Aula 00. Raciocínio Lógico para Técnico do INSS. Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves. Prof.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Aula 00. Raciocínio Lógico para Técnico do INSS. Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves. Prof."

Transcrição

1 Aula 00 Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves 1

2 Aula 00 Aula Demonstrativa Raciocínio Lógico para INSS Apresentação... 3 Modelos de Questões Comentadas - CESPE... 4 Relação das Questões Comentadas Gabaritos

3 Apresentação Olá, pessoal! Saiu o edital para o concurso do INSS!!! Serão 800 vagas para Técnico, organização do CESPE e provas em 15 de maio de Esta é a aula demonstrativa de Raciocínio Lógico em EXERCÍCIOS COMENTADOS para o cargo de Técnico. Permitam-me uma breve apresentação: meu nome é Guilherme Neves. Sou professor de Raciocínio Lógico, Matemática, Matemática Financeira, Estatística e Física. Posso afirmar em alto e bom tom que ensinar é a minha predileção. Comecei a dar aulas para concursos, em Recife, quando tinha apenas 17 anos (mesmo antes de começar o meu curso de Bacharelado em Matemática na UFPE). Ensino no Ponto dos Concursos desde março de Agora no início de 2016 completarei 10 anos de carreira. Atualmente moro nos Estados Unidos onde estou estudando em outro curso de graduação (Engenharia Civil na University of Central Florida). O conteúdo programático de Raciocínio Lógico é exatamente o mesmo dos últimos dois concursos do INSS (2008-CESPE e 2012-FCC). Obviamente vamos resolver estas provas por completo durante nosso curso. Sem mais delongas, vamos seguir o seguinte cronograma: Aula 00 Aula 01 Aula 02 Resolução de Questões CESPE 1 Conceitos básicos de raciocínio lógico: proposições; valores lógicos das proposições; sentenças abertas; número de linhas da tabela verdade; conectivos; proposições simples; proposições compostas. 2 Tautologia. (Parte 1) 4 Cálculos com porcentagens. 3 Operação com conjuntos. No início de cada aula, colocarei um resumo teórico para que vocês possam revisar a teoria. Sem mais delongas, vamos trabalhar! 3

4 Modelos de Questões Comentadas - CESPE (INPI 2013/CESPE-UnB) No conjunto de todas as frases, as proposições encontram-se entre aquelas classificadas como declarativas e verbais, ou seja, entende-se como proposição todo conjunto de palavras ou símbolos que exprimam um pensamento de sentido completo, para o qual seja possível atribuir, como valor lógico, ou a verdade ou a falsidade. Assim, as proposições transmitem pensamentos, isto é, afirmam fatos ou exprimem juízos que se formam a respeito de determinados entes. Com base nessas informações, julgue se os itens a seguir são proposições. 01. Que excelente local de trabalho! Esta é uma frase exclamativa. Não é, portanto, uma proposição. O item está errado. 02. Marcos não é um político desonesto, pois não é um político. Observe que esta frase não exprime uma opinião. Por quê? É impossível Marcos ser um político desonesto, sabendo que ele não é um político. Percebeu? Não é a questão de ele ser ou não uma pessoa honesta. A questão é que ele não é um POLÍTICO DESONESTO, já que ele não é um político. Como Marcos não é um político, podemos afirmar que ele não é um político desonesto e também podemos afirmar que ele não é um político honesto. Esta frase é uma oração declarativa que pode ser classificada em V ou F. Esta frase é uma PROPOSIÇÃO. O item está certo. 03. Todo governante toma decisões, tendo como principal preocupação sua conservação no poder. Esta frase é uma oração declarativa que pode ser classificada em V ou F. Esta frase é uma PROPOSIÇÃO. O item está certo. 04. Esta afirmação é falsa. Este é um exemplo clássico de paradoxo. É uma oração declarativa, mas que não pode ser classificada em V ou F. Não é uma proposição e o item está errado. 05. O pior atentado terrorista da história ocorreu no dia 11 de setembro de 2011? Frases interrogativas não são proposições. O item está errado. 4

5 06. Elabore hoje o parecer técnico para concessão de direitos relativos ao registro da marca. Frases imperativas não são proposições. O item está errado. (INPI 2013/CESPE-UnB) Uma proposição composta P é construída utilizando as proposições simples p, q e r e substituindo-se os espaços em por um dos conectivos lógicos,,,, que significam e, ou, se..., então, se, e somente se e ou..., ou, respectivamente. A partir dessas informações, julgue os itens subsequentes. 07. O número de linhas da tabela verdade correspondente à proposição P independe dos conectivos escolhidos para sua construção. O número de linhas da tabela-verdade é igual a 2, em que n é o número de proposições simples que compõem a proposição em questão. Assim, o número de linhas independe dos conectivos escolhidos. O item está certo. 08. Supondo que seja escolhido o mesmo conectivo lógico para o preenchimento dos dois espaços, os valores lógicos assumidos pela proposição P independerão do conectivo escolhido. Este item está errado. Por exemplo, a proposição só é verdadeira quando os três componentes forem verdadeiros, já a proposição é verdadeira quando PELO MENOS um dos três componentes for verdadeiro. (INPI 2013/CESPE-UnB) Considerando a proposição P: Se cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo, quando você toma uma decisão, o resultado de sua escolha depende da reação dos outros jogadores, julgue os próximos itens a respeito de proposições logicamente equivalentes. 09. A proposição P é logicamente equivalente a: Se cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo e você toma uma decisão, então o resultado de sua escolha depende da reação dos outros jogadores. O item está certo. Esta é, inclusive, uma maneira mais simples e dentro dos padrões da lógica. Vamos utilizar esta forma para analisar os próximos itens. 10. A negação da proposição cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo e você toma uma decisão é logicamente equivalente a cada um busca o pior para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo ou você não toma uma decisão. 5

6 A expressão cada um é um quantificador universal, ou seja, tem o mesmo significado que todos. Para negar uma proposição universal afirmativa, devemos utilizar o quantificador particular. Assim, a correta negação seria Alguém não busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo ou você não toma uma decisão. Lembre-se que para negar uma proposição composta pelo e, devemos negar os dois componentes e trocar o conectivo por ou. Outro detalhe: A negação de buscar o melhor para si é não buscar o melhor para si. Não buscar o melhor para si não é a mesma coisa que buscar o pior para si. O item está errado. 11. A proposição P é logicamente equivalente a ninguém busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo ou você não toma uma decisão e o resultado de sua escolha depende da reação dos outros jogadores. Conforme o primeiro item, a proposição P é Se cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo e você toma uma decisão, então o resultado de sua escolha depende da reação dos outros jogadores. Perceba que o enunciado tenta usar a equivalência do conectivo se..., então... com o conectivo ou. Neste caso, devemos negar o primeiro componente, colocar o conectivo ou e repetir o segundo componente. Devemos negar o trecho cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo e você toma uma decisão, colocar ou, e copiar o trecho o resultado de sua escolha depende da reação dos outros jogadores. A expressão cada um é um quantificador universal, ou seja, tem o mesmo significado que todos. Para negar uma proposição universal afirmativa, devemos utilizar o quantificador particular. Assim, a correta negação do primeiro trecho é Alguém não busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo ou você não toma uma decisão. A proposição equivalente seria assim: Alguém não busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo ou você não toma uma decisão ou o resultado de sua escolha depende da reação dos outros jogadores. 6

7 O item está errado por dois motivos: Utilizou ninguém, que é um quantificador universal e colocou um conectivo e no lugar de ou. 12. A proposição P é logicamente equivalente a se sua escolha não depende da reação dos outros jogadores, então cada um busca o pior para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo ou você não toma uma decisão. Neste item, o enunciado tenta usar a equivalência. Ou seja, vamos negar de trás pra frente mantendo o conectivo se..., então.... A proposição original é Se cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo e você toma uma decisão, então o resultado de sua escolha depende da reação dos outros jogadores. O item começou corretamente: se sua escolha não depende da reação dos outros jogadores, então. O erro se dá no momento de negar a proposição cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo e você toma uma decisão. Já vimos que o correto seria assim: alguém não busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo ou você não toma uma decisão. O item está errado. 13. A negação da proposição P é logicamente equivalente a cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo e você toma uma decisão ou o resultado de sua escolha não depende da reação dos outros jogadores. A proposição P é composta pelo conectivo se..., então.... Para negar uma proposição deste tipo, devemos afirmar o antecedente (ou seja, tudo que fica entre se e então ), colocar o conectivo e e negar o consequente (ou seja, tudo que fica depois do então ). A correta negação é assim: cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo e você toma uma decisão e o resultado de sua escolha não depende da reação dos outros jogadores. O item está errado. 14. Se é falsa a proposição cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo, então é 7

