MATEMÁTICA - 5.º Ano

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MATEMÁTICA - 5.º Ano"

Transcrição

1 Salesianos de Mogofores /2016 MATEMÁTICA - 5.º Ano Ana Soares ( ) Catarina Coimbra ( ) Rota de aprendizage m por Projetos NÚMEROS NATURAIS Desenvolver o sentido de número e desenvolver o cálculo mental e escrito. Total: 3 quinzenas do 1.º período. A definir nos PIQAs. O que é um número natural? Números naturais; Elemento de um conjunto; Relação de pertença; - Usar os símbolos de pertença; Que estratégia devo utilizar para adicionar Adição; Soma; Parcelas; Propriedades da adição; - Conhecer e aplicar as propriedades da adição; Que estratégia devo utilizar para subtrair Subtração; Diferença; Aditivo e subtrativo; Propriedade fundamental da subtração; - Compreender a subtração e usá-la na resolução de problemas; Que estratégia devo utilizar para multiplicar Multiplicação; Produto; Fatores; Propriedades da multiplicação; - Compreender a multiplicação e as suas propriedades; Que estratégia devo utilizar para dividir Divisão inteira exata; Divisão inteira não exata; Dividendo; divisor; quociente; resto; O que são os múltiplos e os divisores de um número? Múltiplos de um número; Divisores de um número; Propriedades dos divisores; Cálculo de expressões algébricas Critérios de divisibilidade; O que é um número primo? - Aplicar a divisão na resolução de problemas; 1. Saber os critérios de divisibilidade por, por e por. 2. Identificar o máximo divisor comum de dois números naturais por inspeção dos divisores de cada um deles. 3. Reconhecer que num produto de números naturais, um divisor de um dos fatores é divisor do produto. 4. Reconhecer que se um dado número natural

2 Números primos; Números compostos; Decomposição de um número em fatores primos; Máximo divisor comum de dois números; Mínimo múltiplo comum de dois números; Propriedade do m.d.c e m.m.c. Algoritmo de Euclides. divide outros dois, divide também as respetivas soma e diferença. - Desenvolver a destreza de cálculo mental e escrito; - Raciocinar e comunicar em contextos numéricos; - Utilizar os critérios de divisibilidade de um número; - Identificar e dar exemplos de números primos e distinguir números primos de números compostos; - Decompor um número em fatores primos; - Compreender as noções de mínimo múltiplo comum e máximo divisor comum de dois números e determinar o seu valor; - Formular e testar conjeturas; - Averiguar a possibilidade de abordagens diversificadas para a resolução de um problema. ÂNGULOS, AMPLITUDE DE ÂNGULOS. PARALELISMO E PERPENDICULARIDADE Compreender propriedades geométricas no plano Total: 1 quinzena do 1.º período e 1,5 quinzenas do 2º período. A definir nos PIQAs. O que é uma reta? Ponto; Reta, semirreta e segmento de reta; Comprimento de um segmento de reta; Sabes identificar a posição das retas no plano? Retas paralelas; retas concorrentes; retas estritamente paralelas; retas perpendiculares; Retas oblíquas; retas coincidentes. O que é um ângulo? Ângulo; vértice; lados; amplitude e medição; Bissetriz de um ângulo. Como se relacionam os diversos tipos de ângulos? Ângulos congruentes; ângulos adjacentes; ângulos suplementares; ângulos complementares; Ângulos verticalmente opostos; ângulos alternos internos; Quais os elementos e as propriedades de um polígono? Ângulos internos de um triângulo; Triângulo; propriedades e classificação; Desigualdade triangular; Circunferência e círculo; raio; diâmetro; corda; propriedades e construção. - Medir, em graus, a amplitude de um ângulo e construir um ângulo sendo dada a sua amplitude; - Estabelecer relações entre ângulos e classificar ângulos; Distinguir ângulos complementares e suplementares e identificar ângulos verticalmente opostos e ângulos alternos internos; - Identificar os elementos de um polígono, compreender as suas propriedades e classificar polígonos. - Classificar triângulos quanto aos ângulos e quanto aos lados; - Compreender relações entre elementos de um triângulo e usá-las na resolução de problemas; - Compreender o valor da soma das amplitudes dos ângulos internos e externos de um triângulo; - Identificar as propriedades da circunferência e distinguir circunferência de círculo; - Resolver problemas envolvendo propriedades dos triângulos e do círculo. - Explicar, recorrendo a exemplos e contraexemplos, processos, resultados e ideias matemáticas; - Averiguar a possibilidade de abordagens diversificadas para a resolução de um projeto. - Construir triângulos e compreender os casos de possibilidade na construção de triângulos.

3 NÚMEROS RACIONAIS NÃO NEGATIVOS. EXPRESSÕES ALGÉBRICAS Projeto 2: Vamos aos saldos Desenvolver o sentido de número e desenvolver o cálculo mental e escrito. Conceber e por em prática estratégias de resolução de problemas, verificando a adequação dos resultados obtidos e dos processos utilizados. Total: 4 quinzenas do 2º período. 1.ª Fase: Recolher, em casa, 2 ou 3 objetos (sem conteúdo e que já não sejam necessários) 2.ª Fase: Planificação, em grupo, da resolução do projeto. 3ª Fase: Decidir e registar qual a percentagem de desconto a ser aplicada a cada objeto. 4ª Fase: Vender os objetos aos restantes grupos da turma, que terão que calcular quanto irão pagar. 5ª Fase: Relatório de Aprendizagem (Escrito) 2 ou 3 objetos (sem conteúdo e que já não sejam necessários em casa) O que é uma fração? Unidade; fração; numerador; denominador Frações impróprias; frações próprias; numeral misto Frações equivalentes; Fração irredutível O que é um número racional? Numerais racionais; dízimas - Compreender e usar um número racional como quociente, relação parte-todo, razão, medida e operador; - Comparar e ordenar números racionais representados de diferentes formas; - Identificar e dar exemplos de frações equivalentes a uma dada fração e escrever uma fração na sua forma irredutível; - Representar sob a forma de fração um número racional não negativo dado por uma dízima finita; Como é que se representa um número racional na reta numérica? Reta numérica - Localizar e posicionar na reta numérica um número racional não negativo representado nas suas diferentes formas; Que estratégias existem para efetuar operações com números racionais? Adição de números racionais Subtração de números racionais Propriedades da adição Produto de um número natural por uma fração Multiplicação de números racionais não negativos Propriedades da multiplicação de números racionais Inverso de um número Divisão de números racionais não negativos O que é uma percentagem? Qual a sua utilidade? Percentagem - Adicionar e subtrair números racionais não negativos representados em diferentes formas. - Utilizar estratégias de cálculo mental e escrito para as duas operações usando as suas propriedades; - Multiplicar e dividir números racionais não negativos representados em diferentes formas. - Compreender o efeito de multiplicar (dividir) um número racional não negativo, representado nas suas diferentes formas. - Utilizar estratégias de cálculo mental e escrito para as quatro operações usando as suas propriedades. - Compreender a noção de percentagem e relacionar diferentes formas de representar uma percentagem; - Traduzir uma fração por uma percentagem e interpretá-la como o número de partes em 100; - Calcular e usar percentagens; - Resolver problemas que envolvam números racionais não negativos.

