Formações Cegoc cegoc.pt

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Formações Cegoc 2015. cegoc.pt"

Transcrição

1 Formações Cegoc 2015 cegoc.pt

2 Formações Inter & Intra - Presencial - Mista - À distância Símbolos Novidade em 2015 Renovado em 2015 Best Seller Ciclo de formação Certificação Inclui Coaching individual Avaliação da aprendizagem Formação Blended Formação e-learning Soluções de formação internacionais

3 O Conselho de Direção da Cegoc Mário Ceitil, Diretor Associado Sofia Ferreira, Diretora Financeira Ricardo Martins, Diretor Associado Formar vai muito para além de transmitir conhecimentos; assim como transmitir conhecimentos fica muito aquém de promover aprendizagens. O Guia Cegoc de Formações Inter Empresas tem constituído, ao longo de cinco décadas, um reconhecido referencial importante sobre os mais recentes desenvolvimentos e inovações no domínio da gestão do conhecimento e do desenvolvimento do potencial humano. O Guia de 2015 apresenta desenhos formativos que correspondem a um novo posicionamento estratégico da Cegoc relativamente ao efetivo papel da formação como ferramenta indispensável ao progresso das empresas e das organizações: - Uma oferta mais curta e selecionada, focalizada nos cursos que, nas suas respetivas áreas, têm registado maior procura e revelado um mais expressivo efeito diferenciador; - Um conjunto de soluções formativas cada vez mais homogéneo em todo o Grupo Cegos, de modo a melhor servir os interesses das organizações internacionais que utilizam a formação como uma ferramenta de deployment estratégico e de disseminação cultural; - Um leque de novos cursos que refletem, em simultâneo, a nossa rica experiência internacional e o trabalho permanente de investigação e desenvolvimento de novas soluções e metodologias de aprendizagem. Com este novo posicionamento, a Cegoc pretende responder às necessidades atuais e emergentes de mercados cada vez mais focalizados e exigentes, imprimindo, à presente oferta, um maior efeito seletivo e diferenciador. CEGOC, BEYOND KNOWLEDGE. cegoc.pt cegoc.co.ao cegoc.co.mz 1

4 Índice do Guia Soluções Premium para a sua organização 3 Porquê escolher a Cegoc 4 Consultoria e gestão de talentos 5 Testes Psicológicos 6 Formação Outdoor 7 Liderança e Comunicação Transcultural 8 Vendas e negociação comercial 52 Gestão de equipas de vendas Ação Comercial Marketing digital 64 Marketing digital Índice detalhado 10 Gestão de projetos 72 Gestão de projetos Management, liderança e coaching 14 Management da empresa Liderança e Coaching Desenvolvimento pessoal e profissional 22 Eficácia pessoal Eficácia profissional Speexx 34 Speexx - Empowering Communication Gestão e desenvolvimento do Capital Humano 40 Gestão do capital humano Direito do trabalho e relações laborais Gestão da formação Compras, aprovisionamentos e logística 78 Compras Aprovisionamentos e logística Finanças, controlo de gestão e contabilidade 88 Finanças Controlo de gestão Contabilidade geral e auditoria Apoio administrativo à gestão 104 Apoio administrativo à gestão Soluções de formação internacionais 112 Formações elearning by Cegoc 132 Qualidade 156 Ficha de inscrição Inter empresas 155 Intra empresas - Pedido de informações 157 Procura por palavra chave 159

5 Soluções Premium para a sua organização Liderança e Comunicação Transcultural Construção de equipas multiculturais altamente eficazes Cada vez mais empresas operam em contextos multiculturais em que as equipas são constituídas por membros de nacionalidades e culturas distintas. Estes novos ambientes impõem aos profissionais a capacidade de compreenderem e se adaptarem a diferentes comportamentos e estilos de comunicação, coordenação e liderança de equipas formais e informais, e a desenvolverem a capacidade de estabelecer relações de confiança com pessoas de backgrounds culturais distintos. ver pág. 8 Speexx - Empowering Communication Speexx combina o software mais recente e as soluções de aprendizagem mais inovadoras, de modo a fazer com que a formação de idiomas online funcione. As empresas líderes mundiais confiam na Speexx para assegurar com êxito a sua formação em idiomas. ver pág. 34 PMI - Project Management Institute A Certificação PMP, do PMI, permite validar internacionalmente os conhecimentos dos processos de gestão de projetos através da avaliação dos conhecimentos dos gestores de projetos, tal como definidos no referencial PMBok. As soluções da Cegoc permitem aos profissionais que procurem esta certificação, realizar com sucesso o exame de certificação PMP bem como adquirir conhecimentos e práticas de acordo com este referencial. ver pág. 72 Soluções de formação internacionais Global Learning by Cegos 17 programas de formação essenciais para aceder às melhores práticas do grupo Cegos. Integram soluções testadas internacionalmente: - disponíveis em 8 idiomas sem custos acrescidos de tradução; - flexíveis e adaptáveis à medida das necessidades locais. ver pág. 112 e-learning Solutions by Cegoc s de formação 100% à distância que combinam módulos e-learning, com e-tutoria. Estes programas podem ser utilizados de forma complementar a outras modalidades de formação para facilitar a assimilação e aplicação de saberes, saber fazer e saber ser e responder às necessidades operacionais individualizadas. ver pág. 132 cegoc.pt Consulte todas as soluções e inscreva-se... Informações e aconselhamento sobre formação das 9h às 18h de segunda a sexta

6 Porquê escolher a Cegoc Uma abordagem única no mercado Um parceiro global Da conceção à implantação dos seus projetos, o âmbito da nossa oferta e a nossa experiência ajuda a orientar cada pessoa e organização na escolha de uma formação perfeitamente apropriada. Uma experiência única em engenharia pedagógica A Cegoc oferece todas as modalidades de formação, combinando entre elas, um mix adequado e económico. É a garantia de uma solução de formação eficaz e perfeitamente integrada. Um conselho e um acompanhamento de proximidade A Cegoc inclui um conjunto de vantagens: conhecimentos de negócios, engenharia de formação e multimédia - tudo no decorrer do seu projeto, para formar de forma rápida e com custo otimizado. Garantia de Qualidade A Cegoc é pioneira na obtenção de reconhecimento externo pelo cumprimento de requisitos da qualidade: - desde janeiro de 1998, está acreditada pela DGERT como entidade formadora; - desde junho de 1998, está certificada pela APCER de acordo com a ISO 9001 na implementação do Sistema da Qualidade aplicado à prestação de serviços de formação Inter Empresas e Intra Empresa. Entidade Formadora Acreditada pela DGERT Formação inter-empresas e intra-empresa nas modalidades presencial e e-learning Consultoria Recrutamento e Seleção Avaliação de Potencial e Competências Assessment e Development Centres Para cada necessidade há uma solução Cegoc Uma PME Nem sempre é fácil fazer a escolha para comprar esta ou aquela formação, sobretudo quando é preciso manter uma preocupação em relação aos custos. Nesses momentos é necessário aconselhamento e orientação. É a missão dos nossos consultores: compreender os imperativos da sua PME e estar à sua disposição na procura da melhor solução. Formações curtas e perto de si: Formações adaptadas à sua atividade! Ciente do investimento de tempo que representa um colaborador em formação, oferecemos cursos de diferentes durações que melhor correspondam às suas necessidades e seu negócio. Um espaço cliente online Para gerir melhor as suas formações e monitorá-las, dispõe do seu espaço cliente. Disponibilizamos também um serviço encomenda online. Um gestor de formação ao seu lado O seu gestor de formação ajuda-o na implementação dos processos administrativos e adapta-o ao seu processo. Uma grande empresa Desde a fase de diagnóstico, passando pela conceção do plano de formação até à avaliação da transferência de competências para o posto de trabalho, a Cegoc acompanha todas as etapas. Trabalhamos com as equipas, diretores de formação e de RH ao longo do ano para moldar o seu projeto de formação e ajustá-lo regularmente às necessidades da sua organização. Um acompanhamento privilegiado A nossa equipa comercial apoia-o em todas as etapas dos seus projetos de formação, tendo sempre em consideração as suas necessidades. BEST, formações continuamente reconhecidas SELLER Porque os colaboradores tem de estar preparados para mudar de função e assumir novas responsabilidades, assinalámos as formações BEST como referência de áreas estruturais. Com uma abordagem diferenciadora, marcadamente prática e conteúdos constantemente melhorados, garantimos a melhor aprendizagem para as competências essenciais! 4

7 Consultoria e gestão de talentos Os objetivos das nossas intervenções Ajudar as empresas a identificar as suas competências chave, apoiar o desenvolvimento das pessoas que servem essas competências, orientar o crescimento do seu capital humano. Aconselhar as empresas no terreno e ajudar as pessoas e as equipas a assimilarem as melhores práticas operacionais. Enriquecer o capital de competências de cada pessoa para a ajudar a ter êxito no seu desempenho atual e futuro. Modernizar a gestão laboral da empresa: estudos de clima social e organizacional; descrição de funções, análise e qualificação de funções, reestruturação de grelhas salariais; diretórios de competências e níveis de proficiência. Procuramos os melhores profissionais do mercado para a sua empresa Recrutamento por Anúncio; Recrutamento com Recurso a Base de Dados; Global Search. Ajudamos os nossos clientes a Identificar, Desenvolver, Reter talentos Assessment Centre; Development Centre; Gestão de Talentos; CEGOC 360º Competency Survey. Outsourcing da função formação Colocamos à disposição da sua organização um sistema e uma metodologia BPO (Business Process Outsourcing) da função formação da sua empresa. Configuramos as características e âmbito do serviço, externalizando as atividades da função formação que a sua empresa determine. Coordenamos e certificamos a formação dos formadores internos. Asseguramos a gestão integral de sistemas de ações formativas cofinanciadas e de outras fontes de financiamento acessíveis. Adaptamos o quadro de indicadores de gestão da atividade formativa à sua empresa. cegoc.pt Consulte todas as soluções e inscreva-se... Informações e aconselhamento sobre formação das 9h às 18h de segunda a sexta

8 Testes Psicológicos Investigação e Desenvolvimento - Formação - Consultoria Os testes psicológicos são instrumentos que podem desempenhar um papel determinante na avaliação e desenvolvimento dos recursos humanos de que a empresa dispõe e/ou que pretenda admitir. Testes Testes de Inteligência Geral. Testes e Baterias de Aptidões Específicas. Questionários de Personalidade e Inventários de Valores. Questionários de Avaliação de Competências. Questionários de Diagnóstico Organizacional. Testes Psicológicos Online by Cegoc Modalidades de aplicação: - online internet; - online intranet. Características de plataforma TPOnlinebyCegoc Declaração de Consentimento Informado Em conformidade com o Código Deontológico da Ordem dos Psicólogos Portugueses, todos os sujeitos avaliados são informados acerca dos direitos e deveres de todas as partes envolvidas no processo de avaliação, formalizando o seu conhecimento destes através da aceitação de uma Declaração de Consentimento Informado. Registo na Comissão Nacional de Proteção de Dados Cumprindo com a legislação em vigor no que respeita à proteção de dados pessoais, a plataforma está registada na Comissão Nacional de Proteção de Dados. Diferentes Tipos de Utilizadores A existência de diferentes tipos de utilizadores permite definir níveis de acesso às diferentes funcionalidades da plataforma. Sem Fidelização Para além do pagamento inicial de uma Licença de Utilização, o cliente pode utilizar os seus créditos com a regularidade que quiser, não lhe sendo exigido qualquer pagamento periódico pelo direito de acesso à plataforma. Avaliação em Ambiente Controlado As Diretrizes Internacionais para a Utilização de Testes em Formato Digital e por Internet indicam que a utilização de testes para a tomada de decisões importantes, como é o caso das que são tomadas em contexto de seleção de profissionais ou no diagnóstico psicológico deve cumprir com determinados critérios, entre eles, o controlo do processo de avaliação. A plataforma TPOnlinebyCegoc pressupõe a utilização dos testes de aptidões em ambiente controlado (em que é possível ao avaliador validar a identidade dos sujeitos avaliados). A ausência de supervisão apenas é possível no caso dos questionários de personalidade. Diferentes Clientes, Diferentes Necessidades A plataforma foi concebida para ser utilizada por clientes com diferentes tipos de necessidades: os clientes que fazem regularmente um grande número de avaliações e que pretendem uma plataforma mais personalizada e com a possibilidade de terem acesso a tabelas de normas específicas para a população que habitualmente avaliam; os clientes que apenas fazem avaliações esporadicamente e que pretendem ter acesso a tabelas de normas regularmente atualizadas; os clientes que pretendem utilizar testes informatizados mas que funcionem offline. 6

