CAPÍTULO 1.0 PADRÃO UNIMED CUIABÁ DE AUTORIZAÇÃO EMULADOR BIOMETRIA 5 CAPÍTULO COMO INICIAR O EMULADOR 5 CAPÍTULO 3.0 AUTORIZAÇÃO DE CONSULTA 8

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CAPÍTULO 1.0 PADRÃO UNIMED CUIABÁ DE AUTORIZAÇÃO EMULADOR BIOMETRIA 5 CAPÍTULO 2.0 - COMO INICIAR O EMULADOR 5 CAPÍTULO 3.0 AUTORIZAÇÃO DE CONSULTA 8"

Transcrição

1 1

2 2

3 SUMÁRIO CAPÍTULO 1.0 PADRÃO UNIMED CUIABÁ DE AUTORIZAÇÃO EMULADOR BIOMETRIA 5 CAPÍTULO COMO INICIAR O EMULADOR 5 CAPÍTULO 3.0 AUTORIZAÇÃO DE CONSULTA 8 CAPÍTULO 4.0 REIMPRIMINDO O EXTRATO DA GUIA 11 CAPÍTULO COMPLEMENTANDO A GUIA DE CONSULTA 12 CAPÍTULO FAZENDO COMPLEMENTO VIA EMULADOR 12 CAPÍTULO CANCELANDO DA GUIA DE CONSULTA 14 CAPÍTULO 7.0 INFORMAÇÕES DOS SISTEMAS EMULADOR/RES 14 CAPÍTULO 7.0 INFORMAÇÕES DOS SISTEMAS EMULADOR/RES 15 CAPÍTULO COMO É FEITO O ACESSO AO RES 16 CAPÍTULO 8.1 COMPLEMENTADO GUIA DE CONSULTA VIA RES 19 CAPÍTULO 8.2 SOLICITANDO PEDIDO DE PRÉ-AUTORIZAÇÃO 22 CAPÍTULO 8.3 EXECUTANDO A PRÉ-AUTORIZAÇÃO 25 CAPÍTULO 9.0 CADASTRANDO POOL DE EXAMES 29 CAPÍTULO 10.0 CRIANDO INDICAÇÃO CLÍNICA 33 CAPÍTULO 11.0 CONSIDERAÇÕES IMPORTANTES 34 CALENDARIO PRODUÇÃO SENHA SECRETÁRIA 38 COMO CADASTRAR A SENHA 38 3

4 CAMINHO PARA ACESSO: 38 TELAS PASSO A PASSO: 39 ENTREGAS OBRIGATÓRIAS 44 ESTA DISPENSADA ENTREGA DE GUIAS PARA OS SEGUINTES CASOS: 45 RECURSO DE GLOSAS 45 NOVAS REGRAS PARA RECURSO DE GLOSAS 45 ENDEREÇOS ELETRÔNICOS: 47 SENHA DO CLIENTE 49 REGRAS PARA O CLIENTE UNIMED CUIABÁ 50 O QUE MUDA NA AUTORIZAÇÃO VIA URA? 51 O CLIENTE ESQUECEU OU NÃO POSSUI A SENHA, COMO PROCEDER? 51 DÚVIDAS? 51 FLUXOGRAMAS 52 4

5 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 5/54 Capítulo 1.0 PADRÃO UNIMED CUIABÁ DE AUTORIZAÇÃO EMULADOR BIOMETRIA O Emulador é a ferramenta eletrônica instalada no computador local do prestador, onde as trocas de informações com a Unimed são On-line. O sistema em conjunto com o leitor biométrico facilita e proporciona maior segurança para o cliente e o prestador. Se você não possui a ferramenta, entre em contato com a Unimed Cuiabá para avaliação e instalação. Ligue no telefone (65) Capítulo COMO INICIAR O EMULADOR Na área de trabalho dê um duplo clique no ícone Atalho para Emulador ; Digite a senha do emulador local (figura 1.0); Clique em transmitir; Em seguida o emulador será iniciado (figura 2.0).

6 (figura 1.0) Unimed Cuiabá Cooperativa de Trabalho Médico Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 6/54

7 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 7/54 (figura 2.0) OBSERVAÇÕES: Após aberto o emulador, se os ícones permanecerem inativos, clique no ícone Inicia POS para reiniciar o sistema; Cada computador com o programa de emulador instalado deve possuir senha insólita; Em situações onde não for possível autorizar via emulador, utilizar ferramentas secundárias como, a senha do cliente (manual em anexo).

8 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 8/54 Capítulo 3.0 AUTORIZAÇÃO DE CONSULTA Selecione o ícone Consulta; Clique no ícone Digital (figura 3.0); Identifique o beneficiário pelo código da Unimed ou pelo nome, caso seja por nome será necessário informar a data de nascimento; Solicitar que o cliente posicione o dedo cadastrado para identificação;

9 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 9/54 (figura 3.0) Confirme se os dados importados conferem com os do cliente (figura 4.0); Selecionar o prestador (campo 10); Defina o tipo de atendimento (campo 35); Clicar em transmitir; Aguarde a resposta:

10 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 10/54 (figura 4.0) Em Seguida clique em imprimir ou anote número de autorização:

11 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 11/54 Capítulo 4.0 REIMPRIMINDO O EXTRATO DA GUIA Possibilita a reimpressão do último extrato mostrado na tela Clique no ícone Reimprimir Em seguida clique em imprimir;

12 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 12/54 Capítulo COMPLEMENTANDO A GUIA DE CONSULTA O complemento da guia é a informação de como foi à saída da consulta, se o cliente teve: Alta, Retorno, Retorno SADT, Óbito ou Internação. Também é necessário preencher o Campo Tipo de Consulta: Eletiva ou Urgência e Emergência. Capítulo FAZENDO COMPLEMENTO VIA EMULADOR Selecione o ícone Complemento (figura 6.0); Clique em Complemento Guia Consultas ; Digite o número da guia (campo 2) (enter); Coloque o CID Principal (campo 28) (Opcional); Selecionar o tipo de saída (campo 36); Clique em transmitir. Aguarde Resposta

13 (figura 6.0) Unimed Cuiabá Cooperativa de Trabalho Médico Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 13/54

14 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 14/54 Capítulo CANCELANDO DA GUIA DE CONSULTA Clique em cancelar (figura 7.0); Selecione ícone Cancelar Consultas ; Selecione o prestador; Digite o Código da Autorização ; Clique em Transmitir ; Em seguida será cancelada a guia. (figura 7.0)

