[WDF] Workflow Desligamento de Funcionário

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "[WDF] Workflow Desligamento de Funcionário"

Transcrição

1 [WDF] Workflow Desligamento de Funcionário Página 1 de 21

2 Sumário 1. PROCESSO Informações do Processo Nome Título Descrição Categoria Tipo do Processo Processo Público Formulário GESTOR FLUXOGRAMA: DESLIGAMENTO DE FUNCIONÁRIO RAIAS/PAPÉIS Raia: Superior do Solicitante Aprovar Solicitação de Desligamento Solicitação Reprovada Raia: Solicitante Solicitar Desligamento Revisar Solicitação Retirar Carta Demissão Assinada no RH Raia: Recursos Humanos Análise e Simulação RH Página 2 de 21

3 4.3.2 Receber Pertences Colaborador Demitido Realizar Cálculo Rescisão Realizar Entrevista de Desligamento Homologar Rescisão no Sindicato Arquivar Processo Raia: Contas a Pagar Análise Contas a Pagar Receber Valores Reais Rescisão Raia: Tecnologia da Informação Remover Acessos Página 3 de 21

4 1. PROCESSO 1.1 Informações do Processo Nome: [WDF] Workflow Desligamento de Funcionário Título: [WDF] Workflow Desligamento de Funcionário Descrição: Este processo apresenta o detalhamento de todas as regras de negócio e itens complementares que compõem o Workflow Desligamento de Funcionário Categoria: Administrativo - Financeiro Tipo do Processo: Usuário Processo Público: Configurável Formulário: [WDF] Principal Desligamento de Funcionário 2. GESTOR Gestor é definido pelas suas funções no interior da organização, é a quem compete a execução das tarefas confiadas à gestão. No sistema Fusion, é possível definir um único gestor ou um grupo/papel de usuários. Além disso, o Gestor do Processo tem o poder de executar as atividades pelo usuário, procedimento vantajoso na substituição de um colaborador quando o mesmo estiver de férias ou para que a solicitação não fique estática por um longo período, o que evita a ocorrência de gargalos. Página 4 de 21

5 3. FLUXOGRAMA: DESLIGAMENTO DE FUNCIONÁRIO Página 5 de 21

6 4. RAIAS/PAPÉIS Nas raias de usuários são elencados todos os atores que compõem determinadas atividades de processo, são executadas por estes usuários (atores) as atividades de usuários que estão contidas nestas raias. 4.1 Raia: Superior do Solicitante Superior do Solicitante é o papel de usuários que está hierarquicamente um nível acima do Solicitante o qual tem permissão para iniciar a Solicitação. Atividades executadas pelos usuários cadastrados na Raia Superior do Solicitante: Aprovar Solicitação de Desligamento: Após ser realizada a atividade Solicitar Desligamento, a próxima tarefa será aprovar a solicitação de desligamento pelo superior do solicitante Tipo de Atividade: Usuário Campos da Atividade Campo obrigatório para informar se o superior do solicitante aprova a solicitação Superior ou não. Ao selecionar Não, a Booleano Aprova? próxima atividade será Solicitação Reprovada e então o processo se encerrará. Campo não obrigatório para Observações inserir observações ou Texto Superior comentários. Página 6 de 21

7 4.1.2 Solicitação Reprovada: Esta atividade é executada quando o RH reprova a solicitação. Ao avançar em Solicitação Reprovada, o processo será encerrado Tipo de Atividade: Usuário 4.2 Raia: Solicitante Solicitante é o papel de usuários que tem permissão para iniciar a Solicitação, para tanto é necessário estar devidamente cadastrado no sistema Fusion. Atividade executada pelos usuários cadastrados na Raia Solicitante: Solicitar Desligamento: A atividade Solicitar Desligamento é a primeira atividade a ser realizada pelo Solicitante, é nesta atividade que o usuário informará os dados necessários relacionados ao desligamento Tipo de Atividade: Usuário Página 7 de 21

8 Campos da Atividade Campo preenchido Data da Solicitação automaticamente para informar Data a data da solicitação. Campo preenchido Solicitante automaticamente para informar Usuário quem é o solicitante. Campo obrigatório para informar Nome o nome do colaborador que será Nome desligado. Cadastro Campo obrigatório para informar o cadastro do colaborador. Número Inteiro Campo não obrigatório para Número Tempo de Empresa informar o tempo que o Inteiro/Tempo colaborador permaneceu na (dia, mês, ano, empresa. etc.) Campo obrigatório para informar E-Form: [WDF] Setor o setor que o colaborador Cadastro de trabalhava. Setores Cargo E-Form: [WDF] Campo obrigatório para informar Cadastro de o cargo do colaborador. Cargos Campo obrigatório para informar E-Form: [WDF] Turno o turno que o colaborador Cadastro de trabalhava. Turnos Campo obrigatório para informar E-Form: [UTIL] Unidade a unidade que o colaborador Cadastro de trabalhava. Unidades Campo obrigatório para informar Gestor/Coordenador o gestor/coordenador do E-Form: Usuário colaborador. Data de Admissão Campo obrigatório para informar Data Página 8 de 21

9 Data de Desligamento Data de Nascimento Iniciativa da Demissão Motivo Qual? Citar Recomenda para Readmissão? a data de admissão do colaborador. Campo obrigatório para informar a data de desligamento do colaborador. Campo obrigatório para informar a data de nascimento do colaborador. Campo obrigatório para informar de quem partiu a iniciativa da demissão, se foi do colaborador ou da empresa. Campo obrigatório para informar o motivo da demissão, por exemplo: Aposentadoria, Casamento, Negócio Próprio, etc. Ao selecionar Melhor Oferta de Trabalho, em Motivo, será necessário informar qual, por exemplo: Distância de Casa, Melhores Condições de Ambiente, Promoção Profissional, Salarial. Ao selecionar Outro, Problemas com a Chefia ou Problemas Familiares/Pessoais/Saúde, em Motivo, será necessário citar o motivo. Campo obrigatório para informar se a empresa recomenda o colaborador para readmissão. Página 9 de 21 Data Data E-Form: [WDF] Iniciativa da Demissão E-Form: [WDF] Motivo Demissão E-Form: [WDF] Melhor Oferta de Trabalho Texto Booleano

10 Justificar Possui Cartão Corporativo? Campo obrigatório para justificar a demissão do colaborador. Campo obrigatório para informar se o colaborador possui cartão corporativo ou não. Texto Booleano Revisar Solicitação: Ao selecionar Não, em Solicitar Desligamento, será possível revisar a solicitação Tipo de Atividade: Usuário Página 10 de 21

