Aula 04 - Planejamento Estratégico

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Aula 04 - Planejamento Estratégico"

Transcrição

1 Aula 04 - Planejamento Estratégico Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula visam permitir com que você saiba definir o escopo do projeto. Para tal, serão apresentados elementos que ajudem a elaborar uma Declaração de Escopo bem como a decompor o Escopo para se criar a Estrutura Analítica de Projeto. Ao final desta aula, você deverá estar apto a compreender como elaborar adequadamente um modelo de Planejamento Estratégico para a sua organização empresarial. 1. Introdução Vimos na aula anterior que a fase de INICIAÇÃO de um projeto se completa coma edição do Termo de Referência e do Anteprojeto. Uma vez que a idéia apresentada nestes documentos for aprovada por quem de direito (numa empresa normalmente a Diretoria), passamos para a fase de PLANEJAMENTO do projeto. O Planejamento de Projeto começa logo depois da fase de iniciação. O tempo aplicado na correta identificação das necessidades e na organização do projeto elimina horas de retrabalho e confusão que seriam gastas na fase de Execução. O Plano do projeto produzido nesta fase permite com que todos os envolvidos tenham o mesmo entendimento e conheçam quais são os resultados esperados do projeto. Isto assegura com que questões críticas possam ser previstas e resolvidas com eficiência e eficácia, e forma também 47

2 uma base para decisões futuras, incluindo os critérios para se definir se o projeto ou uma fase do projeto foi concluída com sucesso. A fase de Planejamento do Projeto é constituída por diversos estágios. Cada estágio produz documentos, os quais são coerentemente conjugados em um único documento denominado Plano do Projeto, o qual pode ser usado como guia na fase de Execução e Controle do Projeto. Nesta aula, vamos nos ater ao Planejamento do Escopo do projeto. Antes de prosseguirmos com nossa aula sobre este importante aspecto da administração de projetos, você saberia definir Escopo? Veja abaixo um conceito bastante aceito e compare-o com sua resposta. O Escopo define os limites do projeto e refere-se a todo trabalho envolvido na criação dos produtos do projeto bem como os processos usados para criá-los. O planejamento do Escopo abrange os processos necessários na definição e no controle do que está dentro e do que está fora do escopo. A descrição clara do que será produzido é essencial para o sucesso do projeto. A equipe do projeto e os stakeholders devem ter o mesmo entendimento acerca do que será produzido pelo projeto e que processos serão usados para produzi-lo. Nossa maior preocupação ao tratarmos do escopo, é compreender, definir e controlar o que está ou não incluído no projeto. Um Escopo bem definido auxilia a estimar com maior precisão a duração, o custo e os recursos envolvidos na execução do projeto, e pode definir uma base para avaliação e controle do projeto bem como uma forma de distribuir o serviço entre os membros da equipe. A correta definição e aprovação do escopo pelo Patrocinador e pelo cliente 48

3 fornece as condições para se alcançar os objetivos do projeto e atender às expectativas dos envolvidos. O escopo definido na fase de planejamento poderá mudar à medida que o projeto avança. Para assegurar com que as mudanças sejam acompanhadas é necessário que a equipe estabeleça um processo formal de aceitação e acompanhamento de mudanças do escopo. Este processo de definição assegura também com que o plano do projeto seja baseado em critérios acordados, mediante comprometimento por parte dos stakeholder, e tendo em vista a definição de critérios de desempenho. 1. O que é Escopo do Projeto? Sendo o primeiro passo do Planejamento do Projeto, esta fase identifica e documenta o trabalho que produzirá o produto do trabalho. Para maior clareza de entendimento do Escopo do Projeto, o principal resultado desta fase será a elaboração de dois documentos de grande importância para a administração do projeto: a Declaração de Escopo e a Estrutura Analítica de Projeto. 1.1 A Declaração de Escopo É um documento usado para desenvolver e confirmar um entendimento comum do Escopo do projeto entre os envolvidos. Deve estar incluído no seu próprio texto ou então estar disponível por referência a outros documentos, contendo no mínimo os seguintes tópicos: A justificativa do projeto - a necessidade do negócio para a qual o projeto foi empreendido. O Produto do Projeto - uma breve descrição do resultado esperado em relação ao projeto. Os Objetivos do Projeto - os critérios quantificáveis que devem ser atingidos para que o projeto seja considerado bem sucedido. 49

4 Os Produtos Intermediários (Marcos) - uma lista dos principais produtos intermediários cuja produção completa e satisfatória determina o término do projeto. As Restrições - os limites do projeto expressos em termos de: custo, prazo, serviços internos e terceirizados, e interfaces. As Premissas - são fatores que, para os propósitos de planejamento, são considerados: verdadeiros, reais ou certos. Alguns autores sugerem que além destes dados, as seguintes informações também façam parte da Declaração de Escopo: Equipe responsável pela elaboração do Plano do projeto uma lista contendo informações das pessoas envolvidas na preparação do plano. O registro do acompanhamento das mudanças de escopo algo que o gerente pode estar absolutamente certo é de que haverá mudanças no escopo durante a execução do projeto. O gerenciamento do escopo compreende a aceitação e a incorporação das mudanças bem como a conseqüente atualização do plano do projeto. Para desenvolver uma Declaração de Escopo coerente, com as expectativas do cliente, tente definir o que o projeto deve produzir. Peça para quem solicitou o projeto, expor com clareza o que espera obter com o produto do projeto. Convide a equipe a descrever o que o projeto deve produzir. Estimule a equipe também a ser criativa. Não deixe que o modo habitual de fazer as coisas impeça-o de ver alternativas diferentes. Faça propostas viáveis, sem perder o senso de realidade. Ao escrever a Declaração, evite conceitos ambíguos. Verifique se o Solicitante concorda com o Escopo definido. Solicite que ele assine a Declaração. Incentive ainda a equipe a questionar-se continuamente. Para que todos se comprometam a alcançar os resultados esperados, é preciso que concordem com os rumos que serão seguidos! Este documento deve ser elaborado com consenso entre os principais envolvidos, e assinado por eles, antes da sua divulgação formal. A aprovação do Patrocinador e do Cliente indica que estes stakeholders aprovam o escopo e se comprometem com a sua realização. 50

