Sobre Taxotere Taxotere encontra-se atualmente aprovado em cinco tipos diferentes de câncer, na Europa e nos EUA: Câncer de mama

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sobre Taxotere Taxotere encontra-se atualmente aprovado em cinco tipos diferentes de câncer, na Europa e nos EUA: Câncer de mama"

Transcrição

1 Taxotere (docetaxel) consegue revisão prioritária do FDA para tratamento prévio à quimio-radioterapia e cirurgia de carcinoma de Células Escamosas localmente avançado de cabeça e pescoço (CCECP) Revisão Baseada em um Estudo Clínico Demonstrando Melhora Global da Sobrevida e 30% de Redução no Índice de Mortalidade em Comparação ao Esquema Padrão Isolado Paris, 27 de junho de 2007 A sanofi-aventis anunciou hoje que a agência norte-americana que controla os alimentos e medicamentos (FDA) aceitou a submissão e deu como prioridade a análise da indicação suplementar de Taxotere (docetaxel) Concentrado Injetável em combinação com cisplatina e fluorouracil para a terapia de indução (neo-adjuvância) de pacientes com carcinoma de células escamosas localmente avançado de cabeça e pescoço (CCECP) antes da realização de quimio-radioterapia e cirurgia. O FDA costuma conceder prioridade de análise para produtos que, uma vez aprovados, possam representar um avanço significativo no tratamento, diagnóstico ou prevenção de doenças, quando comparados aos produtos já comercializados - inclusive produtos não medicamentosos. 2 A data estipulada no PDUFA (Prescription Drug User Fee Act) para a conclusão da revisão pelo FDA desta nova indicação de Taxotere está prevista para o meio do segundo semestre de O PDUFA é um acordo que prevê que a Indústria Farmacêutica faça um pagamento adicional ao FDA, para a contratação de recursos extras que permitam a aceleração dos processos de análise e aprovação de seus novos medicamentos. Atualmente, Taxotere está aprovado em combinação com cisplatina e fluorouracil para a terapia de indução de CCECP avançado e inoperável. 3 Até o momento, Taxotere encontra-se aprovado em sete indicações nos EUA. Se esta nova indicação for aprovada, será a oitava aprovação recebida do FDA, em cinco tipos diferentes de tumor. "Nós estamos muito satisfeitos ao ver que o FDA colocou Taxotere como uma de suas prioridades de análise, considerando-o parte de um programa de tratamento seqüencial para o câncer avançado de cabeça e pescoço, que inclui ainda quimio-radioterapia e cirurgia", disse o Dr. Nassir Habboubi, Vice-Presidente de Assuntos Médicos da sanofi-aventis na área de Oncologia, nos EUA. "Estamos esperançosos que Taxotere possa logo estar disponível para muitos

2 pacientes com câncer avançado de cabeça e pescoço. A sanofi-aventis permanece comprometida a continuar o desenvolvimento de drogas quimioterapêuticas efetivas e a buscar a aprovação do FDA para o tratamento de pacientes com os mais diversos tipos de câncer." Submissão baseada no Estudo Clínico TAX 324 A submissão ao FDA foi baseada nos resultados do TAX 324, um estudo internacional aberto, randomizado, de Fase III, apresentado durante a reunião anual de 2006 da Sociedade Americana de Oncologia Clínica (ASCO), e que mostrou aumento da sobrevida global com o uso de um esquema de tratamento à base de Taxotere, em comparação à quimioterapia padrão, como parte de um plano de tratamento seqüencial para o CCECP localmente avançado. Todos os pacientes do estudo apresentavam câncer em estágios III ou IV, sem metástases à distância. Em ambos os grupos de tratamento, os pacientes apresentavam tumores em diferentes locais, como em cavidade oral, orofaringe, laringe ou hipofaringe e com diferentes características alguns não puderam ser operados, outros poderiam ser operados, mas a cura cirúrgica era improvável e outros não puderam ser operados para preservar órgãos vitais. Os pacientes foram tratados a cada três semanas por três ciclos com Taxotere 75 mg/m2 e cisplatina 100 mg/m2 e fluorouracila mg/m2/dia por 4 dias [TPF] ou cisplatina 100 mg/m2 seguido de fluorouracila 1000 mg/m2/dia por 5 dias [PF] intravenoso, considerado até então a teoria padrão. Durante sete semanas, ambos os grupos receberam quimioterapia semanal com carboplatina associada a radioterapia após a terapia inicial. A seguir, os pacientes identificados como candidatos foram submetidos a cirurgia. O desfecho primário do estudo foi a avaliação da sobrevida global dos pacientes; os desfechos secundários compreendiam sobrevida livre da progressão da doença, índices de resposta (IR) e toxicidade. A sobrevida global aumentou significativamente nos pacientes do grupo que recebeu regime baseado em Taxotere, em relação àqueles que receberam apenas cisplatina e fluorouracila; o risco relativo de morte foi 30% menor (HR 0,7; p = 0,0058). Os pacientes do grupo com Taxotere apresentaram maior mediana de sobrevida global (70,6 versus 30,1 meses), representando uma melhora de 40 meses em termos absolutos na mediana de sobrevida global dos pacientes tratados com o esquema TPF. Após três anos, 62% de pacientes que receberam o esquema TPF ainda estavam vivos, em comparação a 48% dos que haviam recebido o esquema PF. 1

3 "Este estudo randomizado demonstrou que a quimioterapia de indução com Taxotere, seguida por quimio-radioterapia e cirurgia, melhorou sobrevida global e sobrevida livre de progressão da doença em pacientes com carcinoma de células escamosas localmente avançado de cabeça e pescoço", comentou o Dr. Marshall Posner, investigador clínico do TAX 324 e Diretor Médico do Programa de Oncologia de Cabeça e Pescoço do Instituto de Câncer Dana-Farber, em Boston. "Estes resultados trazem uma potencial esperança para estes pacientes, cujos índices de sobrevida têm sido historicamente baixos. Se aprovado, o acréscimo de Taxotere à terapia padrão representaria uma opção de tratamento clinicamente importante." Além de aumento na sobrevida global e redução na mortalidade, o Estudo TAX 324 mostrou que a sobrevida livre de progressão da doença, baseada no período de tempo antes de o câncer progredir ou até a morte do paciente, aumentou significativamente com o uso de Taxotere. Duzentos e cinqüenta e cinco pacientes do grupo com TPF e 246 do grupo com PF foram incluídos na análise por intenção de tratamento. O risco de progressão da doença ou de morte foi significativamente reduzido em 29% (HR 0,71; p = 0,004) nos pacientes tratados com Taxotere mais cisplatina e fluorouracila, em comparação aos pacientes que receberam somente cisplatina e fluorouracila. Cinqüenta e três por cento dos pacientes tratados com Taxotere estavam vivos e sem progressão do câncer após dois anos, contra 42% dos que receberam o tratamento padrão. Ao final de três anos, 49% dos pacientes no grupo com Taxotere ainda estavam vivos e sem progressão de doença, contra 37% dos pacientes sem o tratamento com Taxotere. Embora não tenha sido estatisticamente significante, a resposta global também aumentou nos pacientes tratados com Taxotere : 72% contra 64% dos pacientes que não receberam o medicamento (p = 0,07). 1 De um modo geral, a incidência de toxicidade grau 3/4 foi de 65% no grupo com Taxotere (TPF), comparado a 62% no grupo apenas com cisplatina e fluorouracila (PF). Pacientes tratados com TPF apresentaram maior índice de neutropenia grau 3/4 (84% versus 56%), neutropenia febril (12% versus 7%), infecção neutropênica (12% versus 8%), alopecia (4% versus 1%) e diarréia (7% versus 3%). Pacientes do grupo PF tiveram mais estomatites grau 3/4 (27% versus 21%), letargia (10% versus 5%), vômitos (10% versus 8%) e alterações da audição (3% versus 1%). A incidência de outros eventos de toxicidade grau 3/4 foi semelhante entre os dois grupos: náuseas (14%), anorexia (12%) e constipação (1%).

