PROJETO TEMÁTICO Campanha de divulgação Do Programa de Responsabilidade Socioambiental do TJDFT VIVER DIREITO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROJETO TEMÁTICO Campanha de divulgação Do Programa de Responsabilidade Socioambiental do TJDFT VIVER DIREITO"

Transcrição

1 PROJETO TEMÁTICO Campanha de divulgação Do Programa de Responsabilidade Socioambiental do TJDFT VIVER DIREITO

2 OBJETIVO A campanha teve por objetivo implantar na Instituição a cultura da responsabilidade ambiental e social, por meio das técnicas de marketing e comunicação social. E integrou os setores competentes e diretamente envolvidos no planejamento e monitoramento das ações que tenham impacto ambiental e social. JUSTIFICATIVA Considerando as mudanças ambientais que ocorrem no planeta por ação do homem e a responsabilidade socioambiental dos Órgãos Públicos, o TJDFT percebeu a importância de mudar antigos hábitos que resultavam no desperdício de material e consequente poluição ambiental. Pensando nisso, o Tribunal elaborou um Programa de Responsabilidade Socioambiental chamado VIVER DIREITO, com ações estratégicas que visavam a redução e o desperdício de material bem como a reeducação dos servidores e magistrados. A meta era atingir 60% do público interno com a campanha de conscientização sobre a responsabilidade socioambiental da Instituição e a importância da adesão individual dos servidores e magistrados. O desafio era enorme: trabalhar o conceito e a cultura num público de mais de seis mil servidores e magistrados, num período curto que gerasse o necessário impacto. IIDENTIDADE VISUAL Slogan TJDFT: Decidimos Viver Direito O slogan buscou reunir num só conceito a ação diária do Tribunal de Justiça DECISÕES JUDICIAIS, e o Direito - base da atuação do TJDFT, atrelando projetos de valorização das pessoas e a utilização racional de recursos com metas ligadas à redução do impacto ambiental. Logomarca A mãos simbolizam a proteção. Envolvem o Planeta Terra de maneira a resguardá-lo das ações destrutivas do próprio indivíduo. A imagem demonstra a consciência que precisa nascer em todo cidadão para que esse cuide e valorize o que lhe é mais caro: a vida.

3 ESTRATÉGIAS DE DIVULGAÇÃO Dentro dos critérios de sustentabilidade, decidiu-se utilizar canais de comunicação virtual intranet / s / site, sempre buscando a INTERATIVIDADE com os públicos. As peças publicitárias, criadas pela Assessoria de Comunicação Social do TJDFT, e as respectivas notícias veiculadas sobre as diversas ações e projetos do Tribunal, voltadas às ações socioambientais, tiveram como foco a informação e interatividade com os públicos de forma a gerar maior envolvimento e participação espontânea. A periodicidade da divulgação também foi decisiva. Semanalmente, duas matérias e smarketing foram enviadas ao mailing interno. As respostas sobre os resultados das ações também foram enviadas em tempo real, de forma a garantir a credibilidade da campanha e a manter o padrão das comunicações virtuais. A linguagem simples e o conteúdo descontraído foram pensados visando o alcance de todo o público alvo que por ser muito amplo se mostrava heterogêneo. Os resultados podem ser conferidos na pesquisa de percepção e são estimulantes à manutenção da campanha. O percentual de 88% do público que participou da pesquisa espontânea (478 pessoas) concorda que programa tem alcançado os objetivos de reduzir o consumo de resíduos e conscientizar os servidores e magistrados na responsabilidade socioambiental s marketing para o mailing dos servidores e magistrados - peças veiculadas

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16 Banners em vinil colocados em todas as dependências do TJDFT no Distrito Federal

17

18

19

20

21

22 Banners Virtuais no site do TJDFT com acesso ao site do Programa VIVER DIREITO

23 Site do Programa:

24 Anúncio do Programa na Revista do TJDFT

25 Metas lcançadas - Pesquisa de Percepção do Programa de Divulgação Viver Direito A pesquisa é um INDICADOR de efetividade do cumprimento da meta 1 do PRODVD: Atingir 60% do público interno com a campanha de conscientização sobre a responsabilidade socioambiental da Instituição e importância da adesão individual dos servidores e magistrados PRODVD Projeto de Divulgação do Programa Viver Direito Pesquisa de Percepção do Viver Direito» Análise numérica dos resultados

26 Objetivo A pesquisa é um INDICADOR de efetividade do cumprimento da meta 1 do PRODVD: Atingir 60% do público interno com a campanha de conscientização sobre a responsabilidade socioambiental da Instituição e importancia da adesão individual dos servidores e magistrados PRODVD Iniciado em julho/2008, com o objetivo de Implantar na Instituição a cultura da responsabilidade ambiental e social, por meio das técnicas de marketing e comunicação social, e da integração com os setores competentes e diretamente envolvidos no planejamento e monitoramento das ações que tenham impacto ambiental e social

27 Pesquisa Lançada na 1ª semana de novembro/09, em seguida ao mês da Responsabilidade Socioambiental do TJDFT Distribuição: - mailing dos servidores e Magistrados

28 Foco da pesquisa Percepção da comunicação da campanha Busca de interatividade com os públicos, de forma a gerar maior envolvimento e participação espontânea Resultados numéricos Total de respostas : 543 (cerca de 10% da totalidade do público) Perguntas: 1 - Você já ouviu falar do Viver Direito? SIM 519 (95% do total) NÃO 14 EM BRANCO 9

29 Perguntas / Respostas 2 - Caso sim, indique como conheceu o programa? Nº respostas Percentual 1º 2º 3º 4º 5º 6º anuncios por site do programa banners dispostos nos Fóruns material gráfico Outros Informação de colegas % 11% 8% 6% 3% 1% Perguntas / Respostas 2 - Caso sim, indique como conheceu o programa? Nº respostas Percentual 1º 2º 3º 4º 5º 6º anuncios por site do programa banners dispostos nos Fóruns material gráfico Outros Informação de colegas % 11% 8% 6% 3% 1%

30 6 - Entre as campanhas já realizadas, indique qual teve mais alcance na conscientização dos servidores e magistrados na sua opinião: Nº respostas Percentual 1º doação de canecas ecológicas % 2º coleta seletiva de lixo % 3º Restrição ao uso de papel branco % 4º coleta de pilhas e baterias 32 5% 5º Outros 5 0,9% 6º Construção do Fórum Verde 3 0,05% 7 - Em uma escala de 1 a 5, sendo 5 o maior grau, selecione a importância que você dá ao Programa VIVER DIREITO e às ações já implantadas Programa em geral coleta seletiva de lixo Apoio aos catadores de lixo Restrição ao uso de papel branco coleta de pilhas e baterias doação de canecas ecológicas Criação do posto de gás. ecologico

