SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 Atendente... 3

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 Atendente... 3"

Transcrição

1 SUMÁRIO Acesso ao sistema Login no sistema... 2 Atendente Abrindo uma nova Solicitação Consultando Solicitações Fazendo uma Consulta Avançada Alterando dados da Solicitação Assumindo uma Solicitação Incluindo Apontamentos na Solicitação Incluindo Analistas Auxiliares na Solicitação Repassando uma Solicitação Inserindo recursos do Estoque Encerrando o Atendimento

2 ACESSO AO SISTEMA O acesso ao sistema é feito através do Navegador de Internet. Para acessá-lo é necessário que você saiba em que servidor foi instalado ou domínio que aponta para o sistema. O caminho padrão será: 1. Login no sistema Para realizar o login, o usuário deve informar o seu usuário de rede e sua respectiva senha. 2

3 ATENDENTE 1. Abrindo uma nova Solicitação Para registrar uma nova solicitação, no menu de navegação clique no link Nova Solicitação. Instruções de Uso: Usuário: Inicialmente o sistema informará o nome do atendente logado. Para abrir uma solicitação em nome de outro usuário, clique no ícone para efetuar a escolha. Após selecionar o usuário na tela de procura, será exibido o histórico das últimas solicitações abertas por ele, no lado direito da tela, para que o atendente possa evitar abrir uma solicitação de um problema já registrado por este usuário. Origem: A origem especifica qual foi o meio de comunicação utilizado para informar o problema. Pode ter vindo através de uma ligação telefônica, , Fax ou Ordem de Serviço. 3

4 As solicitações abertas pelo próprio usuário já vem com a origem HelpDesk. No caso de utilizar Origem por Telefone será contabilizado o tempo de atendimento telefônico que consta no cronômetro do lado direito da tela. Data : Data e hora de abertura da solicitação. Área: Área da empresa onde será solicitado o serviço Tipo: Tipo do problema. Item: Detalhando o tipo do problema. Serviço: Especificação do serviço do problema. Motivo: Motivo de abertura. Só é exibido se o sistema estiver configurado para utilizar a tabela de Motivos de Abertura. Equipamento: Pode ser informado o número da etiqueta ou número de série do equipamento. Anexos: Permite anexar arquivos com, por exemplo, captura de telas com erros em sistemas ou arquivos quaisquer que precisem de correção ou servem como apoio para descrever o serviço solicitado. O sistema permite incluir vários arquivos anexos em qualquer formato. Assunto: Descrição resumida do problema. Problema: Descrição completa do problema. Solução: Resposta de solução apresentada ao usuário. Utiliza-se este campo quando uma solicitação é registrada pelo telefone e, no próprio atendimento telefônico, o problema já é resolvido. Para pesquisar problemas já solucionados na base de conhecimento clique no botão Pesquisar na Base. Após completar o formulário de cadastro da solicitação o atendente poderá executar uma, de três ações: Registrar a Solicitação: A solicitação será registrada e encaminhada para o Grupo de Atendimento responsável. Repassar a Solicitação: Neste caso, antes do registro da solicitação propriamente dito, o sistema solicitará que o atendente selecione o Grupo de Atendimento ou um Atendente em específico, para o qual será redirecionado o problema. Encerrar a Solicitação: Quando o atendente resolveu o problema em atendimento telefônico e não precisará mais continuar o processo de atendimento para esta solicitação. 4

5 1. Consultando Solicitações Quando o Atendente ou Administrador entra no sistema inicialmente já é redirecionado para a tela de consulta de solicitações. As solicitações apresentadas em sua tela estão relacionadas com os Grupos de Atendimentos que o atendente está relacionado ou solicitações que estão sob sua responsabilidade. Inicialmente são mostradas apenas as novas solicitações e ordenadas por ordem de data de cadastro Instruções de Uso: 1. Filtro de Solicitações pelo Status Principal 2. Pesquisa Simples por Número, Assunto ou Descrição do Problema, Usuário ou Responsável pelo Atendimento. Nesta consulta apenas trará solicitações relacionadas ao atendente. 3. Botão para Consulta Avançada para consultar qualquer solicitação no sistema. 4. Filtro de Suas Solicitações ou Solicitações do seu Grupo. 5. Filtro por Vencimento: A vencer, A vencer no dia, Vencidas, Vencidas não Assumidas. 6. Exibição dos últimos 30, 60, 90 ou todos os dias. 7. Ordenação da consulta por Colunas. 8. Campo para o Atendente informar a Ordem de Execução. Serve para a organização de suas tarefas. 5

6 9. Filtro por Vencimento. 10. Legenda da marcação visual das solicitações mostradas na coluna do Número da Solicitação. 2. Fazendo uma Consulta Avançada Através da Consulta Avançada, qualquer atendente poderá buscar qualquer solicitação, independente de esta estar associada ao seu Grupo de Atendimento. Este recurso é muito útil para o gerenciamento de todas as solicitações em andamento no helpdesk, permitindo fazer o rastreamento por Atendente, Grupo, Empresa, Tipo, Item, Patrimônio, Vencimento, Ordenação. 6

7 3. Alterando dados da Solicitação Ao selecionar uma solicitação a partir da tela de consulta, o atendente poderá fazer alterações dos dados da mesma. Isto poderá acontecer quando for necessário alterar a classificação do problema, complementar dados, prorrogar a data de entrega, etc. A cada alteração realizada, é necessário que o atendente confirme clicando no botão Salvar Alterações, no centro da página. A cada alteração realizada, será gerado um apontamento, registrando hora, atendente e operação realizada. Importante: Ao alterar a classificação do Problema: Área, Tipo, Item ou Serviço o sistema não irá repassar automaticamente a solicitação novamente para outro Grupo de Atendimento. Se o repasse for necessário, deverá ser feito manualmente pelo atual responsável (ver tópico Repassando uma Solicitação). Ao alterar o serviço do problema/chamado, o sistema poderá sugerir uma nova data de entrega com base no tempo de atendimento associado ao serviço. Só é possível o Atendente prorrogar o prazo de atendimento se, nas configurações do sistema, estiver configurada uma quantidade de prorrogações maior que Zero. 7

