Manual Designer" and modify the print manual template. Contents 5 Table of Contents Foreword" name="description"> Manual Designer" and modify the print manual template. Contents 5 Table of Contents Foreword">

Help Contabilização Rápida E&L Produções de Software

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Help Contabilização Rápida E&L Produções de Software"

Transcrição

1 Help Contabilização Rápida Note: To change the product logo for your ow n print manual or PDF, click "Tools > Manual Designer" and modify the print manual template.

2 Contents 5 Table of Contents Foreword 7 Part I Informações 10 Part II Contabilização Rápida 12 1 Sintese... dos Procedimentos 12 2 Procedimento Atualização do Sistema 13 3 Procedimento Backup dos Dados 15 4 Procedimento Conferência dos Saldos Iniciais 17 5 Procedimento Verificação de Inconsistências 19 6 Procedimento Início da Configuração 23 Procedimento Configuração Histórico de Lançamentos 23 Procedimento Configuração Arquivo Pré-Definido 28 7 Procedimento Conferência da Listagem de Configuração 34 Procedimento Configuração Manual de Vinculação do PCASP 37 8 Procedimento Geração dos Lançamentos de Abertura 39 9 Procedimento Gera dos Lançamentos Procedimento Verificação de Inconsistências Procedimento 10 - Conferência Final e Validação do Responsável Index 0 5

3 10 Help Contabilização Rápida 1 Informações Help (Manual de Ajuda) Contabilização Rápida Avenida Koehler, 238, Centro CEP: Domingos Martins - ES Telefax: (27)

4 12 Help Contabilização Rápida 2 Contabilização Rápida Para melhor atender as necessidades de configuração dos lançamentos contábeis, foi desenvolvido no sistema E&L Contabilidade Pública Eletrônica os procedimentos destados neste Help, possibilitando a configuração rápida e automática de contabilização. A Contabilização Rápida tem o intuito de realizar a configuração das contas do PCASP (Plano de Contas Aplicado ao Setor Público) com a finalidade de gerar os lançamentos automáticos na execução das receitas e despesas registradas no Sistema e, consequentemente, evitando que ocorram mais inconsistências nos lançamentos e ocorrências. 2.1 Sintese dos Procedimentos 1- Atualizar o Sistema (Normalmente realizado no Servidor); 2- Fazer o backup dos dados (Utilitário/ Backup/Transmissão do Banco de Dados); 3- Conferência dos Saldos Iniciais (Arquivos/ Cadastros do Sistema/ Saldo Inicial/ Saldo Inicial das Contas Contábeis), que se dá através do encerramento dos anos anteriores, estando estes saldos disponíveis no Anexo XIV - Balanço Patrimonial (Relatórios/ Balanço) ou no PCA (Clientes Minas Gerais a partir de 2014); 4- Realizar a verificação das inconsistências (Utilitário/ Verificação de Inconsistências), identificando os erros antes das configurações da Contabilização; 5- A partir da Análise das Inconsistências será possível decidir qual será o método de configuração: 5.1- Se a base de dados vem realizando a Contabilização sem problemas de análises, ou seja, sem inconsistências de lançamentos e/ou ocorrências, poderá utilizar a rotina de Importação da Configuração do PCASP Automática, disponíveis no Cadastro do Detalhamento do Plano de Contas da Receita e da Despesa (Arquivos/ Cadastros do Sistema/ Tabelas/ Plano de Contas/ Detalhamento do Plano da Despesa (e Receita) - Opções: Importar Conf. PCASP Automático), configurando os lançamentos já utilizados em sua própria rotina de contabilização (histórico dos lançamentos realizados na base de dados); 5.2- Se a base de dados contém muitas inconsistências de lançamentos e/ou ocorrências, poderá utilizar a rotina de Importação através do Arquivo *.DB3 com as configurações pré-definidas (Utilitário/ Exportação/Importação de Arquivos/ Importação e Exportação dos Lançamentos Automáticos), gerado a partir de uma base modelo (sem problemas de lançamentos e/ou ocorrências). Observação: Caso ocorra inconsistência na importação, informando que não encontrou alguma conta, este deverá ser analisado e caso necessário incluir as contas descritas na base destino; 6- Após a configuração realizada no item 5.1 ou 5.2 será necessário visualizar o Listagem de Configuração Orçamento x PCASP (Relatórios/ Listagens/ Tabelas/ Configuração Orçamento x PCASP), com a finalidade de identificar se todas as Contas estão como CONFIGURADAS ou NÃO CONFIGURADAS. Caso ainda haja contas que não foram configuradas, poderá utilizar a Vinculação

5 Contabilização Rápida 13 PCASP para configuração "manual" (Arquivos/ Cadastros do Sistema/ Plano de Contas/ Detalhamento do Plano da Despesa (e Receita) - Aba: Vinculação PCASP - Cadastrar), devendo selecionar a conta e na aba informar a Conta Débito e a Conta Crédito que será realizado o lançamento de contabilização; 7- Após as configurações acima citadas, será necessário gerar os lançamentos dos registros já cadastrados até o período que iniciou-se a rotina através desta configuração, iniciando pelo orçamento ( Utilitário/ Lançamentos de Abertura do Orçamento); 8- Realizar a geração dos lançamentos de todas as tabelas no Período Anual (Utilitário/ Gera Lançamentos). Observação: Ao realizar a geração da Tabela "Talão", o sistema irá questionar quanto a receita orçamentária. Neste, deixe em branco para que sejam gerados os laçamentos de todas as receitas. 9- Após a geração de todos os lançamentos, atualizando a contabilização conforme configuração realizada, faz-se necessário realizar novamente a verificação de inconsistência (Procedimento 4), a fim de visualizar a correção dos problemas de lançamentos e/ou ocorrências e identificando os problemas que ainda podem constar, como saldos negativos, entre outros, que precisarão de análise e correção na base de dados. 10- Após todos os procedimentos, o responsável pelos dados (CONTADOR / ASSESSORES) deverá analisar todos os lançamentos configurados, através do Listagem de Configuração Orçamento x PCASP (Procedimento 6) e validar. Caso este não esteja de acordo, deve-se restaurar os dados com o backup feito no Procedimento 2, voltando as configurações anteriores. OBSERVAÇÃO: Em caso de maiores dúvidas, verificar os Procedimentos individualizados. 2.2 Procedimento 1 - Atualização do Sistema Para dar início as Configurações da Contabilização Rápida, faz-se necessário a Atualização do Sistema E&L Contabilidade Pública Eletrônica realizada através do Atualizador.

6 14 Help Contabilização Rápida

7 Contabilização Rápida 15 Após a Atualização do Sistema poderemos passar para o Procedimento Procedimento 2 - Backup dos Dados DEVE-SE realizar o Backup dos dados antes das configurações necessárias.

