A Sioux efetua o pagamento no último dia útil de cada mês, descontados os ressarcimentos (se houver).

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A Sioux efetua o pagamento no último dia útil de cada mês, descontados os ressarcimentos (se houver)."

Transcrição

1 OBJETIVO Este documento tem como objetivo definir as políticas referentes à relação entre a Sioux e os funcionários. O documento será modificado sempre que necessário, em função dos novos cenários da empresa. 1 SALÁRIO A Sioux efetua o pagamento no último dia útil de cada mês, descontados os ressarcimentos (se houver). O pagamento é efetuado no Banco Real º Salário O pagamento do 13º Salário é efetuado em duas parcelas iguais, junto com o Salário de Novembro e Dezembro. Cálculo: É utilizado o salário de Novembro como base para o cálculo; Para colaboradores que entraram durante o ano corrente o calculo é proporcional aos meses trabalhados. Caso o colaborador iniciou suas atividades até a primeira quinzena do mês é considerado o próprio mês, do contrário, é considerado o mês subseqüente, ex: o o Colaborador entrou dia 12 de agosto considerar agosto para o cálculo; Colaborador entrou dia 16 de agosto considerar a partir de setembro para o cálculo; 2 FÉRIAS O funcionário tem direito a 22 dias úteis de férias por ano. Os dias de férias podem ser solicitados e distribuídos ao longo do ano, desde que seja comunicado e acordado previamente com a Sioux. Podem, ainda, serem utilizados para compensar faltas não-justificadas. O funcionário só tem direito a tirar férias após o termino dos três meses de experiência. Considera-se, para efeito de cálculo de dias de férias e pagamento, o ano entre 1º. de Janeiro e 31 de Dezembro. Caso o funcionário seja admitido ou deixe a empresa no meio do ano, o cálculo é proporcional aos meses trabalhados no ano (Para este calculo é considerado a quinzena para o arredondamento, se a data for o dia 15 ou antes do dia 15 considera o dia 1 do próprio mês, se for depois do dia 15 considera o próximo mês).

2 2.1 Pagamento Ao final de cada exercício (31 de Dezembro), será apurado o número de dias de férias utilizados e os dias restantes, para então, efetuar-se o cálculo para o pagamento dos dias de férias não utilizados. O pagamento será em Janeiro, juntamente com o salário do mês. Fórmula para cálculo do valor dos dias de férias = Salário / 22 x dias não tirados (Não é feita o arredondamento). 2.2 O que é considerado férias São consideradas férias todos os dias que não forem cadastrados as horas no Controle de Horas (intranet). O relatório de férias é fechado dia 1 de janeiro de cada ano. Excluem-se deste item, as faltas justificadas. O trabalho em casa, não será computado como dia de trabalho, caso não tenha sido acordado previamente com a empresa. Serão computados como férias os dias que forem emendados. Exemplo: Feriado é na terça-feira e o funcionário tira a segunda-feira (dia útil) para prolongar o feriado. Em datas específicas, em função de datas ou projetos, pode ser definido férias coletivas para a empresa. 2.3 Dias marcados após o prazo de 7 dias. É de responsabilidade do funcionário marcar as horas em até 7 dias, caso esta regra não for seguida será considerado como ¼ (0,25) de dia de férias, mas só é descontado os valores inteiros. Exemplo: Um funcionário marcou 3 dias atrasados, é considerado 0,75 dias de férias, no final do ano não será descontado nenhum dia. Um funcionário marcou 6 dias atrasados, é considerado 1,5 dias de férias, no final do ano ele será descontado em 1 dia de férias. A regra aqui é incentivar que todas as horas trabalhadas sejam anotadas pois como empresa de serviço, cobramos pelo serviço prestado que por sua vez é contabilizado em horas de trabalho. Horas não anotadas são horas não cobradas.

3 2.4 Justificativas A Sioux não cobra atestado médico ou qualquer forma de comprovantes, basta o funcionário informar seu superior do motivo e marcar na intranet o motivo. Será usado bom senso na análise da justificativa para a decisão de abono da falta. Atestados/Justificativas legais prevalecem a essa análise. É de responsabilidade única e exclusiva do funcionário marcar na intranet a justificativa para o dia que faltar num prazo de até 7 dias contados a partir da ausência. 2.5 Relatório de férias As férias podem ser acompanhadas pela Intranet no menu Cockpit > Férias Atenção! Como o sistema é automático, podem existir dias marcados como férias que são doença ou outros casos. Estes casos devem ser comunicados o mais rápido possível e é de responsabilidade do funcionário avisar. 3 HORÁRIO DE TRABALHO O horário de trabalho na Sioux é de Segunda à Sexta-feira, das 9:00 às 18:00 horas, com intervalo de 1 (uma) hora para refeição. Com exceção de feriados. É permitida uma variação de até 1 hora no horário de entrada, mas deve ser trabalhada às 8 horas diárias. 4 VALE TRANSPORTE A Sioux oferece o Vale Transporte conforme a lei, o custo do vale transporte e dividido entre o funcionário e a Sioux. Do funcionário será descontado 6% de seu salário e o restante será pago pelo Sioux. Exemplo: um funcionário que recebe um salário de R$ 1.000,00 por mês e necessita de ônibus 2 vezes por dia (ida e volta). Cada passagem custa R$ 2,30 e num mês de 22 dias úteis esse trabalhador teria um custo mensal de R$ 92,00 com transporte. Logo o funcionário pagaria R$ 60,00 (6% do seu salário) e a Sioux complementa o valor restante, no exemplo citado R$32,00 Informações para solicitar o Vale Trasnporte: Endereço residencial e os meios de transporte que utiliza para se deslocar de sua residência para o trabalho.

4 5 LICENÇA MATERNIDADE A Licença Maternidade da direito de 120 dias (corridos) de licença, o inicio pode ser escolhido pela funcionária, sendo o início 1 mês antes do bebe nascer. Neste período o Salário e pago normalmente, sem nenhuma variação. 6 VALE REFEIÇÃO A Sioux oferece Vale Refeição para os funcionários que trabalham no período integral, indiferente dos dias úteis são pago 22 dias por mês. Os funcionários que trabalham meio período e por ventura cumprirem período integral ganham este adicional para os dias trabalhados. 7 REFEIÇÃO NA EMPRESA É proibido o almoço na empresa. Esta proibição deve-se apenas a falta de infra-estrutura da empresa. Existindo algum motivo específico, poderá ser feita a refeição na empresa, mas deve ser tratado como exceção. 8 REEMBOLSO A Sioux utiliza para reembolso as seguintes regras: Visita ao Cliente Metrô ou Transporte Publico reembolso de passagem cheia (mesmo que utilize passagem de estudante); Carro reembolso do estacionamento e de ajuda de custo de R$ 0,40 por km rodado. Deve-se utilizar o Google Maps como referência no cálculo de quilometragem. Tomar como ponto de partida sempre a Sioux a não ser quando um ponto de partida seja um outro Cliente; Taxi reembolso até o valor de R$ 200,00 por mês. Se o valor ultrapassar esta soma devese pegar autorização prévia com o Diretor responsável. Almoço com o Cliente A Sioux reembolsa almoços com Clientes desde que previamente agendados e autorizados pela Diretoria. Para casos excepcionais onde tal almoço não fora previamente agendado deve ser justificado com coerência para possível autorização e reembolso. Para estes casos excepcionais lembramos que o bom senso deve ser utilizado na escolha do restaurante e da

