Gerência de Projetos de Software com PMBOK

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Gerência de Projetos de Software com PMBOK"

Transcrição

1 Faculdades Integradas Paiva de Vilhena Curso: Bacharelado em Sistemas de Informação Disciplina: Gerência de Projetos de Software RODRIGO GOMES DA SILVA Gerência de Projetos de Software com PMBOK Campanha 2010

2 SUMÁRIO 1 PROJETOS DURAÇÃO DOS PROJETOS OBJETIVOS DOS PROJETOS GERÊNCIA DE PROJETOS O AMBIENTE DO PROJETO O PMI PROJETC MANAGEMENT INSTITUTE PMBOK FASES DO PROJETO E O CICLO DE VIDA AS PARTES ENVOLVIDAS NO PROJETO LIDERANÇA A ESTRUTURA DA GERÊNCIA DE PROJETOS COM PMBOK PROCESSO DE INICIAÇÃO PROCESSO DE PLANEJAMENTO PROCESSOS ESSENCIAIS PROCESSOS FACILITADORES PROCESSOS DE EXECUÇÃO PROCESSOS DE CONTROLE PROCESSOS DE ENCERRAMENTO AS ÁREAS DE CONHECIMENTO DO PMBOK GERÊNCIA DA INTEGRAÇÃO DE PROJETOS GERÊNCIA DO ESCOPO DO PROJETO GERÊNCIA DO TEMPO DO PROJETO GERÊNCIA DO CUSTO DO PROJETO GERÊNCIA DA QUALIDADE DO PROJETO GERÊNCIA DOS RECURSOS HUMANOS DO PROJETO GERÊNCIA DAS COMUNICAÇÕES DO PROJETO GERÊNCIA DOS RISCOS DO PROJETO GERÊNCIA DAS AQUISIÇÕES DO PROJETO REFERÊNCIAS... 22

3

4 1. PROJETOS 6 Toda organização desenvolve algum tipo de trabalho, tais trabalhos são executados por pessoas, envolvem a aplicação de recursos e devem ser planejados e controlados. Os trabalhos desenvolvidos pelas organizações podem ser categorizados em: serviços continuados e projetos. O primeiro envolve processos contínuos e repetitivos, enquanto que os projetos são temporários e únicos. Desta forma, PMBOK(2000) define que um projeto é um empreendimento temporário com o objetivo de criar um produto ou serviço único. Dizer que um projeto é temporário, significa que ele possui um início e um fim claramente definidos. Único identifica que o produto ou serviço atingido com a conclusão do projeto é de certa forma diferente de todos os outros. Os projetos são desenvolvidos em todos os níveis da organização. Eles podem envolver uma única pessoa ou milhares delas. Podem requerer menos do que 100 horas de trabalho ou até ou mais para se completarem. (PMBOK, pag. 4) Desta forma o que define o tempo do projeto, assim como a alocação de recursos necessários dependerá do tamanho e complexidade do mesmo. Bruzzi(2008, pag.15) afirma que projeto é um empreendimento não repetitivo, caracterizado por uma sequência clara e lógica de eventos, com início, meio e fim, que se destina a atingir um objetivo claro e definido. Frequentemente as organizações desenvolvem projetos como parte de suas estratégias de negócios, com o propósito de atingir algum objetivo. Normalmente este objetivo está ligado a melhoria de sua atuação no mercado. KERZNER(2004, pag. 15) define que um projeto é um empreendimento com objetivo bem definido, que consome recursos e opera sob pressões de prazo, custos e qualidade. Além disso, o autor afirma que um projeto é uma atividade exclusiva da empresa.

5 1.1 DURAÇÃO DOS PROJETOS 7 Como dito na seção anterior, a temporariedade do projeto indica que ele tem um início e um fim estabelecidos. Entende-se que o projeto chegou ao fim no momento em que os seus objetivos foram alcançados, ou quando se percebe que tais objetivos não poderão ser atingidos. O termo temporário não deve ser aplicado ao serviço ou produto objeto do projeto, mas sim aos processos que envolvem o projeto, por exemplo, no caso de um projeto de arquitetura para a construção de um prédio, neste caso, o projeto é temporário, ou seja, tem um início e um fim. É evidente percebermos que o fim do projeto ocorrerá quando o prédio estiver construído, no entanto, o objeto do projeto, no caso, o prédio, não é temporário, ele foi construído para durar décadas ou mesmo séculos. Muitos empreendimentos são temporários apenas no sentido de que eles terminarão num momento qualquer. Por exemplo, uma linha de montagem de uma fábrica de automóveis, poderá eventualmente ser descontinuada, ou a própria fábrica ser desativada. Um projeto é fundamentalmente diferente porque ele termina quando seus objetivos propostos são alcançados, enquanto as operações continuadas (não projetos), quando atingem seus objetivos, criam um novo grupo de objetivos e o trabalho continua. (PMBOK,2000, pag 4) O fator tempo dos projetos é relevante em outras questões, como exemplo disto as oportunidades de mercado podem mudar, e com isto, os objetivos do projeto podem não apresentar mais relevância para a organização. 1.2 OBJETIVOS DOS PROJETOS O objetivo de um projeto é desenvolver algum produto ou serviço que nunca tenha sido feito antes, desta forma é único. Mesmo que exista um produto similar no mercado ele se torna único para a empresa desenvolvedora do projeto. Por exemplo, muitas casas já foram construídas, no entanto cada nova unidade é um projeto único,

6 8 pois possui um proprietário diferente, uma localização própria, dentre outras características. Como o produto de cada projeto é único, as características peculiares que o distinguem devem ser progressivamente elaboradas. Progressivamente significa proceder por etapas; continuar de forma determinada, por incrementos, enquanto elaboradas significa trabalhadas com cuidado e detalhe; desenvolvidas por completo. (PMBOK, 2000, pag. 5) 1.3 GERÊNCIA DE PROJETOS Segundo o PMBOK(2000, pag. 6), a gerência de projetos é a aplicação de conhecimentos, habilidades, e técnicas para projetar atividades que visem atingir ou exceder as necessidades e expectativas das partes envolvidas, com relação ao projeto. Para que tais expectativas sejam atingidas, a gerência de projetos deverá alcançar um equilíbrio entre: a) escopo, prazo, custo e qualidade; b) diferentes necessidades das partes envolvidas no projeto; c) necessidades concretas e expectativas. Bruzzi(2008, pag.16) propõe que a gerência de projetos pode ser descrita pelo planejamento, programação e controle das atividades que envolvem o controle. Para o autor, o gerenciamento do projeto deve ter como premissa a qualidade, o tempo e o custo. O escopo do projeto deverá definir o que será ou não atendido e define os limites a serem obedecidos, limites mínimos de qualidade, limites máximos de tempo e limites máximos de custos. ORTH e PRIKLANDNICKI(2009, pag. 27) afirmam que a gerência de projetos é a aplicação de conhecimentos, habilidades, ferramentas e técnicas nas atividades do projeto de maneira a atingir os objetivos desejados. A gerência de projetos é implementada através da execução de processos de iniciação, planejamento, execução controle e encerramento. Estes processos são de natureza iterativos, devido à

7 9 característica de elaboração progressiva atribuída ao ciclo de vida dos projetos. (PMI, 2004) KERZNER(2004, pag, 15) afirma ainda que o papel de um gestor de projetos é mais de integrador do que de um técnico especialista, pois seu papel é integrar o planejamento, a programação e o controle de diversas tarefas que visam atingir o objetivo do projeto. Segundo KERZNER(2004, pag. 16), a coordenação do projeto deve ser administrada horizontalmente, não mais verticalmente. Enquanto que na administração vertical os colaboradores são organizados em cadeias de comandos de cima pra baixo, na administração horizontal o trabalho é organizado ao longo dos vários grupos funcionais que trabalham em interação permanente. O fluxo horizontal de trabalho acarreta produtividade, eficiência e eficácia. As empresas que conseguiram se especializar em fluxo horizontal de trabalho são, geralmente, mais lucrativas que aquelas que continuam a utilizar exclusivamente o fluxo vertical. (KERZNER, 2004, pag. 16) A gerência de projetos não deve apenas se preocupar em atingir os objetivos de escopo, tempo, custo e qualidade, mas também deve facilitar os processos para satisfazer as necessidades e expectativas das pessoas envolvidas. 1.4 O AMBIENTE DO PROJETO Todo projeto é criado e executado em um determinado contexto (ambiente do projeto). Tal ambiente influencia de forma significativa os resultados do projeto. Tais influências podem ser oriundas de normas, problemas a serem solucionados e forças internas e externas à organização. ORTH e PRIKLANDNICKI(2009, pag. 28) citam como exemplos de influências externas do projeto: aspectos geofísicos, ecológicos, sociais, psicológicos, culturais, econômicos, financeiros, jurídicos, contratuais, organizacionais, tecnológicos e estéticos. Diante de tais influências externas ao projeto, ORTH e PRIKLANDNICK(2009, pag. 28) afirmam que:...deve haver um monitoramento sistemático, antecipado e voltado para o futuro, das influências positivas(apoios) e negativas (distúrbios)

