Maria Rosário Bernardo, Doutoranda na Universidade de Lille Gestão de Projetos no Setor Público Desafios e Oportunidades

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Maria Rosário Bernardo, Doutoranda na Universidade de Lille Gestão de Projetos no Setor Público Desafios e Oportunidades"

Transcrição

1

2 Agenda 15h00 15h15 15h45 Boas vindas e enquadramento espap A Governação de Projetos no Setor Público Melhor Estado, Maior valor entregue à sociedade Nuno Ponces de Carvalho, Perito Internacional na área de Gestão de Projetos Maria Rosário Bernardo, Doutoranda na Universidade de Lille Gestão de Projetos no Setor Público Desafios e Oportunidades Participação aberta aos prospetivos clientes, Universidades Apresentação da Plataforma de Gestão Estratégica e de Projetos 16h45 Discussão final 17h00 Encerramento 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 2

3 Agenda 15h00 15h15 15h45 Boas vindas e enquadramento espap A Governação de Projetos no Setor Público Melhor Estado, Maior valor entregue à sociedade Nuno Ponces de Carvalho, Perito Internacional na área de Gestão de Projetos Maria Rosário Bernardo, Doutoranda na Universidade de Lille Gestão de Projetos no Setor Público Desafios e Oportunidades Participação aberta aos prospetivos clientes, Universidades Apresentação da Plataforma de Gestão Estratégica e de Projetos 16h45 Discussão final 17h00 Encerramento 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 3

4 Agenda 15h00 15h15 Boas vindas e enquadramento espap A Governação de Projetos no Setor Público Melhor Estado, Maior valor entregue à sociedade Nuno Ponces de Carvalho, Perito Internacional na área de Gestão de Projetos Mª Rosário Bernardo, Doutoranda na Universidade de Lille 15h45 Gestão de Projetos no Setor Público Desafios e Oportunidades Participação aberta aos prospetivos clientes, Universidades Apresentação da Plataforma de Gestão Estratégica e de Projetos 16h45 Discussão final 17h00 Encerramento 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 4

5 A Governação de Projetos no Setor Público Melhor Estado, Maior valor entregue à sociedade Nuno Ponces de Carvalho Maria do Rosário Bernardo Alfragide, 9 de Julho de 2015

6 Sistema de Governo Define as estruturas organizacionais Define direitos e responsabilidades Supervisiona a gestão Sistema de Gestão Gere os processos de negócio da organização dentro da estrutura e condicionantes estabelecidas pelo sistema de governo 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 6

7 Governo da Organização define: Objectivos Meios para alcançar objectivos Meios para controlar progresso Iniciativas de projectos e programas como meio para alcançar objectivos Controlo do progresso dos projectos e programas Organização Permanente Organização Externa Governo da Organização Liga organização permanente e organizações temporárias Estruturas de governo como ligação entre os objectivos dos projectos e os da organização Assegura que os objectivos são avançados Desenvolve capacidades e competências em gestão de projectos, programas e portefólios Governo do projecto define: Objectivos do projecto; Meios para alcançar objectivos Meios para controlar progresso Organização Temporária 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 7

8 Funções de Governo da Gestão de Projectos Prioritização Balancear Equipas Balancear plataformas IT Providenciar visibilidade Portefólio Suporte práticas de GP Suporte competências de GP Visibilidade e Controlo Partilha de conhecimento Project Office Interno Cliente Sponsorship Transversal Multi-projectos Programa 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 8

9 Executing Managing Steering Projects Support Office () Podem ser considerados três níveis de : estratégico No nível de direcção, o assume o papel de gestão do portefólio, influenciando a definição das prioridades dos projectos e a atribuição dos recursos. Set Direction TMgm de suporte No nível de gestão o é responsável pelos processos e normas de gestão de projectos, define e implementa metodologias, concebe e planeia o desenvolvimento das competências de gestão de projectos, cria e mantém as ferramentas de gestão de projectos. administrativo No nível de execução o assume um papel administrativo, estabelecendo os mecanismos de controlo e de comunicação da situação do projecto e as ferramentas de suporte aos processos de gestão de projectos. Adaptado de Oakes, espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 9

10 Limitadores Foco muito forte na tecnologia Foco acentuado no controlo dos projectos Resistência à mudança das práticas existentes Metodologia Certificação Treino avançado Etapas incrementais do governo da gestão de projectos Steering committee PMO Benchmarking Revisões e auditorias Mentoring Modelos de maturidade Potenciadores Necessidade de melhores resultados nos projectos Papel do GP e gestão da carreira Gestão de projectos como capacidade estratégica Müller espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 10

11 Metodologia Certificação Treino Avançado Steering Committee PMO Benchmark Metodologia de gestão de projectos Revisões e Auditorias Mantoring Modelos de Maturidade É a base duma gestão de projectos profissional Deve ser adequada: À cultura da Organização; Aos princípios de gestão da Organização; À natureza dos projectos; Ao contexto em que os projectos são realizados Por isto 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 11

12 Metodologia Certificação Treino Avançado Metodologia de gestão de projectos Steering Committee Revisões e Auditorias PMO Mantoring Benchmark Modelos de Maturidade Deve ser específica da Organização Não pode ser criada contra as pessoas Não deve ser dada às pessoas Deve ser desenvolvida com as pessoas! Reinventar a roda não é um exercício inteligente As Normas: NP ISO 21500:2012 Linhas orientadoras para a gestão de projetos NP 4535:2014 Requisitos para a gestão de projectos NP 4519:2013 Gestão de projetos - Vocabulário Podem ser usadas como plataforma de desenvolvimento da Metodologia 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 12

13 Grupos Temáticos Grupos de Processos Integração Partes Interessadas Início Planeamento Implementação Controlo Encerramento Desenvolver o Termo de Abertura do projecto Desenvolver os Planos de projecto Dirigir os Trabalhos do projecto Controlar os Trabalhos do projecto Controlar as Alterações Identificar as Partes Gerir as Partes Interessadas Interessadas Âmbito Definir o Âmbito Controlar o Âmbito Criar a Estrutura de Decomposição do Trabalho Definir as actividades Encerrar uma Fase ou o projecto Coligir as Lições Aprendidas Recursos Constituir a Equipa de projecto Estimar os Recursos Definir a Organização do projecto Desenvolver a Equipa de projecto Controlar os Recursos Gerir a Equipa de projecto 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 13