8 verdadeira a proposição P independentemente do valor lógico de suas demais proposições simples constituintes.!ê#! $ã!,&#ã!! '#!!'( & Olhe o trecho antes do então. Temos uma proposição composta pelo e. Uma composta pelo e só é verdadeira se OS DOIS COMPONENTES forem verdadeiros. Como um deles é falso, a composta é falsa. Ou seja, o antecedente é falso. )*************+*************,!ê#! $ã!,&#ã!! '#!!'( & Uma proposição composta pelo se..., então... só é falsa quando ocorre VF (nesta ordem). Como o antecedente é falso, é impossível ocorrer VF. Portanto, a proposição é verdadeira e o item está certo. 15. (INPI 2013/CESPE-UnB) A negação da proposição o eleitor é induzido a apoiar níveis muito elevados de gasto público ou o nível de gasto público não reflete a preferência do eleitor é logicamente equivalente a o eleitor não é induzido a apoiar níveis muito elevados de gasto público e o nível de gasto público reflete a preferência do eleitor. Perfeito. Para negar uma proposição composta pelo ou, devemos negar os dois componentes e trocar o conectivo por e. O item está certo. (INPI 2013/CESPE-UnB) No Festival Internacional de Campos do Jordão, estiveram presentes os músicos Carlos, Francisco, Maria e Isabel. Um deles é brasileiro, outro é mexicano, outro é chileno e outro, peruano. Um deles tem 18 anos de idade, outro, 20, outro, 21 e o outro, 23. Cada um desses músicos é especialista em um dos instrumentos: flauta, violino, clarinete e oboé. Sabe-se que Carlos não é brasileiro, tem 18 anos de idade e não é flautista; Francisco é chileno, não tem 20 anos de idade e é especialista em oboé ; Maria tem 23 anos de idade e não é clarinetista; Isabel é mexicana e não é clarinetista; e o flautista tem mais de 20 anos de idade. Com base nessas informações, julgue os itens a seguir. 16. Carlos é mexicano. 17. Maria é flautista. 18. Isabel tem 20 anos de idade. 19. O flautista é brasileiro. 8

9 Vamos criar uma tabela para relacionar as pessoas e suas características. Carlos Francisco Maria Isabel País Idade Instrumento Algumas informações são bem diretas no texto. - Carlos tem 18 anos - Francisco é chileno e toca oboé. - Maria tem 23 anos. - Isabel é mexicana. País Idade Instrumento Carlos 18 Francisco Chile Oboé Maria 23 Isabel México Carlos não é brasileiro, então Maria é brasileira. Por exclusão, Carlos é peruano. País Idade Instrumento Carlos Peru 18 Francisco Chile Oboé Maria Brasil 23 Isabel México Francisco não tem 20 anos de idade. Portanto, Isabel tem 20 anos de idade. Por exclusão, Francisco possui 21 anos. País Idade Instrumento Carlos Peru 18 Francisco Chile 21 Oboé Maria Brasil 23 Isabel México 20 O flautista tem mais de 20 anos. Portanto, Maria é a flautista. País Idade Instrumento Carlos Peru 18 Francisco Chile 21 Oboé Maria Brasil 23 Flauta Isabel México

10 Isabel não é clarinetista. Assim, Carlos é a pessoa que toca clarinete. Por exclusão, Isabel toca violino. Vamos agora analisar os itens: 16. Carlos é mexicano. ERRADO 17. Maria é flautista. CERTO País Idade Instrumento Carlos Peru 18 Clarinete Francisco Chile 21 Oboé Maria Brasil 23 Flauta Isabel México 20 Violino 18. Isabel tem 20 anos de idade. CERTO 19. O flautista é brasileiro. CERTO 20. (INPI 2013/CESPE-UnB) A expressão -. /.0. é uma tautologia. Vamos construir a tabela-verdade para verificar se esta expressão é ou não uma tautologia. Como há apenas duas proposições envolvidas, nossa tabela terá 4 linhas. O início da tabela é por demais óbvio.. /. /. /. -. /.0. V V V V F F F V V F F V Para construir a quarta coluna, vamos ligar a terceira coluna com a primeira através do se..., então.... /. /. /. -. /.0. V V V V V F F V F V V F F F V F. Observe que ocorreu VF nas últimas duas linhas. 10

11 Para construir a última coluna, vamos ligar a quarta coluna com a primeira coluna através do conectivo se..., então..... /. /. /. -. /.0. V V V V V V F F V V F V V F V F F V F V Como não ocorreu VF, toda a última coluna recebe V. Trata-se, portanto, de uma tautologia. O item está certo. (ANTAQ 2014/CESPE-UnB) Julgue os itens seguintes, acerca da proposição P: Quando acreditar que estou certo, não me importarei com a opinião dos outros. 21. A proposição P é logicamente equivalente a Como não me importo com a opinião dos outros, acredito que esteja certo. A proposição original significa que Se acredito que estou certo, então não me importo com a opinião dos outros. Neste caso, é possível a pessoa não se importar com a opinião dos outros e mesmo assim não acreditar que está certo. É o caso de ocorrer FV no se..., então.... O item está errado. 22. Se a proposição Acredito que estou certo for verdadeira, então a veracidade da proposição P estará condicionada à veracidade da proposição Não me importo com a opinião dos outros. A proposição original significa que Se acredito que estou certo, então não me importo com a opinião dos outros. Se o antecedente é verdadeiro, a proposição será verdadeira se o consequente for verdadeiro (VV) e a proposição será falsa se o consequente for falso (VF). Assim, a veracidade da proposição P estará condicionada à veracidade da proposição não me importo com a opinião dos outros. O item está certo. 23. Uma negação correta da proposição Acredito que estou certo seria Acredito que não estou certo. Para negar uma proposição simples você deve negar apenas o seu verbo. Assim, a correta negação é Não acredito que estou certo. O item está errado. 24. (TJ-SE 2014/CESPE-UnB) A sentença O sistema judiciário igualitário e imparcial promove o amplo direito de defesa do réu ao mesmo tempo que assegura uma atuação investigativa completa por parte da promotoria é uma proposição lógica composta. O item está errado. Não há proposições simples sendo conectadas. 11

12 25. (TJ-SE 2014/CESPE-UnB) A sentença A crença em uma justiça divina, imparcial, incorruptível e infalível é lenitivo para muitos que desconhecem os caminhos para a busca de seus direitos, assegurados na Constituição é uma proposição lógica simples. O item está certo, pois não há proposições simples sendo conectadas. 26. (MEC 2014/CESPE-UnB) A proposição O candidato não apresenta deficiências em língua portuguesa ou essas deficiências são toleradas é logicamente equivalente a Se o candidato apresenta deficiências em língua portuguesa, então essas deficiências são toleradas. Nesta questão, devemos utilizar a equivalência do conectivo ou com o conectivo se..., então.... Devemos negar o primeiro componente, trocar o conectivo por se..., então... e copiar o segundo componente. Ficamos com: Se o candidato apresenta deficiências em língua portuguesa, então essas deficiências são toleradas. O item está certo. (SUFRAMA 2014/CESPE-UnB) Considerando que P seja a proposição O atual dirigente da empresa X não apenas não foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa como também não conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas, julgue os itens a seguir a respeito de lógica sentencial. 27. A negação da proposição P está corretamente expressa por O atual dirigente da empresa X foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa ou conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas. A proposição P pode ser reescrita assim: O atual dirigente da empresa X não foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa e não conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas. Para negar esta frase, devemos negar os dois componentes e trocar o conectivo e por ou. A negação desta frase é dada por: O atual dirigente da empresa X foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa ou conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas. O item está certo. 28. A proposição P é logicamente equivalente à proposição O atual dirigente da empresa X não foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa ou não conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas. 12

