10 Minutos. sobre mudanças e oportunidades no segmento de seguros. Com planejamento, é possível desenhar o próprio futuro. Destaques.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "10 Minutos. sobre mudanças e oportunidades no segmento de seguros. Com planejamento, é possível desenhar o próprio futuro. Destaques."

Transcrição

1 10 Minutos sobre mudanças e oportunidades no segmento de seguros Com planejamento, é possível desenhar o próprio futuro Destaques Alterações demográficas, ascensão dos emergentes e o comportamento dos consumidores moldam o futuro do setor em um prazo mais longo. Seguradoras e corretores serão forçados a reavaliar seus papéis a fim de se tornarem mais importantes para os clientes finais. As seguradoras usarão máquinas que aprendem, compreendem a linguagem natural e sabem decidir não só para processar transações, mas também para tomar decisões. A gravidade e a frequência de eventos catastróficos naturais e causados pelo homem cresceram nos últimos 20 anos e tendem a aumentar devido à mudança climática. Tendem a afetar todas as seguradoras: mudança para um modelo global interconectado; tomada de decisões automatizada e assistida por dados e ideias; e alterações na estrutura de custos. É difícil prever o futuro, mas preparar-se para ele não precisa ser. As seguradoras enfrentam dificuldades nos novos ambientes de negócios, investimentos e regulação surgidos em decorrência da crise financeira, além de desafios mais amplos. Alterações demográficas, aumento do poder dos mercados emergentes e mudanças no comportamento dos consumidores ajudarão a moldar o futuro do setor em um prazo mais longo. As seguradoras capazes de se antecipar e se planejar para essas transformações poderão criar seu próprio futuro. Outras, que são seguidoras rápidas, precisarão ser ágeis o bastante para reconhecer os líderes e adotar estratégias similares. As que apenas sobrevivem provavelmente estão concentradas no desempenho de curto prazo. Nesta edição de 10Minutos, exploramos os fatores de mudança no setor de seguros e também as implicações dessas mudanças para o negócio, com base nas visões de profissionais da PwC de todo o mundo. Analisamos mudanças radicais ocorridas nos âmbitos social, tecnológico, ambiental, econômico e político. Com essas informações, conseguimos avaliar cenários de máxima relevância para as empresas de seguros em uma perspectiva regional e também funcional. Junho 2012 Embora seja impossível prever com exatidão quais mudanças ocorrerão na próxima década, acreditamos que o setor segurador será influenciado por cinco megatendências essenciais: Sociais: o equilíbrio de forças está se movendo na direção dos clientes. Tecnológicas: avanços em programas e computadores que transformarão os grandes dados em conhecimentos utilizáveis. Ambientais: surgimento de modelos de risco mais sofisticados e transferência de riscos para solucionar a gravidade e a frequência crescentes dos eventos catastróficos. Econômicas: aumento do poder político e econômico dos mercados emergentes. Políticas: harmonização, padronização e globalização do mercado segurador. Baixa lealdade: A recessão teve um impacto significativo na lealdade da geração do milênio em relação a seus empregadores. Em 2008, 75% esperavam ter de dois a cinco empregos em sua vida inteira, mas, nesta pesquisa, a proporção caiu para 54%. Mais de um quarto agora espera ter seis empregos ou mais, contra apenas 10% em 2008.

2 Instantâneo Adotamos uma abordagem em dois estágios para ajudar a desenvolver uma estratégia para explorar as oportunidades que o futuro reserva: 1. Análise dos principais impulsionadores de mercado. Realizamos uma pesquisa com base em uma análise de planejamento de cenários de fora para dentro, que leva em consideração os efeitos de fatores globais de ordem social, tecnológica, ambiental, econômica e política (STEEP na sigla em inglês) nos três segmentos principais do setor de seguros: linhas pessoais, comerciais e de vida, de pensão e aposentadoria. Levamos em consideração mais de 30 fatores com potencial para afetar o setor de seguros em nível mundial. 2. Implicações para os modelos de negócios das seguradoras. Nosso segundo estágio é uma análise de projeto de negócios de dentro para fora que avalia os efeitos desses diversos cenários sobre as estratégias das seguradoras em mercados desenvolvidos e emergentes. Também levamos em consideração as mudanças que poderiam ser feitas no seu projeto de negócios para evitar riscos e maximizar oportunidades. A estrutura de projeto de negócios pode ajudá-lo a explorar os dados e as ideias deste estudo e adaptá-los a seus recursos próprios e seu direcionamento estratégico específico. Planejamento de cenário com base no projeto de negócios Fatores e impulsionadores Que fatores sociais, tecnológicos, ambientais, econômicos e políticos (STEEP) e seus componentes impulsionadores afetam o futuro? Megatendências Segmentos Cenários Efeitos sobre o setor Quais são os principais efeitos sobre o setor decorrentes dos três segmentos de seguros? Estratégias Alavancas de projeto Quais alavancas de projeto devem ser usadas pelas empresas na execução de suas estratégias para explorar o futuro incerto e em rápida mutação? Que megatendências podem ser inferidas dos fatores e impulsionadores STEEP? Como esses fatores, impulsionadores e as megatendências mudam os três segmentos de seguros: linhas pessoais, linhas comerciais e de vida individual, pensões e aposentadoria? Quais dimensões principais e macrocenários podem ser mapeados a partir da análise de fora para dentro? Que estratégias podem ser adotadas pelas seguradoras de mercados emergentes e desenvolvidas como preparação para o futuro? Análise de planejamento de cenário de fora para dentro Análise em 3D de projeto de negócios de dentro para fora

