PALESTRA INDÚSTRIA DO DANO MORAL. Principais aspectos legais e esclarecimentos sobre Direito do Consumidor.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PALESTRA INDÚSTRIA DO DANO MORAL. Principais aspectos legais e esclarecimentos sobre Direito do Consumidor."

Transcrição

1 PALESTRA CONFLITO NAS RELAÇÕES DE CONSUMO E A INDÚSTRIA DO DANO MORAL Principais aspectos legais e esclarecimentos sobre Direito do Consumidor. Prof. Manoel Ignácio

2 1 CONFLITO CRÉDITO É UM DIREITO DO CONSUMIDOR?

3 Lei de Contravenções Penais - Decreto Lei 3.688/41 estabelece no Art 43: "Recusar-se a receber, pelo seu valor, moeda de curso legal no país". Pena: Multa.

4 2 CONFLITO RECUSA EM RECEBER MOEDAS A EMPRESA PODE RECUSAR RECEBER PAGAMENTO EM MOEDA?

5 Lei nº 8.697, de 27 de agosto de Art. 9 "ninguém será obrigado a receber, em qualquer pagamento, moeda metálica em montante superior a 100 vezes o respectivo valor da face". Pena: Multa

6 Comerciante deve aceitar até R$ 191,00 em moeda, (soma de 100 unidades de todas as denominações). (R$0,01, R$0,05, R$0,10, R$0,25, R$0,50 e R$1,00), poderá ser impossível pagar algo com apenas moedas cujo valor exceda R$191,00

7 3 CONFLITO CLÁUSULA DE ARREPENDIMENTO QUANTO TEMPO O CONSUMIDOR TEM PARA SE ARREPENDER DE UMA COMPRA? O CONSUMIDOR PODE SE ARREPENDER DE TER ADQUIRIDO QUALQUER TIPO DE PRODUTO?

8 Art O consumidor pode desistir do contrato, no prazo de 07 (sete) dias a contar de sua assinatura ou do ato de recebimento do produto ou serviço, sempre que a contratação de fornecimento de produtos e serviços ocorrer fora do estabelecimento comercial, especialmente por telefone ou a domicílio.

9 4 CONFLITO REGISTRO DE SPC DE CLIENTES INADIMPLENTES NOS CFC`s SERASA / CCF BANCO CENTRAL /SCPC SPC BRASIL OU QUALQUER OUTRA BASE DE DADOS.

10 CDC Art. 43, 1º - Os cadastros e dados de consumidores devem ser objetivos, claros, verdadeiros e em linguagem de fácil compreensão, não podendo conter informações negativas referentes a período superior a 5 (cinco) anos.

11 5 CONFLITO DEVER DE INFORMAÇÃO O CONSUMIDOR TEM QUE SER INFORMADO ANTES DO SEU NOME SER REGISTRADO EM ALGUM BANCO DE DADOS RESTRITIVO? QUAL A FORMA DE COMUNICAÇÃO?

12 Art. 43, 2º - A abertura de cadastro, ficha, registro e dados pessoais e de consumo deverá ser comunicada por escrito ao consumidor, quando não solicitada por ele.

13 CARTA DE AVISO DE REGISTRO DE SPC A notificação do registro de débito ao cliente devedor, será feito, de acordo com o CDC em seu artigo 43 parágrafo segundo. Pelos Banco de Dados.(SPC`s.) SÚMULA 359 STJ Cabe ao órgão mantenedor do cadastro de proteção ao crédito a notificação do devedor antes de proceder à inscrição.

14 6 CONFLITO RECEBIMENTO DE CHEQUE A EMPRESA É OBRIGADA A RECEBER CHEQUE?

15 NORMAS PARA NÃO RECEBIMENTO DE CHEQUES LEI de 14/12/2001 Sr. CONSUMIDOR, INFORMAMOS QUE ESTE ESTABELECIMENTO NÃO TRABALHA COM A MODALIDADE DE PAGAMENTOS EM CHEQUE. AGRADECEMOS SUA COMPREENSÃO E PREFERÊNCIA, COLOCANDO-NOS À DISPOSIÇÃO. Atenciosamente, A DIREÇÃO Lei Estadual de 14/12/2001

16 NORMAS PARA RECEBIMENTO DE CHEQUES LEI de 14/12/2001 Teremos o máximo prazer em receber o seu cheque Pessoa Física, porém nossos procedimentos internos exigem os seguintes dados: Da mesma praça de pagamento do nosso estabelecimento; Mediante identificação do emitente ou terceiro com apresentação do seu CPF e RG; Com confirmação do telefone e endereço do emitente / avalista; Personalizado, sem rasuras e / ou borrões; Que não tenham sido previamente preenchidos ou assinados; Mediante consulta prévia ao SPC`S e aprovação de cadastro. Por sua compreensão, Obrigado. A Direção Lei Estadual de 14/12/2001

17 7 CONFLITO CHEQUE PRÉ-DATADO O QUE OCORRE SE O CFC ENTRAR COM O CHEQUE PRÉ-DATADO ANTES DO PRAZO? QUAIS OS CUIDADOS AO RECEBER CHEQUE PRÉ-DATADO?

18 Súmula 370 Superior Tribunal de Justiça - STJ Fev caracteriza dano moral a apresentação antecipada do cheque pré-datado.

19 8º CONFLITO CHEQUE DE TERCEIROS Principais cuidados

20 9 CONFLITO CHEQUE DE CONTA CONJUNTA Miguel Mendes e Clara Mendes

21 10 CONFLITO EXIGÊNCIA DE TEMPO MÍNIMO DE ABERTURA DE CONTA Cliente desde janeiro/2014

22 LEI ESTADUAL /2001 e /2005 PROIBIÇÃO DE RECEBIMENTO DE CHEQUE BASEADO NA DATA DE ABERTURA DA CONTA MULTA: R$ 212,82 E O DOBRO DESTE VALOR EM CASO DE REINCIDÊNCIA.

23 11 CONFLITO CHEQUE CLONADO O QUE É UM CHEQUE CLONADO? QUAIS OS CUIDADOS PARA NÃO RECEBÊ-LO?

24 ALÍNEA 35 Cheque falsificado, emitido sem controle ou responsabilidade do banco, ou ainda com adulteração da praça sacada.

