Tecnologia e Inovação em Saúde

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Tecnologia e Inovação em Saúde"

Transcrição

1 Tecnologia e Inovação em Saúde Prontuário Eletrônico do Paciente Marco Antonio Gutierrez Serviço de Informática Instituto do Coração HC FMUSP

2 Desafios Tendências A medicina torna-se cada vez mais complexa e sofisticada; A gestão da informação e conhecimento têm que ser mais automatizada e inteligente; Os custos em Saúde aumentam e os financiadores pedem racionalização; Racionalizar os Sistemas de Saúde exige métodos e ferramentas; TI O Hospital será diferente; A automação será máxima; Informação no ponto de cuidado do paciente; Compartilhamento de recursos; Virtualização de Produtos e Serviços; Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

3 Prontuário Médico Inventado por médicos e enfermeiros para garantir que se lembrassem individualmente dos fatos sobre cada paciente, e assim, todos os profissionais envolvidos no cuidado pudessem ter a mesma informação. Coleção de Documentos Diferentes Finalidades Qualidade da Informação Duvidosa Múltiplas Fontes (Digitais e Não-Digitais) Falta de Organização Dados Parcialmente Estruturados Baixo Controle de Qualidade, Segurança e Manipulação Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

4 Prontuário Médico: O que pode conter? Identificação do paciente; História Clínica Prescrição e Evolução médica, de enfermagem e de outros profissionais assistentes; Exames laboratoriais, radiológicos e outros; Raciocínio médico; Hipóteses diagnósticas e diagnóstico definitivo; Conduta terapêutica; Descrições cirúrgicas, fichas anestésicas; Resumo de alta; Fichas de atendimento ambulatorial e/ou atendimento de urgência; Folhas de observação médica, boletins médicos. Laudos biópsia, lâminas. Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

5

6

7 Prontuários em Papel Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

8 Prontuário Eletrônico do Paciente (SI 3 ) 1,3M de pacientes Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

9 SI 3 : Principais Características Reúne > 20 anos de conhecimento médico, de enfermagem e da equipe multiprofissional em Sistemas de Informação em Saúde; Interface gráfica Web (IE, Firefox, Chrome,...) construída com conceitos de usabilidade (ícones, hierárquica & favoritos); Utiliza os padrões internacionais (DICOM e Hl7) e nacionais (TISS) para troca de informação em Saúde; Compartilha informações de Saúde com vários sistemas assistenciais (SIGA- Saúde, Portal CROSS (agenda & leitos), Salux (Lab & Fat SUS), RIS/PACS Philips, SIGH PRODESP, SBS Hemo, SAM (MS Dynamics), ProntMed, XLab7 e Teknisa); Contempla todos os módulos assistenciais necessários para um Sistema de Gestão Hospitalar; Possui interface de programação visual para construção de formulários; Incorpora o conceito de versionamento para laudos; Possibilita a extração de informação para diversos pacotes estatísticos (SAS, Statgraph, SPSS, etc); Controle de acesso segundo padrões internacionais de segurança (ICP-Brasil); Permite o uso de trilha de auditoria 2011 de InCor todas - HCFMUSP as ações realizadas;

10 SI 3 : Principais Módulos

11 2011 InCor - HCFMUSP

12 2011 InCor - HCFMUSP

13 2011 InCor - HCFMUSP

14 Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

15 Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

16 SI 3 : >10 anos de Prescrição Eletrônica

17 Prescrição Médica

18 Triagem da Farmácia

19 Dispensação pela Farmácia

20 Confirmação Enfermagem

21 Confirmação pela Enfermagem em dispositivos móveis Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

22 Evolução de Resultados de Exames LAC InCor DLC HC Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

23 Apoio à Assistência (beira-de-leito) MedKart Mobilidade (Wi-Fi); Robustez; Ergonomia (tela, altura, largura e peso) Autonomia (> 6hrs); Assepsia (teclado e mouse laváveis); Múltiplos usos (prescrição, dispensação e confirmação); Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

24 Apoio à Assistência (beira-de-leito) MedKart Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

25 Prontuário Eletrônico com Assinatura Digital Função HASH C5 2B91 AFA7 BB79 B6C6 9B65 Chave Privada do Médico Algoritmo Criptográfico Prontuário Assinado Digitalmente C5 BB9A CCA C

26

27 Verificação de Documento com Assinatura Digital

28 Sustentabilidade No atendimento ambulatorial, o InCor produz ~50 mil documentos/mês Desmaterialização de 50k documentos ~ 5 árvores deixarão de ser cortadas ~ 1,3 MWh de energia deixarão de ser consumidos ~ litros de água serão economizados ~ 35 toneladas de CO2 e /ano deixarão de ser emitidos ~ Para compensar esta emissão de CO2 e seriam necessárias 140 árvores (Árvores da Mata Atlântica) Fonte:

29 Total de Acessos Acessos ao SI 3 (2014) M m 7M M M M M M M 0 Acessos ao SI3 por Profissional 65% MEDICO ASSISTENTE ENFERMEIRO AUX. FARM. AUX. REG. SAÚDE FARMACEUTICO Profissional OP. TELEATEND. FATURISTA FISIOTERAPEUTA LIDER DE ATENDIMENTO 20 Milhões de Acessos em 2014 (38 acessos/min) (1,4x avgrx ~27 msg/min; 6,3x avgtx ~6 msg/min)

30 Taxa de Adoção: PEP/RES, CPOE Alemanha Austrália Canadá Estados Unidos Holanda Inglaterra Ambulatório PEP/RES (%) CPOE (%) Hospital PEP/RES (%) <5 <10 <10 <3 <5 <8 CPOE (%) <5 <1 <1 <5 <5 <3 A.K. Jha, et al., The use of health information technology in seven nations, Int. J. Med. Inform. (2011), in press. Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

31 Adoção do Prontuário Eletrônico (US) 78% dos hospitais oferecem resultados de exames laboratoriais e de imagens eletronicamente; Histórico, exame físico, queixas e antecedentes são menos adotadas e estão disponíveis em apenas 12% dos hospitais; Ordens Médicas (CPOE) também sofrem de um baixo índice de adoção, sendo 20% para pedidos de exames e 17% para medicação; Prontuário Eletrônico básico sem documentação clinica (10,9%), básico com documentação clínica (7,6%) e avançado (1.5%); Jha, A. K., DesRoches, C. M., Campbell, E. G., Donelan, K., Rao, S. R., Ferris, T. G., et al. Use of electronic health records in U.S. hospitals. New England Journal of Medicine, 360(16), , Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

