MANUAL CAPTADOR ONLINE. Versão 1.5

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MANUAL CAPTADOR ONLINE. Versão 1.5"

Transcrição

1 MANUAL CAPTADOR ONLINE Versão 1.5

2 MANUAL CAPTADOR ONLINE JANEIRO 2014 CONTATO: (71) / /01/2014

3 SUMÁRIO INTRODUÇÃO FLUXO GERAL DE FUNCIONAMENTO DIAGRAMA DO FLUXO GERAL DE FUNCIONAMENTO APRESENTAÇÃO INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO PREPARANDO A INSTALAÇÃO Ao clicar em Download Arquivo Único será exibida a tela a seguir. Clicar em Salvar CONFIGURAÇÃO INICIAL DIGITAÇÃO DAS CONTAS NO CAPTADOR ONLINE DIGITAÇÃO DE CONTAS COM AUTORIZAÇÃO PRÉVIA IMPRESSÃO DE CONTAS EXPORTAÇÃO DE CONTAS PROCESSAMENTO IMPORTAÇÃO ERROS DE IMPORTAÇÃO ALERTAS, GLOSAS E REJEIÇÕES CONTAS INCLUIDAS BASE LOCAL EDIÇÃO DE CONTAS EXCLUSÃO DE CONTAS VALIDAÇÃO DE CONTAS ENVIO DE CONTAS BASE PLANSERV DEVOLUÇÃO REMESSAS RECIBO ENVIO RELATÓRIO DAS CONTAS EXCLUÍDAS RECIBO REMESSA PROCESSAMENTO DO CAPTADOR ONLINE ATUALIZAÇÕES ATUALIZAR BASE ATUALIZAR SISTEMA /01/2014

4 9.3 NOTÍCIAS PLANSERV ENVIAR MENSAGEM AO PLANSERV BANCO DE DADOS BACKUP RESTAURAÇÃO DE BACKUPS ANTERIORES RESTAURAÇÃO E COMPACTAÇÃO VERSÃO LAYOUT /01/2014

5 INTRODUÇÃO O Planserv no firme propósito de modernizar e racionalizar a gestão do plano de saúde dos servidores públicos do estado apresenta mais uma ferramenta aos prestadores de serviços médicos - CAPTADOR ONLINE, o qual possibilitará padronização e celeridade ao processo de tramitação das informações para envio e pagamento de contas médicas. A referida ferramenta viabilizará a melhoria da qualidade dessas informações e ampliará o nível de conhecimento dos prestadores sobre os dados das contas enviadas ao Planserv, minimizando o índice de glosas e atrasos na regularização dessas contas médicas /01/2014

6 1. FLUXO GERAL DE FUNCIONAMENTO O estabelecimento de Gestão da Segurança da Informação no PLANSERV é uma ação necessária para assegurar a efetividade desta gestão nos processos de negócio do órgão. A informação pode ser gerada diretamente pela área de informática do prestador, obedecendo ao layout aqui recomendado. (Ver descrição dos registros do arquivo). O Prestador poderá optar por digitar diretamente no CAPTADOR ONLINE e posteriormente enviar contas ao Planserv. O Prestador poderá, após salvar a conta, gerar a impressão das contas médicas. O envio do arquivo ao Planserv deverá ser realizado em três etapas: alimentação dos dados no CAPTADOR ONLINE, envio da conta diretamente a base do Planserv e, posteriormente, entrega das contas físicas no protocolo do Planserv. O Prestador no procedimento de envio da conta por meio eletrônico recebe um protocolo de entrega (Recibo de entrega de contas) e, no dia posterior, terá de verificar se as contas foram processadas com sucesso pelo Planserv. É importante salientar, que o processamento das contas enviadas durante o dia ocorre sempre à noite /01/2014

7 1.1 DIAGRAMA DO FLUXO GERAL DE FUNCIONAMENTO Procedimentos: 1. O prestador digita a conta no Captador OnLine ou importa arquivos (.TXT) de outros sistemas para a Base Local do programa; 2. Após o processo de digitação ou importação é obrigatória a validação da conta na Base Local; 3. Se o status de validação estiver OK, a conta poderá ser enviada para Base Planserv. Após o envio será emitido um Recibo de Remessa Enviada ; 6 03/01/2014

8 4. Se o status de validação estiver com ERRO, a conta poderá ser editada para passar por um novo processo de validação; 5. As contas enviadas da Base Local para Base Planserv serão processadas diariamente no período noturno. Este processamento resultará CONTAS OK PARA ANÁLISE ou CONTAS GLOSADAS; 6. Uma conta glosada poderá ser editada e reenviada para Base Planserv até os fechamentos parciais da referência. 7. Os fechamentos parciais acontecerão todas as quintas e último dia útil do mês. Após cada fechamento parcial será emitido o Recibo Remessa ; 8. Após os fechamentos parciais, o prestador poderá baixar as CONTAS GLOSADAS com o status de devolvidas. Estas contas poderão ser editadas e passarão novamente pelos processos de validação e envio para Base Planserv; 9. Prestadores que utilizam sistema próprio, poderão também baixar as contas devolvidas, realizar os ajustes no seu sistema e importar um novo arquivo (.TXT) para o Captador OnLine, com as contas corrigidas /01/2014

9 2. APRESENTAÇÃO TELA PRINCIPAL: FUNÇÕES DO PROGRAMA: MENUS E ÍCONES MENU CONTAS: NOVA CONTA Digitação de uma nova conta. CONTAS INCLUÍDAS Todas as contas digitadas, importadas e validadas do prestador. BAIXAR DEVOLVIDAS Baixa as contas devolvidas após processamento /01/2014

10 MENU PROCESSAMENTO: IMPORTAÇÃO Importação de arquivos de Prestador que utiliza sistema próprio. ERROS DE MPORTAÇÃO Erros de importação dos arquivos. ALERTAR, GLOSAS E REJEIÇÕES Mostra todas as glosas de devolução e todos os alertas e rejeições que a conta sofre ao ser validada MENU REMESSAS: RECIBO ENVIO Recibo das contas enviadas ao Planserv. RELATÓRIO DAS CONTAS EXCLUÍDAS Contas enviadas que foram excluídas na referência. RECIBO REMESSA Relatório das contas aceitas após processamento /01/2014

11 MENU ATUALIZAÇÕES: ATUALIZAR BASE PLANSERV Atualização de todos os dados necessários para a digitação e validação de uma conta. ATUALIZAR SISTEMA Atualização do Captador OnLine. NOTÍCIAS Notícias divulgadas no site do Planserv. ENVAR MENSAGEM AO PLANSERV Envio de para o suporte do Captador OnLine. MENU BANCO DE DADOS: BACKUP Cópia da base do Captador OnLine. RESTAURAÇÃO Restauração da base do Captador OnLine. RECOMPACTAÇÃO E COMPACTAÇÃO - Repara e compacta a Base local do Captador OnLine /01/2014

12 MENU VERSÃO: SOBRE Informativo da base do Captador OnLine. 3. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO 3.1 PREPARANDO A INSTALAÇÃO Para a instalação do software deve-se, inicialmente, acessar a internet no site do Planserv, no módulo do Prestador, Top Saúde, Captador TS, Instalação Captador, nessa ordem. Em seguida baixar os arquivos necessários para o processo de instalação (download), nos quais estarão disponíveis as informações mais a- tualizadas sobre o referido processo. O Prestador deverá manter instalada a versão mais atualizada do Captador TS até a data limite divulgada pelo Planserv. Tela de Instalação Inicial /01/2014

13 Ao clicar em Download Arquivo Único será exibida a tela a seguir. Clicar em Salvar. Após clicar em Salvar, será realizado o download do arquivo na pasta escolhida, como demonstrado nas telas seguintes: /01/2014

14 Após a conclusão do download, se for exibida a tela seguinte, clique em abrir pasta. Caso não seja exibida a tela referida abra a pasta onde o arquivo foi salvo. Após o download do instalador. Clique em setup.exe para que seja iniciada a instalação /01/2014

15 Se desejar que a instalação seja feita em outro local clique em procurar e altere a pasta de destino. O PLANSERV recomenda que esta opção não seja alterada /01/2014

16 Ao exibir a tela de confirmação de instalação, clique em Avançar /01/2014

17 3.2 CONFIGURAÇÃO INICIAL Após o software CAPTADOR ONLINE ter sido instalado com sucesso segue a fase de configuração inicial, na qual serão obtidas informações do prestador referentes a itens negociados com o Planserv e outras regras pré-estabelecidas. Para esta configuração e funcionamento do sistema, o acesso à internet via Proxy ou ainda, qualquer outro firewall instalado, deverá ser desabilitado para o endereço webservice.planserv.ba.gov.br (IP: ) na porta 83 e 443 de saída e todas as portas de entrada, pois o retorno do dado utiliza portas aleatórias. A não liberação deste acesso ocasiona os seguintes erros: 1 Erro na comunicação. Verifique sua conexão. (Quando não há liberação); 2 Erro ao acessar o Banco de Dado do Planserv. (Quando não se liberam as portas de entrada). Neste momento, deve-se configurar a data do computador para: DD/MM/AAAA em opções regionais no painel de controle. Salientamos que esta data deverá ser ajustada com o horário global (horário de Brasília). Ao acessar o sistema será exibida a tela a seguir, solicitando a identificação do prestador e a senha para acesso ao site, fornecidos pelo Planserv /01/2014