8 16 Help Contabilização Rápida

9 Contabilização Rápida 17 Após realização do backup podemos passar para o Procedimento Procedimento 3 - Conferência dos Saldos Iniciais Para dar início ao processo de configuração da Contabilização Rápida, faz-se necessário confirmar os saldos iniciais do exercício, a fim de corrigir lançamentos errados, saldos não informados, entre outras situações que afetam a veracidade dos lançamentos.

10 18 Help Contabilização Rápida Os saldos iniciais são obtidos a partir do Anexo XIV - Balanço Patrimonial do Exercício Anterior e devem ser cadastrados na implantação do sistema e/ou no ano de convergência da contabilidade, ou seja, ano de mudança do Plano de Contas. Após a conferência dos saldos iniciais, podemos passar para o Procedimento 4.

11 Contabilização Rápida Procedimento 4 - Verificação de Inconsistências Neste procedimento faz-se necessário realizar a Verificação de Inconsistências Anual, a fim de identificar eventuais problemas que comprometam o fechamento contábil mensal e, consequentemente, anual. A rotina de análise está disponível no Menu: Utilitário/ Verificação de Inconsistências:

12 20 Help Contabilização Rápida

13 Contabilização Rápida 21 Abrirá a tela "Verificação de Inconsistências", onde serão informados os campos: Ano: Ano para realização da Análise das Inconsistências; Tipo de Verificação: Será efetuado a verificação geral das informações contidas no sistema para análise de possíveis erros que afetam a consistência e fechamento dos dados; Tipo de Período: Será efetuado a verificação "Anual" dos dados; Período, Data Inicial e Data Final: Será informado automático, de acordo com o tipo de período selecionado, neste caso Período Anual.

14 22 Help Contabilização Rápida Após informar os campos citados acima, você deverá clicar no botão "Verificar" e o sistema iniciará a análise anual das inconsistências, a fim de demonstrar possíveis erros de lançamentos, movimentações, cadastros etc. Ao terminar a verificação e o sistema encontrar inconsistências nos dados, o mesmo demonstrará a tela com a descrição de cada uma para que sejam analisadas. Observação: Para melhor agilidade a relação de inconsistências pode ser impressa, através do botão "Imprimir". Caso não ocorra inconsistências o sistema demonstrará a tela, ilustrada abaixo.

15 Contabilização Rápida 23 Após a conferência das possíveis inconsistências, seguiremos para o Procedimento Procedimento 5 - Início da Configuração Após a Verificação das Inconsistências será possível definir qual será a origem da Configuração de Contabilização dos Lançamentos. A Configuração poderá ser realizada a partir do histórico de lançamentos da própria base de dados ou a partir do arquivo de importação com configurações pré-definidas. Essas rotinas irão configurar a maior parte dos lançamentos de forma que, ao realizar os cadastros, como por exemplo Cadastro de Liquidação, a contabilização seja automática, ou seja, sem abrir a tela de Lançamentos Contábeis, a não ser que haja mais de uma ocorrência ou lançamento que necessitem de decisão do usuário, mas que ainda assim poderão ser configuradas manualmente através da Opção "Vinculação PCASP", disponível no Cadastro de Detalhamento dos Planos da Receita e Despesa, passando a gerar todos os lançamentos automaticamente. Passaremos para o Procedimento Procedimento Configuração Histórico de Lançamentos Se a base de dados vem realizando a Contabilização sem problemas de análises, sem inconsistências de lançamentos e/ou ocorrências, poderá utilizar a rotina de Importação da Configuração do PCASP Automática, disponíveis no Cadastro do Detalhamento do Plano de Contas da Receita e da Despesa, configurando os lançamentos já utilizados em sua própria rotina de contabilização.

16 24 Help Contabilização Rápida A rotina de Contabilização é importada do histórico de lançamentos já realizados na base de dados através da Opção "Importar Conf.PCASP Automático", disponível no Cadastro do Detalhamento do Plano de Contas, como segue:

17 Contabilização Rápida 25 Observação: Como exemplo utilizaremos o Cadastro do Detalhamento da Despesa, sendo que para configuração da Receita segue os mesmos procedimentos, porém no Cadastro do Detalhamento da Receita, disponível no Menu: Arquivos/ Cadastros do Sistema/ Plano de Contas/ Detalhamento do Plano da Receita.

18 26 Help Contabilização Rápida No Cadastro do Detalhamento do Plano da Despesa (ou Receita) deve-se selecionar a Opção "Importar Conf. PCASP Automático, conforme imagem acima.

19 Contabilização Rápida 27 Na imagem acima: Se clicar em Não, o sistema irá cancelar o procedimento de importação; Se clicar em Sim, o sistema irá importar as configurações a partir da experiência do sistema, ou seja, através do histórico de lançamentos realizados na base de dados e passará para a próxima etapa, como segue abaixo: Na imagem acima: Se clicar em Não, o sistema irá importará as Despesas (e Receitas) configuradas e não configuradas, sobrepondo qualquer configuração de lançamento que possa conter na base de dados: Botão Sim - apagará configurações existentes;

20 28 Help Contabilização Rápida Botão Não - ao abrir a tela de data de corte não informar a data e clicar em cancelar para suspender a importação, conforme imagem abaixo. Porém, se clicar em Sim, o sistema irá importar as configurações provenientes da experiência do sistema, ou seja, através do histórico de lançamentos realizados na base de dados e buscará as informações a partir da data de corte informada na tela acima sendo que: Ao Cancelar, o sistema não realizará a importação; Ao Confirmar, será importada as informações, como demonstra a imagem abaixo; Uma vez definido este método de configuração da Contabilização, ao finalizar passaremos para o Procedimento Procedimento Configuração Arquivo Pré-Definido Se a base de dados contém muitos problemas de lançamentos e ocorrências, ocasionando inconsistências como por exemplo as citadas na tela abaixo, poderá utilizar a rotina de Importação através do Arquivo com as configurações pré-definidas.

21 Contabilização Rápida 29 A rotina de Contabilização é importada do arquivo com as configurações pré-definidas através da Opção Importação e Exportação dos Lançamentos Automáticos, disponível no Menu: Utilitário, como segue:

22 30 Help Contabilização Rápida

23 Contabilização Rápida 31 Dados de Destino: será demonstrada o banco de dados conectado para exportação ou importação da configuração da contabilização; Ano: informar o ano de configuração dos lançamentos. Observação Importante: informar o arquivo com as configurações respectivas ao ano que deseja realizar a configuração, ou seja, o ano de importação deve ser igual ao ano de exportação (arquivo *.DB3). Aba Exportar: será informado o diretório para salvar o arquivo *.DB3 de importação

24 32 Help Contabilização Rápida com as configurações dos lançamentos na base de origem. Este será utilizado em base de origem, utilizada como parâmetro para configuração de outras bases. Aba Importar: será informado o diretório do arquivo *.DB3 que consta as configurações dos lançamentos para importação na base destino. Este será utilizado em base de destino, utilizada para importação das configurações pré-definidas.