25 ########################## ################## ####################

26 12 CONFLITO JUROS ABUSIVOS QUAL A TAXA LEGAL DE JUROS E MULTA QUE PODEM SER COBRADOS DOS CONSUMIDORES NO VAREJO?

27 No caso de débitos no varejo, poderá ser cobrado do consumidor inadimplente a aplicação de juros de mora 1% a.m + multa de 2%. NADA MAIS!

28 13º CONFLITO ERROS/FALHAS/OMISSÕES VERIFICADOS JUNTO AOS CFC`s pelo PROCON

29 ALVARÁ DE FUNCIONAMENTO VENCIDO 40%

30 AUSÊNCIA DE TABELA DE PREÇOS DISCRIMINADOS 46,5%

31 DIFERENCIAÇÃO DE PREÇO EM RAZÃO DE FORMA DE PAGAMENTO 6,7%

32 PUBLICIDADE ENGANOSA 20% A NÚMERO UM EM APROVAÇÃO! A QUE MAIS APROVA NO DETRAN! POSSUIMOS A FROTA MAIS MODERNA. 100% DE CLIENTES SATISFEITOS!

33 CONTRATOS OMISSOS E/OU COM CLÁUSULAS ABUSIVAS 100% MODELOS DE CONTRATOS REFORMULADOS À DISPOSIÇÃO DOS ASSOCIADOS NO SITE DO SINDICATO

34 ALGUNS ERROS APONTADOS AUSÊNCIA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL. AUSÊNCIA DE VIA DO CONTRATO PARA O CONSUMIDOR (PEGAR ASSINATURA COMPROVANDO ENTREGA CONTRATO É DE ADESÃO) LETRA MENOR QUE FONTE 12 (ARIAL OU TIMES NEW ROMAN) A INADIMPLÊNCIA GERA SUSPENSÃO DOS SERVIÇOS.

35 PRAZO DE 24H PARA CANCELAMENTO DA AULA SEM PERDA DO PAGAMENTO. MULTA RESCISÓRIA DE MAIS DE 20% EM CASO DE DESISTÊNCIA DO CONTRATO. NÃO DEVOLUÇÃO DE VALORES PAGOS QUANDO DO CONTRATO EXPIRADO.

36 CONSEQUÊNCIA DOS CONFLITOS SURGIMENTO DA INDÚSTRIA DO DANO MORAL

37 ESTABELECIMENTO COMERCIAL ESTA OBRIGADO A TER UM EXEMPLAR DO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR Lei Federal: , de Lei Estadual: /2003 MULTA: R$1.064,10 (um mil e sessenta e quatro reais e dez centavos).

38 LIVRO Conflito nas relações de consumo e a Indústria do Dano Moral

39 OBRIGADO! facebook/manoelignacio (31) (31)

Os principais motivos que levam o banco sacado a devolver o cheque são:

Os principais motivos que levam o banco sacado a devolver o cheque são: AUTORIZAÇÃO DE COMPRA TERCEIROS E MENORES Pelo presente termo, eu, portador do CPF., abaixo assinado autorizo às pessoas abaixo identificadas a adquirirem bens e produtos em meu nome, reconhecendo como

Leia mais

Sumário. Recebendo cheques com segurança. Algumas modalidades de falsificação. Cuidado com fraudes. Informações gerais

Sumário. Recebendo cheques com segurança. Algumas modalidades de falsificação. Cuidado com fraudes. Informações gerais CARTILHA CHEQUE Sumário Recebendo cheques com segurança Algumas modalidades de falsificação Cuidado com fraudes Informações gerais Principais motivos de devolução de cheques Caro leitor, Importante ressaltar

Leia mais

Sumário 1 - Recebendo cheques com segurança 2 - Algumas modalidades de falsificação 3 - Cuidado com fraudes 4 - Informações gerais 5 - Principais

Sumário 1 - Recebendo cheques com segurança 2 - Algumas modalidades de falsificação 3 - Cuidado com fraudes 4 - Informações gerais 5 - Principais Cartilha Cheque Sumário 1 - Recebendo cheques com segurança 2 - Algumas modalidades de falsificação 3 - Cuidado com fraudes 4 - Informações gerais 5 - Principais motivos de devolução de cheques Caro leitor,

Leia mais

PRODUTOS: FAÇA VALER SEUS DIREITOS NA HORA DA COMPRA E NO PÓS-VENDA!

PRODUTOS: FAÇA VALER SEUS DIREITOS NA HORA DA COMPRA E NO PÓS-VENDA! PRODUTOS: FAÇA VALER SEUS DIREITOS NA HORA DA COMPRA E NO PÓS-VENDA! CUIDADOS AO COMPRAR UM PRODUTO Houve um tempo em que o consumidor se sentia desamparado na hora de adquirir um produto. Sem contar com

Leia mais

AULA 17 ESPÉCIES DE TÍTULOS DE CRÉDITO

AULA 17 ESPÉCIES DE TÍTULOS DE CRÉDITO 1 AULA 17 ESPÉCIES DE TÍTULOS DE CRÉDITO INTRODUÇÃO Atualmente, existem cerca de 40 títulos de crédito em circulação no país. Os mais conhecidos são a nota promissória, cheque e duplicata. NOTA PROMISSÓRIA

Leia mais

CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS

CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS Que fazem entre si, de um lado a SOCIEDADE EDUCACIONAL E EMPRESARIAL PHYSION LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob no. 06.190.520/0001-90, sediada na

Leia mais

Tudo o que você precisa saber sobre o cheque para não correr riscos.

