Plantão de Dúvidas. Escrituração Contábil Fiscal ECF e Escrituração Contábil Digital - ECD

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Plantão de Dúvidas. Escrituração Contábil Fiscal ECF e Escrituração Contábil Digital - ECD"

Transcrição

1 Plantão de Dúvidas Tema: Escrituração Contábil Fiscal ECF e Escrituração Contábil Digital - ECD com Lázaro Rosa da Silva

2 1 - Somos uma entidade sem fins lucrativos e temos mensalmente um PIS Sobre Folha no valor de 1.500,00. Estamos obrigados ao ECF e ao ECD? Como a Receita vai controlar as empresas que não estão obrigadas? Resp. Sim, está obrigado a ECD e a ECF, observado o que dispõe o art. 3º, III, da Instrução Normativa RFB nº 1.420/13 e art. 1º, 2º, IV, da Instrução Normativa RFB nº 1.422/13, na hipótese do valor a declarar ser superior a R$ ,00.

3 2 - Empresa tributada pelo lucro presumido, têm obrigação de entregar a Escrituração Contábil Digital, relativa ao ano de 2014, agora no mês de junho/2015? Resp: Sim, no caso de distribuírem, a título de lucros, sem incidência do IRRF, parcela dos lucros ou dividendos superior ao valor da base de cálculo do Imposto, diminuída de todos os impostos e contribuições a que estiver sujeita.

4 3 - Como ficou a situação das Associações sem fins lucrativos, são obrigadas a entregar a ECF e ECD? A DIPJ foi suspensa para entidades sem fins lucrativos, correto? O que faremos? Resp: 1ª) Sim, estão obrigadas a ECD e a ECF, observado o que dispõe o art. 3º, III, da Instrução Normativa RFB nº 1.420/13 e art. 1º, 2º, IV, da Instrução Normativa RFB nº 1.422/13, na hipótese do valor a declarar ser superior a R$ ,00. 2ª) Sim, a DIPJ foi extinta para todas as pessoas jurídicas nos termos do art. 5º, da Instrução Normativa RFB nº 1.422/13, com nova redação dada pela Instrução Normativa RFB nº 1.489/14, as pessoas jurídicas ficam dispensadas, em relação aos fatos ocorridos a partir de 1º de janeiro de 2014, do LALUR em meio físico e da entrega da DIPJ. 3ª) Não há procedimento definido pelo fisco Federal, até o presente momento.

5 4 - A respeito do ECF, todas empresas do lucro presumido estão obrigadas a entregar, correto? Mas tem que ser feito o ECD antes e depois o ECF, ou pode fazer APENAS o ECF e transmitir, e quanto a Filantropias não vão ter que passar a ECF? No caso essa empresa, esta como Imune, não precisa ser feito o ECF? Resp: 1ª) Sim, observado o disposto no art. 1º, da Instrução Normativa RFB nº 1.422/13. 2ª) Uma obrigação acessória não substitui a outra. Dessa forma os contribuintes, desde que obrigados, deverão transmitir a: a) EFD Contribuições, observado o disposto na Instrução Normativa RFB nº 1.252/12; b) ECD, com base nas normas da Instrução Normativa RFB nº 1.420/13; e c) ECF, com base nas normas da Instrução Normativa RFB nº 1.422/13. 3ª) As pessoas jurídicas imunes e isenta estarão dispensadas da ECF somente na hipótese dos valor a declarar serem inferiores a R$ ,00.

6 5 - Nós somos não optantes da lei /2014 para o ano calendário 2014, assim sendo vamos ter de fazer FCONT correto? Tendo em vista a extinção da DIPJ E LALUR pergunto: Vamos ter de enviar a ECF ano 2014? Já vimos que o FCONT vai ser como 2013 sem alteração no plano de contas da ECD. Para transmitir a ECD até 30/06/2015 devemos atualizar o plano de contas de acordo com a ECF? Embora vá ser transmitida só em setembro? Resp: 1ª) Sim, considerando o que dispõe o 4º, do art. 8º, da Instrução Normativa RFB nº 949/09, com a nova redação dada pela Instrução Normativa RFB nº 1.139/11, o FCONT deverá ser elaborado. 2ª) Sim, a ECF deverá ser transmitida até 30/09/ ª) É recomendável que seja feita atualização de cada sistema sempre que o mesmo seja utilizado, ainda que para mera verificação.

7 6 - Teatro Dom Pedro um fundação publica de direito público municipal não esta obrigada ao ECD e ECF. Mas ele transmiti a DIPJ. Com o fim da DIPJ como proceder? Resp: Não há orientação oficial em relação a hipótese indagada. 7- Associações sem fins lucrativos também se enquadram? Resp: Sim, observado o limite superior a R$ ,00.

8 8 - Gostaria de saber se está obrigado à entregar a DIPJ 2014 neste ano até 30/06/2015 ou só a ECF para a data de entrega em 30/09/2015? Tem que entregar as duas declarações ou só a ECF que foi substituída pela DIPJ? Resp: Neste ano de 2015, deverá ser entregue somente a ECF em 30/09/2015.

9 9 - Uma empresa tributada pelo lucro presumido que distribuiu a seus sócios, em 2014, lucro superior ao valor da base de cálculo do imposto, diminuída de todos os impostos e contribuições a que esteve sujeito, porém este valor foi totalmente suportado pela Reserva de Lucros existente no balanço de 31/12/2013, ou seja, proveniente de resultados anteriores a 2014, está obrigada a ECD? Resp: Sim, considerando o que dispõe o inciso II, do art. 3º, da Instrução Normativa RFB nº 1.420/13, que não faz distinção da origem do lucro distribuído.

10 10 - Para empresas imunes e isentas o envio da ECD substitui a DIPJ? Resp: Necessariamente não, pois o art. 5º, da Instrução Normativa RFB nº 1.422/13, dispensa a apresentação da DIPJ Tenho uma empresa tributada pelo Lucro Real, porém tratase de uma Sociedade Simples Limitada com registro civil em Cartório. Gostaria de saber se está enquadrado no ECD e ECF? Resp: Sim.

11 12 - No ano-calendário 2013, exercício 2014, mudei o regime da empresa para Lucro Presumido. Em junho de 2014 para não encadernar e autenticar na JUCESP os livros diário geral, tentei enviar a ECD (Sped) e não consegui. Pergunta: Posso enviar agora, mesmo que o prazo era junho/2014, fora do prazo para não precisar imprimir os Livros de 2013 e autenticações na JUSCESP? A minha preocupação, como era facultativo devido estar no presumido. Essa opção seria apenas para entrega no prazo (junho 2014). Se entregar agora por opção fora do prazo, teria Multa? Não gostaria de correr o risco de ser multado. Resp. Embora o 1º, do art. 3º, da Instrução Normativa RFB nº 1.420/13, facultada a entrega da ECD às demais pessoas jurídicas, lucro presumido por exemplo, não há previsão legal expressa que autorize o procedimento indagado. Dessa forma é recomendável que providencie os registros dos respectivos livros. Por outro lado, o cumprimento de qualquer obrigação, ainda que fora do prazo legal, por contribuinte desobrigado, não está sujeito a penalidades. A propósito disso, a partir de 1º de janeiro de 2014 as pessoas jurídicas tributadas com base no lucro presumido, que distribuírem, a título de lucros, sem incidência do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (IRRF), parcela dos lucros ou dividendos superior ao valor da base de cálculo do Imposto, diminuída de todos os impostos e contribuições a que estiver sujeita, estarão obrigadas à adoção da ECD.

12 13 - As pessoas jurídicas imunes que em 2014, não entregaram EFD Contribuições devido o valor mensal de Contribuição para o PIS/Pasep s/folha ser inferior a R$ ,00 estão obrigadas a entregar em 2015, ECD e ECF? Resp. Não 14 - Empresa cartório, também terá que pagar taxa para a transmissão do SPED Contábil? Resp. Não, em razão do que dispõe o 2º, do art. 1º, da Instrução Normativa RFB nº 1.420/13, que determina que ficam dispensados de autenticação os livros da escrituração contábil das pessoas jurídicas não sujeitas a registro em Juntas Comerciais.

13 15 - As empresas de serviços, somente com CNPJ, enquadradas no Simples Nacional, precisam escrituração ECD? Resp. Nos termos do 1º, do art. 3º, da Instrução Normativa nº 1.420/13, é facultada a entrega da ECD na hipótese indagada.

14 16 - No meu entender, a Lei diz que, as empresas que não distribuíram lucro ou dividendos maior que a presunção, não estão obrigadas a entregar a ECD. Pergunto: Eu poderei registrar na Junta Comercial normalmente os meus livros, precisarei comprovar que não houve distribuição de lucro além do limite? Resp. Sim, na hipótese indagada não há previsão legal que exija essa comprovação.