3 01 Fatores sociais e tecnológicos que afetam as previsões para o setor Pessoas físicas e empresas estão exigindo mais simplicidade, transparência e velocidade em suas transações, inclusive corretores de seguros e as próprias seguradoras. O avanço das tecnologias móveis e on-line alimenta essa mudança de expectativas. Pesquisa recente entre consumidores dos EUA mostrou que mais de 32% dos entrevistados e 50% daqueles com idade entre 18 e 25 anos preferem trabalhar diretamente com as seguradoras. Essa tendência se manterá nos segmentos de linhas pessoais e seguro de vida individual. A mobilidade alimenta a demanda por informações localizadas, disponíveis a qualquer momento e em qualquer lugar: Seguradoras e corretores serão forçados a reavaliar seus papéis a fim de se tornarem mais importantes para os clientes finais; As principais seguradoras tendem a melhorar a segmentação de clientes e a adaptação dos produtos e serviços para atender a necessidades específicas, de modo a acumular mais margem; A exigência de mobilidade e velocidade dos serviços se traduzirá no investimento em tecnologias móveis e interativas e em capacidade para transações em diversas plataformas digitais. Redes sociais: Clientes e empresas continuarão a se comunicar de forma mais transparente e tirarão partido do poder de compra das comunidades virtuais - tendência que deve beneficiar os clientes. Alguns cenários podem surgir: As pessoas trocarão mais informações e montarão redes de amigos, parentes e pessoas confiáveis. Com isso, passarão a confiar cada vez mais nas comunidades on-line, em detrimento dos corretores e consultores de seguros; As redes sociais on-line serão novos canais de seguros em grupo e autosseguro, o que tende a alterar o papel primário das seguradoras, de desenvolvedoras de produtos para provedoras de serviços de administração. Novas tecnologias melhoram a eficiência operacional, ampliam as oportunidades de receita e aprimoram a experiência dos clientes, como: Expansão do uso de smartphones e tablets, combinada à computação em nuvem (por meio de servidores compartilhados através da Internet), o que permite acesso constante à Web; Explosão do poder de processamento e armazenamento dos computadores, o que possibilita acúmulo e análise de volumes muito grandes de dados; Crescimento do número de dispositivos e sensores ativos conectados à Internet. Grandes dados: O crescimento do número de dispositivos e sensores conectados à Internet afetará a disponibilidade de informações em tempo real uma tendência denominada grandes dados. As seguradoras que puderem explorar essas informações para aprimorar a formação de preços, a subscrição e o controle de perdas terão vantagem competitiva clara. Para aproveitar essa tendência, o investimento em técnicas analíticas avançadas está crescendo. Além disso, as seguradoras usarão máquinas que aprendem, compreendem a linguagem natural e sabem decidir não só para processar transações, mas também para tomar decisões. Da reação à prevenção: As seguradoras comerciais já estão usando dispositivos e sensores conectados para gerenciar riscos e perdas e melhorar a produtividade, mas também visualizamos seu uso por seguradoras de vida e saúde. Até 2020, estarão disponíveis diversas biotecnologias em nanoescala que serão usadas no corpo humano para melhorar o monitoramento e o controle preventivo de doenças crônicas. O modelo de atendimento e tratamento médico está evoluindo rumo à personalização da assistência médica. A redução resultante nas taxas de morbidez e mortalidade terá profundo impacto sobre os ramos de vida e saúde. Os consumidores usarão a medicina personalizada para criar soluções altamente personalizadas, capazes de alterar a bioquímica do corpo para responder a riscos e condições exclusivos de cada pessoa. Esses avanços médicos achatarão a curva de custos, já que as taxas de mortalidade e morbidez apresentarão grande melhora. Alguns desses avanços também tendem a reduzir custos de processos judiciais, já que os fabricantes de produtos médicos poderão apresentar provas detalhadas da eficácia de seus medicamentos.

4 02 Questões econômicas, políticas e ambientais que alteram as perspectivas das seguradoras A participação dos emergentes no PIB global cresceu nos últimos 20 anos, e o aperto de liquidez e crédito precipitado pela crise 2008 continua a afetar muito mais as economias desenvolvidas. Isso leva as seguradoras a reavaliar metas estratégicas, sobretudo por causa dos seguintes fatores: No mundo desenvolvido há mais idosos. Nos emergentes (exceto a China), a população economicamente ativa continuará a superar seus dependentes, o que favorece o crescimento. A ascensão da classe média nos emergentes alimenta o consumo e incentiva as pequenas empresas. Ampliação da infraestrutura, crescimento populacional, novos negócios e criação de riqueza impulsionam os setores de construção civil, urbanização, energia e transportes. Tudo isso gera necessidade maior de seguros. Do ponto de vista regulatório, a crise financeira ampliou a comunicação e o diálogo entre os órgãos de regulamentação dos EUA, da UE e dos emergentes. Se bem-sucedida, a negociação para a harmonização de regras poderia promover maior globalização da cadeia de valor da área de seguros. Previdência: No G6, os índices de dependência (relação entre a quantidade de pessoas com menos de 18 anos ou mais de 64 e aquelas que estão entre essas duas idades) devem aumentar em média 14% entre 2000 e Com base nas projeções atuais, o Fundo de Seguridade Social dos EUA se esgotará em Nessa situação, as pessoas começarão a fazer sua própria poupança para a aposentadoria, o que criará oportunidades para as empresas dos ramos de vida e previdência privada. No entanto, os governos talvez busquem reduzir gastos e elevar a arrecadação para enfrentar o problema. Terrorismo: Nos últimos 30 anos, cresceu o número de ataques terroristas em todo o mundo, o que aumenta a exposição das seguradoras em diversas linhas de produtos. Essa situação talvez exija capitais substanciais do próprio setor ou do Estado para segurar perdas acima de um determinado nível. É necessária uma modelagem detalhada para entender os requisitos de capacidade para a cobertura de atos de terrorismo. Geopolítica: A escassez de recursos naturais amplia os riscos de instabilidade geopolítica, conforme mostra a Primavera Árabe nos países produtores de petróleo do Oriente Médio e do Norte da África. Com menos regimes despóticos no Oriente Médio e mais soluções tecnológicas para a escassez de recursos, os riscos geopolíticos devem cair nos próximos dez anos. Meio ambiente: A gravidade e a frequência de eventos catastróficos naturais e causados pelo homem cresceram nos últimos 20 anos e tendem a aumentar devido à mudança climática. Entre 1990 e 2009, furacões e tempestades tropicais responderam por 45,2% das perdas totais com catástrofes. Nos próximos anos, o aumento no consumo de energia e a poluição atmosférica associada afetarão diretamente a exposição das seguradoras ao risco. Gerenciá-los exigirá uma modelagem mais sofisticada e inovação na forma de estruturar negócios para compartilhar e transferir de riscos. Contribuição para o crescimento global ( ) 23.6% 29.1% 47.3% E6 (China, Índia, Brasil, Rússia, Indonésia e México) G6 (EUA, Reino Unido, Alemanha, França, Canadá e Japão) Outros países

