Excel Básico e Avançado. Aula 7

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Excel Básico e Avançado. Aula 7"

Transcrição

1 Excel Básico e Avançado Aula 7 Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano Mudanças Abruptas

2 Séries Temporais Objetivos Analisar tendências de eventos Identificar sazonalidades Fazer previsões

3 Forecasting para Séries Temporais (previsões) Média Móvel Modelo Exponencial

4 Média Móvel Método de Extrapolação de dados. Suavização de oscilações. Previsões melhores do que média simples. Baseia-se na seguinte equação de recursividade: y y... k t t 1 t k 1 ŷt 1 y ŷ y t 1 t : dado futuro estimado; : dado real no período"t";

5 Exemplo - Média Móvel no Excel O depto de vendas tem cadastrado em dois anos o número de produtos vendidos mensalmente. Deseja-se uma estimativa de vendas para o mês de número 25.??

6 Os dados Número Período de Tempo de Vendas

7 Média Móvel para 2 meses

8 Média Móvel para 2 meses

9 Média Móvel para 2 meses

10 O resultado gráfico real Média móvel 2-meses

11 E a estimativa? (mês = 25)

12 Média Móvel - 4 meses

13 A análise completa

14 O resultado real Média móvel 2-meses Média móvel 4-meses

15 Previsão (mês = 25) Iguais! Como saber qual é a melhor série?

16 ERRO MÉDIO QUADRÁTICO EMQ y i ŷ n i i 2 É a soma das diferenças entre o valor estimado e o valor real dos dados, ponderados pelo número de termos.

17 E no Excel... SOMAXMY2

18 Inserindo a divisão SOMAXMY2(...)/CONT.NÚM(...) Conta o número n de dados

19 Comparando 2-Meses e 4-Meses Série 2-Meses tem menor erro!!

20 Conclusão A série média móvel de 2-meses providencia melhor precisão do que a série 4 -meses.

21 A série EXPONENCIAL ŷ t 1 ŷ t y t ŷ t Onde 0 1 é o ajuste entre estimativas passadas e valores reais

22 O exemplo das vendas O primeiro valor deve ser igual ao valor real

23 Inserindo a fórmula =E3+$H$2*(B3-E3) ALFA=0,1

24 O RESULTADO Vendas do Plano de Saúde Período

25 A previsão (mês=25) 35,94

26 Comparando o EMQ Exponencial

27 Qual o melhor valor de Alfa? real Alfa = 0,1 Alfa = 0,5

28 O EMQ Alfa= 0,1 Alfa = 0,5

29 Usando o Solver para encontrar o melhor Alfa Encontrar melhor alfa significa encontrar o MENOR erro médio quadrático EMQ y i ŷ n i i 2 Menor possível

30 Parâmetros do SOLVER

31 Ajustando o SOLVER Célula onde está o EMQ Alfa

32 A restrição de alfa 0 1 Clicar aqui

33 Restringindo 0 1

34 Resolvendo Restrições Prontas

35 Final Melhor EMQ para a série

36 O melhor resultado (EMQ = 7,49 e alfa = 0,2678)

Alisamento Exponencial (EWMA) e Holt-Winters

Alisamento Exponencial (EWMA) e Holt-Winters Alisamento Exponencial (EWMA) e Holt-Winters 1 - Alisamento Exponencial Simples Admita-se que pretendemos prever os valores futuros da série representada no gráfico 1. Gráfico 1 - esta série não apresenta

Leia mais

Faculdade Pitágoras de Uberlândia Curso: Administração Disciplina: Administração de Materiais. Unidade 1 Previsão de Demanda. Revisão 0, de 07/08/2012

Faculdade Pitágoras de Uberlândia Curso: Administração Disciplina: Administração de Materiais. Unidade 1 Previsão de Demanda. Revisão 0, de 07/08/2012 Faculdade Pitágoras de Uberlândia Curso: Administração Disciplina: Administração de Materiais Unidade 1 Previsão de Demanda Revisão 0, de 07/08/2012 Prof. João Paulo Seno jpseno.pitagoras@gmail.com O que

Leia mais

INE 7001 - Procedimentos de Análise de Séries Temporais usando o Microsoft Excel 2007. Professor Marcelo Menezes Reis

INE 7001 - Procedimentos de Análise de Séries Temporais usando o Microsoft Excel 2007. Professor Marcelo Menezes Reis Análise de Séries Temporais usando o Microsoft Excel 2007 1 INE 7001 - Procedimentos de Análise de Séries Temporais usando o Microsoft Excel 2007. Professor Marcelo Menezes Reis O objetivo deste texto

Leia mais

Excel Básico e Avançado. Aula 5

Excel Básico e Avançado. Aula 5 Excel Básico e Avançado Aula 5 Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano Mudanças Abruptas www.mudancasabruptas.com.br PROCURA VERTICAL - PROCV Objetivos Busca vertical de identificadores e valores associados

Leia mais

Previsão de demanda em uma empresa farmacêutica de manipulação

Previsão de demanda em uma empresa farmacêutica de manipulação Previsão de demanda em uma empresa farmacêutica de manipulação Ana Flávia Brito Rodrigues (Anafla94@hotmail.com / UEPA) Larissa Pinto Marques Queiroz (Larissa_qz@yahoo.com.br / UEPA) Luna Paranhos Ferreira

Leia mais

PPCP Planejamento, Programação e Controle da Produção. Qualidade, confiabilidade, custo, flexibilidade

PPCP Planejamento, Programação e Controle da Produção. Qualidade, confiabilidade, custo, flexibilidade PPCP Planejamento, Programação e Controle da Produção Wheelwrigt Skinner Swamidass Leong Slack Qualidade, confiabilidade, custo, flexibilidade Custo, entrega, qualidade, serviço confiável, flexibilidade

Leia mais

Dimensionamento de estoques em ambiente de demanda intermitente

Dimensionamento de estoques em ambiente de demanda intermitente Dimensionamento de estoques em ambiente de demanda intermitente Roberto Ramos de Morais Engenheiro mecânico pela FEI, mestre em Engenharia de Produção e doutorando em Engenharia Naval pela Escola Politécnica