14 Grupos Temáticos Grupos de Processos Tempo Início Planeamento Implementação Controlo Encerramento Sequenciar actividades Estimar durações das actividades Controlar o Cronograma Desenvolver o Cronograma Custo Estimar os Custos Controlar os Custos Desenvolver o Orçamento Risco Identificar os Riscos Tratar os Riscos Controlar os Riscos Avaliar os Riscos Qualidade Planear a Qualidade Executar a Garantia da Qualidade Processo de Aquisições Comunicação Planear Processo de aquisições Planear a Comunicação Seleccionar os Fornecedores Distribuir a Informação Executar o Controlo da Qualidade Administrar os contractos Gerir as Comunicações 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 14

15 Metodologia Certificação Treino Avançado Steering Committee PMO Benchmark Metodologia de gestão de projectos Revisões e Auditorias Mantoring Modelos de Maturidade Desenvolver Auditar Gerir a qualidade da GP dos Fornecedores NP 4535:2014 Requisitos para a gestão de projectos 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 15

16 NP 4535:2014 Requisitos para a gestão de projectos Início do projecto Existe um termo de abertura do projecto Existe um registo das partes interessadas no projecto Está definida a constituição da equipa de projecto Planeamento do Projecto Definição do âmbito Plano de actividades Definição da organização do projecto Orçamento do projecto Plano de gestão dos riscos Plano da qualidade Plano da contratação Plano da comunicação 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 16

17 NP 4535:2014 Requisitos para a gestão de projectos Controlo do Projecto Controlo do progresso do projecto Controlo de alterações Controlo do âmbito Controlo dos recursos e gestão da equipa Controlo do cronograma Controlo dos riscos Controlo da qualidade Administração de contractos Gestão da comunicação Gestão das expectativas das partes interessadas Gestão do desempenho e da motivação da equipa de projecto 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 17

18 NP 4535:2014 Requisitos para a gestão de projectos Encerramento do Projecto Termos de aceitação formalmente aprovados A documentação técnica do projecto encontra-se arquivada A documentação de gestão do projecto encontra-se arquivada Tratamento das lições aprendidas no projecto Todo o pessoal e demais recursos do projecto foram libertados 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 18

19 IPMA Competence Baseline ICB Version 3.0 Technical competences Behavioural competences Contextual competences Project Management Success Leadership Project orientation Interested parties Engagement & motivation Programme orientation Project requirements and objectives Self-control Portfolio orientation Risk & opportunity Assertiveness PPP implementation Quality Relaxation Permanent organization Project organization Openness Business Teamwork Creativity Systems, products & technology Problem resolution Results orientation Personnel management Project structures Efficiency Health, security, safety & environment Scope & deliverables Consultation Finance Time & project phases Negotiation Legal Resources Cost & finance Procurement & contract Changes Control & reports Information & documentation Communication Start-up Close-out Conflict & crisis Reliability Values appreciation Ethics Metodologia Certificação Treino Avançado Steering Committee Revisões e Auditorias 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 19 PMO Mantoring Benchmark Modelos de Maturidade

20 Certificação de Indivíduos Avaliação de conhecimentos: IPMA Level-D Certified Project Management Associate Certificação avançada personalizada e avaliada pelos pares: IPMA Level-C Certified Project Manager IPMA Level-B Certified Senior Project Manager IPMA Level-A Certified Projects Director IPMA PPMC Certified Programme and Portfolio Management Consultant IPMA PMC Certified Project Management Consultant Metodologia Certificação Treino Avançado Steering Committee Revisões e Auditorias PMO Mantoring Benchmark Modelos de Maturidade 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 20

21 Avaliação e benchmarking de Organizações IPMA Delta Metodologia Certificação Treino Avançado Steering Committee Revisões e Auditorias PMO Mantoring Benchmark Modelos de Maturidade 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 21

22 Avaliação dos projectos e das equipas PROJECT EXCELLENCE (1,000) IPMA Excellence Model Project management (500) Project results (500) Leadership (80) Client satisfaction (180) Goal orientation (140) Employees (70) Processes (140) Employees satisfaction (80) Results (180) Resources (70) Innovation and learning Satisfaction other interested parties (60) Avalia os processos e os resultados do projecto Prémios IPMA em várias categorias Os prémios conferem prestigio às equipas, às organizações e aos Países. Metodologia Certificação Treino Avançado Steering Committee Revisões e Auditorias PMO Mantoring Benchmark Modelos de Maturidade 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 22

23 Avaliação e benchmarking de Organizações Inicial: Os resultados da gestão de projectos são conseguidos a nível pessoal. Alguns indivíduos têm um bom desempenho, mas este é casuístico. A organização não tem implementadas normas, estruturas e processos de gestão de projectos. Definido: Existem normas de gestão de projectos parcialmente definidas. As estruturas e processos são parcialmente aplicados na organização. Normalizado: Existem normas de gestão de projectos totalmente definidas. As estruturas e processos são quase sempre aplicados na organização. Gerido: Existem normas de gestão de projectos totalmente definidas. As estruturas e processos são sempre aplicados na organização e controlados pela Gestão. Optimizado: Existem normas de gestão de projectos totalmente definidas. As estruturas e processos são sempre aplicados na organização, controlados pela Gestão e em processo de melhoria contínua. Metodologia Certificação Treino Avançado Steering Committee Revisões e Auditorias 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 23 PMO Mantoring Benchmark Modelos de Maturidade

Palestra 03. O ICBv3 da IPMA como Instrumento para a Auto Avaliação Avaliação de Competências do

Palestra 03. O ICBv3 da IPMA como Instrumento para a Auto Avaliação Avaliação de Competências do Palestra 03 O ICBv3 da IPMA como Instrumento para a Auto Avaliação Avaliação de Competências do Gerente de Projetos O ICBV3 DA IPMA COMO INSTRUMENTO PARA A AUTO AVALIAÇÃO DE COMPETÊNCIAS DO GERENTE DE

Leia mais

O LADO H. António Andrade Dias

O LADO H. António Andrade Dias O LADO H António Andrade Dias O QUE PODE CORRER MAL NUM PROJETO REAL? TUDO! Fim de Apresentação Mas..TUDO É O MESMO QUE NADA! O que PODE correr mal num projecto real? Segundo uma das Leis de Murphy: Anything

Leia mais

Mª Rosário Bernardo, Doutoranda na Universidade de Lille 15h45. Gestão de Projetos no Setor Público Desafios e Oportunidades

