PROJETOS CULTURAIS ELEIÇÕES. 5 0 a O - fu dame tal. Votar é uma forma de lutar pelos nossos direitos. Justificativa

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROJETOS CULTURAIS ELEIÇÕES. 5 0 a O - fu dame tal. Votar é uma forma de lutar pelos nossos direitos. Justificativa"

Transcrição

1 ELEIÇÕES ELEIÇÕES 5 0 a O - fu dame tal Votar é uma forma de lutar pelos nossos direitos. Justificativa PROJETOS CULTURAIS Estamos em época de eleições, em tempo de discutir ideias para fazer a melhor escolha. Será que os alunos têm clareza sobre o que significa esse momento? Será que os alunos estão preocupados com os problemas que nos cercam? Enfim, será que conhecem o sentido da palavra democracia, que sabem quais são os direitos humanos, a importância do ato de votar como possibilidade de mudança dos problemas sociais do país? Pelo desenvolvimento do projeto, será possível não só responder a essas questões, mas despertar, nos alunos, noções de cidadania e ética, de consciência de seu papel na sociedade e de maior compreensão sobre a importância do voto como projeção do futuro que se deseja. Aprender a mobilizar conhecimentos para intervir na realidade, de maneira solidária, é um direito dos nossos alunos. Conceder a eles a abertura do universo cognitivo e afetivo o conhecimento significativo é demonstrar nosso respeito pelo cidadão. Conceituais Procedimentais Objetivos Desenvolver conceitos de ética e cidadania. Compreender a cidadania como participação social e política. Levar o aluno a conhecer seus direitos e obrigações, a compreender e analisar questões sociais e os direitos humanos. Compreender características fundamentais das eleições, construindo a noção de identidade nacional. Construir conceitos ligados à eleição para maior compreensão do sistema eleitoral brasileiro. Observar, em jornais e revistas, fatos e acontecimentos que envolvam problemas sociais, econômicos e políticos. Elaborar diversos trabalhos e atividades propostas. Demonstrar senso crítico para questionar, refletir e propor soluções para as questões sociais da sua comunidade e de outras e para observar as promessas dos candidatos quanto à possibilidade de serem cumpridas. Planejar um projeto de eleição na escola e participar dele. Atitudinais Interessar-se em conhecer, questionar e posicionar-se diante da realidade social e política da comunidade ou de outras. Respeitar e valorizar ideias e opiniões expressadas. Ser consciente do papel do eleitor na busca de soluções e de mudanças para o futuro. Comportar-se de maneira ética e exercitar a cidadania no dia a dia da sociedade, sentindo-se responsável enquanto agente transformador da realidade. 1

2 5 o ano Público-alvo Tempo estimado Aproximadamente 15 dias ou até o fim do processo eleitoral. Material necessário Livros, revistas, jornais, panfletos de candidatos; Cópias da Declaração Universal dos Direitos Humanos; Papéis, lápis coloridos; Tesoura sem ponta, cola. Desenvolvimento Desafiar a reflexão, a crítica, estudando algumas das questões sociais fundamentais do país e a importância do ato de votar, é visar ao entendimento do presente para projetar o futuro. Dessa forma, o projeto propõe pesquisas sobre o processo de eleição do rasil; a análise de propagandas e programas eleitorais; a observação e levantamento dos problemas da comunidade; e sugere um processo de eleição na escola. É importante que, num primeiro momento, os alunos analisem imagens, recolham dados e cenas que ilustram situações diárias na vida da população como enchentes, lixo, violência, corrupção, filas, falta de serviços públicos essenciais, violação dos direitos humanos. Em seguida, promover debates como possibilidade de emitirem ideias e exercitarem o respeito pela opinião divergente, Analisar alguns artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, produzir textos individuais e coletivos, dramatizar situações, criar histórias, paródias, coletar opiniões e simular uma eleição podem trazer maior compreensão e significado para as eleições Avaliação A avaliação deverá considerar o interesse e a colaboração do aluno diante dos questionamentos e reflexões, a participação e realização das atividades propostas, tanto individuais quanto coletivas. Orientações ao (à) professor(a) Desenvolva, com seus alunos, conceitos e questões importantes para compreender o processo de eleição e o sistema eleitoral: direitos e deveres do cidadão, o funcionamento dos três poderes (legislativo, executivo e judiciário), ética e cidadania, importância do voto como instrumento de transformação social e exercício da cidadania. Construa o conceito de democracia, deputado, senador, governador, presidente, comício, urna, voto, título de eleitor. Propor pesquisas (em sites de busca, jornais, revistas) sobre os assuntos abordados, desenvolvendo, no aluno, a prática de ampliar seus conhecimentos, de saber selecionar materiais, organizar sínteses, ler de maneira crítica e respeitar as fontes consultadas. Exercite a cidadania do aluno, propondo vivências que o auxiliem a transferir os conhecimentos adquiridos para novas situações, para a tomada de decisões e para a solução de problemas. 2

3 Sugestões para o trabalho: Pesquisar fatos e acontecimentos que revelam problemas do dia a dia das cidades, violação dos nossos direitos (violência, fome, desemprego, corrupção etc.); analisar textos e reportagens atuais. Identificar, no próprio grupo, problemas sociais, econômicos e políticos; questionar a realidade, refletir sobre prováveis soluções. Comparar acontecimentos, estabelecendo relação entre passado e presente; entrevistar pessoas e coletar opiniões. Distinguir versões diferentes para o mesmo fato; analisar propagandas e programas eleitorais. Trabalhar com a Declaração Universal dos Direitos Humanos: usar cópias para que cada grupo escolha o artigo que quer analisar (em especial, o Artigo I, os Artigos XIX, XXI e XXII). Elaborar gráficos e tabelas; histórias em quadrinhos, cartazes e murais; criar paródias. Organizar e participar de debates, produzir textos individuais e coletivos. Fazer um varal com cartinhas e recadinhos dos alunos para os candidatos a governador ou a presidente. Usar prendedores de roupa, pintados de verde e amarelo para expor mensagens e desenhos aos políticos. Promover uma eleição: com criação de nome, partido, logotipo do candidato; proposta de governo com sugestões e medidas a serem tomadas para os problemas da comunidade escolar; criar slogan para a campanha; detalhar prioridades do seu governo etc. Organizar um dia de eleição (mesários, apuradores, local de votação e apuração, fiscal de boca de urna). Realizar a posse do candidato eleito. Sugestão de leitura: 1. A eleição da criançada, de Pedro andeira, Editora Melhoramentos: fala às crianças sobre democracia. 2. Cartilha Operações limpas, de Ziraldo, Editora Globo: o Menino Maluquinho comanda a ação pela ética na política. 3