31 Pesquisa Viver Direito 8 Na sua opinião os programa tem alcançado os objetivos de reduzir o consumo de resíduos e conscientizar os servidores e magistrados na responsabilidade socioambiental? SIM 478 (88%) NÃO 40 (7%) Pesquisa Viver Direito Participações espontâneas: 94 - Elogios 99 Sugestões 38 Críticas

32 Pesquisa Viver Direito Temas mais abordados Elogios - As mensagens são de parabéns ao programa, e agradecimento pela iniciativa em prol do planeta; E em sua maioria reforçam que estamos só no começo e que tem que haver CONTINUIDADE na ação. SUGESTÕES 47 Temas mais abordados - convites para solenidades por meio impresso ou pela via eletrônica juiz - criar mais atividades interativas na divulgação Promover palestras setoriais- 5 - Mais apresentações do tipo do grupo de teatro implementar metas de redução / premiação Acredito que se o programa buscasse um 'feedback' após a implementação da ação, o resutado seria mais efetivo substituição do papel no processo tradicional pelo processo eletrônico Mais explicações sobre a coleta seletilva Investir em bicicletários fragmentador de papel 1

33 Temas mais abordados SUGESTÕES (Cont.) - Mais campanhas sobre a caneca/copo mesmo tendo sido distribuídas as cacecas, continuam sendo distribuídos os copos descartáveis. A substituição do papel branco pelo reciclável pode-se dizer que foi uma atuação eficaz, pois foi disponibilizado o papel ecologicamente correto, e não foi disponibilizado o papel branco, diferente do que ocorreu com as canecas ecológicas Deveriam ser feitas sessões de cinema, envio de videos para os s, mostrando a quantidade de lixo que o ser humano produz e pra onde isso tudo vai impressão utilizando os dois lados da folha- 8 - campanha para nao se alimentar os peixes. - um dia de ginastica laboral como forma de comemoração ao dia naiconal de combate ao fumo, - Orientações - acima de cada impressora um lembrete de que o papel em uso faz parte de uma ação do programa - 5 CRÍTICAS - 13 Temas mais abordados - Preocupação com a falta de engajamento dos colegas Caneca de plástico Divulgação ainda é falha / não atinge todos reclamações sobre a solicitação de lavar os copos Críticas à denominação lixo molhado o nome é lixo orgânico Campanha tem que atingir públicos externos advogados e partes Temos torneira, nos banheiros, que vazam diuturnamente Falta de orientação sobre a coleta seletiva A distribuição das canecas, por exemplo, não incluiu estagiários, ficando até com um tom meio discriminatório Falta de orientação e conscientização sobre a impressão nos dois versos da folha - 2

34 Análise A participação do público superou as expectativas Em todas as mensagens de texto, percebe-se o interesse do público, de forma positiva. As sugestões são iniciadas com elogios, e mesmo as críticas são no sentido do aperfeiçoamento do programa. A solicitação pela continuidade é reforçada na grande maioria das mensagens. Conclusão: um grau elevado e crescente de conscientização dos públicos, que são replicadores da mensagem junto aos seus colegas e familiares. Próximos passos

35 O PRODVD com a pesquisa conclui a fase de projeto do Plano de Ações do Biênio, e passa a ser um programa permanente de divulgação das ações do Viver Direito. Desafios do PRODVD: Fase 1 Quebrar resistências OK Fase 2 Conscientização para o engajamento OK (iniciada) Fase 3 Manutenção (credibilidade) do engajamento Ações já empreendidas - PRODVD Ambiente favorável Onda verde / grau de conscientização dos públicos / apoio da administração superior / inclusão no Plano de Gestão Pontos fracos Falta de engajamento dos setores envolvidos Resistência do público Baixo orçamento para divulgação Estratégias de comunicação Integração do fluxo e dos canais da informação Esclarecimento com campanha intensiva de divulgação Criatividade e uso de mídias existentes gratuitas e de credibilidade ( s e site)

36 Conclusão: Ações que devem ser implantadas para garantir a credibilidade da divulgação: - Divulgação dos resultados práticos - Manutenção das matérias de conscientização - Fortalecimento do site como fonte de consulta e pesquisa - Calendário de eventos palestras, exposições - Regulamentação do Programa Viver Direito - Divulgação mais próxima dos públicos porta-cartazes nos elevadores / corpo a corpo Ações permanentes de divulgação: Monitoramento do e site Viver Direito Anúncios das ações Maior divulgação de esclarecimentos Matérias divulgação dos resultados Produção de material de promoção (folders/banners/cartazes)

37 Uma vez implantada a marca da sustentabilidade, esta nunca mais deve ser descuidada, sob o risco de perder a credibilidade de tudo que foi feito (Congresso de Comunicação Corporativa 2009 tema Sustentabilidade )

Pesquisa de Percepção do Viver Direito

Pesquisa de Percepção do Viver Direito Metas lcançadas - Pesquisa de Percepção do Programa de Divulgação Viver Direito A pesquisa é um INDICADOR de efetividade do cumprimento da meta 1 do PRODVD: Atingir 60% do público interno com a campanha

Leia mais

Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal

Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal PLANO DE COMUNICAÇÃO DA ESTRATÉGIA Introdução É importante ressaltar que um plano de comunicação tem a finalidade de tornar conhecida

Leia mais

Começa por você! Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade?

