ACOMPANHAMENTO GERENCIAL SANKHYA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ACOMPANHAMENTO GERENCIAL SANKHYA"

Transcrição

1 MANUAL DE VISITA DE ACOMPANHAMENTO GERENCIAL SANKHYA Material exclusivo para uso interno.

2 O QUE LEVA UMA EMPRESA OU GERENTE A INVESTIR EM UM ERP? Implantar um ERP exige tempo, dinheiro e envolve diversos riscos durante o seu processo. Portanto, se o gestor de uma empresa toma essa decisão, ele espera em troca que aquele sistema garanta mais simplicidade e organização nos processos de sua empresa, promovendo ganhos de eficiência e produtividade. Ele também conta com a integridade do ERP, para que sua operação esteja mais segura contra furos e erros. Além das melhorias processuais, o gestor espera que o ERP lhe ofereça dados para a tomada de decisões. Ele deve ter acesso a informações com diferentes níveis de detalhamento que lhe permita visualizar resultados para gerenciar sua empresa. Por melhor que seja um ERP, devemos sempre nos lembrar que ele sozinho não é capaz de fazer a gestão de uma empresa. Ele fornece os subsídios para a realização deste papel, e pode até mesmo indicar o melhor caminho a ser seguido. Mas quem de fato deve interpretar resultados e tomar as decisões é o gerente. Na Sankhya, entendemos que nem todo cliente que adquire nossa solução está preparado para utilizar todos os recursos e benefícios que ela oferece.

3 Reconhecer a necessidade de um software para melhoria de controles e processos é o primeiro passo para a evolução gerencial de uma empresa, mas pode ser que alguns gestores não saibam como prosseguir. Se a empresa tem um foco maior no controle operacional, de curto prazo, isto pode indicar que sua gestão ainda está em um nível inicial. O que não significa que o gerenciamento da empresa dos parceiros não seja eficiente ou não corresponda as suas necessidades atuais, mas sim que podem melhorar ainda mais os seus processos. Pode ser, porém, que encontrem dificuldades em lidar com o volume de indicadores que estarão disponíveis para eles. Como formar cada um da maneira mais precisa? Qual o custo de gerar determinada informação? Como aquele indicador reflete e pode ajudar na condução de seu negócio? Sem a utilização efetiva da informação, o valor percebido por seguir corretamente o processo como um todo fica comprometido. Por exemplo: se o administrador financeiro não entender a importância da projeção de receitas e despesas, será que ele se dará o trabalho de registrar as provisões de pagamento e recebimento? Se os registros não se tornarem informações úteis para tomada de decisão, até mesmo o uso adequado da solução é afetado.

4 A Sankhya acredita que deve ser mais do que fornecedora de uma solução, deve ser parceira de seus clientes. Pensando em mecanismos para apoiar no uso da ferramenta, temos, por exemplo, a Universidade Corporativa Sankhya, que conta com mais de 230 cursos disponíveis e novos são criados diariamente, tanto da linha Web, quanto da linha Gráfica. Os colaboradores Sankhya podem contar com a sua estrutura para se qualificarem para melhor atender nossos clientes. Com base na Proposta Exclusiva de Valor da Sankhya que se resume em Prover uma solução que conduz o cliente à plenitude da aplicação dos conceitos da administração de forma progressiva e única. Podemos perceber que o ERP Sankhya não se resume apenas no sistema, e sim, como nossa solução completa que irá atender as necessidades e garantir evolução de gerencial de nossos clientes. Para conduzir o parceiro na evolução de seu negócio, a Sankhya tem como uma de suas premissas a Visita de Acompanhamento Gerencial. Road Map O QUE É A VISITA DE ACOMPANHAMENTO GERENCIAL? Periodicamente, o cliente da base, deve receber uma visita de um Consultor Técnico para que seja avaliado o estágio em que a gestão de sua organização se encontra. Com base nesse diagnóstico, é desenvolvido um plano de ação para a melhoria e evolução dessa empresa. Com o plano de ação em mãos, o cliente definirá qual o melhor momento para colocá-lo em prática, bem como se ele será feito com a atuação de sua equipe interna, ou se ele deseja contratar a equipe da Sankhya para essa execução.

5 COMO SABER SE O CLIENTE TEM DIREITO A VISITA? A Visita de Acompanhamento Gerencial é um direito previsto em contrato, portanto, é nele que você encontrará esta informação. Caso o parceiro tenha contrato de manutenção tipo A, contando que ele queira, ele deverá receber a visita. Atenção! Alguns clientes com contrato de locação também podem adquirir as Visitas de Acompanhamento, portanto sempre confira a Proposta Comercial. Lembrando que a existência de bonificações não gera nenhum impacto sobre elas. Para as Unidades mais antigas, vale lembrar que, caso o cliente possua apenas produtos da linha SGE, a Unidade não precisará realizar as visitas.lembre-se: Nestes casos, entre em contato com o cliente para realizar o upgrade do seu produto. A UNIDADE DEVE FAZER ALGUMA COISA ANTES DE REALIZAR A VISITA? No fechamento de alguns contratos antigos, a periodicidade e duração da visita acordados não foram apropriadas para que as atividades do plano de ação fossem desenvolvidas de forma eficaz. A visita deve durar pelo menos 3 ou 4 horas, para que o diagnóstico possa ser feito com calma e discutido com o cliente. O cliente também precisa de um prazo para colocar o plano de ação em prática, portanto, o intervalo entre as visitas deve ser de 180 a 360 dias. Por isso, orientamos que a Unidade faça um levantamento de quais clientes da base possuem direito a visita, e qual a sua periodicidade e duração. Com esta informação em mãos, é necessário realizar o seguinte trabalho: 1 Divulgação da Visita de Acompanhamento Gerencial: Entre em contato com o Gestor do seu parceiro e explique o que é a Visita, qual a sua finalidade e como vocês pretendem ajudar a empresa dele a evoluir.

6 Possibilidades de evolucao da sua empresa Como apoio nesta atividade, solicite à Central de Projetos o material de divulgação preparado para contato com o cliente. 2 Aditivo 3 Novos contratual: Apresente ao cliente um aditivo contratual para alterar a periodicidade da visita de forma que ela seja mais efetiva, mas sem que nenhuma das partes seja prejudicada. Este aditivo contratual é fornecido pela Central de Projetos. Por exemplo: Se o cliente recebia a visita a cada 2 meses, com 2 horas de duração, a partir de agora a visita será realizada a cada 6 meses, com 6 horas de duração. Se ela fosse a cada 3 meses, com 2 horas de duração, ela será realizada a cada 6 meses com 4 horas de duração. Sempre respeitando o prazo de 6 meses. contratos: Os novos contratos devem ser assinados sempre com o prazo de 6 meses ou 1 ano, com duração de 4 a 8 horas.