5 verba a ser utilizada por cada refeição. A Sioux não desconta o vale refeição do colaborador caso venha a almoçar com um Cliente. Quanto e com quem? fica estabelecido que para almoços de negócios com valor médio de R$ 50,00 reais por pessoa, limitada a 3 pessoas (incluindo o funcionário) não há necessidade de autorização previa. Trabalho de Final de Semana A Sioux reembolsa refeições (valor máximo de R$ 25,00 por funcionário) e transporte (ver regra de visita ao Cliente) para os funcionários que trabalharem nos finais de semana na empresa previamente agendados e autorizados pela Diretoria. Comprovante deve ser utilizado o CNPJ da Sioux nos comprovantes. Atenção! Para ocorrer o reembolso é necessária a apresentação dos comprovantes fiscais, com exceção do Metrô. Os comprovantes devem ser colocados na pasta L de reembolso e deve conter o nome do solicitante. A planilha de reembolso (Site SxNet / Arquivos/Planilha de Reembolso.xlt) deve ser enviada até o dia 20 do mês para o para que o reembolso seja efetuado no final do mês, junto com o salário. 9 APRIMORAMENTO PROFISSIONAL Para estimular o desenvolvimento profissional de seus funcionários, a Sioux subsidia 50% do valor de cursos e 100% do valor de livros destinados a essa finalidade(área de atuação na Sioux). O livro pago pela Sioux é da empresa. O benefício só será concedido mediante prévia solicitação e análise do Gestor. Tal benefício é valido somente nos casos em que os funcionários continuem fazendo parte do quadro da empresa até os 3 meses seguintes a execução do curso ou compra do livro. Caso o funcionário se desligue da empresa, pedindo demissão voluntária, deverá, nos acertos rescisórios, devolver a quantia subsidiada. Por exemplo, caso o funcionário receba o subsidio de 50% de um determinado curso em fevereiro e peça a demissão em março, não terá direito ao subsidio devendo devolver a quantia nos acertos rescisórios. Este subsídio não é valido para Faculdade, Pós Graduação, Cursos de Língua, etc.

6 10 As contas de da Sioux não devem ser configuradas para fazer encaminhamento de mensagens para contas pessoais ou de fora do domínio sioux.com.br Essa prática será monitorada, combatida e se necessário for, punida. 11 PREMISSA A Sioux se reserva o direito de alterar suas políticas sem prévio consentimento de seus Colaboradores, mas prévio aviso.

Este documento tem como objetivo definir as políticas referentes à relação entre a Sioux e seus funcionários.

Este documento tem como objetivo definir as políticas referentes à relação entre a Sioux e seus funcionários. OBJETIVO Este dcument tem cm bjetiv definir as plíticas referentes à relaçã entre a Siux e seus funcináris. A Siux se reserva direit de alterar suas plíticas em funçã ds nvs cenáris da empresa sem avis

Leia mais

ADIANTAMENTO E REEMBOLSO DE DESPESAS

ADIANTAMENTO E REEMBOLSO DE DESPESAS ADIANTAMENTO E REEMBOLSO DE DESPESAS NÚMERO CIR.FIN.MAT.0001 Elaborada em: 08/08/2011 Atualizada em: - Quant. Páginas DEPARTAMENTO DE ORIGEM Departamento Finanças 5 1 Objetivo Este documento tem como objetivo

Leia mais

GRUPO CICAL SISTEMA DE GESTÃO

GRUPO CICAL SISTEMA DE GESTÃO GRUPO CICAL / PO.RH./2008 RECURSOS HUMANOS.REV 1 de 7 VALIDAÇÃO NOMES DATA Elaborador: Verificador Sistema Gestão: Aprovador: Lygia Chaves Ana Paula Portugal Melgaço Wady Cecílio Neto Jair Cecilio Junior

Leia mais

Processo de Prestação de Contas de Viagem GENS S.A. Manual do Colaborador

Processo de Prestação de Contas de Viagem GENS S.A. Manual do Colaborador Processo de Prestação de Contas de Viagem GENS S.A. Manual do Colaborador 1 OBJETIVO: Esta política tem por objetivo estabelecer as diretrizes para as Prestações de Contas referentes às despesas ocorridas

Leia mais

Processo de Solicitação de Viagem GENS S.A. Manual do Colaborador

Processo de Solicitação de Viagem GENS S.A. Manual do Colaborador Processo de Solicitação de Viagem GENS S.A. Manual do Colaborador 1 Apresentação Apresentamos o Processo de Viagens GENS Manual do Colaborador. Este Manual é parte integrante do Processo de Viagens GENS.

Leia mais

Manual de Recursos Humanos

Manual de Recursos Humanos Manual de Recursos Humanos Associação dos Amigos do Paço das Artes Francisco Matarazzo Sobrinho Organização Social de Cultura 1 Finalidade: Disponibilizar princípios básicos de gestão de pessoal que devem

Leia mais

PROCEDIMENTOS DE CONTAS A PAGAR

PROCEDIMENTOS DE CONTAS A PAGAR São Paulo, 6 de dezembro de 2013 PROCEDIMENTOS DE CONTAS A PAGAR Este procedimento visa estabelecer o processo, prazos e orientações aos funcionários do Instituto Ethos para recebimento de notas fiscais

Leia mais

HOTEL AMAZONAS RUA AMAZONAS, 467 - NOVA TRAMANDAÍ ASCORSAN

HOTEL AMAZONAS RUA AMAZONAS, 467 - NOVA TRAMANDAÍ ASCORSAN HOTEL AMAZONAS RUA AMAZONAS, nº 467 - NOVA TRAMANDAÍ Para os Diretores e Funcionários da ASCORSAN, a vinda dos associados e seus familiares é motivo de orgulho e satisfação em atendê-los, dentro das condições