15 17 - Empresas que mudou de Contabilidade no meio do ano, pode ser entregue 02 arquivos, ou será necessário? Tem a possibilidade de inserirmos as informações manualmente, visto que o ECF terá dados que foi gerado no Sped, qual o procedimento a ser seguido? Resp. O sistema está preparado para receber apenas um arquivo por contribuinte. Neste caso o contribuinte deverá providenciar a inclusão dos movimentos em apenas um.

16 18 - Empresa, lucro presumido, com apuração trimestral de impostos e fechamento anual. Na recuperação da ECD para a ECF o validador acusa várias advertências referentes ao registro K155, tais como: - " Saldo inicial não é compatível com o saldo recuperado do período anterior do E010, ou saldo inicial não é compatível com o saldo inicial do registro K155" - "Total dos débitos diferente do total de créditos no período informado nos registros de saldos periódicos (K155)" Segundo informações, estas advertências ocorrem devido não estarmos fazendo o fechamento trimestral e sim anual. Perguntas: 1) É obrigatório fazer o fechamento trimestral, mesmo sendo lucro presumido? 2) De que forma isto poderá ser feito, se a ECD é anual e o arquivo é recuperado na ECF? Resp.: 1) Sim, o lucro presumido exige apuração trimestral. 2) As advertências não impede o cumprimento da obrigação.

17 19 - Tenho um Lucro Presumido que emitiu apenas uma NFS-e de R$ ,00 em Tenho que escriturar ECD/ECF? Resp. Sim. No caso da ECD, desde que tenha distribuído lucro em montante superior ao apurado pela equação, lucro presumido diminuído dos impostos e contribuições a que estiver sujeita.

18 20 - Preciso ter programa próprio ou posso escriturar direto no ECD/ECF da Receita? Resp. É possível inserir os lançamentos de forma manual A entrega da ECF exigirá 2 assinaturas com certificados e- CPF (sócio e contabilista) como a ECD? Resp. Sim.

19 22 - Com base na fundamentação apresentada abaixo, as Instituições Religiosas, Atividade principal Natureza Jurídica Associação Privada que não possuem tributação do PIS/PASEP e COFINS não cumulativa sobre receitas, mas tem o PIS s/folha de pagamento. Estou entendendo que estas empresas não estão obrigadas à entrega da ECD. Na sua opinião, estou interpretando corretamente este ponto facultativo. Resp. Sim, a interpretação está correta, desde que o valor a ser informado não ultrapasse a importância de R$ ,00.

20 23 - Temos uma dúvida em relação ao ECF e gostaríamos da ajuda de vocês. Fechamos as apurações de IRPJ e CSLL em 2014 e efetuamos os recolhimentos dos impostos devidos em seus vencimentos; porém no ano seguinte detectamos que houve um erro de interpretação em uma das contas contábeis adicionadas; quando o correto seria deduzí-la na base de cálculo do imposto, o que hoje nos geraria um crédito a recuperar. Nosso intuito é corrigir as apurações no LALUR; porém o registro contábil Será feito agora no 2º semestre de Pergunto: qual a forma correta de mantermos as apurações e os registros - ECD e ECF - de modo que não tenhamos problemas c/ o Fisco? Resp. A qualquer tempo, espontaneamente, é facultado ao contribuinte apresentar retificação da obrigação apresentada, desde que não haja impedimentos. A correção de qualquer informação, desde que o procedimento seja lícito, não gera qualquer problema com o Fisco.

21 24 - Como será o registro do ECD para empresas registradas no cartório? Faço somente o envio da declaração? Necessito fazer a entrega do ECD mesmo a empresa não esteja na obrigatoriedade para conseguir enviar a ECF? Resp. Sim, a ECD deverá ser enviada com os dados disponíveis As empresas do ramo da construção civil, que não distribuíram lucro estão obrigadas a enviar a ECD? Resp. Sim, irrelevante o fato de ter ou não distribuído lucros.

22 26 - Existe alguma regra específica, para as empresas da construção, em relação a entrega da ECD? Resp. As empresas da construção civil deverão observar a obrigatoriedade no inciso IV, do art. 3º, da Instrução Normativa RFB nº 1.420/13, que determina a obrigatoriedade de adoção da ECD para as Sociedades em Conta de Participação (SCP), como livros auxiliares do sócio ostensivo.

23 27 - Gostaria de tirar uma dúvida a respeito da obrigatoriedade da entrega do ECD, pois tenho uma empresa que é tributado pelo Regime do Lucro Presumido, não teve distribuição de lucros, é empresa pequena, 1 nota por mês somente para recebimento dos serviços prestados, segue os dados para verificação referente: Faturamento 2014 R$ ,52 IR 16% (base reduzida) = R$ 6.762,64 x 15% = R$ 1.014,39 1,5% = R$ 380,40 CSLL 32% = R$ ,28 x 9% = R$ R$ 1.217,28 PIS 0,65% = R$ 274,73 Cofins 3,00% = R$ 1.268,00 "II - as pessoas jurídicas tributadas com base no lucro presumido, que distribuírem, a título de lucros, sem incidência do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (IRRF), parcela dos lucros ou dividendos superior ao valor da base de cálculo do Imposto, diminuída de todos os impostos e contribuições a que estiver sujeita; " No caso da empresa Lucro presumido não ter Distribuído Lucro ou Dividendo não está obrigado a entregar? Resp. Neste caso não. Os contribuintes tributados pelo lucro presumido somente estarão obrigados à adoção da ECD, na hipótese de distribuir lucros superiores ao apurado pela equação: Lucro presumido, diminuído dos impostos e contribuições a que estiver sujeito.

24 28 - Empresa, lucro presumido, obrigada a entrega da ECD, fez transformação de sua natureza jurídica em 08/03/2014, de firma individual (empresário) para sociedade empresária limitada. Segundo a Jucesp deve ser entregue dois arquivos, um no período de 01/01/2014 a 08/03/2014 e o segundo arquivo no período de 09/03/2014 a 31/12/2014. O problema é que como os sistemas de contabilidade fazem somente a totalização mensal e não diária os totais dos dois arquivos não batem, quando da validação na ECD, embora o Manual da ECD diga que pode se fazer validação de arquivos fracionados (quebra de dias). Mas, na prática isto não acontece, ou seja, o balanço final não bate. A Receita Federal diz que pode ser entregue apenas um arquivo de 01/01/2014 a 31/12/2014 e que a exigência de dois arquivos é da JUCESP.

25 29 Perguntas: 1) Caso seja entregue apenas um arquivo, provavelmente a JUCESP não irá autenticar o livro. Nesse caso, existe alguma penalidade? 2) No caso de ser obrigada a entregar dois arquivos haverá multa por falta de entrega do segundo arquivo? 3) No caso de encerramento de atividades dessa empresa, a ECD tem alguma influência no fechamento? Resp. 1) A legislação de regência não prevê penalidade neste caso. 2) O sistema ECD não aceita dois arquivos do mesmo contribuinte, razão pela qual, não haverá entrega de um segundo arquivo. 3) Não.

26 30 - Uma empresa que encerrou suas atividades em Janeiro de 2015, que possui obrigatoriedade de entrega da ECD e ECF tem que enviar o arquivo até quando? ECD até 30/06/2015? E a ECF até 30/09/2015? Resp. Sim para ambas as obrigações: A ECD, para os eventos ocorridos de janeiro a maio do ano da entrega, nos termos do 4º, do art. 5º, da Instrução Normativa RFB nº 1.420/13. A ECF, para os eventos ocorridos de janeiro a agosto do ano da entrega, nos termos do 4º, do art. 3º, da Instrução Normativa RFB nº 1.422/13, com nova redação dada pela Instrução Normativa nº 1.524/14.

27 31 - Quais são as demonstrações obrigatórias na entrega da ECD e ECF? Resp. ECD, nos termos do art. 2º, da Instrução Normativa RFB nº 1.420/13, compreenderá a versão digital dos seguintes livros:» livro Diário e seus auxiliares, se houver;» livro Razão e seus auxiliares, se houver;» livro Balancetes Diários, Balanços e fichas de lançamento comprobatórias dos assentamentos neles transcritos. ECF, nos termos do art. 35, da Instrução Normativa RFB nº 1.520/14:» Demonstrativo de Resultados no Exterior;» Demonstrativo de Consolidação;» Demonstrativo de Prejuízos Acumulados no Exterior;» Demonstrativo de Rendas Ativas e Passivas;» Demonstrativo de Imposto Pago no Exterior;» Demonstrativo de Estrutura Societária no Exterior; e» Demonstrativo de Resultados no Exterior auferidos por intermédio de Coligada em Regime de Caixa.

28 32 - Quais os relatórios deverão ser enviados junto com o arquivo? Resp. Os mencionados na página anterior Gostaria de informações sobre como será a entrega da ECD para empresas sem NIRE. Resp. A entrega deverá ser efetuada normalmente até 30/06/2015.

29 34 - Firma que está enquadrada no regime do lucro presumido, e que faz somente o livro CAIXA, também está obrigada a proceder a entrega do ECD ECF? Resp. Sim, somente no caso de ter distribuído lucro superior ao apurado pela equação, lucro presumido diminuído dos impostos e contribuições a que estiver sujeita.