18 Importante: Antes do acesso ao sistema, conecte-se à internet. Dependendo da conexão disponível e da velocidade do equipamento, a configuração inicial poderá levar alguns minutos. O horário recomendado para a realização deste tipo de configuração é entre 12h e 13h, quando há uma menor carga de processamento pelo Planserv. Após a digitação do usuário e senha, tecle no botão LOGIN, se confirmada à autorização, será iniciado o processo de configuração. Durante o processo de configuração é exibida uma barra, com indicação do processamento em andamento. Após o término da configuração será exibida a tela com o resultado. Se a configuração foi realizada com sucesso, então o sistema será reiniciado. O Planserv recomenda a instalação do sistema no Windows 7, Framework 4.0 mínimo e uma internet banda larga de 2mbps no mínimo. O acesso ao Top Web será também requisito necessário para instalação e utilização da ferramenta /01/2014

19 4. DIGITAÇÃO DAS CONTAS NO CAPTADOR ONLINE Acesse o Captador OnLine no ícone correspondente e será exibida a tela abaixo: Clique no ícone Nova Conta e será exibida a tela a seguir, na qual deverá ser selecionado o tipo da conta (Com Autorização ou Sem Autorização): /01/2014

20 4.1 DIGITAÇÃO DE CONTAS COM AUTORIZAÇÃO PRÉVIA Após clicar no botão Com Autorização da tela anterior, será exibida a seguinte tela: Preencher os campos com o número da Autorização Prévia, número da Biometria e o número do Beneficiário. Após digitar os dados acima, clicar em Digitar Conta e será exibida a tela seguinte, na qual os campos devem ser preenchidos obedecendo às orientações a seguir /01/2014

21 TELA PARA INCLUSÃO DE DADOS DO CABEÇALHO DA CONTA Conta Guia: Número da conta (preenchido automaticamente); Biometria- Nº biometria do paciente (preenchido automaticamente); Tratamento - Identificação do tipo de atendimento (preenchido automaticamente); AP/Senha: Nº da Autorização prévia (preenchido automaticamente). 2 5 Cobrança Período de cobrança da conta Inicio: Hora e data inicial do período em cobrança; Fim: Hora e data final do período em cobrança; Parcela Número da parcela em cobrança /01/2014

22 3 Associado Os campos Nome, Número, Sexo e Plano são preenchidos automaticamente. 4 Dados da Conta Proc. Principal: Identificação do serviço/procedimento principal (preenchido automaticamente); Nome: descrição do procedimento principal (preenchido automaticamente); CID: Identificação do diagnóstico conforme Tabela C.I.D.; Tipo Caráter: Indica o caráter do atendimento. Deve ser escolhida entre as opções: Não informado, Acidente de Trabalho, Acidente de Transito, Acidente-outros, Emergência (risco de vida), Urgência (passível de remoção, sem risco de vida.), ou Eletiva/Programada/Rotina. Tipo Alta: Indica o tipo de alta na Internação, no qual deve ser escolhida entre as opções: Administrativa (contas parciais), Por Óbito, Por Transferência ou a Pedido. OBS: Se tipo do Tratamento Internação Obstétrica aparece a opção Recem nascido, no qual deve ser escolhida entre as alternativas: Parto UTI Indica se o serviço foi prestado na UTI, quando paciente internado 5 Internado Inicio - Hora e data inicial do início da internação ou do atendimento ao beneficiário não internado; Fim - Hora e data da alta do paciente internado. 6 CRM CRM Solicitante: Informar o CRM do médico solicitante do atendimento; CRM Executante: Informar o CRM do médico responsável pelo atendimento; UF: Informar a UF do CRM dos médicos solicitante e responsável pelo atendimento /01/2014

23 7 Valores Preenchimento automático, após a inclusão dos itens da conta Quantidade de Itens Quantidade de Materiais/Medicamentos/Órteses Valor itens Valor Materiais/Medicamentos Valor total da conta 8 Auditoria RAT: Número do Relatório de Auditoria Técnica (Alfanumérico); Empresa Auditoria: Código da empresa de auditoria responsável pelo RAT; Valor RAT: Preenchimento automático. Após a inclusão dos campos anteriores, clicar no ícone. Após a digitação dos dados do cabeçalho da conta, clicar na aba Itens e seguir as instruções de preenchimento descritas a seguir. TELA PARA INCLUSÃO DE ITENS DA CONTA: /01/2014

24 1 Item Código: Identificação do serviço/procedimento executado; Nome: Preenchimento automático; DHE : Indicação de atendimento em dia ou hora extraordinária; Emergência: Indicação de procedimento de emergência. 2 Dados do Item na Conta Especialidade: Identificação da especialidade do serviço/procedimento executado; Posição: Código da posição do profissional no procedimento cirúrgico; Data: Data da realização do serviço/procedimento. 3 CRM Executante Número: Informar o CRM do médico executante do procedimento; UF: Informar a UF do CRM do médico executante do procedimento. 4 Valores Quantidade: Quantidade do serviço/procedimento; Valor Informado: Informar o valor total do serviço/procedimento; % Procedimento Múltiplo. Após a digitação dos dados do item, clicar em Adicionar Item. Para a inclusão de novos itens, repetir a operação. Caso a conta não possua Materiais e Medicamentos, clicar no botão Salvar. 5 Ícones de Edição da Tela de Inclusão de Itens da Conta ADICIONAR ITEM: Adiciona um novo item a conta após digitação dos dados na tela para inclusão de itens. EDITAR ITEM SELECIONADO: Permite a edição do item digitado anteriormente para eventuais correções necessárias. O item deve ser selecionado antes de clicar no botão EDITAR ITEM SELECIONADO /01/2014

25 LIMPAR TELA DO ITEM: Permite que as informações digitadas na tela para inclusão de itens sejam apagadas antes da inclusão do item. EXCLUIR ITEM SELECIONADO: Permite a exclusão definitiva de um item incluso anteriormente. Para a inclusão de Materiais e Medicamentos, clicar na aba Detalhamento: Materiais / Medicamentos / Contrastes e seguir às orientações de preenchimento a seguir. TELA DE DETALHAMENTO PARA MATERIAIS, MEDICAMENTOS E CONTRASTES: Descrição Tipo: Selecionar o tipo de detalhamento; Código TISS: Informar o código TISS; Nome: Preenchimento automático. 2 Dados do Mat/Med na Conta Data: Inserir a data de realização; Quantidade: Quantidade do material, medicamento ou contraste utilizado; /01/2014

26 Valor: Valor informado para o material, medicamento ou contraste utilizado. Após o preenchimento dos campos, clicar em Adicionar Detalhamento. E depois de digitar todos os dados da conta, clicar no botão Salvar. 3 Ícones de edição da tela de detalhamento para Materiais/Medicamentos ADICIONAR DETALHAMENTO: Adiciona um novo detalhamento do grupo de Material ou Medicamento a conta após digitação dos dados na tela de detalhamento de materiais, medicamentos e contrastes. EDITAR DETALHAMENTO SELECIONADO: Permite a edição do detalhamento digitado anteriormente para eventuais correções necessárias. O detalhamento deve ser selecionado antes de clicar no botão EDITAR DETALHAMENTO SE- LECIONADO. LIMPAR TELA DO DETALHAMENTO: Permite que as informações digitadas na tela para inclusão de detalhamento sejam apagadas antes da inclusão do detalhamento. EXCLUIR DETALAHMENTO SELECIONADO: Permite a exclusão definitiva de um detalhamento incluso anteriormente. 4 Botões de comando Nova conta Salvar conta Cancelar alteração Excluir conta Erros após validação /01/2014

27 4.2 DIGITAÇÃO DE CONTAS SEM AUTORIZAÇÃO PRÉVIA Acesse o Captador OnLine no ícone correspondente e será exibida a tela abaixo: Após clicar no botão Sem Autorização da tela anterior, será exibida a seguinte tela: /01/2014

28 Preencher os campos com o número da Biometria e o número do Beneficiário. Após digitar os dados acima, clicar em Digitar Conta e será exibida a tela abaixo, na qual os campos devem ser preenchidos obedecendo às orientações a seguir: TELA PARA INCLUSÃO DE INFORMAÇÕES DO CABEÇALHO DA CONTA: Conta Guia: N da conta (preenchido automaticamente); Biometria- Nº biometria do paciente; Tratamento - Identificação do tipo de atendimento. 2 Cobrança Período de cobrança da conta Inicio: Hora e data inicial do período em cobrança; Fim: Hora e data final do período em cobrança. 3 Associado Os campos Nome, Número, Sexo e Plano são preenchidos automaticamente /01/2014

