial - Gestão de Serviços Todos estes processos estão gerando dados que alimentarão o CRM

70 CRM é uma estratégia de negócio voltada ao atendimento e antecipação das necessidades e potenciais de uma empresa. Gartner Group

71 E no que o SISPC pode auxiliar nos processos de GESTÃO DO RELACIONAMENTO COM O ASSOCIADO?

72

73 Hoje temos: A possibilidade de separar os associados por carteira de atendimento; A possibilidade de segmentar os associados; A possibilidade de separar os associados por região; O lembrete do sistema a respeito dos associados aniversariantes;

74 A possibilidade de emitir relatórios diversos no sistema para acompanhar as necessidades do associado; O módulo institucional para relacionamento com os diretores da CDL E o módulo de relacionamento do SISPC

75

76

77 COMUNICAÇÃO COM ASSOCIADOS

78

79

80

81 ATENDIMENTO AOS ASSOCIADOS

82

83

84 Continua...

85

86 Após salvar o atendimento é possível redirecioná-lo para outro usuário...

87

88 REGISTRO DE VISITAS

89

90

91 Continua...

92

93

94 Nesta área estão descritos todos os produtos e serviços utilizados pelo associado no período selecionado. A célula será de cor azul quando houver um aumento do valor faturado com o serviço, se comparado ao mês anterior. A célula será de cor vermelha quando houver diminuição do valor faturado com o serviço, se comparado ao mês anterior.

95

96 São três gráficos: - Por Bairro - Por Região - Por Segmento

97 O módulo de Relacionamento do SISPC continua sendo aprimorado. Existem diversas funções que estão em desenvolvimento neste momento que deverão ser liberadas nos próximos meses.

98 - Passe a registrar todas as informações de relacionamento com os seus associados - Envie os comunicados sempre pelo SISPC - Acompanhe os relatórios/indicadores gerados pelo sistema - Havendo necessidade de novas funções ou relatórios, entre em contato conosco.

99 O QUE VEM POR AÍ Análise de Prospects visitados, convertidos, não convertidos, Análise de perda de receitas devido a movimentação de associados Análise de contatos com os associados ( , telefone, visitas, etc.) Análise de conversão de contatos (% de sucesso nas ligações, s ou SMS enviados pela entidade) Prospecção de novos associados

100 MUITO OBRIGADO DEOCLIDES PEREIRA QUEVEDO JUNIOR COORDENADOR DESENVOLVIMENTO (48)

101 CAMPANHA PARA NOVOS ASSOCIADOS (DEGUSTAÇÃO)

102 A modalidade prevê a concessão de 3 (três) meses, considerando-se o mês de ingresso, sem cobrança de mensalidade federativa e bonificação de 10 consultas 65, por mês e não cumulativas, para novos associados cadastrados no SISPC. CAMPANHA PARA NOVOS ASSOCIADOS

103 Observações: a) Essa concessão deverá ser dada também pela CDL; b) Só será concedido o benefício para associado cujo CNPJ não constar como ativo nos últimos 12 (doze) meses; c) O benefício não se aplica a outros serviços como registros, protestos, XML etc; c) Consultas efetuadas acima do pacote bonificado, serão faturadas normalmente, sem no entanto implicar na perda do benefício concedido (federativa + 10 consultas); e) Durante o período em que o associado estiver cadastrado na campanha, não haverá a possibilidade de se efetuar registro. CAMPANHA PARA NOVOS ASSOCIADOS

104 CAMPANHA PARA NOVOS ASSOCIADOS Ao final do terceiro mês a partir da concessão do benefício, a CDL deverá: a) Cancelar o associado se esse não for permanecer como tal; b) caso a condição de associado for mantida, alterar o status para CONSULENTE ou NÃO CONSULENTE.

105 ATENÇÃO Caso não observadas essas obrigatoriedades, o SISPC passará, a partir desse prazo (3º mês), a tratar todos como Associados CONSULENTES e a faturar normalmente os valores relativos à contribuição federativa e consultas. CAMPANHA PARA NOVOS ASSOCIADOS

106 Loja 1 Loja 2 Loja 3 Nova modalidade de associados

107 Associado Loja 1 Loja 2 Grupo Empresarial Loja 3 1) Cobrança de apenas uma mensalidade federativa para o grupo; 2) Empresas com mesmo nome fantasia; 3) Sistema reconhece automaticamente; 4) CNPJ pode ter raiz diferente; 5) Atende necessidade de empresas desmembradas devido a ajustes fiscais.

108 CUIDADO COM A DIVULGAÇÃO DE DADOS CADASTRAIS DE ASSOCIADOS EM SITES E REDES SOCIAIS;

109 DIVULGAÇÃO DE TABELAS DE PREÇOS DE PRODUTOS E SERVIÇOS.

110 CASES DE SUCESSO

111 CERTIFICAÇÃO DIGITAL Bom negócio para a CDL? Desafios: custos? Concorrência? Perspectivas...

112

113

114

115

116

117

118 Descreva aqui a mensagem a ser enviada ao Conselho Consultivo de Gestores

119

120 Processos Financeiros: Introdução

121 PROCESSO FINANCEIRO PADRÃO Contas a Pagar Contas a Receber Atualizações Gestão Financeira da CDL

122 Faturamento Mensal Contas a Receber Cadastro/cobrança de Serviços Temporários e Permanentes (mensalidades e outros serviços) Bilhetagem do consumo dos serviços automáticos do SPC pelo Associado (Consultas, Registros, Protestos, etc.) Cobrança de Convênios Cobrança de Campanhas

123 Operações de Balcão Contas a Receber Com associados, terceiros e população em geral Controle financeiro de declarações Controle financeiro de outros serviços (cursos, palestras, locações, etc. ) Recebimento de faturas de associados

124 Cadastrar Compromissos a Pagar Contas a pagar Fornecedores Produtos ou serviços que estão sendo adquiridos (despesas); Classificar os produtos ou serviços segundo um plano de contas financeiro (apropriação financeira) Efetuar lançamentos por centro de custo Documentar com históricos sempre que possível Cadastrar/agendar os compromissos.