5 03 Implicações para o futuro do setor Mudanças que afetam a todos: Além das tendências setoriais específicas, todas as seguradoras serão afetadas pelas seguintes questões: mudança para um modelo global interconectado; tomada de decisões automatizada e assistida por dados e ideias; e alterações na estrutura de custos: Globalização e interconectividade dos riscos: Exceto pelas resseguradoras e por algumas seguradoras de linhas comerciais, a maioria das companhias tem operado em nível local e nacional e está envolvida na avaliação da exposição a riscos e na determinação do prêmio a ser cobrado dos clientes para segurá-los. Contudo, dada a escala de mudanças implícitas nas tendências STEEP, acreditamos que mais seguradoras serão forçadas a pensar globalmente. No futuro, elas estarão mais envolvidas em decidir quais regiões geográficas, produtos, segmentos de clientes e canais oferecerão o nível desejado de crescimento, rentabilidade e apetite pelo risco. Tomada de decisões automatizada e assistida: Após a automação das transações e interações com os clientes, entramos na era de automação das decisões. Amplas bases de dados e novas técnicas de inteligência artificial levarão as seguradoras a tomar decisões automatizadas e assistidas em novas áreas, como identificação de mercados/segmentos para entrada ou expansão, segmentação de clientes, seleção de riscos, métodos de aconselhamento para corretores/ consultores ou clientes finais, triagem de sinistros e prevenção e gerenciamento proativos de riscos. Mudanças nas estruturas de custos: As seguradoras que explorarem todo o potencial da Internet para transformar suas estruturas de custos conseguirão escalonar recursos de forma exponencial e alavancar pessoal, operações e infraestrutura de TI para níveis globais: Tradicionalmente, a distribuição de seguros apoiava-se em um modelo de vendas de custo variável (comissões). O caminho para vender mais era pôr mais gente na estrada. Analisamos os fatores de mudança para cada um dos três segmentos do setor de seguros e apresentamos a seguir as principais tendências previstas na próxima década. Linhas pessoais Acreditamos em quatro mudanças fundamentais: Maior comoditização Rentabilidade decrescente Subscrição automatizada Maior perda de controle Com o investimento crescente em canais diretos on-line, o custo fixo antecipado tende a crescer e o custo variável corrente a cair (desde que seja atingida a escala desejada). Nas duas últimas décadas, as seguradoras investiram pesado em operações e tecnologia, incorrendo em custos fixos para criar infraestruturas de TI capazes de gerenciar sua base de clientes. Hoje, com mais aplicativos migrando para a nuvem, é possível mudar para um modelo de custo variável baixo de transações, capaz de ser escalonado exponencialmente. Com talentos certos e o uso adequado de informações e análises na subscrição, mais transações serão automatizadas, o que permitirá usar melhores conceitos de subscrição em um número ainda maior de transações. Isso ajudará a superar a carência de talentos gerada com a aposentadoria da geração atual de subscritores. Linhas comerciais Grupos virtuais de afinidade de negócios Subscrição automatizada Transformação do modelo de negócios Vida individual, previdência privada e aposentadoria Novos produtos para idosos Oportunidades de parcerias-público privadas Melhor gestão de riscos Produtos personalizados

6 04 Que estratégia de negócios adotar para enfrentar as mudanças? Não existe uma solução prescrita sobre como preparar uma seguradora para o futuro. Os fatores de mudança afetam globalmente todas as empresas, mas seus efeitos são diferentes em cada região e país. Além disso, as ações executadas dependem de questões como intenção estratégica, recursos básicos, disponibilidade de talentos, capital e cultura organizacional. Identificamos, entretanto, quatro diretrizes estratégicas que as seguradoras podem adotar segundo sua situação específica. Inovadoras - Seguradoras que desejam remodelar o futuro por meio da inovação Em mercados emergentes ou desenvolvidos, elas darão atenção a P&D, inovação de produtos e técnicas analíticas para tomar decisões. Devido a oportunidades limitadas de crescimento nos países desenvolvidos, as seguradoras desses mercados se concentrarão em serviços agregadores de valor para controle de perdas e gerenciamento de riscos. Nos mercados desenvolvidos, a inovação mais importante será a criação de serviços baseados em informações, com o uso de novas fontes não estruturadas em tempo real para a obtenção de visões operacionais e estratégicas. Essas visões poderão ser usadas para subscrever e precificar riscos, bem como para reduzir perdas e gerenciar riscos. Os mercados emergentes precisarão adaptar os produtos tradicionais para atender às necessidades locais (por exemplo, microsseguro ou canais alternativos de distribuição). Expansionistas - Seguradoras que desejam remodelar o futuro por meio da expansão Buscarão o crescimento, mas não precisarão ser inovadoras em termos de produtos e serviços. Elas se concentrarão em alavancar suas capacidades (por exemplo, entendimento dos clientes, carteira de produtos, capital e diversificação de talentos) em mercados adjacentes e similares ao redor do mundo.a expansão pode vir do ingresso em novas regiões geográficas, do direcionamento de produtos existentes a novos segmentos de clientes e/ou da introdução de novos canais de distribuição para atingir segmentos de clientes. Estratégia de crescimento Marketing Linha de frente Inovação Vendas e distribuição Apoio Operações Tecnologia Gestão de riscos e subscrição Finanças Seguidoras rápidas - Não querem ser líderes, mas estão prontas para segui-los Concentram-se em ampliar capacidades em um mercado amplo. Elas são competentes para perceber inovações e oportunidades de mercado e suficientemente ágeis para seguir os líderes e estabelecer uma presença duradoura. Sobreviventes Foco na sobrevivência e no desempenho de curto prazo Essas seguradoras esperam que as novas ideias e práticas sejam adotadas pela maior parte do setor antes de implementá-las. Elas tendem a ser lentas e hierárquicas, mas podem ser resistentes e eficientes em termos operacionais. O que você deseja ser? Em um setor conservador como o de seguros, sempre existirão mais sobreviventes e menos seguidoras rápidas, expansionistas e inovadoras. Saber exatamente o que você quer ser será essencial para projetar sua empresa para gerenciar os riscos e explorar oportunidades. Retaguarda Sinistros/ benefícios Gestão do capital Principais áreas de foco Inovadoras e expansionistas Seguidoras rápidas e sobreviventes Todas Canais Produtos e Serviços Informações Ativos e passivos Recursos humanos Nenhuma Fonte: Análises da PwC

7 Próximos temas em 10 minutos Estudo sobre a situação da profissão de auditoria interna em 2012 Doing Agribusiness in Brazil