15 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 15/54 Capítulo 7.0 INFORMAÇÕES DOS SISTEMAS EMULADOR/RES Após a liberação da consulta, o processo de complementação e as solicitações de exames e/ou procedimentos serão feitos pelo RES (Registro Eletrônico em Saúde). O RES- Registro eletrônico em Saúde é um sistema criado pela Unimed Cuiabá que faz a troca de informações eletrônicas entre o Contratado- Beneficiário- Operadora de saúde e a ANS (Agencia Nacional em Saúde). Este sistema proporciona ao contratado e ao beneficiário vantagens no atendimento, agilidade e segurança neste processo. O RES é um sistema on-line e pode ser acessado em qualquer lugar que possua internet. Sua atualização é instantânea e por ser uma ferramenta da Unimed Cuiabá é flexível para alterações, conforme necessidades, dos usuários, desde que sejam previstas pelas normativas estabelecidas para a TISS. O contratado deve complementar suas consultas pelo sistema, podendo ser feito no prazo máximo 05 dias corridos da autorização. Após este complemento o contratado poderá solicitar para o beneficiário, quando necessário, os pedidos de SP/SADT (exames/procedimentos externos) e internações onde o beneficiário não precisará do documento para realizar estes procedimentos, pois como as informações são on-line e interligadas ao nosso sistema, nossos prestadores terão acesso a estes dados para execução. Em casos de serviços que precisem de auditoria, o processo será encaminhado para a análise o que dispensa a presença do beneficiário na

16 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 16/54 Sede. O mesmo poderá acompanhar a análise pela nossa central de atendimento e o contratado pelo sistema RES. O Registro Eletrônico em Saúde também é utilizado para o lançamento de outras despesas (materiais e medicamentos) e de Honorários Médicos. A ferramenta permite o lançamento dos mesmos e possibilita a impressão das guias no padrão TISS conforme a solicitação da ANS. Capítulo COMO É FEITO O ACESSO AO RES Na área de trabalho clique no ícone Internet Explorer ; No browser digite o link: No controle de acesso informe o Usuário e Senha (figura 9.0); Clique em entrar;

17 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 17/54 (figura 9.0) Em seguida selecione o local de atendimento (figura 10.0); Clique em prosseguir; Aguarde o acesso.

18 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 18/54 (figura 10.0) Abrirá para o contratado uma tela principal, a mesma listará todos os registros de consultas, com os seguintes dados: a) número da guia; b) série; c) nome do beneficiário; d) origem do convênio; e) quantidades de autorizações do beneficiário com aquele contratado; f) ferramenta da autorização da consulta; g) em casos de clientes locais (Unimed Cuiabá) informará o sexo e a idade.

19 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 19/54 Na mesma tela principal, do lado esquerdo no campo verde, o contratado terá acesso a informações gerais e quando estiver com a guia do cliente aberta terá informações direcionadas a este cliente. Capítulo 8.1 COMPLEMENTADO GUIA DE CONSULTA VIA RES Clique em cima do nome do beneficiário, onde não esteja complementada (figura 11.0); (figura 11.0)

20 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 20/54 Em seguida abrirá a guia de consulta (Figura 12.0): (figura 12.0)

21 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 21/54 Com a guia aberta do beneficiário o contratado terá todas as informações no padrão TISS e o mesmo poderá preencher o Campo 28 - Informe o CID Principal, e como obrigatório o Campo 36 onde deverá informar o tipo de saída da consulta. ATENÇÃO: O Contratado só poderá solicitar pedidos de SP/SADT (PRÉ- AUTORIZAÇÕES) após a complementação da guia; Quando a guia de consulta estiver complementada não será possível fazer alterações;

22 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 22/54 Capítulo 8.2 SOLICITANDO PEDIDO DE PRÉ-AUTORIZAÇÃO Do lado esquerdo da guia da consulta oferecerá aos contratantes opções referentes a este cliente. No caso de uma solicitação de um Serviço Profissional/Serviço Auxiliar de Diagnostico e terapia o contratante deverá clicar no item 6 Pedido de SP/SADT, sendo assim, a guia será aberta com os dados do beneficiário e do contratado (figura 13.0);

23 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 23/54

24 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 24/54 (figura 13.0) Após o preenchimento da Guia de SP/SADT e ter clicado em Autoriza, irá gerar o comprovante de Autorização como segue abaixo (figura 14.0) (figura 14.0)

25 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 25/54 Capítulo 8.3 EXECUTANDO A PRÉ-AUTORIZAÇÃO Após o pedido da Pré-Autorização do Contratado, o Beneficiário irá validar o pedido no Emulador para a autorização do(s) exame(s). Clicar em SP/SADT (figura 15.0) Clicar no ícone Digital ; Identifique o beneficiário pelo código da Unimed ou pelo nome, caso seja por nome, será necessário informar a data de nascimento; Irá Informar que o beneficiário possui Pré-Autorização (figura 16.0) (figura 15.0)

26 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 26/54 (figura 16.0) Clicando em OK, irá carregar os procedimentos já pré-autorizados pelo Contratado na guia de SP/SADT (figura 17.0).

27 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 27/54 (figura 17.0) Clique em Transmitir e a guia irá ser autorizada e gerada o extrato de autorização (figura 18.0)

28 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 28/54 (figura 18.0) NOTA O Prestador tem a possibilidade de registrar os procedimentos que serão executados no momento, e poderá excluir temporariamente outros serviços, clicando no ícone X, ao lado da Quantidade do Procedimento, como mostra o exemplo acima (figura 17.0)

29 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 29/54 Capítulo 9.0 CADASTRANDO POOL DE EXAMES No campo 13 - Pool de exames, o contratado tem a opção de criar o grupo de procedimentos que mais utiliza para facilitar sua solicitação. Clique no Campo 13 Pool de exames, e em seguida faça o cadastramento, iniciando com a Descrição e em seguida com a lista de serviços (figura 14.0) Exemplo de Cadastro de Exames No campo descrição digitar o um nome de grupo desejado; Clique em gravar: Em seguida selecione a descrição para inserir o(s) procedimento(s); Digite o código do serviço e informe a quantidade e clique em Gravar ;

30 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 30/54 Passo 1: figura 14.0)

31 Passo 2: Unimed Cuiabá Cooperativa de Trabalho Médico Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 31/54

32 Passo 3: Unimed Cuiabá Cooperativa de Trabalho Médico Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 32/54

33 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 33/54 Passo 4: Capítulo 10.0 CRIANDO INDICAÇÃO CLÍNICA No campo 14 Indicação Clínica, o contratado tem a opção de criar grupos de indicações clinicas que mais utilizam para facilitar sua solicitação.