4 Câncer de Cabeça e de Pescoço, uma Doença Mortal Mais de pessoas em todo o mundo são diagnosticadas com câncer de cabeça e pescoço a cada ano e mais de morrem em conseqüência dele anualmente. 4 O grupo de cânceres de cabeça e pescoço engloba diversas doenças relacionadas que, na maioria das vezes, iniciamse nas células que revestem as superfícies mucosas na área da cabeça e do pescoço, como boca, nariz e garganta, envolvendo a cavidade oral, as glândulas salivares, os seios paranasais, a cavidade nasal, a faringe, a laringe e os linfonodos da parte superior do pescoço. 5 Sobre Taxotere Taxotere encontra-se atualmente aprovado em cinco tipos diferentes de câncer, na Europa e nos EUA: Câncer de mama Taxotere encontra-se atualmente aprovado nos Estados Unidos e na Europa para o tratamento de pacientes com câncer de mama localmente avançado ou metastático, após fracasso de quimioterapia prévia. Na Europa, está também aprovado em combinação com a doxorrubicina para pacientes que receberam terapia citotóxica prévia e em combinação com a capecitabina após falha de uma terapia citotóxica que poderia ter incluído antraciclina. No tratamento adjuvante (póscirúrgico) de pacientes com câncer de mama nódulo-positivo operável, encontra-se aprovado nos EUA e na Europa em combinação com a doxorrubicina e a ciclofosfamida (regime TAC). Finalmente, na Europa, Taxotere está aprovado em combinação com o trastuzumabe para o tratamento do câncer de mama metastático com hiperexpressão do receptor HER-2. Câncer de pulmão Nos EUA e na Europa, Taxotere está aprovado para o tratamento de pacientes com câncer de pulmão de não-pequenas células (NSCLC) irressecável, localmente avançado ou metastático, que não tenham recebido quimioterapia prévia. Também está aprovado, como medicamento único, para pacientes com NSCLC irressecável, localmente avançado ou metastático, após fracasso de quimioterapia prévia baseada em platinas.

5 Câncer de próstata Nos EUA e na Europa, a combinação de Taxotere e prednisona está aprovada para o tratamento de câncer de próstata metastático andrógeno-independente (refratário ao tratamento hormonal). Câncer de estômago O FDA e o Comitê de Medicamentos para Uso Humano (Committee for Medicinal Products for Human Use, CHMP) pertencente à Agência Européia para a Avaliação de Medicamentos (European Agency for the Evaluation of Medicinal Products, EMEA) aprovaram, em março de 2006, o uso de Taxotere injetável, em combinação com cisplatina e 5-fluorouracila, para o tratamento de pacientes com câncer avançado de estômago, incluindo o câncer da junção gastroesofágica, que não tenham recebido quimioterapia prévia para a doença avançada. Câncer de cabeça e pescoço Em outubro de 2006, a EMEA e o FDA aprovaram Taxotere (docetaxel) Concentrado Injetável, em combinação com cisplatina e fluorouracila, para o tratamento de indução de pacientes com carcinoma de células escamosas de cabeça e pescoço, localmente avançado e inoperável (CCECP). Sobre sanofi-aventis: Sanofi-aventis é um dos líderes mundiais da indústria farmacêutica. O Grupo apóia-se em um programa de pesquisa e desenvolvimento internacional para se colocar na liderança de sete campos terapêuticos estratégicos: doenças cardiovasculares, trombose, oncologia, doenças metabólicas, sistema nervoso central, medicina interna e vacinas. Sanofi-aventis está cotada na Bolsa de Paris (EURONEXT : SAN) e na de Nova Iorque (NYSE : SNY). Declarações Prospectivas: Esse comunicado contém informações e declarações prospectivas (de acordo com a U.S. Private Securities Litigation Reform Act of 1995). Essas declarações não constituem fatos históricos. Essas declarações abrangem projeções financeiras e estimativas, bem como hipóteses sobre as quais estão baseadas declarações relativas a projetos, objetivos e expectativas relacionadas às

6 operações, produtos e serviços futuros ou performances futuras. Essas declarações prospectivas podem ser identificadas pelas palavras "esperar", "antecipar", "acreditar", "planejar" ou "estimar", bem como por outros termos similares. Apesar da diretoria da sanofi-aventis estimar que essas declarações prospectivas sejam razoáveis, os investidores são alertados para o fato de que as mesmas estão sujeitas a numerosos riscos e incertezas, dificilmente previsíveis e, geralmente, fora do controle da sanofi-aventis, o que pode implicar que os resultados e desenvolvimentos esperados divirjam significativamente daqueles que foram expressos, induzidos ou previstos nas informações e declarações prospectivas. Esses riscos compreendem os citados ou identificados nos documentos públicos registrados por sanofi-aventis junto às Autoridades dos Mercados Financeiros (AMF) e na US Securities and Exchange Commission (SEC), incluindo os enumerados nas seções "Cautionary Statement Concerning Forward-Looking Statements" e "Risk Factors" do relatório anual constantes no Form 20-F de sanofi-aventis. A empresa não assume qualquer compromisso de publicar atualizações ou revisões dessas previsões, com exceção das obrigações requeridas por lei, principalmente as previstas pelos artigos e seguintes e de acordo com a regulamentação geral da autoridade dos mercados financeiros. Referências: 1. Posner MR, et al. Tax 324: A phase III trial of TPF vs PF induction Chemotherapy followed by chemoradiotherapy in locally advanced SCCHN. Presentation at 42nd (2006) Annual Meeting of the American Society of Clinical Oncology. 2. Guidance for Industry: Standards for the promot review of efficacy supplements, including priority efficacy supplements. accessed June 5, Taxotere Prescribing Information. 4. CA: A Cancer Journal for Clinicians. Global Cancer Statistics, Page 78. Table 1. Available at: 5. National Cancer Institute. Head and Neck Cancer: Questions and Answers. Available at:

Jevtana (cabazitaxel) aprovado nos Estados Unidos pela FDA após Avaliação Prioritária

Jevtana (cabazitaxel) aprovado nos Estados Unidos pela FDA após Avaliação Prioritária Paris (França), 17 de junho de 2010. Jevtana (cabazitaxel) aprovado nos Estados Unidos pela FDA após Avaliação Prioritária Primeiro tratamento a apresentar melhora significativa da sobrevida no tratamento

Leia mais

Coarsucam TM / ASAQ é tão efetivo no tratamento de Malária Simples quanto Coartem

Coarsucam TM / ASAQ é tão efetivo no tratamento de Malária Simples quanto Coartem Filadélfia, 07 de novembro de 2007 Coarsucam TM / ASAQ é tão efetivo no tratamento de Malária Simples quanto Coartem A descoberta de um estudo comparativo de não-inferioridade, multicêntrico, cego chamado

Leia mais

10. Congresso Unimed de AUDITORIA EM SAÚDE. Curso Pré-Congresso Oncologia e MBE Bevacizumab no câncer de pulmão NPC

10. Congresso Unimed de AUDITORIA EM SAÚDE. Curso Pré-Congresso Oncologia e MBE Bevacizumab no câncer de pulmão NPC 10. Congresso Unimed de AUDITORIA EM SAÚDE Curso Pré-Congresso Oncologia e MBE Bevacizumab no câncer de pulmão NPC Declaração de Conflitos de interesse Oncologista Clínico sócio de Serviço de Oncologia

Leia mais

Benefício de Sobrevida dos Esquemas à Base de Taxotere em Pacientes com Câncer de Pulmão de Células Não-Pequenas

Benefício de Sobrevida dos Esquemas à Base de Taxotere em Pacientes com Câncer de Pulmão de Células Não-Pequenas Benefício de Sobrevida dos Esquemas à Base de Taxotere em Pacientes com Câncer de Pulmão de Células Não-Pequenas - Os esquemas à base de Taxotere demonstraram sobrevida global significativamente superior

Leia mais

Paris, França, e Tarrytown, Nova Iorque, 11 de junho de 2009.