8 Como a PwC pode ajudar Para obter mais informações sobre o segmento de seguros, entre em contato com: Alvaro Taiar Sócio PwC - Brasil, Líder do Segmento de Serviços Financeiros (11) Otávio Maia Sócio PwC - Brasil, Líder do Segmento de Consultoria (11) Edison Arisa Sócio PwC - Brasil, Líder do Segmento de Seguros (11) Carlos Matta Sócio PwC - Brasil, Líder de Auditoria de Seguradoras (11) Roberto Westenberger Sócio PwC - Brasil, Líder de Consultoria em Seguradoras (11) Compartilhe conosco o que você acha da série 10Minutos e quais temas gostaria de conhecer melhor: Acesse: Clique em Publicações e, em seguida, clique em 10Minutos > Compartilhe a sua opinião PricewaterhouseCoopers Brasil Ltda. Todos os direitos reservados. Neste documento, PwC refere-se à PricewaterhouseCoopers Brasil Ltda., a qual é uma firma membro do network da PricewaterhouseCoopers International Limited, sendo que cada firma membro constitui-se em uma pessoa jurídica totalmente separada e independente.o termo PwC refere-se à rede (network) de firmas membro da PricewaterhouseCoopers International Limited (PwCIL) ou, conforme o contexto determina, a cada uma das firmas membro participantes da rede da PwC. Cada firma membro da rede constitui uma pessoa jurídica separada e independente e que não atua como agente da PwCIL nem de qualquer outra firma membro. A PwCIL não presta serviços a clientes. A PwCIL não é responsável ou se obriga pelos atos ou omissões de qualquer de suas firmas membro, tampouco controla o julgamento profissional das referidas firmas ou pode obrigá-las de qualquer forma. Nenhuma firma membro é responsável pelos atos ou omissões de outra firma membro, nem controla o julgamento profissional de outra firma membro ou da PwCIL, nem pode obrigá-las de qualquer forma.

Rumo à transformação digital Agosto de 2014

Rumo à transformação digital Agosto de 2014 10Minutos - Tecnologia da Informação 6ª Pesquisa Anual sobre QI Digital Rumo à transformação digital Agosto de 2014 Destaques O QI Digital é uma variável para medir quanto valor você pode gerar em sua

Leia mais

Rumo a novos patamares

Rumo a novos patamares 10Minutos Auditoria Estudo sobre a Situação da Profissão de Auditoria Interna Rumo a novos patamares Destaques Os stakeholders estão menos satisfeitos com a contribuição da auditoria interna em áreas de

Leia mais

www.pwc.com.br Gerenciamento de capital e ICAAP

www.pwc.com.br Gerenciamento de capital e ICAAP www.pwc.com.br Gerenciamento de capital e ICAAP Como desenvolver uma abordagem eficaz de gerenciamento de capital e um processo interno de avaliação da adequação de capital (ICAAP) A crise financeira de

Leia mais

O varejo e a era da disrupção

O varejo e a era da disrupção 10Minutos Varejo Total Retail 2015 - Pesquisa anual da PwC com os consumidores O varejo e a era da disrupção Destaques Os consumidores estão definindo sua própria abordagem de relacionamento com o varejo,

Leia mais

De olho no futuro. 10Minutos Energia

De olho no futuro. 10Minutos Energia 10Minutos Energia Como ganhar impulso no processo de transformação energética De olho no futuro Julho de 2015 Destaques Megatendências e disrupções estão tendo impactos profundos nas estratégias e no papel

Leia mais

Planejando a melhoria de desempenho

Planejando a melhoria de desempenho 10Minutos Auditoria Interna Estudo sobre a situação da profissão de auditoria interna Planejando a melhoria de desempenho Setembro 2014 Destaques A auditoria interna deve estar alinhada com as expectativas

Leia mais

sobre as perspectivas do setor de resseguros

sobre as perspectivas do setor de resseguros 10 Minutos sobre as perspectivas do setor de resseguros Como enfrentar as novas realidades de um mercado em constante mudança Destaques O foco do crescimento e dos investimentos globais está mudando para

Leia mais

Futuro do trabalho O futuro do trabalho Destaques O futuro do trabalho: Impactos e desafios para as empresas no Brasil

Futuro do trabalho O futuro do trabalho Destaques O futuro do trabalho: Impactos e desafios para as empresas no Brasil 10Minutos Futuro do trabalho Pesquisa sobre impactos e desafios das mudanças no mundo do trabalho para as organizações no B O futuro do trabalho Destaques Escassez de profissionais, novos valores e expectativas

Leia mais

sobre as transações no setor de saúde

sobre as transações no setor de saúde 10 Minutos sobre as transações no setor de saúde Valor global de fusões e aquisições cresce e reverte tendência Destaques O valor total das transações no setor de saúde aumentou 4% em relação à segunda

Leia mais

Megatendências e suas implicaçõesdestaques Julho de 2015

Megatendências e suas implicaçõesdestaques Julho de 2015 10Minutos Desafios de Negócios As grandes transformações que estão revolucionando o cenário global de negócios e a própria sociedade Megatendências e suas implicaçõesdestaques Julho de 2015 Destaque Nos

Leia mais

Escolhendo a melhor opção para sua empresa

Escolhendo a melhor opção para sua empresa www.pwc.com.br Escolhendo a melhor opção para sua empresa Auditoria Interna Auditoria Interna - Co-sourcing atende/supera as expectativas da alta administração? A função de Auditoria Interna compreende

Leia mais

10 Minutos. sobre práticas de gestão de projetos. Capacidade de executar projetos é essencial para a sobrevivência das empresas

10 Minutos. sobre práticas de gestão de projetos. Capacidade de executar projetos é essencial para a sobrevivência das empresas 10 Minutos sobre práticas de gestão de projetos Capacidade de executar projetos é essencial para a sobrevivência das empresas Destaques Os CEOs de setores que enfrentam mudanças bruscas exigem inovação

Leia mais

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Janeiro 2011 Exclusivamente para empresas de médio porte Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Relatório para o Brasil Panorama global: Pesquisa com 2.112 líderes do mercado de

Leia mais

www.pwc.com.br Como melhorar a gestão da sua empresa?

www.pwc.com.br Como melhorar a gestão da sua empresa? www.pwc.com.br Como melhorar a gestão da sua empresa? Como melhorar a gestão da sua empresa? Melhorar a gestão significa aumentar a capacidade das empresas de solucionar problemas. Acreditamos que, para

Leia mais

Uma nova forma de pensar a gestão de capital humano Fevereiro 2014

Uma nova forma de pensar a gestão de capital humano Fevereiro 2014 10Minutos Gestão de pessoas HR Analytics Uma nova forma de pensar a gestão de capital humano Fevereiro 2014 Destaques Menos de 30% dos CEOs recebem relatórios completos e confiáveis sobre sua força de

Leia mais

Os profissionais estão envelhecendo. E agora?