7 COMO EU DEVO ME PREPARAR PARA REALIZAR A VISITA? Quando você faz uma visita ao cliente para discutir sobre os processos que ele utiliza em sua empresa, é importante se interar sobre o seu negócio e ramo de atuação. Pesquise o histórico do cliente, sua atuação e seus principais produtos e serviços. Essas informações são facilmente encontradas nos sites das empresas. Caso não tenha experiência com clientes de determinado perfil, busque informações sobre o setor. É possível encontrar materiais de qualidade em uma rápida pesquisa no Google. Procure colegas que já tenham atuado neste cliente para saber qual é o clima da empresa. Consulte na pasta do cliente quais módulos foram adquiridos e quais processos foram implantados. Verifique também se ele possui alguma customização e processo específico. Consulte a tela de CRM, informações administrativas, financeiras e histórico do parceiro. Verifique se existem OS s pendentes na Sankhya, e esteja preparado para responder aos questionamentos relativos a essas pendências. O QUE EU DEVO FAZER NA VISITA? Em primeiro lugar, tenha sempre em mente que o seu objetivo é apoiar o cliente na evolução gerencial de seu negócio. Para isso, é preciso que ele também entenda a importância deste trabalho. Em seguida considere as seguintes as orientações. Apresente claramente a proposta da Visita. Explique qual será o trabalho realizado na Visita e os benefícios que ela oferece a empresa.

8 Se o cliente possuir outras demandas como, erro de sistema, relatórios, etc, escute quais são, em seguida explique o procedimento para solucioná-las (abrir chamado no HDE, pedir atendimento para a Unidade). Se houver OS s abertas para essas demandas, registre o número de cada uma para verificar seus status quando voltar a Unidade. Dessa forma, o cliente terá a confiança de que seus problemas estão sendo tratados e poderá se dedicar mais a Visita. Ao receber a devida atenção do cliente, o verdadeiro trabalho da visita poderá ser iniciado: Faça o diagnóstico da situação atual da empresa Neste diagnóstico, avalie o nível de controle e acompanhamento dos processos da empresa. O diagnóstico será aplicado por meio do Sankhya-W. Para aprender a utilizá-lo corretamente, solicite a liberação do EAD Visita de Acompanhamento Gerencial Sankhya a Universidade Corporativa Sankhya. Durante os questionamentos, tenha atenção e deixe claro para o cliente qual é o conceito que está sendo discutido, pois devido as diferentes formações e experiências, pode ser que haja divergências na interpretação de alguns pontos levantados. Por exemplo, ao perguntar para o cliente se ele faz a análise da disponibilidade dos seus recursos financeiros, deve ficar claro o que pretende saber. Pode ser que ele não tenha conhecimento específico dos conceitos abordados, ou porque cada um dos envolvidos no processo tenham responsabilidade e conhecimentos diferentes. Isso deve ser bem explicado durante a aplicação do diagnóstico.

9 Apresentação do plano de ação Ao finalizar o diagnóstico, prepare o relatório com o plano de ação a ser desenvolvido no cliente. Com este plano em mãos, apresente ao cliente quais processos ele pode melhorar e quais controles devem ser implementados, esclarecendo suas dúvidas e questionamentos. Defina quem será o responsável por cada atividade, tanto no cliente, quanto na Unidade (caso ele queira contratar horas para a realização de alguns serviços e prazos). Atenção: Ao contratar essas horas, um gerente de contas deverá visitar o cliente com uma proposta comercial. Vale lembrar que o objetivo da Visita não é vender horas, por isso tenha cuidado no momento da apresentação para que o cliente não tenha essa impressão. Acompanhamento do plano de ação Na próxima visita, com o plano de ação em mãos, verifique todo o processo que foi realizado. A verificação deve ser detalhada e ir além da entrevista, para que realmente possa observar as melhorias e identificar se foram implantadas corretamente. Se ainda houverem pontos a serem trabalhados ou processos que não foram adequadamente implementados, utilize esta visita para finalizá-los até que o plano de ação esteja concluído.

10 Novas Etapas para Evolução Continua Para dar continuidade nas melhorias, ao finalizar o plano de ação, o cliente pode optar por realizar um novo diagnóstico ou gerar um novo plano de ação com base nas informações preenchidas anteriormente. E APÓS A VISITA? Se o cliente tiver apresentado alguma demanda ou pendência, verifique seus status e entre com contato e retorne com suas posições. Dessa forma, o cliente se sentirá seguro e poderá dedicar a Visita para o diagnóstico do plano de ação, pois suas outras demandas serão atendidas no tempo correto. Atualize a pasta do cliente com os resultados dos diagnósticos e dos planos de ação para possibilitar o acompanhamento da evolução da empresa. EXISTEM PLANOS PARA MUDANÇAS FUTURAS NO PROCESSO DA VISITA? Existem planos para mudanças, mas eles não são imediatos. Temos a intenção de que a Visita de Acompanhamento Gerencial venha a ser feita através do portal Maha Gestão, de forma a aproveitar todas as análises e indicadores que o programa oferece.

11 CONCLUSÃO ESTE MANUAL FOI DESENVOLVIDO PELA CENTRAL DE PROJETOS PARA APOIAR OS CONSULTORES DE SERVIÇOS ANTES E DURANTE O ACOMPANHAMENTO DA EVOLUÇÃO GERENCIAL DE NOSSOS CLIENTES. O objetivo da Central de Projetos da Sankhya é manter todos os processos em plena sintonia, respeitando criteriosamente a metodologia de implantação da Sankhya, oferecendo suporte aos nossos profissionais da área de serviços, e conduzi-los a realizarem cada vez mais um serviço de excelência que garanta a satisfação e evolução gerencial dos nossos clientes. Fique sempre atualizado. Consulte os canais Sankhya de informação online. sankhya.com.br wiki.sankhya.com.br canalsankhya.wordpress.com

Configurações de Registro no CRM para NCP

Configurações de Registro no CRM para NCP A fim de facilitar a identificação dos registros de atendimentos no CRM para solicitações de correções, customizações e solicitações ao Núcleo de Controle de Produtos, serão adotadas as seguintes regras:

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. HELP SUPORTE e HELP - REMOTO (Versão de usuário: 2.0)

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. HELP SUPORTE e HELP - REMOTO (Versão de usuário: 2.0) MANUAL DE UTILIZAÇÃO HELP SUPORTE e HELP - REMOTO (Versão de usuário: 2.0) 1 Sumário 1 Introdução...3 2 O que é o HELP Suporte?...3 3 Cadastro no Help Suporte...3 4 Como Acessar e Utilizar o HELP SUPORTE...3