8 4. Assumindo uma Solicitação Ao registrar uma solicitação, normalmente esta é repassada para um Grupo de Atendimento que, por sua vez, poderá ter vários Atendentes relacionados. O Atendente que estiver disponível no momento, poderá assumir uma solicitação para iniciar o processo de atendimento. A partir do momento em que a solicitação é assumida: seu status é alterado para 3 Em Atendimento; o Responsável pela solicitação é o Atendente que assumiu; podem ser registradas atividades, tempo trabalhado e ocorrências necessários durante as atividades realizadas para solucionar o problema de uma solicitação. Este registro é feito através dos Apontamentos; podem ser registrados quantos apontamentos forem necessários; podem ser incluídos Atendentes Auxiliares para que estes possam ajudar na resolução do problema/chamado; Como proceder: Para assumir a solicitação o Atendente deve clicar no botão Assumir, na tela de detalhes da solicitação. Em seguida, deverá aparecer uma nova janela perguntando se você deseja que a solicitação continue aparecendo para os outros atendentes do seu Grupo. Se você não marcar, a solicitação some da lista de pendências do Grupo entretanto ela pode ser rastreada a partir da Consulta Avançada. 8

9 5. Incluindo Apontamentos na Solicitação A partir do momento em que a solicitação é assumida, o Atendente pode começar a registrar apontamentos referentes às atividades realizadas, ou qualquer ocorrência relacionada a solicitação/chamado. O apontamento também pode servir para manter um canal de comunicação com o Usuário, fazendo perguntas ou devolvendo uma solução do problema/chamado. Instruções de uso: 1. Para cada atividade, pode-se informar a hora inicial e final e o sistema irá calcular a quantidade de minutos ocorrida. Este tempo informado é importante para gerar as estatísticas de tempo consumido no atendimento. 2. Total de Minutos ocorrido. 3. Existe um recurso para deixar o sistema contando automaticamente o tempo enquanto você realiza uma atividade. Para isto, clique no ícone do relógio. O sistema começa a contar o tempo. Você pode, agora, iniciar suas atividades em relação à solicitação. Quando terminar, basta clicar novamente no ícone do relógio. Neste momento, a contagem irá parar e você pode fazer o registro do apontamento. 4. Tipo de Hora Trabalhada: Normal ou Extra. No cadastro do Atendente, pode-se informar o valor da Hora Normal e/ou Extra. A partir do tempo informado no apontamento e do valor/hora do atendente, é possível mensurar os gastos no atendimento. O sistema sugere quando é Hora Extra a partir do Calendário de Trabalho. 5. Tempo de ligação de retorno (callback): marcar esta opção quanto você estiver retornando para o usuário para coletar maiores informações sobre o problema. Este tempo poderá gerar estatísticas de ocorrências de callback. 6. Descrição do apontamento. 7. Arquivo Anexo: anexe arquivos com soluções para os problemas ou documentações que podem estar disponíveis para o usuário. 8. O apontamento pode ser visível somente para Atendentes (no caso de haver troca de informações técnicas entre os atendentes que fazem parte da solicitação) ou poderá 9

10 ser visível para o usuário, sendo utilizado como meio de comunicação entre atendente e usuário. 9. A cada apontamento cadastrado, é possível enviar um de notificação ao usuário. Esta opção é útil para manter o usuário informado sobre as atividades ou requisitar mais informações sobre o problema sem que ele tenha que estar logado no sistema. 10. Registra o apontamento. 11. Abre a tela de consulta de artigos na base de conhecimento para buscar respostas já disponíveis. 12. Abre a tela para cadastrar um novo artigo na base de conhecimento e copia o texto escrito no apontamento para a tela de cadastro. 13. Lista os apontamentos já cadastrados, iniciando pelo mais recente. 6. Incluindo Analistas Auxiliares na Solicitação Em muitas ocasiões, uma solicitação pode exigir tarefas de mais de um atendente. Toda solicitação, para ser solucionada, terá obrigatoriamente um Atendente responsável (quem assumiu) e poderá ter vários atendentes Auxiliares. Quando um Atendente Auxiliar é inserido na solicitação, esta ficará pendente na sua lista de atividades. O Atendente Auxiliar poderá incluir apontamentos junto como Atendente Responsável, entretanto somente o Responsável poderá Encerrar a Solicitação. Como proceder: É necessário que a solicitação já esteja assumida por um Atende. Somente este poderá incluir Atendentes Auxiliares; Na barra de botões, no centro da página, clique no botão Analistas Auxiliares. Irá abrir uma janela semelhante à imagem abaixo. Nesta tela, pode-se selecionar os atendentes que poderão fazer parte do grupo auxiliar. 10

11 Para alterar os atendentes auxiliares na solicitação, basta novamente no botão Analistas Auxiliares ; Para excluir um analista auxiliar de uma solicitação, acesse novamente a tela de Analistas Auxiliares, bastando clicar no ícone X ao lado do nome do Atendente para excluí-lo. 7. Repassando uma Solicitação Quando a solicitação for encaminhada para um Grupo de Atendimento errado ou o Atendente responsável não conseguir realizar o atendimento, a solicitação poderá ser repassada para outro Grupo de Atendimento, Atendente ou Terceiro. No caso do Terceiro, são atendentes que fazem parte de uma empresa cadastrada como Terceiro. Como proceder: Poderá repassar uma solicitação, quem estiver no Grupo responsável ou tiver assumido a solicitação; Na barra de botões, no centro da página, clique no botão Repassar. Irá abrir uma janela semelhante à imagem abaixo. Pode-se selecionar o Grupo, Atendente ou Terceiro. 11

12 Para facilitar, ao selecionar o Grupo ou Atendente, irá exibir ao lado direito as suas Habilidades Relacionadas. Estas Habilidades referem-se aos Itens de atendimento relacionados no Cadastro de Classificação de Serviços. Antes de finalizar poderá ser escolhido se o atendente irá continuar visualizando a solicitação em sua lista de pendências. Para finalizar basta clicar no botão Repassar. 12

13 8. Inserindo recursos do Estoque Durante o atendimento pode ser que haja utilização de recursos do estoque de suprimentos. Para fazer o controle de peças utilizadas e poder fazer o rastreio das saídas deste estoque, o atendente dever registrar as peças utilizadas em cada solicitação. Como proceder: Na tela de detalhes da solicitação no quadro direito deve clicar sobre o ícone em forma de mouse, conforme apontando na figura abaixo. Selecione a categoria de suprimentos e especifique o produto utilizado. Em seguida digite a Quantidade utilizada e clique em Adicionar. Para excluir um item adicionado basta clicar no X que aparece na listagem abaixo de itens já adicionados. 13

14 9. Encerrando o Atendimento Ao finalizar o atendimento de uma solicitação, o Atendente deve Encerrar a Solicitação. Como proceder: Poderá encerrar uma solicitação quem estiver como responsável da mesma; Na barra de botões, no centro da página, clique no botão Encerrar. Se o sistema estiver configurado para requisitar a aprovação do usuário, a solicitação, após encerrada pelo atendente, irá para o status Aguardando Aprovação e ficará no aguarde da aprovação até que o usuário o faça ou expire o prazo limite para o usuário aprovar. 14

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 1. Login no sistema... 2 2. Tela Inicial... 2 3. Abrindo uma nova Solicitação... 3 4. Acompanhando as solicitações abertas... 4 5. Exibindo Detalhes da Solicitação... 6 6.

