Resoluções Prova Anglo

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Resoluções Prova Anglo"

Transcrição

1 Resoluções Prova Anglo TIPO F P-1 tipo D-5 Língua Portuguesa (P-1) Ensino Fundamental 5º ano DESCRITORES, RESOLUÇÕES E COMENTÁRIOS A Prova Anglo é um dos instrumentos para avaliar o desempenho dos alunos do 5 o ano das escolas conveniadas. Essa prova tem como objetivo proporcionar ao aluno que: se familiarize com questões objetivas de múltipla escolha; identifique os conteúdos aprendidos nas aulas; assinale a resposta correta entre as quatro alternativas apresentadas para cada questão; preencha o cartão de respostas; administre o tempo estabelecido para esse trabalho. No que diz respeito à prática docente, a prova poderá contribuir para que o professor: obtenha informações sobre o desempenho de seus alunos em relação às habilidades abordadas em cada questão; identifique quais são as dificuldades de seus alunos; organize intervenções que contribuam para a superação das dificuldades identificadas a partir dos resultados obtidos com a aplicação da prova. A prova de Português contém 22 questões com quatro alternativas, das quais somente uma é a correta. Cada questão possui seu próprio descritor, sua resolução, as habilidades avaliadas e o nível de dificuldade. Os descritores foram selecionados com base: nos descritores da Prova Brasil; nos descritores da Prova Saeb; nos descritores da Prova Saresp; nos conteúdos do material do Sistema Anglo de Ensino.

2 Questão 1 Resposta b D5 Interpretar texto com auxílio de material gráfico diverso (propagandas, quadrinhos, foto, etc.). O folheto apresenta em letras grandes a frase Procurado por causar milhões de casos de dengue e de febre hemorrágica. No final do folheto há a informação de que a prevenção e as medidas de combate exigem a participação de toda a comunidade. Há ainda outra informação na qual uma determinada associação é citada, pois desenvolve um programa permanente de combate à dengue. Ou seja, o folheto oferece ao aluno diversas informações que reforçam seu objetivo. Questão 2 Resposta d D1 Localizar informações explícitas em um texto. O folheto oferece ao aluno informações de que a doença é transmitida pela picada da fêmea de um mosquito. Na continuidade do texto, o aluno obtém a outra informação de que o mosquito pica uma pessoa contaminada e transmite a doença a uma pessoa saudável, também por meio de picada. Questão 3 Resposta a D3 Inferir o sentido de uma palavra ou expressão. A intenção do folheto é chamar a atenção das pessoas para o risco de ser picado pelo mosquito da dengue. Sendo assim, a palavra, Procurado, faz referência aos cartazes nos quais são fixadas as imagens de criminosos, na vida real; e vilões, nos desenhos animados e filmes. Se o aluno escolheu a alternativa c ou d, não conseguiu inferir o sentido da palavra no folheto, pois as formas de combate, são sugeridas por meio de atitudes de prevenção. Questão 4 Resposta b D6 Identificar o tema de um texto. O texto apresenta informações sobre um personagem do folclore brasileiro, mas não é a lenda do saci. O texto apresenta informações sobre as características do personagem. O título já antecipa quais informações o leitor encontrará. Se o aluno responder a alternativa a, não percebeu que essa é mais uma informação que complementa o texto, mas não é o tema central. Questão 5 Resposta d D9 Identificar a finalidade de textos de diferentes gêneros. Espera-se que o aluno, familiarizado com os personagens do folclore na série anterior, identifique com facilidade o saci como um personagem que está presente nas lendas. Se o aluno escolheu a alternativa c, compreendeu que o personagem, por apresentar características mágicas, que na tradição popular explicaria fenômenos sobrenaturais, poderia fazer parte de uma fábula. Entretanto, as fábulas não contêm elementos mágicos, pois o fato de apresentarem animais que RESOLUções Prova ANGLO 2 Língua Portuguesa (P-1) D-5 5 ano 05/2013

3 agem e sentem como os seres humanos, não caracteriza um elemento mágico, e sim, uma alegoria que facilita a transmissão do ensinamento que se quer passar. Questão 6 Resposta c D15 Reconhecer diferentes formas de tratar uma informação na comparação de textos que tratam do mesmo tema, em função das condições em que ele foi produzido e daquelas em que será recebido. Para responder à questão, o aluno deverá relembrar conhecimentos adquiridos nas séries anteriores, nas quais o gênero poema foi trabalhado em diversas situações de compreensão e produção de textos. Sendo assim, os dois textos, como afirma o enunciado da questão e os respectivos títulos, ensinam a fazer uma vitamina de banana, mas apenas o segundo texto é poético. Questão 7 Resposta a D3 Inferir o sentido de uma palavra ou expressão. Para responder à questão o aluno deverá compreender o texto globalmente, pois ao longo do poema, aparecem as sugestões de aproveitamento da fruta que está bem madura e, portanto, não está nem estragada ou velha. Se o aluno escolher a alternativa d, localizou uma das ideias que Ana teve para aproveitamento da fruta, mas não inferiu o sentido da palavra no poema. Questão 8 Resposta c D4 Inferir uma informação implícita em um texto. Como todas as receitas, há informações imprescindíveis, como os ingredientes e o modo de fazer, assim como informações complementares, como o tempo de preparo e o rendimento. Esperase que o aluno, familiarizado com o gênero na série anterior, escolha a alternativa correta, ao inferir que o modo de preparo é fundamental para que os ingredientes transformem-se em vitamina. Questão 9 Resposta a D1 Localizar informações explícitas em um texto. Para responder à questão, o aluno precisará reler o primeiro texto e recuperar a informação que está na segunda linha dos Ingredientes. Questão 10 Resposta d D2 Estabelecer relações entre partes de um texto, identificando repetições ou substituições que contribuem para a continuidade do texto. A conjunção que é apresentada no texto, imediatamente após a palavra frangas, facilitando a compreensão do aluno para que ele seja capaz de identificar a substituição e escolher a alternativa correta. RESOLUções Prova ANGLO 3 Língua Portuguesa (P-1) D-5 5 ano 05/2013