Leia mais

TUTORIAL DO USUÁRIO CRM SOLUTION EM 05/02/2011

TUTORIAL DO USUÁRIO CRM SOLUTION EM 05/02/2011 TUTORIAL DO USUÁRIO CRM SOLUTION EM 05/02/2011 Manual de operação revisão 20110205 Pagina 1/18 Login no Sistema Para poder utilizar o sistema. 1 - Receba com o gestor do sistema o endereço na WEB no qual

Leia mais

OBJETIVO MATERIAIS NECESSÁRIOS DESCRIÇÃO DAS PRINCIPAIS ATIVIDADES

OBJETIVO MATERIAIS NECESSÁRIOS DESCRIÇÃO DAS PRINCIPAIS ATIVIDADES PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO Padrão N : 7.3 Estabelecido em: 28/06/2011 Revisado em: 28/06/2011 N da Revisão: 00 Setor: NCP (Núcleo de Controle de Produtos) Tarefa: Padronização de procedimentos internos

Leia mais

E-BOOK GESTÃO FINANCEIRA PARA EMPREENDEDORES. Excellence Software (19) 2512-1411 Campinas-SP

E-BOOK GESTÃO FINANCEIRA PARA EMPREENDEDORES. Excellence Software (19) 2512-1411 Campinas-SP E-BOOK GESTÃO FINANCEIRA PARA EMPREENDEDORES Excellence Software (19) 2512-1411 Campinas-SP ÍNDICE Introdução Planejamento Financeiro Gestão do Fluxo de Caixa Gestão por Centros de Custo Otimizando o seu

Leia mais

Página como comprar REQUISITOS

Página como comprar REQUISITOS Página como comprar REQUISITOS Só poderão realizar compras de Ingressos Corporativos Super Saver pessoas Jurídicas, ou seja, empresas registradas no Brasil que possuam CNPJ válidos. 1ª ETAPA - CADASTRO

Leia mais

INDICADORES ETHOS PARA NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS E RESPONSÁVEIS. Sistema on-line

INDICADORES ETHOS PARA NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS E RESPONSÁVEIS. Sistema on-line Sistema on-line O Instituto Ethos Organização sem fins lucrativos fundada em 1998 por um grupo de empresários, que tem a missão de mobilizar, sensibilizar e ajudar as empresas a gerir seus negócios de

Leia mais

MAIS RENTABILIDADE, SEGURANÇA E AGILIDADE NA GESTÃO DE SEUS CONTRATOS, PROJETOS E SERVIÇOS.

MAIS RENTABILIDADE, SEGURANÇA E AGILIDADE NA GESTÃO DE SEUS CONTRATOS, PROJETOS E SERVIÇOS. MAIS RENTABILIDADE, SEGURANÇA E AGILIDADE NA GESTÃO DE SEUS CONTRATOS, PROJETOS E SERVIÇOS. SANKHYA. A nova geração de ERP Inteligente. Atuando no mercado brasileiro desde 1989 e alicerçada pelos seus

Leia mais

SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO

SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO Departamento de Tecnologia da Informação tecnologia@unimeditabira.com.br 31 3839-771 3839-7713 Revisão 03 Itabira Setembro 2015 Sumário 1. Acessando

Leia mais

Então resolvi listar e explicar os 10 principais erros mais comuns em projetos de CRM e como podemos evita-los.

Então resolvi listar e explicar os 10 principais erros mais comuns em projetos de CRM e como podemos evita-los. Ao longo de vários anos de trabalho com CRM e após a execução de dezenas de projetos, penso que conheci diversos tipos de empresas, culturas e apesar da grande maioria dos projetos darem certo, também

Leia mais

WEB COLABORADOR. Envio e Recebimento de arquivos de consignação

WEB COLABORADOR. Envio e Recebimento de arquivos de consignação TUTORIAL Envio e Recebimento de arquivos de consignação Para acessar o Web Colaborador e transferir arquivos de consignação, entre com os dados de CNPJ, usuário e senha, nos campos correspondentes. Regras

Leia mais

1. INTRODUÇÃO 3 2. ESCOPO DO SERVIÇO DE CUSTOMIZAÇÃO 3

1. INTRODUÇÃO 3 2. ESCOPO DO SERVIÇO DE CUSTOMIZAÇÃO 3 2 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 3 2. ESCOPO DO SERVIÇO DE CUSTOMIZAÇÃO 3 2.1. OBJETIVO DOS SERVIÇOS DE CUSTOMIZAÇÕES 3 2.2. NÃO SE COMPREENDE COMO SERVIÇOS DE CUSTOMIZAÇÕES 3 2.3. RESPONSABILIDADE SOBRE ARTEFATOS

Leia mais

Consulta de disponibilidade de crédito Belcorp para sua rede. Atendimento Belcorp

Consulta de disponibilidade de crédito Belcorp para sua rede. Atendimento Belcorp Consulta de disponibilidade de crédito Belcorp para sua rede 0 Índice 1. Consulta de crédito disponível para sua rede 2. Passo a passo para o Patrocinador 3. Passo a passo para o Consultor 1 Passo a Passo

Leia mais

Relatório Gerencial. Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 17/01/2013

Relatório Gerencial. Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 17/01/2013 2013 Relatório Gerencial Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 17/01/2013 Sumário 1. Objetivo... 4 2. Seleção dos registros... 4 2.1 Seleção dos executores... 4 2.2 Parâmetros...

Leia mais

BENEFÍCIOS DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS. Por Maria Luiza Panchihak

BENEFÍCIOS DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS. Por Maria Luiza Panchihak BENEFÍCIOS DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS Por Maria Luiza Panchihak Este artigo apresenta os benefícios do gerenciamento de projetos e mostra a importância desse processo, dentro de uma organização, para

Leia mais

MAIS AGILIDADE, CONTROLE E RENTABILIDADE NA SUA CONSTRUTORA E INCORPORADORA.

MAIS AGILIDADE, CONTROLE E RENTABILIDADE NA SUA CONSTRUTORA E INCORPORADORA. MAIS AGILIDADE, CONTROLE E RENTABILIDADE NA SUA CONSTRUTORA E INCORPORADORA. SANKHYA. A nova geração de ERP Inteligente. Atuando no mercado brasileiro desde 1989 e alicerçada pelos seus valores e princípios,

Leia mais

Implantação de ERP com sucesso

Implantação de ERP com sucesso Implantação de ERP com sucesso Implantação de ERP com sucesso, atualmente ainda é como um jogo de xadrez, você pode estar pensando que está ganhando na implantação, mas de repente: Check Mate. Algumas

Leia mais

Antes de começar, o Solicitante e outros envolvidos dentro do projeto (Orientador, Coordenador ou outro Responsável Técnico) devem verificar:

Antes de começar, o Solicitante e outros envolvidos dentro do projeto (Orientador, Coordenador ou outro Responsável Técnico) devem verificar: SOLICITAÇÃO DE FOMENTO on-line MANUAL DO USUÁRIO 1 CONTATOS... 2 2 ANTES DE COMEÇAR... 2 3 ENTRAR NO SISTEMA INFAPERJ... 3 3.1 ACESSO AO SISTEMA...3 3.2 LOGIN...4 4 APRESENTAÇÃO GERAL DA INTERFACE... 5

Leia mais

PARA QUE SERVE O CRM?