4 TRIÂNGULOS E PARALELOGRAMOS Ser capaz de resolver problemas, comunicar e raciocinar matematicamente em situações que envolvam contextos geométricos Total: 2 quinzenas do 3º período. fita métrica Tarefas: Atribuição aos vários elementos de cada grupo (A, O, E). Relatório de aprendizagem: A realizar no decorrer do projeto e a apresentar no final. O que é um triângulo? Notação e classificação; Quais os elementos e as propriedades de um triângulo? Ângulos internos e externos de um triângulo; Desigualdade triangular; Critérios de igualdade Ângulos e lados de um triângulo; Propriedades Quais os elementos e as propriedades de um paralelogramo? Lados e ângulos de um paralelogramo; Propriedades. - Utilizar as medidas de comprimento; - Resolver problemas usando o conceito de perímetro - Definir a fórmula de cálculo do perímetro de um círculo; - Calcular o perímetro de um círculo; - Compreender a noção de equivalência de figuras planas e distinguir figuras equivalentes de figuras congruentes; - Relacionar a fórmula da área do triângulo com a do retângulo. - Calcular a área de figuras planas simples, decomponíveis em retângulos e em triângulos ou por meio de estimativas; - Determinar valores aproximados da área de um círculo desenhado em papel quadriculado; - Resolver problemas que envolvam áreas do triângulo e do círculo, bem como a decomposição e composição de outras figuras planas. - Formular e testar conjeturas; - Conceber e pôr em prática estratégias de resolução de problemas verificando resultados e processos utilizados. ÁREAS DE FIGURAS PLANAS Projeto 3: Vamos calcular a área e o perímetro de um cantinho do Colégio Ser capaz de resolver problemas, comunicar e raciocinar matematicamente em situações que envolvam contextos geométricos Total: 2 quinzenas do 3º período. 1.ª Fase: observar o espaço escolhido e registar as medidas necessárias 2.ª Fase: realizar um esquema explicativo dos procedimentos a seguir

5 3ª Fase: calcular a área e o perímetro do espaço escolhido 4ª Fase: relatório de aprendizagem fita métrica Tarefas: Atribuição aos vários elementos de cada grupo (A, O, E). Relatório de aprendizagem: A realizar no decorrer do projeto e a apresentar no final. O que entendes por área? Superfícies e áreas. Unidades de medida de áreas; Figuras planas equivalentes; Área do quadrado e do retângulo; Área do paralelogramo; Área de um triângulo. Quais as estratégias que podes utilizar para calcular a área de figuras compostas? Áreas de figuras compostas; valores aproximados para a área de uma figura; - Utilizar as medidas de comprimento; - Resolver problemas usando o conceito de perímetro - Definir a fórmula de cálculo do perímetro de um círculo; - Calcular o perímetro de um círculo; - Compreender a noção de equivalência de figuras planas e distinguir figuras equivalentes de figuras congruentes; - Relacionar a fórmula da área do triângulo com a do retângulo. - Calcular a área de figuras planas simples, decomponíveis em retângulos e em triângulos ou por meio de estimativas; - Determinar valores aproximados da área de um círculo desenhado em papel quadriculado; - Resolver problemas que envolvam áreas do triângulo e do círculo, bem como a decomposição e composição de outras figuras planas. - Formular e testar conjeturas; - Conceber e pôr em prática estratégias de resolução de problemas verificando resultados e processos utilizados. ORGANIZAÇÃO E TRATAMENTO DE DADOS Iniciar-se nos processos e técnicas de tratamento da informação. Total: 2 quinzenas do 3º período. A definir nos PIQAs.

6 O que entendes por frequência absoluta e frequência relativa? Frequência absoluta; frequência relativa; Tabelas de frequências absolutas e relativas; Que tipo de gráficos sabes construir? Gráficos de barras; Pictogramas; Referencial cartesiano; Gráficos de linhas; Diagrama de caulee-folhas; Gráficos de pontos; - Construir e interpretar tabelas de frequências absolutas e relativas, gráficos de barras, de linhas e diagramas de caule-e-folhas. - Interpretar os resultados que decorrem da organização e representação de dados e formular conjeturas a partir desses resultados; O que é a média e a moda de um conjunto de dados? Média e moda de um conjunto de dados; Que tipo de informação e ideias matemáticas sabes representar? Diagrama de Venn; Diagrama de Carroll. - Compreender e determinar a média aritmética de um conjunto de dados e indicar a adequação da sua utilização num dado contexto; - Utilizar informação estatística para resolver problemas e tomar decisões.

PLANIFICAÇÃO POR UNIDADE TEMÁTICA MATEMÁTICA 5º ANO DISTRIBUIÇÃO ANUAL DAS UNIDADES TEMÁTICAS/ TEMPOS LETIVOS (AULAS DE 45 )

PLANIFICAÇÃO POR UNIDADE TEMÁTICA MATEMÁTICA 5º ANO DISTRIBUIÇÃO ANUAL DAS UNIDADES TEMÁTICAS/ TEMPOS LETIVOS (AULAS DE 45 ) Uma Escola de Cidadania Uma Escola de Qualidade Agrupamento de Escolas Dr. Francisco Sanches PLANIFICAÇÃO POR UNIDADE TEMÁTICA MATEMÁTICA 5º ANO DISTRIBUIÇÃO ANUAL DAS UNIDADES TEMÁTICAS/ TEMPOS LETIVOS

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS MATEMÁTICA 5.º ANO PLANIFICAÇÃO GLOBAL ANO LETIVO 2012/2013 Planificação Global 5º Ano 2012-2013 1/7 NÚMEROS

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL DO NOVO PROGRAMA DE MATEMÁTICA

PLANIFICAÇÃO ANUAL DO NOVO PROGRAMA DE MATEMÁTICA PLANIFICAÇÃO ANUAL DO NOVO PROGRAMA DE MATEMÁTICA 5º ano 2012/2013 UNIDADE: Números e Operações 1 - NÚMEROS NATURAIS OBJECTIVOS GERAIS: - Compreender e ser capaz de usar propriedades dos números inteiros

Leia mais

Agrupamento de Escolas Eugénio de Castro 1º Ciclo. Critérios de Avaliação. Ano Letivo 2015/16 Disciplina MATEMÁTICA 3.º Ano

Agrupamento de Escolas Eugénio de Castro 1º Ciclo. Critérios de Avaliação. Ano Letivo 2015/16 Disciplina MATEMÁTICA 3.º Ano Agrupamento de Escolas Eugénio de Castro 1º Ciclo Critérios de Avaliação Ano Letivo 2015/16 Disciplina MATEMÁTICA 3.º Ano Números e Operações Números naturais Utilizar corretamente os numerais ordinais

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL MATEMÁTICA 3 DOMÍNIOS OBJETIVOS ATIVIDADES

PLANIFICAÇÃO ANUAL MATEMÁTICA 3 DOMÍNIOS OBJETIVOS ATIVIDADES PLANIFICAÇÃO ANUAL MATEMÁTICA 3 DOMÍNIOS OBJETIVOS ATIVIDADES Números naturais Conhecer os numerais ordinais Utilizar corretamente os numerais ordinais até centésimo. Contar até um milhão Estender as regras

Leia mais

Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Sede na Escola Secundária/3 José Cardoso Pires Santo António dos Cavaleiros

Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Sede na Escola Secundária/3 José Cardoso Pires Santo António dos Cavaleiros Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Sede na Escola Secundária/3 José Cardoso Pires Santo António dos Cavaleiros 2º ciclo PCA - 6º ano Planificação Anual 2013-2014 MATEMÁTICA METAS CURRICULARES

Leia mais

CAPÍTULO 1- OPERAÇÕES COM NÚMEROS INTEIROS Indicadores de aprendizagem Verifica se sabes: Identificar o conjunto dos números inteiros.