30 35 - Conforme legislação o Clube de Campo Fazenda (Sem fim Lucrativos - isento do imposto) esta desobrigada a entrega do ECD e ECF. - devido o pagamento das contribuições PIS e COFINS, não atingir o valor de R$ ,00 mensal. Minha duvida: Qual informação que devo prestar no lugar do DIPJ, que foi extinto? Resp. Até o presente momento não há definição por parte do Fisco Federal.

31 36 - Uma empresa que tinha lucros acumulados saldo 2013, distribuído em 2014, mesmo com a distribuição (aumento do capital social) ficou dentro da presunção do exercício de 2014 tem que enviar o ECD 2014?? Lucro Presumido. Resp. Sim, somente no caso de ter distribuído lucro superior ao apurado pela equação, lucro presumido diminuído dos impostos e contribuições a que estiver sujeita.

32 37 - As pessoas jurídicas imunes e isentas que não foram obrigadas a apresentar a Escrituração Fiscal Digital das Contribuições, não são obrigadas a entregar a ECD anualmente ao SPED até 30/06 do ano seguinte. Nestes casos a entrega da ECD é facultativa. Dúvida: como essas empresas (imunes e isentas) deverão proceder em relação a obrigatoriedade de entrega da DIPJ? Resp. Não há manifestação do Fisco Federal neste sentido, até o presente momento.

33 38 - Referente à transmissão da ECD, via certificado digital, prevista para 30/06/2015, existe alguma informação referente à prorrogação deste prazo? Pergunto, porque muitos contribuintes não estão conseguindo agendar o e- CPF, para este mês de junho, pois as empresas credenciadas, não estão atendendo a demanda. Resp. Até o presente momento não há expectativas quanto a prorrogação.

34 39 - Sou técnico em contabilidade e ao enviar a ECD de 2014 tenho o seguinte problema: Ao enviar, portanto sem erros ou advertências, vem a seguinte mensagem: O ARQUIVO NÃO FOI TRANSMITIDO FOI ENCONTRADA UMA INCOMPATIBILIDADE NOS DADOS DA ESCRITURAÇÃO QUE ESTÁ SENDO TRANSMITIDA. Se até o envio está tudo certo, o que poderá ser incompatível com os dados da escrituração? Resp. Pode decorrer de conflito de informações no banco de dados da RFB. Por exemplo, em relação a saldo de conta não encontrado.

35 40 - Quando gero as informações para o ECD não sou obrigada a gerar os flags do plano referencial com o meu plano da empresa. Porém, no momento futuro para o ECF, vou ter algum problema se não fizer essa mesma amarração? Resp. Possivelmente sim, principalmente em relação ao transporte de saldos.

36 41 - Ainda nessa questão de plano de contas, mesmo eu tendo um plano de contas para diversas empresas, de tributações diferente, eu tenho que fazer uma amarração de plano para cada empresa? Para cada tributação? Resp. Sim, o SPED trata individualmente cada contribuinte.

37 42 - No momento da assinatura, não estou com o certificado do sócio, só do contador. Existe algum problema de assinar primeiro o contador e posteriormente os acionistas? A questão é que o arquivo será enviado ao sócio e ele só irá assinar a parte dele e enviar. Se minha assinatura for primeiro corro algum risco de não conseguir entregar a declaração ou ser penalizada futuramente? Resp. No caso relatado, do ponto de vista legal, não há impedimentos para essa prática. Contudo, em decorrência das implicações de informática, recomenda-se assegurar de que não haverá incompatibilidades.

38 43 - Trabalho numa empresa do Terceiro Setor, enquadrada no grupo das Imunes e Isentas. Tenho apenas o recolhimento do PIS s/folha de Pagamento o qual não ultrapassa em nenhum mês o limite de ,00/Mês. Desta forma, estamos desobrigados da entrega do Sped-Contribuições e consequentemente também estamos desobrigados Sped-Contabil. Gostaria de saber se o exposto acima esta correto e se também estamos dispensados da entrega do ECF? Resp. Sim, o exposto está correto e também está dispensado do cumprimento dessa obrigação, observado o que dispõe o inciso IV, do 2º, do art. 1º, da Instrução Normativa RFB nº 1.422/13, com redação dada pela Instrução Normativa RFB nº 1.524/14.

39 44 - É possível fazer lançamentos manuais na ECF? Muitos sistemas (ERP) não disponibilizam layout para importação das informações. Resp. Sim ECF deverá entregue por qual tipo de certificado digital: e-cnpj ou e-cpf? Resp. Por ambos, desde que A3.

40 46 - É possível efetuar a entrega do ECF por meio de procuração eletrônica? Resp. Sim, desde que atendidas as formalidades junto a RFB Basta uma assinatura digital para entregar? Resp. Exige-se a assinatura do representante do contribuinte e do contador.

41 48 - Qual o impacto de clicar em todos os itens do check list para entregar o ECD na versão atual visto que não tem como entregar se não fizer o click em tudo? Resp. Do ponto de vista legal, nenhum impacto, pois o sistema processa as informações automaticamente.

42 49 - De qual forma consigo obter a versão atual do plano de contas referencial do Sped Contábil? Pois temos empresas que apresentam advertências de muitas contas que não existem no plano de contas referencial informado. Haverá algum problema ou consequência se efetuarmos a transmissão do Sped Contábil não regularizando as advertências? Resp. Clicando em atualizar tabelas no próprio sistema. As advertências não impedem o envio das informações.

43 50 - O ECD pode ser retificado? A limites para retificação? Resp. Sim. Sim, na hipótese de ser iniciado processo de fiscalização a retificação fica impedida Uma empresa de pequeno porte, optante pelo lucro presumido, mantendo porém, escrituração contábil, para fins de controle e, de eventuais exigências da legislação comercial, está obrigada à transmissão da ECD (Escrituração Contábil Digital) até 30.06? Resp. Sim, somente no caso de ter distribuído lucro superior ao apurado pela equação, lucro presumido diminuído dos impostos e contribuições a que estiver sujeita.

44 52 - Gostaria de saber quando será a entrega da ECD para lucro presumido. Resp. Na hipótese de obrigatoriedade, no mesmo prazo para dos demais contribuintes, 30/06/ Trabalho em um Sindicato, ou seja, uma Entidade sem fins lucrativos, aonde só recolhe PIS s/fopag. Não temos nenhuma atividade meio no qual incide PIS e COFINS. Mesmo assim, apenas recolhendo PIS s/fopag, pois ultrapassa os R$ ,00, temos a obrigação da entrega da ECD - Escrituração Contábil Digital? Resp. Sim.

45 54 - A sócia ostensiva de uma SCP deve entregar de que forma a sua ECD? Resp. A sócia ostensiva deverá entregar a ECD normalmente. A SCP será entregue como livro auxiliar da sócia ostensiva Como informar os dados da SCP? Resp. Deverá ser informado como livro auxiliar O CNPJ da SCP deve ser informado em alguma ficha da ECD? Resp. A SCP é livro auxiliar da Ostensiva. Dessa forma, somente deverá ser informado o CNPJ da sócia ostensiva.

46 57 - Tenho uma dúvida quanto aos livros diário para empresas que são registradas em cartório, pois estão obrigadas a entrega do sped ECD referente ao ano calendário 2014, porém, aqui em São Paulo o cartório não efetua o registro eletrônico dos livros e, por sua vez a junta comercial também não fará o registro pois a empresa não tem registro naquele órgão. Diante do exposto, temos uma problema quanto a numeração dos livros, uma vez que no envio do ECD o livro contábil pode ter um só número dependendo do volume de dados, já quando for impresso para o registro em cartório, podem ter diversas unidades também em razão do volume. Como proceder neste caso? Resp. Nos termos do 2º, do art. 1º, da Instrução Normativa nº 1.420/13, ficam dispensados de autenticação os livros da escrituração contábil das pessoas jurídicas não sujeitas a registro em Juntas Comerciais. Decorre disso que o registro no cartório deverá ser efetuado da forma costumeira.

47 58 - Como faço para abrir o registro J935 identificação auditores independentes? Não estou conseguindo preencher. Resp. Informação não exigida Como fazer o acompanhamento da ECD? Resp: Basta acionar, no sistema, a opção Consultar Situação e em seguida fazer a escolha.

48 60 - Como funciona quando a empresa tem SCP? Resp: A SCP deverá ser entregue como livro auxiliar da sócia ostensiva O que fazer quando o sócio administrador entre outros não tem o e-cpf, assino por procuração e arquivo na Junta Comercial, mas quando a empresa é de cartório ou OAB o que devemos fazer, é valido à procuração da RFB neste caso? Resp: O e-cpf deve ser providenciado. De qualquer forma pode ser assinado por procuração, desde que as formalidades do banco de dados da RFB sejam cumpridas Tenho uma empresa de LUCRO REAL que transformou para a EIRELI no dia 09/10/2014 tenho que enviar 2 livros no SPED ECD, com períodos fracionados? Resp. Não. Deverá ser enviado apenas um livro, pois o sistema não aceita dois arquivos relativos ao mesmo contribuinte.