34 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 34/54 Capítulo 11.0 CONSIDERAÇÕES IMPORTANTES Para 05/2008 todo médico que utilizar a ferramenta RES em consultas, fazendo as complementações obrigatórias e quando necessário préautorizando exames e procedimentos, e a secretária executar biometria na autorização, a Unimed Cuiabá efetuará estes pagamentos no 5º dia útil do mês subseqüente (Consultas (-) Deduções Legais (=) Pagamento Valor Líquido); A partir de 05/2008 toda consulta que for autorizada via CALL

35 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 35/54 CENTER, só será paga se for entregue a guia de consulta na Unimed Cuiabá, com todos os campos obrigatórios devidamente preenchidos e com as assinaturas exigidas (cliente e médico), dentro do prazo do calendário fornecido pela Cooperativa; A partir de 11/2008 torna-se obrigatório aos médicos (pessoa física), conforme normativas da ANS, a troca de informações no formato eletrônico e dentro dos padrões estabelecidos pela TISS; Para Clientes Intercâmbio e de Contratos de Custos Operacional deverão ser entregues os formulários das guias de SP/SADT, em padrão TISS Unimed com o preenchimento dos campos obrigatórios previsto pelas normativas, sendo que reforçamos os seguintes:: a) Campo86 Data e assinatura do Solicitante; b) Campo 88 Data e Assinatura do Cliente; c) Campo 89 Data e Assinatura do Executante.

36 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 36/54 CALENDARIO PRODUÇÃO 2008 JANEIRO 2008 FEVEREIRO 2008 PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA 01 À 11 /01/ /01/08 01 À 08/02/ /02/08 12 À 18/01/ /01/08 09 À 15/02/ /02/08 19 À 25/01/ /02/08 16 À 22/02/ /02/08 26 À 31/01/ /02/08 23 À 29/02/ /03/08 MARÇO 2008 ABRIL 2008 PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA 01 À 07 /03/ /03/08 01 À 04/04/ /04/08 08 À 14/03/ /03/08 05 À 11/04/ /04/08 15 À 21/03/ /03/08 12 À 18/04/ /04/08 22 À 31/03/ /04/08 19 À 30/04/ /05/08 MAIO 2008 JUNHO 2008 PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA 01 À 09 /05/ /05/08 01 À 06/06/ /06/08 10 À 16/05/ /05/08 07 À 13/06/ /06/08 17 À 23/05/ /05/08 14 À 20/06/ /06/08 24 À 31/05/ /06/08 21 À 30/06/ /07/08 JULHO 2008 AGOSTO 2008 PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA 01 À 11/07/ /07/08 01 À 08/08/ /08/08 12 À 18/07/ /07/08 09 À 15/08/ /08/08 19 À 25/07/ /08/08 16 À 22/08/ /08/08 26 À 31/07/ /08/08 23 À 31/08/ /09/08 SETEMBRO 2008 OUTUBRO 2008 PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA 01 À 05/09/ /09/08 01 À 10/10/ /10/08 06 À 12/09/ /09/08 11 À 17/10/ /10/08 13 À 19/09/ /09/08 18 À 24/10/ /10/08 20 À 30/09/ /10/08 25 À 31/10/ /11/08

37 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 37/54 NOVEMBRO 2008 DEZEMBRO 2008 PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA PERÍODO ÚLTIMO DIA PARA ENTREGA 01 À 07/11/ /11/08 01 À 05/12/ /12/08 08 À 14/11/ /11/08 06 À 12/12/ /12/08 15 À 21/11/ /11/08 13 À 19/12/ /12/08 22 À 30/11/ /12/08 20 À 31/12/ /01/09 OBS: As guias OBRIGATORIAMENTE deverão ser entregues acompanhadas das informações em Meio Eletrônico XML (separada por lote) ou RES e Protocolo de Entrega retirado na WEB (www.unimedcuiaba.com.br) Documentação (formulários) de acordo com o padrão TISS Campos obrigatórios TISS (em cor branca) devidamente preenchidos As guias que contêm arquivo XML deverão ser entregues acompanhadas do protocolo dos lotes gerados (nos casos onde há impossibilidade do envio do arquivo juntamente com as guias será prorrogado como prazo limite para o envio até 2º dia útil após entrega das guias. Após este prazo deverão ser lançadas somente na produção subseqüente). A partir da produção 01/2008 fica dispensado o envio das guias de consultas, permanecendo somente a entrega das consultas provenientes de Medicina do Trabalho (NMT) empresa 3000 à 3999 (Ex: ). Para atendimentos provenientes de tratamento seriado (PPP, PPO, fisioterapia, fonoaudiologia, psicologia etc) será considerado para verificação do calendário de entrega a última data da realização do serviço. As guias devolvidas para regularização, deverão ser reapresentadas obedecendo às datas definida no carimbo de devolução, bem como o pagamento deverá ser realizado sempre na produção subseqüente. Para que possamos receber e processar as produções com sucesso é imprescindível que os prazos e normas estabelecidos sejam cumpridos. Em caso de dúvidas entrar em contato com a Recepção de Guias através do fone (65) e

38 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 38/54 SENHA SECRETÁRIA Permite acessar a página da UNIMED Cuiabá para utilizar os seguintes serviços: 1-Protocolo de entrega de guias 2-Relatório de glosa (disponível a partir produção de abril/2008) 3-Recurso de glosa COMO CADASTRAR A SENHA Gestão de Contas - Recepção de guias (Ramais: 3139, 3325) Gestão de Contas RES (Ramais: 3337, 3349 e 3328) CAMINHO PARA ACESSO: Para acessar o Protocolo da Web é necessário: Digitar o endereço da página da Unimed Cuiabá Clicar em Área Restrita Digitar código e senha (Exemplo sec9999) Clicar em prestador Clicar na opção desejada (Acompanhar produção-protocolo) Obs: Protocolo estará disponível em 03 formatos (Custo, Intercâmbio e prépagamento) sendo necessário anexar as guias de acordo com cada protocolo e quando o item ENTREGA estiver assinalado com um SIM. Exemplo: Guias de Custo anexadas no protocolo de Custo, organizadas de acordo com a seqüência escolhida do protocolo.