Tudo o que você precisa saber sobre o cheque para não correr riscos. Tudo o que você precisa saber sobre o cheque para não correr riscos. Com cautela e informação o cheque é muito seguro. A importância do cheque no comércio é inquestionável. Por isso é fundamental tomar

Leia mais

INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES

INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES O cheque é uma ordem de pagamento à vista. Pode ser recebido diretamente na agência em que o emitente mantém conta ou depositado em outra agência, para ser compensado

Leia mais

DICAS PARA EMPRESÁRIOS - LOJISTAS / CREDIARISTAS ÍNDICE

DICAS PARA EMPRESÁRIOS - LOJISTAS / CREDIARISTAS ÍNDICE ÍNDICE CONTEÚDO PÁGINA INTRODUÇÕES GERAIS 2 1 MOTIVOS PARA DEVOLUÇÃO DE CHEQUES 3 2 O QUE FAZER COM CHEQUES DEVOLVIDOS 5 3 DIZERES SUGERIDOS PARA CARIMBO AO VERSO DO CHEQUE 7 4 SUGESTÕES MODELOS 8 5 COMO

Leia mais

consumidor consulte seus direitos

consumidor consulte seus direitos Câmara dos Deputados consumidor consulte seus direitos com VINICIUS CARVALHO Deputado Federal Centro de Documentação e Informação Coordenação de Publicações BRASÍLIA 2008 05948.indd 1 25/04/2008 13:50:24

Leia mais

RELATÓRIO DA PESQUISA DE TAXA DE JUROS NAS MODALIDADES: CRÉDITO PESSOAL, CONSIGNADO E CHEQUE ESPECIAL NA CIDADE DE GOIÂNIA

RELATÓRIO DA PESQUISA DE TAXA DE JUROS NAS MODALIDADES: CRÉDITO PESSOAL, CONSIGNADO E CHEQUE ESPECIAL NA CIDADE DE GOIÂNIA RELATÓRIO DA PESQUISA DE TAXA DE JUROS NAS MODALIDADES: CRÉDITO PESSOAL, CONSIGNADO E CHEQUE ESPECIAL NA CIDADE DE GOIÂNIA Pesquisa realizada pelos técnicos do Procon Goiás, entre os dias 4 e 9 de setembro

Leia mais

Cursos de curta duração: XX INTENSIVO COMUNICAÇÃO (13 de Outubro a 11 de Dezembro de 2015)

Cursos de curta duração: XX INTENSIVO COMUNICAÇÃO (13 de Outubro a 11 de Dezembro de 2015) - 1 - CURSO: INTENSIVO COMUNICAÇÃO PERÍODO: TARDE NOME DO ALUNO: Inteligente Cursos Preparatórios para Vestibulares Ltda - CNPJ 07.865.349-0001-35, com sede à Av. Liberdade 595, 2 andar Bairro da Liberdade,

Leia mais

DICAS LEGAIS ADMINISTRAÇÃO INTERNA DICAS PARA ASSOCIADOS

DICAS LEGAIS ADMINISTRAÇÃO INTERNA DICAS PARA ASSOCIADOS DICAS LEGAIS ADMINISTRAÇÃO INTERNA DICAS PARA ASSOCIADOS Dados importantes na FICHA CADASTRAL Nome completo, sem abreviatura Data de nascimento Filiação (mesmo que falecidos) CPF/RG Nome do cônjuge Endereço/Tempo

Leia mais

Procuradoria Geral da Fazenda Nacional. Dívida Ativa. Cartilha aos Órgãos de Origem 8/3/2013

Procuradoria Geral da Fazenda Nacional. Dívida Ativa. Cartilha aos Órgãos de Origem 8/3/2013 2013 Procuradoria Geral da Fazenda Nacional Dívida Ativa Cartilha aos Órgãos de Origem Esta cartilha tem por fim informar e explicar o que é a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional PGFN, quais créditos

Leia mais

INADIMPLÊNCIA: E AGORA?

INADIMPLÊNCIA: E AGORA? INADIMPLÊNCIA: INADIMLÊNCIA E AGORA? Inadimplência: E agora? Quantas vezes você já se fez essa pergunta? Já conseguiu resolver este problema? Nesta cartilha iremos orientar, com base na legislação e no

Leia mais

Sumário Executivo 7 1 430

Sumário Executivo 7 1 430 43017 Sumário Executivo SUMÁRIO EXECUTIVO CARTÃO DE CRÉDITO BANDEIRA VISA INTERNACIONAL: Este documento contém as informações essenciais e resumidas relacionadas ao seu cartão extraídas das Condições Gerais

Leia mais

COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MUTUO

COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MUTUO COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MUTUO UO DOS FUNCIONARIOS DO SISTEMA FIERGS- CRESUL Travessa Francisco de Leonardo Truda, 40 sala 143 14 andar Porto Alegre-RS CEP 90010-050 Fone (0**51) 3224-3280 Fax:

Leia mais

PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE REGULAMENTO

PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE REGULAMENTO PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE 1. DAS INFORMAÇÕES GERAIS REGULAMENTO 1.1 - O presente regulamento objetiva a concessão de Crédito Educativo para estudantes devidamente Matriculados nos cursos

Leia mais

Curso de média duração: (*) Poderão ocorrer alterações nas datas de conclusão dos cursos em função do calendário do Vestibular da Cásper

Curso de média duração: (*) Poderão ocorrer alterações nas datas de conclusão dos cursos em função do calendário do Vestibular da Cásper - 1 - CURSO: SEMI COMUNICAÇÃO CURSO: NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO PERÍODO: NOME DO ALUNO: Inteligente Cursos Preparatórios para Vestibulares Ltda. - CNPJ 07.865.349-0001-35, com sede à Avenida Liberdade 595,

Leia mais

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO FINANCEIRA

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO FINANCEIRA POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO FINANCEIRA Diretoria Acadêmica e de Administração fev-2010 Anexo I - PORTARIA Nº 08/2010-DIR Considerando que o melhoramento constante da infra-estrutura física ofertada e a busca

Leia mais

Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Private Label Híbrido

Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Private Label Híbrido BANCO DO BRASIL S.A. Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Private Label Híbrido Conceito e Características do Cartão de Crédito O cartão de crédito Private Label Híbrido, de uso doméstico

Leia mais

Resolução 121/Reitoria/Univates Lajeado, 09 de novembro de 2015

Resolução 121/Reitoria/Univates Lajeado, 09 de novembro de 2015 Resolução 121/Reitoria/Univates Lajeado, 09 de novembro de 2015 Institui o CrediVates, programa de crédito para alunos dos cursos de graduação do Centro Universitário UNIVATES O Reitor do Centro Universitário

Leia mais

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE PROGRAMAS DE VIAGENS

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE PROGRAMAS DE VIAGENS 1 CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE PROGRAMAS DE VIAGENS IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES O(a)Sr(a)., RG n.º, CPF, telefone(s),e-mail, endereço, Bairro,Cidade, Cep, de ora em diante denominado(a) simplesmente