8 10 do ambiente do projeto. Isso será um fator importante no sucesso do projeto. O monitoramento representa uma pré-condição para se poderem avaliar as conseqüências dessas influências, para a adoção de medidas corretivas e para o adequado planejamento de controle do contexto do projeto. (ORTH e PRIKLANDNICK, 2009, pag. 28) 1.5 O PMI PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE O PMI é a principal associação de gerenciamento de projetos, ela atua a nível mundial e proporciona aos seus associados, oportunidades de compartilhamento de teorias, melhores práticas e experiências em gerenciamento de projetos. Fundado em 1969 nos EUA, o PMI tem atuado como o maior defensor mundial da profissão de gerenciamento de projetos. De acordo com o site do PMI no Brasil (www.pmi.org.br), o PMI conta com mais de associados, em mais de 160 países. Dentre o quadro de associados do PMI, todos os setores estão representados, tais como: tecnologia de informação, defesa aeroespacial, serviços financeiros, telecomunicações, engenharia e construção, dentre outros. De acordo com o site, a meta principal do PMI é avançar na prática, na ciência e na profissão de gerenciamento de projetos em todo mundo, de uma maneira consciente e pró-ativa, para que as organizações em todos os lugares apóiem, valorizem e utilizem o gerenciamento de projetos e então atribuam seus associados a ele. (PMI, 2010) 1.6 PMBOK O PMBON é uma compilação realizada pela PMI que demonstra todo conhecimento necessário para a condução e gerência de projetos. É de fundamental importância que os gerentes de projetos conheçam os ensinamentos apresentados no

9 11 PMBOK que, traduzem as práticas mais utilizadas pela profissão de gerência de projetos. O universo de conhecimento em gerência de projetos (PMBOK) é uma denominação que representa todo somatório de conhecimento dentro da profissão de gerência de projetos. Como qualquer outra profissão - advocacia, medicina e contabilidade - o conjunto de conhecimentos baseia-se na contribuição daqueles profissionais e estudantes que aplicam esses conhecimentos no dia a dia, desenvolvendo-os. Este Conjunto Completo de Conhecimentos em Gerência de Projetos (Full PMBOK) inclui os conhecimentos já comprovados através de práticas tradicionais que são amplamente utilizadas, assim como conhecimentos de práticas mais inovadoras e avançadas que têm tido uma aplicação mais limitada. (PMBOK,2000, pag. 3) 1.7 FASES DO PROJETO E O CICLO DE VIDA Pelo fato de cada projeto ser único, existe sempre um certo grau de incerteza. Normalmente as organizações dividem os projetos em fases para melhorar os processos de gerenciamento. O conjunto de fases do projeto é reconhecido como o ciclo de vida do projeto. Ao final de cada fase do projeto, subprodutos deverão ser produzidos de forma que seja possível realizar verificações. A conclusão de uma fase é geralmente marcada pela revisão dos principais subprodutos e pela avaliação do desempenho do projeto tendo em vista (a) determinar se o projeto deve continuar na sua próxima fase e (b) detectar e corrigir erros a um custo aceitável. Estas revisões de fim de fase são comumente denominadas saídas de fase (phase exits), passagens de estágio (stage gates) ou pontos de término (kill points). (PMBOK, 2000, cap.2, pag. 11) Desta forma é comum que, os subprodutos criados durante o encerramento de uma fase sejam verificados e aprovados antes que a equipe inicie as atividades da próxima fase, com isto, problemas podem ser detectados e corrigidos antes de iniciar a fase posterior.

10 12 De acordo com o PMBOK(2000), o ciclo de vida do projeto define qual trabalho deverá ser executado em cada fase e quem deverá executá-lo. 1.8 AS PARTES ENVOLVIDAS NO PROJETO As partes envolvidas no projeto são pessoas e/ou organizações cujo interesse podem ser afetados, positiva ou negativamente, por alguma fase do projeto ou pela conclusão do mesmo. É papel da gerência de projetos identificar as partes envolvidas, assim como suas expectativas e necessidades. Normalmente podemos identificar as partes envolvidas nos grupos: gerente do projeto, cliente, organização executora e patrocinador. Além destes várias outras partes envolvidas podem ser identificadas. Para isto a gerência do projeto deverá realizar um estudo detalhado. O gerente do projeto é o indivíduo responsável pela gerência das fases do projeto. Os clientes incluem as pessoas e/ou organizações que farão uso do produto do projeto. A organização executora é identificada pela execução do projeto e o patrocinador, por sua vez, é identificado como o indivíduo ou organização que realiza os investimentos de recursos financeiros, pessoas para apoio ao projeto. 1.9 LIDERANÇA O PMBOK(2000) distingue liderança de gerência, no entanto enfatiza que, se não existir um alinhamento entre liderança e gerência possivelmente o projeto irá gerar resultados insatisfatórios. A gerência tem a preocupação de produzir resultados satisfatórios para as partes envolvidas, enquanto que a liderança busca estabelecer direção, alinhamento de pessoas e motivação. Durante o decorrer de um projeto, espera-se que o gerente seja também um líder, porém a liderança não deve ser exercida apenas pelo gerente de projetos, mas também por diferentes indivíduos, tais como, líderes de equipe técnica e outros. Embora muitos dos autores insistam em procurar uma definição concreta para liderança, eles concordam que é um assunto muito complexo. Em relação ao que é um

11 13 líder, entende-se que líder é aquele que tem se destacado e que influencia pessoas ou grupos de pessoas. A liderança inclui toda a atividade de influencia de pessoas. A grande diferença de uma liderança eficaz está na diferença de influência e imposição, é possível impor certa atividade para seu subordinado, mas será impossível impor a motivação para que o mesmo faça de forma produtiva e é essa motivação que os líderes procuram melhorar em seus liderados. A liderança é de fundamental importância para qualquer tipo de organização humana. Em modalidades individuais e coletivas, ou seja, onde o líder precisa conhecer as razões e emoções das pessoas que exerce a liderança e saber conduzi-las, pois é o comportamento do líder que irá induzir as pessoas a atingir seus objetos. Para os líderes, mais importante que atingir o resultado desejado é que as pessoas cheguem a esse resultado com sua livre vontade. Para Bernardinho (2006, pág. 114) Ser líder é dar exemplo para que os outros saibam como se faz e se esforcem para repetir a tarefa no mesmo nível ou ainda melhor. Essa é a única liderança que sustenta com o tempo. Nada melhor para você influenciar as pessoas do que aquilo que você faz. Liderar é inspirar e influenciar pessoas a fazerem a coisa certa, de preferência entusiasticamente e visando ao objetivo comum. Contudo, para alguém seguir seu exemplo é preciso que você pratique o que quer ensinar, não pode influenciar uma pessoa a praticar alguma coisa, se você próprio não a pratica. O líder tem que dar o exemplo para seus subordinados, já que por sua vez são considerados seus seguidores, portanto terá o mesmo comportamento que o líder tem A ESTRUTURA DA GERÊNCIA DE PROJETOS COM PMBOK A estrutura da gerência de projetos com PMBOK baseia-se em cinco grupos de processos, sendo: iniciar, planejar, executar, controlar e encerrar PROCESSO DE INICIAÇÃO

12 14 Durante esta fase, a gerência de projetos deve atuar de forma a conseguir o comprometimento dos envolvidos para o início da próxima fase PROCESSO DE PLANEJAMENTO O planejamento do projeto é um processo que pode determinar o sucesso ou fracasso do mesmo. O planejamento deve estar de acordo com o escopo do projeto. O planejamento se divide em: processos essenciais e processos facilitadores PROCESSOS ESSENCIAIS a) Planejamento do escopo: onde deve ser elaborado uma descrição do escopo do projeto. - Detalhamento do escopo: onde o escopo deve ser subdivido em subprodutos mensuráveis. b) Definição das atividades: devem ser identificadas as principais atividades a serem executadas para que sejam alcançadas os subprodutos do projeto. c) Seqüenciamento de atividades: devem ser identificadas e documentas as dependências entre as atividades. d) Desenvolvimento do cronograma: deve ser definido o cronograma do projeto, a partir da análise da seqüência das atividades, tempo gasto por cada atividade e recursos aplicados. e) Planejamento dos recursos; determinar quais os recursos serão aplicados a cada atividade do planejamento. f) Estimativa de custos: definir uma perspectiva aproximada de custos aplicados a cada atividade do planejamento. g) Orçamento dos custos: atribuir as estimativas de custo globais a cada atividade. h) Desenvolvimento do Plano do Projeto: agrupas os resultados do planejamento em um documento coerente com o projeto.