Começa por você! Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade? Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade? CAMPANHA DE QUEM É A RESPONSABILIDADE? Início da Campanha outubro de 2009 Objetivo: Implementar a A3P e incentivar os servidores para adoção

Leia mais

Responsabilidade Socioambiental

Responsabilidade Socioambiental Responsabilidade Socioambiental A Fecomércio-RS busca a sustentabilidade e o compromisso socioambiental das partes interessadas, por meio da melhoria contínua de serviços, processos e instalações, a partir

Leia mais

Diálogos do PES. Pesquisa socioambiental e Diagnóstico socioambiental do TJDFT

Diálogos do PES. Pesquisa socioambiental e Diagnóstico socioambiental do TJDFT Diálogos do PES Pesquisa socioambiental e Diagnóstico socioambiental do TJDFT Cenário Histórico 2009 AGENDA SOCIOAMBIENTAL (REUNIÃO DAS AÇÕES EXISTENTES) 2010 CRIAÇÃO PROGRAMA VIVER DIREITO META 6 DO PODER

Leia mais

PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL

PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Guarapuava PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL Comissão Gestora do Plano de Gestão de Logística Sustentável UTFPR - Câmpus

Leia mais

CONCEITO Operação Reciclar Operação Reciclar

CONCEITO Operação Reciclar Operação Reciclar CONCEITO A Operação Reciclar é uma ação educativa que reúne representantes da cadeia produtiva e entidades setoriais para divulgar informações sobre a importância do plástico, suas contribuições para a

Leia mais

COLETA SELETIVA SOLIDÁRIA

COLETA SELETIVA SOLIDÁRIA COLETA SELETIVA SOLIDÁRIA O órgão público federal que aderiu ao Projeto Esplanada Sustentável PES, será considerado sustentável no tema Coleta Seletiva Solidária (Decreto 5.940/06), se alcançar 90% das

Leia mais

Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação

Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Práticas de sustentabilidade Ações que tenham como objetivo a construção de um novo modelo de cultura institucional visando a inserção de critérios de sustentabilidade

Leia mais

S I S T E M A E S T A D U A L D E M E I O A M B I E N T E FEAM FUNDAÇÃO ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE

S I S T E M A E S T A D U A L D E M E I O A M B I E N T E FEAM FUNDAÇÃO ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE S I S T E M A E S T A D U A L D E M E I O A M B I E N T E FEAM FUNDAÇÃO ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE Programa AmbientAÇÃO Ricardo Botelho Tostes Ferreira Frederico Batista Baião SISTEMA ESTADUAL DE MEIO AMBIENTE

Leia mais

Plano de Comunicação: e-tab Tecnologia e Gestão

Plano de Comunicação: e-tab Tecnologia e Gestão Plano de Comunicação: e-tab Tecnologia e Gestão RP em Ação 2009/2 Christian Mendes, Clarissa Daroit e Fernanda Carniel A empresa A e-tab Tecnologia e Gestão é uma empresa que desenvolve serviços integrados

Leia mais

ESTÁGIO INTEGRADO ARIADNE MUSTAFA BRUNA KIEVEL ELIZA CIARELLI LARA CERULLO OLIVEIRA

ESTÁGIO INTEGRADO ARIADNE MUSTAFA BRUNA KIEVEL ELIZA CIARELLI LARA CERULLO OLIVEIRA ESTÁGIO INTEGRADO ARIADNE MUSTAFA BRUNA KIEVEL ELIZA CIARELLI LARA CERULLO OLIVEIRA APRESENTAÇÃO DA ORGANIZAÇÃO A Associação Comercial, Industrial e de Serviços de São Leopoldo - ACIS-SL. Constitui uma

Leia mais

A empresa não é uma ilha

A empresa não é uma ilha A empresa não é uma ilha Relacionamento implica em comunicação. A empresa com as rédeas da sua comunicação. Comunicação social tem ferramentas que ajudam na construção de empresas de alta performance.

Leia mais

PROGRAMA CONSUMO CONSCIENTE

PROGRAMA CONSUMO CONSCIENTE PROGRAMA CONSUMO CONSCIENTE Pesquisa recente do Instituto Akatu revela: O consumidor brasileiro quer saber sobre práticas empresariais de responsabilidade social, mas não sabe onde encontrar informações

Leia mais

1. Escopo ou finalidade da iniciativa

1. Escopo ou finalidade da iniciativa 1. Escopo ou finalidade da iniciativa Esta iniciativa busca a modernização e a ampliação das ações e dos instrumentos de Comunicação para atender às necessidades de divulgação e alinhamento de informações

Leia mais

SERÁ UM ORGULHO TÊ-LO EM NOSSO TIME!!!

SERÁ UM ORGULHO TÊ-LO EM NOSSO TIME!!! A MVP é uma agência de Comunicação e Marketing Esportivo que atua de forma diferenciada no mercado, gerenciando a imagem de grandes atletas do esporte nacional desde 2006, passando pelos ciclos olímpicos

Leia mais

PLANO DE TRABALHO PARA IMPLANTAÇÃO DA A3P CNPJ/MF 10.565.000/0001-92 CEP 50.030-230 CPF 342.246.884-68 CEP 52.041-170

PLANO DE TRABALHO PARA IMPLANTAÇÃO DA A3P CNPJ/MF 10.565.000/0001-92 CEP 50.030-230 CPF 342.246.884-68 CEP 52.041-170 PLANO DE TRABALHO PARA IMPLANTAÇÃO DA A3P 1. DADOS CADASTRAIS Órgão SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE Endereço CAIS DO APOLO, Nº 925, BAIRRO DO RECIFE Cidade RECIFE UF PE Nome do Responsável MARCELO AUGUSTO

Leia mais

Jardim Escola Aladdin

Jardim Escola Aladdin Jardim Escola Aladdin Os 4 Rs da Sustentabilidade Rio de janeiro 2016 Objetivo geral Esse projeto tem como objetivo promover o envolvimento dos alunos, professores, pais e comunidade em defesa à sustentabilidade

Leia mais

O QUE É O AMBIENTAÇÃO?

O QUE É O AMBIENTAÇÃO? PROJETO PILOTO O QUE É O AMBIENTAÇÃO? É o projeto que pretende inserir os valores sócio- ambientais na administração pública do Estado, por meio de iniciativas que possibilitem a mudança de comportamento

Leia mais

Gestão Ambiental. E seu contexto no Tribunal Regional do Trabalho da ª Região - 2010

Gestão Ambiental. E seu contexto no Tribunal Regional do Trabalho da ª Região - 2010 TRT- AMBIENTAL Gestão Ambiental E seu contexto no Tribunal Regional do Trabalho da ª Região - 2010 Coleta seletiva no Ed. Sede tem início nesta quarta-feira (03) A partir desta quarta-feira (03), será

Leia mais

SUA MAIS NOVA AGÊNCIA ON-LINE. PUBLICIDADE DESIGN WEB.