PARA QUE SERVE O CRM? Neste mês, nós aqui da Wiki fomos convidados para dar uma entrevista para uma publicação de grande referência no setor de varejo, então resolvemos transcrever parte da entrevista e apresentar as 09 coisas

Leia mais

INDICADORES ETHOS PARA NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS E RESPONSÁVEIS. Sistema on-line

INDICADORES ETHOS PARA NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS E RESPONSÁVEIS. Sistema on-line Sistema on-line O Instituto Ethos Organização sem fins lucrativos fundada em 1998 por um grupo de empresários, que tem a missão de mobilizar, sensibilizar e ajudar as empresas a gerir seus negócios de

Leia mais

Treinamento CRM-Mail

Treinamento CRM-Mail Treinamento CRM-Mail 1 - Acessando o CRM-Mail Para acessar o CRM primeiramente é necessário ter uma conexão com a internet. O link de acesso para o CRM é o desenvolvimento.correiomotors.com/crm O Usuário

Leia mais

OCOMON PRIMEIROS PASSOS

OCOMON PRIMEIROS PASSOS OCOMON PRIMEIROS PASSOS O OCOMON ainda não possui um arquivo de Help para atender a todas questões relacionadas ao sistema. Esse arquivo serve apenas para dar as principais instruções para que você tenha

Leia mais

FAQ REGISTRO DE INTERAÇÕES

FAQ REGISTRO DE INTERAÇÕES Sumário 1. O que são interações?... 3 2. Posso registrar uma interação com um parceiro?... 3 3. Posso registrar interações para empresas?... 3 4. Quando converso informalmente com um cliente, parceiro

Leia mais

GUIA PRA TICO DO ALUNO

GUIA PRA TICO DO ALUNO GUIA PRA TICO DO ALUNO Sistema de Avaliação, Ambiente Virtual de Aprendizagem AVA e Portal ÚNICO Guia prático e de conhecimento do Sistema de Avaliação, utilização das ferramentas tecnológicas Ambiente

Leia mais

Manual de Operação do Mercanet HelpDesk

Manual de Operação do Mercanet HelpDesk Manual de Operação do Mercanet HelpDesk Preparada por: Jaime Fenner Revisada por: Kelen Turmina Versão Documento: 02 Data: 12 de Maio de 2009 Sumário Executivo Este documento visa divulgar todas as funcionalidades

Leia mais

Configurando o Gerenciamento de Cheques Recebidos. 01. Na retaguarda entre no guia cadastro > Gerais

Configurando o Gerenciamento de Cheques Recebidos. 01. Na retaguarda entre no guia cadastro > Gerais Configurando o Gerenciamento de Cheques Recebidos 01. Na retaguarda entre no guia cadastro > Gerais 1.1 Formas de Pagamento 1.2 Cadastrar Forma de Pagamento Cheque 1.3 Marcar a Opção Cheque 2.0 Configurar

Leia mais

Manual do Sistema de Demandas da FUNDEPAG

Manual do Sistema de Demandas da FUNDEPAG 2015 Manual do Sistema de Demandas da FUNDEPAG Manual do Sistema de Demandas da FUNDEPAG Cliente Institucional e Atualizado em: 11 de setembro de 2015 Sumário 1. Conceito do software... 1 2. Abertura de

Leia mais

SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO

SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO Hoje as empresas necessitam e muito de uma ferramenta de Gestão de Clientes! Porém, o alto custo de tal ferramenta inviabiliza sua implantação em empresas de pequeno

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA GT WEB CALL. Teledata

MANUAL DO SISTEMA GT WEB CALL. Teledata MANUAL DO SISTEMA GT WEB CALL Teledata Indíce analítico 1. Prefácio...3 2. Funcionalidades...3 3. Abrir chamados...7 4. Atribuir chamados...9 5. Consultar chamados...10 6. Fechar chamados...12 7. Relatórios...15

Leia mais

CATÁLOGO DE CUSTOMIZAÇÕES Apontamento Web

CATÁLOGO DE CUSTOMIZAÇÕES Apontamento Web CATÁLOGO DE CUSTOMIZAÇÕES Apontamento Web Índice CONSIDERAÇÕES INICIAIS... 3 DADOS DO PROJETO... 4 OBJETIVO(S) DO PROJETO... 4 ESCOPO... ERRO! INDICADOR NÃO DEFINIDO. PREMISSAS... 17 LIMITAÇÕES E RESTRIÇÕES...

Leia mais

Manual Do Usuário ClinicaBR

Manual Do Usuário ClinicaBR Manual Do Usuário ClinicaBR SUMÁRIO 1 Introdução... 01 2 ClinicaBR... 01 3 Como se cadastrar... 01 4 Versão experimental... 02 5 Requisitos mínimos p/ utilização... 03 6 Perfis de acesso... 03 6.1 Usuário

Leia mais

Núcleo Thomas Manual do usuário

Núcleo Thomas Manual do usuário Núcleo Thomas Manual do usuário Sua mais nova e aprimorada ferramenta online de avaliação e gerenciamento de pessoas Descubra a forma mais rápida e simples de gerenciar suas avaliações de funcionários

Leia mais

Mídias sociais nas empresas O relacionamento online com o mercado

Mídias sociais nas empresas O relacionamento online com o mercado Mídias sociais nas empresas O relacionamento online com o mercado Maio de 2010 Conteúdo Introdução...4 Principais conclusões...5 Dados adicionais da pesquisa...14 Nossas ofertas de serviços em mídias sociais...21

Leia mais

TUTORIAL. COMO ACESSAR ÁREA EXCLUSIVA DO CLIENTE NO SITE www.qualicont.com.br

TUTORIAL. COMO ACESSAR ÁREA EXCLUSIVA DO CLIENTE NO SITE www.qualicont.com.br TUTORIAL COMO ACESSAR ÁREA EXCLUSIVA DO CLIENTE NO SITE www.qualicont.com.br O que você vai encontrar nesse Tutorial? Índice 1. Quais as principais funcionalidades da Área Exclusiva do Cliente... 2. Como

Leia mais

PLANO DE NEGÓCIO INÍCIO: 17/04/2013 00:29 SISTEMA DE GESTÃO DA INFORMAÇÃO E INTEGRAÇÃO

PLANO DE NEGÓCIO INÍCIO: 17/04/2013 00:29 SISTEMA DE GESTÃO DA INFORMAÇÃO E INTEGRAÇÃO PLANO DE NEGÓCIO INÍCIO: 17/04/2013 00:29 SISTEMA DE GESTÃO DA INFORMAÇÃO E INTEGRAÇÃO SGii As empresas optaram, de forma correta, a prática de gestão por processos. Porém, para garantir a melhor gestão

Leia mais

Como preparar minha empresa para o esocial?