13 A proposição P pode ser reescrita assim: O atual dirigente da empresa X não foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa e não conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas. O item está errado, pois deveria ser utilizado o conectivo e. 29. Se a proposição O atual dirigente da empresa X não foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa for verdadeira e se a proposição O atual dirigente da empresa X não conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas da empresa for falsa, então a proposição P será falsa. A proposição P pode ser reescrita assim: O atual dirigente da empresa X não foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa e não conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas. Para que esta proposição seja verdadeira, os seus dois componentes devem ser verdadeiros. Se algum de seus componentes for falso, a composta será falsa. Como a proposição O atual dirigente da empresa X não conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas da empresa é falsa, a proposição P é falsa. O item está certo. 30. (TCU 2015/CESPE-UnB) Não estão explicitamente declaradas duas premissas do argumento que embasa a seguinte afirmação: A empresa Z não respeita seus funcionários porque não lhes paga em dia. Resolução A empresa Z não respeita seus funcionários porque não lhes paga em dia. Vamos estruturar este argumento em premissas e conclusão. Premissa 1: A empresa Z não paga seus funcionários em dia. Conclusão: A empresa Z não respeita seus funcionários. Desta forma, existe UMA (APENAS UMA) premissa implícita. Premissa Implícita: Se uma empresa não paga seus funcionários em dia, então esta empresa não respeita seus funcionários. Ora, a empresa Z não paga seus funcionários em dia. Portanto, a empresa Z não respeita seus funcionários. Ficou mais claro? O enunciado afirma que não estão explicitamente declaradas duas premissas do argumento. Ou seja, o enunciado afirma que há duas 13

14 premissas implícitas. O item está errado porque há apenas uma premissa implícita. 14

15 Relação das Questões Comentadas (INPI 2013/CESPE-UnB) No conjunto de todas as frases, as proposições encontram-se entre aquelas classificadas como declarativas e verbais, ou seja, entende-se como proposição todo conjunto de palavras ou símbolos que exprimam um pensamento de sentido completo, para o qual seja possível atribuir, como valor lógico, ou a verdade ou a falsidade. Assim, as proposições transmitem pensamentos, isto é, afirmam fatos ou exprimem juízos que se formam a respeito de determinados entes. Com base nessas informações, julgue se os itens a seguir são proposições. 01. Que excelente local de trabalho! 02. Marcos não é um político desonesto, pois não é um político. 03. Todo governante toma decisões, tendo como principal preocupação sua conservação no poder. 04. Esta afirmação é falsa. 05. O pior atentado terrorista da história ocorreu no dia 11 de setembro de 2011? 06. Elabore hoje o parecer técnico para concessão de direitos relativos ao registro da marca. (INPI 2013/CESPE-UnB) Uma proposição composta P é construída utilizando as proposições simples p, q e r e substituindo-se os espaços em por um dos conectivos lógicos,,,, que significam e, ou, se..., então, se, e somente se e ou..., ou, respectivamente. A partir dessas informações, julgue os itens subsequentes. 07. O número de linhas da tabela verdade correspondente à proposição P independe dos conectivos escolhidos para sua construção. 08. Supondo que seja escolhido o mesmo conectivo lógico para o preenchimento dos dois espaços, os valores lógicos assumidos pela proposição P independerão do conectivo escolhido. (INPI 2013/CESPE-UnB) Considerando a proposição P: Se cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo, quando você toma uma decisão, o resultado de sua escolha depende da reação dos outros jogadores, julgue os próximos itens a respeito de proposições logicamente equivalentes. 15

16 09. A proposição P é logicamente equivalente a: Se cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo e você toma uma decisão, então o resultado de sua escolha depende da reação dos outros jogadores. 10. A negação da proposição cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo e você toma uma decisão é logicamente equivalente a cada um busca o pior para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo ou você não toma uma decisão. 11. A proposição P é logicamente equivalente a ninguém busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo ou você não toma uma decisão e o resultado de sua escolha depende da reação dos outros jogadores. 12. A proposição P é logicamente equivalente a se sua escolha não depende da reação dos outros jogadores, então cada um busca o pior para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo ou você não toma uma decisão. 13. A negação da proposição P é logicamente equivalente a cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo e você toma uma decisão ou o resultado de sua escolha não depende da reação dos outros jogadores. 14. Se é falsa a proposição cada um busca o melhor para si em uma complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo, então é verdadeira a proposição P independentemente do valor lógico de suas demais proposições simples constituintes. 15. (INPI 2013/CESPE-UnB) A negação da proposição o eleitor é induzido a apoiar níveis muito elevados de gasto público ou o nível de gasto público não reflete a preferência do eleitor é logicamente equivalente a o eleitor não é induzido a apoiar níveis muito elevados de gasto público e o nível de gasto público reflete a preferência do eleitor. (INPI 2013/CESPE-UnB) No Festival Internacional de Campos do Jordão, estiveram presentes os músicos Carlos, Francisco, Maria e Isabel. Um deles é brasileiro, outro é mexicano, outro é chileno e outro, peruano. Um deles tem 18 anos de idade, outro, 20, outro, 21 e o outro, 23. Cada um desses músicos é especialista em um dos instrumentos: flauta, violino, clarinete e oboé. Sabe-se que Carlos não é brasileiro, tem 18 anos de idade e não é flautista; Francisco é chileno, não tem 20 anos de idade e é especialista em oboé ; Maria tem 23 anos de idade e não é clarinetista; Isabel é mexicana e não é clarinetista; e o flautista tem mais de 20 anos de idade. 16

17 Com base nessas informações, julgue os itens a seguir. 16. Carlos é mexicano. 17. Maria é flautista. 18. Isabel tem 20 anos de idade. 19. O flautista é brasileiro. 20. (INPI 2013/CESPE-UnB) A expressão -. /.0. é uma tautologia. (ANTAQ 2014/CESPE-UnB) Julgue os itens seguintes, acerca da proposição P: Quando acreditar que estou certo, não me importarei com a opinião dos outros. 21. A proposição P é logicamente equivalente a Como não me importo com a opinião dos outros, acredito que esteja certo. 22. Se a proposição Acredito que estou certo for verdadeira, então a veracidade da proposição P estará condicionada à veracidade da proposição Não me importo com a opinião dos outros. 23. Uma negação correta da proposição Acredito que estou certo seria Acredito que não estou certo. 24. (TJ-SE 2014/CESPE-UnB) A sentença O sistema judiciário igualitário e imparcial promove o amplo direito de defesa do réu ao mesmo tempo que assegura uma atuação investigativa completa por parte da promotoria é uma proposição lógica composta. 25. (TJ-SE 2014/CESPE-UnB) A sentença A crença em uma justiça divina, imparcial, incorruptível e infalível é lenitivo para muitos que desconhecem os caminhos para a busca de seus direitos, assegurados na Constituição é uma proposição lógica simples. 26. (MEC 2014/CESPE-UnB) A proposição O candidato não apresenta deficiências em língua portuguesa ou essas deficiências são toleradas é logicamente equivalente a Se o candidato apresenta deficiências em língua portuguesa, então essas deficiências são toleradas. (SUFRAMA 2014/CESPE-UnB) Considerando que P seja a proposição O atual dirigente da empresa X não apenas não foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa como também não conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas, julgue os itens a seguir a respeito de lógica sentencial. 17

18 27. A negação da proposição P está corretamente expressa por O atual dirigente da empresa X foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa ou conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas. 28. A proposição P é logicamente equivalente à proposição O atual dirigente da empresa X não foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa ou não conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas. 29. Se a proposição O atual dirigente da empresa X não foi capaz de resolver os antigos problemas da empresa for verdadeira e se a proposição O atual dirigente da empresa X não conseguiu ser inovador nas soluções para os novos problemas da empresa for falsa, então a proposição P será falsa. 30. (TCU 2015/CESPE-UnB) Não estão explicitamente declaradas duas premissas do argumento que embasa a seguinte afirmação: A empresa Z não respeita seus funcionários porque não lhes paga em dia. 18

19 Gabaritos 01. Errado 02. Certo 03. Certo 04. Errado 05. Errado 06. Errado 07. Certo 08. Errado 09. Certo 10. Errado 11. Errado 12. Errado 13. Errado 14. Certo 15. Certo 16. Errado 17. Certo 18. Certo 19. Certo 20. Certo 21. Errado 22. Certo 23. Errado 24. Errado 25. Certo 26. Certo 27. Certo 28. Errado 29. Certo 30. Errado 19

20 20

Aula 00. Matemática Financeira para ISS-Cuiabá. Matemática Financeira Professor: Guilherme Neves. Prof.