4 Questão 11 Resposta a D4 Inferir uma informação implícita em um texto. Uma das características das fábulas é apresentar uma moral ou ensinamento, ao final do texto. Para que o aluno escolha a alternativa correta, deverá observar que essa moral ou ensinamento também pode significar um conselho. Questão 12 Resposta c D7 Identificar o conflito gerador do enredo e os elementos que constroem a narrativa. A fábula apresenta uma menina fazendo planos, a partir de uma venda que ainda não aconteceu. Tudo que ela planejou em seus pensamentos, deixaram de acontecer porque ela tropeçou em uma pedra e derramou o leite, determinando o conflito gerador do texto. Se o aluno escolher a alternativa b, não compreendeu que a menina só venderia os galos e as galinhas, caso a venda do leite tivesse ocorrido; e ela tivesse comprado uma dúzia de ovos para serem chocados. Questão 13 Resposta a D14 Identificar o efeito de sentido decorrente do uso da pontuação e de outras notações. Se o aluno não compreendeu que as aspas indicam pensamentos da menina, poderá retomar a informação no terceiro parágrafo: E os pensamentos faziam o mesmo dentro da sua cabeça. (l. 5). Se o aluno escolheu a alternativa c, generalizou a informação que obteve sobre o gênero, na série anterior, de que todas as fábulas apresentam animais que agem ou sentem como os seres humanos. Questão 14 Resposta b D2 Estabelecer relações entre partes de um texto, identificando repetições ou substituições que contribuem para a continuidade do texto. O texto apresenta diversos materiais que eram utilizados como papel higiênico, citados nas alternativas incorretas. Porém, ao reler o primeiro parágrafo, espera-se que o aluno seja capaz de identificar que a palavra produto substitui papel higiênico, porque produto retoma uma ideia já citada, evitando uma repetição desnecessária. Questão 15 Resposta a D12 Estabelecer relações lógico-discursivas presentes no texto, marcadas por conjunções, advérbios, etc. Para responder a essa questão, o aluno precisará recuperar a informação apresentada, no mesmo parágrafo, que se refere à época citada, ou seja, Assim, poderá inferir que a expressão Naquela época só poderá ser substituída pela expressão Naquele tempo, o tempo ou época em que o papel higiênico foi inventado. RESOLUções Prova ANGLO 4 Língua Portuguesa (P-1) D-5 5 ano 05/2013

5 Questão 16 Resposta b D1 Localizar informações explícitas em um texto. O texto apresenta três datas distintas. Porém, para responder à questão o aluno precisará recuperar a informação no terceiro parágrafo. É importante lembrar que o autor faz uma progressão de fatos e ideias que ocorreram até que o papel higiênico surgisse como o conhecemos, facilitando a compreensão do texto. Questão 17 Cancelada Questão 18 Resposta d D14 Identificar o efeito de sentido decorrente do uso da pontuação e de outras notações. A expressão do rosto do menino, diante do prato, pode até sugerir ao aluno que o personagem esteja irritado com o pai. Porém, a expressão Yecchh! demonstra nojo, já que se supõe que a tal coisa verde sejam verduras ou legumes. Se o aluno escolheu a alternativa c, não percebeu, nos quadrinhos seguintes, que se o menino estivesse realmente enjoado, não cederia ao argumento do pai para comer a refeição. Questão 19 Resposta c D13 Identificar efeitos de ironia ou humor em textos variados. Para escolher a alternativa correta, o aluno deverá compreender que o pai não utilizou um argumento convencional, porque conhece bem o filho e as fantasias que ele tem com um mundo criado por sua imaginação. Se o aluno escolher a alternativa a, não compreendeu que, as imagens do menino devorando o prato, também são engraçadas, mas o poder de persuasão do pai prevalece, pois, após a refeição, o menino acha que algo está acontecendo com ele. Questão 20 Resposta b D10 Identificar as marcas linguísticas que evidenciam o locutor e o interlocutor de um texto. O aluno deverá reconhecer que o texto cita a autora, o ilustrador e a personagem principal, a fada Clara Luz, o que elimina a possibilidade de que qualquer um deles seja o autor da resenha. Questão 21 Resposta d D11 Distinguir um fato da opinião relativa a esse fato. Responderá corretamente à questão o aluno que compreender o texto globalmente, pois o autor revela suas opiniões sobre a personagem Clara Luz e o livro ao longo do texto. Porém, dentre as alternativas, o aluno que escolher a alternativa c, não percebeu que essa opinião não RESOLUções Prova ANGLO 5 Língua Portuguesa (P-1) D-5 5 ano 05/2013

6 se refere ao livro, mas ao gosto pessoal da autora sobre o clima. As alternativas a e b, indicam informações e comentários sobre a personagem Clara Luz. Questão 22 Resposta a D8 Estabelecer relação causa/consequência entre partes e elementos do texto. No sexto parágrafo, quando o autor fala Resolvi falar desse livro hoje porque não para de chover lá fora e meu trecho favorito desde pequena é quando a fada Clara Luz usa sua mágica para criar uma chuva multicolorida., apresenta a informação necessária para que o aluno responda à questão corretamente. Ou seja, está explícito, no texto, a causa e a consequência da publicação de um comentário sobre o livro; e o aluno, ao recuperar as palavras destacadas, poderá escolher a alternativa correta. RESOLUções Prova ANGLO 6 Língua Portuguesa (P-1) D-5 5 ano 05/2013

4ª, 6ª e 8ª séries / 5º, 7º e 9º anos do Ensino Fundamental e 3ª série do Ensino Médio SARESP. Escala de Proficiência de Língua Portuguesa (Leitura)

4ª, 6ª e 8ª séries / 5º, 7º e 9º anos do Ensino Fundamental e 3ª série do Ensino Médio SARESP. Escala de Proficiência de Língua Portuguesa (Leitura) 4ª, 6ª e 8ª séries / 5º, 7º e 9º anos do Ensino Fundamental e 3ª série do Ensino Médio SARESP Escala de Proficiência de Língua Portuguesa (Leitura) ESCALA DE PROFICIÊNCIA DE LÍNGUA PORTUGUESA LEITURA A

Leia mais

Reflexões sobre a Língua Portuguesa. Kátia França

Reflexões sobre a Língua Portuguesa. Kátia França Reflexões sobre a Língua Portuguesa Kátia França Níveis de aprendizagem dos alunos Abaixo do básico: os alunos demonstram que não desenvolveram as habilidades básicas requeridas para o nível de escolaridade

Leia mais

RESULTADO DAS AVALIAÇÕES AVALIA BH / OUTUBRO 2010 2º CICLO LÍNGUA PORTUGUESA 1 ETAPA 2 CICLO

RESULTADO DAS AVALIAÇÕES AVALIA BH / OUTUBRO 2010 2º CICLO LÍNGUA PORTUGUESA 1 ETAPA 2 CICLO CEP: 31.6-0 Venda Nova, Belo Horizonte/MG RESULTADO DAS AVALIAÇÕES AVALIA BH / OUTUBRO 2º CICLO 0 LÍNGUA PORTUGUESA 1 ETAPA 2 CICLO D03 D05 D06 D07 D08 D09 D D11 D12 D19 D D21 DESCRITORES AVALIADOS: D03

Leia mais

EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM PORTUGUESA DE LÍNGUA. Anos Iniciais do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano) MARÇO

EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM PORTUGUESA DE LÍNGUA. Anos Iniciais do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano) MARÇO EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM DE LÍNGUA PORTUGUESA MARÇO 2013 Expectativas de Aprendizagem de Língua Portuguesa dos anos iniciais do Ensino Fundamental 1º ao 5º ano Anos Iniciais do Ensino Fundamental (1º

Leia mais

MATEMÁTICA E LITERATURA INFANTIL: UMA NOVA E POSSÍVEL ABORDAGEM

MATEMÁTICA E LITERATURA INFANTIL: UMA NOVA E POSSÍVEL ABORDAGEM MATEMÁTICA E LITERATURA INFANTIL: UMA NOVA E POSSÍVEL ABORDAGEM Cristiane Imperador CES Ms. Vera Lúcia Martins - CES 1. RESUMO O objetivo da nossa oficina é integrar literatura nas aulas de matemática

Leia mais

PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA Rotina de Sala de Aula TEMA GERADOR: Bicharada

PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA Rotina de Sala de Aula TEMA GERADOR: Bicharada PREFEITURA MUNICIPAL DE ARARIPE SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA DO PROGRAMA LUZ DO SABER INFANTIL PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA Rotina de Sala de Aula TEMA GERADOR:

Leia mais

SISTEMA ANGLO DE ENSINO. Tipo D4-08/2010 G A B A R I T O

SISTEMA ANGLO DE ENSINO. Tipo D4-08/2010 G A B A R I T O Prova Anglo P-01 Tipo D4-08/2010 G A B A R I T O 01. D 07. A 13. D 19. C 02. B 08. B 14. A 20. D 03. C 09. C 15. B 21. A 04. A 10. A 16. D 22. C 05. C 11. D 17. B 00 06. B 12. B 18. D DESCRITORES, RESOLUÇÕES

Leia mais

G A B A R I T O. Prova Anglo P-01 SISTEMA ANGLO DE ENSINO. Tipo D8-05/2015

G A B A R I T O. Prova Anglo P-01 SISTEMA ANGLO DE ENSINO. Tipo D8-05/2015 SISTEMA ANGLO DE ENSINO Prova Anglo P-01 Tipo D8-05/2015 G A B A R I T O 01. D 11. A 21. D 31. A 02. C 12. A 22. C 32. C 03. B 13. D 23. D 33. C 04. A 14. C 24. A 34. B 05. D 15. B 25. C 00 06. C 16. A

Leia mais

Resoluções Prova Anglo

Resoluções Prova Anglo Resoluções Prova Anglo F- TIPO D-6 Matemática (P-2) Ensino Fundamental 6º ano DESCRITORES, RESOLUÇÕES E COMENTÁRIOS A Prova Anglo é um dos instrumentos para avali ar o desempenho dos alunos do 6 o ano

Leia mais

G A B A R I T O 01. B 05. B 09. B 13. A 02. A 06. C 10. D 14. B 03. D 07. D 11. C 15. B 04. B 08. C 12. D. SISTEMA ANGLO DE ENSINO Prova Anglo P-01

G A B A R I T O 01. B 05. B 09. B 13. A 02. A 06. C 10. D 14. B 03. D 07. D 11. C 15. B 04. B 08. C 12. D. SISTEMA ANGLO DE ENSINO Prova Anglo P-01 SISTEMA ANGLO DE ENSINO Prova Anglo P-01 G A B A R I T O Tipo D3-05/2016 01. B 05. B 09. B 13. A 02. A 06. C 10. D 14. B 03. D 07. D 11. C 15. B 04. B 08. C 12. D Resoluções Prova Anglo Língua Portuguesa

Leia mais

*TOTAL DE ACERTOS POR DESCRITOR ESTUDANTES

*TOTAL DE ACERTOS POR DESCRITOR ESTUDANTES 1ª AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA 2013 2º ano do Ensino Fundamental - Língua Portuguesa Quadro Correção da Avaliação Diagnóstica Escola: Município: Professor(a): Coornador(a): 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12

Leia mais

Admissão de alunos 2016

Admissão de alunos 2016 Tradição em Excelência Admissão de alunos 2016 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 8⁰ ANO ENSINO FUNDAMENTAL II CIÊNCIAS 1. ORIGEM DA TERRA 1.1. Origem da vida no Planeta Terra (principais teorias). 1.2. Fósseis,

Leia mais

APRENDENDO PORTUGUÊS COM AS MÍDIAS. Competência Leitora na 5ª série

APRENDENDO PORTUGUÊS COM AS MÍDIAS. Competência Leitora na 5ª série APRENDENDO PORTUGUÊS COM AS MÍDIAS Competência Leitora na 5ª série O QUE É AVALIAÇÃO EM PROCESSO? Ação fundamentada no Currículo Oficial da SEE, que propõe acompanhamento coletivo e individualizado dos

Leia mais

Colégio Monteiro Lobato

Colégio Monteiro Lobato Colégio Monteiro Lobato Disciplina: Anual 2013 Redação Professor (a): Barbara Venturoso Série: 6º ano Turma: A PLANEJAMENTO ANUAL 2013 Plano de curso Conteúdos Procedimentos Objetivos Avaliações 1º Trimestre

Leia mais

Ser humano e saúde / vida e ambiente. Voltadas para procedimentos e atitudes. Voltadas para os conteúdos

Ser humano e saúde / vida e ambiente. Voltadas para procedimentos e atitudes. Voltadas para os conteúdos Atividade de Aprendizagem 10 Dengue: aqui não! Eixo(s) temático(s) Ser humano e saúde / vida e ambiente Tema Água e vida / reprodução e ocupação de novos ambientes / saúde individual e coletiva Conteúdos

Leia mais

Content Area Grade Quarter Língua Portuguesa 6ª Serie Unidade I

Content Area Grade Quarter Língua Portuguesa 6ª Serie Unidade I Content Area Grade Quarter Língua 6ª Serie Unidade I Texto: parágrafos: descritivo/comparativo; reconto; resenha crítica, anedota, cartum, revista em quadrinhos Linguística: comunicação: elementos/códigos;

Leia mais

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES Introdução ao tema A importância da mitologia grega para a civilização ocidental é tão grande que, mesmo depois de séculos, ela continua presente no nosso imaginário. Muitas

Leia mais

ANÁLISE DE ITENS - PROVA BRASIL

ANÁLISE DE ITENS - PROVA BRASIL ANÁLISE DE ITENS - PROVA BRASIL 2011 LÍNGUA PORTUGUESA ANÁLISE SOBRE 10 ITENS Item 1 - Prova Brasil 2011 - bloco 3 A boneca Guilhermina 5 10 Esta é a minha boneca, a Guilhermina. Ela é uma boneca muito

Leia mais

Algumas ideias para a produção textual!!!

