Rev. Bras. de Casos de Ensino em Administração ISSN X

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Rev. Bras. de Casos de Ensino em Administração ISSN 2179-135X"

Transcrição

1 Volume 2 Número 2 Jul/Dez 2012 Doc. 10 Rev. Bras. de Casos de Ensino em Administração ISSN X A RESPOSTA DA GERAÇÃO Y NA ESTRATÉGIA DE CRESCIMENTO ORGANIZACIONAL 1 MICHELE OTOBELLI BERTELI Universidade de Caxias do Sul Caxias do Sul RS, Brasil GABRIELA CRISTINA LAIN Universidade de Caxias do Sul Caxias do Sul RS, Brasil VINÍCIUS DE VARGAS BACICHETTO Universidade de Caxias do Sul Caxias do Sul RS, Brasil SYLVIA MARIA AZEVEDO ROESCH Universidade de Caxias do Sul Caxias do Sul RS, Brasil PELAYO MUNHOZ OLEA Universidade de Caxias do Sul Caxias do Sul RS, Brasil Submetido em 06/07/2012, aceito para publicação em 01/10/2012 Roberto Ludembark, Régis Fagundes e Leonel Castilhos eram jovens formados na área de Ciências da Computação que trabalhavam na Hollinfo, uma empresa do ramo de informática em Porto Alegre/RS. Depois de algum tempo, os três colegas começaram a discordar da forma como a empresa atuava junto aos clientes, onde o objetivo era somente o faturamento, não existindo espaço para negociações entre os colaboradores e os clientes. Com isso, pediram demissão da empresa Hollinfo e fundaram a Treviso, em 1989, decisão que mudou completamente suas vidas. No decorrer da história da Treviso, diferentes acontecimentos marcaram seu crescimento, mas foi durante os primeiros anos da década de 2000 que a empresa viu seu faturamento crescer numa média de 25% ao ano. Após 22 anos atuando na região de Porto Alegre, os atuais sócios da Treviso, Sr. Ludembark e Sr. Fagundes, decidiram implantar um plano de desenvolvimento da empresa que envolvia grandes mudanças, na busca da melhoria dos resultados financeiros e da satisfação interna dos funcionários. No entanto, os sócios não esperavam que fossem enfrentar tantas barreiras e problemas, apesar dos dois anos de planejamento para essa alteração. Uma das maiores dificuldades foi em relação aos funcionários classificados como geração Y, que é aquela que não se prende à empresa 1 Este caso relata uma situação real ocorrida numa organização do Rio Grande do Sul. O nome da empresa, bem como o de seus dirigentes, é fictício, de modo a preservar as fontes do caso real aqui exposto. Todos os direitos reservados. Permitidas a citação e a reprodução parcial ou total, desde que identificada a fonte. Em caso de dúvidas, consulte a Redação: (11)

2 em que está atuando profissionalmente, pois, quando esse grupo não recebe respostas às suas necessidades de ascensão imaginada, busca outros ambientes de trabalho, o que ajuda a provocar um aumento no grau de rotatividade 2. Nesse momento, era fundamental que a empresa tomasse decisões rápidas quanto aos desgastes gerados com os colaboradores e com os problemas financeiros. Histórico Roberto Ludembark era um jovem com 20 anos, recém-formado em Ciências da Computação, que atuava numa empresa de informática na região de Porto Alegre/RS. Descontente com a forma de gestão da organização, decidiu abrir seu próprio negócio, junto com outros dois colegas, Régis Fagundes e Leonel Castilhos. Em novembro de 1989, os três colegas fundaram a empresa de software Treviso, com o objetivo de fornecer ferramentas de gestão empresarial conforme demanda dos clientes. A empresa constituiu-se de maneira informal, em função da visão dos seus fundadores, que disponibilizaram um modelo de gestão sem hierarquia, onde os funcionários tinham autonomia para tomar decisões junto aos clientes, bem como para definir seus horários de trabalho. Após oito meses de operação, dois funcionários foram contratados. No ano de 1995, a Paris S.A., uma empresa nacional na área de comércio, contratou a Treviso para manter o seu software de gestão, realizando as manutenções necessárias. A empresa Paris expandiu seus negócios e sentiu necessidade de obter um novo sistema, que integrasse todas as áreas da organização. Em 1996, a Paris S.A. propôs para a Treviso o desenvolvimento de um sistema integrado de gestão que utilizasse uma nova tecnologia. Nesse acordo, a Paris contratou o suporte de consultores especializados nas diferentes áreas do negócio (vendas, finanças, contabilidade, produção etc.) e arcou com os custos dessas horas de consultoria, enquanto a Treviso selecionou a tecnologia e desenvolveu o software. Ao final do projeto, a empresa Paris ficou com o sistema completo desenvolvido pela Treviso e contratou um dos sócios da Treviso, o Sr. Leonel Castilhos, para gerenciar a área de informática da organização. Os outros sócios, o Sr. Ludembark e o Sr. Fagundes, continuaram com a Treviso, e iniciaram, em 1997, a comercialização do sistema desenvolvido. Um novo foco da Treviso foi estabelecido, agora com um sistema integrado de gestão Enterprise Resource Planning (ERP), atendendo empresas de grande porte e aumentando a participação no mercado. Esse cenário desencadeou a necessidade de contratação de 32 pessoas e a alteração de endereço, no ano de 2000, para um prédio de três andares na região central de Porto Alegre. Em 2002, contando com uma equipe de 50 funcionários, os sócios reescreveram o sistema, utilizando a linguagem Oracle, aproveitando a inteligência e o conceito do sistema até então utilizado. O software reprogramado abrangeu outros níveis de concorrência, fazendo com que a Treviso deixasse de ser uma empresa da área de informática para ser uma empresa desenvolvedora de sistemas de gestão empresarial. Para competir com as grandes empresas brasileiras da área de informática, a Treviso precisava continuar crescendo. Para tanto, em 2008, adquiriu um terreno visando à construção de 2 Cf. ZEMKE, R. O. Respeito as gerações. In: MARIANO, S. R. H.; MAYER, V. F. (Orgs.). Modernas práticas de gestão de pessoas. Rio de Janeiro: Elsevier,

