do Curso de Secretariado

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "do Curso de Secretariado"

Transcrição

1 INTERASOFT Apostila do Professor do Curso de Secretariado 1

2 02

3 Capítulo 01 ( Capítulo não possuí exercícios ) Capítulo De acordo com o profissional secretariado, assinale com (V) para Verdadeiro e (F) para Falso as alternativas abaixo: ( V ) O secretariado deve ser sempre cordial e educado com as pessoas. ( F ) A arrogância deve ser predominante para o sucesso do profi ssional secretariado. ( F ) Fumar no local de trabalho causa um ó! mo bem estar entre as pessoas. ( V ) Sempre sorrir passa uma ó! ma impressão para as pessoas. ( F ) O profi ssional secretariado nunca deve organizar seu local de trabalho. ( F ) A organização é uma tarefa necessária apenas para pessoas muito ocupadas. ( V ) O tom de voz demonstra de forma clara o humor da pessoa naquele momento. ( F ) Uma das coisas que as pessoas mais adoram é ser interrompidas enquanto falam. ( F ) Falar alto é uma caracterís! ca de pessoas educadas. 2. Cite 2 comportamentos que causam irritação nas pessoas: Falar alto e fumar no local de trabalho. 3. Cite 2 comportamentos que causam uma boa impressão para as pessoas: Educação e organização. 4. Classifique as palavras abaixo de acordo com a situação ideal: a) Deve-se usar roupa social. b) Deve-se usar roupas de banho. c) Deve-se usar roupas esportivas. d) Deve-se usar roupas normais. ( d ) Em nosso dia a dia. ( a ) Ao participar de uma reunião de negócios. ( c ) Ao praticar esportes. ( b ) Quando se vai à praia. 03

4 Capítulo Quais são os elementos da comunicação? Emissor, Mensagem, Receptor, Código, Canal da Comunicação e Informação. 2. Observe as imagens abaixo e descreva seu significado ou característica: Pare Proibido Fumar Posto de Gasolina Médico Restaurante Jogador de Futebol Capítulo Analise as situações abaixo e assina (V) para Verdadeiro e (F) para Falso. ( F ) Falar sempre o mais alto possível ao telefone. ( F ) Quando não puder, seja sempre bem claro e diga não posso. ( V ) Procure sempre falar pausadamente, nem muito rápido e nem muito lento. ( V ) Falar corretamente ao telefone é essencial. ( F ) Sempre que possível é necessário utilizar gírias ao telefone. ( F ) Quando atender ao telefone da empresa você deve sempre dizer Alô!. ( F ) Você nunca deve identificar sua empresa quando atender ao telefone. ( F ) Os cliente adoram ser chamadas de meu querido, meu bem, meu fofo. 2. É correto afirmar que: d) Deve sempre respeitar o seu chefe e nunca tratá-lo com intimidade. Capítulo Assinale (V) para Verdadeira e (F) para Falsa. ( V ) Programar o que vai ser feito ajuda a ganhar bastante tempo. ( F ) A desorganização é primordial para uma boa administração do tempo. ( F ) É recomendável que sempre faça o que é fácil primeiro e deixe o mais di cil para depois. ( F ) O prazo de entrega deve ser sempre desrespeitado. ( V ) Faça agora, nunca deixe para depois. 04

5 ( V ) Fazer as tarefas semelhantes em lote é uma boa dica para se ganhar tempo. ( F ) As conversas paralelas são importantíssimas para o aumento de conhecimento do profissional. ( V ) Um bom planejamento das tarefas ajuda de forma bastante eficaz no ganho de tempo. 2. Qual a importância de deixar o ambiente de trabalho organizado para o dia seguinte? Facilita bastante o trabalho no dia seguinte, pois, os documentos são encontrados mais facilmente. 3. Quando estiver ao telefone, deve ter sempre em mãos: b) Um bloco de anotações. Capítulo Com base nos seus conhecimentos sobre os 5S, é correto afirmar que: a) O que é usado sempre deve fi car próximo ao local de trabalho? Explique: Sim, pois, devido ao seu constante uso, quanto mais próximo estiver, melhor. b) Padronizar as nomenclaturas aumenta o tempo de busca do que é preciso para operar, ler, enviar? Comente. Não, pelo contrário, ajuda de forma expressiva na localização dos itens. c) Expor visualmente os pontos críticos, tais como extintores de incêndio, locais de alta voltagem, partes de máquinas que exijam atenção ajuda a evitar acidentes na empresa? Comente Claro, pois, em casos de emergência a pessoa consegue achar facilmente o equipamento. d) O primeiro conceito do 5S também pode ser interpretado como senso de utilização, arrumação, organização e seleção. Porque isto deve ser feito? Para que o que não é usado seja eliminado e o que é usado sempre fique próximo ao local de trabalho, tornando assim, mais facil o trabalho. 2. Manter um ambiente sempre limpo, eliminando as causas da sujeira e aprendendo a não sujar, também pode ser definido como Senso de zelo. Analise as alternativas abaixo e assinale a que representa estas características: e) Faça sempre a sua parte, nunca deixe a sujeira para os outros limparem. 05

6 3. Na sua opinião qual a importância da implantação do 5S? Os 5S cria nas pessoas uma nova cultura de organização nas pessoas e faz com que a empresa produza mais, eliminando o desnecessário e ajudando na economia de materiais. 4. Que tipo de empresa pode implantar o 5S? Qualquer tipo de empresa, basta que ela esteja disposta e seus funcionários comprometidos com a nova maneira de se trabalhar. 5. O que é necessário para implantar o 5S? Basta ter o conhecimento dos conceitos e concientizar todo o grupo da importância dos 5S. Enfim, todos precisam estar comprometidos com o processo, pois, sem este comprometimento, nenhum efeito terá a implantação dos 5S. Capítulo Utilizando seus conhecimentos sobre evitar palavras desnecessárias, siga o exemplo abaixo: Acabamento, Quantia, Superávit, Certeza, Prêmio, Metade, Repetir. Capítulo Cite 5 itens que devemos evitar durante a fala. Dê exemplo de pelo menos um deles. Falar alto, falar rápido, falar muito baixo, usar gírias, falar errado. A pessoa que fala errado, demonstra pouco conhecimento da linguagem e causa certo desconforto nas pessoas que as ouvem. 2. Cite 5 maneiras de conquistar a atenção do ouvinte. Dê exemplo de pelo menos uma delas. Falar com entusiasmo, falar com boa intensidade, usar o vocabulário adequado, ter a postura correta, ter início, meio e fim. É importantíssimo falar com entusiasmo, pois, se nem você se mostrar interessado pelo que está fala, imagine sua plateia. Capítulo O que o profissional de secretariado deve fazer ao receber a correspondência? Deve separá-las ao seu chefe de modo que as mais importantes fiquem por cima das menos importantes no final. 06