Leia mais

Dimensionamento dos Estoques

Dimensionamento dos Estoques Administração Dimensionamento, Planejamento e Controle de Profª. Patricia Brecht Dimensionamento dos s Cada área possui interesse em aumentar os níveis de estoque para garantir a segurança e reduzir o

Leia mais

Módulo 4 PREVISÃO DE DEMANDA

Módulo 4 PREVISÃO DE DEMANDA Módulo 4 PREVISÃO DE DEMANDA Conceitos Iniciais Prever é a arte e a ciência de predizer eventos futuros, utilizando-se de dados históricos e sua projeção para o futuro, de fatores subjetivos ou intuitivos,

Leia mais

Excel Básico e Avançado. Aula 2

Excel Básico e Avançado. Aula 2 Excel Básico e Avançado Aula 2 Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano Mudanças Abruptas www.mudancasabruptas.com.br Colunas Clicar na aba INSERIR Escolher colunas Marcar com o mouse Escolher colunas 2D

Leia mais

Prof. Dr. Koiti Egoshi

Prof. Dr. Koiti Egoshi 1 PREVISÃO DE DEMANDA DE PRODUTOS FINAIS PARA PREVISÃO DE ESTOQUES DE MATÉRIAS-PRIMAS E INSUMOS BÁSICOS Prof. Dr. Koiti Egoshi Para se estabelecer efetivamente Níveis de Estoque de Matérias-Primas e Insumos

Leia mais

É POSSÍVEL ATINGIR A META DO MINISTÉRIO DA SAÚDE PARA A DOAÇÃO ESPONTÂNEA?

É POSSÍVEL ATINGIR A META DO MINISTÉRIO DA SAÚDE PARA A DOAÇÃO ESPONTÂNEA? É POSSÍVEL ATINGIR A META DO MINISTÉRIO DA SAÚDE PARA A DOAÇÃO ESPONTÂNEA? Rejane Corrêa da Rocha 1, Thelma Sáfadi 2, Luciane Texeira Passos Giarola 3 INTRODUÇÃO É considerado doador todo o cidadão que

Leia mais

Métodos Básicos de Previsão

Métodos Básicos de Previsão Métodos Básicos de Previsão O que é previsão? "Prediction is very difficult, especially if it s about the future." 1 Niels Bohr, laureado com Nobel em Física Segundo o Dicionário do Aurélio (FERREIRA,

Leia mais

ESTUDO DE PREVISÃO DE DEMANDA PARA EMPRESA DE EQUIPAMENTOS MÉDICOS DE DIAGNÓSTICO

ESTUDO DE PREVISÃO DE DEMANDA PARA EMPRESA DE EQUIPAMENTOS MÉDICOS DE DIAGNÓSTICO ESTUDO DE PREVISÃO DE DEMANDA PARA EMPRESA DE EQUIPAMENTOS MÉDICOS DE DIAGNÓSTICO Andréa Crispim Lima dekatop@gmail.com Manoela Alves Vasconcelos manoelavasconcelos@hotmail.com Resumo: A previsão de demanda

Leia mais

PROGRAMAÇÃO LINEAR. Resolução de problemas de programação linear usando o comando Solver, no Excel.

PROGRAMAÇÃO LINEAR. Resolução de problemas de programação linear usando o comando Solver, no Excel. PROGRAMAÇÃO LINEAR Resolução de problemas de programação linear usando o comando Solver, no Excel. Para além da resolução pelo método gráfico e/ou outros métodos, é possível resolver um problema de PL

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UM APLICATIVO PARA PREVISÃO DE DEMANDA USANDO A FERRAMENTA MICROSOFT EXCEL

DESENVOLVIMENTO DE UM APLICATIVO PARA PREVISÃO DE DEMANDA USANDO A FERRAMENTA MICROSOFT EXCEL ISSN 1984-9354 DESENVOLVIMENTO DE UM APLICATIVO PARA PREVISÃO DE DEMANDA USANDO A FERRAMENTA MICROSOFT EXCEL Yuri Leal Clemente Ferreira (CEFET/RJ) Daniel Pareto Gomes (CEFET/RJ) Thiago Tadeu Silva da

Leia mais

Uma proposta de gráfico de controle EWMA com dados sazonais

Uma proposta de gráfico de controle EWMA com dados sazonais Uma proposta de gráfico de controle EWMA com dados sazonais Leandro Callegari Coelho (UFSC) leandroah@hotmail.com Robert Wayne Samohyl (UFSC) samohyl@yahoo.com Resumo: A importância do controle estatístico

Leia mais

Utilização do SOLVER do EXCEL

Utilização do SOLVER do EXCEL Utilização do SOLVER do EXCEL 1 Utilização do SOLVER do EXCEL José Fernando Oliveira DEEC FACULDADE DE ENGENHARIA DA UNIVERSIDADE DO PORTO MAIO 1998 Para ilustrar a utilização do Solver na resolução de

Leia mais

ESTUDO DE MODELO DE SÉRIES TEMPORAIS PARA DADOS DE AÇÕES

ESTUDO DE MODELO DE SÉRIES TEMPORAIS PARA DADOS DE AÇÕES ESTUDO DE MODELO DE SÉRIES TEMPORAIS PARA DADOS DE AÇÕES Nathalia Virginia Masi; Célia Mendes Carvalho Lopes Engenharia de Produção, Escola de Engenharia, Universidade Presbiteriana Mackenzie nathalia.masi@gmail.com;

Leia mais

1. Resolução de problemas de Programação Linear utilizando Excel

1. Resolução de problemas de Programação Linear utilizando Excel 1. Resolução de problemas de Programação Linear utilizando Excel O software Excel resolve problemas de Programação Linear através da ferramenta Solver. Retomando um problema de Programação Linear já citado,

Leia mais

MESTRADO EM MACROECONOMIA e FINANÇAS Disciplina de Computação. Aula 04. Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano

MESTRADO EM MACROECONOMIA e FINANÇAS Disciplina de Computação. Aula 04. Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano MESTRADO EM MACROECONOMIA e FINANÇAS Disciplina de Computação Aula 04 Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano Guia de Estudo para Aula 04 Aplicação de Produto Escalar - Interpretação do produto escalar

Leia mais

Exercícios livro Gestão de Redes de Suprimentos

Exercícios livro Gestão de Redes de Suprimentos Exercícios livro Gestão de Redes de Suprimentos CAPÍTULO 6 Avaliação de desempenho e alinhamento de incentivos na rede global de suprimentos... 2 1. EXERCÍCIO EXEMPLO. Fabricante de CD s... 2 2. 2a 2b.