25 Contabilização Rápida 33 Botão "(1) Importar Plano conta Lançamento": ao clicar em importar o sistema irá questionar se realmente deseja proceder com a importação, como segue: Se clicar em Sim, será importado as configurações; Se clicar em Não, o sistema irá cancelar o processo de importação. Ao realizar a importação o sistema poderá acusar erros, como mostra o arquivo abaixo que é salvo no mesmo diretório onde está localizado o arquivo *.DB3 utilizado para importação das configurações:

26 34 Help Contabilização Rápida Os erros mencionados referem-se a Contas que existem no arquivo de Configuração, mas que não existem na base de dados destino, sendo necessário análise do responsável, para decidir se será necessário a inclusão das contas relacionadas ou não. Observando que as demais configurações foram importadas com sucesso, podendo passar para o próximo Procedimento. Caso a importação seja realizada sem erros, o sistema demonstrará a mensagem acima. Uma vez definido este método de configuração da Contabilização, ao finalizar passaremos para o Procedimento Procedimento 6 - Conferência da Listagem de Configuração Neste procedimento será emitido o Listagem de Configuração Orçamento x PCASP para conferência das configurações realizadas no Procedimento 5, permitindo identificar através da Coluna "Configurado?" as contas de receitas e despesas que ainda ficaram pendentes, ou seja, aquelas que não foram utilizadas na base de dados (sem histórico) ou que não estavam previstas no Arquivo de Importação (*.db3).

27 Contabilização Rápida 35

28 36 Help Contabilização Rápida Para emissão do Listagem deve-se marcar os Parâmetros "Utilizado no Orçamento?" e "Utilizado na Execução?", podendo filtrar o Orçamento da Receita e Despesa ou por partes (Receita e/ou Despesa), bem como com o Tipo de Configuração, Todos ou por partes (Configurado e/ou Não Configurado). Ao visualizar os dados do Listagem deverá ser observado a Coluna "Configurado?", identificando as contas do Plano que ainda não possuem configuração, sendo assim

29 Contabilização Rápida 37 necessário realizar a configuração manual, conforme Procedimento Procedimento Configuração Manual de Vinculação do PCASP Para configuração das contas que foram demonstradas no Listagem "Configuração Orçamento x PCASP" como "NÃO CONFIGURADO", conforme Procedimento 6, poderá ser realizada a configuração de Vinculação do PCASP, como segue:

30 38 Help Contabilização Rápida Nos Cadastro de Detalhamento do Plano de Despesa (e Receita), lembrando que estamos utilizando a tela da despesa como exemplo, deverá filtrar a conta que deseja configurar. Após selecionar a conta a ser configurada, deve-se clicar na Aba: Vinculação PCASP -> Botão: Cadastrar, onde irá informar o lançamento a ser realizado automaticamente para a Conta selecionada, como segue:

31 Contabilização Rápida 39 Passaremos para o Procedimento Procedimento 7 - Geração dos Lançamentos de Abertura Neste procedimento realiza-se a geração dos lançamentos de abertura do orçamento.

32 40 Help Contabilização Rápida

33 Contabilização Rápida 41 UG: informar a Unidade Gestora onde será feita a geração dos lançamentos e clicar sobre botão Gerar. Após a geração dos lançamentos do Orçamento, daremos andamento ao Procedimento Procedimento 8 - Gera dos Lançamentos Nesta etapa DEVE-SE gerar os lançamentos de TODAS as tabelas no período ANUAL, revisando e corrigindo prováveis erros de lançamentos.

34 42 Help Contabilização Rápida Para realizar a geração dos lançamentos deve-se selecionar o período ANUAL, selecionar TODAS as tabelas e clicar sobre o botão "Gerar".

35 Contabilização Rápida 43 Ao realizar a geração da Tabela de Arrecadação o sistema demonstrará a seguinte mensagem para que seja informada a Receita Orçamentária (caso deixe em branco serão consideradas todas as receitas):

36 44 Help Contabilização Rápida Se não informar a Receita e clicar em Ok: serão gerados os lançamentos de todas as receitas; Se informar a Receita e clicar em Ok: serão gerados os lançamentos apenas da receita informada. Após finalizar o processo de geração dos lançamentos o sistema demonstrará a mensagem abaixo: Após a geração dos lançamentos do Orçamento, daremos andamento ao Procedimento Procedimento 9 - Verificação de Inconsistências Neste procedimento deve-se realizar novamente o Procedimento 4, verifcando a correção das inconsistências listadas após a configuração realizada. Observação: Ainda poderão ocorrer inconsistências não referem-se aos problemas de Lançamentos e Ocorrências, como por exemplo saldo negativo em contas bancárias, devendo estas serem analisadas pelos responsáveis (Contadores e Assessores) para correção.

37 Contabilização Rápida 45

38 46 Help Contabilização Rápida Passaremos para o Procedimento Procedimento 10 - Conferência Final e Validação do Responsável Neste último procedimento será realizada a conferência final dos lançamentos configurados e DEVE ser validado pelo Responsável dos dados, como Contador e Assessores. A conferência deverá ser realizada emitindo novamente o Listagem "Configuração Orçamento x PCASP", conforme Procedimento 6. Caso as configurações realizadas não estejam de acordo com as espectativas do Responsável, poderá ser restaurado o backup dos dados feito no Procedimento 2, caso haja necessidade de voltar os dados conforme lançamentos antes da configuração orientada neste Help.

Help Encerramento do Exercício E&L Produções de Software

Help Encerramento do Exercício E&L Produções de Software Help Encerramento do Exercício Note: To change the product logo for your ow n print manual or PDF, click "Tools > Manual Designer" and modify the print manual template. Contents 5 Table of Contents Foreword

Leia mais

ABERTURA E ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO

ABERTURA E ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO Atualização: Novembro de 2012 Página: 1 SIA 7.5 - Sistema Integrado de Arrecadação ABERTURA E ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO FIORILLI SOC CIVIL LTDA.-SOFTWARE SIA 7.5 - Sistema Integrado de Arrecadação Atualização:

Leia mais

E&L Contabilidade Pública Eletrônica

E&L Contabilidade Pública Eletrônica E&L Contabilidade Pública Eletrônica Instruções para envio da prestação mensal do CIDADESWEB. Está disponível no menu Utilitários, uma opção de Implantação do CIDADESWEB. Neste utilitário estão os 9 passos

Leia mais

1. Controle de exercício

1. Controle de exercício 1 1. Controle de exercício Para realizar lançamentos e emitir relatório o módulo Contabil obriga a criação de exercícios, que na verdade representam os anos de atividade da empresa. Confira algumas dicas

Leia mais

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais...