3 uma nova sede e, durante os anos de 2009 e 2010, a empresa planejou seu crescimento e as mudanças que seria necessário implantar para atingir o objetivo de tornar-se uma sociedade anônima (S.A.). O sucesso dos produtos e da sua evolução tecnológica ocasionou o crescimento corporativo da organização, inaugurando, em 2010, a terceira filial, sendo todas elas localizadas na região sul do País e responsáveis pela comercialização do sistema. A empresa expandiu seus negócios para contemplar novos mercados. O crescimento da organização pode ser observado na tabela do Anexo 1, que apresenta os índices de faturamento da empresa durante o período de 2001 a Em janeiro de 2011, as primeiras mudanças foram implantadas, uma vez que o projeto estava programado para um período de três anos, com um crescimento de 30% ao ano. Ao final desse prazo, o objetivo era se tornar uma S.A., pois assim a Treviso teria acesso a financiamentos do governo para realizar projetos de pesquisa. No desdobramento dessa estratégia, a empresa necessitou elaborar diferentes ações, entre elas a formalização da empresa e alteração do regime tributário. Com isso, realizaram-se diversas reuniões e trabalhos de endomarketing para conscientização dos funcionários sobre a mudança, além da criação do plano de cargos e salários e da inserção de benefícios, que serão apresentados no decorrer deste caso. Ambiente organizacional e sistema de gestão de pessoas da Treviso Em 2011, a Treviso, com 22 anos de experiência, disponibiliza ao mercado soluções em gestão empresarial informatizada. O organograma da empresa com a quantidade de funcionários, assim como a descrição das atribuições dos sócios, é apresentado no Anexo 2. Conta, em média, com 180 funcionários, que dispõem de um ambiente de trabalho pouco convencional para desenvolverem suas tarefas de maneira criativa e liberal. Esse ambiente permite a exposição de ideias e a criação, com objetivo de desenvolver soluções inovadoras para o mercado. Os colaboradores são cobrados por tarefas finalizadas, sendo a forma e o local de execução definidos pelo próprio funcionário. A Treviso está consolidada no mercado como uma das empresas desenvolvedoras de sistemas ERPs mais reconhecidas no Brasil. Utiliza tecnologia de ponta e oferece serviços como customização, suporte técnico, portal de atendimento e consultoria. Seus funcionários têm liberdade durante o atendimento ao cliente, podendo tomar decisões na hora da negociação e da venda dos serviços. O sócio Ludembark explica: Se o funcionário decidir não cobrar algum valor para desenvolver um determinado projeto, visando à permanência deste cliente na empresa, ele tem o poder de isentar, sem a necessidade de solicitar autorização ao supervisor. Outro destaque é que a equipe de trabalho da Treviso possui um relacionamento amigável entre colegas, consultores, supervisores e diretores. Os sócios prezam pelo sistema horizontal de trabalho, em que não se destacam os modelos de hierarquia. O clima de entusiasmo e cooperação entre todos é evidente. O Sr. Ludembark complementa: O objetivo é fazer com que os funcionários tenham vontade de trabalhar e se sintam familiarizados no ambiente da organização. A empresa adotou este modelo muito antes de outras grandes empresas, como a Google, que hoje é referência em sistema de gestão de pessoas colaborativo. O ramo da 3

4 informática exige um ambiente que desperte a criatividade das pessoas. A rigidez de horários e funções inibe essa característica indispensável. A Treviso não exige o uso de cartão ponto, os funcionários possuem horários flexíveis, com a opção de trabalhar em casa. A única exceção é para as telefonistas e o suporte técnico, que necessariamente precisam atender ao público nos horários estabelecidos. Ludembark destaca que essa flexibilidade não exime das responsabilidades, ou seja, as tarefas e os resultados esperados são cobrados. A empresa também utiliza um software para apurar o clima organizacional, com o qual os funcionários podem avaliar a empresa, seus gestores e deixar sugestões e ideias. O pagamento dos funcionários é em parte registrado na folha de pagamento e em parte é pago por fora ; alguns funcionários não são registrados, e os consultores são sócios de outras empresas do grupo e recebem pró-labore. Um funcionário argumenta: Gosto do sistema de gestão da Treviso, trabalho no horário em que acredito que sou mais criativo, e, quanto ao sistema de pagamento, acho excelente, como a maioria dos meus colegas, pois dessa forma pagamos menos impostos e sobra mais no final do mês. Já trabalhei em outras empresas do ramo e o sistema de pagamento é o mesmo, porém não existem a flexibilidade e o excelente clima de trabalho que temos aqui. Com o nível de satisfação dos funcionários elevado, em julho de 2009, a Treviso foi premiada, pela revista Época da Editora Globo, como uma das 100 melhores empresas para se trabalhar. A pesquisa foi aplicada pelo Instituto Great Place to Work. A Treviso também foi reconhecida como uma das 25 empresas com mais jovens na equipe, 32% do quadro funcional é composto por jovens. Para o Great Place to Work, é considerado jovem todo aquele com idade inferior a 25 anos. O Instituto considera a confiança entre líderes e liderados a principal característica dos melhores locais de trabalho. O ponto central de definição entre as melhores empresas para se trabalhar é um local onde os funcionários acreditam nas pessoas para quem trabalham, têm orgulho do que fazem e gostam das pessoas com quem trabalham, ou seja, a qualidade dos locais de trabalho pode ser mensurada em três relações existentes na empresa: 1) O relacionamento entre lideranças e suas equipes; 2) O relacionamento de cada indivíduo com suas atribuições e empresa; 3) O relacionamento entre funcionários. No ano seguinte, em 2010, a Treviso foi novamente premiada, dessa vez pela revista Computer World, com a 23ª posição entre as 60 melhores empresas para se trabalhar na categoria TI & Telecom. Após esses reconhecimentos, que são resultado de uma equipe motivada e impulsionada pelo crescimento das vendas, os sócios, empolgados e confiantes, decidem investir. Em 2010, a empresa adquiriu um terreno com m² para a construção de uma nova sede, abordando um novo conceito: todos trabalharem em um único pavimento. A Treviso, além do gasto com a aquisição do terreno, ainda investiu R$ 200 mil em obras de aterro até o final de Nesse mesmo ano, também foi aberta a terceira filial da empresa, sendo as outras fundadas em 2005 e A função das filiais é comercializar o produto, porém o desenvolvimento ou a customização continuam sendo realizados na matriz, em Porto Alegre. A empresa planeja continuar crescendo, e para isso é fundamental a implantação de um novo modelo de gestão que esteja alinhado aos objetivos estratégicos. Conhecendo as ações necessárias 4

5 para implantação, a empresa tentou preparar a equipe para uma grande mudança. Foram organizados encontros com os funcionários, onde os sócios apresentaram a estratégia a ser adotada pela empresa, mostrando os benefícios que essas alterações iriam proporcionar. Também foram realizados trabalhos de endomarketing, com o objetivo de deixar o processo de mudança transparente a todos os funcionários da organização. Mudança: implantação do novo modelo Roberto Ludembark percebeu que o ritmo de crescimento da Treviso estava muito acelerado: em torno de 25% ao ano, e, para acompanhar esse ritmo, precisava mudar. Era preciso profissionalizar a empresa para se tornar competitiva, e assim disputar o mercado com grandes organizações da área. Entre os objetivos que ele estabeleceu para a Treviso, encontrava-se o de tornar-se uma empresa S.A. nos próximos dois ou três anos. Isso permitiria que a empresa tivesse acesso a diversos benefícios, entre eles, linhas de crédito do governo para investir em pesquisa e desenvolvimento, a um custo muito menor do que o oferecido pelos bancos. Porém, para isso, era necessário que a empresa se constituísse de maneira transparente e profissional. Ou seja, trabalhar na informalidade tornou-se um risco e estava impedindo a empresa de crescer. Para regularizar toda a situação, foram feitos investimentos expressivos em consultoria. Durante dois anos consecutivos (2008 e 2009), foi desenvolvido e analisado o projeto de formalização da Treviso com o apoio de advogados, contadores e consultores, sendo que no ano de 2011 as alterações planejadas se iniciaram. Alteração do regime tributário Em janeiro de 2011, a Treviso passou seu regime tributário de lucro presumido para lucro real e todos os funcionários passaram a ser registrados (regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho CLT). Considerando que o produto da empresa é desenvolvimento de software, 70% do custo é referente à mão de obra. Ludembark argumenta que, enquanto a empresa estava no modelo de tributação de lucro presumido, não era necessário justificar as despesas, por isso era possível manter salários informais. Agora, no lucro real, é imprescindível que as despesas sejam legalmente declaradas. Um dos sócios da empresa destaca que a profissão da área de informática é relativamente nova no mercado (cerca de 40 anos), enquanto a lei regulamentadora das situações legais (CLT) é muito mais antiga, fazendo com que ocorram divergências nessas questões. O sócio acrescenta: A CLT possui regras de equiparidade salarial, controle de ponto e outras normas que não se aplicam ao ramo de informática, pois este precisa de liberdade para trabalhar, uma vez que atua com a parte intelectual, de criatividade e inovação. As leis engessam o crescimento destes profissionais. Além disso, a grande maioria são jovens, constituintes da geração Y, que preferem receber na informalidade, através de RPA (Requisição de Pagamento Autônomo), PJ (Pessoa Jurídica) ou freelance (Profissional Autônomo). Novo pacote de benefícios Nesse mesmo período, os funcionários passaram a ter carteira assinada e, com isso, pagar imposto de renda, além da previdência social obrigatória. Também adquiriram direito ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). O resultado foi que o salário líquido reduziu. Os sócios já 5