125 Registrar Pagamentos Contas a pagar Informar a data de pagamento Forma de pagamento (dinheiro, cheque, etc.) Origem dos recursos utilizados no pagamento (caixa, conta corrente) Documentar com histórico Armazenar comprovantes de pagamento

126 Integração Contas a Pagar Contas a Receber Fechamento de Caixa Movimentar Recursos Financeiros entre contas (transferências) Apurar Resultado Controlar Inadimplência Enviar informações para Contabilidade

127 SISPC MÓDULO DE FATURAMENTO

128

129

130 SISPC MÓDULO FINANCEIRO

131 Cadastros fornecedores, associados, terceiros, produtos, Serviços. Principais Funções Agendamento de compromissos financeiros; Quitação de compromissos agendados;

132 Principais Funções Lançamento Simplificado de Compromisso - Registro e quitação Armazenamento do comprovante de pagamento; Apuração/Rateio por centro de custos; Geração de boleto avulso Para associados e/ou terceiros

133 Principais Funções Múltiplos Boletos avulsos; Projeção/Orçamento com base no passado alimentado no sistema Transferência de recursos entre contas; Faturamento para terceiros (não associados); Controle de saldo; Integração com a contabilidade

134

135 Apropriação Financeira É um conjunto de contas para registro de fatos da entidade com o objetivo de se manter uma escrituração financeira de forma organizada. Basicamente divide-se em dois grandes grupos, Receitas e Despesas.

136

137 Centro de Custos Subdivisão da entidade em uma fração menor com a finalidade de apurar o resultado (receita despesas) para esta subdivisão.

138

139 APROPRIAÇÃO FINANCEIRA

140 Plano de Contas Financeiro da Entidade

141

142 CENTRO DE CUSTOS

143 Agiliza a visão dos resultados por departamento/divisão da entidade

144

145 RATEIO POR CENTRO DE CUSTOS

146

147 FONTE DE RECURSOS

148 Cadastro das contas bancárias da entidade

149

150 DESPESAS

151 Cadastro dos produtos e serviços que a CDL compra

152

153 FORNECEDORES

154

155 GESTÃO DE COMPROMISSOS

156 Cadastro de Contas a Pagar da CDL LANÇAMENTO SIMPLIFICADO

157

158 AGENDAMENTO DE PAGAMENTOS

159

160

161

162

163

164 MOVIMENTAÇÃO FINANCEIRA

165 Transferir valores entre contas da entidade

166

167 ENTRADAS NO CAIXA RECEBIMENTOS FEITOS NO BALCÃO DA CDL

168 Processo de recebimento de valores no balcão da CDL

169

170

171

172

173

174

175 RELATÓRIOS

176 RELATÓRIO DE COMPROMISSOS FINANCEIROS

177

178

179 APURAÇÃO POR CENTRO DE CUSTOS

180

181

182

183

184 MOVIMENTAÇÃO POR FONTE DE RECURSO

185

186

187 COMPARAÇÃO RECEITAS x DESPESAS

188

189

190 LANÇAMENTOS POR APROPRIAÇÃO FINANCEIRA

191

192

193

194

195 FUNÇÕES QUE ESTÃO SENDO IMPLEMENTADAS - ORÇAMENTO DA ENTIDADE - EMISSÃO DE FATURA PARA MAIS DE UM CONVÊNIO - EMISSÃO DA FATURA FINAL DO ASSOCIADO - RELATÓRIOS E GRÁFICOS DIVERSOS - EMISSÃO DE RECIBO PELA TELA ENTRADAS NO CAIXA

196

197

198 Check-list de Implantação Sugestão: Baixe o manual do Cadastrar Apropriação Financeira (Plano de Contas Financeiro) módulo financeiro e veja todos Cadastrar Centros de Custos os benefícios que ele poderá Cadastrar Fonte de Recurso trazer para você e para a sua Cadastrar Despesas Vincular Serviços (receitas) CDL. com as apropriações financeiras e centro de custo Cadastrar Fornecedores

199 Assessoria Contábil FCDL

200

201

202

203 MUITO OBRIGADO DEOCLIDES PEREIRA QUEVEDO JUNIOR COORDENADOR DESENVOLVIMENTO (48)

204 CONSULTORES TÉCNICOS FCDL/SC E REPRESENTANTES COMERCIAIS

205 CONSULTORES TÉCNICOS FCDL/SC Jorge Luiz Caresia Edinei Stofela (47) Vivo (47) Claro (47) Daniela Trevisan Claro (49) Oi (49)

206 Oeste - Daniela Norte - Edinei Regiões de atuação Sul - Jorge

207 Representantes comerciais Representante: Diana Segallin

208 Representantes comerciais Objetivo: apoio às ações comerciais das CDLs; Principal atividade: visitação à empresas; Prospecção, retenção e manutenção; Necessitam de agenda prévia: relação de empresas a serem visitadas; Maior resultados se acompanhados por alguém da CDL ou da diretoria local; Devem ser avaliados com foco na atuação e na conduta;

209 MUITO OBRIGADO VALDEMIR M. DA SILVA (48) / facebook.com/vmsvaldemir twitter.com/vmsvaldemir skype: valdemir.vms

Material disponível no Espaço Gestor. Material apresentado na reunião do PEX dia 19/11/2015 - Chapecó

Material disponível no Espaço Gestor. Material apresentado na reunião do PEX dia 19/11/2015 - Chapecó Material disponível no Espaço Gestor Material apresentado na reunião do PEX dia 19/11/2015 - Chapecó Criciúma 10/11/2015 CONSEQUÊNCIAS VENDAS INADIMPLÊNCIA O PROBLEMA DO ASSOCIADO É O NOSSO PROBLEMA Vender

Leia mais

Reunião de Executivos 11/02/2015 Tubarão

Reunião de Executivos 11/02/2015 Tubarão Reunião de Executivos 11/02/2015 Tubarão - Dicas - Relacionamento com o Associado - Melhorias recentes - Módulo Financeiro Funções do SISPC que toda CDL deveria liberar para os seus associados Liberar

Leia mais

Reunião de Executivos 25/03/2015 Mafra

Reunião de Executivos 25/03/2015 Mafra Reunião de Executivos 25/03/2015 Mafra - Ferramentas importantes para o dia a dia - Relacionamento com o Associado - Melhorias recentes - Módulo Financeiro Espaço Gestor Funções do SISPC que