5 1.2 A Estrutura Analítica de Projeto Depois de completar a Declaração de Escopo, o próximo passo será definir a abrangência do trabalho a ser executado, decompondo o escopo em partes. Esta maneira de definir o volume de trabalho auxilia na precisão das estimativas de custo e prazo do projeto. Vamos usar uma forma simples de decompor o trabalho, criando uma estrutura chamada de Estrutura Analítica do Projeto. A Estrutura Analítica de Projeto EAP -, também chamada de Estrutura de Decomposição do Trabalho EDT -, é uma ferramenta de definição do trabalho requerido para produzir os produtos de um projeto. Para produzir a EAP, vamos tomar como referência o escopo estabelecido na Declaração de Escopo. A partir daí, identificaremos blocos de trabalho, dividindo-os sucessivamente em partes cada vez menores até chegarmos ao nível de atividade que se quer. Se nos orientarmos pelo ciclo de vida do projeto, teremos uma EAP orientada ao processo, e, se nos orientarmos pela construção do produto, teremos uma EAP orientada ao produto. A EAP define todo o trabalho e somente o trabalho necessário para completar o projeto. O trabalho que não estiver contido na EAP está automaticamente fora do Escopo. De acordo com Cleland, o desenvolvimento da EAP fornece meios para: 1. Sumarizar todos os produtos e serviços contidos no projeto, incluindo o suporte e outras tarefas; 2. Entender as inter-relações dos blocos de trabalho entre si com o projeto total e com as demais atividades da organização; 3. Estabelecer a autoridade/responsabilidade da organização matricial; 4. Calcular o custo do projeto; 5. Conduzir análise de risco; 6. Planejar blocos de trabalho; 7. Desenvolver informações para a gerência do projeto; 51

6 8. Providenciar uma base para controle da aplicação de recursos; 9. Estabelecer pontos de referência para fazer com que as pessoas se comprometam em apoiar o projeto. 2. Princípios básicos para construir uma EAP a. Um bloco de trabalho só deve aparecer em um único lugar da EAP. b. O trabalho contido num item da EAP representa a soma do trabalho dos itens que estão abaixo dele. c. Cada item da EAP só tem um responsável, embora outras pessoas possam participar de sua execução. d. A EAP deve ser consistente com a forma como o trabalho está sendo realizado. Ele deve primeiramente ser útil para a equipe do projeto. e. Os membros da equipe devem estar envolvidos no desenvolvimento da EAP para garantir consistência e comprometimento. f. Cada item da EAP deve ser documentado para assegurar com que haja entendimento do que está dentro e fora de cada item. g. A EAP deve ser uma ferramenta flexível para acomodar mudanças inevitáveis e garantir o controle do trabalho executado em conformidade com a Declaração de Escopo. 3. Atualizações da Estrutura Analítica de Projeto A EAP deve ser atualizada sempre quando houver mudanças substanciais no escopo do projeto. Os documentos atualizados precisam ser distribuídos a todos os envolvidos. 4. Como representar a EAP Graficamente, a EAP é representada por uma estrutura hierárquica (como um organograma), mas pode assumir a forma de uma lista. Veremos estas duas formas a seguir. 52

7 A EAP é também construída antes da identificação das dependências entre as atividades, e da estimativa de duração, constituindo-se na fundação para o planejamento do projeto. A partir dela, outros documentos de planejamento e controle serão construídos. Sistema Iniciação Planejamento Execução Implementação Operação e Suporte Seleção da equipe Definição dos objetivos Determinação dos requisitos plano de transição plano de suporte operacional Organização e governança Identificação do Sponsor e Stakeholders Desenvolvimento da EAP Especificações de projeto Construção sistema plano de treinamento plano de suporte Implementação do plano de suporte operacional Definição da metodologia Cronograma Preparação da documentação Implementação do plano de transição Def. do processo de controle plano de pessoal plano de testes Ajustes no sistema Desenvolvimento plano de comunicações Execução do plano de testes Desenvolvimento plano da qualidade Desenvolvimento plano dos riscos Preparação dos documentos para avaliação 3. Atualizações da Estrutura Analítica de Projeto A EAP deve ser atualizada sempre quando houver mudanças substanciais no escopo do projeto. Os documentos atualizados precisam ser distribuídos a todos os envolvidos. 4. Como representar a EAP Graficamente, a EAP é representada por uma estrutura hierárquica (como um organograma), mas pode assumir a forma de uma lista. Veremos estas duas formas a seguir. A EAP é também construída antes da identificação das dependências entre 53

8 as atividades, e da estimativa de duração, constituindo-se na fundação para o planejamento do projeto. A partir dela, outros documentos de planejamento e controle serão construídos. 5. Estrutura na forma de Lista A mesma estrutura pode ser representada em forma de lista, na qual os blocos de trabalho são organizados de maneira seqüencial pela ordem que devem acontecer no projeto. Conforme mostrado abaixo, temos 1. Iniciação 1.1. Seleção da equipe 1.2. Organização e governança 1.3. Definição da metodologia 1.4. Definição do processo de controle 2. Planejamento 2.1. Definição dos objetivos 2.2. Identificação do Sponsor e Stakeholders 2.3. Desenvolvimento da EAP 2.4. cronograma 2.5. plano de pessoal 2.6. Desenvolvimento plano de comunicações 2.7. Desenvolvimento plano da qualidade 2.8. Desenvolvimento plano dos riscos 2.9. Preparação dos documentos para avaliação 3. Execução 3.1. Determinação dos requisitos 3.2. Especificações de projeto 3.3. Construção do sistema 3.4. Preparação da documentação 3.5. plano de testes 3.6. Execução do plano de testes 54

9 4. Implementação 4.1. plano de transição 4.2. plano de treinamento 4.3. plano de suporte 4.4. Implementação do plano de transição 4.5. Ajustes no sistema 5. Operação e Suporte 5.1. plano de suporte operacional 5.2. Implementação do plano de suporte operacional 55