Como preparar minha empresa para o esocial? 1 Como preparar minha empresa para o esocial? SUMÁRIO Introdução Você sabe o que é o esocial? Como está sua empresa? Os pontos mais importantes para se adequar 3.1 - Criar um comitê 3.2 - Mapear os processos

Leia mais

MANUAL CLIENTE TODA A

MANUAL CLIENTE TODA A MANUAL CLIENTE TODA A Qualidade GVT AOS OLHOS DOS CLIENTES. TODA A QUALIDADE GVT AOS SEUS OLHOS O Serviço de Gerência é uma ferramenta fundamental para garantir o melhor desempenho dos serviços de telecomunicações

Leia mais

Cód. Doc. TAB-RHU-003

Cód. Doc. TAB-RHU-003 1 de 27 ÁREA: SUPERINTENDÊNCIA CARGO: Diretor Superintendente Garantir o correto funcionamento dos sistemas de informação utilizados pela empresa; Aprovar projetos de melhorias nos equipamentos e sistemas

Leia mais

Índice. Tenho uma conta pessoal e uma conta da instituição em que dou aula, porém não consigo acessar a conta da escola. O que fazer?

Índice. Tenho uma conta pessoal e uma conta da instituição em que dou aula, porém não consigo acessar a conta da escola. O que fazer? Índice Acesso ao Super Professor Web Como recuperar a senha de acesso? Tenho uma conta pessoal e uma conta da instituição em que dou aula, porém não consigo acessar a conta da escola. O que fazer? Selecionando

Leia mais

Apresentação Comercial

Apresentação Comercial Apresentação Comercial Quem Somos O HANT é uma vertical da empresa NDDigital, com foco em desenvolver soluções através de software e serviços direcionados a atender a cadeia de compra das empresas, desde

Leia mais

MANUAL CLIENTE SERVIÇO DE GERÊNCIA VOZ

MANUAL CLIENTE SERVIÇO DE GERÊNCIA VOZ MANUAL CLIENTE SERVIÇO DE GERÊNCIA VOZ TODA A Qualidade GVT AOS OLHOS DOS CLIENTES. TODA A QUALIDADE GVT AOS SEUS OLHOS O Serviço de Gerência é uma ferramenta fundamental para garantir o melhor desempenho

Leia mais

PORTAL DO ALUNO - MANUAL

PORTAL DO ALUNO - MANUAL SUMÁRIO 1. Sobre o Portal do Aluno... 2 2. Acessar o Portal do Aluno... 2 2.1. Acessar o Portal... 2 2.2. Recuperação de senha... 3 2.3.1. Recuperação automática de senha por e-mail... 4 2.3.2. Recuperação

Leia mais

BH PARK Software de Estacionamento

BH PARK Software de Estacionamento BH PARK Software de Estacionamento WWW.ASASSOFTWARES.COM.BR Índice 1 Informações Básicas... 1 1.1 Sair da aplicação... 1 1.2 Travar aplicação... 1 1.3 Licenciando a aplicação... 1 1.4 Contrato de Manutenção...

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO DA REQUISIÇÃO ON-LINE. Unimed Jundiaí Cooperativa de Trabalho Médico Elaboração Setembro de 2008

MANUAL DE ORIENTAÇÃO DA REQUISIÇÃO ON-LINE. Unimed Jundiaí Cooperativa de Trabalho Médico Elaboração Setembro de 2008 MANUAL DE ORIENTAÇÃO DA REQUISIÇÃO ON-LINE Unimed Jundiaí Cooperativa de Trabalho Médico Elaboração Setembro de 2008 CONCEITO A Requisição on-line substitui o documento - Guia de Solicitação de Internação

Leia mais

DRIVE CONTÁBIL NASAJON

DRIVE CONTÁBIL NASAJON DRIVE CONTÁBIL NASAJON Módulo Gerenciador de NFe Versão 1.0 Manual do Usuário 1 Sumário da Apostila Informações Básicas Primeira Utilização: Os Módulos do Gerenciador de NFe: Como funciona o Sistema? Diagrama

Leia mais

Como Registrar uma Oportunidade

Como Registrar uma Oportunidade Como Registrar uma Oportunidade Abaixo você encontrará um tutorial de como registrar uma oportunidade no novo PartnerNet. Caso você precise registrar mais de um produto, será necessário executar este procedimento

Leia mais

Segue abaixo as modificações feitas para o sistema CRM, na versão 4.0.7.4.

Segue abaixo as modificações feitas para o sistema CRM, na versão 4.0.7.4. Segue abaixo as modificações feitas para o sistema CRM, na versão 4.0.7.4. CRMMobile SWControl 1733: 1- Ao realizar o cadastro de uma agenda, o usuário pode adicionar pessoas que irão participar da visita.

Leia mais

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ. Campus Ponta Grossa ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ. Campus Ponta Grossa ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Campus Ponta Grossa ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO Ponta Grossa 2012 ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO Trabalho elaborado pelo

Leia mais

FTAD Formação Técnica em Administração Módulo de Gestão de Materiais ACI Atividade Curricular Interdisciplinar Prof. Marcus Fontes

FTAD Formação Técnica em Administração Módulo de Gestão de Materiais ACI Atividade Curricular Interdisciplinar Prof. Marcus Fontes FTAD Formação Técnica em Administração Módulo de Gestão de Materiais ACI Atividade Curricular Interdisciplinar Prof. Marcus Fontes AULA PASSADA: GESTÃO DE COMPRAS: PROCESSOS DE FORNECIMENTO UMA REVISÃO

Leia mais

Bolões CAIXA com Dezenas Combinadas APRESENTAÇÃO SOFTWARES

Bolões CAIXA com Dezenas Combinadas APRESENTAÇÃO SOFTWARES Bolões CAIXA com Dezenas Combinadas APRESENTAÇÃO SOFTWARES CRV Sistemas e Consultoria Comercializamos s, entregamos soluções, geramos otimização de lucros, somos pioneiros, inovadores e o mais importante:

Leia mais

Recursos no Sankhya-W. AR Soluti - Goiânia

Recursos no Sankhya-W. AR Soluti - Goiânia (ERP utilizado nos Departamentos da AC SOLUTI) AR Soluti - Goiânia Versão 2.0 de 25 de Outubro de 2013 Classificação: Digitally signed by BRUNO BARROS MENDES:0169426 7180 Date: 2013.10.25 11:13:53 BRST

Leia mais

Pesquisa de Clima tornou-se uma ação estratégica de Gestão de Pessoas

Pesquisa de Clima tornou-se uma ação estratégica de Gestão de Pessoas Pesquisa de Clima tornou-se uma ação estratégica de Gestão de Pessoas Boas propostas são essenciais para que uma gestão tenha êxito, mas para que isso ocorra é fundamental que os dirigentes organizacionais

Leia mais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning Planejamento de recursos empresariais O que é ERP Os ERPs em termos gerais, são uma plataforma de software desenvolvida para integrar os diversos departamentos de uma empresa,

Leia mais

Como Fazer o seu Pedido

Como Fazer o seu Pedido 1 Como Fazer o seu Pedido Agora que você já está cadastrado e sabe como acessar o seu escritório virtual, é muito importante que saiba como enviar seus pedidos. No tutorial Como Fazer o seu Cadastro você

Leia mais

1. Informações sobre Inventário 2

1. Informações sobre Inventário 2 INVENTÁRIO 1. Informações sobre Inventário 2 2. Etapas do Inventário 3 2.1 Etapa 1: Premisas para o Inventário 3 2.1.1 Criando um Novo Inventário 7 2.2 Etapa 2: Contagem 20 2.2.1 Inserindo Contagem/Contagens

Leia mais

Índice APRESENTAÇÃO... 1 CONFIGURAÇÕES DO SAGE ONE... 2 CADASTROS... 8 PRINCIPAL... 15 NOTAS FISCAIS... 16 2.1. Primeiros Passos...

Índice APRESENTAÇÃO... 1 CONFIGURAÇÕES DO SAGE ONE... 2 CADASTROS... 8 PRINCIPAL... 15 NOTAS FISCAIS... 16 2.1. Primeiros Passos... Índice 1. 2. 2.1. 2.2. 2.3. 2.4. 2.5. 2.6. 3. 3.1. 3.2. 3.3. 3.4. 3.5. 3.6. 3.7. 3.8. 4. 5. 5.1. 5.2. 5.3. APRESENTAÇÃO... 1 CONFIGURAÇÕES DO SAGE ONE... 2 Primeiros Passos... 2 Minha Empresa... 3 Certificado

Leia mais

Conciliação Bancária - conceito e como realizar na prática

Conciliação Bancária - conceito e como realizar na prática CIRCULAR/Artigo Nº 07/2015 São Paulo, 13 de Janeiro de 2015. Conciliação Bancária - conceito e como realizar na prática Prezado Cliente, Apresentamos a seguir, artigo interessante que trata sobre a conciliação

Leia mais

Índice Apresentação... 3 Mensagens... 4 Tickets... 6 Cadastro de Tickets... 6 Acompanhamento de Tickets:...9 Entregas... 11 Storage...

Índice Apresentação... 3 Mensagens... 4 Tickets... 6 Cadastro de Tickets... 6 Acompanhamento de Tickets:...9 Entregas... 11 Storage... Índice Apresentação... 3 Mensagens... 4 Tickets... 6 Cadastro de Tickets... 6 Acompanhamento de Tickets:...9 Entregas... 11 Storage... 12 Apresentação O Pitstop foi desenvolvido pela Interact com o objetivo

Leia mais

Manual Gestor Financeiro

Manual Gestor Financeiro Manual Gestor Financeiro Página inicial do Gestor Financeiro Página de Resumo Essa pág. Tem como finalidade mostrar os resumos do ultimo dia ou de um período prédeterminado, você pode escolher o período

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB 0 Sumário Introdução... 2 Funcionalidades... 2 Requisitos Necessários... 2 Faturamento Web... 3 Faturamento Simplificado... 4 Faturamento Detalhado... 9 Faturamento

Leia mais

COMPRE DO PEQUENO NEGÓCIO

COMPRE DO PEQUENO NEGÓCIO COMPRE DO PEQUENO NEGÓCIO ALAVANQUE SUA EMPRESA EM TEMPOS DE INCERTEZA 2015 tem se mostrado um ano de grandes desafios. Sua empresa está passando por este período com resultados inferiores aos planejados?

Leia mais

e-fornecedores Nova Versão Cartilha do Fornecedor

e-fornecedores Nova Versão Cartilha do Fornecedor e-fornecedores Nova Versão Cartilha do Fornecedor Destinada aos Fornecedores das empresas: Outubro/2010 Nova Estrutura de Telas O portal e-fornecedores conta com nova interface, que facilita a forma de

Leia mais

GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA

GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA Você deve ter em mente que este tutorial não vai te gerar dinheiro apenas por você estar lendo, o que você deve fazer e seguir todos os passos

Leia mais

Manual de Navegação Básica. Siga Relacionamento Sou Abrasel - Site

Manual de Navegação Básica. Siga Relacionamento Sou Abrasel - Site Manual de Navegação Básica Siga Relacionamento Sou Abrasel - Site 1 Conteúdo Iniciando a implantação:... 3 para o treinamento no encontro de executivos... 3 Siga Relacionamento... 4 O que é Unidade de

Leia mais

Guia Prático O que observar ao contratar solução de atendimento multicanal integrada?

Guia Prático O que observar ao contratar solução de atendimento multicanal integrada? Guia Prático O que observar ao contratar solução de atendimento multicanal integrada? Guia prático O que observar ao contratar solução de atendimento multicanal integrada O que se deve avaliar previamente

Leia mais

PORTAL DO ALUNO MANUAL PARA ESCOLAS CNA

PORTAL DO ALUNO MANUAL PARA ESCOLAS CNA SUMÁRIO 1. Sobre o Portal do Aluno... 3 2. Acessar o Portal do Aluno... 3 2.1. Acessar o Portal... 3 2.2. Esqueceu a senha... 5 3. Módulo do Coordenador/Professor... 5 3.1. Acessar o Módulo do Coordenador/Professor...