Leia mais

Valor. Cód. PRODUTO. 13 SPC Mix. 240 SPC Mix Mais. 241 SPC Mix Mais + Participação em empresas. 242 SPC Mix Mais + Ação

Valor. Cód. PRODUTO. 13 SPC Mix. 240 SPC Mix Mais. 241 SPC Mix Mais + Participação em empresas. 242 SPC Mix Mais + Ação Cód. PRODUTO 13 SPC Mix 240 SPC Mix Mais 241 SPC Mix Mais + empresas 242 SPC Mix Mais + Ação 243 SPC Mix Mais + Ação + Participação em empresas 244 SPC Mix Mais + Score 3 245 SPC Mix Mais + Score 12 246

Leia mais

TABELA DE PREÇOS - CONSUMO MÍNIMO DE R$ 1.800,00 - ANEXO 1

TABELA DE PREÇOS - CONSUMO MÍNIMO DE R$ 1.800,00 - ANEXO 1 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PME Premium 4 TABELA DE PREÇOS - CONSUMO MÍNIMO DE R$ 1.800,00 - ANEXO 1 Este anexo é parte integrante do contrato assinado entre a CONTRATADA e a CONTRATANTE, referente

Leia mais

SPC Mix. SPC Mix Mais

SPC Mix. SPC Mix Mais PRODUTO SPC Mix SPC Mix Mais SPC Mix Mais + Participação em empresas SPC Mix Mais + Ação SPC Mix Mais + Ação + Participação em empresas SPC Mix Mais + Score 3 SPC Mix Mais + Score 12 SPC Maxi Descritivo

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA A Serveloja soluções empresariais é uma empresa de tecnologia, especialista em consultoria, serviços financeiros e softwares. Disponibilizamos diversas soluções de cobranças

Leia mais

Tabela de Preços Descritivo e Insumos

Tabela de Preços Descritivo e Insumos PRODUTO SóCheque Achei Recheque Tabela de Preços Descritivo e Insumos Confirmação dos dados cadastrais + Alerta de Documentos + CCF Confirmação de dados cadastrais + Alerta de Documentos da Serasa + Confirmação

Leia mais

Descrições dos Serviços

Descrições dos Serviços SPC Mix SPC Mix Mais no ato da consulta + Contumácia da Alínea 21 + Contra Ordem. (10 Informações para 1Consulta) de documento + Protesto Nacional. (12 Informações para 1Consulta) SPC Mix Mais + Participação

Leia mais

Rotina de Manifesto Destinatário Tramitador NF-e. Manual desenvolvido para Célula Nf-e Equipe Avanço Informática

Rotina de Manifesto Destinatário Tramitador NF-e. Manual desenvolvido para Célula Nf-e Equipe Avanço Informática Rotina de Manifesto Destinatário Tramitador NF-e Manual desenvolvido para Célula Nf-e Equipe Avanço Informática 1 Esclarecimentos sobre Manifestação do Destinatário 1. O que é a Manifestação do Destinatário?

Leia mais

Manual Manifestação de Destinatário pelo módulo Faturamento

Manual Manifestação de Destinatário pelo módulo Faturamento Manual Manifestação de Destinatário pelo módulo Faturamento Foi implementado no sistema Consisanet, recurso para que os clientes possam realizar a manifestação de notas fiscais de entrada emitidas para

Leia mais

Descrição - Consulta PF

Descrição - Consulta PF - PF CONFIRME (PF) SPC LOCALIZA PF Renda Presumida SPC SPC IMOBILIÁRIO Limite de Crédito Sugerido SPC Top Física SPC Top Física + Confirmação dos dados cadastrais do documento consultado, alerta de documentos,

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES EVENTOS DE MANIFESTAÇÃO DO DESTINATÁRIO

PERGUNTAS FREQUENTES EVENTOS DE MANIFESTAÇÃO DO DESTINATÁRIO PERGUNTAS FREQUENTES EVENTOS DE MANIFESTAÇÃO DO DESTINATÁRIO 1. O que é um evento da Nota Fiscal Eletrônica NF-e? É qualquer fato relacionado com uma NF-e, normalmente ocorrido após a sua respectiva autorização

Leia mais

Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5

Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5 Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5 O sistema T-Car-Win está sendo atualizado para a versão 1.15.5. Esta versão tem o objetivo de agregar as seguintes funcionalidades ao sistema: Possibilidade

Leia mais

Passos e Orientações para solicitação de credenciamento como emissor de NF-e. Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo

Passos e Orientações para solicitação de credenciamento como emissor de NF-e. Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo Passos e Orientações para solicitação de credenciamento como emissor de NF-e Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo Versão 1.0 23/07/2009 Passos e Orientações para solicitação de credenciamento como

Leia mais

4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS

4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS 44 4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS 4.1 Cheque O cheque é uma ordem de pagamento à vista. Pode ser recebido diretamente na agência em que o emitente mantém conta ou depositado em outra agência, para ser

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Plano de Contas... 5 3.2.1 Parcelado... 6 3.2.2 Parcelamento Notas a Prazo...

Leia mais

Manual Gosocket. Sumário. Gosocket... 2 Cadastro Gosocket... 3 Inbox... 5 Network... 10 Commerce... 11 PayPal... 12 Aplicativos... 14. Versão 1.