10 Síntese: Com esta aula, iniciamos a fase de planejamento do projeto. Vimos a importância de se planejar os limites do projeto, e definir com clareza o seu Escopo por meio da Declaração de Escopo. Vimos também como este Escopo deve ser desmembrado em partes menores e mais fáceis de gerenciar por intermédio da Estrutura Analítica de Projeto, cuja característica básica é dividir sucessivamente o escopo do projeto em blocos de trabalho, até chegar a um nível no qual se possa atribuir responsabilidades pela execução, a fim de dimensionar o prazo e o custo do projeto. A emissão destes dois documentos caracteriza, portanto, o término da fase de planejamento do escopo. Na próxima aula, veremos como calcular o prazo de um projeto a partir da definição do Cronograma. Até lá! Referências Bibliográficas CLELAND, David I. Project Management: Strategic Design and Implementation, FRAME, J. Davidson. The New Project Management, LEWIS, James P. Project Planning, Scheduling & Control, MEREDITH and MANTEL. Project Management: A Managerial Approach. Vários autores. A Guide to the Project Management Body of Knowledge PMBOK, capítulo 5, edição

Aula 2 Governança do projeto Papéis e Responsabilidades

Aula 2 Governança do projeto Papéis e Responsabilidades Aula 2 Governança do projeto Papéis e Responsabilidades Objetivos da Aula: Nesta aula, iremos conhecer os diversos papéis e responsabilidades das pessoas ou grupos de pessoas envolvidas na realização de

Leia mais

Aula Nº 9 Gerenciamento de Recursos Humanos em projetos

Aula Nº 9 Gerenciamento de Recursos Humanos em projetos Aula Nº 9 Gerenciamento de Recursos Humanos em projetos Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula visam tratar da identificação bem como do estabelecimento de uma estrutura organizacional apropriada ao

Leia mais

Gerenciamento do Escopo do Projeto Produto do Projeto

Gerenciamento do Escopo do Projeto Produto do Projeto Gerenciamento do Escopo do Projeto Produto do Projeto 5. Gerenciamento do escopo do projeto PMBOK 2000 PMBOK 2004 5.1 Iniciação *** Reescrita e transferida para o capítulo 4 5.2 Planejamento do escopo

Leia mais

Aula 3 Fase de Iniciação de projetos

Aula 3 Fase de Iniciação de projetos Aula 3 Fase de Iniciação de projetos Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula são, basicamente, apresentar as atividades que constituem a fase inicial dos projetos. Alem disso, vamos discorrer sobre

Leia mais

Aula Nº 13 Fechamento do projeto

Aula Nº 13 Fechamento do projeto Aula Nº 13 Fechamento do projeto Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula visam apresentar como se encerra o ciclo de vida de um projeto. Para tal, pretende-se verificar as derradeiras providências que

Leia mais

Gestão de Projetos GNG- 103

Gestão de Projetos GNG- 103 Gestão de Projetos GNG- 103 GNG-103 Gestão de Projetos Definir metas e objetivos do projeto Conciliar entregas Descobrir requisitos Determinar premissas e restrições Compilando a declaracao do escopo do

Leia mais

Aula 7 Elaboração do Plano de Gerenciamento da Qualidade

Aula 7 Elaboração do Plano de Gerenciamento da Qualidade Aula 7 Elaboração do Plano de Gerenciamento da Qualidade Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula visam definir termos e conceitos da qualidade. Para tal, pretende-se discutir a relação que se estabelece

Leia mais

O que é um projeto? Características de um projeto. O Que é o PMBoK Guide 3º Edition? Desmembrando o PMBoK através de mapas mentais (Mindmaps)

O que é um projeto? Características de um projeto. O Que é o PMBoK Guide 3º Edition? Desmembrando o PMBoK através de mapas mentais (Mindmaps) O que é um projeto? Projeto é um empreendimento não repetitivo, caracterizado por uma sequência clara e lógica de eventos, com início, meio e fim, que se destina a atingir um objetivo claro e definido,

Leia mais

TC 045 Gerenciamento de Projetos

TC 045 Gerenciamento de Projetos TC 045 Gerenciamento de Projetos Escopo Tempo Figura: D. Randa (2012) NAYARA SOARES KLEIN nayaraklein@gmail.com ANO: 2013 Escopo: s.m. Finalidade; alvo; intento; propósito. Dicionário Aurélio Escopo do

Leia mais

Aula Nº 06 Determinação do Orçamento

Aula Nº 06 Determinação do Orçamento Aula Nº 06 Determinação do Orçamento Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula são, basicamente, apresentar os processos aplicados que possibilitem identificar os recursos necessários para se conduzir

Leia mais

Aula Nº 05 Determinação do Cronograma

Aula Nº 05 Determinação do Cronograma Aula Nº 05 Determinação do Cronograma Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula são, basicamente, apresentar as atividades necessárias para se produzir o cronograma do projeto. Ao final desta aula, você

Leia mais

Desmembrando o PMBoK através de mapas mentais (Mindmaps)

Desmembrando o PMBoK através de mapas mentais (Mindmaps) PMI O Que é o PMBoK Guide 3º Edition? O PMBoK Guide 3º Edition (2004) é uma denominação que representa todo o somatório de conhecimento dentro da área de gerenciamento de projetos, além de fornecer uma

Leia mais

Gestão de Projetos Logísticos

Gestão de Projetos Logísticos Gestão de Projetos Logísticos Professor: Fábio Estevam Machado CONTEÚDO DA AULA ANTERIOR Teoria Gestão de Projetos Projetos Atualidades Tipos de Projetos Conceitos e Instituições Certificação Importância

Leia mais

Gerenciamento do escopo

Gerenciamento do escopo Gerenciamento do escopo Gerenciamento do escopo Escopo pode ser definido como a soma dos produtos de um projeto, bem como a descrição de seus requisitos. O momento de definir o escopo é a hora em que o

Leia mais

Engenharia de Software II: Criando a Declaração de Escopo. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br

Engenharia de Software II: Criando a Declaração de Escopo. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Engenharia de Software II: Criando a Declaração de Escopo Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Sumário Desenvolvendo o Plano de Gerenciamento do Projeto. Coletando Requisitos. Declarando

Leia mais

Implementação utilizando as melhores práticas em Gestão de Projetos

Implementação utilizando as melhores práticas em Gestão de Projetos Implementação utilizando as melhores práticas em Gestão de Projetos Objetivo dessa aula é mostrar a importância em utilizar uma metodologia de implantação de sistemas baseada nas melhores práticas de mercado

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS NAS EMPRESAS

A IMPORTÂNCIA DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS NAS EMPRESAS A IMPORTÂNCIA DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS NAS EMPRESAS THALITA ZOTTELE NUNES THOMAZ i RESUMO A gestão adequada dos projetos traz benefícios para a organização podendo ser empregada em resoluções de problemas

Leia mais

Simulações em Aplicativos

Simulações em Aplicativos Simulações em Aplicativos Uso Avançado de Aplicativos Prof. Marco Pozam mpozam@gmail.com A U L A 0 5 Programação da Disciplina 20/Agosto: Conceito de Project Office. 27/Agosto: Tipos de Project Office.