Algumas ideias para a produção textual!!! Algumas ideias para a produção textual!!! O que é texto? Desmitificar as tradicionais aulas de produção de texto Produção escrita de diversos gêneros de textos Ter ou não aulas específicas para produção

Leia mais

Governo do Estado de Rondônia Secretaria de Estado da Educação

Governo do Estado de Rondônia Secretaria de Estado da Educação ISSN 2317-2118 1943 1981 RONDÔNIA Governo do Estado de Rondônia Secretaria de Estado da Educação GOVERNO DO ESTADO DE RONDÔNIA SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA FINANCEIRA GERÊNCIA DE EDUCAÇÃO

Leia mais

Colégio Nomelini Ensino Fundamental II LISTA Nº 04 9º ANO

Colégio Nomelini Ensino Fundamental II LISTA Nº 04 9º ANO Trazer a tarefa resolvida no dia: 22/03/2013 (Sexta-feira) Prof. Vanessa Matos Interpretação de textos LISTA Nº 04 9º ANO DESCRIÇÃO: A seleção de atividades é para a leitura e interpretação. Responda os

Leia mais

APRENDER A ESCREVER. Como ajudar as crianças a se alfabetizar no início da vida escola

APRENDER A ESCREVER. Como ajudar as crianças a se alfabetizar no início da vida escola http://luizsoaresdecassia.blogspot.com.br APRENDER A ESCREVER Como ajudar as crianças a se alfabetizar no início da vida escola Todos os anos, milhares de meninos e meninas do ensino fundamental de todo

Leia mais

O PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO: AS ORAÇÕES COORDENADAS

O PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO: AS ORAÇÕES COORDENADAS O PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO: AS ORAÇÕES COORDENADAS 1. Leia as orações dos itens seguintes, observando o tipo de relação semântica existente entre elas. Reescreva-as e ligue-as, empregando uma conjunção

Leia mais

uma representação sintética do texto que será resumido

uma representação sintética do texto que será resumido Resumo e Resenha Resumo Ao pesquisar sobre as práticas de linguagem nos gêneros escolares, Schneuwly e Dolz (1999: 14), voltando seus estudos para o nível fundamental de ensino, revelam que a cultura do

Leia mais

ANEXO VIII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 001/15 COTAÇÃO ESTIMADA

ANEXO VIII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 001/15 COTAÇÃO ESTIMADA ANEXO VIII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 001/15 COTAÇÃO ESTIMADA 1. DO OBJETO Constitui-se como objeto da Ata de Registro de Preço a aquisição de materiais didáticos e paradidáticos em tecnologia educacional para

Leia mais

SITUAÇÃO DE PRODUÇÃO DA RESENHA NO ENSINO SUPERIOR

SITUAÇÃO DE PRODUÇÃO DA RESENHA NO ENSINO SUPERIOR RESENHA Neste capítulo, vamos falar acerca do gênero textual denominado resenha. Talvez você já tenha lido ou elaborado resenhas de diferentes tipos de textos, nas mais diversas situações de produção.

Leia mais

Resoluções Prova Anglo

Resoluções Prova Anglo Resoluções Prova Anglo TIPO F P-2 tipo D-5 Matemática (P-2) Ensino Fundamental 5º ano DESCRITORES, RESOLUÇÕES E COMENTÁRIOS A Prova Anglo é um dos instrumentos para avaliar o desempenho dos alunos do 5

Leia mais

Presidência da República Federativa do Brasil. Ministério da Educação. Secretaria Executiva

Presidência da República Federativa do Brasil. Ministério da Educação. Secretaria Executiva 1 Presidência da República Federativa do Brasil Ministério da Educação Secretaria Executiva Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) Diretoria de Avaliação da Educação

Leia mais

endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 6.O ANO EM 2012 Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs

endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 6.O ANO EM 2012 Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 6.O ANO EM 2012 Colégio Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs desafio nota: Texto para as questões 1, 2 e 3. (Maurício de Sousa. Turma da Mônica. Disponível

Leia mais

Livro Se só houvesse uma letra crianças de 8/11 anos

Livro Se só houvesse uma letra crianças de 8/11 anos Sugestões pedagógicas para orientar a leitura dos livros da Biblioteca Digital Livro Se só houvesse uma letra crianças de 8/11 anos Atividades para trabalhar os temas: Tolerância e compreensão intercultural

Leia mais

Olimpíada de LP Escrevendo o futuro

Olimpíada de LP Escrevendo o futuro Olimpíada de LP Escrevendo o futuro QUATRO GÊNEROS EM CARTAZ: OS CAMINHOS DA ESCRITA Cristiane Cagnoto Mori 19/03/2012 Referências bibliográficas RANGEL, Egon de Oliveira. Caminhos da escrita: O que precisariam

Leia mais

O que é esse produto? Qual é a marca do produto? Que quantidade de produto há na embalagem? Em que país foi feito o produto?

O que é esse produto? Qual é a marca do produto? Que quantidade de produto há na embalagem? Em que país foi feito o produto? RÓTULOS Rótulo é toda e qualquer informação referente a um produto que esteja transcrita em sua embalagem. O Rótulo acaba por ser uma forma de comunicação visual, podendo conter a marca do produto e informações

Leia mais

Língua PortuGuesa. Simulado. caderno do professor. Volume. para monitoramento da aprendizagem. Questões inéditas e exclusivas

Língua PortuGuesa. Simulado. caderno do professor. Volume. para monitoramento da aprendizagem. Questões inéditas e exclusivas Ensino Fundamental I Material de divulgação da Editora Moderna Volume 1 Simulado para monitoramento da aprendizagem Língua PortuGuesa Questões inéditas e exclusivas caderno do professor PNLD 2016 Fundamental

Leia mais

Níveis de desempenho. Perguntar e fornecer opiniões. Perguntar e responder sobre os diferentes tipos de férias

Níveis de desempenho. Perguntar e fornecer opiniões. Perguntar e responder sobre os diferentes tipos de férias Competências.Adquirir conhecimentos sobre a cultura e civilização Anglo- Americana numa perspectiva intercultural. - Aprofundar o conhecimento da realidade Portuguesa através do confronto com aspectos

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO 1

PROJETO PEDAGÓGICO 1 PROJETO PEDAGÓGICO 1 Projeto Pedagógico Por Beatriz Tavares de Souza* Título: Maricota ri e chora Autor: Mariza Lima Gonçalves Ilustrações: Andréia Resende Formato: 20,5 cm x 22 cm Número de páginas: 32

Leia mais

ISSN 2238-0264 REVISTA DO SISTEMA

ISSN 2238-0264 REVISTA DO SISTEMA ISSN 2238-0264 REVISTA DO SISTEMA 2011 ISSN 2238-0264 sadeam revista DO SISTEMA Sistema de Avaliação do Desempenho Educacional do Amazonas Governador do Estado do Amazonas Omar José Abdel Aziz Vice-Governador

Leia mais

Escola Municipal Professor Mello Cançado Projeto Prato Colorido Março, 2012

Escola Municipal Professor Mello Cançado Projeto Prato Colorido Março, 2012 Escola Municipal Professor Mello Cançado Projeto Prato Colorido Março, 2012 Toda a escola se envolveu nesse projeto pedagógico, desde a direção, coordenação, professoras, alunos, cantineiras, pais, bibliotecária

Leia mais

Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?)

Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?) Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?) Ação nº41/2012 Formadora: Madalena Moniz Faria Lobo San-Bento Formanda: Rosemary Amaral Cabral de Frias Introdução Para se contar histórias a crianças,

Leia mais

Metas Curriculares de Português

Metas Curriculares de Português Metas Curriculares de Português Ensino Básico 2.º Ciclo O domínio da ORALIDADE Helena C. Buescu, Maria Regina Rocha, Violante F. Magalhães Objetivos e Descritores de Desempenho Oralidade 5.º Ano Objetivos

Leia mais

Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira

Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Brasília Inep 2009 Equipe de Trabalho Organizadora Gisele Gama Andrade Coordenação de Áreas Alice Andrés Ribeiro Ana Amelia Inoue Regina Scarpa Equipe Técnica de Língua Portuguesa Beatriz Gouveia Kátia

Leia mais

PROVA DE SELEÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA SÉRIE: 8 ANO. Candidato (a):

PROVA DE SELEÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA SÉRIE: 8 ANO. Candidato (a): PROVA DE SELEÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA SÉRIE: 8 ANO Data: 12/01/2015 Candidato (a): Valor: 10 Obtido: Analise o cartaz da propaganda. QUESTÃO 1 (1 PONTO) - Observe o texto principal da propaganda. Que estratégia

Leia mais

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico.

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. PROJETO ARARIBÁ Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. ARARIBÁ HISTÓRIA O livro tem oito unidades, divididas

Leia mais

Matriz de Língua Portuguesa de 3ª série - Ensino Médio Comentários sobre os Tópicos e Descritores Exemplos de itens

Matriz de Língua Portuguesa de 3ª série - Ensino Médio Comentários sobre os Tópicos e Descritores Exemplos de itens Matriz de Língua Portuguesa de 3ª série - Ensino Médio Comentários sobre os Tópicos e Descritores Exemplos de itens TÓPICO V RELAÇÃO ENTRE RECURSOS EXPRESSIVOS E EFEITOS DE SENTIDO O uso de recursos expressivos

Leia mais

endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 7.O ANO EM 2012 Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs

endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 7.O ANO EM 2012 Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 7.O ANO EM 2012 Colégio Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs desafio nota: Texto para as questões de 1 a 5. QUESTÃO 1 Considere as afirmações I. Na

Leia mais

PORTUGUÊS IRIA 5ª E.F.

PORTUGUÊS IRIA 5ª E.F. PORTUGUÊS IRIA 5ª E.F. 1º (1,5) 01. Rasura, borrões, corretivos, serão considerados ERROS; 02. Respostas claras e com letra legível; 03. Respostas somente com caneta, PRETA ou AZUL. 04. Esta prova contém

Leia mais

RELATO DE EXPERIÊNCIA. Sequência Didática II Brincadeira Amarelinha

RELATO DE EXPERIÊNCIA. Sequência Didática II Brincadeira Amarelinha ESCOLA MUNICIPAL JOSÉ EVARISTO COSTA RELATO DE EXPERIÊNCIA Sequência Didática II Brincadeira Amarelinha Professoras: Maria Cristina Santos de Campos. Silvana Bento de Melo Couto. Público Alvo: 3ª Fase

Leia mais

Apresentação. Práticas Pedagógicas Língua Portuguesa. Situação 4 HQ. Recomendada para 7a/8a ou EM. Tempo previsto: 4 aulas

Apresentação. Práticas Pedagógicas Língua Portuguesa. Situação 4 HQ. Recomendada para 7a/8a ou EM. Tempo previsto: 4 aulas Práticas Pedagógicas Língua Portuguesa Situação 4 HQ Recomendada para 7a/8a ou EM Tempo previsto: 4 aulas Elaboração: Equipe Técnica da CENP Apresentação Histórias em quadrinhos (HQ), mangás e tirinhas

Leia mais

O socorro. QUESTÃO 02 O coveiro ficou desesperado por que

O socorro. QUESTÃO 02 O coveiro ficou desesperado por que SUPERINTENDÊNCIA DE ACOMPANHAMENTO DOS PROGRAMAS INSTITUCIONAIS NÚCLEO DE ORIENTAÇÃO PEDAGÓGICA GERÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO CURRICULAR RESPOSTAS COMENTADAS DA 2ª PROVA DIAGNÓSTICA DO 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

Leia mais

Escola Municipal Professor Mello Cançado Regional Barreiro Projeto Prato Colorido Belo Horizonte, março/2012

Escola Municipal Professor Mello Cançado Regional Barreiro Projeto Prato Colorido Belo Horizonte, março/2012 Escola Municipal Professor Mello Cançado Regional Barreiro Projeto Prato Colorido Belo Horizonte, março/2012 Toda a escola se envolveu nesse projeto pedagógico, desde a direção, coordenação, professoras,

Leia mais

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados.

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados. Teste Intermédio de Português Teste Intermédio Português Duração do Teste: 45 min (Caderno 1) + 30 min (pausa) + 45 min (Caderno 2) 28.05.2013 2.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de janeiro

Leia mais

ISSN 2317-2118. Revista Pedagógica Língua Portuguesa Ensino Médio. Sistema de Avaliação Educacional de Rondônia

ISSN 2317-2118. Revista Pedagógica Língua Portuguesa Ensino Médio. Sistema de Avaliação Educacional de Rondônia ISSN 2317-2118 Revista Pedagógica Língua Portuguesa Ensino Médio Sistema de Avaliação Educacional de Rondônia 1943 1981 RONDÔNIA ESTADO DE RONDÔNIA SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO CONFÚCIO AIRES MOURA

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA COORDENADORIA DE POLÍTICAS DA EDUCAÇÃO BÁSICA DIRETORIA DE ENSINO FUNDAMENTAL

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA COORDENADORIA DE POLÍTICAS DA EDUCAÇÃO BÁSICA DIRETORIA DE ENSINO FUNDAMENTAL MATRIZ DE REFERÊNCIA CURRICULAR DE LÍNGUA INGLESA 2 CICLO 2010 A matriz de referência curricular de Língua Inglesa para o 2º ciclo da Rede Municipal de Ensino de Contagem está organizada em 4 eixos: Leitura,

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA PARCIAL DE LÍNGUA PORTUGUESA Aluno(a): Nº Ano: 6º Turma: Data: 18/03/2011 Nota: Professora: Letícia A. S. Ottoboni Valor da Prova: 40 pontos Assinatura

Leia mais

CONTEÚDOS PARA O TESTE DE SELEÇÃO 2014

CONTEÚDOS PARA O TESTE DE SELEÇÃO 2014 CONTEÚDOS PARA O TESTE DE SELEÇÃO 2014 CANDIDATOS 1º ANO Reconhecimento de palavras e expressões dentro de um texto, com intervenção; Localizar informações explícitas em um texto; Identificar características

Leia mais

Agora elabore duas perguntas que você gostaria de fazer para as meninas.