Leia mais

MA UAL DE ECURSOS HUMANOS

MA UAL DE ECURSOS HUMANOS CATAVENTOCULTURAL E EDUCACIONAL MA UAL D RECUR O HUMA O 13187 MA UAL DE ECURSOS HUMANOS Catavento Cultural e Educacional Organização Social de Cultura CATA VENTO CULTURAL E EDUCACIONAL MANUAL DE RECURSOS

Leia mais

HOTEL CISNE BRANCO RUA CAMARÃO, Nº 21, PRAIA MARILUZ, CIDADE DE IMBÉ. Para os Diretores e Funcionários da ASCORSAN, a vinda dos associados e seus

HOTEL CISNE BRANCO RUA CAMARÃO, Nº 21, PRAIA MARILUZ, CIDADE DE IMBÉ. Para os Diretores e Funcionários da ASCORSAN, a vinda dos associados e seus HOTEL CISNE BRANCO RUA CAMARÃO, Nº 21, PRAIA MARILUZ, CIDADE DE IMBÉ. Para os Diretores e Funcionários da ASCORSAN, a vinda dos associados e seus familiares é motivo de orgulho e satisfação em atendê-los,

Leia mais

SEGURO E APOSENTADORIA

SEGURO E APOSENTADORIA SEGURO E APOSENTADORIA SEGURO SOCIAL (SEGURO DE SAÚDE SOCIAL E SEGURO DE APOSENTADORIA SOCIAL) O Governo japonês administra o Seguro de Saúde Social e o Seguro de Aposentadoria Social ( ), a fim de garantir

Leia mais

NORMA OPERACIONAL PADRÃO Código: Versão V.1

NORMA OPERACIONAL PADRÃO Código: Versão V.1 27/07/2015 1 SUMÁRIO 1. Objetivo 1.1 Abrangência 2. Definições, terminologia e siglas 3. Norma Operacional Padrão Viagens 3.1 Adiantamento 3.2 Passagens Aéreas 3.3 Hospedagem 3.4 Veículos 3.5 Recibos 3.6

Leia mais

NORMAS DE FUNCIONAMENTO DA BIBLIOTECA

NORMAS DE FUNCIONAMENTO DA BIBLIOTECA FACULDADE CATÓLICA SANTA TERESINHA NORMAS DE FUNCIONAMENTO DA BIBLIOTECA CAICÓ-RN 1. DO OBJETIVO Art.1º - As NORMAS DE ATENDIMENTO regulam horário, consultas, empréstimo, renovação e cópias, compreendendo

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES PLANILHA DE HORAS 7.0

MANUAL DE INSTRUÇÕES PLANILHA DE HORAS 7.0 MANUAL DE INSTRUÇÕES PLANILHA DE HORAS 7.0 Funcionamento da Planilha de Horas Resumo das Etapas Preenchimentos Obrigatórios Abono Cliente Falta Férias Horas Extras Observações Importantes Envio da Planilha

Leia mais

Gestão de Pessoas - 4w

Gestão de Pessoas - 4w P á g i n a 1 Gestão de Pessoas - 4w Modulo Administração de Pessoal (Rubi) Processo: Férias P á g i n a 2 Sumário 1 Conceito... 3 1.1 Parametrizações no Sistema... 3 1.1.1 - Sindicato... 3 1.1.2 - Situações...

Leia mais

REGULAMENTO DAS BIBLIOTECAS. Art. 2º As Bibliotecas da Univás estão a serviço da comunidade, oferecendo aos usuários:

REGULAMENTO DAS BIBLIOTECAS. Art. 2º As Bibliotecas da Univás estão a serviço da comunidade, oferecendo aos usuários: REGULAMENTO DAS BIBLIOTECAS CAPÍTULO I DA FINALIDADE Art. 1 Este Regulamento normatiza o funcionamento das Bibliotecas da Universidade do Vale do Sapucaí Univás, mantida pela Fundação de Ensino Superior

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31389 de 31/03/2009

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31389 de 31/03/2009 DIÁRIO OFICIAL Nº. 31389 de 31/03/2009 GABINETE DA GOVERNADORA DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº_03 /2009. O Defensor Público Geral do Estado do Pará, no uso de atribuições previstas

Leia mais

PRECISO ENCAMINHAR ALGUM REGISTRO DE FREQUÊNCIA PARA A ÁREA DE RECURSOS HUMANOS DO MPGO?

PRECISO ENCAMINHAR ALGUM REGISTRO DE FREQUÊNCIA PARA A ÁREA DE RECURSOS HUMANOS DO MPGO? Orientações sobre o Para operacionalizar o Ato PGJ n. 59/2014, que dispõe sobre a jornada de trabalho, o MP-GO adquiriu um sistema informatizado chamado Forponto. A utilização do sistema eletrônico evitará

Leia mais

Norma para pagamento de diária a serviço e solicitação de passagem aérea

Norma para pagamento de diária a serviço e solicitação de passagem aérea Norma para pagamento de diária a serviço e solicitação de passagem aérea Objetivo: A presente norma tem por objetivo formalizar e agilizar os pedidos de diária e passagem a serviço da entidade bem como

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO. Caríssimo professor, Caríssima professora:

1. APRESENTAÇÃO. Caríssimo professor, Caríssima professora: MANUAL DO PROFESSOR 1. APRESENTAÇÃO Caríssimo professor, Caríssima professora: Temos a honra e o privilegio de poder contar com V. Sa. como nosso (a) parceiro (a), acreditamos que cada membro do corpo

Leia mais

PROCEDIMENTO GERENCIAL PADRÃO Ref.: FIN-PGP-001_00 Emissão: 22/05/2013 P. 1/14 CARTÃO CORPORATIVO

PROCEDIMENTO GERENCIAL PADRÃO Ref.: FIN-PGP-001_00 Emissão: 22/05/2013 P. 1/14 CARTÃO CORPORATIVO Ref.: FIN-PGP-001_00 Emissão: 22/05/2013 P. 1/14 CARTÃO CORPORATIVO Ref.: FIN-PGP-001_00 Emissão: 22/05/2013 P. 2/14 SUMÁRIO 1. RESUMO DO PROCESSO... 3 2. FLUXOGRAMA... 4 3. OBJETIVO... 5 4. APLICAÇÃO...