49 63 - Temos uma dúvida em relação aos arquivos gerados para entrega do SPED ECD os arquivos foram gerados no plano de contas antigo; e temos a obrigatoriedade de entrega do ECF. Minha pergunta é posso entregar o ECD no plano de contas antigo, e posteriormente gerar novos arquivos no plano de contas do ECF e validar, porém não entregarmos o novo arquivo, e utilizar este mesmo arquivo para entrega do ECF? Resp. Nestas condições é possível que gerem advertências, mesmo assim não haverá impedimentos para envio da informação. Mesmo assim é recomendável que faça as atualizações para evitar erros que impediram o envio.

50 64 - Com relação ao ECD, como pego as informações de dados agregados? Resp. No menu escrituração Com relação ao ECF, como faço para importar as informações e depois disso quais passos devo seguir? Resp. O próprio sistema efetua as importações. Depois disso as informações devem ser geradas, validadas e assinadas Com relação ao ECF, como faço para importar as informações e depois disso quais passos devo seguir? Resp. O próprio sistema efetua as importações. Depois disso as informações devem ser geradas, validadas e assinadas.

51 67 - Empresas imunes e isentas, que tiveram o PIS inferior a R$ ,00, apresentaram EFD Contribuições opcional em Está obrigado a entregar ECD e ECF? Resp: Não No ECF, se a empresa do lucro presumido indicar que tem contabilidade, mas não apresentou ECD, pois está dispensada, será desobrigado a apresentar o bloco C que se trata da contabilidade? Resp: Não Na ECD, aceita enviar empresa do lucro presumido imune e isenta, que é registrada em cartório, sem ter a taxa paga? Resp: Sim.

52 70 - Há algum tipo de validação das contas sintéticas do plano do contribuinte? Resp: Somente pela soma Quais tipos de validação que podem ocorrer entre relatórios suportes (Exemplo: ficha L210, X300) e contas contábeis? Resp: Toda validação leva em consideração os parâmetros determinados nos manuais das respectivas obrigações As fichas mais extensas podem ser importadas separadamente? Resp: Não há orientação para importação individual No caso do plano referencial que primeiro colocamos o do contribuinte e depois abrimos janela por janela para classificarmos, é possível importar o plano completo? Resp: Sim.

53 74 - Por que o ECD exige somente as contas analíticas e o ECF por sua vez exige que as sintéticas também sejam classificadas? Resp: Pressupõe-se que é para facilitar o manuseio das informações pelos Fiscos O plano do FCONT que contempla apenas algumas contas é o mesmo do ECD/ECF? Resp: Sim Quando importamos um arquivo de texto ECF para preenchimento das telas corremos o risco de perder as informações já digitadas? Resp: Não, exceto na hipótese de existência de problemas tecnológicos.

54 77 - A prorrogação do prazo de entrega para o lucro presumido foi aprovada? Cogitou algo sobre a prorrogação para lucro real também? Resp: Não, em nenhuma das hipóteses Observei que na importação do ECD o ECF pediu que fosse um arquivo transmitido e assinado, além disso, há alguma validação que o ECF faça para o ECD já importado? Resp: Não. Essas obrigações são individuais e cada uma delas faz sua validação Na empresa que trabalho existe subcontratação de serviço de beneficiamento dos materiais (é uma indústria metalúrgica) isto pode ser considerado como alocação de mão de obra? Resp: Necessariamente não. A alocação de mão de obra está associada à sua classificação contábil.

55 80 - Também na empresa que trabalho existe uma provisão de estoques relacionada ao processo, chamada perdas de fusão, que é parte da MP que sofre evaporação quando passa pela fundição, isto pode ser considerado no registro L210 como provisões? Resp: Salvo melhor juízo, a classificação mais adequada é nas contas de resultado, quando a perda ocorrer efetivamente. Lembrando que na condição de provisão referida despesa será indedutível Se eu deixar de preencher o centro de custo do registro I051 da ECD, pode me gerar problemas na ECF? Resp: Não Se eu baixar a nova versão da ECF, eu perco o que digitei na versão antiga? Resp: Não. Mesmo assim é recomendável fazer um backup antes de substituir qualquer versão.

56 Agradecemos a sua presença! Plantão de Dúvidas Obrigações Acessórias

SPED Contábil e SPED ECF

SPED Contábil e SPED ECF SPED Contábil e SPED ECF Impactos nas Rotinas Empresárias Prof. Marcos Lima Marcos Lima Contador (graduado pela UECE) Especialista em Auditoria (UNIFOR) Diretor de Relacionamentos da Fortes Contabilidade

Leia mais

ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL (ECF)

ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL (ECF) ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL (ECF) Grant Thornton - Brasil Junho de 2015 Agenda Considerações Iniciais; Obrigatoriedade de Transmissão; Penalidades (Multas); Informações a serem Transmitidas; Recuperação

Leia mais

empresas constantes de seus anexos, de acordo com o Estado da Federação em que estava localizado o contribuinte.

empresas constantes de seus anexos, de acordo com o Estado da Federação em que estava localizado o contribuinte. SPED O Sistema Público de Escrituração Digital, mais conhecido como Sped, trata de um projeto/obrigação acessória instituído no ano de 2007, através do Decreto nº 6.022, de 22 de janeiro de 2007. É um

Leia mais

OBRIGAÇÕES FISCAIS SOCIAIS DA APM

OBRIGAÇÕES FISCAIS SOCIAIS DA APM COMUNICADO FDE / DRA Nº 001/2015 OBRIGAÇÕES FISCAIS E SOCIAIS DA APM 2 0 1 5 Página 1 de 9 O objetivo deste texto é informar aos dirigentes das Associações de Pais e Mestres APMs de Escolas Estaduais conveniadas

Leia mais

Guia Rápido ECF e ECD - SPED Contábil 2016

Guia Rápido ECF e ECD - SPED Contábil 2016 ÍNDICE Introdução... 3 SPED Contábil: Maio de 2016... 4 O que é o ECD - SPED Contábil?... 4 Empresas obrigadas a entregar o SPED Contábil... 4 Layout 4: enquadre de forma legal sua empresa... 5 Prazo de

Leia mais

ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED

ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED O que é ECF Escrituração Contábil Fiscal? Demonstra o cálculo do IRPJ e da CSLL Sucessora da DIPJ Faz parte do projeto SPED Instituída pela Instrução Normativa RFB 1.422/2013

Leia mais

ANO XXII - 2011-4ª SEMANA DE ABRIL DE 2011 BOLETIM INFORMARE Nº 17/2011 PIS/PASEP/COFINS IMPOSTO DE RENDA PESSOA JURÍDICA

ANO XXII - 2011-4ª SEMANA DE ABRIL DE 2011 BOLETIM INFORMARE Nº 17/2011 PIS/PASEP/COFINS IMPOSTO DE RENDA PESSOA JURÍDICA ANO XXII - 2011-4ª SEMANA DE ABRIL DE 2011 BOLETIM INFORMARE Nº 17/2011 PIS/PASEP/COFINS ESCRITURAÇÃO FISCAL DIGITAL DO PIS/PASEP E DA COFINS - EFD-PIS/COFINS - NORMAS GERAIS Introdução - Pessoas Jurídicas

Leia mais

ECF Considerações Iniciais

ECF Considerações Iniciais Outubro de 2014 ECF Considerações Iniciais A ECF é mais um dos projetos da RFB que integrará o SPED (Disciplinada pela Instrução Normativa RFB 1.422/2013). O layout da ECF pode ser encontrado no website

Leia mais

PALESTRA. A ECF e a Eficiência no Controle Fiscal

PALESTRA. A ECF e a Eficiência no Controle Fiscal PALESTRA A ECF e a Eficiência no Controle Fiscal Palestrante: Ivo Ribeiro Viana Advogado, contabilista, especialista em direito tributário pela PUC-SP, MBE em gestão e controladoria pela FECAP-SP. Consultor

Leia mais

EM 2015 ALGUMAS EXIGENCIAS PASSAM A SER MAIS EVIDENTES, E UMA DELAS E O ECF EMPRESAS OPTANTES PELO LUCRO PRESUMIDO E REAL.

EM 2015 ALGUMAS EXIGENCIAS PASSAM A SER MAIS EVIDENTES, E UMA DELAS E O ECF EMPRESAS OPTANTES PELO LUCRO PRESUMIDO E REAL. EM 2015 ALGUMAS EXIGENCIAS PASSAM A SER MAIS EVIDENTES, E UMA DELAS E O ECF EMPRESAS OPTANTES PELO LUCRO PRESUMIDO E REAL. A VELOCIDADE DE INFORMACAO NOS NOSSOS DIAS SE TORNA A CHAVE PARA TANTAS MUDANCAS.

Leia mais

SPED ECF. ECF Escrituração Contábil Fiscal. Danilo Lollio São Paulo - SP. Esta apresentação é de propriedade da Wolters Kluwer Prosoft.