Agora elabore duas perguntas que você gostaria de fazer para as meninas. Nome: Data: / /2013 Professora: Classe: F-3 A TAREFA DE LÍNGUA PORTUGUESA Como já sabemos, no dia 12/9 receberemos Laura, Tamara e Marininha Klink, autoras do livro Férias na Antártica. Se você quiser

Leia mais

3º, 4º e 5º Anos Programa de Ensino de Língua 2011 1. 3º ANO PROGRAMA DE ENSINO DE PORTUGUÊS 2011 Período Gêneros Prioritários

3º, 4º e 5º Anos Programa de Ensino de Língua 2011 1. 3º ANO PROGRAMA DE ENSINO DE PORTUGUÊS 2011 Período Gêneros Prioritários 3º, 4º e 5º Anos Programa de Ensino de Língua 2011 1 3º ANO PROGRAMA DE ENSINO DE PORTUGUÊS 2011 1º. TRIMESTRE Tirinha Música Foco narrativo (sequência); Suporte de origem; Imagem desenhada; Histórias

Leia mais

Objetivos Domínios/ Conteúdos Atividades

Objetivos Domínios/ Conteúdos Atividades AGRUPAMENTO DE ESCOLAS N.º 1 DE GONDOMAR EB 2/3 de Jovim e Foz do Sousa PLANIFICAÇÃO ANUAL DE PORTUGUÊS 1º Período 5º Ano ANO LETIVO 2014/2015 Objetivos Domínios/ Conteúdos Atividades Conhecer o alfabeto.

Leia mais

O TRABALHO COM GÊNEROS TEXTUAIS NA SALA DE AULA UNIDADE 5 ANO 2

O TRABALHO COM GÊNEROS TEXTUAIS NA SALA DE AULA UNIDADE 5 ANO 2 O TRABALHO COM GÊNEROS TEXTUAIS NA SALA DE AULA UNIDADE 5 ANO 2 O TRABALHO COM GÊNEROS TEXTUAIS NA SALA DE AULA INICIANDO A CONVERSA APROFUNDANDO O TEMA Por que ensinar gêneros textuais na escola? Registro

Leia mais

Ensinar a ler em História, Ciências, Matemática, Geografia

Ensinar a ler em História, Ciências, Matemática, Geografia PAOLA GENTILE Ensinar a ler em História, Ciências, Matemática, Geografia A forma como se lê um texto varia mais de acordo com o objetivo proposto do que com o gênero, mas você pode ajudar o aluno a entender

Leia mais

Nome: Data: 2º ano ATIVIDADES DE REVISÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA - 2º ANO ATIVIDADE 1

Nome: Data: 2º ano ATIVIDADES DE REVISÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA - 2º ANO ATIVIDADE 1 Nome:_ Data: 2º ano ATIVIDADES DE REVISÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA - 2º ANO ATIVIDADE 1 Reescreva este trecho da receita de Sopa de legumes nas linhas abaixo, usando letra cursiva e deixando os espaços necessários

Leia mais

PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO

PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO Provas 2º Bimestre 2012 LÍNGUA PORTUGUESA DESCRITORES DESCRITORES DO 2º BIMESTRE

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ CENTRO DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL BRASIL-ALEMANHA ALUNO: GINO BONA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ CENTRO DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL BRASIL-ALEMANHA ALUNO: GINO BONA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ CENTRO DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL BRASIL-ALEMANHA ALUNO: GINO BONA CONTOS DE FADAS NO ENSINO DA LÍNGUA ALEMÃ PARA A PRÉ-ESCOLA BÁSICA MUNICIPAL DR. ADALBERTO TOLENTINO DE

Leia mais

Projetos. Outubro 2012

Projetos. Outubro 2012 Projetos Outubro 2012 Assunto de gente grande para gente pequena. No mês de outubro os brasileiros foram às urnas para eleger prefeitos e vereadores e a Turma da Lagoa não poderia ficar fora deste grande

Leia mais

Lista de Exercícios de Recuperação do 3 Bimestre

Lista de Exercícios de Recuperação do 3 Bimestre Instruções gerais: Lista de Exercícios de Recuperação do 3 Bimestre Resolver os exercícios à caneta e em folha de papel almaço ou monobloco (folha de fichário). Copiar os enunciados das questões. Entregar

Leia mais

Elaboração de projetos

Elaboração de projetos Ano: 2013 CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL ARLINDO RIBEIRO Professor: ELIANE STAVINSKI PORTUGUÊS Disciplina: LÍNGUA PORTUGUESA / LITERATURA Série: 2ª A e B CONTEÚDO ESTRUTURANTE: DISCURSO COMO

Leia mais

JONAS RIBEIRO. ilustrações de Suppa

JONAS RIBEIRO. ilustrações de Suppa JONAS RIBEIRO ilustrações de Suppa Suplemento do professor Elaborado por Camila Tardelli da Silva Deu a louca no guarda-roupa Supl_prof_ Deu a louca no guarda roupa.indd 1 02/12/2015 12:19 Deu a louca

Leia mais

CURRÍCULO DE PORTUGUÊS PARA O ENSINO FUNDAMENTAL COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO

CURRÍCULO DE PORTUGUÊS PARA O ENSINO FUNDAMENTAL COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO CURRÍCULO DE PORTUGUÊS PARA O ENSINO FUNDAMENTAL COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO GOVERNADOR DE PERNAMBUCO Eduardo Campos VICE-GOVERNADOR João Lyra Neto SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO

Leia mais

PLANO DE CURSO REFERENCIAL LÍNGUA PORTUGUESA/GESTAR 6ª SÉRIE (7º ANO)

PLANO DE CURSO REFERENCIAL LÍNGUA PORTUGUESA/GESTAR 6ª SÉRIE (7º ANO) PLANO DE CURSO REFERENCIAL LÍNGUA PORTUGUESA/GESTAR 6ª SÉRIE (7º ANO) Processo Avaliativo Unidade Didática PRIMEIRA UNIDADE Competências e Habilidades Aperfeiçoar a escuta de textos orais - Reconhecer

Leia mais

G A B A R I T O. Prova Anglo P-01 SISTEMA ANGLO DE ENSINO. Tipo D-9-05/2014

G A B A R I T O. Prova Anglo P-01 SISTEMA ANGLO DE ENSINO. Tipo D-9-05/2014 SISTEMA ANGLO DE ENSINO Prova Anglo P-01 Tipo D-9-05/2014 G A B A R I T O 01. D 11. A 21. C 31. D 02. D 12. B 22. B 32. A 03. C 13. A 23. A 33. B 04. D 14. D 24. C 00 05. D 15. C 25. C 00 06. C 16. B 26.