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais... Sumário UNICO...... 3 Cadastros... 4 Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5 Produtos...... 6 Serviços...... 6 Outros...... 6 Vendas... 7 Notas Fiscais... 7 Estoque...8 Financeiro......

Leia mais

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro SUMÁRIO 1. FINANCEIRO... 5 1.1. ED - SECRETARIA... 5 1.2. ED - ESCOLA... 5 1.3. USUÁRIOS POR ENTIDADE NO ED SECRETARIA E ESCOLA... 6 2. FINANCEIRO - SECRETARIA... 7 2.1.

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 2013 GVDASA Sistemas Caixa AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

MANUAL FINANCEIRO MANUAL - TABELAS CONTÁBEIS E ORÇAMENTÁRIAS

MANUAL FINANCEIRO MANUAL - TABELAS CONTÁBEIS E ORÇAMENTÁRIAS MANUAL FINANCEIRO MANUAL - TABELAS CONTÁBEIS E ORÇAMENTÁRIAS SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO...3 2 REALIZANDO UMA ARRECADAÇÃO...4 2.1 IMPORTAÇÃO TRIBUTOS COM A CONTABILIDADE...4 2.2 BOLETIM DE ARRECADAÇÃO...4 2.1.1

Leia mais

Fechamento de Balanço Almoxarifado

Fechamento de Balanço Almoxarifado Fechamento de Balanço Almoxarifado 1ª Etapa: Realizar a emissão do relatório de Balancete de Materiais por Dotação através do Menu Relatórios / Prestação de Contas. Será aberta a seguinte tela: Informe

Leia mais

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Razão.

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Razão. Impairment Produto : TOTVS Gestão Contábil 12.1.1 Processo : Relatórios Subprocesso : Razão Data publicação da : 12/11/2014 O relatório razão tem a finalidade de demonstrar a movimentação analítica das

Leia mais

EDDYDATA SERVIÇOS DE INFORMÁTICA LTDA. EPP MANUAL ABERTURA 2016

EDDYDATA SERVIÇOS DE INFORMÁTICA LTDA. EPP MANUAL ABERTURA 2016 EDDYDATA SERVIÇOS DE INFORMÁTICA LTDA. EPP MANUAL ABERTURA 2016 FRANCA 2015 Estamos finalizando o exercício de 2015 junto dos nossos clientes com quem mantivemos um bom relacionamento durante todo o ano

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

Relatório Gerencial. Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 17/01/2013

Relatório Gerencial. Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 17/01/2013 2013 Relatório Gerencial Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 17/01/2013 Sumário 1. Objetivo... 4 2. Seleção dos registros... 4 2.1 Seleção dos executores... 4 2.2 Parâmetros...

Leia mais

SCPI 8.0. Novas funcionalidades. Conciliação Bancária Automática:

SCPI 8.0. Novas funcionalidades. Conciliação Bancária Automática: SCPI 8.0 Novas funcionalidades A partir de agora o SCPI conta com algumas novas funcionalidades que valem a pena serem comentadas, e dar uma breve introdução de seu funcionamento. Entre elas podemos destacar:

Leia mais

Corrigir detalhamento das Contas Correntes.

Corrigir detalhamento das Contas Correntes. Corrigir detalhamento das Contas Correntes. A seguir, tem-se o Informativo AUDESP-SP, publicado no dia 24/09/2014, no site do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo 1 : VARIAÇÃO NA NATUREZA DO SALDO

Leia mais

Escritório Virtual Administrativo

Escritório Virtual Administrativo 1 Treinamento Módulos Escritório Virtual Administrativo Sistema Office Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual e módulo Administrativo do sistema Office 2 3 1. Escritório

Leia mais

CPS FINANÇAS PESSOAIS MANUAL DO USUÁRIO

CPS FINANÇAS PESSOAIS MANUAL DO USUÁRIO APRESENTAÇÃO O CPS FINANÇAS PESSOAIS é um software desenvolvido para gerenciar a movimentação financeira de forma pessoal, rápida e simplificada fornecendo relatórios e demonstrativos. Este manual é parte

Leia mais

Manual Operacional Versão 2.2

Manual Operacional Versão 2.2 1 Manual Operacional Versão 2.2 2 SUMÁRIO 1) Assistente de configuração 4 2) Módulo Geral 9 2.1) Administradora 9 2.2) Empresa 9 2.3) Grupo de Empresa 12 2.4) Responsável 13 2.5) CEP 13 2.6) Configurações

Leia mais

Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria

Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria Financeira...4 2.1.2.Formas de Registro do Pagamento e Recebimento

Leia mais

Objetivos. Página - 2

Objetivos. Página - 2 Índice Índice... 1 Objetivos... 2 Configurações... 3 Cadastro de Bancos... 3 Plano de Contas... 3 Conta Corrente... 4 Instruções Bancárias... 6 Portadores Bancários... 7 Cadastro de Clientes... 8 Boletos...

Leia mais

Manual de Instrução Emissor de Nota Fiscal Eletrônica OSEDE

Manual de Instrução Emissor de Nota Fiscal Eletrônica OSEDE Manual de Instrução Emissor de Nota Fiscal Eletrônica OSEDE Fernandópolis SP Emissão de NFe Na aba NF-e clique no botão Gerar XML. Na tela de geração do XML, terá 2 tipos de emissão: Normal e Rápida, onde

Leia mais

Manual do Usuário SUMÁRIO

Manual do Usuário SUMÁRIO SUMÁRIO VISUAL LIVRO CAIXA 1. Noções Gerais 1.1. Objetivo... 03 1.2. Sistema com Fundamento Legal Atualizado...03 1.3. Assistência Técnica... 03 1.3.1. Suporte Técnico... 03 1.3.2. Office Service... 03

Leia mais

PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONCILIAÇÃO BANCÁRIA

PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONCILIAÇÃO BANCÁRIA PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONCILIAÇÃO BANCÁRIA O que é? É um comparativo entre as movimentações existentes em uma conta bancária e as existentes no controle financeiro. Todos sabem, por exemplo, que existe

Leia mais

E&L Controle de Estoque e Materiais. Perguntas Frequentes

E&L Controle de Estoque e Materiais. Perguntas Frequentes E&L Controle de Estoque e Materiais Perguntas Frequentes 1. Qual relatório deve ser tirado para fazer a prestação de contas? Balancete de Materiais por detalhado. Esse relatório está disponível no menu

Leia mais

jfinanç as Pessoal Versão 2.0 - Fevereiro/2015

jfinanç as Pessoal Versão 2.0 - Fevereiro/2015 jfinanças Pessoal Versão 2.0 - Fevereiro/2015 Índice 1 INTRODUÇÃO E VISÃO GERAL... 1 2 INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INICIAL DO JFINANÇAS PESSOAL... 2 2.1 Download... 3 2.2 Instalação do jfinanças Pessoal...