11 Campos da Atividade Reenviar para Aprovação Observações de Reenvio Campo obrigatório para informar se após a revisão a solicitação será reenviada para aprovação ou não. Ao selecionar Sim, a atividade retornará para Aprovar Solicitação de Desligamento. Campo não obrigatório para inserir observações e comentários. Booleano Texto Retirar Carta Demissão Assinada no RH: Atividade para informar se o colaborador retirou a carta de demissão assinada pelo RH Tipo de Atividade: Usuário Campos da Atividade Carta Demissão Retirada no RH? Campo obrigatório para informar se a carta de Página 11 de 21 Booleano

12 demissão foi retirada no RH ou não. Ao selecionar Sim, as próximas atividades serão Remover Acessos e Receber Pertences Colaborador. 4.3 Raia: Recursos Humanos Dentro de uma empresa, RH é o departamento que tem a responsabilidade de seleção, contratação, treinamento, remuneração, formação sobre higiene e segurança no trabalho, e estabelecimento de toda a comunicação relativa aos funcionários da organização, além de lidar diretamente com a demissão de colaboradores. Atividades executadas pelos usuários cadastrados na Raia Recursos Humanos: Análise e Simulação RH: Após o Superior do Solicitante ter aprovado a Solicitação, o RH analisará e simulará o Página 12 de 21

13 desligamento. Será necessário assumir a tarefa no POOL: Recursos Humanos Tipo de Atividade: Usuário Campos da Atividade Campo obrigatório pra informar se o RH aprova ou não o desligamento solicitado. Ao selecionar Não, a RH Aprova solicitação será reprovada Desligamento? finalizando o processo. Ao Booleano selecionar Sim, a próxima atividade será Retirar Carta Assinada no RH. Observações RH Campo não obrigatório para inserir observações e Texto comentários. E-Form: [WDF] Campo não obrigatório para DOC 0002 Formulário inserir o formulário de Demissão Demissão demissão. Informações de Acesso TI Arquivos RH Campo não obrigatório para E-Form: [UTIL] inserir arquivos de RH. Lista de Anexos Página 13 de 21

14 4.3.2 Receber Pertences Colaborador Demitido: Atividade para informar se a empresa recebeu de volta os pertences do colaborador demitido, como exemplo: EPI s Tipo de Atividade: Usuário Campos da Atividade Campo obrigatório para Pertences informar se os pertences do Booleano Recebidos? colaborador demitido foram recebidos ou não. Página 14 de 21

15 4.3.3 Realizar Cálculo Rescisão: Atividade em que o RH realizará o cálculo rescisório do colaborador demitido Tipo de Atividade: Usuário Campos da Atividade Campo obrigatório para E-Form: [UTIL] Arquivos RH inserir arquivos de RH. Lista de Anexos Página 15 de 21

16 4.3.4 Realizar Entrevista de Desligamento: Entrevista de desligamento é um instrumento de RH que visa levantar informações significativas sobre o clima organizacional da empresa, sobre a estrutura e o funcionamento da área do trabalhador que pede o desligamento Tipo de Atividade: Usuário Campos da Atividade Título Campo não obrigatório para informar o título da Texto entrevista de desligamento. Código Campo não obrigatório para informar o código da Número Inteiro entrevista de desligamento. Arquivo Campo não obrigatório para inserir um arquivo. Arquivo Página 16 de 21

17 4.3.5 Homologar Rescisão no Sindicato: Atividade para informar se a rescisão será homologada no sindicato Tipo de Atividade: Usuário Campos da Atividade Campo obrigatório para Rescisão informar se a rescisão foi Booleano Homologada? homologada ou não. Página 17 de 21

18 4.3.6 Arquivar Processo: Atividade para informar se o processo será arquivado para posterior consulta Tipo de Atividade: Usuário Campos da Atividade Campo obrigatório para informar se o processo foi Processo arquivado ou não. Ao Booleano Arquivado? selecionar Sim, o processo se encerrará. 4.4 Raia: Contas a Pagar Contas a pagar significa o dinheiro que a empresa deve a alguém, por exemplo, a prestação de contas que se deve fazer quando um colaborador é demitido ou pede demissão. Atividades executadas pelos usuários cadastrados na Raia Contas a Pagar: Página 18 de 21

19 4.4.1 Análise Contas a Pagar: Atividade em que as contas a pagar para o colaborador são analisadas Tipo de Atividade: Usuário Campos da Atividade Campo não obrigatório Arquivos Contas E-Form: [UTIL] para inserir arquivos de a Pagar Lista de Anexos contas a pagar. Campo não obrigatório Observações para inserir observações e Texto Contas a Pagar comentários Receber Valores Reais Rescisão: Atividade para definir os valores reais da rescisão que o colaborador receberá Tipo de Atividade: Usuário Campos da Atividade Campo obrigatório para Arquivos Contas E-Form: [UTIL] inserir arquivos de contas a Pagar Lista de Anexos a pagar. Página 19 de 21

20 4.5 Raia: Tecnologia da Informação Tecnologia da Informação (TI) é a área de conhecimento responsável por criar, administrar e manter a gestão da informação por meio de dispositivos e equipamentos para acesso, operação e armazenamento dos dados, de forma a gerar informações para tomada de decisões. Atividades executadas pelos usuários cadastrados na Raia Tecnologia da Informação: Remover Acessos: Após a solicitação de desligamento ser confirmada, é necessário que a equipe de TI remova os acessos do colaborador do sistema da empresa Tipo de Atividade: Usuário Campos da Atividade Campo obrigatório para Acessos informar se os acessos Removidos? foram removidos ou não. Booleano Observações TI Campo não obrigatório para inserir observações ou comentários. Texto Página 20 de 21

21 Página 21 de 21

[WST] Workflow Solicitação de Treinamento de TI

[WST] Workflow Solicitação de Treinamento de TI [WST] Workflow Solicitação de Treinamento de TI Página 1 de 11 Sumário 1. PROCESSO... 3 1.1 Informações do Processo... 3 1.1.1. Nome... 3 1.12. Título... 3 1.1.3. Descrição... 3 1.1.4. Categoria... 3 1.1.5.

Leia mais

[WAR] Solicitação de Acesso Remoto

[WAR] Solicitação de Acesso Remoto [WAR] Solicitação de Acesso Remoto Página 1 de 8 Sumário 1. PROCESSO... 3 1.1 Informações do Processo... 3 1.1.1. Nome... 3 1.12. Título... 3 1.1.3. Descrição... 3 1.1.4. Categoria... 3 1.1.5. Tipo do

Leia mais

GESTÃO DE PESSOAS. Manual de Regulamentos Internos e Procedimentos Operacionais Padrão

GESTÃO DE PESSOAS. Manual de Regulamentos Internos e Procedimentos Operacionais Padrão Página: 1 de XX 1 MISSÃO Trabalhar pelo desenvolvimento das pessoas, mediando as relações entre todos os níveis hierárquicos e integrando os colaboradores a fim do cumprimento das políticas internas da

Leia mais

1- Objetivo: Informar aos usuários como realizar a inclusão da ocorrência de devolução via workflow.