13 PROCESSOS FACILITADORES 15 a) Planejamento da qualidade: reconhecer quais serão os padrões de qualidade relevantes para o projeto e definir como alcançá-los. b) Planejamento organizacional: definir de forma clara, quais os papéis hierárquicos e responsabilidades no projeto. c) Montagem da equipe: designar e alocar os recursos humanos necessários ao projeto. d) Planejamento das comunicações: definir de forma clara como será o processo de comunicação entre os membros envolvidos. e) Identificação dos riscos: identificar e documentar os prováveis riscos do projeto. f) Quantificação dos riscos: avaliar os riscos do projeto para determinar suas conseqüências. g) Desenvolvimento das respostas ao risco: definir previamente os passos necessários para o aproveitamento de oportunidades e respostas `as ameaças. h) Planejamento de aquisições: determinar o que contratar e quando contratar. i) Preparação das aquisições: documentar os produtos e serviços a serem adquiridos e os principais fornecedores PROCESSOS DE EXECUÇÃO Os processos de execução incluem processos essenciais e facilitadores, sendo: a) Execução do plano do projeto: executar as atividades definidas previamente no plano do projeto. b) Verificação do escopo: validar formalmente os resultados obtidos em cada fase do projeto. c) Garantia da qualidade: avaliar constantemente se o projeto irá satisfazer os padrões de qualidade definidos. d) Desenvolvimento da equipe: desenvolver habilidades nos membros da equipe de tal forma que melhore o desempenho do projeto. e) Distribuição das informações: disponibilizar as informações necessárias as pessoas devidamente autorizadas a recebê-las.

14 16 f) Pedido de propostas: obter as propostas de produtos ou serviços a serem adquiridos. g) Seleção de fornecedores: definir quais serão os fornecedores do projeto. h) Administração dos contatos: gerenciar o relacionamento com fornecedores e demais pessoas envolvidas PROCESSOS DE CONTROLE O desempenho do projeto deve ser medido regularmente para identificar as variações do plano. Estes desvios são analisados, dentro dos processos de controle, nas diversas áreas de conhecimento. Na medida em que são identificados desvios significativos (aqueles que colocam em risco os objetivos do projeto), realizam-se ajustes ao plano através da repetição dos processos de planejamento que sejam adequados àquele caso. (PMBOK, 2000, cap.3, pag.32) Da mesma forma que nos processos apresentados anteriormente, os processos de controle também utilizam subprocessos essenciais e facilitadores, sendo eles: a) Controle geral de mudanças: controlas toda e qualquer mudança que ocorrer durante todo o projeto. b) Controle de mudanças do escopo: identificar e controlar as mudanças do escopo do projeto. c) Controle do cronograma: controlar as possíveis mudanças ocorridas no cronograma do projeto. d) Controle de custos: administrar as mudanças no orçamento do projeto. e) Controle da qualidade: controlar os resultados do projeto e identificar se estão atingindo os padrões de qualidade definidos, e identificar causas de desempenho insatisfatórios. f) Relato de desempenho: obter e divulgar informações de desempenho do projeto, tais como: status, progresso, estimativas e outros. g) Controle de respostas ao risco: responder aos riscos durante o curso do projeto.

15 PROCESSOS DE ENCERRAMENTO 17 O processo de encerramento do projeto divide-se em duas partes: a) Encerramento Administrativo: visa reunir os envolvidos no projeto para informar e documentar o encerramento do mesmo, ou de uma fase específica. b) Encerramento dos Contratos: visa completar e liquidas os contratos existentes no projeto AS ÁREAS DE CONHECIMENTO DO PMBOK Os cinco grupos de processos do PMBOK abrangem nove áreas do conhecimento: a) Gerência da integração do projeto; b) Gerência do escopo do projeto; c) Gerência do tempo do projeto; d) Gerência do custo do projeto; e) Gerência da qualidade do projeto; f) Gerência dos recursos humanos do projeto; g) Gerência das comunicações do projeto; h) Gerência dos riscos do projeto; i) Gerência das aquisições do projeto GERÊNCIA DA INTEGRAÇÃO DO PROJETO A Gerência de Integração do Projeto preocupa-se em assegurar que os diversos elementos do projeto estão adequadamente coordenados, para isto, ela engloba: a) Desenvolvimento do Plano do Projeto b) Execução do Plano do Projeto c) Controle Geral de Mudanças Estes processos interagem uns com os outros e também com os processos das demais áreas de conhecimento. Cada processo pode

16 18 envolver esforço de um ou mais indivíduos ou grupos de indivíduos dependendo das necessidades do projeto. Cada processo geralmente ocorre pelo menos uma vez em cada fase do projeto. (PMBOK,2000, cap. 4, pag. 39) GERÊNCIA DO ESCOPO DO PROJETO A Gerência do Escopo do Projeto visa assegurar que todo trabalho necessário esteja incluído no projeto. A preocupação principal é definir e controlar o que está ou não incluído no projeto. Para isto, ela engloba: a) Iniciação b) Planejamento do escopo c) Detalhamento do escopo d) Verificação do escopo e) Controle de mudanças do escopo De acordo com o PMBOK(2000, cap. 5, pag. 47) o termo escopo deve-se referir a: a) Escopo do produto aspectos e funções que devam ser incluídos no produto ou serviço. b) Escopo do projeto o trabalho que deve ser feito com a finalidade de entregar um produto de acordo com os aspectos e as funções especificados. Apesar de o projeto consistir em um único produto ou serviço, este pode incluir diversos elementos subsidiários. A conclusão do escopo do produto ou serviços deverá ser medida por meio das exigências definidas, enquanto que o escopo do projeto é definido por meio do plano do projeto GERÊNCIA DO TEMPO DO PROJETO A Gerência do Tempo do Projeto tem como objetivo assegurar que o projeto será concluído no tempo previsto, para tal ele utiliza os processos:

17 19 a) Definição das atividades b) Seqüenciamento das atividades c) Estimativa da duração das atividades d) Desenvolvimento do cronograma e) Controle do cronograma Em projetos pequenos, os processos de seqüenciamento das atividades, estimativa da duração das atividades e desenvolvimento do cronograma podem estar tão unidos que podem até parecer um processo único GERENCIA DO CUSTO DO PROJETO A Gerência do Custo do Projeto envolve os processos necessários para garantir que o projeto será concluído dentro do custo previamente definido e aprovado. Envolve os processos: a) Planejamento dos recursos b) Estimativa dos custos c) Orçamentação dos custos d) Controle dos custos A gerência do custo do projeto consiste, fundamentalmente, nos custos dos recursos necessários à implementação das atividades do projeto. Entretanto, a gerência do custo do projeto deve, também, considerar os efeitos das decisões do projeto no custo de utilização do produto do projeto. (PMBOK, 2000, cap. 7, pag.73) GERENCIA DA QUALIDADE DO PROJETO A Gerência da Qualidade do Projeto visa gerenciar os processos que garantam que o projeto atinja os padrões de qualidade pré-determinados, para tal envolve os processos: a) Planejamento da qualidade b) Garantia da qualidade