CAPÍTULO 1- OPERAÇÕES COM NÚMEROS INTEIROS Indicadores de aprendizagem Verifica se sabes: Identificar o conjunto dos números inteiros. CAPÍTULO 1- OPERAÇÕES COM NÚMEROS INTEIROS Identificar o conjunto dos números inteiros. Representar na recta numérica os números inteiros. Indicar o valor absoluto e o simétrico de um número. Comparar

Leia mais

Conteúdo Programático Anual MATEMÁTICA

Conteúdo Programático Anual MATEMÁTICA MATEMÁTICA 1º BIMESTRE 5ª série (6º ano) CALCULANDO COM NÚMEROS NATURAIS 1. Idéias associadas à adição 2. Idéias associadas à subtração 3. Idéias associadas à multiplicação 4. Idéias associadas à divisão

Leia mais

Planejamento Anual. Componente Curricular: Matemática Ano: 6º ano Ano Letivo: 2015 OBJETIVO GERAL

Planejamento Anual. Componente Curricular: Matemática Ano: 6º ano Ano Letivo: 2015 OBJETIVO GERAL Planejamento Anual Componente Curricular: Matemática Ano: 6º ano Ano Letivo: 2015 Professor(s): Eni e Patrícia OBJETIVO GERAL Desenvolver e aprimorar estruturas cognitivas de interpretação, análise, síntese,

Leia mais

Plano Curricular de Matemática 3.º Ano - Ano Letivo 2015/2016

Plano Curricular de Matemática 3.º Ano - Ano Letivo 2015/2016 Plano Curricular de Matemática 3.º Ano - Ano Letivo 2015/2016 1.º Período Conteúdos Programados Previstas Dadas Números e Operações Utilizar corretamente os numerais ordinais até vigésimo. Ler e representar

Leia mais

PLANIFICAÇÃO POR UNIDADE TEMÁTICA MATEMÁTICA 6.º ANO 2015/2016

PLANIFICAÇÃO POR UNIDADE TEMÁTICA MATEMÁTICA 6.º ANO 2015/2016 Uma Escola de Cidadania Uma Escola de Qualidade Agrupamento de Escolas Dr. Francisco Sanches PLANIFICAÇÃO POR UNIDADE TEMÁTICA MATEMÁTICA 6.º ANO 2015/2016 Tema 1: Números naturais. Potências de expoente

Leia mais

MATEMÁTICA 7.º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL 2014 / 2015

MATEMÁTICA 7.º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL 2014 / 2015 GRUPO DISCIPLINAR DE MATEMÁTICA MATEMÁTICA 7.º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL 2014 / 2015 (Em conformidade com o Programa de Matemática homologado em 17 de junho de 2013 e com as de Matemática homologadas em 3

Leia mais

DISCIPLINA DE MATEMÁTICA

DISCIPLINA DE MATEMÁTICA DISCIPLINA DE MATEMÁTICA OBJETIVOS: 6 ano Levar os estudantes a reconhecerem, em situações cotidianas, as diferentes funções, os diferentes significados e as representações dos números, operações, medidas

Leia mais

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual / Critérios de avaliação. Disciplina: Matemática 2.º ano 2015/2016

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual / Critérios de avaliação. Disciplina: Matemática 2.º ano 2015/2016 DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110 Planificação Anual / Critérios de avaliação Disciplina: Matemática 2.º ano 2015/2016 Domínio (Unidade/ tema) Subdomínio/Conteúdos Metas de Aprendizagem Estratégias/

Leia mais

Domínio Números e Operações Subdomínio Adição e subtração de números racionais não negativos. Metas/Objetivos Conceitos/Conteúdos Aulas previstas

Domínio Números e Operações Subdomínio Adição e subtração de números racionais não negativos. Metas/Objetivos Conceitos/Conteúdos Aulas previstas Números e Operações Adição e subtração de números racionais não negativos DEPARTAMENTO DE MATEMÀTICA DISCIPLINA: Matemática PLANIFICAÇÃO 1ºperíodo - 5º ANO - Efetuar operações com números racionais não

Leia mais

Num cilindro as bases são círculos. O perímetro do círculo é igual ao comprimento da circunferência que limita o círculo.

Num cilindro as bases são círculos. O perímetro do círculo é igual ao comprimento da circunferência que limita o círculo. 1. Círculos e cilindros 1.1. Planificação da superfície de um cilindro Num cilindro as bases são círculos. O perímetro do círculo é igual ao comprimento da circunferência que limita o círculo. A planificação

Leia mais

EMENTA 6 ANO - II TRIMESTRE Data Conteúdo Conteúdo das provas

EMENTA 6 ANO - II TRIMESTRE Data Conteúdo Conteúdo das provas EMENTA 6 ANO - II TRIMESTRE Data Conteúdo Conteúdo das provas 2-junho Reduzindo duas ou mais frações ao mesmo denominador Prova 1 3-junho Adição e subtração de frações - Números Primos 5-junho Adição e

Leia mais

ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA CLARA DE RESENDE

ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA CLARA DE RESENDE 1. NÚMEROS NATURAIS ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA CLARA DE RESENDE CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO ESPECÍFICOS (Aprovados em Conselho Pedagógico a 21 de Outubro de 2014) No caso específico da disciplina de Matemática,

Leia mais

Agrupamento de Escolas António Rodrigues Sampaio Planificação Anual das Atividades Letivas

Agrupamento de Escolas António Rodrigues Sampaio Planificação Anual das Atividades Letivas Departamento Curricular: 1º ciclo Ano de escolaridade: 3º ano Área Curricular: MATEMÁTICA Ano letivo:2015/2016 Perfil do aluno à saída do 1º ciclo: Participar na vida sala de aula, da escola e da comunidade

Leia mais

Caderno 2: 60 minutos. Tolerância: 20 minutos. (não é permitido o uso de calculadora)

Caderno 2: 60 minutos. Tolerância: 20 minutos. (não é permitido o uso de calculadora) Prova Final de Matemática 2.º Ciclo do Ensino Básico Prova 62/2.ª Fase/2015 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho A PREENCHER PELO ALUNO Nome completo Documento de identificação Assinatura do Aluno CC

Leia mais

Número de aulas previstas 206

Número de aulas previstas 206 Período 2º Unidade didática Nº DE TEMPOS PREVISTOS Apresentação. 1 Atividades de diagnóstico 2 Números e operações (NO5) ( não negativos) 20 1- Efetuar operações com números racionais não negativos Geometria