1- Objetivo: Informar aos usuários como realizar a inclusão da ocorrência de devolução via workflow. 1- Objetivo: Informar aos usuários como realizar a inclusão da ocorrência de devolução via workflow. 2- Abrangência: Depto. Comercial, fiscal, cobrança e contas a receber 3- Fluxo 1 Tela login Mesmo usuário

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO BASEADO NA NORMA ABNT 21:204.01-010 A Política de segurança da informação, na FK EQUIPAMENTOS, aplica-se a todos os funcionários, prestadores de serviços, sistemas e

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PROCEDIMENTO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PROCEDIMENTO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO Recursos. INTRODUÇÃO O Procedimento de Rescisão de Contrato de Trabalho tem por objetivo estabelecer os critérios para o processo de desligamento de empregados e estagiários nas modalidades de: pedido

Leia mais

Gerenciamento Incidentes, Problemas e de Nível de Serviço. Treinamento OTRS ITSM

Gerenciamento Incidentes, Problemas e de Nível de Serviço. Treinamento OTRS ITSM Gerenciamento Incidentes, Problemas e de Nível de Serviço Treinamento OTRS ITSM Sumário Gerenciamento de Incidentes e Problemas...3 Cadastro de Serviços...4 Tipo de Serviço...4 Criticidade (Criticalidade)...4

Leia mais

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO. Registrar o procedimento de inclusão, alteração, exclusão do plano de saúde, a todos os colaboradores.

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO. Registrar o procedimento de inclusão, alteração, exclusão do plano de saúde, a todos os colaboradores. 05/01/2015 1 SUMÁRIO 1. Objetivo 1.1 Abrangência 2. Definições, terminologia e siglas 3. Procedimento Operacional Padrão Plano de Saúde 4. Fluxograma 5. Competências 6. Referências 1. OBJETIVO Registrar

Leia mais

A Gestão por Processos e a Automação na Administração de Pessoal. Paulo Beck Agens TI paulo.beck@agens.com.br www.agens.com.br

A Gestão por Processos e a Automação na Administração de Pessoal. Paulo Beck Agens TI paulo.beck@agens.com.br www.agens.com.br A Gestão por Processos e a Automação na Administração de Pessoal Paulo Beck Agens TI paulo.beck@agens.com.br www.agens.com.br Os Principais Elementos na Realização das Atividades nos Escritórios Pessoas

Leia mais

Circular Interna. Transferência Ato de movimentar colaboradores entre as áreas do Instituto.

Circular Interna. Transferência Ato de movimentar colaboradores entre as áreas do Instituto. Circular Interna Emissor: Nº doc: Diretoria Administrativa Corporativa 101-2015 Data: 31/10/2014 Destinatário: Todas as unidades/contratos Assunto: Política de Recrutamento e Seleção OBJETIVO: Estabelecer

Leia mais

Manual de instruções para o desenvolvimento do Caderno de Evidências Book

Manual de instruções para o desenvolvimento do Caderno de Evidências Book Manual de instruções para o desenvolvimento do Caderno de Evidências Book O Caderno de Evidências (Book) acompanhará o questionário da empresa na pesquisa. É importante lembrar que o envio desse material,

Leia mais

Integração Backoffice HCM x ECM

Integração Backoffice HCM x ECM Integração Backoffice HCM x ECM Fevereiro/2015 Sumário 1. Integração HCM x ECM... 3 2. Pré-Requisitos da Integração dos Produtos... 4 3. Parametrização da Integração no Produto, Origem... 7 4. Parametrização

Leia mais

Oportunidade de Desenvolvimento e Crescimento Profissional: ASSISTENTE DE TI

Oportunidade de Desenvolvimento e Crescimento Profissional: ASSISTENTE DE TI ASSISTENTE DE TI Código: 0190 Atribuições da Função : Prestar serviços de suporte técnico aos usuários de TI. Realizar apoio técnico em projetos de Desenvolvimento / Manutenção de Sistemas, permitindo

Leia mais

Administração de Pessoas

Administração de Pessoas Administração de Pessoas MÓDULO 16: RESULTADOS RELATIVOS À GESTÃO DE PESSOAS 16.1 Área de RH e sua contribuição O processo de monitoração é o que visa saber como os indivíduos executam as atribuições que

Leia mais

Controle e uso de EPI s e Uniformes NIK 026

Controle e uso de EPI s e Uniformes NIK 026 ÍNDICE 1. OBJETIVO... 2 2. ESCOPO... 2 3. DEFINIÇÕES... 2 3.1. EPI S... 2 3.2 UNIFORMES... 2 3.3 FICHA DE CONTROLE DE EPI S E UNIFORMES... 2 3.4 GESTORES... 2 3.5 ASSOCIADOS... 2 4. RESPONSABILIDADES...

Leia mais

SISTEMAS INTEGRADOS PARA GESTAO DE PESSOAS E DE PROCESSOS. Empresa XPTO 1

SISTEMAS INTEGRADOS PARA GESTAO DE PESSOAS E DE PROCESSOS. Empresa XPTO 1 Empresa XPTO 1 Desenvolvimento de Sistema Integrado de Informação para a área de Recrutamento e Seleção - Recursos Humanos Empresa XPTO Alunos: -------- -------- -------- -------- -------- Descrição da

Leia mais

Processo de Incentivo à Indicação de Novo Colaborador. Descritivo do Processo. Versão 2.0

Processo de Incentivo à Indicação de Novo Colaborador. Descritivo do Processo. Versão 2.0 Processo de Incentivo à Indicação de Novo Colaborador Descritivo do Processo Versão 2.0 1 INDICE 1. APRESENTAÇÃO... 3 1.1. Objetivos... 3 1.1.1. Objetivos da definição do Processo de Incentivo à Indicação

Leia mais

Malote Digital. Manual do usuário

Malote Digital. Manual do usuário Malote Digital Manual do usuário Brasília, Novembro de 2014 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 03/10/2011 1.4.1 Elaboração do Documento Rodrigo Antunes 01/07/2013 1.8.0.0 Atualização do Documento

Leia mais

DIGITALIZAÇÃO DE OBRAS RARAS DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIOS. Versão 1.2 Histórico de Revisão