18 c) Controle da qualidade 20 A gerência da qualidade do projeto deve ser direcionada tanto para a gerência do projeto quanto para o produto do projeto. O fracasso em se atingir os requisitos de qualidade em qualquer das dimensões, pode trazer conseqüências negativas sérias para uma ou até mesmo para todas as partes envolvidas do projeto. Por exemplo: O atendimento aos requisitos dos clientes, através de trabalho extra da equipe do projeto, pode produzir conseqüências negativas na forma de aumento de rotatividade de empregados. O atendimento aos objetivos de cronograma do projeto realizando-se as inspeções planejadas de qualidade apressadamente, pode vir a gerar conseqüências negativas caso algum erro não seja detectado. (PMBOK, 2000, cap. 8, pag. 83) GERENCIA DOS RECURSOS HUMANOS DO PROJETO A Gerência dos Recursos Humanos do Projeto visa possibilitar o uso efetivo das pessoas envolvidas no projeto, desde os patrocinadores até os contribuintes individuais. A Gerência dos Recursos Humanos envolve os processos: a) Planejamento Organizacional b) Montagem da Equipe c) Desenvolvimento da Equipe GERENCIA DAS COMUNICAÇÕES DO PROJETO A Gerência das Comunicações do Projeto preocupa-se em definir os processos relacionados a aquisição, distribuição, armazenamento e controle das informações do projeto. Desta forma, todos os envolvidos devem estar preparados para receber e enviar informações relativas ao projeto de forma eficiente. Para tal, utilizam-se os processos: a) Planejamento das comunicações b) Distribuição das informações c) Relato de desempenho d) Encerramento administrativo

19 21 A comunicação é um contexto mais amplo e envolve um corpo de conhecimento substancial que não é único para o contexto de projeto. Por exemplo: Modelos emissor-receptor ciclos de feedback, barreiras à comunicação, etc. Escolha de meio de comunicação - quando comunicar por escrito, quando comunicar de forma oral, quando escrever um memorando informal, quando escrever um relatório formal, etc. Estilo de redação: voz ativa ou voz passiva, estrutura da frase, escolha das palavras, etc. Técnicas de apresentação: linguagem corporal, desenho dos visuais de suporte, etc. Técnicas de gerência de reuniões: preparação de agenda, tratamento de conflitos, etc. (PMBOK, cap. 10, pag.103) GERENCIA DOS RISCOS DO PROJETO A Gerência dos Riscos do Projeto identifica, analisa e define respostas aos riscos do projeto, para com isto, maximizar os resultados positivos e minimizar os resultados negativos. A Gerência dos Riscos do Projeto utiliza os processos: a) Identificação dos Riscos b) Quantificação dos Riscos c) Desenvolvimento das Respostas ao Risco d) Controle das Respostas ao Risco Diferentes áreas de aplicação usam, freqüentemente, diferentes nomes para os processos descritos aqui. Por exemplo: A identificação dos riscos e a quantificação dos riscos são tratados às vezes como um processo único, e o processo resultante é conhecido como análise de risco ou avaliação de riscos. O desenvolvimento de respostas aos riscos é, algumas vezes, chamado de planejamento de respostas ou redução de riscos. O desenvolvimento de respostas aos riscos e o controle de respostas aos riscos são, às vezes, tratados como um processo único e o processo resultante pode ser chamado de gerência de riscos. (PMBOK, 2000, cap. 11, pag. 111)

20 GERENCIA DAS AQUISIÇÕES DO PROJETO A Gerência das Aquisições do Projeto responsabiliza-se pelo controle das aquisições de bens e serviços necessários para a conclusão do projeto. Para tal, ela utiliza os processos: a) Planejamento das Aquisições b) Preparação das Aquisições c) Obtenção de Propostas d) Seleção de Fornecedores e) Administração dos Contratos f) Encerramento dos Contratos Referências BRUZZI, Demerval Guilarducci. Gerência de Projetos. Brasília-DF: Editora SENAC, KERZNER, Harold. Gestão de Projetos: as melhores práticas. Editora Artmed. São Paulo: MONTEIRO, Armando. Certificação PMP: Cobertura completa do PMBOK. Editora Brasport. São Paulo: ORTH, Afonso Inácio. PRIKLANDNICKI, Rafael. Planejamento e Gerência de Projetos. Porto Alegre: EDIPUCRS, PMI, PMBOK, Belo Horizonte-MG, PMI, Project Management Institute, Acesso em: 20/01/2010.

PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS

PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS Sr(as) Gerentes de Projeto, O PMBOK, compilado pela expertise do PMI Project Management Institute, é a linha mestra que nos conduz ao conhecimento

Leia mais

Módulo 3: Gerenciamento da Qualidade, dos Recursos Humanos e das Comunicações

Módulo 3: Gerenciamento da Qualidade, dos Recursos Humanos e das Comunicações ENAP Diretoria de Desenvolvimento Gerencial Coordenação Geral de Educação a Distância Gerência de Projetos - Teoria e Prática Conteúdo para impressão Módulo 3: Gerenciamento da Qualidade, dos Recursos

Leia mais

Combinando a norma ISO 10006 e o guia PMBOK para garantir sucesso em projetos

Combinando a norma ISO 10006 e o guia PMBOK para garantir sucesso em projetos Combinando a norma ISO 10006 e o guia PMBOK para garantir sucesso em projetos Combining the ISO 10006 and PMBOK to ensure successful projects 1 Por Michael Stanleigh Tradução e adaptação para fins didáticos

Leia mais

fagury.com.br. PMBoK 2004

fagury.com.br. PMBoK 2004 Este material é distribuído por Thiago Fagury através de uma licença Creative Commons 2.5. É permitido o uso e atribuição para fim nãocomercial. É vedada a criação de obras derivadas sem comunicação prévia

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos PMI, PMP e PMBOK PMI (Project Management Institute) Estabelecido em 1969 e sediado na Filadélfia, Pensilvânia EUA, o PMI é a principal associação mundial, sem fins lucrativos,

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Prof. Walter Cunha falecomigo@waltercunha.com http://waltercunha.com Bibliografia* Project Management Institute. Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento

Leia mais

A estrutura do gerenciamento de projetos

A estrutura do gerenciamento de projetos A estrutura do gerenciamento de projetos Introdução O Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK ) é uma norma reconhecida para a profissão de gerenciamento de projetos. Um padrão é

Leia mais

FINANÇAS EM PROJETOS DE TI

FINANÇAS EM PROJETOS DE TI FINANÇAS EM PROJETOS DE TI 2012 Material 1 Prof. Luiz Carlos Valeretto Jr. 1 E-mail valeretto@yahoo.com.br Objetivo Objetivos desta disciplina são: reconhecer as bases da administração financeira das empresas,

Leia mais

PMI - PMBoK PMI PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE. PMBoK PROJECT MANAGEMENT BODY OF KNOWLEDGE

PMI - PMBoK PMI PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE. PMBoK PROJECT MANAGEMENT BODY OF KNOWLEDGE PMI - PMBoK PMI PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE PMBoK PROJECT MANAGEMENT BODY OF KNOWLEDGE 1 PMI- Project Management Institute Fundado nos Estudos Unidos em 1969; Instituto sem fins lucrativos, dedicado ao

Leia mais

Gerência de Projetos de Software CMM & PMBOK

Gerência de Projetos de Software CMM & PMBOK Gerência de Projetos de Software CMM & PMBOK http://www.sei.cmu.edu/ Prefácio do CMM Após várias décadas de promessas não cumpridas sobre ganhos de produtividade e qualidade na aplicação de novas metodologias

Leia mais

Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal

Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal Histórico de Revisões Data Versão Descrição 30/04/2010 1.0 Versão Inicial 2 Sumário 1. Introdução... 5 2. Público-alvo... 5 3. Conceitos básicos...

Leia mais

PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS

PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS Sr(as) Gerentes de Projeto, O PMBOK, compilado pela expertise do PMI Project Management Institute, é a linha mestra que nos conduz ao conhecimento

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Prof. Walter Cunha falecomigo@waltercunha.com http://waltercunha.com Bibliografia* Project Management Institute. Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento

Leia mais

GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS

GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS ISSN 1984-9354 GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS Emerson Augusto Priamo Moraes (UFF) Resumo Os projetos fazem parte do cotidiano de diversas organizações, públicas e privadas, dos mais diversos

Leia mais

Objetivos da aula. Planejamento, Execução e Controle de Projetos de Software. O que é um plano de projeto? O que é um projeto?