Leia mais

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO (Aprovados em Conselho Pedagógico de 27 de outubro de 2015) AGRUPAMENTO DE CLARA DE RESENDE CÓD. 152 870 No caso específico

Leia mais

Departamento de Matemática e Ciências Experimentais PLANO DE ESTUDO MATEMÁTICA 2015/2016 5º Ano de escolaridade

Departamento de Matemática e Ciências Experimentais PLANO DE ESTUDO MATEMÁTICA 2015/2016 5º Ano de escolaridade Uma Escola de Cidadania Uma Escola de Qualidade Agrupamento de Escolas Dr. Francisco Sanches Departamento de Matemática e Ciências Experimentais PLANO DE ESTUDO MATEMÁTICA 05/06 5º Ano de escolaridade

Leia mais

Preparação para o teste intermédio de Matemática 8º ano

Preparação para o teste intermédio de Matemática 8º ano Preparação para o teste intermédio de Matemática 8º ano Conteúdos do 7º ano Conteúdos do 8º ano Conteúdos do 8º Ano Teorema de Pitágoras Funções Semelhança de triângulos Ainda os números Lugares geométricos

Leia mais

Conceitos: A fração como coeficiente. A fração e a sua representação gráfica. Termos que compõem uma fração. Fração unidade. Fração de um número.

Conceitos: A fração como coeficiente. A fração e a sua representação gráfica. Termos que compõem uma fração. Fração unidade. Fração de um número. Unidade 1. As frações. Enquadramento Curricular em Espanha: Objetos de aprendizagem: 1.1. Conceito de fração Identificar os termos de uma fração. Escrever e ler frações. Comparar frações com igual denominador.

Leia mais

PLANIFICAÇÃO DE MATEMÁTICA (ao longo do ano)

PLANIFICAÇÃO DE MATEMÁTICA (ao longo do ano) PLANIFICAÇÃO DE MATEMÁTICA (ao longo do ano) DOMÍNIOS Subdomínios / Conteúdos programáticos Metas / Descritores de desempenho Números e operações Números naturais Números racionais não negativos Compreender

Leia mais

Tema/Tópico Propósito principal de ensino Objetivos gerais Números e operações Números naturais Números racionais não negativos Números inteiros

Tema/Tópico Propósito principal de ensino Objetivos gerais Números e operações Números naturais Números racionais não negativos Números inteiros Secretaria Regional da Educação e Formação Direção Regional da Educação e Formação Escola Básica 2 Gaspar Frutuoso Departamento de Matemática e Ciências Naturais Planificação a médio prazo da Área Curricular

Leia mais

1º período ( 16 de Setembro a 17 de Dezembro) 38 blocos = 76 aulas

1º período ( 16 de Setembro a 17 de Dezembro) 38 blocos = 76 aulas ESCOLA E B 2,3/S MIGUEL LEITÃO DE ANDRADA - AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PEDRÓGÃO GRANDE DEPARTAMENTO DAS CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIAS 2015/2016 PLANIFICAÇÃO DE MATEMÁTICA 5 ºANO 1º Período 2º Período 3º

Leia mais

Tarefas para 5.º ano NÚMEROS RACIONAIS NÃO NEGATIVOS. (materiais de apoio ao professor) Luís Menezes Cátia Rodrigues Fernanda Tavares Helena Gomes

Tarefas para 5.º ano NÚMEROS RACIONAIS NÃO NEGATIVOS. (materiais de apoio ao professor) Luís Menezes Cátia Rodrigues Fernanda Tavares Helena Gomes NÚMEROS RACIONAIS NÃO NEGATIVOS Tarefas para 5.º ano (materiais de apoio ao professor) Julho.2009 Luís Menezes Cátia Rodrigues Fernanda Tavares Helena Gomes 1 Agradecemos a todos os professores que experimentaram

Leia mais

Planificação do trabalho a desenvolver no 5.ºA Grelha de conteúdos/aulas previstas

Planificação do trabalho a desenvolver no 5.ºA Grelha de conteúdos/aulas previstas Ano Letivo 2015/2016 Planificação do trabalho a desenvolver no 5.ºA Grelha de conteúdos/aulas previstas Português Período Aulas Previstas Oralidade - Interpretar discursos orais breves. - Utilizar procedimentos

Leia mais

Plano Curricular de Matemática 5ºAno - 2º Ciclo

Plano Curricular de Matemática 5ºAno - 2º Ciclo Plano Curricular de Matemática 5ºAno - 2º Ciclo Domínio Conteúdos Metas Nº de Tempos Previstos Numeros e Operações Números racionais não negativos (Educação Financeira) - Cidadania - Simplificação de frações;

Leia mais

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS MATEMÁTICA_6º ANO_B. Ano Letivo: 2013/2014. 1. Introdução / Finalidades. Metas de aprendizagem

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS MATEMÁTICA_6º ANO_B. Ano Letivo: 2013/2014. 1. Introdução / Finalidades. Metas de aprendizagem DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS MATEMÁTICA_6º ANO_B Ano Letivo: 203/204. Introdução / Finalidades A disciplina de Matemática tem como finalidade desenvolver: A estruturação do pensamento A apreensão e

Leia mais

Planificação Anual (por unidades)

Planificação Anual (por unidades) Planificação Anual (por unidades) Total de tempos letivos planificados: 10 Disciplina: MATEMÁTICA 5º ANO Ano letivo: 01/015 Período Unidade didática Nº DE TEMPOS PREVISTOS Total - Apresentação. - Atividades

Leia mais

Disciplina: Matemática. Período: I. Professor (a): Liliane Cristina de Oliveira Vieira e Maria Aparecida Holanda Veloso

Disciplina: Matemática. Período: I. Professor (a): Liliane Cristina de Oliveira Vieira e Maria Aparecida Holanda Veloso COLÉGIO LA SALLE BRASILIA Associação Brasileira de Educadores Lassalistas ABEL SGAS Q. 906 Conj. E C.P. 320 Fone: (061) 3443-7878 CEP: 70390-060 - BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL Disciplina: Matemática Período:

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO 1º Ciclo Planificação Anual de Matemática 1º ano Ano Letivo 2015/2016

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO 1º Ciclo Planificação Anual de Matemática 1º ano Ano Letivo 2015/2016 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO 1º Ciclo Planificação Anual de Matemática 1º ano Ano Letivo 2015/2016 1º Trimestre Domínios Números e Operações Números naturais Contar até cinco Correspondências

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO PREFEITO WILLIAMS DE SOUZA ARRUDA PROFESSOR: PEDRO ROMÃO BATISTA COMPONENTE CURRICULAR: MATEMÁTICA

ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO PREFEITO WILLIAMS DE SOUZA ARRUDA PROFESSOR: PEDRO ROMÃO BATISTA COMPONENTE CURRICULAR: MATEMÁTICA ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO PREFEITO WILLIAMS DE SOUZA ARRUDA PROFESSOR: PEDRO ROMÃO BATISTA COMPONENTE CURRICULAR: MATEMÁTICA PLANOS DE CURSO PARA 6º E 7º ANOS Campina Grande, 2011 -

