Manual para Utilização dos Sistemas LAPA, LACA e LPHA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual para Utilização dos Sistemas LAPA, LACA e LPHA"

Transcrição

1 Manual para Utilização dos Sistemas LAPA, LACA e LPHA : Fábio da Silva Adamo- Diretor de Serviços Ana Paula Garcia- Responsável pelo Núcleo de Pagamento Equipe Gerenciamento: Daiana da Silva Raizaro Ilaercio Fioramonte Filho Marcos Paulo Botelho Buch Michele Mizael Rodrigues Oscar Zanin 1

2 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 4 LACA CADASTRAMENTO SERVIDOR DADOS PESSOAIS CADASTRAMENTO SERVIDOR DADOS FUNCIONAIS CADASTRAMENTO NÃO SERVIDOR DADOS PESSOAIS CADASTRAMENTO NÃO SERVIDOR DADOS DE PAGAMENTO CADASTRAMENTO PENSIONISTA CADASTRO DE DEPENDENTES CONSULTA CADASTRO IDENTIFICAÇÃO PESSOA NOMES SEMELHANTES CONSULTA CADASTRO IDENTIFICAÇÃO PESSOA DOCUMENTOS (RG OU CPF) CONSULTA CADASTRO SERVIDOR DADOS PESSOAIS CONSULTA CADASTRO SERVIDOR DADOS FUNCIONAIS CONSULTA DE CADASTRO SERVIDOR - HISTÓRICO DOS DADOS GERAIS CONSULTA DE CADASTRO SERVIDOR HISTÓRICO DAS ALTERAÇÕES CONSULTA DE CADASTRO NÃO SERVIDOR DADOS PESSOAIS / PAGAMENTO CONSULTA DE CADASTRO NÃO SERVIDOR HISTÓRICOS DOS DADOS GERAIS CONSULTA DE CADASTRO NÃO SERVIDOR HISTÓRICO DAS ALTERAÇÕES CONSULTA DE CADASTRO - PENSIONISTA DADOS PESSOAIS / PAGAMENTO / FINANCEIRO CONSULTA DE CADASTRO PENSIONISTA HISTÓRICO DOS DADOS GERAIS CONSULTA DE CADASTRO PENSIONISTA NOMES SEMELHANTES CONSULTA DE CADASTRO PENSIONISTA RELAÇÃO DE PENSIONISTA POR OP CONSULTA CADASTRO DEPENDENTE CONSULTA DE CADASTRO - SERVIDOR / NÃO SERVIDOR (DADOS PESSOAIS / FUNCIONAIS)... 9 LAPA

3 DADOS DE PAGAMENTO FOLHA TESTE SERVIDOR DADOS DE PAGAMENTO FOLHA TESTE NÃO SERVIDOR DADOS DE PAGAMENTO FOLHA TESTE PENSIONISTA DADOS DO SERVIDOR FOLHA NORMAL DADOS DO SERVIDOR - POR U.A DADOS DO SERVIDOR POR OP, UA CARGO, CATEG, TABELA DE VENCIMENTO, PADRÃO LPHA HISTÓRICO FINANCEIRO CONSULTA SERVIDOR HISTÓRICO FINANCEIRO CONSULTA NÃO SERVIDOR HISTÓRICO FINANCEIRO CONSULTA PENSIONISTA SALÁRIO PAGAMENTO CONSULTA SERVIDOR SALÁRIO PAGAMENTO CONSULTA NÃO SERVIDOR SALÁRIO PAGAMENTO CONSULTA PENSIONISTA ATESTADO DE RENDIMENTOS CONSULTA SERVIDOR ATESTADO DE RENDIMENTOS CONSULTA NÃO SERVIDOR ATESTADO DE RENDIMENTOS CONSULTA PENSIONISTA SALARIO ADIANTAMENTO /2. FASE (DIFERENCA) CONSULTA SERVIDOR SALARIO ADIANTAMENTO /2. FASE (DIFERENCA) CONSULTA NÃO SERVIDOR SALARIO ADIANTAMENTO /2. FASE (DIFERENCA) CONSULTA PENSIONISTA DIRF CONSULTA SERVIDOR DIRF CONSULTA NÃO SERVIDOR DIRF CONSULTA PENSIONISTA INCIDÊNCIAS DIRF INCIDÊNCIAS 13º SALÁRIO INSS RELAÇÃO DOS SALÁRIOS DE CONTRIBUIÇÃO INSS APURAÇÃO DO SALÁRIO DE BENEFICIO

4 INTRODUÇÃO Considerando as diversas dúvidas por parte das Unidades de Ensino no que se refere às opções disponíveis para consulta / cadastramento dos sistemas LACA (Cadastro), LAPA (Pagamento) e LPHA (Histórico Financeiro), e afim de que haja um melhor aperfeiçoamento durante a utilização dos sistemas por parte das unidades de ensino. Segue abaixo relação de todas as opções disponíveis para utilização e qual a sua principal funcionalidade. 4

5 LACA Tem por objetivo cadastrar e consultar os dados pessoais e funcionais de servidores, não servidores, pensionistas e dependentes, além de consultar o histórico dos dados gerais e/ou alterações. Legenda: NIS Número de Identificação do Servidor; NV Número de Verificação; NPA Número da Pensão Alimentícia; CADASTRAMENTO SERVIDOR DADOS PESSOAIS O objetivo desta opção é cadastrar um servidor utilizando sempre um novo número de matricula (Verificar procedimentos de admissão com o Núcleo de Controle Funcional - NCF), ou seja, a primeira matrícula do servidor, que não possui o número dos NIS. Observação: ao realizarmos um novo cadastro o sistema automaticamente passará para a opção de dados funcionais, ou seja, será necessário somente esta opção para realizarmos o cadastro completo (dados pessoais e funcionais) CADASTRAMENTO SERVIDOR DADOS FUNCIONAIS Somente será utilizada quando realizarmos a ativação de uma matricula, ou seja, devemos ter o número de matricula e NIS para iniciarmos o cadastro, sendo que nesses casos somente serão cadastrados os dados funcionais CADASTRAMENTO NÃO SERVIDOR DADOS PESSOAIS O objetivo desta opção é cadastrar um não servidor utilizando sempre um novo número de matricula, ou seja, a primeira matrícula do não servidor, que não possui o número dos NIS. 5

6 Observação: ao realizarmos um novo cadastro o sistema automaticamente passará para a opção de dados funcionais, ou seja, será necessário somente esta opção para realizarmos o cadastro completo (dados pessoais e funcionais) CADASTRAMENTO NÃO SERVIDOR DADOS DE PAGAMENTO Somente será utilizada quando realizarmos uma ativação de uma matricula desligada, ou seja, devemos ter o número de matricula e NIS para iniciarmos o cadastro, sendo que nesses casos somente serão cadastrados os dados funcionais CADASTRAMENTO PENSIONISTA Este tem por finalidade cadastrar pensionista de servidores ou não servidores já cadastrados no Sistema de Folha, tendo em vista que, para gerar o pagamento da pensionista o sistema deve efetuar o desconto do pagador CADASTRO DE DEPENDENTES Tem por objetivo cadastrar novos dependentes CONSULTA CADASTRO IDENTIFICAÇÃO PESSOA NOMES SEMELHANTES Esta opção tem a finalidade de localizar todas as matrículas (ativas, desligadas ou suspensas) dos servidores e não servidores da OP. Observação: deverá ser realizada de três formas: Digitando o nome completo ou apenas o primeiro nome ou o primeiro e o último sobrenome, para isso deve-se cadastrar o nome no corretamente sistema. 6