6 haviam previsto que isso iria ocorrer e, para compensar essa redução no salário líquido, eles criaram, juntamente com a consultoria, um plano de cargos e salários flexível, com novas funções e diferentes benefícios. O valor dos benefícios recebidos por cada funcionário equivale ao valor descontado pelo pagamento dos tributos obrigatórios, fazendo com que ninguém seja financeiramente prejudicado em função das alterações realizadas. No mesmo mês, foi implantado o novo sistema de benefícios da Treviso, similar ao de grandes empresas. A Treviso passou a disponibilizar o vale-alimentação de aproximadamente um salário mínimo por funcionário; plano de saúde para toda a família por um custo de R$ 5,00 por pessoa; seguro de vida de R$ 50 mil no caso de morte natural e R$ 100 mil no caso de morte acidental; auxílio-educação de 40% do salário mínimo por funcionário, extensivo aos filhos. Outros fatores agregados com o regime da CLT (visto que muitos funcionários não eram registrados) foram o direito ao FGTS, férias remuneradas e 13º salário. Resposta da geração Y Apesar de todos os esforços da empresa para agradar e reter seus funcionários, o Sr. Ludembark desabafa, em maio de 2011: Entre janeiro e fevereiro deste ano [2011], 35 pessoas pediram demissão (20% do quadro funcional da empresa). Gastamos mais de R$ 400 mil em rescisões que não estavam previstas, e precisamos buscar recursos financeiros em bancos a juros altíssimos! Optamos por fazer acordo com esses funcionários, com objetivo de tentar evitar possíveis ações na justiça devido aos pagamentos por fora, e arcamos com todas as despesas de uma demissão. Ou seja, conforme legislação vigente, 40% do saldo do FGTS, 13º e férias pagas integralmente. O Anexo 3 apresenta dados específicos dos funcionários que pediram demissão da Treviso. O financeiro da empresa complementa: O faturamento da empresa caiu mais de 30% de janeiro a março de 2011, se comparado ao mesmo período do ano passado! O Sr. Ludembark argumenta que o elevado número de pedidos de demissão foi devido à facilidade com que esses funcionários conseguem emprego nessa área. O sócio complementa: Esses jovens fazem parte de uma nova geração que já nasceu na era da informática. É a geração Y, que permanece no emprego enquanto estiver bom, não existe vestir a camisa e se aposentar no mesmo emprego. Esses jovens buscam qualidade de vida, são imediatistas e individualistas. Para eles, o que importa é o salário líquido ao final do mês, não estão preocupados com benefícios ou com o futuro. Um dos funcionários que pediram demissão argumenta: Tomei a decisão de sair da empresa em virtude do salário, que teve uma redução de praticamente 30%. Os benefícios não resolvem essa situação, pois meu plano de vida estava adaptado para a realidade anterior à mudança ocorrida na empresa. 6

7 Mudança na cultura da empresa Após o primeiro trimestre de 2011, período de maior turbulência, já foi possível perceber, em abril do mesmo ano, algumas mudanças na cultura da empresa. Foram contratados novos funcionários, que consideram o modelo de trabalho da Treviso excelente e estão disseminando essa ideia dentro da empresa. Porém, Ludembark afirma que esse processo é muito lento e ainda precisa de investimento e tempo para reverter a situação. Em maio de 2011, o sócio conclui que não tem como medir o prejuízo da mudança. São diversos clientes insatisfeitos, atrasos no atendimento de novas solicitações, boatos de que a empresa foi vendida, entre outros. A psicóloga Fabiane Freitas expõe o problema enfrentado com os clientes: Devido à falta momentânea de colaboradores especializados, os projetos sofreram atrasos em suas entregas, o que ocasionou insatisfação de alguns clientes. Alguns projetos específicos ficaram sem colaboradores, o que gerou um atraso maior até que outras pessoas se inteirassem da necessidade específica do cliente. O que a Treviso precisa fazer para recuperar o mercado? Voltar a ser uma das melhores empresas para se trabalhar? Construir a nova sede e continuar crescendo? E quanto aos colaboradores, o que pode ser feito para evitar suas insatisfações? Que estratégia adotar? 7

8 Anexo 1 Faturamento da empresa Treviso ANO RECEITA (em R$) % CRESCIMENTO ,79 34, ,48 29, ,21 24, ,29 36, ,09 14, ,89 1, ,83 18, ,48 29, ,00 44, ,00 17,17 Média anual 25,15 8

9 Anexo 2 Treviso estrutura organizacional e responsabiliade dos diretores Universidade Corporativa 4 colaboradores Conselho de Administração Diretor Administrativo / Produto Diretor Comercial / Serviços RH 5 colaboradores Infraestrutura interna 2 colaboradores Desenvolvimento 42 colaboradores Manutenção 15 colaboradores Suporte 19 colaboradores Administrativo financeiro 6 colaboradores Comercial 14 colaboradores Marketing 3 colaboradores Infraestrutura 8 colaboradores Customização 23 colaboradores Consultoria 43 colaboradores Diretor Administrativo / Produto Responsável por assegurar a obtenção dos resultados definidos nos planos operacionais e administrativos em conformidade com a missão da empresa, seus princípios e filosofia de negócios, dentro das diretrizes estratégicas e operacionais estabelecidas. Possui a missão de garantir a perpetuidade da empresa através do direcionamento estratégico e correta administração dos recursos da empresa; pela manutenção de indicadores econômicos e financeiros que apresentem a real situação da empresa; pela administração eficaz da tesouraria da empresa; manutenção da integridade fiscal e financeira da empresa e pela estrutura física operacional disponível para o funcionamento geral da empresa. Responde pela estruturação da evolução tecnológica e de produtos, assim como pela metodologia empregada nas áreas técnicas. Decide, juntamente com o conselho Administrativo, sobre os rumos da empresa. Diretor Comercial / Serviços Responsável por assegurar a obtenção dos resultados definidos nos planos operacionais e administrativos em conformidade com a missão da empresa, seus princípios e filosofia de negócios, dentro das diretrizes estratégicas e operacionais estabelecidas. Possui o encargo de promover os meios para facilitar e aperfeiçoar a arrecadação da receita, de aprovar os planos das áreas pelas quais responde e pelo uso das metodologia empregadas pela áreas de serviços. Responsável pela satisfação dos clientes quanto aos serviços. Deve decidir, juntamente com o conselho Administrativo, sobre os rumos da empresa. 9