Leia mais

Unidade I GERENCIAMENTO DE. Profa. Celia Corigliano

Unidade I GERENCIAMENTO DE. Profa. Celia Corigliano Unidade I GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE TI Profa. Celia Corigliano Objetivo Estimular o aluno no aprofundamento do conhecimento das técnicas de gestão profissional de projetos do PMI. Desenvolver em aula

Leia mais

Aula Nº 10 Planejamento da Comunicação

Aula Nº 10 Planejamento da Comunicação Aula Nº 10 Planejamento da Comunicação Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula visam analisar as necessidades de informação para se manter os stakeholders internos e externos bem como a equipe de projetos

Leia mais

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Planejamento do Gerenciamento das Comunicações (10) e das Partes Interessadas (13) PLANEJAMENTO 2 PLANEJAMENTO Sem 1 Sem 2 Sem 3 Sem 4 Sem 5 ABRIL

Leia mais

Organização da Aula Gestão de Projetos

Organização da Aula Gestão de Projetos Organização da Aula Gestão de Projetos Aula 6 Profa. Me. Carla Patricia S. Souza Gestão de processos do projeto Integração, comunicações, recursos humanos, escopo, tempo, custos, aquisições, qualidade

Leia mais

Definição: O escopo de um projeto descreve todos os seus produtos, os serviços necessários para realizá-los e resultados finais esperados. Descreve também o que é preciso fazer para que alcance seus objetivos

Leia mais

Gerenciamento de Projeto: Criando a Declaração de Escopo II. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br

Gerenciamento de Projeto: Criando a Declaração de Escopo II. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Gerenciamento de Projeto: Criando a Declaração de Escopo II Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Sumário Definindo escopo. Criando EAP. Definindo o Escopo Escopo é coletivamente o produto,

Leia mais

Nome da Empresa. <Nome do Projeto> Plano de Desenvolvimento de Software. Versão <1.0>

Nome da Empresa. <Nome do Projeto> Plano de Desenvolvimento de Software. Versão <1.0> Nome da Empresa Plano de Desenvolvimento de Software Versão Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 2/7 Índice Analítico 1. Objetivo

Leia mais

Teoria e Prática. Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009. Rosaldo de Jesus Nocêra, PMP, PMI-SP, MCTS. do PMBOK do PMI. Acompanha o livro:

Teoria e Prática. Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009. Rosaldo de Jesus Nocêra, PMP, PMI-SP, MCTS. do PMBOK do PMI. Acompanha o livro: Gerenciamento de Projetos Teoria e Prática Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009 do PMBOK do PMI Acompanha o livro: l CD com mais de 70 formulários exemplos indicados pelo PMI e outros desenvolvidos

Leia mais

Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento. Kleber A. Ribeiro

Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento. Kleber A. Ribeiro Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento Kleber A. Ribeiro Áreas de conhecimento do PMBOK - Custo - Determina os processos necessários para assegurar que o projeto seja conduzido e concluído dentro

Leia mais

GESTAO DE PROJETOS. Núcleo de Engenharia e TI Prof. Esdras E-mail: esdraseler@terra.com.br

GESTAO DE PROJETOS. Núcleo de Engenharia e TI Prof. Esdras E-mail: esdraseler@terra.com.br Planejamento de Tempo e Escopo do Projeto Faculdade Pitágoras Faculdade Pitágoras Núcleo de Engenharia e TI Prof. Esdras E-mail: esdraseler@terra.com.br 1 Templates de Documentos http://www.projectmanagementdocs.com

Leia mais

Tecnologia em Gestão Pública Desenvolvimento de Projetos - Aula 9 Prof. Rafael Roesler

Tecnologia em Gestão Pública Desenvolvimento de Projetos - Aula 9 Prof. Rafael Roesler Tecnologia em Gestão Pública Desenvolvimento de Projetos - Aula 9 Prof. Rafael Roesler Introdução Objetivos da Gestão dos Custos Processos da Gerência de Custos Planejamento dos recursos Estimativa dos

Leia mais

PLANEJAMENTO PLANEJAMENTO ESTRATÉGIA CICLO PDCA CICLO PDCA 09/04/2015 GESTÃO DE ESCOPO GERENCIAMENTO DE PROJETOS ACT

PLANEJAMENTO PLANEJAMENTO ESTRATÉGIA CICLO PDCA CICLO PDCA 09/04/2015 GESTÃO DE ESCOPO GERENCIAMENTO DE PROJETOS ACT UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO DE CONSTRUÇÃO CIVIL PLANEJAMENTO 2 GERENCIAMENTO DE PROJETOS SUBMETIDA E APROVADA A PROPOSTA DO PROJETO PROCESSO DE PLANEJAMENTO GESTÃO DE Processo fundamental

Leia mais

fagury.com.br. PMBoK 2004

fagury.com.br. PMBoK 2004 Este material é distribuído por Thiago Fagury através de uma licença Creative Commons 2.5. É permitido o uso e atribuição para fim nãocomercial. É vedada a criação de obras derivadas sem comunicação prévia

Leia mais

GERÊNCIA DE INTEGRAÇÃO DO PROJETO

GERÊNCIA DE INTEGRAÇÃO DO PROJETO GERÊNCIA DE INTEGRAÇÃO DO PROJETO Estevanir Sausen¹, Patricia Mozzaquatro² ¹Acadêmico do Curso de Ciência da Computação ²Professor(a) do Curso de Ciência da Computação Universidade de Cruz Alta (UNICRUZ)