Mª Rosário Bernardo, Doutoranda na Universidade de Lille 15h45. Gestão de Projetos no Setor Público Desafios e Oportunidades Agenda 15h00 15h15 Boas vindas e enquadramento espap A Governação de Projetos no Setor Público Melhor Estado, Maior valor entregue à sociedade Nuno Ponces de Carvalho, Perito Internacional na área de Gestão

Leia mais

ISO/IEC 20000 DOIS CASOS DE SUCESSO DE CLIENTES QUALIWORK

ISO/IEC 20000 DOIS CASOS DE SUCESSO DE CLIENTES QUALIWORK ISO/IEC 20000 DOIS CASOS DE SUCESSO DE CLIENTES QUALIWORK A Norma ISO/IEC 20000:2011 Information technology Service management Part 1: Service management system requirements é uma Norma de Qualidade que

Leia mais

i 3.2 Assegurar Integridade e Profissionalismo 43 9 3.2.1 Lucro Pessoal 44

i 3.2 Assegurar Integridade e Profissionalismo 43 9 3.2.1 Lucro Pessoal 44 ICE Introdução 1 PARTE I - CONTEXTO DA GESTÃO DE PROJECTOS E NORMAS DO MERCADO 1. Enquadramento da Gestão de Projectos 7 1.1 Definição de Projecto 7 1.2 Intervenientes no Projecto 9 1.3 Triângulo de Restrições

Leia mais

Certificações do Governo Britânico para Gerenciamento de Projetos - Prince2

Certificações do Governo Britânico para Gerenciamento de Projetos - Prince2 Certificações do Governo Britânico para Gerenciamento de Projetos - Prince2 Paulo A. Ferreira, PMP paf@pafferreira.com.br Apresentação Consultoria e Capacitação em Gerenciamento de Projetos Especialista

Leia mais

Project & Program Sponsorship Farhad Abdollahyan, M.Sc., PMP, P3O, MSP, PRINCE2

Project & Program Sponsorship Farhad Abdollahyan, M.Sc., PMP, P3O, MSP, PRINCE2 Project & Program Sponsorship Farhad Abdollahyan, M.Sc., PMP, P3O, MSP, PRINCE2 Agenda da Palestra Modelos e metodologias de gerenciamento de portfolios, programas, projetos, riscos e estrutura organizacional

Leia mais

Usando o PRINCE2 TM como base para todos os Projetos Dezembro/ 2009

Usando o PRINCE2 TM como base para todos os Projetos Dezembro/ 2009 Usando o PRINCE2 TM como base para todos os Projetos Dezembro/ 2009 Usando o PRINCE2 TM como base para todos os Projetos Diferença entre projetos e operação O que uma organização procura em uma metodologia

Leia mais

O LADO H António Andrade Dias

O LADO H António Andrade Dias O LADO H António Andrade Dias O QUE PODE CORRER MAL NUM PROJETO REAL? TUDO! Fim de Apresentação Mas..TUDO É O MESMO QUE NADA! O que PODE correr mal num projecto real? Segundo uma das Leis de Murphy: Anything

Leia mais

Project Management Office: Uma visão Geral

Project Management Office: Uma visão Geral Project Management Office: Uma visão Geral Prof. André Barcaui, MSc, PMP 1 Agenda 1. Entender o conceito ligado ao Project Management Office; 2. Conhecer os diversos tipos de existentes; 3. Definir as

Leia mais

IT Governance e ISO/IEC 20000. Susana Velez

IT Governance e ISO/IEC 20000. Susana Velez IT Governance e ISO/IEC 20000 Susana Velez Desafios de TI Manter TI disponível Entregar valor aos clientes Gerir os custos de TI Gerir a complexidade Alinhar TI com o negócio Garantir conformidade com

Leia mais

Implementação de PMO - Caso HP

Implementação de PMO - Caso HP Implementação de PMO - Caso HP Implementação de Metodologia - Caso HP 1. Introdução 2. Project Management Office Origens e Estratégias 3. Curva de Maturidade de Gerenciamento de Projetos na HP Consulting

Leia mais

COACHING E MENTORING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA

COACHING E MENTORING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA COACHING E MENTORING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Assegure resultados superiores do seu time de projetos e dos executivos com o coaching e mentoring exclusivo da Macrosolutions.

Leia mais

SOBRE O WORKSHOP [ WORKSHOP

SOBRE O WORKSHOP [ WORKSHOP WORKSHOP [ WORKSHOP SOBRE O WORKSHOP O PMDome é um treinamento muito dinâmico e prático em gerenciamento de projetos onde os participantes são divididos em times que, em uma competição desafiadora e animada,

Leia mais

ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações

ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações Raquel Silva 02 Outubro 2014 ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 PUBLICAÇÃO DIS: - Draft International Standard

Leia mais

A Importância da Gestão de Projetos para a TI

A Importância da Gestão de Projetos para a TI A Importância da Gestão de Projetos para a TI DEZEMBRO DE 2006 Consultor: Carlos Magno Xavier (M.Sc, PMP) magno@beware.com.br AGENDA A IMPORTÂNCIA DOS PROJETOS NAS ORGANIZAÇÕES SITUAÇÃO ATUAL DO GERENCIAMENTO

Leia mais

FORMAÇÃO PROJECT MANAGEMENT CERTIFICATION

FORMAÇÃO PROJECT MANAGEMENT CERTIFICATION FORMAÇÃO PROJECT MANAGEMENT CERTIFICATION Formação Project Management Certification: Esta formação tem como objectivo a preparação para a certificação. A certificação é crucial, uma vez que reconhece os

Leia mais

A implementação de Sistemas de Gestão ISO27001 e ISO20000 Principais Etapas

A implementação de Sistemas de Gestão ISO27001 e ISO20000 Principais Etapas A implementação de Sistemas de Gestão ISO27001 e ISO20000 Principais Etapas Paulo Faroleiro ISO 20000 CC/LA, ISO 27001 CC/LA, CISA, CISM Certified Processes Auditor (BSI) Certified Project Manager C-Level

Leia mais

Indice. Parte I - Um Modelo de Gestão de Projectos. Introdução... 1

Indice. Parte I - Um Modelo de Gestão de Projectos. Introdução... 1 r Indice Introdução.......................................... 1 Parte I - Um Modelo de Gestão de Projectos 1- Características da Gestão de Projectos 11 1.1 Definição de Projecto 11 1.2 Projectos e Estratégia