SUA MAIS NOVA AGÊNCIA ON-LINE. PUBLICIDADE DESIGN WEB. SUA MAIS NOVA AGÊNCIA ON-LINE. PUBLICIDADE DESIGN WEB. #estratégia #marketingdigital #websites Somos uma agência especializada em MARKETING DIGITAL 2007 +7 anos de experiência A Ramosdesign foi criada

Leia mais

Estratégias em Propaganda e Comunicação

Estratégias em Propaganda e Comunicação Ferramentas Gráficas I Estratégias em Propaganda e Comunicação Tenho meu Briefing. E agora? Planejamento de Campanha Publicitária O QUE VOCÊ DEVE SABER NO INÍCIO O profissional responsável pelo planejamento

Leia mais

Diretrizes da Comissão Regional de Imagem e Comunicação Dos Escoteiros do Brasil. Região do Rio Grande do Sul

Diretrizes da Comissão Regional de Imagem e Comunicação Dos Escoteiros do Brasil. Região do Rio Grande do Sul Diretrizes da Comissão Regional de Imagem e Comunicação Dos Escoteiros do Brasil Após um mais de ano de trabalho e experiências adquiridas a CRIC apresenta à diretoria regional as diretrizes que regem

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL JOAQUIM GONÇALVES LEDO SIRLENE DE SOUZA B. DAS VIRGENS PROJETO: AMIGOS DO MEIO AMBIENTE

ESCOLA ESTADUAL JOAQUIM GONÇALVES LEDO SIRLENE DE SOUZA B. DAS VIRGENS PROJETO: AMIGOS DO MEIO AMBIENTE ESCOLA ESTADUAL JOAQUIM GONÇALVES LEDO SIRLENE DE SOUZA B. DAS VIRGENS PROJETO: AMIGOS DO MEIO AMBIENTE IVINHEMA MS AGOSTO/2011 ESCOLA ESTADUAL JOAQUIM GONÇALVES LEDO SIRLENE DE SOUZA B. DAS VIRGENS PROJETO:

Leia mais

AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL E AMBIENTAL NA FACCAMP

AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL E AMBIENTAL NA FACCAMP AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL E AMBIENTAL NA FACCAMP No dia 10 de Junho a Faccamp assistiu ao nascimento de um novo dia para a Instituição, o Dia Verde, dia (com pretensões de se tornar semestral) em

Leia mais

Jornada de Aprendizado. Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg)

Jornada de Aprendizado. Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg) Jornada de Aprendizado Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg) Promovendo os microsseguros: Educação Financeira Conteúdo

Leia mais

PROGRAMA AGENDA TJPA SOCIOAMBIENTAL

PROGRAMA AGENDA TJPA SOCIOAMBIENTAL PROGRAMA AGENDA TJPA SOCIOAMBIENTAL PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS Excelentíssima Senhora Desembargadora Presidente do Tribunal de Justiça do Estado: Submetemos à apreciação de Vossa Excelência

Leia mais

PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA GABINETE DO PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA RESOLUÇÃO Nº 937/2012 - PGJ

PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA GABINETE DO PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA RESOLUÇÃO Nº 937/2012 - PGJ RESOLUÇÃO Nº 937/2012 - PGJ O PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ, no uso de suas atribuições legais e com fundamento no art. 19, XX, da Lei Complementar nº 85, de 27 de dezembro de 1999, Considerando

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro. O Estado do Rio de Janeiro atende ao 3º maior

Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro. O Estado do Rio de Janeiro atende ao 3º maior Apresentação: Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro Órgão integrante da Justiça Eleitoral O Estado do Rio de Janeiro atende ao 3º maior eleitorado do país (11.563.483 eleitores) 249 Cartórios Eleitorais

Leia mais

e) visa estabelecer diretrizes aplicáveis ao posicionamento estratégico de comunicação e marketing das entidades integrantes do Sicoob.

e) visa estabelecer diretrizes aplicáveis ao posicionamento estratégico de comunicação e marketing das entidades integrantes do Sicoob. 1. Esta Política Institucional de Comunicação e Marketing: Política Institucional de Comunicação e Marketing a) é elaborada por proposta da área de Comunicação e Marketing da Confederação Nacional das

Leia mais

Agenda Ambiental na Administração Pública

Agenda Ambiental na Administração Pública Ministério do Meio Ambiente Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental SAIC Departamento de Cidadania e Responsabilidade Ambiental DCRS Agenda Ambiental na Administração Pública Um novo

Leia mais

Blogs Corporativos como instrumentos de comunicação nas empresas: uma análise prático-teórica.

Blogs Corporativos como instrumentos de comunicação nas empresas: uma análise prático-teórica. Blogs Corporativos como instrumentos de comunicação nas empresas: uma análise prático-teórica. Além de tornar-se fundamental para a difusão do conhecimento e geração das relações interpessoais, a Internet

Leia mais

Projeto SeparAção INTRODUÇÃO OBJETIVO GERAL Objetivos específicos

Projeto SeparAção INTRODUÇÃO OBJETIVO GERAL Objetivos específicos Projeto SeparAção INTRODUÇÃO Há muito tempo o homem vem utilizando os recursos naturais que ele encontra em seu habitat e a cada ano que passa, novas formas de uso são descobertas. O maior problema dessa

Leia mais

Planos estratégicos de comunicação 2013/2014 Programa Áreas Protegidas da Amazônia - ARPA

Planos estratégicos de comunicação 2013/2014 Programa Áreas Protegidas da Amazônia - ARPA 1. Plano de Comunicação interna 1.1 Aspectos estruturantes 1.1.1 Objetivo O objetivo maior do plano de comunicação interna é fortalecer a gestão do Programa Arpa, a coesão entre parceiros e agentes diretamente

Leia mais

Relatório de Sustentabilidade 2014

Relatório de Sustentabilidade 2014 1 Relatório de Sustentabilidade 2014 2 Linha do Tempo TAM VIAGENS 3 Política de Sustentabilidade A TAM Viagens uma Operadora de Turismo preocupada com a sustentabilidade, visa fortalecer o mercado e prover

Leia mais

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO NÍVEL DE SUSTENTABILIDADE. Instituto Reinventar

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO NÍVEL DE SUSTENTABILIDADE. Instituto Reinventar RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO NÍVEL DE SUSTENTABILIDADE Instituto Reinventar Julho/2012 Apresentamos o Relatório do Nível de Sustentabilidade da Festa Junina da Escola da Vila 2012, evento realizado em junho