Leia mais

Sumário. www.samisistemas.com.br Porto Alegre 51 3254.5454 Florianópolis 48 3094.1775 São Paulo 11 3076.499 Rio de Janeiro 21 3031.

Sumário. www.samisistemas.com.br Porto Alegre 51 3254.5454 Florianópolis 48 3094.1775 São Paulo 11 3076.499 Rio de Janeiro 21 3031. Sumário Legenda... 3 1. Cadastros e Lançamentos... 4 1.1. Recebimento de Doc s... 4 1.2. Baixa de Proprietários... 7 1.3. Lançamento em Lote (Manual)... 10 1.4. Alteração/ Exclusão de Lançamentos... 11

Leia mais

Controle de Almoxarifado

Controle de Almoxarifado Controle de Almoxarifado Introdução O módulo de Controle de Almoxarifado traz as opções para que a empresa efetue os cadastros necessários referentes a ferramentas de almoxarifado, além do controle de

Leia mais

Tutorial contas a pagar

Tutorial contas a pagar Tutorial contas a pagar Conteúdo 1. Cadastro de contas contábeis... 2 2. Cadastro de conta corrente... 4 3. Cadastro de fornecedores... 5 4. Efetuar lançamento de Contas à pagar... 6 5. Pesquisar Lançamento...

Leia mais

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 1 Sumário 1 - Instalação Normal do Despachante Express... 3 2 - Instalação do Despachante Express em Rede... 5 3 - Registrando o Despachante Express...

Leia mais

LOGÍSTICA E FATURAMENTO

LOGÍSTICA E FATURAMENTO LOGÍSTICA E FATURAMENTO 1. Geração lote de separação 1 2. Impressão Picking list 3 2.1. Por pedidos 3 2.2 Por lote 5 2.3 Controle do Picking List por Lote 7 3. Registro de operação por Caixa 10 3.1 Separação

Leia mais

Cadastro Avaliação 2013 Manual de Instruções

Cadastro Avaliação 2013 Manual de Instruções Cadastro Avaliação 2013 Manual de Instruções Manual de instruções Cadastro Avaliação 2013 Caro Usuário, Este manual contém todas as instruções necessárias para preenchimento dos dados de sua escola e alunos.

Leia mais

MENUS TELA INICIAL. Movimento de Ferramentaria. Alternar entre casas do grupo. Cadastro de Ferramentas. Não Implementado. Cadastro de Funcionários

MENUS TELA INICIAL. Movimento de Ferramentaria. Alternar entre casas do grupo. Cadastro de Ferramentas. Não Implementado. Cadastro de Funcionários FERRAMENTARIA TELA INICIAL Ao autenticar no sistema com usuário e senha cadastrados é apresentada a seguinte tela ao lado esquerdo, sendo essa tela a página inicial do sistema de Ferramentaria. MENUS TELA

Leia mais

CONTABILIDADE COM MÚLTIPLOS PLANOS DE CONTAS

CONTABILIDADE COM MÚLTIPLOS PLANOS DE CONTAS CONTABILIDADE COM MÚLTIPLOS PLANOS DE CONTAS As mudanças ocorridas com a publicação da lei 11.638/07 e alterações da lei 11.941/09 exigiram das empresas uma adequação em sua estrutura de balanços e demonstrações

Leia mais

Tel. (0xx11) 3038-1150 Fax (0xx11) 3038-1166

Tel. (0xx11) 3038-1150 Fax (0xx11) 3038-1166 Sistema Nota Já Este manual tem por objetivo apresentar o sistema NotaJá a fim de auxiliar o usuário com todos os processos de cadastro, lançamentos de notas, cancelamentos, inutilizações, notas complementares

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA Apresentação Este sistema faz parte do Portal NFS Digital e tem o intuito de ser utilizado por emissores de Nota Fiscal de Serviços

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo III

Treinamento Sistema Condominium Módulo III Financeiro (Lançamentos Despesas e Saldos) Nesse módulo iremos apresentar os principais recursos da área contábil do sistema. Contábil> Lançamentos Nessa tela é possível lançar as despesas dos condomínios,

Leia mais

Tutorial Folha Express. Como otimizar a confecção da folha de pagamento.

Tutorial Folha Express. Como otimizar a confecção da folha de pagamento. Tutorial Folha Express Como otimizar a confecção da folha de pagamento. Índice Apresentação Pág. 2 Passo 1 Pág. 3 Disponibilização da Folha de Pagamento Passo 2 Pág. 5 Exportação de clientes e Folha de

Leia mais

Manual Prático da Cobrança Eletrônica no Sistema BasePro ERP Fenix

Manual Prático da Cobrança Eletrônica no Sistema BasePro ERP Fenix Manual Prático da Cobrança Eletrônica no Sistema ERP Fenix Página 1 Sumário Introdução...4 1 Remessa ao Banco...5 1.1 Prévia...5 1.2 Geração...8 1.3 Envio do arquivo da Geração...10 1.3.1 Direcionando

Leia mais

SISTEMA DE CONTROLE FINANCEIRO. Curitiba PR www.softwar.com.br suporte@softwar.com.br

SISTEMA DE CONTROLE FINANCEIRO. Curitiba PR www.softwar.com.br suporte@softwar.com.br SISTEMA DE CONTROLE FINANCEIRO Curitiba PR www.softwar.com.br suporte@softwar.com.br Esta é a primeira tela, aonde o usuário irá colocar o código de acesso para utilizar o software. Se for a primeira vez

Leia mais

Como Tirar Sua Primeira Nota

Como Tirar Sua Primeira Nota Como Tirar Sua Primeira Nota Este Tutorial disponibilizado aos usuários do sistema NFS-e BeeWorker, demonstra o passo a passo de como utilizar o sistema para emissão da primeira nota fiscal de serviço.

Leia mais

E&L Protocolo, Documentos Eletrônicos e Processos Perguntas Frequentes

E&L Protocolo, Documentos Eletrônicos e Processos Perguntas Frequentes E&L Protocolo, Documentos Eletrônicos e Processos Perguntas Frequentes 1. É possível excluir um processo que já foi enviado? Só será possível excluir o processo se o mesmo ainda não tiver sido recebido.