7 CONSULTA CADASTRO IDENTIFICAÇÃO PESSOA DOCUMENTOS (RG OU CPF). Tem a finalidade de localizar todas as matrículas (ativas, deligadas ou suspensas) dos servidores e não servidores, utilizando os números de documentos (RG e CPF) CONSULTA CADASTRO SERVIDOR DADOS PESSOAIS servidores. Tem o objetivo de consultar todos os dados pessoais cadastrados somente dos CONSULTA CADASTRO SERVIDOR DADOS FUNCIONAIS servidores. Tem o objetivo de consultar todos os dados funcionais cadastrados somente dos CONSULTA DE CADASTRO SERVIDOR - HISTÓRICO DOS DADOS GERAIS Tem a finalidade de consultar todos os dados dos servidores a partir de uma data especificada no sistema, que pode ser diferente da situação atual do servidor. Para esta opção o sistema identifica qual era a situação cadastral na data selecionada (dados pessoais e funcionais) CONSULTA DE CADASTRO SERVIDOR HISTÓRICO DAS ALTERAÇÕES Esta opção identifica todas as alterações realizadas e as datas de lançamentos para todas as alterações, desta maneira poderemos identificar precisamente qual era a situação cadastral na data determinada. 7

8 CONSULTA DE CADASTRO NÃO SERVIDOR DADOS PESSOAIS / PAGAMENTO Tem o objetivo de consultar todos os dados pessoais e funcionais cadastrados somente dos não servidores CONSULTA DE CADASTRO NÃO SERVIDOR HISTÓRICOS DOS DADOS GERAIS Tem a finalidade de consultar todos os dados dos não servidores a partir de uma data especificada no sistema, que pode ser diferente da situação atual do servidor. Para esta opção o sistema identifica qual era a situação cadastral na data selecionada (dados pessoais e funcionais) CONSULTA DE CADASTRO NÃO SERVIDOR HISTÓRICO DAS ALTERAÇÕES Esta opção identifica todas as alterações realizadas e as datas de lançamentos para todas as alterações, desta maneira poderemos identificar precisamente qual era a situação cadastral na data determinada CONSULTA DE CADASTRO - PENSIONISTA DADOS PESSOAIS / PAGAMENTO / FINANCEIRO Tem o objetivo de consultar todos os dados pessoais, funcionais e referências de pagamentos cadastrados somente de pensionistas CONSULTA DE CADASTRO PENSIONISTA HISTÓRICO DOS DADOS GERAIS Tem a finalidade de consultar todos os dados de pensionistas a partir de uma data especificada no sistema, que pode ser diferente da situação atual. Para esta opção o sistema identifica qual era a situação cadastral na data selecionada (dados pessoais, funcionais e referências de pagamentos). 8

9 CONSULTA DE CADASTRO PENSIONISTA NOMES SEMELHANTES Esta opção tem a finalidade de localizar todas as matrículas (ativas, desligadas ou suspensas) de pensionistas por OP. Observação: deverá ser realizada de três formas: Digitando o nome completo, apenas o primeiro nome ou o primeiro e o último sobrenome, para isso deve-se cadastrar o nome corretamente no sistema CONSULTA DE CADASTRO PENSIONISTA RELAÇÃO DE PENSIONISTA POR OP Consulta as pensões alimentícias cadastradas na Unidade de Ensino CONSULTA CADASTRO DEPENDENTE Consulta todos os dependentes cadastrados em determinada matrícula CONSULTA DE CADASTRO - SERVIDOR / NÃO SERVIDOR (DADOS PESSOAIS / FUNCIONAIS) Esta opção consulta somente as matrículas ativas de servidores e não servidores, podendo ser consultado por nome ou R.G. Observação: deverá ser realizada de três formas: Digitando o nome completo, apenas o primeiro nome ou o primeiro e o último sobrenome, para isso deve-se cadastrar o nome corretamente no sistema. 9

10 LAPA Através deste sistema é possível consultar, alterar, implantar ou excluir referências de pagamentos cadastrados aos servidores e não servidores. Importante: principalmente no que se refere à implantação, exclusão e alteração, sempre deverão ser respeitados as regras e procedimentos estabelecidos nos manuais e nos sistemas deste NPP juntamente com a PRODESP. Inicialmente, tendo em vista a complexidade do sistema, somente está disponível a opção de conferência de folha teste e dados do servidor, além de outras ferramentas DADOS DE PAGAMENTO FOLHA TESTE SERVIDOR DADOS DE PAGAMENTO FOLHA TESTE NÃO SERVIDOR DADOS DE PAGAMENTO FOLHA TESTE PENSIONISTA Através destas três opções poderemos realizar a consulta da folha teste sempre do mês de referência. Observação: o período de conferência da folha teste deverá ocorrer entre o primeiro e o segundo cálculo, conforme estabelecido em cronograma e após processamento da folha a mesma será carregada no histórico financeiro DADOS DO SERVIDOR FOLHA NORMAL Visualiza as referências básicas para que o sistema gere pagamento. Observação: estes dados são vinculados ao sistema LACA DADOS DO SERVIDOR - POR U.A. Permite a consulta das matriculas cadastradas por Unidade Administrativa U.A. e a situação da mesma (Ativo, Afastado ou Desligado) 10

11 4.3. DADOS DO SERVIDOR POR OP, UA CARGO, CATEG, TABELA DE VENCIMENTO, PADRÃO. Permite a consulta de matriculas a partir da seleção das opções disponíveis, conforme segue: 1. Exercendo ou Não Exercendo; 2. OP; 3. U.A.; 4. Cargo; 5. Categoria; 6. Tabela de Vencimento; 7. Padrão; 8. A parte da Matricula. Observação: quanto mais opções selecionar maior a probabilidade de localizar a situação desejada. 11

12 LPHA Permite visualizar a ficha financeira de acordo com o mês referência selecionado: Observações: O sistema PRODESP se iniciou em 1997, sendo assim não existe consulta anterior a esse período no sistema, históricos de pagamentos anteriores a 1997, deverão constar nos arquivos da Unidade de Ensino HISTÓRICO FINANCEIRO CONSULTA SERVIDOR HISTÓRICO FINANCEIRO CONSULTA NÃO SERVIDOR HISTÓRICO FINANCEIRO CONSULTA PENSIONISTA Nessas opções podemos consultar todos os pagamentos já realizados a determinado servidor, como por exemplo, Folha Normal, Folha Suplementar, Ordem de Crédito Complementar etc.., para isso devemos ter no mínimo a matricula do servidor além do período que deverá ser consultado. Observação: A consulta da ultima referência somente poderá ser realizada após fechamento e processamento da folha, seja ela Normal, Suplementar, 13º Salário etc SALÁRIO PAGAMENTO CONSULTA SERVIDOR SALÁRIO PAGAMENTO CONSULTA NÃO SERVIDOR SALÁRIO PAGAMENTO CONSULTA PENSIONISTA Nessas opções é possível realizar consultas somente de 13º Salário. A consulta acontecerá somente para a 2º Parcela e o Recálculo, durante o período de execução das rotinas de 13º (Dezembro). 12