29 4 Dados da Conta Proc. Principal: Identificação do serviço/procedimento principal; Nome: Descrição do procedimento principal; CID: Identificação do diagnóstico conforme Tabela C.I.D.; Tipo Caráter: Indica o caráter do atendimento. Deve ser escolhida entre as opções: Acidente de Trabalho, Acidente de Transito, Acidente-outros, Emergência (risco de vida), Urgência (passível de remoção, sem risco de vida...), ou Eletiva/Programada/Rotina. 5 Atendimento Inicio - Hora e data do atendimento ao beneficiário. 6 7 CRM CRM Solicitante: Informar o CRM do médico solicitante do atendimento; CRM Executante: Informar o CRM do médico executante do atendimento; UF: Informar a UF do CRM dos médicos solicitante e responsável pelo atendimento. Valores Preenchimento automático, após a inclusão dos itens da conta: Quantidade de Itens; Quantidade de Materiais/Medicamentos/Órteses; Valor itens; Valor Materiais/Medicamentos; Valor total da conta. 8 Auditoria RAT: Número do Relatório de Auditoria Técnica (Alfanumérico); Empresa Auditoria: Código da empresa de auditoria responsável pelo RAT; Valor RAT: Preenchimento automático. Após a inclusão dos campos anteriores, clicar no ícone. Após a digitação dos dados do cabeçalho da conta, clicar na aba Itens e seguir as instruções de preenchimento descritas a seguir /01/2014

30 TELA PARA INCLUSÃO DE ITENS DA CONTA: Item Código: Identificação do serviço/procedimento executado no item; Nome: Preenchimento automático. 2 Dados do Item na Conta Especialidade: Identificação da especialidade do serviço/procedimento executado; Posição: Código da posição do profissional no procedimento cirúrgico; Data: Data da realização do serviço/procedimento. 3 Valores Quantidade: Quantidade do serviço/procedimento; Valor Informado: Informar o valor total do serviço/procedimento realizado; % Procedimento Múltiplo. Após a digitação dos dados do item, clicar em Adicionar Item /01/2014

31 Após a digitação dos dados do item, clicar em Adicionar Item. Para a inclusão de novos itens, repetir a operação. Caso a conta não possua Materiais e Medicamentos, clicar no botão Salvar. 4 Ícones de edição da tela de inclusão de itens da conta ADICIONAR ITEM: Adiciona um novo item a conta após digitação dos dados na tela para inclusão de itens. EDITAR ITEM SELECIONADO: Permite a edição do item digitado anteriormente para eventuais correções necessárias. O item deve ser selecionado antes de clicar no botão EDITAR ITEM SELECIONADO. LIMPAR TELA DO ITEM: Permite que as informações digitadas na tela para inclusão de itens sejam apagadas antes da inclusão do item. EXCLUIR ITEM SELECIONADO: Permite a exclusão definitiva de um item incluso anteriormente. Em seguida, clicar na aba Detalhamento: Materiais / Medicamentos / Contrastes e seguir às orientações de preenchimento /01/2014

32 TELA DE DETALHAMENTO PARA MATERIAIS, MEDICAMENTO E CONTRASTES: Descrição Tipo: Selecionar o tipo de detalhamento; Código TISS: Informar o código TISS; Nome: Descrição do material, medicamento ou contraste utilizado. 2 Dados do Mat/Med/Ort na Conta Data: Inserir a data de realização; Quantidade: Quantidade do material, medicamento ou contraste utilizado; Valor: Valor informado para o material, medicamento ou contraste utilizado. Após o preenchimento dos campos, clicar em Adicionar Detalhamento. E após digitar todos os dados da conta, clicar no botão Salvar /01/2014

33 3 Ícones de edição da tela de detalhamento para Materiais/Medicamentos ADICIONAR DETALHAMENTO: Adiciona um novo detalhamento do grupo de Material ou Medicamento a conta após digitação dos dados na tela de detalhamento de materiais, medicamentos e contrastes EDITAR DETALHAMENTO SELECIONADO: Permite a edição do detalhamento digitado anteriormente para eventuais correções necessárias. O detalhamento deve ser selecionado antes de clicar no botão EDITAR DETALHAMENTO SELECIONA- DO. LIMPAR TELA DO DETALHAMENTO: Permite que as informações digitadas na tela para inclusão de detalhamento sejam apagadas antes da inclusão do detalhamento EXCLUIR DETALAHMENTO SELECIONADO: Permite a exclusão definitiva de um detalhamento incluso anteriormente. 4.3 IMPRESSÃO DE CONTAS O Captador OnLine disponibiliza a impressão de todas as contas digitadas e salvas ou importadas. Para imprimí-las deve-se selecionar a (s) conta (s) desejada (s) e clicar no botão Imprimir /01/2014

34 Para localizar uma conta, digite o número da conta no campo Número Guia e clique em Pesquisar. Para realizar uma nova pesquisa, clique em Limpar Pesquisa e digite o novo número da conta desejada /01/2014

35 Após abrir a tela Relatório de Contas, clicar no ícone de impressão. Esta tela também permite que a conta seja exportada nos formatos Excel, PDF e Word, clicando no ícone /01/2014

36 4.4 EXPORTAÇÃO DE CONTAS O Captador OnLine disponibiliza a exportação de todas as contas digitadas e salvas ou importadas. Para exportar a (s) conta (s) desejada (s), selecionar a (s) conta (s) na Base Local ou na Base Planserv e clicar no botão Exportar para XML Excel. ou Exportar para 5. PROCESSAMENTO APENAS PRESTADORES QUE UTILIZAM SISTEMA PRÓPRIO. 5.1 IMPORTAÇÃO Para importar o arquivo gerado em sistema próprio dentro do programa Captador OnLine, clique no ícone Importação. Ao abrir a tela Importar Arquivo TXT, clique no botão Buscar e em seguida Importar /01/2014

37 Ao importar o arquivo, o programa enviará a informação de que o arquivo foi importado com sucesso ou se houve erros no momento da importação. O programa possibilita a importação de mais de um arquivo simultaneamente. Para isto será necessário selecioná-los antes de importar. Arquivo importado com sucesso: /01/2014

38 Arquivo importado com erro: Para visualizar o processo de importação efetuado, clicar no botão Copiar Log aparece à tela seguinte, indicando o local aonde o Log foi salvo, conforme figura abaixo. Clicar em Ok para fechar a janela e para sair da tela Importar Arquivo TXT, clicar no botão Fechar. As contas dos arquivos importados para o programa Captador OnLine são armazenadas na Base Local, Digitada no Captador /01/2014

39 5.2 ERROS DE IMPORTAÇÃO Para a exibição de erros de um arquivo importado, clicar no ícone Erros de Importação na tela seguinte: Selecione o arquivo desejado na barra de rolagem da tela a seguir: /01/2014

40 Após selecionar o arquivo que apresentou erro na importação, será exibida a tela seguinte informando a descrição do erro e a sua localização no arquivo: /01/2014

41 Para excluir as contas do arquivo importado, clicar no botão Excluir Contas Deste Arquivo após selecioná-lo. 5.3 ALERTAS, GLOSAS E REJEIÇÕES Possibilita a visualização de todas as glosas ativas do Planserv e também as críticas de rejeição e alerta ativas no Captador OnLine. 6. CONTAS INCLUIDAS 6.1 BASE LOCAL Para visualização do estado das contas no Captador OnLine, clicar no ícone Contas Incluídas no Menu Contas. TELA DA BASE LOCAL: Armazena as contas incluídas (digitadas ou importadas) na máquina do Prestador /01/2014

42 ESTADO DAS CONTAS NA BASE LOCAL: Digitada no Captador: Contas digitadas ou importadas para o Captador OnLine. Permite a edição, exclusão e validação de contas /01/2014

43 Erro no Captador: Contas que apresentam erro após a validação no Captador OnLine. Permite a edição, exclusão e validação de contas. Validada no Captador: Contas validadas e prontas para envio ao Planserv (Base Planserv). Permite a edição, exclusão e envio de contas para o Planserv. Enviadas a Base: Contas enviadas ao Planserv (Base Planserv). Permite apenas a exclusão de contas enviadas. Devolvidas: Contas devolvidas após os fechamentos parciais EDIÇÃO DE CONTAS As contas digitadas no Captador OnLine são armazenadas na Base Local, Digitada no Captador. Para visualizar o conteúdo de uma conta já salva, deve-se digitar o número da, ou se- conta no campo Número Guia e, em seguida, clicar no botão Pesquisar lecionar a conta desejada, como mostra o modelo de tela abaixo. Para realizar os ajustes necessários, depois de selecionar a conta desejada, clicar no botão Editar. A conta será exibida novamente para que as correções necessárias sejam realizadas /01/2014

44 6.1.2 EXCLUSÃO DE CONTAS Para realizar a exclusão de uma conta no Captador OnLine, selecione a conta desejada (destacada em azul) e clique no botão Excluir. A conta será excluída da Base Local, Digitada no Captador VALIDAÇÃO DE CONTAS Todas as contas devem ser validadas antes de realizar o envio para a BASE PLANSERV. Para validar conta (s) no Captador OnLine, selecione a (s) conta (s) desejada (s) (destacada em azul) e clique no botão Validar /01/2014

45 Se valida com sucesso, a conta será armazenada na Base Local, Validada no Captador. Se a conta apresentar erro no processo de validação, será armazenada na Base Local, Erro no Captador, como demonstra a tela abaixo. Para consultar o (s) erro (s) da conta selecionada, clicar no botão Erros /01/2014

46 6.1.4 ENVIO DE CONTAS Para realizar o envio de conta (s) no Captador OnLine, selecione a (s) conta (s) desejada (s), digite na tela de Validação para Envio, Exclusão e Edição o Login e Senha de acesso ao site, fornecidos pelo Planserv e clique no botão Enviar. A (s) conta (s) será (ão) enviada (s) da Base Local, Validada no Captador para a Base Planserv, Enviadas a Base. Para enviar todas as contas da Base Local, clicar em Selecionar Todas e depois no botão Enviar. Após concluído o envio, aparece uma tela informando o nome do Lote enviado (Chave) para impressão do Recibo de Envio das contas. 6.2 BASE PLANSERV Armazena as contas enviadas ao Planserv após validação /01/2014