Paris, França, e Tarrytown, Nova Iorque, 11 de junho de 2009. Paris, França, e Tarrytown, Nova Iorque, 11 de junho de 2009. Sanofi-aventis e Regeneron anunciam os resultados do estudo de fase 2 com aflibercept (VEGF Trap) em câncer ovariano avançado com ascite maligna

Leia mais

câncer de esôfago e estômago Quais os melhores esquemas?

câncer de esôfago e estômago Quais os melhores esquemas? Tratamento combinado em câncer de esôfago e estômago Quais os melhores esquemas? Dr. André Sasse Oncologista Clínico sasse@cevon.com.br Centro de Evidências em Oncologia HC UNICAMP Centro de Evidências

Leia mais

Qual a melhor combinação de quimioterapia quando associada à radioterapia para tumores localmente avançados (pulmão)?

Qual a melhor combinação de quimioterapia quando associada à radioterapia para tumores localmente avançados (pulmão)? Qual a melhor combinação de quimioterapia quando associada à radioterapia para tumores localmente avançados (pulmão)? Dr. Ormando Campos Jr. Oncologista Clínico Conflito de Interesses Quimioterapia + Radioterapia.

Leia mais

Protocolo de Preservação de Orgão em Câncer de Cabeça e Pescoço

Protocolo de Preservação de Orgão em Câncer de Cabeça e Pescoço Protocolo de Preservação de Orgão em Câncer de Cabeça e Pescoço Residência de Cirurgia de Cabeça e Pescoço Dr. Wendell Leite Tratamento utilizando radioterapia em fracionamentos não convencionais ou a

Leia mais

12/10/2015 NT 45/2015

12/10/2015 NT 45/2015 12/10/2015 NT 45/2015 Cisplatina mais docetaxel em carcinoma epidermóide pouco diferenciado, altamente agressivo (carcinoma de seio etmoidal estadio III T3 N1 M0) SOLICITANTE: Juiz Carlos José Cordeiro

Leia mais

- Papel da Quimioterapia Neo e

- Papel da Quimioterapia Neo e Carcinoma Urotelial de Bexiga: Tratamento Sistêmico na Doença Músculo-Invasiva - Papel da Quimioterapia Neo e Adjuvante Igor A. Protzner Morbeck, MD, MSc Prof. Medicina Interna Univ. Católica de Brasília

Leia mais

Tratamento Sistêmico Câncer Gástrico

Tratamento Sistêmico Câncer Gástrico Tratamento Sistêmico Câncer Gástrico Hospital Israelita Albert Einstein Dr. Pedro Luiz S. Usón Jr Tópicos de discussão Câncer Gástrico operável - Quimioterapia perioperatória - Quimioterapia adjuvante

Leia mais

Câncer de Pulmão de Não Pequenas Células

Câncer de Pulmão de Não Pequenas Células Tratamento Sistêmico de Resgate no Câncer de Pulmão de Não Pequenas Células Dr. Marcelo Rocha S. Cruz Oncologia Clínica Hospital São José São Paulo Índice Terapia de Manutenção: Quimioterapia Terapia de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CIRURGIA DE CABEÇA E PESCOÇO QUIMIOTERAPIA EM CABEÇA E PESCOÇO UBIRANEI OLIVEIRA SILVA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CIRURGIA DE CABEÇA E PESCOÇO QUIMIOTERAPIA EM CABEÇA E PESCOÇO UBIRANEI OLIVEIRA SILVA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CIRURGIA DE CABEÇA E PESCOÇO QUIMIOTERAPIA EM CABEÇA E PESCOÇO UBIRANEI OLIVEIRA SILVA HISTÓRICO Dezembro 1945 (Bari/Itália) Gás mostarda Pós 2ª Guerra Mundial Cornelius Rhoads

Leia mais

O maior benefício observado foi na redução de AVC, um grave fator de risco para pacientes com fibrilação atrial

O maior benefício observado foi na redução de AVC, um grave fator de risco para pacientes com fibrilação atrial Plavix mais aspirina é mais eficaz do que somente aspirina na prevenção de eventos vasculares maiores em pacientes com fibrilação atrial que não podem tomar anticoagulantes orais O maior benefício observado

Leia mais

Vacina candidata contra dengue da Sanofi Pasteur atinge com sucesso o marco final dos estudos de eficácia de fase III na América Latina

Vacina candidata contra dengue da Sanofi Pasteur atinge com sucesso o marco final dos estudos de eficácia de fase III na América Latina COMUNICADO DE IMPRENSA CYD14 study Vacina candidata contra dengue da Sanofi Pasteur atinge com sucesso o marco final dos estudos de eficácia de fase III na América Latina - O segundo estudo em larga escala

Leia mais

ZALTRAP (aflibercept) aprovado na União Europeia para o tratamento de cancro colo-retal metastático previamente tratado

ZALTRAP (aflibercept) aprovado na União Europeia para o tratamento de cancro colo-retal metastático previamente tratado PRESS RELEASE ZALTRAP (aflibercept) aprovado na União Europeia para o tratamento de cancro colo-retal metastático previamente tratado - Primeiro e único agente a demonstrar um aumento da sobrevivência

Leia mais

Radioterapia de SNC no Câncer de Pulmão: Update Robson Ferrigno

Radioterapia de SNC no Câncer de Pulmão: Update Robson Ferrigno Situações especiais Radioterapia de SNC no Câncer de Pulmão: Update 2014 Robson Ferrigno Esta apresentação não tem qualquer Esta apresentação não tem qualquer conflito de interesse Metástases Cerebrais

Leia mais

Dr. Reddy s Farmacêutica do Brasil Ltda Solução injetável 20mg, 80mg e 120mg

Dr. Reddy s Farmacêutica do Brasil Ltda Solução injetável 20mg, 80mg e 120mg DOCETERE Dr. Reddy s Farmacêutica do Brasil Ltda Solução injetável 20mg, 80mg e 120mg - 1 - DOCETERE docetaxel tri-hidratado APRESENTAÇÕES Docetere Concentrado para infusão 20 mg/0,5 ml (solução para administração

Leia mais

Tratamento adjuvante sistêmico (como decidir)

Tratamento adjuvante sistêmico (como decidir) Tópicos atuais em câncer de mama Tratamento adjuvante sistêmico (como decidir) Dr. André Sasse Oncologista Clínico sasse@cevon.com.br Centro de Evidências em Oncologia HC UNICAMP Centro de Evidências em

Leia mais

Câncer de pulmão. Ellias Magalhães e Abreu Lima Março 2015

Câncer de pulmão. Ellias Magalhães e Abreu Lima Março 2015 Câncer de pulmão Ellias Magalhães e Abreu Lima Março 2015 Objetivos Sintetizar as principais publicações / apresentações de 2014 Apresentação assim dividida: Rastreamento (1) Adjuvância (1) Metastático

Leia mais

QuímioRadioterapia nos tumores de cabeça e pescoço. Guy Pedro Vieira

QuímioRadioterapia nos tumores de cabeça e pescoço. Guy Pedro Vieira diagnóstico: lesões na maioria das vezes, são facilmente: observáveis. avaliadas. palpáveis. biópsiadas. história natural da doença: quase sempre seguem um padrão escalonado bem definido de crescimento:

Leia mais

A QUALIDADE DE VIDA DE PACIENTES LOCALMENTE AVANÇADOS TRATADOS COM RADIOQUIMIOTERAPIA É MELHOR DO QUE NAQUELES SUBMETIDOS A LARINGECTOMIA TOTAL?