9 Formação Outdoor Para os seus desafios disponibilizamos soluções de grande envolvimento e impacto Os vossos Desafios Desenvolver, no seio da sua organização, uma maior interdependência que promova o espírito e motivação das equipas e/ou a comunicação e coesão interdepartamental é um desafio? Pretende melhorar a interiorização dos valores e cultura de empresa por parte dos seus colaboradores? Quer impulsionar a criatividade e a capacidade de resolução de problemas no seio das suas equipas? A nossa Solução Através das soluções de Formação Outdoor a CEGOC transpõem os problemas, os desafios e os riscos vividos, no dia-a-dia da Empresa, para situações semelhantes, em cenários diferentes dos habituais, através de uma abordagem 100% experiêncial. Criamos desafios e exercícios pedagógicos que permitem promover e associar a experiência e as sensações vividas no decorrer da Formação Outdoor a comportamentos desejáveis no seio da Organização. Promovemos o desenvolvimento das Organizações através da melhoria de capacidade de resposta e performance de todos os colaboradores, preparando-os para melhor responder aos desafios da atividade profissional num contexto de forte competitividade. Porquê confiar uma ação de Formação Outdoor, de grande impacto, à CEGOC? Melhor adequação aos objetivos De acordo com as necessidades do cliente, que define o perímetro da ação a realizar e seus objetivos, asseguramos a conceção técnica do evento, a sua planificação e a sua realização chave na mão: a Cegoc concebe e entrega uma solução integral combinando pedagogia, especialização e logística. Maior eficácia Otimizamos as diferentes componentes da formação: combinamos a melhor pedagogia para o projeto com a gestão mais eficiente dos locais adequados e uma logística integrada. Maior segurança Asseguramos a segurança e a coordenação de diversos intervenientes para que os nossos clientes se possam concentrar nas tarefas de maior valor acrescentado para si. Os nossos eventos são acompanhados por pessoal técnico paramédico especializado. Garantia de resultados Um processo de apropriação em várias etapas, para um impacto duradouro. Uma melhoria contínua para projetos de longo prazo. cegoc.pt Consulte todas as soluções e inscreva-se... Informações e aconselhamento sobre formação das 9h às 18h de segunda a sexta

10 Liderança e Comunicação Transcultural Construção de equipas multiculturais altamente eficazes Cada vez mais as empresas operam em contextos multiculturais em que as equipas são constituídas por membros de nacionalidades e culturas distintas. Estes ambientes multiculturais impõem aos profissionais a capacidade de se adaptarem a diferentes estilos de comunicação e de estabelecer relações de confiança com pessoas de backgrounds culturais distintos. Porquê? Cada vez mais empresas operam em contextos multiculturais em que as equipas são constituídas por membros de nacionalidades e culturas distintas. Estes novos ambientes impõem aos profissionais a capacidade de compreenderem e se adaptarem a diferentes comportamentos e estilos de comunicação, coordenação e liderança e a desenvolverem a capacidade de estabelecer relações de confiança com pessoas de backgrounds culturais distintos. Para quê? Aumentar os conhecimentos e a consciência em relação às diferenças culturais e ao seu impacto nos negócios. Criar e desenvolver a competência cultural (Gestão Intercultural). Melhorar os estilos de comunicação tendo em vista a melhoria da sua eficácia e a diminuição de mal-entendidos culturais. Reforçar as competências de cooperação em contextos multiculturais. Compreender o conceito de Cultura Nacional. Conhecer as 6 dimensões do software mental coletivo: PDI - IDV - MAS - UAI - PRA - IVR. Saber lidar com o choque cultural. Melhorar as competências de comunicação entre pessoas de culturas e hábitos diferentes. Conhecer as consequências das diferenças culturais no conceito de Líder e na imagem da organização. O Desafio Aumentar a consciência em relação às diferenças culturais e ao seu impacto nos negócios. Melhorar os estilos de comunicação de modo a aumentar a eficácia da comunicação, a diminuição de mal-entendidos e o reforço das competências de cooperação em contextos multiculturais. Benefícios para os participantes e para as Organizações Melhoram as competências pessoais de comunicação intercultural e a interação interpessoal entre os membros de equipas multiculturais. Evitam e previnem mal-entendidos e conflitos interculturais, melhorando a cooperação em contexto de trabalho. Promovem uma melhor e mais rápida adaptação à situações multicultural, e melhoram a capacidade de gestão do choque cultural. Uma formação que inclui: Apresentações e breves explanações teóricas: conceitos, dimensões e bases do 6D Model. Exercícios cognitivos individuais e em pequenos grupos. Aplicação do 6D Model estudos de caso. Um pocket guide road-map (6D ) para cada participante, com cotações para mais de 100 países e as principais consequências para aqueles que trabalham enquadrados em equipes multiculturais. Livros Gestão Intercultural e Humanos: pessoas iguais, culturas diferentes. 8

11 1. Introdução ao conceito de cultura: nível 1 e 2 Liderar e gerir as diferenças culturais. Jogo pedagógico de compreensão das diferenças culturais e desafios enfrentados pelas diferentes culturas. O que é preciso saber para melhorar a eficácia da comunicação intercultural. 2. O internacional ou a mistura do semelhante e do diferente Os problemas inerentes ao encontro de culturas diferentes. Estereótipos e julgamentos etnocêntricos. Mal-entendidos, conflitos culturais e problemas relacionais derivados das diferenças culturais. 3. O conceito de Cultura Nacional como Software Mental Coletivo: pensamento, emoção e comportamento Valores e Práticas Culturais: diferenças entre cultura nacional e organizacional. Diferenças no modelo de educação na infância de acordo com os países. 4. Os níveis e formas de ção Mental Individual ção Mental Universal. ção Mental Individual. ção Mental Coletiva. A transmissão do Software Mental Coletivo (fases de aprendizagem). 5. A cultura como determinante da percepção da realidade Autodiagnóstico do Software Mental Individual e comparação com os países de interação mais comum. Análise do desvio entre o Mental Individual e o Mental Coletivo dos Países de Interação. 14 horas 2 DIAS Ref.ª 04-A IVA 7 e 8 de maio 6. O Modelo de diferenças culturais: saber descrever a realidade a partir de 6 dimensões de valores coletivos A Distância ao Poder (PDI ); o Individualismo (IDV); a Masculinidade (MAS); a Evitação da Incerteza (UAI). O Pragmatismo (PRA); a Indulgência (IVR). 7. Principais consequências das diferenças culturais no comportamento humano Relação com o: tempo e pontualidade, Autoridade/Poder/ /Estilos de Liderança mais adequados e expectáveis; indivíduos e Grupos, o desconhecido e a ambiguidade. Matrizes de Comunicação (directa vs indirecta). A necessidade de regras, procedimentos e o conforto emocional. A exteriorização de emoções, o toque e a aproximação física a bolha privada. A perda da face e a comunicação implícita (quando o sim pode ser...não). 8. Imagens Mentais e Modelos Implícitos de Organização nas diferentes culturas: o que deve ser uma empresa? Interacção das dimensões culturais na atividade diária e na comunicação. O que é uma organização para as diferentes culturas: imagens mentais das organizações e consequências comportamentais. Rede Arena Pirâmide Família Máquina - Sistema Solar. 9. Atitudes adaptativas em relação às diferenças de comportamento em função da cultura Feedback de desempenho; Como influenciar; Gestão de Conflitos; Relação com o Tempo; Gestão de Projectos e Alcance de Objetivos. 10. Conhecer e viver noutro país Características de outras culturas: como interagir. Precauções e Preparação de viagens. 19 e 20 de outubro Porquê o? Itim international é um parceiro global com mais de 27 anos de investigação ciêntifica que sustenta o modelo. Conta com mais de 60 consultores culturais e de gestão em 32 países. As soluções e ferramentas utilizadas pelo Itim são desenvolvidas com base nos resultados da investigação liderada pelo Prof. Geert Hofstede e outros académicos e investigadores: - Baseada em informação estatística validada cientificamente; - Consistência com o modelo e coerência de todas as ferramentas utilizadas; - Ajuda a criar uma linguagem internacional e um sistema de referência; - Simplifica uma área complexa de modo a permitir uma aplicação fácil e eficaz do modelo. cegoc.pt Consulte todas as soluções e inscreva-se... Informações e aconselhamento sobre formação das 9h às 18h de segunda a sexta

12 Índice detalhado 1 MANAGEMENT, LIDERANÇA E COACHING Management da empresa Ultrapassar conflitos e negociar soluções 01-A-456 dias/ /horas 2/14 janeiro fevereiro março abril maio junho julho setembro outubro novembro dezembro página A-567 Tomada de decisão - métodos e instrumentos 2/ A-192 Gerir uma equipa de projetos 2/ Liderança e coaching 01-B-001 Liderança e gestão de equipas 2/ coaching coaching 1-2+ coaching 6-7+ coaching coaching coaching B-002 Liderança para chefias diretas e supervisores 2/ B-1047 Liderar à distância e em contextos multiculturais 1,5/ B-1057 Liderar pela confiança 2/ B-851 Liderança e Coaching 2/ Formação presencial: LISBOA. PORTO 2-3+ coaching coaching 18 2 Eficácia pessoal 02-A-005 DESENVOLVIMENTO PESSOAL E PROFISSIONAL Promover a mudança e o desenvolvimento pessoal através da PNL dias/ /horas 2/14 janeiro fevereiro março abril maio junho julho setembro outubro novembro dezembro página coaching coaching coaching 02-A-006 Assertividade 2/ A-1046 Inteligência Emocional 2/ A-330 Gestão do stresse 2/ A-681 Resiliência 2/ coaching coaching coaching coaching coaching coaching coaching coaching 28 Eficácia profissional 02-B-566 Competências avançadas de negociação 2/ B-009 A arte de bem gerir o seu tempo 2/ B-118 Comunicação escrita 2/ B-132 Técnicas de apresentação 2/ B-619 Preparar e conduzir reuniões 1,5/ Formação presencial: LISBOA. PORTO 1-2+ coaching coaching 24 3 SPEEXX EMPOWERING COMMUNICATION meses/ /horas janeiro fevereiro março abril maio junho julho agosto setembro outubro novembro dezembro página Empowering communication 03-A-1021 speexx Coach 6/80 * * * * * * * * * * * * A-1036 speexx Live 6/80 * * * * * * * * * * * * A-1034 speexx Phone 6/80 * * * * * * * * * * * * A-1035 speexx 1:1 6/80 * * * * * * * * * * * * 39 * início das formações no 1.º dia útil de cada mês (sujeito a número mínimo de participantes) 4 GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DO CAPITAL HUMANO dias/ /horas janeiro fevereiro março abril maio junho julho setembro outubro novembro dezembro página Gestão do capital humano 2,5/ 04-A-655 O fundamental da gestão de capital humano /17, A-457 Assistente da função pessoal e de recursos humanos 4/ A-013 Avaliação e gestão de desempenho 2/ A-336 Praticar a entrevista de seleção 2/ A-526 Utilização de testes psicológicos na gestão de RH 3/ Formação presencial: LISBOA. PORTO 10 Ficha de inscrição pág. 157