Leia mais

Qualidade ambiental. Atividade de Aprendizagem 18. Eixo(s) temático(s) Vida e ambiente

Qualidade ambiental. Atividade de Aprendizagem 18. Eixo(s) temático(s) Vida e ambiente Qualidade ambiental Eixo(s) temático(s) Vida e ambiente Tema Uso dos recursos naturais / ocupação do espaço e suas consequências / desequilíbrio ambiental e desenvolvimento sustentável Conteúdos Lixo /

Leia mais

Aula 28.2 Conteúdos: A estrutura de construção de um texto argumentativo Características do gênero Artigo de opinião LÍNGUA PORTUGUESA

Aula 28.2 Conteúdos: A estrutura de construção de um texto argumentativo Características do gênero Artigo de opinião LÍNGUA PORTUGUESA 2 Aula 28.2 Conteúdos: A estrutura de construção de um texto argumentativo Características do gênero Artigo de opinião 3 Habilidades: Apreender a estruturação de um Artigo de opinião 4 Artigo de opinião

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 1º BIMESTRE 3º ANO

LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 1º BIMESTRE 3º ANO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 1º BIMESTRE 3º ANO 2010 QUESTÃO 1 Esta notícia apareceu

Leia mais

Objetivos Específicos. Estratégias em Língua Portuguesa. Leitura de histórias em quadrinhos. Desenhos próprios. Gibisão data show.

Objetivos Específicos. Estratégias em Língua Portuguesa. Leitura de histórias em quadrinhos. Desenhos próprios. Gibisão data show. PLANEJAMENTO Folclore Professor (a): Vanessa da Rosa Competências Leitura; Oralidade; Produção textual, Ortografia, Ritmo e Memória. Avançar em seus conhecimentos sobre a escrita, ao escrever segundo suas

Leia mais

Resoluções Prova Anglo

Resoluções Prova Anglo Resoluções Prova Anglo F- TIPO D-7 Matemática (P-2) Ensino Fundamental 7º ano DESCRITORES, RESOLUÇÕES E COMENTÁRIOS A Prova Anglo é um dos instrumentos para avaliar o desempenho dos alunos do 7 o ano das

Leia mais

Projeto Escola e família: construindo novos caminhos

Projeto Escola e família: construindo novos caminhos Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO Projeto Escola e família: construindo novos caminhos ELIZÂNGELA. S. VIEIRA COORDENADORA DE PROJETOS EDUCACIONAIS

Leia mais

Língua Portuguesa. Expectativas de aprendizagem. Expressar oralmente seus desejos, sentimentos, idéias e pensamentos.

Língua Portuguesa. Expectativas de aprendizagem. Expressar oralmente seus desejos, sentimentos, idéias e pensamentos. Língua Portuguesa As crianças do 1º ano têm o direito de aprender e desenvolver competências em comunicação oral, em ler e escrever de acordo com suas hipóteses. Para isto é necessário que a escola de

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL JOSÉ EVARISTO COSTA RELATO DE EXPERIÊNCIA. Autora: Bia Villela. Professoras: Maria Cristina Santos de Campos. Período: Três semanas.

ESCOLA MUNICIPAL JOSÉ EVARISTO COSTA RELATO DE EXPERIÊNCIA. Autora: Bia Villela. Professoras: Maria Cristina Santos de Campos. Período: Três semanas. ESCOLA MUNICIPAL JOSÉ EVARISTO COSTA RELATO DE EXPERIÊNCIA Sequência Didática I Era uma vez um gato xadrez... Autora: Bia Villela. Professoras: Maria Cristina Santos de Campos. Silvana Bento de Melo Couto.

Leia mais

Equações do primeiro grau

Equações do primeiro grau Módulo 1 Unidade 3 Equações do primeiro grau Para início de conversa... Você tem um telefone celular ou conhece alguém que tenha? Você sabia que o telefone celular é um dos meios de comunicação que mais

Leia mais

1. Descrição do processo

1. Descrição do processo Salvador, 24 de agosto de 2015. Srs. Pais e Responsáveis, Comunicamos que o processo seletivo do Colégio Bernoulli para o ano letivo de 2016 está aberto a partir desta data, contando com vagas para as

Leia mais

Orientações de Como Estudar Segmento II

Orientações de Como Estudar Segmento II Orientações de Como Estudar Segmento II Aprender é uma tarefa árdua que exige esforço e método e por isso organizamos algumas dicas para ajudá-lo(la) a aprender Como Estudar! Você verá que as orientações

Leia mais

O lugar da oralidade na escola

O lugar da oralidade na escola O lugar da oralidade na escola Disciplina: Língua Portuguesa Fund. I Selecionador: Denise Guilherme Viotto Categoria: Professor O lugar da oralidade na escola Atividades com a linguagem oral parecem estar

Leia mais

PARECER TÉCNICO DA ATIVIDADE:

PARECER TÉCNICO DA ATIVIDADE: PARECER TÉCNICO DA ATIVIDADE: Encontro com o Livro no Colégio Coração de Maria Me. Maria Aparecida da Costa Bezerra - Bibliotecária escolar e universitária Resumo: O Colégio Coração de Maria proporciona

Leia mais

Sugestão de Roteiro para Elaboração de Monografia de TCC

Sugestão de Roteiro para Elaboração de Monografia de TCC Sugestão de Roteiro para Elaboração de Monografia de TCC Sugerimos, para elaborar a monografia de TCC (Trabalho de Conclusão de Curso), que o aluno leia atentamente essas instruções. Fundamentalmente,

Leia mais

VI Seminário de Iniciação Científica SóLetras - 2009 ISSN 1808-9216

VI Seminário de Iniciação Científica SóLetras - 2009 ISSN 1808-9216 O EMPREGO GRAMATICAL NO LIVRO DIDÁTICO Desiree Bueno TIBÚRCIO (G-UENP/campus Jac.) desiree_skotbu@hotmail.com Marilúcia dos Santos Domingos Striquer (orientadora-uenp/campus Jac.) marilucia.ss@uol.com.br

Leia mais

JUQUERIQUERÊ. Palavras-chave Rios, recursos hídricos, meio-ambiente, poluição, questão indígena.