SPED ECF. ECF Escrituração Contábil Fiscal. Danilo Lollio São Paulo - SP. Esta apresentação é de propriedade da Wolters Kluwer Prosoft. SPED ECF ECF Escrituração Contábil Fiscal Danilo Lollio São Paulo - SP Esta apresentação é de propriedade da Wolters Kluwer Prosoft. É proibida a reprodução, distribuição ou comercialização deste conteúdo.

Leia mais

Escrituração Contábil Digital ECD. Brasília, 18 de maio de 2012

Escrituração Contábil Digital ECD. Brasília, 18 de maio de 2012 Escrituração Contábil Digital ECD Brasília, 18 de maio de 2012 Abrangência do Sped NF-e Integração ECD NFS-e ReceitanetBX EFD Int e-lalur CT-e EFD Social FCont EFD Contribuições e-lalur Livro Eletrônico

Leia mais

Principais Aspectos do Sistema Público de Escrituração Digital SPED

Principais Aspectos do Sistema Público de Escrituração Digital SPED Principais Aspectos do Sistema Público de Escrituração Digital SPED Como trabalhamos? no passado a pouco tempo Daqui para frente ECD Escrituração Contábil Digital IN RFB 787/07 O que é? : É a substituição

Leia mais

Escrituração Contábil Digital (ECD) Escrituração Contábil Fiscal (ECF)

Escrituração Contábil Digital (ECD) Escrituração Contábil Fiscal (ECF) Escrituração Contábil Digital (ECD) Escrituração Contábil Fiscal (ECF) José Jayme Moraes Junior Auditor-Fiscal da Receita Federal do Brasil Supervisor Nacional da ECD e da ECF Escrituração Contábil Digital

Leia mais

expert PDF Trial Escrituração Contábil Digital Elaborado por: José Sérgio Fernandes de Mattos

expert PDF Trial Escrituração Contábil Digital Elaborado por: José Sérgio Fernandes de Mattos Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400 - ramal 1529 (núcleo de relacionamento) Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva, 60 Higienópolis

Leia mais

Índice I. DADOS DA EMPRESA... 2. a) Dados para contabilização da Empresa Modelo... 3. b) Cálculo do IRPJ... 4. c) Cálculo da Contribuição Social...

Índice I. DADOS DA EMPRESA... 2. a) Dados para contabilização da Empresa Modelo... 3. b) Cálculo do IRPJ... 4. c) Cálculo da Contribuição Social... Índice I. DADOS DA EMPRESA... 2 a) Dados para contabilização da Empresa Modelo... 3 b) Cálculo do IRPJ... 4 c) Cálculo da Contribuição Social... 5 d) Plano de Contas... 6 e) Histórico Padrão... 7 f) Lançamentos

Leia mais

Instrução Normativa RFB n 1.353/13 MAIO DE 2.013

Instrução Normativa RFB n 1.353/13 MAIO DE 2.013 Instrução Normativa RFB n 1.353/13 MAIO DE 2.013 PRINCIPAIS CONSIDERAÇÕES O Art. 1 da IN RFB n 1353/13 instituiu a Escrituração Fiscal Digital do Imposto sobre a Renda e da Contribuição Social sobre o

Leia mais

EFD Contribuições (PIS/COFINS) Atualizado com a Instrução Normativa RFB nº 1.280/2012

EFD Contribuições (PIS/COFINS) Atualizado com a Instrução Normativa RFB nº 1.280/2012 PIS/COFINS EFD Contribuições (PIS/COFINS) Atualizado com a Instrução Normativa RFB nº 1.280/2012 CONTEÚDO 1. INTRODUÇÃO 2. CERTIFICADO DIGITAL 3. OBRIGATORIEDADE 3.a Dispensa de Apresentação da EFD-Contribuições

Leia mais

SPED CONTÁBIL. Escrituração Contábil Digital. Professor Filemon Augusto de Oliveira 23/05/2014 Congresso de Contabilidade do Agreste Alagoano

SPED CONTÁBIL. Escrituração Contábil Digital. Professor Filemon Augusto de Oliveira 23/05/2014 Congresso de Contabilidade do Agreste Alagoano SPED CONTÁBIL Escrituração Contábil Digital Professor Filemon Augusto de Oliveira 23/05/2014 Congresso de Contabilidade do Agreste Alagoano É HORA DE AGRADECER!!! O modelo mudou... Quem escrevia cartinha,

Leia mais

ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL SPED ECF. PROFESSOR: FELLIPE GUERRA Sergipe, 24 de Agosto de 2015.

ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL SPED ECF. PROFESSOR: FELLIPE GUERRA Sergipe, 24 de Agosto de 2015. ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL SPED ECF PROFESSOR: FELLIPE GUERRA Sergipe, 24 de Agosto de 2015. PROFESSOR: FELLIPE GUERRA Contador, Consultor Empresarial e Especialista em SPED. Coordenador da Comissão

Leia mais

Informações Importantes Escrituração Contábil Digital ECD. 2 Existe um ambiente de treinamento dentro do próprio Sped Contábil?

Informações Importantes Escrituração Contábil Digital ECD. 2 Existe um ambiente de treinamento dentro do próprio Sped Contábil? Informações Importantes Escrituração Contábil Digital ECD 1 - Onde eu consigo visualizar o manual de orientação do ECD? No help do validador, em Ajuda Ajuda. Ou no link: file:///c:/arquivos%20de%20programas%20rfb/programas

Leia mais

SPED CONTÁBIL TREINAMENTO CONTABIL, 2014

SPED CONTÁBIL TREINAMENTO CONTABIL, 2014 SPED CONTÁBIL TREINAMENTO CONTABIL, 2014 SPED PRAZOS O que é SPED? Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) ou Escrituração Digital Contábil (ECD) é a substituição da escrituração em papel pela Escrituração

Leia mais

O que é o Sistema Público de Escrituração Digital - SPED?

O que é o Sistema Público de Escrituração Digital - SPED? SPED PIS/COFINS Teoria e Prática O que é o Sistema Público de Escrituração Digital - SPED? E v e l i n e B a r r o s o Maracanaú - CE Março/2 0 1 2 1 2 Conceito O SPED é instrumento que unifica as atividades

Leia mais

DECLARAÇÕES Lucro Presumido, Isentas e Simples

DECLARAÇÕES Lucro Presumido, Isentas e Simples DECLARAÇÕES Lucro Presumido, Isentas e Simples Wagner Mendes Contador, Pós-Graduado em Controladoria, Auditoria e Tributos, Consultor Tributário, Especialista em Tributos Federais, Contabilidade e Legislação

Leia mais

SPED Contábil - Versão 2.0

SPED Contábil - Versão 2.0 SPED Contábil - Versão 2.0 A Escrituração Contábil Digital (ECD) é parte integrante do projeto SPED e tem por objetivo a substituição da escrituração em papel pela escrituração transmitida via arquivo,

Leia mais

Resumo Socion das configurações no JB Cepil para geração da ECF

Resumo Socion das configurações no JB Cepil para geração da ECF Resumo Socion das configurações no JB Cepil para geração da ECF 1 - Configurações Necessárias Empresa Lucro Real: 1.1 Pacote 3000 Apontar o plano referencial a ser utilizado pela empresa; 1.2 Pacote 3012

Leia mais

1-Outras Informações, 2-Balanço (Ativo e Passivo), 3-DRE (Custos, Despesas e Resultado), 4- DLPA, 5-REFIS e 6-PAES.

1-Outras Informações, 2-Balanço (Ativo e Passivo), 3-DRE (Custos, Despesas e Resultado), 4- DLPA, 5-REFIS e 6-PAES. Prezado Cliente, Para exportar os dados do programa JBCepil- Windows para a -2012 (Declaração de Informações Econômico-Fiscais da Pessoa Jurídica), segue configurações abaixo a serem realizadas. Configurações

Leia mais

SPED Escrituração Contábil Fiscal (ECF)

SPED Escrituração Contábil Fiscal (ECF) SPED Escrituração Contábil Fiscal (ECF) Este tutorial destina-se a empresas de Regime Lucro Presumido. A exportação para o SPED Escrituração Contábil Fiscal (ECF) no Sistema LedWin, deverá ser feita da

Leia mais

ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL

ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL Geração da ECF para empresas optantes pelo Lucro Presumido Informações importantes A Escrituração Contábil Fiscal é uma nova obrigação acessória, cuja primeira entrega

Leia mais

EFD PIS COFINS ESCRITURAÇÃO FISCAL DIGITAL

EFD PIS COFINS ESCRITURAÇÃO FISCAL DIGITAL EFD PIS COFINS ESCRITURAÇÃO FISCAL DIGITAL 1. INTRODUÇÃO Este artigo tem por objetivo trazer considerações relevantes quanto a dados inerentes à Escrituração Fiscal Digital da Contribuição para o PIS/Pasep

Leia mais

ECD + ECF - NOVAS REGRAS - 2014

ECD + ECF - NOVAS REGRAS - 2014 XII ENCONTRO ALAGOANO DE CONTABILIDADE CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DE ALAGOAS ECD + ECF - NOVAS REGRAS - 2014 Prof. Filemon Augusto de Oliveira MUITO PRAZER!!! Fé Família Trabalho AGRADECIMENTOS

Leia mais

LEI 12.973/2014 E SPED: ADAPTAÇÃO ÀS NOVAS OBRIGAÇÕES TRIBUTÁRIAS

LEI 12.973/2014 E SPED: ADAPTAÇÃO ÀS NOVAS OBRIGAÇÕES TRIBUTÁRIAS LEI 12.973/2014 E SPED: ADAPTAÇÃO ÀS NOVAS OBRIGAÇÕES TRIBUTÁRIAS Visão geral dos impactos das novas evidenciações e diferenças de práticas contábeis advindas da IN 1.515. Subcontas. ECF e suas implicações.