4 ATIVIDADES ELEIÇÕES Votar é uma forma de lutar pelos nossos direitos. O que acontece no mundo, seja no meu país, na minha cidade ou no meu bairro acontece comigo, então eu preciso participar das decisões que interferem na minha vida. etinho Pesquise, em jornais e revistas, fatos e acontecimentos que envolvam problemas sociais, econômicos e políticos, atos de violação dos direitos humanos. Depois de observar as imagens e refletir sobre elas com seus colegas, faça um trabalho artístico de recorte e colagem. 4

5 Como você define a palavra direito? Desenhe ou escreva: 5

6 Escreva 1 para aquilo que for direito e 2 para o que for dever de todo o cidadão. Educar e proteger nossos semelhantes. Cumprir a leis. Ser igual a todos perante a lei. Receber tratamento humano e respeitoso. Votar e escolher nossos governantes e representantes. Respeitar os direitos sociais de outras pessoas. Proteger a natureza. Ser livre para se expressar. Ter acesso à informação, à educação. Elimine as letras e F e encontre uma palavra, que em grego, significa governo do povo. D F E M O C R F A C I F A Procure saber mais sobre o sentido dessa palavra: 6

7 Complete o diagrama: a) Uma das formas de os eleitores conhecerem os candidatos. b) O que o eleitor deposita na urna. c) Nome que se dá à pessoa que entra numa disputa política. d) Período em que os políticos fazem suas promessas e realizam shows e comícios. e) Momento importante para escolher nossos representantes. A C D E Faça o mesmo traçado da linha do quadro A no quadro para descobrir o nome do sistema de governo em que o governante exerce seu poder sem respeitar a democracia, ou seja, governa de acordo com suas vontades ou com as do grupo político ao qual pertence. A L D I T A M R S D E U O I R A 7

8 Desembaralhe as letras para encontrar meios de comunicação que podem ser utilizados na propaganda eleitoral: I E O N D R O Á S E L Ã V I T O N J A S R P A L S F E T O I Procure, em jornais ou revistas, uma notícia, um artigo ou uma charge política que você acha interessante partilhar e comente sobre o que você entendeu. Faça o seu comentário sobre o texto: 8

9 Converse com seus colegas sobre esta charge. Qual a ideia central que ela aborda? Explique. Você não pode votar nas eleições de 2010, ainda, porque é preciso ter dezesseis anos para tirar o título de eleitor. Quando chegar a sua vez de escolher um candidato para representá-lo na esfera municipal, estadual ou federal, o que você levará em conta para decidir entre um e outro? 9

10 Preencha o título de eleitor e faça de conta que chegou a sua vez! Observe mais esta charge. O título remete a velhas promessas dos políticos. Reflita sobre cada uma das promessas com a situação mostrada. Encontre os sete erros. 10

11 Responda às questões: a) Você acha que pode fazer alguma coisa para mudar as situações problemáticas do nosso país? ( ) sim ( ) não De que maneira? b) O que combina melhor com a expressão CIDADÃO? ( ) exigir seus direitos ( ) acomodação ( ) ação ( ) respeitar o outro c) Você conhece a Declaração Universal dos Direitos Humanos? ( ) sim ( ) não ( ) pouco ( ) muito d) Votar é um direito ou um dever? ( ) direito ( ) dever e) Você já ouviu frases como: ( ) E eu com isso? ( ) Dá-se um jeitinho. ( ) Rouba, mas faz. ( ) ou outra? Qual? f) Votar é uma forma de lutar pelos nossos direitos? ( ) sim ( ) não Agora, levante essas questões (ou outras) para várias pessoas (da sua família, comunidade, escola). Após coletar as opiniões, a turma toda pode montar um gráfico, uma tabela com os resultados e expor para a escola. otando a boca no trombone Você e seus colegas construirão um bonito mural com todas as imagens, notícias, reflexões, textos e pesquisas que fizeram. É uma maneira de demonstrar a todos o que foi aprendido. Procurem envolver a escola neste processo, simulando uma eleição com candidatos, partidos, slogan, plataforma de governo etc., exercitando sua participação em um processo político, compreendendo melhor o sistema eleitoral. Escolham um representante de classe para ser porta-voz de seus interesses ou coloquem em votação algo que vocês julguem ser muito importante para sua escola (materiais úteis para a aprendizagem, espaços recreativos, etc.), ou seja, vivenciem uma escolha dentro da sua realidade. 11

Direitos Humanos - Ensino Fundamental e Ensino Médio

Direitos Humanos - Ensino Fundamental e Ensino Médio Direitos Humanos - Ensino Fundamental e Ensino Médio Um projeto para discutir Direitos Humanos necessariamente tem que desafiar à criatividade, a reflexão, a crítica, pesquisando, discutindo e analisando

Leia mais

PROJETO: ELEIÇÕES 2014 E O EXERCÍCIO DA CIDADANIA

PROJETO: ELEIÇÕES 2014 E O EXERCÍCIO DA CIDADANIA PROJETO: ELEIÇÕES 2014 E O EXERCÍCIO DA CIDADANIA Meu ideal político é a democracia, para que todo homem seja respeitado como indivíduo e nenhum venerado. (Albert Einstein) JUSTIFICATIVA Estaremos vivenciando

Leia mais

Meio Ambiente PROJETOS CULTURAIS. 4 0 a O - fu dame tal. Cuidar da vida também é coisa de criança. Justificativa

Meio Ambiente PROJETOS CULTURAIS. 4 0 a O - fu dame tal. Cuidar da vida também é coisa de criança. Justificativa Meio Ambiente 4 0 a O - fu dame tal Cuidar da vida também é coisa de criança Justificativa PROJETOS CULTURAIS Na idade escolar, as crianças estão conhecendo o mundo (Freire, 1992), sentindo, observando,

Leia mais

SENSUS. Relatório CAMPANHA DE ESCLARECIMENTO DO TSE ELEIÇÕES 2010 FIELDS COMUNICAÇÃO TSE. 03 a 07 de Novembro de 2010

SENSUS. Relatório CAMPANHA DE ESCLARECIMENTO DO TSE ELEIÇÕES 2010 FIELDS COMUNICAÇÃO TSE. 03 a 07 de Novembro de 2010 Pesquisa e Consultoria Relatório CAMPANHA DE ESCLARECIMENTO DO TSE ELEIÇÕES 2010 FIELDS COMUNICAÇÃO TSE 03 a 07 de Novembro de 2010 Rua Grão Pará 737, 4 andar Cep 30150-341 Belo Horizonte MG Tel. 31-33042100