32 Benefícios na adoção do HIS Ordens Médicas (CPOE) podem reduzir em até 55% nos erros na prescrição de medicamentos e em 7% na frequência de eventos adversos (Bates et.al., 1998); A adoção de sistemas eletrônicos reduz a utilização de drogas e solicitações de exames, contribuindo para a melhoria da eficiência do fluxo de trabalho dos profissionais de Saúde (Kaushal et al., 2003; Teich et al., 2000); Um estudo multicêntrico recente identificou uma associação entre hospitais com Prontuário Eletrônico avançados e o baixo índice de mortalidade e de custos (Amarasingham et al., 2009); Bates, D. W., Leape, L., Cullen, D. J., Laird, N., Petersen, L. A., Teich, J. M., et al. Effect of computerized physician order entry and a team intervention on prevention of serious medication errors. Journal of the American Medical Association; 280(15), , 1998; Kaushal, R., Shojania, K. G., & Bates, D. W. Effects of computerized physician order entry and clinical decision support systems on medication safety: A systematic review. Archives of Internal Medicine, 163(12), , 2003; Amarasingham, R., Plantinga, L., Diener-West, M., Gaskin, D. J. e Powe, N. R. Clinical information technologies and inpatient outcomes: A multiple hospital study. Archives of Internal Medicine, 169(2), , 2009;

33 Modelos de Maturidade (EUA & Europa) Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

34 Maturidade e os Sistemas de Informação Hospitalares nos EUA e Canadá (2012) ~30 % < 5% Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

35 Registro de Patentes 1. Gutierrez, M. A. ; Cestari, I. Disposição introduzida em estação móvel de uso hospitalar (2009). 2. Gutierrez, M. A. ; Ramires, J.A.F ; Furuie, S. S. ; Rebelo, M.S. vmongluco : Monitoramento online de glicose em terapia intensiva e em ambiente cirúrgico (2004). 3. Santos, M. ; Furuie, S. S.. Iview-InCor DICOM Viewer. (2003). 4. Bertozzo, N. ; Furuie, S. S.. SIGA - Sistema de gerência e armazenamento de documentos e imagens médicas (2003). 5. Moreno, R. A. ; Furuie, S. S.. Servidor DICOM InCor (2003). 6. Motta, G.H.M.B. ; Furuie, S. S.. MACA - Middleware para autenticação e controle de acesso (2002). 7. Furuie, S.S. ; Figueired, J.C. WebPACS InCor (2001). 8. Furuie, S.S. ; Bertozzo, N. ; Alcocer, P. ; GUutierrez, M. A. ; Melo, C. P. ; Tachinardi, U. Sistema integrado de informações clínicas e imagens médicas (1999). 9. Alcocer, P. ; Furuie, S. S. ; Moura, L.. Visualizador de imagens DICOM para angiografia digital (1999). 10. Gutierrez, M. A. ; Bertozzo, N. ; Moura, L. ; Furuie, S. S. Sistema para aquisição, monitoração e análise de sinais e teste de inclinação ortostática ( Tilt Test) (1999). 11. Gutierrez, M. A. ; Furuie, S. S. ; Moura, L.A. Método para quantificar o movimento tridimensional do miocárdio em imagens de Medicina Nuclear (1999). Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

36 Patentes X Linhas de P&D Processamento de Imagens e Sinais Biomédicos Sistemas de Informação Clínica Telemedicina Mineração de Dados Clínicos Material de propriedade do Serviço de Informática do Instituto do Coração InCor - HCFMUSP

37 Marco Antonio Gutierrez Serviço de Informática Instituto do Coração HC FMUSP InCor - HCFMUSP

Gestão de Tecnologia da Informação em Saúde. Marco Antonio Gutierrez Instituto do Coração HC FMUSP 2011

Gestão de Tecnologia da Informação em Saúde. Marco Antonio Gutierrez Instituto do Coração HC FMUSP 2011 Gestão de Tecnologia da Informação em Saúde Marco Antonio Gutierrez Instituto do Coração HC FMUSP 2011 Cenário: InCor 500 leitos 260.000 pacientes/ano 12.000 internações/ano 4.500 cirurgias/ano 2.000.000

Leia mais

Innovación y Tecnologias en Salud II Impacto de la Conectividad en el Diseño Hospitalario

Innovación y Tecnologias en Salud II Impacto de la Conectividad en el Diseño Hospitalario Innovación y Tecnologias en Salud II Impacto de la Conectividad en el Diseño Hospitalario Marco Antonio Gutierrez marco.gutierrez@incor.usp.br Instituto do Coração - HC FMUSP Sociedade Brasileira de Informática

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO HOSPITALARES:

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO HOSPITALARES: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO HOSPITALARES: PROGRESSOS E AVANÇOS por Marco Antonio Gutierrez 49 / 65 COMPLETADA A PRIMEIRA DÉCADA do século 21 e, para a maioria dos pacientes, uma consulta médica ou uma internação

Leia mais

Hospitalares(HIS) com o. e Arquivamento de Imagens Médicas(PACS) Serviço de Informática - SINFO

Hospitalares(HIS) com o. e Arquivamento de Imagens Médicas(PACS) Serviço de Informática - SINFO Integração do Sistema de Informações Hospitalares(HIS) com o Sistema de Transmissão, Distribuição e Arquivamento de Imagens Médicas(PACS) Serviço de Informática - SINFO Instituto tuto do Coração de São

Leia mais

GSUS Sistema de Gestão Hospitalar e Ambulatorial do SUS

GSUS Sistema de Gestão Hospitalar e Ambulatorial do SUS GSUS Sistema de Gestão Hospitalar e Ambulatorial do SUS O sistema GSUS é uma aplicação WEB para gestão operacional da assistência de saúde executada a nível hospitalar ou ambulatorial, tendo como foco

Leia mais

Deixar de imprimir, assinar, carimbar e arquivar passou a ser realidade para nós.

Deixar de imprimir, assinar, carimbar e arquivar passou a ser realidade para nós. ECMSHOW MEETING: "IDENTIDADE DIGITAL NUM MUNDO PAPERLESS 1º de SETEMBRO 2015 Deixar de imprimir, assinar, carimbar e arquivar passou a ser realidade para nós. João Paulo Foini Gerente de Produtos de Tecnologia

Leia mais

O PEP como Instrumento de Otimização Clinica Marcos Sobral

O PEP como Instrumento de Otimização Clinica Marcos Sobral O PEP como Instrumento de Otimização Clinica Marcos Sobral São Paulo, 19 de setembro de 2005 Agenda Introdução Desafios MVPEP Formas de acessos Funcionalidades Formulários eletrônicos Índices clínicos

Leia mais

Sistemas de Informação Hospitalar: Presente e Futuro

Sistemas de Informação Hospitalar: Presente e Futuro Sistemas de Informação Hospitalar: Presente e Futuro Halley Johanston Unysis Corporation, EUA Revista Informédica, 1 (2): 5-9, 1993. A utilização da Informática na gestão hospitalar evoluiu, nos últimos

Leia mais

Produtos ehealth. Desenvolvimento de negócios ehealth Diretoria P&S Verticais

Produtos ehealth. Desenvolvimento de negócios ehealth Diretoria P&S Verticais Produtos ehealth Desenvolvimento de negócios ehealth Diretoria P&S Verticais 1 Participação da Telefônica Vivo nas Instituições de Saúde TIC TIC TIC TIC Telemedicina TIC Telemedicina Desenvolvimento de