13 Estamos à sua disposição para propor soluções adaptadas aos seus projetos. Toda a formação: modalidades, áreas, cursos e inscrições. 4 GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DO CAPITAL HUMANO dias/ /horas janeiro fevereiro março abril maio junho julho setembro outubro novembro dezembro página Direito do trabalho e relações laborais 04-B-1059 A Legislação Laboral ao Serviço da Gestão 1/ B-544 Código do trabalho 4/ Gestão da formação 04-C-999 A gestão da formação com valor acrescentado 2/ C-594B Ciclo: Formação pedagógica inicial de formadores 6/90 5 VENDAS E NEGOCIAÇÃO COMERCIAL 13 (início) (início) (início) (início) Formação presencial: LISBOA. PORTO dias/ /horas janeiro fevereiro março abril maio junho julho setembro outubro novembro dezembro página Gestão de equipas de vendas 05-A-116 Liderar e motivar a equipa de vendas 2/ B-1047 Liderar à distância e em contextos multiculturais 1,5/ Ação comercial 05-B-017 Product manager 3/ B-309 Key Account Management 2/ B-998 Prospeção e proatividade comercial 2/ B-020 Técnicas de venda 2/ B-996 Ciclo: Negociar e defender as suas margens 3/ B-997 Avaliar o impacto financeiro das decisões comerciais 1/ B-163 Negociação comercial: técnicas, estratégias e táticas 2/ B-117 Influenciar com a PNL 2/ B-142 Serviço ao cliente, atendimento e gestão de reclamações 2/ Formação presencial: LISBOA. PORTO 6 MARKETING DIGITAL dias/ /horas janeiro fevereiro março abril maio junho julho setembro outubro novembro dezembro página Marketing Digital 06-A-1058 Digital Marketing - Professional Diploma / /± A-1048 Introdução ao marketing digital 2/ A-1050 SEA Search Engine Advertising 2/ A-1049 SEO Search Engine Optimization 2/ A-1054 Digital display advertising 2/ A-1053 Social media marketing I e II 2/ A marketing 2/ A-1052 Mobile marketing 2/ A-1055 Web analytics 2/ A-1056 Planeamento de marketing digital 2/ Formação presencial: LISBOA. PORTO 7 GESTÃO DE PROJETOS dias/ /horas janeiro fevereiro março abril maio junho julho setembro outubro novembro dezembro página Gestão de projetos 07-A-133 Gestão de Projetos 3/ A-517 Gestão de Projetos (project management) + Microsoft Project 5/ A-636B Certificação PMP (Formação Blended) 5/ (fim) (fim) A-954 Prince2 Foundation 3/ A-354 Microsoft Project - Aperfeiçoamento 2/ Formação presencial: LISBOA. PORTO 11 Consulte todas as informações em

14 Índice detalhado APROVISIONAMENTOS 8 COMPRAS, E LOGÍSTICA 9 dias/ /horas janeiro fevereiro março abril maio junho julho setembro outubro novembro dezembro página Finanças 09-A-127 Finanças para não financeiros 3/ A-768 Realizar uma análise económica e financeira 3/ A-085 Formação prática de tesoureiros no cash management 3/ A-086 Gestão do crédito e cobrança 3/ A-208 FINANÇAS - CONTABILIDADE FISCALIDADE Cobranças difíceis e recuperação de incobráveis 2,5/ 17, Controlo de gestão 09-B-776 O essencial do controlo de gestão 2/ B-234 Modelos de controlo de gestão 3/ B-356 Conceber um quadro de indicadores de gestão 2/ Contabilidade geral e auditoria 09-C-048 Contabilidade geral (nível 1) 3/ C-169 Contabilidade geral (nível 2) 3/ C-897 Contabilidade geral (nível 3) 2/ C-104 Contabilidade de gestão 2/ C-639 A aplicação das normas IAS-IFRS 2/ C-277 Auditoria e controlo interno 3/ SNC - Sistema de normalização contabilística 09-C-704B 2,5/24 9 (início) (início) (Formação Blended) dias/ /horas janeiro fevereiro março abril maio junho julho setembro outubro novembro dezembro página Compras 08-A-032 Prática da negociação na compra 3/ A-031 Formação prática de compradores 3/ A-287 Seleção e avaliação técnico e económica-financeira de fornecedores 3/ A-431 Os aspetos jurídicos das compras 2/ Aprovisionamentos e logística 08-B-034 Métodos práticos de controlo e gestão de stocks 3/ B-377 A gestão da Supply Chain 3/ B-035 Liderar e gerir o armazém 3/ B-285 A gestão dos transportes e a regulamentação alfandegária 3/ Formação presencial: LISBOA. PORTO Formação presencial: LISBOA. PORTO APOIO ADMINISTRATIVO À GESTÃO dias/ /horas janeiro fevereiro março abril maio junho julho setembro outubro novembro dezembro página Apoio administrativo à gestão 10-A-072 Secretariado e as novas tendências 3/ A-073 Secretária executiva 3/ A-194 Assistente de gestão 3/ A-948 Mini MBA - O fundamental da gestão e o secretariado 5/ A-703 A secretária e a excelência profissional 2/ A-412 Gestão Documental e arquivos 3/ Formação presencial: LISBOA. PORTO Ficha de inscrição pág. 157

15 Estamos à sua disposição para propor soluções adaptadas aos seus projetos. Toda a formação: modalidades, áreas, cursos e inscrições. GLOBAL LEARNING BY CEGOC dias/ /horas janeiro fevereiro março abril maio junho julho setembro outubro novembro dezembro página Management, liderança e coaching 01-A-8502 Desenvolvimento em gestão e liderança (nível 1) 2/ A-8503 Desenvolvimento em gestão e liderança (nível 2) 3/ B-8515 Managing Managers 2/ B-8501 Liderar e gerir a mudança 2/ B-8518 Desenvolver a orientação cliente através da gestão de equipas 2/ Desenvolvimento pessoal e profissional 02-B-8521 Gestão do tempo 2/ B-8522 Powerful presentations 2/ B-8500 Excelência Interpessoal 3/ A-8520 Gerir emoções em situações difíceis 2/ Gestão e desenvolvimento do Capital humano 04-A-8512 Conduzir e gerir as entrevistas de avaliação de desempenho 2/ C-8511 Formar com talento 2/ Vendas e negociação comercial 05-A-8506 Gerir equipas comercias em contexto de mudança 2/ B-8508 Venda de alto desempenho 2/ B-8507 Negociação comercial em 3 dimensões 2/ B-8509 Três alianças para fidelizar clientes 2/ Gestão de projetos 07-A-8505 Gestão de projetos: as melhores práticas 2/ Finanças 09-A-8524 Finanças para não financeiros 2/ Formação presencial: LISBOA FORMAÇÕES E-LEARNING BY CEGOC meses/ /horas janeiro fevereiro março abril maio junho julho agosto setembro outubro novembro dezembro página Management, liderança e coaching 01-A-814E Management Inteligence 1/8 * * * * * * * * * * * * B-666E Liderar equipas para obter resultados 1/8 * * * * * * * * * * * * A-668E Métodos e ferramentas para a tomada de decisão 1/8 * * * * * * * * * * * * A-818E Cultivar a orientação para o cliente na sua equipa 1/7 * * * * * * * * * * * * 137 Desenvolvimento pessoal e profissional 02-B-674E Ferramentas para organizar melhor o seu tempo 1/8 * * * * * * * * * * * * B-620E Ferramentas para reuniões eficazes 1/10 * * * * * * * * * * * * B-622E Preparar e animar uma apresentação em público 1/10 * * * * * * * * * * * * 139 Gestão e desenvolvimento do Capital humano 04-C-627E Preparar e animar uma sessão formativa 1/15 * * * * * * * * * * * * C-625E Design de meios e suportes pedagógicos 1/15 * * * * * * * * * * * * C-624E Formação experiencial 1/14 * * * * * * * * * * * * 140 Vendas e negociação comercial 05-C-779E Introdução ao marketing 1/7 * * * * * * * * * * * * C-723E Protocolo, imagem e organização de eventos profissionais 1/8 * * * * * * * * * * * * B-632E Introdução às técnicas de venda 1/10 * * * * * * * * * * * * B-635E Desenvolver a sua capacidade de influência 1/8 * * * * * * * * * * * * B-671E Aperfeiçoamento nas técnicas de venda 1/10 * * * * * * * * * * * * B-634E Fundamentos da negociação comercial 1/10 * * * * * * * * * * * * 143 Gestão de projetos 07-A-825E Introdução à gestão de projetos 1/7 * * * * * * * * * * * * 144 Segurança e saúde no trabalho 11-A-719E Introdução à segurança e saúde no trabalho 1/9 * * * * * * * * * * * * 144 * Início das formações no 1.º dia útil de cada mês 13 Consulte todas as informações em

16 Management, Liderança e Coaching Mário Ceitil Managing Partner Responsável das Formações Liderança e Coaching Paulo Finuras Diretor dos Mercados Internacionais, Consultoria RH e Capital Humano Responsável das Formações Management da Empresa

17 Management da Empresa Ultrapassar conflitos e negociar soluções Gestão de conflitos Tomada de decisão - métodos e instrumentos Decidir para agir Gerir uma equipa de projetos A gestão sem autoridade formal Liderança e Coaching Liderança e gestão de equipas Liderança para quadros responsáveis e técnicos superiores Liderança para chefias diretas e supervisores Animar e motivar equipas Liderar à distância e em contextos multiculturais Gerir equipas virtuais e multiculturais Liderar pela confiança Liderança e coaching Encontrar a sua formação Índice do Guia 2 Índice detalhado 10 Procura por palavras-chave 159 Escolher a sua solução de aprendizagem Formações inter, intra 10 Formações em idiomas 34 Formações GLC 112 Formações e-learning Soluções de formação internacionais Formação e-learning Formação blended Avaliação da aprendizagem Inclui Coaching individual Certificação Ciclo de formação Best Seller Renovado em 2015 Novidade em 2015