Leia mais

CARTILHA DO VOTO CONSCIENTE

CARTILHA DO VOTO CONSCIENTE CARTILHA DO VOTO CONSCIENTE ART. 1, 1 da Constituição Federal de 88: Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição. Voto consciente:

Leia mais

Cartilha VOTE CONSCIENTE VOTE BEM

Cartilha VOTE CONSCIENTE VOTE BEM Cartilha VOTE VOTE BEM CONSCIENTE O mês de outubro marca a escolha de quem estará, durante os próximos anos, à frente do poder no Brasil. É um dos momentos mais significativos, pois é a hora de o brasileiro

Leia mais

Projeto Eleições 2014 e o Exercício da Cidadania

Projeto Eleições 2014 e o Exercício da Cidadania Governo do Distrito Federal Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal Coordenação Regional de Ensino do Plano Piloto e Cruzeiro Centro de Ensino Fundamental Polivalente Projeto Eleições 2014

Leia mais

Vem pra urna! Justiça Eleitoral. Cartório Eleitoral - ES. Cartilha educativa da. Justiça Eleitoral. sobreo poder do voto.

Vem pra urna! Justiça Eleitoral. Cartório Eleitoral - ES. Cartilha educativa da. Justiça Eleitoral. sobreo poder do voto. Vem pra urna! Justiça Eleitoral Cartório Eleitoral - ES www.tre-es.jus.br. #vempraurna Cartilha educativa da Justiça Eleitoral sobreo poder do voto. Material desenvolvido pelo Tribunal Regional Eleitoral

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE CASTANHAL FACULDADE DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE CASTANHAL FACULDADE DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CHAMADA PARA ESCOLHA DA REPRESENTA DISCENTE DA FACULDADE DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO (FACSI) A coordenação da Faculdade de Sistemas de Informação Campus Castanhal da Universidade Federal do Pará no uso de

Leia mais

o pensar e fazer educação em saúde 12

o pensar e fazer educação em saúde 12 SUMÁRIO l' Carta às educadoras e aos educadores.................5 Que história é essa de saúde na escola................ 6 Uma outra realidade é possível....... 7 Uma escola comprometida com a realidade...

Leia mais

Qualidade ambiental. Atividade de Aprendizagem 18. Eixo(s) temático(s) Vida e ambiente

Qualidade ambiental. Atividade de Aprendizagem 18. Eixo(s) temático(s) Vida e ambiente Qualidade ambiental Eixo(s) temático(s) Vida e ambiente Tema Uso dos recursos naturais / ocupação do espaço e suas consequências / desequilíbrio ambiental e desenvolvimento sustentável Conteúdos Lixo /

Leia mais

I - INTRODUÇÃO. 1) Como funciona o poder numa democracia

I - INTRODUÇÃO. 1) Como funciona o poder numa democracia I - INTRODUÇÃO 1) Como funciona o poder numa democracia - No plano municipal: prefeito (executivo) governa e vereadores (legislativo) votam leis para a cidade. - No plano estadual: governador (executivo)

Leia mais

Formação de PROFESSOR EU ME DECLARO CRIANÇA

Formação de PROFESSOR EU ME DECLARO CRIANÇA Formação de PROFESSOR EU ME DECLARO CRIANÇA 1 Especial Formação de Professor Por Beatriz Tavares de Souza* Apresentação O livro apresenta os princípios da Declaração Universal dos Direitos da Criança.

Leia mais

Matemática Aplicada às Ciências Sociais

Matemática Aplicada às Ciências Sociais DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA Matemática Aplicada às Ciências Sociais Ensino Regular Curso Geral de Ciências Sociais e Humanas 10º Ano Planificação 2014/2015 Índice Finalidades... 2 Objectivos e competências

Leia mais

Reciclagem. Projetos temáticos

Reciclagem. Projetos temáticos Material elaborado pelo Ético Sistema de Ensino Ensino fundamental Publicado em 2011 Projetos temáticos 2 o ano Data: / / Nível: Escola: Nome: Reciclagem Justificativa Este projeto tem como foco promover

Leia mais

Educação para o trânsito

Educação para o trânsito Material elaborado pelo Ético Sistema de Ensino Ensino Fundamental Publicado em 2011 Projetos temáticos 5 o ANO Data: / / Nível: Escola: Nome: Educação para o trânsito JUSTIFICATIVA O estudo do tema: Educação

Leia mais

Glossário. Assembleia de Voto É o local onde o eleitor vota, ou o conjunto de cerca de 1.000 eleitores que a integram.

Glossário. Assembleia de Voto É o local onde o eleitor vota, ou o conjunto de cerca de 1.000 eleitores que a integram. Glossário Apuramento Geral É a determinação final e a nível nacional através de escrutínio, da vontade expressa pelos eleitores relativamente à escolha dos Deputados ao Parlamento e do Presidente da República.

Leia mais

Alunos de 6º ao 9 anos do Ensino Fundamental

Alunos de 6º ao 9 anos do Ensino Fundamental Alunos de 6º ao 9 anos do Ensino Fundamental Resumo Este projeto propõe a discussão da Década de Ações para a Segurança no Trânsito e a relação dessa com o cotidiano dos alunos, considerando como a prática

Leia mais

Desarmamento infantil em 4 passos: um guia prático. Desarmamento infantil em 4 passos: um guia prático

Desarmamento infantil em 4 passos: um guia prático. Desarmamento infantil em 4 passos: um guia prático Desarmamento infantil em 4 passos: Índice Apresentação - p. 01 Passos para implementar uma ação de desarmamento infantil - p. 02 Passo 1: Construindo a ação - p. 02 Passo 2: Divulgando a ação - p. 04 Passo

Leia mais

PROJETO ÁGUA, FONTE DE VIDA Escola Estadual José Sanches Postigo Caiuá São Paulo

PROJETO ÁGUA, FONTE DE VIDA Escola Estadual José Sanches Postigo Caiuá São Paulo 1 PROJETO ÁGUA, FONTE DE VIDA Escola Estadual José Sanches Postigo Caiuá São Paulo Claudiele Carla Marques da Silva UNESP Pres. Prudente Maria Suzana De Stefano Menin Relatora da escola: Neuza Ferreira

Leia mais

ENTENDENDO AS ETAPAS INSCRIÇÃO

ENTENDENDO AS ETAPAS INSCRIÇÃO ENTENDENDO AS ETAPAS INSCRIÇÃO A inscrição no projeto deverá ser feita na área para professores. Para fazê-la, o educador deverá enviar uma imagem de sua turma, um apelido que a identifique e um breve

Leia mais

Bumba meu boi. Conhecer a diversidade cultural brasileira. Conhecer a lenda do bumba meu boi. Conhecer a origem das danças e folguedos.