Manual Gosocket. Sumário. Gosocket... 2 Cadastro Gosocket... 3 Inbox... 5 Network... 10 Commerce... 11 PayPal... 12 Aplicativos... 14. Versão 1. Manual Gosocket Versão 1.2 Sumário Gosocket... 2 Cadastro Gosocket... 3 Inbox... 5 Network... 10 Commerce... 11 PayPal... 12 Aplicativos... 14 Gosocket O Gosocket é uma rede de relacionamento empresarial

Leia mais

Tel. (0xx11) 3038-1150 Fax (0xx11) 3038-1166

Tel. (0xx11) 3038-1150 Fax (0xx11) 3038-1166 Sistema Nota Já Este manual tem por objetivo apresentar o sistema NotaJá a fim de auxiliar o usuário com todos os processos de cadastro, lançamentos de notas, cancelamentos, inutilizações, notas complementares

Leia mais

e-nota C Consulta de Nota Fiscal eletrônica

e-nota C Consulta de Nota Fiscal eletrônica Página1 e-nota C Consulta de Nota Fiscal eletrônica Manual do Usuário Produzido por Informática Educativa Página2 Índice Nota Fiscal eletrônica... 03 Safeweb e-nota C... 04 Documentos eletrônicos... 08

Leia mais

INFORMAÇÃO CONFIDENCIAL

INFORMAÇÃO CONFIDENCIAL Manual Associado o acesso está autorizado exclusivamente o acesso está para autorizado Colaboradores exclusivamente do SPC para Brasil Colaboradores e Entidades. do SPC Brasil e Entidades. BOAS VINDAS

Leia mais

Introdução. Vantagens. Utilização

Introdução. Vantagens. Utilização Introdução O Sistema de Transferência de Propriedade online permite ao Proprietário transferir a Propriedade de um animal de forma alienada ou não, sem a necessidade de encaminhamento da Guia de Transferência

Leia mais

Manual do Usuário SDMNet PORTAL DE FORNECEDORES

Manual do Usuário SDMNet PORTAL DE FORNECEDORES 1 sdmnet.dana.com.br Página 1 2 Login: Para acessar o Portal de Fornecedores (SDMNet) digite HTTP://sdmnet.dana.com.br. A seguir será solicitado seu Login e Senha. Caso tenha esquecido sua senha/login,

Leia mais

Perguntas Frequentes. Distribuidores

Perguntas Frequentes. Distribuidores Perguntas Frequentes Distribuidores O que é o site Compre Lista Escolar? É um site que possui um sistema desenvolvido, exclusivamente, para que distribuidores possam realizar vendas de livros escolares

Leia mais

Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto.

Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto. Orientações para aquisição de Bens Móveis Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto. Lembrando que a análise do seu

Leia mais

Tabela de Preços CDL-Mesquita. Janeiro de 2012

Tabela de Preços CDL-Mesquita. Janeiro de 2012 Tabela de Preços CDL-Mesquita Janeiro de 2012 Produto Definição Valor Unitário CONSULTAS PF Só Cheque Mix( + Cheque) Mix + (Protesto) Top Física Top Física + (ação) heque Analítico heque Sintético Achei

Leia mais

emonitor Recebimento e Gerenciamento da NF-e

emonitor Recebimento e Gerenciamento da NF-e Automatize processos e garanta o Compliance de suas operações Host Andreia Naim Finianos Diretora de Negócios do Grupo Skill Agenda Apresentação Institucional Artsoft Sistemas e Grupo Skill Aspectos legais

Leia mais

Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis

Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis Módulo Cadastro SIGLA Digital Relação de Controles de Acesso Página 1 de 22 Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis Agenda Telefônica Cadastro simplificado de telefones. Tem

Leia mais

Novidades Versão 11.08a

Novidades Versão 11.08a 1. VISÃO GERAL 1.1 MODIFICAÇÕES E ATUALIZAÇÕES: Foram adicionadas diversas funcionalidades nos Módulos Doc-e, Produção, CRM, no Sistema de Gestão Administrativa e no Módulo de Vendas que permitem melhorias

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e)

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e) Manual da Declaração Eletrônica de Serviços de Instituições Financeiras (DES-IF) Todos os dados e valores apresentados neste manual são ficticios. Qualquer dúvida consulte a legislação vigente. Página

Leia mais

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais...

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais... Sumário UNICO...... 3 Cadastros... 4 Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5 Produtos...... 6 Serviços...... 6 Outros...... 6 Vendas... 7 Notas Fiscais... 7 Estoque...8 Financeiro......

Leia mais

Solução completa para sua Empresa realizar transações seguras

Solução completa para sua Empresa realizar transações seguras Solução completa para sua Empresa realizar transações seguras Empresa de Soluções e Automação Comercial há 24 anos que se destacou pela solidez de sua relação com seus Clientes, e a constante preocupação

Leia mais

TARIFAS BANCÁRIAS. Para abrir uma conta, os bancos exigem um depósito inicial, que varia conforme a instituição.

TARIFAS BANCÁRIAS. Para abrir uma conta, os bancos exigem um depósito inicial, que varia conforme a instituição. TARIFAS BANCÁRIAS A utilização de bancos é praticamente indispensável aos cidadãos. Contas e impostos, salários e seguros-desemprego são exemplos de transferência de dinheiro normalmente intermediada por

Leia mais

Tabela de Preços CDL-Mesquita. Janeiro de 2014

Tabela de Preços CDL-Mesquita. Janeiro de 2014 Tabela de Preços CDL-Mesquita Janeiro de 2014 Produto Definição Valor Unitário CONSULTAS PF Só Cheque Sexo, Data de Nascimento, Idade, Signo, Filiação, Endereço (caso tenha cadastrado no banco de dados),

Leia mais

Conceito de NF-e. Conexão NF-e

Conceito de NF-e. Conexão NF-e WHITE PAPER Sumário Conceito de NF-e... 3 Conexão NF-e... 3 Validador de Arquivos da Nota de Entrada... 4 Importador da Nota de Entrada Para o ERP E M S... 5 Manifesto do Destinatário Eletrônico (MD-e)...

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.12 Pagueban...2 Bancos...2 Configurando Contas...5 Aba Conta Banco...5 Fornecedores Referências Bancárias...7 Duplicatas a Pagar...9 Aba Geral...10 Aba PagueBan...11 Rastreamento

Leia mais

MÓDULO. Básico. Grupo Acert - 1

MÓDULO. Básico. Grupo Acert - 1 MÓDULO Básico Grupo Acert - 1 ÍNDICE Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras 03 04 05 06 07 Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica 08 09 10 10 11 Esta

Leia mais

NOTA FISCAL ELETRÔNICA

NOTA FISCAL ELETRÔNICA NOTA FISCAL ELETRÔNICA 1. Comprei mercadoria com NF-e denegada. Qual o procedimento para regularizar essa situação? Resposta: Preliminarmente, temos que esclarecer o que é uma NF-e Denegada:, A Denegação

Leia mais

Manual de Garantia de Cheque

Manual de Garantia de Cheque Este documento não deve ser reproduzido sem autorização da FCDL/SC Aprovação: Representante da Direção Ademir Ruschel Elaboração: Supervisor da Qualidade Sílvia Regina Pelicioli PASSO-A-PASSO PARA GARANTIR

Leia mais

DOE Nº 12.927 Data: 11/04/2013 PORTARIA Nº 036/2013-GS/SET, DE 10 DE ABRIL DE 2013.