Leia mais

Portal Sindical. Manual Operacional Empresas/Escritórios

Portal Sindical. Manual Operacional Empresas/Escritórios Portal Sindical Manual Operacional Empresas/Escritórios Acesso ao Portal Inicialmente, para conseguir acesso ao Portal Sindical, nos controles administrativos, é necessário acessar a página principal da

Leia mais

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO. 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO. 08 5 PROTOCOLO PENDENTE. 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO.

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO. 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO. 08 5 PROTOCOLO PENDENTE. 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO. ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 04 2 ACESSO... 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO... 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO... 08 5 PROTOCOLO PENDENTE... 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO... 11 7 ANDAMENTO DE PROTOCOLO... 12 8 RELATÓRIOS,

Leia mais

Manual de Utilização ZENDESK. Instruções Básicas

Manual de Utilização ZENDESK. Instruções Básicas Manual de Utilização ZENDESK Instruções Básicas Novembro/2013 SUMÁRIO 1 Acesso à ferramenta... 3 2 A Ferramenta... 4 3 Tickets... 8 3.1 Novo Ticket... 8 3.2 Acompanhamentos de Tickets já existentes...

Leia mais

1.INDÍCE... ERROR! BOOKMARK NOT DEFINED. 3.CONSULTA CIRCULARES... 6 5.PROMOÇÕES E EVENTOS... 8. Consultando Promoções e Eventos 8.

1.INDÍCE... ERROR! BOOKMARK NOT DEFINED. 3.CONSULTA CIRCULARES... 6 5.PROMOÇÕES E EVENTOS... 8. Consultando Promoções e Eventos 8. Indíce 1.INDÍCE... ERROR! BOOKMARK NOT DEFINED. 2.QUADRO DE AVISOS... 4 3.CONSULTA CIRCULARES... 6 4.CONSULTA NOTÍCIAS... 7 5.PROMOÇÕES E EVENTOS... 8 Consultando Promoções e Eventos 8 6.CONSULTAS GERAIS...

Leia mais

Sistema de Chamados Protega

Sistema de Chamados Protega SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. REALIZANDO ACESSO AO SISTEMA DE CHAMADOS... 4 2.1 DETALHES DA PÁGINA INICIAL... 5 3. ABERTURA DE CHAMADO... 6 3.1 DESTACANDO CAMPOS DO FORMULÁRIO... 6 3.2 CAMPOS OBRIGATÓRIOS:...

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO RM Agilis Manual do Usuário Ouvidoria, Correspondência Interna, Controle de Processos, Protocolo Eletrônico, Solicitação de Manutenção Interna, Solicitação de Obras em Lojas,

Leia mais

Instrução de Trabalho Registro de chamado no sistema OCOMON

Instrução de Trabalho Registro de chamado no sistema OCOMON Aprovado por Comitê da Qualidade Analisado Chefe do Departamento de Atendimento ao Usuário criticamente por 1. OBJETIVOS Orientar os atendentes que usam o sistema de controle e registro de ocorrências

Leia mais

Manual do Módulo SAC

Manual do Módulo SAC 1 Manual do Módulo SAC Índice ÍNDICE 1 OBJETIVO 4 INICIO 4 SAC 7 ASSOCIADO 9 COBRANÇA 10 CUSTO MÉDICO 10 ATENDIMENTOS 11 GUIAS 12 CREDENCIADO 13 LIVRETO 14 BUSCA POR RECURSO 15 CORPO CLÍNICO 16 MENU ARQUIVO

Leia mais

Universidade Federal de Mato Grosso. Secretaria de Tecnologias da Informação e Comunicação. SISCOFRE Sistema de Controle de Frequência MANUAL

Universidade Federal de Mato Grosso. Secretaria de Tecnologias da Informação e Comunicação. SISCOFRE Sistema de Controle de Frequência MANUAL Universidade Federal de Mato Grosso Secretaria de Tecnologias da Informação e Comunicação SISCOFRE Sistema de Controle de Frequência MANUAL Versão 2.1 2013 Cuiabá MT Sumário Usuários do SISCOFRE... 3 Fases

Leia mais

Manual de Instalação e Utilização do Pedido Eletrônico Gauchafarma

Manual de Instalação e Utilização do Pedido Eletrônico Gauchafarma Manual de Instalação e Utilização do Pedido Eletrônico Gauchafarma 1. INSTALAÇÃO Antes de iniciar a instalação do pedido eletrônico, entre em contato com o suporte da distribuidora e solicite a criação

Leia mais

Ministério da Cultura

Ministério da Cultura Ministério da Cultura MANUAL DO PROPONENTE: ADMINISTRATIVO VERSÃO 1.0 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 08/01/2013 1.0 Criação do documento. Aline Oliveira - MINC 3 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO...

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização Versão 1.0 18/01/2013 Sempre consulte por atualizações deste manual em nossa página. O Cotação Web está em constante desenvolvimento, podendo ter novas funcionalidades adicionadas

Leia mais

Manual SAGe Versão 1.2 (a partir da versão 12.08.01)

Manual SAGe Versão 1.2 (a partir da versão 12.08.01) Manual SAGe Versão 1.2 (a partir da versão 12.08.01) Submissão de Relatórios Científicos Sumário Introdução... 2 Elaboração do Relatório Científico... 3 Submissão do Relatório Científico... 14 Operação

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. Conteúdo 1. Descrição geral 2 2. Resumo das funcionalidades 3 3. Efetuar cadastro no sistema 4 4. Acessar o sistema 6 5. Funcionalidades do menu 7 5.1 Dados cadastrais 7 5.2 Grupos de usuários 7 5.3 Funcionários

Leia mais

Versão 2.13 Sistema HelpDesk

Versão 2.13 Sistema HelpDesk Versão 2.13 Sistema HelpDesk Rua dois de setembro, 733 sala 14. Fone: (47) 3334-2860 CEP: 89052-000 Blumenau SC Email: comercial@ksys.com.br WWW.ksys.com.br 2 SUMÁRIO 1 ACESSO AO SISTEMA 1.1 Login no Sistema...