Leia mais

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT MASTER IN PROJECT MANAGEMENT PROJETOS E COMUNICAÇÃO PROF. RICARDO SCHWACH MBA, PMP, COBIT, ITIL Atividade 1 Que modelos em gestão de projetos estão sendo adotados como referência nas organizações? Como

Leia mais

Gerenciamento de Integração do Projeto Planejamento e Execução do Projeto

Gerenciamento de Integração do Projeto Planejamento e Execução do Projeto Gerenciamento de Integração do Projeto Planejamento e Execução do Projeto 4. Gerenciamento de integração do projeto PMBOK 2000 PMBOK 2004 4.1 Desenvolver o termo de abertura do projeto 4.2 Desenvolver

Leia mais

Novidades do Guia PMBOK 5a edição

Novidades do Guia PMBOK 5a edição Novidades do Guia PMBOK 5a edição Mauro Sotille, PMP O Guia PMBOK 5 a edição (A Guide to the Project Management Body of Knowledge (PMBOK Guide) Fifth Edition), em Inglês, vai ser lançado oficialmente pelo

Leia mais

Gerenciamento de Integração do Projeto Será que você está precisando de uma ajuda?

Gerenciamento de Integração do Projeto Será que você está precisando de uma ajuda? Resumo Integrar é procurar tornar partes distintas em um todo e que não percam seu objetivo. Gerenciar um projeto requer uma forte atuação integradora, visto que são muitas e complexas as funções a serem

Leia mais

PMBOK/PMI Project Management Body of Knowledge. Gerenciamento de Projetos

PMBOK/PMI Project Management Body of Knowledge. Gerenciamento de Projetos PMBOK/PMI Project Management Body of Knowledge Gerenciamento de Projetos Organização de Projetos GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIOS GERENCIAMENTO DE PROGRAMA GERENCIAMENTO DE PROJETOS GERENCIAMENTO DE SUBPROJETOS

Leia mais

Jonas de Souza H2W SYSTEMS

Jonas de Souza H2W SYSTEMS Jonas de Souza H2W SYSTEMS 1 Tecnólogo em Informática Fatec Jundiaí MBA em Gerenciamento de Projetos FGV Project Management Professional PMI Mestrando em Tecnologia UNICAMP Metodologia de apoio à aquisição

Leia mais

Plano de Gerenciamento das Comunicações

Plano de Gerenciamento das Comunicações Projeto: Simul-e Plano de Gerenciamento das Comunicações Versão 1.0 Página 1 de 9 Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 01/11/2015 1.0 Criação do Documento Hugo Pazolline Página 2 de 9 Índice

Leia mais

ÁREAS DE CONHECIMENTO DO PMBOK. Faculdade PITÁGORAS Unidade Raja Prof. Valéria E-mail: valeriapitagoras@gmail.com

ÁREAS DE CONHECIMENTO DO PMBOK. Faculdade PITÁGORAS Unidade Raja Prof. Valéria E-mail: valeriapitagoras@gmail.com ÁREAS DE CONHECIMENTO DO PMBOK Faculdade PITÁGORAS Unidade Raja Prof. Valéria E-mail: valeriapitagoras@gmail.com 1 As 10 áreas de Conhecimento 2 INTEGRAÇÃO 3 Gerência da Integração Processos necessários

Leia mais

1 Inicie um novo. Guia de Referência Rápida de Gerenciamento de Projeto para o Project 2007. projeto

1 Inicie um novo. Guia de Referência Rápida de Gerenciamento de Projeto para o Project 2007. projeto Guia de Referência Rápida de Gerenciamento de Projeto para o Project 2007 1 Inicie um novo Antes de começar um novo, uma organização deve determinar se ele se enquadra em suas metas estratégicas. Os executivos

Leia mais

W Projeto. Gerenciamento. Construindo a WBS e gerando o Cronograma. Autor: Antonio Augusto Camargos, PMP 1/12

W Projeto. Gerenciamento. Construindo a WBS e gerando o Cronograma. Autor: Antonio Augusto Camargos, PMP 1/12 W Projeto BS Construindo a WBS e gerando o Cronograma. Gerenciamento Autor: Antonio Augusto Camargos, PMP 1/12 Índice Remissivo Resumo...3 1. Introdução...3 2. Conceituando a WBS (Work Breakdown Structure/Estrutura

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: GESTÃO DE PROJETOS. Prof. Msc. Carlos José Giudice dos Santos

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: GESTÃO DE PROJETOS. Prof. Msc. Carlos José Giudice dos Santos FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: GESTÃO DE PROJETOS Prof. Msc. Carlos José Giudice dos Santos O QUE SÃO PROCESSOS? De acordo com o Guia PMBOK, (2013) processo é um conjunto de ações e/ou atividades inter-relacionadas

Leia mais

MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas

MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas ECONOMISTA - RIVAS ARGOLO 2426/D 62 9905-6112 RIVAS_ARGOLO@YAHOO.COM.BR Objetivo deste mini curso : Mostrar os benefícios do gerenciamento de projetos

Leia mais

Gerência de Projetos. O segredo para ter sucesso na implantação de Tecnologia da informação

Gerência de Projetos. O segredo para ter sucesso na implantação de Tecnologia da informação Gerência de Projetos O segredo para ter sucesso na implantação de Tecnologia da informação Introdução e Conceitos Conceitos importantes para o entendimento da disciplina O que é um projeto? Um projeto

Leia mais

3 Gerenciamento de Projetos

3 Gerenciamento de Projetos 34 3 Gerenciamento de Projetos Neste capítulo, será abordado o tema de gerenciamento de projetos, iniciando na seção 3.1 um estudo de bibliografia sobre a definição do tema e a origem deste estudo. Na

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 10 PROFª BRUNO CALEGARO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 10 PROFª BRUNO CALEGARO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 10 PROFª BRUNO CALEGARO Santa Maria, 10 de Outubro de 2013. Revisão aula anterior Documento de Requisitos Estrutura Padrões Template Descoberta

Leia mais

Gerenciamento de Projetos. Prof. Dr. Rodolfo Miranda de Barros rodolfomdebarros@gmail.com

Gerenciamento de Projetos. Prof. Dr. Rodolfo Miranda de Barros rodolfomdebarros@gmail.com Gerenciamento de Projetos Prof. Dr. Rodolfo Miranda de Barros rodolfomdebarros@gmail.com MODELO DE GERENCIAMENTO PMI PMI (Project Management Institute); O modelo PMI é divido em áreas de conhecimento da

Leia mais

Gerenciamento da Integração (PMBoK 5ª ed.)