Leia mais

Tribunal do Trabalho da Paraíba 13ª Região

Tribunal do Trabalho da Paraíba 13ª Região Tribunal do Trabalho da Paraíba 13ª Região Apresentação 1.Identificação do órgão:tribunal do Trabalho da Paraíba/ Assessoria de Comunicação Social 2.E-mail para contato:rdaguiar@trt13.jus.br, rosa.jp@terra.com.br

Leia mais

3601 - SECRETARIA DE GESTÃO ESTRATÉGICA E RELAÇÕES INTERNACIONAIS - ADMINISTRAÇÃO DIRETA

3601 - SECRETARIA DE GESTÃO ESTRATÉGICA E RELAÇÕES INTERNACIONAIS - ADMINISTRAÇÃO DIRETA 3601 - SECRETARIA DE GESTÃO ESTRATÉGICA E RELAÇÕES INTERNACIONAIS - ADMINISTRAÇÃO DIRETA Legislação: Lei nº 15.506, de 31 de julho de 1991; Decreto nº 15.813, de 24 de abril de 1992; Lei nº 15.738, de

Leia mais

Nosso universo. Combater o desperdício em prol da economia e da competitividade

Nosso universo. Combater o desperdício em prol da economia e da competitividade Nosso universo Combater o desperdício em prol da economia e da competitividade Este é o maior desafio da ABESCO que há 18 anos estimula o mercado a implantar soluções em eficiência energética que propiciem

Leia mais

PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA EDITAL N 002/2014

PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA EDITAL N 002/2014 PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA EDITAL N 002/2014 Abertura de prazo para solicitação de serviços pelas entidades cadastradas no Projeto Serviços e Cidadania e sediadas em Curitiba e Região Metropolitana O

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho PUBLICIDADE IT. 40 09 1 / 4 1. OBJETIVO Estabelecer diretrizes para a execução das atividades de publicidade do Crea GO. 2. DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA PO. 08 Avaliação da satisfação do cliente 3. PROCEDIMENTOS

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 7ª REGIÃO DIVISÃO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PLANO DE COMUNICAÇÃO PARA O PROGRAMA TRABALHO SEGURO GESTÃO REGIONAL

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 7ª REGIÃO DIVISÃO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PLANO DE COMUNICAÇÃO PARA O PROGRAMA TRABALHO SEGURO GESTÃO REGIONAL TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 7ª REGIÃO DIVISÃO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PLANO DE COMUNICAÇÃO PARA O PROGRAMA TRABALHO SEGURO GESTÃO REGIONAL 1. JUSTIFICATIVA Desde que foi instituída em 2011, a gestão

Leia mais

UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA GABINETE DA REITORIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO. Relatório de Gestão Setorial do Exercício 2012

UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA GABINETE DA REITORIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO. Relatório de Gestão Setorial do Exercício 2012 UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA GABINETE DA REITORIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Relatório de Gestão Setorial do Exercício 2012 Cruz das Almas BA 2013 UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO

Leia mais

Poder Judiciário Justiça Federal de Primeiro Grau em Santa Catarina. Projeto

Poder Judiciário Justiça Federal de Primeiro Grau em Santa Catarina. Projeto Poder Judiciário Justiça Federal de Primeiro Grau em Santa Catarina Projeto Florianópolis, 2006 ÍNDICE 1. OBJETIVO...5 2. APRESENTAÇÃO...5 3. JUSTIFICATIVAS...5 4. AÇÕES CONCRETAS...7 4.1. REDUÇÃO...

Leia mais

Programa de Comunicação Interna e Externa

Programa de Comunicação Interna e Externa Programa de Comunicação Interna e Externa Aprovado na Reunião do CONASU em 21/01/2015. O Programa de Comunicação Interna e Externa das Faculdades Integradas Ipitanga FACIIP pretende orientar a execução

Leia mais

RELATÓRIO FORMADORES DE OPINIÃO E ASSOCIADOS

RELATÓRIO FORMADORES DE OPINIÃO E ASSOCIADOS RELATÓRIO FORMADORES DE OPINIÃO E ASSOCIADOS RESULTADOS PESQUISA COM COMITÊS Definição e significado do PGQP para os comitês: Definições voltadas para ao Programa Significado do PGQP Qualificação das organizações

Leia mais

Edição e Lançamento do Livro Fazendo Quitutes II. Porque Patrocinar?

Edição e Lançamento do Livro Fazendo Quitutes II. Porque Patrocinar? Edição e Lançamento do Livro Fazendo Quitutes II Porque Patrocinar? O principal resultado para a empresa financiadora em investir num projeto de cunho social, é o fortalecimento da sua imagem junto aos

Leia mais

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012. Assunto: Rio+20

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012. Assunto: Rio+20 Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012 Seção: Ser Sustentável Pág.: http://bit.ly/okj5q9 Assunto: Rio+20 Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012 Seção: Ser Sustentável Pág.: http://bit.ly/okj5q9

Leia mais

MINAS GERAIS 12/04/2008. Diário do Judiciário. Portaria 2.176/2008

MINAS GERAIS 12/04/2008. Diário do Judiciário. Portaria 2.176/2008 MINAS GERAIS 12/04/2008 Diário do Judiciário Chefe de Gabinete: Dalmar Morais Duarte 11/04/2008 PRESIDÊNCIA Portaria 2.176/2008 Institucionaliza o Programa Conhecendo o Judiciário do Tribunal de Justiça.

Leia mais

13 a 15/05. liderando resultados múltiplos. Centro de Eventos da PUCRS

13 a 15/05. liderando resultados múltiplos. Centro de Eventos da PUCRS Competitividade: 13 a 15/05 liderando resultados múltiplos Centro de Eventos da PUCRS Competitividade: liderando resultados múltiplos O Congregarh 2015 vai tratar de um tema que tem preocupado muito as

Leia mais

PLANO DE COMUNICAÇÃO DA ESTRATÉGIA DA JME/RS

PLANO DE COMUNICAÇÃO DA ESTRATÉGIA DA JME/RS PLANO DE COMUNICAÇÃO DA ESTRATÉGIA DA JME/RS PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO DA ESTRATÉGIA DA JME APRESENTAÇÃO Este projeto trata do Planejamento de Comunicação da Estratégia da Justiça Militar do Estado do

Leia mais

VAMOS DAR INICIO A MAIS UMA AULA DO CURSO DE PROPAGANDA E MARKETING- 4 MÓDULO COMO GANHAR DINHEIRO COM MALA DIRETA

VAMOS DAR INICIO A MAIS UMA AULA DO CURSO DE PROPAGANDA E MARKETING- 4 MÓDULO COMO GANHAR DINHEIRO COM MALA DIRETA VAMOS DAR INICIO A MAIS UMA AULA DO CURSO DE PROPAGANDA E MARKETING- 4 MÓDULO COMO GANHAR DINHEIRO COM MALA DIRETA 4 E ÚLTIMO MÓDULO: Como Ganhar dinheiro com Mala Direta APRESENTAÇÃO PESSOAL Edileuza

Leia mais

SEMINÁRIO ABMES BASES DO MARKETING DIGITAL. Expositor. Júlio César de Castro Ferreira julio.ferreira@produtoranebadon.com.