Os profissionais estão envelhecendo. E agora? 10Minutos Gestão de talentos Pesquisa sobre envelhecimento da força de trabalho no Bras Os profissionais estão envelhecendo. E agora? Fevereiro 2015 Destaques O Bras está envelhecendo rapidamente. Estima-se

Leia mais

Energia em transformação

Energia em transformação 10Minutos Energia e serviços de utilidade pública 13ª Pesquisa Global de Energia e Serviços Públicos da PwC Energia em transformação Março 2014 Destaques A perspectiva de transformação do modelo de negócios

Leia mais

O desafio da governança

O desafio da governança 10Minutos Empresas Familiares Pesquisa Global sobre Empresas Familiares 2014 O desafio da governança Destaques As empresas familiares tornaram-se muito mais pragmáticas desde a última pesquisa, em 2012:

Leia mais

10 Minutos sobre o desempenho da função financeira

10 Minutos sobre o desempenho da função financeira 10Minutos Conquistando vantagem competitiva 10 Minutos sobre o desempenho da função financeira Fevereiro 2013 O segredo está em investir mais em pessoas, sistemas e estruturas, não em gastar menos O papel

Leia mais

Alimento Seguro. Nosso olhar para o futuro... para transformar o presente

Alimento Seguro. Nosso olhar para o futuro... para transformar o presente www.pwc.com.br Alimento Seguro Nosso olhar para o futuro...... para transformar o presente Sérgio Alexandre Simões Sócio de Consultoria para Varejo, Consumo e Agro PwC Brasil Relembrando... Megatendência

Leia mais

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA 2011 Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA SUMÁRIO Introdução... 4 Metodologia... 6 Resultado 1: Cibersegurança é importante para os negócios... 8 Resultado

Leia mais

Adapte. Envolva. Capacite.

Adapte. Envolva. Capacite. Adapte. Envolva. Capacite. Ganhe produtividade em um Ambiente de trabalho digital #DigitalMeetsWork Os benefícios de um ambiente de trabalho digital têm impacto na competitividade do negócio. Empresas

Leia mais

Accenture Technology Vision 2015 Serviços Públicos para o Futuro. Visão geral das cinco tendências digitais para serviços públicos

Accenture Technology Vision 2015 Serviços Públicos para o Futuro. Visão geral das cinco tendências digitais para serviços públicos Accenture Technology Vision 2015 Serviços Públicos para o Futuro Visão geral das cinco tendências digitais para serviços públicos #techvision2015 INFOGRÁFICO O governo digital é fundamentado pela utilização

Leia mais

Qual o seu plano para dar vida à sua estratégia?

Qual o seu plano para dar vida à sua estratégia? www.pwc.com.br Qual o seu plano para dar vida à sua estratégia? Alinhamento de Performance Alinhamento do desempenho organizacional Conectando a estratégia à execução A necessidade de alinhar pessoas,

Leia mais

Guia das Demonstrações Financeiras Pontos para Fechamento de 2013 Aspectos contábeis

Guia das Demonstrações Financeiras Pontos para Fechamento de 2013 Aspectos contábeis www.pwc.com.br Guia das Demonstrações Financeiras Pontos para Fechamento de 2013 Aspectos contábeis Novembro de 2013 Agenda 2013 Normas novas e revisadas IAS 1 Apresentação das demonstrações financeiras

Leia mais

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS?

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS? PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS? As ofertas de nuvem pública proliferaram, e a nuvem privada se popularizou. Agora, é uma questão de como aproveitar o potencial

Leia mais

Inovação revolucionária

Inovação revolucionária 10Minutos Pesquisa Estratégia de crescimento Inovação revolucionária Destaques Quase metade dos entrevistados (43%) vê a inovação como uma necessidade competitiva para a sua organização. Em um horizonte

Leia mais

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1 2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Fundamentos da Vantagem Estratégica ou competitiva Os sistemas de informação devem ser vistos como algo mais do que um conjunto de tecnologias que apoiam

Leia mais

Por que conhecer o COBIT 5

Por que conhecer o COBIT 5 10Minutos Tecnologia da Informação Saiba quais são as novidades da versão 5 do COBIT Por que conhecer o COBIT 5 Destaques A utilização do COBIT 5 como guia de melhores práticas permite alinhar de modo

Leia mais

Visão Geral dos Sistemas de Informação

Visão Geral dos Sistemas de Informação Visão Geral dos Sistemas de Informação Existem muitos tipos de sistemas de informação no mundo real. Todos eles utilizam recursos de hardware, software, rede e pessoas para transformar os recursos de dados

Leia mais

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG Capítulo 3: Sistemas de Negócios Colaboração SPT SIG Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos, gerentes e profissionais de empresas.

Leia mais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Capítulo 3: Sistemas de Apoio Gerenciais Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos,

Leia mais

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB)

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB) A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação Maio de 2014 O novo comprador de tecnologia e a mentalidade de aquisição Existe hoje um novo comprador de tecnologia da informação Esse comprador

Leia mais

Permanecendo competitivo

Permanecendo competitivo Permanecendo competitivo Você consegue sobreviver sem o BIM? AFINAL, É UM MUNDO EM 3D Na virada do século 21, a indústria de edificações e construção passou por uma transição do método 2D para projetos

Leia mais

www.pwc.com.br Criação de valor duradouro para empresas de controle familiar

www.pwc.com.br Criação de valor duradouro para empresas de controle familiar www.pwc.com.br Criação de valor duradouro para empresas de controle familiar Índice Introdução 2 Ampliação e financiamento 4 Avaliação 6 Conformidade contábil e tributária 7 Gestão de riscos 8 Planejamento

Leia mais

O futuro da área de finanças Simplificação, eficiência e produtividade. Othon de Almeida 1 de julho de 2015

O futuro da área de finanças Simplificação, eficiência e produtividade. Othon de Almeida 1 de julho de 2015 O futuro da área de finanças Simplificação, eficiência e produtividade Othon de Almeida 1 de julho de 2015 Os desafios da área de finanças Os desafios da área de finanças em um ambiente competitivo Acompanhamento

Leia mais

Nossas soluções para o setor sucroenergético

Nossas soluções para o setor sucroenergético www.pwc.com.br Nossas soluções para o setor sucroenergético Centro PwC de Serviços em Agribusiness Outubro de 2013 Agrícola Gestão de fornecedores de cana Revisão da estrutura de relacionamento entre usina

Leia mais

Nossa atuação no setor financeiro

Nossa atuação no setor financeiro Nossa atuação no setor financeiro No mundo No Brasil O porte da equipe de Global Financial Services Industry (GFSI) da Deloitte A força da equipe do GFSI da Deloitte no Brasil 9.300 profissionais;.850

Leia mais

A gestão de risco, no topo da agenda

A gestão de risco, no topo da agenda A gestão de risco, no topo da agenda 4 KPMG Business Magazine Ambiente de incertezas e estagnação econômica traz novos desafios em GRC O gerenciamento de riscos permanece no topo da agenda corporativa

Leia mais

Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment

Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment Visão geral da solução Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment Visão geral À medida que tecnologias como nuvem, mobilidade, mídias sociais e vídeo assumem papéis