Gerenciamento da Integração (PMBoK 5ª ed.) Gerenciamento da Integração (PMBoK 5ª ed.) O PMBoK diz que: O gerenciamento da integração do projeto inclui os processos e as atividades necessárias para identificar, definir, combinar, unificar e coordenar

Leia mais

Gerência do Escopo do Projeto

Gerência do Escopo do Projeto Gestão de Projetos e Empreendimentos Work Breakdown Structure WBS ou Estrutura Analítica do Projeto EAP Gerência do Escopo do Projeto Prof. Luciel H. de Oliveira luciel@fae.br Referência: Cap. 5 PMBOK

Leia mais

Saiba Como Convencer os Executivos Sobre o Valor do Gerenciamento de Projetos. White Paper

Saiba Como Convencer os Executivos Sobre o Valor do Gerenciamento de Projetos. White Paper Saiba Como Convencer os Executivos Sobre o Valor do Gerenciamento de Projetos White Paper TenStep 2007 Saiba Como Convencer os Executivos Sobre o Valor do Gerenciamento de Projetos Não há nenhuma duvida

Leia mais

Introdução a Gerenciamento de Projetos Prof. MSc. Fábio Assunção

Introdução a Gerenciamento de Projetos Prof. MSc. Fábio Assunção Introdução a Gerenciamento de Projetos Prof. MSc. Fábio Assunção Um projeto é um esforço temporário realizado para criar um produto ou serviço único. Ou seja, é desenvolvido a partir de uma ideia, progredindo

Leia mais

Gestão e Projeto de TI Prof. Mauricio Faria

Gestão e Projeto de TI Prof. Mauricio Faria Gestão e Projeto de TI Prof. Mauricio Faria 2011 Lista de Exercícios 2 Semestre Gestão e Projeto de TI 1. Quais os processos que são incluídos no gerenciamento de custos? O gerenciamento de custos do projeto

Leia mais

Objetivos da aula. Planejamento, Execução e Controle de Projetos de Software. O que é um plano de projeto? O que é um projeto?

Objetivos da aula. Planejamento, Execução e Controle de Projetos de Software. O que é um plano de projeto? O que é um projeto? Planejamento, Execução e Controle de Projetos de Software. Objetivos da aula 1) Dizer o que é gerenciamento de projetos e a sua importância; 2) Identificar os grupos de processos do gerenciamento de projetos

Leia mais

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Planejamento do Gerenciamento das Comunicações (10) e das Partes Interessadas (13) PLANEJAMENTO 2 PLANEJAMENTO Sem 1 Sem 2 Sem 3 Sem 4 Sem 5 ABRIL

Leia mais

Metodologia de Projetos. André Gomes Coimbra

Metodologia de Projetos. André Gomes Coimbra Metodologia de Projetos André Gomes Coimbra Cronograma Aula 3 Trabalho (10 pts) Aula 5 Avaliação (5 pts) Aula 9 Exercício (10 pts) Aula 10 Apresentação do projeto REDES (25 pts) Aula 11 Avaliação (10 pts)

Leia mais

Gerência de Projetos

Gerência de Projetos Gerência de Projetos Escopo Custo Qualidade Tempo CONCEITO PROJETOS: são empreendimentos com objetivo específico e ciclo de vida definido Precedem produtos, serviços e processos. São utilizados as funções

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PROJETOS

GERENCIAMENTO DE PROJETOS GERENCIAMENTO DE PROJETOS O que é um Projeto? Regra Início e fim definidos Destinado a atingir um produto ou serviço único Escopo definido Características Sequência clara e lógica de eventos Elaboração

Leia mais

Microsoft Project 2007

Microsoft Project 2007 www.gerentedeprojeto.net.br Microsoft Project 2007 Criando a EAP Alexandre Paiva de Lacerda Costa, PMP, MCTS, ITIL Sumário Estrutura Analítica do Projeto (EAP)... 3 Criar a EAP e o dicionário da EAP...

Leia mais

Planejamento e Gerência de Projetos de Software. Prof.: Ivon Rodrigues Canedo. PUC Goiás

Planejamento e Gerência de Projetos de Software. Prof.: Ivon Rodrigues Canedo. PUC Goiás Planejamento e Gerência de Projetos de Software Prof.: Ivon Rodrigues Canedo PUC Goiás Projeto É um trabalho que visa a criação de um produto ou de serviço específico, temporário, não repetitivo e que

Leia mais

GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETO

GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETO GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETO PLANO DE AULAS TURMA GRPA04 EMENTA DA DISCIPLINA - Riscos definição e histórico. - Planejamento do gerenciamento de riscos. - Fontes, Identificação e Categorização de

Leia mais

Comparação da Metodologia TenStep PGP (Processo de Gerenciamento de Projetos), com o Guia PMBOK 4ª Edição - PMI

Comparação da Metodologia TenStep PGP (Processo de Gerenciamento de Projetos), com o Guia PMBOK 4ª Edição - PMI Comparação da Metodologia TenStep PGP (Processo de Gerenciamento de Projetos), com o Guia PMBOK 4ª Edição - PMI 2010 TenStep Comparação da Metodologia TenStep PGP (Processo de Gerenciamento de Projetos)

Leia mais

PMBOK. Guia do Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento de Projetos

PMBOK. Guia do Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento de Projetos PMBOK Guia do Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento de Projetos Crédito/Fonte: Fluxo de Processos do Gerenciamento de Projetos - PMBOK 4a Edição - com ícones [PDF], por Mauro Afonso Sotille, PM Tech