7 2. Em que situação o aparelho de fax deve ser usado? Em situações como comprovar o envio de um documento, no entanto, não tem o efeito do original. 3. Em que ordem as correspondências devem ser organizadas antes de entregá-las ao chefe? As mais importantes por cima das menos importantes. 4. Por qual motivo a secretária deve separar as correspondências para o seu chefe? Para que seu chefe não perca tempo semparando-as, bem como olhando correspondências sem importância. 5. Para que serve o CEP? O CEP é um código que identifi ca uma cidade, região ou país. Capítulo Que cuidados devem ser tomados em uma reunião? Diversos, porém, podemos citar como um dos principais o planejamento, pois, sem ele, os participantes fi cam perdidos. No planejamento estão inclusas as defi nições de horário, informativo avisando os participantes de qual será o tema discutido, entre outros. 2. O que deve ser feito antes de realizar uma viagem? Conferir se todos os documentos estão corretos, reservar ou comprar passagens. 3. O que é uma pauta? A pauta é o tema que será discutido na reunião. 4. Cite alguns detalhes que devem ser evitados durante uma reunião. Conversas paralelas, exceder o tempo estipulado, atrasos Qual a importância do planejamento antes de uma reunião? O planejamento evita a perca de tempo com discussões não relevantes. 07

8 Capítulo Utilizando o modelo de caixa a seguir, faça os seguintes lançamentos: Doc Data Descrição Cred Deb Sdo Ant. R$ 2.000,00 20/01 Telefone 120,00 20/01 Agua 110,00 20/01 Receb. Mensalidade 35,00 20/01 Receb. Mensalidade 40,00 20/01 Receb. Mensalidade 55,00 20/01 Aluguel 300,00 20/01 Mat. escritório 25,50 20/01 Manut. elétrica 85,90 20/01 Receb. Mensalidade 37,90 20/01 Desp. c/ supermercado. 47,50 20/01 Compr. Garrafa de Café 25, ,00 TOTAL TOTAL SDO FINAL 192,90 688,90 a) Qual o valor total das despesas do dia? R$ 688,90 b) Qual o valor total das receitas do dia? R$ 192,90 c) Qual o valor do saldo final do caixa? R$ 1.454,00 d) Qual será o valor do saldo inicial do caixa no dia seguinte? R$ 1.454,00 08

9 Capítulo Analise as palavras abaixo e assinale (V) se ela estiver correta (F) caso ela esteja incorreta. ( F ) São paulo ( F ) paulo ( V ) Renata ( V ) Iracema ( V ) Silvia ( V ) Campinas ( F ) Porto alegre ( F ) igreja ( F ) brasil ( V ) Itália ( F ) Planeta terra ( F ) marte 2. Complete as frases abaixo utilizando EU e MIM. a. A Luana pegou o caderno para mim. b. Fiz feijão para eu comer. c. Comprei um carro para eu dirigir. d. O João deu um computador para mim. e. É tarde de mais para eu voltar atrás. f. Ontem a Carol ligou para mim. g. Pegue o cartão para mim. h. Abra a porta para mim. i. Minha mãe deu dinheiro para mim, pois, precisava para eu comprar um tênis novo. j. Para mim isso não tem nenhuma importância. k. Infelizmente este mês não vai dar para eu pagar o clube. l. A Camila emprestou um livro para eu ler. m. Ontem comprei chocolates para eu comer. n. Amanha terei de acordar cedo para eu fazer prova de matemática. o. Estou guardando dinheiro para eu viajar. p. O seu José pediu para eu visitar seu jardim botânico. q. A Maria José deu um presente para mim. r. Ontem comprei os ingressos para eu ir assistir ao show de rock. s. Este mês terei dinheiro para eu ir para a balada. 3. Complete as frases abaixo utilizando MAU e MAL. a. Este peixe está cheirando mal. b. Aquela garota foi mal na prova de matemática. c. Joana é uma pessoa mal humorada. d. A economia do Brasil não está tão mal assim. 09

10 e. Aquele garoto é mal educado. f. Aquela empresa está sendo mal administrada. g. Aquele operário está mal equipado. h. O transporte urbano está mal atendido. i. A Carol escreve muito mal. j. A campanha do mês passado teve um mau resultado. l. Fui mal no vestibular. m. O menino está mal intencionado. n. O material está em mau estado de conservação. o. Os parafusos estão mal colocados. 4. Reescreva as palavras abaixo separando-as em sílabas: a. Computador Com-pu-ta-dor b. Cachorro Ca-chor-ro c. Cavalo Ca-va-lo d. General Ge-ne-ral e. Oficial O-fi -ci-al f. Presidente Pre-si-den-te g. Paraguai PA-RA-GUA-I h. Paralelepípedo Pa-ra-le-le-pi-pe-do i. Tocha To-cha j. Inglaterra In-gla-ter-ra k. Dinamarca Di-na-mar-ca l. Telefone Te-le-fo-ne m. Caneta Ca-ne-ta n. Interativo In-te-ra-ti-vo o. Internet In-ter-net 5. Classifique as palavras como Monossílabas(M), Dissílabas(D), Trissílabas(T) e Polissílabas(P). ( T ) Tomada ( M ) Pé ( P ) Estabilizador ( T ) Chaminé ( T ) Morango ( T ) Tomate ( P ) Abacaxi ( P ) Astronauta ( D ) Rio ( D ) Livro ( D ) Lápis ( P ) Inconstitucional ( P ) Correio 10

11 Capítulo Dê um exemplo de algo que deve ser evitado durante a produção de uma redação. Redundâncias, deve-se sempre ir direto ao ponto, sem ficar dando voltas no assunto abordado. 2. Cite 3 qualidades de uma boa redação. Concisão, limpeza e boa gramática. 3. O que você entende por Dissertar? Dissertar é o mesmo que Falar sobre um assunto. 4. Qual a diferença entre narração, dissertação e descrição? A narração relata um acontecimento, a dissertação fala sobre um fato e a descrição reproduz um objeto ou pessoa em detalhes. Capítulo 14 ( Capítulo sem exercício ) Capítulo Para que serve a Nota Fiscal? Para registrar a compra de um produto, comprovar sua procedência e servir como instrumente para a cobrança de impostos. 2. Qual a função da Duplicata? A duplicata é um documento para pagamento de produtos ou serviços. Ela é gerada através da nota fiscal. 3. O que pode acontecer caso um produto seja vendido sem a Nota Fiscal? Um produto sem nota fical caracteriza o não seguimento da lei. Se pega, a pessoa ou empresa será punida por contrabando ou sonegação fiscal. 11

12 4. Para que serve a Nota Promissória? Para firmar o comprimisso de compra e pagamento entre duas pessoas ou empresas. 5. Cite uma situação onde a Nota Promissória pode ser utilizada. Na compra de um produto numa loja e numa negociação entre duas pessoas. Capítulo Explique com suas palavras o que é um depósito. O depósito é quando é colocada uma quantia de dinheiro numa conta bancária. 2. Explique com suas palavras o que é um saque. O saque é quando é retirada uma quantia de dinheiro numa conta bancária. 3. Explique com suas palavras o que é um empréstimo bancário. Empréstimo é quando uma pessoa ou empresa empresta uma quantia em dinheiro do banco. 4. Para que serve o Cheque? O cheque é um papel fornecido por um banco que serve como forma de pagamento. Capítulo Um capital de R$ ,00 é aplicado à taxa de 2% ao mês durante três meses. Determine o valor dos Juros acumulados neste período. J= C * I * T J= * 0,02 * 3 J= 4.800,00 2. Uma aplicação de R$ ,00 rendendo uma taxa de Juros de 2% ao mês, produz, ao final do determinado período, Juros no valor de R$ ,00. Calcule o prazo da aplicação. 12