Objetivos da aula. Planejamento, Execução e Controle de Projetos de Software. O que é um plano de projeto? O que é um projeto? Planejamento, Execução e Controle de Projetos de Software. Objetivos da aula 1) Dizer o que é gerenciamento de projetos e a sua importância; 2) Identificar os grupos de processos do gerenciamento de projetos

Leia mais

Aula 4. Introdução ao PMBOK e aos Processos da Gerência de Projetos

Aula 4. Introdução ao PMBOK e aos Processos da Gerência de Projetos Aula 4 Introdução ao PMBOK e aos Processos da Gerência de Projetos Objetivo Visualizar a gerência de projetos como um conjunto de processos encadeados e integrados. Lidar com as interações que podem ser:

Leia mais

PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS

PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS Sr(as) Gerentes de Projeto, O PMBOK, compilado pela expertise do PMI Project Management Institute, é a linha mestra que nos conduz ao conhecimento

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos Em conformidade com a metodologia PMI 1 Apresentações Paulo César Mei, MBA, PMP Especialista em planejamento, gestão e controle de projetos e portfólios, sempre aplicando as melhores

Leia mais

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT MASTER IN PROJECT MANAGEMENT PROJETOS E COMUNICAÇÃO PROF. RICARDO SCHWACH MBA, PMP, COBIT, ITIL Atividade 1 Que modelos em gestão de projetos estão sendo adotados como referência nas organizações? Como

Leia mais

GESTÃO DE PROJETOS. "Quando o mar está calmo, qualquer barco navega bem." O que é um projeto? Prof. Me. Francisco César Vendrame. W.

GESTÃO DE PROJETOS. Quando o mar está calmo, qualquer barco navega bem. O que é um projeto? Prof. Me. Francisco César Vendrame. W. GESTÃO DE PROJETOS Prof. Me. Francisco César Vendrame "Quando o mar está calmo, qualquer barco navega bem." W. Shakespeare O que é um projeto? Projeto é um empreendimento não repetitivo (único), caracterizado

Leia mais

PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS

PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS PMBOK - Project Management Body of Knowledge - PORTUGUÊS Sr(as) Gerentes de Projeto, O PMBOK, compilado pela expertise do PMI Project Management Institute, é a linha mestra que nos conduz ao conhecimento

Leia mais

8/3/2009. Empreendimento temporário que tem por finalidade criar um produto, serviço ou resultado exclusivo.

8/3/2009. Empreendimento temporário que tem por finalidade criar um produto, serviço ou resultado exclusivo. FAE S.J. dos Pinhais Projeto e Desenvolvimento de Software Conceitos Básicos Prof. Anderson D. Moura O que é um projeto? Conjunto de atividades que: 1. Objetivo específico que pode ser concluído 2. Tem

Leia mais

ASPECTOS GERAIS DE PROJETOS

ASPECTOS GERAIS DE PROJETOS ASPECTOS GERAIS DE PROJETOS O que é PROJETO Um empreendimento com começo e fim definidos, dirigido por pessoas, para cumprir objetivos estabelecidos dentro de parâmetros de custo, tempo e especificações.

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Modulo IV Integração

Gerenciamento de Projetos Modulo IV Integração Gerenciamento de Projetos Modulo IV Integração Prof. Walter Cunha falecomigo@waltercunha.com http://waltercunha.com Bibliografia* Project Management Institute. Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento

Leia mais

- Project Management Institute. Disciplina de Engenharia de Software. PMP- Project Management Professional PMBOK

- Project Management Institute. Disciplina de Engenharia de Software. PMP- Project Management Professional PMBOK Disciplina de Engenharia de Software Material elaborado por Windson Viana de Carvalho e Rute Nogueira Pinto em 19/07/2004 Material alterado por Rossana Andrade em 22/04/2009 - Project Management Institute

Leia mais

Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Curso de Arquivologia Profa. Lillian Alvares

Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Curso de Arquivologia Profa. Lillian Alvares Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Curso de Arquivologia Profa. Lillian Alvares O Project Management Institute é uma entidade sem fins lucrativos voltada ao Gerenciamento de Projetos.

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PROJETOS PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE

GERENCIAMENTO DE PROJETOS PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE GERENCIAMENTO DE PROJETOS PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE O PMI e a Certificação PMP Visão Geral sobre o Modelo PMI APRESENTAÇÃO DO PMI O PMI - Project Management Institute é uma instituição sem fins lucrativos,

Leia mais

Demais Áreas de Conhecimento do PMBOK

Demais Áreas de Conhecimento do PMBOK Residência em Arquitetura de Software Demais Áreas de Conhecimento do PMBOK Prof. Dr. Sandro Ronaldo Bezerra Oliveira srbo@ufpa.br www.ufpa.br/srbo Gerência de Desenvolvimento 2008.2 Faculdade de Computação

Leia mais

Gerenciamento de Projetos. Prática essencial para gerar negócios sustentáveis

Gerenciamento de Projetos. Prática essencial para gerar negócios sustentáveis MBA em Gestão de Projetos Gerenciamento de Projetos Prática essencial para gerar negócios sustentáveis Prof: Ângelo Braga, PMP, MBA angelo.braga@fgv.br eu@angelobraga.com.br 2/154 Contatos Prof. Ângelo

Leia mais

04/02/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Gestão de Projetos de TI. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 1.

04/02/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Gestão de Projetos de TI. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 1. Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Gestão de Projetos de TI Prof.: Fernando Hadad Zaidan 1 Unidade 1.1 2 Introdução ao Gerenciamento de Projetos 3 1 Leitura

Leia mais

Palavras-Chave: Aquisições; Planejamento de Aquisições; Controle de Aquisições; Projeto; Lead time; Processo; Meta.

Palavras-Chave: Aquisições; Planejamento de Aquisições; Controle de Aquisições; Projeto; Lead time; Processo; Meta. 1 A INFLUÊNCIA DO PLANEJAMENTO E CONTROLE DA AQUISIÇÃO NO PRAZO FINAL DO PROJETO Euza Neves Ribeiro Cunha RESUMO Um dos grandes desafios na gerência de projetos é planejar e administrar as restrições de

Leia mais

Como concluir um projeto com sucesso?

Como concluir um projeto com sucesso? Como concluir um projeto com sucesso? Luiz Eduardo Cunha, Eng. Professor da FAAP e do IMT 1 Luiz Eduardo Cunha Graduado em Engenharia de Produção EPUSP Pós-Graduado em Gestão do Conhecimento e Inteligência

Leia mais

Planejamento e Gerência de Projetos de Software. Prof.: Ivon Rodrigues Canedo. PUC Goiás

Planejamento e Gerência de Projetos de Software. Prof.: Ivon Rodrigues Canedo. PUC Goiás Planejamento e Gerência de Projetos de Software Prof.: Ivon Rodrigues Canedo PUC Goiás Projeto É um trabalho que visa a criação de um produto ou de serviço específico, temporário, não repetitivo e que

Leia mais

Gerenciamento da Integração com metodologia PMBOK 30 h/a

Gerenciamento da Integração com metodologia PMBOK 30 h/a da Integração com 30 h/a Facundo Barbosa, MBA, PMP, ITIL, CSP 85 9444.9544 e 85 4005.5644 facunndo@mdb.com.br Slide 1 Metodologia Explanação Discussões em grupo Exercícios práticos Apresentação e estudo

Leia mais

BENEFÍCIOS DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS. Por Maria Luiza Panchihak

BENEFÍCIOS DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS. Por Maria Luiza Panchihak BENEFÍCIOS DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS Por Maria Luiza Panchihak Este artigo apresenta os benefícios do gerenciamento de projetos e mostra a importância desse processo, dentro de uma organização, para

Leia mais

MBA ARQUITETURA DE INTERIORES

MBA ARQUITETURA DE INTERIORES MBA ARQUITETURA DE INTERIORES Coordenador: Carlos Russo Professor: Fábio Cavicchioli Netto, PMP 1 APRESENTAÇÃO DO PROFESSOR CONHECENDO OS PARTICIPANTES EXPECTATIVAS DO GRUPO 2 SUMÁRIO PMI / PMBoK / Certificados

Leia mais

Disciplina: Gerenciamento de Projetos e Práticas de Integração. Gerenciamento de Projetos e Práticas de Integração.