39 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 39/54 TELAS PASSO A PASSO: ACESSO ÁREA RESTRITA:

40 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 40/54

41 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 41/54

42 PROTOCOLO: Unimed Cuiabá Cooperativa de Trabalho Médico Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 42/54

43 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 43/54

44 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 44/54 ENTREGAS OBRIGATÓRIAS SADT de clientes locais (pré-pagamento) mesmo pré-autorizadas que forem autorizadas pela URA_Senha ou Call Center ; SADT de Cliente Intercâmbio (contratos com início diferente de 056.); SADT Contratos de Custo Operacional: a) 2350 b) 2477 c) 7740 CONSULTAS de clientes locais (pré-pagamento) com autorização pelo Call Center a partir de 05/2008;

45 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 45/54 Atendimentos que possuem lançamentos de da guia de outras despesas (Pacotes, Taxas, Materiais e Medicamentos) ESTA DISPENSADA ENTREGA DE GUIAS PARA OS SEGUINTES CASOS: Cliente Local (pré-pagamento) autorizações via; Com pré-autorização (RES) e Autorização pela (Biometria) Guia complementada (RES e ou Emulador) Não possua lançamentos de outras despesas (pacotes, taxas e materiais/medicamentos) OBSERVAÇÃO: Complementação da guia é fator determinante para PAGAMENTO. RECURSO DE GLOSAS Para acessar o Recurso de Glosa na Web é necessário acessar a página da Unimed Cuiabá Clicar em Área Restrita Digitar código e senha Clicar em prestador Clicar na opção 100% ON_LINE NOVAS REGRAS PARA RECURSO DE GLOSAS Prazo de até 15 dias após pagamento da produção

46 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 46/54

47 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 47/54 PROTOCOLO DE RECURSO DE GLOSA * Após o preenchimento do furmulário, envaminhar para o , PRESTADOR: CODIGO : DATA DA ENTREGA: Cuiabá SÉRIE SENHA NOME CODIGO PROCEDIMENTO DATA DE REALIZAÇÃO VALOR OBS ENDEREÇOS ELETRÔNICOS: CHAT Para tirar dúvidas e maiores informações, bem como sugestões a Unimed estará disponibilizando um Chat (on-line) conforme endereço abaixo: UTILIZAÇÃO PREMIADA: Para participar da campanha Utilização Premiada Unimed disponibilizará o endereço abaixo:

48 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 48/54 Senha do Cliente via URA Unimed Cuiabá Revisão Fev/2008

49 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 49/54 SENHA DO CLIENTE A Senha do Cliente Unimed Cuiabá foi criada para fornecer maior segurança a todos os envolvidos no processo de autorização via URA. Entre outubro de 2007 e fevereiro de 2008 a Unimed Cuiabá enviou a senha para o endereço de todos os titulares, ficando ele responsável por comunicar aos demais dependentes. Atualmente a senha é encaminhada ao endereço do titular do plano de saúde juntamente com seu cartão magnético, seja para novos clientes, renovação do cartão ou mesmo solicitação de 2ª via de cartão. Após solicitar o número da carteira, a URA irá exigir a senha de 4 dígitos que deverá ser digitada pelo beneficiário Unimed Cuiabá. Clientes intercâmbio não necessitam de senha. O uso do telefone sem-fio é preferencial por permitir maior mobilidade na hora de repassar o aparelho para o cliente digitar a senha, porém, aparelhos convencionais também poderão ser utilizados desde que estejam ao alcance do cliente. É importante ressaltar que a senha do cliente só será exigida para o atendimento via URA. Autorizações por biometria não necessitam da senha. Em abril/2008 a URA já começa a solicitar senha do cliente, porém em caráter experimental. Durante esse período, apesar de estar sendo solicitada, a senha poderá ser ignorada digitando a tecla * do telefone. A obrigatoriedade da senha do cliente via URA entrará em vigor: A partir de maio/2008 para autorizações de consulta eletiva; A partir de julho/2008 para demais atendimentos.

50 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 50/54 REGRAS PARA O CLIENTE UNIMED CUIABÁ As regras para utilização da senha do cliente são: Inicialmente a senha é a mesma para o titular e os dependentes do plano; A senha é pessoal e poderá ser alterada por qualquer membro da família via site Unimed ou mesmo pela URA na opção 3 do menu senha do cliente; Caso o titular altere a senha, todos os dependentes que ainda não trocaram sua senha ficarão com a senha igualada à nova senha do titular; A senha poderá ser utilizada para acessar a área restrita de nosso Web Site onde o cliente terá serviços exclusivos como, por exemplo, consultar o extrato de utilização do plano de saúde; A senha dos dependentes maiores de 18 anos deverá ser desbloqueada antes da tentativa de acessar o Web Site Unimed Cuiabá. Para isso, o cliente deverá ligar na URA e escolher a opção 6 do menu senha do cliente; Clientes que esqueceram ou por algum motivo não receberam sua senha, poderão recadastrá-la pela URA através da opção 4 do menu senha do cliente; O menu senha do cliente da URA poderá ser acessado: Ligando para o , escolhendo a opção 8 e em seguida opção 1 Ligando para o e escolhendo a opção 7 do menu principal Ligando para o Apesar de também estar direcionado ao menu da senha do cliente, o telefone gratuito é de uso exclusivo das atendentes de consultórios, clínicas, laboratórios e hospitais. Não divulgue este número aos clientes.

51 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 51/54 O QUE MUDA NA AUTORIZAÇÃO VIA URA? Com a senha do cliente, após a digitação do NÚMERO DA CARTEIRA, a URA irá orientar o atendente com a seguinte frase: SOLICITE AO CLIENTE QUE DIGITE A SENHA DE ATENDIMENTO Nesse instante o responsável pelo atendimento deverá repassar o telefone sem-fio ao Cliente para que ele possa digitar com segurança sua senha. Caso o local não possua um telefone sem-fio, o aparelho convencional também poderá ser utilizado desde que a base esteja ao alcance do cliente no momento da digitação da senha. O CLIENTE ESQUECEU OU NÃO POSSUI A SENHA, COMO PROCEDER? O atendimento ao cliente não poderá ser prejudicado caso este não possua a senha. Em caso de esquecimento ou mesmo do não recebimento da senha pelo cliente, o atendente poderá ligar gratuitamente para o telefone , escolher a opção 4, repassar o telefone ao cliente e deixá-lo cadastrar uma nova senha através da confirmação de dados pessoais. É importante lembrar que os profissionais do Call Center Unimed Cuiabá não possuem acesso para visualização ou mesmo alteração de senhas. Portanto, a ligação para a nossa Central de Atendimento só será produtiva em casos em que os dados pessoais do cliente não estejam cadastrados corretamente em nossos sistemas. Dúvidas? Em caso de dúvidas, ligue para nossa Central de Atendimento 24h: (65) ou