SEMINÁRIO ABMES BASES DO MARKETING DIGITAL. Expositor. Júlio César de Castro Ferreira julio.ferreira@produtoranebadon.com. SEMINÁRIO ABMES BASES DO MARKETING DIGITAL Expositor Júlio César de Castro Ferreira julio.ferreira@produtoranebadon.com.br (61) 9613-6635 5 PILARES DO MARKETING DIGITAL 1 2 3 4 5 Presença digital: Ações

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DA BAHIA ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DA BAHIA ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DA BAHIA ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Manual com normas para solicitação de produção e publicação de material informativo jornalístico no site, lista de

Leia mais

Coordenação-Geral de Comunicação e Editoração (CGCE) Diretoria de Comunicação e Pesquisa (DCP) Maio/2015

Coordenação-Geral de Comunicação e Editoração (CGCE) Diretoria de Comunicação e Pesquisa (DCP) Maio/2015 Coordenação-Geral de Comunicação e Editoração (CGCE) Diretoria de Comunicação e Pesquisa (DCP) Maio/2015 A proposta de plano de comunicação elaborada pela Coordenação- Geral de Comunicação e Editoração

Leia mais

TRABALHO INTEGRADO DOS EMPREGADOS DA UHE JUPIÁ CESP: SENSIBILIZAÇÃO, SUSTENTABILIDADE E RESPONSABILIDADE SOCIAL

TRABALHO INTEGRADO DOS EMPREGADOS DA UHE JUPIÁ CESP: SENSIBILIZAÇÃO, SUSTENTABILIDADE E RESPONSABILIDADE SOCIAL TRABALHO INTEGRADO DOS EMPREGADOS DA UHE JUPIÁ CESP: SENSIBILIZAÇÃO, SUSTENTABILIDADE E RESPONSABILIDADE SOCIAL Autores Claudio Luiz Peretti Leila Aparecida Andreoli Barbosa Marlene Pereira Pinto Ferreira

Leia mais

Lição 5 Instrumentos de Divulgação dos Correios

Lição 5 Instrumentos de Divulgação dos Correios 97 Lição 5 Instrumentos de Divulgação dos Correios Após concluir o estudo desta lição, esperamos que você possa: Associar os instrumentos de divulgação utilizados nos Correios às suas respectivas características.

Leia mais

UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor RH/2013/015

UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor RH/2013/015 UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor RH/2013/015 O UNICEF, Fundo das Nações Unidas para a Infância, a Organização mundial pioneira na defesa dos direitos das crianças e adolescentes, convida profissionais

Leia mais

social media para bares, restaurantes e afins

social media para bares, restaurantes e afins BARTIPS social media para bares, restaurantes e afins O que buscamos? Divulgar seu estabelecimento para milhares de potenciais consumidores. Fazer você ser parte do dia-a-dia de seu cliente Ter suas novidades,

Leia mais

SIPAT INTEGRADA CPFL ENERGIA

SIPAT INTEGRADA CPFL ENERGIA SIPAT INTEGRADA CPFL ENERGIA Autores: Allan Bueno dos Santos Frederico Prestupa Neto CPFL Energia Apoio Fidelidade: RESUMO As CIPA s (Comissões Interna de Prevenção de Acidentes) realizavam a SIPAT (Semana

Leia mais

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Prefeitura Municipal de Cachoeiro de Itapemirim - ES PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Introdução O Programa Municipal de Educação Ambiental estabelece diretrizes, objetivos, potenciais participantes, linhas

Leia mais

Política de Sustentabilidade Link Server.

Política de Sustentabilidade Link Server. Página 1 de 15 Hortolândia, 24 de Janeiro de 2014. Política de Sustentabilidade Link Server. Resumo Conceitua os objetivos da Política de Sustentabilidade da Link Server. Estabelece as premissas, a governança

Leia mais

Relatório de Gestão Setorial 2010

Relatório de Gestão Setorial 2010 UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Relatório de Gestão Setorial 2010 Cruz das Almas BA 2010 ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO RELATÓRIO DE ATIVIDADES Período: Janeiro

Leia mais

Índice. Sumário Executivo Apoios Dados Gerais Expositores Campanha de Marketing Mídia Espontânea Fotos do Evento

Índice. Sumário Executivo Apoios Dados Gerais Expositores Campanha de Marketing Mídia Espontânea Fotos do Evento Índice Sumário Executivo Apoios Dados Gerais Expositores Campanha de Marketing Mídia Espontânea Fotos do Evento Sumário Executivo Público qualificado foi a marca da 13ª FEIRA INTERNACIONAL DA INDÚSTRIA

Leia mais

PLANO DE TRABALHO Rede Nacional de Jovens Líderes

PLANO DE TRABALHO Rede Nacional de Jovens Líderes PLANO DE TRABALHO Rede Nacional de Jovens Líderes PLANO DE TRABALHO Rede Nacional de Jovens Líderes pág. 1 PLANO DE TRABALHO Rede Nacional de Jovens Líderes MISSÃO Somos uma rede nacional escoteira de

Leia mais

Por que ouvir a sua voz é tão importante?