13 3. Um capital de R$ ,00 foi aplicado num fundo de poupança por 11 meses, produzindo um rendimento financeiro de R$ 9.680,00. Qual foi a taxa de Juros desta operação? J= C * I * T 9.680= * I * T 9.680= / = 0,022% 4. Uma pessoa aplica R$ ,00 á taxa de 1,5% ao mês durante 7 meses. Determine o valor acumulado ao final deste período. J= C * I * T J= * 0,015 * 7 J= = Um capital de R$ 3.400,00 é aplicado durante 9 meses à taxa de 20% ao ano. Determine o valor dos Juros obtidos. J= C * I * T J= * (0,2/12) * 9 J= * 0,016 * 9 J= Calcule o Juro correspondente a um capital de R$ ,00 aplicado durante 2 anos 4 meses e 10 dias à taxa de 36% ao ano. 2 anos + 4/ /360= 2,3611 J= C * I * T J= * 0,36 * 2,3611 J= ,93 7. Um capital de R$ 1.400,00 é aplicado durante 10 meses à taxa de 25% ao ano. Determine o Juro obtido. J= C * I * T J= * (0,25/12) * 10 J= 291,66 13

14 8. Um empréstimo de R$ 5.500,00 foi realizado em 20/07 e pago em 22/11 do mesmo ano. Sabendo que a taxa de Juros foi de 40% ao ano, qual o Juro total a ser pago? 20/07 À 31/07 = 11 DIAS 01/08 À 30/08 = 30 DIAS 01/09 À 31/09= 31 DIAS 01/10 À 30/10= 30 DIAS 01/11 À 22/11= 22 DIAS TOTAL = 124 DIAS J= C * I * T J= * 0,40 * (124/360) J= 757,77 Capítulo Um título de R$ 5.000,00 vai ser descontado à taxa de 3% ao mês. Faltando 43 dias para o vencimento do título, determine o valor do desconto comercial e o valor atual do título. D= C * I * T D= * (0.03/30) * 43 D= 215,00 Valor Atual: 4.785,00 2. Uma duplicata de R$ 6.900,00 foi resgatada antes do seu vencimento por R$ 6.072,00. Calcule o tempo de antecipação, sabendo que a taxa de desconto comercial foi de 4% ao mês. D= C * I * T 828= 6900 * I * 0, = /276= 3 meses 3. Determine a taxa de desconto de um título negociado 60 dias antes do seu vencimento, sendo seu valor de resgate igual a R$ ,00 e valor atual na data do desconto de R$ ,10. D= C * I * T 1.563,60= * I * ,60= * I 1.563,60/ = I 3,03= I * 100 = 3% a.m 14

15 4. Um título no valor nominal de R$ 7.300,00 com vencimento em 18/10 é resgatado em 20/07. Se a taxa de juro contratada foi de 52% ao ano qual é o valor comercial descontado? D= C * I * T D= * (0,52/12) * 3 D= 949,00 5. Qual o desconto produzido por um título de valor atual de R$ 2.000,00 descontado 60 dias antes de seu vencimento à taxa de 3% ao mês? D= C * I * T D= 2000 * 0,03 * 2 D= 120 Capítulo As pessoas que estão na parte mais alta da organização empresarial pertencem a qual setor? Presidência. 2. Por qual motivo a maioria das empresas são divididas em setores? Para manter uma maior orginização na distribuição das tarefas. 3. Cite alguns benefícios que a estrutura formal pode trazer as empresas que a utilizam. Esta estrutura proporciona maior organização nas tarefas, tornando a empresa mais efi ciente. 4. Explique com suas palavras como funciona o sistema de autoridade. Nada mais é que a distribuição de poder, isto signifi ca, a divisão da empresa de forma hierárquica como: Presidente, gerente Geral, gerente de departamentos, encarregados, subalternos, entre outros. 5. Explique com suas palavras como funciona o sistema de decisão. O sistema de decisão é o ato de entender, defi nir e decidir uma determinada ação solicitada. Decisões erradas podem causar grandes catástrofes empresariais. Capítulo 20 ( Capítulo não possuí exercícios. ) 15

16 Capítulo 21 ( Capítulo não possuí exercícios. ) Capítulo 22 ( Capítulo não possuí exercícios. ) 16

17 INTERASOFT 17

Mundo das Especialidades Orçamento Familiar - Habilidades Domésticas - 06

Mundo das Especialidades Orçamento Familiar - Habilidades Domésticas - 06 Mundo das Especialidades Orçamento Familiar - Habilidades Domésticas - 06 Texto: Khelven Klay e Diagramação: Ranmaildo Revorêdo, Quem sabe você ainda não esteja muito habituado a ouvir palavras ligadas

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA MATEMÁTICA FINANCEIRA MAT 191 PROFESSORES: ENALDO VERGASTA, GLÓRIA MÁRCIA, JODÁLIA ARLEGO

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA MATEMÁTICA FINANCEIRA MAT 191 PROFESSORES: ENALDO VERGASTA, GLÓRIA MÁRCIA, JODÁLIA ARLEGO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA MATEMÁTICA FINANCEIRA MAT 191 PROFESSORES: ENALDO VERGASTA, GLÓRIA MÁRCIA, JODÁLIA ARLEGO LISTA 2 1) Um título, com valor de face igual a $1.000,00,

Leia mais

Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo:

Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo: Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo: 1) Complete as frases abaixo com o pretérito perfeito dos seguintes

Leia mais

Pra que serve tudo isso?

Pra que serve tudo isso? Capítulo 1 Pra que serve tudo isso? Parabéns! Você tem em mãos a base para o início de um bom planejamento financeiro. O conhecimento para começar a ver o dinheiro de outro ponto de vista, que nunca foi

Leia mais

VAMOS PLANEJAR... As três palavras mágicas para um bom planejamento financeiro...

VAMOS PLANEJAR... As três palavras mágicas para um bom planejamento financeiro... FASCÍCULO IV VAMOS PLANEJAR... Se você ainda não iniciou seu planejamento financeiro, é importante fazê-lo agora, definindo muito bem seus objetivos, pois, independentemente da sua idade, nunca é cedo

Leia mais

MÓDULO 3 // EVITANDO ARMADILHAS FINANCEIRAS INICIANTE: IDADES 11-14

MÓDULO 3 // EVITANDO ARMADILHAS FINANCEIRAS INICIANTE: IDADES 11-14 MÓDULO 3 // EVITANDO ARMADILHAS FINANCEIRAS INICIANTE: IDADES 11-14 MÓDULO 3 // BATE-BOLA FINANCEIRO O Bate-Bola Financeiro é um videogame educacional desenvolvido para ajudar estudantes a entenderem melhor

Leia mais

PLANEJAMENTO FINANCEIRO FAMILIAR. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil

PLANEJAMENTO FINANCEIRO FAMILIAR. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil PLANEJAMENTO FINANCEIRO FAMILIAR Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários

Leia mais

M = C. (1 + (i. T)) Juros compostos:- Como calcular juros compostos: montante, capital inicial, fórmula, taxa, tempo, etc.