13 ATESTADO DE RENDIMENTOS CONSULTA SERVIDOR ATESTADO DE RENDIMENTOS CONSULTA NÃO SERVIDOR ATESTADO DE RENDIMENTOS CONSULTA PENSIONISTA Permite a consulta do atestado de rendimentos com base no ano calendário solicitado SALARIO ADIANTAMENTO /2. FASE (DIFERENCA) CONSULTA SERVIDOR SALARIO ADIANTAMENTO /2. FASE (DIFERENCA) CONSULTA NÃO SERVIDOR SALARIO ADIANTAMENTO /2. FASE (DIFERENCA) CONSULTA PENSIONISTA Nessas opções é possível realizar consultas somente de 13º Salário. A consulta acontecerá somente para a Antecipação de 13º (Outubro / Novembro) e o Recálculo (Dezembro), durante o período de execução das rotinas de 13º DIRF CONSULTA SERVIDOR DIRF CONSULTA NÃO SERVIDOR DIRF CONSULTA PENSIONISTA Permite a consulta da DIRF (Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte) através da matrícula ou nº do CPF de acordo com o ano calendário selecionado INCIDÊNCIAS DIRF 7.3. INCIDÊNCIAS 13º SALÁRIO Permite a visualização dos parâmetros utilizados para todos os VDs INSS RELAÇÃO DOS SALÁRIOS DE CONTRIBUIÇÃO Permite a visualização dos Salários de contribuição durante todo o período. 13

14 10.3. INSS APURAÇÃO DO SALÁRIO DE BENEFICIO Permite a consulta da média dos 80 maiores salários de contribuições atualizados desde a data de admissão na matrícula. Observação: a Unidade somente poderá realizar consulta para servidores, não servidores e pensionistas cadastrados em sua respectiva Unidade Administrativa U.A.. 14

DIRF. Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte DIRF 2014. Ano Base:2013. Copyright 2013 1

DIRF. Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte DIRF 2014. Ano Base:2013. Copyright 2013 1 DIRF Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte DIRF 2014 Ano Base:2013 Copyright 2013 1 O que é DIRF? Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte: É a declaração feita pela FONTE PAGADORA [Empresa],

Leia mais

Menu Processos. - Folha de Pagamento Mensal - Adiantamento (vale) - 13º Salário Parcela Final - 13º Salário Adiantamento

Menu Processos. - Folha de Pagamento Mensal - Adiantamento (vale) - 13º Salário Parcela Final - 13º Salário Adiantamento Digitação de Holerith Processo da Folha de Pagamento Este item é responsável pela criação de sua folha de pagamento. A Digitação de Holerith permite o manuseio completo das mais diferentes situações. Esta

Leia mais

www.centropaulasouza.sp.gov.br/crh Rua dos Andradas, 140 Santa Ifigênia 01208-000 São Paulo SP Tel.: (11) 3324.3300

www.centropaulasouza.sp.gov.br/crh Rua dos Andradas, 140 Santa Ifigênia 01208-000 São Paulo SP Tel.: (11) 3324.3300 Página 1 Versão 17/11/2014 CAPÍTULO VI - PAGAMENTO Página 2 Versão 17/11/2014 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 11 1. QUANTO AO PROCESSAMENTO DA FOLHA DE PAGAMENTO... 12 1.1. Dos sistemas utilizados para processamento

Leia mais

DEFINIÇÃO PARA FOLHA DE PAGAMENTO DE FÉRIAS COLETIVAS DOCENTES NOVEMBRO / 2007

DEFINIÇÃO PARA FOLHA DE PAGAMENTO DE FÉRIAS COLETIVAS DOCENTES NOVEMBRO / 2007 DEFINIÇÃO PARA FOLHA DE PAGAMENTO DE FÉRIAS COLETIVAS DOCENTES NOVEMBRO / 2007 SERVIDORES DO CEETEPS CLIENTE 092 REGIME C.L.T DOCENTES FOLHA DE FÉRIAS COLETIVA PERÍODO A SER CONSIDERADO: JANEIRO á DEZEMBRO

Leia mais

Rotinas Anuais D.I.R.F.2013

Rotinas Anuais D.I.R.F.2013 Dinâmica Sistemas Personalizados Apostila DIRF 2013 1 Rotinas Anuais D.I.R.F.2013 Declaração de Imposto de Renda na Fonte de pessoas jurídicas(autônomos) e físicas(folha/autônomos), que tenham pago ou

Leia mais

ÍNDICE. Capítulo XI Subsistema Folha de Pagamentos

ÍNDICE. Capítulo XI Subsistema Folha de Pagamentos ÍNDICE Capítulo XI Subsistema Folha de Pagamentos COMO INCLUIR PENSÃO ALIMENTÍCIA...2 COMO CONSULTAR PENSÃO ALIMENTÍCIA...4 COMO INCLUIR PENSÃO ALIMENTÍCIA INFORMADA...4 COMO CONSULTAR PENSÃO ALIMENTÍCIA

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Como Tratar o Imposto de Renda na Fonte sobre PLR na DIRF2014

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Como Tratar o Imposto de Renda na Fonte sobre PLR na DIRF2014 Como 09/01/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas Apresentadas pelo Cliente... 3 3. Análise da Consultoria... 3 4. Conclusão... 9 5. Informações Complementares... 9 6. Referências...

Leia mais

Manual da Rescisão Complementar

Manual da Rescisão Complementar Manual da Rescisão Complementar Atualizado em Abril/2009 Pág 1/16 Sumário Rescisão Complementar... 2 Reajuste salarial para funcionários demitidos... 3 Novos Campos cadastro de Sindicato... 4 Recálculo

Leia mais

Manual Instrutivo Captura de Propostas CP Consignado

Manual Instrutivo Captura de Propostas CP Consignado Título da apresentação Manual Instrutivo Captura de Propostas CP Consignado Captura CP Consignado - Nova Captura CP Consignado - Nova O sistema deve ser acessado pelo site do PANCRED, segue abaixo o passo

Leia mais

Para facilitar o entendimento do processo de geração da DIRF 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas

Para facilitar o entendimento do processo de geração da DIRF 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas Para facilitar o entendimento do processo de geração da DIRF 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas disponibilizou este pequeno manual que contém dicas importantes sobre

Leia mais

Manual para DIRF. Manual de Procedimentos - WFOLHA

Manual para DIRF. Manual de Procedimentos - WFOLHA Para gerar o arquivo da DIRF, existem algumas informações importantes a serem revisadas antes de qualquer processo. Desta forma dividimos o manual em sequencias as quais estão explicadas a diante: Prazo:

Leia mais

Sumário. 1. Atualização do layout RAIS. Este documento de versionamento contém: 1. Atualização do layout RAIS 2. Atualização do layout DIRF

Sumário. 1. Atualização do layout RAIS. Este documento de versionamento contém: 1. Atualização do layout RAIS 2. Atualização do layout DIRF Sumário Este documento de versionamento contém: 1. Atualização do layout RAIS 2. Atualização do layout DIRF 1. Atualização do layout RAIS O layout da RAIS foi atualizado conforme orientações fornecidas

Leia mais

Sistema de Gestão Integrado para Cooperativas

Sistema de Gestão Integrado para Cooperativas Sistema de Gestão Integrado para Cooperativas CoopSys 6.0 Release 34C DESCRIÇÃO DOS RECURSOS Recursos Humanos o Cadastro de Cooperados : Informações Cadastrais Básicas Nome, Endereço, CEP, Cidade/UF CPF,

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo V

Treinamento Sistema Folha Union Módulo V FOLHA DE PAGAMENTO Controle FGTS / Guias Recolhimento / Remessa para banco / Encerramento anual Folha Union> Movimento> Controle de FGTS> Importar depósitos As telas de Controle de FGTS são utilizadas

Leia mais

Menu Contratos. Há também a opção de Contrato de Experiência Modelo Antigo com alteração de algumas cláusulas.

Menu Contratos. Há também a opção de Contrato de Experiência Modelo Antigo com alteração de algumas cláusulas. Contratos de Trabalho Emissão de Contratos de Trabalho e Outros Experiência Este item tem como objetivo emitir Contrato de Experiência para o recrutamento dos funcionários na empresa. A emissão necessita

Leia mais

Estabelecer a rotina, diretrizes e prazos para processamento da folha de pagamento do Grupo.

Estabelecer a rotina, diretrizes e prazos para processamento da folha de pagamento do Grupo. 1/8 1. OBJETIVO Estabelecer a rotina, diretrizes e prazos para processamento da folha de pagamento do Grupo. 2. DEFINIÇÃO E CONCEITO DHO Desenvolvimento Humano Organizacional; SISTEMA RUBI Sistema operacional

Leia mais

Portabilidade Resolução Bacen 4292 Gerência de Produtos Consignado Maio/14

Portabilidade Resolução Bacen 4292 Gerência de Produtos Consignado Maio/14 [ Externo ] Título da apresentação Portabilidade Resolução Bacen 4292 Gerência de Produtos Consignado Maio/14 O que é portabilidade? No dia 05/05/2014, entra em vigor a Resolução Banco Central 4.292/2013,

Leia mais

Portabilidade Consignado Gerencia de Produtos Consignados Janeiro 2015. Título da apresentação

Portabilidade Consignado Gerencia de Produtos Consignados Janeiro 2015. Título da apresentação Portabilidade Consignado Gerencia de Produtos Consignados Janeiro 2015 Título da apresentação Digitação 1º Acessar o site do PANCRED www.pancred.com.br 2º Selecionar a funcionalidade de digitação de Proposta

Leia mais

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade DM003.0 Página 1 / 42 Índice 1 APRESENTAÇÃO... 4 DETALHAMENTO DOS LINKS DO TECBIZ ONLINE... 5 2 INICIAL... 5 3 ASSOCIADO... 5 3.1 SELECIONA ASSOCIADO... 5 3.2 ALTERAR

Leia mais

Web Empresas. Agemed Saúde S/A. Versão 03

Web Empresas. Agemed Saúde S/A. Versão 03 2011 Versão 03 Web Empresas Agemed Saúde S/A. Esse documento tem como objetivo orientar as empresas contratantes do plano de saúde Agemed a utilizarem o ambiente Web para realização de movimentações cadastrais

Leia mais

ACESSAR: www.bmgconsig.com.br. Digite seu Usuário e Senha Digite os algarismos Clique em OK

ACESSAR: www.bmgconsig.com.br. Digite seu Usuário e Senha Digite os algarismos Clique em OK ROTEIRO OPERACIONAL ACESSAR: www.bmgconsig.com.br Digite seu Usuário e Senha Digite os algarismos Clique em OK ACESSO A DIGITAÇAO Clique em Proposta no Menu Selecione Nova IDENTIFICAR A OPERAÇÃO Entidade:

Leia mais

Manual - Demonstrativos de Pagamento e Comprovantes de Rendimento

Manual - Demonstrativos de Pagamento e Comprovantes de Rendimento Manual - Demonstrativos de Pagamento e Comprovantes de Rendimento Versão: VA_04 Data: 26/06/2013 Este documento descreve as atividades e ações no Sistema de Gestão de Pessoas Administração de Pessoal VETORH

Leia mais

Administração Central Unidade de Recursos Humanos - DPSOB Núcleo de Pagamento de Pessoal. Manual. Adicional Noturno. Servidor CLT

Administração Central Unidade de Recursos Humanos - DPSOB Núcleo de Pagamento de Pessoal. Manual. Adicional Noturno. Servidor CLT Manual Adicional Noturno Servidor CLT & Gratificação Trabalho Noturno Autárquico Equipe Responsável Gerenciamento: Ultima Atualização: Este Manual encontra-se disponível na homepage: Gislene Cristina Thiago

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Como ajustar a DIRF quando não foi realizado o cálculo em separado do IRRF sobre os Rendimentos Recebidos

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Como ajustar a DIRF quando não foi realizado o cálculo em separado do IRRF sobre os Rendimentos Recebidos Como ajustar a DIRF quando não foi realizado o cálculo em separado do IRRF sobre os Rendimentos Recebidos Acumuladamente (RRA) 24/06/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas

Leia mais

Fundação COELCE de Seguridade Social - FAELCE

Fundação COELCE de Seguridade Social - FAELCE Fundação COELCE de Seguridade Social - FAELCE MANUAL DO PREVSYSTEM WEB Índice Objetivo... 2 Iniciando... 2 Menu de Opções... 3 Opção Participantes... 3 Opção Benefícios... 4 Opção Empréstimos... 4 Opção

Leia mais

Treinamento da DIRF e Comprovante de Rendimentos

Treinamento da DIRF e Comprovante de Rendimentos Treinamento da DIRF e Comprovante de Rendimentos Este treinamento tem o objetivo de demonstrar as informações e funcionalidades da DIRF em relação às rotinas específicas do sistema JB Folha de Pagamento.