A QUALIDADE DE VIDA DE PACIENTES LOCALMENTE AVANÇADOS TRATADOS COM RADIOQUIMIOTERAPIA É MELHOR DO QUE NAQUELES SUBMETIDOS A LARINGECTOMIA TOTAL? A QUALIDADE DE VIDA DE PACIENTES LOCALMENTE AVANÇADOS TRATADOS COM RADIOQUIMIOTERAPIA É MELHOR DO QUE NAQUELES SUBMETIDOS A LARINGECTOMIA TOTAL? SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE CANCER DE CABEÇA E PESCOÇO SÃO

Leia mais

Sobre o tromboembolismo venoso (TVE)

Sobre o tromboembolismo venoso (TVE) Novo estudo mostra que a profilaxia estendida com Clexane (enoxaparina sódica injetável) por cinco semanas é mais efetiva que o esquema-padrão de 10 dias para a redução do risco de Tromboembolismo Venoso

Leia mais

RADIOTERAPIA EM TUMORES DE CABEÇA E PESCOÇO LOCALMENTE AVANÇADOS E IRRESSECÁVEIS (IVB): QUANDO EVITAR TRATAMENTOS RADICAIS?

RADIOTERAPIA EM TUMORES DE CABEÇA E PESCOÇO LOCALMENTE AVANÇADOS E IRRESSECÁVEIS (IVB): QUANDO EVITAR TRATAMENTOS RADICAIS? RADIOTERAPIA EM TUMORES DE CABEÇA E PESCOÇO LOCALMENTE AVANÇADOS E IRRESSECÁVEIS (IVB): QUANDO EVITAR TRATAMENTOS RADICAIS? HENRIQUE FARIA BRAGA 1,2 ; HELOISA DE ANDRADE CARVALHO 1 ; ANDRE TSIN CHIH CHEN

Leia mais

30/05/2016. Resposta parcial após neoadjuvância: há espaço para quimioterapia adjuvante?

30/05/2016. Resposta parcial após neoadjuvância: há espaço para quimioterapia adjuvante? Resposta parcial após neoadjuvância: há espaço para quimioterapia adjuvante? Resposta parcial após neoadjuvância: há espaço para quimioterapia adjuvante? Estamos num momento de quebra de paradigmas? José

Leia mais

QUIMIOTERAPIA ADJUVANTE NO CÂNCER DE ENDOMÉTRIO. QUANDO HÁ EVIDÊNCIAS E QUANDO COMBINÁ-LA COM A RADIOTERAPIA

QUIMIOTERAPIA ADJUVANTE NO CÂNCER DE ENDOMÉTRIO. QUANDO HÁ EVIDÊNCIAS E QUANDO COMBINÁ-LA COM A RADIOTERAPIA QUIMIOTERAPIA ADJUVANTE NO CÂNCER DE ENDOMÉTRIO. QUANDO HÁ EVIDÊNCIAS E QUANDO COMBINÁ-LA COM A RADIOTERAPIA Dr. Markus Gifoni Oncologista Clínico Instituto do Câncer do Ceará Fortaleza 01/06/2013 Informações

Leia mais

DOCETAXEL. Glenmark Farmacêutica Ltda. Solução injetável. 20 mg e 80 mg. docetaxel_vps02 Página 1

DOCETAXEL. Glenmark Farmacêutica Ltda. Solução injetável. 20 mg e 80 mg. docetaxel_vps02 Página 1 DOCETAXEL Glenmark Farmacêutica Ltda. Solução injetável 20 mg e 80 mg docetaxel_vps02 Página 1 docetaxel MEDICAMENTO GENÉRICO, LEI Nº 9.787, DE 1999. LEIA ATENTAMENTE ESTA BULA ANTES DE INICIAR O TRATAMENTO

Leia mais

Avastin (bevacizumabe) Produtos Roche Químicos e Farmacêuticos S.A. Solução injetável 25 mg/ml 4 ml e 16 ml

Avastin (bevacizumabe) Produtos Roche Químicos e Farmacêuticos S.A. Solução injetável 25 mg/ml 4 ml e 16 ml Avastin (bevacizumabe) Produtos Roche Químicos e Farmacêuticos S.A. Solução injetável 25 mg/ml 4 ml e 16 ml Avastin bevacizumabe Roche Antineoplásico APRESENTAÇÕES Solução para diluição para infusão. Caixa

Leia mais

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO DE PACIENTES PARA REIRRADIAÇÃO DE TUMORES DE CABEÇA E PESCOÇO

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO DE PACIENTES PARA REIRRADIAÇÃO DE TUMORES DE CABEÇA E PESCOÇO CRITÉRIOS DE SELEÇÃO DE PACIENTES PARA REIRRADIAÇÃO DE TUMORES DE CABEÇA E PESCOÇO Pollyanna d Ávila Leite Thiago Jardim Arruda Maria Carolina Silva Thaís Nogueira Souza Felipe Erlich Célia Pais Viegas

Leia mais

TRATAMENTO SISTÊMICO

TRATAMENTO SISTÊMICO QUAL A MELHOR SEQUÊNCIA DE TRATAMENTO DO PACIENTE COM CÂNCER RENAL AVANÇADO RECÉM DIAGNOSTICADO? TRATAMENTO SISTÊMICO João Paulo Solar Vasconcelos Oncologista Clínico CONFLITOS DE INTERESSE De acordo com

Leia mais

Estado atual da quimioterapia de indução seguida de radioquimioterapianos tumores de cabeça e pescoço

Estado atual da quimioterapia de indução seguida de radioquimioterapianos tumores de cabeça e pescoço Estado atual da quimioterapia de indução seguida de radioquimioterapianos tumores de cabeça e pescoço Juliana Karassawa R3 Radioterapia Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Divisão de Oncologia

Leia mais

Benefício da radioterapia neoadjuvante na sobrevida de pacientes com câncer de mama localmente avançado

Benefício da radioterapia neoadjuvante na sobrevida de pacientes com câncer de mama localmente avançado Benefício da radioterapia neoadjuvante na sobrevida de pacientes com câncer de mama localmente avançado Igor Martinez Bruna Villani Daniel Przybysz Marlison Caldas Celia Viegas Carlos Manoel Lilian Faroni

Leia mais

Qual o real benefício da radioterapia com intensidade modulada de feixe (IMRT) para o tratamento dos pacientes com câncer de cabeça e pescoço?

Qual o real benefício da radioterapia com intensidade modulada de feixe (IMRT) para o tratamento dos pacientes com câncer de cabeça e pescoço? Instituto de Radiologia do Hospital das Clínicas Instituto do Câncer do Estado de São Paulo Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Qual o real benefício da radioterapia com intensidade modulada

Leia mais

Dr. Reddy s Farmacêutica do Brasil Ltda Solução injetável 20mg, 80mg e 120mg

Dr. Reddy s Farmacêutica do Brasil Ltda Solução injetável 20mg, 80mg e 120mg DOCETERE Dr. Reddy s Farmacêutica do Brasil Ltda Solução injetável 20mg, 80mg e 120mg - 1 - DOCETERE docetaxel tri-hidratado APRESENTAÇÕES Docetere Concentrado para infusão 20 mg/0,5 ml (solução para administração

Leia mais

Incorporação na tabela Unimed-BH de medicamentos: Docetaxel (Taxotere ) para tratamento do Câncer Metastático de Mama e Pulmão.