52 Fluxogramas Unimed Cuiabá Cooperativa de Trabalho Médico Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 52/54

53 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 53/54

54 Rua Barão de Melgaço, Centro Sul pág. 54/54

SISTEMA HILUM CONSULTÓRIOS

SISTEMA HILUM CONSULTÓRIOS SISTEMA HILUM CONSULTÓRIOS 2014 Tecnologia da Informação - TI Unimed Cascavel MANUAL HILUM 4.0 - CONSULTÓRIOS A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde Suplementar - TISS para registro

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL TISS 3.02.00 Setembro 2015 - Versão 3 Índice Passo 1: Visão Geral... 3 Passo 2: Como acessar o Consultório Online?... 3 Passo 3: Quais são os Recursos Disponíveis...

Leia mais

Procedimentos para Utilização do SAVI

Procedimentos para Utilização do SAVI Procedimentos para Utilização do SAVI 1. Acessando o sistema Para acessar o sistema é necessário ter instalado em seu sistema o navegador Firefox. Uma vez que ele esteja disponível acesse o link: HTTP://

Leia mais

Sistema de Autorização Unimed

Sistema de Autorização Unimed Diretoria de Gestão Estratégica Departamento de Tecnologia da Informação Divisão de Serviços em TI Sistema de Autorização Unimed MANUAL DO USUÁRIO DIVISÃO DE SERVIÇOS EM TI A Divisão de Serviços em TI

Leia mais

COMO PROCEDER COM A AUTORIZAÇÃO DOS PROCEDIMENTOS SP/SADT ELETIVO

COMO PROCEDER COM A AUTORIZAÇÃO DOS PROCEDIMENTOS SP/SADT ELETIVO COMO PROCEDER COM A AUTORIZAÇÃO DOS PROCEDIMENTOS SP/SADT ELETIVO No campo CLINICA preencher, conforme o tipo de procedimento abaixo: 21 Exames endoscópicos (pacotes de endoscopia) 31 Ressonância magnética

Leia mais

Manual do Prestador. Autorizador Web

Manual do Prestador. Autorizador Web Manual do Prestador Autorizador Web Instruções Gerais Quando houver a realização de consultas que os beneficiários estiverem sem o cartão de identificação, ou quando este cartão não for reconhecido na

Leia mais

produção MANUAL APRESENTAÇÃO

produção MANUAL APRESENTAÇÃO MANUALWEB 1 APRESENTAÇÃO MANUAL da produção online Conheça as funções, características e as facilidades para autorizar e faturar os atendimentos realizados aos beneficiários Unimed. Rio MANUALWEB 2 SUMÁRIO

Leia mais

Consultório Online. Manual de Utilização do Módulo Operacional. índice. Guias consulta / SADT (Solicitação, Execução com Guia e Autogerada): 4

Consultório Online. Manual de Utilização do Módulo Operacional. índice. Guias consulta / SADT (Solicitação, Execução com Guia e Autogerada): 4 índice Passo 1: Visão geral 3 Passo 2: Como acessar o Consultório Online? 3 Passo 3: Recursos disponíveis 4 Guias consulta / SADT (Solicitação, Execução com Guia e Autogerada): 4 Pesquisa de histórico

Leia mais

SISTEMA HILUM PRESTADORES

SISTEMA HILUM PRESTADORES SISTEMA HILUM PRESTADORES 2014 Tecnologia da Informação - TI Unimed Cascavel MANUAL HILUM 4.0 - PRESTADORES A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde Suplementar - TISS para registro

Leia mais

Faturamento Eletrônico Padrão ANS. Sumário

Faturamento Eletrônico Padrão ANS. Sumário Sumário 1. VISÃO GERAL...2 2. CONFIGURAÇÕES...2 2.1 CADASTRAR CONVÊNIOS...3 2.2 CADASTRAR COMPETÊNCIA...4 2.3 CADASTRAR LOTES...4 3. GUIAS DE CONSULTA...5 4. GUIAS DE SP/SADT...5 4. GUIAS DE OUTRAS DESPESAS...6

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM Versão 01/2013 Consultório e SADT 11 IDENTIFICAÇÃO VOAM VOLVO ODONTOLOGIA E ASSISTÊNCIA MÉDICA. Razão Social: VOLVO DO BRASIL VEÍCULOS LTDA. CNPJ: 43.999.424/0001-14

Leia mais

Manual de PRODUÇÃO ONLINE. Autorização e Faturamento

Manual de PRODUÇÃO ONLINE. Autorização e Faturamento Manual de PRODUÇÃO ONLINE 2 APRESENTAÇÃO A Unimed-Rio desenvolveu seu sistema de Produção Online, criado para facilitar a rotina de atendimento de seus médicos cooperados. Este sistema é composto por dois

Leia mais

WorkFlow WEB Caberj v20150127.docx. Manual Atendimento Caberj

WorkFlow WEB Caberj v20150127.docx. Manual Atendimento Caberj Manual Atendimento Caberj ÍNDICE CARO CREDENCIADO, LEIA COM ATENÇÃO.... 3 ATENDIMENTO... 3 FATURAMENTO... 3 ACESSANDO O MEDLINK WEB... 4 ADMINISTRAÇÃO DE USUÁRIOS... 5 CRIANDO UM NOVO USUÁRIO... 5 EDITANDO

Leia mais

SISTEMA HILUM TERAPIAS

SISTEMA HILUM TERAPIAS SISTEMA HILUM TERAPIAS 2014 Tecnologia da Informação - TI Unimed Cascavel MANUAL HILUM 4.0 TERAPIAS (Psicoterapias, Fonoaudiologia, Nutrição). A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde

Leia mais

MANUAL SCCARD. Rev.00 Aprovação: 16/08/2010 Página 1 de 19

MANUAL SCCARD. Rev.00 Aprovação: 16/08/2010 Página 1 de 19 Rev.00 Aprovação: 16/08/2010 Página 1 de 19 UNIMED BLUMENAU COOPERATIVA DE TRABALHO MÉDICO SCCard Sistema de Autorização On-Line O SCCard é a interface web do sistema de autorização da Unimed Blumenau

Leia mais

Orientações sobre a Utilização do Saúde Connect

Orientações sobre a Utilização do Saúde Connect Orientações sobre a Utilização do Saúde Connect Objetivo do Módulo Saúde Connect Acesso ao Módulo Saúde Connect Botões de Comando Envio de cobrança para a SPTrans Primeira opção: Digitar Guia Segunda opção:

Leia mais

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado 1 SUMÁRIO 1. Objetivo... 3 2. Acesso ao Sistema... 3 3. Descrição das Funcionalidades Menu Guias Liberação On-line.... 4 3.1 Liberação

Leia mais

SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO

SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO Departamento de Tecnologia da Informação tecnologia@unimeditabira.com.br 31 3839-771 3839-7713 Revisão 03 Itabira Setembro 2015 Sumário 1. Acessando

Leia mais

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar.

