RACIOCÍNIO LÓGICO-MATEMÁTICO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RACIOCÍNIO LÓGICO-MATEMÁTICO"

Transcrição

1 AULA DEMONSTRATIVA RACIOCÍNIO LÓGICO-MATEMÁTICO Professor Guilherme Neves Aula 00 Aula Demonstrativa Professor Guilherme Neves 1

2 Aula Conteúdo Programático Data 00 Modelos de Questões Comentadas 08/05 01 Lógica Proposicional e de Argumentação 08/05 02 Lógica Proposicional e de Argumentação 15/05 03 Raciocínio Verbal, Raciocínio Sequencial, Orientação Espacial e Temporal. 22/05 04 Porcentagem 29/05 05 Razão, proporção, regra de três. 05/06 06 Análise Combinatória 12/06 07 Probabilidade 19/06 08 Conjuntos Numéricos e Operações 26/06 Conteúdo Apresentação... 3 Modelos de questões comentadas... 4 Relação das Questões Comentadas Gabarito Professor Guilherme Neves 2

3 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Sejam bem vindos ao curso de Raciocínio Lógico-Matemático para Iniciantes. Uma iniciativa extraordinária organizada pelo Ponto dos Concursos que é indicada às pessoas que tomaram, há pouco tempo, a importante decisão de ingressar na carreira pública. Muitas pessoas quando tomam esta decisão se sentem um pouco perdidas. Não sabem por onde começar, o que estudar, não estão familiarizadas com os termos técnicos. Muitos ainda se sentem muito preocupados porque estão há muito tempo sem estudar, etc. Raciocínio Lógico-Matemático é uma matéria que cai com muita frequência nos concursos públicos tanto de nível médio quanto de nível superior. Bom, como foi dito, este é um curso para iniciantes. No mundo dos concursos, sabemos que além de o candidato precisar de um conhecimento teórico bastante denso, conhecer o estilo das bancas organizadoras é condição sine qua non para passar em um concurso. Desta maneira, para sedimentar os conhecimentos teóricos expostos, resolveremos ao longo do curso questões das mais variadas bancas organizadoras. Obviamente, daremos maior enfoque ao batalhão de choque das bancas: ESAF, FCC, CESPE, CESGRANRIO e FGV. Está é uma oportunidade ímpar para começar a estudar. Nós que fazemos o Ponto dos Concursos conhecemos a fundo tudo o que se refere a esta área de ensino. Posso afirmar com toda a convicção que conhecemos o DNA das bancas organizadoras, sabemos o que é importante e o que não é. Sentimos prazer em compartilhar todo o nosso conhecimento com você. Toda a teoria será vista em detalhes no material em PDF e resolveremos também muitos exercícios. Ademais, teremos vídeos complementares para que você possa aprofundar os seus conhecimentos. No nosso curso, além de ter acesso à teoria completa e muitos exercícios resolvidos, você poderá tirar as suas dúvidas no nosso fórum. Professor Guilherme Neves 3

4 Nesta aula, que é demonstrativa, resolveremos algumas questões de concursos para que você possam conhecer um pouco da minha didática. Modelos de questões comentadas 01. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Se todo engenheiro é bom em matemática e algum engenheiro é físico, conclui-se corretamente que (A) todo físico é bom em matemática. (B) certos bons em matemática não são físicos. (C) existem bons em matemática que são físicos. (D) certos físicos não são bons em matemática. (E) não há engenheiros que sejam físicos. Vamos utilizar diagramas de Venn para analisar este argumento. Comecemos com todo engenheiro é bom em matemática. A proposição algum engenheiro é físico indica que há elementos na interseção (elementos comuns) entre o conjunto dos engenheiros e o conjunto dos físicos. Não sabemos, entretanto, a relação do conjunto dos físicos com o conjunto das pessoas que são boas em matemática. Professor Guilherme Neves 4

5 A região amarela indica a existência de engenheiros que são físicos e são bons em matemática. Gabarito: C (C) existem bons em matemática que são físicos. 02. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Amanda, Brenda e Carmen são médica, engenheira e biblioteconomista, não necessariamente nessa ordem. Comparando a altura das três, a biblioteconomista, que é a melhor amiga de Brenda, é a mais baixa. Sabendo-se também que a engenheira é mais baixa do que Carmen, é necessariamente correto afirmar que (A) Brenda é médica. (B) Carmen é mais baixa que a médica. (C) Amanda é biblioteconomista. (D) Carmen é engenheira. (E) Brenda é biblioteconomista. Vamos fazer uma tabela para organizar os dados. Amanda Brenda Carmen Profissão Altura - A biblioteconomista, que é a melhor amiga de Brenda, é a mais baixa. Professor Guilherme Neves 5

6 Com isso, sabemos que a biblioteconomista é a mais baixa e ela não se chama Brenda. - A engenheira é mais baixa do que Carmen. Se a engenheira é mais baixa do que Carmen, então Carmen não é a mais baixa de todas. Portanto, Carmen não é biblioteconomista. Ora, se Carmen não é biblioteconomista e Brenda também não é, então a biblioteconomista é Amanda. Profissão Altura Amanda Biblioteconomista Mais baixa Brenda Carmen - A engenheira é mais baixa do que Carmen. Carmen não é, portanto, engenheira. A engenheira é Brenda. Carmen é médica. Carmen é a mais alta e Brenda é a do meio. Profissão Amanda Biblioteconomista Altura Mais baixa Brenda Engenheira Meio Carmen Médica Mais alta Letra C 03. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Helena acha que seu relógio está 3 minutos atrasado, quando na verdade ele está 12 minutos adiantado. Ontem Helena compareceu ao trabalho julgando que estava 8 minutos atrasada, porém, na realidade ela estava (A) 3 minutos atrasada. (B) 7 minutos adiantada. (C) 5 minutos atrasada. (D) 5 minutos adiantada. (E) 3 minutos adiantada. Professor Guilherme Neves 6

7 Imagine que o evento fosse às 10 horas da manhã. Se ela achava que estava 8 minutos atrasada, então ela supostamente estaria chegando ao trabalho às 10:08. Mas ela acha que seu relógio está 3 minutos atrasado, então seu relógio está marcando 10:05. Entretanto, seu relógio está na verdade 12 minutos adiantado. Portanto, devemos subtrair 12 minutos de 10:05. Ela está chegando ao trabalho às 9:53. Concluímos que ela está chegando 7 minutos adiantada. Letra B 04. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) A tabela a seguir indica o(s) dia(s) de plantão de cada um dos cinco funcionários de um departamento. Por problemas na impressão da tabela, apenas o preenchimento de plantões da última linha e da última lacuna não saíram visíveis. A respeito dos plantões dos cinco funcionários nessa semana, sabe-se que: I. apenas dois funcionários fizeram plantão na 4ª feira. II. Ricardo e Camilo fizeram o mesmo número de plantões na semana. III. 3ª feira foi o dia da semana com mais funcionários de plantão. IV. todos os funcionários fizeram, ao menos, um plantão na semana, e todos os dias da semana contaram com, ao menos, um funcionário de plantão. V. três funcionários fizeram apenas um plantão na semana. De acordo com os dados, Camilo NÃO fez plantão apenas (A) 2ª feira e 6ª feira. (B) 3ª feira e 6ª feira. (C) 3ª feira e 4ª feira. (D) 3ª feira, 5ª feira e 6ª feira. Professor Guilherme Neves 7