M = C. (1 + (i. T)) Juros compostos:- Como calcular juros compostos: montante, capital inicial, fórmula, taxa, tempo, etc. Material de Estudo para Recuperação 9 ano. Juros Simples O regime de juros será simples quando o percentual de juros incidirem apenas sobre o valor principal. Sobre os juros gerados a cada período não

Leia mais

SUMÁRIO. por: tayara Correa nunes

SUMÁRIO. por: tayara Correa nunes SUMÁRIO 1. INtRODUÇÃO 2. HISTÓRIA DO CARTÃO 3. CARÁCTERISTICAS DO CARTÃO 4. COMO USAR - passo a passo 5. BENEFÍCIOS E VANTAGENS 6. POR QUE USAR O CARTÃO E NÃO O DINHEIRO Utilização do E-BOOK OBS.. O autor

Leia mais

Matemática Financeira II

Matemática Financeira II Módulo 3 Unidade 8 Matemática Financeira II Para início de conversa... Passagens de ônibus ficam mais caras este mês Vitor Ferri (vferri@redegazeta.com.br)_ Redação Multimídia A Agência Nacional de Saúde

Leia mais

Manual de. Educação Financeira. Dicas para planejar e poupar seu dinheiro. Cecreb MANUAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA

Manual de. Educação Financeira. Dicas para planejar e poupar seu dinheiro. Cecreb MANUAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA Manual de Educação Financeira MANUAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA Dicas para planejar e poupar seu dinheiro 1 A filosofia da Manual de Educação Financeira 2 Um dos princípios básicos das Cooperativas de Crédito

Leia mais

MÓDULO 2 // ORÇAMENTO FAZ O EQUILÍBRIO A PARTIR DE 18 ANOS

MÓDULO 2 // ORÇAMENTO FAZ O EQUILÍBRIO A PARTIR DE 18 ANOS MÓDULO 2 // ORÇAMENTO FAZ O EQUILÍBRIO A PARTIR DE 18 ANOS MÓDULO 2 // BATE-BOLA FINANCEIRO O Bate-Bola Financeiro é um videogame educacional desenvolvido para ajudar estudantes a entenderem melhor os

Leia mais

Planejamento Financeiro

Planejamento Financeiro Planejamento Financeiro Planejamento financeiro é um processo Existe disponibilidade de recursos para isto? racional de administrar sua renda, seus investimentos, De onde virão os recursos para o crescimento

Leia mais

Aula 1 Conteúdo Programático

Aula 1 Conteúdo Programático Planejamento Financeiro Aula Conteúdo Programático Profa. Claudia Abramczuk Aula : controles financeiros básicos Aula 2: principais demonstrativos financeiros Aula 3: ferramentas utilizadas para tomada

Leia mais

GUIA DE PLANEJAMENTO FINANCEIRO

GUIA DE PLANEJAMENTO FINANCEIRO GUIA DE PLANEJAMENTO FINANCEIRO VOCÊ TEM MAIS DINHEIRO DO QUE IMAGINA PLANEJAMENTO FINANCEIRO; COMO ORGANIZAR SEU ORÇAMENTO; A IMPORTÂNCIA DE TER AS CONTAS EM DIA; DESCUBRA COMO FAZER PARA QUE SOBRE UM

Leia mais

CAPÍTULO 2 MATEMÁTICA FINANCEIRA

CAPÍTULO 2 MATEMÁTICA FINANCEIRA CAPÍTULO 2 MATEMÁTICA FINANCEIRA A Matemática Financeira se preocupa com o valor do dinheiro no tempo. E pode-se iniciar o estudo sobre o tema com a seguinte frase: NÃO SE SOMA OU SUBTRAI QUANTIAS EM DINHEIRO

Leia mais

Conceitos Básicos 09/10/2015. Módulo IV Capitalização Composta. CAPITALIZAÇÃO COMPOSTA Montante e Juro Fórmulas Derivadas

Conceitos Básicos 09/10/2015. Módulo IV Capitalização Composta. CAPITALIZAÇÃO COMPOSTA Montante e Juro Fórmulas Derivadas Módulo IV Capitalização Composta Danillo Tourinho S. da Silva, M.Sc. CAPITALIZAÇÃO COMPOSTA Montante e Juro Fórmulas Derivadas Conceitos Básicos No sistema de juros compostos (regime de capitalização composta),

Leia mais

1 Onde estou e aonde quero chegar

1 Onde estou e aonde quero chegar Seu futuro é agora O Programa RENDA MAIS da Fundação Atlântico tem como objetivo fomentar o conhecimento sobre educação financeira e previdenciária junto aos seus Participantes. No módulo de Educação Financeira

Leia mais

Módulo 1 // Poupar dinheiro. Profissional: mais de 18 anos

Módulo 1 // Poupar dinheiro. Profissional: mais de 18 anos Módulo 1 // Poupar dinheiro Profissional: mais de 18 anos módulo 1 // BATE-BOLA FINANCEIRO Bate-bola Financeiro é um jogo interativo desenvolvido para transmitir aos estudantes questões importantes sobre

Leia mais

ESTUDO DE CASO MULTIGRAF LTDA (Controles Financeiros)

ESTUDO DE CASO MULTIGRAF LTDA (Controles Financeiros) UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS - UNICAMP INSTITUTO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS - IFCH DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E PLANEJAMENTO ECONÔMICO - DEPE CENTRO TÉCNICO ECONÔMICO DE ASSESSORIA EMPRESARIAL

Leia mais

PRODUTOS E SERVIÇOS BANCÁRIOS. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil

PRODUTOS E SERVIÇOS BANCÁRIOS. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil PRODUTOS E SERVIÇOS BANCÁRIOS Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários

Leia mais

Fluxo de caixa: organize e mantenha as contas no azul

Fluxo de caixa: organize e mantenha as contas no azul Fluxo de caixa: organize e mantenha as contas no azul O segredo do sucesso da sua empresa é conhecer e entender o que entra e o que sai do caixa durante um dia, um mês ou um ano. 1 Fluxo de caixa: organize

Leia mais

Economia Doméstica - Finanças Pessoais -

Economia Doméstica - Finanças Pessoais - Economia Doméstica - Finanças Pessoais - Parte A Introdução e Visão Geral Parte B Planejamento e Acompanhamento - Técnicas Prof. Maurício Cury POUPAR x GASTAR Situação: Dois casais amigos onde, cada casal

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE ECONOMIA E GESTÃO LICENCIATURA EM GESTÃO LICENCIATURA EM MAEG LICENCIATURA EM FINANÇAS

INSTITUTO SUPERIOR DE ECONOMIA E GESTÃO LICENCIATURA EM GESTÃO LICENCIATURA EM MAEG LICENCIATURA EM FINANÇAS INSTITUTO SUPERIOR DE ECONOMIA E GESTÃO LICENCIATURA EM GESTÃO LICENCIATURA EM MAEG LICENCIATURA EM FINANÇAS CONTABILIDADE GERAL I III - CADERNO DE EXERCÍCIOS Terceiros e Antecipações Exercício 17 A empresa

Leia mais

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Escola de Tempo Integral Experiências Matemáticas 7º ANO (6ª série) SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Este é um material em construção que contém os capítulos de apoio das atividades