Leia mais

Disciplina: Matemática. Período: I. Professor (a): Liliane Cristina de Oliveira Vieira e Maria Aparecida Holanda Veloso

Disciplina: Matemática. Período: I. Professor (a): Liliane Cristina de Oliveira Vieira e Maria Aparecida Holanda Veloso COLÉGIO LA SALLE BRASILIA Associação Brasileira de Educadores Lassalistas ABEL SGAS Q. 906 Conj. E C.P. 320 Fone: (061) 3443-7878 CEP: 70390-060 - BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL Disciplina: Matemática Período:

Leia mais

Domínio Subdomínio Conteúdos Metas

Domínio Subdomínio Conteúdos Metas Escola Básica e Secundária da Graciosa Planificação Anual de Matemática de 1º ano Ano letivo 2014/2015 Períodos Domínio Subdomínio Conteúdos Metas Situar-se e situar objetos no espaço - Relações de posição

Leia mais

CURRÍCULO DAS ÁREAS DISCIPLINARES / CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

CURRÍCULO DAS ÁREAS DISCIPLINARES / CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Domínios e subdomínios Metas/Objetivos Objetivos gerais 2º Ciclo Matemática 5º Ano Conteúdos Programáticos Critérios de Avaliação Instrumentos de Avaliação NÚMEROS E OPERAÇÕES/ ÁLGEBRA: -Números naturais

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE MATEMÁTICA - 5.º ANO PERFIL DO ALUNO

PLANO DE ESTUDOS DE MATEMÁTICA - 5.º ANO PERFIL DO ALUNO DE MATEMÁTICA - 5.º ANO Ano Letivo 2014 2015 PERFIL DO ALUNO No domínio dos Números e Operações, o aluno deve ser capaz de conhecer e aplicar propriedades dos divisores e efetuar operações com números

Leia mais

Conselho de Docentes do 1.º Ano PLANIFICAÇÃO Anual de Matemática Ano letivo de 2015/2016

Conselho de Docentes do 1.º Ano PLANIFICAÇÃO Anual de Matemática Ano letivo de 2015/2016 Conselho de Docentes do 1.º Ano PLANIFICAÇÃO Anual de Matemática Ano letivo de 2015/2016 Domínios/Subdomínios Objetivos gerais Descritores de desempenho Avaliação Números e Operações Números naturais Contar

Leia mais

Departamento de Matemática Ano letivo 2016/17 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO PARA O ENSINO BÁSICO Grupo 230 Matemática (2ºciclo)

Departamento de Matemática Ano letivo 2016/17 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO PARA O ENSINO BÁSICO Grupo 230 Matemática (2ºciclo) Departamento de Matemática Ano letivo 2016/17 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO PARA O ENSINO BÁSICO Grupo 230 Matemática (2ºciclo) Objeto de avaliação Itens/Parâmetros Instrumentos Ponderação Conteúdos da Testes

Leia mais

MATEMÁTICA Edwaldo Bianchini. Um supertalento para fazer livros mais um consagrado time de autores. Resultado: ensino com muito mais valor.

MATEMÁTICA Edwaldo Bianchini. Um supertalento para fazer livros mais um consagrado time de autores. Resultado: ensino com muito mais valor. Material de divulgação da Editora Moderna PNLD 2011 Um supertalento para fazer livros mais um consagrado time de autores. Resultado: ensino com muito mais valor. MATEMÁTICA Edwaldo Bianchini MATEMÁTICA

Leia mais

Planificação de Matemática -6ºAno

Planificação de Matemática -6ºAno DGEstE - Direção-Geral de Estabelecimentos Escolares Direção de Serviços Região Alentejo Agrupamento de Escolas de Moura código n.º 135471 Escola Básica nº 1 de Moura (EB23) código n.º 342294 Planificação

Leia mais

CONTEÚDOS DA DISCIPLINA DE MATEMÁTICA

CONTEÚDOS DA DISCIPLINA DE MATEMÁTICA CONTEÚDOS DA DISCIPLINA DE MATEMÁTICA 6ºANO CONTEÚDOS-1º TRIMESTRE Números naturais; Diferença entre número e algarismos; Posição relativa do algarismo dentro do número; Leitura do número; Sucessor e antecessor;

Leia mais

Agrupamento de Escolas António Feijó. Ano Letivo de 2014/2015. PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO DE MATEMÁTICA 7º Ano 1.º PERÍODO.

Agrupamento de Escolas António Feijó. Ano Letivo de 2014/2015. PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO DE MATEMÁTICA 7º Ano 1.º PERÍODO. Agrupamento de Escolas António Feijó Ano Letivo de 2014/2015 PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO DE MATEMÁTICA 7º Ano 1.º PERÍODO Unidade 1 Números racionais. Números primos e números compostos.. Máximo divisor

Leia mais

3 - CONJUNTO DOS NÚMEROS RACIONAIS

3 - CONJUNTO DOS NÚMEROS RACIONAIS 3 - CONJUNTO DOS NÚMEROS RACIONAIS Introdução É o conjunto de todos os números que estão ou podem ser colocados em forma de fração. Fração Quando dividimos um todo em partes iguais e queremos representar

Leia mais

Receita para ter sucesso em Matemática

Receita para ter sucesso em Matemática Receita para ter sucesso em Matemática Muita atenção nas aulas + Estudo q. b. + Interesse + Organização + Salpicar com muita brincadeira nos tempos livres + Misturar com a disponibilidade, a exigência

Leia mais

Números e Operações (NO) Álgebra (ALG) DOMÍNIO SUBDOMÍNIO OBJETIVO GERAL/DESCRITORES RECURSOS. Conhecer e aplicar propriedades dos divisores

Números e Operações (NO) Álgebra (ALG) DOMÍNIO SUBDOMÍNIO OBJETIVO GERAL/DESCRITORES RECURSOS. Conhecer e aplicar propriedades dos divisores ESCOLA BÁSICA CRISTÓVÃO FALCÃO ANO LETIVO: 2016/2017 SERVIÇO DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS DATA: Set 2016 ASSUNTO PLANIFICAÇÃO ANUAL 5º Ano RESPONSÁVEL: Grupo 230 DOMÍNIO SUBDOMÍNIO

Leia mais

PLANO CURRICULAR DISCIPLINAR. Matemática 5º Ano

PLANO CURRICULAR DISCIPLINAR. Matemática 5º Ano PLANO CURRICULAR DISCIPLINAR Matemática 5º Ano OBJETIVOS ESPECÍFICOS TÓPICOS SUB-TÓPICOS METAS DE APRENDIZAGEM 1º Período Compreender as propriedades das operações e usá-las no cálculo. Interpretar uma

Leia mais

Frações. Números Racionais

Frações. Números Racionais Frações Números Racionais Consideremos a operação 4:5 =? onde o dividendo não é múltiplo do divisor. Vemos que não é possível determinar o quociente dessa divisão no conjunto dos números porque não há