8 (E) 2ª feira, 3ª feira e 6ª feira. Vou colocar um X em cada célula onde tivermos certeza que não há plantão. As células que restam são desconhecidas. I. apenas dois funcionários fizeram plantão na 4ª feira. Com isso, concluímos que Camilo fez plantão na 4ª feira. III. 3ª feira foi o dia da semana com mais funcionários de plantão. Observe a coluna da 3ª feira. Como na quarta-feira há dois plantões, então haverá 3 plantões na terça-feira. No caso, Camilo será o terceiro a fazer plantão. V. três funcionários fizeram apenas um plantão na semana. Professor Guilherme Neves 8

9 Só podemos estar falando sobre Geraldo, Sérgio e Paulo, pois Ricardo e Camilo já têm mais de um plantão. Concluímos que Geraldo não faz plantão na sexta, Sérgio não faz plantão na sexta e Paulo faz plantão na sexta. IV. todos os funcionários fizeram, ao menos, um plantão na semana, e todos os dias da semana contaram com, ao menos, um funcionário de plantão. Com isso, concluímos que Camilo faz plantão na quinta-feira. II. Ricardo e Camilo fizeram o mesmo número de plantões na semana. Camilo já fez 3 plantões. Observe que Ricardo só tem mais um dia para fazer plantão: sexta-feira. Assim, Ricardo e Camilo só podem fazer no máximo 3 plantões (pois eles têm que fazer a mesma quantidade de plantões e Ricardo não têm mais dias disponíveis). Conclusão: Camilo não faz plantão na segunda nem na sexta-feira. Professor Guilherme Neves 9

10 Letra A 05. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Cristiano e Rodolfo resolveram fazer investimentos ao mesmo tempo. Cristiano investiu um determinado valor em reais e Rodolfo investiu 40% a mais do que Cristiano havia investido. Após algum tempo verificou-se que o investimento de Cristiano havia valorizado 75% e que o investimento de Rodolfo havia valorizado 60%. Desta forma, e neste momento, o montante total desse investimento de Rodolfo é maior que o montante total desse investimento de Cristiano em (A) 45%. (B) 35%. (C) 21%. (D) 28%. (E) 14%. Vamos supor, sem perda de generalidade, que Cristiano investiu R$ 100,00. Assim, Rodolfo investiu R$ 140,00 (40% a mais). O investimento de Cristiano valorizou 75%. Assim, Cristiano terá um montante de 175 reais. O investimento de Rodolfo valorizou 60%. Portanto, Rodolfo terá um montante de 140 x 1,60 = 224 reais. Queremos saber quantos por cento 224 é maior que 175. Dividindo 224 por 175 obtemos: 224/175 = 1,28 = 1 + 0,28 = 100% + 28%. Letra D 06. (IBGE 2016/FGV) As meninas Alice, Beatriz e Celia brincam na balança. Alice e Beatriz juntas pesam 100 kg, Alice e Celia juntas pesam 96 kg e Beatriz e Celia juntas pesam 108 kg. Beatriz pesa: a) 48 kg; b) 50 kg; c) 52 kg; d) 54 kg; e) 56 kg. Professor Guilherme Neves 10

11 Denotemos por a, b e c, respectivamente, os pesos de Alice, Beatriz e Celia. Podemos escrever as seguintes equações: a+b = 100 a+c = 96 b+c = 108 Há várias maneiras para resolver este sistema de equações. Como queremos calcular o valor de b, podemos multiplicar a segunda equação por -1. a + b = a c = - 96 b + c = 108 Vamos agora somar as três equações. 2b = 112 b = 56 Letra E 07. (IBGE 2016/FGV) Sobre os números inteiros w, x, y e z, sabe-se que w > x > 2y > 3z. Se z =2, o valor mínimo de w é: a) 6; b) 7; c) 8; d) 9; e) 10. Como queremos o valor mínimo de w, devemos calcular valores mínimos para as outras variáveis. z = 2. Portanto, 3z = 6. Como 2y > 3z, então 2y > 6. Portanto, y > 3. O menor valor inteiro para y é 4. Portanto, 2y = 8. x > 2y x > 8. O menor valor inteiro para x é 9. w > x Professor Guilherme Neves 11

12 w > 9. O menor valor inteiro para w é 10. Letra E 08. (Liquigás 2015/CESGRANRIO) Se o nível de uma piscina sobe 2 mm a cada 5 segundos de chuva, quantos milímetros o nível da piscina subirá em 1 minuto? (A) 12 (B) 20 (C) 22 (D) 24 (E) 30 Um minuto é composto por 60 segundos. Esse minuto, 60 segundos, pode ser dividido em 12 partes de 5 segundos, pois 60/5 = 12. Como a cada 5 segundos o nível da piscina sobe 2mm, então em 1 minuto subirá 12 x 2mm = 24 mm. Este problema poderia ser resolvido com uma regra de três simples e direta. mm segundos 2 5 x 60 5x = 2*60 5x = 120 x = 24 mm Gabarito: D. Professor Guilherme Neves 12

13 09. (Liquigás 2015/CESGRANRIO) Em uma negociação sindical, os trabalhadores reivindicam um aumento de 25%, o que elevaria o piso salarial para R$ 1.800,00. Qual é, em reais, o piso salarial atual desses trabalhadores? (A) (B) (C) (D) (E) Vamos considerar que o salário inicial fosse de x reais. Ao aumentar o salário em 25%, o salário passa a ser 1,25x. O enunciado afirma que este valor é igual a R$ 1.800,00. 1,25x = x = 1.800/1,25 = reais. Gabarito: B. 10. (ANAC 2016/ESAF) Para pintar um muro, três pintores gastam oito horas. Trabalhando num ritmo 20% mais lento, a quantidade de horas que cinco pintores levarão para pintar esse mesmo muro é igual a a) 4. b) 6. c) 5. d) 8. e) 7. Questãozinha sobre regra de três. Vamos atribuir um valor ao ritmo do primeiro grupo: 10. Desta maneira, o ritmo do segundo grupo será igual a 8, pois é 20% mais lento. Pintores Horas Ritmo x 8 Vamos comparar as grandezas conhecidas com a coluna das horas. Professor Guilherme Neves 13

14 A quantidade de pintores aumentou. Assim, a quantidade de horas diminuirá. Como uma grandeza aumentou e a outra diminuiu, elas são inversamente proporcionais. O ritmo diminuiu. Assim, a quantidade de horas aumentará. Como uma grandeza diminuiu e a outra aumentou, elas são inversamente proporcionais. Pintores Horas Ritmo x 8 Agora é só armar a proporção e correr para o abraço. Letra B 8 x = x = x = 240 x = 6 horas Professor Guilherme Neves 14

15 Relação das Questões Comentadas 01. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Se todo engenheiro é bom em matemática e algum engenheiro é físico, conclui-se corretamente que (A) todo físico é bom em matemática. (B) certos bons em matemática não são físicos. (C) existem bons em matemática que são físicos. (D) certos físicos não são bons em matemática. (E) não há engenheiros que sejam físicos. 02. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Amanda, Brenda e Carmen são médica, engenheira e biblioteconomista, não necessariamente nessa ordem. Comparando a altura das três, a biblioteconomista, que é a melhor amiga de Brenda, é a mais baixa. Sabendo-se também que a engenheira é mais baixa do que Carmen, é necessariamente correto afirmar que (A) Brenda é médica. (B) Carmen é mais baixa que a médica. (C) Amanda é biblioteconomista. (D) Carmen é engenheira. (E) Brenda é biblioteconomista. 03. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Helena acha que seu relógio está 3 minutos atrasado, quando na verdade ele está 12 minutos adiantado. Ontem Helena compareceu ao trabalho julgando que estava 8 minutos atrasada, porém, na realidade ela estava (A) 3 minutos atrasada. (B) 7 minutos adiantada. (C) 5 minutos atrasada. (D) 5 minutos adiantada. (E) 3 minutos adiantada. 04. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) A tabela a seguir indica o(s) dia(s) de plantão de cada um dos cinco funcionários de um departamento. Por problemas na impressão da tabela, apenas o preenchimento de plantões da última linha e da última lacuna não saíram visíveis. Professor Guilherme Neves 15