Leia mais

Roteiro Operacional de Refinanciamento de Empréstimo Consignado - INSS

Roteiro Operacional de Refinanciamento de Empréstimo Consignado - INSS 1. OBJETIVO Refinanciamento de dívida de Empréstimos vinculados a Consignação em Folha de Pagamento dos aposentados e pensionistas do INSS, contraídas com o Banco Industrial. 2. REGRAS OPERACIONAIS O Banco

Leia mais

Legislação. Lei Complementar n 150/2015. Art. 7, parágrafo único, da Constituição Federal

Legislação. Lei Complementar n 150/2015. Art. 7, parágrafo único, da Constituição Federal Simples Doméstico Legislação Lei Complementar n 150/2015 Art. 7, parágrafo único, da Constituição Federal Quem é empregado doméstico? Art. 1 o da LC n 150/2015 Ao empregado doméstico, assim considerado

Leia mais

SISTEMA DE PRONTUÁRIO DO SERVIDOR PROTEC

SISTEMA DE PRONTUÁRIO DO SERVIDOR PROTEC SISTEMA DE PRONTUÁRIO DO SERVIDOR PROTEC ÍNDICE 1. Introdução...3 2. Cadastros...3 2.1. Cadastros Básicos...3 2.2. Servidores...4 2.3. Dependentes e Empregos Anteriores...4 2.4. Contribuições...5 3. Biometria...6

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Página: 1/5 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Módulo Rubi Avançado : 20:00 A quem se destina: Todos que tiverem a necessidade de administrar de forma avançada o módulo Rubi para facilitar o controle de Valores Folha

Leia mais

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Diferença Salarial no Sistema TOTVS RM.

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Diferença Salarial no Sistema TOTVS RM. Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Diferença Salarial no Sistema TOTVS RM. Índice I. Acesso ao Cadastro:... 2 II. Cálculo da diferença utilizando

Leia mais

Gerencie Carteira - PF

Gerencie Carteira - PF Gerencie Carteira - PF Mais negócios para a sua empresa, com melhor resultado e o risco sob controle. Manual do Produto Manual do Produto 1 Índice Produto 02 Meio de acesso 02 Carteira de Clientes Pessoa

Leia mais

Atenderemos servidores ATIVOS, INATIVOS, MAGISTRADOS e PENSIONISTAS que são pagos pelo próprio TRT-RS.

Atenderemos servidores ATIVOS, INATIVOS, MAGISTRADOS e PENSIONISTAS que são pagos pelo próprio TRT-RS. BANCO CRUZEIRO DO SUL S/A CPP CRÉDITO PESSOAL PARCELADO ESTABELECIMENTO DOS CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DOS EMPRÉSTIMOS CONVÊNIO COM O TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO-RS LOJA 1360 PÚBLICO ALVO Atenderemos servidores

Leia mais

1. PÚBLICO ALVO. Servidores admitidos pela lei 500/74; Servidores Admitidos regime CLT; Servidores que pertencem a UNESP;

1. PÚBLICO ALVO. Servidores admitidos pela lei 500/74; Servidores Admitidos regime CLT; Servidores que pertencem a UNESP; 1. PÚBLICO ALVO Categoria SEFAZ e Autarquias Condição Servidores públicos civis ativos, inativos e pensionistas da administração direta e autárquica. Polícia Militar Servidores públicos militares ativos.

Leia mais

EXACTUS SOFTWARE LTDA

EXACTUS SOFTWARE LTDA Instruções para Geração do 13º Salário EXACTUS SOFTWARE LTDA SISTEMA - WINNER Edição 2009 Página 1 de 24 Londrina Paraná Edição 10/2009 COPYRIGHT Todos os direitos são reservados à Exactus Software Ltda.

Leia mais

MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE LUCAS DO RIO VERDE CONTROLE INTERNO

MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE LUCAS DO RIO VERDE CONTROLE INTERNO 1/8 1) DOS OBJETIVOS: 1.1) Disciplinar e normatizar os procedimentos operacionais na administração de recursos humanos; 1.2) Garantir maior segurança na admissão e exoneração de pessoal; 1.3) Manter atualizado

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 Cordilheira Recursos Humanos CRH 2.85A As rotinas de Retiradas de Pró-labore e Autônomos tiveram diversas alterações, com o objetivo

Leia mais

Menu Relatórios. Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento. Folha Pagto (Meio Magnético)

Menu Relatórios. Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento. Folha Pagto (Meio Magnético) Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento Esta opção é responsável pela emissão da Folha de Pagamento dos funcionários com movimentação. A impressão poderá ser configurada com separações

Leia mais

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo SISRH

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo SISRH Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo SISRH Sistema de Gestão de Pessoas Versão 2.0a Manual de Operação

Leia mais

AUDITORIA FINANCEIRA. No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria Financeira.

AUDITORIA FINANCEIRA. No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria Financeira. AUDITORIA FINANCEIRA Processo de uso da Auditoria Financeira CADASTRO DE EMPRESA PARÂMETROS No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria

Leia mais

RO Roteiro Operacional Corpo de Bombeiros MG

RO Roteiro Operacional Corpo de Bombeiros MG Corpo de Bombeiros Militar - MG RO.04.03 Versão: 14 RO Roteiro Operacional Corpo de Bombeiros MG Área responsável: Gerência de Produtos Consignados Vers I - CONDIÇÕES GERAIS 1. PÚBLICO A SER ATENDIDO E

Leia mais

Nesta versão, foram disponibilizadas as alterações cadastrais relacionadas ao esocial.

Nesta versão, foram disponibilizadas as alterações cadastrais relacionadas ao esocial. LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

Módulo Recursos Humanos

Módulo Recursos Humanos Módulo Recursos Humanos Folha de Pagamento Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre o Módulo Recursos Humanos Folha de Pagamento. Todas informações aqui disponibilizadas foram retiradas

Leia mais

PAGAMENTO: MESMO DIA (D+0) APÓS ESSE HORÁRIO O PAGAMENTO SERA REALIZADO NO PROXIMO DIA UTIL (D+1) REFINANCIAMENTO PRAZO LIMITE PARA DIGITAÇÃO: 14:30

PAGAMENTO: MESMO DIA (D+0) APÓS ESSE HORÁRIO O PAGAMENTO SERA REALIZADO NO PROXIMO DIA UTIL (D+1) REFINANCIAMENTO PRAZO LIMITE PARA DIGITAÇÃO: 14:30 Áreas Envolvidas: Área Responsável Negócio Gerência Geral Comercial Ricardo Silva Roteiro Operacional Promotora Gerência Regional Comercial Leandro Moraes Versão: 01/13 Gerência Comercial Comercial Walter

Leia mais

Módulo de Rescisão. Passaremos a explicar abaixo os campos da tela do cálculo da rescisão:

Módulo de Rescisão. Passaremos a explicar abaixo os campos da tela do cálculo da rescisão: Módulo de Rescisão Para calcular a rescisão, é necessário informar para quem se deseja calcular (Código, Divisão, Tomador), depois informar tipo de dispensa, data de aviso prévio, data de pagamento, dias

Leia mais

Sistema de Bolsas - CGFC

Sistema de Bolsas - CGFC Tutorial:Sistema Sistema de Bolsas - CGFC Como lançar o pagamento de Bolsistas solicitados pelas áreas da UFABC 02/03/2015 Fábio e Rogério Versão 2.1 Conteúdo Tutorial:Sistema de Bolsas - CGFC 2015 Introdução...