Leia mais

INSTRUÇÃO DE SERVIÇO PARA ELABORAÇÃO DE PLANOS GERAIS DE PROJETOS DE SISTEMAS OU APLICATIVOS

INSTRUÇÃO DE SERVIÇO PARA ELABORAÇÃO DE PLANOS GERAIS DE PROJETOS DE SISTEMAS OU APLICATIVOS INSTRUÇÃO DE SERVIÇO PARA ELABORAÇÃO DE PLANOS GERAIS DE PROJETOS DE SISTEMAS OU APLICATIVOS IS-CGMI-02/2005 Aprovada pela Portaria nº 1494 de 22/11/2005 Histórico de Versões Data Versão Descrição Autor

Leia mais

- Project Management Institute. Disciplina de Engenharia de Software. PMP- Project Management Professional PMBOK

- Project Management Institute. Disciplina de Engenharia de Software. PMP- Project Management Professional PMBOK Disciplina de Engenharia de Software Material elaborado por Windson Viana de Carvalho e Rute Nogueira Pinto em 19/07/2004 Material alterado por Rossana Andrade em 22/04/2009 - Project Management Institute

Leia mais

Como Utilizar uma Metodologia de Gerenciamento de Projetos na Elaboração de Propostas? Carlos Magno da Silva Xavier (M.Sc., PMP)

Como Utilizar uma Metodologia de Gerenciamento de Projetos na Elaboração de Propostas? Carlos Magno da Silva Xavier (M.Sc., PMP) Como Utilizar uma Metodologia de Gerenciamento de s na Elaboração de Propostas? Carlos Magno da Silva Xavier (M.Sc., PMP) Abstract do Mini-Curso O Gerenciamento de um Começa Durante a Elaboração de sua

Leia mais

Aula Nº 11 Suprimentos e contratações

Aula Nº 11 Suprimentos e contratações Aula Nº 11 Suprimentos e contratações Objetivos da Aula: Os objetivos desta aula visam fornecer uma visão geral do processo empregado para se administrar a aquisição, no mercado, dos produtos necessários

Leia mais

Capítulo X. Gerenciar Mudanças dos Requisitos. Aluizio Saiter, M. Sc.

Capítulo X. Gerenciar Mudanças dos Requisitos. Aluizio Saiter, M. Sc. Capítulo X Gerenciar Mudanças dos Requisitos., M. Sc. 2 1. Sobre a disciplina de gerência de requisitos. 2. Boas práticas em engenharia de software. 3. Introdução a gerência de requisitos. 4. Introdução

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos (ref. capítulos 1 a 3 PMBOK) TC045 Gerenciamento de Projetos Sergio Scheer - scheer@ufpr.br O que é Gerenciamento de Projetos? Aplicação de conhecimentos, habilidades, ferramentas

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PROJETOS

GERENCIAMENTO DE PROJETOS GESTÃO DE PROJETOS PROCESSOS DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS Os cinco grupos de processos de gerenciamento de projetos são: Iniciação Planejamento Execução Monitoramento e Controle Encerramento Segundo o

Leia mais

Plataforma da Informação. Gerenciamento de Projetos

Plataforma da Informação. Gerenciamento de Projetos Plataforma da Informação Gerenciamento de Projetos Motivação Por que devemos fazer Projetos? - O aprendizado por projetos, faz parte de um dos três pilares de formação do MEJ; -Projetos são oportunidades

Leia mais

Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal

Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal Histórico de Revisões Data Versão Descrição 30/04/2010 1.0 Versão Inicial 2 Sumário 1. Introdução... 5 2. Público-alvo... 5 3. Conceitos básicos...

Leia mais

Novidades do Guia PMBOK 5ª edição

Novidades do Guia PMBOK 5ª edição Novidades do Guia PMBOK 5ª edição Mauro Sotille, PMP O Guia PMBOK 5 a edição (A Guide to the Project Management Body of Knowledge (PMBOK Guide) Fifth Edition), em Inglês, foi lançado oficialmente pelo

Leia mais

Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento. Kleber A. Ribeiro

Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento. Kleber A. Ribeiro Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento Kleber A. Ribeiro Plano de projeto O Plano de Projeto é uma série de documentos ou uma coletânea lógica de documentos compilados pelo Gerente de Projetos

Leia mais

Gerenciamento de Projeto: Planejando os Recursos. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br

Gerenciamento de Projeto: Planejando os Recursos. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Gerenciamento de Projeto: Planejando os Recursos Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Sumário Planejar as Aquisições Desenvolver o Plano de Recursos Humanos Planejar as Aquisições É o

Leia mais

Porque estudar Gestão de Projetos?

Porque estudar Gestão de Projetos? Versão 2000 - Última Revisão 07/08/2006 Porque estudar Gestão de Projetos? Segundo o Standish Group, entidade americana de consultoria empresarial, através de um estudo chamado "Chaos Report", para projetos

Leia mais

PEN - Processo de Entendimento das Necessidades de Negócio Versão 1.4.0

PEN - Processo de Entendimento das Necessidades de Negócio Versão 1.4.0 PEN - Processo de Entendimento das Necessidades de Negócio Versão 1.4.0 Banco Central do Brasil, 2015 Página 1 de 14 Índice 1. FLUXO DO PEN - PROCESSO DE ENTENDIMENTO DAS NECESSIDADES DE NEGÓCIO... 3 2.