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE PO Procedimento Operacional

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE PO Procedimento Operacional CONCESSÃO DE BENEFÍCIOS AOS COLABORADORES PO. 12 00 1 / 7 1. OBJETIVOS O Crea-GO, visando atrair e melhorar o índice de retenção de colaboradores, institui a concessão de benefícios, mediante a adoção

Leia mais

ACORDO PARA FLEXIBILIZAÇÃO DE JORNADA DE TRABALHO E FÉRIAS COLETIVAS

ACORDO PARA FLEXIBILIZAÇÃO DE JORNADA DE TRABALHO E FÉRIAS COLETIVAS ACORDO PARA FLEXIBILIZAÇÃO DE JORNADA DE TRABALHO E FÉRIAS COLETIVAS Na melhor forma de direito, pelo presente instrumento de conciliação que entre si celebram, de um lado a pessoa jurídica de direito

Leia mais

PAUTA DE REVINDICAÇÃO - 2014/2015 ELENCO DE REIVINDICAÇÃO DOS TRABALHADORES DO SERVICO SOCIAL DO DISTRITO FEDERAL

PAUTA DE REVINDICAÇÃO - 2014/2015 ELENCO DE REIVINDICAÇÃO DOS TRABALHADORES DO SERVICO SOCIAL DO DISTRITO FEDERAL PAUTA DE REVINDICAÇÃO - 2014/2015 ELENCO DE REIVINDICAÇÃO DOS TRABALHADORES DO SERVICO SOCIAL DO DISTRITO FEDERAL O SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ENTIDADES DE ASSISTÊNCIA SOCIAL E DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

Como contratar seu empregado

Como contratar seu empregado MEI - Microempreendedor Individual: Como contratar seu empregado O que você precisa para contratar o seu empregado? Para você que já se tornou MEI Microempreendedor Individual e precisa contratar um empregado,

Leia mais

NORMAS E PROCEDIMENTOS SOBRE JORNADA DE TRABALHO

NORMAS E PROCEDIMENTOS SOBRE JORNADA DE TRABALHO NORMAS E PROCEDIMENTOS SOBRE JORNADA DE TRABALHO 1. OBJETIVO O departamento de Recursos Humanos da FECAP pretende com esse manual de normas e procedimentos sobre a jornada de trabalho, informar os seus

Leia mais

Perguntas Frequentes. Atração de Jovens Talentos BJT

Perguntas Frequentes. Atração de Jovens Talentos BJT Perguntas Frequentes Atração de Jovens Talentos BJT Diretoria de Relações Internacionais Coordenação-Geral de Bolsas e Projetos CGBP Coordenação de Acompanhamento de Bolsistas no Exterior CBE Brasília,

Leia mais

Parágrafo 1 - Somente os empregados que estejam no efetivo exercício de suas atividades na EMPRESA farão jus ao Vale Alimentação ou Refeição.

Parágrafo 1 - Somente os empregados que estejam no efetivo exercício de suas atividades na EMPRESA farão jus ao Vale Alimentação ou Refeição. PELO PRESENTE ACORDO COLETIVO DE TRABALHO, DE UM LADO A CDN SERViÇOS DE ÁGUA E ESGOTO S.A., INSCRITA NO CNPJ SOB N 07.496.584/0001-87, COM SEDE NA AVENIDA 20 DE JANEIRO S/ N - RUA E., ILHA DO GOVERNADOR,

Leia mais

CARTILHA SOBRE A EMENDA CONSTITUCIONAL DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS

CARTILHA SOBRE A EMENDA CONSTITUCIONAL DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS 2 de abril de 2013 CARTILHA SOBRE A EMENDA CONSTITUCIONAL DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS Hoje foi promulgada uma Emenda Constitucional que amplia os direitos trabalhistas dos empregados domésticos. Alguns direitos

Leia mais

Hotel Colônia AOJESP PACOTES Alta Temporada 2011/2012

Hotel Colônia AOJESP PACOTES Alta Temporada 2011/2012 Hotel Colônia AOJESP PACOTES Alta Temporada 2011/2012 PACOTE ENTRADA SAÍDA DIÁRIAS DEZEMBRO 30/11/2011 QUA 05/12/2011 SEG 5 07/12/2011 QUA 12/12/2011 SEG 5 14/12/2011 QUA 19/12/2011 SEG 5 NATAL 21, 22,

Leia mais

COOPERATIVA DE ENSINO DE BENFICA, C.R.L. NORMAS DE FUNCIONAMENTO DA CEBE NO ANO LETIVO 2015/2016

COOPERATIVA DE ENSINO DE BENFICA, C.R.L. NORMAS DE FUNCIONAMENTO DA CEBE NO ANO LETIVO 2015/2016 NORMAS DE FUNCIONAMENTO DA CEBE NO ANO LETIVO 2015/2016 1. FREQUÊNCIA 1.1. A frequência da CEBE está condicionada a que um dos pais e/ou encarregado de educação da criança se tornem sócios da CEBE, para

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR001254/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 18/04/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR017099/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.006142/2011-57 DATA DO

Leia mais

ESTAGIÁRIOS DEFINIÇÃO DOCUMENTAÇÃO INFORMAÇÕES GERAIS INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES FUNDAMENTAÇÃO LEGAL

ESTAGIÁRIOS DEFINIÇÃO DOCUMENTAÇÃO INFORMAÇÕES GERAIS INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES FUNDAMENTAÇÃO LEGAL ESTAGIÁRIOS DEFINIÇÃO DOCUMENTAÇÃO INFORMAÇÕES GERAIS INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES FUNDAMENTAÇÃO LEGAL DEFINIÇÃO O estágio é ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de trabalho, que

Leia mais

REVISÕES C - PARA CONHECIMENTO D - PARA COTAÇÃO. Rev. TE Descrição Por Ver. Apr. Aut. Data. 0 C Emissão inicial. DD MAC MAC RPT 30/03/12

REVISÕES C - PARA CONHECIMENTO D - PARA COTAÇÃO. Rev. TE Descrição Por Ver. Apr. Aut. Data. 0 C Emissão inicial. DD MAC MAC RPT 30/03/12 1/8 REVISÕES TE: TIPO EMISSÃO A - PRELIMINAR B - PARA APROVAÇÃO C - PARA CONHECIMENTO D - PARA COTAÇÃO E - PARA CONSTRUÇÃO F - CONFORME COMPRADO G - CONFORME CONSTRUÍDO H - CANCELADO Rev. TE Descrição

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo III

Treinamento Sistema Folha Union Módulo III FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO III - MOVIMENTOS Folha Union> Vale transporte> Cadastro de tarifas Valor - Insira o valor atual e a data de vigência. Cadastre ou altere os tipos de transportes utilizados de

Leia mais

NORMA DE FÉRIAS - NOR 304

NORMA DE FÉRIAS - NOR 304 MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS COD. 300 ASSUNTO: SOLICITAÇÃO, PROGRAMAÇÃO, CONCESSÃO E PAGAMENTO DE FÉRIAS APROVAÇÃO: Resolução DIREX nº 023, de 04/02/2013 VIGÊNCIA: 04/02/2013 NORMA DE FÉRIAS - NOR 304 1/12

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO ACORDO COLETIVO DE TRABALHO Por este instrumento, de um lado, representando os empregados, o SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMERCIO DE CUIABÁ e VARZEA GRANDE, e do outro lado, representando os empregadores