JUQUERIQUERÊ. Palavras-chave Rios, recursos hídricos, meio-ambiente, poluição, questão indígena. JUQUERIQUERÊ Resumo Neste breve documentário, um índio faz uma retrospectiva de como ele vivia na região do Rio Juqueriquerê, localizada no litoral norte do Estado de São Paulo. Em seu relato, compara

Leia mais

O que você faria... Liliana e Michele Iacoca

O que você faria... Liliana e Michele Iacoca Nome: Ensino: F undamental 4 o ano urma: Língua Por ortuguesa T ata: D 13/8/09 Você já pensou no significado da palavra conviver? Assim como cada pessoa tem suas características físicas, cada um tem também

Leia mais

PROVA COMENTADA PELOS PROFESSORES DO CURSO POSITIVO

PROVA COMENTADA PELOS PROFESSORES DO CURSO POSITIVO PROVA COMENTADA PELOS 1 Lya Luft apresenta, no 1º parágrafo do texto, sua tese acerca do que venha a ser o posicionamento ideal da família:...família deveria ser careta., i.e., humana, aberta, atenta,

Leia mais

Unidade IV. Ciência - O homem na construção do conhecimento. APRENDER A APRENDER LÍNGUA PORTUGUESA APRENDER A APRENDER DINÂMICA LOCAL INTERATIVA

Unidade IV. Ciência - O homem na construção do conhecimento. APRENDER A APRENDER LÍNGUA PORTUGUESA APRENDER A APRENDER DINÂMICA LOCAL INTERATIVA A A Unidade IV Ciência - O homem na construção do conhecimento. 2 A A Aula 39.2 Conteúdos: Anúncio publicitário: A construção de um anúncio publicitário. 3 A A Habilidades: Relacionar linguagem verbal

Leia mais

48 Os professores optaram por estudar a urbanização, partindo dos espaços conhecidos pelos alunos no entorno da escola. Buscavam, nesse projeto, refletir sobre as características das moradias existentes,

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2013 Conteúdos Habilidades Avaliação

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2013 Conteúdos Habilidades Avaliação Produção textual COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA Disciplina: Língua Portuguesa Trimestre: 1º Tipologia textual Narração Estruturação de um texto narrativo: margens e parágrafos; Estruturação de parágrafos: início,

Leia mais

Professora Verônica Ferreira PROVA CESGRANRIO 2012 CAIXA ECONÔMICA FEDERAL TÉCNICO BANCÁRIO

Professora Verônica Ferreira PROVA CESGRANRIO 2012 CAIXA ECONÔMICA FEDERAL TÉCNICO BANCÁRIO Professora Verônica Ferreira PROVA CESGRANRIO 2012 CAIXA ECONÔMICA FEDERAL TÉCNICO BANCÁRIO 1 Q236899 Prova: CESGRANRIO - 2012 - Caixa - Técnico Bancário Disciplina: Português Assuntos: 6. Interpretação

Leia mais

Informação Prova de Equivalência à Frequência

Informação Prova de Equivalência à Frequência Ano letivo 2014/2015 Ensino Secundário - 1ª e 2ª Fase Disciplina de ESPANHOL (INICIAÇÃO BIENAL) - 375 Informação Prova de Equivalência à Frequência 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características

Leia mais

Margareth Costa Zaponi

Margareth Costa Zaponi Governador do Estado de Pernambuco Eduardo Henrique Accioly Campos Secretário de Educação do Estado Danilo Jorge de Barros Cabral Chefe de Gabinete Nilton da Mota Silveira Filho Secretária Executiva de

Leia mais

No quadro abaixo, transcreva sua resenha, organizando-a conforme solicitado:

No quadro abaixo, transcreva sua resenha, organizando-a conforme solicitado: Colégio Pedro II Unidade Escolar Realengo II Informática Educativa 2014 Professores: Simone Lima e Alexandra Alves (informática educativa) Raquel Cristina, Reni Nogueira e Marcos Ponciano (Língua Portuguesa)

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO

LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO 2010 Texto I A lebre e a tartaruga Era

Leia mais

FORMAÇÃO CONTINUADA: ESPAÇO PARA DESENVOLVER HABILIDADES E COMPETÊNCIAS DE LEITURA

FORMAÇÃO CONTINUADA: ESPAÇO PARA DESENVOLVER HABILIDADES E COMPETÊNCIAS DE LEITURA 0 UNIJUÍ UNIVERSIDADE REGIONAL DO NOROESTE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL DHE DEPARTAMENTO DE HUMANIDADES E EDUCAÇÃO CURSO DE LETRAS LÍNGUA PORTUGUESA FORMAÇÃO CONTINUADA: ESPAÇO PARA DESENVOLVER HABILIDADES

Leia mais

Bibioteca??? Uma biblioteca pode fazer milagres! Tradução: José Feres Sabino. Projeto: leitura e produção de texto. Indicação: Fundamental 1

Bibioteca??? Uma biblioteca pode fazer milagres! Tradução: José Feres Sabino. Projeto: leitura e produção de texto. Indicação: Fundamental 1 Bibioteca??? Uma biblioteca pode fazer milagres! Texto de Lorenz Pauli e ilustrações de Kathrin Schärer Tradução: José Feres Sabino Projeto: leitura e produção de texto Indicação: Fundamental 1 Elaborado

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Ensino Médio

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Ensino Médio Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL Ensino Médio ETEC Professora Nair Luccas Ribeiro Código: 156 Município: Teodoro Sampaio Área de conhecimento: Ciências Humanas Componente Curricular: Geografia

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS 6.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS 6.º ANO DE PORTUGUÊS 6.º ANO Ano Letivo 2015 2016 PERFIL DO ALUNO No final do 6.º ano de escolaridade, o aluno deve ser capaz de: interpretar e produzir textos orais com diferentes finalidades e coerência, apresentando

Leia mais

PARA SABER MAIS. Consulte o site do IAB www.alfaebeto.org.br COLEÇÃO PEQUENOS LEITORES GUIA DE LEITURA. Cabe aqui na minha mão!

PARA SABER MAIS. Consulte o site do IAB www.alfaebeto.org.br COLEÇÃO PEQUENOS LEITORES GUIA DE LEITURA. Cabe aqui na minha mão! CLÁUDIO MARTINS & MAURILO ANDREAS PARA SABER MAIS Consulte o site do IAB www.alfaebeto.org.br COLEÇÃO PEQUENOS LEITORES LÚCIA HIRATSUKA JASON GARDNER Priscilla Kellen Cabe aqui na minha mão! Frutas GUIA

Leia mais