Leia mais

Manual de aquisição de crédito no Sankhya-W. AR Soluti - Goiânia

Manual de aquisição de crédito no Sankhya-W. AR Soluti - Goiânia (ERP utilizado nos Departamentos da AC SOLUTI) AR Soluti - Goiânia Versão 1.0 de 7 de Janeiro de 2013 Classificação: Classificação: Catalogação do Documento Titulo Classificação Versão 1.0 de 7 de Janeiro

Leia mais

GUIA PRAÁTICO DO ALUNO A DISTAÂ NCIA

GUIA PRAÁTICO DO ALUNO A DISTAÂ NCIA GUIA PRAÁTICO DO ALUNO A DISTAÂ NCIA Sistema de Avaliação, Ambiente Virtual de Aprendizagem AVA e Portal ÚNICO Guia prático e de conhecimento do Sistema de Avaliação, utilização das ferramentas tecnológicas

Leia mais

FTAD Formação Técnica em Administração Módulo de Gestão de Materiais ACI Atividade Curricular Interdisciplinar Prof. Gildo Neves Baptista jr

FTAD Formação Técnica em Administração Módulo de Gestão de Materiais ACI Atividade Curricular Interdisciplinar Prof. Gildo Neves Baptista jr FTAD Formação Técnica em Administração Módulo de Gestão de Materiais ACI Atividade Curricular Interdisciplinar Prof. Gildo Neves Baptista jr AULA PASSADA: GESTÃO DE COMPRAS: PROCESSOS DE FORNECIMENTO UMA

Leia mais

Atualização de site. Manual Clube Turismo. Agosto/2012

Atualização de site. Manual Clube Turismo. Agosto/2012 Agosto/2012 Manual Clube Turismo Atualização de site 10 passos para inserção e manutenção dos pacotes no site Clube Turismo Matriz Av. Pres. Epitácio Pessoa, 724, Torre CEP 58040-000 João Pessoa / PB www.clubeturismo.com.br

Leia mais

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R 8 DICAS ESSENCIAIS PARA ESCOLHER SUA CORRETORA W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R Aviso Importante O autor não tem nenhum vínculo com as pessoas, instituições financeiras e produtos, citados, utilizando-os

Leia mais

Daruma NFCe Conheça todos os passos para testar a NFCe Daruma

Daruma NFCe Conheça todos os passos para testar a NFCe Daruma Pré-requisitos Mini Impressora Daruma versão 02.50.02 ou superior. Cadastro no servidor de Testes Daruma NFCe Conheça todos os passos para testar a NFCe Daruma Adquirir Mini Impressora a preço subsidiado

Leia mais

Controlar. Otimizar. Crescer.

Controlar. Otimizar. Crescer. Controlar. Otimizar. Crescer. Neste material de suporte, você encontrará informações de SAM para: Novos Líderes de Tecnologia Fusões e Aquisições True-Up Assist Serviço Microsoft EAP Assist Assuma o controle

Leia mais

UNEC Centro Universitário de Caratinga Orientações Para Rematrícula Online

UNEC Centro Universitário de Caratinga Orientações Para Rematrícula Online ORIENTAÇÕES PARA REMATRÍCULA ONLINE - UNEC CARATINGA 1 1.0 INTRODUÇÃO ORIENTAÇÕES PARA REMATRÍCULA ON-LINE O objetivo deste manual é orientar o aluno na realização da rematrícula do semestre através do

Leia mais

Nova Central de Atendimento Logicorp

Nova Central de Atendimento Logicorp 1. INICIAR O NAVEGADOR DE INTERNET Acessar a página da Logicorp no link: http://www.logicorp.net.br/index.html 2. ACESSANDO A ÁREA DE ATENDIMENTO DO NOSSO SITE Na parte superior clique em Atendimento.

Leia mais

2) Clique sobre o LINK e você será redirecionado para uma página de cadastro como esta:

2) Clique sobre o LINK e você será redirecionado para uma página de cadastro como esta: Passo a Passo :: Como cadastrar-se no Portal do Fornecedor Odebrecht Agroindustrial 1) Você receberá um e-mail igual o abaixo para solicitar seu cadastro no Portal 2) Clique sobre o LINK e você será redirecionado

Leia mais

Autorizador Plasc TISS Web. - Manual de Instrução-

Autorizador Plasc TISS Web. - Manual de Instrução- Autorizador Plasc TISS Web - Manual de Instrução- A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde Suplementar - TISS para registro e intercâmbio de dados entre operadoras de planos privados

Leia mais

Instruções de Acesso. Portal de Cliente. Próximo

Instruções de Acesso. Portal de Cliente. Próximo Instruções de Acesso Portal de Cliente Primeiramente, confira a configuração de pop-up e versão do seu navegador, conforme instruções abaixo: Os navegadores e versões homologadas, são: Internet Explorer

Leia mais

Senha: Dígitos do CPF (sem pontos ou traço)

Senha: Dígitos do CPF (sem pontos ou traço) 1. Login Para realizar o acesso à ferramenta de suporte FAPAM, basta acessar o endereço: http://www.fapam.edu.br/helpdesk/ Usuário: Número da Chapa - FAPAM Senha: Dígitos do CPF (sem pontos ou traço) 2.

Leia mais

Tutorial SIGAMAZÔNIA - Área Pesquisador

Tutorial SIGAMAZÔNIA - Área Pesquisador Tutorial SIGAMAZÔNIA - Área Pesquisador 2015 TUTORIAL SIGAMAZÔNIA Desenvolvido por: FAPESPA LABES-UFPA Sumário Sumário... 3 CADASTRO NO SISTEMA... 5 FAZENDO LOGIN NO SIGAMAZÔNIA... 5 MENU INICIAL... 6

Leia mais

Satisfação do Cliente

Satisfação do Cliente Transparência Otimização de Tempo Geração de Negócios Satisfação do Cliente Integridade Otimização de Tempo Geração de Negócios Transparência Satisfação do Cliente Transparência Otimização de Tempo Integridade

Leia mais

Relatório de Notas e Comentários

Relatório de Notas e Comentários Relatório de Notas e Comentários MT-611-00007 Última Atualização 25/04/2012 I. Objetivos Após este módulo de capacitação você será capaz de: 1. Consultar um relatório de notas e seus comentários II. Conceitos

Leia mais

SISTEMA DE PROCESSAMENTO DE TRANSAÇÕES (SPT) PARADA OBRIGATÓRIA!!! SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO (SPT, SIG e ERP) CONTEÚDO DA AULA

SISTEMA DE PROCESSAMENTO DE TRANSAÇÕES (SPT) PARADA OBRIGATÓRIA!!! SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO (SPT, SIG e ERP) CONTEÚDO DA AULA PROF.ª MARCIA CRISTINA DOS REIS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 14/08/2012 Aula 4 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO (SPT, SIG e ERP) PARADA OBRIGATÓRIA!!! LEITURA DO LIVRO DO TURBAN, RAINER JR E POTTER Sistemas SPT p. 212

Leia mais

Quando o cliente contemplado de veículo for apresentar a documentação para análise.