47 ESTADO DAS CONTAS NA BASE PLANSERV: Para enviar a conta à Base Planserv, editar e excluir contas já enviadas é necessária a validação do usuário, com Login e Senha utilizados no TOP WEB /01/2014

48 Enviados a Base Contas enviadas a Base Planserv, sem o processamento do sistema. Permite exclusão e edição. Analisadas OK - Contas que após o processamento não apresentaram glosas de devolução. Permite exclusão e edição. Analisadas com glosa - Contas que após o processamento apresentaram glosas. Permite exclusão e edição. Observações importantes: As contas Analisadas com glosa na Base Planserv poderão ser exportadas no formato Excel. Isto possibilita que o prestador elabore relatórios gerenciais para correção das glosas. Caso seja necessário efetuar correções nestas contas, elas deverão ser editadas e salvas, retornando a Base Local. As contas destacadas na cor amarelo representam contas com glosas de devolução. Estes tipos de inconformidade não serão acatados pelo Planserv. Após os fechamentos parciais as contas serão devolvidas para a Base Local do prestador sendo, portanto, automaticamente excluídas da Base Planserv. As contas destacadas na cor salmão representam contas com glosa total, mas não serão devolvidas após os fechamentos parciais. Atenção, pois algumas contas necessitarão de ajuste. BOTÕES DE COMANDO: Digitação de uma nova conta Edição de contas salvas. Exclusão de conta em qualquer Base (Local ou Planserv) /01/2014

49 Validação das contas para envio Impressão de contas Fechamento de tela Demonstrativo dos erros após validação Envio de contas validadas a rede Planserv 7. DEVOLUÇÃO Para baixar todas as contas inválidas que foram devolvidas após o processamento do Planserv, clicar no ícone Baixar Devolvidas no menu Contas, após verificar o status Contas devolvidas, na tela seguinte. Após o processamento, as contas devolvidas, retornarão para Base Local, Devolvidas, depois de clicar no ícone Baixar Devolvidas. Salientamos que esta opção transfere todas as contas devolvidas para a Base Local, sendo, portanto, excluídas da Base Planserv. O prestador deverá efetuar as devidas correções nas respectivas contas e refazer os processos de validação e envio /01/2014

50 8. REMESSAS 8.1 RECIBO ENVIO Para emissão do relatório contendo os recibos das contas enviadas à base Planserv, acesse o menu Remessa e clique no ícone Recibo Envio na seguinte tela. Na tela Recibo das Remessas Enviadas, a pesquisa do recibo poderá ser realizada através das seguintes opções: Pesquisa por Referência, Pesquisa por Guia, Pesquisa por Lote ou Pesquisa por Data de Entrega, sendo que para a pesquisa de contas por lote e data de entrega é necessário informar inicialmente a referência. Selecione uma das opções e clique em Pesquisar /01/2014

51 Na tela seguinte, após selecionar o lote desejado, clique em Imprimir Recibo. MODELO DE RECIBO DE ENTREGA DE CONTAS /01/2014

52 O prestador terá a opção de exportar o Recibo de Entrega de Contas nos formatos Excel, PDF e Word. Para realizar uma nova pesquisa, clicar no botão Limpar Pesquisa. 8.2 RELATÓRIO DAS CONTAS EXCLUÍDAS Esta ferramenta permite ao usuário gerenciar as contas excluídas da Base Planserv. É possível visualizar contas que foram editadas e salvas na Base Planserv após o processamento noturno, contas excluídas da Base Planserv e as contas devolvidas após os fechamentos parciais. 8.3 RECIBO REMESSA Para emissão do resumo de todas as contas da referência, acesse o menu Remessa e clique no ícone Recibo Remessa na seguinte tela. Na tela Recibo Remessas, selecione a referência ou número da conta e clique em Pesquisar /01/2014

53 Na tela seguinte, selecione a remessa e clique em Imprimir /01/2014

54 MODELO DE RECIBO DE REMESSAS Para visualizar o detalhamento das contas para impressão, clicar no ícone de agrupamento (sinal de +/-). Clicar no botão Imprimir e após a impressão, para sair da tela Recibo Remessas, clique no botão Fechar. 8.4 PROCESSAMENTO DO CAPTADOR ONLINE Acessar a internet no site do Planserv e selecionar no módulo do Prestador, o Top Saúde. No menu, selecionar a opção Contas Médicas > Interfaces > Processamento Captador OnLine, nesta ordem. Em seguida, será exibida uma tela de acompanhamento da situação das contas na Base Planserv, em processamento e devolvidas para Base Local. 9. ATUALIZAÇÕES 9.1 ATUALIZAR BASE Mesmos passos de configuração inicial 4.2. Deve-se realizar este procedimento uma vez por mês. 9.2 ATUALIZAR SISTEMA /01/2014

55 A cada nova atualização disponível o sistema automaticamente notificará o usuário. Não haverá perda de dados com a atualização do sistema. Para realizar a atualização automaticamente, clique no botão Atualizar Sistema, no menu Atualizações. ACOMPANHAMENTO DO STATUS DE ATUALIZAÇÃO: /01/2014

56 9.3 NOTÍCIAS PLANSERV Permite a visualização dos informativos do setor de contas médicas divulgados no Top Saúde /01/2014

57 9.4 ENVIAR MENSAGEM AO PLANSERV Possibilita que o prestador envie mensagens com erros, críticas ou sugestões para a e- quipe do Captador de maneira otimizada, sem precisar sair do programa. TELA DE ENVIO DE MANSAGEM PARA O DO CAPTADOR: /01/2014

58 10. BANCO DE DADOS 10.1 BACKUP O backup (cópia de segurança da base de dados local) deve ser realizado conforme a necessidade de cada prestador. Para realizar o backup, clicar no ícone Backup no menu Banco de Dados. Depois de confirmada a realização do processo de cópia de segurança, o arquivo de backup será salvo na pasta do Captador OnLine diretório BKP /01/2014

59 10.2 RESTAURAÇÃO DE BACKUPS ANTERIORES A restauração de backups anteriores tem por objetivo recuperar contas compactadas em um arquivo de backup. Deve-se utilizar esta função sempre que for necessário recuperar informações ou sempre que for solicitado pelo suporte. Para realizar a restauração, clicar no ícone Restauração no menu Banco de Dados. Selecione o arquivo e clique no botão Restaurar. As contas contidas no arquivo selecionado retornarão para Base Local /01/2014

60 10.3 RESTAURAÇÃO E COMPACTAÇÃO A reparação e compactação tem a funcionalidade de reparar e compactar a Base Local do programa. Pode ser utilizada sempre que o programa apresentar lentidão VERSÃO Exibe informações sobre a versão atual do sistema /01/2014

61 /01/2014

DIAMANTE PLUS-CORP Versão 1.00.01 (Compatível com o PRODOCTOR PLUS e PRODOCTOR CORP)

DIAMANTE PLUS-CORP Versão 1.00.01 (Compatível com o PRODOCTOR PLUS e PRODOCTOR CORP) DIAMANTE PLUS-CORP Versão 1.00.01 (Compatível com o PRODOCTOR PLUS e PRODOCTOR CORP) Esta orientação é para clientes que vão iniciar a utilização do DIAMANTE PLUS CORP. SERVIDOR Acesse o site www.pacotediamante.com.br.

Leia mais

DIAMANTE V11.00.03 www.pacotediamante.com.br (Compatível com a versão 11 do PRODOCTOR)

DIAMANTE V11.00.03 www.pacotediamante.com.br (Compatível com a versão 11 do PRODOCTOR) DIAMANTE V11.00.03 www.pacotediamante.com.br (Compatível com a versão 11 do PRODOCTOR) SERVIDOR ATENÇÃO Esta operação só poderá ser efetuada no servidor, e com todas as estações do PRODOCTOR DESLIGADAS.

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB 0 Sumário Introdução... 2 Funcionalidades... 2 Requisitos Necessários... 2 Faturamento Web... 3 Faturamento Simplificado... 4 Faturamento Detalhado... 9 Faturamento

Leia mais

PORTAL SPA TISS. Manual do Credenciado. Manual do Credenciado para utilização do Portal SPA TISS do SPA Saúde.

PORTAL SPA TISS. Manual do Credenciado. Manual do Credenciado para utilização do Portal SPA TISS do SPA Saúde. PORTAL SPA TISS Manual do Credenciado Manual do Credenciado para utilização do Portal SPA TISS do SPA Saúde. Equipe de Treinamento de Desenvolvimento TIS SPA Saúde Sumário 1. Introdução... 3 2. Objetivo...