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA GT WEB CALL. Teledata

MANUAL DO SISTEMA GT WEB CALL. Teledata MANUAL DO SISTEMA GT WEB CALL Teledata Indíce analítico 1. Prefácio...3 2. Funcionalidades...3 3. Abrir chamados...7 4. Atribuir chamados...9 5. Consultar chamados...10 6. Fechar chamados...12 7. Relatórios...15

Leia mais

E&L Protocolo, Documentos Eletrônicos e Processos Perguntas Frequentes

E&L Protocolo, Documentos Eletrônicos e Processos Perguntas Frequentes E&L Protocolo, Documentos Eletrônicos e Processos Perguntas Frequentes 1. É possível excluir um processo que já foi enviado? Só será possível excluir o processo se o mesmo ainda não tiver sido recebido.

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET I Sumário 1. Objetivo do Documento... 1 2. Início... 1 3. Cadastro de Pessoa Física... 3 3.1. Preenchimentos Obrigatórios.... 4 3.2. Acesso aos Campos

Leia mais

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM Manual do Almoxarifado SIGA-ADM DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO(DGTI) MARÇO/2012 Requisição de Almoxarifado Requisições O sistema retornará a tela do menu de Administração. Nela selecione

Leia mais

e-ouv Passo-a-passo Sistema de Ouvidorias do Poder Executivo Federal Junho, 2015 Controladoria-Geral da União

e-ouv Passo-a-passo Sistema de Ouvidorias do Poder Executivo Federal Junho, 2015 Controladoria-Geral da União e-ouv Passo-a-passo Sistema de Ouvidorias do Poder Executivo Federal Junho, 2015 Sumário 1. Acesso ao sistema... 3 2. Funcionalidades do sistema... 5 3. Como tratar manifestações... 14 3.1 Detalhar...

Leia mais

GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR

GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR 1 - Integra Services Atenção: o Integra Services está disponível a partir da versão 2.0 do software Urano Integra. O Integra Services é um aplicativo que faz parte

Leia mais

Coordenação de Estágio Integrado. Instruções para o cadastro da contratação de estágio pelo Aluno

Coordenação de Estágio Integrado. Instruções para o cadastro da contratação de estágio pelo Aluno Coordenação de Estágio Integrado Instruções para o cadastro da contratação de estágio pelo Aluno 7 de Novembro de 04 Acesso ao SGE Ao efetuar o login no Sistema de Gestão Acadêmico (SGA), acesse a aba

Leia mais

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 1 Sumário 1 - Instalação Normal do Despachante Express... 3 2 - Instalação do Despachante Express em Rede... 5 3 - Registrando o Despachante Express...

Leia mais

Guia de Referência 0800net

Guia de Referência 0800net Guia de Referência 0800net 1. Apresentação: Com o intuito de melhorar cada vez mais os serviços de atendimento, o Grupo GCI, disponibiliza a Central de Atendimento, através do endereço http://0800net.gci.com.br/.

Leia mais

Manual Operacional SIGA

Manual Operacional SIGA SMS - ATTI Julho -2012 Conteúdo Sumário... 2... 3 Consultar Registros... 4 Realizar Atendimento... 9 Adicionar Procedimento... 11 Não Atendimento... 15 Novo Atendimento... 16 Relatórios Dados Estatísticos...

Leia mais

Manual do Sistema de Apoio Operadores CDL

Manual do Sistema de Apoio Operadores CDL N / Rev.: Manual 751.1/02 Este documento não deve ser reproduzido sem autorização da FCDL/SC Aprovação: Representante da Direção Ademir Ruschel Elaboração: Supervisor da Qualidade Sílvia Regina Pelicioli

Leia mais

Ministério da Cultura

Ministério da Cultura Ministério da Cultura MANUAL DO PROPONENTE: PROPOSTAS VERSÃO 1.1 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 10/11/2011 1.0 Criação do documento. Aline Oliveira - MINC 07/01/2013 1.1 Atualização do

Leia mais

Fundap. Programa de Estágio. Manual de Utilização do Sistema de Administração de Bolsas de Estágio. Plano de Estágio

Fundap. Programa de Estágio. Manual de Utilização do Sistema de Administração de Bolsas de Estágio. Plano de Estágio Fundap Fundação do Desenvolvimento Administrativo Programa de Estágio Programa de Estágio Manual de Utilização do Sistema de Administração de Bolsas de Estágio Plano de Estágio Julho de 2008 SABE - Sistema

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE SUPORTE DA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. 1. Descrição Geral Este manual descreve as operações disponíveis no módulo VTWEB Client, cuja finalidade é gerenciar cadastros de funcionários, realização de pedidos e controle financeiro dos pedidos.

Leia mais

GRUPO ARESTO E-CRM CONTÁBIL. Rua: Farjalla Koraicho, 49 sl 02 11 5565 6259 cotato@aresto.com.br

GRUPO ARESTO E-CRM CONTÁBIL. Rua: Farjalla Koraicho, 49 sl 02 11 5565 6259 cotato@aresto.com.br GRUPO ARESTO Rua: Farjalla Koraicho, 49 sl 02 11 5565 6259 cotato@aresto.com.br E-CRM CONTÁBIL Conheça o e-crm Contábil, a nova ferramenta que o nosso escritório colocou a sua disposição. Com ele, nosso

Leia mais

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 CONSULTA DE PROTOCOLO. 06 4 PROTOCOLO PENDENTE. 08 5 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO. 09 6 ANDAMENTO DE PROTOCOLO.

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 CONSULTA DE PROTOCOLO. 06 4 PROTOCOLO PENDENTE. 08 5 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO. 09 6 ANDAMENTO DE PROTOCOLO. ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 04 2 ACESSO... 05 3 CONSULTA DE PROTOCOLO... 06 4 PROTOCOLO PENDENTE... 08 5 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO... 09 6 ANDAMENTO DE PROTOCOLO... 10 7 RELATÓRIOS, OFÍCIOS E ETIQUETAS...