Leia mais

Manual Prático 13º Salário

Manual Prático 13º Salário Manual Prático 13º Salário 1/36 Índice 1. ROTINAS 13 SALÁRIO DOS SISTEMAS EBS... 4 1.1. Definições... 4 2. CONFIGURAÇÕES DE EVENTOS... 6 3. 1 PARCELA... 9 4. 2 PARCELA... 11 5. INFORMAÇÃO DE VALORES EXTRAS...

Leia mais

Características do Sistema

Características do Sistema SISTEMA FOLHA DE PAGAMENTO ADVANCED Características do Sistema Sistema multiusuário pleno. Sistema multiempresa sem limitações. Recursos e facilidades operacionais com eficiência, segurança e exatidão.

Leia mais

Cargos/Funções necessárias no desenvolvimento das atividades: GERENTE DE ATIVIDADE, ASSISTENTE TÉCNICO ESPECIALIZADO E ASSISTENTE OPERACIONAL

Cargos/Funções necessárias no desenvolvimento das atividades: GERENTE DE ATIVIDADE, ASSISTENTE TÉCNICO ESPECIALIZADO E ASSISTENTE OPERACIONAL Cargos/Funções necessárias no desenvolvimento das atividades: GERENTE DE ATIVIDADE, ASSISTENTE TÉCNICO ESPECIALIZADO E ASSISTENTE OPERACIONAL MACRO FUNÇÃO ATIVIDADE TAREFA Verificar Tabela de Bancos, Analisar

Leia mais

MANUAL PARA DECLARAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA PESSOA FÍSICA 2015 PLANOS DE PREVIDÊNCIA PORTO SEGURO

MANUAL PARA DECLARAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA PESSOA FÍSICA 2015 PLANOS DE PREVIDÊNCIA PORTO SEGURO MANUAL PARA DECLARAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA PESSOA FÍSICA 2015 PLANOS DE PREVIDÊNCIA PORTO SEGURO MANUAL PARA DECLARAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA PESSOA FÍSICA 2015 PLANOS DE PREVIDÊNCIA PORTO SEGURO O Manual

Leia mais

PROGRAMA ESCOLA DA FAMÍLIA DER SÃO VICENTE Tutorial para inscrição Bolsa Universidade

PROGRAMA ESCOLA DA FAMÍLIA DER SÃO VICENTE Tutorial para inscrição Bolsa Universidade 1º Passo Acesso ao Site: http://escoladafamilia.fde.sp.gov.br 2º Passo Acesse a pagina para a inscrição 3º Passo Acesso a inscrição 4º Passo Início da inscrição Página 1 5º Passo Acesso ao formulário de

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Tratamento de pensão alimentícia sobre Rendimento Recebido Acumuladamente (RRA) no Comprovante de

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Tratamento de pensão alimentícia sobre Rendimento Recebido Acumuladamente (RRA) no Comprovante de Tratamento de pensão alimentícia sobre Rendimento Recebido Acumuladamente (RRA) no 13/08/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Legislação...

Leia mais

Instruções Folha de Pagamento Rotina 19 13º Salário

Instruções Folha de Pagamento Rotina 19 13º Salário Instruções Folha de Pagamento Rotina 19 13º Salário Instruções Iniciais Antes de iniciar a geração do 13º salário é necessário verificar com atenção as dicas iniciais. Efetue a parametrização da Tabela

Leia mais

Procedimentos - 13º Salário Logix

Procedimentos - 13º Salário Logix Procedimentos - 13º Salário Logix 1 ÍNDICE 1. Parâmetros... 3 1.1. RHU3330 - Empresas - Cálculo/Movimento Folha...3 1.2. RHU0050 Manutenção Eventos...5 1.3. RHU0030 - Categoria Salarial...6 1.4. RHU0150

Leia mais

Instrução Normativa 1.343, DE 08.04.2013, DA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL

Instrução Normativa 1.343, DE 08.04.2013, DA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Instrução Normativa 1.343, DE 08.04.2013, DA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL ASSISTIDOS COM INÍCIO DO RECEBIMENTO DO BENEFÍCIO NO PERÍODO DE JAN.2008 A DEZ.2012 Perguntas e respostas para entendimento

Leia mais

Roteiro Operacional - Banco

Roteiro Operacional - Banco Regime de Contratação (Vínculo) Categoria (Situação) Efetivo 1. PÚBLICO ALVO Todas as Secretarias Condição Estatutário Aposentado Pensionista Todas as Secretarias Todas as Secretarias Público que não atenderemos

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL BANCO DAYCOVAL SIAPE - CONSIST

ROTEIRO OPERACIONAL BANCO DAYCOVAL SIAPE - CONSIST ROTEIRO OPERACIONAL BANCO DAYCOVAL SIAPE - CONSIST Seguem abaixo as regras que deverão ser seguidas a partir do início das atividades do Correspondente Bancário Daycoval. Este documento é parte integrante

Leia mais

Guia Site Empresarial

Guia Site Empresarial Guia Site Empresarial Índice 1 - Fazer Fatura... 2 1.1 - Fazer uma nova fatura por valores de crédito... 2 1.2 - Fazer fatura alterando limites dos cartões... 6 1.3 - Fazer fatura repetindo última solicitação

Leia mais

SISCOF - Manual do Usuário

SISCOF - Manual do Usuário SISCOF - Manual do Usuário SERPRO / SUPDE / DECTA / DE901 SISTEMA DE CONTROLE DE FREQUÊNCIA Versão 1.2 Sumário SISCOF Sistema de Controle de Frequência 1. Login e Senha... 2 1.1 Como Efetuar Login No Sistema...

Leia mais

Sistema Folhamatic Apostila de Treinamento Presencial

Sistema Folhamatic Apostila de Treinamento Presencial Sistema Folhamatic Apostila de Treinamento Presencial Autor: Equipe Treinamento Índice Central Folhamatic...4 Atualizador Automático... 4 Auto Backup... 4 Talkmatic Suporte Online... 4 Backup / Retorno

Leia mais

Saiba como fazer o cadastro no Simples Doméstico

Saiba como fazer o cadastro no Simples Doméstico Saiba como fazer o cadastro no Simples Doméstico Sistema exige habilidades mínimas com computador e internet. Contadores podem orientar empregadores O mês de outubro será de adaptações na rotina de quem

Leia mais

GUIA DE USO SERVIÇOS PARA IMOBILIÁRIAS

GUIA DE USO SERVIÇOS PARA IMOBILIÁRIAS GUIA DE USO SERVIÇOS PARA IMOBILIÁRIAS Diretoria Comercial Corporativa Página 2 de 14 Sumário 1 Introdução... 4 2 Acessando os serviços para Imobiliárias... 5 3 Gerenciando clientes... 8 4 Serviços...