Leia mais

SAÚDE CONNECT 3.001 FATURAMENTO

SAÚDE CONNECT 3.001 FATURAMENTO SAÚDE CONNECT 3.001 FATURAMENTO FATURAMENTO - PRESTADOR... 3 1. DIGITAR GUIAS... 3 1.1 GUIA DE CONSULTA... 3 1.2 GUIA DE SP/SADT... 8 1.3 GUIA DE HONORÁRIOS... 17 1.4 RESUMO DE INTERNAÇÃO... 23 1.5 GUIA

Leia mais

Manual do AP_Conta. Manual do AP_Conta. Aplicativo para digitação e envio de contas médicas no padrão TISS

Manual do AP_Conta. Manual do AP_Conta. Aplicativo para digitação e envio de contas médicas no padrão TISS 2014 Manual do AP_Conta Aplicativo para digitação e envio de contas médicas no padrão TISS 0 Sumário 1. Sobre esse manual... 3 2. Habilitando e Configurando o AP_Conta... 4 3. Habilitação e Licenciamento...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL TISS. Manual. Usuário. Versão 1.3 atualizado em 13/06/2013

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL TISS. Manual. Usuário. Versão 1.3 atualizado em 13/06/2013 Manual do Usuário Versão 1.3 atualizado em 13/06/2013 1. CONFIGURAÇÕES E ORIENTAÇÕES PARA ACESSO... 4 2 GUIAS... 11 2.1 DIGITANDO AS GUIAS... 11 2.2 SALVANDO GUIAS... 12 2.3 FINALIZANDO UMA GUIA... 13

Leia mais

DIAMANTE V7.2.2 www.pacotediamante.com.br (Compatível com a versão 9 do PRODOCTOR) Primeira instalação do DIAMANTE

DIAMANTE V7.2.2 www.pacotediamante.com.br (Compatível com a versão 9 do PRODOCTOR) Primeira instalação do DIAMANTE SERVIDOR DIAMANTE V7.2.2 www.pacotediamante.com.br (Compatível com a versão 9 do PRODOCTOR) Primeira instalação do DIAMANTE Opção A O Prodoctor foi instalado de forma padrão, no disco C do servidor. C:\Prodoctor9

Leia mais

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx 1 Introdução O Conecta S_Line permite que o laboratório envie à Central S_Line os resultados de exames gerados pelo Sistema de Informação Laboratorial (LIS) em forma de arquivos digitais. Todo o processo

Leia mais

INTRODUÇÃO 2 AUTORIZADOR WEB 4. Pesquisar Beneficiário... 5. Elegibilidade Beneficiário... 6. Nova Guia Consulta Eletiva... 7. Nova Guia SP/SADT...

INTRODUÇÃO 2 AUTORIZADOR WEB 4. Pesquisar Beneficiário... 5. Elegibilidade Beneficiário... 6. Nova Guia Consulta Eletiva... 7. Nova Guia SP/SADT... INTRODUÇÃO 2 AUTORIZADOR WEB 4 Pesquisar Beneficiário... 5 Elegibilidade Beneficiário... 6 Nova Guia Consulta Eletiva... 7 Nova Guia SP/SADT... 10 Nova Guia Anexo de Radioterapia... 14 Nova Guia Anexo

Leia mais

Módulo Faturamento INDICE

Módulo Faturamento INDICE Módulo Faturamento INDICE Como faturar contas... 3 Editando os dados de uma conta... 5 Como gerar o arquivo TISS... 7 Como cadastrar médicos... 10 Como cadastrar um convênio... 15 Como cadastrar um layout...

Leia mais

Sistema de Autorização Unimed

Sistema de Autorização Unimed Diretoria de Gestão Estratégica Departamento de Tecnologia da Informação Divisão de Serviços em TI Sistema de Autorização Unimed MANUAL DO USUÁRIO DIVISÃO DE SERVIÇOS EM TI A Divisão de Serviços em TI

Leia mais

MANUAL DE PROCESSO DIGITAÇÃO DE CONTAS MÉDICAS PORTAL WEB. Última atualização: 29/08/2014 1

MANUAL DE PROCESSO DIGITAÇÃO DE CONTAS MÉDICAS PORTAL WEB. Última atualização: 29/08/2014 1 MANUAL DE PROCESSO DIGITAÇÃO DE CONTAS MÉDICAS PORTAL WEB 1 Índice 1. Acesso ao Portal WEB... 2. Digitação de Contas Médicas... 2.1. Criação de Protocolo... 2.1.1. Digitação Contas... 2.1.1.1. Guia Consulta...

Leia mais

Unimed do Brasil Unidade de Serviços às Singulares Página 1 de 79. Unimed HILUM - Versão 1.7.4.18.1

Unimed do Brasil Unidade de Serviços às Singulares Página 1 de 79. Unimed HILUM - Versão 1.7.4.18.1 Página 1 de 79 1 HILUM... 3 1.1 Consulta... 5 1.1.1 Execução... 5 1.1.2 Tp Saída / CID... 10 1.1.3 Pesquisa CID10... 11 1.2 SP - SADT... 12 1.2.1 Solicitação... 12 1.2.2 Execução... 19 1.2.3 Outras Despesas...

Leia mais

MANUAL FATURAMENTO SERVIÇOS MÉDICOS/CONTAS MÉDICAS

MANUAL FATURAMENTO SERVIÇOS MÉDICOS/CONTAS MÉDICAS MANUAL FATURAMENTO SERVIÇOS MÉDICOS/CONTAS MÉDICAS ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...3 2. INFORMAÇÕES REGULAMENTARES:...3 3. ACESSO AO SISTEMA...3 4. INCLUSÃO DE USUÁRIOS...4 5. FATURAMENTO ELETRÔNICO...5 6. GUIA

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. Faturamento. de Convênios

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. Faturamento. de Convênios MANUAL DE UTILIZAÇÃO Faturamento de Convênios O Faturamento de Convênios proporciona facilidade e agilidade para cobrança dos procedimentos, taxas, materiais e serviços do centro de nefrologia relacionado

Leia mais

Manual do Módulo Emissão de Guias

Manual do Módulo Emissão de Guias 1 Manual do Módulo Emissão de Guias Índice ÍNDICE 1 OBJETIVO 2 CARACTERÍSTICAS 2 CAMPOS MÓDULO EMISSÃO DE GUIAS 3 PASTA DADOS DA EMISSÃO 6 PASTA IND CLÍNICAS/OBSERVAÇÕES 6 PASTA OBSERVAÇÃO INTERNA 7 TECLAS

Leia mais

SAÚDE CONNECT 3.001 AUTORIZAÇÃO

SAÚDE CONNECT 3.001 AUTORIZAÇÃO SAÚDE CONNECT 3.001 AUTORIZAÇÃO SUMÁRIO ATENDIMENTO / AUTORIZAÇÃO... 2 1. GUIA DE CONSULTA... 2 2. GUIA DE SP/SADT... 10 3. ANEXO SOLICITAÇÃO OPME... 18 4. ANEXO DE QUIMIOTERAPIA... 22 5. ANEXO DE RADIOTERAPIA...

Leia mais

P&F Manual Guia WEB TISS 3.0

P&F Manual Guia WEB TISS 3.0 A seguir será apresentado os passos para emissão de guia via internet, versão TISS 3.0. Essas guias foram desenvolvidas de acordo com o padrão estabelecido pelo órgão regulador do setor de saúde suplementar

Leia mais

Manual de Orientação TISS

Manual de Orientação TISS Manual de Orientação TISS Prezado Prestador, De forma a atender a Resolução Normativa 114 de 26/10/05 publicada pela ANS - Agência Nacional de Saúde Suplementar, a Marítima Saúde Seguros S/A está disponibilizando

Leia mais

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas 2014 V.1.0 SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Contas Médicas SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Módulos CONTAS MÉDICAS Capa

Leia mais

Unimed do Brasil Unidade de Serviços às Singulares Página 1 de 119. Unimed HILUM - Versão 3.0.0

Unimed do Brasil Unidade de Serviços às Singulares Página 1 de 119. Unimed HILUM - Versão 3.0.0 Página 1 de 119 Unimed HILUM - Versão 3.0.0 1 HILUM... 4 1.1 Consulta... 6 1.1.1 Execução... 6 1.2 SADT... 11 1.2.1 Solicitação... 11 1.2.2 Execução... 18 1.2.3 Execução On-Line... 26 1.2.4 Outras Despesas...

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR WEB

MANUAL DO PRESTADOR WEB MANUAL DO PRESTADOR WEB Sumário 1. Guia de Consulta... 3 2. Guia de Procedimentos Ambulatoriais... 6 3. Guia de Solicitação de Internação... 8 4. Prorrogação de internação... 8 5. Confirmação de pedido

Leia mais

TISS 3.01.00 CARTILHA. 1. Divulgação 3.01.00 - CNU/ANS. 2. Material TISS 3.01.00. 3. Componentes da TISS 3.01.00

TISS 3.01.00 CARTILHA. 1. Divulgação 3.01.00 - CNU/ANS. 2. Material TISS 3.01.00. 3. Componentes da TISS 3.01.00 1. Divulgação 3.01.00 - CNU/ANS CARTILHA TISS 3.01.00 2. Material TISS 3.01.00 3. Componentes da TISS 3.01.00 4. Rotina Operacional Central de Atendimento Autorização 5. Rotina Operacional Contas Médicas

Leia mais

Manual de PRODUÇÃO ONLINE. Autorização e Faturamento

Manual de PRODUÇÃO ONLINE. Autorização e Faturamento Manual de PRODUÇÃO ONLINE 2 APRESENTAÇÃO A Unimed-Rio desenvolveu seu sistema de Produção Online, criado para facilitar a rotina de atendimento de seus médicos cooperados. Este sistema é composto por dois

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Sistema Nota Fiscal Eletrônica. Sil Tecnologia LTDA