16 A respeito dos plantões dos cinco funcionários nessa semana, sabe-se que: I. apenas dois funcionários fizeram plantão na 4ª feira. II. Ricardo e Camilo fizeram o mesmo número de plantões na semana. III. 3ª feira foi o dia da semana com mais funcionários de plantão. IV. todos os funcionários fizeram, ao menos, um plantão na semana, e todos os dias da semana contaram com, ao menos, um funcionário de plantão. V. três funcionários fizeram apenas um plantão na semana. De acordo com os dados, Camilo NÃO fez plantão apenas (A) 2ª feira e 6ª feira. (B) 3ª feira e 6ª feira. (C) 3ª feira e 4ª feira. (D) 3ª feira, 5ª feira e 6ª feira. (E) 2ª feira, 3ª feira e 6ª feira. 05. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Cristiano e Rodolfo resolveram fazer investimentos ao mesmo tempo. Cristiano investiu um determinado valor em reais e Rodolfo investiu 40% a mais do que Cristiano havia investido. Após algum tempo verificou-se que o investimento de Cristiano havia valorizado 75% e que o investimento de Rodolfo havia valorizado 60%. Desta forma, e neste momento, o montante total desse investimento de Rodolfo é maior que o montante total desse investimento de Cristiano em (A) 45%. (B) 35%. (C) 21%. (D) 28%. (E) 14%. 06. (IBGE 2016/FGV) As meninas Alice, Beatriz e Celia brincam na balança. Alice e Beatriz juntas pesam 100 kg, Alice e Celia juntas pesam 96 kg e Beatriz Professor Guilherme Neves 16

17 e Celia juntas pesam 108 kg. Beatriz pesa: a) 48 kg; b) 50 kg; c) 52 kg; d) 54 kg; e) 56 kg. 07. (IBGE 2016/FGV) Sobre os números inteiros w, x, y e z, sabe-se que w > x > 2y > 3z. Se z =2, o valor mínimo de w é: a) 6; b) 7; c) 8; d) 9; e) (Liquigás 2015/CESGRANRIO) Se o nível de uma piscina sobe 2 mm a cada 5 segundos de chuva, quantos milímetros o nível da piscina subirá em 1 minuto? (A) 12 (B) 20 (C) 22 (D) 24 (E) (Liquigás 2015/CESGRANRIO) Em uma negociação sindical, os trabalhadores reivindicam um aumento de 25%, o que elevaria o piso salarial para R$ 1.800,00. Qual é, em reais, o piso salarial atual desses trabalhadores? (A) (B) (C) (D) (E) (ANAC 2016/ESAF) Para pintar um muro, três pintores gastam oito horas. Trabalhando num ritmo 20% mais lento, a quantidade de horas que cinco pintores levarão para pintar esse mesmo muro é igual a Professor Guilherme Neves 17

18 a) 4. b) 6. c) 5. d) 8. e) 7. Gabarito 01. C 02. C 03. B 04. A 05. D 06. E 07. E 08. D 09. B 10. B Professor Guilherme Neves 18

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida TRF 3ª Região... 2

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida TRF 3ª Região... 2 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida TRF 3ª Região... 2 www.pontodosconcursos.com.br 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Saiu o edital para Prefeitura de Teresina. Esta é a

Leia mais

16. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Se todo engenheiro é bom em matemática e algum engenheiro é físico, conclui-se corretamente que

16. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Se todo engenheiro é bom em matemática e algum engenheiro é físico, conclui-se corretamente que 16. (Técnico Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Se todo engenheiro é bom em matemática e algum engenheiro é físico, conclui-se corretamente que (A) todo físico é bom em matemática. (B) certos bons em matemática

Leia mais

Prova Resolvida Raciocínio Lógico (ANAC/2016) Prof. Guilherme Neves

Prova Resolvida Raciocínio Lógico (ANAC/2016) Prof. Guilherme Neves Prova Resolvida Raciocínio Lógico (ANAC/2016) 71. (ANAC 2016/ESAF) Sabendo que os valores lógicos das proposições simples p e q são, respectivamente, a verdade e a falsidade, assinale o item que apresenta

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas AOCP... 3 Relação das questões comentadas... 7 Gabarito... 8

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas AOCP... 3 Relação das questões comentadas... 7 Gabarito... 8 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas AOCP... 3 Relação das questões comentadas... 7 Gabarito... 8 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Como vocês bem sabem, saiu

Leia mais

26. (Analista Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Considere verdadeiras as afirmações abaixo.

26. (Analista Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Considere verdadeiras as afirmações abaixo. 26. (Analista Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Considere verdadeiras as afirmações abaixo. Ou Bruno é médico, ou Carlos não é engenheiro. Se Durval é administrador, então Eliane não é secretária. Se

Leia mais

Aula 00 Aula Demonstrativa

Aula 00 Aula Demonstrativa Aula 00 Aula Demonstrativa Apresentação... Relação das questões comentadas... 10 Gabarito... 1 www.pontodosconcursos.com.br 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Esta é a aula demonstrativa

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO- MATEMÁTICO

RACIOCÍNIO LÓGICO- MATEMÁTICO RACIOCÍNIO LÓGICO- MATEMÁTICO 230 QUESTÕES DE PROVAS DE CONCURSOS DA FCC COM GABARITOS 1ª Edição JUL 2016 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É vedada a reprodução total ou parcial deste material, por qualquer

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas... 3 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos... 9

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas... 3 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos... 9 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas... 3 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos... 9 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Saiu o edital para EBSERH!!

Leia mais

Aula 00. Matemática para AMLURB. Matemática Professor: Guilherme Neves. Prof. Guilherme Neves 1

Aula 00. Matemática para AMLURB. Matemática Professor: Guilherme Neves.  Prof. Guilherme Neves 1 Aula 00 Matemática Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa Raciocínio Lógico e Matemático para CRB Apresentação... 3 Modelos de questões resolvidas - VUNESP...

Leia mais

Aula 00. Matemática Financeira para ISS-Cuiabá. Matemática Financeira Professor: Guilherme Neves. Prof.

Aula 00. Matemática Financeira para ISS-Cuiabá. Matemática Financeira Professor: Guilherme Neves.  Prof. Aula 00 Matemática Financeira Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa Matemática Financeira Apresentação... 3 Modelos de questões resolvidas FGV... 4 Relação

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas FADESP... 4 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos...