Aula 00. Matemática Financeira para ISS-Cuiabá. Matemática Financeira Professor: Guilherme Neves.  Prof. Aula 00 Matemática Financeira Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa Matemática Financeira Apresentação... 3 Modelos de questões resolvidas FGV... 4 Relação

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 3

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 3 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 3 www.pontodosconcursos.com.br 1 Apresentação Olá, pessoal Tudo bem com vocês? Em breve teremos o concurso do TCM/RJ e sabemos

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 4

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 4 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas IBFC... 4 1 Apresentação Olá, pessoal Tudo bem com vocês? Finalmente saiu o edital do TCM/RJ Para quem ainda não me conhece, meu nome

Leia mais

Aula 00. Raciocínio Lógico para PCDF. Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves. Prof.

Aula 00. Raciocínio Lógico para PCDF. Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves.  Prof. Aula 00 Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Apresentação Olá, pessoal! Em breve teremos o concurso para Polícia Civil do Distrito Federal. A banca organizadora

Leia mais

Aula 00. Matemática para AMLURB. Matemática Professor: Guilherme Neves. Prof. Guilherme Neves 1

Aula 00. Matemática para AMLURB. Matemática Professor: Guilherme Neves.  Prof. Guilherme Neves 1 Aula 00 Matemática Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa Raciocínio Lógico e Matemático para CRB Apresentação... 3 Modelos de questões resolvidas - VUNESP...

Leia mais

Aula 00. Matemática e Raciocínio Lógico para IBAMA. Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves

Aula 00. Matemática e Raciocínio Lógico para IBAMA. Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves Aula 00 Matemática e Raciocínio Lógico Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa Matemática e Raciocínio Lógico para IBAMA Apresentação... 3 Negação de Proposições

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas AOCP... 3 Relação das questões comentadas... 7 Gabarito... 8

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas AOCP... 3 Relação das questões comentadas... 7 Gabarito... 8 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas AOCP... 3 Relação das questões comentadas... 7 Gabarito... 8 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Como vocês bem sabem, saiu

Leia mais

INSS 2016 Técnico CESPE

INSS 2016 Técnico CESPE INSS 2016 Técnico CESPE Art. 21. A alíquota de contribuição dos segurados contribuinte individual e facultativo será de 20 por cento sobre o respectivo salário-de-contribuição. Considerando o art. 21 da

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas... 3 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos... 9

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas... 3 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos... 9 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas... 3 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos... 9 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Saiu o edital para EBSERH!!

Leia mais

Aula 00. Raciocínio Lógico Quantitativo para IBGE. Raciocínio Lógico Quantitativo Professor: Guilherme Neves

Aula 00. Raciocínio Lógico Quantitativo para IBGE. Raciocínio Lógico Quantitativo Professor: Guilherme Neves Aula 00 Raciocínio Lógico Quantitativo Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa Raciocínio Lógico Quantitativo Apresentação... 3 Modelos de questões resolvidas

Leia mais

Alex Lira. Olá, pessoal!!!

Alex Lira. Olá, pessoal!!! Olá, pessoal!!! Seguem abaixo os meus comentários das questões de Lógica que foram cobradas na prova para o cargo de Agente da Polícia Federal, elaborada pelo Cespe, realizada no último final de semana.

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Negação de Proposições e Leis de De Morgan... 3 Relação das questões comentadas... 9 Gabaritos...

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Negação de Proposições e Leis de De Morgan... 3 Relação das questões comentadas... 9 Gabaritos... Aula demonstrativa Apresentação... 2 Negação de Proposições e Leis de De Morgan... 3 Relação das questões comentadas... 9 Gabaritos... 11 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Vamos sair na

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas FADESP... 4 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos...

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas FADESP... 4 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos... Aula demonstrativa Apresentação... 2 Modelos de questões resolvidas FADESP... 4 Relação das questões comentadas... 8 Gabaritos... 9 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Como vocês bem sabem,

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida Matemática Financeira TCE/SC... 3

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida Matemática Financeira TCE/SC... 3 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida Matemática Financeira TCE/SC... 3 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Saiu o edital para Analista de Controle do TCE/PR. Esta é a aula

Leia mais

RECEITA FEDERAL ANALISTA

RECEITA FEDERAL ANALISTA SENTENÇAS OU PROPOSIÇÕES São os elementos que expressam uma idéia, mesmo que absurda. Estudaremos apenas as proposições declarativas, que podem ser classificadas ou só como verdadeiras (V), ou só como

Leia mais

Aula 00 Aula Demonstrativa

Aula 00 Aula Demonstrativa Aula 00 Aula Demonstrativa Apresentação... 2 Resolução da prova de RLQ do concurso PECFAZ 2013/ESAF... 4 Relação das questões comentadas... 17 Gabaritos... 20 www.pontodosconcursos.com.br 1 Apresentação

Leia mais

Prova Resolvida Raciocínio Lógico (ANAC/2016) Prof. Guilherme Neves

Prova Resolvida Raciocínio Lógico (ANAC/2016) Prof. Guilherme Neves Prova Resolvida Raciocínio Lógico (ANAC/2016) 71. (ANAC 2016/ESAF) Sabendo que os valores lógicos das proposições simples p e q são, respectivamente, a verdade e a falsidade, assinale o item que apresenta

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO. Raciocínio Lógico Ficha 1 Prof. Nelson Carnaval

RACIOCÍNIO LÓGICO. Raciocínio Lógico Ficha 1 Prof. Nelson Carnaval RACIOCÍNIO LÓGICO Lógica proposicional Chama-se proposição toda sentença declarativa que pode ser classificada em verdadeira ou falsa, mas não as duas. Letras são usualmente utilizadas para denotar proposições.

Leia mais

Lógica das Proposições

Lógica das Proposições Lógica das Proposições Transcrição - Podcast 1 Professor Carlos Mainardes Olá eu sou Carlos Mainardes do blog Matemática em Concursos, e esse material que estou disponibilizando trata de um assunto muito

Leia mais

GRATUITO RACIOCÍNIO LÓGICO - EBSERH. Professor Paulo Henrique PH Aula /

GRATUITO RACIOCÍNIO LÓGICO - EBSERH. Professor Paulo Henrique PH Aula / 1 www.romulopassos.com.br / www.questoesnasaude.com.br GRATUITO RACIOCÍNIO LÓGICO - EBSERH Professor Paulo Henrique PH Aula 03 R A C I O C Í N I O L Ó G I C O E B S E R H a u l a 0 2 Página 1 2 www.romulopassos.com.br

Leia mais

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida TRF 3ª Região... 2

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida TRF 3ª Região... 2 Aula demonstrativa Apresentação... 2 Prova Resolvida TRF 3ª Região... 2 www.pontodosconcursos.com.br 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Saiu o edital para Prefeitura de Teresina. Esta é a

Leia mais

Matemática Régis Cortes. Lógica matemática

Matemática Régis Cortes. Lógica matemática Lógica matemática 1 INTRODUÇÃO Neste roteiro, o principal objetivo será a investigação da validade de ARGUMENTOS: conjunto de enunciados dos quais um é a CONCLUSÃO e os demais PREMISSAS. Os argumentos

Leia mais

26. (Analista Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Considere verdadeiras as afirmações abaixo.

26. (Analista Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Considere verdadeiras as afirmações abaixo. 26. (Analista Judiciário TRF 3ª Região 2016/FCC) Considere verdadeiras as afirmações abaixo. Ou Bruno é médico, ou Carlos não é engenheiro. Se Durval é administrador, então Eliane não é secretária. Se

Leia mais

O recurso solicita a mudança do gabarito da alternativa C para a alternativa A.

O recurso solicita a mudança do gabarito da alternativa C para a alternativa A. Nível: SUPERIOR Área: Raciocínio Lógico QUESTÃO 14. O recurso solicita a mudança do gabarito da alternativa C para a alternativa A. A alternativa correta é a letra C. O item em questão envolve Princípio

Leia mais

Ao utilizarmos os dados do problema para chegarmos a uma conclusão, estamos usando o raciocínio lógico.