Leia mais

PLANEJAMENTO ACELERADO DE PROJETOS ATRAVÉS DOS GANHOS RÁPIDOS EM PROJETOS CONSULTORIA

PLANEJAMENTO ACELERADO DE PROJETOS ATRAVÉS DOS GANHOS RÁPIDOS EM PROJETOS CONSULTORIA PLANEJAMENTO ACELERADO DE PROJETOS ATRAVÉS DOS GANHOS RÁPIDOS EM PROJETOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA De 0 a 100% em 3 semanas! Entenda porque a nossa metodologia Ganhos Rápidos dará visibilidade aos

Leia mais

ESCRITÓRIO RIO DE PROJETOS

ESCRITÓRIO RIO DE PROJETOS PMO PROJETOS PROCESSOS MELHORIA CONTÍNUA PMI SCRUM COBIT ITIL LEAN SIX SIGMA BSC ESCRITÓRIO RIO DE PROJETOS DESAFIOS CULTURAIS PARA IMPLANTAÇÃO DANIEL AQUERE DE OLIVEIRA, PMP, MBA daniel.aquere@pmpartner.com.br

Leia mais

ELABORAÇÃO DO PLANO DE CARREIRAS EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA

ELABORAÇÃO DO PLANO DE CARREIRAS EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA ELABORAÇÃO DO PLANO DE CARREIRAS EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Amplie e diferencie os resultados da sua empresa através de um plano de carreira em gerenciamento de projetos.

Leia mais

IMPLANTAÇÃO E ESTRUTURAÇÃO DE ESCRITÓRIO DE PROJETOS (PMO) CONSULTORIA

IMPLANTAÇÃO E ESTRUTURAÇÃO DE ESCRITÓRIO DE PROJETOS (PMO) CONSULTORIA IMPLANTAÇÃO E ESTRUTURAÇÃO DE ESCRITÓRIO DE PROJETOS (PMO) CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Utilize os serviços de consultoria da Macrosolutions para obter as competências necessárias e gerenciar os projetos

Leia mais

COMUNICAÇÃO, GESTÃO E PLANO DE RECUPERAÇÃO DE PROJETOS EM CRISE CONSULTORIA

COMUNICAÇÃO, GESTÃO E PLANO DE RECUPERAÇÃO DE PROJETOS EM CRISE CONSULTORIA COMUNICAÇÃO, GESTÃO E PLANO DE RECUPERAÇÃO DE PROJETOS EM CRISE CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Minimize os impactos de um projeto em crise com a expertise de quem realmente conhece o assunto. A Macrosolutions

Leia mais

Carlos Henrique Santos da Silva

Carlos Henrique Santos da Silva GOVERNANÇA DE TI Carlos Henrique Santos da Silva Mestre em Informática em Sistemas de Informação UFRJ/IM Certificado em Project Management Professional (PMP) PMI Certificado em IT Services Management ITIL

Leia mais

Gestão de Projetos. Introdução ao PMBOK. Hermano Perrelli de Moura hermano@cin.ufpe.br

Gestão de Projetos. Introdução ao PMBOK. Hermano Perrelli de Moura hermano@cin.ufpe.br Gestão de Projetos Introdução ao PMBOK Hermano Perrelli de Moura hermano@cin.ufpe.br Objetivos Apresentar o modelo de gerência de projetos definido pelo PMBOK. PMBOK 2 Ao final desta aula você será capaz

Leia mais

CONSULTORIA NA GESTÃO DE PROJETOS ESPECÍFICOS

CONSULTORIA NA GESTÃO DE PROJETOS ESPECÍFICOS SUPORTE E CONSULTORIA NA GESTÃO DE PROJETOS ESPECÍFICOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Acelere resultados com o suporte da empresa e dos profissionais que mais entendem de gerenciamento de projetos no

Leia mais

Rodrigo B. Neves, PMP Diretor Gerência de Projetos - Flag IntelliWan rbneves@flag.com.br MSN: rodrigo_neves@hotmail.com

Rodrigo B. Neves, PMP Diretor Gerência de Projetos - Flag IntelliWan rbneves@flag.com.br MSN: rodrigo_neves@hotmail.com Infocon 2004 Rodrigo B. Neves, PMP Diretor Gerência de Projetos - Flag IntelliWan rbneves@flag.com.br MSN: rodrigo_neves@hotmail.com Agenda Definição; Histórico; Governança Coorporativa de TI; O Modelo

Leia mais

Maria Segurado Fátima, 25 de Fevereiro de 2008

Maria Segurado Fátima, 25 de Fevereiro de 2008 Alterações da norma OHSAS 18001:2007 Ricardo Teixeira Gestor de Cliente Coordenador Revisão da norma Objectivos da revisão danorma: Esclarecimento da 1.ª edição; Alinhamento com a ISO 14001; Melhoria da

Leia mais

ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE COMUNICAÇÃO EM PROJETOS, PROGRAMAS E PORTFÓLIOS CONSULTORIA

ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE COMUNICAÇÃO EM PROJETOS, PROGRAMAS E PORTFÓLIOS CONSULTORIA ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE COMUNICAÇÃO EM PROJETOS, PROGRAMAS E PORTFÓLIOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Assegure melhores resultados em seus projetos com uma estrutura de comunicação simples, efetiva,

Leia mais

OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E INVESTIMENTOS ATRAVÉS DO GERENCIAMENTO DE PROGRAMAS CONSULTORIA

OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E INVESTIMENTOS ATRAVÉS DO GERENCIAMENTO DE PROGRAMAS CONSULTORIA OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E INVESTIMENTOS ATRAVÉS DO GERENCIAMENTO DE PROGRAMAS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Alcance melhores resultados através da gestão integrada de projetos relacionados ou que compartilham

Leia mais

Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP

Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP DARCI PRADO Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP Versão 2.0.0 Janeiro 2014 Extraído do Livro "Maturidade em Gerenciamento de Projetos" 3ª Edição (a publicar)

Leia mais

17/06/2013. Introdução à metodologia de gerenciamento de projetos. CV resumido do Palestrante

17/06/2013. Introdução à metodologia de gerenciamento de projetos. CV resumido do Palestrante Introdução à metodologia de gerenciamento de projetos CV resumido do Palestrante Graduado e mestre em Administração de Negócios pela HEC, França Doutorando em Administração na Universidad Nacional de Rosário