Disciplina: Gerenciamento de Projetos e Práticas de Integração. Gerenciamento de Projetos e Práticas de Integração. Gerenciamento de Projetos e Práticas de Integração AULA 5 Set/2013 Gerenciamento de Projetos e Práticas de Integração Execução Áreas de conhecimentos de gerenciamento de projetos ESCOPO TEMPO CUSTO QUALIDADE

Leia mais

Plataforma da Informação. Gerenciamento de Projetos

Plataforma da Informação. Gerenciamento de Projetos Plataforma da Informação Gerenciamento de Projetos Motivação Por que devemos fazer Projetos? - O aprendizado por projetos, faz parte de um dos três pilares de formação do MEJ; -Projetos são oportunidades

Leia mais

Aula 3 Fase de Iniciação de projetos

Aula 3 Fase de Iniciação de projetos Aula 3 Fase de Iniciação de projetos Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula são, basicamente, apresentar as atividades que constituem a fase inicial dos projetos. Alem disso, vamos discorrer sobre

Leia mais

Gerenciamento de projetos. cynaracarvalho@yahoo.com.br

Gerenciamento de projetos. cynaracarvalho@yahoo.com.br Gerenciamento de projetos cynaracarvalho@yahoo.com.br Projeto 3URMHWR é um empreendimento não repetitivo, caracterizado por uma seqüência clara e lógica de eventos, com início, meio e fim, que se destina

Leia mais

Tradução livre do PMBOK, V 1.0, disponibilizada através da Internet pelo PMI MG em maio de 2000

Tradução livre do PMBOK, V 1.0, disponibilizada através da Internet pelo PMI MG em maio de 2000 INTRODUÇÃO 1 O Universo de Conhecimento em Gerência de Projetos (PMBOK) é uma denominação que representa todo o somatório de conhecimento dentro da profissão de gerência de projetos. Como qualquer outra

Leia mais

Aula Nº 10 Planejamento da Comunicação

Aula Nº 10 Planejamento da Comunicação Aula Nº 10 Planejamento da Comunicação Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula visam analisar as necessidades de informação para se manter os stakeholders internos e externos bem como a equipe de projetos

Leia mais

Introdução. AULA 2 A Organização empresarial e a gestão de projetos. Tema relevante em diversas áreas

Introdução. AULA 2 A Organização empresarial e a gestão de projetos. Tema relevante em diversas áreas Universidade do Sagrado Coração Introdução a Gestão de Projetos Paulo Cesar Chagas Rodrigues AULA 2 A Organização empresarial e a gestão de projetos Iniciação 30/set/2008 Engenharia de Produto 2 2 Introdução

Leia mais

10 áreas de conhecimento e 5 processos

10 áreas de conhecimento e 5 processos 1 10 áreas de conhecimento e 5 processos Projeto é um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo Projetos são frequentemente utilizados como um meio de alcançar

Leia mais

Cartilha. Gestão de Projetos. Superintendência de Planejamento e Gestão SUPLAN Ministério Público do Estado de Goiás

Cartilha. Gestão de Projetos. Superintendência de Planejamento e Gestão SUPLAN Ministério Público do Estado de Goiás Cartilha Gestão de Projetos SUPLAN Ministério Público do Estado de Goiás Esta cartilha tem como objetivo transmitir os conceitos básicos relacionados ao Gerenciamento de Projetos e compartilhar da metodologia

Leia mais

Gerência de Projetos e EVTE. Fabiana Costa Guedes

Gerência de Projetos e EVTE. Fabiana Costa Guedes Gerência de Projetos e Fabiana Costa Guedes 1 Agenda O que é um Projeto O que é Gerenciamento de Projetos O Contexto da Gerência de Projetos PMI Project Management Institute Ciclo de Vida do Projeto Áreas

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Web. Professor: Guilherme Luiz Frufrek Email: frufrek@utfpr.edu.br http://paginapessoal.utfpr.edu.

Gerenciamento de Projetos Web. Professor: Guilherme Luiz Frufrek Email: frufrek@utfpr.edu.br http://paginapessoal.utfpr.edu. Gerenciamento de Projetos Web Professor: Guilherme Luiz Frufrek Email: frufrek@utfpr.edu.br http://paginapessoal.utfpr.edu.br/frufrek Possui Especialização em Engenharia de Software e Banco de Dados pela

Leia mais

Visão Geral sobre Gestão de Projetos e Iniciação de Projetos Aula 2

Visão Geral sobre Gestão de Projetos e Iniciação de Projetos Aula 2 Visão Geral sobre Gestão de Projetos e Iniciação de Projetos Aula 2 Miriam Regina Xavier de Barros, PMP mxbarros@uol.com.br Agenda Bibliografia e Avaliação 1. Visão Geral sobre o PMI e o PMBOK 2. Introdução

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO DE PROJETOS

ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO DE PROJETOS ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO DE PROJETOS Atualizado em 31/12/2015 GESTÃO DE PROJETOS PROJETO Para o PMBOK, projeto é um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo.

Leia mais

Módulo 2: Gerenciamento de Escopo, Tempo e Custos do Projeto

Módulo 2: Gerenciamento de Escopo, Tempo e Custos do Projeto ENAP Diretoria de Desenvolvimento Gerencial Coordenação Geral de Educação a Distância Gerência de Projetos - Teoria e Prática Conteúdo para impressão Módulo 2: Gerenciamento de Escopo, Tempo e Custos do

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PROJETOS EM UM ESCRITÓRIO DE ARQUITETURA: VISÃO TRADICIONAL X NEGÓCIOS BASEADOS EM PROJETOS

GERENCIAMENTO DE PROJETOS EM UM ESCRITÓRIO DE ARQUITETURA: VISÃO TRADICIONAL X NEGÓCIOS BASEADOS EM PROJETOS GERENCIAMENTO DE PROJETOS EM UM ESCRITÓRIO DE ARQUITETURA: VISÃO TRADICIONAL X NEGÓCIOS BASEADOS EM PROJETOS Ana Carolina Freitas Teixeira¹ RESUMO O gerenciamento de projetos continua crescendo e cada

Leia mais

Metodologia de Projetos. André Gomes Coimbra

Metodologia de Projetos. André Gomes Coimbra Metodologia de Projetos André Gomes Coimbra Cronograma Aula 3 Trabalho (10 pts) Aula 5 Avaliação (5 pts) Aula 9 Exercício (10 pts) Aula 10 Apresentação do projeto REDES (25 pts) Aula 11 Avaliação (10 pts)

Leia mais

MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas

MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas ECONOMISTA - RIVAS ARGOLO 2426/D 62 9905-6112 RIVAS_ARGOLO@YAHOO.COM.BR Objetivo deste mini curso : Mostrar os benefícios do gerenciamento de projetos

Leia mais

Capítulo 1. Introdução ao Gerenciamento de Projetos

Capítulo 1. Introdução ao Gerenciamento de Projetos Capítulo 1 Introdução ao Gerenciamento de Projetos 2 1.1 DEFINIÇÃO DE PROJETOS O projeto é entendido como um conjunto de ações, executadas de forma coordenada por uma organização transitória, ao qual são

Leia mais

Teoria e Prática. Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009. Rosaldo de Jesus Nocêra, PMP, PMI-SP, MCTS. do PMBOK do PMI. Acompanha o livro:

Teoria e Prática. Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009. Rosaldo de Jesus Nocêra, PMP, PMI-SP, MCTS. do PMBOK do PMI. Acompanha o livro: Gerenciamento de Projetos Teoria e Prática Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009 do PMBOK do PMI Acompanha o livro: l CD com mais de 70 formulários exemplos indicados pelo PMI e outros desenvolvidos

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos (ref. capítulos 1 a 3 PMBOK) TC045 Gerenciamento de Projetos Sergio Scheer - scheer@ufpr.br O que é Gerenciamento de Projetos? Aplicação de conhecimentos, habilidades, ferramentas

Leia mais

Módulo: Empreendedorismo Gestão de Projetos. Agenda da Teleaula. Vídeo. Logística 28/8/2012

Módulo: Empreendedorismo Gestão de Projetos. Agenda da Teleaula. Vídeo. Logística 28/8/2012 Logística Profª. Paula Emiko Kuwamoto Módulo: Empreendedorismo Gestão de Projetos Agenda da Teleaula Reforçar a importância dos projetos no cenário atual. Apresentar os principais conceitos envolvendo