Leia mais

Matemática Financeira II

Matemática Financeira II Módulo 3 Unidade 28 Matemática Financeira II Para início de conversa... Notícias como essas são encontradas em jornais com bastante frequência atualmente. Essas situações de aumentos e outras como financiamentos

Leia mais

FUNDAMENTOS DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil

FUNDAMENTOS DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil FUNDAMENTOS DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários

Leia mais

Informações sobre o Cartão de Débito MasterCard do DUA

Informações sobre o Cartão de Débito MasterCard do DUA Informações sobre o Cartão de Débito MasterCard do DUA O Department of Unemployment Assistance (DUA ou Departamento de Assistência ao Desemprego) de Massachusetts irá parar de emitir cheques para os benefícios

Leia mais

Origem do nome do programa 5S

Origem do nome do programa 5S Os Cinco Sensos PPGEP / UFRGS ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Origem do nome do programa 5S 5S s vem de cinco palavras japonesas que começam por S : SEIRI senso de utilização, seleção, descarte. SEITON senso de

Leia mais

FLUXO DE CAIXA. Dinâmica: O que faço de diferente ou estranho. (Objetivo: Conhecer um pouco cada participante)

FLUXO DE CAIXA. Dinâmica: O que faço de diferente ou estranho. (Objetivo: Conhecer um pouco cada participante) FLUXO DE CAIXA Dinâmica: O que faço de diferente ou estranho. (Objetivo: Conhecer um pouco cada participante) Brainstorming: Chuva de ideias ou Toró de parpite: O QUE É FLUXO DE CAIXA? (Objetivo: Saber

Leia mais

DIGA ADEUS AOS PROBLEMAS FINANCEIROS DE SUA EMPRESA.

DIGA ADEUS AOS PROBLEMAS FINANCEIROS DE SUA EMPRESA. DIGA ADEUS AOS PROBLEMAS FINANCEIROS DE SUA EMPRESA. Ter uma boa gestão financeira em seu negócio garante a saúde de sua empresa e a tranquilidade do empresário. Mantendo dinheiro em caixa, os compromissos

Leia mais

Canais Alternativos de Atendimento

Canais Alternativos de Atendimento Canais Alternativos de Atendimento PAGAMENTO DE CONTAS RECEBIMENTO DE BENEFÍCIOS TRANSFERÊNCIA DE DINHEIRO Posso fazer essas operações bancárias nos Canais Alternativos de Atendimento? Veja aqui como fazer

Leia mais

No campo 'Nome do agente financeiro', digite o nome do agente a ser cadastrado. Ex: Banco Bradesco, Itaú, Banco do Brasil, Cartão Visa, etc;

No campo 'Nome do agente financeiro', digite o nome do agente a ser cadastrado. Ex: Banco Bradesco, Itaú, Banco do Brasil, Cartão Visa, etc; 1.1 Agentes Financeiros Nesse item do menu Cadastros são inseridos todas as Instituições Financeiras que o escritório ou empresa possuem. Para cadastrar um agente financeiro acione o botão novo e a seguinte

Leia mais

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 5: Serviços Bancários

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 5: Serviços Bancários Educação Financeira Crédito Consignado Módulo 5: Serviços Bancários Objetivo Conscientizar nossos clientes sobre os serviços bancários e as funções de cada funcionário O conteúdo deste material é baseado

Leia mais

As 10 Melhores Dicas de Como Fazer um Planejamento Financeiro Pessoal Poderoso

As 10 Melhores Dicas de Como Fazer um Planejamento Financeiro Pessoal Poderoso As 10 Melhores Dicas de Como Fazer um Planejamento Financeiro Pessoal Poderoso Nesse artigo quero lhe ensinar a fazer um Planejamento Financeiro Pessoal Poderoso. Elaborei 10 dicas para você fazer um excelente

Leia mais

de um redator freelancer

de um redator freelancer de um redator freelancer Introdução 04 Horário flexível, ausência do chefe, mas... 06 Monte sua planilha financeira 09 Sim, impostos também existem para você 12 Nem tudo são flores 15 Saiba onde você quer

Leia mais

O BANCO DO DESENVOLVIMENTO PROVA DISCURSIVA PROFISSIONAL BÁSICO - CIÊNCIAS CONTÁBEIS LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO.

O BANCO DO DESENVOLVIMENTO PROVA DISCURSIVA PROFISSIONAL BÁSICO - CIÊNCIAS CONTÁBEIS LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO. 04 NOVEMBRO / 2009 O BANCO DO DESENVOLVIMENTO PROVA DISCURSIVA PROFISSIONAL BÁSICO - CIÊNCIAS CONTÁBEIS (2 a FASE) LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO. 01 - Você recebeu do fiscal o seguinte material:

Leia mais

Guia do uso consciente do crédito. O crédito está aí para melhorar sua vida, é só se planejar que ele não vai faltar.

Guia do uso consciente do crédito. O crédito está aí para melhorar sua vida, é só se planejar que ele não vai faltar. Guia do uso consciente do crédito O crédito está aí para melhorar sua vida, é só se planejar que ele não vai faltar. Afinal, o que é crédito? O crédito é o meio que permite a compra de mercadorias, serviços

Leia mais

Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Educação Financeira para Beneficiários do Programa Bolsa Família

Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Educação Financeira para Beneficiários do Programa Bolsa Família Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome Educação Financeira para Beneficiários do Programa Bolsa Família Copyright 2009 Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Todos os direitos

Leia mais

Gestão de Finanças Pessoais Nome do Palestrante

Gestão de Finanças Pessoais Nome do Palestrante Gestão de Finanças Pessoais Nome do Palestrante Como nos relacionamos com o dinheiro? O que é dinheiro? Como nos relacionamos com o dinheiro? O que o dinheiro significa para você? Sonhos Sonhos não se

Leia mais

Gabarito das Autoatividades MATEMÁTICA FINANCEIRA (ADMINISTRAÇÃO/CIÊNCIAS CONTÁBEIS) 2010/2 Módulo II

Gabarito das Autoatividades MATEMÁTICA FINANCEIRA (ADMINISTRAÇÃO/CIÊNCIAS CONTÁBEIS) 2010/2 Módulo II Gabarito das utoatividades (DSÇÃO/ÊS OBS) 2010/2 ódulo USSLV D GBO DS UOVDDS GBO DS UOVDDS D 3 UDD 1 ÓPO 1 1 Defina a atemática inanceira..: atemática inanceira é uma disciplina que estuda o valor do

Leia mais

Guia do uso consciente do crédito. Dicas e informações para você usar o crédito sem perder o sono.

Guia do uso consciente do crédito. Dicas e informações para você usar o crédito sem perder o sono. Guia do uso consciente do crédito Dicas e informações para você usar o crédito sem perder o sono. Afinal, o que é crédito? O crédito é o meio que permite a compra de mercadorias, serviços ou obtenção e

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU Seção Judiciária do Rio Grande do Norte Rua Dr. Lauro Pinto, nº 245, Lagoa Nova, Natal/RN

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU Seção Judiciária do Rio Grande do Norte Rua Dr. Lauro Pinto, nº 245, Lagoa Nova, Natal/RN PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU Seção Judiciária do Rio Grande do Norte Rua Dr. Lauro Pinto, nº 245, Lagoa Nova, Natal/RN PROCESSO SELETIVO PARA ESTÁGIO REMUNERADO EM CIÊNCIAS

Leia mais

INFORMAÇÕES BÁSICAS SOBRE CRÉDITO. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil

INFORMAÇÕES BÁSICAS SOBRE CRÉDITO. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil INFORMAÇÕES BÁSICAS SOBRE CRÉDITO Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários

Leia mais

2- Nas frases a seguir estão destacadas quatro formas verbais de um mesmo verbo. Compare-as.