DOE Nº 12.927 Data: 11/04/2013 PORTARIA Nº 036/2013-GS/SET, DE 10 DE ABRIL DE 2013. DOE Nº 12.927 Data: 11/04/2013 PORTARIA Nº 036/2013-GS/SET, DE 10 DE ABRIL DE 2013. Institui o Projeto Piloto da Nota Fiscal Eletrônica para Consumidor Final (NFC-e), que possibilita a emissão da Nota

Leia mais

1. Reordenação da aba Fiscal 1. 2. Consulta simplificada de itens vendidos por NCM, CFOP e Alíquotas 2. 3. Parametrização de NCM 4

1. Reordenação da aba Fiscal 1. 2. Consulta simplificada de itens vendidos por NCM, CFOP e Alíquotas 2. 3. Parametrização de NCM 4 CADASTROS FISCAIS 1. Reordenação da aba Fiscal 1 2. Consulta simplificada de itens vendidos por NCM, CFOP e Alíquotas 2 3. Parametrização de NCM 4 4. Faturamento de pedidos entregues no endereço do revendedor

Leia mais

Gestor Empresarial - Financeiro. Release Versão 1.076

Gestor Empresarial - Financeiro. Release Versão 1.076 Gestor Empresarial - Financeiro Release Versão 1.076 Maio/2013 Produto : AeroSoft Gestor Empresarial - Financeiro Versão : v1.076 Data Liberação : 21/04/2013 A seguir são apresentadas as novas funções

Leia mais

Os itens adicionados nesta lista serão retirados do estoque até que você os devolva.

Os itens adicionados nesta lista serão retirados do estoque até que você os devolva. Funções do Rackine. Será abordado aqui de forma simples e abreviada, as principais funções de cada tela do Rackine. Focando apenas em descrever o que cada parte do software faz. Para informações relativas

Leia mais

TELA PRINCIPAL: Mudamos a aparência do sistema para uma imagem mais moderna e atual.

TELA PRINCIPAL: Mudamos a aparência do sistema para uma imagem mais moderna e atual. WorkGroup Prezados Clientes: Abaixo, estão os Novos Recursos da versão 2.0.6 BUILD: 5.8.7.2 em relação ao Build 5.8.7.1. Dividimos as alterações por Menus, sendo que em cada alteração constará o nome da

Leia mais

Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa

Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa Objetivo O objetivo deste guia é fornecer um roteiro para a implantação módulo Fechamento de Caixa do sistema Bluesoft ERP. O que é o Fechamento de

Leia mais

MANUAL BÁSICO DE NORMAR E ROTINAS DEPARTAMENTO FINANCEIRO. Contamos com o comprometimento e colaboração de todos.

MANUAL BÁSICO DE NORMAR E ROTINAS DEPARTAMENTO FINANCEIRO. Contamos com o comprometimento e colaboração de todos. MANUAL BÁSICO DE NORMAR E ROTINAS DEPARTAMENTO FINANCEIRO DISPOSIÇÕES INICIAIS O manual trás um resumo de algumas normas e rotinas que devem ser seguidas para o bom desempenho das tarefas necessárias para

Leia mais

COMERCIAL) 1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. E-

COMERCIAL) 1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. E- 2014 ÍNDICE 1. Cadastros básicos 2. Módulos básicos (Incluso em todas as versões) CMC BASE 3. Agenda 4. Arquivos 5. Empresas ou Cadastros de empresas 6. Pessoas ou cadastro de pessoas 7. Módulos que compõem

Leia mais

NOTA FISCAL ELETRÔNICA

NOTA FISCAL ELETRÔNICA NOTA FISCAL ELETRÔNICA Instalação do certificado digital Para cada empresa certificadora existe um manual de instalação. Antes de emitir o certificado no cliente, leia atentamente as instruções do manual.

Leia mais

OPERANDO COM A NOTA FISCAL ELETRÔNICA

OPERANDO COM A NOTA FISCAL ELETRÔNICA OPERANDO COM A NOTA FISCAL ELETRÔNICA OPERANDO COM A NOTA FISCAL ELETRÔNICA Como já é de conhecimento de todos, iniciamos nossa operação de faturamento com o novo modelo exigido pelo Governo Federal, de

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA - DIAT GERÊNCIA DE SISTEMAS E INFORMAÇÕES TRIBUTÁRIAS - GESIT

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA - DIAT GERÊNCIA DE SISTEMAS E INFORMAÇÕES TRIBUTÁRIAS - GESIT SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA - DIAT GERÊNCIA DE SISTEMAS E INFORMAÇÕES TRIBUTÁRIAS - GESIT Revisado em 03/12/2013 MANUAL DOS APLICATIVOS SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE TRIBUTAÇÃO M A N U A L D A NOTA FISCAL AVULSA ÍNDICE 1. Acesso ao Portal do Sistema...6 2. Requerimento de Acesso para os novos usuários...6 2.1 Tipo

Leia mais

Portal Comissões Online Perguntas Frequentes

Portal Comissões Online Perguntas Frequentes Portal Comissões Online Perguntas Frequentes 1. Esse processo foi criado para que a Receita Federal tenha acesso às comissões dos corretores de imóveis? A Receita Federal pode, a qualquer momento, solicitar

Leia mais

INADIMPLÊNCIA: E AGORA?

INADIMPLÊNCIA: E AGORA? INADIMPLÊNCIA: INADIMLÊNCIA E AGORA? Inadimplência: E agora? Quantas vezes você já se fez essa pergunta? Já conseguiu resolver este problema? Nesta cartilha iremos orientar, com base na legislação e no

Leia mais

GERENCIAMENTO DE NF-e (VEND0079)

GERENCIAMENTO DE NF-e (VEND0079) GERENCIAMENTO DE NF-e (VEND0079) 1. IDENTIFICAÇÃO DAS INFORMAÇÕES NA TELA.... 2 2. FUNCIONALIDADES.... 3 2.1 EMISSÕES DE NOTAS... 3 2.2 DESTINATÁRIO DE NF-E... 4 2.3 ENVIAR NOTA POR E-MAIL... 7 2.4 VISUALIZAÇÃO...