DIGITALIZAÇÃO DE OBRAS RARAS DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIOS. Versão 1.2 Histórico de Revisão DIGITALIZAÇÃO DE OBRAS RARAS DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIOS Versão 1.2 Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 12/05/2011 1.0 Criação do Documento Ronan Alves 13/05/2011 1.1 Criação do Documento

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho GESTÃO DE PESSOAS IT. 45 07 1 / 6 1. OBJETIVO Estabelecer diretrizes para solicitações referentes aos subsistemas de no que se refere aos processos de: Agregar pessoas recrutamento e seleção; Integrar

Leia mais

Sistema RH1000. Gestão de Pessoas por Competências. Foco em Resultados. Ohl Braga Desenvolvimento Empresarial desde 1987. Atualizado em 01Set2015 1

Sistema RH1000. Gestão de Pessoas por Competências. Foco em Resultados. Ohl Braga Desenvolvimento Empresarial desde 1987. Atualizado em 01Set2015 1 Sistema RH1000 Gestão de Pessoas por Competências Foco em Resultados Ohl Braga Desenvolvimento Empresarial desde 1987 Atualizado em 01Set2015 1 Implantação do RH de Resultados (RHR ) Solução Completa Metodologia

Leia mais

Sistema Gestão de Gente

Sistema Gestão de Gente Sistema Gestão de Gente Uma organização moderna requer ferramentas de gestão modernas, que incorpore as melhores práticas de mercado em gestão de recursos humanos, que seja fácil de usar e que permita

Leia mais

Orquestra BPM. Template Recrutamento e Seleção. Manual de Instalação

Orquestra BPM. Template Recrutamento e Seleção. Manual de Instalação Orquestra BPM Template Recrutamento e Seleção Manual de Instalação P á g i n a 2 Introdução Template pode ser definido como um modelo, molde ou padrão, por exemplo, de documentos, sites e blogs. Com relação

Leia mais

GESTÃO DE PROCESSOS ADMINISTRATIVOS PROCESSO: ABERTURA E CHAMADO

GESTÃO DE PROCESSOS ADMINISTRATIVOS PROCESSO: ABERTURA E CHAMADO ANUAL NLINE GESTÃO DE PROCESSOS ADMINISTRATIVOS PROCESSO: ABERTURA E RH-GPA Gestão de Processos Administrativos Book de Processos Sumário Sumário 3 Mensagem Inicial 4 Participaram da elaboração do material

Leia mais

Santa Casa de Marília

Santa Casa de Marília COMO COMPROMETER AS EQUIPES NOS OBJETIVOS DE QUALIDADE E SUSTENTABILIDADE Santa Casa de Marília Kátia Ferraz Santana (por Márcio Mielo) Fundação 29 de abril de 1929 19.000 m2 de área construída 214 leitos

Leia mais

BENEFÍCIOS FLEXÍVEIS. HuggardCaine Consultoria e Gestão em RH

BENEFÍCIOS FLEXÍVEIS. HuggardCaine Consultoria e Gestão em RH BENEFÍCIOS FLEXÍVEIS HuggardCaine Consultoria e Gestão em RH O QUE SÃO BENEFÍCIOS FLEXÍVEIS? Escolha da empresa Nenhuma escolha Escolha do funcionário Regras da empresa Regras Livres Upgrades Bene,cios

Leia mais

SUMÁRIO 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA DA POLÍTICA... 2 3. CRITÉRIOS DE CONCESSÃO... 2 4. INVESTIMENTO... 2

SUMÁRIO 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA DA POLÍTICA... 2 3. CRITÉRIOS DE CONCESSÃO... 2 4. INVESTIMENTO... 2 PL RH 001 SUMÁRIO 1 de 7 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA DA POLÍTICA... 2 3. CRITÉRIOS DE CONCESSÃO... 2 4. INVESTIMENTO... 2 5. ACORDO DE FIDELIDADE PARA SUBSÍDIO DE PÓS-GRADUAÇÃO... 3 6. PROCEDIMENTOS

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS

SISTEMA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS SISTEMA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS V PORTAL WEB Revisão: 07 Versão: 7.9.109 JM Soft Informática Março, 2015 SUMÁRIO 1 AVALIAÇÕES... 9 2 PLANO DE DESENVOLVIMENTO INDIVIDUAL...

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Campus de Francisco Beltrão Estágio Supervisionado em Administração

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Campus de Francisco Beltrão Estágio Supervisionado em Administração UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Campus de Francisco Beltrão Estágio Supervisionado em Administração Formulário de Roteiro do Diagnóstico Organizacional Seqüência das partes

Leia mais

DIAGRAMA DE CASO DE USO

DIAGRAMA DE CASO DE USO Simulador de uma casa bancária: que faz empréstimo para aposentados, pensionistas e funcionários públicos. Onde deve-se calcular a margem de consignação, o valor das parcelas de cada empréstimo e o valor

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO Grupo PETRA S.A. Departamento de Tecnologia da Informação POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO Início da Vigência: 01/Maio/2010 Propriedade do Grupo PETRA S.A. 1. INTRODUÇÃO Este documento foi elaborado

Leia mais

Especificação do Caso de Uso. Manter Cliente. Versão 1.0

Especificação do Caso de Uso. Manter Cliente. Versão 1.0 Especificação do Caso de Uso Manter Cliente Versão 1.0 Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 27/05/2011 1.0 Elaboração do documento Isaque J. Barbosa Índice 1. Manter Cliente 3 1.1 Breve Descrição...

Leia mais

TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº

TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº ÍNDICE DO MANUAL DE ROTINAS TRABALHISTAS TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº INTRODUÇÃO 6 SIGLAS UTILIZADAS 7 ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL E GERÊNCIA DE REC HUMANOS 8 ABANDONO DE EMPREGO 19 ACIDENTE NO

Leia mais

Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria

Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria 1ª Versão 1 Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria PROCESSO DE DEMISSÃO 1ª Versão 2 ÍNDICE 1 - INTRODUÇÃO 2 - VISÃO SISTÊMICA

Leia mais

Treinamento do Sistema RH1000 = Entrevista de Desligamento =

Treinamento do Sistema RH1000 = Entrevista de Desligamento = Treinamento do Sistema RH1000 = Entrevista de Desligamento = Ohl Braga Desenvolvimento Empresarial 1 Entrevista de Desligamento Conceito As Entrevistas de Desligamento são um importante instrumento de