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar. Índice 1) Acesso ao sistema 2) Recepção do paciente 3) Envio do atendimento para faturamento: consulta médica ou procedimentos simples 4) Envio do atendimento para faturamento: procedimentos previamente

Leia mais

VOLUME 1 2012 MANUAL. Sistema Autorizador. Consultórios e Clínicas

VOLUME 1 2012 MANUAL. Sistema Autorizador. Consultórios e Clínicas VOLUME 1 2012 MANUAL Sistema Autorizador Consultórios e Clínicas ÍNDICE 2 Introdução 2 Definições Gerais 3 Intraestrutura e Componentes 4 Acessando o Sistema 6 Tela Inicial 7 Execução de Consulta 9 Solicitação

Leia mais

Dúvidas Freqüentes: Autorizador Web

Dúvidas Freqüentes: Autorizador Web Dúvidas Freqüentes: Autorizador Web 1. Como faço pedido de intercâmbio pelo autorizador? Acessando a página inicial do autorizador encontrará na barra de tarefas lateral a opção INTERCÂMBIO. Para intercâmbio,

Leia mais

Manual Sistema de Autorização Online GW

Manual Sistema de Autorização Online GW Sistema de Autorização Online GW Sumário Introdução...3 Acesso ao sistema...4 Logar no sistema...4 Autorizando uma nova consulta...5 Autorizando exames e/ou procedimentos...9 Cancelamento de guias autorizadas...15

Leia mais

Versão 1.15. Portal StarTISS. Portal de Digitação e Envio do Faturamento. Manual de Utilização. Versão 1.15 (Agosto/2014)

Versão 1.15. Portal StarTISS. Portal de Digitação e Envio do Faturamento. Manual de Utilização. Versão 1.15 (Agosto/2014) Versão 1.15 Portal StarTISS Portal de Digitação e Envio do Faturamento Manual de Utilização Versão 1.15 (Agosto/2014) Conteúdo 1. CONTATOS... 1 2. REQUISITOS NECESSÁRIOS... 1 3. ACESSANDO O PORTAL STARTISS...

Leia mais

Autorizador Plasc TISS Web. - Manual de Instrução-

Autorizador Plasc TISS Web. - Manual de Instrução- Autorizador Plasc TISS Web - Manual de Instrução- A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde Suplementar - TISS para registro e intercâmbio de dados entre operadoras de planos privados

Leia mais

Manual do Prestador Versão TISS 3.02

Manual do Prestador Versão TISS 3.02 Manual do Prestador Versão TISS 3.02 Caro(a) Prestador(a) Serviços, É com muito prazer e satisfação que aproveitamos esta página para demonstrar nosso agradecimento em relação à confiança depositada por

Leia mais

Manual do Prestador. Versão 1.0 Maio/2014. Manaus - Amazonas ANS Nº 38809-2 1

Manual do Prestador. Versão 1.0 Maio/2014. Manaus - Amazonas ANS Nº 38809-2 1 Manual do Prestador Versão 1.0 Maio/2014 Manaus - Amazonas 1 SUMÁRIO Apresentação... 3 1. Identificação do beneficiário...3 2. Atendimento ao beneficiário... 4 2.1. Requisitos para o atendimento... 4 2.2.

Leia mais

Manual de digitação de contas Portal AFPERGS

Manual de digitação de contas Portal AFPERGS Manual de digitação de contas Portal AFPERGS 1 Sumário Acesso à função digitação de contas... 3 O que é a Função digitação de contas (DC)... 4 Como proceder na função digitação de conta médica (DC)...

Leia mais

MANUAL DE PROCESSO DIGITAÇÃO DE CONTAS MÉDICAS PORTAL WEB. Última atualização: 29/08/2014 1

MANUAL DE PROCESSO DIGITAÇÃO DE CONTAS MÉDICAS PORTAL WEB. Última atualização: 29/08/2014 1 MANUAL DE PROCESSO DIGITAÇÃO DE CONTAS MÉDICAS PORTAL WEB 1 Índice 1. Acesso ao Portal WEB... 2. Digitação de Contas Médicas... 2.1. Criação de Protocolo... 2.1.1. Digitação Contas... 2.1.1.1. Guia Consulta...

Leia mais

SISTEMA HILUM FISIOTERAPIAS

SISTEMA HILUM FISIOTERAPIAS SISTEMA HILUM FISIOTERAPIAS 2014 Tecnologia da Informação - TI Unimed Cascavel MANUAL HILUM 4.0 - FISIOTERAPIA A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde Suplementar - TISS para registro

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR WEB

MANUAL DO PRESTADOR WEB MANUAL DO PRESTADOR WEB Sumário 1. Guia de Consulta... 3 2. Guia de Procedimentos Ambulatoriais... 6 3. Guia de Solicitação de Internação... 8 4. Prorrogação de internação... 8 5. Confirmação de pedido

Leia mais

FORMULÁRIOS TISS SUMÁRIO

FORMULÁRIOS TISS SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Formulários Padrão TISS 2. Preenchimento das Guias Padrão TISS Guia de Consulta Guia de Serviço Profissional/Serviço Auxiliar de Diagnóstico e Terapia SP/SADT Guia de Solicitação de Internação

Leia mais

WorkFlow WEB Volkswagen v20140826.docx. Manual de Atendimento Volkswagen

WorkFlow WEB Volkswagen v20140826.docx. Manual de Atendimento Volkswagen Manual de Atendimento Volkswagen ÍNDICE CARO CREDENCIADO, LEIA COM ATENÇÃO.... 3 ATENDIMENTO... 3 FATURAMENTO... 3 ACESSANDO O MEDLINK WEB... 4 ADMINISTRAÇÃO DE USUÁRIOS... 5 CRIANDO UM NOVO USUÁRIO...