Leia mais

Receituário eletrônico: uma mudança de paradigma

Receituário eletrônico: uma mudança de paradigma Inovação, Tecnologia e Operações Receituário eletrônico: uma mudança de paradigma Experiência publica e empresarial em Espanha Eduardo Figueiredo Pensar Global e Agir Local para a Excelência do Varejo

Leia mais

Projetos desenvolvidos para o Hospital e Maternidade Municipal de Uberlândia e a o Hospital Escola de Uberlândia - UFU

Projetos desenvolvidos para o Hospital e Maternidade Municipal de Uberlândia e a o Hospital Escola de Uberlândia - UFU Projetos desenvolvidos para o Hospital e Maternidade Municipal de Uberlândia e a o Hospital Escola de Uberlândia - UFU AMBULATÓRIO Cadastro de paciente ( caso o paciente já tenha consultado no hospital

Leia mais

Gestão das Tecnologias da Informação em Saúde: Novas Tecnologias e Novos Rumos. Renato M.E. Sabbatini UNICAMP Instituto Edumed

Gestão das Tecnologias da Informação em Saúde: Novas Tecnologias e Novos Rumos. Renato M.E. Sabbatini UNICAMP Instituto Edumed Gestão das Tecnologias da Informação em Saúde: Novas Tecnologias e Novos Rumos Renato M.E. Sabbatini UNICAMP Instituto Edumed Informações em Saúde Clínicas Administrativas Operacionais Financeiras Os Focos

Leia mais

A IMPLEMENTAÇÃO DE UM PROJETO DE CERTIFICAÇÃO DIGITAL EM AMBIENTE HOSPITALAR

A IMPLEMENTAÇÃO DE UM PROJETO DE CERTIFICAÇÃO DIGITAL EM AMBIENTE HOSPITALAR A IMPLEMENTAÇÃO DE UM PROJETO DE CERTIFICAÇÃO DIGITAL EM AMBIENTE HOSPITALAR Flávio Osete Gonçalves da Silva, Camila Ramos de Moura Diretoria de Operações e Tecnologia da Informação Instituto do Câncer

Leia mais

INSTITUTO DE MEDICINA INTEGRAL PROFº FERNANDO FIGUEIRA - IMIP

INSTITUTO DE MEDICINA INTEGRAL PROFº FERNANDO FIGUEIRA - IMIP INSTITUTO DE MEDICINA INTEGRAL PROFº FERNANDO FIGUEIRA - IMIP Complexo Hospitalar - Hospital Filantrópico - Área 69.000 m² - 10 prédios - 1.143 leitos - 101 leitos de UTI NHE (VEH / GRSH / CCIH) COMISSÕES

Leia mais

A perspectiva e atuação da ANS no desenvolvimento de padrões no Brasil. Jussara M P Rötzsch ANS/DIDES/GGSUS

A perspectiva e atuação da ANS no desenvolvimento de padrões no Brasil. Jussara M P Rötzsch ANS/DIDES/GGSUS A perspectiva e atuação da ANS no desenvolvimento de padrões no Brasil Jussara M P Rötzsch ANS/DIDES/GGSUS Avanços (tecnológico e científico) na Saúde Maior conhecimento sobre os determinantes de saúde

Leia mais

GSUS Sistema de Gestão da Assistência de Saúde do SUS

GSUS Sistema de Gestão da Assistência de Saúde do SUS GSUS Sistema de Gestão da Assistência de Saúde do SUS Sigla do Sistema: GSUS Nome do Sistema: Sistema de Gestão da Assistência de Saúde do SUS Responsável pelo Projeto: Antonio Francisco Peixoto Baptista

Leia mais

Registro Eletrônico de Saúde Unimed. Números do Sistema

Registro Eletrônico de Saúde Unimed. Números do Sistema Números do Sistema Números do Sistema 36 Prestadoras 300 Operadoras (30% das operadoras de saúde) 15 Federações Institucionais 351 Cooperativas 1 Confederação Nacional 1 Confederação Regional 1 Central

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 555 DE 30 DE NOVEMBRO DE 2011

RESOLUÇÃO Nº 555 DE 30 DE NOVEMBRO DE 2011 RESOLUÇÃO Nº 555 DE 30 DE NOVEMBRO DE 2011 Ementa: Regulamenta o registro, a guarda e o manuseio de informações resultantes da prática da assistência farmacêutica nos serviços de saúde. O Conselho Federal

Leia mais

Case de Sucesso. Integrando CIOs, gerando conhecimento. FERRAMENTA DE BPM TORNA CONTROLE DE FLUXO HOSPITALAR MAIS EFICAZ NO HCFMUSP

Case de Sucesso. Integrando CIOs, gerando conhecimento. FERRAMENTA DE BPM TORNA CONTROLE DE FLUXO HOSPITALAR MAIS EFICAZ NO HCFMUSP Case de Sucesso Integrando CIOs, gerando conhecimento. FERRAMENTA DE BPM TORNA CONTROLE DE FLUXO HOSPITALAR MAIS EFICAZ NO HCFMUSP Perfil O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade

Leia mais

Objetivo Principal. Objetivos Secundários

Objetivo Principal. Objetivos Secundários Objetivo Principal O Personal Med Hospitalar foi resultado de um longo esforço de O&M em hospitais de vários portes e regiões do Brasil. O sistema foi concebido a partir do detalhamento de 176 processos

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA COMPROVAÇÃO DOS ITENS DE VERIFICAÇÃO - UPA

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA COMPROVAÇÃO DOS ITENS DE VERIFICAÇÃO - UPA RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA COMPROVAÇÃO DOS ITENS DE VERIFICAÇÃO - UPA Quando da apresentação de protocolos, manual de normas e rotinas, procedimento operacional padrão (POP) e/ou outros documentos,

Leia mais

Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Hospital de Clínicas de Porto Alegre Hospital de Clínicas de Porto Alegre José Ricardo Guimarães Serviço de Cirurgia Geral Coordenador da Comissão de Prontuários Comitê Gestor do Projeto AGHU Hospital de Clínicas de Porto Alegre Hospital

Leia mais

A Informação e as Boas Práticas da Gestão na Saúde. Prof. Renato M.E. Sabbatini UNICAMP e Instituto Edumed

A Informação e as Boas Práticas da Gestão na Saúde. Prof. Renato M.E. Sabbatini UNICAMP e Instituto Edumed A Informação e as Boas Práticas da Gestão na Saúde Prof. Renato M.E. Sabbatini UNICAMP e Instituto Edumed Boas práticas em gestão da saúde Eficiência Qualidade Segurança Ética Humanização Sustentabilidade

Leia mais

Márcia Mascarenhas Alemão Gerência Observatório de Custos/ Diretoria de Desenvolvimento Estratégico Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais

Márcia Mascarenhas Alemão Gerência Observatório de Custos/ Diretoria de Desenvolvimento Estratégico Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais O Modelo de Gestão FHEMIG e a Prestação de Contas ao Paciente: a implantação do sistema de custos hospitalares e o uso da informação de custos como ferramenta gerencial da transparência do gasto público

Leia mais

Márcia Mascarenhas Alemão Gerência Observatório de Custos/ Diretoria de Desenvolvimento Estratégico Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais

Márcia Mascarenhas Alemão Gerência Observatório de Custos/ Diretoria de Desenvolvimento Estratégico Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais O Modelo de Gestão FHEMIG e a Prestação de Contas ao Paciente: a implantação do sistema de custos hospitalares e o uso da informação de custos como ferramenta gerencial da transparência do gasto público

Leia mais

Aspectos do Prontuário Eletrônico. Lincoln de Assis Moura Jr., MSc, DIC, PhD lincoln.moura@zilics.com.br +55 11 8426-6276

Aspectos do Prontuário Eletrônico. Lincoln de Assis Moura Jr., MSc, DIC, PhD lincoln.moura@zilics.com.br +55 11 8426-6276 Aspectos do Prontuário Eletrônico Lincoln de Assis Moura Jr., MSc, DIC, PhD lincoln.moura@zilics.com.br +55 11 8426-6276 Sumário Complexidade da Informação em Saúde Declaração de Convicção Aspectos Éticos

Leia mais

Logística e distribuição de medicamentos Gestão compartilhada Vanusa Barbosa Pinto Coordenadora do Núcleo de Assistência Farmacêutica HCFMUSP

Logística e distribuição de medicamentos Gestão compartilhada Vanusa Barbosa Pinto Coordenadora do Núcleo de Assistência Farmacêutica HCFMUSP Logística e distribuição de medicamentos Gestão compartilhada Vanusa Barbosa Pinto Coordenadora do Núcleo de Assistência Farmacêutica HCFMUSP Diretora da Divisão de Farmácia ICHC Agenda Perfil Farmácia

Leia mais

CLOUD HEALTHCARE Vida Única. Como a Tecnologia da Informação vai revolucionar o cuidado com o PACIENTE

CLOUD HEALTHCARE Vida Única. Como a Tecnologia da Informação vai revolucionar o cuidado com o PACIENTE Vida Única Como a Tecnologia da Informação vai revolucionar o cuidado com o PACIENTE SOMOS... 2 Problemas com a Gestão da Saúde no Brasil Atualmente são 2 médicos por cada mil brasileiros. 55% estão vinculados

Leia mais

Programa de Pós-graduação em Informática em Saúde

Programa de Pós-graduação em Informática em Saúde Programa de Pósgraduação em Informática em Saúde Informática em Saúde 27 Maio 2007 Club Transatlântico São Paulo Programa de Pósgraduação em Informática em Saúde Telemedicina Prática A Prática Médica Digital

Leia mais

Novas Tecnologias para Construção do Prontuário Eletrônico do Paciente

Novas Tecnologias para Construção do Prontuário Eletrônico do Paciente Novas Tecnologias para Construção do Prontuário Eletrônico do Paciente Fabiane Bizinella Nardon 1, Sérgio Furuie 2, Umberto Tachinardi 3 Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina

Leia mais

DICOM Grid Brasil www.dicomgrid.com.br

DICOM Grid Brasil www.dicomgrid.com.br DICOM Grid Brasil Imagens médicas na nuvem Compartilhamento, visualização e armazenamento na nuvem www.dicomgrid.com.br Situação atual do mercado de imagens e laudos médicos na América Latina Alto custo

Leia mais

O que é o Modelo de Adoção do Registo Médico Eletrônico (EMRAM) da HIMSS? Qual a sua função?

O que é o Modelo de Adoção do Registo Médico Eletrônico (EMRAM) da HIMSS? Qual a sua função? O que é o Modelo de Adoção do Registo Médico Eletrônico (EMRAM) da HIMSS? Qual a sua função? Sobre a HIMSS Analytics Proprietária, sem fins lucrativos subsidiária totalmente detida pela Healthcare Information

Leia mais

Registro Eletrônico de Saúde para a Odontologia 9º SINPLO. Painel Tecnológico 09 de maio de 2014

Registro Eletrônico de Saúde para a Odontologia 9º SINPLO. Painel Tecnológico 09 de maio de 2014 Registro Eletrônico de Saúde para a Odontologia 9º SINPLO Painel Tecnológico 09 de maio de 2014 Registro Eletrônico de Saúde 9º SINPLO SP 09/05/2014. 1 Marizélia Leão Moreira Graduada em Ciências Sociais

Leia mais

Tecnologia e-sus Sistema de Gestão e-sus Hospitalar

Tecnologia e-sus Sistema de Gestão e-sus Hospitalar e-sus Hospitalar Tecnologia e-sus Sistema de Gestão e-sus Hospitalar Tecnologia web desenvolvido em linguagem.net Banco de dados Oracle / SQL Server Workflow designer Gerador de relatórios Reporting Services

Leia mais

CASE STUDY IMPLEMENTATION OF HOSPITAL INFORMATION SYSTEM AT HCFMUSP. Jacson Barros, Msc

CASE STUDY IMPLEMENTATION OF HOSPITAL INFORMATION SYSTEM AT HCFMUSP. Jacson Barros, Msc CASE STUDY IMPLEMENTATION OF HOSPITAL INFORMATION SYSTEM AT HCFMUSP Jacson Barros, Msc Agenda Dados Sócio Demográficos O Sistema HCFMUSP e o Hospital das Clínicas da FMUSP O Projeto de Implementação do

Leia mais

Certificação SBIS/CFM. Euline Marcos Rodrigues - CPqD 16/04/2010

Certificação SBIS/CFM. Euline Marcos Rodrigues - CPqD 16/04/2010 Certificação SBIS/CFM Euline Marcos Rodrigues - CPqD 16/04/2010 Agenda Histórico Requisitos Categorias Processo Certificação Comparativo para Discussão Histórico Ano 2002 2003 2004 2005 Eventos/Documentos

Leia mais

TISS. I Implanta TISS Prestadores e Operadoras em direção à padronização

TISS. I Implanta TISS Prestadores e Operadoras em direção à padronização TISS I Implanta TISS Prestadores e Operadoras em direção à padronização Roteiro Panorama da Saúde Padrão TISS Reflexões Avanços (tecnológico e científico) na Saúde Maior conhecimento sobre os determinantes

Leia mais

HEALTHCARE SOLUTIONS GESTÃO INTEGRADA DE MEDICAMENTOS PARA HOSPITAIS INOVADORES

HEALTHCARE SOLUTIONS GESTÃO INTEGRADA DE MEDICAMENTOS PARA HOSPITAIS INOVADORES HEALTHCARE SOLUTIONS GESTÃO INTEGRADA DE MEDICAMENTOS PARA HOSPITAIS INOVADORES UMA LONGA HISTÓRIA DE INOVAÇÃO EM SISTEMAS AUTOMATIZADOS SEGUROS E EFICIÊNTES PARA GESTÃO DE MEDICAMENTOS SOB MEDIDA «SWISSLOG,