Leia mais

Consultoria Estratégica. PMSolution Consultoria

Consultoria Estratégica. PMSolution Consultoria PMSolution Consultoria Nossa Atuação Cliente Governança Corporativa Governança de TI Áreas de Conhecimento Consultoria Estratégica Gerenciamento de Projetos e Portfólio Tecnologia Capacitação Confidencial

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Prof. Walter Cunha falecomigo@waltercunha.com http://waltercunha.com Bibliografia* Project Management Institute. Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO DE PROJETOS E INVESTIMENTOS CONSULTORIA

GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO DE PROJETOS E INVESTIMENTOS CONSULTORIA GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO DE PROJETOS E INVESTIMENTOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Como realizar inúmeros projetos potenciais com recursos limitados? Nós lhe mostraremos a solução para este e outros

Leia mais

Controlo Interno e Auditoria Interna Lisboa, 24 e 25 de Maio

Controlo Interno e Auditoria Interna Lisboa, 24 e 25 de Maio Formação Profissional Controlo Interno e Auditoria Interna Lisboa, 24 e 25 de Maio Assessoria de Gestão, Lda Controlo Interno e Auditoria Interna No actual contexto de crise, em que as organizações estão

Leia mais

ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE GERENCIAMENTO DE RISCOS CONSULTORIA

ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE GERENCIAMENTO DE RISCOS CONSULTORIA ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE GERENCIAMENTO DE RISCOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Ganhe vantagem competitiva através da gestão adequada das ameaças e oportunidades de seus projetos. A Macrosolutions

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Modulo III Grupo de Processos

Gerenciamento de Projetos Modulo III Grupo de Processos Gerenciamento de Projetos Modulo III Grupo de Processos Prof. Walter Cunha falecomigo@waltercunha.com http://waltercunha.com PMBoK Processos de Gerenciamento de Projetos Para que um projeto seja bem-sucedido,

Leia mais

PMBOK e Gerenciamento de Projetos

PMBOK e Gerenciamento de Projetos PMBOK e Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de projetos (GP) é uma área de atuação e conhecimento que tem ganhado, nos últimos anos, cada vez mais reconhecimento e importância. Um dos principais difusores

Leia mais

Gestão de Valor e VMO. Cyrus Associados Apoio em Projetos

Gestão de Valor e VMO. Cyrus Associados Apoio em Projetos Gestão de Valor e VMO Cyrus Associados Como definimos sucesso de uma iniciativa temporária (projetos ou programas)? Agenda Cyrus Associados 1. VALOR como elo entre estratégia, portfolio de programas e

Leia mais

Políticas de Qualidade em TI

Políticas de Qualidade em TI Políticas de Qualidade em TI Prof. www.edilms.eti.br edilms@yahoo.com Aula 03 CMMI Capability Maturity Model Integration Parte II Agenda sumária dos Processos em suas categorias e níveis de maturidade

Leia mais

POWER-RH. organizacional e individual - OS NOSSOS SERVIÇOS

POWER-RH. organizacional e individual - OS NOSSOS SERVIÇOS POWER-RH Gestão estratégica a de mudança organizacional e individual - OS NOSSOS SERVIÇOS PARA EMPRESAS - A Power-rh Somos peritos em gestão estratégica de mudança organizacional e desenvolvimento humano.

Leia mais

Principais Desafios na Implementação de Escritórios de Programas e Projetos (PMO)

Principais Desafios na Implementação de Escritórios de Programas e Projetos (PMO) Principais Desafios na Implementação de Escritórios de Programas e Projetos (PMO) 3º. Seminário de Gerenciamento de Projetos PMI-GO José Carlos Gomes Torquato, PMP genda Conceitos de PMO Tipos e Funções

Leia mais

Comparação da Metodologia TenStep PGP (Processo de Gerenciamento de Projetos), com o Guia PMBOK 4ª Edição - PMI

Comparação da Metodologia TenStep PGP (Processo de Gerenciamento de Projetos), com o Guia PMBOK 4ª Edição - PMI Comparação da Metodologia TenStep PGP (Processo de Gerenciamento de Projetos), com o Guia PMBOK 4ª Edição - PMI 2010 TenStep Comparação da Metodologia TenStep PGP (Processo de Gerenciamento de Projetos)

Leia mais

Gerenciamento do Escopo. PMBOK Guide 2000

Gerenciamento do Escopo. PMBOK Guide 2000 PMBOK Guide 2000 Objetivos Apresentar os processos, ferramentas e técnicas utilizadas para gerenciar o escopo de um projeto Hermano Perrelli CIn-UFPE 2 Ao final desta aula você será capaz de... Organizar

Leia mais

European Foundation for Quality Management na Secretaria-Geral do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior

European Foundation for Quality Management na Secretaria-Geral do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior European Foundation for Quality Management na Secretaria-Geral do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior 1 ÍNDICE 1. A Secretaria-Geral do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior

Leia mais

Gestão de Projectos Normalização

Gestão de Projectos Normalização Gestão de Projectos 10 razões para o uso de Normas 1. Melhora os Produtos e Serviços 2. Atrai Novos Clientes 3. Aumenta a Competitividade 4. Sugere Mais Confiança ao Negócio 5. Diminui os Erros 6. Reduz

Leia mais

Estudo de Remuneração 2015

Estudo de Remuneração 2015 2015 SECRETARIAL & MANAGEMENT SUPPORT Temporary & permanent recruitment www.pagepersonnel.pt Editorial Page Personnel ir ao encontro do talento A Page Personnel recruta para os seus clientes os melhores

Leia mais

Sistema de gestão para dirigir e controlar uma organização no que respeita à qualidade

Sistema de gestão para dirigir e controlar uma organização no que respeita à qualidade COMO ORGANIZAR O SGQ SISTEMAS DE GESTÃO DA QUALIDADE Sistema de gestão para dirigir e controlar uma organização no que respeita à qualidade A Gestão da Qualidade foca o produto / a realização do serviço;

Leia mais

Simulações em Aplicativos

Simulações em Aplicativos Simulações em Aplicativos Uso Avançado de Aplicativos Prof. Marco Pozam mpozam@gmail.com A U L A 0 1 Simulações em Aplicativos Uso Avançado de Aplicativos Apresentação da Disciplina Sobre o professor Marco

Leia mais

CTCV. seminário. A Norma ISO 9001:2015 Nova estrutura e alterações previstas

CTCV. seminário. A Norma ISO 9001:2015 Nova estrutura e alterações previstas A Norma ISO 9001:2015 Nova estrutura e alterações previstas Seminário ISO 9001 e ISO 14001 Enquadramento e alterações nos referenciais de 2015 23 10 2014 Marta Ferreira Sistemas de Gestão e Melhoria 21

Leia mais

AUDITORIAS DE VALOR FN-HOTELARIA, S.A.