18 MANAGEMENT, LIDERANÇA E COACHING Ultrapassar conflitos e negociar soluções Gestão de conflitos No final da formação os participantes deverão ser capazes de: n distinguir os diferentes tipos de conflitos e prever as suas consequências práticas; n controlar o diálogo durante a resolução do conflito face a face; n construir uma relação de confiança durante o processo negocial; n conduzir a negociação para uma solução conjunta do conflito; n fechar um acordo estável enquanto solução negociada de um conflito. Quadros e chefias para quem resolver conflitos e negociar constituem parte importante da atividade profissional de gestão e de coordenação de pessoas. 14 horas 2 DIAS Ref.ª 01-A módulos e-learning IVA A gestão de conflitos constitui uma resposta à inevitável divergência de interesses e de objetivos. Lidar adequadamente com estas situações, criando um clima de confiança, e conseguir soluções através da negociação com vantagens para as partes e para a Organização constitui um desafio para qualquer Gestor. Neste curso, os participantes desenvolverão competências que lhes permitam: saber como sair das situações de diálogo difícil; construir uma solução conjunta dos conflitos, tirando partido das divergências; encontrar as soluções equilibradas para cada parte; saber como lidar com os conflitos online. 1 Analisar a dinâmica relacional em situações de conflito n Os tipos de conflitos nas Organizações: conflitos de crenças e conflitos de recursos escassos. n As relações de poder e o seu impacto na dinâmica relacional e na eclosão de conflitos. n A comunicação ineficaz como fator de conflito. n As relações de força: atitudes de ataque e defesa. 2 Identificar os estilos pessoais nas situações de conflito n Como lida com os conflitos? Conhecer-se melhor a si mesmo - autodiagnóstico do estilo individual de gestão dos conflitos. n Conhecer melhor o outro e a forma como ele reage. n Selecionar os comportamentos chave e os meios práticos para reforçar uma atitude de base positiva. Porto 4 e 5 de junho 18 e 19 de junho n Ultrapassar os bloqueios pessoais que dificultam a procura de critérios comuns para construir soluções conjuntas. 3 Desenvolver as atitudes e comportamentos que facilitem a resolução dos conflitos n Fases do desenvolvimento dos conflitos: da perceção de incompatibilidade à busca das soluções. n Construir e manter um clima de confiança: utilizar um processo de comunicação com base nos interesses mútuos. n Potenciar a atitude cooperativa nos outros para facilitar a negociação. 4 Escolher as estratégias negociais a utilizar: a negociação como forma positiva de resolução de conflitos n Caracterizar as situações de negociação na resolução de conflitos. Escolher entre negociar ou não negociar. n As principais estratégias de negociação: estratégias integrativa e distributiva. n Escolher a sua estratégia em função do objetivo e da situação. n Fazer as escolhas adequadas e adaptá-las ao processo de negociação: negociar em bloco ou ponto por ponto. n Avaliar a relação de poder na negociação: poder expresso, poder real, poder percebido. 5 Atuar nas várias fases da negociação n A fase de preparação: ponto chave do êxito da negociação: - os objetivos; - as concessões e os limites; Porto 24 e 25 de setembro 1 e 2 de outubro - a argumentação de apoio; - como analisar os interesses e as posições da outra parte. n Saber conduzir a negociação - os métodos eficazes em cada etapa: - o enquadramento da negociação e os interesses mútuos; - controlar o diálogo - a arte de perguntar; - tratar os diferentes tipos de objeções; - sair de uma situação de impasse: a chave para desbloquear uma situação e retomar o diálogo em clima de cooperação. n Procedimentos para concluir acordos: técnicas de fecho da negociação: - conseguimos um acordo fiável? n Saber avaliar a eficácia de uma negociação. 6 Lidar com o conflito online n Efeitos do uso das tecnologias de comunicação ( , sms, chat) sobre o comportamento social: oportunidades e ameaças n Limites e enviesamentos gerados pelos media online: da ilusão de sincronicidade à escalada de conflito verbal. APÓS A FORMAÇÃO EM SALA: OFERTA DE 2 MÓDULOS DE E-LEARNING n Dinâmica do conflito nas organizações; n Conflitos nos grupos de trabalho e nas equipas. 3 e 4 de dezembro 16 Ficha de inscrição pág. 155

19 MANAGEMENT, LIDERANÇA E COACHING Tomada de decisão - métodos e instrumentos - Decidir para agir No final da formação os participantes deverão ser capazes de: n distinguir e aplicar métodos e técnicas de tomada de decisão complexa; n resistir aos erros e ilusões que diminuem a qualidade das decisões; n identificar as características individuais que fomentam ou perturbam a capacidade de decisão; n tirar partido das ferramentas de apoio à tomada de decisão; n usar técnicas de apoio à decisão em grupo; n transformar a decisão num plano de ação. Responsáveis que desejam melhorar as suas competências na tomada de decisão em situações de gestão de recursos e de pessoas. Para além das intervenções do formador, a metodologia pedagógica do curso inclui exercícios práticos, envolvendo a utilização de instrumentos de decisão, estudo de caso, autodiagnósticos individuais e simulações de decisão em grupo. 14 horas 2 DIAS Ref.ª 01-A módulo e-learning IVA Coordenar, gerir, exercer a liderança é decidir. Para quem tem responsabilidades de gestão e coordenação, para agir com eficácia em todos os domínios, é necessário desenvolver boas práticas de tomada de decisão. A tomada de decisão constitui uma atividade permanente e fundamental que influencia todo o funcionamento da empresa. 1 Desenvolver os métodos para decidir melhor: tomada de decisão individual n Como decidir: etapas do processo lógico racional de tomada de decisão. n Pontos fortes e limites do método racional: - avaliação do grau de incerteza da situação; - análise e avaliação do risco na tomada de decisão. n Métodos para delimitar os problemas, estabelecer critérios e ponderar alternativas: multiatributos, trocas equivalentes. 2 Identificar e classificar o seu estilo de tomada de decisão n Autodiagnóstico das tendências individuais (pontos fortes e pontos fracos). 14 e 15 de maio n Como tomo decisões? n Tomar consciência dos automatismos pessoais na análise da informação: - reações habituais em situações de crise e/ou de urgência. 3 Saber analisar a informação para decidir com eficácia n Racionalidade e intuição: processos opostos ou complementares? n Distorções e armadilhas na recolha e análise de informação para a decisão: ancoragem, disponibilidade e representatividade. n De vitória em vitória até à derrota final : evitar a escalada irracional de compromisso, ou como inverter ou redirecionar uma decisão inadequada. 4 Tirar partido dos sistemas de apoio à decisão n Decisão assistida por computador. n Ferramentas de tratamento de informação para apoio à tomada de decisão. n Antecipar cenários de aplicação da decisão para selecionar a informação pertinente. 5 Decidir individualmente ou em grupo? n Várias cabeças pensam melhor do que só uma? Vantagens e desvantagens da decisão em grupo. 17 e 18 de setembro n Graus de participação na tomada de decisão: quando consultar os parceiros e colaboradores. n Problemas na tomada de decisão em grupo: procedimentos e técnicas para melhorar a qualidade da decisão. n Técnicas de criatividade para a decisão em grupo: variantes do brainstorming ; Grupo Nominal; DELPHI. 6 Passar da decisão à ação: como garantir a adesão dos outros n Comunicar decisões: como reforçar a eficácia persuasiva das suas mensagens: - em reuniões (equipas, comités, ou outros); - num contacto individual. n Conseguir a responsabilização de todos os implicados na decisão. n Elaborar um plano de ação coerente com a natureza da decisão. n Saber avaliar a eficácia das decisões: o balanço do plano de ação. ANTES DA FORMAÇÃO EM SALA: OFERTA DE 1 MÓDULO DE E-LEARNING n Sistema de apoio à decisão. 12 e 13 de novembro Gerir uma equipa de projetos - A gestão sem autoridade formal n No final da ação o participante estará dotado dos conhecimentos necessários que permitam mobilizar, coordenar e fazer trabalhar em conjunto pessoas de serviços, de setores, de funções diferentes sem dispor de autoridade hierárquica formal. n Dotar o participante das competências necessárias ao exercício da gestão de equipas de projeto. Todos os colaboradores de uma empresa chamados a intervir como Responsáveis pela condução de equipas de Projeto. n Esta formação privilegia uma pedagogia alternando os aspetos metodológicos com o treino prático. n Utilização de grelhas de análise e de diagnóstico para referenciar as práticas e os comportamentos. 14 horas 2 DIAS Ref.ª 01-A IVA Mobilizar, coordenar e fazer trabalhar em conjunto pessoas de serviços, de setores, de funções diferentes sem dispor de autoridade hierárquica formal é um desafio com o qual é confrontado um responsável de projeto. Para esse líder, o êxito passa por uma gestão transversal eficaz da equipa de intervenientes, os quais devem canalizar para o projeto as suas competências e os seus contributos. 1 Passar do projeto somatório de especialidade a um projeto vivenciado como a obra comum de uma equipa n Especificação do projeto. n Arranque do projeto. n Fixar objetivos. n Redigir o caderno de encargos. n Redigir o relatório de inicio de projeto. 2 Posicionar-se numa organização por projeto e situar as suas margens de manobra n Organigrama de atividades n Decompor o projeto em atividades coerentes. 16 e 17 de abril n Descrever de maneira exaustiva as atividades a executar. 3 A constituição da equipa n Formalizar a relação serviços/ /intervenientes/responsáveis do projeto. n Conduzir uma entrevista para associar um interveniente ao projeto. 4 O orçamento e o trabalho em equipa n Elaborar o orçamento inicial. n Características de uma equipa eficaz e suas fases de evolução. n Regras para uma delegação eficaz. 5 A negociação n Negociar para cooperar. n Preparar e conduzir uma relação negociada. 6 O planeamento n Construir um plano com método. n Analisar as restrições e durações e identificar o caminho crítico e as folgas. n Introduzir pontos de controlo. 7 O trabalho em grupo n Saber quando trabalhar em grupo. n Orientar com sucesso uma sessão de trabalho de grupo. 19 e 20 de outubro 8 Conduzir reuniões de projeto n Organizar e conduzir eficientemente uma reunião de projeto. n Identificar os três tipos de reuniões: arranque, ponto de situação e plano de ação. 9 O controlo de execução n Obter dados sobre o trabalho executado e estimativas sobre o que falta fazer. n Analisar o progresso do projeto. n Reagir em caso de desvios face ao planeado. 10 Antecipar e gerir os desacordos e as situações conflituais n Reagir face a uma situação de conflito. n Identificar os tipos de conflito e conhecer as atitudes adequadas. n Lidar com comportamentos agressivos. 11 A contribuição pessoal n Potenciar os seus pontos fortes enquanto elemento de uma equipa de projeto. n Tomar consciência dos seus progressos. 26 e 27 de novembro 17 Consulte todas as informações em