Por que ouvir a sua voz é tão importante? RESULTADOS Por que ouvir a sua voz é tão importante? Visão Tokio Marine Ser escolhida pelos Corretores e Assessorias como a melhor Seguradora pela transparência, simplicidade e excelência em oferecer soluções,

Leia mais

Importância da Comunicação Digital para o mercado corporativo

Importância da Comunicação Digital para o mercado corporativo Importância da Comunicação Digital para o mercado corporativo Cláudio Coelho Café da Manhã 22.05.2012 Agenda Evolução da Comunicação Serviços de Comunicação Digital Importância do Planejamento Estratégico

Leia mais

Seminário GVcev Franchising: Tendências e Desafios. Seleção e Recrutamento de Franqueados Filomena Garcia

Seminário GVcev Franchising: Tendências e Desafios. Seleção e Recrutamento de Franqueados Filomena Garcia Seminário GVcev Franchising: Tendências e Desafios Seleção e Recrutamento de Franqueados Filomena Garcia Filomena Garcia Sócia-Diretora do Grupo Cherto: Comercial, Expansão de Franquias e Rede de Negócios

Leia mais

Post Show Report. 13º Edição 24 a 28 de Abril de 2012 Terça a Sexta das 10h às 19h / Sábado das 9h às 17h Expo Center Norte - Pavilhões Branco e Verde

Post Show Report. 13º Edição 24 a 28 de Abril de 2012 Terça a Sexta das 10h às 19h / Sábado das 9h às 17h Expo Center Norte - Pavilhões Branco e Verde Post Show Report 13º Edição 24 a 28 de Abril de 2012 Terça a Sexta das 10h às 19h / Sábado das 9h às 17h Expo Center Norte - Pavilhões Branco e Verde ÍNDICE # Sumário Executivo # Apoios # Dados Gerais

Leia mais

&DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR

&DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR &DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR Toda comunicação publicitária visa atender a alguma necessidade de marketing da empresa. Para isso, as empresas traçam estratégias de comunicação publicitária, normalmente traduzidas

Leia mais

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: O CASO DE UMA ESCOLA DO MUNICÍPIO DE GUARAPUAVA

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: O CASO DE UMA ESCOLA DO MUNICÍPIO DE GUARAPUAVA DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: O CASO DE UMA ESCOLA DO MUNICÍPIO DE GUARAPUAVA Angelica Raquel Negrele de Faria (UNICENTRO), Izamara de Oliveira Ferreira (UNICENTRO), Prof. Silvio Roberto Stefano (Orientador),

Leia mais

oportunidades de investimento 9 de abril

oportunidades de investimento 9 de abril oportunidades de investimento Fórum 2015 da ASAP 9 de abril 1 QUEM SOMOS A Aliança para a Saúde Populacional - ASAP, é uma entidade sem fins econômicos, cuja meta é estimular ações de Gestão de Saúde Populacional

Leia mais

1 MINUTA DO PLANO DE COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÃO SOCIAL

1 MINUTA DO PLANO DE COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÃO SOCIAL 1 MINUTA DO PLANO DE COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÃO SOCIAL 1.1 APRESENTAÇÃO O Plano de Comunicação e Participação Social subsidiará a elaboração do Plano Diretor de Mobilidade Urbana, criando as bases para

Leia mais

Associativismo a modernização do sindicalismo nacional

Associativismo a modernização do sindicalismo nacional A união faz a força O dito popular encaixa-se como uma luva quando o assunto é associativismo o assunto em pauta no meio sindical. As principais confederações patronais do País estão investindo nessa bandeira

Leia mais

História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo

História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo Morgana Hamester História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo Contexto atual Modelização digital contemporaneidade;

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Supremo Tribunal Federal Secretaria de Recursos Humanos Coordenadoria de Desenvolvimento de Pessoal Seção de Programas Institucionais de Desenvolvimento Obrigatoriedade: - Lei nº 11.416/2006: instituiu

Leia mais

Código: MAP-DIINF-003 Versão: 00 Data de Emissão: 0101/2013 Elaborado por: Gerência de Comunicação

Código: MAP-DIINF-003 Versão: 00 Data de Emissão: 0101/2013 Elaborado por: Gerência de Comunicação Código: MAP-DIINF-003 Versão: 00 Data de Emissão: 0101/2013 Elaborado por: Gerência de Comunicação Aprovado por: Diretoria de Informação Institucional 1 OBJETIVO Definir e padronizar os procedimentos referentes

Leia mais

PROGRAMA FORTALECER Edital de Projetos REGULAMENTO

PROGRAMA FORTALECER Edital de Projetos REGULAMENTO PROGRAMA FORTALECER Edital de Projetos REGULAMENTO Sumário 1. O EDITAL... 2 1.1. Natureza e objetivos... 2 1.2. Princípios orientadores... 2 1.3. Foco temático do edital... 2 2. QUEM PODE PARTICIPAR...

Leia mais

M í dia Kit 2013 2014

M í dia Kit 2013 2014 2013 2014 Mídia Kit Quem Somos QUEM SOMOS 1 A International Foreign Trade é um portal de notícias especializado em Comércio Exterior e Logística Internacional, com conteúdo distribuído em mais de trinta

Leia mais

AGIN, ASCOM, DEARHU, DENGEP, DIJESP, DIRDEP, DIRFIN, DIRFOR, DIRGED, DIRSEP, DIRSUP, Fórum/BH, SEPAC, SEPAD, SEPLAG

AGIN, ASCOM, DEARHU, DENGEP, DIJESP, DIRDEP, DIRFIN, DIRFOR, DIRGED, DIRSEP, DIRSUP, Fórum/BH, SEPAC, SEPAD, SEPLAG 1. Escopo ou finalidade da iniciativa O Programa tem por finalidade implantar e incrementar ações administrativas fundamentadas na sustentabilidade e deverá ser avaliado e medido por meio de uma série

Leia mais

Prêmio Socioambiental CHICO MENDES. PROCERT Programa de Certificação do Compromisso da Responsabilidade Socioambiental. Edição 2013 SELO VERDE

Prêmio Socioambiental CHICO MENDES. PROCERT Programa de Certificação do Compromisso da Responsabilidade Socioambiental. Edição 2013 SELO VERDE Prêmio Socioambiental CHICO MENDES PROCERT Programa de Certificação do Compromisso da Responsabilidade Socioambiental. Edição 2013 SELO VERDE REGULAMENTO 1 DO PROMOTOR E OBJETIVOS 1.1 - A realização da

Leia mais

Marcele Bastos. o Graduada em Comunicação Social - Relações Públicas. Fundamentos de marketing. o Especialista em Gestão - ênfase em Marketing

Marcele Bastos. o Graduada em Comunicação Social - Relações Públicas. Fundamentos de marketing. o Especialista em Gestão - ênfase em Marketing o Especialista em Gestão - ênfase em Marketing o Graduada em Comunicação Social - Relações Públicas o Docente universitária na disciplina Fundamentos de marketing o 12 anos de experiência em comunicação