2- Nas frases a seguir estão destacadas quatro formas verbais de um mesmo verbo. Compare-as. FICHA DA SEMANA 5º ANO A / B Instruções: 1- Cada atividade terá uma data de realização e deverá ser entregue a professora no dia seguinte; 2- As atividades deverão ser copiadas e respondidas no caderno,

Leia mais

MÓDULO 2 Operacionalização

MÓDULO 2 Operacionalização MÓDULO 2 Operacionalização OBJETIVO GERAL: Demonstrar a operacionalização dos 5S s. OBJETIVOS ESPECÍFICOS: 1. Os cinco sensos 2. Operacionalização dos 5S s 3. Benefícios dos 5S s Desafio 1 RESULTADO TAREFA

Leia mais

Como Preparar Apresentações. Tipos de apresentação Cuidados com o apresentador Cuidados com o conteúdo

Como Preparar Apresentações. Tipos de apresentação Cuidados com o apresentador Cuidados com o conteúdo Como Preparar Apresentações Tipos de apresentação Cuidados com o apresentador Cuidados com o conteúdo Tipos de Apresentação Tipos de apresentação de trabalho acadêmico/técnico/científico: Aula Palestra

Leia mais

Essas expressões envolvem uma razão especial denominada porcentagem ou percentagem.

Essas expressões envolvem uma razão especial denominada porcentagem ou percentagem. Faculdades Integradas do Tapajós Professor: Adm. Esp. Wladimir Melo Curso: Administração 2º ADN 1, Gestão Empresarial 2º GEN 1, Processos Gerenciais 2º TPN Disciplina: Matemática Financeira 1. Porcentagem

Leia mais

Abra sua. Conta CAIXA Fácil. caixa.gov.br. CAIXA. O banco que acredita nas pessoas.

Abra sua. Conta CAIXA Fácil. caixa.gov.br. CAIXA. O banco que acredita nas pessoas. Abra sua Conta CAIXA Fácil caixa.gov.br CAIXA. O banco que acredita nas pessoas. Este guia vai ajudar você a entender os termos mais usados no dia-a-dia dos bancos, além de mostrar como é fácil e seguro

Leia mais

MATEMÁTICA FINANCEIRA

MATEMÁTICA FINANCEIRA Roberto César Faria e Silva MATEMÁTICA FINANCEIRA Aluno: SUMÁRIO 1. CONCEITOS 2 2. JUROS SIMPLES 3 Taxa Efetiva e Proporcional 10 Desconto Simples 12 Desconto Comercial, Bancário ou Por Fora 13 Desconto

Leia mais

www.concurseiro10.com.br

www.concurseiro10.com.br 1) Um capital de R$ 18.000,00, aplicados a 6% ao ano, durante 8 anos, qual o juros produzido? a) 7.640,00 b) 6.460,00 c) 8.640,00 d) 9.000,00 2) Um investidor aplicou R$10.000,00, à taxa de 13% ao mês

Leia mais

Matemática Financeira II

Matemática Financeira II Módulo 3 Matemática Financeira II Para início de conversa... Notícias como essas são encontradas em jornais com bastante frequência atualmente. Essas situações de aumentos e outras como financiamentos

Leia mais

Planejamento Financeiro Pessoal

Planejamento Financeiro Pessoal Administração Profa Ms. Elaine Silvia Pasquini Planejamento Financeiro Pessoal e Empresarial Planejamento Financeiro Pessoal Inúmeras pesquisas revelam que profissionais desorganizados financeiramente

Leia mais

Cliente Nossa Caixa, o Banco do Brasil tem orgulho de receber você e sua empresa.

Cliente Nossa Caixa, o Banco do Brasil tem orgulho de receber você e sua empresa. Cliente Nossa Caixa, o Banco do Brasil tem orgulho de receber você e sua empresa. Conheça os benefícios do novo banco da sua empresa. Banco do Brasil. É de São Paulo. É do Brasil. É Todo Seu. Índice 2

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

SAÚDE FINANCEIRA + QUALIDADE DE VIDA

SAÚDE FINANCEIRA + QUALIDADE DE VIDA SAÚDE FINANCEIRA + QUALIDADE DE VIDA 3 Programa Astra de qualidade de vida no trabalho e na família 5 Afinal, qual é o meu orçamento mensal? 7 Planejamento do mês 9 Estou no azul, o que posso fazer? 11

Leia mais

GUIA INFORMATIVO - CARTÕES DE CRÉDITO

GUIA INFORMATIVO - CARTÕES DE CRÉDITO 2013 GUIA INFORMATIVO - CARTÕES DE CRÉDITO CARTÕES DE CRÉDITO Definição Cartão de crédito é modalidade de pagamento à vista, objeto de um contrato de adesão entre o consumidor e uma administradora de cartões,

Leia mais

Guia do Crédito Certo. Para entender e usar corretamente.

Guia do Crédito Certo. Para entender e usar corretamente. Guia do Crédito Certo Para entender e usar corretamente. Índice 1 2 3 4 5 6 7 8 9 Conhecendo o crédito. 1 \ O que fazer para ter uma vida financeira saudável? 2 Para que serve o crédito? 5 O Crédito Certo

Leia mais

FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS Programa de Certificação de Qualidade Curso de Graduação em Administração

FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS Programa de Certificação de Qualidade Curso de Graduação em Administração FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS Programa de Certificação de Qualidade Curso de Graduação em Administração PROVA DE COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL 1º Semestre / 2010 - P2 - TIPO 1 DADOS DO ALUNO: Nome: Assinatura INSTRUÇÕES:

Leia mais

Não abra a carteira ou a bolsa na frente de estranhos. Separe pequenas quantias de dinheiro para pagar passagem, café, cigarros etc.

Não abra a carteira ou a bolsa na frente de estranhos. Separe pequenas quantias de dinheiro para pagar passagem, café, cigarros etc. Dicas de Segurança I Cuidados no dia-a-dia Nas Ruas Previna-se contra a ação dos marginais não ostentando objetos de valor como relógios, pulseiras, colares e outras jóias de valor. Evite passar em ruas

Leia mais

Projeto de Extensão: Ciclo de Oficinas de Educação Matemática: os ODM em foco. Organize seu dinheiro: Elaboração de planilha de orçamento doméstico

Projeto de Extensão: Ciclo de Oficinas de Educação Matemática: os ODM em foco. Organize seu dinheiro: Elaboração de planilha de orçamento doméstico Organize seu dinheiro: Elaboração de planilha de orçamento doméstico Junto com um dos Objetivos do Desenvolvimento do Milênio (ODM), a segunda oficina do projeto de extensão Ciclo de Oficinas de Educação

Leia mais

Organizando e administrando o negócio

Organizando e administrando o negócio NEGÓCIO CERTO COMO CRIAR E ADMINISTRAR BEM SUA EMPRESA Organizando e administrando o negócio Manual Etapa 4/Parte 1 Boas vindas! Olá, caro empreendedor! É um prazer estar com você nesta etapa de sua viagem