Leia mais

Projetos da Receita Federal

Projetos da Receita Federal Escrituração Fiscal Digital - EFD Projetos da Receita Federal A Escrituração Fiscal Digital - EFD é um arquivo digital, que se constitui de um conjunto de escriturações de documentos fiscais e de outras

Leia mais

Mapeamento ECF. w w w. b r l c o n s u l t o r e s. c o m. b r

Mapeamento ECF. w w w. b r l c o n s u l t o r e s. c o m. b r Mapeamento ECF Projeto SPED ECF Introdução A Escrituração Contábil Fiscal (ECF) substitui a Declaração de Informações Econômico- Fiscais da Pessoa Jurídica (DIPJ), a partir do ano-calendário 2014. São

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES PARA AS ASSOCIAÇÕES DE PASSO FUNDO

MANUAL DE ORIENTAÇÕES PARA AS ASSOCIAÇÕES DE PASSO FUNDO NÚCLEO DE APOIO CONTÁBIL E FISCAL UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS PASSO FUNDO FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS, ADMINISTRATIVAS E CONTÁBEIS. Professora Orientadora: Ms. Mirna Muraro

Leia mais

I Alterações do Manual de Orientação do Leiaute do Sped Contábil (ECD)

I Alterações do Manual de Orientação do Leiaute do Sped Contábil (ECD) Nota Técnica do Sped Contábil nº 001, de 16 de dezembro de 2013 Dispõe sobre as alterações no Manual de Orientação do Leiaute do Sped Contábil. Considerando que o Ato Declaratório Executivo n o 33, de

Leia mais

EFD PIS COFINS Teoria e Prática

EFD PIS COFINS Teoria e Prática EFD PIS COFINS Teoria e Prática É uma solução tecnológica que oficializa os arquivos digitais das escriturações fiscal e contábil dos sistemas empresariais dentro de um formato digital específico e padronizado.

Leia mais

Manual do Usuário 5. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU IMPOSTO...2

Manual do Usuário 5. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU IMPOSTO...2 1 5. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU IMPOSTO...2 5.1 Digitações dos Sócios...2 5.1.1 Campo CPF...2 5.1.1.a Campo Saldo Anterior...3 5.1.1.b Campo Saldo...3 5.1.1.c Campo Isento...3 5.1.1.d Campo Tributado...3

Leia mais

Bloco Contábil e Fiscal

Bloco Contábil e Fiscal Bloco Contábil e Fiscal EFD Contribuições Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre o Módulo EFD Contribuições, que faz parte do Bloco Contábil e Fiscal. Todas informações aqui disponibilizadas

Leia mais

Resumo Socion das configurações no JB Cepil para geração da ECF

Resumo Socion das configurações no JB Cepil para geração da ECF Resumo Socion das configurações no JB Cepil para geração da ECF 1 - Configurações Necessárias: 1.1 Pacote 3000 Apontar o plano referencial a ser utilizado pela empresa; 1.2 Pacote 3012 (planos referenciais)

Leia mais

Instrução Normativa RFB nº 1.397, de 16 de setembro de 2013

Instrução Normativa RFB nº 1.397, de 16 de setembro de 2013 Instrução Normativa RFB nº 1.397, de 16 de setembro de 2013 DOU de 17.9.2013 Dispõe sobre o Regime Tributário de Transição (RTT) instituído pelo art. 15 da Lei nº 11.941, de 27 de maio de 2009. O SECRETÁRIO

Leia mais

1. O que é ECF? 2. Obrigatoriedade; 3. Prazo de Entrega; 4. Informações e Estrutura; 5. Penalidades; 6. Considerações Finais.

1. O que é ECF? 2. Obrigatoriedade; 3. Prazo de Entrega; 4. Informações e Estrutura; 5. Penalidades; 6. Considerações Finais. ECF Escrituração Contábil Fiscal Aspectos gerais. Por: Luana Romaniuk. Em junho de 2015. SUMÁRIO 1. O que é ECF? 2. Obrigatoriedade; 3. Prazo de Entrega; 4. Informações e Estrutura; 5. Penalidades; 6.

Leia mais

Elaborado por: Gisleise Nogueira de Aguiar. O conteúdo desta apostila é de inteira responsabilidade do autor (a).

Elaborado por: Gisleise Nogueira de Aguiar. O conteúdo desta apostila é de inteira responsabilidade do autor (a). Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3824-5487 Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva,

Leia mais

GUIA PRÁTICO EFD-CONTRIBUIÇÕES

GUIA PRÁTICO EFD-CONTRIBUIÇÕES GUIA PRÁTICO EFD-CONTRIBUIÇÕES Maio de 2012 O QUE É A EFD-Contribuições trata de arquivo digital instituído no Sistema Publico de Escrituração Digital SPED, a ser utilizado pelas pessoas jurídicas de direito

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e)

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e) Manual da Declaração Eletrônica de Serviços de Instituições Financeiras (DES-IF) Todos os dados e valores apresentados neste manual são ficticios. Qualquer dúvida consulte a legislação vigente. Página

Leia mais

MANUAL SPED(EFD) PIS-COFINS

MANUAL SPED(EFD) PIS-COFINS MANUAL SPED(EFD) PIS-COFINS O que é SPED? É um arquivo de texto que detalha todas as movimentações fiscais da empresa em um determinado período, listando todas as operações de compra (Notas de compra)

Leia mais

Manual de Geração da ECF Escrituração Contábil e Fiscal Contábil Phoenix

Manual de Geração da ECF Escrituração Contábil e Fiscal Contábil Phoenix Manual de Geração da ECF Escrituração Contábil e Fiscal Contábil Phoenix A seguir iremos demonstrar o processo para uma perfeita geração da ECF (Escrituração Contábil e Fiscal). Fique atento as telas e

Leia mais

Escrituração Fiscal Digital EFD ICMS/IPI. Dulcineia L. D. Santos

Escrituração Fiscal Digital EFD ICMS/IPI. Dulcineia L. D. Santos Escrituração Fiscal Digital EFD ICMS/IPI Dulcineia L. D. Santos Sistema Público de Escrituração Digital SPED Decreto n. 6.022, de 22/01/2007. Objetivos do SPED: unificar as atividades de recepção, validação,

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Adoção Inicial a Lei nº 12.973/2014 contabilização mantida em subcontas

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Adoção Inicial a Lei nº 12.973/2014 contabilização mantida em subcontas Adoção Inicial a Lei nº 12.973/2014 contabilização mantida em subcontas 24/09/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Legislação... 4 3.1

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Comparativo leiaute DIPJ 2014 x ECF

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Comparativo leiaute DIPJ 2014 x ECF Comparativo leiaute DIPJ 2014 x ECF 05/05/2014 Título do documento Sumário Sumário... 2 1. Questão... 3 2. Normas Apresentadas Pelo Time da Eficiência Comercial... 3 3. Análise da Legislação... 4 3.1 Comparativo

Leia mais

Aspectos gerais para validação da EFD Contribuições Lucro Presumido

Aspectos gerais para validação da EFD Contribuições Lucro Presumido Aspectos gerais para validação da EFD Contribuições Lucro Presumido Sumário Aspectos gerais para validação da EFD Contribuições Lucro Presumido 1. Cadastro de Empresas... 2 2. Cadastro de Participantes...