Leia mais

INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO... 3. CONTAS A RECEBER... 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER...

INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO... 3. CONTAS A RECEBER... 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER... 1 2 INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO......6 3. CONTAS A RECEBER......6 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER...6 3.2. LANÇAMENTO MANUAL DE CONTAS A RECEBER...7 3.3. GERAÇÃO

Leia mais

Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa

Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa O que é o Fechamento de Caixa? O Fechamento de Caixa consiste, basicamente, em separar e conferir todos os recebimentos que há nos caixas. Essa tarefa

Leia mais

Copyright 2004/2014 - VLC

Copyright 2004/2014 - VLC Escrituração Fiscal Manual do Usuário Versão 7.2 Copyright 2004/2014 - VLC As informações contidas neste manual são de propriedade da VLC Soluções Empresariais Ltda., e não poderão ser usadas, reproduzidas

Leia mais

Bancos acessados on-line:: Unibanco, Banespa, Banco Real e Banrisul (Banco do Estado do Rio Grande do Sul S/A).

Bancos acessados on-line:: Unibanco, Banespa, Banco Real e Banrisul (Banco do Estado do Rio Grande do Sul S/A). CONSULTAS VALORES 0800 INTERNET CARTA LOCAL 1,50 CARTA INTERMUNICIPAL 1,80 517- SCPC VEIC. CONF. PROP. PL 8,00 7,50 518- SCPC VEIC. CONF. PROP. CH 7,00 6,50 548- SCPC COMPLETO 8,00 7,50 Informação que

Leia mais

Cobrança Itaú. Conheça como funciona o serviço de protesto de títulos.

Cobrança Itaú. Conheça como funciona o serviço de protesto de títulos. Cobrança Itaú Conheça como funciona o serviço de protesto de títulos. Para garantir uma gestão de Cobrança ainda mais eficiente, é preciso que você saiba como funciona o serviço de protesto de títulos

Leia mais

Manual. Transmitindo arquivo da Nota Fiscal Gaúcha. www.atualy.com.br

Manual. Transmitindo arquivo da Nota Fiscal Gaúcha. www.atualy.com.br Manual Transmitindo arquivo da Nota Fiscal Gaúcha www.atualy.com.br ESCLARECENDO DÚVIDAS SOBRE A NOTA FISCAL GAÚCHA 1- O que é a Nota Fiscal Gaúcha? Nota Fiscal Gaúcha é um programa que, por meio da distribuição

Leia mais

2.4. Só será permitida uma única inscrição por participante (CPF), sendo que, em caso de duplicidade, uma das inscrições será cancelada.

2.4. Só será permitida uma única inscrição por participante (CPF), sendo que, em caso de duplicidade, uma das inscrições será cancelada. Regulamento: O presente regulamento estabelece os termos e as condições do Programa Club Red Brasil, bem como a concessão e utilização de créditos através de cartões de débito. Todos os participantes,

Leia mais

Consultas Descrição das consultas Preços

Consultas Descrição das consultas Preços Consultas Descrição das consultas Preços SPC Mix Mais SPC Mix Mais + Participação em empresas SPC Mix Mais + Ação SPC Mix Mais + Ação + Participação em empresas SPC Mix Mais + Score 3 meses SPC Mix Mais

Leia mais

SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO

SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO A M2 Data Center é uma empresa especializada no desenvolvimento de tecnologias voltadas para agregarem valor às empresas, permitindo assim um melhor posicionamento

Leia mais

Sistema para Administração de Condomínio www.condominiomais.com.br SUMÁRIO

Sistema para Administração de Condomínio www.condominiomais.com.br SUMÁRIO SUMÁRIO I. MENU... 2 II. CONSULTA / ALTERAÇÃO / ESTORNO... 4 III. MENSAGEM... 5 IV. MOVIMENTAÇÃO FINANCEIRA... 6 CONSULTA... 6 LANÇAMENTO... 7 V. BOLETO... 8 VI. RELATÓRIO... 10 VII. RESERVA... 11 VIII.

Leia mais

Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica. Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras

Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica. Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras MÓDULO Básico ÍNDICE Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras 03 04 05 06 07 Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica 08 09 10 10 11 Esta apresentação exemplifica

Leia mais

Emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica

Emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica Emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica Introdução A emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica traz ao cliente TTransp a possibilidade de documentar eletronicamente as operações de serviço prestadas

Leia mais

CADASTRO AUTOMÁTICO DE CLIENTE

CADASTRO AUTOMÁTICO DE CLIENTE CADASTRO AUTOMÁTICO DE CLIENTE Ao digitar um CPF (que não existe no cadastro de cliente), o sistema exibe a tela auxiliar, solicitando informações complementares do cliente. Através da informação do CPF,

Leia mais

Opção pelo Simples Nacional 2015-26/12/2014. Confira abaixo as principais informações sobre o processo de Opção pelo Simples Nacional.

Opção pelo Simples Nacional 2015-26/12/2014. Confira abaixo as principais informações sobre o processo de Opção pelo Simples Nacional. Opção pelo Simples Nacional 2015-26/12/2014 Confira abaixo as principais informações sobre o processo de Opção pelo Simples Nacional. Solicitação de Opção pelo Simples Nacional Podem optar pelo Simples

Leia mais

PROTESTO DE CERTIDÃO DE DÍVIDA ATIVA PERGUNTAS E RESPOSTAS. 1. O que é Protesto de Título?