Leia mais

BROMBERGER, Dalton (UTFPR) daltonbbr@yahoo.com.br. KUMMER, Aulison André (UTFPR) aulisonk@yahoo.com.br. PONTES, Herus³ (UTFPR) herus@utfpr.edu.

BROMBERGER, Dalton (UTFPR) daltonbbr@yahoo.com.br. KUMMER, Aulison André (UTFPR) aulisonk@yahoo.com.br. PONTES, Herus³ (UTFPR) herus@utfpr.edu. APLICAÇÃO DAS TÉCNICAS DE PREVISÃO DE ESTOQUES NO CONTROLE E PLANEJAMENTO DA PRODUÇÃO DE MATÉRIA- PRIMA EM UMA INDÚSTRIA PRODUTORA DE FRANGOS DE CORTE: UM ESTUDO DE CASO BROMBERGER, Dalton (UTFPR) daltonbbr@yahoo.com.br

Leia mais

A demanda pode ser entendida como a disposição dos clientes ao consumo de bens e serviços ofertados por uma organização.

A demanda pode ser entendida como a disposição dos clientes ao consumo de bens e serviços ofertados por uma organização. Previsão da Demanda As previsões têm uma função muito importante nos processos de planejamento dos sistemas logísticos, pois permite que os administradores destes sistemas antevejam o futuro e planejem

Leia mais

ANÁLISE GRÁFICA DOS RESULTADOS EXPERIMENTAIS

ANÁLISE GRÁFICA DOS RESULTADOS EXPERIMENTAIS ANÁLISE GRÁFICA DOS RESULTADOS EXPERIMENTAIS Após a realização de um experimento, deseja-se estabelecer a função matemática que relaciona as variáveis do fenómeno físico estudado. Nos nossos experimentos

Leia mais

EXCEL 2013. Público Alvo: Arquitetos Engenheiros Civis Técnicos em Edificações Projetistas Estudantes das áreas de Arquitetura, Decoração e Engenharia

EXCEL 2013. Público Alvo: Arquitetos Engenheiros Civis Técnicos em Edificações Projetistas Estudantes das áreas de Arquitetura, Decoração e Engenharia EXCEL 2013 Este curso traz a vocês o que há de melhor na versão 2013 do Excel, apresentando seu ambiente de trabalho, formas de formatação de planilhas, utilização de fórmulas e funções e a criação e formatação

Leia mais

Microsoft Excel na resolução de problemas de optimização

Microsoft Excel na resolução de problemas de optimização Universidade do Minho Escola de Engenharia Departamento Campus de Gualtar de Produção 4710-057 Braga e Sistemas Microsoft Excel na resolução de problemas de optimização Manual da disciplina de Métodos

Leia mais

2. A FERRAMENTA SOLVER (EXCEL)

2. A FERRAMENTA SOLVER (EXCEL) Faculdade de Engenharia Eng. Celso Daniel Engenharia de Produção 2. A FERRAMENTA SOLVER (EXCEL) Diversas ferramentas para solução de problemas de otimização, comerciais ou acadêmicos, sejam eles lineares

Leia mais

PREVISÃO DE VENDAS DE CERVEJA PARA UMA INDÚSTRIA DE RIBEIRÃO PRETO

PREVISÃO DE VENDAS DE CERVEJA PARA UMA INDÚSTRIA DE RIBEIRÃO PRETO PREVISÃO DE VENDAS DE CERVEJA PARA UMA INDÚSTRIA DE RIBEIRÃO PRETO José Gilberto S. Rinaldi (UNESP/Presidente Prudente) Randal Farago (Faculdades Integradas FAFIBE) Resumo: Este trabalho aborda técnicas

Leia mais

BEM VINDO. Gestor. O que é o ProdutivoApp...2. Tipos de usuários...2. Dashboard (tela principal)...3. Menu Categorias...4. Menu Atividades...

BEM VINDO. Gestor. O que é o ProdutivoApp...2. Tipos de usuários...2. Dashboard (tela principal)...3. Menu Categorias...4. Menu Atividades... BEM VINDO Gestor Índice O que é o ProdutivoApp...2 Tipos de usuários...2 Dashboard (tela principal)...3 Menu Categorias...4 Menu Atividades...5 Menu Produtividade...6 Menu Classificar Atividades...7 Menu

Leia mais

NECESSIDADES DE PREVISÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS. Mayara Condé Rocha Murça TRA-53 Logística e Transportes

NECESSIDADES DE PREVISÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS. Mayara Condé Rocha Murça TRA-53 Logística e Transportes NECESSIDADES DE PREVISÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS Mayara Condé Rocha Murça TRA-53 Logística e Transportes Setembro/2013 Introdução Estimativas acuradas do volume de produtos e serviços processados pela

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE RECURSOS ESTATÍSTICOS AVANÇADOS DO EXCEL PREVISÃO

UTILIZAÇÃO DE RECURSOS ESTATÍSTICOS AVANÇADOS DO EXCEL PREVISÃO UTILIZAÇÃO DE RECURSOS ESTATÍSTICOS AVANÇADOS DO EXCEL PREVISÃO! Fazendo regressão linear! Relacionando variáveis e criando uma equação para explicá-las! Como checar se as variáveis estão relacionadas!