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Demonstrações Contábeis por Tipo e Tamanho de Empresa e Reflexos na Escrituração Contábil Digital (ECD)

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Demonstrações Contábeis por Tipo e Tamanho de Empresa e Reflexos na Escrituração Contábil Digital (ECD) 1 Parecer Consultoria Tributária Segmentos Demonstrações Contábeis por Tipo e Tamanho de Empresa e Reflexos na Escrituração Contábil Digital (ECD) 04/06/2014. Contábeis por Tipo e Tamanho de Empresa 1

Leia mais

1.1 - Campo 17 - Indicador de entidade sujeita a auditoria independente

1.1 - Campo 17 - Indicador de entidade sujeita a auditoria independente SPED Contábil Alterações do Layout 3.0 Produto : RM TOTVS Gestão Contábil 11.82 Processo : SPED Contábil Subprocesso : Data da publicação : 16/04/15 Este documento tem o objetivo de apresentar as alterações

Leia mais

Roteiro de geração do SPED

Roteiro de geração do SPED Roteiro de geração do SPED 1 Índice Introdução...3 Cadastro da Empresa...3 Histórico Padrão...4 Plano de Contas...4 Código de Aglutinação...5 Inserindo plano de contas de aglutinação de forma automática...5

Leia mais

O que é a ECD Escrituração Contábil Digital

O que é a ECD Escrituração Contábil Digital SPED Contábil ECD 1 O que é a ECD Escrituração Contábil Digital A ECD Escrituração Contábil Digital é parte integrante do Projeto SPED Sistema Público de Escrituração Digital e visa substituir a escrituração

Leia mais

Baker Tilly Internacional

Baker Tilly Internacional Baker Tilly Internacional Baker Tilly Brasil A Baker Tilly Brasil é uma empresa de auditoria e consultoria, com atuação em todo o território nacional e membro independente da Baker Tilly Internacional,

Leia mais

É necessário que a contabilidade de 2013 da empresa esteja com o período encerrado.

É necessário que a contabilidade de 2013 da empresa esteja com o período encerrado. Geração do SPED ECD e FCONT referente ao exercício de 2013. É necessário que a contabilidade de 2013 da empresa esteja com o período encerrado. Porém antes de encerrar o exercício, efetue os procedimentos

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA WCONTÁBIL GERAÇÃO DO ARQUIVO FCONT

MANUAL DO SISTEMA WCONTÁBIL GERAÇÃO DO ARQUIVO FCONT MANUAL DO SISTEMA WCONTÁBIL GERAÇÃO DO ARQUIVO FCONT Página 1 INTRODUÇÃO Este material traz as informações necessárias de como proceder a preparação os dados e configuração do sistema Wcontábil na geração

Leia mais

SPED Contábil. ECD Escrituração Contábil Digital. Vera Lucia Gomes 28/08/2008 ABBC. www.spednet.com.br 1

SPED Contábil. ECD Escrituração Contábil Digital. Vera Lucia Gomes 28/08/2008 ABBC. www.spednet.com.br 1 SPED Contábil ECD Escrituração Contábil Digital Vera Lucia Gomes 28/08/2008 ABBC www.spednet.com.br 1 Programa Apresentação e Objetivos Regulamentação Livros contemplados Aspectos importantes da legislação

Leia mais

CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2012

CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2012 CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2012 Orientações Básicas INFORMAÇÕES GERAIS PESSOA JURÍDICA 1) DCTF : (Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais) ATENÇÃO! Apresentação MENSAL obrigatória pelas Pessoas

Leia mais

Palestra. SPED - Escrituração Contábil Digital - ECD - Roteiro. Julho 2012. Elaborado por: Antonio Sérgio de Oliveira

Palestra. SPED - Escrituração Contábil Digital - ECD - Roteiro. Julho 2012. Elaborado por: Antonio Sérgio de Oliveira Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3824-5487 Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva,

Leia mais

Informações gerais sobre a EFD-PIS/COFINS

Informações gerais sobre a EFD-PIS/COFINS Informações gerais sobre a EFD-PIS/COFINS Legislação Conforme instituído pela Instrução Normativa RFB nº 1.052, de 5 de julho de 2010, sujeitam à obrigatoriedade de geração de arquivo da Escrituração Fiscal

Leia mais

ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL

ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL Geração da ECF para empresas optantes pelo Lucro Real Informações importantes Este roteiro visa apresentar uma sugestão para a geração e entrega da ECF para as empresas

Leia mais

Manual Escrituração Contábil Digital

Manual Escrituração Contábil Digital SPED Contábil Vínculo de Contas e Geração do Arquivo O SPED Sistema Público de Escrituração Digital é composto por três grandes subprojetos: Escrituração Contábil Digital, Escrituração Fiscal Digital e

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO WFISCAL SPED PIS COFINS. Lucro Presumido Regime de Competência Escrituração Consolidada por CFOP

MANUAL DO USUÁRIO WFISCAL SPED PIS COFINS. Lucro Presumido Regime de Competência Escrituração Consolidada por CFOP MANUAL DO USUÁRIO WFISCAL SPED PIS COFINS Lucro Presumido Regime de Competência Escrituração Consolidada por CFOP Página: 1 INTRODUÇÃO Este material traz as informações sobre as características do SPED

Leia mais

Mesa de Debates CRC/RJ Lei 12.973/2014 e o novo regime tributário pós RTT. Claudio Yano 20 de maio de 2014

Mesa de Debates CRC/RJ Lei 12.973/2014 e o novo regime tributário pós RTT. Claudio Yano 20 de maio de 2014 Mesa de Debates CRC/RJ Lei 12.973/2014 e o novo regime tributário pós RTT Claudio Yano 20 de maio de 2014 DIPJ 2014 Prazo de entrega Programa Gerador aprovado pela IN RFB 1.463/14; Prazo para entrega:

Leia mais

ECF Escrituração Contábil Fiscal. Maio de 2015

ECF Escrituração Contábil Fiscal. Maio de 2015 Maio de 2015 Histórico Desde o ano de 2007, com a criação Sistema público de Escrituração Digital (SPED), por meio do Decreto nº 6.022, o fisco vem gradativamente migrando sua base de análises para os

Leia mais

Novas obrigações digitais: Penalidades e o fim da DACON Palestra

Novas obrigações digitais: Penalidades e o fim da DACON Palestra Novas obrigações digitais: Penalidades e o fim da DACON Palestra Quem sou eu... Pai, marido, corinthiano, louco por barcos, empreendedor, especialista em Arquivos Digitas e SPED Trabalho com arquivos digitais

Leia mais

Manual. EFD Contribuições

Manual. EFD Contribuições Treinamento Escrita Fiscal Material desenvolvido por: Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Implantta Serviços

Leia mais

CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2011

CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2011 CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2011 Orientações Básicas INFORMAÇÕES GERAIS PESSOA JURÍDICA 1) DCTF : (Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais) ATENÇÃO! Apresentação MENSAL obrigatória pelas Pessoas

Leia mais

www.audicgroup.com.br DR SPED

www.audicgroup.com.br DR SPED www.audicgroup.com.br DR SPED a EMPRESA A Audic Group no Brasil tem o compromisso com os seus clientes de buscar a satisfação por eles desejada, para tanto dedica-se na identificação dos problemas, na

Leia mais

1. Fluxo de documentação

1. Fluxo de documentação 1. Fluxo de documentação É de fundamental importância o envio de toda documentação financeira para atender as exigências impostas pelo fisco e evitar problemas futuros à empresa. Prazo de envio: É ideal

Leia mais

1. FCONT CONTROLE FISCAL CONTÁBIL DE TRANSIÇÃO

1. FCONT CONTROLE FISCAL CONTÁBIL DE TRANSIÇÃO 1. FCONT CONTROLE FISCAL CONTÁBIL DE TRANSIÇÃO Conforme disciplina a Instrução Normativa RFB nº 949/09, O FCONT é uma escrituração, das contas patrimoniais e de resultado, em partidas dobradas, que considera

Leia mais

E C D Escrituração Contábil Digital. Manual Prático

E C D Escrituração Contábil Digital. Manual Prático E C D Escrituração Contábil Digital ALDENIR ORTIZ RODRIGUES Contabilista, advogado, especialista em tributos diretos, contribuições para o PIS/Cofins e legislação societária. Coautor de livros das áreas

Leia mais

Abrir uma empresa PRÉ-CONSTITUIÇÃO

Abrir uma empresa PRÉ-CONSTITUIÇÃO Abrir uma empresa As três formas jurídicas mais utilizadas são as Empresas de Sociedade Simples, Sociedade Empresária e Empresário Individual, é nelas que eu vou me basear para mostrar os procedimentos

Leia mais

ECF- Escrituração Contábil Fiscal 2015

ECF- Escrituração Contábil Fiscal 2015 ECF- Escrituração Contábil Fiscal 2015 Versão 1.4 (03/09/2015) Prazo de entrega 2015-30/09/2015. Instrução Normativa RFB nº 1524, de 08 de dezembro de 2014) Art. 3º A ECF será transmitida anualmente ao

Leia mais

MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE

MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE Versão 1.0.5 Março/2014 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO... 6 2.