PROTESTO DE CERTIDÃO DE DÍVIDA ATIVA PERGUNTAS E RESPOSTAS. 1. O que é Protesto de Título? PROTESTO DE CERTIDÃO DE DÍVIDA ATIVA PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. O que é Protesto de Título? R: Protesto é o ato formal e solene pelo qual se prova a inadimplência e o descumprimento de obrigação originada

Leia mais

NFSE - Nota Fiscal de Serviços Eletrônica 1

NFSE - Nota Fiscal de Serviços Eletrônica 1 1 DSF - Desenvolvimento de Sistemas Fiscais Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução total ou parcial deste documento sem o pagamento de direitos autorais, contanto que as cópias sejam feitas

Leia mais

ABA: CLIENTE BOTÃO: CADASTRO

ABA: CLIENTE BOTÃO: CADASTRO ABA: CLIENTE BOTÃO: CADASTRO CADASTRO DE CLIENTES Cadastra clientes (física e jurídica) e veículos, inclusive frotas Cadastra representantes dos clientes Cadastro biométrico (digital do dedo) Localiza

Leia mais

Guia do. Contemplado. Pessoa física

Guia do. Contemplado. Pessoa física Guia do Contemplado Pessoa física 1 Prezado Consorciado, Você foi contemplado! Agora, o próximo passo para a conquista do seu veículo novo é a aprovação do seu crédito. Para ajudá-lo com essa etapa, preparamos

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica... 5. Conceitos... 6. DANFE comum e DANFE em contingência... 7. Principais dúvidas... 8. Considerações... 9

Nota Fiscal Eletrônica... 5. Conceitos... 6. DANFE comum e DANFE em contingência... 7. Principais dúvidas... 8. Considerações... 9 Cartilha NF-e 1 Sumário Nota Fiscal Eletrônica... 5 Conceitos... 6 DANFE comum e DANFE em contingência... 7 Principais dúvidas... 8 Considerações... 9 Procedimento para operacionalização da NF-e... 10

Leia mais

Passo a passo Aditamento a contrato de financiamento/empréstimo pessoal cessão de direitos e obrigações.

Passo a passo Aditamento a contrato de financiamento/empréstimo pessoal cessão de direitos e obrigações. Passo a passo Aditamento a contrato de financiamento/empréstimo pessoal cessão de direitos e obrigações. Para dar início ao processo de transferência do contrato primeiramente é necessário preencher a

Leia mais

119ª CONFAZ Manaus, AM, 30.09.05 P. AJ. 07/05

119ª CONFAZ Manaus, AM, 30.09.05 P. AJ. 07/05 119ª CONFAZ Manaus, AM, 30.09.05 P. AJ. 07/05 AJUSTE SINIEF /05 Institui a Nota Fiscal Eletrônica e o Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica. O Conselho Nacional de Política Fazendária CONFAZ e o

Leia mais

Manual de Instruções. Programa para Baixar Arquivos XML XML CONQUER

Manual de Instruções. Programa para Baixar Arquivos XML XML CONQUER 1 Manual de Instruções Programa para Baixar Arquivos XML XML CONQUER Sumário Apresentação:... 2 Exigência para funcionalidade do software:... 3 Instalação:... 4 Utilização... 5 Menu NFE/CTE XML... 7 XML

Leia mais

NFE Nota Fiscal eletrônica. Versão 2.0 (07/2012)

NFE Nota Fiscal eletrônica. Versão 2.0 (07/2012) NFE Nota Fiscal eletrônica Versão 2.0 (07/2012) Sumário INTRODUÇÃO... 2 COMO OBTER AUTORIZAÇÃO PARA EMISSÃO DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA... 3 2º VIA DE SOLICITAÇÃO/AUTORIZAÇÃO DE IMPRESSÃO DE DOCUMENTOS FISCAIS...

Leia mais

Indice. O que é NFSe?... 5

Indice. O que é NFSe?... 5 DSF - Desenvolvimento de Sistemas Fiscais Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução total ou parcial deste documento sem o pagamento de direitos autorais, contanto que as cópias sejam feitas

Leia mais

Secretaria de Estado da Fazenda Guia prático para emissão de Nota Fiscal Eletrônica (NF-e)

Secretaria de Estado da Fazenda Guia prático para emissão de Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) Secretaria de Estado da Fazenda Guia prático para emissão de Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) Para dar mais agilidade e segurança à administração tributária, os Estados brasileiros, o Distrito Federal e o

Leia mais

Passos e Orientações para solicitação de credenciamento como emissor de NF-e. Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo

Passos e Orientações para solicitação de credenciamento como emissor de NF-e. Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo Passos e Orientações para solicitação de credenciamento como emissor de NF-e Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo Versão: 24/05/2010 Passos e Orientações para solicitação de credenciamento como

Leia mais

SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO

SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO Hoje as empresas necessitam e muito de uma ferramenta de Gestão de Clientes! Porém, o alto custo de tal ferramenta inviabiliza sua implantação em empresas de pequeno

Leia mais

EMISSÃO E GESTÃO NFE ITR TR 0406

EMISSÃO E GESTÃO NFE ITR TR 0406 EMISSÃO E GESTÃO NFE ITR TR 0406 Sumário 1. O que é NFe? 2. Acesso ao sistema 3. Cadastros 3.1 Cadastro de Cliente 3.2 Cadastro de Produto 3.3 Cadastro de Transportadora 4. Emissão de NFe 4.1 Emitir Nova

Leia mais

Manual do Módulo SAC

Manual do Módulo SAC 1 Manual do Módulo SAC Índice ÍNDICE 1 OBJETIVO 4 INICIO 4 SAC 7 ASSOCIADO 9 COBRANÇA 10 CUSTO MÉDICO 10 ATENDIMENTOS 11 GUIAS 12 CREDENCIADO 13 LIVRETO 14 BUSCA POR RECURSO 15 CORPO CLÍNICO 16 MENU ARQUIVO

Leia mais

IMPORTAÇÃO FÁCIL: CÂMBIO PASSO A PASSO SAIBA COMO SER UM IMPORTADOR

IMPORTAÇÃO FÁCIL: CÂMBIO PASSO A PASSO SAIBA COMO SER UM IMPORTADOR IMPORTAÇÃO FÁCIL: CÂMBIO PASSO A PASSO SAIBA COMO SER UM IMPORTADOR 1º Passo: Registro da empresa Atualizar o objeto social da empresa incluindo a atividade de importação e os tipos de produtos que serão