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas FADESP... 4 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos... Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas FADESP... 4 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos... 9 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Como vocês bem sabem,

Leia mais

FCC TRF/3ª 2016) RESOLUÇÃO:

FCC TRF/3ª 2016) RESOLUÇÃO: Para ajudar aos candidatos a estudar para o primeiro concurso da Artesp, FOLHA DIRIGIDA oferece mais um teste de matemática. As questões foram elaboradas pelo professor de Matemática e Raciocínio Lógico,

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida Matemática Financeira TCE/SC... 3

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida Matemática Financeira TCE/SC... 3 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida Matemática Financeira TCE/SC... 3 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Saiu o edital para Analista de Controle do TCE/PR. Esta é a aula

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 3

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 3 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 3 www.pontodosconcursos.com.br 1 Apresentação Olá, pessoal Tudo bem com vocês? Em breve teremos o concurso do TCM/RJ e sabemos

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 4

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 4 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 4 1 Apresentação Olá, pessoal Tudo bem com vocês? Finalmente saiu o edital do TCM/RJ Para quem ainda não me conhece, meu nome

Leia mais

Prova Resolvida Matemática (IBGE/2016) Prof. Guilherme Neves

Prova Resolvida Matemática (IBGE/2016) Prof. Guilherme Neves Prova Resolvida Matemática (IBGE/2016) 36. (IBGE 2016/FGV) As meninas Alice, Beatriz e Celia brincam na balança. Alice e Beatriz juntas pesam 100 kg, Alice e Celia juntas pesam 96 kg e Beatriz e Celia

Leia mais

RESOLUÇÃO DAS QUESTÕES DE RACIOCÍNIO LÓGICO

RESOLUÇÃO DAS QUESTÕES DE RACIOCÍNIO LÓGICO TÉCNICO ADMINISTRATIVO DA ANAC RESOLUÇÃO DAS QUESTÕES DE RACIOCÍNIO LÓGICO Caro aluno, Disponibilizo abaixo a resolução das questões de Raciocínio Lógico da prova para o cargo de Técnico Administrativo

Leia mais

Aula 00. Raciocínio Lógico para PCDF. Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves. Prof.

Aula 00. Raciocínio Lógico para PCDF. Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves.  Prof. Aula 00 Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Apresentação Olá, pessoal! Em breve teremos o concurso para Polícia Civil do Distrito Federal. A banca organizadora

Leia mais

Aula 00 Aula Demonstrativa

Aula 00 Aula Demonstrativa Aula 00 Aula Demonstrativa Apresentação... 2 Resolução da prova de RLQ do concurso PECFAZ 2013/ESAF... 4 Relação das questões comentadas... 17 Gabaritos... 20 www.pontodosconcursos.com.br 1 Apresentação

Leia mais

MATEMÁTICA PARA CONCURSOS

MATEMÁTICA PARA CONCURSOS MATEMÁTICA PARA CONCURSOS Aula 0 Apresentação do Curso Prof. Anderson Introdução A matemática é a ciência dos números e dos cálculos. Desde a antiguidade, o homem utiliza a matemática para facilitar a

Leia mais

AULA Bônus: Resolução da Prova de ATA-MF 2014 Matemática e Raciocínio Lógico

AULA Bônus: Resolução da Prova de ATA-MF 2014 Matemática e Raciocínio Lógico UL Bônus: Resolução da Prova de T-MF 014 Matemática e Resolução Prova T-MF 014 Olá Pessoal! E então? O que acharam da prova de Matemática e para T-MF? Bem, se você fez o nosso curso, com certeza, não teve

Leia mais

Aula 00 Aula Demonstrativa

Aula 00 Aula Demonstrativa Aula 00 Aula Demonstrativa Apresentação... Progressão Aritmética... 3 Cálculo da razão... 3 Termo Geral... 4 Soma dos Termos... 6 Exercícios... 7 Questões IDECAN... 17 Relação das questões comentadas...

Leia mais

CURSO ON-LINE MATEMÁTICA E RACIOCÍNIO LÓGICO - SENADO PROFESSOR: GUILHERME NEVES

CURSO ON-LINE MATEMÁTICA E RACIOCÍNIO LÓGICO - SENADO PROFESSOR: GUILHERME NEVES Conteúdo 1. Apresentação.... Progressão Aritmética... 3. Relação das questões comentadas... 1 4. Gabaritos... 7 1 1. Apresentação Seja bem vindo ao Ponto dos Concursos. Esta é a aula demonstrativa de Matemática

Leia mais

Hoje vamos começar a falar em um conceito matemático importantíssimo: fração.

Hoje vamos começar a falar em um conceito matemático importantíssimo: fração. Oi, pessoal. Hoje vamos começar a falar em um conceito matemático importantíssimo: fração. Não tem como aprender qualquer assunto de Matemática se você não domina este conceito. Além do conceito em si,

Leia mais

Matéria: Matemática Assunto: Porcentagem Prof. Dudan

Matéria: Matemática Assunto: Porcentagem Prof. Dudan Matéria: Matemática Assunto: Porcentagem Prof. Dudan Matemática Porcentagem DEFINIÇÃO: A percentagem ou porcentagem (do latim per centum, significando por cento, a cada centena ) é uma medida de razão

Leia mais

Aula 00. Matemática e Raciocínio Lógico para IBAMA. Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves

Aula 00. Matemática e Raciocínio Lógico para IBAMA. Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves Aula 00 Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa Matemática e Raciocínio Lógico para IBAMA Apresentação... 3 Negação de Proposições

Leia mais

QUESTÕES COMENTADAS DE RACIOCÍNIO LÓGICO PARTE I

QUESTÕES COMENTADAS DE RACIOCÍNIO LÓGICO PARTE I QUESTÕES COMENTADAS DE RACIOCÍNIO LÓGICO PARTE I Olá pessoal, tudo em paz? amos apresentar a vocês nessas aulas, um pequeno resumo com questões comentadas, que servirá de modelo na resolução de outras

Leia mais

Deixando de odiar Matemática Parte 4

Deixando de odiar Matemática Parte 4 Deixando de odiar Matemática Parte 4 Fatoração 2 Quantidade de divisores de um número natural 3 Mínimo Múltiplo Comum 5 Simplificação de Frações 7 Máximo Divisor Comum 8 Método da Fatoração Simultânea

Leia mais

Professor conteudista: Renato Zanini

Professor conteudista: Renato Zanini Matemática Básica Professor conteudista: Renato Zanini Sumário Matemática Básica Unidade I 1 OS NÚMEROS REAIS: REPRESENTAÇÕES E OPERAÇÕES... EXPRESSÕES LITERAIS E SUAS OPERAÇÕES...6 3 RESOLVENDO EQUAÇÕES...7

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO

RACIOCÍNIO LÓGICO RACIOCÍNIO LÓGICO 01. Uma pessoa saiu de casa para o trabalho decorridos 5/18 de um dia e retornou à sua casa decorridos 13/16 do mesmo dia. Permaneceu fora de casa durante um período de: a) 14 horas e

Leia mais

REDAÇÃO PARA O TRF DA 2ª REGIÃO

REDAÇÃO PARA O TRF DA 2ª REGIÃO Aula Demonstrativa Estudo de Caso para o TRF da 2ª Região (com correção individual + dicas em vídeo) Professores: o Marco Antônio e o Júnia Andrade www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa

Leia mais

A conta do = = 8 Logo, = 385 Como você poderia estabelecer o produto de um número de três algarismos abc por 11.

A conta do = = 8 Logo, = 385 Como você poderia estabelecer o produto de um número de três algarismos abc por 11. Aula n ọ 05 A conta do 11 Para multiplicar um número de dois algarismos por 11, podemos fazê-lo assim: conservamos a unidade na unidade do resultado; a dezena na centena do resultado; e a dezena do resultado

Leia mais

Aula 00. Raciocínio Lógico para Técnico do INSS. Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves. Prof.