20 MANAGEMENT, LIDERANÇA E COACHING Liderança e gestão de equipas Liderança para quadros, responsáveis e técnicos superiores u Porquê? n Desenvolver as competências de liderança é um investimento fundamental: As organizações necessitam que os seus quadros, responsáveis e técnicos superiores saibam agir/ fazer agir, de forma autónoma, co-responsável e competente. n Neste curso propomos debater e partilhar ideias e boas práticas conducentes ao fortalecimento das competências-chave da liderança. No final da formação os participantes deverão ser capazes de: n desenvolver a sua eficácia de gestão e liderança; n desenvolver a competência e a autonomia das pessoas e equipas; n criar condições que facilitam a motivação; n comunicar eficazmente com os diferentes interlocutores; n experienciar o grau de eficácia de alguns comportamentos de gestão e liderança dos desempenhos e elaborar um mapa dos seus pontos fortes e pontos de melhoria; n treinar-se nas principais áreas de gestão das pessoas e das equipas (fixar objetivos, animar e motivar, delegar); n refletir sobre hipóteses de solução e respetivos impactes, para alguns dos problemas reais da gestão de equipas e pessoas. n Responsáveis hierárquicos com funções de Chefia intermédia, ou equivalente, na sua organização. n Quadros que exerçam uma função transversal na sua organização, com necessidade de mobilizar elementos de qualquer área para obter resultados no seu trabalho. 14h (Total: 17 horas) 2 DIAS +2 sessões coaching individual Ref.ª 01-B módulos e-learning IVA 1 Caracterizar o âmbito da gestão e liderança de equipas e pessoas n As responsabilidades associadas a gerir e liderar equipas. n Missão, desafios, valores e cultura da organização. n Liderar pelo exemplo. n Diagnosticar o seu estilo pessoal de gestão e liderança. 2 Saber como utilizar os estilos de gestão e liderança, de forma realista e adaptada aos contextos e às pessoas n Reforçar o seu impacte sobre a envolvente. n Afirmar-se face a diferentes tipos de equipas. n Identificar preferências de estilos de gestão e liderança nos seus interlocutores para melhorar o entendimento e a colaboração. n Elaborar um mapa dos seus pontos fortes e pontos de melhoria. n Partilhar boas práticas versus práticas a evitar. 3 Diagnosticar o grau de competência e autonomia dos colaboradores n Diagnosticar as necessidades de evolução das pessoas e das equipas. Pontos fortes 23 e 24 de fevereiro 25 e 26 de maio Porto 1 e 2 de junho n Organizar o trabalho e facilitar a progressão individual/coletiva. n Utilizar as entrevistas e reuniões para mobilizar as equipas. 4 Refletir sobre as motivações n Identificar fatores facilitadores da motivação e as situações que promovem desmotivação. n Dar feedback construtivo e melhorar os desempenhos. 5 Comunicar eficazmente com os diferentes interlocutores n Adotar uma atitude positiva e construtiva. n Saber escutar e desenvolver a empatia. n Utilizar argumentos adaptados aos diferentes interlocutores, para transmitir a sua mensagem e obter diálogos mais compreensivos. n Usar Clareza, Objetividade e Cortesia. n Prevenir e tratar desacordos e conflitos. 6 Definir um plano de ação das mudanças a pôr em prática n Identificar prioridades de mudança relativamente aos objetivos. n Reforçar a sua influência sobre o contexto envolvente. n Elaborar o seu plano de ação. 6 e 7 de julho 28 e 29 de setembro 26 e 27 de outubro APÓS A FORMAÇÃO EM SALA: + 2 SESSÕES INDIVIDUAIS DE COACHING (3h) SELLER n Sessões de coaching individual desenvolvidas por coaches certificados com a duração de 90 minutos. OFERTA DE 2 MÓDULOS DE E-LEARNING n Encorajar e manter a motivação da equipa. n Competências relacionais do Gestor. Para ir + além... Para complementar esta formação recomendamos: n Resiliência (pág. 28); n Assertividade (pág. 25). n Uma METODOLOGIA baseada em estudos de caso e simulações que recriam os ambientes da gestão e liderança organizacional. n Esta formação inclui 2 sessões de coaching individual* que permitem perspetivar a transferência de conhecimentos e competências para o contexto profissional. Estas sessões serão baseadas no projeto de mudança dos formandos, fazendo recurso ao modelo de referência de liderança utilizado nas sessões em sala (modelo desenvolvido por Dominique Chalvin). n As sessões de coaching individual serão desenvolvidas por coaches certificados com a duração de 90 minutos. n Partilha de boas práticas para promover a melhoria das competências esperadas na função. n Cada participante definirá ao longo do curso um plano de ação das mudanças a pôr em prática, adequado ao seu perfil de líder e facilitador do progresso das performances da sua equipa. * Notas: a CEGOC encontra-se disponível para ajustar um maior número de sessões de coaching mediante as necessidades do formando. Um maior número de sessões para além das previstas no âmbito do curso de formação requer a realização de um pedido expresso à CEGOC e a apresentação, por parte desta, de uma proposta de intervenção com honorários específicos e a determinar de acordo com as necessidades individuais dos formandos. Porto 2 e 3 de novembro 23 e 24 de novembro 18 Ficha de inscrição pág. 155

Management, Liderança e Coaching

Management, Liderança e Coaching Management, Liderança e Coaching Mário Ceitil Managing Partner Responsável das Formações Liderança e Coaching Paulo Finuras Diretor dos Mercados Internacionais, Consultoria RH e Capital Humano Responsável

Leia mais

SPEEXX Empowering Communication

SPEEXX Empowering Communication Empowering Communication Empowering communication speexx Coach... 38 speexx Live... 38 speexx Phone... 39 speexx 1:1... 39 Encontrar a sua formação Índice do Guia 2 Índice detalhado 10 Procura por palavras-chave

Leia mais

Gestão de Projectos. Área de Management/ Comportamental

Gestão de Projectos. Área de Management/ Comportamental Gestão de Projectos Área de / Comportamental INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES Tel. (+351) 21 314 34 50 Fax. (+351) 21 314 34 49 e-mail. cursos@globalestrategias.pt Web. www.globalestrategias.pt 63 Project Fundamentals

Leia mais

Gestão de Equipas. Lisboa, 11 e 18 de abril de 2013. www.pwc.pt/academy. Academia da PwC

Gestão de Equipas. Lisboa, 11 e 18 de abril de 2013. www.pwc.pt/academy. Academia da PwC www.pwc.pt/academy Gestão de Equipas Lisboa, 11 e 18 de abril de 2013 Academia da PwC O sucesso das organizações depende cada vez mais de equipas de alto desempenho. Venha conhecer connosco as melhores

Leia mais

As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada.

As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada. Anexo A Estrutura de intervenção As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada. 1. Plano de ação para o período 2016

Leia mais

Cegoc Moçambique O MAIOR GRUPO EUROPEU DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL AGORA EM MOÇAMBIQUE. cegoc.co.mz

Cegoc Moçambique O MAIOR GRUPO EUROPEU DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL AGORA EM MOÇAMBIQUE. cegoc.co.mz Cegoc Moçambique Formação e Consultoria em Capital Humano O MAIOR GRUPO EUROPEU DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL AGORA EM MOÇAMBIQUE cegoc.co.mz O maior grupo europeu de formação profissional agora em Moçambique

Leia mais

Gestão de Projetos. António Andrade Dias. Responsável das Formações Gestão de Projetos

Gestão de Projetos. António Andrade Dias. Responsável das Formações Gestão de Projetos Gestão de Projetos António Andrade Dias Responsável das Formações Gestão de Projetos Gestão de Projetos Gestão.... 74 Project management Gestão (Project management) + Microsoft Project... 74 Acompanhar

Leia mais

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES 96 HORAS

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES 96 HORAS FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES 96 HORAS MÓDULOS HORAS FORMADOR 1 - FORMADOR: SISTEMA, CONTEXTOS E PERFIL 10H FRANCISCO SIMÕES 2 SIMULAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL 13H FILIPE FERNANDES 3 COMUNICAÇÃO

Leia mais

Os 7 Pilares da Gestão - Ciclo de Workshops Qualidade da Gestão nas PMEs Portuguesas -

Os 7 Pilares da Gestão - Ciclo de Workshops Qualidade da Gestão nas PMEs Portuguesas - Vários estudos provam que a Gestão de Recursos Humanos é a área mais problemática nas organizações e a que consome grande parte do tempo do empresário. Por outro lado, a área da inovação e do Marketing

Leia mais

BEST WORK PORQUE O MELHOR TRABALHO É SÓ UM. O SEU!

BEST WORK PORQUE O MELHOR TRABALHO É SÓ UM. O SEU! BEST WORK PORQUE O MELHOR TRABALHO É SÓ UM. O SEU! ENQUANTO UNS ESTÃO CONFUSOS, VOCÊ DEMONSTRA CLAREZA ENQUANTO UNS ESTÃO CONSTRANGIDOS, VOCÊ É FLEXÍVEL ENQUANTO UNS VEEM ADVERSIDADE, VOCÊ DESCOBRE OPORTUNIDADES

Leia mais

Uma Questão de Atitude...

Uma Questão de Atitude... Uma Questão de Atitude... Catálogo de Formação 2014 1 Introdução 3 Soluções de Formação 3 Áreas de Formação 4 Desenvolvimento Pessoal 5 Comercial 12 Secretariado e Trabalho Administrativo 15 Indústrias

Leia mais

w w w. y e l l o w s c i r e. p t

w w w. y e l l o w s c i r e. p t consultoria e soluções informáticas w w w. y e l l o w s c i r e. p t A YellowScire iniciou a sua atividade em Janeiro de 2003, é uma empresa de consultoria de gestão e de desenvolvimento em tecnologias

Leia mais

Marketing Digital. Carla Machado. Francesco Berrettini. Responsável das Formações Marketing Digital

Marketing Digital. Carla Machado. Francesco Berrettini. Responsável das Formações Marketing Digital Marketing Digital Francesco Berrettini Responsável das Formações Marketing Digital Carla Machado Coordenadora Pedagógica das Formações Marketing Digital Marketing Digital Digital Marketing - Professional

Leia mais

Fatores e Indicadores de Desempenho ADP

Fatores e Indicadores de Desempenho ADP Fatores e Indicadores de Desempenho ADP RESPONSABILIDADE / COMPROMETIMENTO COM A INSTITUIÇÃO - Assumir o compromisso na realização das atribuições - Atuar com disposição para mudanças - Buscar qualidade

Leia mais

Training Manager. Certificação PwC. 7, 14 e 21 de março. www.pwc.pt/academy. Academia da PwC

Training Manager. Certificação PwC. 7, 14 e 21 de março. www.pwc.pt/academy. Academia da PwC www.pwc.pt/academy Training Manager Certificação PwC 7, 14 e 21 de março Academia da PwC As empresas líderes analisam quais as competências necessárias para o desempenho dos seus colaboradores, implementam

Leia mais

Os novos desafios do secretariado profissional

Os novos desafios do secretariado profissional www.pwc.pt/academy Os novos desafios do secretariado profissional Lisboa, 19 e 26 de fevereiro de 2013 Academia da PwC Um programa que mobiliza competências de eficiência pessoal e profissional apoiando

Leia mais

QUALITIVIDADE. Coaching Uma nova FERRAMENTA para melhorar o DESEMPENHO do Profissional de Saúde

QUALITIVIDADE. Coaching Uma nova FERRAMENTA para melhorar o DESEMPENHO do Profissional de Saúde QUALITIVIDADE Coaching Uma nova FERRAMENTA para melhorar o DESEMPENHO do Profissional de Saúde O Profissional da Saúde como Coach e Mentor: UM DIFERENCIAL QUALITATIVO INOVADOR O Programa In ACTION promove

Leia mais

Advocacia e TI estão entre as mais procuradas e melhor pagas

Advocacia e TI estão entre as mais procuradas e melhor pagas Guia das Funções Mais Procuradas Page Personnel 2015 Advocacia e TI estão entre as mais procuradas e melhor pagas Lisboa, 16 de Junho de 2015 - A Page Personnel, empresa de recrutamento de quadros intermédios

Leia mais

PROGRAMA DE FORMAÇÃO

PROGRAMA DE FORMAÇÃO PROGRAMA DE FORMAÇÃO 1. Identificação do Curso Pós-Graduação em Gestão Estratégica de Recursos Humanos 2. Destinatários Profissionais em exercício de funções na área de especialização do curso ou novos

Leia mais

GESTÃO E CAPACITAÇÃO MÓDULO NO 3º SETOR FORMAÇÃO ESPECIALIZADA NA ÁREA FORMADOR/DATA SOCIAL CENTRO DE FORMAÇÃO. a nossa missão é a sua formação

GESTÃO E CAPACITAÇÃO MÓDULO NO 3º SETOR FORMAÇÃO ESPECIALIZADA NA ÁREA FORMADOR/DATA SOCIAL CENTRO DE FORMAÇÃO. a nossa missão é a sua formação GESTÃO E CAPACITAÇÃO AÇÃO ORGANIZACIONAL MÓDULO NO 3º SETOR FORMAÇÃO ESPECIALIZADA NA ÁREA FORMADOR/DATA SOCIAL a nossa missão é a sua formação CENTRO DE FORMAÇÃO COIMBRA BISSAYA BARRETO 17-06-2015 DURAÇÃO

Leia mais

CURSO LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPAS

CURSO LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPAS CURSO LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPAS ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 03 2. DESENVOLVIMENTO A. Proposta pedagógica B. Investimento C. Condições de participação 03 03 04 04 3. FICHA DE INSCRIÇÃO 05 02 Moneris Academy

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING CENÁRIO E TENDÊNCIAS DOS NEGÓCIOS 8 h As mudanças do mundo econômico e as tendências da sociedade contemporânea.