Leia mais

ÍNDICE 1. CADASTRO ITENS...1 2. EMISSAO DE PEDIDOS E NOTAS...5 3. PEDIDO DE COMPRA...6 4. CONTRA-NOTA PRODUTOR RURAL...6

ÍNDICE 1. CADASTRO ITENS...1 2. EMISSAO DE PEDIDOS E NOTAS...5 3. PEDIDO DE COMPRA...6 4. CONTRA-NOTA PRODUTOR RURAL...6 1 ÍNDICE 1. CADASTRO ITENS...1 2. EMISSAO DE PEDIDOS E NOTAS...5 3. PEDIDO DE COMPRA...6 4. CONTRA-NOTA PRODUTOR RURAL...6 5. CADASTRO OPERAÇÕES FISCAIS (CFOP)...7 6. GERAR SINTEGRA...8 7. CONTROLE DE

Leia mais

RECEBA A TAXA DE CONDOMÍNIO COM CARTÃO DE CRÉDITO

RECEBA A TAXA DE CONDOMÍNIO COM CARTÃO DE CRÉDITO MANUAL PARA O ADMINISTRADOR RECEBA A TAXA DE CONDOMÍNIO COM CARTÃO DE CRÉDITO Página 1 INTRODUÇÃO A maioria das contas do brasileiro são pagas através do sistema de débito automático, mas a taxa de condomínio

Leia mais

Pontuação: 125 probabilidade média de inadimplência na faixa de 101 a 150: 22,50%

Pontuação: 125 probabilidade média de inadimplência na faixa de 101 a 150: 22,50% Confidencial Para: J&R 28/03/2014 11:05 Versão 2.12.1 RELATO RELATÓRIO DE COMPORTAMENTO EM NEGÓCIOS DISPLAY COMERCIO E DISTRIBUIO EIRELI EPP CNPJ: 19.728.709/0001-36 VALORES EM REAIS 28/03/2014 11:05:22

Leia mais

Perguntas e Respostas NOVO SITE PEDIDOSONLINE HERBALIFE NO MYHERBALIFE.COM.BR BRASIL, 2013.

Perguntas e Respostas NOVO SITE PEDIDOSONLINE HERBALIFE NO MYHERBALIFE.COM.BR BRASIL, 2013. Geral Como posso pedir produtos em outros países? Como eu coloco Pedidos através do myherbalife.com.br? Como eu pago a Taxa de Processamento Anual? Esse mês tem fechamento duplo. Eu terei a possibilidade

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO ANTECIPACÃO DE ICMS MANUAL DO USUÁRIO - CONTRIBUINTE

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO ANTECIPACÃO DE ICMS MANUAL DO USUÁRIO - CONTRIBUINTE SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO ANTECIPACÃO DE ICMS MANUAL DO USUÁRIO - CONTRIBUINTE Versão 1.0 Belém PA - Maio 2014 Sumário 1. Introdução...

Leia mais

Relatórios. Financeiro... 3. Detalhes financeiros da classe... 3. Detalhes financeiros do plano... 4. Detalhes financeiros dos alunos...

Relatórios. Financeiro... 3. Detalhes financeiros da classe... 3. Detalhes financeiros do plano... 4. Detalhes financeiros dos alunos... Relatórios Financeiro... 3 Detalhes financeiros da classe... 3 Detalhes financeiros do plano... 4 Detalhes financeiros dos alunos... 5 Vencimento diferenciado... 6 Não emitir boleto... 7 Diferenças entre

Leia mais

SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING EXTRATOS

SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING EXTRATOS SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING EXTRATOS Através do serviço de extratos do Banrisul Office Banking, o correntista pode consultar e imprimir os movimentos em suas contas (correntes ou poupança),

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PESSOA FÍSICA

MANUAL DO USUÁRIO PESSOA FÍSICA MANUAL DO USUÁRIO PESSOA FÍSICA 1 Índice DSF - Desenvolvimento de Sistemas Fiscais Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução total ou parcial deste documento sem o pagamento de direitos autorais,

Leia mais

GUARDA DE DOCUMENTOS

GUARDA DE DOCUMENTOS GUARDA DE DOCUMENTOS Tabela de Temporalidade de Documentos de Pessoa Física 1. VIDA FINANCEIRA 1.1 PAGAMENTO DE TRIBUTOS 1.1.1 Imposto de 5 anos, contados Renda de Pessoa a partir do Física (IRPF) e exercício

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE ALAGOAS CSGII - COORDENADORIA SETORIAL DE GESTÃO DA INFORMÁTICA E INFORMAÇÃO. Nota Fiscal Alagoana Manual do Consumidor

GOVERNO DO ESTADO DE ALAGOAS CSGII - COORDENADORIA SETORIAL DE GESTÃO DA INFORMÁTICA E INFORMAÇÃO. Nota Fiscal Alagoana Manual do Consumidor GOVERNO DO ESTADO DE ALAGOAS CSGII - COORDENADORIA SETORIAL DE GESTÃO DA INFORMÁTICA E INFORMAÇÃO Nota Fiscal Alagoana Manual do Consumidor Versão 1.0 07/11/2008 Índice Analítico 1. Considerações Gerais...

Leia mais

Certidão Online Manual do Usuário

Certidão Online Manual do Usuário JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Certidão Online Manual do Usuário Versão 3.1 Lista de Tópicos - Navegação Rápida CADASTRANDO O USUÁRIO... 3 ACESSANDO O SISTEMA... 5 CERTIDAO SIMPLIFICADA NADA

Leia mais

REUNIÃO REGIONAL PEX COMERCIAL

REUNIÃO REGIONAL PEX COMERCIAL REUNIÃO REGIONAL PEX COMERCIAL Facilitador: Valdemir M. da Silva Coordenador Comercial FCDL/SC Material disponível no Espaço Gestor Material apresentado na reunião do dia 25/02/2015 - Blumenau EQUIPE COMERCIAL

Leia mais

Manual do DEC Domicílio Eletrônico do Contribuinte

Manual do DEC Domicílio Eletrônico do Contribuinte GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DA FAZENDA Coordenadoria da Administração Tributária Diretoria Executiva da Administração Tributária Manual do DEC Domicílio Eletrônico do Contribuinte Manual

Leia mais