10 Anexo 3 Perfil dos funcionários que pediram demissão da empresa Treviso CARGO Analista de Negócios Analista de Sistemas Analista de Sistemas Analista de Suporte Técnico Analista de Suporte Técnico Assistente Comercial Assistente Técnico Assistente Técnico Consultor Comercial Consultor Comercial Consultor Comercial Consultor Comercial Consultor de Negócios Consultor de Negócios Consultor de Negócios Recepcionista TEMPO DE EMPRESA 2,5 anos 11 meses 2,5 anos 2,5 anos 1,5 ano 2 anos 1,2 mês 3 anos 8 anos 2 anos 8 anos 15 anos 6 meses 4 anos 1 ano 1 ano 1,9 mês 6 meses 6 meses 5 meses 3 anos 3 anos 10 meses 10 meses 3 anos 3,5 anos 2,5 anos 1 ano 1,5 ano 3 anos 4 anos 1,5 ano 3,5 anos 10 meses 10

Remuneração de Sócios e Advogados. Lara Selem

Remuneração de Sócios e Advogados. Lara Selem Remuneração de Sócios e Advogados Lara Selem Lara Selem Advogada, Escritora e Consultora em Gestão de Serviços Jurídicos. Executive MBA pela B-W College (EUA), especialista em Gestão de Serviços Jurídicos

Leia mais

FACULDADE ESTÁCIO DE SANTO ANDRÉ SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1

FACULDADE ESTÁCIO DE SANTO ANDRÉ SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: CST em Gestão em Recursos Humanos MISSÃO DO CURSO A missão do Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos da ESTÁCIO EUROPAN consiste em formar

Leia mais

Introdução sobre Implantação de Sistema ERP em Pequenas Empresas. Prof Valderi R. Q. Leithardt

Introdução sobre Implantação de Sistema ERP em Pequenas Empresas. Prof Valderi R. Q. Leithardt Introdução sobre Implantação de Sistema ERP em Pequenas Empresas Prof Valderi R. Q. Leithardt Objetivo Esta apresentação tem por objetivo mostrar tanto os benefícios como as dificuldades da implantação

Leia mais

Apresentação da Empresa

Apresentação da Empresa Apresentação da Empresa Somos uma empresa especializada em desenvolver e implementar soluções de alto impacto na gestão e competitividade empresarial. Nossa missão é agregar valor aos negócios de nossos

Leia mais

Sistemas de Remuneração Tradicionais e a Remuneração Estratégica

Sistemas de Remuneração Tradicionais e a Remuneração Estratégica Sistemas de Remuneração Tradicionais e a Remuneração Estratégica por Camila Hatsumi Minamide* Vivemos em um ambiente com transformações constantes: a humanidade sofre diariamente mudanças nos aspectos

Leia mais

A EVOLUÇÃO DOS PROFISSIONAIS DE TI PARA ATENDER AS NECESSIDADES EMPRESARIAIS

A EVOLUÇÃO DOS PROFISSIONAIS DE TI PARA ATENDER AS NECESSIDADES EMPRESARIAIS INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PÓS-GRADUAÇÃO Gestão e Tecnologia da Informação IFTI1402 T25 A EVOLUÇÃO DOS PROFISSIONAIS DE TI PARA ATENDER AS NECESSIDADES EMPRESARIAIS Marcelo Eustáquio dos Santos

Leia mais

E t n erpr p ise R sou o r u ce Pl P ann n i n ng Implant nt ç a ã ç o ã de de S ist s e t m e a a E RP

E t n erpr p ise R sou o r u ce Pl P ann n i n ng Implant nt ç a ã ç o ã de de S ist s e t m e a a E RP Enterprise Resource Planning Implantação de Sistema ERP Jorge Moreira jmoreirajr@hotmail.com Conceito Os ERP s (Enterprise Resource Planning) são softwares que permitem a existência de um sistema de informação

Leia mais

CLIPPING Mídias de Primeiro Foco. Cliente: Fharos Data: 17/09/08 Veículo: DCI

CLIPPING Mídias de Primeiro Foco. Cliente: Fharos Data: 17/09/08 Veículo: DCI CLIPPING Mídias de Primeiro Foco Cliente: Fharos Data: 17/09/08 Veículo: DCI Cliente: Fharos Data: 10/09/08 Veículo: Executivos Financeiros 2 3 Cliente: Fharos Data: 12/09/08 Veículo: Canal Executivo 4

Leia mais

ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas

ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas 1) Resumo Executivo Descrição dos negócios e da empresa Qual é a ideia de negócio e como a empresa se chamará? Segmento

Leia mais

Programa de Remuneração Variável 2015

Programa de Remuneração Variável 2015 Programa de Remuneração Variável 2015 APRESENTAÇÃO A Remuneração Variável é parte representativa nas práticas de gestão de pessoas. O modelo tradicional de pagamento através de salário fixo, tornou-se

Leia mais

4. Tendências em Gestão de Pessoas

4. Tendências em Gestão de Pessoas 4. Tendências em Gestão de Pessoas Em 2012, Gerenciar Talentos continuará sendo uma das prioridades da maioria das empresas. Mudanças nas estratégias, necessidades de novas competências, pressões nos custos

Leia mais

Parceria de sucesso para sua empresa

Parceria de sucesso para sua empresa Parceria de sucesso para sua empresa A Empresa O Grupo Espaço Solução atua no mercado de assessoria e consultoria empresarial há 14 anos, sempre realizando trabalhos extremamente profissionais, pautados

Leia mais

Tecnologia da Informação. Sistema Integrado de Gestão ERP ERP

Tecnologia da Informação. Sistema Integrado de Gestão ERP ERP Tecnologia da Informação. Sistema Integrado de Gestão ERP Prof: Edson Thizon ethizon@gmail.com O que é TI? TI no mundo dos negócios Sistemas de Informações Gerenciais Informações Operacionais Informações

Leia mais

Sistema Integrado de Gestão ERP. Prof: Edson Thizon ethizon@gmail.com

Sistema Integrado de Gestão ERP. Prof: Edson Thizon ethizon@gmail.com Sistema Integrado de Gestão ERP Prof: Edson Thizon ethizon@gmail.com Tecnologia da Informação. O que é TI? TI no mundo dos negócios Sistemas de Informações Gerenciais Informações Operacionais Informações

Leia mais

Estruturando o modelo de RH: da criação da estratégia de RH ao diagnóstico de sua efetividade

Estruturando o modelo de RH: da criação da estratégia de RH ao diagnóstico de sua efetividade Estruturando o modelo de RH: da criação da estratégia de RH ao diagnóstico de sua efetividade As empresas têm passado por grandes transformações, com isso, o RH também precisa inovar para suportar os negócios

Leia mais

GESTÃO DAS INFORMAÇÕES DAS ORGANIZAÇÕES MÓDULO 11

GESTÃO DAS INFORMAÇÕES DAS ORGANIZAÇÕES MÓDULO 11 GESTÃO DAS INFORMAÇÕES DAS ORGANIZAÇÕES MÓDULO 11 Índice 1. Importância do ERP para as organizações...3 2. ERP como fonte de vantagem competitiva...4 3. Desenvolvimento e implantação de sistema de informação...5

Leia mais

Situação mercadológica hoje: Era de concorrência e competição dentro de ambiente globalizado.