Ao utilizarmos os dados do problema para chegarmos a uma conclusão, estamos usando o raciocínio lógico. CENTRO UNVERSITÁRIO UNA NOÇÕES DE RACIOCÍNIO LÓGICO Professor: Rodrigo Eustáquio Borges A disciplina Lógica Matemática tem como objetivo capacitar o aluno a reconhecer e aplicar os conceitos fundamentais

Leia mais

GRATUITO RACIOCÍNIO LÓGICO - EBSERH. Professor Paulo Henrique PH Aula /

GRATUITO RACIOCÍNIO LÓGICO - EBSERH. Professor Paulo Henrique PH Aula / 1 www.romulopassos.com.br / www.questoesnasaude.com.br GRATUITO RACIOCÍNIO LÓGICO - EBSERH Professor Paulo Henrique PH Aula 02 R A C I O C Í N I O L Ó G I C O E B S E R H a u l a 0 2 Página 1 2 www.romulopassos.com.br

Leia mais

Aula 00. Raciocínio Lógico. Raciocínio Lógico para MP-RJ Aula Demonstrativa Professor: Karine Waldrich

Aula 00. Raciocínio Lógico. Raciocínio Lógico para MP-RJ Aula Demonstrativa Professor: Karine Waldrich Aula 00 Raciocínio Lógico para MP-RJ Aula Demonstrativa Professor: Karine Waldrich www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa Oi, tudo bem? Meu nome é Karine Waldrich. Nasci em Blumenau,

Leia mais

CEDERJ MÉTODOS DETERMINÍSTICOS 1 - EP4. Prezado Aluno,

CEDERJ MÉTODOS DETERMINÍSTICOS 1 - EP4. Prezado Aluno, CEDERJ MÉTODOS DETERMINÍSTICOS 1 - EP4 Prezado Aluno, Neste EP daremos sequência ao nosso estudo da linguagem da lógica matemática. Aqui veremos o conectivo que causa mais dificuldades para os alunos e

Leia mais

Análise e Resolução da prova de Agente de Polícia Federal Disciplina: Raciocínio Lógico Professor: Custódio Nascimento

Análise e Resolução da prova de Agente de Polícia Federal Disciplina: Raciocínio Lógico Professor: Custódio Nascimento Análise e Resolução da prova de Agente de Polícia Federal Disciplina: Professor: Custódio Nascimento 1- Análise da prova Análise e Resolução da prova de Agente / PF Neste artigo, farei a análise das questões

Leia mais

MATEMÁTICA E RACIOCÍNIO LÓGICO

MATEMÁTICA E RACIOCÍNIO LÓGICO SENTENÇAS OU PROPOSIÇÕES MODIICADORES São os elementos que expressam uma idéia, mesmo que absurda. Estudaremos apenas as proposições declarativas, que podem ser classificadas ou só como verdadeiras (),

Leia mais

Aula 00 Curso: Raciocínio Lógico Professores: Custódio Nascimento e Fábio Amorim

Aula 00 Curso: Raciocínio Lógico Professores: Custódio Nascimento e Fábio Amorim Aula 00 Curso: Raciocínio Lógico Professores: Custódio Nascimento e Fábio Amorim APRESENTAÇÃO Futuros Policiais Federais, Bem vindos ao curso on-line preparatório para o cargo de Agente de Polícia Federal.

Leia mais

Prova de Agente de Polícia Federal 2012 (CESPE) Solução e Comentários de Raciocínio Lógico Professor Valdenilson. Caderno de Questões Tipo I

Prova de Agente de Polícia Federal 2012 (CESPE) Solução e Comentários de Raciocínio Lógico Professor Valdenilson. Caderno de Questões Tipo I Prova de Agente de Polícia Federal 01 (CESPE) Solução e Comentários de Raciocínio Lógico Professor Valdenilson Caderno de Questões Tipo I Texto 1. Um jovem, ao ser flagrado no aeroporto portando certa

Leia mais

Vimos que a todo o argumento corresponde uma estrutura. Por exemplo ao argumento. Se a Lua é cúbica, então os humanos voam.

Vimos que a todo o argumento corresponde uma estrutura. Por exemplo ao argumento. Se a Lua é cúbica, então os humanos voam. Matemática Discreta ESTiG\IPB 2012/13 Cap1 Lógica pg 10 Lógica formal (continuação) Vamos a partir de agora falar de lógica formal, em particular da Lógica Proposicional e da Lógica de Predicados. Todos

Leia mais

QUESTÕES REVISÃO DE VÉSPERA FUNAI

QUESTÕES REVISÃO DE VÉSPERA FUNAI QUESTÕES REVISÃO DE VÉSPERA FUNAI RACIOCÍNIO LÓGICO Prof. Josimar Padilha EDITAL: RACIOCÍNIO LÓGICO E QUANTITATIVO: 1. Lógica e raciocínio lógico: problemas envolvendo lógica e raciocínio lógico. 2. Proposições:

Leia mais

AULÃO INSS RACIOCÍNIO LÓGICO Prof. Ronilton Loyola Equivalências Notáveis 1. Contrapositiva da Condicional: (P Q) ( Q P) Ex.: Se faz sol, então vou à praia é equivalente a Se não vou à praia, então não

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO. NÍVEL DE ENSINO: Graduação CARGA HORÁRIA: 80h PROFESSOR-AUTOR: Márcia Maria Guimarães Onaldo Chaves APRESENTAÇÃO

RACIOCÍNIO LÓGICO. NÍVEL DE ENSINO: Graduação CARGA HORÁRIA: 80h PROFESSOR-AUTOR: Márcia Maria Guimarães Onaldo Chaves APRESENTAÇÃO NÍVEL DE ENSINO: Graduação CARGA HORÁRIA: 80h PROFESSOR-AUTOR: Márcia Maria Guimarães Onaldo Chaves RACIOCÍNIO LÓGICO APRESENTAÇÃO Raciocínio Lógico é uma das disciplinas mais fascinantes para aqueles

Leia mais

Prova Resolvida Raciocínio Lógico Quantitativo e Estatística (ANAC/2016) Prof. Guilherme Neves

Prova Resolvida Raciocínio Lógico Quantitativo e Estatística (ANAC/2016) Prof. Guilherme Neves Prova Resolvida Raciocínio Lógico Quantitativo e Estatística (ANAC/2016) 31- (ANAC 2016/ESAF) A negação da proposição se choveu, então o voo vai atrasar pode ser logicamente descrita por a) não choveu

Leia mais

SIMULADO. 05) Atribuindo-se todos os possíveis valores lógicos V ou F às proposições A e B, a proposição [( A) B] A terá três valores lógicos F.

SIMULADO. 05) Atribuindo-se todos os possíveis valores lógicos V ou F às proposições A e B, a proposição [( A) B] A terá três valores lógicos F. 01) Considere as seguintes roosições: P: Está quente e Q: Está chovendo. Então a roosição R: Se está quente e não está chovendo, então está quente ode ser escrita na forma simbólica P..( Q) P, em que P..(

Leia mais

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico da DPU (Nível Médio) de 2016, aplicada em 24/01/2016.