Bumba meu boi. Conhecer a diversidade cultural brasileira. Conhecer a lenda do bumba meu boi. Conhecer a origem das danças e folguedos. e ucáçá~o I fa til Justificativa O projeto possibilita à criança conhecer e comparar os diferentes grupos sociais e suas tradições históricas. Consiste em apresentar atividades com a intenção de propiciar

Leia mais

Conheça também! As demais disciplinas desta coleção nas páginas 4, 8, 32, 36, 72 e 90.

Conheça também! As demais disciplinas desta coleção nas páginas 4, 8, 32, 36, 72 e 90. porta aberta Nova edição Geografia 2º ao 5º ano O estudo das categorias lugar, paisagem e espaço tem prioridade nesta obra. 25383COL05 Conheça também! As demais disciplinas desta coleção nas páginas 4,

Leia mais

Dia das Crianças. 3º ano Fundamento I. Justificativa

Dia das Crianças. 3º ano Fundamento I. Justificativa Dia das Crianças 3º ano Fundamento I Justificativa O mês de outubro começa com uma expectativa entre as crianças: a comemoração do seu dia. A data não pode ser esquecida. Assim, sugerimos que a escola

Leia mais

GUIA DO PROFESSOR 2014-2015

GUIA DO PROFESSOR 2014-2015 GUIA DO PROFESSOR 2014-2015 Exmo(a). Senhor(a) Professor(a), Este documento procura ser um roteiro útil, que sistematiza as principais etapas e prazos a que os professores responsáveis pelo desenvolvimento

Leia mais

Como Organizar órgãos de Representação dos Estudantes dentro do IFSULDEMINAS

Como Organizar órgãos de Representação dos Estudantes dentro do IFSULDEMINAS Como Organizar órgãos de Representação dos Estudantes dentro do IFSULDEMINAS Esta é apenas uma sugestão de criação do Grêmio Estudantil e outros órgãos de representação dos estudantes no IFSULDEMINAS,

Leia mais

A vez e a voz das crianças

A vez e a voz das crianças 119 outubro de 2010-ESPECIAL CRIANÇA PARA LER NO AR A vez e a voz das crianças Às vésperas de 12 de outubro, Dia das Crianças, eu convido você, ouvinte, a refletir sobre os direitos das meninas e meninos

Leia mais

Pesquisa de Opinião Pública Nacional. Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral

Pesquisa de Opinião Pública Nacional. Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral Pesquisa de Opinião Pública Nacional Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral Julho de 2008 Roteiro I. Metodologia II. III. IV. Eleições e Política Corrupção eleitoral

Leia mais

XIV PRÊMIO DENATRAN DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO PROJETO ESCOLAR AUTONOMIA NA MOBILIDADE URBANA

XIV PRÊMIO DENATRAN DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO PROJETO ESCOLAR AUTONOMIA NA MOBILIDADE URBANA XIV PRÊMIO DENATRAN DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO PROJETO ESCOLAR AUTONOMIA NA MOBILIDADE URBANA CATEGORIA EDUCADOR (1º, 2º, 3º, 4º e 5º anos) 1. APRESENTAÇÃO A inclusão do tema transversal de Educação para

Leia mais

Edital para eleições do Centro Acadêmico de Psicologia do INESP/FUNEDI/UEMG

Edital para eleições do Centro Acadêmico de Psicologia do INESP/FUNEDI/UEMG EDITAL N 01/2012 Edital para eleições do Centro Acadêmico de Psicologia do INESP/FUNEDI/UEMG Os representantes da Comissão Eleitoral do Curso de Psicologia do Instituto de Ensino Superior e Pesquisa INESP

Leia mais

SÉRIES INDICADAS Da 5.ª à 8.ª série/6.º ao 9.º ano do Ensino Fundamental e Ensino Médio (estudantes de 10 a 17 anos).

SÉRIES INDICADAS Da 5.ª à 8.ª série/6.º ao 9.º ano do Ensino Fundamental e Ensino Médio (estudantes de 10 a 17 anos). SÉRIES INDICADAS Da 5.ª à 8.ª série/6.º ao 9.º ano do Ensino Fundamental e Ensino Médio (estudantes de 10 a 17 anos). RESUMO O Prêmio das Crianças do Mundo pelos Direitos da Criança (World s Children s

Leia mais

Refletir sobre a data comemorativa do natal.

Refletir sobre a data comemorativa do natal. NATAL ducação Infantil Justificativa O ano está acabando e o natal está chegando. É fundamental ressaltar o verdadeiro significado desta data: o natal não é mera troca de presentes, é momento de confraternização,

Leia mais

AMAJUM. No próximo dia 7 de outubro, o povo brasileiro retorna às urnas, desta vez para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores.

AMAJUM. No próximo dia 7 de outubro, o povo brasileiro retorna às urnas, desta vez para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. No próximo dia 7 de outubro, o povo brasileiro retorna às urnas, desta vez para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. Produção: Ação conjunta: Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso Parceiro:

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL I 1º ao 5º ano

ENSINO FUNDAMENTAL I 1º ao 5º ano ENSINO FUNDAMENTAL I 1º ao 5º ano Disciplinas: História, Geografia, Língua Portuguesa, Matemática, Arte, Educação Física, Música Título: Vivenciar a democracia e protagonizar mudanças 1. Tema A vez e a

Leia mais

NORMAS ELEITORAIS PARA OS MEMBROS DA CIPA

NORMAS ELEITORAIS PARA OS MEMBROS DA CIPA NORMAS ELEITORAIS PARA OS MEMBROS DA CIPA A Comissão Eleitoral estabelece normas para eleição dos membros da CIPA da Fundação de Ensino e Pesquisa de Itajubá FEPI. Art. 1º - Até 45 (quarenta e cinco) dias

Leia mais

Calendário Eleitoral 2012 - Eleições Municipais

Calendário Eleitoral 2012 - Eleições Municipais Calendário Eleitoral 2012 - Eleições Municipais Em ano de eleições municipais é importante estar atento ao calendário eleitoral 2012 para as eleições municipais. O Tribunal Superior Eleitoral/TSE divulgou

Leia mais

Sentimentos e emoções Quem vê cara não vê coração

Sentimentos e emoções Quem vê cara não vê coração Material pelo Ético Sistema de Ensino Elaborado para Educação Infantil Publicado em 2011 Projetos temáticos EDUCAÇÃO INFANTIL Data: / / Nível: Escola: Nome: Sentimentos e emoções Quem vê cara não vê coração