Leia mais

TERMO DE USO TERMOS DE USO DO CLIENTE

TERMO DE USO TERMOS DE USO DO CLIENTE TERMO DE USO TERMOS DE USO DO CLIENTE A) APLICABILIDADE 1. Os presentes termos de uso são aplicáveis aos Usuários da INTERNET POOL COMÉRCIO ELETRONICO LTDA, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 09.491.113/0001-01,

Leia mais

BANCOS: SAIBA QUAIS SÃO OS SEUS DIREITOS

BANCOS: SAIBA QUAIS SÃO OS SEUS DIREITOS BANCOS: SAIBA QUAIS SÃO OS SEUS DIREITOS Entre os primeiros no ranking de reclamações As instituições financeiras sempre estiveram entre os setores com maior número de queixas por parte do consumidor.

Leia mais

CONTRATO DESENVOLVIMENTO DE WEBSITE

CONTRATO DESENVOLVIMENTO DE WEBSITE CONTRATO DESENVOLVIMENTO DE WEBSITE Pelo presente instrumento, JEAN DOUGLAS TOLEDO RODRIGUES JUNIOR ME (MOTOBOYS DO BRASIL), com sede na FREI HILÁRIO, 101 FUNDOS. CAMPINAS. SÃO JOSÉ SC. CEP: 88101-310,

Leia mais

O mútuo, objeto deste contrato, será concedido conforme condições que se seguem:

O mútuo, objeto deste contrato, será concedido conforme condições que se seguem: SÃO PARTES DESTE CONTRATO: CONTRATO DE EMPRÉSTIMO FUNCEF NA MODALIDADE DE CREDINÂMICO FUNCEF 13º SALÁRIO QUE ENTRE SI FAZEM AS PARTES ABAIXO IDENTIFICADAS, NAS CONDIÇÕES QUE SE SEGUEM: A FUNDAÇÃO DOS ECONOMIÁRIOS

Leia mais

REGIMENTO DO SCPC. Rua XV de Novembro, 621 Fone: (41) 3320-2929 80020-310 Curitiba PR www.acpr.com.br

REGIMENTO DO SCPC. Rua XV de Novembro, 621 Fone: (41) 3320-2929 80020-310 Curitiba PR www.acpr.com.br REGIMENTO DO SCPC Rua XV de Novembro, 621 Fone: (41) 3320-2929 80020-310 Curitiba PR www.acpr.com.br REGIMENTO INTERNO DO SERVIÇO DE REGIMENTO INTERNO DO SERVIÇO DE PROTEÇÃO PROTEÇÃO AO AO CRÉDITO CRÉDITO

Leia mais

PROTESTO DE CERTIDÃO DE DÍVIDA ATIVA PERGUNTAS E RESPOSTAS. 1. O que é Protesto de Título?

PROTESTO DE CERTIDÃO DE DÍVIDA ATIVA PERGUNTAS E RESPOSTAS. 1. O que é Protesto de Título? PROTESTO DE CERTIDÃO DE DÍVIDA ATIVA PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. O que é Protesto de Título? R: Protesto é o ato formal e solene pelo qual se prova a inadimplência e o descumprimento de obrigação originada

Leia mais

PROTESTO DE TÍTULOS. Deverão ser observados os prazos prescricionais, de acordo com legislação vigente.

PROTESTO DE TÍTULOS. Deverão ser observados os prazos prescricionais, de acordo com legislação vigente. 2 PROTESTO DE TÍTULOS O protesto de títulos pode ser lavrado por falta de aceite, de devolução de duplicatas, por falta de pagamento em seu vencimento, para garantia do direito regressivo contra endossantes

Leia mais

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO DA FAP

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO DA FAP REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO DA FAP O Departamento Financeiro da Fap Faculdade de Apucarana, é responsável por todos os controles financeiros da Instituição (Contas a Pagar, a Receber, Banco, Caixa),

Leia mais

Curso de média duração: (*) Poderão ocorrer alterações nas datas de conclusão dos cursos em função do calendário do Vestibular da Cásper

Curso de média duração: (*) Poderão ocorrer alterações nas datas de conclusão dos cursos em função do calendário do Vestibular da Cásper - 1 - ALUNO: RG: CPF: e-mail: Tel. Fixo: Tel. Celular: Tel. Com.: CONTRATANTE: RG: CPF: e-mail: ENDEREÇO: Compl. Bl. CEP: Bairro: Cidade: Tel. Fixo: Tel. Celular: Tel. Com.: CONTRATADO: INTELIGENTE CURSOS

Leia mais

Cheque Aulas 22 a 24

Cheque Aulas 22 a 24 Cheque Aulas 22 a 24 1. NORMATIZAÇÃO: Lei 7.357/85 que absorveu as regras contidas na Lei Uniforme sobre Cheques. Resoluções do Banco Central do Brasil, tomadas por deliberação do Conselho Monetário Nacional,

Leia mais

SERVIÇOS DE TV POR ASSINATURA

SERVIÇOS DE TV POR ASSINATURA SERVIÇOS DE TV POR ASSINATURA Veja como funciona, como contratar, quais os seus direitos e como reclamar no caso de problemas. COMO FUNCIONA A transmissão pode ser via cabo, satélite ou microonda, sendo

Leia mais

Informativo Boletos Precisão Formaturas

Informativo Boletos Precisão Formaturas Informativo Boletos Precisão Formaturas Prezado (a) formado (a), Esta folha deverá ficar em sua posse no caso de eventuais duvidas. A Precisão Formaturas desenvolveu um moderno e sofisticado sistema de

Leia mais

BANCO DO BRASIL S.A. Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Co-Branded Chevrolet Card

BANCO DO BRASIL S.A. Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Co-Branded Chevrolet Card BANCO DO BRASIL S.A. Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Co-Branded Chevrolet Card Conceito e Características do Cartão de Crédito O cartão de crédito Chevrolet Card de uso doméstico e/ou

Leia mais

PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO DECRETO Nº 1224, DE 12 DE JUNHO DE 2007. Altera o art. 11, do Decreto nº 565, de 27 de março de 2006, que regulamenta o art. 59, da Lei Complementar nº 011/92,