Leia mais

Plano Curricular Matemática

Plano Curricular Matemática 1.º Ano - Ano Letivo 2015/2016 1.º Período 1.º Período Números e Operações Contar até 20; Efetuar contagens progressivas e regressivas até 20; Ler e representar números; Verificar que dois conjuntos têm

Leia mais

Metas Curriculares. Ensino Básico. Matemática. António Bivar, Carlos Grosso, Filipe Oliveira, Maria Clementina Timóteo

Metas Curriculares. Ensino Básico. Matemática. António Bivar, Carlos Grosso, Filipe Oliveira, Maria Clementina Timóteo Metas Curriculares Ensino Básico Matemática António Bivar, Carlos Grosso, Filipe Oliveira, Maria Clementina Timóteo METAS CURRICULARES DO ENSINO BÁSICO - MATEMÁTICA O presente documento descreve o conjunto

Leia mais

Conteúdo programático por disciplina Matemática 6 o ano

Conteúdo programático por disciplina Matemática 6 o ano 60 Conteúdo programático por disciplina Matemática 6 o ano Caderno 1 UNIDADE 1 Significados das operações (adição e subtração) Capítulo 1 Números naturais O uso dos números naturais Seqüência dos números

Leia mais

Matriz Curricular de Matemática 6º ao 9º ano 6º ano 6º Ano Conteúdo Sistemas de Numeração Sistema de numeração Egípcio Sistema de numeração Romano Sistema de numeração Indo-arábico 1º Trimestre Conjunto

Leia mais

Matemática - Séries Iniciais. Currículo Matemática. Currículos Instututo Alfa e Beto 69

Matemática - Séries Iniciais. Currículo Matemática. Currículos Instututo Alfa e Beto 69 Matemática - Séries Iniciais Currículo Matemática Currículos Instututo Alfa e Beto 69 Matemática - Séries Iniciais 1º ANO 2º ANO 3º ANO 4º ANO 5º ANO DOMÍNIO: NÚMEROS E OPERAÇÕES 1: SISTEMA DE NUMERAÇÃO

Leia mais

CONTEÚDOS METAS / DESCRITORES RECURSOS

CONTEÚDOS METAS / DESCRITORES RECURSOS AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho Departamento de Matemática e Ciências Experimentais Planificação Anual de Matemática 6º Ano Ano Letivo 2015/2016

Leia mais

Caderno de Apoio 2.º Ciclo

Caderno de Apoio 2.º Ciclo METAS CURRICULARES DO ENSINO BÁSICO MATEMÁTICA Caderno de Apoio 2.º Ciclo António Bivar, Carlos Grosso, Filipe Oliveira, Maria Clementina Timóteo INTRODUÇÃO Este Caderno de Apoio, organizado por ciclos

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS MATEMÁTICA 7.º ANO PLANIFICAÇÃO GLOBAL Planificação 7º ano 2012/2013 Página 1 DOMÍNIO TEMÁTICO: NÚMEROS

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ABEL SALAZAR 2015-2016

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ABEL SALAZAR 2015-2016 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ABEL SALAZAR 2015-2016 1º CICLO - 2º ANO DE ESCOLARIDADE PORTUGUÊS PLANIFICAÇÃO MENSAL DE JANEIRO DOMÍNIOS METAS/OBJETIVOS OPERACIONALIZAÇÃO (DESCRITORES) MATERIAIS/ RECURSOS ORALIDADE

Leia mais

Anexo B Relação de Assuntos Pré-Requisitos à Matrícula

Anexo B Relação de Assuntos Pré-Requisitos à Matrícula Anexo B Relação de Assuntos Pré-Requisitos à Matrícula MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXÉRCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL RELAÇÃO

Leia mais

Planificação 2015/2016

Planificação 2015/2016 Planificação 2015/2016 ENSINO SECUNDÁRIO PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE MATEMÁTICA A 11º ANO DE ESCOLARIDADE CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS GEOMETRIA NO PLANO E NO ESPAÇO II 1-Resolução de Problemas Envolvendo

Leia mais

Conteúdos Ideias-Chave Objectivos específicos. múltiplo de outro número, este é divisor do primeiro.

Conteúdos Ideias-Chave Objectivos específicos. múltiplo de outro número, este é divisor do primeiro. Capítulo 1 Números Naturais Múltiplos e Divisores Se um número natural é múltiplo de outro número, este é divisor do primeiro. Números primos e números compostos Decomposição de um número em factores primos

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE MATEMÁTICA 8.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE MATEMÁTICA 8.º ANO DE MATEMÁTICA 8.º ANO Ano Letivo 2015 2016 PERFIL DO ALUNO No domínio dos Números e Operações, o aluno deve ser capaz de relacionar números racionais e dízimas, completar a reta numérica e ordenar números

Leia mais

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 34, Toledo PR Fone: 377-850 PLANEJAMENTO ANUAL DE MATEMÁTICA 5º Ano PROFESSORAS: JESSICA ALINE

Leia mais

Álgebra. SeM MiSTéRio

Álgebra. SeM MiSTéRio Álgebra SeM MiSTéRio Série SeM MiSTéRio Alemão Sem Mistério Álgebra Sem Mistério Cálculo Sem Mistério Conversação em Alemão Sem Mistério Conversação em Espanhol Sem Mistério Conversação em Francês Sem

Leia mais

Escola E.B. 2,3 General Serpa Pinto Cinfães Matemática 5 Ano Letivo 2012/2013 FICHA FORMATIVA: SÓLIDOS GEOMÉTRICOS E FIGURAS NO PLANO

Escola E.B. 2,3 General Serpa Pinto Cinfães Matemática 5 Ano Letivo 2012/2013 FICHA FORMATIVA: SÓLIDOS GEOMÉTRICOS E FIGURAS NO PLANO 151865 - AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE CINFÃES Escola E.B. 2,3 General Serpa Pinto Cinfães Matemática 5 FICHA FORMATIVA: SÓLIDOS GEOMÉTRICOS E FIGURAS NO PLANO 1. A figura ao lado representa o polígono da

Leia mais

Metas Curriculares Ensino Básico Matemática António Bivar, Carlos Grosso, Filipe Oliveira, Maria Clementina Timóteo

Metas Curriculares Ensino Básico Matemática António Bivar, Carlos Grosso, Filipe Oliveira, Maria Clementina Timóteo Metas Curriculares Ensino Básico Matemática António Bivar, Carlos Grosso, Filipe Oliveira, Maria Clementina Timóteo Autores António Bivar Universidade Lusíada de Lisboa Carlos Grosso Escola Secundária

Leia mais

PLANO DE ENSINO DE MATEMÁTICA 5ª. SÉRIE, 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 1º BIMESTRE DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO CAIEIRAS

PLANO DE ENSINO DE MATEMÁTICA 5ª. SÉRIE, 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 1º BIMESTRE DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO CAIEIRAS PLANO DE ENSINO DE MATEMÁTICA 5ª. SÉRIE, 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 1º BIMESTRE 1-Estrutura do ensino de numeração decimal; agrupamento e contagens; valor posicional; operações básicas; operações inversas;