Incorporação na tabela Unimed-BH de medicamentos: Docetaxel (Taxotere ) para tratamento do Câncer Metastático de Mama e Pulmão. Parecer do Grupo Técnico de Auditoria em Saúde 039/05 Tema: Docetaxel I Data: 01/11/2005 II Grupo de Estudo: Dr Lucas Barbosa da Silva Dra Lélia Maria de Almeida Carvalho Dra Silvana Márcia Bruschi Kelles

Leia mais

Diretrizes Assistenciais

Diretrizes Assistenciais Diretrizes Assistenciais Protocolo de tratamento adjuvante e neoadjuvante do câncer de mama Versão eletrônica atualizada em Fevereiro 2009 Tratamento sistêmico adjuvante A seleção de tratamento sistêmico

Leia mais

Braquiterapia Ginecológica

Braquiterapia Ginecológica Braquiterapia Ginecológica Indicações e recomendações clínicas American Brachytherapy Society (ABS) European Society for Radiotherapy & Oncology (GEC-ESTRO) Rejane Carolina Franco Hospital Erasto Gaertner-

Leia mais

Tratamento combinado nos tumores localmente l avançados: Qual o melhor esquema? Juvenal Antunes Oliveira Filho Oncocamp, Campinas, SP

Tratamento combinado nos tumores localmente l avançados: Qual o melhor esquema? Juvenal Antunes Oliveira Filho Oncocamp, Campinas, SP Tratamento combinado nos tumores localmente l avançados: Qual o melhor esquema? Juvenal Antunes Oliveira Filho Oncocamp, Campinas, SP Declaração de Conflitos de Interesses Participação do Advisory Board:

Leia mais

O que é e para que serve a Próstata

O que é e para que serve a Próstata O que é e para que serve a Próstata A próstata é uma glândula que faz parte do aparelho genital masculino. Está localizada abaixo da bexiga, atravessada pela uretra. Seu tamanho e forma correspondem a

Leia mais

docetaxel tri-hidratado

docetaxel tri-hidratado docetaxel tri-hidratado Bula para paciente Solução injetável 20 mg/0,5 ml e 80 mg/2 ml Página 1 docetaxel tri-hidratado Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999 Solução injetável FORMA FARMACÊUTICA E

Leia mais

Estudo mostra que LANTUS ajudou pacientes com Diabetes Tipo 2 a atingirem a meta recomendada pela ADA para o controle de açúcar no sangue

Estudo mostra que LANTUS ajudou pacientes com Diabetes Tipo 2 a atingirem a meta recomendada pela ADA para o controle de açúcar no sangue Paris, 07 de junho, de 2008 Estudo mostra que LANTUS ajudou pacientes com Diabetes Tipo 2 a atingirem a meta recomendada pela ADA para o controle de açúcar no sangue Novos dados apresentados na Annual

Leia mais

PROTOCOLOS DO CEP/CEPON 2006

PROTOCOLOS DO CEP/CEPON 2006 PROTOCOLOS DO CEP/CEPON 2006 001/2006 Avaliação respiratória em pacientes submetidos à cirurgia para tratamento do câncer de mama Pesquisador Principal: Mirella Dias (orientadora) em 03/03/2006 002/2006

Leia mais

CÂNCER DE PRÓSTATA CASTRAÇÃO RESISTENTE: OPÇÕES DISPONÍVEIS E MELHOR SEQUENCIAMENTO DANIEL DE CASTRO MONTEIRO ONCOLOGISTA CLÍNICO

CÂNCER DE PRÓSTATA CASTRAÇÃO RESISTENTE: OPÇÕES DISPONÍVEIS E MELHOR SEQUENCIAMENTO DANIEL DE CASTRO MONTEIRO ONCOLOGISTA CLÍNICO CÂNCER DE PRÓSTATA CASTRAÇÃO RESISTENTE: OPÇÕES DISPONÍVEIS E MELHOR SEQUENCIAMENTO DANIEL DE CASTRO MONTEIRO ONCOLOGISTA CLÍNICO Declaração sobre conflito de interesses De acordo com a Resolução 1595/2000

Leia mais

Menor taxa de eventos cardiovasculares maiores observados com Praluent em análise post hoc

Menor taxa de eventos cardiovasculares maiores observados com Praluent em análise post hoc Sanofi e Regeneron anunciam a publicação dos resultados de 18 meses do estudo ODYSSEY LONG TERM com Praluent (alirocumabe) no The New England Journal of Medicine Redução robusta e consistente da taxa de

Leia mais

Valéria Mika Massunaga Enfermeira do setor da Radioterapia do Centro de Oncologia e Hematologia do Hospital Israelita Albert Einstein

Valéria Mika Massunaga Enfermeira do setor da Radioterapia do Centro de Oncologia e Hematologia do Hospital Israelita Albert Einstein Câncer de pulmão Valéria Mika Massunaga Enfermeira do setor da Radioterapia do Centro de Oncologia e Hematologia do Hospital Israelita Albert Einstein QUIMIOTERAPIA Introdução O câncer de pulmão é um dos

Leia mais

QUIMIOTERAPIA DE SEGUNDA LINHA NO CÂNCER DE PRÓSTATA REFRATÁRIO À CASTRAÇÃO (CPRC): QUANDO INDICAR? Igor A. Protzner Morbeck, MD, MSc

QUIMIOTERAPIA DE SEGUNDA LINHA NO CÂNCER DE PRÓSTATA REFRATÁRIO À CASTRAÇÃO (CPRC): QUANDO INDICAR? Igor A. Protzner Morbeck, MD, MSc QUIMIOTERAPIA DE SEGUNDA LINHA NO CÂNCER DE PRÓSTATA REFRATÁRIO À CASTRAÇÃO (CPRC): QUANDO INDICAR? Igor A. Protzner Morbeck, MD, MSc Onco-Vida Brasília Prof. Depto. Medicina Interna da PUC - Brasília

Leia mais

XXII WORSHOP UROLOGIA ONCOLÓGICA Março 2017 Hotel Solverde, Espinho

XXII WORSHOP UROLOGIA ONCOLÓGICA Março 2017 Hotel Solverde, Espinho 09h00 10h00 POSTERS Sexta-Feira,Friday, 10 Março 10h00 10h15 coffee-break ANDROLOGIA - ANDROLOGY 10h15 10h30 Como optimizar a terapêutica médica na disfunção eréctil? How to optimize the medical treatment

Leia mais

Os cinco trabalhos mais relevantes dos anos de na área de câncer de pulmão:radioterapia

Os cinco trabalhos mais relevantes dos anos de na área de câncer de pulmão:radioterapia Os cinco trabalhos mais relevantes dos anos de 2009-2011 na área de câncer de pulmão:radioterapia Rodrigo de Morais Hanriot Radioterapeuta HIAE e HAOC Índice Carcinoma de pulmão não pequenas células Carcinoma

Leia mais

DOCELIBBS docetaxel tri-hidratado Solução concentrada para infusão 40 mg/ml MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA

DOCELIBBS docetaxel tri-hidratado Solução concentrada para infusão 40 mg/ml MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA DOCELIBBS docetaxel tri-hidratado Solução concentrada para infusão 40 mg/ml MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA APRESENTAÇÕES Solução concentrada para infusão com 20 mg de docetaxel

Leia mais

Petrobras e Tereos Internacional: Um passo transformador para a indústria brasileira de cana-de-açúcar e biocombustíveis.