Leia mais

V AL R Qualificação do Microempreendedor

V AL R Qualificação do Microempreendedor V AL R Qualificação do Microempreendedor Data: Nome Completo: CPF/CNPJ: Nº Identidade: Órgão Emissor : Sexo: Data de Nascimento: Estado Civil: Naturalidade: Nome do Pai: Nome da Mãe: Endereço: Bairro:

Leia mais

Cédula de Crédito Bancário Abertura de Crédito Pessoa Física

Cédula de Crédito Bancário Abertura de Crédito Pessoa Física Cédula nº: Valor: Data da emissão: Data do vencimento: 1. EMITENTE(S): 1.1 Nome: 1.2 RG: 1.3 CPF/MF - CNPJ/MF: E os coemitentes, demais titulares da conta corrente ao final nomeados, todos qualificados

Leia mais

Registrado no 1º Cartório de Registro de Títulos e Documentos da Cidade de Ponta Grossa Estado do Paraná, sob o nº 143.698

Registrado no 1º Cartório de Registro de Títulos e Documentos da Cidade de Ponta Grossa Estado do Paraná, sob o nº 143.698 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA OPERAR, MANTER E ADMINISTRAR CARTEIRA DE COBRANÇA NA REDE MUNDIAL DE COMPUTADORES EM SITE DE PROPRIEDADE DA REGULARIZA IMOVEIS E COBRANÇAS LTDA Registrado no 1º Cartório

Leia mais

REGULAMENTO EMPRÉSTIMO CASANPREV

REGULAMENTO EMPRÉSTIMO CASANPREV REGULAMENTO EMPRÉSTIMO CASANPREV 1 CAPÍTULO I Do Objeto Art. 1º Este documento, doravante denominado Regulamento de Empréstimo, estabelece os direitos e as obrigações da CASANPREV, dos Participantes, Assistidos

Leia mais

1.2. Presenteador: pessoa física ou jurídica que adquire o FLOT TRAVEL CARD mediante a compra direta de carga de valor.

1.2. Presenteador: pessoa física ou jurídica que adquire o FLOT TRAVEL CARD mediante a compra direta de carga de valor. REGULAMENTO DO FLOT TRAVEL CARD FLOT OPERADORA TURÍSTICA LTDA., o Presenteador e o Presenteado do FLOT TRAVEL CARD, a primeira, na qualidade de prestadora de serviços de turismo, o segundo e o terceiro,

Leia mais

Consulta de Cheques Redecard

Consulta de Cheques Redecard Com seu terminal Redecard, você consulta cheques, direto no banco de dados da Serasa Experian. A Redecard ajuda você a vender sempre de forma mais segura. Com o serviço Consulta de Cheques, em parceria

Leia mais

INFORMATIVO EDUCAR PROCEDIMENTOS PARA NOVOS CONTRATOS E ADITAMENTOS

INFORMATIVO EDUCAR PROCEDIMENTOS PARA NOVOS CONTRATOS E ADITAMENTOS INFORMATIVO EDUCAR PROCEDIMENTOS PARA NOVOS CONTRATOS E ADITAMENTOS Programação 1. Depois de efetuada a matrícula, a Faculdade informará ao Instituto Educar, a relação dos alunos novos que fizeram adesão

Leia mais

REGULAMENTO A CONCESSÃO E MANUTENÇÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES AOS PARTICIPANTES E ASSISTIDOS DO PLANO BENEFÍCIO PREV-RENDA.

REGULAMENTO A CONCESSÃO E MANUTENÇÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES AOS PARTICIPANTES E ASSISTIDOS DO PLANO BENEFÍCIO PREV-RENDA. REGULAMENTO A CONCESSÃO E MANUTENÇÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES AOS PARTICIPANTES E ASSISTIDOS DO PLANO BENEFÍCIO PREV-RENDA. Índice Capítulo I Da Carteira de Empréstimo Simples... 3 Capítulo II Dos Recursos

Leia mais

Descrição - Consulta PF

Descrição - Consulta PF - PF CONFIRME (PF) SPC LOCALIZA PF Renda Presumida SPC SPC IMOBILIÁRIO Limite de Crédito Sugerido SPC Top Física SPC Top Física + Confirmação dos dados cadastrais do documento consultado, alerta de documentos,

Leia mais

CARTÕES DE CRÉDITO PROBLEMAS QUE MAIS AFETAM O CONSUMIDOR

CARTÕES DE CRÉDITO PROBLEMAS QUE MAIS AFETAM O CONSUMIDOR CARTÕES DE CRÉDITO PROBLEMAS QUE MAIS AFETAM O CONSUMIDOR Roberto Augusto Castellanos Pfeiffer Professor da DIREITO GV Diretor Executivo da Fundação PROCON SP Abril de 2008 PRINCIPAIS IRREGULARIDADES OCORRIDAS

Leia mais

Utilizando o SISPC para efetuar Registros

Utilizando o SISPC para efetuar Registros Utilizando o SISPC para efetuar Registros 1. Registros O b j e t i v o Através do módulo de registros do sistema serão executadas as operações de inclusão de pessoas inadimplentes na base de dados do SPC.

Leia mais

ÁREA DE FORMAÇÃO: CONTRAIR CRÉDITO CARTÃO DE CRÉDITO

ÁREA DE FORMAÇÃO: CONTRAIR CRÉDITO CARTÃO DE CRÉDITO ÁREA DE FORMAÇÃO: CONTRAIR CRÉDITO CARTÃO DE CRÉDITO Índice O que é o cartão de crédito? Ficha de Informação Normalizada (FIN) Modalidades de reembolso Custo do crédito Taxas máximas Livre revogação Contrato

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO E VALIDADE DE CREDENCIAIS NÃO REQUER ACOMPANHAMENTO. Não pode ter validade superior a 2 anos REQUER ACOMPANHAMENTO

CLASSIFICAÇÃO E VALIDADE DE CREDENCIAIS NÃO REQUER ACOMPANHAMENTO. Não pode ter validade superior a 2 anos REQUER ACOMPANHAMENTO NOVO PROCEDIMENTO DE CREDENCIAMENTO DE PESSOAS Referência: IAC 107 1006 Prezados, Visando orientar e disciplinar a expedição e o uso de credenciais de pessoas com acesso às áreas do Aeroporto Internacional

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTE DO PLANO DE BENEFICIO CEBPREV.