Leia mais

Pesquisa Virtualização e Evolução para a Nuvem RESULTADOS BRASIL

Pesquisa Virtualização e Evolução para a Nuvem RESULTADOS BRASIL 2011 Pesquisa Virtualização e Evolução para a Nuvem RESULTADOS BRASIL ÍNDICE Evolução de TI... 4 Metodologia... 6 Foco... 8 Conclusão 1: As diferenças entre expectativas e realidade revelam a evolução

Leia mais

Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem

Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem White paper Para provedores de nuvem Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem Introdução: os novos desafios dos clientes estimulam a adoção da nuvem Em um ambiente de negócios dinâmico,

Leia mais

RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos

RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos como posso assegurar uma experiência excepcional para o usuário final com aplicativos

Leia mais

Confiança no crescimento em baixa

Confiança no crescimento em baixa 10Minutos 19ª Pesquisa Global com CEOs Setor de Engenharia e Construção Confiança no crescimento em baixa Destaques Março 2016 Destaques Com 65% das indicações, suborno e corrupção são consideradas as

Leia mais

Sustentabilidade Operacional...novos mercados para o setor financeiro

Sustentabilidade Operacional...novos mercados para o setor financeiro www.pwc.com.br Sustentabilidade Operacional...novos mercados para o setor financeiro Junho 2015 Agenda 01 02 Sustentabilidade...olhando para futuro Para ser sustentável é preciso compreender e se adaptar

Leia mais

LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 1

LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 1 LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 Visão Brasil As cinco principais tendências em atração de talentos que você precisa saber 2013 LinkedIn Corporation. Todos os direitos reservados.

Leia mais

O papel do CFO na estratégia corporativa

O papel do CFO na estratégia corporativa O papel do CFO na estratégia corporativa Paola Sardi Madueño, Diretora de Estratégia da Monitor Deloitte Dezembro 2014 Tendências globais (1/2) Embora com pesos diferentes, existem algumas tendências globais

Leia mais

EMC Consulting. Estratégia visionária, resultados práticos. Quando a informação se reúne, seu mundo avança.

EMC Consulting. Estratégia visionária, resultados práticos. Quando a informação se reúne, seu mundo avança. EMC Consulting Estratégia visionária, resultados práticos Quando a informação se reúne, seu mundo avança. Alinhando TI aos objetivos de negócios. As decisões de TI de hoje devem basear-se em critérios

Leia mais

práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social

práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social Não há dúvidas de que as tecnologias sociais têm um impacto substancial no modo como as empresas funcionam atualmente.

Leia mais

A nova classe média vai às compras

A nova classe média vai às compras A nova classe média vai às compras 18 KPMG Business Magazine Cenário é positivo para o varejo, mas empresas precisam entender o perfil do novo consumidor Nos últimos anos o mercado consumidor brasileiro

Leia mais

O Cisco IBSG prevê o surgimento de mercados globais conectados

O Cisco IBSG prevê o surgimento de mercados globais conectados O Cisco IBSG prevê o surgimento de mercados globais conectados Como as empresas podem usar a nuvem para se adaptar e prosperar em um mercado financeiro em rápida mudança Por Sherwin Uretsky, Aron Dutta

Leia mais

Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente

Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente Redesenhando a forma como empresas operam e envolvem seus clientes e colaboradores no mundo digital. Comece > Você pode construir de fato uma

Leia mais

Adicionando valor na produção

Adicionando valor na produção Adicionando valor na produção Em um mercado global altamente competitivo e em constantes transformações, a otimização do resultado dos processos de produção é fundamental. Pressões ambientais e de custo,

Leia mais

Estratégias para avaliação da segurança da computação em nuvens

Estratégias para avaliação da segurança da computação em nuvens Academia de Tecnologia da IBM White paper de liderança de pensamento Novembro de 2010 Estratégias para avaliação da segurança da computação em nuvens 2 Proteção da nuvem: do desenvolvimento da estratégia

Leia mais

Você está fornecendo valor a seus clientes para ajudálos a superar a Paralisação virtual e acelerar a maturidade virtual?

Você está fornecendo valor a seus clientes para ajudálos a superar a Paralisação virtual e acelerar a maturidade virtual? RESUMO DO PARCEIRO: CA VIRTUAL FOUNDATION SUITE Você está fornecendo valor a seus clientes para ajudálos a superar a Paralisação virtual e acelerar a maturidade virtual? O CA Virtual Foundation Suite permite

Leia mais

Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing)

Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing) Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing) Transforme suas comunicações mais lidas em participações multicanais altamente direcionadas que reduzem custos, aumentam a satisfação do cliente e geram

Leia mais

O poder da presença O valor empresarial da colaboração presencial

O poder da presença O valor empresarial da colaboração presencial O poder da presença O valor empresarial da colaboração presencial Sumário executivo À medida que as organizações competem e crescem em uma economia global dinâmica, um novo conjunto de pontos cruciais

Leia mais

Alinhamento entre Estratégia e Processos

Alinhamento entre Estratégia e Processos Fabíola Azevedo Grijó Superintendente Estratégia e Governança São Paulo, 05/06/13 Alinhamento entre Estratégia e Processos Agenda Seguros Unimed Modelo de Gestão Integrada Kaplan & Norton Sistema de Gestão

Leia mais

Infraestrutura no Brasil

Infraestrutura no Brasil www.pwc.com.br Infraestrutura no Brasil Como agregar valor e gerenciar a complexidade de ativos de capital, programas ou portfólios de médio a grande porte (greenfield ou brownfield). O contexto de infraestrutura

Leia mais

Empresa familiar: Um negócio que se adapta ao século 21

Empresa familiar: Um negócio que se adapta ao século 21 10Minutos Private Company Services Pesquisa sobre empresas familiares 2012 Empresa familiar: Um negócio que se adapta ao século 21 Março 2013 Destaques Empresas familiares acreditam ser mais ágeis e fl

Leia mais

Marcia Avruch Tel: (11) 3674-3762 marcia.avruch@br.pwc.com

Marcia Avruch Tel: (11) 3674-3762 marcia.avruch@br.pwc.com Press release Data 30 de abril de 2014 Contato Guilherme Meireles Tel: (11) 3526-4567 guilherme.meireles@imagemcorporativa.com.br Marcia Avruch Tel: (11) 3674-3762 marcia.avruch@br.pwc.com Páginas 4 Anúncios

Leia mais

Indústria química no Brasil

Indústria química no Brasil www.pwc.com.br Indústria química no Brasil Um panorama do setor Indústria química no Brasil A indústria química e petroquímica é um dos mais importantes setores da economia brasileira e está entre as