Petrobras e Tereos Internacional: Um passo transformador para a indústria brasileira de cana-de-açúcar e biocombustíveis. : Um passo transformador para a indústria brasileira de cana-de-açúcar e biocombustíveis 3 de maio de 2010 1 Aviso Importante O Grupo Tereos anunciou que considera uma oferta primária de ações da Tereos

Leia mais

BRAZIL The New Hepatitis C Treatment Protocol

BRAZIL The New Hepatitis C Treatment Protocol BRAZIL The New Hepatitis C Treatment Protocol Paulo Roberto Lerias de Almeida Hospital Nossa Senhora da Conceição - Pôrto Alegre Secretaria Estadual da Saúde do Rio Grande do Sul Ministério da Saúde DISCLOSURE

Leia mais

Boas-vindas e Introdução

Boas-vindas e Introdução Ensaios clínicos ou tratamento padrão? Opções para leucemias Boas-vindas e Introdução Ensaios clínicos ou tratamento padrão? Opções para leucemias John P. Leonard, médico Reitor Associado de Pesquisa Clínica

Leia mais

Journal of Thoracic Oncology Volume 3, Number 12, December 2008

Journal of Thoracic Oncology Volume 3, Number 12, December 2008 R1 CIT Vinícius Journal of Thoracic Oncology Volume 3, Number 12, December 2008 Prolongamento na sobrevida em pacientes com Câncer avançado não-pequenas células (CPNPC) Recentemente, 2 estudos randomizados,

Leia mais

Radioterapia e SBRT para doença oligometastática. Rodrigo Hanriot Radio-oncologista Hospital Alemão Oswaldo Cruz

Radioterapia e SBRT para doença oligometastática. Rodrigo Hanriot Radio-oncologista Hospital Alemão Oswaldo Cruz Radioterapia e SBRT para doença oligometastática Rodrigo Hanriot Radio-oncologista Hospital Alemão Oswaldo Cruz Ca Cancer J Clin 2016;66(1)7 30 Incidência de câncer por sexo Ca Cancer J Clin 2016;66(1)7

Leia mais

Fármaco Qualquer substância alterar função de 20/05/2013. Estudo da interação de drogas com

Fármaco Qualquer substância alterar função de 20/05/2013. Estudo da interação de drogas com Farmacologia Prof. Herval de Lacerda Bonfante Departamento de Farmacologia Pharmakon Logos Estudo dos fármacos Estudo da interação de drogas com organismos vivos Propriedades dos medicamentos e seus efeitos

Leia mais

Radioterapia baseada em evidência no tratamento adjuvante do Câncer de Endométrio: RT externa e/ou braquiterapia de fundo vaginal

Radioterapia baseada em evidência no tratamento adjuvante do Câncer de Endométrio: RT externa e/ou braquiterapia de fundo vaginal Radioterapia baseada em evidência no tratamento adjuvante do Câncer de Endométrio: RT externa e/ou braquiterapia de fundo vaginal Paulo Eduardo Novaes, MD, PhD Departamento de Radioterapia Hospital AC

Leia mais

PLANO DE CURSO. CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20

PLANO DE CURSO. CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 Componente Curricular: ENFERMAGEM EM ONCOLOGIA Código: ENF- 218 Pré-requisito: Nenhum Período Letivo:

Leia mais

PLANO DE CURSO. CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20

PLANO DE CURSO. CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 Componente Curricular: ENFERMAGEM EM ONCOLOGIA Código: ENF- 218 Pré-requisito: Nenhum Período Letivo:

Leia mais

Avaliação epidemiológica das pacientes com câncer de mama tratadas com trastuzumabe no Hospital de Base de Brasília

Avaliação epidemiológica das pacientes com câncer de mama tratadas com trastuzumabe no Hospital de Base de Brasília 55 55 Artigo Original Avaliação epidemiológica das pacientes com câncer de mama tratadas com trastuzumabe no Hospital de Base de Brasília Epidemiologic evaluation of patients with breast cancer treated

Leia mais

Oferta Pública pela Arcelor Brasil

Oferta Pública pela Arcelor Brasil Oferta Pública pela Arcelor Brasil Relação com Investidores Maio de -1- Avisos Considerações Futuras Este documento contêm considerações futuras e declarações sobre a Mittal Steel Company N.V. ( Arcelor

Leia mais

Porto Alegre/RS

Porto Alegre/RS UNIDADE DE PESQUISA CLÍNICA Centro de Medicina Reprodutiva Carlos Isaia Filho LTDA. A Pesquisa Clinica e suas Fases Carlos Isaia Filho Unidade de Pesquisa Clínica CMR Da Molécula ao Mercado. Aproximadamente

Leia mais

SOMENTE PARA ADMINISTRAÇÃO INTRAVENOSA USO ADULTO ACIMA DE 18 ANOS

SOMENTE PARA ADMINISTRAÇÃO INTRAVENOSA USO ADULTO ACIMA DE 18 ANOS CDS11FEV09 ALIMTA pemetrexede dissódico D.C.B. 06898 APRESENTAÇÕES ALIMTA (pemetrexede dissódico) é apresentado na forma de pó estéril liofilizado para uso intravenoso, em frascos de vidro incolor tipo

Leia mais

FARMORUBICINA* RD cloridrato de epirrubicina

FARMORUBICINA* RD cloridrato de epirrubicina FARMORUBICINA* RD cloridrato de epirrubicina I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Nome comercial: Farmorubicina* RD Nome genérico: cloridrato de epirrubicina APRESENTAÇÃO Farmorubicina* RD 10 mg em embalagem

Leia mais

Dia Mundial de Combate ao Câncer: desmistifique os mitos e verdades da doença

Dia Mundial de Combate ao Câncer: desmistifique os mitos e verdades da doença Dia Mundial de Combate ao Câncer: desmistifique os mitos e verdades da doença Enviado por Link Comunicação 03-Abr-2014 PQN - O Portal da Comunicação Link Comunicação É mito ou verdade? Câncer tem cura?

Leia mais

RADIOTERAPIA COM A INTENSIDADE MODULADA DO FEIXE (IMRT) DE CABEÇA E PESCOÇO

RADIOTERAPIA COM A INTENSIDADE MODULADA DO FEIXE (IMRT) DE CABEÇA E PESCOÇO RADIOTERAPIA COM A INTENSIDADE MODULADA DO FEIXE (IMRT) DE CABEÇA E PESCOÇO QUAIS AS EVIDÊNCIAS E OS BENEFÍCIOS? XIV CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE RADIOTERAPIA III ENCONTRO DOS RESIDENTES besalva@uol.com.br

Leia mais

Estamos Tratando Adequadamente as Urgências em Radioterapia?