Leia mais

Uma aplicação de Inteligência Computacional e Estatística Clássica na Previsão do Mercado de Seguros de Automóveis Brasileiro

Uma aplicação de Inteligência Computacional e Estatística Clássica na Previsão do Mercado de Seguros de Automóveis Brasileiro Uma aplicação de Inteligência Computacional e Estatística Clássica na Previsão do Mercado de Seguros de Automóveis Brasileiro Tiago Mendes Dantas t.mendesdantas@gmail.com Departamento de Engenharia Elétrica,

Leia mais

Unidade III RECURSOS MATERIAIS E PATRIMONIAIS. Profa. Marinalva Barboza

Unidade III RECURSOS MATERIAIS E PATRIMONIAIS. Profa. Marinalva Barboza Unidade III RECURSOS MATERIAIS E PATRIMONIAIS Profa. Marinalva Barboza Atividades da gestão de materiais e a logística Segundo Pozo, as atividades logísticas podem ser vistas por duas grandes áreas: atividades

Leia mais

Estudo comparativo entre modelos de previsão de demanda: ensaio em um produto classe a de uma empresa de perfumes e cosméticos

Estudo comparativo entre modelos de previsão de demanda: ensaio em um produto classe a de uma empresa de perfumes e cosméticos Estudo comparativo entre modelos de previsão de demanda: ensaio em um produto classe a de uma empresa de perfumes e cosméticos Salomão Almeida Pereira (UFSC) salomao@deps.ufsc.br Lorena Drumond Loureiro

Leia mais

EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO Nr 01

EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO Nr 01 EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO Nr 01 CONTROLE DE ESTOQUES 1. Uma loja de departamentos pretende aproveitar o feriado de 01 de Janeiro para realizar o inventário anual de seu estoque, que possui 1.679.434 unidades

Leia mais

Previsão de Demanda. Métodos de Previsão. Demanda: disposição ao consumo Demanda versus Vendas Fatores que afetam a Demanda (Vendas)

Previsão de Demanda. Métodos de Previsão. Demanda: disposição ao consumo Demanda versus Vendas Fatores que afetam a Demanda (Vendas) 2.1 Previsão de emanda Conceios básicos Méodos de Previsão iscussão Formulação do Problema emanda: disposição ao consumo emanda versus Vendas Faores que afeam a emanda (Vendas) Economia, Mercado, Preços,

Leia mais

PRIAD ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS E LOGÍSTICA QUESTÕES SIMULADAS

PRIAD ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS E LOGÍSTICA QUESTÕES SIMULADAS PRIAD - Adm. Materiais e Logística Prof. Célio 1 PRIAD ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS E LOGÍSTICA QUESTÕES SIMULADAS QUESTÃO 1. Aponte a alternativa que não corresponde aos objetivos da Logística Empresarial

Leia mais

Sumário. I. Acesso ao sistema CRMTEL... 4 Como Criar Campanhas SMS...5. III. Importando uma Campanha...8. IV. Movimentando o Status da Campanha...

Sumário. I. Acesso ao sistema CRMTEL... 4 Como Criar Campanhas SMS...5. III. Importando uma Campanha...8. IV. Movimentando o Status da Campanha... Send Torpedos 2 Sumário I. Acesso ao sistema CRMTEL... 4 II. Como Criar Campanhas SMS...5 III. Importando uma Campanha...8 IV. Movimentando o Status da Campanha...11 3 I. Acesso ao sistema CRMTEL O acesso

Leia mais

Métodos de Previsão da Demanda utilizando o Excel. Este material deve ser utilizado em conjunto com as Planilhas de Apoio que tratam dessas Técnicas.

Métodos de Previsão da Demanda utilizando o Excel. Este material deve ser utilizado em conjunto com as Planilhas de Apoio que tratam dessas Técnicas. Métodos de Previsão da Demanda utilizando o Excel -Modelos Quantitativo Amortecimento Triplo (Winter) Decomposição -Técnicas Causais: Regressão Este material deve ser utilizado em conjunto com as Planilhas

Leia mais

PREVISÃO DA DEMANDA DE UM HOTEL TRÊS ESTRELAS NA CIDADE DE MARABÁ UTILIZANDO FERRAMENTAS PARA PLANEJAMENTO E CONTROLE DA PRODUÇÃO

PREVISÃO DA DEMANDA DE UM HOTEL TRÊS ESTRELAS NA CIDADE DE MARABÁ UTILIZANDO FERRAMENTAS PARA PLANEJAMENTO E CONTROLE DA PRODUÇÃO PREVISÃO DA DEMANDA DE UM HOTEL TRÊS ESTRELAS NA CIDADE DE MARABÁ UTILIZANDO FERRAMENTAS PARA PLANEJAMENTO E CONTROLE DA PRODUÇÃO Joao Antonio Soares Vieira (UEPA) joaoantonioep@gmail.com MARIA DAS GRACAS

Leia mais

REDES NEURAIS APLICADAS À PREVISÃO DE SÉRIES TEMPORAIS

REDES NEURAIS APLICADAS À PREVISÃO DE SÉRIES TEMPORAIS REDES NEURAIS APLICADAS À PREVISÃO DE SÉRIES TEMPORAIS BATTAGELLO, Vinícius Antonio *, CORDEIRO, Marciso Xavier, DAL PINO Jr, Arnaldo Divisão de Ens. Fundamental - Instituto Tecnológico de Aeronáutica

Leia mais

Prof. Dr. Iron Macêdo Dantas

Prof. Dr. Iron Macêdo Dantas Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Educação e da Cultura - SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE UERN MESTRADO EM CIÊNCIAS NATURAIS Prof. Dr. Iron Macêdo Dantas

Leia mais

Simulação Empresarial em Gestão da Produção

Simulação Empresarial em Gestão da Produção Simulação Empresarial em Gestão da Produção CAPÍTULO 5 O JOGO DE EMPRESAS GP-3 A dinâmica de trabalho do jogo GP-3 é apresentada nesse capítulo. Inicialmente são descritos os diferentes módulos de interface

Leia mais

GESTÃO DE RECURSOS PATRIMONIAIS E LOGÍSTICOS

GESTÃO DE RECURSOS PATRIMONIAIS E LOGÍSTICOS Unidade I GESTÃO DE RECURSOS PATRIMONIAIS E LOGÍSTICOS Prof. Fernando Leonel Conteúdo da aula de hoje 1. Planejamento e controle de estoques. 2. A importância dos estoques. 3. Demanda na formação dos estoques.