Leia mais

Atualmente, as organizações de saúde estão reavaliando seus modelos de negócios tendo em vista as regulamentações governamentais, pressões das fontes

Atualmente, as organizações de saúde estão reavaliando seus modelos de negócios tendo em vista as regulamentações governamentais, pressões das fontes Atualmente, as organizações de saúde estão reavaliando seus modelos de negócios tendo em vista as regulamentações governamentais, pressões das fontes pagadoras e a exigência dos pacientes por serviços

Leia mais

www.sishosp.com.br (19) 3241.3535 Conheça o software de gestão ideal para a sua instituição

www.sishosp.com.br (19) 3241.3535 Conheça o software de gestão ideal para a sua instituição www.sishosp.com.br (19) 3241.3535 Conheça o software de gestão ideal para a sua instituição Transforme sua instituição em uma empresa altamente eficaz. Só mesmo quem administra uma instituição sabe como

Leia mais

MATERNIDADE UNIMED UNIDADE GRAJAÚ

MATERNIDADE UNIMED UNIDADE GRAJAÚ MATERNIDADE UNIMED UNIDADE GRAJAÚ Larissa Fernanda Silva Borges de Carvalho Enfermeira, Especialista em Gestão de Serviços de Saúde Gerente Assistencial da Maternidade Unimed BH Unidade Grajaú Governança

Leia mais

Auditoria do Processo de Contas Hospitalares. Enfª Ms Cristiane Azevedo Supervisora da Auditoria Administrativa e de Enfermagem RAUF

Auditoria do Processo de Contas Hospitalares. Enfª Ms Cristiane Azevedo Supervisora da Auditoria Administrativa e de Enfermagem RAUF Auditoria do Processo de Contas Hospitalares Enfª Ms Cristiane Azevedo Supervisora da Auditoria Administrativa e de Enfermagem RAUF Declaração de potencial conflito de interesses Não possuo vínculo ou

Leia mais

PLATAFORMA DE UM PERSONAL HEALTH RECORD - PHR

PLATAFORMA DE UM PERSONAL HEALTH RECORD - PHR PLATAFORMA DE UM PERSONAL HEALTH RECORD - PHR Saulo Soares de TOLEDO 1, Misael Elias de MORAIS 2, Adson Diego Dionisio da SILVA 3, Luiz Antonio Costa Corrêa FILHO 4, Valderí Medeiros da SILVA 5 1 Departamento

Leia mais

Aplicativo para elaboração de questionários, coleta de respostas e análise de dados na área da saúde em dispositivos móveis

Aplicativo para elaboração de questionários, coleta de respostas e análise de dados na área da saúde em dispositivos móveis Aplicativo para elaboração de questionários, coleta de respostas e análise de dados na área da saúde em dispositivos móveis Visão Versão Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 24/06/12

Leia mais

Sistema Gerenciador de Clínica Médica Automatizando a Clínica Cardiomed Implantação

Sistema Gerenciador de Clínica Médica Automatizando a Clínica Cardiomed Implantação Sistema Gerenciador de Clínica Médica Automatizando a Clínica Cardiomed Implantação Acadêmico: Giuliano Márcio Stolf Orientador: Ricardo Alencar de Azambuja Apresentação Clínica médica SI na área da saúde

Leia mais

PACS - Um Conceito Obsoleto?

PACS - Um Conceito Obsoleto? Cyclops LAPIX - INE - UFSC PACS - Um Conceito Obsoleto? Dr rer nat Aldo von Wangenheim Projeto Cyclops Laboratório rio de Telemedicina Hospital Universitário rio Ernani de São Thiago Universidade Federal

Leia mais

ACESSIBILIDADE INOVADORA. UMA ÁREA DE TRABALHO ÚNICA. BENEFÍCIOS INCONTÁVEIS PARA O SEU FLUXO DE TRABALHO. Radiology

ACESSIBILIDADE INOVADORA. UMA ÁREA DE TRABALHO ÚNICA. BENEFÍCIOS INCONTÁVEIS PARA O SEU FLUXO DE TRABALHO. Radiology Vue PACS Radiology UMA ÁREA DE TRABALHO ÚNICA. BENEFÍCIOS INCONTÁVEIS PARA O SEU FLUXO DE TRABALHO. Já está aqui: acesso rápido e fácil a todas as ferramentas e aplicações clínicas dos quais os radiologistas

Leia mais

ORDEM CAMILIANA: Idealizada em 1582, no Brasil desde 1922

ORDEM CAMILIANA: Idealizada em 1582, no Brasil desde 1922 ORDEM CAMILIANA: Idealizada em 1582, no Brasil desde 1922 Fundada por Camillo de Lellis, é uma fundação humanitária com objetivo de dedicar-se à cura dos enfermos Presente nos cinco continentes, em aproximadamente

Leia mais

TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web

TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web Página 01 TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web Página 02 Plataforma O TOPLAB foi projetado para funcionar na web, nasceu 'respirando

Leia mais

Do Arquivo Clínico à Gestão da Informação

Do Arquivo Clínico à Gestão da Informação Do Arquivo Clínico à Gestão da Informação 1 A EXPERIÊNCIA DO CENTRO HOSPITALAR SÃO JOÃO, E.P.E. Fernanda Gonçalves (Responsável pelo Setor de Arquivo e Acesso à Informação) mfernanda.goncalves@hsjoao.min-saude.pt

Leia mais

Agenda. Parte 1: Sistemas de Informação em Saúde: estado da arte e desafios. Copyright Zilics, Junho 20081

Agenda. Parte 1: Sistemas de Informação em Saúde: estado da arte e desafios. Copyright Zilics, Junho 20081 Copyright Zilics, Junho 20081 Curso de Sistemas de Informação para a Gestão da Saúde 26 e 27 de junho de 2008 São Paulo, SP Parte 1: Sistemas de Informação em Saúde: estado da arte e desafios Beatriz de

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO AIH AUTORIZAÇÃO DE INTERNAÇÃO HOSPITALAR - SUS

MANUAL DE ORIENTAÇÃO AIH AUTORIZAÇÃO DE INTERNAÇÃO HOSPITALAR - SUS MANUAL DE ORIENTAÇÃO AIH AUTORIZAÇÃO DE INTERNAÇÃO HOSPITALAR - SUS MANUAL DE ORIENTAÇÃO DAS AUTORIZAÇÕES DE INTERNAÇÕES HOSPITALARES - AIH'S Este manual tem por objetivo capacitar os servidores das Unidades

Leia mais

vmon-mobile: experiência na integração de monitores de sinais vitais ao PEP utilizando tecnologia de redes sem fio

vmon-mobile: experiência na integração de monitores de sinais vitais ao PEP utilizando tecnologia de redes sem fio vmon-mobile: experiência na integração de monitores de sinais vitais ao PEP utilizando tecnologia de redes sem fio Marina Rebelo 1, Pedro Paulo Oliveira 1, Marco Antonio Gutierrez 1, Paulo Pilon 1, Umberto