Leia mais

Manual usuario sipon. Índice. Introdução. Características do Sistema. De Wiki Intranet. 1 Introdução 1.1 Características do Sistema

Manual usuario sipon. Índice. Introdução. Características do Sistema. De Wiki Intranet. 1 Introdução 1.1 Características do Sistema Manual usuario sipon De Wiki Intranet Índice 1 Introdução 1.1 Características do Sistema 1.2 Regras Gerais (Tipos de Jornada, Prazos, Tolerância, Justificativas, Limites do Banco de Horas etc) 1.2.1 Tipos

Leia mais

PORTARIA Nº 979/2009. RESOLVE editar a seguinte Portaria:

PORTARIA Nº 979/2009. RESOLVE editar a seguinte Portaria: MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL Gabinete da Procuradora Chefe PORTARIA Nº 979/2009 Disciplina, no âmbito da PR/SP, o procedimento de encaminhamento das solicitações de diárias. A PROCURADORA CHEFE DA PROCURADORIA

Leia mais

Processo de Compras GENS

Processo de Compras GENS Processo de Compras GENS Manual do Colaborador Versão 2.0 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO... 3 1.1 Objetivos... 3 1.1.1 Objetivo da definição do Processo de Compras... 3 1.1.2 Objetivo deste Manual... 3 2. PROCESSO

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR003231/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 31/07/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR046809/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.009204/2014-25 DATA DO

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO ESTADO DE SÃO PAULO CREA-SP

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO ESTADO DE SÃO PAULO CREA-SP Instrução nº 2552 Dispõe sobre o ressarcimento de diárias e transporte aos Senhores Funcionários, quando em viagem a serviço, reuniões, eventos e treinamentos dentro e fora do Estado, formalmente convocados

Leia mais

NORMA CORPORATIVA DEPARTAMENTO PESSOAL

NORMA CORPORATIVA DEPARTAMENTO PESSOAL 1. OBJETIVO Estabelecer a sistemática para rotinas de Departamento Pessoal. 2. DEFINIÇÕES TRCT: Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho. DP: Departamento Pessoal; DP Central: Departamento Pessoal de

Leia mais

Guia do Participante - Desligamento Como proceder no desligamento da Rhodia O plano não termina aqui: confira as opções

Guia do Participante - Desligamento Como proceder no desligamento da Rhodia O plano não termina aqui: confira as opções Planos de Aposentadoria Básico e Suplementar Contribuição Definida Guia do Participante - Desligamento Como proceder no desligamento da Rhodia O plano não termina aqui: confira as opções (documento completo

Leia mais

Perguntas frequentes:

Perguntas frequentes: Perguntas frequentes: O equipamento é regulado para bater ponto só às 7 ou às 8 horas, nos horários tradicionais? Não, você pode bater o ponto em qualquer horário tendo como norte os horários institucionais.

Leia mais

GUIA PRÁTICO NOVO FOLHA DE PAGAMENTO

GUIA PRÁTICO NOVO FOLHA DE PAGAMENTO GUIA PRÁTICO NOVO FOLHA DE PAGAMENTO Este manual visa facilitar a integração entre o sistema Folha de Pagamento antigo e a nova versão do sistema Folha de Pagamento. O sistema foi reformulado e agora compartilha

Leia mais

NORMAS E PROCEDIMENTOS CONTROLE DE ACESSO ÀS DEPENDÊNCIAS DO GRUPO MAPFRE SEGUROS

NORMAS E PROCEDIMENTOS CONTROLE DE ACESSO ÀS DEPENDÊNCIAS DO GRUPO MAPFRE SEGUROS NORMAS E PROCEDIMENTOS Código Versão A-RHU-08 4 Emissão Atualização 22 / 08 / 2003 30 / 07 / 08 CONTROLE DE ACESSO ÀS DEPENDÊNCIAS DO GRUPO MAPFRE SEGUROS OBJETIVO Normatizar o controle de acesso dos colaboradores,

Leia mais

Administração Central Unidade do Ensino Médio e Técnico Célula de Apoio Administrativo INFORMES GERAIS. Informes para participação em eventos na Cetec

Administração Central Unidade do Ensino Médio e Técnico Célula de Apoio Administrativo INFORMES GERAIS. Informes para participação em eventos na Cetec INFORMES GERAIS Informes para participação em eventos na Cetec Caro(a) Participante, Para participação em eventos (reuniões/capacitações) da Cetec algumas informações devem ser de ciência prévia em consideração

Leia mais

CLÁUSULA 1" - REAJUSTE SALARIAL

CLÁUSULA 1 - REAJUSTE SALARIAL PELO PRESENTE ACORDO COLETIVO DE TRABALHO, DE UM LADO O CONSÓRCIO CEMBRA - DUCTOR - NOVACON, INSCRITO NO CNPJ SOB N 05.634.481/0001~0, COM SEDE NA AVENIDA 20 DE JANEIRO S/ N - RUA E -, ILHA DO GOVERNADOR,

Leia mais

Centro de Pesquisas Oncológicas - CEPON Serviço de Gestão de Pessoas - SGP ORIENTAÇÕES DO SERVIÇO DE GESTÃO DE PESSOAS AO NOVO COLABORADOR DO CEPON

Centro de Pesquisas Oncológicas - CEPON Serviço de Gestão de Pessoas - SGP ORIENTAÇÕES DO SERVIÇO DE GESTÃO DE PESSOAS AO NOVO COLABORADOR DO CEPON Centro de Pesquisas Oncológicas - CEPON Serviço de Gestão de Pessoas - SGP ORIENTAÇÕES DO SERVIÇO DE GESTÃO DE PESSOAS AO NOVO COLABORADOR DO CEPON ausência por motivo particular, durante o expediente;

Leia mais

O número de dias de trabalho médio por mês é calculado pela fórmula:

O número de dias de trabalho médio por mês é calculado pela fórmula: Este trabalho foi realizado a pedido da Pró-Reitoria de Administração e Planejamento e trata-se de um estudo com base no Manual de Orientação para Preenchimento da Planilha de Custo e Formação de Preços,

Leia mais

MANUAL PARA PREENCHIMENTO DE REQUERIMENTOS ON-LINE

MANUAL PARA PREENCHIMENTO DE REQUERIMENTOS ON-LINE SECRETARIA MUNICIPAL DE GESTÃO PÚBLICA DEPARTAMENTO DE RECURSOS EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO MANUAL PARA PREENCHIMENTO DE REQUERIMENTOS ON-LINE Mogi das Cruzes, 2010. Sumário 1. Requerimentos Disponíveis...