AUDITORIAS DE VALOR FN-HOTELARIA, S.A. AUDITORIAS DE VALOR FN-HOTELARIA, S.A. Empresa especializada na concepção, instalação e manutenção de equipamentos para a indústria hoteleira, restauração e similares. Primeira empresa do sector a nível

Leia mais

Margarida Eiras. margarida.eiras@ensp.unl.pt

Margarida Eiras. margarida.eiras@ensp.unl.pt Qualidade, Gestão do Risco e Segurança do Doente na Prestação de Cuidados de Saúde Margarida Eiras margarida.eiras@ensp.unl.pt Beja, 25 de Março 2009 Índice Conceitos de Qualidade em Saúde da Qualidade

Leia mais

EMENTA DE CURSO. INTRODUÇÃO AO GERENCIAMENTO DE PROJETOS - Visão PMBOK -

EMENTA DE CURSO. INTRODUÇÃO AO GERENCIAMENTO DE PROJETOS - Visão PMBOK - EMENTA DE CURSO INTRODUÇÃO AO GERENCIAMENTO DE PROJETOS - Visão PMBOK - Programação: Introdução ao Gerenciamento de Projetos (Visão PMBOK) Curso Duração (horas) Quantidade de aulas (30min/aula) Quantidade

Leia mais

Minicurrículo. Prof. Dr. Adilson de Oliveira Computer Engineering Ph.D Project Management Professional. Líder no PMO. Diretor e Professor

Minicurrículo. Prof. Dr. Adilson de Oliveira Computer Engineering Ph.D Project Management Professional. Líder no PMO. Diretor e Professor Adilson de Oliveira Minicurrículo Mestre em Ciência da Informação Doutor em Engenharia de Computação Diretor e Professor Líder no PMO Gerente de Projetos Profissional Prof. Dr. Adilson de Oliveira Computer

Leia mais

OGFI 2015 Group Project BAI07 Primeiro Relatório

OGFI 2015 Group Project BAI07 Primeiro Relatório Primeiro Relatório 62473 Pedro Vasconcelos 63563 Francisco Ferreira 73440 Filipe Correia 74211 Carolina Ferreirinha 82665 Nkusu Quivuna Sumário Este documento é o primeiro relatório de um projeto de análise

Leia mais

Projeto real de implantação de metodologia de gerenciamento de projetos com apoio do ambiente Microsoft Enterprise Project Management (EPM)

Projeto real de implantação de metodologia de gerenciamento de projetos com apoio do ambiente Microsoft Enterprise Project Management (EPM) Projeto real de implantação de metodologia de gerenciamento de s com apoio do ambiente Microsoft Enterprise Project Management (EPM) Rodolfo Campos PMO da Presidência da TIM Líder do Projeto racampos@timbrasil.com.br

Leia mais

Auditoria interna Especialização PwC

Auditoria interna Especialização PwC www.pwc.pt/academy Especialização PwC PwC s Academy Formação de profissionais para profissionais Especialização PwC Este curso com uma forte componente prática, procura dotar os recursos afetos à função

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos Grupo de Consultores em Governança de TI do SISP 20/02/2013 1 Agenda 1. PMI e MGP/SISP 2. Conceitos Básicos - Operações e Projetos - Gerenciamento de Projetos - Escritório de

Leia mais

Comparação das normas ISO 9001 e ISO 20000

Comparação das normas ISO 9001 e ISO 20000 Comparação das normas ISO 9001 e ISO 20000 1 Whoi am RESUME OF THE PRESENTER Coordenador de processos de Certificação na APCER Auditor ISO 9001 / ISO 27001 / ISO 20000 / SA 8000 Assessor Qweb e IQNET 9004

Leia mais

A GESTÃO DA INOVAÇÃO APCER

A GESTÃO DA INOVAÇÃO APCER A GESTÃO DA INOVAÇÃO APCER A Gestão da Inovação Proposta de Utilização do Guia de Boas Práticas de IDI e das ferramentas desenvolvidas no âmbito da iniciativa DSIE da COTEC para o desenvolvimento do sistema

Leia mais

4. PMBOK - Project Management Body Of Knowledge

4. PMBOK - Project Management Body Of Knowledge 58 4. PMBOK - Project Management Body Of Knowledge No Brasil, as metodologias mais difundidas são, além do QL, o método Zopp, o Marco Lógico do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e o Mapp da

Leia mais

Processo de Desenvolvimento II. Processo de Desenvolvimento

Processo de Desenvolvimento II. Processo de Desenvolvimento Processo de Desenvolvimento II Processo de Desenvolvimento Street Java Engenharia de Software 2 Capítulo 2 & 3 3 Espiral Barry Bohem 4 Espiral DETERMINAR OBJECTIVOS, ALTERNATIVAS, RESTRIÇÕES Orçamento

Leia mais

Advocacia e TI estão entre as mais procuradas e melhor pagas

Advocacia e TI estão entre as mais procuradas e melhor pagas Guia das Funções Mais Procuradas Page Personnel 2015 Advocacia e TI estão entre as mais procuradas e melhor pagas Lisboa, 16 de Junho de 2015 - A Page Personnel, empresa de recrutamento de quadros intermédios

Leia mais

Pós-graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI

Pós-graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Pós-graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Planejamento do Gerenciamento das Comunicações (10) e das Partes Interessadas (13) 2 Gerente Sênior de Projetos e Processos, 18 anos de experiência

Leia mais

Auditoria Informática

Auditoria Informática Auditoria Informática ou de sistemas de informação 2 Auditoria Informática O Auditor Informático Funções e Áreas de actuação Objectivos de Auditoria Informática Vantagens e Inconvenientes Metodologia 1

Leia mais

Fazer Mais com Menos! Será Apenas um Mito? Pedro Engrácia, PMP espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública

Fazer Mais com Menos! Será Apenas um Mito? Pedro Engrácia, PMP espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública Fazer Mais com Menos! Será Apenas um Mito? Pedro Engrácia, PMP espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública Fazer mais com menos! É possivel? Disclaimer: Esta intervenção não é sobre

Leia mais

Figura 1 - "Quem feio ama, bonito lhe parece"?