Leia mais

45 anos no DF. 67 anos no Brasil. 07 unidades operativas

45 anos no DF. 67 anos no Brasil. 07 unidades operativas Senac: Pronatec abril/2014 Senac breve história 45 anos no DF. 67 anos no Brasil. 07 unidades operativas Sobradinho Gama Taguatinga Norte 903 Sul SCS (duas) Ceilândia Você quer trabalhar? Ter renda? Brasil:

Leia mais

Picture, Archiving and Communication System. Ramon A. Moreno

Picture, Archiving and Communication System. Ramon A. Moreno Picture, Archiving and Communication System Ramon A. Moreno Introdução O que é PACS? O que é RIS? O que é HIS? Como esses sistemas se integram? O que é HL7? O que é DICOM? O que é IHE? O que é PACS PACS

Leia mais

Eliminação do Papel em Saúde

Eliminação do Papel em Saúde Eliminação do Papel em Saúde Luis Gustavo Kiatake kiatake@evaltec.com.br Coordenador GT Segurança do Comitê Informática em Saúde ABNT Representante ABNT TC-215 Health Informatics ISO Membro titular da

Leia mais

O Prontuário rio Eletrônico do Paciente no Cunha 7 anos de sucesso

O Prontuário rio Eletrônico do Paciente no Cunha 7 anos de sucesso O Prontuário rio Eletrônico do Paciente no Hospital Márcio M Cunha 7 anos de sucesso INFORMAÇÕES GERAIS Hospital Geral com 480 leitos 02 unidades de internação 38 especialidades médicas 70% do atendimento

Leia mais

Universal sistema oficial CBO

Universal sistema oficial CBO P2D Prontuário 2013 Universal sistema oficial CBO P2D Prontuário Universal 14/2/2013 2 Conteúdo 1. O que é o P2D Prontuário Universal?... 3 2. Quanto custa?... 3 3. Quais os benefícios?... 3 4. Quais os

Leia mais

Como a Tecnologia pode democratizar o acesso à saúde

Como a Tecnologia pode democratizar o acesso à saúde Como a Tecnologia pode democratizar o acesso à saúde Smartcity Business América 2015 Curitiba PR Brazil Maio de 2015 Sociedades Inteligentes e Governaça Airton Coelho, MsC, PMP Secretário de Ciência e

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL SOLUÇÕES JÁ DISPONÍVEIS

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL SOLUÇÕES JÁ DISPONÍVEIS APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL DESENVOLVENDO SOLUÇÕES INOVADORAS DE TI PARA O MONITORAMENTO, OPERAÇÃO E GESTÃO DE PROCESSOS, AGREGANDO PRODUTIVIDADE E QUALIDADE ÀS ATIVIDADES DOS NOSSOS CLIENTES. 01 Gerenciamento

Leia mais

VITAHISCARE UNIDADES HOSPITALARES

VITAHISCARE UNIDADES HOSPITALARES VITAHISCARE UNIDADES HOSPITALARES APRESENTAÇÃO FUNCIONALIDADES VANTAGENS E CARACTERÍSTICAS MÓDULOS COMPLEMENTARES UNIDADES HOSPITALARES O VITA HIS CARE Unidades Hospitalares é um sistema de informação

Leia mais

ANEXO II QUADRO DE ATRIBUIÇÕES, REQUISITOS E REMUNERAÇÃO

ANEXO II QUADRO DE ATRIBUIÇÕES, REQUISITOS E REMUNERAÇÃO ANEXO II QUADRO DE ATRIBUIÇÕES, REQUISITOS E REMUNERAÇÃO FUNÇÃO / REMUNERAÇÃO Médico Infectologista REQUISITO Medicina e Título de Especialista concedido pela Respectiva Sociedade de Classe ou Residência

Leia mais

SOFTWARE DE GERENCIAMENTO DA SECRETARIA DA SAUDE PROJETO DE TRABALHO

SOFTWARE DE GERENCIAMENTO DA SECRETARIA DA SAUDE PROJETO DE TRABALHO SOFTWARE DE GERENCIAMENTO DA SECRETARIA DA SAUDE PROJETO DE TRABALHO INTRODUÇÃO O avanço da tecnologia trouxe inúmeros benefícios à população. Quando usada de maneira saudável e inteligente, auxilia na

Leia mais

RELATÓRIO DE SUPERVISÃO DE SERVIÇOS DE SAÚDE

RELATÓRIO DE SUPERVISÃO DE SERVIÇOS DE SAÚDE RELATÓRIO DE SUPERVISÃO DE SERVIÇOS DE SAÚDE AMBULATÓRIO DE ESPECIALIDADES MUNICÍPIO: DATA: / / IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE: Nome: CGC: Endereço: Bairro: Telefone: Responsável pela unidade (formação): TURNO

Leia mais

Uso de Dispositivos Móveis na Saúde Mental de Idosos

Uso de Dispositivos Móveis na Saúde Mental de Idosos Painel Aplicações móveis na área da saúde: m-health Uso de Dispositivos Móveis na Saúde Mental de Idosos Profa. Magdala de Araújo Novaes Núcleo de Telessaúde, Hospital das Clínicas, Departamento de Medicina

Leia mais

Nutrição e dietética:

Nutrição e dietética: O sistema permite o cadastro de vários almoxarifados, e controla os estoques separadamente de cada um, bem como o cadastro de grupos de estocagem, visando o agrupamento dos insumos estocáveis, classificados

Leia mais

Segurança na Cadeia Terapêutica Medicamentosa. Marinei Ricieri Farmacêutica Clínica

Segurança na Cadeia Terapêutica Medicamentosa. Marinei Ricieri Farmacêutica Clínica Segurança na Cadeia Terapêutica Medicamentosa Marinei Ricieri Farmacêutica Clínica 21-Maio-2014 1 O que (quem) é a Cadeia Terapêutica Medicamentosa? 2 É um sistema complexo de fornecimento de medicação.

Leia mais

Integração de exames de holter 24 horas com o Registro Eletrônico de Saúde do paciente.