Leia mais

Guia de Especificação de Caso de Uso Metodologia CELEPAR

Guia de Especificação de Caso de Uso Metodologia CELEPAR Guia de Especificação de Caso de Uso Metodologia CELEPAR Agosto 2009 Sumário de Informações do Documento Documento: guiaespecificacaocasouso.odt Número de páginas: 10 Versão Data Mudanças Autor 1.0 09/10/2007

Leia mais

OS 10 INDICADORES DE RH

OS 10 INDICADORES DE RH OS 10 INDICADORES DE RH Oportunidades para aumentar as margens da Concessionária Francisco Nunes Administrador de Empresas; Especialista em Recursos Humanos; Especialista em Gestão da Qualidade; MBA em

Leia mais

IF-718 Análise e Projeto de Sistemas

IF-718 Análise e Projeto de Sistemas Centro de Informática - Universidade Federal de Pernambuco Especificação de Requisitos do Software Sistema de Gerenciamento de Restaurantes IF-718 Análise e Projeto de Sistemas Equipe: Jacinto Filipe -

Leia mais

MANUAL DE USO SERASAJUD

MANUAL DE USO SERASAJUD MANUAL DE USO SERASAJUD JULHO DE 2015 Controle de Revisão Data da Revisão Versão Documento Versão DF-e Manager Executor Assunto Revisado 08/10/2013 1.0 Rodrigo Vieira Ambar/Gigiane Martins Criação 18/03/2104

Leia mais

Data Revisão Página Código. Referência TÍTULO MANUAL DA QUALIDADE EMISSÃO. Márcio Oliveira. Cargo. Gestor do SGQ APROVAÇÃO. Egidio Fontana.

Data Revisão Página Código. Referência TÍTULO MANUAL DA QUALIDADE EMISSÃO. Márcio Oliveira. Cargo. Gestor do SGQ APROVAÇÃO. Egidio Fontana. Data Revisão Página Código 11/04/2014 03 1 / 22 MQ-01 Referência MANUAL DA QUALIDADE TÍTULO MANUAL DA QUALIDADE Escrital Contabilidade Rua Capitão Otávio Machado, 405 São Paulo/SP Tel: (11) 5186-5961 Site:

Leia mais

Manual do Usuário Sistema ERP - Albatroz

Manual do Usuário Sistema ERP - Albatroz Manual do Usuário Sistema ERP - Albatroz Módulo Caixa Super Revisão: 2011.01 Data: 01/01/2011 SISTEMA ERP - ALBATROZ Manual do Usuário Sumário 1 MÓDULO CAIXA SUPER...3 1.1 Acesso ao módulo...3 1.2 Tela

Leia mais

Sistema Normativo Corporativo

Sistema Normativo Corporativo Sistema Normativo Corporativo PROCEDIMENTO VERSÃO Nº ATA Nº DATA DATA DA VIGÊNCIA 07 01/12/2011 01/12/2011 APROVADO POR Marcio Adriano Franco SUMÁRIO 1. RESUMO... 3 2. HISTÓRICO DAS REVISÕES... 3 3. OBJETIVO...

Leia mais

Treinamento do Sistema RH1000

Treinamento do Sistema RH1000 Treinamento do Sistema RH1000 = Conceitos de Gestão por Competências = Ohl Braga Desenvolvimento Empresarial Atualizado em 21Ago2015 1 Tópicos abordados Principais processos 4 Vantagens 5 Avaliação de

Leia mais

ATA DA ANÁLISE CRÍTICA PELA DIREÇÃO SA-8000 REUNIÃO Nº 001/12

ATA DA ANÁLISE CRÍTICA PELA DIREÇÃO SA-8000 REUNIÃO Nº 001/12 Pág. 1 / 6 PARTICIPANTES: Marcos Renato Fernandes. Representante da Direção. Ivens Arantes Pantaleão Diretor Divisão Rodas Wellington Lino Diretor Divisão Cilindros Clayton Aparecido Martimiano Representante

Leia mais

GUIA ORIENTAÇÕES AOS CARTÓRIOS SOBRE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA GERID: MÓDULOS GID E GPA

GUIA ORIENTAÇÕES AOS CARTÓRIOS SOBRE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA GERID: MÓDULOS GID E GPA GUIA ORIENTAÇÕES AOS CARTÓRIOS SOBRE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA GERID: MÓDULOS GID E GPA 28/07/2015 COORDENAÇÃO-GERAL DE ADMINISTRAÇÃO DE INFORMAÇÕES DE SEGURADOS - CGAIS Divisão de Integração de Cadastros

Leia mais

Universidade Federal de Roraima Diretoria de Tecnologia da Informação SIG Software e Consultoria em T.I

Universidade Federal de Roraima Diretoria de Tecnologia da Informação SIG Software e Consultoria em T.I SIGRH - FÉRIAS Manual de Solicitação de Férias Portal do Servidor Perfil Chefe de Unidade 1 Perfis Envolvidos Gestor Férias: Gestor Férias e Administrador de Gestão Pessoal. Funcionários específicos da

Leia mais

Estalo Desenvolvimento e Tecnologia Rua Ismael Carlos Correia, 107 CEP 89221-520 - Joinville - SC estalo@estalo.com.br Fone/Fax: (47) 3425-5745

Estalo Desenvolvimento e Tecnologia Rua Ismael Carlos Correia, 107 CEP 89221-520 - Joinville - SC estalo@estalo.com.br Fone/Fax: (47) 3425-5745 Estalo PPP Conteúdo Apresentação...3 1.1 O QUE É O ESTALO PPP?...3 1.2 ONDE ELE SE APLICA?...3 1.3 COMO SE REALIZA A ENTRADA DE DADOS?...3 Ajuda para utilização do programa...4 2.1 ASSISTENTE (WIZARD)...4

Leia mais

a. Garantir a atribuição de salário justo a todos os funcionários da entidade sempre de acordo com as atribuições da função exercida.

a. Garantir a atribuição de salário justo a todos os funcionários da entidade sempre de acordo com as atribuições da função exercida. CONSIDERANDO a necessidade de conferir transparência e eficiência nos processos de contratações no âmbito dos serviços e gerenciamento de unidades públicas do Estado do Rio de Janeiro, pelo HOSPITAL E

Leia mais

9 Plano de Marketing 9.1 Estratégias de Produto

9 Plano de Marketing 9.1 Estratégias de Produto 1 Sumário Executivo (O que é o plano de negócios) 2 Agradecimentos 3 Dedicatória 4 Sumário ( tópicos e suas respectivas páginas) 5 Administrativo - Introdução (O que foi feito no módulo administrativo)

Leia mais

Treinamento ISO 9001:2008 e Selo de Qualificação ONA. Ubiara Marfinati Janeiro/2013