Leia mais

Tradução livre do PMBOK 2000, V 1.0, disponibilizada através da Internet pelo PMI MG em abril de 2001

Tradução livre do PMBOK 2000, V 1.0, disponibilizada através da Internet pelo PMI MG em abril de 2001 Capítulo 8 Gerenciamento da Qualidade do Projeto O Gerenciamento da Qualidade do Projeto inclui os processos necessários para garantir que o projeto irá satisfazer as necessidades para as quais ele foi

Leia mais

O que é um projeto? Características de um projeto. O Que é o PMBoK Guide 3º Edition? Desmembrando o PMBoK através de mapas mentais (Mindmaps)

O que é um projeto? Características de um projeto. O Que é o PMBoK Guide 3º Edition? Desmembrando o PMBoK através de mapas mentais (Mindmaps) O que é um projeto? Projeto é um empreendimento não repetitivo, caracterizado por uma sequência clara e lógica de eventos, com início, meio e fim, que se destina a atingir um objetivo claro e definido,

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Project Management Institute. Prof. Miguel Torres miguel.torres@terra.com.br

Gerenciamento de Projetos Project Management Institute. Prof. Miguel Torres miguel.torres@terra.com.br Gerenciamento de Projetos Project Management Institute Prof. Miguel Torres miguel.torres@terra.com.br Objetivo do Curso Criar condições e proporcionar métodos para o desenvolvimento da capacidade gestora,

Leia mais

Unidade I GERENCIAMENTO DE. Profa. Celia Corigliano

Unidade I GERENCIAMENTO DE. Profa. Celia Corigliano Unidade I GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE TI Profa. Celia Corigliano Objetivo Estimular o aluno no aprofundamento do conhecimento das técnicas de gestão profissional de projetos do PMI. Desenvolver em aula

Leia mais

Capítulo 3 Aplicando o PMBoK ao Microsoft Office Project 2003

Capítulo 3 Aplicando o PMBoK ao Microsoft Office Project 2003 Capítulo 3 Aplicando o PMBoK ao Microsoft Office Project 2003 29 3.1 GERENCIAMENTO DO ESCOPO O Gerenciamento do Escopo do Projeto engloba os processos necessários para assegurar que o projeto inclua todas

Leia mais

Gerência de Projetos

Gerência de Projetos Gerência de Projetos Escopo Custo Qualidade Tempo CONCEITO PROJETOS: são empreendimentos com objetivo específico e ciclo de vida definido Precedem produtos, serviços e processos. São utilizados as funções

Leia mais

3 Gerenciamento de Projetos

3 Gerenciamento de Projetos 34 3 Gerenciamento de Projetos Neste capítulo, será abordado o tema de gerenciamento de projetos, iniciando na seção 3.1 um estudo de bibliografia sobre a definição do tema e a origem deste estudo. Na

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos Grupo de Consultores em Governança de TI do SISP 20/02/2013 1 Agenda 1. PMI e MGP/SISP 2. Conceitos Básicos - Operações e Projetos - Gerenciamento de Projetos - Escritório de

Leia mais

METODOLOGIA HSM Centrada nos participantes com professores com experiência executiva, materiais especialmente desenvolvidos e infraestrutura tecnológica privilegiada. O conteúdo exclusivo dos especialistas

Leia mais

PMBOK 4ª Edição I. Introdução

PMBOK 4ª Edição I. Introdução PMBOK 4ª Edição I Introdução 1 PMBOK 4ª Edição Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos Seção I A estrutura do gerenciamento de projetos 2 O que é o PMBOK? ( Project Management Body of Knowledge

Leia mais

A Importância das Competências Comportamentais para Profissionais de Gerenciamento de Projetos. Ivo M. Michalick Vasconcelos, MSc, PMP, PMI-SP

A Importância das Competências Comportamentais para Profissionais de Gerenciamento de Projetos. Ivo M. Michalick Vasconcelos, MSc, PMP, PMI-SP A Importância das Competências Comportamentais para Profissionais de Gerenciamento de Projetos Ivo M. Michalick Vasconcelos, MSc, PMP, PMI-SP Por que projetos falham? Gestão Moderna (anos 90 em diante):

Leia mais

Introdução a Gerenciamento de Projetos Prof. MSc. Fábio Assunção

Introdução a Gerenciamento de Projetos Prof. MSc. Fábio Assunção Introdução a Gerenciamento de Projetos Prof. MSc. Fábio Assunção Um projeto é um esforço temporário realizado para criar um produto ou serviço único. Ou seja, é desenvolvido a partir de uma ideia, progredindo

Leia mais

Oficinas de Integração 3

Oficinas de Integração 3 Oficinas de Integração 3 Introdução à Disciplina IF66J/S71 Oficinas de Integração 3 Eng. Computação Profs. João A. Fabro e Heitor S. Lopes.-Slide 1/32 Oficinas de Integração 3 Introdução (Ementa e Objetivos)

Leia mais

Gerenciamento de Projetos de TI. Alércio Bressano, MBA

Gerenciamento de Projetos de TI. Alércio Bressano, MBA Gerenciamento de Projetos de TI Alércio Bressano, MBA Os projetos possuem em seu código genético o fracasso! Eles nasceram para dar errado! Nós é que temos a responsabilidade de conduzí-los ao sucesso!

Leia mais

PMBOK e Gerenciamento de Projetos

PMBOK e Gerenciamento de Projetos PMBOK e Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de projetos (GP) é uma área de atuação e conhecimento que tem ganhado, nos últimos anos, cada vez mais reconhecimento e importância. Um dos principais difusores

Leia mais

Gerência de Projetos Gerência de Comunicação

Gerência de Projetos Gerência de Comunicação Gerência de Projetos - Gerência de Comunicação Anderson César Pandolfo Salvati 5890048 Diógenes Vieira Pereira 5889602 Felipe Barreto Bergamo 5889706 Mauricio Tadayuki Sako 5890271 Thales Azevedo Sugiyama

Leia mais

F.1 Gerenciamento da integração do projeto

F.1 Gerenciamento da integração do projeto Transcrição do Anexo F do PMBOK 4ª Edição Resumo das Áreas de Conhecimento em Gerenciamento de Projetos F.1 Gerenciamento da integração do projeto O gerenciamento da integração do projeto inclui os processos

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA Jundiaí / SP QUESTÕES SIMULADAS DE GESTÃO DE PROJETOS PARA 1ª AVALIAÇÃO

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA Jundiaí / SP QUESTÕES SIMULADAS DE GESTÃO DE PROJETOS PARA 1ª AVALIAÇÃO QUESTÕES SIMULADAS DE GESTÃO DE PROJETOS PARA 1ª AVALIAÇÃO Gabarito: 1D, 2B, 3A, 4C, 5C, 6A, 7C, 8B, 9D, 10A, 11D, 12B, 13A, 14B, 15D, 16B, 17D, 18D, 19B Fórmulas: VC = VA - CR VPR = VA - VP IDC = VA /

Leia mais

Aula Nº 06 Determinação do Orçamento

Aula Nº 06 Determinação do Orçamento Aula Nº 06 Determinação do Orçamento Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula são, basicamente, apresentar os processos aplicados que possibilitem identificar os recursos necessários para se conduzir

Leia mais

Gestão de Projetos. Planejamento, Programação e Controle de Projetos. Professor Marcio Cardoso Machado Semestre II 2015

Gestão de Projetos. Planejamento, Programação e Controle de Projetos. Professor Marcio Cardoso Machado Semestre II 2015 Gestão de Projetos Planejamento, Programação e Controle de Projetos Professor Marcio Cardoso Machado Semestre II 2015 Aula 02 O que é um projeto? Um projeto é um esforço temporário para criação de um produto

Leia mais

Fatores Críticos de Sucesso em GP

Fatores Críticos de Sucesso em GP Fatores Críticos de Sucesso em GP Paulo Ferrucio, PMP pferrucio@hotmail.com A necessidade das organizações de maior eficiência e velocidade para atender as necessidades do mercado faz com que os projetos

Leia mais

9 RECURSOS HUMANOS 10 COMUNICAÇÕES

9 RECURSOS HUMANOS 10 COMUNICAÇÕES 10 COMUNICAÇÕES O gerenciamento das comunicações do projeto é a área de conhecimento que emprega os processos necessários para garantir a geração, coleta, distribuição, armazenamento, recuperação e destinação