Integração de exames de holter 24 horas com o Registro Eletrônico de Saúde do paciente. Integração de exames de holter 24 horas com o Registro Eletrônico de Saúde do paciente. Integrating 24 hour Holter examinations with patients electronic medical record Admar Longo Jr. 1, Ramon Alfredo

Leia mais

PROGRAMA E-MOBILE DA AMILPAR DISPONIBILIZA CONTEÚDOS PARA BENEFICIÁRIOS, CORRETORES E MÉDICOS EM DISPOSITIVOS MÓVEIS

PROGRAMA E-MOBILE DA AMILPAR DISPONIBILIZA CONTEÚDOS PARA BENEFICIÁRIOS, CORRETORES E MÉDICOS EM DISPOSITIVOS MÓVEIS PROGRAMA E-MOBILE DA AMILPAR DISPONIBILIZA CONTEÚDOS PARA BENEFICIÁRIOS, CORRETORES E MÉDICOS EM DISPOSITIVOS MÓVEIS Perfil A AmilPar originou-se da Casa de Saúde São José, uma pequena clínica na cidade

Leia mais

SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E AVALIAÇÃO DO SAMU NO ESTADO DE SANTA CATARINA

SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E AVALIAÇÃO DO SAMU NO ESTADO DE SANTA CATARINA Centro de Ciências da Saúde Departamento de Enfermagem GIATE Grupo de Pesquisa em Tecnologias, Informações e Informática em Saúde SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E AVALIAÇÃO DO SAMU NO ESTADO DE SANTA

Leia mais

VISÃO GERAL POR QUE ADQUIRIR A SOLUÇÃO SCOLA? CATÁLOGO D ESCRITIVO

VISÃO GERAL POR QUE ADQUIRIR A SOLUÇÃO SCOLA? CATÁLOGO D ESCRITIVO CATÁLOGO D ESCRITIVO VISÃO GERAL A solução SCOLA (Sistema de Controle Laboratorial) é um sistema de gestão de alto nível voltado para Laboratórios de Análises Clinicas, que controla desde o atendimento

Leia mais

Projetos de P&D em Tecnologia da Informação e Telecomunicações: A Atuação do Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação - NATI

Projetos de P&D em Tecnologia da Informação e Telecomunicações: A Atuação do Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação - NATI Projetos de P&D em Tecnologia da Informação e Telecomunicações: A Atuação do Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação - NATI Fortaleza, 21 de setembro de 2006 1 15 Universidade de Fortaleza Perfil

Leia mais

Antonio Luiz Pinho Ribeiro

Antonio Luiz Pinho Ribeiro Antonio Luiz Pinho Ribeiro Março de 2013 586.528 km² (> Espanha) 19.597.330 habitantes 853 cidades 93% cidades < 50 mil hab, Minas Gerais PNUD, 2004 IDH em Minas Gerais Doenças cardiovasculares: principal

Leia mais

COMO O INVESTIMENTO EM TI PODE COLABORAR COM A GESTÃO HOSPITALAR?

COMO O INVESTIMENTO EM TI PODE COLABORAR COM A GESTÃO HOSPITALAR? COMO O INVESTIMENTO EM TI PODE COLABORAR COM A GESTÃO HOSPITALAR? Descubra os benefícios que podem ser encontrados ao se adaptar as novas tendências de mercado ebook GRÁTIS Como o investimento em TI pode

Leia mais

O PEP: Uma Visão Unificada

O PEP: Uma Visão Unificada O PEP: Uma Visão Unificada Beatriz de Faria Leão, MD, PhD bleao@atech.br Fundação Atech Vidatis Sistemas de Informação em Saúde Rua do Rocio, 351-5º andar - cj 51 04552-000 São Paulo, SP Fone: 11 3053-3770

Leia mais

Rede Bem Estar. Prontuário Eletrônico do Paciente. Paulo César Barbosa Fernandes Analista de TI - SEMFA/GDS paulo.cesar@vitoria.es.gov.

Rede Bem Estar. Prontuário Eletrônico do Paciente. Paulo César Barbosa Fernandes Analista de TI - SEMFA/GDS paulo.cesar@vitoria.es.gov. Prontuário Eletrônico do Paciente Rede Bem Estar 23 de setembro de 2015 Paulo César Barbosa Fernandes Analista de TI - SEMFA/GDS paulo.cesar@vitoria.es.gov.br Programa O projeto Rede Bem Estar; Antes x

Leia mais

ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL

ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL Das Atribuições dos Profissionais dos Recursos Humanos Atribuições comuns a todos os profissionais que integram a equipe: Conhecer a realidade das famílias pelas

Leia mais

Manual Específico Unimed-Rio - TISS

Manual Específico Unimed-Rio - TISS UNIME D-RIO Manual Específico Unimed-Rio - TISS Área de Relacionamento com Hospitais Rio 2 PADRONIZAÇÃO DOS NOVOS FORMULÁRIOS QUE SERÃO UTILIZADOS PELOS PRESTADORES PARA ENVIO PARA A UNIMED-RIO. Estes documentos

Leia mais

Hospital Universitário Ana Bezerra HUAB/UFRN

Hospital Universitário Ana Bezerra HUAB/UFRN Hospital Universitário Ana Bezerra HUAB/UFRN DIMENSIONAMENTO DE SERVIÇOS ASSISTENCIAIS E DA GERÊNCIA DE ENSINO E PESQUISA BRASÍLIA-DF, 27 DE MARÇO DE 2013. Página 1 de 20 Sumário 1. APRESENTAÇÃO... 3 1.1.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA FACULDADE DE ENFERMAGEM DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM BÁSICA (EBA) DISCIPLINA: ADMINISTRAÇÃO EM ENFERMAGEM I

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA FACULDADE DE ENFERMAGEM DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM BÁSICA (EBA) DISCIPLINA: ADMINISTRAÇÃO EM ENFERMAGEM I UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA FACULDADE DE ENFERMAGEM DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM BÁSICA (EBA) DISCIPLINA: ADMINISTRAÇÃO EM ENFERMAGEM I Sistema de Informação em Enfermagem DUTRA, Herica Silva Profa.

Leia mais

Soluções de TI para a saúde e o bem-estar

Soluções de TI para a saúde e o bem-estar Soluções de TI para a saúde e o bem-estar CERTIFICAÇÕES 9001:2008 Projetação, desenvolvimento e fornecimento de sistemas informativos e serviços para a administração pública, a saúde e o âmbito social;

Leia mais

PEX Process Excellence Week Brasil 2013 Caso Prático:

PEX Process Excellence Week Brasil 2013 Caso Prático: PEX Process Excellence Week Brasil 2013 Caso Prático: Como criar uma plataforma de negócios com um conjunto de estruturas determinantes em prol a sustentabilidade das estratégias organizacionais? Jacson

Leia mais

GE Healthcare. Conheça o. Brivo OEC. uma inovação healthymagination. GE imagination at work

GE Healthcare. Conheça o. Brivo OEC. uma inovação healthymagination. GE imagination at work GE Healthcare Conheça o Brivo OEC * 850 GE imagination at work uma inovação healthymagination O programa healthymagination da GE tem como objetivo melhorar a qualidade da saúde para um número maior de

Leia mais

A Tecnologia da Informação como Ferramenta de Efetividade na Gestão da Saúde

A Tecnologia da Informação como Ferramenta de Efetividade na Gestão da Saúde A Tecnologia da Informação como Ferramenta de Efetividade na Gestão da Saúde Lincoln de Assis Moura Jr, MSc, DIC, PhD lincoln.a.moura@gmail.com.br 11 8426-6276 Convicção Métodos artesanais são incompatíveis

Leia mais

AGENDA A CONFIRMAR* Minneapolis - MN. OptumLabs https://www.optum.com/optumlabs.html. University of Minnesota - School of Public Health