Leia mais

Perfil Caliper de Especialistas The Inner Potential Report

Perfil Caliper de Especialistas The Inner Potential Report Perfil Caliper de Especialistas The Inner Potential Report Avaliação de: Sr. Antônio Modelo Preparada por: Consultor Caliper exemplo@caliper.com.br Data: Página 1 Perfil Caliper de Especialistas The Inner

Leia mais

SQUADRA TRAINING IMPROVE YOUR BUSINESS PERFORMANCE! ÍNDICE CALENDÁRIO 2º SEMESTRE 2014 APRESENTAÇÃO PORTFÓLIO CONTACTOS E INFORMAÇÕES

SQUADRA TRAINING IMPROVE YOUR BUSINESS PERFORMANCE! ÍNDICE CALENDÁRIO 2º SEMESTRE 2014 APRESENTAÇÃO PORTFÓLIO CONTACTOS E INFORMAÇÕES SQUADRA TRAINING ÍNDICE 2 CALENDÁRIO 2º SEMESTRE 2014 3 APRESENTAÇÃO 5 PORTFÓLIO 14 1 CONTACTOS E INFORMAÇÕES IMPROVE YOUR BUSINESS PERFORMANCE SQUADRA TRAINING CALENDÁRIO 2º SEM. 2014 2 VENDER COM SUCESSO

Leia mais

www.highskills.pt geral@highskills.pt

www.highskills.pt geral@highskills.pt Processos e relações para um Desempenho de Excelência Especial Secretárias Objetivos Gerais Este curso tem como objetivo dotar os participantes de competências, técnicas e instrumentos que lhes permitam

Leia mais

METODOLOGIA HSM Centrada nos participantes com professores com experiência executiva, materiais especialmente desenvolvidos e infraestrutura tecnológica privilegiada. O conteúdo exclusivo dos especialistas

Leia mais

QUER FAZER O SEU NEGÓCIO CRESCER?

QUER FAZER O SEU NEGÓCIO CRESCER? QUER FAZER O SEU NEGÓCIO CRESCER? GARANTIR A PRESENÇA DA SUA EMPRESA NOS MEIOS ONLINE? TER UM SITE TOTALMENTE OTIMIZADO? IMPULSIONAR O AUMENTO DAS SUAS VENDAS? CONHEÇA A CERTIFICAÇÃO EM MARKETING DIGITAL

Leia mais

Procifisc Engenharia e Consultadoria, Lda.

Procifisc Engenharia e Consultadoria, Lda. 01. APRESENTAÇÃO DA EMPRESA 2 01. Apresentação da empresa, com sede em Castelo Branco, é uma empresa criada em 2007 que atua nos domínios da engenharia civil e da arquitetura. Atualmente, é uma empresa

Leia mais

Managing Team Performance

Managing Team Performance www.pwc.pt/academy Managing Team Performance Helping you push harder Lisboa, 22 e 24 de abril Academia da PwC Um curso onde irá conhecer as melhores práticas de gestão contínua de performance e de resultados

Leia mais

Como delegar eficazmente?

Como delegar eficazmente? www.pwc.pt/academy Como delegar eficazmente? How to improve your skills? 21 e 22 de maio de 2013 Academia da PwC Delegar é um conceito aparentemente claro, mas que na prática, nem todos aplicam. A base

Leia mais

MÓDULO III HELP DESK PARA FORMAÇÃO ONLINE

MÓDULO III HELP DESK PARA FORMAÇÃO ONLINE MÓDULO III HELP DESK PARA FORMAÇÃO ONLINE Objectivos gerais do módulo No final do módulo, deverá estar apto a: Definir o conceito de Help Desk; Identificar os diferentes tipos de Help Desk; Diagnosticar

Leia mais

CET. Gestão Administrativa de Recursos Humanos Secretariado de Direção e Comunicação Empresarial Técnicas de Turismo Ambiental Gestão Comercial

CET. Gestão Administrativa de Recursos Humanos Secretariado de Direção e Comunicação Empresarial Técnicas de Turismo Ambiental Gestão Comercial CET Cursos de Especialização Tecnológica Gestão Administrativa de Recursos Humanos Secretariado de Direção e Comunicação Empresarial Técnicas de Turismo Ambiental Gestão Comercial GESTÃO ADMINISTRATIVA

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO ESPECÍFICO. Regulamento

CURSO DE FORMAÇÃO ESPECÍFICO. Regulamento CURSO DE FORMAÇÃO ESPECÍFICO ÍNDICE PREÂMBULO... 3 Procedimentos Técnico-Pedagógicos... 4 1.1. Destinatários e condições de acesso... 4 1.2. Organização dos cursos de formação... 4 1.3. Componentes de

Leia mais

Open Doors A SHL Portugal abre as portas às Organizações

Open Doors A SHL Portugal abre as portas às Organizações Open Doors A SHL Portugal abre as portas às Organizações Lisboa, 25 de maio de 2011 People Intelligence. Business Results. 1 2011 SHL Group Limited www.shl.com Gestão Integrada do Talento People Intelligence.

Leia mais

Profissionais que pretendam adquirir conhecimentos, técnicas e metodologias, ao nível da comunicação online, através de um website.

Profissionais que pretendam adquirir conhecimentos, técnicas e metodologias, ao nível da comunicação online, através de um website. marketing e comunicação SITE E IMAGEM INSTITUCIONAL Profissionais que pretendam adquirir conhecimentos, técnicas e metodologias, ao nível da comunicação online, através de um website. Entender o enquadramento

Leia mais

LEARNING MENTOR. Leonardo da Vinci DE/09/LLP-LdV/TOI/147 219. Perfil do Learning Mentor. Módulos da acção de formação

LEARNING MENTOR. Leonardo da Vinci DE/09/LLP-LdV/TOI/147 219. Perfil do Learning Mentor. Módulos da acção de formação LEARNING MENTOR Leonardo da Vinci DE/09/LLP-LdV/TOI/147 219 Perfil do Learning Mentor Módulos da acção de formação 0. Pré-requisitos para um Learning Mentor 1. O papel e a função que um Learning Mentor

Leia mais

Líder do Futuro. Formação de Líderes. 5 a 10 de novembro. o mais completo programa de. Invista em si e seja um líder do futuro. Média partner: Apoio:

Líder do Futuro. Formação de Líderes. 5 a 10 de novembro. o mais completo programa de. Invista em si e seja um líder do futuro. Média partner: Apoio: Líder do Futuro o mais completo programa de Formação de Líderes 5 a 10 de novembro Invista em si e seja um líder do futuro Programa: Entidade parceira: Média partner: Apoio: Líder do Futuro O programa

Leia mais

Nosso negócio é a melhoria da Capacidade Competitiva de nossos Clientes

Nosso negócio é a melhoria da Capacidade Competitiva de nossos Clientes Nosso negócio é a melhoria da Capacidade Competitiva de nossos Clientes 1 SÉRIE DESENVOLVIMENTO HUMANO FORMAÇÃO DE LÍDER EMPREENDEDOR Propiciar aos participantes condições de vivenciarem um encontro com

Leia mais

TEOREMA CONSULTORIA Rua Roma, 620 Sala 81-B,Lapa Capital- SP CEP: 05050-090 www.teoremaconsult.com.br

TEOREMA CONSULTORIA Rua Roma, 620 Sala 81-B,Lapa Capital- SP CEP: 05050-090 www.teoremaconsult.com.br Cursos para Melhoria do desempenho & Gestão de RH TEOREMA CONSULTORIA Rua Roma, 620 Sala 81-B,Lapa Capital- SP CEP: 05050-090 www.teoremaconsult.com.br Administração do Tempo Ampliar a compreensão da importância

Leia mais

Consultoria em Treinamento & Desenvolvimento de Pessoas

Consultoria em Treinamento & Desenvolvimento de Pessoas Consultoria em Treinamento & Desenvolvimento de Pessoas Evolução PMC têm atuação diferenciada na gestão de pessoas e clima organizacional, gerando na equipe mais agilidade para a mudança e maior capacidade

Leia mais

GESTÃO MUSEOLÓGICA E SISTEMAS DE QUALIDADE Ana Mercedes Stoffel Fernandes Outubro 2007 QUALIDADE E MUSEUS UMA PARCERIA ESSENCIAL

GESTÃO MUSEOLÓGICA E SISTEMAS DE QUALIDADE Ana Mercedes Stoffel Fernandes Outubro 2007 QUALIDADE E MUSEUS UMA PARCERIA ESSENCIAL CADERNOS DE MUSEOLOGIA Nº 28 2007 135 GESTÃO MUSEOLÓGICA E SISTEMAS DE QUALIDADE Ana Mercedes Stoffel Fernandes Outubro 2007 QUALIDADE E MUSEUS UMA PARCERIA ESSENCIAL INTRODUÇÃO Os Sistemas da Qualidade

Leia mais

Learning Designers Calendário 2015-2016

Learning Designers Calendário 2015-2016 www.pwc.pt/academy Learning Designers 2015-2016 C PwC s Academy Setembro 2015 a junho 2016 Conheça a nossa oferta! Novas tendências no relato de sustentabilidade: GRI G4 e relatório integrado Materialidade

Leia mais

CALENDARIZAÇÃO DA ATIVIDADE FORMATIVA 2014. www.navegantescf.pt

CALENDARIZAÇÃO DA ATIVIDADE FORMATIVA 2014. www.navegantescf.pt CALENDARIZAÇÃO DA ATIVIDADE FORMATIVA 2014 FORMAÇÃO Início Fim Duração Horário Inscrição Contabilidade e Fiscalidade 01-10-2014 29-10-2014 21h P.L/S 100 Sensibilização e Orientação para o Cliente 02-10-2014

Leia mais

LISTA DE COMPETÊNCIAS TÉCNICO SUPERIOR E TÉCNICO

LISTA DE COMPETÊNCIAS TÉCNICO SUPERIOR E TÉCNICO LISTA DE COMPETÊNCIAS TÉCNICO SUPERIOR E TÉCNICO N.º ORIENTAÇÃO PARA RESULTADOS: Capacidade para concretizar eficiência os objectivos do serviço e as tarefas e que lhe são solicitadas. com eficácia e 1