Treinamento ISO 9001:2008 e Selo de Qualificação ONA. Ubiara Marfinati Janeiro/2013 Treinamento ISO 9001:2008 e Selo de Qualificação ONA. Ubiara Marfinati Janeiro/2013 ISO 9001: 2008 Princípios Básicos 4.2 Controle de Documentos e Registros 5.2 Foco no Cliente 5.3 Política da Qualidade

Leia mais

Mercer College Brasil 2014. Programa de Desenvolvimento em Gestão do Capital Humano

Mercer College Brasil 2014. Programa de Desenvolvimento em Gestão do Capital Humano Mercer College Brasil 2014 Programa de Desenvolvimento em Gestão do Capital Humano APRENDA, PRATIQUE E DESENVOLVA-SE COM O MERCER COLLEGE VISÃO GERAL OBJETIVOS Os objetivos do Programa de Desenvolvimento

Leia mais

PROCEDIMENTO OPERACIONAL

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PÁGINA: 1/10 1. OBJETIVO Padronizar os processos atuais, visando melhoria contínua do sistema. 2. ÁREAS ENVOLVIDAS/PERFIL DE DISTRIBUIÇÃO 2.1 Presidência 2.2 Gerência de RH 2.3 Gerências: Operações, ADM/Financeiro,

Leia mais

Reunião de Estágios: Período 2015/1

Reunião de Estágios: Período 2015/1 Reunião de Estágios: Período 2015/1 Contatos da Coordenação: Prof. Paulo Antônio P. Wendhausen - paulo.wendhausen@ufsc.br Eng. Pablo Eduardo Junges Abreu - pablo.junges@ufsc.br Luana de Souza Barbosa -

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE PO Procedimento Operacional

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE PO Procedimento Operacional CONCESSÃO DE BENEFÍCIOS AOS COLABORADORES PO. 12 00 1 / 7 1. OBJETIVOS O Crea-GO, visando atrair e melhorar o índice de retenção de colaboradores, institui a concessão de benefícios, mediante a adoção

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE RECURSOS HUMANOS CENTRO DE GERENCIAMENTO DE DADOS CGD

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE RECURSOS HUMANOS CENTRO DE GERENCIAMENTO DE DADOS CGD 1. Introdução O Decreto nº 59.156, de 6 de Maio de 2013, regulamenta, o Processo de Avaliação para fins de pagamento do Prêmio de Produtividade Médica - PPM, de que tratam os artigos 13 a 18 da Lei Complementar

Leia mais

Manual do Usuário Instituição

Manual do Usuário Instituição 1 Manual do Usuário Instituição Área Restrita Site de Certificação Controle: D.04.36.00 Data da Elaboração: 13/08/2014 Data da Revisão: - Elaborado por: TIVIT / Certificação ANBIMA Aprovado por: Gerência

Leia mais

Conteúdo Complementar Cálculo de Rescisão

Conteúdo Complementar Cálculo de Rescisão Conteúdo Complementar Cálculo de Rescisão Gestão de Pessoal Contéudo Complementar Cálculo de Rescisão 1. Cálculo de Rescisão Para efetuar o cálculo de um recibo de rescisão é necessário seguir as orientações

Leia mais

POLÍTICA ORGANIZACIONAL

POLÍTICA ORGANIZACIONAL POLÍTICA ORGANIZACIONAL PARA DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE NA DR TECH Data 01/03/2010 Responsável Doc ID Danielle Noronha PoliticaOrg_DR_V003 \\Naja\D\Gerenciamento\Política Localização Organizacional Versão

Leia mais

Professora Débora Dado. Prof.ª Débora Dado

Professora Débora Dado. Prof.ª Débora Dado Professora Débora Dado Prof.ª Débora Dado Planejamento das aulas 7 Encontros 19/05 Contextualizando o Séc. XXI: Equipes e Competências 26/05 Competências e Processo de Comunicação 02/06 Processo de Comunicação

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO DO CEARÁ Rua Vicente Linhares, 308, Aldeota CEP: 60.135-270 Fortaleza - CE Tel: 3456-4100 www.estacio.

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO DO CEARÁ Rua Vicente Linhares, 308, Aldeota CEP: 60.135-270 Fortaleza - CE Tel: 3456-4100 www.estacio. EDITAL Nº 48/2012 Processo Seletivo de Docentes do Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos da Estácio FIC 2013. A REITORA do Centro Universitário Estácio do Ceará - Estácio FIC, no uso

Leia mais

Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD. Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv.

Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD. Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv. Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv.br/sisordcaf Automaticamente será mostra a tela de login dos sistemas

Leia mais

Manual de Utilização SCI-Ponto

Manual de Utilização SCI-Ponto Manual de Utilização SCI-Ponto Sumário 1. Cadastro de Empregador... 2 2. Cadastro de Locais... 3 3. Cadastro de REPs... 3 4. Cadastro de Horário de Verão... 5 5. Cadastro de Funcionários... 6 6. Exportação

Leia mais

Perfis por Função em Sistemas Corporativos

Perfis por Função em Sistemas Corporativos Perfis por Função em Sistemas Corporativos Maio de 2008 Autor: Rudnei Guimarães, Consultor Sênior da Order Resumo A implantação e utilização de Perfis por Função é uma prática recomendada pelos órgãos

Leia mais

Modelo!de!Política!de! Segurança!da!Informação!

Modelo!de!Política!de! Segurança!da!Informação! ModelodePolíticade SegurançadaInformação Contato:evandro.santos@ecsan.com.br Sumário Introdução...2 ObjetivosdaPolíticadeSegurançadaInformação...3 AplicaçõesdaPolíticadeSegurançadaInformação...4 PrincípiosdaPolíticadeSegurançadaInformação...5

Leia mais

Pag: 1/20. SGI Manual. Controle de Padrões

Pag: 1/20. SGI Manual. Controle de Padrões Pag: 1/20 SGI Manual Controle de Padrões Pag: 2/20 Sumário 1 Introdução...3 2 Cadastros Básicos...5 2.1 Grandezas...5 2.2 Instrumentos (Classificação de Padrões)...6 3 Padrões...9 3.1 Padrão Interno...9

Leia mais

Unidade III GESTÃO ESTRATÉGICA DE RECURSOS HUMANOS. Profa. Ani Torres

Unidade III GESTÃO ESTRATÉGICA DE RECURSOS HUMANOS. Profa. Ani Torres Unidade III GESTÃO ESTRATÉGICA DE RECURSOS HUMANOS Profa. Ani Torres Desenvolvendo pessoas O desenvolvimento e a manutenção de pessoas estão relacionados com a evolução das equipes de trabalho e com a

Leia mais

1 SOBRE O PORTAL TRANSPES (e-transp)

1 SOBRE O PORTAL TRANSPES (e-transp) SUMÁRIO 1 SOBRE O PORTAL TRANSPES (e-transp)... 3 2 REQUISITOS PARA UTILIZAÇÃO DO SISTEMA... 4 3 ACESSO AO SISTEMA (ATORES: TRANSPES/ CLIENTE)... 5 4 PRIMEIROS PASSOS (CADASTROS)... 7 4.1 Cadastros de

Leia mais

SUMÁRIO ÍNDICE. 1 Objetivo: 3. 2 Aplicação e Alcance: 3. 3 Referências: 3. 4 Definições e Abreviaturas: 3. 5 Responsabilidades: 3.