Situação mercadológica hoje: Era de concorrência e competição dentro de ambiente globalizado. TECNICAS E TECNOLOGIAS DE APOIO CRM Situação mercadológica hoje: Era de concorrência e competição dentro de ambiente globalizado. Empresas já não podem confiar em mercados já conquistados. Fusões e aquisições

Leia mais

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade Eficácia e Liderança de Performance O Administrador na Gestão de Pessoas Grupo de Estudos em Administração de Pessoas - GEAPE 27 de novembro

Leia mais

CONSULTORIA MUDAR NEM SEMPRE É FÁCIL, MAS AS VEZES É NECESSÁRIO

CONSULTORIA MUDAR NEM SEMPRE É FÁCIL, MAS AS VEZES É NECESSÁRIO MUDAR NEM SEMPRE É FÁCIL, MAS AS VEZES É NECESSÁRIO CONTEÚDO 1 APRESENTAÇÃO 2 PÁGINA 4 3 4 PÁGINA 9 PÁGINA 5 PÁGINA 3 APRESENTAÇÃO 1 O cenário de inovação e incertezas do século 21 posiciona o trabalho

Leia mais

Material de Apoio. Sistema de Informação Gerencial (SIG)

Material de Apoio. Sistema de Informação Gerencial (SIG) Sistema de Informação Gerencial (SIG) Material de Apoio Os Sistemas de Informação Gerencial (SIG) são sistemas ou processos que fornecem as informações necessárias para gerenciar com eficácia as organizações.

Leia mais

Gestão de Relacionamento com o Cliente CRM

Gestão de Relacionamento com o Cliente CRM Gestão de Relacionamento com o Cliente CRM Fábio Pires 1, Wyllian Fressatti 1 Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil pires_fabin@hotmail.com wyllian@unipar.br RESUMO. O projeto destaca-se

Leia mais

Futuro do trabalho O futuro do trabalho Destaques O futuro do trabalho: Impactos e desafios para as empresas no Brasil

Futuro do trabalho O futuro do trabalho Destaques O futuro do trabalho: Impactos e desafios para as empresas no Brasil 10Minutos Futuro do trabalho Pesquisa sobre impactos e desafios das mudanças no mundo do trabalho para as organizações no B O futuro do trabalho Destaques Escassez de profissionais, novos valores e expectativas

Leia mais

Pessoas e Negócios em Evolução

Pessoas e Negócios em Evolução Empresa: Atuamos desde 2001 nos diversos segmentos de Gestão de Pessoas, desenvolvendo serviços diferenciados para empresas privadas, associações e cooperativas. Prestamos serviços em mais de 40 cidades

Leia mais

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB)

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB) A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação Maio de 2014 O novo comprador de tecnologia e a mentalidade de aquisição Existe hoje um novo comprador de tecnologia da informação Esse comprador

Leia mais

cada fator e seus componentes.

cada fator e seus componentes. 5 CONCLUSÃO Conforme mencionado nas seções anteriores, o objetivo deste trabalho foi o de identificar quais são os fatores críticos de sucesso na gestão de um hospital privado e propor um modelo de gestão

Leia mais

Uso dos computadores e a Tecnologia da informação nas empresas: uma visão geral e introdutória

Uso dos computadores e a Tecnologia da informação nas empresas: uma visão geral e introdutória Uso dos computadores e a Tecnologia da informação nas empresas: uma visão geral e introdutória Não há mais dúvidas de que para as funções da administração - planejamento, organização, liderança e controle

Leia mais

LMA, Solução em Sistemas

LMA, Solução em Sistemas LMA, Solução em Sistemas Ao longo dos anos os sistemas para gestão empresarial se tornaram fundamentais, e por meio dessa ferramenta as empresas aperfeiçoam os processos e os integram para uma gestão mais

Leia mais

Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor

Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor Toda empresa privada deseja gerar lucro e para que chegue com sucesso ao final do mês ela precisa vender, sejam seus serviços

Leia mais

Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor

Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor Resumo: A finalidade desse documento é apresentar o projeto de planejamento

Leia mais

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA SÃO PAULO, 2014

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA SÃO PAULO, 2014 APRESENTAÇÃO CORPORATIVA SÃO PAULO, 2014 BRIGANTI ADVOGADOS é um escritório brasileiro de advogados, de capacidade e experiência reconhecidas, que nasce com um propósito distinto. Nosso modelo de negócio

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA CONTABILIDADE GERENCIAL NA GESTÃO EMPRESARIAL

A IMPORTÂNCIA DA CONTABILIDADE GERENCIAL NA GESTÃO EMPRESARIAL A IMPORTÂNCIA DA CONTABILIDADE GERENCIAL NA GESTÃO EMPRESARIAL Aldemar Dias de Almeida Filho Discente do 4º ano do Curso de Ciências Contábeis Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS Élica Cristina da

Leia mais

Solução Integrada para Gestão e Operação Empresarial - ERP

Solução Integrada para Gestão e Operação Empresarial - ERP Solução Integrada para Gestão e Operação Empresarial - ERP Mastermaq Softwares Há quase 20 anos no mercado, a Mastermaq está entre as maiores software houses do país e é especialista em soluções para Gestão

Leia mais

O desafio da liderança: Avaliação, Desenvolvimento e Sucessão

O desafio da liderança: Avaliação, Desenvolvimento e Sucessão O desafio da liderança: Avaliação, Desenvolvimento e Sucessão Esse artigo tem como objetivo apresentar estratégias para assegurar uma equipe eficiente em cargos de liderança, mantendo um ciclo virtuoso

Leia mais

High Potentials, Talentos e Sucessão no Brasil

High Potentials, Talentos e Sucessão no Brasil High Potentials, Talentos e Sucessão no Brasil P e s q u i s a d a F u n d a ç ã o G e t u l i o V a r g a s I n s t i t u t o d e D e s e n v o l v i m e n t o E d u c a c i o n a l Conteúdo 1. Propósito

Leia mais

Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello

Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Roberto Marcello SI Sistemas de gestão A Gestão dos Sistemas Integrados é uma forma organizada e sistemática de buscar a melhoria de resultados.

Leia mais

Rev. Bras. de Casos de Ensino em Administração ISSN 2179-135X

Rev. Bras. de Casos de Ensino em Administração ISSN 2179-135X Volume 1 Número 2 Jul/dez 2011 Doc. 10 Rev. Bras. de Casos de Ensino em Administração ISSN 2179-135X SEM AVISO PRÉVIO Kelly Menezes Crespi Universidade de Caxias do Sul Juliana Raquel de Souza Luchesi

Leia mais

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS Universidade Federal do Ceará Faculdade de Economia, Administração, Atuária, Contabilidade e Secretariado Curso de Administração de Empresas GESTÃO POR COMPETÊNCIAS MAURICIO FREITAS DANILO FREITAS Disciplina

Leia mais

COORDENADOR SÊNIOR (CONSULTORIAS) (Candidaturas serão aceitas até o dia 22/2/2013 envie seu CV para asantos@uniethos.org.br)

COORDENADOR SÊNIOR (CONSULTORIAS) (Candidaturas serão aceitas até o dia 22/2/2013 envie seu CV para asantos@uniethos.org.br) COORDENADOR SÊNIOR (CONSULTORIAS) DESCRIÇÃO GERAL: O Coordenador Sênior do Uniethos é responsável pelo desenvolvimento de novos projetos, análise de empresas, elaboração, coordenação, gestão e execução