Leia mais

PORQUÊ A META4? UMA NOVA EXPERIÊNCIA DE RH

PORQUÊ A META4? UMA NOVA EXPERIÊNCIA DE RH PORQUÊ A META4? UMA NOVA EXPERIÊNCIA DE RH Orientados para o cliente Na Meta4 temos um objetivo claro: a satisfação dos nossos clientes. Para isso, dedicamos todos nossos esforços para oferecer um apoio

Leia mais

Management, Liderança e Coaching

Management, Liderança e Coaching Management, Liderança e Coaching Management da empresa p. 83 Liderança e Coaching p. 88 Gerir e Liderar são duas áreas de competências essenciais para a eficaz direção de qualquer organização, unidade

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Pessoas

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Pessoas Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Pessoas Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Gestão de Pessoas tem por objetivo o fornecimento de instrumental que possibilite

Leia mais

Prover conhecimento, aprimorar habilidades e inspirar novas atitudes de pessoas ou empresas através de diagnóstico comportamental e da aplicação

Prover conhecimento, aprimorar habilidades e inspirar novas atitudes de pessoas ou empresas através de diagnóstico comportamental e da aplicação Prover conhecimento, aprimorar habilidades e inspirar novas atitudes de pessoas ou empresas através de diagnóstico comportamental e da aplicação contínua de treinamentos e palestras Eduardo Amati em Treinamentos

Leia mais

Visão Geral sobre Gestão de Projetos e Iniciação de Projetos Aula 2

Visão Geral sobre Gestão de Projetos e Iniciação de Projetos Aula 2 Visão Geral sobre Gestão de Projetos e Iniciação de Projetos Aula 2 Miriam Regina Xavier de Barros, PMP mxbarros@uol.com.br Agenda Bibliografia e Avaliação 1. Visão Geral sobre o PMI e o PMBOK 2. Introdução

Leia mais

Alimentamos Resultados

Alimentamos Resultados Alimentamos Resultados www..pt Somos uma equipa que defende que cada empresa é única, tem as suas características e necessidades e por isso cada projeto é elaborado especificamente para cada cliente. Feed

Leia mais

Domínios, Competências e Padrões de Desempenho do Design Instrucional (DI)

Domínios, Competências e Padrões de Desempenho do Design Instrucional (DI) Domínios, Competências e Padrões de Desempenho do Design Instrucional (DI) (The Instructional Design (ID) Domains, Competencies and Performance Statements) International Board of Standards for Training,

Leia mais

Sistema de Monitorização e Avaliação da Rede Social de Alcochete. Sistema de Monitorização e Avaliação - REDE SOCIAL DE ALCOCHETE

Sistema de Monitorização e Avaliação da Rede Social de Alcochete. Sistema de Monitorização e Avaliação - REDE SOCIAL DE ALCOCHETE 3. Sistema de Monitorização e Avaliação da Rede Social de Alcochete 65 66 3.1 Objectivos e Princípios Orientadores O sistema de Monitorização e Avaliação da Rede Social de Alcochete, adiante designado

Leia mais

APRESENTAÇÃO. www.get-pt.com 1

APRESENTAÇÃO. www.get-pt.com 1 APRESENTAÇÃO www.get-pt.com 1 -2- CULTURA GET -1- A nossa Visão Acreditamos que o elemento crítico para a obtenção de resultados superiores são as Pessoas. A nossa Missão A nossa missão é ajudar a melhorar

Leia mais

Nota: texto da autoria do IAPMEI - UR PME, publicado na revista Ideias & Mercados, da NERSANT edição Setembro/Outubro 2005.

Nota: texto da autoria do IAPMEI - UR PME, publicado na revista Ideias & Mercados, da NERSANT edição Setembro/Outubro 2005. Cooperação empresarial, uma estratégia para o sucesso Nota: texto da autoria do IAPMEI - UR PME, publicado na revista Ideias & Mercados, da NERSANT edição Setembro/Outubro 2005. É reconhecida a fraca predisposição

Leia mais

Inscrições abertas. Programa Essencial de Desenvolvimento Fundamentos de Liderança

Inscrições abertas. Programa Essencial de Desenvolvimento Fundamentos de Liderança Inscrições abertas Programa Essencial de Desenvolvimento Fundamentos de Liderança Fundamentos de Liderança O Programa Fundamentos de Liderança foi especialmente desenhado para quem pretende iniciar uma

Leia mais

Ementa do MBA Executivo em Gestão Empresarial com ênfase em Locação de Equipamento Turma: SINDILEQ

Ementa do MBA Executivo em Gestão Empresarial com ênfase em Locação de Equipamento Turma: SINDILEQ Um jeito Diferente, Inovador e Prático de fazer Educação Corporativa Ementa do MBA Executivo em Gestão Empresarial com ênfase em Locação de Equipamento Turma: SINDILEQ Objetivo: Auxiliar o desenvolvimento

Leia mais

Catálogo de treinamentos

Catálogo de treinamentos Catálogo de treinamentos 11 3892-9572 www.institutonobile.com.br Desenvolvendo seus Talentos O Instituto Nobile desenvolve as mais modernas soluções em treinamento e desenvolvimento. Oferecemos programas

Leia mais

ISO 9000:2000 Sistemas de Gestão da Qualidade Fundamentos e Vocabulário. As Normas da família ISO 9000. As Normas da família ISO 9000

ISO 9000:2000 Sistemas de Gestão da Qualidade Fundamentos e Vocabulário. As Normas da família ISO 9000. As Normas da família ISO 9000 ISO 9000:2000 Sistemas de Gestão da Qualidade Fundamentos e Vocabulário Gestão da Qualidade 2005 1 As Normas da família ISO 9000 ISO 9000 descreve os fundamentos de sistemas de gestão da qualidade e especifica

Leia mais

Moçambique. Agenda EVENTOS 2013 NEW!! INSCREVA-SE EM. Também in Company. inscrip@iirportugal.com. VISITE www.iirportugal.com

Moçambique. Agenda EVENTOS 2013 NEW!! INSCREVA-SE EM. Também in Company. inscrip@iirportugal.com. VISITE www.iirportugal.com Moçambique Agenda EVENTOS 2013 NEW!! Também in Company INSCREVA-SE EM inscrip@iirportugal.com VISITE www.iirportugal.com INOVAÇÃO Estimado cliente, Temos o prazer de lhe apresentar em exclusiva o novo

Leia mais

Especialização em Gestão Estratégica de Pessoas e Liderança

Especialização em Gestão Estratégica de Pessoas e Liderança Especialização em Gestão Estratégica de Pessoas e Liderança Apresentação CAMPUS IGUATEMI Inscrições em Breve Turma 02 --> *Alunos matriculados após o início das aulas poderão cursar as disciplinas já realizadas,

Leia mais

Gestão de Projetos para Profissionais de Vendas

Gestão de Projetos para Profissionais de Vendas Como adquirir aptidões e Skills de gestão de projetos para ganhar e conducir negócios complexos Gestão de Projetos para Profissionais de Vendas Lisboa, 19 e 20 de Abril de 2016 Identificar a correta estratégia

Leia mais

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DA ATIVIDADE FORMATIVA. Março de 2015 4ª Edição

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DA ATIVIDADE FORMATIVA. Março de 2015 4ª Edição REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DA ATIVIDADE FORMATIVA Março de 2015 4ª Edição Índice 1 O DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO... 3 1.1. POLÍTICA E ESTRATÉGIA... 3 1.2. ESTRUTURA... 3 2 CONDIÇÕES DE FUNCIONAMENTO DA

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA MARIA AMÁLIA VAZ DE CARVALHO PLANO DE MELHORIA

ESCOLA SECUNDÁRIA MARIA AMÁLIA VAZ DE CARVALHO PLANO DE MELHORIA ESCOLA SECUNDÁRIA MARIA AMÁLIA VAZ DE CARVALHO PLANO DE MELHORIA 2012-2015 PLANO DE MELHORIA (2012-2015) 1. CONTEXTUALIZAÇÃO DO PROCESSO Decorreu em finais de 2011 o novo processo de Avaliação Externa

Leia mais

Pessoas e Negócios em Evolução

Pessoas e Negócios em Evolução Empresa: Atuamos desde 2001 nos diversos segmentos de Gestão de Pessoas, desenvolvendo serviços diferenciados para empresas privadas, associações e cooperativas. Prestamos serviços em mais de 40 cidades

Leia mais

) A B M O E Ã ( Ç S E A IR S E D R M P E M E E IVO T D U O C Ã E Ç X A E R O T D IS A R IN T M S D E A Colaboração; M E

) A B M O E Ã ( Ç S E A IR S E D R M P E M E E IVO T D U O C Ã E Ç X A E R O T D IS A R IN T M S D E A Colaboração; M E MESTRADO EXECUTIVO EM DIREÇÃO E ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS (EMBA) Colaboração; MESTRADO EXECUTIVO EM DIREÇÃO E ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS (EMBA) DIRIGIDO A: OBJETIVOS: Graduados universitários e profissionais

Leia mais

MBA em Gestão de Pessoas

MBA em Gestão de Pessoas REFERÊNCIA EM EDUCAÇÃO EXECUTIVA MBA em Gestão de Pessoas Coordenação Acadêmica: Profª. Dra. Ana Ligia Nunes Finamor A Escola de Negócios de Alagoas. A FAN Faculdade de Administração e Negócios foi fundada

Leia mais

Programa. Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012

Programa. Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 Programa Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 Programa Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 3 Hemisfério esquerdo responsável pelo pensamento lógico e pela competência

Leia mais

Controlo de Gestão. 2ª Edição. Lisboa, 8 e 15 de Maio de 2013. www.pwc.pt/academia. Academia da PwC. 2ª edição

Controlo de Gestão. 2ª Edição. Lisboa, 8 e 15 de Maio de 2013. www.pwc.pt/academia. Academia da PwC. 2ª edição www.pwc.pt/academia Controlo de Gestão 2ª Edição Lisboa, 8 e 15 de Maio de 2013 Academia da PwC 2ª edição Este curso permite-lhe compreender melhor os princípios do controlo de gestão, com especial enfoque

Leia mais

Catálogo de cursos online

Catálogo de cursos online www.pwc.pt/academy PwC s Academy Catálogo de cursos online PwC s Academy Portefólio de soluções formativas de profissionais para profissionais Soluções de aprendizagem online Os cursos em formato de elearning

Leia mais

Leader Coach. Creating high performance teams. Lisboa, 25 e 26 de junho de 2013. www.pwc.pt/academy. Academia da PwC

Leader Coach. Creating high performance teams. Lisboa, 25 e 26 de junho de 2013. www.pwc.pt/academy. Academia da PwC www.pwc.pt/academy Creating high performance teams Lisboa, 25 e 26 de junho de 2013 Academia da PwC Um curso onde irá conhecer as melhores práticas de gestão e desenvolvimento e equipas. Creating high

Leia mais

I S A L I N S T I T UTO SUPERIOR DE A DMINISTRAÇÃO E L Í N G UA S. C T e S P. Cursos Técnicos Superiores Profissionais