Leia mais

Gestão de Projetos em Design. Aula 05 Gestão de projetos /

Gestão de Projetos em Design. Aula 05 Gestão de projetos / Escola Politécnica da USP Departamento Engenharia Produção - Aula 05 projetos / Planejamento do escopo WBS / EAP Agosto/2009 Prof. Clovis Alvarenga Netto Aula 05 O que é escopo do projeto? Como finir a

Leia mais

Módulo 2: Gerenciamento de Escopo, Tempo e Custos do Projeto

Módulo 2: Gerenciamento de Escopo, Tempo e Custos do Projeto ENAP Diretoria de Desenvolvimento Gerencial Coordenação Geral de Educação a Distância Gerência de Projetos - Teoria e Prática Conteúdo para impressão Módulo 2: Gerenciamento de Escopo, Tempo e Custos do

Leia mais

Título da apresentação Curso Gestão de Projetos I (Verdana, cor branca) Curso de Desenvolvimento de Servidores - CDS

Título da apresentação Curso Gestão de Projetos I (Verdana, cor branca) Curso de Desenvolvimento de Servidores - CDS Título da apresentação Curso Gestão de Projetos I (Verdana, cor branca) Curso de Desenvolvimento de Servidores - CDS Prof. Instrutor Elton Siqueira (a) (Arial Moura preto) CURSO DE GESTÃO DE PROJETOS I

Leia mais

CobiT 4.1 Plan and Organize Manage Projects PO10

CobiT 4.1 Plan and Organize Manage Projects PO10 CobiT 4.1 Plan and Organize Manage Projects PO10 Planejar e Organizar Gerenciar Projetos Pedro Rocha http://rochapedro.wordpress.com RESUMO Este documento trás a tradução do objetivo de controle PO10 (Gerenciamento

Leia mais

Cada elemento da EAP deve representar um resultado tangível e verificável; Todos os resultados principais devem estar explicitamente

Cada elemento da EAP deve representar um resultado tangível e verificável; Todos os resultados principais devem estar explicitamente EAP ou WBS EAP ou WBS Estrutura analítica do projeto (EAP) ou estrutura analítica do trabalho (WBS), é a base para o detalhamento do projeto e após elaborada passa a ser a base para a manutenção do escopo

Leia mais

Fatores Críticos de Sucesso em GP

Fatores Críticos de Sucesso em GP Fatores Críticos de Sucesso em GP Paulo Ferrucio, PMP pferrucio@hotmail.com A necessidade das organizações de maior eficiência e velocidade para atender as necessidades do mercado faz com que os projetos

Leia mais

Gerenciamento de Projeto: Criando o Termo de Abertura III. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br

Gerenciamento de Projeto: Criando o Termo de Abertura III. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Gerenciamento de Projeto: Criando o Termo de Abertura III Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Sumário Desenvolvendo o Termo de Abertura do Projeto. Identificando as Partes Interessadas

Leia mais

METAS E INDICADORES COMO DEFINIR OS INDICADORES?

METAS E INDICADORES COMO DEFINIR OS INDICADORES? METAS E INDICADORES COMO DEFINIR OS INDICADORES? Os indicadores permitem avaliação do desempenho da instituição, segundo três aspectos relevantes: controle, comunicação e melhoria. (MARTINS & MARINI, 2010,

Leia mais

Projeto Churrasco dos Sonhos

Projeto Churrasco dos Sonhos www.gerentedeprojeto.net.br Projeto Churrasco dos Sonhos Criando a EAP Analítica Alexandre Paiva de Lacerda Costa, PMP, MCTS, ITIL Sumário Estrutura Analítica do Projeto (EAP)... 3 Criar a EAP e o dicionário

Leia mais

Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Curso de Arquivologia Profa. Lillian Alvares

Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Curso de Arquivologia Profa. Lillian Alvares Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Curso de Arquivologia Profa. Lillian Alvares O Project Management Institute é uma entidade sem fins lucrativos voltada ao Gerenciamento de Projetos.

Leia mais

METODOLOGIA DE GERENCIAMENTO DE PROJETO DE SOFTWARE ORIENTADO A OBJETO COM PMBOK

METODOLOGIA DE GERENCIAMENTO DE PROJETO DE SOFTWARE ORIENTADO A OBJETO COM PMBOK V EPCC Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 23 a 26 de outubro de 2007 METODOLOGIA DE GERENCIAMENTO DE PROJETO DE SOFTWARE ORIENTADO A OBJETO COM PMBOK Cleber Lecheta Franchini 1 Resumo:

Leia mais

FINANÇAS EM PROJETOS DE TI

FINANÇAS EM PROJETOS DE TI FINANÇAS EM PROJETOS DE TI 2012 Material 1 Prof. Luiz Carlos Valeretto Jr. 1 E-mail valeretto@yahoo.com.br Objetivo Objetivos desta disciplina são: reconhecer as bases da administração financeira das empresas,

Leia mais

PLANEJAMENTO DO ESCOPO

PLANEJAMENTO DO ESCOPO PLANEJAMENTO DO ESCOPO Dr. rer. nat. Christiane Gresse von Wangenheim, PMP Objetivo de aprendizagem desta aula Ao final desta aula, você deverá ser capaz de: Motivar a importância do planejamento de escopo.

Leia mais

Gestão dos Prazos e Custos do Projeto

Gestão dos Prazos e Custos do Projeto Gestão dos Prazos e Custos do Projeto Prof. Sérgio Ricardo do Nascimento Aula 7 05 de dezembro de 2013 1 Gestão dos Prazos e Custos do Projeto - Prof. Sérgio Ricardo do Nascimento Conteúdo Programático

Leia mais

GESTÃO DE PROJETOS. Prof. Anderson Valadares

GESTÃO DE PROJETOS. Prof. Anderson Valadares GESTÃO DE PROJETOS Prof. Anderson Valadares Projeto Empreendimento temporário Realizado por pessoas Restrições de recursos Cria produtos, ou serviços ou resultado exclusivo Planejado, executado e controlado

Leia mais

GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS

GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS ISSN 1984-9354 GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS Emerson Augusto Priamo Moraes (UFF) Resumo Os projetos fazem parte do cotidiano de diversas organizações, públicas e privadas, dos mais diversos

Leia mais

Engenharia de Requisitos

Engenharia de Requisitos Engenharia de Requisitos Conteúdo Definição Questionamentos Típicos Visão Geral Ciclo de Vida dos Requisitos Síntese dos Objetivos Gerência de Mudança Identificação de Requisitos Classificação de Requisitos

Leia mais

Questões atualizadas no PMBoK 5ª edição versão 2015. Respostas comentadas com justificativa e seção do PMBoK correspondente.

Questões atualizadas no PMBoK 5ª edição versão 2015. Respostas comentadas com justificativa e seção do PMBoK correspondente. Copyright 2015 PMtotal.com.br - Todos os direitos reservados PMI, Guia PMBOK, PMP, CAPM são marcas registradas do Project Management Institute, Inc Simulado de 20 questões para as provas CAPM e PMP do

Leia mais