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO

GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO PMI PULSO DA PROFISSÃO RELATÓRIO DETALHADO GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO Destaques do Estudo As organizações mais bem-sucedidas serão aquelas que encontrarão formas de se diferenciar. As organizações estão

Leia mais

Guaiaquil tira proveito da IoE para oferecer à população os benefícios da telemedicina e do governo eletrônico

Guaiaquil tira proveito da IoE para oferecer à população os benefícios da telemedicina e do governo eletrônico Guaiaquil tira proveito da IoE para oferecer à população os benefícios da telemedicina e do governo eletrônico RESUMO EXECUTIVO Objetivo Melhorar a vida dos moradores e ajudálos a serem bem-sucedidos na

Leia mais

DISSEMINAÇÃO ATUARIAL: PERSPECTIVAS PARA A PROFISSÃO ADRIANA OKADA

DISSEMINAÇÃO ATUARIAL: PERSPECTIVAS PARA A PROFISSÃO ADRIANA OKADA DISSEMINAÇÃO ATUARIAL: PERSPECTIVAS PARA A PROFISSÃO ADRIANA OKADA Novos Cenários Crises Recentes: Desaquecimento Econômico e Baixo Retorno Financeiro Mudanças Econômicas Maior Concorrência Novos Cenários

Leia mais

Receita do Network PwC cresce 6% e atinge US$ 34 bilhões no ano fiscal encerrado em junho

Receita do Network PwC cresce 6% e atinge US$ 34 bilhões no ano fiscal encerrado em junho Press release Data Contato EMBARGO 00h01min (horário Brasília) Terça-feira, 7 de outubro de 2014 Márcia Avruch Tel: +55 11 3674 3760 Email: marcia.avruch@br.pwc.com Pages 4 Receita do Network PwC cresce

Leia mais

Private Equity ADVISORY

Private Equity ADVISORY Private Equity ADVISORY Private Equity Excelentes profissionais que trabalham em equipe, transformando conhecimento em valor, em benefício de nossos clientes. Private Equity 1 Qualidade e integridade são

Leia mais

Formas de Aumentar a Lucratividade da Sua Empresa com o Big Data

Formas de Aumentar a Lucratividade da Sua Empresa com o Big Data 9 Formas de Aumentar a Lucratividade da Sua Empresa com o Big Data Planejamento Performance Dashboard Plano de ação Relatórios Indicadores Sua empresa sabe interpretar os dados que coleta? Para aumentar

Leia mais

Ciência, Tecnologia e Inovação: Mecanismos de Transformação e Fortalecimento da Indústria de Defesa Nacional

Ciência, Tecnologia e Inovação: Mecanismos de Transformação e Fortalecimento da Indústria de Defesa Nacional Ciência, Tecnologia e Inovação: Mecanismos de Transformação e Fortalecimento da Indústria de Defesa Nacional Satoshi Yokota I Seminário Internacional Livro Branco de Defesa Nacional Transformação da Defesa

Leia mais

Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo

Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo Economia Móvel América Latina 2013 A GSMA representa os interesses da indústria mundial de comunicações móveis. Presente em mais de 220 países, a GSMA

Leia mais

fornecendo valor com inovações de serviços de negócios

fornecendo valor com inovações de serviços de negócios fornecendo valor com inovações de serviços de negócios A TI é grande. Tantos bits no universo digital quanto estrelas em nosso universo físico. é arriscada. Dois terços dos projetos de TI estão em risco,

Leia mais

Guia definitivo de ferramentas de Planejamento para Micro Empreendedores Individuais

Guia definitivo de ferramentas de Planejamento para Micro Empreendedores Individuais Guia definitivo de ferramentas de Planejamento para Micro Empreendedores Individuais Introdução O Brasil já tem 4,7 milhões de microempreendedores individuais, segundo dados de janeiro de 2015 da Receita

Leia mais

NCR CONNECTIONS. CxBanking

NCR CONNECTIONS. CxBanking CxBanking NCR CONNECTIONS Nossa soluc a o multicanal permite aos bancos implementar rapidamente servic os empresariais personalizados em canais fi sicos e digitais. Um guia de soluções da NCR Visão geral

Leia mais

Governança de TI. 1. Contexto da TI 2. Desafios da TI / CIOs 3. A evolução do CobiT 4. Estrutura do CobiT 5. Governança de TI utilizando o CobiT

Governança de TI. 1. Contexto da TI 2. Desafios da TI / CIOs 3. A evolução do CobiT 4. Estrutura do CobiT 5. Governança de TI utilizando o CobiT Governança de TI Governança de TI 1. Contexto da TI 2. Desafios da TI / CIOs 3. A evolução do CobiT 4. Estrutura do CobiT 5. Governança de TI utilizando o CobiT TI precisa de Governança? 3 Dia-a-dia da

Leia mais

INNOVA. Soluções de software que capacitam os processadores de aves a...

INNOVA. Soluções de software que capacitam os processadores de aves a... INNOVA Soluções de software que capacitam os processadores de aves a... Maximizar o rendimento e a produtividade Estar em conformidade com os padrões de qualidade e garantir a segurança dos alimentos Obter

Leia mais

1. COMISSÃO EXECUTIVA DE RECURSOS HUMANOS

1. COMISSÃO EXECUTIVA DE RECURSOS HUMANOS Governança Corporativa se faz com Estruturas O Itaú se orgulha de ser um banco essencialmente colegiado. A Diretoria atua de forma integrada e as decisões são tomadas em conjunto, buscando sempre o consenso

Leia mais

www.pwc.com Os Avanços da Gestão Pública no Brasil Os Desafios para a Gestão de Pessoas Novembro de 2011

www.pwc.com Os Avanços da Gestão Pública no Brasil Os Desafios para a Gestão de Pessoas Novembro de 2011 www.pwc.com Os Avanços da Gestão Pública no Brasil Os Desafios para a Gestão de Pessoas Novembro de 2011 Agenda 1. Demanda por profissionais e a estratégia de gestão de pessoas 2. Gestão de pessoas tendências

Leia mais

Nota Data 8 de maio de 2013

Nota Data 8 de maio de 2013 Nota Data 8 de maio de 2013 Contato Flávio Resende Proativa Comunicação flavioresende@proativacomunicacao.com.br Tel: (61) 3242-9058/9216-9188 Kadydja Albuquerque Proativa Comunicação coordenacao@proativacomunicacao.com.br

Leia mais

AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI

AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI CUSTOMER SUCCESS STORY Março 2014 AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI PERFIL DO CLIENTE Indústria: Manufatura Empresa: AT&S Funcionários: 7.500 Faturamento: 542 milhões