SUMÁRIO ÍNDICE. 1 Objetivo: 3. 2 Aplicação e Alcance: 3. 3 Referências: 3. 4 Definições e Abreviaturas: 3. 5 Responsabilidades: 3. Procedimento de Gestão OGX PG.SMS.010 Denominação: Controle de Documentos do Sistema de Gestão de SMS SUMÁRIO Este procedimento define a sistemática e os critérios para a elaboração, revisão, aprovação

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO E INTEGRAÇÃO

ESPECIFICAÇÃO E INTEGRAÇÃO \ Sistema Integrado de Gestão de Administrativa - White Paper - ESPECIFICAÇÃO E INTEGRAÇÃO Controle de Versão Versão Responsabilidade Início de elaboração Final de elaboração Atividade 0.01 Renato Crivano

Leia mais

A Escrituração Fiscal Digital Social, ou apenas esocial, é, até o momento, a parte mais complexa do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED).

A Escrituração Fiscal Digital Social, ou apenas esocial, é, até o momento, a parte mais complexa do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED). Escrituração Fiscal Digital Social esocial Introdução A Escrituração Fiscal Digital Social, ou apenas esocial, é, até o momento, a parte mais complexa do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED).

Leia mais

Modelo de Questionário de Desligamento

Modelo de Questionário de Desligamento RECRUTAMENTO E SELEÇÃO Planejamento Recrutamento Seleção Integração 1ª Etapa Surgimento de uma vaga - Dispensas do empregador (demissões); - Pedidos de demissão (saídas voluntárias demissionários); - Mortes;

Leia mais

ARTIGOS INDICADORES DE GESTÃO DE RH

ARTIGOS INDICADORES DE GESTÃO DE RH ARTIGOS INDICADORES DE GESTÃO DE RH ÍNDICE em ordem alfabética: Artigo 1 - ABSENTEÍSMO... pág. 2 Artigo 2 - INDICADORES: FERRAMENTAS PARA UM RH MAIS ESTRATÉGICO... pág. 5 Artigo 3 - ROTATIVIDADE DE PESSOAL...

Leia mais

TAX. esocial. kpmg.com/br

TAX. esocial. kpmg.com/br TAX esocial kpmg.com/br 1 esocial O que é o esocial? O Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas esocial é um projeto desenvolvido pelo Governo Federal,

Leia mais

PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS PROJETO BARUERI

PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS PROJETO BARUERI PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS PROJETO BARUERI O Plano de Cargos e Salários aqui apresentado é resultado do entendimento e alinhamento dos direcionadores do Modelo de Organização e Gestão e das Políticas e

Leia mais

O desafio da liderança: Avaliação, Desenvolvimento e Sucessão

O desafio da liderança: Avaliação, Desenvolvimento e Sucessão O desafio da liderança: Avaliação, Desenvolvimento e Sucessão Esse artigo tem como objetivo apresentar estratégias para assegurar uma equipe eficiente em cargos de liderança, mantendo um ciclo virtuoso

Leia mais

Login Integrado (Quiosque / Visão Descentralizada TOTVS 11)

Login Integrado (Quiosque / Visão Descentralizada TOTVS 11) Login Integrado (Quiosque / Visão Descentralizada Produto : Datasul HCM Visão Descentralizada / Quiosque Eletrônico TOTVS 11 Chamado/Requisito : D1180HCM13/2080 Data da criação : 16/07/2014 Data da revisão

Leia mais

TRANSPORTADORA BRASILEIRA GASODUTO BOLÍVIA-BRASIL S.A

TRANSPORTADORA BRASILEIRA GASODUTO BOLÍVIA-BRASIL S.A TRANSPORTADORA BRASILEIRA GASODUTO BOLÍVIABRASIL S.A. TBG PROCESSO SELETIVO PÚBLICO PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E NÍVEL MÉDIO Edital PSPGEPE01/2007 De 16/10/2007 A

Leia mais

Rotinas de DP- Professor: Robson Soares

Rotinas de DP- Professor: Robson Soares Rotinas de DP- Professor: Robson Soares Capítulo 2 Conceitos de Gestão de Pessoas - Conceitos de Gestão de Pessoas e seus objetivos Neste capítulo serão apresentados os conceitos básicos sobre a Gestão

Leia mais

Fundação de Apoio à Capacitação em Tecnologia da Informação - Facti PROCEDIMENTO DA QUALIDADE PROCEDIMENTO DE RESCISÃO / MOVIMENTAÇÃO DE PESSOAL

Fundação de Apoio à Capacitação em Tecnologia da Informação - Facti PROCEDIMENTO DA QUALIDADE PROCEDIMENTO DE RESCISÃO / MOVIMENTAÇÃO DE PESSOAL Fundação de Apoio à Capacitação em Tecnologia da Informação - Facti PROCEDIMENTO DA QUALIDADE PROCEDIMENTO DE RESCISÃO / MOVIMENTAÇÃO DE PESSOAL Código Revisão Confidencialidade Data Página RH0002/12 Rev.