Leia mais

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio CBA Comércio Internacional Comércio Internacional A intensidade das relações comerciais e produtivas das empresas no atual contexto econômico tem exigido das empresas um melhor entendimento da complexidade

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Modelo de Otimização de SAM Controle, otimize, cresça Em um mercado internacional em constante mudança, as empresas buscam oportunidades de ganhar vantagem competitiva

Leia mais

SISTEMAS INTEGRADOS P o r f.. E d E uar a d r o Oli l v i e v i e r i a

SISTEMAS INTEGRADOS P o r f.. E d E uar a d r o Oli l v i e v i e r i a SISTEMAS INTEGRADOS Prof. Eduardo Oliveira Bibliografia adotada: COLANGELO FILHO, Lúcio. Implantação de Sistemas ERP. São Paulo: Atlas, 2001. ISBN: 8522429936 LAUDON, Kenneth C.; LAUDON, Jane Price. Sistemas

Leia mais

RELATÓRIO FORMADORES DE OPINIÃO E ASSOCIADOS

RELATÓRIO FORMADORES DE OPINIÃO E ASSOCIADOS RELATÓRIO FORMADORES DE OPINIÃO E ASSOCIADOS RESULTADOS PESQUISA COM COMITÊS Definição e significado do PGQP para os comitês: Definições voltadas para ao Programa Significado do PGQP Qualificação das organizações

Leia mais

Mensagem do presidente

Mensagem do presidente Mensagem do presidente A giroflex-forma está em um novo momento. Renovada, focada em resultados e nas pessoas, ágil e mais competitiva no mercado de assentos e de mobiliário corporativo. Representando

Leia mais

Palavra chave: Capital Humano, Gestão de Pessoas, Recursos Humanos, Vantagem Competitiva.

Palavra chave: Capital Humano, Gestão de Pessoas, Recursos Humanos, Vantagem Competitiva. COMPREENDENDO A GESTÃO DE PESSOAS Karina Fernandes de Miranda Helenir Celme Fernandes de Miranda RESUMO: Este artigo apresenta as principais diferenças e semelhanças entre gestão de pessoas e recursos

Leia mais

Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Clarity PPM

Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Clarity PPM CUSTOMER SUCCESS STORY Maio 2014 Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Clarity PPM PERFIL DO CLIENTE Empresa: Renova Energia Indústria: Energia Funcionários: 182 (2012) Faturamento:

Leia mais

1 - Por que a empresa precisa organizar e manter sua contabilidade?

1 - Por que a empresa precisa organizar e manter sua contabilidade? Nas atividades empresariais, a área financeira assume, a cada dia, funções mais amplas de coordenação entre o operacional e as expectativas dos acionistas na busca de resultados com os menores riscos.

Leia mais

GESTÃO DE PROJETOS PARA A INOVAÇÃO

GESTÃO DE PROJETOS PARA A INOVAÇÃO GESTÃO DE PROJETOS PARA A INOVAÇÃO Indicadores e Diagnóstico para a Inovação Primeiro passo para implantar um sistema de gestão nas empresas é fazer um diagnóstico da organização; Diagnóstico mapa n-dimensional

Leia mais

//Sobre VISÃO MISSÃO. Honestidade, Responsabilidade. Respeito. Colaboração.

//Sobre VISÃO MISSÃO. Honestidade, Responsabilidade. Respeito. Colaboração. . Quem somos //Sobre A Oficina1 é uma consultoria direcionada à tecnologia da informação, com foco na implementação dos ERPs Protheus e OpenBravo, além do aplicativo de Service Desk SysAid, abrangendo

Leia mais

Processo de Negociação. Quem somos. Nossos Serviços. Clientes e Parceiros

Processo de Negociação. Quem somos. Nossos Serviços. Clientes e Parceiros Quem somos Nossos Serviços Processo de Negociação Clientes e Parceiros O NOSSO NEGÓCIO É AJUDAR EMPRESAS A RESOLVEREM PROBLEMAS DE GESTÃO Consultoria empresarial a menor custo Aumento da qualidade e da

Leia mais

MBA Executivo Liderança e Desenvolvimento de Pessoas

MBA Executivo Liderança e Desenvolvimento de Pessoas MBA Executivo Liderança e Desenvolvimento de Pessoas Proposta do curso: O curso de MBA Executivo em Liderança e Desenvolvimento de Pessoas proporciona ao participante o conhecimento sobre liderança, motivação

Leia mais

Soluções em Tecnologia da Informação

Soluções em Tecnologia da Informação Soluções em Tecnologia da Informação Curitiba Paraná Salvador Bahia A DTS Sistemas é uma empresa familiar de Tecnologia da Informação, fundada em 1995, especializada no desenvolvimento de soluções empresariais.

Leia mais

Como é o RH nas Empresas?

Como é o RH nas Empresas? Como é o RH nas Empresas? Informações gerais da pesquisa Objetivo: entender a percepção dos profissionais de RH sobre clima organizacional Pesquisa realizada entre 24/06 e 12/07 Parceria entre Hay Group

Leia mais

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br Corporativo Transformar dados em informações claras e objetivas que possibilitem às empresas tomarem decisões em direção ao sucesso. Com essa filosofia a Star Soft Indústria de Software e Soluções vem

Leia mais

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS. Junho, 2006 Anglo American Brasil

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS. Junho, 2006 Anglo American Brasil MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS Junho, 2006 Anglo American Brasil 1. Responsabilidade Social na Anglo American Brasil e objetivos deste Manual Já em 1917, o Sr. Ernest Oppenheimer, fundador

Leia mais

Política de Recursos Humanos do Grupo Schindler

Política de Recursos Humanos do Grupo Schindler Política de Recursos Humanos do Grupo Schindler 2 Introdução A política corporativa de RH da Schindler define as estratégias relacionadas às ações para com seus colaboradores; baseia-se na Missão e nos

Leia mais

www.avantassessoria.com.br

www.avantassessoria.com.br www.avantassessoria.com.br Nossa Empresa A AVANT Assessoria Contábil e Tributária é uma empresa de contabilidade especializada em consultoria e assessoria de empresas e profissionais liberais, oferecendo

Leia mais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Capítulo 3: Sistemas de Apoio Gerenciais Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos,

Leia mais

CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA.

CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA. CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA. A CompuStream, empresa especializada em desenvolvimento de negócios, atua em projetos de investimento em empresas brasileiras que tenham um alto

Leia mais

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG Capítulo 3: Sistemas de Negócios Colaboração SPT SIG Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos, gerentes e profissionais de empresas.