Leia mais

Regimento da Colônia de Férias em Garopaba/SC

Regimento da Colônia de Férias em Garopaba/SC Regimento da Colônia de Férias em Garopaba/SC CAPITULO I - DA UTILIZAÇÃO Artigo 1º - A Colônia de Férias da ASSUFRGS, localizada em Garopaba/SC, é de uso exclusivo dos seus filiados, servidores da UFRGS,

Leia mais

EXACTUS SOFTWARE LTDA

EXACTUS SOFTWARE LTDA Instruções para Geração do 13º Salário EXACTUS SOFTWARE LTDA SISTEMA - WINNER Edição 2009 Página 1 de 24 Londrina Paraná Edição 10/2009 COPYRIGHT Todos os direitos são reservados à Exactus Software Ltda.

Leia mais

B. Norma de Reembolso de Despesas do Governador de Distrito

B. Norma de Reembolso de Despesas do Governador de Distrito Anexo B B. Norma de Reembolso de Despesas do Governador de Distrito Os governadores de distrito podem requisitar reembolso das atividades a seguir. Todas as viagens devem ser feitas da forma mais econômica

Leia mais

Amercian Express, Diners, Hipercard, Aura e Elo.

Amercian Express, Diners, Hipercard, Aura e Elo. TERMO DE CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE PRODUTOS PELA INTERNET Magazine Luiza S/A, pessoa jurídica de direito privado, com sede na cidade de Franca/SP, Rua Voluntários da Franca, nº 1465, inscrita no CNPJ

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL PARTE I - INTRODUÇÃO I Requisitos do Sistema. Para utilização do Sistema de Informações Gerenciais SIG, deve-se ter os seguintes requisitos: Acesso a Internet: Discado ou Banda Larga. Navegador de Internet:

Leia mais

Manual Do Usuário ClinicaBR

Manual Do Usuário ClinicaBR Manual Do Usuário ClinicaBR SUMÁRIO 1 Introdução... 01 2 ClinicaBR... 01 3 Como se cadastrar... 01 4 Versão experimental... 02 5 Requisitos mínimos p/ utilização... 03 6 Perfis de acesso... 03 6.1 Usuário

Leia mais

COLÔNIA DE FÉRIAS REGIMENTO de VIAGENS ENTIDADE MANTENEDORA OBJETIVO OBJETO DO REGIMENTO

COLÔNIA DE FÉRIAS REGIMENTO de VIAGENS ENTIDADE MANTENEDORA OBJETIVO OBJETO DO REGIMENTO COLÔNIA DE FÉRIAS REGIMENTO de VIAGENS O propósito desse regimento é oferecer uma direção, trazer normas para estabelecer ordem. Nele contém princípios que servem como guia de ação. ENTIDADE MANTENEDORA

Leia mais

A CÂMARA MUNICIPAL DE CASTRO, ESTADO DO PARANÁ decretou e eu PREFEITO MUNICIPAL sanciono a presente LEI: SEÇÃO I.

A CÂMARA MUNICIPAL DE CASTRO, ESTADO DO PARANÁ decretou e eu PREFEITO MUNICIPAL sanciono a presente LEI: SEÇÃO I. LEI Nº 2927/2014 Estabelece o Regime de Diárias e Adiantamentos do Poder Legislativo, normas para o pagamento de despesas e revoga a Lei nº. 2.887/2014. A CÂMARA MUNICIPAL DE CASTRO, ESTADO DO PARANÁ decretou

Leia mais

ASSOCIAÇÃO AMIGOS DO MUSEU DE ARTE SACRA SAMAS. MANUAL DE RECURSOS HUMANOS DO MUSEU DE ARTE SACRA

ASSOCIAÇÃO AMIGOS DO MUSEU DE ARTE SACRA SAMAS. MANUAL DE RECURSOS HUMANOS DO MUSEU DE ARTE SACRA ASSOCIAÇÃO AMIGOS DO MUSEU DE ARTE SACRA SAMAS. MANUAL DE RECURSOS HUMANOS DO MUSEU DE ARTE SACRA I -FINALIDADE. Este Regulamento tem por finalidade apresentar os princípios básicos de pessoal que devem

Leia mais

NORMA DE FÉRIAS. RES. nº 1628/09. Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba

NORMA DE FÉRIAS. RES. nº 1628/09. Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba Vinculada ao Ministério da Integração Nacional - M I. nº 1628/09 FOR-101 1/5 S U M Á R I O 1 Objetivo, 2/5 2 Definição, 2/5 3 Competências,

Leia mais

SUMÁRIO 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA DA POLÍTICA... 2 3. CRITÉRIOS DE CONCESSÃO... 2 4. INVESTIMENTO... 2

SUMÁRIO 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA DA POLÍTICA... 2 3. CRITÉRIOS DE CONCESSÃO... 2 4. INVESTIMENTO... 2 PL RH 001 SUMÁRIO 1 de 7 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA DA POLÍTICA... 2 3. CRITÉRIOS DE CONCESSÃO... 2 4. INVESTIMENTO... 2 5. ACORDO DE FIDELIDADE PARA SUBSÍDIO DE PÓS-GRADUAÇÃO... 3 6. PROCEDIMENTOS

Leia mais

O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO MARANHÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO MARANHÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais, RESOLUÇÃO N.º 01/2010-TJ PODER JUDICIÁRIO Dispõe sobre o controle de frequência dos servidores do Poder Judiciário do Estado do Maranhão. O PRESIDENTE DO, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATANTE: GOIÁS PREVIDÊNCIA - GOIASPREV CONTRATADA: A CONTRATAR ELABORAÇÃO: DIRETORIA DE PREVIDÊNCIA

TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATANTE: GOIÁS PREVIDÊNCIA - GOIASPREV CONTRATADA: A CONTRATAR ELABORAÇÃO: DIRETORIA DE PREVIDÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE CONSULTORIA PARA ESTUDO ATUARIAL DO REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA DO ESTADO DE GOIÁS CONTRATANTE: GOIÁS PREVIDÊNCIA - GOIASPREV CONTRATADA: A CONTRATAR ELABORAÇÃO:

Leia mais

Reajuste Salarial. Cláusulas do PGCR

Reajuste Salarial. Cláusulas do PGCR PROPOSTA FINAL DO ONS PARA CELEBRAÇÃO DO ACT 2013/2014 FNE/FENTEC - CLÁUSULA 2ª INTERSINDICAL - CLÁUSULA 1ª Reajuste Salarial Reajustar os salários dos empregados com o acumulado do IPCA do período de

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo III

Treinamento Sistema Folha Union Módulo III FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO III - MOVIMENTOS Folha Union> Vale transporte> Geração de movimento de Vale transporte Para que o sistema calcule o valor do vale transporte para o mês de referência é necessário