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Sistema Nota Fiscal Eletrônica. Sil Tecnologia LTDA Sistema Nota Fiscal Eletrônica Sil Tecnologia LTDA SUMÁRIO INTRODUÇÃO 4 1. CONHECENDO OS COMANDOS DO SISTEMA 5 1.1 Tela Inicial do Sistema 5 1.2 Navegador de registros 6 1.3 Filtro de Registros 6 2. TELA

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES

Leia mais

Unimed Ponte Nova Cooperativa de Trabalho Médico Ltda Rua Hugo Saporetti, 48 Guarapiranga Ponte Nova MG CEP: 35430-202

Unimed Ponte Nova Cooperativa de Trabalho Médico Ltda Rua Hugo Saporetti, 48 Guarapiranga Ponte Nova MG CEP: 35430-202 1 Sumário 1 HILUM... 3 2 Identificação do Beneficiário... 4 3 Help OnLine... 6 4 Consulta... 7 4.1 Execução... 7 5 SADT... 13 5.1 Solicitação... 13 5.2 Solicitação / Execução... 21 5.3 Execução... 30 5.4

Leia mais

Manual do Prestador. Autorizador Web

Manual do Prestador. Autorizador Web Manual do Prestador Autorizador Web Instruções Gerais Quando houver a realização de consultas que os beneficiários estiverem sem o cartão de identificação, ou quando este cartão não for reconhecido na

Leia mais

Manual de Preenchimento da TISS (Troca de Informações em Saúde Suplementar)

Manual de Preenchimento da TISS (Troca de Informações em Saúde Suplementar) Manual de Preenchimento da TISS (Troca de Informações em Saúde Suplementar) 0 Última Atualização: 16/05/07 9:30h SUMÁRIO I Introdução Página 2 II - Formulários/ Legendas Página 5 II.1 Guias Página 5 2.1.1

Leia mais

SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO

SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO Departamento de Tecnologia da Informação tecnologia@unimeditabira.com.br 31 3839-771 3839-7713 Revisão 03 Itabira Setembro 2015 Sumário 1. Acessando

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES 1.3

Leia mais

Manual do Prestador. Versão 1.0 Maio/2014. Manaus - Amazonas ANS Nº 38809-2 1

Manual do Prestador. Versão 1.0 Maio/2014. Manaus - Amazonas ANS Nº 38809-2 1 Manual do Prestador Versão 1.0 Maio/2014 Manaus - Amazonas 1 SUMÁRIO Apresentação... 3 1. Identificação do beneficiário...3 2. Atendimento ao beneficiário... 4 2.1. Requisitos para o atendimento... 4 2.2.

Leia mais

Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA

Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA Manual do Usuário SisCommercePDV NFC-e Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA MANUAL DO USUÁRIO SisCommercePDV Emissor de Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e) *Manual em desenvolvimento

Leia mais

APRESENTAÇÃO UNIHOSP SAÚDE S/A CNPJ: 01.445.199/0001-24 Rua Campos Sales, 517 Centro Santo André - SP MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO

APRESENTAÇÃO UNIHOSP SAÚDE S/A CNPJ: 01.445.199/0001-24 Rua Campos Sales, 517 Centro Santo André - SP MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO APRESENTAÇÃO UNIHOSP SAÚDE S/A CNPJ: 01.445.199/0001-24 Rua Campos Sales, 517 Centro Santo André - SP MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO Este manual visa esclarecer as regras e normas para o serviço

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM Versão 01/2013 Consultório e SADT 11 IDENTIFICAÇÃO VOAM VOLVO ODONTOLOGIA E ASSISTÊNCIA MÉDICA. Razão Social: VOLVO DO BRASIL VEÍCULOS LTDA. CNPJ: 43.999.424/0001-14

Leia mais

Manual de Utilização. Sistema. Recibo Provisório de Serviço

Manual de Utilização. Sistema. Recibo Provisório de Serviço Manual de Utilização Sistema Recibo Provisório de Serviço Versão 1.0 17/08/2011 Sumário Introdução... 5 1. Primeiro Acesso... 7 2. Funções do e-rps... 8 2.1 Menu Superior... 8 2.1.1 Arquivo......8 2.1.2

Leia mais

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 1 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA Documento de Arrecadação Estadual DAE Manual do Usuário Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 66.053-000 Av. Visconde de Souza Franco, 110 Reduto Belém PA Tel.:(091)

Leia mais

Versão 1.15. Portal StarTISS. Portal de Digitação e Envio do Faturamento. Manual de Utilização. Versão 1.15 (Agosto/2014)

Versão 1.15. Portal StarTISS. Portal de Digitação e Envio do Faturamento. Manual de Utilização. Versão 1.15 (Agosto/2014) Versão 1.15 Portal StarTISS Portal de Digitação e Envio do Faturamento Manual de Utilização Versão 1.15 (Agosto/2014) Conteúdo 1. CONTATOS... 1 2. REQUISITOS NECESSÁRIOS... 1 3. ACESSANDO O PORTAL STARTISS...

Leia mais

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO Diretoria de Vigilância Epidemiológica/SES/SC 2006 1 Módulo 04 - Exportação e Importação de Dados Manual do SINASC Módulo Exportador Importador Introdução O Sistema SINASC

Leia mais

2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO

2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INDICE 1. INTRODUÇÃO 2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO 2.1. COMPARTILHANDO O DIRETÓRIO DO APLICATIVO 3. INTERFACE DO APLICATIVO 3.1. ÁREA DO MENU 3.1.2. APLICANDO A CHAVE DE LICENÇA AO APLICATIVO 3.1.3 EFETUANDO

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO DO SISTEMA HOSP7

GUIA DE INSTALAÇÃO DO SISTEMA HOSP7 GUIA DE INSTALAÇÃO DO SISTEMA HOSP7 LEALDATA INFORMÁTICA RECEPÇÃO FATURAMENTO CADASTRANDO E FATURANDO PACIENTES INSTALAÇÃO DO SISTEMA EM OUTROS COMPUTADORES RECEPÇÃO Segue abaixo passo a passo os cadastros

Leia mais

Manual de utilização do. sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR

Manual de utilização do. sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR Manual de utilização do sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR Sistema integrado de controle médico Acesso... 3 Menu principal... 4 Cadastrar... 6 Cadastro de pacientes... 6 Convênios... 10

Leia mais

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual Aplicativo da Manifestação do Destinatário Manual Novembro de 2012 1 Sumário 1 Aplicativo de Manifestação do Destinatário...4 2 Iniciando o aplicativo...4 3 Menus...5 3.1 Manifestação Destinatário...5

Leia mais

ÍNDICE. 2.1. Funcionalidades... 5

ÍNDICE. 2.1. Funcionalidades... 5 ÍNDICE 1. PRIMEIRO ACESSO AO SITE... 3 2. MAPA DO SITE... 4 2.1. Funcionalidades... 5 3. ENVIO DE COBRANÇAS ELETRÔNICAS... 5 3.1. Solicitações... 7 3.1.1. Internação... 7 3.1.2. Prorrogação... 8 3.1.3.

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO DA ASSEFAZ TISS TROCA DE INFORMAÇÕES EM SAÚDE SUPLEMENTAR VERSÃO 2

MANUAL DE ORIENTAÇÃO DA ASSEFAZ TISS TROCA DE INFORMAÇÕES EM SAÚDE SUPLEMENTAR VERSÃO 2 MANUAL DE ORIENTAÇÃO DA ASSEFAZ TISS TROCA DE INFORMAÇÕES EM SAÚDE SUPLEMENTAR VERSÃO 2 1 Brasília/DF - 2007 1. Introdução A meta deste trabalho é estruturar e auxiliar no correto preenchimento das Guias

Leia mais

Orientações sobre a Utilização do Saúde Connect

Orientações sobre a Utilização do Saúde Connect Orientações sobre a Utilização do Saúde Connect Objetivo do Módulo Saúde Connect Acesso ao Módulo Saúde Connect Botões de Comando Envio de cobrança para a SPTrans Primeira opção: Digitar Guia Segunda opção:

Leia mais

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado 1 SUMÁRIO 1. Objetivo... 3 2. Acesso ao Sistema... 3 3. Descrição das Funcionalidades Menu Guias Liberação On-line.... 4 3.1 Liberação

Leia mais

Manual do Prestador Versão TISS 3.02

Manual do Prestador Versão TISS 3.02 Manual do Prestador Versão TISS 3.02 Caro(a) Prestador(a) Serviços, É com muito prazer e satisfação que aproveitamos esta página para demonstrar nosso agradecimento em relação à confiança depositada por

Leia mais

MANUAL VERSÃO 2.13 1

MANUAL VERSÃO 2.13 1 1 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 1. O QUE É O EOL?... 3 2. ACESSANDO O EOL... 3 3. TELA INICIAL... 4 4. EXAMES ADMISSIONAIS... 4 5. MUDANÇA DE FUNÇÃO... 6 6. EXAMES DEMISSIONAL E RETORNO AO TRABALHO... 7 7. EXAMES

Leia mais

Manual Laboratório. ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014

Manual Laboratório. ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014 2014 Manual Laboratório ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014 Sumário Acesso ao Sistema... 2 Menu Cadastros... 4 Cadastro de usuários... 4 Inclusão de Novo Usuário... 5 Alteração de usuários...