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 1 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA Documento de Arrecadação Estadual DAE Manual do Usuário Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 66.053-000 Av. Visconde de Souza Franco, 110 Reduto Belém PA Tel.:(091)

Leia mais

Secretaria de Estado dos Negócios da Fazenda do Estado de São Paulo. SIGEO.NET (Viewer) Manual do Usuário. PRODESP/ SEFAZ SIGEO.

Secretaria de Estado dos Negócios da Fazenda do Estado de São Paulo. SIGEO.NET (Viewer) Manual do Usuário. PRODESP/ SEFAZ SIGEO. SIGEO.NET (Viewer) Manual do Usuário PRODESP/ SEFAZ SIGEO.NET página 1/1 ÍNDICE Página 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 3. Conexão (Usuário/Senha)... 6 4. Lista de Planilhas... 7 5. Acesso

Leia mais

AUDITORIA FINANCEIRA. No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria Financeira.

AUDITORIA FINANCEIRA. No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria Financeira. AUDITORIA FINANCEIRA Processo de uso da Auditoria Financeira CADASTRO DE EMPRESA PARÂMETROS No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria

Leia mais

PÚBLICA SERVICOS LTDA

PÚBLICA SERVICOS LTDA PÚBLICA SERVICOS LTDA BAIXE ESSE GUIA EM: WWW.PUBLICA-RO.COM.BR/MANUAIS 2 Índice Realizando uma Dispensa de Licitação...pag 3 1 Passo...pag 3 2 Passo...pag 5 3 Passo...pag 12 4 Passo...pag 15 Estorno da

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Sumário: Tópico: Página: 2 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento

Leia mais

Sistema de Contabilidade Empresa Administradora de Fundos

Sistema de Contabilidade Empresa Administradora de Fundos Sistema de Contabilidade Empresa Administradora de Fundos 29/03/2013 Sumário 1. Objetivo... 3 2. Configurações... 3 2.1. Módulo Parâmetros...... 4 2.1.1. Cadastro de Administradora de Fundos (ver Fluxo)...

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SIGRH - FREQUÊNCIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SIGRH - FREQUÊNCIA SIGRH - FREQUÊNCIA Boa Vista RR, 21 novembro de 2014. É o módulo do Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos (SIGRH) que tem por objetivo permitir o gerenciamento das informações relacionadas ao

Leia mais

Dois novos relatórios estão disponíveis nesta versão do Imobiliária 21. São eles: Devedores e Imóvel por Área. Veja abaixo como emitir cada um.

Dois novos relatórios estão disponíveis nesta versão do Imobiliária 21. São eles: Devedores e Imóvel por Área. Veja abaixo como emitir cada um. Sumário Este documento de versionamento contém: 1. Inclusão dos relatórios: Devedores e Imóvel por Área. 2. Inclusão do campo Código de Município no cadastro de cidade. 3. Publicação de boletos de proprietário

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.12 Pagueban...2 Bancos...2 Configurando Contas...5 Aba Conta Banco...5 Fornecedores Referências Bancárias...7 Duplicatas a Pagar...9 Aba Geral...10 Aba PagueBan...11 Rastreamento

Leia mais

COMO SOLICITAR O CADASTRO DE UM ITEM SSA Central de Cadastro

COMO SOLICITAR O CADASTRO DE UM ITEM SSA Central de Cadastro COMO SOLICITAR O CADASTRO DE UM ITEM SSA Central de Cadastro Índice 1. Fluxo de Solicitação 2. Acesso ao Aplicativo 3. Alteração de Senha 4. Opções do Menu 5. Pesquisar um item já existente 6. Como criar

Leia mais

TUTORIAL WINTHOR CONTABIL PARAMETRIZAÇÃO CONTABIL

TUTORIAL WINTHOR CONTABIL PARAMETRIZAÇÃO CONTABIL TUTORIAL WINTHOR CONTABIL PARAMETRIZAÇÃO CONTABIL Tutorial do Sistema WinThor Módulo Contábil Copyright - PC Informática Ltda. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total por qualquer

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB 0 Sumário Introdução... 2 Funcionalidades... 2 Requisitos Necessários... 2 Faturamento Web... 3 Faturamento Simplificado... 4 Faturamento Detalhado... 9 Faturamento

Leia mais

Material Didático Módulo Financeiro e Ferramentas. Manual prático de utilização

Material Didático Módulo Financeiro e Ferramentas. Manual prático de utilização Material Didático Módulo Financeiro e Ferramentas. Manual prático de utilização O treinamento do Prodap Profissional GP tem como objetivo orientar o usuário no uso do software. Esse treinamento contem

Leia mais

Contato/Suporte = Para dúvidas ao efetuar o cadastro ou para acessar.

Contato/Suporte = Para dúvidas ao efetuar o cadastro ou para acessar. 1 Central Eletrônica de Integração e Informações (CEI) dos Atos Notariais e Registrais dos Cartórios Extrajudiciais do Estado de Mato Grosso Manual de Utilização da Central, Anoreg-MT Versão 1.2 Descrição

Leia mais

GUIA DE CAPACITAÇÃO REGISTRO DE RECEITA EXTRA ORÇAMENTÁRIA - RDE

GUIA DE CAPACITAÇÃO REGISTRO DE RECEITA EXTRA ORÇAMENTÁRIA - RDE GUIA DE CAPACITAÇÃO REGISTRO DE RECEITA EXTRA ORÇAMENTÁRIA - RDE Registro de Receita Extra Orçamentária (RDE) - SUMÁRIO - 1. CONCEITOS...3 2. Registro de Receita Extra Orçamentária...6 2.1. DESCRIÇÃO...6

Leia mais

MANUAL ELETRÔNICO SUMÁRIO

MANUAL ELETRÔNICO SUMÁRIO SUMÁRIO 1 OPÇÕES... 6 1.1 Selecionar Empresa... 7 1.2 Conexão... 9 1.3 Autorização... 10 1.4 Controle de Acesso... 11 1.4.1 Controle de Acessos... 11 1.4.2 Configura Acesso... 16 1.5 Outro Usuário... 19

Leia mais

Manual Fechamento Fiscal

Manual Fechamento Fiscal Manual Fechamento DESENVOLVENDO SOLUÇÕES Autora: Laila M G Gechele Doc. Vrs. 01 Revisores: Silmara Rebeca e Mauro Martinelli Aprovado em: março de 2013 Copyright 2013 Teorema Informática, Guarapuava. Todos

Leia mais

O que é um inventário?