Leia mais

Manual do Usuário. SCA - Sistema de Controle de Acesso

Manual do Usuário. SCA - Sistema de Controle de Acesso Manual do Usuário SCA - Sistema de Controle de Acesso Equipe-documentacao@procergs.rs.gov.br Data: Julho/2012 Este documento foi produzido por Praça dos Açorianos, s/n CEP 90010-340 Porto Alegre, RS (51)

Leia mais

DEPARTAMENTO PESSOAL

DEPARTAMENTO PESSOAL DEPARTAMENTO PESSOAL DÚVIDAS MAIS FREQUENTES 1 1. Documentos necessários para admissão Para o processo de admissão, o novo funcionário deverá apresentar a relação de documentos abaixo: *Carteira de Trabalho

Leia mais

GESTÃO DE PROCESSOS ADMINISTRATIVOS PROCESSO: MOVIMENTAÇÃO E PESSOAL

GESTÃO DE PROCESSOS ADMINISTRATIVOS PROCESSO: MOVIMENTAÇÃO E PESSOAL ANUAL NLINE GESTÃO DE PROCESSOS ADMINISTRATIVOS PROCESSO: MOVIMENTAÇÃO E PESSOAL RH-GPA Gestão de Processos Administrativos Book de Processos Sumário Sumário 3 Mensagem Inicial 4 Participaram da elaboração

Leia mais

EDITAL Nº 002/2015 1. DA VALIDADE

EDITAL Nº 002/2015 1. DA VALIDADE EDITAL Nº 002/2015 O presente edital faz parte do projeto Pré-Vestibular da Rede IVG e torna pública a realização de processo seletivo destinado ao preenchimento de vagas remanescentes do curso preparatório

Leia mais

Engenharia Requisitos Estudo de caso

Engenharia Requisitos Estudo de caso Engenharia Requisitos Estudo de caso Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 8º Edição / Ian Sommerville 2000 Slide 1 Sistema de Matricula Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 8º Edição

Leia mais

T E R M O A D I T I V O VIGÊNCIA: 1º/02/2012 A 31/01/2013

T E R M O A D I T I V O VIGÊNCIA: 1º/02/2012 A 31/01/2013 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO que entre si celebram, de um lado, representando a categoria profissional, o SINDICATO DOS AUXILIARES DE ADMINISTRAÇÃO ESCOLAR DO ESTADO DE MINAS GERAIS SAAE/MG,

Leia mais

Controle de Almoxarifado

Controle de Almoxarifado Controle de Almoxarifado Introdução O módulo de Controle de Almoxarifado traz as opções para que a empresa efetue os cadastros necessários referentes a ferramentas de almoxarifado, além do controle de

Leia mais

Benefício Plano Odontológico

Benefício Plano Odontológico ÍNDICE 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA... 2 3. DISPOSIÇÕES GERAIS... 2 3.1. Planos do Benefício Odontológico... 2 3.1.1. Dental I... 2 3.1.2. Dental II... 2 3.1.3. Dental II Plus E (com porcelana)... 2

Leia mais

CONTROLE DE ACESSO À REDE. 1 OBJETIVO Estabelecer regras de controle de acesso à rede de computadores do TRT 18ª Região.

CONTROLE DE ACESSO À REDE. 1 OBJETIVO Estabelecer regras de controle de acesso à rede de computadores do TRT 18ª Região. 1700/2015 - Segunda-feira, 06 de Abril de 2015 Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região 1 FL. 2 Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região Comitê de Segurança da Informação Secretaria de Tecnologia

Leia mais

Política Organizacional para Desenvolvimento de Software no CTIC

Política Organizacional para Desenvolvimento de Software no CTIC Política Organizacional para Desenvolvimento de Software no CTIC O CTIC/UFPA Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação da Universidade Federal do Pará define neste documento sua Política Organizacional

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PROCEDIMENTO DE APURAÇÃO DE FREQUÊNCIA

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PROCEDIMENTO DE APURAÇÃO DE FREQUÊNCIA 22/0/203. INTRODUÇÃO A Política de Apuração de Frequência tem por objetivo estabelecer as regras para falta e atraso, além de estabelecer controles relativos à apuração de informações de frequência de

Leia mais

PROC. 02 CONTROLE DE DOCUMENTOS

PROC. 02 CONTROLE DE DOCUMENTOS 1 de 15 msgq CONTROLE DE DOCUMENTOS MACROPROCESSO GESTÃO DE PROCESSOS PROCESSO CONTROLE DE DOCUMENTOS CONTROLE DE DOCUMENTOS 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA... 2 3. DOCUMENTOS RELACIONADOS... 2 4. PROCEDIMENTOS...

Leia mais

Orquestra BPM. Template Solicitação de Férias. Manual de Instalação

Orquestra BPM. Template Solicitação de Férias. Manual de Instalação Orquestra BPM Template Solicitação de Férias Manual de Instalação P á g i n a 2 Introdução Template pode ser definido como um modelo, molde ou padrão, por exemplo, de documentos, sites e blogs. Com relação

Leia mais

Como criar uma boa publicação de vaga

Como criar uma boa publicação de vaga Como criar uma boa publicação de vaga Introdução O GerentedeRH.com é um sistema de gerenciamento de processos de Recrutamento & Seleção. Parte das informações processadas a partir do momento da publicação

Leia mais

Impresso em 27/08/2015 12:17:14 (Sem título)

Impresso em 27/08/2015 12:17:14 (Sem título) Aprovado ' Elaborado por Leonardo Camargo/BRA/VERITAS em 07/08/2013 Verificado por Sidney Santos em 09/12/2013 Aprovado por Sergio Suzuki/BRA/VERITAS em 09/12/2013 ÁREA LNS Tipo Instrução Administrativa

Leia mais

Formulários Eletrônicos e Processos para o esocial

Formulários Eletrônicos e Processos para o esocial Formulários Eletrônicos e Processos para o esocial 1. Objetivos 2. Definições dos Formulários Eletrônicos 3. Validações Automáticas de Dados 4. Relatórios de Inconsistências 5. Definição e Regras Gerais

Leia mais

SUMÁRIO. Elaborado por: Revisado por: Aprovado por: Coordenação de Qualidade e Meio Ambiente. Gerência Suprimentos e Logística

SUMÁRIO. Elaborado por: Revisado por: Aprovado por: Coordenação de Qualidade e Meio Ambiente. Gerência Suprimentos e Logística Suprimentos e Logística Pág. 1 de 14 SUMÁRIO 1 OBJETIVO... 2 2 ABRANGÊNCIA / NÍVEL DE DISTRIBUIÇÃO... 2 3 SIGLAS UTILIZADAS... 2 4 GLOSSÁRIO / CONCEITOS... 2 5 DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA... 3 6 CONTEÚDO...

Leia mais

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O SEGURO DESEMPREGO

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O SEGURO DESEMPREGO INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O SEGURO DESEMPREGO Benefício temporário concedido ao trabalhador desempregado dispensado sem justa causa é composto por 3 a 5 parcelas mensais, pagas em dinheiro, de valores

Leia mais

Figura 1. Cadastro de Tokens. 3. Certificar de que o nome e e-mail estão corretos e clicar sobre o botão gravar;

Figura 1. Cadastro de Tokens. 3. Certificar de que o nome e e-mail estão corretos e clicar sobre o botão gravar; Página 1 de 10 A automatização da ficha de admissão tem o objetivo de melhorar o processo de admissão e evitar erros de cadastro. O novo recurso possibilitará à área de recursos humanos maior integridade

Leia mais