Aula 00. Raciocínio Lógico para Técnico do INSS. Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves.  Prof. Aula 00 Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa Raciocínio Lógico para INSS Apresentação... 3 Modelos de Questões Comentadas - CESPE... 4

Leia mais

Deixando de odiar Matemática Parte 6

Deixando de odiar Matemática Parte 6 Deixando de odiar Matemática Parte 6 Restante 2 Produção x Tempo 4 Exercícios Propostos 0 Gabaritos dos exercícios propostos 2 Restante O conceito de fração restante é muito importante em vários tópicos

Leia mais

Raciocínio Lógico Técnico IBGE / 2016 Professor: Brunno Lima Aulas: 30

Raciocínio Lógico Técnico IBGE / 2016 Professor: Brunno Lima Aulas: 30 Raciocínio Lógico Técnico IBGE / 2016 Professor: Brunno Lima Aulas: 30 Prof. Brunno Lima www.aprovaconcursos.com.br Página 1 de 7 Apresentação Olá! Sou o professor Brunno Lima e desde 2005 leciono em cursos

Leia mais

Prova Resolvida Raciocínio Lógico Quantitativo e Estatística (ANAC/2016) Prof. Guilherme Neves

Prova Resolvida Raciocínio Lógico Quantitativo e Estatística (ANAC/2016) Prof. Guilherme Neves Prova Resolvida Raciocínio Lógico Quantitativo e Estatística (ANAC/2016) 31- (ANAC 2016/ESAF) A negação da proposição se choveu, então o voo vai atrasar pode ser logicamente descrita por a) não choveu

Leia mais

Pedidos através do

Pedidos através do Esta amostra é parte integrante do volume II que consta de 60 questões cuidadosamente resolvidas dos principais concursos realizados no País. A nossa proposta pedagógica é trabalhar a teoria necessária

Leia mais

Universidade do Algarve

Universidade do Algarve Universidade do Algarve Campeonato de Matemática SUB14 2005/2006 Problema 4 Os sacos de batatas Temos 4 sacos de batatas e pesamos todos os pares possíveis que se podem formar com esses sacos. Depois de

Leia mais

Regra de três. suficiente para um mês. Se 16 pessoas forem embora, para quantos dias ainda haverá alimento?

Regra de três. suficiente para um mês. Se 16 pessoas forem embora, para quantos dias ainda haverá alimento? A UUL AL A 5 Regra de três Num acampamento, há 48 pessoas e alimento suficiente para um mês. Se 6 pessoas forem embora, para quantos dias ainda haverá alimento? Para pensar Observe a seguinte situação:

Leia mais

AULA 9 RAZÃO E PROPORÇÃO. 1. Determine a razão do primeiro para o segundo número:

AULA 9 RAZÃO E PROPORÇÃO. 1. Determine a razão do primeiro para o segundo número: AULA 9 RAZÃO E PROPORÇÃO 1. Determine a razão do primeiro para o segundo número: Para montar a razão, basta fazer o numerador sobre o denominador. Para esse exercício, temos: a) 1 para 9 = 9 1 b) para

Leia mais

Professor Mauricio Lutz DISTRIBUIÇÃO NORMAL

Professor Mauricio Lutz DISTRIBUIÇÃO NORMAL 1 DISTRIBUIÇÃO NORMAL Entre as distribuições teóricas de variável contínua, uma das mais empregadas é a distribuição normal. O aspecto gráfico de uma distribuição normal é o da figura abaio. Para uma perfeita

Leia mais

Resolução da Prova de Matemática Financeira e Estatística do ISS Teresina, aplicada em 28/08/2016.

Resolução da Prova de Matemática Financeira e Estatística do ISS Teresina, aplicada em 28/08/2016. de Matemática Financeira e Estatística do ISS Teresina, aplicada em 8/08/016. 11 - (ISS Teresina 016 / FCC) Joana aplicou todo seu capital, durante 6 meses, em bancos ( e Y). No Banco, ela aplicou 37,5%

Leia mais

QUESTÕES REVISÃO DE VÉSPERA FUNAI

QUESTÕES REVISÃO DE VÉSPERA FUNAI QUESTÕES REVISÃO DE VÉSPERA FUNAI RACIOCÍNIO LÓGICO Prof. Josimar Padilha EDITAL: RACIOCÍNIO LÓGICO E QUANTITATIVO: 1. Lógica e raciocínio lógico: problemas envolvendo lógica e raciocínio lógico. 2. Proposições:

Leia mais

Soluções de Questões de Matemática do Colégio Militar do Rio de Janeiro CMRJ

Soluções de Questões de Matemática do Colégio Militar do Rio de Janeiro CMRJ Soluções de Questões de Matemática do Colégio Militar do Rio de Janeiro CMRJ. Questão Funções Sendo D e D, respectivamente, domínios das funções reais f e g, definidas por f ( x) = x e g ( x) de x no intervalo:,

Leia mais

AULA EXTRA: QUESTÕES FGV CODEBA 2016

AULA EXTRA: QUESTÕES FGV CODEBA 2016 AULA EXTRA: QUESTÕES FGV CODEBA 2016 SUMÁRIO PÁGINA 1. Lista de questões 01 2. Questões Comentadas 10 3. Gabarito 25 Olá. Nesta aula extra veremos as questões de uma prova recentíssima da FGV, aplicada

Leia mais

Aula Demonstrativa. Estudo de Caso para o TRF da 2ª Região. Professores: o Marco Antônio e o Júnia Andrade. (com correção individual + dicas em vídeo)

Aula Demonstrativa. Estudo de Caso para o TRF da 2ª Região. Professores: o Marco Antônio e o Júnia Andrade. (com correção individual + dicas em vídeo) Aula Demonstrativa Estudo de Caso para o TRF da 2ª Região (com correção individual + dicas em vídeo) Professores: o Marco Antônio e o Júnia Andrade Aula 00 Aula Demonstrativa ESTUDOS DE CASO PARA O TRF

Leia mais

- x = 6( -1) obs.: o coeficiente x não pode ser negatvo, por isso. Tirar o m.m.c de todos os denominadores da equação e colocar no mesmo denominador.

- x = 6( -1) obs.: o coeficiente x não pode ser negatvo, por isso. Tirar o m.m.c de todos os denominadores da equação e colocar no mesmo denominador. Equação é toda sentença aberta que eprime uma relação de igualdade. A palavra equação tem o prefio equi, que em latim significa igual. Eemplos: 2 8 = 0 4( -9) = 22 Equação do 1º grau é toda equação da

Leia mais

Fundamentos da Matemática

Fundamentos da Matemática Fundamentos da Matemática Aula 09 Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Este material é parte integrante da disciplina oferecida pela UNINOVE. O acesso às atividades, conteúdos

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO QUANTITATIVO PARA AFRFB PROFESSOR: GUILHERME NEVES

RACIOCÍNIO LÓGICO QUANTITATIVO PARA AFRFB PROFESSOR: GUILHERME NEVES Aula 5 Parte 1 Progressão Aritmética... Progressão Geométrica... 13 Cálculo da razão.... 14 Termo Geral.... 14 Soma dos termos de uma Progressão Geométrica finita... 15 Soma dos termos de uma Progressão

Leia mais

MATEMÁTICA. Docente: Marina Mariano de Oliveira

MATEMÁTICA. Docente: Marina Mariano de Oliveira MATEMÁTICA Docente: Marina Mariano de Oliveira MATEMÁTICA Docente: Marina Mariano de Oliveira Bacharelado em Meteorologia (incompleto) Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da Universidade