Figura 1 - Quem feio ama, bonito lhe parece? Mission Code: APO11 - O COBIT5 e a Gestão da Qualidade (Artigo baseado na apresentação realizada durante o evento 8th International Conference on the Quality of Information and Communications Technology.

Leia mais

C O B I T. Gerenciamento dos Riscos Mitigação. Aceitação. Transferência. Evitar/Eliminar.

C O B I T. Gerenciamento dos Riscos Mitigação. Aceitação. Transferência. Evitar/Eliminar. C O B I T Evolução Estratégica A) Provedor de Tecnologia Gerenciamento de Infra-estrutura de TI (ITIM) B) Provedor de Serviços Gerenciamento de Serviços de TI (ITSM) C) Parceiro Estratégico Governança

Leia mais

AERLIS Programa de boas práticas de gestão de projeto

AERLIS Programa de boas práticas de gestão de projeto 22 de Dezembro de 2014 AERLIS Programa de boas práticas de gestão de projeto Hugo Cartaxeiro PMP BECOME WINNERS TOGETHER. WINNING Management Consulting Foco na produtividade e previsibilidade dos projetos

Leia mais

efagundes com GOVERNANÇA DE TIC Eduardo Mayer Fagundes Aula 3/4

efagundes com GOVERNANÇA DE TIC Eduardo Mayer Fagundes Aula 3/4 GOVERNANÇA DE TIC Eduardo Mayer Fagundes Aula 3/4 1 CobIT Modelo abrangente aplicável para a auditoria e controle de processo de TI, desde o planejamento da tecnologia até a monitoração e auditoria de

Leia mais

PLANO DE FORMAÇÃO EXTERNA 2015. Qualidade

PLANO DE FORMAÇÃO EXTERNA 2015. Qualidade (Isento IVA) Qualidade Norma ISO 9001 Qualidade (nova versão ) Gestores da Qualidade 7 outubro Formar acerca do conteúdo da Norma de referência ISO 9001 Sistemas de gestão da qualidade: requisitos Conhecer

Leia mais

PMONow! Serviço de Implantação de um Escritório de Projetos

PMONow! Serviço de Implantação de um Escritório de Projetos PMONow! Serviço de Implantação de um Escritório de Projetos PMONow! Serviço de Implantação de um Escritório de Projetos As organizações em torno do mundo estão implantando processos e disciplinas formais

Leia mais

Inovação e Tendências

Inovação e Tendências As Compras Como Fonte de Inovação e Valorização Inovação e Tendências Apresentação Corporativa Confidencial IBP Innovation Based Procurement Tiago Melo Cabral Senior Manager 12 de Novembro Motivação do

Leia mais

CobiT. MBA em Sistemas de Informação. Conteúdo. 1. Sumário Executivo. 2. Estrutura. 3. Objetivos de Controle. 4. Diretrizes de Gerenciamento

CobiT. MBA em Sistemas de Informação. Conteúdo. 1. Sumário Executivo. 2. Estrutura. 3. Objetivos de Controle. 4. Diretrizes de Gerenciamento MBA em Sistemas de Informação CobiT Conteúdo 1. Sumário Executivo 2. Estrutura 3. Objetivos de Controle 4. Diretrizes de Gerenciamento 5. Modelo de Maturidade 6. Guia de Certificação de TI 7. Implementação

Leia mais

Parcial 18/01/2013. O que é o PRINCE2? Estrutura dos projetos PRINCE2 PRINCE 1989-2009. PRINCE(1989) : Encomendado PROMPT (II) para projetos de TI

Parcial 18/01/2013. O que é o PRINCE2? Estrutura dos projetos PRINCE2 PRINCE 1989-2009. PRINCE(1989) : Encomendado PROMPT (II) para projetos de TI O que é o PRINCE2? PRINCE2 Parcial PRojects IN Controlled Environment Curso completo em português no formato e- learning em Em português: s em Ambiente Controlado Curso completo em: PRINCE(1989) : Encomendado

Leia mais

Business Process Management

Business Process Management 1 Business Process Management O imperativo da eficiência operacional Na constante busca pelo aumento da eficiência operacional e diminuição dos custos, as organizações procuram optimizar os seus processos

Leia mais

SQS Portugal Portfólio de Serviços de Segurança. SQS Software Quality Systems

SQS Portugal Portfólio de Serviços de Segurança. SQS Software Quality Systems SQS Portugal Portfólio de Serviços de Segurança SQS Software Quality Systems SQS Portugal Apresentação A SQS Portugal - Software Quality Systems, é uma empresa especializada em ajudar os seus clientes

Leia mais

Data de adopção. Referência Título / Campo de Aplicação Emissor. Observações

Data de adopção. Referência Título / Campo de Aplicação Emissor. Observações NP ISO 10001:2008 Gestão da qualidade. Satisfação do cliente. Linhas de orientação relativas aos códigos de conduta das organizações CT 80 2008 NP ISO 10002:2007 Gestão da qualidade. Satisfação dos clientes.

Leia mais

IT Governance. Alinhar as Tecnologias de Informação (TI s) www.pwc.pt/academy. Academia da PwC

IT Governance. Alinhar as Tecnologias de Informação (TI s) www.pwc.pt/academy. Academia da PwC www.pwc.pt/academy IT Governance Alinhar as Tecnologias de Informação (TI s) com o negócio Academia da PwC Considerando que existe um conjunto de factores críticos de sucesso na governação das Tecnologias

Leia mais

Gestão de Projetos. Luis M. Correia. Portfólio

Gestão de Projetos. Luis M. Correia. Portfólio Gestão de Projetos Luis M. Correia 1 Projetos em Engenharia A organização, estruturação e planeamento de tarefas são um fator de sucesso muito importante, sem os quais se pode correr o risco de execução

Leia mais

Gerência de Portfólio de Projetos com IBM Rational Portfolio Manager

Gerência de Portfólio de Projetos com IBM Rational Portfolio Manager Gerência de Portfólio de Projetos com IBM Rational Portfolio Manager Sumário Sumário O problema O desafio IBM Rational Portfolio Manager O problema Cenário atual 84% das organizações ou não montam o business

Leia mais

27001 Lead Implementer

27001 Lead Implementer ANSI Accredited Program BEHAVIOUR ISO Lead ADQUIRA AS COMPETÊNCIAS NECESSÁRIAS PARA SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO (SGSI) BASEADOS NA NORMA ISO Sobre o curso Este curso intensivo com duração de cinco dias, permite