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTE DO PLANO DE BENEFICIO CEBPREV. REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTE DO PLANO DE BENEFICIO CEBPREV. Sumário Capítulo I Da finalidade...1 Capítulo II - Dos contratantes...1 Capítulo III - Dos limites individuais...2 Capítulo IV -

Leia mais

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Pres Juscelino Kubitschek, 2041/2235A,

Leia mais

Regulamento da Carteira de Empréstimo - Antecipação do Abono Anual

Regulamento da Carteira de Empréstimo - Antecipação do Abono Anual Regulamento da Carteira de Empréstimo - Antecipação do Abono Anual Art. 1º - O presente Regulamento tem por finalidade disciplinar o funcionamento da Carteira de Empréstimo - Antecipação do Abono Anual,

Leia mais

6. O KOERICH poderá criar outras categorias de relacionamento, como Cartões de Crédito, Débito, Convênio ou Presente.

6. O KOERICH poderá criar outras categorias de relacionamento, como Cartões de Crédito, Débito, Convênio ou Presente. REGULAMENTO DO CLUBE GENTE NOSSA 1. O CLUBE GENTE NOSSA (adiante "CGN"), criado, desenvolvido e administrado por Eugênio Raulino Koerich S/A - Comércio e Indústria (adiante KOERICH ), será o meio pelo

Leia mais

Credit Bureau. Manual do Produto

Credit Bureau. Manual do Produto Credit Bureau Manual do Produto Índice O que é 04 Como Acessar 05 1 - Tipo de Relatório 06 2 - Consulta de Mais de Um Documento ao Mesmo Tempo 07 3 - Dados do Documento 07 4 - Informações do SPC Brasil

Leia mais

C O N T R AT O DE V E N D A E C O M P R A AN T E C I P AD A

C O N T R AT O DE V E N D A E C O M P R A AN T E C I P AD A C O N T R AT O DE V E N D A E C O M P R A AN T E C I P AD A Pelo presente CONTRATO DE VENDA E COMPRA ANTECIPADA, que entre si fazem, na melhor forma de direito, de um lado IMPACTO COMÉRCIO DE FILMES E

Leia mais

ORDEM DE SERVIÇO PRFN 3ª REGIÃO Nº 004 de 16 de dezembro de 2009.

ORDEM DE SERVIÇO PRFN 3ª REGIÃO Nº 004 de 16 de dezembro de 2009. ORDEM DE SERVIÇO PRFN 3ª REGIÃO Nº 004 de 16 de dezembro de 2009. Dispõe sobre o procedimento a ser adotado para a formalização e controle dos processos de parcelamentos de arrematação ocorrida nas hastas

Leia mais

REGULAMENTO CLUBE DE RELACIONAMENTO DROGARIA CATARINENSE

REGULAMENTO CLUBE DE RELACIONAMENTO DROGARIA CATARINENSE REGULAMENTO CLUBE DE RELACIONAMENTO DROGARIA CATARINENSE 1. PROGRAMA DE RELACIONAMENTO 1.1. O presente instrumento tem por objetivo regulamentar a participação dos clientes da COMPANHIA LATINO AMERICANA

Leia mais

PROCEDIMENTOS DO FINANCEIRO PARA VENDA LOJAS

PROCEDIMENTOS DO FINANCEIRO PARA VENDA LOJAS PROCEDIMENTOS DO FINANCEIRO PARA VENDA LOJAS FORMAS DE PAGAMENTOS Nossa loja aceita as seguintes formas de pagamento: - Dinheiro; - Moeda estrangeira ( dólar e euro ) - Cheque à vista; - Cheque pré-datado;

Leia mais

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA CAIXA DE PREVIDÊNCIA DOS FUNCIONÁRIOS DO BANCO DO BRASIL, entidade fechada de previdência complementar, com sede na Praia de Botafogo, nº

Leia mais

4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS

4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS 44 4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS 4.1 Cheque O cheque é uma ordem de pagamento à vista. Pode ser recebido diretamente na agência em que o emitente mantém conta ou depositado em outra agência, para ser

Leia mais

Cartão de Crédito Consignado. Um excelente benefício para o Servidor

Cartão de Crédito Consignado. Um excelente benefício para o Servidor Cartão de Crédito Consignado Um excelente benefício para o Servidor Institucional O Banco Daycoval S/A, fundado em 1968, é um dos líderes de crédito para empresas, resultado obtido através da estratégia

Leia mais

SHLN Setor Hospitalar Local Norte Bl L sala 401 Centro Clínico Norte II. Asa Norte. Brasília/DF 70.770-905 Página 1

SHLN Setor Hospitalar Local Norte Bl L sala 401 Centro Clínico Norte II. Asa Norte. Brasília/DF 70.770-905 Página 1 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS DO CURSO DE ATUALIZAÇÃO EM MEDICINA DO TRABALHO Aluno(a): CPF: RG: DN: / / Domicílio: Bairro: Cidade: Estado: Tel: E mail: Pelo presente instrumento particular

Leia mais

Contas a Pagar e Contas a receber

Contas a Pagar e Contas a receber Treinamento Financeiro Contas a Pagar e Contas a receber Jéssica Rodrigues Pedro Amauri 1 Duplicatas O que são duplicatas? A duplicata mercantil ou simplesmente duplicata é uma espécie de título de crédito

Leia mais

Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor - Procon-SP

Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor - Procon-SP Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor - Procon-SP É permitida a reprodução total ou parcial, desde que citada a fonte. Projeto Gráfico, Capa e Ilustrações Carlos Alberto Damiano São Paulo junho/2014

Leia mais

REGULAMENTO. Promoção VIVO PLAY para clientes Vivo

REGULAMENTO. Promoção VIVO PLAY para clientes Vivo REGULAMENTO Promoção VIVO PLAY para clientes Vivo Esta promoção é realizada pela Vivo, nas seguintes condições: 1. Definições 1.1 Cliente: Pessoa física, cliente da Vivo (qualquer produto ou serviço),

Leia mais

1.1.2. O Tarifário completo encontra-se, sempre, disponível em nossa Recepção.

1.1.2. O Tarifário completo encontra-se, sempre, disponível em nossa Recepção. Política de Reservas - Hotel Ponta do Morro 1. Do Tarifário 1.1.1. Nossas diárias possuem valores que variam de acordo com a época do ano, tipo de apartamento e quantidade de pessoas hospedadas. Variam

Leia mais

Cheques Cheque. Saiba co o lida co e e.