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico da DPU (Nível Médio) de 2016, aplicada em 24/01/2016. Resolução da Prova de Raciocínio Lógico da DPU (Nível Médio) de 2016, aplicada em 24/01/2016. Em uma festa com 15 convidados, foram servidos 30 bombons: 10 de morango, 10 de cereja e 10 de pistache. Ao

Leia mais

Lóg L ica M ca at M em e ática PROF.. J EAN 1

Lóg L ica M ca at M em e ática PROF.. J EAN 1 Lógica Matemática PRO. JEAN 1 LÓGICA MATEMÁTICA - CONTEÚDO Definição de Termo e Proposição alor Lógico Proposição Simples e Proposição Composta Conectivos Tabela-erdade 2 LÓGICA MATEMÁTICA INTRODUÇÃO ao

Leia mais

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS TADS 2008/1 1º PERÍODO MP1 1º ETAPA 11/07/2008 MATEMÁTICA PARA COMPUTAÇÃO 2008/1

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS TADS 2008/1 1º PERÍODO MP1 1º ETAPA 11/07/2008 MATEMÁTICA PARA COMPUTAÇÃO 2008/1 FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS TADS 2008/1 1º PERÍODO MP1 1º ETAPA 11/07/2008 MATEMÁTICA PARA COMPUTAÇÃO 2008/1 Dados de identificação do Aluno: Nome: Login: Cidade: CA: Data da Prova: / / ORIENTAÇÃO

Leia mais

Raciocínio lógico matemático

Raciocínio lógico matemático Raciocínio lógico matemático Unidade 2: Introdução à lógica Seção 2.1: O que é a lógica? 1 Lógica Parte da filosofia que trata das formas do pensamento em geral e das operações intelectuais que visam determinar

Leia mais

Concurso Público Conteúdo

Concurso Público Conteúdo Concurso Público 2016 Conteúdo Estrutura lógica de relações arbitrárias entre pessoas, lugares, objetos ou eventos fictícios; deduzir novas informações das relações fornecidas e avaliar as condições usadas

Leia mais

Resumo de Filosofia. Preposição frase declarativa com um certo valor de verdade

Resumo de Filosofia. Preposição frase declarativa com um certo valor de verdade Resumo de Filosofia Capítulo I Argumentação e Lógica Formal Validade e Verdade O que é um argumento? Um argumento é um conjunto de proposições em que se pretende justificar ou defender uma delas, a conclusão,

Leia mais

Noções de Lógica. Proposições Frases para as quais se pode atribuir o valor verdadeiro ou falso. Exs: 1) Quatro vezes três é igual a 12.

Noções de Lógica. Proposições Frases para as quais se pode atribuir o valor verdadeiro ou falso. Exs: 1) Quatro vezes três é igual a 12. Noções de Lógica Proposições Frases para as quais se pode atribuir o valor verdadeiro ou falso. Exs: 1) Quatro vezes três é igual a 12. 2) Florianópolis é capital de SC. 3) O Brasil faz fronteira com a

Leia mais

Expressões e enunciados

Expressões e enunciados Lógica para Ciência da Computação I Lógica Matemática Texto 2 Expressões e enunciados Sumário 1 Expressões e enunciados 2 1.1 Observações................................ 2 1.2 Exercício resolvido............................

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO. Jairo Teixeira. 1ª Ed. Revista e atualizada. Para Concurso Técnico e Analista

RACIOCÍNIO LÓGICO. Jairo Teixeira. 1ª Ed. Revista e atualizada. Para Concurso Técnico e Analista Revista e atualizada 1ª Ed RACIOCÍNIO LÓGICO Para Concurso Técnico e Analista Jairo Teixeira Teoria Resumo ao final do capítulo Questões Gabaritadas INSTRUÇÕES NAVEGAÇÃO: Toque para acessar as miniaturas

Leia mais

MARATONA INSS. Prof. Josimar Padilha

MARATONA INSS. Prof. Josimar Padilha MARATONA INSS Prof. Josimar Padilha Mariana é uma estudante que tem grande apreço pela matemática, apesar de achar essa uma área muito difícil. Sempre que tem tempo suficiente para estudar, Mariana é aprovada

Leia mais

CCAE. Lógica Aplicada a Computação - Cálculo Proposicional - Parte I. UFPB - Campus IV - Litoral Norte. Centro de Ciências Aplicadas e Educação

CCAE. Lógica Aplicada a Computação - Cálculo Proposicional - Parte I. UFPB - Campus IV - Litoral Norte. Centro de Ciências Aplicadas e Educação CCAE Centro de Ciências Aplicadas e Educação UFPB - Campus IV - Litoral Norte Lógica Aplicada a Computação - Cálculo Proposicional - Parte I Estes slides foram criados pelo Professor Alexandre Duarte Para

Leia mais

Apostilas OBJETIVA Ano X - Concurso Público Conteúdo

Apostilas OBJETIVA Ano X - Concurso Público Conteúdo Conteúdo Introdução Estruturas lógicas. 2 Lógica de argumentação: analogias, inferências, deduções e conclusões. 3 Lógica sentencial (ou proposicional). 3.1 Proposições simples e compostas. 3.2 Tabelas-verdade.

Leia mais

Aula 2: Linguagem Proposicional

Aula 2: Linguagem Proposicional Lógica para Computação Primeiro Semestre, 2015 Aula 2: Linguagem Proposicional DAINF-UTFPR Prof. Ricardo Dutra da Silva Linguagens naturais, como o nosso Português, podem expressar ideias ambíguas ou imprecisas.

Leia mais

Raciocínio lógico matemático

Raciocínio lógico matemático Raciocínio lógico matemático Unidade 2: Introdução à lógica Seção 2.3 Equivalências, contradições e tautologias 1 Proposições compostas Composta de duas ou mais proposições simples Tanto a primeira como

Leia mais

Questões de raciocínio lógico Aula 2

Questões de raciocínio lógico Aula 2 Questões de raciocínio lógico Aula 2 Tópicos abordados: Lógica da argumentação Diagramas lógicos Emerson Marcos Furtado* 1. (ESAF-adap.) Pedro toca piano se e somente se Vítor toca violino. Ora, Vítor

Leia mais

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico do MPOG/ENAP de 2015, aplicada em 30/08/2015.

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico do MPOG/ENAP de 2015, aplicada em 30/08/2015. de Raciocínio Lógico do MPOG/ENAP de 2015, aplicada em 30/08/2015. Considerando a proposição P: Se João se esforçar o bastante, então João conseguirá o que desejar, julgue os itens a seguir. 43 A proposição

Leia mais

Raciocínio Lógico Matemático

Raciocínio Lógico Matemático Raciocínio Lógico Matemático Cap. 5 - Equivalência Lógica Equivalência Lógica Caro aluno, no último capítulo estudamos as implicações lógicas e foi enfatizado que o ponto fundamental da implicação lógica

Leia mais

ANÁLISE MATEMÁTICA I. Curso: EB

ANÁLISE MATEMÁTICA I. Curso: EB ANÁLISE MATEMÁTICA I (com Laboratórios) Curso: EB Lógica - Resumo Ana Matos DMAT Noções básicas de Lógica Consideremos uma linguagem, com certos símbolos. Chamamos expressão a qualquer sequência de símbolos.

Leia mais

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico da Agente Penitenciário/MA, aplicada em 24/04/2016.

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico da Agente Penitenciário/MA, aplicada em 24/04/2016. de Raciocínio Lógico da gente Penitenciário/M, aplicada em 24/04/206. - sentença Se Maria é médica, então Silvio é engenheiro. é logicamente equivalente a () se Maria é médica, então Silvio é engenheiro.

Leia mais

TEM ALTERNATIVA CORRETA!!!! CERTAMENTE A BANCA EXAMINADORA DARÁ COMO RESPOSTA CERTA LETRA (E). SERIA A MENOS ERRADA POR ELIMINAÇÃO.

TEM ALTERNATIVA CORRETA!!!! CERTAMENTE A BANCA EXAMINADORA DARÁ COMO RESPOSTA CERTA LETRA (E). SERIA A MENOS ERRADA POR ELIMINAÇÃO. Prezados concursandos!!! Muita paz e saúde para todos!!! Passemos aos comentários da prova de Raciocínio Lógico Quantitativo propostas pela CESGRANRIO no último concurso para o IBGE, no dia 10/01/010.