Leia mais

Tecnologia e Segurança na Ponta dos Dedos. Manual. Autorizador

Tecnologia e Segurança na Ponta dos Dedos. Manual. Autorizador Tecnologia e Segurança na Ponta dos Dedos Manual UP Autorizador UP Índice Divulgação do sistema Autorizador para os beneficiários... 3 Cadastro da digital do beneficiário... Justificativa de falha na autenticação

Leia mais

produção MANUAL APROVAÇÃO COOPERADOS

produção MANUAL APROVAÇÃO COOPERADOS MANUALWEB 1 APROVAÇÃO COOPERADOS MANUAL da produção online Conheça as funções, características e as facilidades para autorizar e faturar os atendimentos realizados aos beneficiários Unimed. Rio MANUALWEB

Leia mais

MANUAL TISS Versão 3.02.00

MANUAL TISS Versão 3.02.00 MANUAL TISS Versão 3.02.00 1 INTRODUÇÃO Esse manual tem como objetivo oferecer todas as informações na nova ferramenta SAP que será utilizada pelo prestador Mediplan, a mesma será responsável para atender

Leia mais

Unimed do Brasil Unidade de Serviços às Singulares Página 1 de 79. Unimed HILUM - Versão 1.7.4.18.1

Unimed do Brasil Unidade de Serviços às Singulares Página 1 de 79. Unimed HILUM - Versão 1.7.4.18.1 Página 1 de 79 1 HILUM... 3 1.1 Consulta... 5 1.1.1 Execução... 5 1.1.2 Tp Saída / CID... 10 1.1.3 Pesquisa CID10... 11 1.2 SP - SADT... 12 1.2.1 Solicitação... 12 1.2.2 Execução... 19 1.2.3 Outras Despesas...

Leia mais

MANUAL FATURAMENTO SERVIÇOS MÉDICOS/CONTAS MÉDICAS

MANUAL FATURAMENTO SERVIÇOS MÉDICOS/CONTAS MÉDICAS MANUAL FATURAMENTO SERVIÇOS MÉDICOS/CONTAS MÉDICAS ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...3 2. INFORMAÇÕES REGULAMENTARES:...3 3. ACESSO AO SISTEMA...3 4. INCLUSÃO DE USUÁRIOS...4 5. FATURAMENTO ELETRÔNICO...5 6. GUIA

Leia mais

AFPERGS Manual do Portal Web

AFPERGS Manual do Portal Web AFPERGS Manual do Portal Web Portal Web VERSÃO 1.1 DATA DA VERSÃO: 28/10/2010 Índice 1. APRESENTAÇÃO DO PORTAL WEB AFPERGS... 3 2. ACESSO AO PORTAL... 3 2.1. Acessando o Portal Web AFPERGS... 3 2.2. Entrada

Leia mais

MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO

MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO Este Manual tem por finalidade orientar os procedimentos de preenchimento da Web Guia do CREDENCIADO no atendimento aos beneficiários

Leia mais

VERSÃO 3.3 - PERFIL PRESTADOR. Versão do Manual - 1.00

VERSÃO 3.3 - PERFIL PRESTADOR. Versão do Manual - 1.00 VERSÃO 3.3 - PERFIL PRESTADOR Versão do Manual - 1.00 1 2 Histórico de versões Versão Data 1.00 14/12/07 Atualização Criação do Documento Autor Cayo Prado Créditos Coordenador de Desenvolvimento Marcos

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM Versão 01/2013 Terapias 11 IDENTIFICAÇÃO VOAM VOLVO ODONTOLOGIA E ASSISTÊNCIA MÉDICA. Razão Social: VOLVO DO BRASIL VEÍCULOS LTDA. CNPJ: 43.999.424/0001-14 Registro

Leia mais

Novo layout de Telas Sistema Autorizador

Novo layout de Telas Sistema Autorizador Novo layout de Telas Sistema Autorizador A fim de proporcionar aos consultórios melhor desempenho do sistema Autorizador, as telas alimentadas pelo antigo sistema Authorize foram atualizadas. O novo layout

Leia mais

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas 2014 V.1.0 SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Contas Médicas SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Módulos CONTAS MÉDICAS Capa

Leia mais

MANUAL AUTORIZADOR ON-LINE

MANUAL AUTORIZADOR ON-LINE MANUAL AUTORIZADOR ON-LINE ANS nº 34.600-4 AUTORIZADOR ON-LINE Para ter acesso ao autorizador on-line da Uniodonto Piracicaba siga os passos abaixo: 1 Acesse www.uniodontopiracicaba.com.br e clique em

Leia mais

Manual das Secretárias. Manual do usuário. Módulo Secretárias

Manual das Secretárias. Manual do usuário. Módulo Secretárias Manual do usuário Módulo Secretárias 1. Login O login é único e permite o acesso exclusivo ao consultório médico. Será informado por email às secretária que enviaram os dados para cadastro. Obs: A senha

Leia mais

Unimed do Brasil Unidade de Serviços às Singulares Página 1 de 119. Unimed HILUM - Versão 3.0.0

Unimed do Brasil Unidade de Serviços às Singulares Página 1 de 119. Unimed HILUM - Versão 3.0.0 Página 1 de 119 Unimed HILUM - Versão 3.0.0 1 HILUM... 4 1.1 Consulta... 6 1.1.1 Execução... 6 1.2 SADT... 11 1.2.1 Solicitação... 11 1.2.2 Execução... 18 1.2.3 Execução On-Line... 26 1.2.4 Outras Despesas...