Leia mais

7º ano Teste de Sondagem. Língua Portuguesa. Matemática

7º ano Teste de Sondagem. Língua Portuguesa. Matemática 7º ano Teste de Sondagem Interpretação e produção de textos de gêneros variados: Carta, notícia, artigo de Opinião, relatos de viagem, tirinha, charge. Sistema de numeração decimal Conjunto dos números

Leia mais

Índice. Triângulos e paralelogramos. Números naturais. Números racionais não negativos. Expressões algébricas. Áreas de figuras planas

Índice. Triângulos e paralelogramos. Números naturais. Números racionais não negativos. Expressões algébricas. Áreas de figuras planas Índice Números naturais. Números naturais: adição e subtração. Números naturais: multiplicação e divisão 6. Expressões numéricas 8. Múltiplos e divisores de um número natural 0. Critérios de divisibilidade

Leia mais

Planificação Anual de Matemática 5º Ano

Planificação Anual de Matemática 5º Ano Planificação Anual de Matemática 5º Ano DOMÍNI OS CONTEÚDOS METAS AULA S Números naturais Compreender as propriedades e regras das operações e usá-las no cálculo. Propriedades das operações e regras operatórias:

Leia mais

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS MATEMÁTICA_5º ANO_C. Ano Letivo: 2016/ Introdução / Finalidades. Metas de aprendizagem

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS MATEMÁTICA_5º ANO_C. Ano Letivo: 2016/ Introdução / Finalidades. Metas de aprendizagem DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS MATEMÁTICA_5º ANO_C Ano Letivo: 206/207. Introdução / Finalidades A disciplina de Matemática tem como finalidade desenvolver: A estruturação do pensamento A apreensão e

Leia mais

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS MATEMÁTICA_5º ANO_D. Ano Letivo: 2014/ Introdução / Finalidades. Metas de aprendizagem

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS MATEMÁTICA_5º ANO_D. Ano Letivo: 2014/ Introdução / Finalidades. Metas de aprendizagem DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS MATEMÁTICA_5º ANO_D Ano Letivo: 20/205. Introdução / Finalidades A disciplina de Matemática tem como finalidade desenvolver: A estruturação do pensamento A apreensão e hierarquização

Leia mais

Escola Secundária Gabriel Pereira Évora Matemática A 10º ano. Planificação da Unidade Geometria

Escola Secundária Gabriel Pereira Évora Matemática A 10º ano. Planificação da Unidade Geometria Escola Secundária Gabriel Pereira Évora Matemática A 10º ano Planificação da Unidade Geometria 1. Generalidades Objecto da estatística e breve nota histórica sobre a evolução desta ciência; utilidade na

Leia mais

quociente razão. mesma área a partes de um tablete de chocolate

quociente razão. mesma área a partes de um tablete de chocolate 1 As sequências de atividades Vamos relembrar, Como lemos os números racionais?, Como escrevemos os números racionais?, As partes das tiras de papel, Comparando e ordenando números racionais na forma decimal

Leia mais

Operações com números racionais decimais

Operações com números racionais decimais Divisão 1º: Divisão exata Operações com números racionais decimais Considere a seguinte divisão: 1,4 : 0,05 Transformando em frações decimais, temos: Método prático 1º) Igualamos o números de casas decimais,

Leia mais

ENSINO BÁSICO 2.º CICLO PROGRAMA DE MATEMÁTICA PLANO DE ORGANIZAÇÃO DO ENSINO - APRENDIZAGEM VOLUME II

ENSINO BÁSICO 2.º CICLO PROGRAMA DE MATEMÁTICA PLANO DE ORGANIZAÇÃO DO ENSINO - APRENDIZAGEM VOLUME II 1 ENSINO BÁSICO 2.º CICLO PROGRAMA DE MATEMÁTICA PLANO DE ORGANIZAÇÃO DO ENSINO - APRENDIZAGEM VOLUME II 2 SUMÁRIO INTRODUÇÃO PLANO DE ORGANIZAÇÃO E SEQUÊNCIA DO ENSINO-APRENDIZAGEM SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS

Leia mais

Currículo da Disciplina de Matemática - 7º ano. Funções, Sequências e Sucessões (FSS) Organização e Tratamento de Dados (OTD)

Currículo da Disciplina de Matemática - 7º ano. Funções, Sequências e Sucessões (FSS) Organização e Tratamento de Dados (OTD) Domínios de conteúdos: Números e Operações (NO) Geometria e Medida (GM) Funções, Sequências e Sucessões (FSS) Álgebra (ALG) Organização e Tratamento de Dados (OTD) Domínio NO7 9 GM7 33 Números racionais

Leia mais

CURRÍCULO DE MATEMÁTICA PARA O ENSINO FUNDAMENTAL COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO

CURRÍCULO DE MATEMÁTICA PARA O ENSINO FUNDAMENTAL COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO CURRÍCULO DE MATEMÁTICA PARA O ENSINO FUNDAMENTAL COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO GOVERNADOR DE PERNAMBUCO Eduardo Campos VICE-GOVERNADOR João Lyra Neto SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO

Leia mais

ESCOLA E.B. 2,3 D. AFONSO III. Planificação da disciplina de Matemática - CEF - 2º Ano Ano letivo de 2014/2015

ESCOLA E.B. 2,3 D. AFONSO III. Planificação da disciplina de Matemática - CEF - 2º Ano Ano letivo de 2014/2015 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS Planificação da disciplina de Matemática - CEF - 2º Ano Ano letivo de 2014/2015 COMPETÊNCIAS OBJECTIVOS CONCEITOS METEDOLOGIAS /SITUAÇÕES DE APREDIZAGEM AULAS PREVISTAS Módulo 11

Leia mais

Potenciação no Conjunto dos Números Inteiros - Z

Potenciação no Conjunto dos Números Inteiros - Z Rua Oto de Alencar nº 5-9, Maracanã/RJ - tel. 04-98/4-98 Potenciação no Conjunto dos Números Inteiros - Z Podemos epressar o produto de quatro fatores iguais a.... por meio de uma potência de base e epoente

Leia mais

INSTITUTO TECNOLÓGICO

INSTITUTO TECNOLÓGICO PAC - PROGRAMA DE APRIMORAMENTO DE CONTEÚDOS. ATIVIDADES DE NIVELAMENTO BÁSICO. DISCIPLINAS: MATEMÁTICA & ESTATÍSTICA. PROFº.: PROF. DR. AUSTER RUZANTE 1ª SEMANA DE ATIVIDADES DOS CURSOS DE TECNOLOGIA

Leia mais

1. Apresentação da Prova... 2. 2. Resultados Nacionais Globais... 4. 3. Resultados Nacionais por Área Temática... 5

1. Apresentação da Prova... 2. 2. Resultados Nacionais Globais... 4. 3. Resultados Nacionais por Área Temática... 5 0 ÍNDICE PROVA DE AFERIÇÃO DE MATEMÁTICA 2.º CICLO 1. Apresentação da Prova... 2 2. Resultados Nacionais Globais... 4 3. Resultados Nacionais por Área Temática... 5 4. Resultados Nacionais por Item...