Leia mais

Atendimento. Item 4- Publicidade e Propaganda

Atendimento. Item 4- Publicidade e Propaganda Atendimento Item 4- Publicidade e Propaganda Atendimento Item 4- Publicidade e Propaganda PUBLICIDADE X PROPAGANDA PUBLICIDADE Deriva de público (latim: publicus) Atendimento Item 4- Publicidade e Propaganda

Leia mais

PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA EDITAL N 001/2015

PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA EDITAL N 001/2015 PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA EDITAL N 001/2015 Abertura de prazo para solicitação de serviços pelas entidades cadastradas no Projeto Serviços e Cidadania e sediadas em Curitiba e Região Metropolitana O

Leia mais

ARTIGO EDUCAÇÃO AMBIENTAL E RECICLAGEM DO LIXO

ARTIGO EDUCAÇÃO AMBIENTAL E RECICLAGEM DO LIXO ARTIGO EDUCAÇÃO AMBIENTAL E RECICLAGEM DO LIXO EDUCAÇÃO AMBIENTAL E RECICLAGEM DO LIXO Resumo: O presente artigo pretende refletir sobre os problemas ambientais em nossa sociedade, em especial, sobre o

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Página - 2

APRESENTAÇÃO. Página - 2 Página - 1 APRESENTAÇÃO O Congresso Carioca de Educação Física nasceu da necessidade de se fazer um evento destinado a esse segmento na cidade do Rio de Janeiro. A primeira edição aconteceu em agosto de

Leia mais

DA PARAÍBA EM EXCELÊNCIA DA GESTÃO

DA PARAÍBA EM EXCELÊNCIA DA GESTÃO CONHEÇA O MAIOR EVENTO DA PARAÍBA EM EXCELÊNCIA DA GESTÃO GESTÃO Durante o evento também é realizado momentos de debate, visando disseminar as melhores práticas de gestão das empresas vencedoras dos Prêmios

Leia mais

A Academia está alinhada também aos Princípios para Sustentabilidade em Seguros UNPSI, coordenados pelo UNEP/FI órgão da ONU dedicado às questões da

A Academia está alinhada também aos Princípios para Sustentabilidade em Seguros UNPSI, coordenados pelo UNEP/FI órgão da ONU dedicado às questões da - 1 - Prêmio CNSeg 2012 Empresa: Grupo Segurador BBMAPFRE Case: Academia de Sustentabilidade BBMAPFRE Introdução A Academia de Sustentabilidade BBMAPFRE foi concebida em 2009 para disseminar o conceito

Leia mais

Plano de Comunicação da Estratégia PEJERN 2016-2020. Diretoria-Geral Assessoria de Planejamento e Gestão Estratégica

Plano de Comunicação da Estratégia PEJERN 2016-2020. Diretoria-Geral Assessoria de Planejamento e Gestão Estratégica Plano de Comunicação da Estratégia PEJERN 2016-2020 Aprovado pela Portaria Nº 428/2015-GP Natal, dezembro/2015. 1 COMITÊ DE GESTÃO ESTRATÉGICA Desembargadora Maria Zeneide Bezerra Presidente do TRE/RN

Leia mais

PLANO DE TRABALHO Rede Nacional de Jovens Líderes

PLANO DE TRABALHO Rede Nacional de Jovens Líderes PLANO DE TRABALHO Rede Nacional de Jovens Líderes pág. 1 VISÃO GERAL Objetivo 1 - No âmbito da seção escoteira, apoiar a correta aplicação do método escoteiro, em especial as práticas democráticas previstas

Leia mais

sz propaganda propaganda sz consulting sz webdesign sz branding sz design um novo começo. um novo começo. além da marca e muito mais

sz propaganda propaganda sz consulting sz webdesign sz branding sz design um novo começo. um novo começo. além da marca e muito mais sz propaganda um novo começo. propaganda sz um novo começo. sz consulting maximizando resultados sz branding além da marca sz design e muito mais sz webdesign sem portas fechadas Planejamento estratégico,

Leia mais

as cores locais formando um mosaico de sucesso

as cores locais formando um mosaico de sucesso 3º PRÊMIO DE COMUNICAÇÃO DO SISTEMA UNIMED Regulamento O presente regulamento tem a finalidade de estabelecer as normas aplicáveis ao Prêmio de Comunicação do Sistema Unimed, relativas aos participantes,

Leia mais

MARKETING MUSIC SUSTENTABILIDADE

MARKETING MUSIC SUSTENTABILIDADE MARKETING MUSIC SUSTENTABILIDADE CRIATIVIDADE E ESTRATÉGIA Poderíamos usar centenas de efeitos mirabolantes para vendermos a sua idéia. Mas não funciona assim. Pessoas são feitas de experiências, expectativas

Leia mais

As principais autoridades ligadas ao setor de Eficiência Energética estiveram reunidas no COBEE 2014

As principais autoridades ligadas ao setor de Eficiência Energética estiveram reunidas no COBEE 2014 Patrocinadores 10 Expositores 38 Apoiadores 98 Palestrantes 71 Painéis 17 Carga Horária 16 Participantes 859 21 e 22 de julho 8h30 às 18h00 Centro de Convenções Frei Caneca As principais autoridades ligadas

Leia mais

CNT Brasil Gestão Ambiental

CNT Brasil Gestão Ambiental CNT Brasil Gestão Ambiental Estamos nos integrando ao sistema de gestão ambiental de nosso cliente IBM, logo, estamos realizando atividades de propagação e difusão deste programa para todos nossos parceiros

Leia mais

Plataforma de cidades

Plataforma de cidades Plataforma de cidades 20 de agosto de 2010 Plataforma Cidades Sustentáveis Lançamento: 21 de julho de 2010 O que é? Banco de boas práticas de sustentabilidade urbana em vigência em diversas cidades no

Leia mais

Planejamento de Campanha Publicitária

Planejamento de Campanha Publicitária Planejamento de Campanha Publicitária Prof. André Wander UCAM O briefing chegou. E agora? O profissional responsável pelo planejamento de campanha em uma agência de propaganda recebe o briefing, analisa

Leia mais

FIDELIZAR : ESTE É O LEME DAS NOSSAS VIDAS!

FIDELIZAR : ESTE É O LEME DAS NOSSAS VIDAS! FIDELIZAR : ESTE É O LEME DAS NOSSAS VIDAS! Segmento: análises clínicas, realização de exames laboratoriais. Área de atuação: Salvador e região metropolitana. Porte: Médio Porte/298 colaboradores. Histórico:

Leia mais