Leia mais

Manual de Utilização do Sistema GLPI

Manual de Utilização do Sistema GLPI Manual de Utilização do Sistema GLPI Perfil Guest Apresentação Esse manual, baseado no manual GLPI foi elaborado pela Coordenação de Tecnologia de Informação CTI do câmpus e tem como objetivo instruir

Leia mais

Manual do Atendente. Treinamento OTRS Help Desk

Manual do Atendente. Treinamento OTRS Help Desk Manual do Atendente Treinamento OTRS Help Desk Sumário Apresentação... 4 Efetuando login... 5 Conhecendo a interface de atendimento...5 Painel de Controle... 5 Chamados... 6 Visão de Filas... 6 Pesquisas...

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO PARANÁ PROJUDI REFORMULAÇÃO DE CUMPRIMENTOS - MANDADOS

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO PARANÁ PROJUDI REFORMULAÇÃO DE CUMPRIMENTOS - MANDADOS TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO PARANÁ PROJUDI REFORMULAÇÃO DE CUMPRIMENTOS - MANDADOS 2 SUMÁRIO SEÇÃO 1 - FLUXO DAS VARAS QUE NÃO POSSUEM CENTRAL DE MANDADOS... 03 1. CUMPRIMENTOS (PERFIS DE ANALISTA E TÉCNICO

Leia mais

SophiA Biblioteca - Treinamento Cadastro de Usuários

SophiA Biblioteca - Treinamento Cadastro de Usuários SophiA Biblioteca - Treinamento Cadastro de Usuários Para realizar um cadastro de usuário, clique na aba USUÁRIOS e em seguida no botão. Aba Dados Nome: cadastro do nome do novo usuário. Código: É possível

Leia mais

SIGECORS. Sistema de Gerenciamento de Resíduos Sólidos Industriais

SIGECORS. Sistema de Gerenciamento de Resíduos Sólidos Industriais SIGECORS Sistema de Gerenciamento de Resíduos Sólidos Industriais Outubro 2008 Índice 1. Registrando Usuários 2. Acesso ao Sistema 3. Logar no Sistema 4. Esquecimento de Senha 5. Alteração de Senha 6.

Leia mais

Sistema de HelpDesk da SESAU Guia do Usuário

Sistema de HelpDesk da SESAU Guia do Usuário Secretaria de Estado da Saúde de Alagoas SESAU Coordenadoria Setorial de Gestão a Informática - CSGI Sistema de HelpDesk da SESAU Guia do Usuário Maceió 06/02/2012 Técnico Responsável: Bruno Cavalcante

Leia mais

Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS. Curitiba, Julho de 2014

Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS. Curitiba, Julho de 2014 Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS Curitiba, Julho de 2014 Vamos à prática: Como abrir um chamado? Entre na ferramenta com seu login e senha de rede (a mesma que

Leia mais

Guia rápido de utilização. Controle de Chamados. Nuubes.com

Guia rápido de utilização. Controle de Chamados. Nuubes.com Guia rápido de utilização Controle de Chamados Nuubes.com Este é um tutorial rápido que tem por objetivo ensinar em poucos passos como utilizar o sistema Nuubes.com. O sistema Nuubes ( www.nuubes.com )

Leia mais

MANUAL DE SUPORTE. Controle de Suporte. Este manual descreve as funcionalidades do controle de suporte.

MANUAL DE SUPORTE. Controle de Suporte. Este manual descreve as funcionalidades do controle de suporte. MANUAL DE SUPORTE Controle de Suporte Este manual descreve as funcionalidades do controle de suporte. SUMÁRIO Considerações Iniciais... 3 Acesso... 4 Controle de Suporte... 5 1. Solicitação de Atendimento...

Leia mais

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar.

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar. Índice 1) Acesso ao sistema 2) Recepção do paciente 3) Envio do atendimento para faturamento: consulta médica ou procedimentos simples 4) Envio do atendimento para faturamento: procedimentos previamente

Leia mais

SISTEMA PARA ABERTURA DE CHAMADOS TÉCNICOS GLPI ( GESTÃO LIVRE DE PARQUE DE INFORMÁTICA ) Manual do Usuário

SISTEMA PARA ABERTURA DE CHAMADOS TÉCNICOS GLPI ( GESTÃO LIVRE DE PARQUE DE INFORMÁTICA ) Manual do Usuário SISTEMA PARA ABERTURA DE CHAMADOS TÉCNICOS GLPI ( GESTÃO LIVRE DE PARQUE DE INFORMÁTICA ) Manual do Usuário 1 Apresentação... 3 1- Introdução... 4 2- Acessando GLPI:... 5 3- Abrindo chamado:... 6 3.1-

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI COORDENAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI COORDENAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI COORDENAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE SUPORTE Versão 1.0 24/01/2012 1

Leia mais

Como funciona? SUMÁRIO

Como funciona? SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Introdução... 2 2. Benefícios e Vantagens... 2 3. Como utilizar?... 2 3.1. Criar Chave / Senha de Usuário... 2 3.2. Recursos da Barra Superior... 2 3.2.1. Opções... 3 3.2.1.1. Mover Para...

Leia mais

1. O que é GLPI? 2. Processo de atendimento

1. O que é GLPI? 2. Processo de atendimento 1. O que é GLPI? GLPI (Gestionnaire Libre de Parc Informatique) é a uma sigla em Francês, que significa Gestão de Parque de Informática Livre. Essa é uma ferramenta de helpdesk (suporte ao usuário) para

Leia mais

Sistema de Gerenciamento Remoto www.pevermelho.art.br

Sistema de Gerenciamento Remoto www.pevermelho.art.br Sistema de Gerenciamento Remoto www.pevermelho.art.br 1 - SOBRE O SGR Este manual irá lhe ajudar a entender o funcionamento do SGR (Sistema de Gerenciamento Remoto) permitindo assim que você possa atualizar

Leia mais

FAQ Sistema Eletrônico de Informações SEI-MP

FAQ Sistema Eletrônico de Informações SEI-MP FAQ Sistema Eletrônico de Informações SEI-MP 1. Quem pode obter o acesso ao SEI-MP? O SEI-MP está disponível apenas para usuários e colaboradores internos do MP. Usuários externos não estão autorizados