Estamos Tratando Adequadamente as Urgências em Radioterapia? Estamos Tratando Adequadamente as Urgências em Radioterapia? Autores Alice de Campos Ana Carolina Rezende Icaro T. Carvalho Heloisa A. Carvalho Alice de Campos Residente HCFMUSP INTRODUÇÃO Urgências em

Leia mais

O estado da arte da radioterapia em pacientes idosas com tumores de mama iniciais

O estado da arte da radioterapia em pacientes idosas com tumores de mama iniciais XVII CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE RADIOTERAPIA Encontro de Residentes em Radioterapia da SBRT O estado da arte da radioterapia em pacientes idosas com tumores de mama iniciais Arthur Bom Queiroz

Leia mais

Desafios para a promoção, prevenção e tratamento do câncer: O panorama global e o Brasil

Desafios para a promoção, prevenção e tratamento do câncer: O panorama global e o Brasil Desafios para a promoção, prevenção e tratamento do câncer: O panorama global e o Brasil André Medici Economista de Saúde, Editor do Blog Monitor de Saúde (www.monitordesaude.blogspot.com) ABRALE, São

Leia mais

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO PRÉVIA DE MEDICAMENTO PARA USO HUMANO EM MEIO HOSPITALAR

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO PRÉVIA DE MEDICAMENTO PARA USO HUMANO EM MEIO HOSPITALAR RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO PRÉVIA DE MEDICAMENTO PARA USO HUMANO EM MEIO HOSPITALAR DCI BEVACIZUMAB Medicamento Avastin Embalagem de 1 frasco contendo 4 ml de solução injectável doseada a 25 mg/ml 5252382

Leia mais

Vigilância ativa em câncer de próstata. Marcos Tobias Machado Setor de Uro-oncologia

Vigilância ativa em câncer de próstata. Marcos Tobias Machado Setor de Uro-oncologia Vigilância ativa em câncer de próstata Marcos Tobias Machado Setor de Uro-oncologia Argumentos que justificam a vigilância ativa como opção terapêutica Câncer de próstata na era do PSA Apresentação clínica

Leia mais

Gliomas de Alto Grau. Jacques Bines. Oncologista Clínico

Gliomas de Alto Grau. Jacques Bines. Oncologista Clínico Gliomas de Alto Grau Jacques Bines Oncologista Clínico Objetivos Definição Caracterização Tratamento Papel da quimioterapia Definição Neoplasias do Sistema Nervoso Central (SNC) Apresentam características

Leia mais

Mortes por câncer aumentaram 31% no Brasil em 15 anos, afirma OMS

Mortes por câncer aumentaram 31% no Brasil em 15 anos, afirma OMS Mortes por câncer aumentaram 31% no Brasil em 15 anos, afirma OMS No início do século, 152 mil brasileiros morriam por ano da doença. Ao final de 2015, essa taxa chegou a 223,4 mil O número de mortes no

Leia mais

Joint SFBO-SBR-ALATRO Consensus Meeting Controversies on Radiotherapy Treatment. Breast Cancer

Joint SFBO-SBR-ALATRO Consensus Meeting Controversies on Radiotherapy Treatment. Breast Cancer Joint SFBO-SBR-ALATRO Consensus Meeting Controversies on Radiotherapy Treatment Breast Cancer Dra. Ana Carolina de Rezende ana.rezende@einstein.br Internal Mammary Nodal Chain Irradiation Dra. Ana Carolina

Leia mais

Metástases ósseas em Câncer de Próstata Há algo além dos bisfosfonatos?

Metástases ósseas em Câncer de Próstata Há algo além dos bisfosfonatos? Metástases ósseas em Câncer de Próstata Há algo além dos bisfosfonatos? Dr. João Paulo Solar Vasconcelos Oncologista Clínico Conflito de Interesses De acordo com a Norma 1595/2000 do Conselho Federal de

Leia mais

ATRED pemetrexede dissódico MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA

ATRED pemetrexede dissódico MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA ATRED pemetrexede dissódico MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA APRESENTAÇÕES Pó liofilizado para solução injetável contendo 100 mg de pemetrexede (base anidra) ou 500 mg de pemetrexede

Leia mais

Módulo: Câncer de Colo de Útero

Módulo: Câncer de Colo de Útero Módulo: Câncer de Colo de Útero Caso 1 TR, 32 anos, médica, sem comorbidades Paciente casada sem filhos Abril/13 Citologia Útero- Negativo para células neoplásicas Abril/14 - Citologia uterina- Lesão alto

Leia mais

Doença Localizada. Radioterapia exclusiva em estádios iniciais: quando indicar? Robson Ferrigno

Doença Localizada. Radioterapia exclusiva em estádios iniciais: quando indicar? Robson Ferrigno Doença Localizada Radioterapia exclusiva em estádios iniciais: quando indicar? Robson Ferrigno Esta apresentação não tem qualquer conflito Esta apresentação não tem qualquer conflito de interesse Câncer

Leia mais

Terapia anti-her2 em pacientes com CA de mama

Terapia anti-her2 em pacientes com CA de mama Terapia anti-her2 em pacientes com CA de mama metastático HER2+ Ingrid A. Mayer, M.D., M.S.C.I. Professora Assistente Diretora, Pesquisa Clínica Programa de Câncer de Mama Vanderbilt-Ingram Cancer Center

Leia mais

Modelo de Bula ao Paciente RDC 47/09

Modelo de Bula ao Paciente RDC 47/09 ATRED pemetrexede dissódico Pó liófilo solução injetável 100 mg ou 500 mg APRESENTAÇÕES Pó liofilizado para solução injetável contendo pemetrexede dissódico 2,5 hidratado equivalente a 100 mg de pemetrexede

Leia mais

MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA

MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA ATRED pemetrexede dissódico MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA APRESENTAÇÕES Pó liofilizado para solução injetável contendo 100 mg de pemetrexede (base anidra) ou 500 mg de pemetrexede

Leia mais

A Sanofi e a Regeneron anunciam resultados finais positivos sobre a fase 2 de dupilumab em doentes com sinusite crónica com pólipos nasais

A Sanofi e a Regeneron anunciam resultados finais positivos sobre a fase 2 de dupilumab em doentes com sinusite crónica com pólipos nasais Publicado: 07:00 CEST 30-09-2014 /GlobeNewswire/Fonte: Sanofi/: SAN/ISIN: FR0000120578 A Sanofi e a Regeneron anunciam resultados finais positivos sobre a fase 2 de dupilumab em doentes com sinusite crónica

Leia mais

EPIDEMIOLOGIA, ESTADIAMENTO E PREVENÇÃO DO CÂNCER

EPIDEMIOLOGIA, ESTADIAMENTO E PREVENÇÃO DO CÂNCER EPIDEMIOLOGIA, ESTADIAMENTO E PREVENÇÃO DO CÂNCER Felipe Trevisan Radioterapia HCFMRP USP Fevereiro / 2012 Epidemiologia Descritiva Incidência Mortalidade Analítica Estudo das causas das doenças Epidemiologia

Leia mais

Contacto: Anne Bancillon + 33 (0)6 70 93 75 28

Contacto: Anne Bancillon + 33 (0)6 70 93 75 28 Contacto: Anne Bancillon + 33 (0)6 70 93 75 28 APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DOS REGIMES À BASE DE ELOXATIN NO TRATAMENTO DOS CANCROS GASTRINTESTINAIS NO 42 º CONGRESSO ANUAL DA AMERICAN SOCIETY OF CLINICAL

Leia mais

Características endoscópicas dos tumores neuroendócrinos retais podem prever metástases linfonodais? - julho 2016

Características endoscópicas dos tumores neuroendócrinos retais podem prever metástases linfonodais? - julho 2016 A incidência de tumores neuroendócrinos (TNE) retais tem aumentado ao longo dos últimos 35 anos. A maioria dos TNEs retais são diagnosticados por acaso, provavelmente devido ao aumento do número de sigmoidoscopias

Leia mais

ATUALIZAÇÃO NO TRATAMENTO DO CARCINOMA INFLAMATÓRIO

ATUALIZAÇÃO NO TRATAMENTO DO CARCINOMA INFLAMATÓRIO São Paulo, 27-29 Novembro 2008. IV JORNADA PAULISTA DE MASTOLOGIA ATUALIZAÇÃO NO TRATAMENTO DO CARCINOMA INFLAMATÓRIO EDUARDO MILLEN HSPE-SP- IAMSPE/ EPM UNIFESP HOSPITAL VITA VOLTA REDONDA- RJ ATUALIZAÇÃO