Leia mais

Introdução à Matemática Financeira

Introdução à Matemática Financeira Introdução à Matemática Financeira Atividade 1 Por que estudar matemática financeira? A primeira coisa que você deve pensar ao responder esta pergunta é que a matemática financeira está presente em muitos

Leia mais

DICA 1. VENDA MAIS ACESSÓRIOS

DICA 1. VENDA MAIS ACESSÓRIOS DICA 1. VENDA MAIS ACESSÓRIOS Uma empresa sem vendas simplesmente não existe, e se você quer ter sucesso com uma loja você deve obrigatoriamente focar nas vendas. Pensando nisso começo este material com

Leia mais

Guia de Finanças Pessoais

Guia de Finanças Pessoais Guia de Finanças Pessoais GUIA DE FINANÇAS PESSOAIS Como estão suas FinanÇas? De onde vem o dinheiro não costuma ser um mistério. Em geral, as pessoas têm uma boa noção de suas receitas, provenientes do

Leia mais

5S s Introdução a Engenharia de Produção Prof. Evandro Bittencourt

5S s Introdução a Engenharia de Produção Prof. Evandro Bittencourt 5S s Introdução a Engenharia de Produção Prof. Evandro Bittencourt Usado para solucionar os problemas comportamentais nas empresas, principalmente para formar uma cultura de combate ao desperdício, à desordem,

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA

ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA Quem não sabe administrar tostões, não sabe administrar milhões. Atenção para estas perguntas: Você possui uma conta corrente ou poupança separada para o seu negócio? O que você

Leia mais

Prova de Matemática Financeira 01 a 20

Prova de Matemática Financeira 01 a 20 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 Identifique-se na parte inferior desta capa. Caso se identifique em qualquer outro local deste caderno, você será eliminado da Seleção. Este Caderno contém, respectivamente, a Prova

Leia mais

Telemarketing TELEMARKETING TELEMARKETING -1-

Telemarketing TELEMARKETING TELEMARKETING -1- TELEMARKETING -1- ÍNDICE CAPÍTULO 1 ALGUNS CONCEITOS RELACIONADOS AO CALL CENTER...08 RELEVÂNCIA DE UM PROFISSIONAL DE CCC...09 A FUNÇÃO DO OPERADOR...10 OPERAÇÕES E PROCESSOS...11 CAPÍTULO 2 COMO SE COMPORTAR

Leia mais

GESTÃO FINANCEIRA para FICAR NO Azul

GESTÃO FINANCEIRA para FICAR NO Azul GESTÃO FINANCEIRA para ficar no azul índice 03 Introdução 04 Capítulo 1 O que é gestão financeira? 06 Capítulo 2 Gestão financeira e tomada de decisões 11 13 18 Capítulo 3 Como projetar seu fluxo financeiro

Leia mais

Exercícios. Matemática Financeira

Exercícios. Matemática Financeira Exercícios de Matemática Financeira SUMÁRIO - Apresentação... 01-01 ª Série - Taxas Equivalentes...... 02-02 ª Série - Planos de Amortização...... 05-03 ª Série - Exercícios Extras...... 09-04 ª Série

Leia mais

Gerenciando o Fluxo de Caixa com Eficiência

Gerenciando o Fluxo de Caixa com Eficiência Gerenciando o Fluxo de Caixa com Eficiência 08 a 11 de outubro de 2014 08 a 11 de outubro de 2014 Custo financeiro alto CENÁRIO ATUAL Concorrência cada vez mais competitiva Consumidores que exigem maiores

Leia mais

Planejamento Financeiro Pessoal

Planejamento Financeiro Pessoal Planejamento Financeiro Pessoal 1 Porque pensar no assunto? Você é uma pessoa livre? Tem certeza? De acordo com o dicionário, a palavra liberdade significa: Possibilidade que tem o indivíduo de exprimir-se

Leia mais

ORÇAMENTO DOMÉSTICO PLANEJAMENTO DE COMPRAS FORMAS DE PAGAMENTO ECONOMIA DOMÉSTICA

ORÇAMENTO DOMÉSTICO PLANEJAMENTO DE COMPRAS FORMAS DE PAGAMENTO ECONOMIA DOMÉSTICA 2009 ORÇAMENTO DOMÉSTICO PLANEJAMENTO DE COMPRAS FORMAS DE PAGAMENTO ECONOMIA DOMÉSTICA A elaboração do orçamento doméstico nem sempre é uma tarefa fácil. Definir quais são as suas necessidades e planejar

Leia mais

Pagadores de Dívidas. Job: 12/1274

Pagadores de Dívidas. Job: 12/1274 Pagadores de Dívidas Job: 12/1274 ritério de lassificação Adimplentes e Inadimplentes ADIMPLENTES INADIMPLENTES Mencionou que está em dia com todas as despesas descritas Mencionou que não está em dia com

Leia mais

1.Introdução. 2. Posicionamento

1.Introdução. 2. Posicionamento 1.Introdução 1.1 Finalidade Este documento tem o objetivo de demonstrar as necessidades e problemas que a rede de clínicas de vacinação IMUNIZA encontra em seu dia a dia, propondo após um levantamento

Leia mais

cartilha educação financeira

cartilha educação financeira cartilha educação financeira cartilha educação financeira A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO FINANCEIRA A educação financeira é decisiva para o bem-estar presente e futuro das famílias, contudo, ela nem sempre

Leia mais

INTRODUÇÃO: JURO FATOR DE FORMAÇÃO DE JURO. VJ = VA x j. *Taxa de juro na forma unitária j=10% => j= 10/100 => j= 0,1

INTRODUÇÃO: JURO FATOR DE FORMAÇÃO DE JURO. VJ = VA x j. *Taxa de juro na forma unitária j=10% => j= 10/100 => j= 0,1 2 INTRODUÇÃO: O principal conceito que orientará todo o nosso raciocínio ao longo deste curso é o conceito do valor do dinheiro no tempo. Empréstimos ou investimentos realizados no presente terão seu valor

Leia mais

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 2: Como Poupar

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 2: Como Poupar Educação Financeira Crédito Consignado Módulo 2: Como Poupar Objetivo Dar dicas importantes para que nossos clientes consigam ter uma poupança e vivam com mais segurança e tranquilidade O conteúdo deste

Leia mais

CANAL DE ENTREGA SIGLA DO EXTRATO VALOR. Isento Cartão de Débito 2.1.1 Fornecimento de

CANAL DE ENTREGA SIGLA DO EXTRATO VALOR. Isento Cartão de Débito 2.1.1 Fornecimento de RESOLUÇÃO SICOOB CGCRED 039 Institui as taxas e tarifas praticadas para os produtos e serviços. O Conselho de Administração da Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Empresários de Campina Grande

Leia mais

O mecanismo de débito x crédito.