I S A L I N S T I T UTO SUPERIOR DE A DMINISTRAÇÃO E L Í N G UA S. C T e S P. Cursos Técnicos Superiores Profissionais I S A L I N S T I T UTO SUPERIOR DE A DMINISTRAÇÃO E L Í N G UA S C T e S P Cursos Técnicos Superiores Profissionais GESTÃO ADMINISTRATIVA DE RECURSOS HUMANOS GESTÃO COMERCIAL E DE MARKETING ORGANIZAÇÃO

Leia mais

Valorização & Inovação no Comércio Local: Experiências & Instrumentos de Apoio

Valorização & Inovação no Comércio Local: Experiências & Instrumentos de Apoio Valorização & Inovação no Comércio Local: Experiências & Instrumentos de Apoio Iniciativas Inovadoras de Formação e Qualificação Profissional para o Comércio CIM Alto Minho 30 de junho de 2015 Missão Sucesso

Leia mais

Ref: 2013-1-ES1-LEO05-66260

Ref: 2013-1-ES1-LEO05-66260 Ref: 2013-1-ES1-LEO05-66260 Boas práticas na utilização de plataformas de aprendizagem colaborativa como modo de incentivar a criatividade e identificar boas práticas no setor da metalúrgica Relatório

Leia mais

Advanced Leadership! Um percurso de transformação para melhor liderar pessoas, equipas e organizações. www.pwc.pt/academy

Advanced Leadership! Um percurso de transformação para melhor liderar pessoas, equipas e organizações. www.pwc.pt/academy www.pwc.pt/academy Advanced! Um percurso de transformação para melhor liderar pessoas, equipas e organizações. PwC s Academy Aceite o desafio e empreenda uma transformação de relevo nas suas competências

Leia mais

Carteira. de formação. análise às nossas oportunidades e recursos. Missão, Visão e Objectivos. Desenvolver competências técnicas e transversais

Carteira. de formação. análise às nossas oportunidades e recursos. Missão, Visão e Objectivos. Desenvolver competências técnicas e transversais conteúdos: Programa de formação avançada centrado nas competências e necessidades dos profissionais. PÁGINA 2 Cinco motivos para prefirir a INOVE RH como o seu parceiro, numa ligação baseada na igualdade

Leia mais

Neurotreinamentos Coaching Executivo, Pessoal e Equipes Consultoria Organizacional,

Neurotreinamentos Coaching Executivo, Pessoal e Equipes Consultoria Organizacional, Neurotreinamentos Coaching Executivo, Pessoal e Equipes Consultoria Organizacional, Planejamento Estratégico e Governança Corporativa Palestras Temáticas e Motivacionais v.03/15 Neurotreinamentos Neurobusiness

Leia mais

MASTER EXECUTIVO GESTÃO ESTRATÉGICA

MASTER EXECUTIVO GESTÃO ESTRATÉGICA MASTER EXECUTIVO GESTÃO ESTRATÉGICA MASTER EXECUTIVO GESTÃO ESTRATÉGICA OBJETIVOS: promover competências pessoais específicas; disponibilizar ferramentas práticas de gestão de competências pessoais e profissionais;

Leia mais

Desenvolvimento Humano

Desenvolvimento Humano ASSESSORIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS Desenvolvimento Humano ADVISORY Os desafios transformam-se em fatores motivacionais quando os profissionais se sentem bem preparados para enfrentá-los. E uma equipe

Leia mais

Plano de Formação. Psicologia e Orientação em Contexto Escolar 2014/2015

Plano de Formação. Psicologia e Orientação em Contexto Escolar 2014/2015 Plano de Formação Psicologia e Orientação em Contexto Escolar 2014/2015 Enquadramento A evolução tecnológica e a incerteza com que atualmente todas as sociedades se confrontam colocam desafios acrescidos

Leia mais

O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações

O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações Projeto Saber Contábil O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações Alessandra Mercante Programa Apresentar a relação da Gestão de pessoas com as estratégias organizacionais,

Leia mais

PÚBLICO ALVO: Todos os profissionais da área de agenciamento de viagens.

PÚBLICO ALVO: Todos os profissionais da área de agenciamento de viagens. 6. Gestão Empresarial 6.1 Inovando para crescer: turismo nos novos tempos INSTRUTOR(A): Carlos Silvério Todos os profissionais da área de agenciamento de viagens. Proporcionar uma reflexão sobre o panorama

Leia mais

CONSULTORIA DE DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL

CONSULTORIA DE DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL CONSULTORIA DE DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL Somos especializados na identificação e facilitação de soluções na medida em que você e sua empresa necessitam para o desenvolvimento pessoal, profissional,

Leia mais

Programa Avançado de Gestão

Programa Avançado de Gestão PÓS GRADUAÇÃO Programa Avançado de Gestão Com o apoio de: Em parceria com: Nova School of Business and Economics Com o apoio de: PÓS GRADUAÇÃO Programa Avançado de Gestão A economia Angolana enfrenta hoje

Leia mais

Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS

Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS Adm.Walter Lerner 1.Gestão,Competência e Liderança 1.1.Competências de Gestão Competências Humanas e Empresariais são Essenciais Todas as pessoas estão, indistintamente,

Leia mais

Thomas Hub Guia do Utilizador

Thomas Hub Guia do Utilizador Thomas Hub Guia do Utilizador O seu novo e melhorado sistema de apoio à decisão sobre pessoas Descubra a forma simples e rápida de diagnosticar e desenvolver o Capital Humano Acompanhe-nos 1 Guia do Utilizador

Leia mais

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS GESTÃO POR COMPETÊNCIAS STM ANALISTA/2010 ( C ) Conforme legislação específica aplicada à administração pública federal, gestão por competência e gestão da capacitação são equivalentes. Lei 5.707/2006

Leia mais

Fulano de Tal. Relatório Combinado Extended DISC : Análise Comportamental x Feedback 360 FINXS 09.12.2014

Fulano de Tal. Relatório Combinado Extended DISC : Análise Comportamental x Feedback 360 FINXS 09.12.2014 Relatório Combinado Extended DISC : Análise Comportamental x Feedback 360 Este relatório baseia-se nas respostas apresentadas no Inventário de Análise Pessoal comportamentos observados através questionário

Leia mais

FORMAÇÃO PARA EMPREENDEDORES

FORMAÇÃO PARA EMPREENDEDORES FORMAÇÃO PARA EMPREENDEDORES QUADRO RESUMO: FORMAÇÃO UFCD (H) Noções de Economia de Empresa 5437 25 Métodos e Práticas de Negociação 5442 50 Empresa Estrutura Organizacional 7825 25 Perfil e Potencial

Leia mais

Apresentação. Estamos no Mercado desde 1997 e criamos e produzimos conteúdos a partir dos interesses e desejos dos nossos clientes, a palavra-chave é

Apresentação. Estamos no Mercado desde 1997 e criamos e produzimos conteúdos a partir dos interesses e desejos dos nossos clientes, a palavra-chave é Apresentação A Companhia Própria é uma empresa de Formação Profissional e de Consultoria de Recursos Humanos que dirige a sua oferta sobretudo a executivos e grandes empresas tecnológicas. Estamos no Mercado

Leia mais

PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO EM COACHING EXECUTIVO

PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO EM COACHING EXECUTIVO PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO EM COACHING EXECUTIVO de acção mediante a aquisição de novas formas de pensamento que lhes permitam levar a cabo diferentes acções. O percurso formativo do coach está dividido

Leia mais

Executive Revolution Programs Competitive intelligence e inovação

Executive Revolution Programs Competitive intelligence e inovação Executive Revolution Programs Competitive intelligence e inovação Neste curso serão abordadas as melhores práticas que permitem gerir estrategicamente a informação, tendo em vista a criação de valor para

Leia mais

OFERTA. Diretores ou Responsáveis da Qualidade, Quadros Médios e Superiores; Responsáveis pela implementação de Sistemas de Gestão da Qualidade.

OFERTA. Diretores ou Responsáveis da Qualidade, Quadros Médios e Superiores; Responsáveis pela implementação de Sistemas de Gestão da Qualidade. QUALIDADE Transição para a NP ISO 9001:2015 Diretores ou Responsáveis da Qualidade, Quadros Médios e Superiores; Responsáveis pela implementação de Sistemas de Gestão da Qualidade. Dar a conhecer as alterações

Leia mais

FICHA DE CURSO. Gestão de Conflitos

FICHA DE CURSO. Gestão de Conflitos FICHA DE CURSO DESCRIÇÃO DO CURSO Os conflitos fazem parte do nosso dia a dia. Saber lidar com eles é essencial não só à nossa sobrevivência, mas também ao nosso bem-estar. Quem souber aceder a recursos

Leia mais

BOLSA DO EMPREENDEDORISMO 2015. Sara Medina saramedina@spi.pt. IDI (Inovação, Investigação e Desenvolvimento) - Algumas reflexões

BOLSA DO EMPREENDEDORISMO 2015. Sara Medina saramedina@spi.pt. IDI (Inovação, Investigação e Desenvolvimento) - Algumas reflexões BOLSA DO EMPREENDEDORISMO 2015 INSERIR IMAGEM ESPECÍFICA 1 I. Sociedade Portuguesa de Inovação (SPI) Missão: Apoiar os nossos clientes na gestão de projetos que fomentem a inovação e promovam oportunidades

Leia mais

Líder em consultoria no agronegócio

Líder em consultoria no agronegócio MPRADO COOPERATIVAS mprado.com.br COOPERATIVAS 15 ANOS 70 Consultores 25 Estados 300 cidade s 500 clientes Líder em consultoria no agronegócio 1. Comercial e Marketing 1.1 Neurovendas Objetivo: Entender

Leia mais

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Justificativa: As transformações ocorridas nos últimos anos têm obrigado as organizações a se modificarem constantemente e de forma

Leia mais

Manual. Coordenador / Diretor de Curso. Ano letivo 2012/2013

Manual. Coordenador / Diretor de Curso. Ano letivo 2012/2013 Manual do Coordenador / Diretor de Curso Ano letivo 2012/2013 Índice Índice... 1 Atribuições do Coordenador/Diretor de Curso... 2 Horários... 4 Alteração de Horários... 5 Arquivo de Documentação... 5 C1

Leia mais

O Storytelling. T- Story NEWSLETTER. Junho 2013 1ª Edição. Porquê utilizar o Storytelling

O Storytelling. T- Story NEWSLETTER. Junho 2013 1ª Edição. Porquê utilizar o Storytelling Apresentamos a newsletter oficial do projeto T-Story - Storytelling Aplicado à Educação e Formação, um projeto financiado pela ação transversal Atividade-chave 3 Tecnologias de Informação e Comunicação,

Leia mais

CURSO GESTÃO DO CRÉDITO A CLIENTES E COBRANÇAS

CURSO GESTÃO DO CRÉDITO A CLIENTES E COBRANÇAS CURSO GESTÃO DO CRÉDITO A CLIENTES E COBRANÇAS ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 03 2. DESENVOLVIMENTO A. Proposta pedagógica B. Investimento C. Condições de participação 03 03 04 04 3. FICHA DE INSCRIÇÃO 05 02 Moneris

Leia mais

ISO 9001:2015. www.apcergroup.com. Rui Oliveira APCER

ISO 9001:2015. www.apcergroup.com. Rui Oliveira APCER ISO 9001:2015 Rui Oliveira APCER Agenda Enquadramento do Processo de Revisão Principais Mudanças Pensamento Baseado em Risco Informação Documentada Princípios da Qualidade Próximos Passos Cronograma para

Leia mais