Leia mais

VERSÃO 3.3 - PERFIL PRESTADOR. Versão do Manual - 1.00

VERSÃO 3.3 - PERFIL PRESTADOR. Versão do Manual - 1.00 VERSÃO 3.3 - PERFIL PRESTADOR Versão do Manual - 1.00 1 2 Histórico de versões Versão Data 1.00 14/12/07 Atualização Criação do Documento Autor Cayo Prado Créditos Coordenador de Desenvolvimento Marcos

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR WEB

MANUAL DO PRESTADOR WEB MANUAL DO PRESTADOR WEB ÍNDICE ÍNDICE... 2 1) Apresentação... 3 2) Informações importantes... 3 3) Programas e configurações necessários... 4 3.a. Programas necessários.... 4 3.b. Configurações necessárias....

Leia mais

DRIVE CONTÁBIL NASAJON

DRIVE CONTÁBIL NASAJON DRIVE CONTÁBIL NASAJON Módulo Gestão de Documentos Versão 1.0 Manual do Usuário 1 Sumário Os Módulos do Gerenciador de NFe: Informações Básicas Primeiro Acesso: Requisitos Acesso ao Drive Contábil Nasajon

Leia mais

Conhecimento de Transporte

Conhecimento de Transporte Página1 Conhecimento de Transporte No menu de navegação, este item é a opção para emissão e administração dos Conhecimentos de Transporte do sistema. Para acessar, posicione o mouse no local correspondente

Leia mais

Página: 1. Revisão: 16/12/2008. G:\TI\Negocios\Manuais_WebGuias\WebGuias 1.08.doc

Página: 1. Revisão: 16/12/2008. G:\TI\Negocios\Manuais_WebGuias\WebGuias 1.08.doc Página: 1 Página: 2 INDICE EMISSÃO DE GUIAS VIA INTERNET... 3 WEBGUIAS...4 1. Página Inicial...5 2. Alterando a senha padrão fornecida pela Santa Casa Saúde:...6 3. Mensagens WEB...7 4. Autorização de

Leia mais

Manual Captura S_Line

Manual Captura S_Line Sumário 1. Introdução... 2 2. Configuração Inicial... 2 2.1. Requisitos... 2 2.2. Downloads... 2 2.3. Instalação/Abrir... 3 3. Sistema... 4 3.1. Abrir Usuário... 4 3.2. Nova Senha... 4 3.3. Propriedades

Leia mais

Manual do Usuário. Projetos e Implantações. Fevereiro - 2007..: Rede Credenciada

Manual do Usuário. Projetos e Implantações. Fevereiro - 2007..: Rede Credenciada Manual do Usuário Projetos e Implantações. Fevereiro - 2007.: Rede Credenciada 1 CONCEITO E ACESSO... 2 2 SEQÜÊNCIA INICIAL DE ACESSO AO PORTAL... 2 2.1 PERFIS DE ACESSO... 3 2.2 REGISTRO ELETRÔNICO...

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet Manual do Usuário Copyright 2014 - ControleNaNet Conteúdo A Ficha de Vendas...3 Os Recibos...6 Como imprimir?...7 As Listagens...9 Clientes... 10 Consulta... 11 Inclusão... 13 Alteração... 14 Exclusão...

Leia mais

Módulo: R_LAU_EXA - Relatório de Laudo de Exames

Módulo: R_LAU_EXA - Relatório de Laudo de Exames Page 1 of 42 120988 Módulo: R_LAU_EXA - Relatório de Laudo de Exames PDA 120988: Criação de Numeração de Página do Laudo do Laboratório. SOLICITAÇÃO DO CLIENTE Solicito que na impressão dos resultados

Leia mais

Usuários. Manual. Pergamum

Usuários. Manual. Pergamum Usuários Manual Pergamum Sumário 1 APRESENTAÇÃO... 1-2 2 CADASTRANDO UM NOVO USUÁRIO/OPERADOR... 2-1 3 UTILIZANDO O MÓDULO DE USUÁRIOS... 3-2 3.1 CONFIGURAÇÃO DE GUIAS NO EXPLORER... 3-3 4 CADASTRO...

Leia mais

Sumário INTRODUÇÃO... 2

Sumário INTRODUÇÃO... 2 Sumário INTRODUÇÃO... 2 DOWNLOAD DOS ARQUIVOS DE INSTALAÇÃO DO RPC... 3 CRIANDO UM DIRETÓRIO TEMPORÁRIO... 3 ACESSANDO A PÁGINA ELETRÔNICA... 4 COPIANDO OS ARQUIVOS... 5 DESCOMPACTANDO OS ARQUIVOS... 9

Leia mais

FORMULÁRIOS TISS SUMÁRIO

FORMULÁRIOS TISS SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Formulários Padrão TISS 2. Preenchimento das Guias Padrão TISS Guia de Consulta Guia de Serviço Profissional/Serviço Auxiliar de Diagnóstico e Terapia SP/SADT Guia de Solicitação de Internação

Leia mais

SCIM 1.0. Guia Rápido. Instalando, Parametrizando e Utilizando o Sistema de Controle Interno Municipal. Introdução

SCIM 1.0. Guia Rápido. Instalando, Parametrizando e Utilizando o Sistema de Controle Interno Municipal. Introdução SCIM 1.0 Guia Rápido Instalando, Parametrizando e Utilizando o Sistema de Controle Interno Municipal Introdução Nesta Edição O sistema de Controle Interno administra o questionário que será usado no chek-list

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Estamos definitivamente na era digital. Era da velocidade cada vez maior da informação. Era da otimização do tempo. O novo Sistema Integrado de Saúde Amil, SiSAmil, mostra toda a evolução da empresa nesse

Leia mais

ÍNDICE TISS versão 3.0 Implantação 31/05/2014

ÍNDICE TISS versão 3.0 Implantação 31/05/2014 1 ÍNDICE 1. Visão Geral 3 2. O que é a TISS 3 3. Histórico da evolução do modelo 3 4. O que faz parte da TISS 4 5. Guias e demonstrativos 4 6. Plano de contingência 4 7. Guia de consulta 5 8. Guia de SP/SADT

Leia mais

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

BH PARK Software de Estacionamento

BH PARK Software de Estacionamento BH PARK Software de Estacionamento WWW.ASASSOFTWARES.COM.BR Índice 1 Informações Básicas... 1 1.1 Sair da aplicação... 1 1.2 Travar aplicação... 1 1.3 Licenciando a aplicação... 1 1.4 Contrato de Manutenção...

Leia mais

Nota Fiscal Paulista. Manual do TD REDF (Transmissor de Dados Registro Eletrônico de Documentos Fiscais) GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

Nota Fiscal Paulista. Manual do TD REDF (Transmissor de Dados Registro Eletrônico de Documentos Fiscais) GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO Nota Fiscal Paulista Manual do TD REDF (Transmissor de Dados Registro Eletrônico de Documentos Fiscais) Versão 1.1 15/02/2008 Página 1 de 17 Índice Analítico 1. Considerações Iniciais 3 2. Instalação do

Leia mais

GW Unimed Blumenau. Nunca foi tão fácil enviar sua produção eletronicamente para a Unimed Blumenau.

GW Unimed Blumenau. Nunca foi tão fácil enviar sua produção eletronicamente para a Unimed Blumenau. 2010 GW Unimed Blumenau Nunca foi tão fácil enviar sua produção eletronicamente para a Unimed Blumenau. GW uma ferramenta on-line de auditoria ligada diretamente com o próprio sistema da operadora, o que

Leia mais

Manual de Utilização Sisamil - Sistema Integrado de Saúde Amil Manual de Utilização 1 54

Manual de Utilização Sisamil - Sistema Integrado de Saúde Amil Manual de Utilização 1 54 Manual de Utilização 1 54 Estamos definitivamente na era digital. Era da velocidade cada vez maior da informação. Era da otimização do tempo. O novo Sistema Integrado de Saúde Amil, SiSAmil, mostra toda

Leia mais

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Índice ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO PELA PRIMEIRA VEZ... 6 CONFIGURAÇÕES NECESSÁRIAS PARA ACESSAR O SISTEMA... 6 TELA DE ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO...

Leia mais

Divulgação Novo TISS 3.02.00

Divulgação Novo TISS 3.02.00 Manual TISS 3.0.00 Índice Tema Introdução Conteúdo e Estrutura Guia de Consulta Legenda Guia de Consulta Guia SP SADT Legenda Guia SP SADT Guia Solicitação de Internação Legenda Guia Solicitação de Internação

Leia mais

MÓDULO CLIENTE 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4

MÓDULO CLIENTE 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4 MÓDULO CLIENTE Conteúdo 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4 2.2 HOME 4 2.3 A VALECARD 5 2.4 PRODUTOS 6 2.5 REDE CREDENCIADA 7 2.6 ROTA 9 2.7 CONTATO 9 3. EMPRESAS 11 3.1. ACESSO

Leia mais

MANUAL DO SINASC_LOCAL

MANUAL DO SINASC_LOCAL MANUAL DO SINASC_LOCAL Diretoria de Vigilância Epidemiológica/SES/SC - 2006 1 Módulo - Usuário Manual do Sinasc Módulo Usuário Capítulo 01 - Introdução O SINASC é um instrumento fundamental para informações

Leia mais

Pagamento - Fornecedor

Pagamento - Fornecedor Pagamento - Fornecedor MT-212-00137 - 1 Última Atualização 30/08/2014 I. Objetivos Após este módulo de capacitação você será capaz de: Carregar Documentos Fiscais Verificar o status de envio dos documentos

Leia mais

Manual do Processo de Faturamento

Manual do Processo de Faturamento Manual do Processo de Faturamento Apresentação MV Sumário Processo de Faturamento 6 Leia-me primeiro... 6 Faturamento de... Convênios e Particular 8 Faturamento de Convênios... 8 Protocolar Documentação...