Leia mais

EnterpriseOne 8.9 Previsão PeopleBook

EnterpriseOne 8.9 Previsão PeopleBook EnterpriseOne 8.9 Previsão PeopleBook Setembro 2003 PeopleSoft EnterpriseOne 8.9 Previsão PeopleBook SKU SCM89PFC0309 Copyright 2003 PeopleSoft, Inc. Todos os direitos reservados. Todas as informações

Leia mais

INE 7001 - Procedimentos de Análise Bidimensional de variáveis QUANTITATIVAS utilizando o Microsoft Excel. Professor Marcelo Menezes Reis

INE 7001 - Procedimentos de Análise Bidimensional de variáveis QUANTITATIVAS utilizando o Microsoft Excel. Professor Marcelo Menezes Reis INE 7001 - Procedimentos de Análise Bidimensional de variáveis QUANTITATIVAS utilizando o Microsoft Excel. Professor Marcelo Menezes Reis O objetivo deste texto é apresentar os principais procedimentos

Leia mais

Programação Linear com o Microsoft Excel R

Programação Linear com o Microsoft Excel R Programação Linear com o Microsoft Excel R Adriano Verdério 1, Clezio A. Braga 1 1 Colegiado do Curso de Matemática - Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas da Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Leia mais

UTILIZAÇÃO DO MÉTODO DE HOLT WINTERS PARA A PREVISÃO AGREGADA DE SANDÁLIAS FABRICADAS A PARTIR DE PNEUS INSERVÍVEIS

UTILIZAÇÃO DO MÉTODO DE HOLT WINTERS PARA A PREVISÃO AGREGADA DE SANDÁLIAS FABRICADAS A PARTIR DE PNEUS INSERVÍVEIS XXIX ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO. UTILIZAÇÃO DO MÉTODO DE HOLT WINTERS PARA A PREVISÃO AGREGADA DE SANDÁLIAS FABRICADAS A PARTIR DE PNEUS INSERVÍVEIS Tulio Franco de Souza (UEPA) tfsengprod@yahoo.com.br

Leia mais

Análise de Métodos Quantitativos em Previsão de Vendas de Insumo Para Diagnóstico In Vitro

Análise de Métodos Quantitativos em Previsão de Vendas de Insumo Para Diagnóstico In Vitro Análise de Métodos Quantitativos em Previsão de Vendas de Insumo Para Diagnóstico In Vitro RESUMO Autoria: Antenor da Veiga Neto, Ailton Conde Jussani A previsão de vendas é normalmente o ponto de partida

Leia mais

ANÁLISE DE MODELOS DE DIFUSÃO NO SETOR AUTOMOBILÍSTICO Rafael Ribeiro Rocha

ANÁLISE DE MODELOS DE DIFUSÃO NO SETOR AUTOMOBILÍSTICO Rafael Ribeiro Rocha ANÁLISE DE MODELOS DE DIFUSÃO NO SETOR AUTOMOBILÍSTICO Rafael Ribeiro Rocha ITA, Rua H8B, 205, CTA, São José dos Campos Bolsista PIBIC-CNPq rafaelita09@gmailcom Rodrigo Arnaldo Scarpel ITA, Pça Mal Eduardo

Leia mais

SALES & OPERATION PLANNING

SALES & OPERATION PLANNING Nossa caminhada SALES & OPERATION PLANNING Eduardo Pécora, Ph.D. Introdução Classificação dos Sistemas Produtivos Planejamento de Vendas e Operações Gestão da Demanda AGENDA Gestão da Demanda: Planejamento

Leia mais

Práticas Empresariais em Excel. Professor: Pádua

Práticas Empresariais em Excel. Professor: Pádua Práticas Empresariais em Excel Professor: Pádua SUMÁRIO 1 FÓRMULAS... 4 2 FUNÇÕES... 5 2.1 Data e hora... 5 2.1.1 Hoje... 5 2.1.2 Dia, Mês e... 5 2.1.3 Agora... 5 2.1.4 Hora, Minuto e Segundo... 5 2.2

Leia mais

Técnicas de Previsão de Box-Jenkins ARIMA 1

Técnicas de Previsão de Box-Jenkins ARIMA 1 Técnicas de Previsão de Box-Jenkins ARIMA 1 Introdução Metodologia Box-Jenkins Ou Método de Previsão ARIMA: Os modelos de previsão Box-Jenkins são baseados em conceitos e princípios estatísticos e são

Leia mais

Método de previsão de demanda e detecção de sazonalidade para o planejamento da produção de indústrias de alimentos.

Método de previsão de demanda e detecção de sazonalidade para o planejamento da produção de indústrias de alimentos. XXIII Encontro Nac. de Eng. de Produção - Ouro Preto, MG, Brasil, 2 a 24 de out de 2003 de previsão de demanda e detecção de sazonalidade para o planejamento da produção de indústrias de alimentos. Abelardo

Leia mais

METOLOGIA. 1. Histórico

METOLOGIA. 1. Histórico METOLOGIA O Índice de Confiança do Empresário Industrial do Rio Grande do Sul (ICEI/RS) é um indicador antecedente utilizado para identificar mudanças na tendência da produção industrial gaúcha. O ICEI

Leia mais

AULAS 13, 14 E 15 Correlação e Regressão

AULAS 13, 14 E 15 Correlação e Regressão 1 AULAS 13, 14 E 15 Correlação e Regressão Ernesto F. L. Amaral 23, 28 e 30 de setembro de 2010 Metodologia de Pesquisa (DCP 854B) Fonte: Triola, Mario F. 2008. Introdução à estatística. 10 ª ed. Rio de

Leia mais

Planejamento e Controle da Produção: um estudo de caso em uma moageira da região metropolitana de Belém-PA

Planejamento e Controle da Produção: um estudo de caso em uma moageira da região metropolitana de Belém-PA Planejamento e Controle da Produção: um estudo de caso em uma moageira da região metropolitana de Belém-PA Izamara Cristina Palheta Dias (izamarai@hotmail.com / UEPA) Marcelo Carneiro Gonçalves (marcelo.ccbn@hotmail.com