Leia mais

Deixando de odiar Matemática Parte 5

Deixando de odiar Matemática Parte 5 Deixando de odiar Matemática Parte Adição e Subtração de Frações Multiplicação de frações Divisão de Frações 7 1 Adição e Subtração de Frações Para somar (ou subtrair) duas ou mais frações de mesmo denominador,

Leia mais

MATEMÁTICA PARA CEF PROFESSOR: GUILHERME NEVES

MATEMÁTICA PARA CEF PROFESSOR: GUILHERME NEVES Aula 4 Parte 2 1 Análise de Investimentos... 2 1.1 Conceito... 2 1.2 Valor Presente Líquido (VPL)... 3 1.3 Taxa Interna de Retorno (TIR)... 3 1.4 Payback Descontado... 3 1.5 Exercícios Resolvidos... 4

Leia mais

A álgebra nas profissões

A álgebra nas profissões A álgebra nas profissões A UUL AL A Nesta aula, você vai perceber que, em diversas profissões e atividades, surgem problemas que podem ser resolvidos com o auxílio da álgebra. Alguns problemas são tão

Leia mais

MARATONA IBGE-MATEMÁTICA. Josimar Padilha

MARATONA IBGE-MATEMÁTICA. Josimar Padilha MARATONA IBGE-MATEMÁTICA Josimar Padilha Álgebra: produtos notáveis, equações, sistemas e problemas do primeiro grau, inequações, equação e problemas do segundo grau. Porcentagem e proporcionalidade direta

Leia mais

RLM - PROFESSOR CARLOS EDUARDO AULA 3

RLM - PROFESSOR CARLOS EDUARDO AULA 3 AULA 3 Sucessões = sequências(numéricas) São conjuntos de números reais dispostos numa certa ordem. Uma sequência pode ser FINITA ou INFINITA. Ex: a) (3, 6, 9, 12) sequência finita P.A de razão 3 b) (5,

Leia mais

TEM ALTERNATIVA CORRETA!!!! CERTAMENTE A BANCA EXAMINADORA DARÁ COMO RESPOSTA CERTA LETRA (E). SERIA A MENOS ERRADA POR ELIMINAÇÃO.

TEM ALTERNATIVA CORRETA!!!! CERTAMENTE A BANCA EXAMINADORA DARÁ COMO RESPOSTA CERTA LETRA (E). SERIA A MENOS ERRADA POR ELIMINAÇÃO. Prezados concursandos!!! Muita paz e saúde para todos!!! Passemos aos comentários da prova de Raciocínio Lógico Quantitativo propostas pela CESGRANRIO no último concurso para o IBGE, no dia 10/01/010.

Leia mais

Analista Tributário da Receita Federal do Brasil ESAF

Analista Tributário da Receita Federal do Brasil ESAF Analista ributário da Receita Federal do Brasil ESAF - 0 0. A negação da proposição se Paulo estuda, então Marta é atleta é logicamente equivalente à proposição: a) Paulo não estuda e Marta não é atleta.

Leia mais

DOCUMENTO DE DEMONSTRAÇÃO 43 QUESTÕES DA CARLOS CHAGAS DE PROVAS DE TRF-VÁRIAS REGIÕES- RESOLVIDAS PASSO A PASSO

DOCUMENTO DE DEMONSTRAÇÃO 43 QUESTÕES DA CARLOS CHAGAS DE PROVAS DE TRF-VÁRIAS REGIÕES- RESOLVIDAS PASSO A PASSO DOCUMENTO DE DEMONSTRAÇÃO 1 43 QUESTÕES DA CARLOS CHAGAS DE PROVAS DE TRF-VÁRIAS REGIÕES- RESOLVIDAS PASSO A PASSO PARA IR DIRETAMENTE À PROVA DESEJADA, CLIQUE SOBRE ELA. CONTEÚDO 1) TRF-2ª região-2007-técnico

Leia mais

Matemática. Aula: 03/10. Prof. Pedrão. Visite o Portal dos Concursos Públicos

Matemática. Aula: 03/10. Prof. Pedrão.  Visite o Portal dos Concursos Públicos Matemática Aula: 03/10 Prof. Pedrão UMA PARCERIA Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.BR Visite a loja virtual www.conquistadeconcurso.com.br MATERIAL DIDÁTICO EXCLUSIVO PARA ALUNOS

Leia mais

dadas no ano letivo. Se a sua escola der 720 aulas, quantas no mínimo terá de frequentar?

dadas no ano letivo. Se a sua escola der 720 aulas, quantas no mínimo terá de frequentar? UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CURSO DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA DO PARFOR LISTA DE EXERCÍCIOS DE ARITMÉTICA BÁSICA 1. Calcule os seguintes m.m.c. e m.d.c. mmc e (a) m.d.c.(51, 24) mdc (b) m.m.c.(65, 169,

Leia mais

AULA 3: CONHECIMENTOS NUMÉRICOS: PORCENTAGEM E JUROS

AULA 3: CONHECIMENTOS NUMÉRICOS: PORCENTAGEM E JUROS AULA 3: CONHECIMENTOS NUMÉRICOS: PORCENTAGEM E JUROS Disciplina: Matemática Professores: Lucas Lopes e Fábio Henrique I) PARTE: JUROS E PORCENTAGENS 1) Porcentagem Definição: É uma fração que indica a

Leia mais

Concurso Público Conteúdo

Concurso Público Conteúdo Concurso Público 2016 Conteúdo 1ª parte Números inteiros e racionais: operações (adição, subtração, multiplicação, divisão, potenciação); expressões numéricas; múltiplos e divisores de números naturais;

Leia mais

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico da Agente Penitenciário/MA, aplicada em 24/04/2016.

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico da Agente Penitenciário/MA, aplicada em 24/04/2016. de Raciocínio Lógico da gente Penitenciário/M, aplicada em 24/04/206. - sentença Se Maria é médica, então Silvio é engenheiro. é logicamente equivalente a () se Maria é médica, então Silvio é engenheiro.

Leia mais

araribá matemática Quadro de conteúdos e objetivos Quadro de conteúdos e objetivos Unidade 1 Números inteiros adição e subtração

araribá matemática Quadro de conteúdos e objetivos Quadro de conteúdos e objetivos Unidade 1 Números inteiros adição e subtração Unidade 1 Números inteiros adição e subtração 1. Números positivos e números negativos Reconhecer o uso de números negativos e positivos no dia a dia. 2. Conjunto dos números inteiros 3. Módulo ou valor

Leia mais

MATEMÁTICA PARA VENCER. Apostilas complementares APOSTILA 03 PROVA CM SIMULADA.

MATEMÁTICA PARA VENCER. Apostilas complementares APOSTILA 03 PROVA CM SIMULADA. MATEMÁTICA PARA VENCER Apostilas complementares APOSTILA 03 PROVA CM SIMULADA www.laercio.com.br APOSTILA 03 Colégio Militar 6º ano PROVA CM SIMULADA Apostila de complemento do livro MATEMÁTICA PARA VENCER

Leia mais

Estatística Aplicada. Prof. Carlos Alberto Stechhahn PARTE I ESPAÇO AMOSTRAL - EVENTOS PROBABILIDADE PROBABILIDADE CONDICIONAL.