Leia mais

ITIL. Information Technology Infrastructure Library. Arlei Calazans. Universidade Federal de Pernambuco Centro de Informática Recife, Pernambuco

ITIL. Information Technology Infrastructure Library. Arlei Calazans. Universidade Federal de Pernambuco Centro de Informática Recife, Pernambuco ITIL Information Technology Infrastructure Library Arlei Calazans Universidade Federal de Pernambuco Centro de Informática Recife, Pernambuco ajcm@cin.ufpe.br 24 de setembro de 2007 Agenda 1 Fundamentação

Leia mais

Teoria e Prática. Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009. Rosaldo de Jesus Nocêra, PMP, PMI-SP, MCTS. do PMBOK do PMI. Acompanha o livro:

Teoria e Prática. Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009. Rosaldo de Jesus Nocêra, PMP, PMI-SP, MCTS. do PMBOK do PMI. Acompanha o livro: Gerenciamento de Projetos Teoria e Prática Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009 do PMBOK do PMI Acompanha o livro: l CD com mais de 70 formulários exemplos indicados pelo PMI e outros desenvolvidos

Leia mais

A Gestão de Configurações suporte dos Sistemas de Informação

A Gestão de Configurações suporte dos Sistemas de Informação A Gestão de Configurações suporte dos Sistemas de Informação O funcionamento dos sistemas e tecnologias de informação e comunicação têm nas organizações um papel cada vez mais crítico na medida em que

Leia mais

PMO - Project Management Office (Escritório de Projetos) 16 horas

PMO - Project Management Office (Escritório de Projetos) 16 horas PMO - Project Management Office (Escritório de Projetos) 16 horas As organizações precisam mudar de um enfoque funcional para um enfoque orientado a projetos, o que demanda mudanças na estrutura organizacional

Leia mais

Visão Geral das Áreas de Conhecimento e dos Processos da Gerência de Projetos

Visão Geral das Áreas de Conhecimento e dos Processos da Gerência de Projetos Visão Geral das Áreas de Conhecimento e dos Processos da Gerência de Projetos GERÊNCIA DE INTEGRAÇÃO GERÊNCIA DO ESCOPO GERÊNCIA DO TEMPO GERÊNCIA DE CUSTO GERÊNCIA DA QUALIDADE Desenvolvimento do Plano

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU (ESPECIALIZAÇÃO) MBA em Gerenciamento de Projetos Coordenação Acadêmica: Dr. André Valle

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU (ESPECIALIZAÇÃO) MBA em Gerenciamento de Projetos Coordenação Acadêmica: Dr. André Valle CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU (ESPECIALIZAÇÃO) MBA em Gerenciamento de Projetos Coordenação Acadêmica: Dr. André Valle APRESENTAÇÃO A FGV é uma instituição privada sem fins lucrativos, fundada em 1944,

Leia mais

Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP

Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP DARCI PRADO Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP Versão 2.2.0 Julho 2014 Extraído do Livro "Maturidade em Gerenciamento de Projetos" 3ª Edição (a publicar)

Leia mais

Quem Somos. Na área de Gestão da Produção e Processos, somos membros da Apics Educational Society for Resource Management nos EUA.

Quem Somos. Na área de Gestão da Produção e Processos, somos membros da Apics Educational Society for Resource Management nos EUA. Portfolio de Atividades Prof. João Carlos Boyadjian, PMP, MBA, MSc Quem Somos A CPLAN CONSULTORIA E PLANEJAMENTO LTDA é uma empresa que atua há 25 anos no mercado em consultoria e treinamento em Gestão

Leia mais

Os desafios da gestão de processos numa Instituição Financeira

Os desafios da gestão de processos numa Instituição Financeira Os desafios da gestão de processos numa Instituição Financeira Conferência BPM Lisboa 2011 José Líbano Monteiro Lisboa Museu do Oriente.:. 28 de Junho de 2011 Agenda Enquadramento O Desafio Reflexões 2

Leia mais

Proposta. COBIT Fundamentos. Apresentação Executiva. COBIT - Fundamentos

Proposta. COBIT Fundamentos. Apresentação Executiva. COBIT - Fundamentos COBIT Fundamentos Apresentação Executiva 1 O treinamento de Cobit Fundamentos tem como premissa capacitar o participante a compreender e controlar os riscos associados, mantendo o equilíbrio entre os investimentos

Leia mais

Project Management Training. Rua de Santo Amaro à Estrela, 17 A 1249-028 Lisboa Portugal Tel: (+351) 213 190 540 e-mail: contacto@knownow.

Project Management Training. Rua de Santo Amaro à Estrela, 17 A 1249-028 Lisboa Portugal Tel: (+351) 213 190 540 e-mail: contacto@knownow. Project Management Training Rua de Santo Amaro à Estrela, 17 A 1249-028 Lisboa Portugal Tel: (+351) 213 190 540 e-mail: contacto@knownow.pt Índice 1. ABORDAGENS FORMATIVAS 1.1 Formação Prática em Gestão

Leia mais

Profa. Celia Corigliano. Unidade IV GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE TI

Profa. Celia Corigliano. Unidade IV GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE TI Profa. Celia Corigliano Unidade IV GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE TI Agenda da disciplina Unidade I Gestão de Projetos Unidade II Ferramentas para Gestão de Projetos Unidade III Gestão de Riscos em TI Unidade

Leia mais

OUTSOURCING. Cadeira de Gestão de Informação

OUTSOURCING. Cadeira de Gestão de Informação Instituto Superior de Gestão Bancária Curso Organização e Sistemas de Informação OUTSOURCING a case study Trabalho realizado por: João Martinho nº 3064 João Gouveia nº 3070 Sara Soares nº 3060 Cadeira

Leia mais

QUAL O ESCOPO ADEQUADO DE UM PROJETO DE MELHORIA DA MATURIDADE DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS?

QUAL O ESCOPO ADEQUADO DE UM PROJETO DE MELHORIA DA MATURIDADE DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS? QUAL O ESCOPO ADEQUADO DE UM PROJETO DE MELHORIA DA MATURIDADE DO GERENCIAMENTO DE PROJETOS? APRESENTAÇÃO: CARLOS MAGNO DA SILVA XAVIER magno@beware.com.br www.beware.com.br O QUE ESSES EVENTOS TÊM EM

Leia mais