Leia mais

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Sumário PRESTAÇÃO DE CONTAS DE ETIQUETAS DE REPARO...3 Figura 1.0...3 Figura 2.0...4 Figura 3.0...5 Figura 4.0...5 1. Proprietário

Leia mais

Curso Básico Sistema EMBI

Curso Básico Sistema EMBI Curso Básico Sistema EMBI Módulo Atendentes e Administradores Todos os direitos reservados. Nenhuma parte deste trabalho pode ser reproduzida em qualquer forma por qualquer meio gráfico, eletrônico ou

Leia mais

Manual do Usuário CFCWeb BA

Manual do Usuário CFCWeb BA ÍNDICE Acesso ao sistema... 2 Tela Principal... 3 Cadastro de Candidatos... 5 Agenda Teórico... 6 Agenda Prático... 7 Consulta Agendamentos do Candidato por Serviço... 9 Cadastro de Grade Horária... 10

Leia mais

SISTEMA PATRIMÔNIO WEB

SISTEMA PATRIMÔNIO WEB UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Subcomissão de Patrimônio - GEFIM REITORIA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO COMPATRIM/GEFIM SISTEMA PATRIMÔNIO WEB Manual do usuário v.1.1 Sumário Introdução... 4 Fluxo das Principais

Leia mais

Portal nddcargo 4.1.5.0 Manual de Utilização Call Center Visão Administrador

Portal nddcargo 4.1.5.0 Manual de Utilização Call Center Visão Administrador Portal nddcargo 4.1.5.0 Manual de Utilização Call Center Visão Administrador Histórico de alterações Data Versão Autor Descrição 23/11/2012 1 Criação do documento. 2 1. Introdução... 4 2. Funcionalidades

Leia mais

PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Compra Direta - Guia do Fornecedor PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Página As informações contidas neste documento, incluindo quaisquer URLs e outras possíveis referências a web sites, estão sujeitas

Leia mais

3 - Tela Principal. Itens importantes da página

3 - Tela Principal. Itens importantes da página SUMÁRIO 1 1 - Conceitos Gerais O CRQ é um sistema de controle de qualidade utilizado na etapa de recrutamento de estudos de natureza qualitativa. Ele é um banco de dados que tem como principal objetivo

Leia mais

GUIA DE USUÁRIO - GU-

GUIA DE USUÁRIO - GU- 1/22 Revisão 00 de 20//12 1. OBJETIVO Orientar o usuário para a pesquisa e visualização detalhada de todas as ordens de compra emitidas, emitir confirmações de aceite, submeter solicitação de alteração,

Leia mais

OI CONTA EMPRESA MANUAL DO USUÁRIO

OI CONTA EMPRESA MANUAL DO USUÁRIO OI CONTA EMPRESA MANUAL DO USUÁRIO 1 Bem-vindo ao Oi Conta Empresa! A Oi tem o orgulho de lançar mais um produto para nossos clientes corporativos, o Oi Conta Empresa. Nele, nossos clientes poderão acessar

Leia mais

Manual Operacional SIGA

Manual Operacional SIGA SMS - ATTI Maio -2013 Conteúdo Sumário... 2 PPD -IPD... 3 Adicionar Paciente... 4 Laudo Médico... 6 Avaliação do Enfermeiro... 11 Visita Domiciliar... 14 Dados do Paciente no Programa... 16 Histórico do

Leia mais

Manual do sistema SMARsa WEB

Manual do sistema SMARsa WEB Manual do sistema SMARsa WEB Módulo Solicitação/Ouvidoria SMARsa WEB Solicitação/Ouvidoria Versão 2.7 1 Sumário INTRODUÇÃO...4 OBJETIVOS...4 Bem-vindo ao sistema SMARsa WEB: Módulo solicitação/ouvidoria...5

Leia mais

Programa de Hematologia e Oncologia Pediátricos Diagnóstico Imunomolecular. Manual do sistema (Médico)

Programa de Hematologia e Oncologia Pediátricos Diagnóstico Imunomolecular. Manual do sistema (Médico) Programa de Hematologia e Oncologia Pediátricos Diagnóstico Imunomolecular Manual do sistema (Médico) ÍNDICE 1. O sistema... 1 2. Necessidades técnicas para acesso ao sistema... 1 3. Acessando o sistema...

Leia mais

ArpPrintServer. Sistema de Gerenciamento de Impressão By Netsource www.netsource.com.br Rev: 02

ArpPrintServer. Sistema de Gerenciamento de Impressão By Netsource www.netsource.com.br Rev: 02 ArpPrintServer Sistema de Gerenciamento de Impressão By Netsource www.netsource.com.br Rev: 02 1 Sumário INTRODUÇÃO... 3 CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS DO SISTEMA... 3 REQUISITOS DE SISTEMA... 4 INSTALAÇÃO

Leia mais

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus.

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. - Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. Ou digite www.simpo.com.br/protocolo/login.php, para ir diretamente

Leia mais

Plataforma Brasil Versão 3.0

Plataforma Brasil Versão 3.0 Plataforma Brasil Versão 3.0 Histórico de Revisão do Manual Versão do Sistema 3.0 3.0 Autor Data Descrição Assessoria Plataforma Brasil 06/05/2015 Assessoria Plataforma Brasil 17/09/2015 Criação do Documento

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Versão 1.0. Visão Transportador

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Versão 1.0. Visão Transportador MANUAL DE INSTRUÇÕES Versão 1.0 Visão Transportador 2 Sumário Introdução... 3 Requisitos mínimos... 3 Acesso... 3 Primeiro acesso... 5 Navegando pelo sistema... 6 Menu Perfil... 7 Dados do Fornecedor...

Leia mais

MANUAL PASSO-A-PASSO DO SISTEMA ONLINE

MANUAL PASSO-A-PASSO DO SISTEMA ONLINE MANUAL PASSO-A-PASSO DO SISTEMA ONLINE Junho 2015 Editor, ler com atenção as orientações informadas neste manual. Informamos que documentação preenchida incompleta e/ou que não atenda as normas da Agência

Leia mais

1 Sumário... 2. 2 O Easy Chat... 3. 3 Conceitos... 3. 3.1 Perfil... 3. 3.2 Categoria... 3. 4 Instalação... 5. 5 O Aplicativo... 7 5.1 HTML...