O que é um inventário? Com a chegada do fim de ano e os encerramentos fiscais e contábeis, as empresas fazem o processo de inventário do seu estoque. O que é um inventário? Inventário basicamente é uma lista de bens e materiais

Leia mais

MANUAL DECRETO 52.665/2008 - SP SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA.

MANUAL DECRETO 52.665/2008 - SP SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA. MANUAL DECRETO 52.665/2008 - SP SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA. Neste manual serão demonstradas as alterações efetuadas no Sistema E-Fiscal para atender ao decreto 52.665/2008 - SP. Foi inserida a opção Apuração

Leia mais

DEPARTAMENTO DE CONSULTORIA E CAPACITAÇÃO ORIENTAÇÃO TÉCNICA FECHAMENTO DO BALANÇO GERAL

DEPARTAMENTO DE CONSULTORIA E CAPACITAÇÃO ORIENTAÇÃO TÉCNICA FECHAMENTO DO BALANÇO GERAL DEPARTAMENTO DE CONSULTORIA E CAPACITAÇÃO ORIENTAÇÃO TÉCNICA FECHAMENTO DO BALANÇO GERAL 012/2011 Elaborada em 28/12/2011 Este documento descreve os procedimentos que devem ser adotados para o fechamento

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

Ambiente de Pagamentos

Ambiente de Pagamentos GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DA FAZENDA COORDENADORIA DA ADMINISTRAÇÃOTRIBUTÁRIA DIRETORIA DE INFORMAÇÕES Ambiente de Pagamentos Manual do Contribuinte Versão 26/09/2011 Índice Analítico 1.

Leia mais

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN

MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN Guia de Capacitação Concessão de Cotas Financeiras Versão 1.0 outubro 2012 MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN MÓDULO: PROGRAMAÇÃO FINANCEIRA INSTRUTOR: CARLOS ALBERTO PEREIRA LIMA COLABORADORES

Leia mais

Manual de acesso à área de cliente MEU SITE EXPRESSO

Manual de acesso à área de cliente MEU SITE EXPRESSO 1 Manual de acesso à área de cliente MEU SITE EXPRESSO Para a comodidade dos nossos clientes, criamos uma área exclusiva onde cada cliente com seu usuário e senha, pode efetuar o pagamento de sua mensalidade,

Leia mais

Novidades Versão 11.08a

Novidades Versão 11.08a 1. VISÃO GERAL 1.1 MODIFICAÇÕES E ATUALIZAÇÕES: Foram adicionadas diversas funcionalidades nos Módulos Doc-e, Produção, CRM, no Sistema de Gestão Administrativa e no Módulo de Vendas que permitem melhorias

Leia mais

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade DM003.0 Página 1 / 42 Índice 1 APRESENTAÇÃO... 4 DETALHAMENTO DOS LINKS DO TECBIZ ONLINE... 5 2 INICIAL... 5 3 ASSOCIADO... 5 3.1 SELECIONA ASSOCIADO... 5 3.2 ALTERAR

Leia mais

Governo do Estado do Pará Secretaria de Estado da Fazenda

Governo do Estado do Pará Secretaria de Estado da Fazenda Manual do Usuário Sistema Notapará Programa Nota Fiscal Cidadã Objetivo: Estabelecer orientações aos usuários do sistema Notapará, tais como: usabilidade, funcionalidade e navegabilidade. Manual do Usuário

Leia mais

Emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica

Emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica Emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica Introdução A emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica traz ao cliente TTransp a possibilidade de documentar eletronicamente as operações de serviço prestadas

Leia mais

MANUAL INTEGRAÇÃO CONTABILIDADE - MATERIAIS E PATRIMÔNIO

MANUAL INTEGRAÇÃO CONTABILIDADE - MATERIAIS E PATRIMÔNIO MANUAL INTEGRAÇÃO CONTABILIDADE - MATERIAIS E PATRIMÔNIO MANUAL - TABELAS CONTÁBEIS E ORÇAMENTÁRIAS SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO...3 2 TABELAS A SEREM PREENCHIDAS PARA A INTEGRAÇÃO DO PATRIMÔNIO. 4 2.1 CLASSIFICAÇÃO...4

Leia mais

Apresentação SQL Server 2000/ 2005 Domingos Martins ES

Apresentação SQL Server 2000/ 2005 Domingos Martins ES Apresentação 1 SQL Server 2000/ 2005 Domingos Martins ES v. 1.0 2 1 Introdução ão: Com necessidade de prestações de contas cada vez mais eficientes e confiáveis disponibilizamos no software as diversas

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo V

Treinamento Sistema Condominium Módulo V Módulo V Prestação de Contas Condomínio> Prestação de Contas Em Prestação de Contas Serão impressos todos os relatórios que irão compor sua Pasta mensal. Estão disponíveis diversos modelos para balancete,

Leia mais

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet www.controlenanet.com.br Copyright 2015 - ControleNaNet Conteúdo Tela Principal... 3 Como imprimir?... 4 As Listagens nas Telas... 7 Clientes... 8 Consulta... 9 Inclusão... 11 Alteração... 13 Exclusão...

Leia mais

MANUAL SISTEMA WEB 1) BAIXANDO O SISTEMA NO SITE DA BELSINOS

MANUAL SISTEMA WEB 1) BAIXANDO O SISTEMA NO SITE DA BELSINOS MANUAL SISTEMA WEB 1) BAIXANDO O SISTEMA NO SITE DA BELSINOS Acessar o site www.belsinos.com.br Ir em Seja Cliente Clicar na Sistema de Operações Clicar em Baixar o aplicativo Baixar o instalador do WebFactoring

Leia mais

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM Manual do Almoxarifado SIGA-ADM DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO(DGTI) MARÇO/2012 Requisição de Almoxarifado Requisições O sistema retornará a tela do menu de Administração. Nela selecione

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Renegociação de Títulos e Apropriação de Juros Sumário 1 CONCEITO... 3 2 REQUISITOS... 3 3 CONFIGURAÇÕES... 3 3.1 Plano de Contas... 3 3.1.1 Transitória - Renegociação...

Leia mais

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL. CERBERUS Manual do sistema Versão 1.0

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL. CERBERUS Manual do sistema Versão 1.0 CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CERBERUS Manual do sistema HISTÓRICO DA REVISÃO Data Versão Descrição Autor 07/08/2014 1.0 Criação do documento Antonio Rogério da Costa Silva LISTA DE FIGURAS

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. - INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

jfinanç as Empresa Versão 2.0 - Fevereiro/2015

jfinanç as Empresa Versão 2.0 - Fevereiro/2015 jfinanças Empresa Versão 2.0 - Fevereiro/2015 Índice 1 INTRODUÇÃO E VISÃO GERAL... 1 2 INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INICIAL DO JFINANÇAS EMPRESA... 2 2.1 Download... 3 2.2 Instalação do jfinanças Empresa...