Leia mais

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO MANUAL DO JOVEM DEPUTADO Edição 2014-2015 Este manual procura expor, de forma simplificada, as regras do programa Parlamento dos Jovens que estão detalhadas no Regimento. Se tiveres dúvidas ou quiseres

Leia mais

LIVRO VIII DA ÁREA ELEITORAL

LIVRO VIII DA ÁREA ELEITORAL LIVRO VIII DA ÁREA ELEITORAL Art. 512. O Ministério Público Eleitoral atua perante todas as instâncias e fases do processo eleitoral, na condição de parte ou de custos legis, com a mesma legitimidade assegurada

Leia mais

Comissão Diocesana da Pastoral da Educação ***************************************************************************

Comissão Diocesana da Pastoral da Educação *************************************************************************** DIOCESE DE AMPARO - PASTORAL DA EDUCAÇÃO- MARÇO / 2015 Todo cristão batizado deve ser missionário Mostrai-me, ó Senhor, vossos caminhos e fazei-me conhecer a vossa estrada! Salmo 24 (25) Amados Educadores

Leia mais

Você pode contribuir para eleições mais justas

Você pode contribuir para eleições mais justas Procuradoria Regional Eleitoral no Estado de SP Defesa da democracia, combate à impunidade. Você pode contribuir para eleições mais justas Os cidadãos e as cidadãs podem auxiliar muito na fiscalização

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS EDITAL N o 01/2014, DO CONSELHO DA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS Regulamenta a eleição

Leia mais

Apresentação do projeto:

Apresentação do projeto: Apresentação do projeto: Este projeto tem o intuito do conhecimento global do ser humano: conhecendo seu corpo, ampliando conceitos de higiene e saúde, descobrindo que o indivíduo está presente em todas

Leia mais

Núcleo de Cidadania Digital. Apresentam

Núcleo de Cidadania Digital. Apresentam Apresentam Apresentação O que você gostaria de saber sobre a política do nosso país, mas sempre teve dificuldade de entender ou de encontrar? Com base nessa pergunta, feita aos eleitores brasileiros, alunos

Leia mais

ADDITIONAL TEXT PASSO A PASSO CAMPANHA ELEITORAL

ADDITIONAL TEXT PASSO A PASSO CAMPANHA ELEITORAL ADDITIONAL TEXT PASSO A PASSO CAMPANHA ELEITORAL COMO FAZER UMA CAMPANHA POLÍTICA? Passo-a-passo para você vencer as eleições internet + mídias sociais Para um político conseguir ser eleito, ele precisa

Leia mais

Brasília - DF 2005. Ministério da Saúde

Brasília - DF 2005. Ministério da Saúde Brasília - DF 2005 Ministério da Saúde MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde Departamento de Gestão da Educação na Saúde A educação que produz saúde Série F. Comunicação

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO DE JANEIRO Escola Judiciária Eleitoral

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO DE JANEIRO Escola Judiciária Eleitoral TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO DE JANEIRO Escola Judiciária Eleitoral Abril 2013 TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Presidente Desembargadora Letícia De Faria Sardas Corregedor

Leia mais

REGRAS A SEREM SEGUIDAS DURANTE O PROCESSO ELEITORAL

REGRAS A SEREM SEGUIDAS DURANTE O PROCESSO ELEITORAL COMISSÃO ELEITORAL DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL CEUERGS ELEIÇÃO DOS CARGOS DE REITOR E VICE-REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL QUADRIÊNIO 2010/2014 REGRAS A SEREM SEGUIDAS

Leia mais

MINHA HISTÓRIA, MINHA VIDA

MINHA HISTÓRIA, MINHA VIDA ESCOLA ESTADUAL ALMIRANTE TOYODA-2014 PROJETO IDENTIDADE MINHA HISTÓRIA, MINHA VIDA TURMA: 1º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL (AZALÉIA E ACÁCIA) PROFESSORAS: GENISMEYRE E LUCILEILA Projeto Identidade Público

Leia mais

Título: Educação Fiscal e Consumo Consciente: uma experiência prática no ciclo de alfabetização. Roberta Cristiane Prado de Oliveira (3º ano B)

Título: Educação Fiscal e Consumo Consciente: uma experiência prática no ciclo de alfabetização. Roberta Cristiane Prado de Oliveira (3º ano B) Título: Educação Fiscal e Consumo Consciente: uma experiência prática no ciclo de alfabetização Município: Camaragibe/PE Orientadora do PNAIC: Elda Góes Escola Municipal São Vicente de Paula Professoras:

Leia mais

INTRODUÇÃO AO CURSO DE MARKETING ELEITORAL

INTRODUÇÃO AO CURSO DE MARKETING ELEITORAL INTRODUÇÃO AO CURSO DE MARKETING ELEITORAL FAÇA SUA CAMPANHA PARA PROJETO PODER P - Planejamento O - Organização D - Delegação E - Execução R - Realização Lance sua campanha para Vereador com o Projeto

Leia mais

EDITAL Nº 003/2013 ELEIÇÃO PARA CARGO DE DIRETOR ESCOLAR DAS UNIDADES EDUCATIVAS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO PARA O BIÊNIO 2014/2015.

EDITAL Nº 003/2013 ELEIÇÃO PARA CARGO DE DIRETOR ESCOLAR DAS UNIDADES EDUCATIVAS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO PARA O BIÊNIO 2014/2015. 1 EDITAL Nº 003/2013 ELEIÇÃO PARA CARGO DE DIRETOR ESCOLAR DAS UNIDADES EDUCATIVAS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO PARA O BIÊNIO 2014/2015. A Secretaria, através da Comissão Eleitoral Central, designada pela

Leia mais

REDE PRÓ-MENINO. ECTI - Escola no Combate ao Trabalho Infantil ATIVIDADE MÓDULO 2 (COLAGEM) EM INTEGRAÇÃO COM O MÓDULO 1- B (ENTREVISTA)

REDE PRÓ-MENINO. ECTI - Escola no Combate ao Trabalho Infantil ATIVIDADE MÓDULO 2 (COLAGEM) EM INTEGRAÇÃO COM O MÓDULO 1- B (ENTREVISTA) REDE PRÓ-MENINO ECTI - Escola no Combate ao Trabalho Infantil CURSISTA: JACKELYNE RIBEIRO CINTRA MORAIS CPF: 014275241-06 ATIVIDADE MÓDULO 2 (COLAGEM) EM INTEGRAÇÃO COM O MÓDULO 1- B (ENTREVISTA) Características