1 Sumário... 2. 2 O Easy Chat... 3. 3 Conceitos... 3. 3.1 Perfil... 3. 3.2 Categoria... 3. 4 Instalação... 5. 5 O Aplicativo... 7 5.1 HTML... 1 Sumário 1 Sumário... 2 2 O Easy Chat... 3 3 Conceitos... 3 3.1 Perfil... 3 3.2 Categoria... 3 3.3 Ícone Específico... 4 3.4 Janela Específica... 4 3.5 Ícone Geral... 4 3.6 Janela Geral... 4 4 Instalação...

Leia mais

WF Processos. Manual de Instruções

WF Processos. Manual de Instruções WF Processos Manual de Instruções O WF Processos é um sistema simples e fácil de ser utilizado, contudo para ajudar os novos usuários a se familiarizarem com o sistema, criamos este manual. Recomendamos

Leia mais

Análise e Tramitação de Projetos nos Comitês de Ética em Pesquisa

Análise e Tramitação de Projetos nos Comitês de Ética em Pesquisa Análise e Tramitação de Projetos nos Comitês de Ética em Pesquisa Versão 3.0 1 Histórico de Revisão Versão Autor Data Descrição Equipe suporte Criação do 1.0 Plataforma Brasil 01/11/2011 Documento 1.1

Leia mais

Guia Site Empresarial

Guia Site Empresarial Guia Site Empresarial Índice 1 - Fazer Fatura... 2 1.1 - Fazer uma nova fatura por valores de crédito... 2 1.2 - Fazer fatura alterando limites dos cartões... 6 1.3 - Fazer fatura repetindo última solicitação

Leia mais

OPERADORA ON-LINE Manual de funcionamento do sistema para agente de viagens

OPERADORA ON-LINE Manual de funcionamento do sistema para agente de viagens OPERADORA ON-LINE Manual de funcionamento do sistema para agente de viagens v.1.0 RUA DR. LIRÁUCIO GOMES, 55 CAMBUÍ CAMPINAS SP Índice Como entrar no sistema...3 Tela inicial do sistema...3 Iniciando um

Leia mais

Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD. Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv.

Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD. Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv. Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv.br/sisordcaf Automaticamente será mostra a tela de login dos sistemas

Leia mais

Sumário: Fluxo Operacional... 3 Contatos... 4. Agenda Online... 10. Reservas de Salas... 26. Tarefas... 42

Sumário: Fluxo Operacional... 3 Contatos... 4. Agenda Online... 10. Reservas de Salas... 26. Tarefas... 42 Sumário: Fluxo Operacional... 3 Contatos... 4 Passo a passo para visualização de contatos... 5 Passo a passo para filtragem da lista de contatos... 6 Como ordenar a lista de contatos... 7 Como gerar uma

Leia mais

Requerimento: Digitador de Pedidos ProfarmaNet. Manual de Apoio. Preparado por: Versão: 1.0. Sumário

Requerimento: Digitador de Pedidos ProfarmaNet. Manual de Apoio. Preparado por: Versão: 1.0. Sumário Vanderlei Manual de Apoio Resumo Módulo Básico Especifico para Instalação e Usabilidade Lista de Distribuição Nome Área / Função Histórico de modificações Versão Data Descrição Responsável 13/12/2013 Versão

Leia mais

Manual do Sistema "Vida Controle de Contatos" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Vida Controle de Contatos Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Vida Controle de Contatos" Editorial Brazil Informatica I Vida Controle de Contatos Conteúdo Part I Introdução 2 1 Vida Controle... de Contatos Pessoais 2 Part II Configuração 2 1 Configuração...

Leia mais

Guia de Uso. O Pro-Treino tem uma divisão clara de funções, apresentada a seguir: E três tipos de usuários que executam as funções descritas acima:

Guia de Uso. O Pro-Treino tem uma divisão clara de funções, apresentada a seguir: E três tipos de usuários que executam as funções descritas acima: Sumário 1. Introdução... 2 2. Conceitos básicos... 2 2.1. Fluxo do sistema... 3 2.2. Acesso ao sistema... 4 2.2.1. Login... 4 2.2.2. Logoff... 4 2.2.3. Esqueci minha senha... 5 2.3. Conhecendo o Sistema...

Leia mais

Resumo das funcionalidades

Resumo das funcionalidades Resumo das funcionalidades Menu MENU Dados Cadastrais Atualizar Cadastro Troca Senha Grupo Usuários Incluir Atualizar Funcionários Incluir Atualizar Atualizar Uso Diário Importar Instruções Processar Status

Leia mais

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA.

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA MANUAL DO VTWEB CLIENT CADASTROS /PEDIDOS E PROCEDIMENTOS Resumo Esse manual tem como o seu objetivo principal a orientação de uso do

Leia mais

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet www.controlenanet.com.br Copyright 2015 - ControleNaNet Conteúdo Tela Principal... 3 Como imprimir?... 4 As Listagens nas Telas... 7 Clientes... 8 Consulta... 9 Inclusão... 11 Alteração... 13 Exclusão...

Leia mais

Manual do MySuite. O MySuite é a solução adotada pela MKData para gerenciar o atendimento aos clientes.

Manual do MySuite. O MySuite é a solução adotada pela MKData para gerenciar o atendimento aos clientes. Manual do MySuite O MySuite é a solução adotada pela MKData para gerenciar o atendimento aos clientes. Esta ferramenta visa agilizar e priorizar o suporte técnico, criando um canal de interatividade no

Leia mais

Manual do Sistema de Cadastro de Cultivares Locais, Tradicionais e Crioulas

Manual do Sistema de Cadastro de Cultivares Locais, Tradicionais e Crioulas Ministério do Desenvolvimento Agrário Secretaria da Agricultura Familiar Departamento de Financiamento e Proteção da Produção Seguro da Agricultura Familiar Manual do Sistema de Cadastro de Cultivares

Leia mais

Manual NOV - PDV. Versão 1.0

Manual NOV - PDV. Versão 1.0 Manual NOV - PDV Versão 1.0 Sumário 01 Captura de Nota Fiscal...3 02 Remessa de Entrada...6 03 Remessa de Saída......9 04 Pedido Normal...12 05 Pedido Especial...16 06 Nota Fiscal Avulsa...18 07 Controle

Leia mais

Manual do Painel Administrativo

Manual do Painel Administrativo Manual do Painel Administrativo versão 1.0 Autores César A Miggiolaro Marcos J Lazarin Índice Índice... 2 Figuras... 3 Inicio... 5 Funcionalidades... 7 Analytics... 9 Cidades... 9 Conteúdo... 10 Referência...