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação

Leia mais

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA KIRON NF-e Kiron Sistema Nota Fiscal Eletrônica

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA KIRON NF-e Kiron Sistema Nota Fiscal Eletrônica MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA KIRON NF-e 2 Índice CADASTROS... 4 Cliente Fornecedor - Transportadora... 4 Unidade de Medida... 5 Produto... 7 NCM... 8 Artigos da Nota Fiscal... 10 Natureza de Operação - CFOP...

Leia mais

Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste

Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste P á g i n a 1 Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste P á g i n a 2 INTRODUÇÃO I. Acessando o Sistema O Sistema de Cobrança Eletrônica para

Leia mais

Orientações Básicas Repom.

Orientações Básicas Repom. Orientações Básicas Repom. Considerações importantes: 1 A viagem deverá estar autorizada para depois solicitar o pagamento. 2 É obrigatório informar o campo NCM da mercadoria, que está em tabela>auxiliares>mercadoria.

Leia mais

Manual Rotina DAPI MANUAL AVANÇO MANUAL INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email]

Manual Rotina DAPI MANUAL AVANÇO MANUAL INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email] Manual Rotina DAPI [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email] MANUAL AVANÇO MANUAL INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA Material Desenvolvido para a Célula Fiscal Autor: Equipe

Leia mais

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE GERAÇÃO DE BOLETOS CAIXA ECONÔMICA FEDERAL NO FINANCE Finance V10 New 2 Índice Como gerar Boleto Bancário pela Caixa Econômica... 3 Como efetuar a Conciliação por Extrato

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA CONTABILIZAÇÃO AUTOMÁTICA DOS INVENTÁRIOS (ESTOQUE INICIAL E ESTOQUE FINAL)

PROCEDIMENTOS PARA CONTABILIZAÇÃO AUTOMÁTICA DOS INVENTÁRIOS (ESTOQUE INICIAL E ESTOQUE FINAL) PROCEDIMENTOS PARA CONTABILIZAÇÃO AUTOMÁTICA DOS INVENTÁRIOS (ESTOQUE INICIAL E ESTOQUE FINAL) Por Carlos Antônio Barbosa A contabilização dos Inventários (Estoque inicial e Estoque final) integra o processo

Leia mais

Manual do SPED contábil

Manual do SPED contábil o que fazemos > módulos > contabilidade > manuais > Manual do SPED contábil Conteúdo 1 Requisitos Básicos para utilização do Sped Contábil 2 Configuração e Geração do Arquivo no Sistema 2.1 Empresas 2.1.1

Leia mais

Roteiro de geração do SPED

Roteiro de geração do SPED Roteiro de geração do SPED 1 Índice Introdução...3 Cadastro da Empresa...3 Histórico Padrão...4 Plano de Contas...4 Código de Aglutinação...5 Inserindo plano de contas de aglutinação de forma automática...5

Leia mais

Índice 1. PORTAL DE VENDAS... 3 2. INTEGRAÇÃO PORTAL DE VENDAS X FOX... 4 3. CADASTRO DE VENDEDORES/SUPERVISORES... 5 4. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA...

Índice 1. PORTAL DE VENDAS... 3 2. INTEGRAÇÃO PORTAL DE VENDAS X FOX... 4 3. CADASTRO DE VENDEDORES/SUPERVISORES... 5 4. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA... Portal de Vendas Índice 1. PORTAL DE VENDAS... 3 2. INTEGRAÇÃO PORTAL DE VENDAS X FOX... 4 3. CADASTRO DE VENDEDORES/SUPERVISORES... 5 1.1. Guia Portal de Vendas... 7 4. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA... 8 5.

Leia mais

Domínio Registro. Teclas de atalho para ajudar na utilização do Sistema e cadastros em todos dos Módulos. Menu Controle

Domínio Registro. Teclas de atalho para ajudar na utilização do Sistema e cadastros em todos dos Módulos. Menu Controle Domínio Registro O Domínio Registro foi desenvolvido para gerenciar todos os processos referentes à abertura e fechamento de empresas, permite a confecção de contratos, alterações e distratos sociais,

Leia mais

Material de Apoio. SEB - Contas a Pagar. Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com

Material de Apoio. SEB - Contas a Pagar. Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com Material de Apoio SEB - Contas a Pagar Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com Conteúdo CONFIGURAÇÃO... 3 Cadastro de Fornecedores... 3 Métodos de Pagamento...

Leia mais

ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012

ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012 ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012 1. INSTALAÇÃO DO GESTOR Confira abaixo as instruções de como instalar o sistema Gestor. Caso já tenha realizado esta instalação avance ao passo seguinte:

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Plano de Contas... 5 3.2.1 Parcelado... 6 3.2.2 Parcelamento Notas a Prazo...

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ESTADO DE GESTÃO E RECURSOS HUMANOS - SEGER. Manual do Usuário

GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ESTADO DE GESTÃO E RECURSOS HUMANOS - SEGER. Manual do Usuário GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ESTADO DE GESTÃO E RECURSOS HUMANOS - SEGER SIGED Sistema de Gestão de Despesas Manual do Usuário MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO DE DESPESAS - SIGED SUMÁRIO

Leia mais

TREINAMENTO. Estar posicionada entre as maiores e melhores provedoras de solução de gestão empresarial do Brasil.

TREINAMENTO. Estar posicionada entre as maiores e melhores provedoras de solução de gestão empresarial do Brasil. TREINAMENTO Visão Estar posicionada entre as maiores e melhores provedoras de solução de gestão empresarial do Brasil. Missão Desenvolvimento e fornecimento de soluções e serviços através de softwares

Leia mais

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Tutorial O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Este tutorial explica como configurar o Trade Solution e realizar as principais atividades relacionadas à emissão e ao gerenciamento das Notas Fiscais Eletrônicas

Leia mais

Manual de Instalação e Utilização

Manual de Instalação e Utilização Manual de Instalação e Utilização DIGITAÇÃO DE PROPOSTAS ORÇAMENTÁRIAS Supervisão de Licitações Índice 1. Instalação do Programa 2. Utilização do Digitação de Propostas 2.1. Importar um arquivo 2.2. Realizar

Leia mais

Prefeitura de Rio Verde GO. SEFAZ - Secretaria da Fazenda. DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas

Prefeitura de Rio Verde GO. SEFAZ - Secretaria da Fazenda. DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas Prefeitura de Rio Verde GO SEFAZ - Secretaria da Fazenda DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas DMS e Notas Fiscais Eletrônicas Rio Verde, GO, setembro 2009 1 Sumário INTRODUÇÃO... 03 LEGISLAÇÃO...

Leia mais