Leia mais

Cargos/Funções necessárias no desenvolvimento das atividades: GERENTE DE ATIVIDADE, ASSISTENTE TÉCNICO ESPECIALIZADO E ASSISTENTE OPERACIONAL

Cargos/Funções necessárias no desenvolvimento das atividades: GERENTE DE ATIVIDADE, ASSISTENTE TÉCNICO ESPECIALIZADO E ASSISTENTE OPERACIONAL Cargos/Funções necessárias no desenvolvimento das atividades: GERENTE DE ATIVIDADE, ASSISTENTE TÉCNICO ESPECIALIZADO E ASSISTENTE OPERACIONAL MACRO FUNÇÃO ATIVIDADE TAREFA Verificar Tabela de Bancos, Analisar

Leia mais

REGULAMENTO ACE ASSISTÊNCIA 24 HORAS VANS, MOTOS, CARROS, CAMINHÕES LIGUE PARA: 0800-601-4055

REGULAMENTO ACE ASSISTÊNCIA 24 HORAS VANS, MOTOS, CARROS, CAMINHÕES LIGUE PARA: 0800-601-4055 REGULAMENTO ACE ASSISTÊNCIA 24 HORAS VANS, MOTOS, CARROS, CAMINHÕES LIGUE PARA: 0800-601-4055 Somente quando estiver com documento do veículo em mãos, para fornecer ao atendente a placa e o chassi do veículo.

Leia mais

Poderá participar qualquer Tenista residente ou não residente na cidade de Paulínia-SP, que esteja de acordo com o regulamento do ranking Itapoan.

Poderá participar qualquer Tenista residente ou não residente na cidade de Paulínia-SP, que esteja de acordo com o regulamento do ranking Itapoan. REGULAMENTO DO RANKING TÊNIS ITAPOAN Versão 3.0 Sumário 1. ORGANIZAÇÃO E GESTÃO DO RANKING 2 2. PARTICIPAÇÃO NO RANKING 2 2.1. Nível Técnico dos Jogadores 2 3. RANKING 2 3.1. Ingresso ao Ranking 3 3.2.

Leia mais

BIBLIOTECA FACULDADE LA SALLE CAXIAS DO SUL: NORMAS DE UTILIZAÇÃO

BIBLIOTECA FACULDADE LA SALLE CAXIAS DO SUL: NORMAS DE UTILIZAÇÃO BIBLIOTECA FACULDADE LA SALLE CAXIAS DO SUL: NORMAS DE UTILIZAÇÃO CAXIAS DO SUL, 2015 SUMÁRIO 1 NORMAS DE UTILIZAÇÃO DA BIBLIOTECA... 3 1.1 Horários... 3 1.2 Contatos... 3 1.3 Catálogo online... 3 1.4

Leia mais

EDITAL 02/2015 EDITAL DE CONCESSÃO DO AUXÍLIO EVENTOS

EDITAL 02/2015 EDITAL DE CONCESSÃO DO AUXÍLIO EVENTOS EDITAL 02/2015 EDITAL DE CONCESSÃO DO AUXÍLIO EVENTOS A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), por meio da Pró-Reitoria de Sustentabilidade e Integração Social (PROSIS) torna público o presente EDITAL

Leia mais

DECRETO Nº. 1.370/2015 DE 05 DE JANEIRO DE 2015. O Prefeito Municipal de Querência - MT, no uso de suas

DECRETO Nº. 1.370/2015 DE 05 DE JANEIRO DE 2015. O Prefeito Municipal de Querência - MT, no uso de suas DECRETO Nº. 1.370/2015 DE 05 DE JANEIRO DE 2015. Dispõe acerca da Política de uso do ponto eletrônico e da jornada de trabalho dos servidores públicos do Poder Executivo município de Querência - MT. atribuições,

Leia mais

ÍNDICE. Futura Ponto (REP)...03. Configurações Iniciais...04. Cadastrar Horário...05. Configurar Hora Extra...07. Cadastrar Departamento...

ÍNDICE. Futura Ponto (REP)...03. Configurações Iniciais...04. Cadastrar Horário...05. Configurar Hora Extra...07. Cadastrar Departamento... Futura Ponto (REP) ÍNDICE Futura Ponto (REP)...03 Configurações Iniciais...04 Cadastrar Horário...05 Configurar Hora Extra...07 Cadastrar Departamento...10 Cadastrar Função...11 Cadastrar Funcionário...12

Leia mais

REGULAMENTO I. FINALIDADE

REGULAMENTO I. FINALIDADE REGULAMENTO I. FINALIDADE Art. 1º As Bibliotecas do Centro Universitário Assunção UNIFAI, dispõe de 2 unidades distribuídas no Ipiranga e na Vila Mariana. Para melhor atender a todos que delas usufruem,

Leia mais

-------------------------------------- I GERAL ----------------------------------------

-------------------------------------- I GERAL ---------------------------------------- REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DO CATAVENTO E FÁBRICAS DE CULTURA -------------------------------------- I GERAL ---------------------------------------- Artigo 1º - Este regulamento

Leia mais

As melhores soluções para sua empresa. Programação. Gentileza desligar seu celular e/ou rádio.

As melhores soluções para sua empresa. Programação. Gentileza desligar seu celular e/ou rádio. As melhores soluções para sua empresa. Programação Gentileza desligar seu celular e/ou rádio. As melhores soluções para sua empresa. Missão: Proporcionar às empresas brasileiras alta-performance na gestão

Leia mais

ATO NORMATIVO Nº 016/2012

ATO NORMATIVO Nº 016/2012 ATO NORMATIVO Nº 016/2012 Dispõe sobre o horário de expediente e a jornada de trabalho dos servidores, no âmbito do Ministério Público do Estado da Bahia, e dá outras providências. O PROCURADOR-GERAL DE

Leia mais

Férias Individuais e Coletivas; Período Aquisitivo e Concessivo; Remuneração; Abono; Efeitos na Rescisão Contratual

Férias Individuais e Coletivas; Período Aquisitivo e Concessivo; Remuneração; Abono; Efeitos na Rescisão Contratual Lição 6. Férias Férias Individuais e Coletivas; Período Aquisitivo e Concessivo; Remuneração; Abono; Efeitos na Rescisão Contratual 6.1. FÉRIAS INDIVIDUAIS: arts. 129 a 138 da CLT. As férias correspondem

Leia mais

CAPÍTULO I - VIGÊNCIA E ABRANGÊNCIA CAPÍTULO II - REMUNERAÇÃO E PAGAMENTO

CAPÍTULO I - VIGÊNCIA E ABRANGÊNCIA CAPÍTULO II - REMUNERAÇÃO E PAGAMENTO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, QUE ENTRE SI FAZEM, DE UM LADO O SINDICATO DOS CONDUTORES DE VEÍCULOS RODOVIÁRIOS E TRABALHADORES EM TRANSPORTES DE CARGAS EM GERAL E PASSAGEIROS NO MUNICÍPIO DO RIO DE