Leia mais

COMPARAÇÃO DE TÉCNICAS DE PREVISÃO DE DEMANDA PARA CONTROLE DE ESTOQUES DE EMBALAGEM PARA COMPUTADORES

COMPARAÇÃO DE TÉCNICAS DE PREVISÃO DE DEMANDA PARA CONTROLE DE ESTOQUES DE EMBALAGEM PARA COMPUTADORES COMPARAÇÃO DE TÉCNICAS DE PREVISÃO DE DEMANDA PARA CONTROLE DE ESTOQUES DE EMBALAGEM PARA COMPUTADORES UBIARA MARQUES BEZERRA OLIVEIRA (UESC ) ubiara.bezerra@gmail.com Fabricio Lopes de Souza Carvalho

Leia mais

Planejamento e Controle da Produção

Planejamento e Controle da Produção Planejamento e Controle da Produção Introdução - Sistema de PCP - Previsão da demanda - Planejamento da produção Gerência de Estoques - Lote Econômico - Plano de Produção Gerência de Projetos - CPM - PERT

Leia mais

MESTRADO EM MACROECONOMIA e FINANÇAS Disciplina de Computação. Aula 02. Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano

MESTRADO EM MACROECONOMIA e FINANÇAS Disciplina de Computação. Aula 02. Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano MESTRADO EM MACROECONOMIA e FINANÇAS Disciplina de Computação Aula 02 Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano 1 Guia de Estudo para Aula 02 Comandos de Repetição - O Comando FOR - O comando IF com o comando

Leia mais

Análise de séries temporais aplicada aos valores do salário mínimo necessário do Brasil

Análise de séries temporais aplicada aos valores do salário mínimo necessário do Brasil Análise de séries temporais aplicada aos valores do salário mínimo necessário do Brasil Talita Tanaka Fernandes Jacqueline Meneguim Manoel Ivanildo Silvestre Bezerra 3 Luiz Ricardo Nakamura Introdução

Leia mais

ANÁLISE DE DADOS ESTATÍSTICOS COM O MICROSOFT OFFICE EXCEL 2007

ANÁLISE DE DADOS ESTATÍSTICOS COM O MICROSOFT OFFICE EXCEL 2007 ANÁLISE DE DADOS ESTATÍSTICOS COM O MICROSOFT OFFICE EXCEL 2007 2 Professor Claodomir Antonio Martinazzo Sumário 1 Introdução... 03 2 Instalação da ferramenta Análise de Dados... 04 3 Estatística Descritiva...

Leia mais

1. Objectivo Durante uma experiência, medem-se certas variáveis, ex.: concentrações, pressões, temperaturas,

1. Objectivo Durante uma experiência, medem-se certas variáveis, ex.: concentrações, pressões, temperaturas, MODELAÇÃO E DETERMINAÇÃO DE PARÂMETROS CINÉTICOS FILIPE GAMA FREIRE 1. Objectivo Durante uma experiência, medem-se certas variáveis, ex.: concentrações, pressões, temperaturas, etc. a que chamaremos y

Leia mais

Tópico 11. Aula Teórica/Prática: O Método dos Mínimos Quadrados e Linearização de Funções

Tópico 11. Aula Teórica/Prática: O Método dos Mínimos Quadrados e Linearização de Funções Tópico 11. Aula Teórica/Prática: O Método dos Mínimos Quadrados e Linearização de Funções 1. INTRODUÇÃO Ao se obter uma sucessão de pontos experimentais que representados em um gráfico apresentam comportamento

Leia mais

1. Conceitos Básicos de Avaliação de Projetos 2. Classificação dos Projetos de Investimento 3. Estudos prévios

1. Conceitos Básicos de Avaliação de Projetos 2. Classificação dos Projetos de Investimento 3. Estudos prévios 1. Conceitos Básicos de Avaliação de Projetos... 1.1. Valor Atual... 1.2. Capital Investido... 1.3. Cash Flow... 1.4. Valor residual do investimento... 1.5. Vida económica do equipamento... 2. Classificação

Leia mais

Excel Básico e Avançado. Aula 1

Excel Básico e Avançado. Aula 1 Excel Básico e Avançado Aula 1 Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano Mudanças Abruptas www.mudancasabruptas.com.br PARTE 1 OPERAÇÕES BÁSICAS COM CÉLULAS Movendo-se em uma pasta de trabalho Barra de tarefas

Leia mais

Gestão de Estoques: uma ferramenta para a redução de custos

Gestão de Estoques: uma ferramenta para a redução de custos Universidade de São Paulo Faculdade de Economia e Administração Graduação em Administração Gestão de Estoques: uma ferramenta para a redução de custos Roberto Flores Falcão RESUMO A necessidade de profissionalização

Leia mais

5. Estudo de Caso. 5.1. Redex

5. Estudo de Caso. 5.1. Redex 69 5. Estudo de Caso 5.1. Redex Em setembro de 2007, foi inaugurado o Redex. A área, que anteriormente funcionava como um terminal de contêineres vazios, passou a ter como principal negócio a unitização

Leia mais

Combinação de métodos de séries temporais para previsão da demanda de café no Brasil

Combinação de métodos de séries temporais para previsão da demanda de café no Brasil Combinação de métodos de séries temporais para previsão da demanda de café no Brasil Marcelo Lacerda Rezende (UNIFEI) mrezende@unifei.edu.br Livio Agnew Bacci (UNIFEI) livioab@yahoo.com.br André Luiz Medeiros

Leia mais

MetrixND. especificações. MetrixND - Ferramenta de previsão de energia elétrica

MetrixND. especificações. MetrixND - Ferramenta de previsão de energia elétrica MetrixND especificações MetrixND - Ferramenta de previsão de energia elétrica Visão geral O MetrixND da Itron é uma ferramenta de modelagem flexível, bastante usada pelos principais serviços de previsão

Leia mais

SOLVER(EXCEL): MANUAL DE REFERÊNCIA

SOLVER(EXCEL): MANUAL DE REFERÊNCIA SOLVER(EXCEL): MANUAL DE REFERÊNCIA Aloísio de Castro Gomes Júnior Marcone Jamilson Freitas Souza Projeto patrocinado pelo programa PRÓ-ATIVA da UFOP DEPARTAMENTO DE COMPUTAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE

Leia mais

Sumário. Site de Pesquisa... 1 Word... 3 PowerPoint 2010... 10 Excel 2010... 12 Downloads... 13

Sumário. Site de Pesquisa... 1 Word... 3 PowerPoint 2010... 10 Excel 2010... 12 Downloads... 13 Sumário Site de Pesquisa... 1 Word... 3 PowerPoint 2010... 10 Excel 2010... 12 Downloads... 13 Site de Pesquisa Para fazermos pesquisas utilizamos sites como Cade, Bing e Aonde, mas o mais usado e conhecido

Leia mais

PRO FOR WINDOWS (FPW)

PRO FOR WINDOWS (FPW) INTRODUÇÃO OAO FORECAST PRO FOR WINDOWS (FPW) Considerações Básicas Introdução ao Forecast Pro Software para análise e previsão de séries temporais. Características importantes Roda sob as diversas versões

Leia mais

Modelo SARIMA: um estudo de caso sobre venda mensal de gasolina

Modelo SARIMA: um estudo de caso sobre venda mensal de gasolina Modelo SARIMA: um estudo de caso sobre venda mensal de gasolina Ana Julia Righetto 1 Luiz Ricardo Nakamura 1 Pedro Henrique Ramos Cerqueira 1 Manoel Ivanildo Silvestre Bezerra 2 Taciana Villela Savian

Leia mais

Especificação dos Requisitos do Software: Sistema de Gerenciamento de Planos Corporativo de Celulares

Especificação dos Requisitos do Software: Sistema de Gerenciamento de Planos Corporativo de Celulares Empresa de Informática Infinity LTDA Especificação dos Requisitos do Software: Sistema de Gerenciamento de Planos Corporativo de Celulares Autores: Bruno Alexandre de Souza Emerson Diogo de Lima Muzambinho/MG

Leia mais

SEXTA PARTE. 46. Administração dos estoques modelos e sistemas básicos. 46.1. Tipos de demandas

SEXTA PARTE. 46. Administração dos estoques modelos e sistemas básicos. 46.1. Tipos de demandas Administração de Materiais 152 SEXTA PARTE 46. Administração dos estoques modelos e sistemas básicos 46.1. Tipos de demandas Quando estamos tratando das características dos estoques, um atributo muito

Leia mais

COMENTÁRIO AFRM/RS 2012 ESTATÍSTICA Prof. Sérgio Altenfelder

COMENTÁRIO AFRM/RS 2012 ESTATÍSTICA Prof. Sérgio Altenfelder Comentário Geral: Prova muito difícil, muito fora dos padrões das provas do TCE administração e Economia, praticamente só caiu teoria. Existem três questões (4, 45 e 47) que devem ser anuladas, por tratarem

Leia mais

Excel Básico e Avançado. Aula 3

Excel Básico e Avançado. Aula 3 Excel Básico e Avançado Aula 3 Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano Mudanças Abruptas www.mudancasabruptas.com.br Fórmulas Se distinguem das células de texto por serem iniciadas pelo símbolo = Calculando

Leia mais

PREVISÃO DE DEMANDA - O QUE PREVISÃO DE DEMANDA - TIPOS E TÉCNICAS DE PREVISÃO DE DEMANDA - MÉTODOS DE PREVISÃO - EXERCÍCIOS

PREVISÃO DE DEMANDA - O QUE PREVISÃO DE DEMANDA - TIPOS E TÉCNICAS DE PREVISÃO DE DEMANDA - MÉTODOS DE PREVISÃO - EXERCÍCIOS CONTEÚDO DO CURSO DE PREVISÃO DE DEMANDA PROMOVIDO PELA www.administrabrasil.com.br - O QUE PREVISÃO DE DEMANDA - TIPOS E TÉCNICAS DE PREVISÃO DE DEMANDA - MÉTODOS DE PREVISÃO - EXERCÍCIOS - HORIZONTE

Leia mais

APLICAÇÃO DE MÉTODOS DE PREVISÃO DE DEMANDA PARA REDUÇÃO DE CUSTOS NA GESTÃO DO ESTOQUE

APLICAÇÃO DE MÉTODOS DE PREVISÃO DE DEMANDA PARA REDUÇÃO DE CUSTOS NA GESTÃO DO ESTOQUE APLICAÇÃO DE MÉTODOS DE PREVISÃO DE DEMANDA PARA REDUÇÃO DE CUSTOS NA GESTÃO DO ESTOQUE Igor Henrique Inácio de Oliveira igoroliveira06@outlook.com FATEC Guarulhos Lucas Lopes Filholino Rodrigues lucasfilholino@hotmail.com

Leia mais

PLANO DE AULA Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Bento Gonçalves

PLANO DE AULA Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Bento Gonçalves PLANO DE AULA Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Bento Gonçalves Projeto PIBID-IFRS-BG Área: Física Plano de Aula para Aplicação de Atividade Experimental Nº

Leia mais

PLANEJAMENTO DE CAPACIDADE EM INFRA-ESTRUTURAS SUPORTADAS POR SERVIÇOS TERCEIRIZADOS DE REDE DE COMUNICAÇÃO DE DADOS

PLANEJAMENTO DE CAPACIDADE EM INFRA-ESTRUTURAS SUPORTADAS POR SERVIÇOS TERCEIRIZADOS DE REDE DE COMUNICAÇÃO DE DADOS PLANEJAMENTO DE CAPACIDADE EM INFRA-ESTRUTURAS SUPORTADAS POR SERVIÇOS TERCEIRIZADOS DE REDE DE COMUNICAÇÃO DE DADOS Roosevelt Belchior Lima Neste artigo será apresentada uma proposta de acompanhamento

Leia mais

ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION

ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION Orion Versão 7.91 INSERE Sugestão de Compras Para o programa de Análise e Sugestão de Compras foi criado um novo parâmetro na tabela Auxiliar CURV.ABC, que se chama SIMILAR,