Leia mais

Saúde Online. Serviços Médicos / Faturamento

Saúde Online. Serviços Médicos / Faturamento Saúde Online Serviços Médicos / Faturamento Página 1 INDICE 1 Introdução Página 03 2 Acesso Página 03 3 Faturamento Eletrônico Página 03 4 Guia de Consulta Página 05 5 Guia SP/SADT Página 07 6 Guia de

Leia mais

Governo do Estado do Pará Secretaria de Estado da Fazenda

Governo do Estado do Pará Secretaria de Estado da Fazenda Manual do Usuário Sistema Notapará Programa Nota Fiscal Cidadã Objetivo: Estabelecer orientações aos usuários do sistema Notapará, tais como: usabilidade, funcionalidade e navegabilidade. Manual do Usuário

Leia mais

Manual de digitação de contas Portal AFPERGS

Manual de digitação de contas Portal AFPERGS Manual de digitação de contas Portal AFPERGS 1 Sumário Acesso à função digitação de contas... 3 O que é a Função digitação de contas (DC)... 4 Como proceder na função digitação de conta médica (DC)...

Leia mais

PLANO DE SAÚDE SÃO CRISTOVÃO SITE - TISS DIGITAÇÃO E ENTREGA DE FATURAMENTO MANUAL DO USUÁRIO (PRESTADOR)

PLANO DE SAÚDE SÃO CRISTOVÃO SITE - TISS DIGITAÇÃO E ENTREGA DE FATURAMENTO MANUAL DO USUÁRIO (PRESTADOR) PLANO DE SAÚDE SÃO CRISTOVÃO SITE - TISS DIGITAÇÃO E ENTREGA DE FATURAMENTO MANUAL DO USUÁRIO (PRESTADOR) Página 1 de 23 Sumário Tela de Login... 03 Menu Principal... 04 Home...05 Alterar meus dados...06

Leia mais

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet www.controlenanet.com.br Copyright 2015 - ControleNaNet Conteúdo Tela Principal... 3 Como imprimir?... 4 As Listagens nas Telas... 7 Clientes... 8 Consulta... 9 Inclusão... 11 Alteração... 13 Exclusão...

Leia mais

Manual Ilustrado Cadastros do Faturamento

Manual Ilustrado Cadastros do Faturamento Abril - 2014 Índice Título do documento 1. Objetivos... 4 2. Introdução... 4 3. Cadastro de Planos de Convênios... 5 3.1 Cadastrando Planos de Convênios... 5 4. Cadastro de Empresa... 6 4.1 Cadastrando

Leia mais

Manual de. Solicitação. de Procedimentos Eletivos. Confira o passo a passo para solicitar autorização para a realização de procedimentos eletivos.

Manual de. Solicitação. de Procedimentos Eletivos. Confira o passo a passo para solicitar autorização para a realização de procedimentos eletivos. Manual de Solicitação de Procedimentos Eletivos Confira o passo a passo para solicitar autorização para a realização de procedimentos eletivos. Rio SUMÁRIO MANUALWEB INTRODUÇÃO 2 3 1) Introdução 2) Estrutura

Leia mais

SIGEP WEB - Gerenciador de Postagens dos Correios Manual do Usuário

SIGEP WEB - Gerenciador de Postagens dos Correios Manual do Usuário MANUAL DO USUÁRIO 2 ÍNDICE 1. PRÉ REQUISITOS PARA UTILIZAÇÃO DO SIGEP WEB 04 2. PROCEDIMENTOS PARA DOWNLOAD DO SISTEMA 04 3. INSTALANDO O SIGEP WEB 07 4. CONFIGURAÇÕES DO SISTEMA 09 COMPARTILHANDO O BANCO

Leia mais

BENNER WEB MÓDULO PROCESSAMENTO DE CONTAS

BENNER WEB MÓDULO PROCESSAMENTO DE CONTAS BENNER WEB MÓDULO PROCESSAMENTO DE CONTAS 1 Módulo Processamento de Contas Na tela apresentada dos módulos do sistema selecionar o módulo Processamento de contas 1. PROCESSAMENTO DE GUIAS Inclusão de guias

Leia mais

Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015

Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015 Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015 I. Objetivos Após este módulo de capacitação você será capaz de: Carregar Documentos Fiscais Verificar o status de envio dos documentos fiscais Consultar

Leia mais

Apresentação TISS 3.01.00. Obrigatoriedade 30/05/2014 RN 305 / 341 IN 51 (ANS)

Apresentação TISS 3.01.00. Obrigatoriedade 30/05/2014 RN 305 / 341 IN 51 (ANS) Apresentação TISS 3.01.00 Obrigatoriedade 30/05/2014 RN 305 / 341 IN 51 (ANS) 1 Apresentação TISS 3.01.00 Obrigatoriedade 30/05/2014 RN 305 / 341 IN 51 (ANS) Paulo Andrade (Gerente TI) Coordenador TISS

Leia mais

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

jfisc al Versão 3.0 - Fevereiro/2015

jfisc al Versão 3.0 - Fevereiro/2015 jfiscal Versão 3.0 - Fevereiro/2015 Índice 1 INTRODUÇÃO E VISÃO GERAL... 1 2 INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INICIAL DO JFISCAL... 2 2.1 Download... 3 2.2 Instalação do jfiscal... 3 3 ADQUIRIR UMA LICENÇA DO

Leia mais

DRIVE CONTÁBIL NASAJON

DRIVE CONTÁBIL NASAJON DRIVE CONTÁBIL NASAJON Módulo Gerenciador de NFe Versão 1.0 Manual do Usuário 1 Sumário da Apostila Informações Básicas Primeira Utilização: Os Módulos do Gerenciador de NFe: Como funciona o Sistema? Diagrama

Leia mais

CAPÍTULO 1.0 PADRÃO UNIMED CUIABÁ DE AUTORIZAÇÃO EMULADOR BIOMETRIA 5 CAPÍTULO 2.0 - COMO INICIAR O EMULADOR 5 CAPÍTULO 3.0 AUTORIZAÇÃO DE CONSULTA 8

CAPÍTULO 1.0 PADRÃO UNIMED CUIABÁ DE AUTORIZAÇÃO EMULADOR BIOMETRIA 5 CAPÍTULO 2.0 - COMO INICIAR O EMULADOR 5 CAPÍTULO 3.0 AUTORIZAÇÃO DE CONSULTA 8 1 2 SUMÁRIO CAPÍTULO 1.0 PADRÃO UNIMED CUIABÁ DE AUTORIZAÇÃO EMULADOR BIOMETRIA 5 CAPÍTULO 2.0 - COMO INICIAR O EMULADOR 5 CAPÍTULO 3.0 AUTORIZAÇÃO DE CONSULTA 8 CAPÍTULO 4.0 REIMPRIMINDO O EXTRATO DA

Leia mais

produção MANUAL APRESENTAÇÃO

produção MANUAL APRESENTAÇÃO MANUALWEB 1 APRESENTAÇÃO MANUAL da produção online Conheça as funções, características e as facilidades para autorizar e faturar os atendimentos realizados aos beneficiários Unimed. Rio MANUALWEB 2 SUMÁRIO

Leia mais

S C M (Sistema de Controle de Contas de Serviços Médicos/Hospitalares) Manual do Usuário. Data : julho/2002 Versão : 1.2 Telefone : (31)3250-1229

S C M (Sistema de Controle de Contas de Serviços Médicos/Hospitalares) Manual do Usuário. Data : julho/2002 Versão : 1.2 Telefone : (31)3250-1229 S C M () Manual do Usuário Data : julho/2002 Versão : 1.2 Telefone : (31)3250-1229 Utilizando o Sistema : Os procedimentos médicos, exames ou procedimentos Hospitalares são cadastrados na opção de Conta

Leia mais

MANUAL TISS Versão 3.02.00

MANUAL TISS Versão 3.02.00 MANUAL TISS Versão 3.02.00 1 INTRODUÇÃO Esse manual tem como objetivo oferecer todas as informações na nova ferramenta SAP que será utilizada pelo prestador Mediplan, a mesma será responsável para atender

Leia mais

SISTEMA COOL 2.0V. (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO

SISTEMA COOL 2.0V. (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA COOL 2.0V (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO ÍNDICE Pré-requisitos para utilização do sistema....2 Parte I Navegador...2 Parte II Instalação do Interpretador de PDF...2 Parte III

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização Índice 1 Introdução...2 2 Acesso ao Sistema...3 3 Funcionamento Básico do Sistema...3 4 Tela Principal...4 4.1 Menu Atendimento...4 4.2 Menu Cadastros...5 4.2.1 Cadastro de Médicos...5

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM Versão 01/2013 XML 11 IDENTIFICAÇÃO VOAM VOLVO ODONTOLOGIA E ASSISTÊNCIA MÉDICA. Razão Social: VOLVO DO BRASIL VEÍCULOS LTDA. CNPJ: 43.999.424/0001-14 Registro

Leia mais