Leia mais

NOVIDADES TRANSPORTE COLETIVO

NOVIDADES TRANSPORTE COLETIVO NOVIDADES TRANSPORTE COLETIVO Segunda Passagem Integrada Grátis 1) Quando será lançada a segunda passagem gratuita? Será lançada no dia 1 de julho. 2) Como funcionará a segunda passagem gratuita? O passageiro

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE COMPENSAÇÃO DE HORÁRIO ATRAVÉS DE BANCO DE HORAS

ACORDO COLETIVO DE COMPENSAÇÃO DE HORÁRIO ATRAVÉS DE BANCO DE HORAS ACORDO COLETIVO DE COMPENSAÇÃO DE HORÁRIO ATRAVÉS DE BANCO DE HORAS Pelo presente termo de Acordo Coletivo de Trabalho, e de acordo com a convenção Coletiva de Trabalho conforme cláusulas específicas celebraram

Leia mais

Cartilha de Empréstimo 1

Cartilha de Empréstimo 1 Cartilha de Empréstimo 1 Empréstimo Economus: Como é? Quem tem direito? Que tipo de empréstimos o Economus oferece? O Economus oferece apenas a modalidade de empréstimo pessoal. Quem poderá solicitar empréstimos?

Leia mais

DEPARTAMENTO PESSOAL

DEPARTAMENTO PESSOAL DEPARTAMENTO PESSOAL DÚVIDAS MAIS FREQUENTES 1 1. Documentos necessários para admissão Para o processo de admissão, o novo funcionário deverá apresentar a relação de documentos abaixo: *Carteira de Trabalho

Leia mais

Cartilha Ponto Biométrico

Cartilha Ponto Biométrico Cartilha Ponto Biométrico Secretaria Municipal de Administração, Orçamento e Informação 2 CONTROLE E APURAÇÃO DA FREQUÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DA ADMINISTRAÇÃO DIRETA DO MUNICÍPIO DE DIVINÓPOLIS Prezado

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000096/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 18/01/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR064426/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.042751/2011-40 DATA DO

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC002285/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 10/10/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR055933/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46301.001820/2011-96 DATA DO

Leia mais

Introdução. www.parkmaster.com.br

Introdução. www.parkmaster.com.br Convênios Introdução Foi desenvolvido para conceder descontos, em cima da estadia de um veículo no estacionamento o mesmo pode ser concedido na entrada ou na saída do veículo. Veremos a seguir os convênios

Leia mais

INSTRUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 01/2006, ATUALIZADA EM 7 DE FEVEREIRO 2012

INSTRUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 01/2006, ATUALIZADA EM 7 DE FEVEREIRO 2012 INSTRUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 01/2006, ATUALIZADA EM 7 DE FEVEREIRO 2012 REGRAS E CRITÉRIOS PARA O FUNCIONAMENTO DAS OPERAÇÕES DE CONTAS A PAGAR ATRAVÉS DA FADEX TERESINA PI, FEVEREIRO DE 2012 INSTRUÇÃO

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA REGISTRO DO PONTO DOS PROFESSORES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA REGISTRO DO PONTO DOS PROFESSORES REGISTRO AUTOMATIZADO DAS OCORRÊNCIAS DO PONTO DOS PROFESSORES DA GRADUAÇÃO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA REGISTRO DO PONTO DOS PROFESSORES a- Descrição: O Núcleo Acadêmico e a área

Leia mais

Manual para DIRF. Manual de Procedimentos - WFOLHA

Manual para DIRF. Manual de Procedimentos - WFOLHA Para gerar o arquivo da DIRF, existem algumas informações importantes a serem revisadas antes de qualquer processo. Desta forma dividimos o manual em sequencias as quais estão explicadas a diante: Prazo:

Leia mais

FAQ - PERGUNTAS E RESPOSTAS

FAQ - PERGUNTAS E RESPOSTAS FAQ - PERGUNTAS E RESPOSTAS ESCRITA FISCAL A nota eletrônica é melhor do que a nota em papel? Sim a nota eletrônica não possui custo para emissão, necessitando apenas de um computador, um certificado digital

Leia mais

Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas I Profa Cristiane Koehler Aula: Estudo de Caso Escritório de Advocacia 2011/2

Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas I Profa Cristiane Koehler Aula: Estudo de Caso Escritório de Advocacia 2011/2 Imagine que você terá que informatizar um Escritório de Advocacia onde trabalham dois advogados que são sócios e mais dezoito advogados que são colaboradores. Considere o seguinte depoimento dos advogados.

Leia mais

SUPER CLIENTE SHOPPING DA BAHIA REGULAMENTO

SUPER CLIENTE SHOPPING DA BAHIA REGULAMENTO SUPER CLIENTE SHOPPING DA BAHIA REGULAMENTO 1. Cadastramento no Programa 1.1 O Super Cliente Shopping da Bahia é um programa que objetiva oferecer benefícios e vantagens aos seus participantes, clientes

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA ITAUCARD BUSINESS REWARDS

REGULAMENTO DO PROGRAMA ITAUCARD BUSINESS REWARDS REGULAMENTO DO PROGRAMA ITAUCARD BUSINESS REWARDS 1. DISPOSIÇÕES GERAIS a) Este Regulamento faz parte integrante do Contrato de Cartão de Crédito ( Contrato ) e regula as condições aplicáveis ao Programa

Leia mais

Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS

Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS Informações Iniciais (Portaria Nº 7, de 3 Janeiro de 2012) o O prazo para a entrega da declaração da RAIS inicia-se no dia 17 de janeiro de 2012

Leia mais

POLÍTICA INSTITUCIONAL DE VIAGENS

POLÍTICA INSTITUCIONAL DE VIAGENS POLÍTICA INSTITUCIONAL DE VIAGENS 1 INTRODUÇÃO A ANEC Associação Nacional de Educação Católica do Brasil, através de sua estrutura organizacional e de seus colaboradores, tem avançado muito no cumprimento

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP008079/2009 DATA DE REGISTRO NO MTE: 22/09/2009 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR044195/2009 NÚMERO DO PROCESSO: 46261.004278/2009-22 DATA

Leia mais

MANUAL SOLICITAÇÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE DIÁRIAS CERES

MANUAL SOLICITAÇÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE DIÁRIAS CERES MANUAL SOLICITAÇÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE DIÁRIAS CERES O servidor (efetivo, admitido em caráter temporário, convocado, cedido) que se deslocar temporariamente do município de Laguna a serviço ou para

Leia mais