Leia mais

ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO

ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO Nas páginas seguintes, você terá uma visão geral dos recursos disponíveis e das funções que o Persona pode automatizar. Sem entrar em detalhes, você saberá

Leia mais

NORMA CORPORATIVA DEPARTAMENTO PESSOAL

NORMA CORPORATIVA DEPARTAMENTO PESSOAL 1. OBJETIVO Estabelecer a sistemática para rotinas de Departamento Pessoal. 2. DEFINIÇÕES TRCT: Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho. DP: Departamento Pessoal; DP Central: Departamento Pessoal de

Leia mais

RAIS 2015 Fevereiro/2015

RAIS 2015 Fevereiro/2015 Fevereiro/2015 Sumário 1. Premissas... 4 1.1 Atualização... 4 1.2. Campos criados nos últimos anos... 4 2. Parametrização... 4 2.1. Parâmetro 45... 4 2.2. Cadastro de Verbas... 6 2.3. Tabelas envolvidas...

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO SIAPE MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO SIAPE MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO E-MAILS DE CONTATO BANCO DAYCOVAL Negócio Roteiro Operacional Promotora MESA DE ANALISE PORTABILIDADE Empréstimo Cartão Débito C/C MESA DE ANALISE MARGEM siape@bancodaycoval.com.br Versão: 05/15 MESA DE

Leia mais

CONHECENDO A UFRRJ: um olhar mais próximo da estrutura física, organizacional, funcional e cultural da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

CONHECENDO A UFRRJ: um olhar mais próximo da estrutura física, organizacional, funcional e cultural da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. CONHECENDO A UFRRJ: um olhar mais próximo da estrutura física, organizacional, funcional e cultural da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. 10/10/2013 COPAG COORDENAÇÃO DE PAGAMENTOS (Seção de

Leia mais

RO Roteiro Operacional Cartão de Crédito Consignado Governo de Minas Gerais MG Área responsável: Gerência de Produtos Consignados

RO Roteiro Operacional Cartão de Crédito Consignado Governo de Minas Gerais MG Área responsável: Gerência de Produtos Consignados Gov. Minas Gerais - MG ROC.04.01 Versão: 07 Exclusivo para Uso Externo RO Roteiro Operacional Cartão de Crédito Consignado Governo de Minas Gerais MG Área responsável: Gerência de Produtos Consignados

Leia mais

Manual do Usuário 5. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU IMPOSTO...2

Manual do Usuário 5. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU IMPOSTO...2 1 5. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU IMPOSTO...2 5.1 Digitações dos Sócios...2 5.1.1 Campo CPF...2 5.1.1.a Campo Saldo Anterior...3 5.1.1.b Campo Saldo...3 5.1.1.c Campo Isento...3 5.1.1.d Campo Tributado...3

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA - BA

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA - BA Áreas Envolvidas: Área Responsável Negócio Gerência Geral Comercial Ricardo Silva Roteiro Operacional Promotora Gerência Regional Comercial Ricardo Silva Versão: 01/13 Gerência Comercial Comercial Itana

Leia mais

Gestão de Pessoas - Windows

Gestão de Pessoas - Windows P á g i n a 1 Gestão de Pessoas - Windows Módulo Administração de Pessoal (Rubi) Processo: 13º Salário Senior Sistemas S.A Rua São Paulo, 825 - Bairro Victor Konder - CEP 89012.001 - Blumenau/SC Fone:

Leia mais

Universidade Federal Fluminense SIRH - SISTEMAS INTEGRADOS DE RECURSOS HUMANOS SISTEMA DE FREQUÊNCIA

Universidade Federal Fluminense SIRH - SISTEMAS INTEGRADOS DE RECURSOS HUMANOS SISTEMA DE FREQUÊNCIA Universidade Federal Fluminense SIRH - SISTEMAS INTEGRADOS DE RECURSOS HUMANOS SISTEMA DE FREQUÊNCIA MANUAL DO USUÁRIO ÍNDICE 1.0 OBJETIVO:...3 2.0 ACESSO AO SISTEMA:...3 3.0 BOLETIM DE FREQÜÊNCIA:...4

Leia mais

Consignação Manual do Correspondente Consignação

Consignação Manual do Correspondente Consignação Manual do Correspondente Consignação Banestes S.A. - Banco do Estado do Espírito Santo GCONS - Gerência de Consignação SUMÁRIO 1. Conceito...3 2. Apresentação...3 3. Informações Gerais...3 3.1. Condições

Leia mais

Gestão de Pessoas - 4w

Gestão de Pessoas - 4w P á g i n a 1 Gestão de Pessoas - 4w Modulo Administração de Pessoal (Rubi) Processo: Férias P á g i n a 2 Sumário 1 Conceito... 3 1.1 Parametrizações no Sistema... 3 1.1.1 - Sindicato... 3 1.1.2 - Situações...

Leia mais

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA.

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA MANUAL DO VTWEB CLIENT CADASTROS /PEDIDOS E PROCEDIMENTOS Resumo Esse manual tem como o seu objetivo principal a orientação de uso do

Leia mais

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Assistência à Saúde no Sistema TOTVS RM.

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Assistência à Saúde no Sistema TOTVS RM. Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Assistência à Saúde no Sistema TOTVS RM. Índice I. Acesso ao Cadastro... 2 II. Férias e Rescisão... 8 III. Cálculo

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO RJ RESUMO DAS INFORMAÇÕES

ROTEIRO OPERACIONAL CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO RJ RESUMO DAS INFORMAÇÕES Áreas Envolvidas: Área Responsável Negócio Gerência Geral Comercial Fábio Yamaguro Roteiro Operacional Promotora Gerência Regional Comercial Fábio Yamaguro Versão: 01/13 Gerência Comercial Comercial Sério

Leia mais

CADASTROS E CONCEITOS DAS BASES DE DADOS

CADASTROS E CONCEITOS DAS BASES DE DADOS CADASTROS E CONCEITOS DAS BASES DE DADOS INSUMOS DOS PROCESSO 1. PESSOAS 1. PLANO DE ITENS 3. OPERACIONAIS 4. CENTROS DE RESULTADO 1.1 Clientes 2.1 Unidades 3.1 Endereços 4.1 Plano de Contas 1.2 Fornecedores

Leia mais

Guia prático de bolso PSC e Portal RH

Guia prático de bolso PSC e Portal RH Guia prático de bolso PSC e Portal RH O QUE É PSC? O PSC (Positivo Serviços Compartilhados) é um sistema de gestão que centraliza todos os processos administrativos do Positivo. Tem como principal objetivo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PAULO - SP

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PAULO - SP Áreas Envolvidas: Área Responsável Negócio Gerência Geral Comercial Ricardo Silva Roteiro Operacional Promotora Gerência Regional Comercial Leandro Moraes Versão: 01/13 Gerência Comercial Comercial Leandro

Leia mais

MANUAL DE FÉRIAS SIGRH PARA SECRETÁRIAS E CHEFIAS

MANUAL DE FÉRIAS SIGRH PARA SECRETÁRIAS E CHEFIAS MANUAL DE FÉRIAS SIGRH PARA SECRETÁRIAS E CHEFIAS Universidade Federal de Itajubá Diretoria de Pessoal Janeiro/2015 Prezadas Chefias e Secretárias, Com o intuito de orientar as Diretorias e Institutos

Leia mais

Roteiro Operacional do Crédito Consignado Exército do Brasil

Roteiro Operacional do Crédito Consignado Exército do Brasil 1. DEFINIÇÃO DO PRODUTO Operação de Crédito Consignado em Folha de Pagamento para os Militares do Exército (ativos e pensionistas), abrangendo o Comando do Exército do, mediante convênio com o Banco Industrial.