Leia mais

Departamento de Matemática e Ciências Experimentais PLANO DE ESTUDO MATEMÁTICA 2014/2015-3ºCICLO. AVALIAÇÃO DO ALUNO MATEMÁTICA 2º/3º ciclos AVALIAÇÃO

Departamento de Matemática e Ciências Experimentais PLANO DE ESTUDO MATEMÁTICA 2014/2015-3ºCICLO. AVALIAÇÃO DO ALUNO MATEMÁTICA 2º/3º ciclos AVALIAÇÃO Uma Escola de Cidadania Uma Escola de Qualidade Agrupamento de Escolas Dr. Francisco Sanches Departamento de Matemática e Ciências Experimentais PLANO DE ESTUDO MATEMÁTICA 201/2015-3ºCICLO OBJETO A AVALIAR

Leia mais

Orientações Preliminares. Professor Fábio Vinícius

Orientações Preliminares. Professor Fábio Vinícius Orientações Preliminares Professor Fábio Vinícius O ENEM O ENEM foi criado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP), sob a supervisão do Ministério da Educação (MEC), em 1998,

Leia mais

Informação - Teste Comum 2.ºCICLO DO ENSINO BÁSICO MATEMÁTICA - 6.º ANO 2015

Informação - Teste Comum 2.ºCICLO DO ENSINO BÁSICO MATEMÁTICA - 6.º ANO 2015 Direção de Serviços da Região Norte Informação - Teste Comum 2.ºCICLO DO ENSINO BÁSICO MATEMÁTICA - 6.º ANO 2015 1- Informação O presente documento divulga informação relativa ao teste comum do 2.º Ciclo

Leia mais

MATEMÁTICA Abril 2015

MATEMÁTICA Abril 2015 152547 - Agrupamento de Escolas D. António Ferreira Gomes 342592 - Escola E.B. 2,3 D. António Ferreira Gomes INFORMAÇÃO - PROVA FINAL A NÍVEL DE ESCOLA MATEMÁTICA Abril 2015 3.º Ciclo do Ensino Básico

Leia mais

Conteúdo Básico Comum (CBC) de MATEMÁTICA do Ensino Médio Exames Supletivos/2013

Conteúdo Básico Comum (CBC) de MATEMÁTICA do Ensino Médio Exames Supletivos/2013 SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA SUPERINTENDÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DO ENSINO MÉDIO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS Conteúdo

Leia mais

Período Conteúdos Metas Curriculares Nº de Aulas

Período Conteúdos Metas Curriculares Nº de Aulas AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DE MOURA Agrupamento de Escolas de Moura Planificação de Matemática -5ºAno Período Conteúdos Metas Curriculares Nº de Aulas 1.º Números naturais Critérios de divisibilidade

Leia mais

Espírito Santo CPM - Programa de Certificação de Pessoal de Caldeiraria

Espírito Santo CPM - Programa de Certificação de Pessoal de Caldeiraria CPM - Programa de Certificação de Pessoal de Caldeiraria Caldeiraria Matemática Elementar Matemática Elementar - Caldeiraria SENI - ES, 997 Trabalho realizado em parceria SENI / CST (Companhia Siderúrgica

Leia mais

PIBID Programa Institucional de Bolsas de Iniciação a Docência Subprojeto: Matemática Ensino Fundamental. Desenvolvimento de atividades

PIBID Programa Institucional de Bolsas de Iniciação a Docência Subprojeto: Matemática Ensino Fundamental. Desenvolvimento de atividades PIBID Programa Institucional de Bolsas de Iniciação a Docência Subprojeto: Matemática Ensino Fundamental 1. Atividade: Aula de reforço Desenvolvimento de atividades 2. Objetivo da atividade: Identificar

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE MATEMÁTICA 5.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE MATEMÁTICA 5.º ANO DE MATEMÁTICA 5.º ANO Ano Letivo 2015 2016 PERFIL DO ALUNO No domínio dos Números e Operações, o aluno deve ser capaz de conhecer e aplicar propriedades dos divisores e efetuar operações com números racionais

Leia mais

Prova Final de Matemática

Prova Final de Matemática PROVA FINAL DO 3.º CICLO do Ensino BÁSICO Decreto-Lei n.º 139/01, de 5 de julho Prova Final de Matemática 3.º Ciclo do Ensino Básico Prova 9/1.ª Chamada 8 Páginas Duração da Prova: 90 minutos. Tolerância:

Leia mais

FRAÇÕES DE UMA QUANTIDADE

FRAÇÕES DE UMA QUANTIDADE FRAÇÕES DE UMA QUANTIDADE FRAÇÕES DE UMA QUANTIDADE PREPARANDO O BOLO DICAS Helena comprou 4 ovos. Ela precisa de dessa quantidade para fazer o bolo de aniversário de Mariana. De quantos ovos Helena vai

Leia mais

1. Localizar pessoas ou objetos no espaço, com base em diferentes pontos de referência algumas indicações de posição;

1. Localizar pessoas ou objetos no espaço, com base em diferentes pontos de referência algumas indicações de posição; PREFEITURA MUNICIPAL DE BETIM SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SEMED DIVISÃO PEDAGÓGICA DE ENSINO 2010 MATRIZ BÁSICA DO REFERENCIAL CURRICULAR DE BETIM 1 CICLO MATEMÁTICA 06 ANOS 07 ANOS 08 ANOS COMPETÊNCIAS

Leia mais

Sequências de tarefas para a multiplicação de racionais.

Sequências de tarefas para a multiplicação de racionais. Sequências de tarefas para a multiplicação de racionais. O exemplo ao lado surgiu numa das provas de aferição do 6º ano. - Resolva a tarefa. 2 - Tendo como ponto de partida a situação anterior, invente

Leia mais

Caderno 1: 30 minutos. Tolerância: 10 minutos. (é permitido o uso de calculadora)

Caderno 1: 30 minutos. Tolerância: 10 minutos. (é permitido o uso de calculadora) Prova Final de Matemática 2.º Ciclo do Ensino Básico Prova 62/1.ª Fase/2015 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho A PREENCHER PELO ALUNO Nome completo Documento de identificação Assinatura do Aluno CC

Leia mais

Caderno 2: 60 minutos. Tolerância: 20 minutos. (não é permitido o uso de calculadora)

Caderno 2: 60 minutos. Tolerância: 20 minutos. (não é permitido o uso de calculadora) Prova Final de Matemática 2.º Ciclo do Ensino Básico Prova 62/1.ª Fase/2014 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho A PREENCHER PELO ALUNO Nome completo Documento de identificação Assinatura do Aluno CC

Leia mais

AV1 - MA 12-2012. (b) Se o comprador preferir efetuar o pagamento à vista, qual deverá ser o valor desse pagamento único? 1 1, 02 1 1 0, 788 1 0, 980

AV1 - MA 12-2012. (b) Se o comprador preferir efetuar o pagamento à vista, qual deverá ser o valor desse pagamento único? 1 1, 02 1 1 0, 788 1 0, 980 Questão 1. Uma venda imobiliária envolve o pagamento de 12 prestações mensais iguais a R$ 10.000,00, a primeira no ato da venda, acrescidas de uma parcela final de R$ 100.000,00, 12 meses após a venda.

Leia mais