Leia mais

SISTEMAS DE GESTÃO - ERP

SISTEMAS DE GESTÃO - ERP A IMPORTÂNCIA DA CONSULTORIA NA SELEÇÃO / IMPLANTAÇÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO - ERP Alinhamento das expectativas; O por que diagnosticar; Fases do diagnóstico; Critérios de seleção para um ERP; O papel da

Leia mais

Otimismo desenvolvedoras de softwares

Otimismo desenvolvedoras de softwares Otimismo nas nuvens Ambiente favorável alavanca negócios das empresas desenvolvedoras de softwares, que investem em soluções criativas de mobilidade e computação em nuvem para agilizar e agregar flexibilidade

Leia mais

Administrando o Fluxo de Caixa

Administrando o Fluxo de Caixa Administrando o Fluxo de Caixa O contexto econômico do momento interfere no cotidiano das empresas, independente do seu tamanho mercadológico e, principalmente nas questões que afetam diretamente o Fluxo

Leia mais

COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL INTERNA UM ESTUDO DE CASO RESUMO

COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL INTERNA UM ESTUDO DE CASO RESUMO COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL INTERNA UM ESTUDO DE CASO Fábio William da Silva Granado 1 Marluci Silva Botelho 2 William Rodrigues da Silva 3 Prof Ms. Edson Leite Lopes Gimenez 4 RESUMO Realizou-se uma análise

Leia mais

Segredos e Estratégias para Equipes Campeãs

Segredos e Estratégias para Equipes Campeãs Segredos e Estratégias para Equipes Campeãs Ultrapassando barreiras e superando adversidades. Ser um gestor de pessoas não é tarefa fácil. Existem vários perfis de gestores espalhados pelas organizações,

Leia mais

Alinhamento entre Estratégia e Processos

Alinhamento entre Estratégia e Processos Fabíola Azevedo Grijó Superintendente Estratégia e Governança São Paulo, 05/06/13 Alinhamento entre Estratégia e Processos Agenda Seguros Unimed Modelo de Gestão Integrada Kaplan & Norton Sistema de Gestão

Leia mais

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio CBA Comércio Internacional Comércio Internacional A intensidade das relações comerciais e produtivas das empresas no atual contexto econômico tem exigido das empresas um melhor entendimento da complexidade

Leia mais

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1 2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Fundamentos da Vantagem Estratégica ou competitiva Os sistemas de informação devem ser vistos como algo mais do que um conjunto de tecnologias que apoiam

Leia mais

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 PROSPERE NA NOVA ECONOMIA A SPEKTRUM SUPORTA A EXECUÇÃO DA SUA ESTRATÉGIA Para as empresas que buscam crescimento

Leia mais

PROJETO INTERNACIONAL

PROJETO INTERNACIONAL PROJETO INTERNACIONAL EM 10 PASSOS Ubirajara Marques Direitos: Todos os direitos reservados para Center Group International Duração: 1 hora Apresentação: Linguagem simples, para micros e médios empresários

Leia mais

Globalweb otimiza oferta e entrega de serviços a clientes com CA AppLogic

Globalweb otimiza oferta e entrega de serviços a clientes com CA AppLogic CUSTOMER SUCCESS STORY Globalweb otimiza oferta e entrega de serviços a clientes com CA AppLogic PERFIL DO CLIENTE Indústria: Serviços de TI Companhia: Globalweb Outsourcing Empregados: 600 EMPRESA A Globalweb

Leia mais

O CLIENTE COMO FONTE DE INFORMAÇÃO PARA INOVAÇÃO: INTEGRAÇÃO ENTRE AS DIMENSÕES CLIENTES E RELACIONAMENTO

O CLIENTE COMO FONTE DE INFORMAÇÃO PARA INOVAÇÃO: INTEGRAÇÃO ENTRE AS DIMENSÕES CLIENTES E RELACIONAMENTO O CLIENTE COMO FONTE DE INFORMAÇÃO PARA INOVAÇÃO: INTEGRAÇÃO ENTRE AS DIMENSÕES CLIENTES E RELACIONAMENTO Aliny Francielly de Oliveira Formada em Administração, atuante nos segmentos comércio varejista

Leia mais

TREINAMENTO ONLINE PARA O SISTEMA DE APOIO À GESTÃO AMBIENTAL RODOVIÁRIA FEDERAL (SAGARF)

TREINAMENTO ONLINE PARA O SISTEMA DE APOIO À GESTÃO AMBIENTAL RODOVIÁRIA FEDERAL (SAGARF) TREINAMENTO ONLINE PARA O SISTEMA DE APOIO À GESTÃO AMBIENTAL RODOVIÁRIA FEDERAL (SAGARF) Maio de 2007 Maria Rachel Barbosa Fundação Trompovsky (Apoio ao NEAD CENTRAN) rachel@centran.eb.br Vanessa Maria

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING CENÁRIO E TENDÊNCIAS DOS NEGÓCIOS 8 h As mudanças do mundo econômico e as tendências da sociedade contemporânea.

Leia mais

NORMA DE AVALIAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO FUNCIONAL - NOR 312

NORMA DE AVALIAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO FUNCIONAL - NOR 312 MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS COD. 300 ASSUNTO: AVALIAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO FUNCIONAL COD: NOR 312 APROVAÇÃO: Resolução DIREX Nº 009/2012 de 30/01/2012 NORMA DE AVALIAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO 1/17 ÍNDICE

Leia mais

Felipe Pedroso Castelo Branco Cassemiro Martins BALANCED SCORECARD FACULDADE BELO HORIZONTE

Felipe Pedroso Castelo Branco Cassemiro Martins BALANCED SCORECARD FACULDADE BELO HORIZONTE Felipe Pedroso Castelo Branco Cassemiro Martins BALANCED SCORECARD FACULDADE BELO HORIZONTE Belo Horizonte 2011 Felipe Pedroso Castelo Branco Cassemiro Martins BALANCED SCORECARD FACULDADE BELO HORIZONTE

Leia mais

2. Classificar atos e fatos contábeis.

2. Classificar atos e fatos contábeis. MÓDULO II Qualificação Técnica de Nível Médio de ASSISTENTE FINANCEIRO II.1 PROCESSOS DE OPERAÇÕES CONTÁBEIS Função: Planejamento de Processos Contábeis 1. Interpretar os fundamentos e conceitos da contabilidade.

Leia mais

Guia de Recursos e Funcionalidades

Guia de Recursos e Funcionalidades Guia de Recursos e Funcionalidades Sobre o Treasy O Treasy é uma solução completa para Planejamento e Controladoria, com o melhor custo x benefício do mercado. Confira alguns dos recursos disponíveis para

Leia mais

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Brasília, 02 de janeiro de 2015. Ministra Miriam Belchior, demais autoridades, parentes e amigos aqui presentes.

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA Autor: Jeferson Correia dos Santos ARTIGO TÉCNICO INOVAÇÃO NA GESTÃO DE PÓS-VENDAS: SETOR AUTOMOTIVO RESUMO A palavra inovação tem sido atualmente umas das mais mencionadas

Leia mais

Capacitando Profissionais

Capacitando Profissionais Capacitando Profissionais 2014 Setup Treinamentos & Soluções em TI www.setuptreinamentos.com APRE SENTA ÇÃ O A atual realidade do mercado de trabalho, que cada dia intensifica a busca por mão-de-obra qualificada,

Leia mais

Quem somos? Nossa Missão:

Quem somos? Nossa Missão: Bem Vindos! Quem somos? A GEPC Consultoria Tributária é uma empresa especializada em consultoria para Farmácias e Drogarias com mais de 6 anos de mercado neste seguimento. Apoiando e atualizando nossos

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO FINANCEIRA PROJETO INTEGRADOR. Suzano

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO FINANCEIRA PROJETO INTEGRADOR. Suzano CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO FINANCEIRA PROJETO INTEGRADOR Suzano PROJETO INTEGRADOR 1. Introdução O mercado atual de trabalho exige dos profissionais a capacidade de aplicar os conhecimentos

Leia mais

AUTOR(ES): IANKSAN SILVA PEREIRA, ALINE GRAZIELE CARDOSO FEITOSA, DANIELE TAMIE HAYASAKA, GABRIELA LOPES COELHO, MARIA LETICIA VIEIRA DE SOUSA