Cheques Cheque. Saiba co o lida co e e. Cheques Cheque. Saiba como lida r co m ele. Cheque. Saiba como lidar com ele. Depois do dinheiro, o cheque é o meio de pagamento mais utilizado pelas pessoas na hora de fazer negócios. É quase impossível

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL ELETRÔNICO

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL ELETRÔNICO CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL ELETRÔNICO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2041/2235A, São Paulo/SP,

Leia mais

CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE MÓVEIS PELA INTERNET SUMÁRIO. 1 Qualificação das partes contratantes... pág. 02

CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE MÓVEIS PELA INTERNET SUMÁRIO. 1 Qualificação das partes contratantes... pág. 02 CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE MÓVEIS PELA INTERNET SUMÁRIO 1 Qualificação das partes contratantes... pág. 02 2 Aceite das disposições contratuais pelo consumidor... pág. 02 3 Cuidados antes de confirmar

Leia mais

GUIA DO CONSUMIDOR CONSCIENTE.

GUIA DO CONSUMIDOR CONSCIENTE. GUIA DO CONSUMIDOR CONSCIENTE. Buscar informações sobre os seus direitos e deveres é tão importante quanto o dinheiro que você tem no banco. 2717-12-AFQ_Folheto Procon 10x20cm.indd 1 A gente vive preocupado

Leia mais

Antes da compra, defina a marca, o modelo e faça uma pesquisa de preços.

Antes da compra, defina a marca, o modelo e faça uma pesquisa de preços. Antes da compra, defina a marca, o modelo e faça uma pesquisa de preços. Considere também a qualidade do produto e as reais necessidades da pessoa que será presenteada. Nem sempre aparelhos mais sofisticados

Leia mais

ARTIGO - A AÇÃO REVISIONAL DE CONTRATOS NO DIREITO BRASILEIRO

ARTIGO - A AÇÃO REVISIONAL DE CONTRATOS NO DIREITO BRASILEIRO ARTIGO - A AÇÃO REVISIONAL DE CONTRATOS NO DIREITO BRASILEIRO *Maraísa Santana No mês passado (abril/2014) escrevi artigo (AÇÃO REVISIONAL DE FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS É GARANTIDA POR LEI), que foi publicado

Leia mais

CONSIDERANDO o disposto no art. 14-A e no inciso IV do art. 26 da Lei nº 10.233, de 05 de junho de 2001;

CONSIDERANDO o disposto no art. 14-A e no inciso IV do art. 26 da Lei nº 10.233, de 05 de junho de 2001; RESOLUÇÃO ANTT Nº 1.737, de 21/11/2006 Estabelece procedimentos de registro e fiscalização, institui infrações e sanções referentes ao Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Carga - RNTRC,

Leia mais

O Código de Defesa do Consumidor 7. Como ser um consumidor bem informado? 8. O que é relação de consumo? 10. Conheça os seus direitos 11

O Código de Defesa do Consumidor 7. Como ser um consumidor bem informado? 8. O que é relação de consumo? 10. Conheça os seus direitos 11 SUMÁRIO O Código de Defesa do Consumidor 7 Como ser um consumidor bem informado? 8 O que é relação de consumo? 10 Conheça os seus direitos 11 Prazos para reclamar 17 O que é cadastro 19 Dicas importantes

Leia mais

INFORMAÇÃO CONFIDENCIAL

INFORMAÇÃO CONFIDENCIAL Manual Associado o acesso está autorizado exclusivamente o acesso está para autorizado Colaboradores exclusivamente do SPC para Brasil Colaboradores e Entidades. do SPC Brasil e Entidades. BOAS VINDAS

Leia mais

Contrato de Adesão CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO (STFC)

Contrato de Adesão CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO (STFC) Contrato de Adesão CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO (STFC) O texto deste Contrato foi submetido à aprovação da Agência Nacional de Telecomunicações - ANATEL, estando sujeito a

Leia mais

ACORDO DE COOPERAÇÃO

ACORDO DE COOPERAÇÃO ACORDO DE COOPERAÇÃO DEFINE O ACORDO DE COOPERAÇÃO QUE ENTRE SI CELEBRAM A CAIXA ECONÔMICA FEDERAL E O CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA DO ESPIRITO SANTO - CREA/ES, PARA CONCESSÃO

Leia mais

FACULDADE ASCES CONTRATANTE:

FACULDADE ASCES CONTRATANTE: CURSO DE DIREITO - Reconhecido pelo Dec. Fed. Nº 62.059, de 05/01/1968 CURSO DE ODONTOLOGIA - Reconhecido pelo Dec. Fed. Nº 63.406, de 10/10/1968 CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA (Bacharelado) - Reconhecido pela

Leia mais

Perguntas Freqüentes

Perguntas Freqüentes Perguntas Freqüentes Dúvidas: 4003-8777 Conhecendo o Crédito Universitário PRAVALER 1. O que é o crédito universitário PRAVALER? O PRAVALER é um crédito universitário que permite você pagar seus estudos,

Leia mais

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos:

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: REGULAMENTO I DO PROGRAMA Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: I incentivar a aderência ao Programa de indivíduos que atendam aos requisitos exigidos neste

Leia mais

O Prefeito Municipal de Resende, no exercício das atribuições, que lhe são conferidas pela Lei Orgânica do Município, em seu artigo 74, inciso XV,

O Prefeito Municipal de Resende, no exercício das atribuições, que lhe são conferidas pela Lei Orgânica do Município, em seu artigo 74, inciso XV, DECRETO Nº 5218 DE 09 DE NOVEMBRO DE 2011. EMENTA: Regulamenta os procedimentos de declaração, avaliação, emissão de guias de recolhimento, processo de arbitramento e a instauração do contencioso fiscal

Leia mais

357 VIGÉSIMA SEXTA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR APELAÇÃO CÍVEL PROCESSO Nº 0005263-56.2012.8.19. ANA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA

357 VIGÉSIMA SEXTA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR APELAÇÃO CÍVEL PROCESSO Nº 0005263-56.2012.8.19. ANA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA VIGÉSIMA SEXTA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR APELAÇÃO CÍVEL APELANTE: BANCO DO BRASIL S/A APELANTE: CLAUDIO FELIPE CUSTODIO LESSA APELADO: OS MESMOS RELATOR: DES. ANA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA Relação de consumo.