Estatística Aplicada. Prof. Carlos Alberto Stechhahn PARTE I ESPAÇO AMOSTRAL - EVENTOS PROBABILIDADE PROBABILIDADE CONDICIONAL. Estatística Aplicada Administração p(a) = n(a) / n(u) PARTE I ESPAÇO AMOSTRAL - EVENTOS PROBABILIDADE PROBABILIDADE CONDICIONAL Prof. Carlos Alberto Stechhahn 2014 1. Noções de Probabilidade Chama-se experimento

Leia mais

Matemática Básica Relações / Funções

Matemática Básica Relações / Funções Matemática Básica Relações / Funções 04 1. Relações (a) Produto cartesiano Dados dois conjuntos A e B, não vazios, denomina-se produto cartesiano de A por B ao conjunto A B cujos elementos são todos os

Leia mais

Vamos resolver questões de concurso para entendermos como funciona esta fórmula.

Vamos resolver questões de concurso para entendermos como funciona esta fórmula. Sejam α e β os ângulos formados pelos ponteiros de um relógio às H horas e M minutos. É possível encontrar um desses ângulos (em graus) pela seguinte fórmula: Sabendo um dos ângulos, o outro é o que falta

Leia mais

Uma pessoa caminha diariamente m. Ao final de 10 dias, quantos quilômetros terá caminhado?

Uma pessoa caminha diariamente m. Ao final de 10 dias, quantos quilômetros terá caminhado? Uma pessoa caminha diariamente 4 000 m. Ao final de 10 dias, quantos quilômetros terá caminhado? Uma pessoa trabalhou durante 10 dias para fazer um serviço pelo qual recebeu R$ 325,00. Quanto recebeu por

Leia mais

Universidade Federal do Pará - PARFOR. Disciplina: Álgebra Básica e Laboratório de Ensino de Álgebra Básica

Universidade Federal do Pará - PARFOR. Disciplina: Álgebra Básica e Laboratório de Ensino de Álgebra Básica Universidade Federal do Pará - PARFOR Disciplina: Álgebra Básica e Laboratório de Ensino de Álgebra Básica Lista de Exercícios para Prova Substitutiva Assuntos Abordados: Polinômios, Produtos notáveis

Leia mais

Alex Lira. Olá, pessoal!!!

Alex Lira. Olá, pessoal!!! Olá, pessoal!!! Seguem abaixo os meus comentários das questões de Lógica que foram cobradas na prova para o cargo de Agente da Polícia Federal, elaborada pelo Cespe, realizada no último final de semana.

Leia mais

Se o número máximo de laranjas estragadas é 4, então temos, no mínimo, 140 laranjas não estragadas.

Se o número máximo de laranjas estragadas é 4, então temos, no mínimo, 140 laranjas não estragadas. 26. (IBGE 2016/FGV) Em uma caixa há doze dúzias de laranjas, sobre as quais sabe-se que: I - há pelo menos duas laranjas estragadas; II - dadas seis quaisquer dessas laranjas, há pelo menos duas não estragadas.

Leia mais

OBMEP 2010 Soluções da prova da 2ª Fase Nível 1. Questão 1

OBMEP 2010 Soluções da prova da 2ª Fase Nível 1. Questão 1 1 Questão 1 a) O número-parada de 93 é 4, pois 93 9 3 = 27 2 7 = 14 1 4 = 4. b) Escrevendo 3 2 = 6 vemos que 32 3 2 = 6. Como 32 = 4 2 2 2, temos 4222 4 2 2 2 = 32 3 2 = 6 e assim o número-parada de 4222

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida Matemática Financeira TRF 3ª Região... 4

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida Matemática Financeira TRF 3ª Região... 4 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida Matemática Financeira TRF 3ª Região... 4 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Saiu o edital para Auditor Fiscal de Teresina. Esta é a aula

Leia mais

Prof. Luiz Felix. Unidade I MATEMÁTICA APLICADA

Prof. Luiz Felix. Unidade I MATEMÁTICA APLICADA Prof. Luiz Felix Unidade I MATEMÁTICA APLICADA Sistemas de numeração A vida do homem, há milhares de anos, era muito diferente da atual. Ele não tinha necessidade de contar, uma vez que não comprava, não

Leia mais

ADIÇÃO E SUBTRAÇÃO DE ARCOS ADIÇÃO E SUBTRAÇÃO DE ARCOS EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO

ADIÇÃO E SUBTRAÇÃO DE ARCOS ADIÇÃO E SUBTRAÇÃO DE ARCOS EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO ADIÇÃO E SUBTRAÇÃO DE ARCOS AULA ESCRITA EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO ADIÇÃO E SUBTRAÇÃO DE ARCOS EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO E0176 Calcule o seno de 345º. RESOLUÇÃO CONJUNTOS AULA ESCRITA EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO EXERCÍCIOS

Leia mais

Giovanna ganhou reais de seu pai pra fazer. sua festa de 15 anos. Ao receber o dinheiro, no. entanto, resolveu abri mão da festa.

Giovanna ganhou reais de seu pai pra fazer. sua festa de 15 anos. Ao receber o dinheiro, no. entanto, resolveu abri mão da festa. LOGARITMOS QUAL É O TEMPO? Giovanna ganhou 1 000 reais de seu pai pra fazer sua festa de 15 anos. Ao receber o dinheiro, no entanto, resolveu abri mão da festa. É que ela queria comprar um computador.

Leia mais

Matemática. Aula: 02/10. Prof. Pedrão. Visite o Portal dos Concursos Públicos

Matemática. Aula: 02/10. Prof. Pedrão.  Visite o Portal dos Concursos Públicos Matemática Aula: 02/10 Prof. Pedrão UMA PARCERIA Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.BR Visite a loja virtual www.conquistadeconcurso.com.br MATERIAL DIDÁTICO EXCLUSIVO PARA ALUNOS

Leia mais

Unidade I MATEMÁTICA. Prof. Celso Ribeiro Campos

Unidade I MATEMÁTICA. Prof. Celso Ribeiro Campos Unidade I MATEMÁTICA Prof. Celso Ribeiro Campos Números reais Três noções básicas são consideradas primitivas, isto é, são aceitas sem a necessidade de definição. São elas: a) Conjunto. b) Elemento. c)

Leia mais

Inequações do 1º grau

Inequações do 1º grau A UUL AL A Inequações do 1º grau Analisando as condições de vida da população brasileira, certamente encontraremos um verdadeiro desequilíbrio, tanto na área social como na área econômica. Esse desequilíbrio

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS CAJAZEIRAS COORDENAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS CAJAZEIRAS COORDENAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS CAJAZEIRAS COORDENAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA MATEMÁTICA I Nome: MATEMÁTICA I Curso: TÉCNICO EM INFORMÁTICA

Leia mais

Grandezas proporcionais. Matemática 1 Aulas 13 e 14 Prof. Henrique Figo

Grandezas proporcionais. Matemática 1 Aulas 13 e 14 Prof. Henrique Figo Grandezas proporcionais Matemática 1 Aulas 13 e 14 Prof. Henrique Figo Motivação Qual desses carros gasta mais combustível para ir de São Paulo ao Rio de Janeiro? Sabe-se que o carro A, movido a gasolina,

Leia mais

Resumo de Aula: Notação científica kg. Potências positivas Potências negativas ,1

Resumo de Aula: Notação científica kg. Potências positivas Potências negativas ,1 Resumo de Aula: Notação científica. 1- Introdução Este resumo não trata exatamente sobre física, é sobre uma das formas que expressamos os resultados numéricos em ciências em geral (e na física em particular).