Leia mais

Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem. Serviços HP Cloud Professional

Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem. Serviços HP Cloud Professional Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem Professional Folheto Professional A HP oferece um portfólio abrangente de serviços profissionais em nuvem para aconselhar, transformar e gerenciar sua jornada rumo

Leia mais

10 Minutos sobre a segurança da informação

10 Minutos sobre a segurança da informação 10Minutos Segurança da Informação 10 Minutos sobre a segurança da informação Dezembro 2012 Ameaças emergentes exigem estratégias sofisticadas e novas competências técnicas Destaques Os orçamentos têm crescido

Leia mais

Agregando valor com Business Service Innovation

Agregando valor com Business Service Innovation Agregando valor com Business Service Innovation A TI é enorme. Existem tantos bits no universo digital quanto estrelas em nosso universo físico. é arriscada. Dois terços dos projetos de TI estão em risco,

Leia mais

Alavancando a segurança a partir da nuvem

Alavancando a segurança a partir da nuvem Serviços Globais de Tecnologia IBM White Paper de Liderança em Pensamento Serviços de Segurança IBM Alavancando a segurança a partir da nuvem O quem, o que, quando, por que e como dos serviços de segurança

Leia mais

SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL

SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL 1. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL (SIG) Conjunto integrado de pessoas, procedimentos, banco de dados e dispositivos que suprem os gerentes e os tomadores

Leia mais

ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas

ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas 1) Resumo Executivo Descrição dos negócios e da empresa Qual é a ideia de negócio e como a empresa se chamará? Segmento

Leia mais

Smart home. Fazendo da tecnologia smart home uma realidade. GfK 2015. GfK 2015 GfK smart home study 1

Smart home. Fazendo da tecnologia smart home uma realidade. GfK 2015. GfK 2015 GfK smart home study 1 Smart home Fazendo da tecnologia smart home uma realidade GfK 2015 GfK 2015 GfK smart home study 1 Conteúdos 1 2 3 Potencial de mercado Os nossos insights O seu crescimento através do conhecimento GfK

Leia mais

COMO ENTENDER O VALOR EMPRESARIAL DOS SISTEMAS E COMO GERENCIAR A MUDANÇA

COMO ENTENDER O VALOR EMPRESARIAL DOS SISTEMAS E COMO GERENCIAR A MUDANÇA COMO ENTENDER O VALOR EMPRESARIAL DOS SISTEMAS E COMO GERENCIAR A MUDANÇA 1 OBJETIVOS 1. Como nossa empresa pode medir os benefícios de nossos sistemas de informação? Quais modelos deveríamos usar para

Leia mais

LOGÍSTICA MADE DIFFERENT LOGÍSTICA

LOGÍSTICA MADE DIFFERENT LOGÍSTICA LOGÍSTICA MADE DIFFERENT LOGÍSTICA ENTREGA ESPECIAL Na economia globalizada 24/7 de hoje, a logística e a gestão de armazéns eficientes são essenciais para o sucesso operacional. O BEUMER Group possui

Leia mais

Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente. Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente.

Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente. Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente. Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente. As interações com os clientes vão além de vários produtos, tecnologias

Leia mais

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do

Leia mais

Direcionando o Planejamento Estratégico com Modelo de Previsão Um artigo técnico da Oracle Junho de 2007

Direcionando o Planejamento Estratégico com Modelo de Previsão Um artigo técnico da Oracle Junho de 2007 Direcionando o Planejamento Estratégico com Modelo de Previsão Um artigo técnico da Oracle Junho de 2007 Direcionando o Planejamento Estratégico com Modelo de Previsão Com um processo funcional de planejamento

Leia mais

Migração de sistemas antigos. Avançando para um futuro competitivo

Migração de sistemas antigos. Avançando para um futuro competitivo Migração de sistemas antigos Avançando para um futuro competitivo A automação e controle é um dos mais importantes investimentos para garantir o sucesso da manufatura de qualquer indústria. Porém, por

Leia mais

O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada. CFO Program

O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada. CFO Program O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada CFO Program O futuro da área de finanças Temos o orgulho de compartilhar com vocês nossa visão de como será a área de finanças no futuro. Esta

Leia mais

Fundamentos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação

Fundamentos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação Objetivo da Aula Tecnologia e as Organizações, importância dos sistemas de informação e níveis de atuação dos sistemas de informação Organizações & Tecnologia TECNOLOGIA A razão e a capacidade do homem

Leia mais

CA Clarity PPM. Visão geral. Benefícios. agility made possible

CA Clarity PPM. Visão geral. Benefícios. agility made possible FOLHA DO PRODUTO CA Clarity PPM agility made possible O CA Clarity Project & Portfolio Management (CA Clarity PPM) o ajuda a inovar com agilidade, a transformar seu portfólio com confiança e a manter os

Leia mais

Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508. Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel.

Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508. Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel. Press Release Date 1º de outubro de 2013 Contato Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508 Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel. (11) 3674-3760 Pages

Leia mais

Introdução. A Internet de Todas as Coisas está pronta para gerar pelo menos US$ 613 bilhões em lucros empresariais mundiais no. ano de 2013.

Introdução. A Internet de Todas as Coisas está pronta para gerar pelo menos US$ 613 bilhões em lucros empresariais mundiais no. ano de 2013. Internet de Todas as Coisas (IoE). 10 principais descobertas da Pesquisa Índice de valor da IoE da Cisco com 7.500 responsáveis pela tomada de decisão em 12 países Joseph Bradley Jeff Loucks Andy Noronha

Leia mais

2º Encontro de Contabilidade e Auditoria para Companhias Abertas e Sociedades de Grande Porte

2º Encontro de Contabilidade e Auditoria para Companhias Abertas e Sociedades de Grande Porte www.pwc.com º Encontro de Contabilidade e Auditoria para Companhias Abertas e Sociedades de Grande Porte Evoluções do SPED do ponto de vista de Custo de Conformidade Fiscal Agenda Pontos chave da Pesquisa

Leia mais

GESTÃO FINANCEIRA para FICAR NO Azul

GESTÃO FINANCEIRA para FICAR NO Azul GESTÃO FINANCEIRA para ficar no azul índice 03 Introdução 04 Capítulo 1 O que é gestão financeira? 06 Capítulo 2 Gestão financeira e tomada de decisões 11 13 18 Capítulo 3 Como projetar seu fluxo financeiro

Leia mais

Mining 2014 Redução de Custos

Mining 2014 Redução de Custos www.pwc.com.br Redução de Custos O desafio das empresas para manter a rentabilidade com preço do minério em queda Conectando Estratégia à Execução Luís Seixas Sócio Advisory Brasil competência Melhoria

Leia mais