Leia mais

PORTARIA Nº. 002/2015

PORTARIA Nº. 002/2015 PORTARIA Nº. 002/2015 A Diretoria do INSTITUTO EDUCACIONAL JAGUARY IEJ entidade mantenedora da FACULDADE DE JAGUARIÚNA FAJ, no uso de suas atribuições estabelece regras para a liberação do parcelamento

Leia mais

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Rua Amador Bueno, nº 474, São Paulo/SP,

Leia mais

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Rua Amador Bueno, nº 474, São Paulo/SP,

Leia mais

PORTARIA DETRO/PRES. Nº 1088 DE 17 DE SETEMBRO DE 2012.

PORTARIA DETRO/PRES. Nº 1088 DE 17 DE SETEMBRO DE 2012. PORTARIA DETRO/PRES. Nº 1088 DE 17 DE SETEMBRO DE 2012. Dispõe sobre os procedimentos a serem observados e aplicados no parcelamento/reparcelamento de débitos referente a multas e taxa de vistoria e fiscalização

Leia mais

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Pres. Juscelino Kubitschek,

Leia mais

Indicador de Recuperação de Crédito SPC CDL/BH ABRIL/2016

Indicador de Recuperação de Crédito SPC CDL/BH ABRIL/2016 Indicador de Recuperação de Crédito SPC CDL/BH ABRIL/2016 Elaborado: Economia - Pesquisa & Mercado Equipe Técnica: Economista Ana Paula Bastos Estatística Sarah Ribeiro Analista de economia André Correia

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO Art. 1º Este documento, doravante denominado Regulamento de Empréstimo, estabelece os direitos e as obrigações da Boticário Prev, dos Participantes e Assistidos, para a concessão

Leia mais

PARCELAMENTO DE TRIBUTOS FEDERAIS REFIS DA COPA

PARCELAMENTO DE TRIBUTOS FEDERAIS REFIS DA COPA PARCELAMENTO DE TRIBUTOS FEDERAIS REFIS DA COPA INTRODUÇÃO Após a mobilização de vários setores da economia juntamente com as proposições formuladas pelo Congresso Nacional, foi publicada a Lei 12.996/2014,

Leia mais

Amercian Express, Diners, Hipercard, Aura e Elo.

Amercian Express, Diners, Hipercard, Aura e Elo. TERMO DE CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE PRODUTOS PELA INTERNET Magazine Luiza S/A, pessoa jurídica de direito privado, com sede na cidade de Franca/SP, Rua Voluntários da Franca, nº 1465, inscrita no CNPJ

Leia mais

Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do HSBC

Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do HSBC Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do HSBC Leia estas informações importantes para aproveitar todas as vantagens do seu novo cartão de crédito. Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do

Leia mais

Juros remuneratórios Ação monitória Competência Imposto de Renda (IR) Ação monitória Dano moral Indenização

Juros remuneratórios Ação monitória Competência Imposto de Renda (IR) Ação monitória Dano moral Indenização Índice Analítico A Abusividade - Exame - Necessidade - CPC, art. 543-C - Juros remuneratórios - Índice aplicável - Lei n. 4.595/1964 - Resolução n. 8/2008-STJ. Súmula n. 382-STJ. Ação monitória - Cabimento

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls. Convite nº 081/2007 Fls. 1 CARTA CONVITE Processo nº 11784/05 Convite nº 081/2007 Entrega Envelopes até o dia: 15 de junho de 2007, às 14h00. Abertura Envelopes dia: 15 de junho de 2007, às 14h30. A COMISSÃO

Leia mais

REGULAMENTO DOS EMPRÉSTIMOS FORLUZ

REGULAMENTO DOS EMPRÉSTIMOS FORLUZ Aprovado pelo Comitê de Investimentos da Forluz na 330ª reunião de 14/09/2011 e na 331ª reunião de 23/09/2011. Válido para empréstimos solicitados a partir de 01/10/2011. REGULAMENTO DOS EMPRÉSTIMOS FORLUZ

Leia mais

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições:

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições: CONTRATO DE MÚTUO Prelo presente instrumento particular, [O Estudante, pessoa física proponente de empréstimo com determinadas características ( Proposta )], identificado e assinado no presente contrato

Leia mais

Norma do Programa de Empréstimo Pessoal TECHNOS

Norma do Programa de Empréstimo Pessoal TECHNOS Norma do Programa de Empréstimo Pessoal TECHNOS SUMÁRIO CAPÍTULO I - DA FINALIDADE...3 CAPÍTULO II - DOS PARTICIPANTES E ASSISTIDOS...3 CAPÍTULO III - DOS CRITÉRIOS PARA CONCESSÕES...4 CAPÍTULO IV - DOS

Leia mais

36 (TRINTA E SEIS) MESES

36 (TRINTA E SEIS) MESES TERMO DE CONTRATO: Nº 03/2013 CONTRATANTE: TRIBUNAL DE CONTAS DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO CONTRATADA: IBM BRASIL INDÚSTRIA, MÁQUINAS E SERVIÇOS LTDA. OBJETO DO CONTRATO: PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE SUPORTE

Leia mais

CONTRATO n 002/2015. PARÁGRAFO ÚNICO - São as seguintes as modalidades de Ordens Bancárias, a serem processadas pelo Sistema OBN:

CONTRATO n 002/2015. PARÁGRAFO ÚNICO - São as seguintes as modalidades de Ordens Bancárias, a serem processadas pelo Sistema OBN: CONTRATO n 002/2015. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PAGAMENTO A FORNECEDORES DE BENS E SERVIÇOS E DE SERVIDORES, QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE CANDELÁRIA (RS) E O BANCO DO BRASIL S.A. O MUNICÍPIO

Leia mais