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO SEMANA 04

RACIOCÍNIO LÓGICO SEMANA 04 1) (FCC/TRT-PR) Considere a seguinte proposição: Na eleição para a prefeitura, o candidato A será eleito ou não será eleito. Do ponto de vista lógico, a afirmação da proposição caracteriza: (A) um silogismo;

Leia mais

PROFESSOR : ALEXANDRE PORTELA MATÉRIA: RACIOCÍNIO LÓGICO ASSUNTO: LÓGICA QUALITATIVA

PROFESSOR : ALEXANDRE PORTELA MATÉRIA: RACIOCÍNIO LÓGICO ASSUNTO: LÓGICA QUALITATIVA PROFESSOR : ALEXANDRE PORTELA MATÉRIA: RACIOCÍNIO LÓGICO ASSUNTO: LÓGICA QUALITATIVA 1)RELAÇÃO ENTRE PESSOAS,LUGARES,OBJETOS E EVENTOS: - Nesse tipo de associação vamos correlacionar pessoas aos seus lugares,

Leia mais

Gabarito 1 Gabarito 2 Gabarito 3 Gabarito B B B B PARECER

Gabarito 1 Gabarito 2 Gabarito 3 Gabarito B B B B PARECER 1 1 41 31 B B B B A negação correta da proposição Se Paulo trabalha oito horas por dia, então ele é servidor público é Se Paulo não trabalha oito horas por dia, então ele não é servidor público. A questão

Leia mais

Prof. Guilherme Neves 1

Prof. Guilherme Neves 1 Aula 00 Física Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Apresentação Olá, pessoal! Saiu o edital da Polícia Civil do Distrito Federal. A banca organizadora será o IADES. São 20 vagas e

Leia mais

Parte II. votos D 34 A 66 P 63. D e A 17. D e P 22. A e P 50. D,A e P 10. Sem problemas

Parte II. votos D 34 A 66 P 63. D e A 17. D e P 22. A e P 50. D,A e P 10. Sem problemas Parte II 1) Numa pesquisa feita com todos os moradores de um prédio, constatou-se que mais de 45% são homens e que mais de 60% pintam o cabelo. Explique por que se pode concluir que, nesse prédio, há homens

Leia mais

Proposições e argumentos. Proposições tem de ter as seguintes características:

Proposições e argumentos. Proposições tem de ter as seguintes características: Ser uma frase declarativa (afirmativa ou negativa) Ter sentido Proposições e argumentos Proposições tem de ter as seguintes características: Ter um valor de verdade( ser verdadeira ou falsa) possível determinável

Leia mais

Lógica e Raciocínio. Lógica Proposicional. Universidade da Madeira.

Lógica e Raciocínio. Lógica Proposicional. Universidade da Madeira. Lógica e Raciocínio Universidade da Madeira http://dme.uma.pt/edu/ler/ Lógica Proposicional 1 Proposição Uma rase é uma proposição apenas quando admite um dos dois valores lógicos: Falso (F) ou Verdadeiro

Leia mais

LÓGICA PROPOSICIONAL

LÓGICA PROPOSICIONAL FACULDADE PITÁGORAS Curso Superior em Tecnologia Redes de Computadores e Banco de dados Matemática Computacional Prof. Ulisses Cotta Cavalca LÓGICA PROPOSICIONAL Belo Horizonte/MG

Leia mais

Introdução ao Raciocínio Lógico

Introdução ao Raciocínio Lógico Introdução ao Raciocínio Lógico 1. PROPOSIÇÃO Denomina-se proposição a toda frase declarativa, expressa em palavras ou símbolos, que exprima um juízo ao qual se possa atribuir, dentro de certo contexto,

Leia mais

Aula 00 Aula Demonstrativa

Aula 00 Aula Demonstrativa Aula 00 Aula Demonstrativa Juros... 4 Formas de Representação da Taxa de Juros... 5 Elementos da Operação de Juros... 6 Regimes de Capitalização... 7 Capitalização Simples... 8 Capitalização Composta...

Leia mais

VERDADES E MENTIRAS. Quem está mentindo e quem está dizendo a verdade. Quantas pessoas estão mentindo e quantas estão dizendo a verdade

VERDADES E MENTIRAS. Quem está mentindo e quem está dizendo a verdade. Quantas pessoas estão mentindo e quantas estão dizendo a verdade VERDADES E MENTIRAS Chamamos de a um tipo específico de questão, cujo enunciado nos apresenta uma situação qualquer, envolvendo normalmente alguns personagens, que irão declarar algo. O ponto principal

Leia mais

CESPE UnB PROVA DE LÓGICA POLÍCIA FEDERAL DE 21 DE DEZEMBRO DE 2014 Prof Pacher ENUNCIADO PRINCIPAL QUESTÃO 57. Solução

CESPE UnB PROVA DE LÓGICA POLÍCIA FEDERAL DE 21 DE DEZEMBRO DE 2014 Prof Pacher ENUNCIADO PRINCIPAL QUESTÃO 57. Solução CESPE UnB PROVA DE LÓGICA POLÍCIA FEDERAL DE 21 DE DEZEMBRO DE 2014 Prof Pacher ENUNCIADO PRINCIPAL QUESTÃO 57 Partindo da hipótese que João pediu peixe, coloque um V na tabela para atender a informação

Leia mais

Agora, observem o que indica o item 12.8 do edital do concurso do MPU a respeito do uso de lápis, lapiseira e afins:

Agora, observem o que indica o item 12.8 do edital do concurso do MPU a respeito do uso de lápis, lapiseira e afins: Olá pessoal! Tudo bem com vocês?! Bem, como sabemos o CESPE/UnB tem organizado diversos concursos importantes pelo país e o que ganhou maior destaque nos últimos meses foi o do MPU, concordam? Com a finalidade

Leia mais

ESTRUTURAS LÓGICAS CARREIRAS FISCAIS / 2015

ESTRUTURAS LÓGICAS CARREIRAS FISCAIS / 2015 ESTRUTURAS LÓGICAS 1.1) CONCEITO DE PROPOSIÇÃO É todo conjunto de palavras ou símbolos que exprimem uma ideia de sentido completo e que, além disso, pode ser julgado como verdadeiro () ou falso (). Exemplos:

Leia mais

LÓGICA - 2. ~ q. Argumentos Regras de inferência. Proposições: 1) Recíproca 2) Contrária 3) Contra positiva. 1) Proposição recíproca de p q :

LÓGICA - 2. ~ q. Argumentos Regras de inferência. Proposições: 1) Recíproca 2) Contrária 3) Contra positiva. 1) Proposição recíproca de p q : LÓGICA - 2 Proposições: 1) Recíproca 2) Contrária 3) Contra positiva 1) Proposição recíproca de p q : q p 2) Proposição contrária de p q : ~ p 3) Proposição contra positiva de p q : ~ p ex. Determinar:

Leia mais

RL Edição Fevereiro 2014

RL Edição Fevereiro 2014 RL Edição Fevereiro 2014 01. Sejam dados dois conjuntos não vazios, A, B, e sejam A e B seus respectivos conjuntos complementares no conjunto Universo considerado. Se um elemento x é tal que x A B, então

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ÍNDICE INSS - RLM...2 Proposições Conceitos Iniciais...2 1 Proposições Conceitos Iniciais Conceito: AlfaCon Concursos Públicos INSS - RLM _ Características: _ Valores: _ Princípios

Leia mais

Inteligência Artificial IA II. LÓGICA DE PREDICADOS PARA REPRESENTAÇÃO DO CONHECIMENTO

Inteligência Artificial IA II. LÓGICA DE PREDICADOS PARA REPRESENTAÇÃO DO CONHECIMENTO Inteligência Artificial IA Prof. João Luís Garcia Rosa II. LÓGICA DE PREDICADOS PARA REPRESENTAÇÃO DO CONHECIMENTO 2004 Representação do conhecimento Para representar o conhecimento do mundo que um sistema

Leia mais

Sistemas Computacionais e Lógica

Sistemas Computacionais e Lógica FTC Faculdade de Tecnologia e Ciências Engenharia Civil 1º Semestre Sistemas Computacionais e Lógica Rafael Barbosa Neiva rafael@prodados.inf.br Sistema de numeração binário Linguagem composta por dois

Leia mais

QUESTÕES DE CONCURSOS FRAÇÕES E PORCENTAGEM

QUESTÕES DE CONCURSOS FRAÇÕES E PORCENTAGEM Página 1 QUESTÕES DE CONCURSOS FRAÇÕES E PORCENTAGEM 12. (AOCP) João gastou um quarto de sua vida do seu nascimento até completar seus estudos. Em seguida, gastou 7/12 de sua vida trabalhando e viveu seus

Leia mais

Matemática para controle:

Matemática para controle: Matemática para controle: Introdução à Lógica Amit Bhaya, Programa de Engenharia Elétrica COPPE/UFRJ Universidade Federal do Rio de Janeiro amit@nacad.ufrj.br http://www.nacad.ufrj.br/ amit Introdução

Leia mais

ACADEMIA DO CONCURSO

ACADEMIA DO CONCURSO ACADEMIA DO CONCURSO Aulão de Lógica - 2015 Prof. Quilelli ( TCU Auditor Federal - CESPE ) As cidades Alfa e Beta estão com suas contas de obras sob análise. Sabe-se que algumas dessas obras são de responsabilidade

Leia mais

Noções básicas de Lógica

Noções básicas de Lógica Noções básicas de Lógica Consideremos uma linguagem, com certos símbolos. Chamamos expressão a uma sequências de símbolos. Uma expressão pode ser uma expressão com significado expressão sem significado

Leia mais

Matéria: Matemática Assunto: Porcentagem Prof. Dudan

Matéria: Matemática Assunto: Porcentagem Prof. Dudan Matéria: Matemática Assunto: Porcentagem Prof. Dudan Matemática Porcentagem DEFINIÇÃO: A percentagem ou porcentagem (do latim per centum, significando por cento, a cada centena ) é uma medida de razão

Leia mais

Aula de Raciocínio Lógico em Exercícios Questões MP/RJ Professora: Karine Waldrich

Aula de Raciocínio Lógico em Exercícios Questões MP/RJ Professora: Karine Waldrich Aula de Raciocínio Lógico em Exercícios Questões MP/RJ Professora: Karine Waldrich Boa noite! Hoje continuamos nosso estudo das provas da FGV do último fim de semana... Desta vez com a prova de analista.