Leia mais

PLANEJAMENTO Disciplina: Matemática Série: 7º Ano Ensino: Fundamental Prof.:

PLANEJAMENTO Disciplina: Matemática Série: 7º Ano Ensino: Fundamental Prof.: Disciplina: Matemática Série: 7º Ano Ensino: Fundamental Prof.: II ) Compreensão de fenômenos 1ª UNIDADE Números inteiros (Z) 1. Números positivos e números negativos 2. Representação geométrica 3. Relação

Leia mais

As equações que pensam

As equações que pensam As equações que pensam Aula 15 Ricardo Ferreira Paraizo e-tec Brasil Matemática Instrumental Meta Apresentar resoluções de problemas envolvendo sistemas de duas equações e duas variáveis. Objetivos Após

Leia mais

REGRA DE TRÊS SIMPLES E COMPOSTA E PORCENTAGEM

REGRA DE TRÊS SIMPLES E COMPOSTA E PORCENTAGEM REGRA DE TRÊS SIMPLES E COMPOSTA E PORCENTAGEM 1 1. REGRA DE TRÊS SIMPLES E COMPOSTA E PORCENTAGEM Uma poderosa e simples ferramenta para resolução de problemas é a regra de três. A regra de três relaciona

Leia mais

https://youtu.be/_ldqdcjptik?t=3m22s

https://youtu.be/_ldqdcjptik?t=3m22s Olá, tudo bem? Eu sou o prof. Arthur Lima, do Estratégia Concursos, e preparei este material contendo as 30 questões do meu Aulão de Raciocínio Lógico. As 17 primeiras estão resolvidas no vídeo, que você

Leia mais

Resoluções comentadas de Raciocínio Lógico-Quantitativo. Prova para Analista Análise de Projetos do IBGE. Realizada pela FGV em 10/4/2016

Resoluções comentadas de Raciocínio Lógico-Quantitativo. Prova para Analista Análise de Projetos do IBGE. Realizada pela FGV em 10/4/2016 Resoluções comentadas de Raciocínio Lógico-Quantitativo Prova para Analista Análise de Projetos do IBGE Realizada pela FGV em 10/4/2016 26. Em uma caixa há doze dúzias de laranjas, sobre as quais sabe-se

Leia mais

CPV 73% de aprovação na ESPM

CPV 73% de aprovação na ESPM 7% de aprovação na ESPM ESPM NOVEMBRO/007 PROVA E MATEMÁTICA. O menor número natural tal que 0800. = n 5, com n N*, é igual a: a) 745 b) 50 c) 5 d) 4050 e) 785 Temos que 0800. = n 5 4.. 5. = n 5 para que

Leia mais

Funções EXERCÍCIOS ( ) ( )

Funções EXERCÍCIOS ( ) ( ) Funções Quando relacionamos grandezas variáveis, onde variando uma interfere no valor de outra, estamos trabalhando com conceito de função. Por eemplo, um taista abastece seu carro no posto de combustível

Leia mais

Lógica das Proposições

Lógica das Proposições Lógica das Proposições Transcrição - Podcast 1 Professor Carlos Mainardes Olá eu sou Carlos Mainardes do blog Matemática em Concursos, e esse material que estou disponibilizando trata de um assunto muito

Leia mais

Preparação para a Prova Final de Matemática 2.º Ciclo do Ensino Básico Olá, Matemática! 6.º Ano

Preparação para a Prova Final de Matemática 2.º Ciclo do Ensino Básico Olá, Matemática! 6.º Ano Números e operações Números racionais não negativos Noção e representação de número racional Comparação e ordenação de números racionais Operações com números racionais Valores aproximados Percentagens

Leia mais

MATEMÁTICA MÓDULO 1 TEORIA DOS NÚMEROS 1. DIVISIBILIDADE 1.1. DEFINIÇÃO 1.2. CRITÉRIOS DE DIVISIBILIDADE

MATEMÁTICA MÓDULO 1 TEORIA DOS NÚMEROS 1. DIVISIBILIDADE 1.1. DEFINIÇÃO 1.2. CRITÉRIOS DE DIVISIBILIDADE TEORIA DOS NÚMEROS 1. DIVISIBILIDADE Neste momento inicial, nosso interesse será em determinar quando a divisão entre dois números inteiros é exata, ou seja, quando o resto da divisão é 0. Antes de mais

Leia mais

SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA MATEMÁTICA - ENSINO MÉDIO

SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA MATEMÁTICA - ENSINO MÉDIO SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA MATEMÁTICA - ENSINO MÉDIO Título do Podcast Área Segmento Duração Progressão Aritmética Matemática Ensino médio 5min03seg Habilidades: H15. Relacionar padrões e regularidades

Leia mais

AULA 4: EQUIVALÊNCIA DE TAXAS

AULA 4: EQUIVALÊNCIA DE TAXAS MATEMÁTICA FINANCEIRA PROF. ELISSON DE ANDRADE Blog: www.profelisson.com.br AULA 4: EQUIVALÊNCIA DE TAXAS Exercícios resolvidos e comentados Proibida reprodução e/ou venda não autorizada. REVISÃO: COMO

Leia mais

CURSO DE ESTUDOS DE CASO PARA O TRF 3.

CURSO DE ESTUDOS DE CASO PARA O TRF 3. Estudo de Caso para o TRF da 3ª Região (com correção individual + aulas em vídeo) Professores: o Marco Antônio, o Júnia Andrade, o Sandro Monteiro e o Chris Bruno www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00

Leia mais

Seis pessoas pretendem entrar num elevador, onde há um cartaz dizendo que o peso máximo permitido é de 420 quilos.

Seis pessoas pretendem entrar num elevador, onde há um cartaz dizendo que o peso máximo permitido é de 420 quilos. Seis pessoas pretendem entrar num elevador, onde há um cartaz dizendo que o peso máximo permitido é de 420 quilos. Quanto deve ser, em média, o peso de cada pessoa que entrar no elevador? Uma pessoa que

Leia mais

a) Falsa. Por exemplo, para n = 2, temos 3n = 3 2 = 6, ou seja, um número par.

a) Falsa. Por exemplo, para n = 2, temos 3n = 3 2 = 6, ou seja, um número par. Matemática Unidade I Álgebra Série - Teoria dos números 01 a) Falsa. Por exemplo, para n =, temos 3n = 3 = 6, ou seja, um número par. b) Verdadeira. Por exemplo, para n = 1, temos n = 1 =, ou seja, um

Leia mais

BEM-VINDO A OPERAÇÃO! Bora encarar essa missão, que parece impossível, mas não é?

BEM-VINDO A OPERAÇÃO! Bora encarar essa missão, que parece impossível, mas não é? BEM-VINDO A OPERAÇÃO! Bora encarar essa missão, que parece impossível, mas não é? Depois de um longo ano de estudos (ou não), finalmente chegam aqueles últimos dias antes da prova... Nessa época tão delicada

Leia mais

Aula 00. Raciocínio Lógico Quantitativo para IBGE. Raciocínio Lógico Quantitativo Professor: Guilherme Neves

Aula 00. Raciocínio Lógico Quantitativo para IBGE. Raciocínio Lógico Quantitativo Professor: Guilherme Neves Aula 00 Raciocínio Lógico Quantitativo Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa Raciocínio Lógico Quantitativo Apresentação... 3 Modelos de questões resolvidas

Leia mais