Leia mais

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

INFORMATIVO BENEFÍCIO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE (BAS)

INFORMATIVO BENEFÍCIO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE (BAS) INFORMATIVO BENEFÍCIO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE (BAS) Com o intuito esclarecer possíveis dúvidas em relação ao Benefício de Assistência à Saúde (BAS) dos servidores inativos e pensionistas civis e, estando

Leia mais

RO Roteiro Operacional Prefeitura Municipal de São Paulo - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados

RO Roteiro Operacional Prefeitura Municipal de São Paulo - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados Pref. São Paulo - SP RO.05.29 Versão: 31 Uso Externo RO Roteiro Operacional Prefeitura Municipal de São Paulo - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados 1. PÚBLICO ALVO E REGRAS BÁSICAS 1.1.

Leia mais

DIRF 2011. Secretaria da Receita Federal do Brasil

DIRF 2011. Secretaria da Receita Federal do Brasil DIRF 2011 O que é a DIRF? É a Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte feita pela FONTE PAGADORA, destinada a informar à Secretaria da Receita Federal o valor do Imposto de Renda retido na fonte,

Leia mais

DIAGRAMA DE CASO DE USO

DIAGRAMA DE CASO DE USO Simulador de uma casa bancária: que faz empréstimo para aposentados, pensionistas e funcionários públicos. Onde deve-se calcular a margem de consignação, o valor das parcelas de cada empréstimo e o valor

Leia mais

Procedimentos para Encerramento do Ano Letivo 2011 e Abertura do Ano Letivo de 2012 SIGE Sistema de Gestão Escolar Pack de Atualização 6.6.

Procedimentos para Encerramento do Ano Letivo 2011 e Abertura do Ano Letivo de 2012 SIGE Sistema de Gestão Escolar Pack de Atualização 6.6. Procedimentos para Encerramento do Ano Letivo 2011 e Abertura do Ano Letivo de 2012 SIGE Sistema de Gestão Escolar Pack de Atualização 6.6.7 09/12/2011 Núcleo de Tecnologia Educacional NUTE SIGE 01 2/30

Leia mais

Manual de Férias do Servidor

Manual de Férias do Servidor Manual de Férias do Servidor Sumario: 1 - Acessando o Sistema 1 2 - Auto Cadastro 3 3 - Marcando suas férias 5 4 - Consulta/Alteração/Exclusão de Férias 9 5 - Cronograma de Férias da Unidade 13 1 Acessando

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO AUTARQUIA HOSPITALAR MUNICIPAL SP

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO AUTARQUIA HOSPITALAR MUNICIPAL SP E-MAILS DE CONTATO BANCO DAYCOVAL Negócio Roteiro Operacional Promotora MESA DE ANALISE PORTABILIDADE portabilidadeconsignado@bancodaycoval.com.br Empréstimo Cartão Débito C/C MESA DE ANALISE MARGEM margemconsignado@bancodaycoval.com.br

Leia mais

RO Roteiro Operacional. Servidor Civil Federal SIAPE

RO Roteiro Operacional. Servidor Civil Federal SIAPE RO Roteiro Operacional Servidor Civil Federal - SIAPE RO.02.01 Versão: 29 Exclusivo para Uso Interno Servidor Civil Federal SIAPE Área responsável: Gerência Produtos Consignados I - CONDIÇÕES GERAIS 1.

Leia mais

Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN Pró-Reitoria de Recursos Humanos- PRH Departamento de Administração de Pessoal DAP

Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN Pró-Reitoria de Recursos Humanos- PRH Departamento de Administração de Pessoal DAP DAP DIVISÃO DE PAGAMENTO E ATENDIMENTO SEÇÃO DE CONTROLE DE PAGAMENTO MACROPROCESSO: 2 PROCESSAMENTO DA FOLHA PROCESSO: 2.1 PAGAMENTO DE SERVIDORES ATIVOS FORNECEDOR ATIVIDADES PRODUTO CLIENTE RECOMENDAÇÕES

Leia mais

NOVIDADES COMPLY VERSÃO 4.00

NOVIDADES COMPLY VERSÃO 4.00 NOVIDADES COMPLY VERSÃO 4.00 Página 1 de 15 Maiores informações a respeito dos assuntos destacados abaixo devem ser obtidas no Manual do Comply v4.00 disponível no Portal de Produtos. Página 2 de 15 CADASTROS

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA DE GOZO E SUSPENSÃO DE LICENÇA-PRÊMIO

MANUAL DO SISTEMA DE GOZO E SUSPENSÃO DE LICENÇA-PRÊMIO MANUAL DO SISTEMA DE GOZO E SUSPENSÃO DE LICENÇA-PRÊMIO 1 Apresentação O sistema foi desenvolvido com o objetivo de dar celeridade ao procedimento de comunicação de gozo e de suspensão de licença-prêmio,

Leia mais

MÓDULO CLIENTE 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4

MÓDULO CLIENTE 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4 MÓDULO CLIENTE Conteúdo 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4 2.2 HOME 4 2.3 A VALECARD 5 2.4 PRODUTOS 6 2.5 REDE CREDENCIADA 7 2.6 ROTA 9 2.7 CONTATO 9 3. EMPRESAS 11 3.1. ACESSO

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Apresentamos nos capítulos abaixo as orientações para a utilização do sistema:

APRESENTAÇÃO. Apresentamos nos capítulos abaixo as orientações para a utilização do sistema: Manual de Preenchimento Aplicativo Cliente - GRRF Versão 2.0.2 APRESENTAÇÃO O Sistema GRRF Guia de Recolhimento Rescisório do FGTS foi elaborado com o propósito de agilizar o processamento dos recolhimentos

Leia mais

Treinamentos no produto AdmRH

Treinamentos no produto AdmRH Treinamentos no produto AdmRH Guia do Aluno Versão 1.0 CGI - Consultoria Gaúcha de Informática Ltda Fone: (54) 3342-3422 www.cgiinformatica.com.br cgi@webcgi.com.br Rua Duque de Caxias, 181 Conj. 301/309

Leia mais

CÁLCULO DE ADIANTAMENTO SALARIAL

CÁLCULO DE ADIANTAMENTO SALARIAL CÁLCULO DE ADIANTAMENTO SALARIAL O cálculo de adiantamento salarial no Cordilheira Recursos Humanos é bem flexível e consegue atender muitas situações diferenciadas. Para que o cálculo seja efetuado de

Leia mais

Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG

Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG PUBLICO ALVO Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG Para os casos de analfabetos e deficientes visuais, devemos seguir a regra abaixo: Até

Leia mais

MÓDULO 1.0 Tela inicial do sistema, onde é identificado o usuário pelo próprio CRO sendo coerente com a senha, lhe é permitido o acesso via WEB ao sistema DENTAL GROUP. Quando carrego a tela de menu já

Leia mais