Leia mais

PICPICS PASSO A PASSO

PICPICS PASSO A PASSO PICPICS PASSO A PASSO 2. Faça login em sua conta. 1. Crie sua conta no PicPics, informando os seus dados ou dados da sua empresa. Informe também os dados que você usará para acesso ao site. 3. Após fazer

Leia mais

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo em sua oficina. O sistema foi desenvolvido para ser utilizado

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Empari Sistemas www.empari.com.br

MANUAL DO USUÁRIO. Empari Sistemas www.empari.com.br MANUAL DO USUÁRIO Empari Sistemas www.empari.com.br Sumário Instalação... 2 Primeira Configuração... 5 Período de experimentação... 8 Configurar Busca de Licitações... 9 Tela de Configuração do LicitaPlus+...

Leia mais

EMPRESAS RANDON MANUAL DE ACESSO PORTAL DE FORNECEDOR QUALIDADE

EMPRESAS RANDON MANUAL DE ACESSO PORTAL DE FORNECEDOR QUALIDADE EMPRESAS RANDON MANUAL DE ACESSO PORTAL DE FORNECEDOR QUALIDADE 1 Índice 1. Solicitando acesso ao Portal de Fornecedor...3 2. Configurando o acesso ao Portal de Fornecedor...4 3. Acessando o Portal de

Leia mais

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software O Animail é um software para criar campanhas de envio de email (email Marketing). Você pode criar diversas campanhas para públicos diferenciados. Tela Principal do sistema Para melhor apresentar o sistema,

Leia mais

MANUAL DO ALUNO PARA NAVEGAR NO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - AVA

MANUAL DO ALUNO PARA NAVEGAR NO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - AVA MANUAL DO ALUNO PARA NAVEGAR NO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - AVA MANUAL DO ALUNO PARA ACESSO AO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM Conteúdo Tela de acesso... 4 Dados de Cadastro... 5 Dados cadastrais...

Leia mais

Guia do usuário GLPI. Versão 0.78.5 Modificada- Thiago Passamani

Guia do usuário GLPI. Versão 0.78.5 Modificada- Thiago Passamani Guia do usuário GLPI Versão 0.78.5 Modificada- Thiago Passamani 1 -O que é GLPI? GLPI(Gestionnaire Libre de Parc Informatique ) é a uma sigla em Francês, que significa Gestão de Parque de Informática Livre.

Leia mais

Sistema de Compras TV Globo

Sistema de Compras TV Globo Sistema de Compras TV Globo Guia de Uso R Guia de Uso do Portal do Fornecedor da TV Globo R PÁGINA Índice Índice O que é o Sistema de Compras TV Globo 4 Criar a sua cotação (Cota) Anexar documento 4 Cadastro

Leia mais

MANUAL DO PVP SUMÁRIO

MANUAL DO PVP SUMÁRIO Manual PVP - Professores SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 6 2 ACESSANDO O PVP... 8 3 TELA PRINCIPAL... 10 3.1 USUÁRIO... 10 3.2 INICIAL/PARAR... 10 3.3 RELATÓRIO... 10 3.4 INSTITUIÇÕES... 11 3.5 CONFIGURAR... 11

Leia mais

Manual Administrador - Mídia System

Manual Administrador - Mídia System Manual Administrador - Mídia System Logo após cadastrarmos sua Empresa em nosso sistema, será enviado um e-mail confirmando as informações de acesso do Administrador do sistema. Obs: Caso não tenha recebido

Leia mais

Manual do Usuário Cidadão SIC Serviço de informação ao cidadão

Manual do Usuário Cidadão SIC Serviço de informação ao cidadão Manual do Usuário Cidadão SIC Serviço de informação ao cidadão NOVOSIS 3ª Versão Conteúdo Introdução... 3 Principais recursos:... 4 Para o cidadão:... 4 Para os órgãos públicos:... 4 Como Utilizar o SIC...

Leia mais

MANUAL PARA SOLICITAÇÕES ATRAVÉS DO HELPDESK FACEPE

MANUAL PARA SOLICITAÇÕES ATRAVÉS DO HELPDESK FACEPE MANUAL PARA SOLICITAÇÕES ATRAVÉS DO HELPDESK FACEPE Atualização em: SETEMBRO/2013 ÍNDICE: 1. Introdução... 03 2. O que é possível solicitar... 04 3. Perguntas frequentes (FAQs)... 05 4. Como solicitar......

Leia mais

SUAP MÓDULO PROTOCOLO SUAP MÓDULO PROTOCOLO MANUAL DO USUÁRIO

SUAP MÓDULO PROTOCOLO SUAP MÓDULO PROTOCOLO MANUAL DO USUÁRIO MANUAL DO USUÁRIO Versão 1.0 2010 1 1. INTRODUÇÃO Administradores públicos defrontam-se diariamente com grandes dificuldades para fazer com que processos administrativos, documentos, pareceres e informações

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DE UTILIZAÇÃO Módulo de operação Ativo Bem vindo à Vorage CRM! Nas próximas paginas apresentaremos o funcionamento da plataforma e ensinaremos como iniciar uma operação básica através do nosso sistema,

Leia mais

Manual Comunica S_Line

Manual Comunica S_Line 1 Introdução O permite a comunicação de Arquivos padrão texto entre diferentes pontos, com segurança (dados criptografados e com autenticação) e rastreabilidade, isto é, um CLIENTE pode receber e enviar

Leia mais

Cadastro Avaliação 2013 Manual de Instruções

Cadastro Avaliação 2013 Manual de Instruções Cadastro Avaliação 2013 Manual de Instruções Manual de instruções Cadastro Avaliação 2013 Caro Usuário, Este manual contém todas as instruções necessárias para preenchimento dos dados de sua escola e alunos.

Leia mais

Manual de utilização do sistema OTRS (Atendimento) Cliente Externo

Manual de utilização do sistema OTRS (Atendimento) Cliente Externo Manual de utilização do sistema OTRS (Atendimento) Cliente Externo 1 LISTA DE ILUSTRAÇÕES FIGURA 1 - TELA DE LOGIN... 5 FIGURA 2 - TELA INICIAL... 6 FIGURA 3 PREFERÊNCIAS DO USUÁRIO... 6 FIGURA 4 NOVO

Leia mais