Leia mais

POLÍTICA E CIDADANIA NA ESCOLA

POLÍTICA E CIDADANIA NA ESCOLA CAPA Carolina Mainardes Fotos: Divulgação No Parlamento Jovem Brasileiro, projeto da Câmara Federal, estudantes vivenciam obrigações de um deputado POLÍTICA E CIDADANIA NA ESCOLA O Com a proximidade das

Leia mais

Projeto Jovens em Ação

Projeto Jovens em Ação Projeto Jovens em Ação Roteiro para realização de workshops Workshops 2º ano (turmas de 8ª série) - Desenvolvimento Econômico - Entendendo as Diversidades de Pensamento - Meio Ambiente - História do Bem

Leia mais

Apontamentos sobre marketing eleitoral

Apontamentos sobre marketing eleitoral Apontamentos sobre marketing eleitoral Posicionamento da Candidatura Cada campanha é única e terá seu próprio cronograma. No entanto, é possível propor uma divisão geral em fases, pelas quais qualquer

Leia mais

MINISTERIO DA DEFESA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXERCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL

MINISTERIO DA DEFESA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXERCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL APROVO Em conformidade com as Port. 38-DECEx, 12ABR11 e Port 137- Cmdo Ex, 28FEV12 MINISTERIO DA DEFESA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXERCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL

Leia mais

Meio Ambiente PROJETOS CULTURAIS. e ucáçá~o I fa til. Cuidar da vida também é coisa de criança. Justificativa

Meio Ambiente PROJETOS CULTURAIS. e ucáçá~o I fa til. Cuidar da vida também é coisa de criança. Justificativa eio mbiente e ucáçá~o fa til uidar da vida também é coisa de criança ustificativa L a idade escolar, as crianças estão conhecendo o mundo (Freire, 1992), sentindo, observando, identificando-se e envolvendo-se

Leia mais

CONSIDERAÇÕES REFERENTES AO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO (PPP) DE UMA ESCOLA DA REDE MUNICIPAL DE SANTA MARIA 1

CONSIDERAÇÕES REFERENTES AO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO (PPP) DE UMA ESCOLA DA REDE MUNICIPAL DE SANTA MARIA 1 CONSIDERAÇÕES REFERENTES AO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO (PPP) Resumo DE UMA ESCOLA DA REDE MUNICIPAL DE SANTA MARIA 1 Eunice Piccin 2 Fabiano Bolzan Scherer² Fernanda Dalosto Moraes² Marcos Vinicius Conceição

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSUNI Nº 022/2014

DELIBERAÇÃO CONSUNI Nº 022/2014 DELIBERAÇÃO CONSUNI Nº 022/2014 Aprova o Regulamento da Propaganda Eleitoral dos candidatos aos cargos de Reitor e de Vice-reitor da Universidade de Taubaté, para o quadriênio 2014-2018. O CONSELHO UNIVERSITÁRIO,

Leia mais

SUCESSÃO DO CONSELHO FISCAL E COORDENAÇÃO COLEGIADA DO SINTET-UFU Biênio 2016-2018 REGIMENTO ELEITORAL PROCEDIMENTOS PRELIMINARES

SUCESSÃO DO CONSELHO FISCAL E COORDENAÇÃO COLEGIADA DO SINTET-UFU Biênio 2016-2018 REGIMENTO ELEITORAL PROCEDIMENTOS PRELIMINARES SUCESSÃO DO CONSELHO FISCAL E COORDENAÇÃO COLEGIADA DO SINTET-UFU Biênio 2016-2018 REGIMENTO ELEITORAL PROCEDIMENTOS PRELIMINARES Art.1º. De acordo com os Art. 39, 40 e 50 do Estatuto Social do Sindicato

Leia mais

Projeto - Mães empreendedoras: Minha mãe, nossas mães

Projeto - Mães empreendedoras: Minha mãe, nossas mães Projeto - Mães empreendedoras: Minha mãe, nossas mães A proposta a seguir refere-se a um Projeto Didático (PD) elaborado para trabalhar com as crianças do 1º e 2º períodos da Educação Infantil (4 e 5 anos

Leia mais

DISCRIMINAÇÃO NO SÉCULO XXI. Palavras-Chave: discriminação - preconceito - consciência - reflexão - ação

DISCRIMINAÇÃO NO SÉCULO XXI. Palavras-Chave: discriminação - preconceito - consciência - reflexão - ação DISCRIMINAÇÃO NO SÉCULO XXI Fabiana Inês Bertani Professora de Ensino Fundamental Ronise Lucia Gottardi Aimi Professora de Ensino Fundamental Resumo Este artigo contempla parte das reflexões realizadas

Leia mais

Ficha Limpa e Alguns Conceitos

Ficha Limpa e Alguns Conceitos Ficha Limpa e Alguns Conceitos A Lei Ficha Limpa foi aprovada graças à mobilização de milhões de brasileiros e se tornou um marco fundamental para a democracia e a luta contra a corrupção e a impunidade

Leia mais

Guia do Voto Consciente

Guia do Voto Consciente Patrocínio Guia do Voto Consciente O futuro de Ilhabela é você quem faz ELEIÇÕES 2008 Índice Por que é importante votar? 3 Política e democracia 6 Os três poderes 8 O seu papel como eleitor ou eleitora

Leia mais

Diretrizes de Cobertura Jornalística

Diretrizes de Cobertura Jornalística Introdução As eleições 2014 marcam a quarta cobertura eleitoral da Empresa Brasil de Comunicação - EBC. Desde a primeira eleição, a EBC divulga para seus funcionários e para o público em geral um Manual

Leia mais

O SR. NELSON MARQUEZELLI (PTB - sp) pronuncia o. seguinte discurso: Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados,

O SR. NELSON MARQUEZELLI (PTB - sp) pronuncia o. seguinte discurso: Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, O SR. NELSON MARQUEZELLI (PTB - sp) pronuncia o seguinte discurso: Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, encontra-se em curso, no Congresso Nacional, uma proposta de reforma que aborda questões consideradas

Leia mais

Palavras chaves: espaço público, cidadania, educação, arte.