O mecanismo de débito x crédito. O mecanismo de débito x crédito. Represente os fatos abaixo, utilizando os balanços sucessivos. 1- Os sócios integralizaram capital social, no valor de R$ 1.000.000, em dinheiro. 2- Compra de veículos,

Leia mais

Produção Enxuta. Lean Manufacturing

Produção Enxuta. Lean Manufacturing Produção Enxuta Lean Manufacturing Produção Enxuta Principais ferramentas Ferramentas do STP 5S; SMED ; Gestão Visual; Poka-Yoke; TPM Kanban; Kaizen; VSM Casa do STP 5 Sensos Filosofia cujo objetivo é

Leia mais

Recupere a saúde financeira e. garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015

Recupere a saúde financeira e. garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015 Recupere a saúde financeira e garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015 Objetivo geral Disseminar conhecimento financeiro e previdenciário dentro e fora da SP-PREVCOM buscando contribuir

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Movimentações... 4 Movimentações de Caixa... 4 Entradas... 6 Recebimento em Dinheiro... 8 Recebimento em Cheque... 8 Troco... 15 Saídas... 17 Movimentações de Banco... 22

Leia mais

renda fixa Certificado de Depósito Bancário

renda fixa Certificado de Depósito Bancário renda fixa Certificado de Depósito Bancário Certificado de Depósito Bancário Rentabilidade e proteção em um único investimento O produto Certificado de Depósito Bancário (CDB) é um título de renda fixa,

Leia mais

Módulo: Atividade: 2 Juros Simples e Compostos

Módulo: Atividade: 2 Juros Simples e Compostos Módulo: Atividade: 2 Juros Simples e Compostos Atividade Individual - Regime de capitalização Título: Simples ou Composto? Como fazer os Juros trabalharem por você? Aluno: Anderson Cramolish Carpes Disciplina:

Leia mais

Os conteúdos estão apresentados de forma didática e por meio de exemplos. Sugerese, como complemento, a utilização de outras bibliografias.

Os conteúdos estão apresentados de forma didática e por meio de exemplos. Sugerese, como complemento, a utilização de outras bibliografias. MATEMÁTICA COMERCIAL APRESENTAÇÃO Caro aluno, A partir de agora, iremos começar os estudos de matemática comercial. O objetivo deste curso é propiciar uma introdução dinâmica sobre o assunto, de maneira

Leia mais

Elementos de Análise Financeira Matemática Financeira e Empréstimos para Capital de Giro

Elementos de Análise Financeira Matemática Financeira e Empréstimos para Capital de Giro Elementos de Análise Financeira Matemática Financeira e Empréstimos para Capital de Giro Fonte: Assaf Neto (2009), Matemática Financeira e Suas Aplicações, Cap. 5 Empréstimos para Capital de Giro As modalidades

Leia mais

Manual de Conduta Escritórios Brasília

Manual de Conduta Escritórios Brasília Manual de Conduta Escritórios Brasília 1 Prezado parceiro, você acaba de ingressar em um novo modelo de gestão de negócios. Seja bem-vindo. 2 Com o único objetivo de aprimorar o seu negócio vamos apresentar

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

CARTILHA EDUCAÇÃO FINANCEIRA

CARTILHA EDUCAÇÃO FINANCEIRA CARTILHA EDUCAÇÃO FINANCEIRA ÍNDICE PLANEJANDO SEU ORÇAMENTO Página 2 CRÉDITO Página 12 CRÉDITO RESPONSÁVEL Página 16 A EDUCAÇÃO FINANCEIRA E SEUS FILHOS Página 18 PLANEJANDO SEU ORÇAMENTO O planejamento

Leia mais

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 3: Gerenciamento de dívidas

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 3: Gerenciamento de dívidas Educação Financeira Crédito Consignado Módulo 3: Gerenciamento de dívidas Objetivo Auxiliar no gerenciamento de dívidas e de como quitá-las, conscientizando as pessoas da importância em diminui-las e de

Leia mais

Programa de Auto-Atendimento. Manual Etapa 4. Organizando e Administrando o Negócio

Programa de Auto-Atendimento. Manual Etapa 4. Organizando e Administrando o Negócio Programa de Auto-Atendimento Manual Etapa 4 Organizando e Administrando o Negócio Etapa 0 Acesso ao Programa. Etapa 1 Gerando Idéias de Negócio. Etapa 2 Verificando a Viabilidade do Negócio. Etapa 3 Formalizando

Leia mais

Educação Financeira PASSATEMPOS. O Paraná Banco traz o assunto de forma divertida para você BOM PRA CABEÇA. Diretox Dominox caça-palavra

Educação Financeira PASSATEMPOS. O Paraná Banco traz o assunto de forma divertida para você BOM PRA CABEÇA. Diretox Dominox caça-palavra Educação Financeira O Paraná Banco traz o assunto de forma divertida para você BOM PRA CABEÇA PASSATEMPOS Diretox Dominox caça-palavra 2 O Paraná Banco propõe um desafio consciente a você! O Paraná Banco,

Leia mais

GESPÚBLICA Núcleo Rio de Janeiro Programa Qualidade Rio. Caderno Gerencial n 3 Qualidade no Atendimento Telefone

GESPÚBLICA Núcleo Rio de Janeiro Programa Qualidade Rio. Caderno Gerencial n 3 Qualidade no Atendimento Telefone GESPÚBLICA Núcleo Rio de Janeiro Programa Qualidade Rio Caderno Gerencial n 3 Qualidade no Atendimento Telefone Rio de Janeiro 2011 Telefone QUALIDADE NO ATENDIMENTO Antes do terceiro toque Identificação

Leia mais

PESQUISA DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA SPC BRASIL. Janeiro 2014

PESQUISA DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA SPC BRASIL. Janeiro 2014 PESQUISA DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA SPC BRASIL Janeiro 2014 PESQUISA DO SPC BRASIL REVELA QUE 81% DOS BRASILEIROS SABEM POUCO OU NADA SOBRE SUAS FINANÇAS PESSOAIS Os brasileiros ainda estão muito distantes

Leia mais

INOVAR e AGIR. O 5s na Seção de Comunicações

INOVAR e AGIR. O 5s na Seção de Comunicações INOVAR e AGIR O 5s na Seção de Comunicações Karina Ferreira Rocha Castilho maio /2010 De tudo, ficaram três coisas: A certeza de que estamos sempre começando... A certeza de que precisamos continuar...

Leia mais

Guia Americanas Itaucard International com chip

Guia Americanas Itaucard International com chip Guia Americanas Itaucard International com chip Índice Seu cartão 2 Para desbloquear seu cartão 3 Na hora de comprar 3 Na hora de pagar a fatura 4 Conheça a fatura 6 Mais conveniência para você 8 Programa

Leia mais

Matemática. Aula: 04/10. Prof. Pedro Souza. www.conquistadeconcurso.com.br. Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.

Matemática. Aula: 04/10. Prof. Pedro Souza. www.conquistadeconcurso.com.br. Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM. Matemática Aula: 04/10 Prof. Pedro Souza UMA PARCERIA Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.BR Visite a loja virtual www.conquistadeconcurso.com.br MATERIAL DIDÁTICO EXCLUSIVO PARA

Leia mais

Notas Explicativas das Demonstrações Financeiras

Notas Explicativas das Demonstrações Financeiras Notas Explicativas das Demonstrações Financeiras No ano de 2012 o Londrina Country Club atualizou o plano de contas de sua demonstração de resultado. O objetivo é atualizar a nomenclatura das contas permitindo

Leia mais