Leia mais

COMO USAR O EXCEL PARA PROJETAR AS ENTRADAS DO FLUXO DE CAIXA DIÁRIO

COMO USAR O EXCEL PARA PROJETAR AS ENTRADAS DO FLUXO DE CAIXA DIÁRIO COMO USAR O EXCEL PARA PROJETAR AS ENTRADAS DO FLUXO DE CAIXA DIÁRIO! Como projetar uma linha de tendência no Excel?! Como escolher a curva que melhor se ajusta a uma determinada origem de dados?! Como

Leia mais

Controlador DMC-Dynamic Matrix Control

Controlador DMC-Dynamic Matrix Control Capítulo 7 Controlador DMC-Dynamic Matrix Control 7.1 Introdução Em 1979, Cluter e Ramaker apresentaram um algoritmo preditivo,o controlador DMC, como uma metodologia capaz de manipular restrições operacionais

Leia mais

REVISÃO DO PROCESSO DE PREVISÃO DE VENDAS E DO CONTROLE DE ESTOQUES DE JOIAS

REVISÃO DO PROCESSO DE PREVISÃO DE VENDAS E DO CONTROLE DE ESTOQUES DE JOIAS THAÍSA GIORNO DANTAS RABANEDA LOPES REVISÃO DO PROCESSO DE PREVISÃO DE VENDAS E DO CONTROLE DE ESTOQUES DE JOIAS Trabalho de formatura apresentado à Escola Politécnica da Universidade de São Paulo para

Leia mais

Desenvolvimento de um Sistema de Previsão de Demanda na Tractebel

Desenvolvimento de um Sistema de Previsão de Demanda na Tractebel 1 Desenvolvimento de um Sistema de Previsão de Demanda na Tractebel D. U. S. Barbosa, M. Carneiro, E. Camponogara, F. B. Andrade e F. M.Vidal (1) Resumo Este artigo apresenta o resultado de um estudo para

Leia mais

Bacharelado em Ciência e Tecnologia Bacharelado em Ciências e Humanidades. Representação Gráfica de Funções

Bacharelado em Ciência e Tecnologia Bacharelado em Ciências e Humanidades. Representação Gráfica de Funções Bacharelado em Ciência e Tecnologia Bacharelado em Ciências e Humanidades BC 0005 Bases Computacionais da Ciência Representação Gráfica de Funções Prof a Maria das Graças Bruno Marietto graca.marietto@ufabc.edu.br

Leia mais

Previsão de demanda de três produtos fornecidos por um distribuidor de bebidas

Previsão de demanda de três produtos fornecidos por um distribuidor de bebidas Resumo Previsão de demanda de três produtos fornecidos por um distribuidor de bebidas Tâmis Scipioni 1 Miguel Afonso Sellitto 2 O objetivo deste artigo foi identificar a metodologia de previsão de demanda

Leia mais

Gestão de compras e estoques. Sistema de Reposição de Estoques

Gestão de compras e estoques. Sistema de Reposição de Estoques Gestão de compras e estoques Sistema de Reposição de Estoques Previsão de estoques... A previsão, aumento ou diminuição na compra de novos produtos depende do consumo; Quais produtos, quando e quanto deve

Leia mais

Sumário do Plano de Testes

Sumário do Plano de Testes ICOL Versão 12.1 Plano de Testes Sumário do Plano de Testes 1. Escopo...2 2. Implementações...2 CR3085 Restrição de Ambientes...3 CR3091 Restrição de Intervalos...9 CR3096 Períodos...10 CR3111 Curvas Histórico...11

Leia mais

TOTVS BA Guia de Customização Linha Logix

TOTVS BA Guia de Customização Linha Logix TOTVS BA Guia de Customização Linha Logix Guia de Customização Sumário Título do documento 1. Objetivo... 3 2. Introdução... 3 3. Customização... 3 2 TOTVS BA Linha Logix Guia de Customização Projeto/Versão:

Leia mais

O planejamento e controle da produção em uma cooperativa do setor agroindustrial

O planejamento e controle da produção em uma cooperativa do setor agroindustrial O planejamento e controle da produção em uma cooperativa do setor agroindustrial Edimar Marcon (UFOP) edimarcon@yahoo.com.br Nayara Franciele Silva (UFOP) nayara_fram@yahoo.com.br Paulo Roberto do Nascimento

Leia mais

Planilha Eletrônica - Excel

Planilha Eletrônica - Excel 29/04/2016 99 O Excel é um programa de planilha eletrônica desenvolvido pela Microsoft para Windows, que pode ser utilizado para calcular, armazenar e trabalhar com lista de dados e fazer relatórios e

Leia mais

FAQ. Erros, e dúvidas frequentes

FAQ. Erros, e dúvidas frequentes FAQ Erros, e dúvidas frequentes Sumário ERROS CONHECIDOS... 2 1. Botões desabilitados ou Congelados... 2 Resolução 2... 2 2. Erro de cadastro... 3 3. Célula com o campo #VALOR... 3 4. Erro em tempo de

Leia mais

SicLoja Polyvan. Polyvan Informática e computação Gráfica Ltda. Email: polyvan@polyvanet.com.br

SicLoja Polyvan. Polyvan Informática e computação Gráfica Ltda. Email: polyvan@polyvanet.com.br Polyvan Informática e computação Gráfica Ltda. Email: polyvan@polyvanet.com.br SicLoja Polyvan Objetivo: Controla serviços, comissões dos funcionários, débitos dos clientes, contas apagar controle de estoque

Leia mais

Engenharia de Software 2006/2

Engenharia de Software 2006/2 Engenharia de Software 2006/2 1 a Lista de Exercícios O projeto SisPousa tem por objetivo desenvolver um sistema de informação para apoiar o controle de uma pousada. Encontra-se, em anexo, o documento

Leia mais

Técnicas de previsão de demanda: um estudo de caso triplo com dados de venda de materiais eletro-mecânicos

Técnicas de previsão de demanda: um estudo de caso triplo com dados de venda de materiais eletro-mecânicos Técnicas de previsão de demanda: um estudo de caso triplo com dados de venda de materiais eletro-mecânicos Data de recebimento: 03/05/2007 Data de aprovação: 31/05/2007 Gustavo Luis Zan (UNISINOS) gustavo_lz@yahoo.com.br

Leia mais