Palavras chaves: espaço público, cidadania, educação, arte. 1 ESPORTE, ARTE E EDUCAÇÃO INTERVENÇÕES EM UM ESPAÇO PÚBLICO Profª Ketlin Elisa Thomé Wenceslau Fiocco Resumo: Todos os anos o Colégio Arautos organiza um projeto interdisciplinar que tem como proposta

Leia mais

Passo a passo para a conferencia

Passo a passo para a conferencia ^ Passo a passo para a conferencia Apresentacao Comunidade sustentável O que é uma Conferência? Uma conferência é um processo no qual as pessoas se reúnem, discutem os temas propostos expondo diversos

Leia mais

A cidade constitucional: Capital da República Universidade de São Paulo ESAF EUROsociAL II São Paulo; Brasília - DF

A cidade constitucional: Capital da República Universidade de São Paulo ESAF EUROsociAL II São Paulo; Brasília - DF A cidade constitucional: Capital da República Universidade de São Paulo ESAF EUROsociAL II São Paulo; Brasília - DF 'A cidade constitucional' é um projeto de duração continuada. Inova na extensão, no ensino

Leia mais

PROJETO: APRENDENDO SOBRE ATITUDES E VALORES COM CHAPEUZINHOS COLORIDOS

PROJETO: APRENDENDO SOBRE ATITUDES E VALORES COM CHAPEUZINHOS COLORIDOS PROJETO: APRENDENDO SOBRE ATITUDES E VALORES COM CHAPEUZINHOS COLORIDOS Duração: Uma aula por mês durante o ano letivo. Público-Alvo: Alunos do 4º Ano (Ensino Fundamental I). Justificativa: Os PCN s afirmam

Leia mais

SABER E ATUAR PARA MELHORAR O MUNDO: ÉTICA, CIDADANIA E MEIO AMBIENTE LIXO ORGANIZADO: UM SONHO POSSÍVEL. Vera Lúcia Alves.

SABER E ATUAR PARA MELHORAR O MUNDO: ÉTICA, CIDADANIA E MEIO AMBIENTE LIXO ORGANIZADO: UM SONHO POSSÍVEL. Vera Lúcia Alves. SABER E ATUAR PARA MELHORAR O MUNDO: ÉTICA, CIDADANIA E MEIO AMBIENTE LIO ORGANIZADO: UM SONHO POSSÍVEL Vera Lúcia Alves. RIO VERDE GO 2010 Identificação: EMEF José do Prado Guimarães. Localização: Rio

Leia mais

P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E B A U R U E s t a d o d e S ã o P a u l o S E C R E T A R I A D A E D U C A Ç Ã O

P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E B A U R U E s t a d o d e S ã o P a u l o S E C R E T A R I A D A E D U C A Ç Ã O P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E B A U R U E s t a d o d e S ã o P a u l o S E C R E T A R I A D A E D U C A Ç Ã O E. M. E. F. P R O F ª. D I R C E B O E M E R G U E D E S D E A Z E V E D O P

Leia mais

Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos

Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos Caro professor, Este link do site foi elaborado especialmente para você, com o objetivo de lhe dar dicas importantes para o seu

Leia mais

Reforma Política Democrática Eleições Limpas 13 de janeiro de 2015

Reforma Política Democrática Eleições Limpas 13 de janeiro de 2015 Reforma Política Democrática Eleições Limpas 13 de janeiro de 2015 A Coalizão é uma articulação da sociedade brasileira visando a uma Reforma Política Democrática. Ela é composta atualmente por 101 entidades,

Leia mais

Marketing Político na Internet - Eleições 2016

Marketing Político na Internet - Eleições 2016 Marketing Político na Internet - Eleições 2016 Implementar e administrar um Plano de Marketing Digital para as campanhas eleitorais de 2016 CEO da Agência AC7, Elcio Castilho, com 24 anos de experiência

Leia mais

PROPAGANDA ELEITORAL

PROPAGANDA ELEITORAL O que é Propaganda Eleitoral? A partir de quando pode ocorrer a propaganda eleitoral? Pode ser realizada propaganda eleitoral em língua estrangeira? Quais os tipos de propaganda eleitoral permitidos? A

Leia mais

A Propaganda Institucional e as Eleições de 2008. Randolpho Martino JúniorJ www.vicosa.com.br/randolpho

A Propaganda Institucional e as Eleições de 2008. Randolpho Martino JúniorJ www.vicosa.com.br/randolpho A Propaganda Institucional e as Eleições de 2008 Randolpho Martino JúniorJ www.vicosa.com.br/randolpho Propaganda Institucional Definição: é a publicidade destinada a divulgar os atos, programas, obras,

Leia mais

Processo Eleitoral para Coordenação do Diretório Acadêmico do Curso de Gastronomia da Universidade Federal de Pelotas (UFPel)

Processo Eleitoral para Coordenação do Diretório Acadêmico do Curso de Gastronomia da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS FACULDADE DE GASTRONOMIA DIRETÓRIO ACADÊMICO DA GASTRONOMIA Processo Eleitoral para Coordenação do Diretório Acadêmico do Curso de Gastronomia da

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL DA FONSECA, SANTIAGO DO CACÉM GRUPO DISCIPLNAR: EMRC PLANIFICAÇÕES 8º Ano ANO 2008/2009 1/7

ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL DA FONSECA, SANTIAGO DO CACÉM GRUPO DISCIPLNAR: EMRC PLANIFICAÇÕES 8º Ano ANO 2008/2009 1/7 8º Ano ANO 2008/2009 1/7 Módulo 1- O GOSTO PELA AVENTURA Tema 1 - A atracção ao desconhecido Experiência de aventuro. (Situações que exprimem experiências de aventura como a condução de veículos, iniciação

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL O ELEITOR E A REFORMA POLÍTICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL O ELEITOR E A REFORMA POLÍTICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL O ELEITOR E A REFORMA POLÍTICA JUNHO DE 2007 Dados Técnicos Pesquisa Pesquisa de opinião pública nacional Universo Eleitores e potenciais eleitores brasileiros que

Leia mais

Código: ESGE Revisão: 03 Páginas: 08 ESTATUTO SOCIAL GRÊMIO ESTUDANTIL

Código: ESGE Revisão: 03 Páginas: 08 ESTATUTO SOCIAL GRÊMIO ESTUDANTIL GRÊMIO ESTUDANTIL Paulo Medeiros Prudêncio Júnior 0 CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO, SEDE, DURAÇÃO, OBJETIVOS Art. 1º - O Grêmio Estudantil Paulo Medeiros Prudêncio Júnior, fundado no ano de 1997, com sede no

Leia mais

Projeto Jovens em Ação

Projeto Jovens em Ação Projeto Jovens em Ação Roteiro para realização de workshops Workshops: Desenvolvimento Econômico Mapeando os Bens da Comunidade Minha Escola Sustentável Cinco caminhos para o Bem- Estar Executando Ideias