Leia mais

Universidade Federal do Ceará Faculdade de Medicina Liga de Cirurgia de Cabeça e Pescoço. Jônatas Catunda de Freitas

Universidade Federal do Ceará Faculdade de Medicina Liga de Cirurgia de Cabeça e Pescoço. Jônatas Catunda de Freitas Universidade Federal do Ceará Faculdade de Medicina Liga de Cirurgia de Cabeça e Pescoço Jônatas Catunda de Freitas Fortaleza 2010 Lesões raras, acometendo principalmente mandíbula e maxila Quadro clínico

Leia mais

TRADUÇÃO PARCIAL Ver íntegra deste comunicado no site (versões em inglês e francês)

TRADUÇÃO PARCIAL Ver íntegra deste comunicado no site  (versões em inglês e francês) TRADUÇÃO PARCIAL Ver íntegra deste comunicado no site www.sanofi-aventis.com (versões em inglês e francês) Primeiro semestre de 2006: Crescimento de 7,7% nas vendas sobre dados publicados e 4,5% sobre

Leia mais

EXCLUSIVAMENTE PARA ADMINISTRAÇÃO INTRAVENOSA

EXCLUSIVAMENTE PARA ADMINISTRAÇÃO INTRAVENOSA CDS22MAR13 ALIMTA pemetrexede dissódico D.C.B. 06898 APRESENTAÇÕES ALIMTA é apresentado na forma de pó estéril liofilizado para uso intravenoso, em frascos de vidro incolor tipo I, contendo pemetrexede

Leia mais

Indicações de tratamento paliativo em pacientes oncológicos

Indicações de tratamento paliativo em pacientes oncológicos Indicações de tratamento paliativo em pacientes oncológicos Dra Ana Paula de O Ramos Setor de Cuidados Paliativos Disciplina de Clínica Médica UNIFESP/EPM 2009 O que é câncer??? Definição - câncer É uma

Leia mais

CÂNCER DE COLO DE ÚTERO OPERADO RADIOTERAPIA COMPLEMENTAR: INDICAÇÕES E RESULTADOS

CÂNCER DE COLO DE ÚTERO OPERADO RADIOTERAPIA COMPLEMENTAR: INDICAÇÕES E RESULTADOS CÂNCER DE COLO DE ÚTERO OPERADO RADIOTERAPIA COMPLEMENTAR: INDICAÇÕES E RESULTADOS Hospital Erasto Gaertner Serviço de Radioterapia Sílvia Pecoits Câncer de Colo Uterino 500.000 casos novos no mundo com

Leia mais

Câncer Gástrico e Junção Gastroesofágica

Câncer Gástrico e Junção Gastroesofágica Câncer Gástrico e Junção Gastroesofágica Quimioterapia concomitante a radioterapia (Esquema de MacDonald) 5-Fluorouracil: 425 mg/m 2 IV D1 a D5 Leucovorin: 20 mg/m 2 IV D1 a D5 Radioterapia iniciando no

Leia mais

Pemeker pemetrexede dissódico hemipentaidratado

Pemeker pemetrexede dissódico hemipentaidratado Pemeker pemetrexede dissódico hemipentaidratado APRESENTAÇÕES 1 frasco-ampola com 500 mg FORMA FARMACÊUTICA Pó Liófilo para solução injetável USO INTRAVENOSO USO ADULTO COMPOSIÇÃO Pemeker 500 mg: Cada

Leia mais

Artigo Original TRATAMENTO DO CÂNCER DE CABEÇA E PESCOÇO NO IDOSO ACIMA DE 80 ANOS

Artigo Original TRATAMENTO DO CÂNCER DE CABEÇA E PESCOÇO NO IDOSO ACIMA DE 80 ANOS Artigo Original TRATAMENTO DO CÂNCER DE CABEÇA E PESCOÇO NO IDOSO ACIMA DE 80 ANOS HEAD AND NECK CANCER TREATMENT IN ELDERLY PATIENTS OVER 80 YEARS OLD 1,4,6 TERENCE PIRES DE FARIAS 5 GABRIEL MANFRO 1,2,3

Leia mais

EVOTECAN. APRESENTAÇÃO Pó liofilizado injetável. Embalagem com 1 (um) frasco-ampola contendo 4 mg de princípio ativo.

EVOTECAN. APRESENTAÇÃO Pó liofilizado injetável. Embalagem com 1 (um) frasco-ampola contendo 4 mg de princípio ativo. EVOTECAN cloridrato de topotecana I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Nome comercial: Evotecan Nome genérico: cloridrato de topotecana APRESENTAÇÃO Pó liofilizado injetável. Embalagem com 1 (um) frasco-ampola

Leia mais

Carcinoma Laríngeo/Hipofaringe localmente avançado: Protocolo de preservação de órgão!

Carcinoma Laríngeo/Hipofaringe localmente avançado: Protocolo de preservação de órgão! Carcinoma Laríngeo/Hipofaringe localmente avançado: Protocolo de preservação de órgão! Locally Advanced Laryngeal/ Hypopharynx Carcinoma: Organ Preservation Protocol! Conceição Peixoto Francisco Branquinho

Leia mais

Perjeta. (pertuzumabe) Produtos Roche Químicos e Farmacêuticos S.A. Solução para diluição para infusão 420 mg/14 ml

Perjeta. (pertuzumabe) Produtos Roche Químicos e Farmacêuticos S.A. Solução para diluição para infusão 420 mg/14 ml Perjeta (pertuzumabe) Produtos Roche Químicos e Farmacêuticos S.A. Solução para diluição para infusão 420 mg/14 ml Perjeta pertuzumabe Roche Agente antineoplásico APRESENTAÇÃO Solução para diluição para

Leia mais

Protocolo de Tratamento do Câncer de Mama Metastático. Versão eletrônica atualizada em Dezembro 2009

Protocolo de Tratamento do Câncer de Mama Metastático. Versão eletrônica atualizada em Dezembro 2009 Protocolo de Tratamento do Câncer de Mama Metastático Versão eletrônica atualizada em Dezembro 2009 Protocolo de Tratamento do Câncer de Mama Metastático O tratamento de pacientes com câncer de mama metastático

Leia mais

Aquisição da Usina Mandú. 01 de Junho de 2010

Aquisição da Usina Mandú. 01 de Junho de 2010 01 de Junho de 2010 Aviso As afirmações contidas neste documento relacionadas a perspectivas sobre os negócios, projeções sobre resultados operacionais e financeiros e aquelas relacionadas a perspectivas

Leia mais

SOCIEDADE informações sobre recomendações de incorporação de medicamentos e outras tecnologias no SUS RELATÓRIO PARA A

SOCIEDADE informações sobre recomendações de incorporação de medicamentos e outras tecnologias no SUS RELATÓRIO PARA A número 12 - outubro/2015 DECISÃO FINAL RELATÓRIO PARA A SOCIEDADE informações sobre recomendações de incorporação de medicamentos e outras tecnologias no SUS RELATÓRIO PARA A SOCIEDADE Este relatório é

Leia mais

A fase inicial do câncer de próstata apresenta uma evolução silenciosa e não causa sintomas, mas alguns sinais merecem atenção:

A fase inicial do câncer de próstata apresenta uma evolução silenciosa e não causa sintomas, mas alguns sinais merecem atenção: Novembro Azul O movimento mundialmente conhecido como Novembro Azul ou Movember visa conscientizar os homens sobre a importância da prevenção do câncer de próstata e tem o bigode como símbolo adotado para

Leia mais