Leia mais

. Um termo ou designação é uma expressão que nomeia ou designa um ente.. Uma proposição é toda a expressão p susceptível de ser verdadeira ou falsa.

. Um termo ou designação é uma expressão que nomeia ou designa um ente.. Uma proposição é toda a expressão p susceptível de ser verdadeira ou falsa. Tema 1 Lógica e Teoria dos Conjuntos 1. Proposições e valores lógicos. Um termo ou designação é uma expressão que nomeia ou designa um ente.. Uma proposição é toda a expressão p susceptível de ser verdadeira

Leia mais

Resolução da Questão 1 Texto Definitivo

Resolução da Questão 1 Texto Definitivo Questão Redija um texto acerca da passagem musical acima, em que sejam indicados, necessariamente, os seguintes elementos: a tonalidade do trecho musical (justifique); a escala utilizada; os intervalos

Leia mais

Álgebra das Proposições. Prof. Guilherme Tomaschewski Netto

Álgebra das Proposições. Prof. Guilherme Tomaschewski Netto Álgebra das Proposições Prof. Guilherme Tomaschewski Netto guilherme.netto@gmail.com Roteiro! Lógica Matemática clássica! Proposições! alores lógicos! Conectivos! Fórmulas Lógicas! Exemplos de aplicações

Leia mais

Interpretações, cap. 8 de Introdução à Lógica (Mortari 2001) Luiz Arthur Pagani

Interpretações, cap. 8 de Introdução à Lógica (Mortari 2001) Luiz Arthur Pagani Interpretações, cap. 8 de Introdução à Lógica (Mortari 2001) Luiz Arthur Pagani 1 1 Signicado e verdade condições para verdadeiro ou falso: Como um argumento é (intuitivamente) válido se não é possível

Leia mais

Exercícios e Respostas Lógica Matemática Prof. Jacson Rodrigues

Exercícios e Respostas Lógica Matemática Prof. Jacson Rodrigues Exercícios e Respostas Lógica Matemática Prof. Jacson Rodrigues As respostas encontram-se em itálico. 1. Quais das frases a seguir são sentenças? a. A lua é feita de queijo verde. erdadeira, pois é uma

Leia mais

Silogismos Categóricos e Hipotéticos

Silogismos Categóricos e Hipotéticos Silogismos Categóricos e Hipotéticos Resumo elaborado por Francisco Cubal Apenas para publicação em Resumos.tk Primeiros objectivos a alcançar: Reconhecer os quatro tipos de proposições categóricas. Enunciar

Leia mais

Matemática Financeira, Raciocínio Lógico E Matemática

Matemática Financeira, Raciocínio Lógico E Matemática Matemática Financeira, Raciocínio Lógico E Matemática CAIXA ECONÔMICA FEDERAL (CAIXA) CESPE www.thiagopacifico.com.br Página thiagopacifico Thiago Pacífico III Matemática Fácil com Thiago PROVA COMENTADA

Leia mais

SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA MATEMÁTICA - ENSINO MÉDIO

SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA MATEMÁTICA - ENSINO MÉDIO SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA MATEMÁTICA - ENSINO MÉDIO Título do Podcast Área Segmento Duração Progressão Aritmética Matemática Ensino médio 5min03seg Habilidades: H15. Relacionar padrões e regularidades

Leia mais

Aula 00 Aula Demonstrativa

Aula 00 Aula Demonstrativa Aula 00 Aula Demonstrativa Apresentação... Progressão Aritmética... 3 Cálculo da razão... 3 Termo Geral... 4 Soma dos Termos... 6 Exercícios... 7 Questões IDECAN... 17 Relação das questões comentadas...

Leia mais

Vamos lá, meus queridos?...mãos à obra! AULA 00: Proposições e Conectivos Lógicos

Vamos lá, meus queridos?...mãos à obra! AULA 00: Proposições e Conectivos Lógicos Meu nome é Carlos Eduardo, sou professor de Matemática, Estatística, Raciocínio Lógico e Física nos principais cursos preparatórios do Rio de Janeiro. Também sou autor do livro RACIOCÍNIO LÓGICO PARA CONCURSOS

Leia mais

Raciocínio Lógico para o INSS Resolução de questões Prof. Adeilson de Melo Revisão 3 Lógica das Proposições

Raciocínio Lógico para o INSS Resolução de questões Prof. Adeilson de Melo Revisão 3 Lógica das Proposições Professor Adeilson de Melo www.profranciscojunior.com.br p. 1 de 7 Olá galera! Estou de volta! Agora iniciaremos o estudo de lógica das proposições. Esse assunto é muito importante para seu concurso. Pois,

Leia mais

OPENOFFICE PLANILHA SEMANA 3

OPENOFFICE PLANILHA SEMANA 3 OPENOFFICE PLANILHA SEMANA 3 Sumário Aula 1...3 Ordenação ou Classificação de Dados...3 Definir e Criar Nomes...4 Regras para os Nomes...4 Definir Nome...4 Excluir Nome...5 Aula 2...6 Teste Condicional...6

Leia mais

C U R S O D E R A C I O C Í N I O L Ó G I C O E M A T E M Á T I C O P A R A O I N S S

C U R S O D E R A C I O C Í N I O L Ó G I C O E M A T E M Á T I C O P A R A O I N S S C U R S O D E R A C I O C Í N I O L Ó G I C O E M A T E M Á T I C O P A R A O I N S S www.profranciscojunior.com.br p. 1 de 80 S U M Á R I O 1. APRESENTAÇÃO... 2 2. INTRODUÇÃO... 5 3. PROPOSIÇÕES... 7

Leia mais

Bem pessoal! Continuaremos resolvendo questões de Raciocínio Lógico. No próximo encontro retornaremos ao Sistema de Amortização Francês (SAF).

Bem pessoal! Continuaremos resolvendo questões de Raciocínio Lógico. No próximo encontro retornaremos ao Sistema de Amortização Francês (SAF). A vontade de se preparar tem que ser maior do que a vontade de vencer. Vencer será conseqüência da boa preparação Bernardinho - Volei Bem pessoal! Continuaremos resolvendo questões de Raciocínio Lógico.

Leia mais

Lógica dos Conectivos: demonstrações indiretas

Lógica dos Conectivos: demonstrações indiretas Lógica dos Conectivos: demonstrações indiretas Renata de Freitas e Petrucio Viana IME, UFF 18 de junho de 2015 Sumário Olhe para as premissas Olhe para a conclusão Estratégias indiretas Principais exemplos

Leia mais

VERDADE E VALIDADE, PROPOSIÇÃO E ARGUMENTO

VERDADE E VALIDADE, PROPOSIÇÃO E ARGUMENTO ENADE 2005 e 2008 1 O que B. Russell afirma da matemática, em Misticismo e Lógica: "uma disciplina na qual não sabemos do que falamos, nem se o que dizemos é verdade", seria particularmente aplicável à

Leia mais

Para provar uma implicação se p, então q, é suficiente fazer o seguinte:

Para provar uma implicação se p, então q, é suficiente fazer o seguinte: Prova de Implicações Uma implicação é verdadeira quando a verdade do seu antecedente acarreta a verdade do seu consequente. Ex.: Considere a implicação: Se chove, então a rua está molhada. Observe que

Leia mais