Leia mais

GERÊNCIA DE RISCOS E ESCOPO EM PROJETOS DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE

GERÊNCIA DE RISCOS E ESCOPO EM PROJETOS DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE GERÊNCIA DE RISCOS E ESCOPO EM PROJETOS DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE Viviana Regina Weber 1 Anderson Yanzer Cabral 2 RESUMO O presente artigo tem como objetivo apresentar uma pesquisa, em desenvolvimento,

Leia mais

Módulo 4: Gerenciamento dos Riscos, das Aquisições, das Partes Interessadas e da Integração

Módulo 4: Gerenciamento dos Riscos, das Aquisições, das Partes Interessadas e da Integração Diretoria de Desenvolvimento Gerencial Coordenação Geral de Educação a Distância Gerência de Projetos - Teoria e Prática Conteúdo para impressão Módulo 4: Gerenciamento dos Riscos, das Aquisições, das

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PROJETOS: PMI

GERENCIAMENTO DE PROJETOS: PMI GERENCIAMENTO DE PROJETOS: PMI Henrique Franco de Souza DIRETOR DE NEGÓCIOS www.efgh.com.br ENGENHEIRO DE REDES www.globaltask.com.br henrique@efgh.com.br http://www.linkedin.com/pub/henrique-franco-de-souza/30/12/697

Leia mais

MBA MASTER IN PROJECT MANAGEMENT

MBA MASTER IN PROJECT MANAGEMENT Prof. Me. Luiz A. 321 Brigatti Jr. MBA MASTER IN PROJECT MANAGEMENT 2 /15 Prof. LUIZ A. BRIGATTI Jr. ESTRUTURA DE PROJETOS 3 /15 Prof. LUIZ A. BRIGATTI Jr. 1 Aula 1 Gestão de Projetos -GPR Conceitos Gerais

Leia mais

Introdução. Escritório de projetos

Introdução. Escritório de projetos Introdução O Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK ) é uma norma reconhecida para a profissão de gerenciamento de projetos. Um padrão é um documento formal que descreve normas,

Leia mais

Fundamentos de Teste de Software

Fundamentos de Teste de Software Núcleo de Excelência em Testes de Sistemas Fundamentos de Teste de Software Módulo 2- Teste Estático e Teste Dinâmico Aula 3 Teste Estático SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 1. Definição... 3 2. Custo Versus Benefício...

Leia mais

A eficiência de uma boa Gestão da Comunicação na execução de

A eficiência de uma boa Gestão da Comunicação na execução de 1 A eficiência de uma boa Gestão da Comunicação na execução de Projetos Wellyngton Miguel de Jesus wmigueldejesus@gmail.com MBA em Gestão de Projetos em Engenharias e Arquitetura Instituto de Pós-Graduação

Leia mais

UM GUIA DO CONHECIMENTO EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS (GUIA PMBOK ) Quarta Edição

UM GUIA DO CONHECIMENTO EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS (GUIA PMBOK ) Quarta Edição UM GUIA DO CONHECIMENTO EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS (GUIA PMBOK ) Quarta Edição Project Management Institute UM GUIA DO CONHECIMENTO EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS (GUIA PMBOK ) Quarta Edição NOTA As

Leia mais

08/09/2011 GERÊNCIA DA INTEGRAÇÃO PMBOK GESTÃO DE PROJETOS

08/09/2011 GERÊNCIA DA INTEGRAÇÃO PMBOK GESTÃO DE PROJETOS GESTÃO DE PROJETOS Prof. Me. Luís Felipe Schilling "Escolha batalhas suficientemente grandes para importar, suficientemente pequenas para VENCER." Jonathan Kozol GERÊNCIA DA INTEGRAÇÃO PMBOK 1 GERÊNCIA

Leia mais

O Gerenciamento de Projetos na abordagem do

O Gerenciamento de Projetos na abordagem do Seminário de Desenvolvimento de Gestores de Programas e Projetos Fórum QPC O Gerenciamento de Projetos na abordagem do PMI - Project Management Institute Marco Antônio Kappel Ribeiro Presidente do PMI-RS

Leia mais

Project Management Institute (PMI) Grupo: Brunner Klueger Nogueira, Igor Henrique Caribé Pinheiro e Diogo Souza Messias

Project Management Institute (PMI) Grupo: Brunner Klueger Nogueira, Igor Henrique Caribé Pinheiro e Diogo Souza Messias Project Management Institute (PMI) Grupo: Brunner Klueger Nogueira, Igor Henrique Caribé Pinheiro e Diogo Souza Messias Pontos Básicos O que é: É uma associação sem fins lucrativos de profissionais da

Leia mais

Aula Anterior. Capítulo 2

Aula Anterior. Capítulo 2 Capítulo 2 Clique Ciclo para de Vida editar e o estilo do Organização título do mestre Projeto O Ciclo de vida do projeto Características do ciclo de vida do projeto Relações entre o ciclo de vida do projeto

Leia mais

Porque estudar Gestão de Projetos?

Porque estudar Gestão de Projetos? Versão 2000 - Última Revisão 07/08/2006 Porque estudar Gestão de Projetos? Segundo o Standish Group, entidade americana de consultoria empresarial, através de um estudo chamado "Chaos Report", para projetos

Leia mais

COBIT (CONTROL OBJECTIVES FOR INFORMATION AND RELATED TECHNOLOGY)

COBIT (CONTROL OBJECTIVES FOR INFORMATION AND RELATED TECHNOLOGY) Universidade Federal de Santa Catarina Departamento de Informática e Estatística INE Curso: Sistemas de Informação Disciplina: Projetos I Professor: Renato Cislaghi Aluno: Fausto Vetter Orientadora: Maria

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: GESTÃO DE PROJETOS. Prof. Msc. Carlos José Giudice dos Santos

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: GESTÃO DE PROJETOS. Prof. Msc. Carlos José Giudice dos Santos FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: GESTÃO DE PROJETOS Prof. Msc. Carlos José Giudice dos Santos Metodologia de Ensino 1. Aula em três tempos: Pré-aula (no portal acadêmico), Aula presencial (em sala de aula)

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação TLCne-051027-P0 Gestão da Tecnologia da Informação Disciplina: Governança de TI São Paulo, Outubro de 2012 0 Sumário TLCne-051027-P1 Conteúdo desta Aula Abordar o domínio Adquirir e Implementar e todos

Leia mais

Conceituar projetos e a gerência de projetos. Conhecer a importância e os benefícios do gerenciamento de projetos Conhecer o PMI, o PMBOK, os grupos

Conceituar projetos e a gerência de projetos. Conhecer a importância e os benefícios do gerenciamento de projetos Conhecer o PMI, o PMBOK, os grupos Gestão de Projetos Empresariais Objetivos: Conceituar projetos e a gerência de projetos. Conhecer a importância e os benefícios do gerenciamento de projetos Conhecer o PMI, o PMBOK, os grupos de processos

Leia mais

Gestão da Qualidade em Projetos

Gestão da Qualidade em Projetos Gestão da Qualidade em Projetos Você vai aprender: Introdução ao Gerenciamento de Projetos; Gerenciamento da Integração; Gerenciamento de Escopo- Declaração de Escopo e EAP; Gerenciamento de Tempo; Gerenciamento

Leia mais

Trilhas Técnicas SBSI - 2014

Trilhas Técnicas SBSI - 2014 brunoronha@gmail.com, germanofenner@gmail.com, albertosampaio@ufc.br Brito (2012), os escritórios de gerenciamento de projetos são importantes para o fomento de mudanças, bem como para a melhoria da eficiência

Leia mais

Módulo 1: Introdução ao Gerenciamento de Projetos

Módulo 1: Introdução ao Gerenciamento de Projetos Diretoria de Desenvolvimento Gerencial Coordenação Geral de Educação a Distância Gerência de Projetos - Teoria e Prática Conteúdo para impressão Módulo 1: Introdução ao Gerenciamento de Projetos Brasília

Leia mais

SINAL Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central Conceitos básicos em gerenciamento de projetos

SINAL Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central Conceitos básicos em gerenciamento de projetos Conceitos básicos em gerenciamento de projetos Projeto de regulamentação do Art. 192 da Constituição Federal Brasília (DF) Maio de 2009 i Conteúdo 1. Nivelamento de informações em Gerenciamento de Projetos...

Leia mais