AGENDA A CONFIRMAR* Minneapolis - MN. OptumLabs https://www.optum.com/optumlabs.html. University of Minnesota - School of Public Health Minneapolis - MN OptumLabs https://www.optum.com/optumlabs.html AGENDA A CONFIRMAR* OptumLabs é o primeiro centro aberto e colaborativo de pesquisa e inovação da indústria de Healthcare. Através dos mais

Leia mais

E-Saúde e soluções mobile

E-Saúde e soluções mobile MINISTÉRIO DA SAÚDE GOVERNO FEDERAL E-Saúde e soluções mobile Fórum RNP O Brasil é o único país com mais de 100 milhões de habitantes que assumiu o desafio de ter um sistema universal, público e gratuito

Leia mais

Soluções em Software para Medicina Diagnóstica. www.digitalmed.com.br

Soluções em Software para Medicina Diagnóstica. www.digitalmed.com.br Soluções em Software para Medicina Diagnóstica www.digitalmed.com.br NOTA DE AGRADECIMENTO Primeiramente, agradecemos pela sua receptividade em conhecer as nossas soluções, afinal, é sempre uma imensa

Leia mais

PARECER COREN-SP 058/2013 CT PRCI nº 101.087 Tickets nºs 280.712, 282.616, 286.730 e 287.728

PARECER COREN-SP 058/2013 CT PRCI nº 101.087 Tickets nºs 280.712, 282.616, 286.730 e 287.728 PARECER COREN-SP 058/2013 CT PRCI nº 101.087 Tickets nºs 280.712, 282.616, 286.730 e 287.728 Ementa: Transcrição de medicamento para prontuário eletrônico e transcrição de receita médica vencida pelo Enfermeiro.

Leia mais

A importância da conectividade entre. Gilberto Bosco Neto

A importância da conectividade entre. Gilberto Bosco Neto entre operadoras e prestadores Gilberto Bosco Neto Conectividade Interligar a operadora e o prestador de forma automatizada, trocando informações pertinentes ao atendimento do beneficiário e remuneração

Leia mais

Seminário estratégico de enfrentamento da. Janeiro PACTUAÇÃO COM GESTORES MUNICIPAIS. Maio, 2013

Seminário estratégico de enfrentamento da. Janeiro PACTUAÇÃO COM GESTORES MUNICIPAIS. Maio, 2013 Seminário estratégico de enfrentamento da Tuberculose e Aids no Estado do Rio de Janeiro PACTUAÇÃO COM GESTORES MUNICIPAIS Maio, 2013 1.Detecção de casos e tratamento da tuberculose 1.1. Descentralizar

Leia mais

Conheça o Software de Gestão Hospitalar que se adapta às suas necessidades! www.sishosp.com.br (19) 3241.3535

Conheça o Software de Gestão Hospitalar que se adapta às suas necessidades! www.sishosp.com.br (19) 3241.3535 Conheça o Software de Gestão Hospitalar que se adapta às suas necessidades! www.sishosp.com.br (19) 3241.3535 www.sishosp.com.br (19) 3241.3535 Controle a saúde da sua instituição com o sistema de Gestão

Leia mais

Metas Internacionais de Segurança do paciente

Metas Internacionais de Segurança do paciente Metas Internacionais de Segurança do paciente 2011 Missão Defender a saúde da comunidade e contribuir para o aprimoramento do Sistema Único de Saúde Visão Ser reconhecido nacionalmente pela excelência

Leia mais

SISTEMAS CORPORATIVOS

SISTEMAS CORPORATIVOS SISTEMAS CORPORATIVOS ERPEnterprise Resource Planning Saúde Hospitais Clínicas Consultórios Medicina Diagnóstica Laboratorial Medicina Diagnóstica Imagem Projetado com módulos que se comunicam entre si,

Leia mais

TOTVS Controle de Infecção Hospitalar Manual Ilustrado - Apoio Gerencial. 11.8x. março de 2015. Versão: 3.0

TOTVS Controle de Infecção Hospitalar Manual Ilustrado - Apoio Gerencial. 11.8x. março de 2015. Versão: 3.0 TOTVS Controle de Infecção Hospitalar Manual Ilustrado - Apoio Gerencial 11.8x março de 2015 Versão: 3.0 1 Sumário 1 Como utilizar esse material em seus estudos?... 4 2 Introdução... 4 3 Relatórios Descritivos...

Leia mais

Conceitos e definições da ANS (Agencia Nacional de Saúde)

Conceitos e definições da ANS (Agencia Nacional de Saúde) Conceitos e definições da ANS (Agencia Nacional de Saúde) Demonstrativo de retorno: modelo formal de representação e descrição documental do padrão TISS sobre o pagamento dos eventos assistenciais realizados

Leia mais

Soluções em Software para Medicina Diagnóstica. www.digitalmed.com.br

Soluções em Software para Medicina Diagnóstica. www.digitalmed.com.br Soluções em Software para Medicina Diagnóstica www.digitalmed.com.br NOTA DE AGRADECIMENTO Primeiramente, agradecemos pela sua receptividade em conhecer as nossas soluções, afinal, é sempre uma imensa

Leia mais

Manual Ilustrado TOTVS Controle de Infecção Hospitalar Apoio Gerencial

Manual Ilustrado TOTVS Controle de Infecção Hospitalar Apoio Gerencial Manual Ilustrado TOTVS Controle de Infecção Hospitalar Apoio Gerencial Março 2014 Índice Título do documento 1. Como utilizar esse material em seus estudos?... 4 2. Introdução... 4 3. Relatórios Descritivos...

Leia mais

Resolução CFM Nº 2107 DE 25/09/2014 Publicado no DO em 17 dez 2014

Resolução CFM Nº 2107 DE 25/09/2014 Publicado no DO em 17 dez 2014 Resolução CFM Nº 2107 DE 25/09/2014 Publicado no DO em 17 dez 2014 Define e normatiza a Telerradiologia e revoga a Resolução CFM nº 1890/09, publicada no D.O.U. de 19 janeiro de 2009, Seção 1, p. 94-5p

Leia mais

Programa de Pós Graduação em Enfermagem

Programa de Pós Graduação em Enfermagem UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Programa de Pós Graduação em Enfermagem GIATE - Grupo de Pesquisa em Tecnologias, Informações e Informática em Saúde e Enfermagem Mestranda: Camila Rosalia Antunes

Leia mais

3 - Introdução. gestão hospitalar? 8 - Indicadores clínicos. 11 - Indicadores operacionais. 14 - Indicadores financeiros.

3 - Introdução. gestão hospitalar? 8 - Indicadores clínicos. 11 - Indicadores operacionais. 14 - Indicadores financeiros. 3 - Introdução 4 - Quais são as métricas para alcançar uma boa ÍNDICE As Métricas Fundamentais da Gestão Hospitalar gestão hospitalar? 8 - Indicadores clínicos 11 - Indicadores operacionais 14 - Indicadores

Leia mais