Leia mais

Índice (selecione a pergunta para ser direcionado a resposta)

Índice (selecione a pergunta para ser direcionado a resposta) 1 Índice (selecione a pergunta para ser direcionado a resposta) 1. O que é o Sped?... 4 2. Quem são obrigados a efetuarem entrega do Sped Contábil?... 4 3. Prazo para entrega Sped Contábil?... 5 4. Quais

Leia mais

Eletrônica Município do Rio de Janeiro NFS-e - Nota Carioca. www.notacarioca.rio.gov.br

Eletrônica Município do Rio de Janeiro NFS-e - Nota Carioca. www.notacarioca.rio.gov.br Nota Fiscal de Serviços Eletrônica Município do Rio de Janeiro NFS-e - Nota Carioca www.notacarioca.rio.gov.br Objetivo Apresentar na prática os procedimentos para acesso e manuseio do sistema da Nota

Leia mais

PIS/ COFINS. NOTÍCIAS DA SEMANA (14/02/11 a 18/02/11)

PIS/ COFINS. NOTÍCIAS DA SEMANA (14/02/11 a 18/02/11) PIS/ COFINS NOTÍCIAS DA SEMANA (14/02/11 a 18/02/11) I NOVAS SOLUÇÕES DE CONSULTAS.... 2 A) LOCADORAS DE VEÍCULOS PODEM SE CREDITAR DE 1/48 (UM QUARENTA O OITO AVOS) NO CÁLCULO DOS CRÉDITOS DE PIS/COFINS

Leia mais

DIRF 2011. Secretaria da Receita Federal do Brasil

DIRF 2011. Secretaria da Receita Federal do Brasil DIRF 2011 O que é a DIRF? É a Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte feita pela FONTE PAGADORA, destinada a informar à Secretaria da Receita Federal o valor do Imposto de Renda retido na fonte,

Leia mais

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE Guia do Usuário ÍNDICE ÍNDICE Setembro /2009 www.4rsistemas.com.br 15 3262 8444 IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 3 Sou localizado no município... 4 Não sou localizado no município... 4 ACESSO AO SISTEMA... 5 Tela

Leia mais

ECF - escrituração contábil fiscal

ECF - escrituração contábil fiscal ECF - escrituração contábil fiscal O que é a ECF? Escrituração Contábil Fiscal é uma nova obrigação do SPED Sistema Público de Escrituração Digital, que entrará em vigor em 2015 e nessa deverão ser informados

Leia mais

I Fórum Profissional Itinerante

I Fórum Profissional Itinerante I Fórum Profissional Itinerante Reflexão: Os dias prósperos não vêm por acaso, nascem de muita fadiga e persistência. (Henry Ford) **O que vem por aí? **Quais as novidades para 2015? **Quais os impactos

Leia mais

AUDITORIA FISCO-CONTÁBIL DAS DEMONSTRAÇÕES ELETRÔNICAS COMPLIANCE FISCAL ELETRÔNICO

AUDITORIA FISCO-CONTÁBIL DAS DEMONSTRAÇÕES ELETRÔNICAS COMPLIANCE FISCAL ELETRÔNICO AUDITORIA FISCO-CONTÁBIL DAS DEMONSTRAÇÕES ELETRÔNICAS COMPLIANCE FISCAL ELETRÔNICO Nossos serviços de auditoria das Obrigações Eletrônicas utilizam ferramentas que permitem auditar os arquivos enviados

Leia mais

www.pwc.com.br Sped Contábil (ECD) e Escrituração Contábil e Fiscal (ECF) em 2016

www.pwc.com.br Sped Contábil (ECD) e Escrituração Contábil e Fiscal (ECF) em 2016 www.pwc.com.br Sped Contábil (ECD) e Escrituração Contábil e Fiscal (ECF) em 2016 Escrituração Contábil - ECD Alteração de prazos para entrega em 2016 Prazo para entrega em 2015 Prazo para entrega em 2016

Leia mais

O que é um inventário?

O que é um inventário? Com a chegada do fim de ano e os encerramentos fiscais e contábeis, as empresas fazem o processo de inventário do seu estoque. O que é um inventário? Inventário basicamente é uma lista de bens e materiais

Leia mais

Ciências Contábeis. Centro Universitário Padre Anchieta

Ciências Contábeis. Centro Universitário Padre Anchieta Ciências Contábeis Centro Universitário Padre Anchieta Projeto SPED Em 2007, foi aprovado o Projeto SPED Sistema Público de Escrituração Digital, foi oficializado. Trata-se de uma solução tecnológica que

Leia mais

14/2/2013 DIRF-2013. Professor Carlos Alberto Silva de Lima Bacharel em Ciências Contábeis Pós Graduado

14/2/2013 DIRF-2013. Professor Carlos Alberto Silva de Lima Bacharel em Ciências Contábeis Pós Graduado DIRF-2013 Professor Carlos Alberto Silva de Lima Bacharel em Ciências Contábeis Pós Graduado 1 Obrigatoriedade de apresentação Programa gerador A apresentação Prazo de apresentação Retificação Processamento

Leia mais

Professor José Sérgio Fernandes de Mattos

Professor José Sérgio Fernandes de Mattos Professor Apresentação: 1. Instituído pelo Decreto nº 6.022, de 22 de janeiro de 2007, o Sistema Público de Escrituração Digital (Sped) faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento do Governo Federal

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA ENCERRAR UMA EMPRESA

PROCEDIMENTOS PARA ENCERRAR UMA EMPRESA PROCEDIMENTOS PARA ENCERRAR UMA EMPRESA Equipe Portal de Contabilidade Para encerrar as atividades de uma empresa, é preciso realizar vários procedimentos legais, contábeis e tributários, além de, é claro,

Leia mais

EXTINÇÃO DA PESSOA JURÍDICA Aspectos Tributários

EXTINÇÃO DA PESSOA JURÍDICA Aspectos Tributários EXTINÇÃO DA PESSOA JURÍDICA Aspectos Tributários Sumário 1. Conceito 2. Procedimentos Fiscais na Extinção 2.1 - Pessoa Jurídica Tributada Com Base no Lucro Real 2.2 - Pessoa Jurídica Tributada Com Base

Leia mais

1. Controle de exercício

1. Controle de exercício 1 1. Controle de exercício Para realizar lançamentos e emitir relatório o módulo Contabil obriga a criação de exercícios, que na verdade representam os anos de atividade da empresa. Confira algumas dicas

Leia mais

ECF- Escrituração Contábil Fiscal 2015

ECF- Escrituração Contábil Fiscal 2015 ECF- Escrituração Contábil Fiscal 2015 Versão 1.0 (08/2015) Prazo de entrega 2015-30/09/2015. Instrução Normativa RFB nº 1524, de 08 de dezembro de 2014) Art. 3º A ECF será transmitida anualmente ao Sistema

Leia mais

I CASOS PRÁTICOS DACON Segue abaixo orientações quanto ao preenchimento prático de informações a serem prestadas em Dacon através de exemplos

I CASOS PRÁTICOS DACON Segue abaixo orientações quanto ao preenchimento prático de informações a serem prestadas em Dacon através de exemplos I CASOS PRÁTICOS DACON Segue abaixo orientações quanto ao preenchimento prático de informações a serem prestadas em Dacon através de exemplos fictícios. 1 Sistema Cumulativo Pessoa Jurídica tributada pelo

Leia mais

QSM NEWS B O L E T I M I N F O R M A T I V O. São Paulo, 02 de janeiro de 2012 - Ano 8 - nº 01 ANO NOVO, NOVAS MUDANÇAS!

QSM NEWS B O L E T I M I N F O R M A T I V O. São Paulo, 02 de janeiro de 2012 - Ano 8 - nº 01 ANO NOVO, NOVAS MUDANÇAS! QSM NEWS B O L E T I M I N F O R M A T I V O São Paulo, 02 de janeiro de 2012 - Ano 8 - nº 01 www.qsm.com.br ANO NOVO, NOVAS MUDANÇAS! O fato de mudarmos de ano nos faz revigorados e prontos para novos

Leia mais

Bloco K + ECF. Bloco K no SPED Fiscal. Apresentação: 20/11/2014

Bloco K + ECF. Bloco K no SPED Fiscal. Apresentação: 20/11/2014 Bloco K + ECF Apresentação: Danilo Lollio Graduado em Análise de Sistemas pela Universidade Mackenzie. Formado em Pedagogia pela Universidade de São Paulo -USP. Gerente de Legislação da Wolters Kluwer

Leia mais

Copyright 2004/2014 - VLC

Copyright 2004/2014 - VLC Escrituração Fiscal Manual do Usuário Versão 7.2 Copyright 2004/2014 - VLC As informações contidas neste manual são de propriedade da VLC Soluções Empresariais Ltda., e não poderão ser usadas, reproduzidas

Leia mais

TRANSMISSAO SPED CONTABIL. SPED CONTABIL 1 de 14

TRANSMISSAO SPED CONTABIL. SPED CONTABIL 1 de 14 SPED CONTABIL 1 de 14 Fluxograma do Processo O arquivo será obrigatoriamente submetido ao programa disponibilizado pelo Sistema Público de Escrituração Digital para validação de conteúdo, assinatura digital,

Leia mais

Digitação de Centros de Custo pela movimentação de produtos dos documentos fiscais (Pacotes: 3102,3103,3270,3271,3272).

Digitação de Centros de Custo pela movimentação de produtos dos documentos fiscais (Pacotes: 3102,3103,3270,3271,3272). Lista completa das atualizações JBCepil: Inovações: Digitação de Centros de Custo pela movimentação de produtos dos documentos fiscais (Pacotes: 3102,3103,3270,3271,3272). Disponibilizada no sistema nova

Leia mais