AUTOR(ES): IANKSAN SILVA PEREIRA, ALINE GRAZIELE CARDOSO FEITOSA, DANIELE TAMIE HAYASAKA, GABRIELA LOPES COELHO, MARIA LETICIA VIEIRA DE SOUSA Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: TECNOLOGIA E SUA INFLUÊNCIA NA QUALIDADE DA GESTÃO CONTÁBIL. CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS

Leia mais

CONSULTORIA DE DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL

CONSULTORIA DE DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL CONSULTORIA DE DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL Somos especializados na identificação e facilitação de soluções na medida em que você e sua empresa necessitam para o desenvolvimento pessoal, profissional,

Leia mais

4 passos para uma Gestão Financeira Eficiente

4 passos para uma Gestão Financeira Eficiente 4 passos para uma Gestão Financeira Eficiente Saiba como melhorar a gestão financeira da sua empresa e manter o fluxo de caixa sob controle Ciclo Financeiro Introdução Uma boa gestão financeira é um dos

Leia mais

Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os

Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os melhores resultados. 2 ÍNDICE SOBRE O SIENGE INTRODUÇÃO 01

Leia mais

Plano de Negócios. Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa. Modelo de Planejamento prévio

Plano de Negócios. Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa. Modelo de Planejamento prévio Plano de Negócios Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa Modelo de Planejamento prévio Fraiburgo, 2015 Plano de Negócios Um plano de negócios é uma descrição do negócio

Leia mais

Experiência: CADASTRAMENTO DE PRÉ-PROJETOS PELA INTERNET. Fundo Nacional de Saúde FNS Ministério da Saúde

Experiência: CADASTRAMENTO DE PRÉ-PROJETOS PELA INTERNET. Fundo Nacional de Saúde FNS Ministério da Saúde Experiência: CADASTRAMENTO DE PRÉ-PROJETOS PELA INTERNET Fundo Nacional de Saúde FNS Ministério da Saúde Responsável: Hernandes Pires do Reis Consultor da Divisão de Manutenção e Suporte a Sistemas Endereço:

Leia mais

Consultoria Especializada Para empresas de transportes e logística

Consultoria Especializada Para empresas de transportes e logística Solution Consultoria Especializada Para empresas de transportes e logística Redução de gastos e impostos Aumento de Lucro e aproveitamento de recursos Otimização de processos e contratação profissional.

Leia mais

MODELO PLANO DE NEGÓCIO

MODELO PLANO DE NEGÓCIO MODELO PLANO DE NEGÓCIO Resumo dos Tópicos 1 EMPREENDEDOR... 3 1.1. O EMPREENDIMENTO... 3 1.2. OS EMPREENDEDORES... 3 2 GESTÃO... 4 2.1. DESCRIÇÃO DO NEGÓCIO... 4 2.3. PLANO DE OPERAÇÕES... 4 2.4. NECESSIDADE

Leia mais

GESTÃO DE PESSOAS E PRODUTIVIDADE

GESTÃO DE PESSOAS E PRODUTIVIDADE GESTÃO DE PESSOAS E PRODUTIVIDADE 2 Download da Apresentação www.gptw.com.br publicações e eventos palestras Great Place to Work - Missão 3 Construindo um Excelente Ambiente de Trabalho 4 1 2 3 4 O que

Leia mais

Com bom planejamento, empresário começa negócio sem dinheiro próprio.

Com bom planejamento, empresário começa negócio sem dinheiro próprio. Com bom planejamento, empresário começa negócio sem dinheiro próprio. Plano de negócios estruturado ajuda na hora de conseguir financiamento. Veja dicas de especialistas e saiba itens que precisam constar

Leia mais

RESOLUÇÃO - TCU Nº 247, de 7 de dezembro de 2011

RESOLUÇÃO - TCU Nº 247, de 7 de dezembro de 2011 RESOLUÇÃO - TCU Nº 247, de 7 de dezembro de 2011 Dispõe sobre a Política de Governança de Tecnologia da Informação do Tribunal de Contas da União (PGTI/TCU). O TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO, no uso de suas

Leia mais

Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 2: Vantagem Competitiva. Resposta do Exercício 1

Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 2: Vantagem Competitiva. Resposta do Exercício 1 Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 2: Vantagem Competitiva 1 Resposta do Exercício 1 Uma organização usa algumas ações para fazer frente às forças competitivas existentes no mercado, empregando

Leia mais

FICHA DE CADASTRO EMPRETEC. Município Data: / /

FICHA DE CADASTRO EMPRETEC. Município Data: / / FICHA DE CADASTRO EMPRETEC Município Data: / / Caro Empreendedor, Obrigado por seu interesse pelo Empretec, um dos principais programas de desenvolvimento de empreendedores no Brasil e no Mundo! As questões

Leia mais

PLANO DE NEGÓCIOS Roteiro

PLANO DE NEGÓCIOS Roteiro Anexo 3 PLANO DE NEGÓCIOS Roteiro 1. Capa 2. Sumário 3. Sumário executivo 4. Descrição da empresa 5. Planejamento Estratégico do negócio 6. Produtos e Serviços 7. Análise de Mercado 8. Plano de Marketing

Leia mais

SOCORRO! ONDE ESTÃO OS RELATÓRIOS? MARIANA DE SOUZA marianadesouza@hotmail.com Pontifícia Universidade Católica do Paraná PUC-PR Curitiba PR, Brasil

SOCORRO! ONDE ESTÃO OS RELATÓRIOS? MARIANA DE SOUZA marianadesouza@hotmail.com Pontifícia Universidade Católica do Paraná PUC-PR Curitiba PR, Brasil Volume 3 Número 1 Jan/Jun 2013 Doc. 2 Rev. Bras. de Casos de Ensino em Administração ISSN 2179-135X SOCORRO! ONDE ESTÃO OS RELATÓRIOS? MARIANA DE SOUZA marianadesouza@hotmail.com Pontifícia Universidade

Leia mais

VISÃO. Nossa visão é agregar valor sustentável ao cliente, desenvolvendo controles e estratégias que façam com que o crescimento seja contínuo.

VISÃO. Nossa visão é agregar valor sustentável ao cliente, desenvolvendo controles e estratégias que façam com que o crescimento seja contínuo. QUEM É A OMELTECH? VISÃO Nossa visão é agregar valor sustentável ao cliente, desenvolvendo controles e estratégias que façam com que o crescimento seja contínuo. missão A Omeltech Desenvolvimento atua

Leia mais

Manual do Sistema de Gestão Ambiental - Instant Solutions. Manual do Sistema de Gestão Ambiental da empresa

Manual do Sistema de Gestão Ambiental - Instant Solutions. Manual do Sistema de Gestão Ambiental da empresa Manual do Sistema de Gestão Ambiental da empresa Data da Criação: 09/11/2012 Dara de revisão: 18/12/2012 1 - Sumário - 1. A Instant Solutions... 3 1.1. Perfil da empresa... 3 1.2. Responsabilidade ambiental...

Leia mais

Gestão do Conhecimento A Chave para o Sucesso Empresarial. José Renato Sátiro Santiago Jr.

Gestão do Conhecimento A Chave para o Sucesso Empresarial. José Renato Sátiro Santiago Jr. A Chave para o Sucesso Empresarial José Renato Sátiro Santiago Jr. Capítulo 1 O Novo Cenário Corporativo O cenário organizacional, sem dúvida alguma, sofreu muitas alterações nos últimos anos. Estas mudanças

Leia mais