Quando o cliente contemplado de veículo for apresentar a documentação para análise. Cadastro On Line de Veículo Índice 1. Análise de Clientes 2. Análise de Fiadores 3. Checar Digitalizações 4. Pendência 5. Contrato de Alienação Quando Utilizar Quando o cliente contemplado de veículo for

Leia mais

LMA, Solução em Sistemas

LMA, Solução em Sistemas LMA, Solução em Sistemas Ao longo dos anos os sistemas para gestão empresarial se tornaram fundamentais, e por meio dessa ferramenta as empresas aperfeiçoam os processos e os integram para uma gestão mais

Leia mais

Fies 1º semestre de 2015. Confira aqui o Passo a Passo do seu Aditamento do FIES

Fies 1º semestre de 2015. Confira aqui o Passo a Passo do seu Aditamento do FIES Fies 1º semestre de 2015 Confira aqui o Passo a Passo do seu Aditamento do FIES 1. Acesse o site do SISFIES http://sisfiesportal.mec.gov.br/ e clique em Aditamento de Contrato. Clique aqui para realizar

Leia mais

Sistemas ERP. Conceitos Iniciais

Sistemas ERP. Conceitos Iniciais Sistemas ERP Prof. Breno Barros Telles do Carmo Conceitos Iniciais Sistema de Informação adquirido em forma de pacotes comerciais de software que permite a integração de dados de sistemas de informação

Leia mais

Prezado Aluno. Semestralmente os alunos que contrataram o FIES devem realizar o aditamento (a renovação) do seu contrato de financiamento.

Prezado Aluno. Semestralmente os alunos que contrataram o FIES devem realizar o aditamento (a renovação) do seu contrato de financiamento. Prezado Aluno Semestralmente os alunos que contrataram o FIES devem realizar o aditamento (a renovação) do seu contrato de financiamento. Atente-se ao seu e-mail e aos informativos no site da PUCPR, Portal

Leia mais

Sistema Auto Empresas

Sistema Auto Empresas Sistema Auto Empresas Itaú Seguros de Auto e Residência S.A Janeiro 2011 Como Acessar Acesse o Portal do Corretor (https://mais.itauseguros.com.br). Utilize a opção Cotação online para iniciar o cálculo

Leia mais

Portal de Fornecedores Não-Revenda

Portal de Fornecedores Não-Revenda Portal de Fornecedores Não-Revenda Emissão de Nota Fiscal e Criação de Espelho Consulte neste manual os procedimentos para emissão de Nota Fiscal para o Walmart e as atividades relativas à Criação do Espelho

Leia mais

Frank Cespedes P l an PlanEjamC e jam e n t o e s t r a t é g ic o c o m e r c ia l Ento EstratégiCo ComErCial Checklist

Frank Cespedes P l an PlanEjamC e jam e n t o e s t r a t é g ic o c o m e r c ia l Ento EstratégiCo ComErCial Checklist Entrevista Frank Cespedes, professor da Harvard Business School, analisa o que se faz atualmente em termos de Planejamento Estratégico Comercial e revela maneiras de usar o PEC para construir uma empresa

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Estamos definitivamente na era digital. Era da velocidade cada vez maior da informação. Era da otimização do tempo. O novo Sistema Integrado de Saúde Amil, SiSAmil, mostra toda a evolução da empresa nesse

Leia mais

INTRODUÇÃO... 4 COMPOSIÇÃO DA TELA PRINCIPAL (PAINEL DE CONTROLE)... 5 CADASTROS... 6

INTRODUÇÃO... 4 COMPOSIÇÃO DA TELA PRINCIPAL (PAINEL DE CONTROLE)... 5 CADASTROS... 6 Sumário INTRODUÇÃO... 4 APLICATIVO WEB... 4 COMO ACESSAR... 4 COMPOSIÇÃO DA TELA PRINCIPAL (PAINEL DE CONTROLE)... 5 CADASTROS... 6 CLIENTES... 7 VEÍCULOS... 9 RASTREADORES... 11 SIM CARD... 13 TÉCNICOS

Leia mais

GUIA PRA TICO DO ALUNO DA PO S GRADUAÇA O PRESENCIAL

GUIA PRA TICO DO ALUNO DA PO S GRADUAÇA O PRESENCIAL GUIA PRA TICO DO ALUNO DA PO S GRADUAÇA O PRESENCIAL Processos Acadêmicos, Portal ÚNICO e Ambiente Virtual de Aprendizagem AVA Guia prático sobre os procedimentos acadêmicos, utilização das ferramentas

Leia mais

Visão Empresa de Contabilidade. Versão 8.1A-13

Visão Empresa de Contabilidade. Versão 8.1A-13 Visão Empresa de Contabilidade Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse

Leia mais

Tutorial de Notas Fiscais Eletrônicas

Tutorial de Notas Fiscais Eletrônicas Tutorial de Notas Fiscais Eletrônicas Geração e transmissão de NF-e Após preencher os dados da nota fiscal, se não houver alguma informação faltando, o sistema sugere a geração do arquivo texto necessário

Leia mais

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM Manual do Almoxarifado SIGA-ADM DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO(DGTI) MARÇO/2012 Requisição de Almoxarifado Requisições O sistema retornará a tela do menu de Administração. Nela selecione

Leia mais

Coordenação de Estágio Integrado. Instruções para a Contratação Interna de Estagiários

Coordenação de Estágio Integrado. Instruções para a Contratação Interna de Estagiários Coordenação de Estágio Integrado Instruções para a Contratação Interna de Estagiários 14 de Novembro de 2014 Acesso ao Sistema Funcionários da SMC/PUC Minas e das Concedentes parceiras O acesso desses

Leia mais

1. Objetivos do curso 2. 2 Comunicação Interna (CI) 13 3 Ofício 18 4 DEFINIÇÕES GERAIS 23 5 CONCLUSÃO 27

1. Objetivos do curso 2. 2 Comunicação Interna (CI) 13 3 Ofício 18 4 DEFINIÇÕES GERAIS 23 5 CONCLUSÃO 27 1. Objetivos do curso 2 Introdução 2 Funções do Sistema: 2 Da Comunicação Interna: 3 o Enviadas: 3 o Recebidas: 3 o Com Cópia Pessoal: 3 Ofícios 4 o Enviados: 4 o Recebidas com Cópia: 5 Contatos Externos:

Leia mais

Manual de Utilização Sisamil - Sistema Integrado de Saúde Amil Manual de Utilização 1 54

Manual de Utilização Sisamil - Sistema Integrado de Saúde Amil Manual de Utilização 1 54 Manual de Utilização 1 54 Estamos definitivamente na era digital. Era da velocidade cada vez maior da informação. Era da otimização do tempo. O novo Sistema Integrado de Saúde Amil, SiSAmil, mostra toda

Leia mais