Leia mais

Diversidade cultural. Projetos temáticos

Diversidade cultural. Projetos temáticos Material elaborado pelo Ético Sistema de Ensino Educação infantil Publicado em 2012 Projetos temáticos Educação Infantil Data: / / Nível: Escola: Nome: Diversidade cultural Monkey Business Images/Shutterstock

Leia mais

REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei: REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL LEI Nº 11.300, DE 10 DE MAIO DE 2006 Dispõe sobre propaganda, financiamento e prestação de contas das despesas com campanhas eleitorais, alterando a Lei n o 9.504, de 30

Leia mais

SEQUÊNCIA DIDÁTICA: MENTIRA DA BARATA

SEQUÊNCIA DIDÁTICA: MENTIRA DA BARATA SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DE DA EDUCAÇÃO BÁSICA SUPERINTENDÊNCIA DE EDUCAÇÃO INFANTIL E FUNDAMENTAL DIRETORIA DE ENSINO FUNDAMENTAL SEQUÊNCIA DIDÁTICA: MENTIRA DA BARATA

Leia mais

Eleição. para o Presidente da República

Eleição. para o Presidente da República Eleição para o Presidente da República O que é uma eleição? Uma eleição é quando votamos na melhor pessoa para defender os nossos interesses. Podemos decidir votar numa pessoa porque concordamos com as

Leia mais

Quem somos. Mais de 20 anos de atuação nacional. Especialistas em inteligência política. Referência em pesquisas no Sul do Brasil.

Quem somos. Mais de 20 anos de atuação nacional. Especialistas em inteligência política. Referência em pesquisas no Sul do Brasil. Quem somos Mais de 20 anos de atuação nacional. Especialistas em inteligência política. Referência em pesquisas no Sul do Brasil. Alguns de nossos clientes Pré-Eleições Principais Problemas Mapeados

Leia mais

A Ética e o Idoso: Comemorando o Dia Internacional da Terceira Idade.

A Ética e o Idoso: Comemorando o Dia Internacional da Terceira Idade. Ministério da Educação Início do Conteúdo A Ética e o Idoso: Comemorando o Dia Internacional da Terceira Idade. Autor e Co-autor(es) Autor Fátima Rezende Naves Dias UBERLANDIA - MG ESC DE EDUCACAO BASICA

Leia mais

As 10 coisas que todas as campanhas vitoriosas fazem

As 10 coisas que todas as campanhas vitoriosas fazem Eleições 2012 As 10 coisas que todas as campanhas vitoriosas fazem Dicas práticas para prefeito e vereador Conquiste o diploma mais importante da sua vida Faça do blog Campanhas e Mandatos sua vantagem

Leia mais

Ir para elections.ca/register agora para verificar, atualizar ou completar seu registro. É fácil e poupará tempo quando você for votar.

Ir para elections.ca/register agora para verificar, atualizar ou completar seu registro. É fácil e poupará tempo quando você for votar. Guia do Meu Eleitor Sobre o guia Este guia responde a perguntas sobre o processo de votação federal e permite que você saiba o que esperar quando você vai para votar. O que são eleições sobre? Quando uma

Leia mais

Grêmio Estudantil Aprendizes e Artífices/Cidade de Goiás/Edital nº003/2014

Grêmio Estudantil Aprendizes e Artífices/Cidade de Goiás/Edital nº003/2014 Grêmio Estudantil Aprendizes e Artífices/Cidade de Goiás/Edital nº003/2014 A Comissão Eleitoral, no uso de suas atribuições legais torna pública a convocação dos discentes, regularmente matriculados, cursando

Leia mais

A ideia inicial é tornar o conteúdo mais dinâmico, menos descritivo e valorizar mais as pesquisas, as atividades lúdicas, artísticas, investigativas

A ideia inicial é tornar o conteúdo mais dinâmico, menos descritivo e valorizar mais as pesquisas, as atividades lúdicas, artísticas, investigativas A ideia inicial é tornar o conteúdo mais dinâmico, menos descritivo e valorizar mais as pesquisas, as atividades lúdicas, artísticas, investigativas e as representações subjetivas sobre os conceitos estudados.

Leia mais

CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA

CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA Clodoaldo Meneguello Cardoso Nesta "I Conferência dos lideres de Grêmio das Escolas Públicas Estaduais da Região Bauru" vamos conversar muito sobre política.

Leia mais

Uma ferramenta de comunicação é um meio, uma forma de transmitir uma informação, pensamento, ideia, opinião.

Uma ferramenta de comunicação é um meio, uma forma de transmitir uma informação, pensamento, ideia, opinião. Uma ferramenta de comunicação é um meio, uma forma de transmitir uma informação, pensamento, ideia, opinião. Uma forma oral? Uma forma sonora? ou Uma forma visual/escrita?? Off-line: Revistas; Panfletos;

Leia mais

PLANO DE MOBILIZAÇÃO SOCIAL PELA EDUCAÇÃO

PLANO DE MOBILIZAÇÃO SOCIAL PELA EDUCAÇÃO PLANO DE MOBILIZAÇÃO SOCIAL PELA EDUCAÇÃO Este documento é resultado do chamado do Ministério da Educação à sociedade para um trabalho voluntário de mobilização das famílias e da comunidade pela melhoria

Leia mais

ELEIÇÕES REGIONAIS ELEIÇÃO DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA

ELEIÇÕES REGIONAIS ELEIÇÃO DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ELEIÇÕES REGIONAIS 2 0 1 5 ELEIÇÃO DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA O que é uma eleição? Uma eleição é quando votamos para escolher quem nos vai representar e falar em nosso nome.

Leia mais

Projetos bem sucedidos de educação moral: em busca de experiências brasileiras I

Projetos bem sucedidos de educação moral: em busca de experiências brasileiras I Projetos bem sucedidos de educação moral: em busca de experiências brasileiras I A escola que nos chamou a atenção pelos 11 projetos inscritos Luciene Regina Paulino Tognetta Em Camaragibe... A vida aqui

Leia mais

EU CONTO! Autorrepresentação e Cidadania - capacitar pessoas com deficiência intelectual

EU CONTO! Autorrepresentação e Cidadania - capacitar pessoas com deficiência intelectual EU CONTO! Autorrepresentação e Cidadania - capacitar pessoas com deficiência intelectual Eu conto! Palavras explicadas Vai encontrar no texto deste guia algumas palavas a negrito. Estas palavras podem

Leia mais

Na sala de aula com as crianças

Na sala de aula com as crianças O CD Rubem Alves Novas Estórias, volume 3, abre novas janelas de oportunidade para quem gosta da literatura. Através do audiolivro podemos apreciar encantadoras histórias e deixar fluir a imaginação. Rubem

Leia mais