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB 0 Sumário Introdução... 2 Funcionalidades... 2 Requisitos Necessários... 2 Faturamento Web... 3 Faturamento Simplificado... 4 Faturamento Detalhado... 9 Faturamento

Leia mais

Página: 1. Revisão: 16/12/2008. G:\TI\Negocios\Manuais_WebGuias\WebGuias 1.08.doc

Página: 1. Revisão: 16/12/2008. G:\TI\Negocios\Manuais_WebGuias\WebGuias 1.08.doc Página: 1 Página: 2 INDICE EMISSÃO DE GUIAS VIA INTERNET... 3 WEBGUIAS...4 1. Página Inicial...5 2. Alterando a senha padrão fornecida pela Santa Casa Saúde:...6 3. Mensagens WEB...7 4. Autorização de

Leia mais

Manual TISS Troca de Informaçõ

Manual TISS Troca de Informaçõ Manual TISS Troca de Informaçõ ções em Saúde Suplementar Versão o 1.1 Instruçõ ções para preenchimento das guias PREENCHER EXCLUSIVAMENTE COM CANETA PRETA OU AZUL GCES A Unimed Natal desenvolveu este manual

Leia mais

Manual de utilização do Módulo Operacional

Manual de utilização do Módulo Operacional Manual de utilização do Módulo Operacional Consultório Online Rev. 00 O melhor plano de saúde é viver. O segundo melhor é Unimed. Índice Passo 1: Visão geral Passo 2: Como acessar o Consultório On-Line?

Leia mais

Manual do Usuário. Projetos e Implantações. Fevereiro - 2007..: Rede Credenciada

Manual do Usuário. Projetos e Implantações. Fevereiro - 2007..: Rede Credenciada Manual do Usuário Projetos e Implantações. Fevereiro - 2007.: Rede Credenciada 1 CONCEITO E ACESSO... 2 2 SEQÜÊNCIA INICIAL DE ACESSO AO PORTAL... 2 2.1 PERFIS DE ACESSO... 3 2.2 REGISTRO ELETRÔNICO...

Leia mais

INTRODUÇÃO 2 AUTORIZADOR WEB 4. Pesquisar Beneficiário... 5. Elegibilidade Beneficiário... 6. Nova Guia Consulta Eletiva... 7. Nova Guia SP/SADT...

INTRODUÇÃO 2 AUTORIZADOR WEB 4. Pesquisar Beneficiário... 5. Elegibilidade Beneficiário... 6. Nova Guia Consulta Eletiva... 7. Nova Guia SP/SADT... INTRODUÇÃO 2 AUTORIZADOR WEB 4 Pesquisar Beneficiário... 5 Elegibilidade Beneficiário... 6 Nova Guia Consulta Eletiva... 7 Nova Guia SP/SADT... 10 Nova Guia Anexo de Radioterapia... 14 Nova Guia Anexo

Leia mais

Saúde Online. Serviços Médicos / Faturamento

Saúde Online. Serviços Médicos / Faturamento Saúde Online Serviços Médicos / Faturamento Página 1 INDICE 1 Introdução Página 03 2 Acesso Página 03 3 Faturamento Eletrônico Página 03 4 Guia de Consulta Página 05 5 Guia SP/SADT Página 07 6 Guia de

Leia mais

SISTEMA HILUM HOSPITAIS

SISTEMA HILUM HOSPITAIS SISTEMA HILUM HOSPITAIS 2014 Tecnologia da Informação - TI Unimed Cascavel MANUAL HILUM 4.0 - HOSPITAIS A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde Suplementar - TISS para registro e intercâmbio

Leia mais

CHECK LIST AUTORIZADOR TISS NOTRE DAME CHECKLIST

CHECK LIST AUTORIZADOR TISS NOTRE DAME CHECKLIST CHECKLIST OPERADORA NOTRE DAME 1 SUMÁRIO Conteúdo 1. Objetivo... 3 2. Principais Regras da Operadora... 3 3. Tipos de transações... 3 3.1 Autorização de Consultas... 5 3.2 Autorização de SADT Execução...

Leia mais

Manual de Utilização Autorizador Web V2

Manual de Utilização Autorizador Web V2 Manual de Utilização Autorizador Web V2 OBJETIVO Esse manual tem como objetivo o auxílio no uso do Autorizador de Guias Web V2 do Padre Albino Saúde. Ele serve para base de consulta de como efetuar todos

Leia mais

PORTAL SPA TISS. Manual do Credenciado. Manual do Credenciado para utilização do Portal SPA TISS do SPA Saúde.

PORTAL SPA TISS. Manual do Credenciado. Manual do Credenciado para utilização do Portal SPA TISS do SPA Saúde. PORTAL SPA TISS Manual do Credenciado Manual do Credenciado para utilização do Portal SPA TISS do SPA Saúde. Equipe de Treinamento de Desenvolvimento TIS SPA Saúde Sumário 1. Introdução... 3 2. Objetivo...

Leia mais

SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS

SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS MANUAL DO PRESTADOR DE SERVIÇOS CONSULTÓRIOS/CLÍNICAS CREDENCIADAS PARA ATENDIMENTO ELETIVO (FASCÍCULO DO ATENDIMENTO ELETIVO) VERSÃO I - 2013 Instituto

Leia mais

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet Qualquer dúvida entre em contato: (33)32795093 01 USUÁRIO/CSPSNet O sistema CSPSNet está configurado para funcionar corretamente nos seguintes browsers: Internet Explorer 8.0,

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL 1 Índice Passo 1: Visão Geral... 3 Passo 2: Como acessar o Consultório Online?... 3 Passo 3: Recursos Disponíveis... 5 Guias Consulta / SADT (Solicitação, Execução

Leia mais

SÃO DOMINGOS SAÚDE GUIAS Padrão TISS 3.02.00

SÃO DOMINGOS SAÚDE GUIAS Padrão TISS 3.02.00 SÃO DOMINGOS SAÚDE GUIAS Padrão TISS 3.02.00 Workshop 19 à 23.08.2014 Apresentação: Adriana Fenerich e Dhone R. Ancioto E-mail: faturamento@saodomingossaude.com.br E-mail: dhone@saodomingossaude.com.br

Leia mais

ASSEFAZ FUNDAÇÃO ASSISTENCIAL DOS SERVIDORES DO MINISTÉRIO DA FAZENDA. Principais dúvidas do TISS

ASSEFAZ FUNDAÇÃO ASSISTENCIAL DOS SERVIDORES DO MINISTÉRIO DA FAZENDA. Principais dúvidas do TISS Principais dúvidas do TISS FATURAMENTO ELETRÔNICO Pergunta: A Assefaz utilizará o TISSNET para envio e recebimentos dos arquivos TISS xml? Resposta: Não. A Assefaz não utilizará o programa TISSNET para

Leia mais

PROCESSO ELETRÔNICO PADRÃO TISS. Agosto/2014

PROCESSO ELETRÔNICO PADRÃO TISS. Agosto/2014 PROCESSO ELETRÔNICO PADRÃO TISS Agosto/2014 PADRÃO DE TROCA DE INFORMAÇÕES NA SAÚDE SUPLEMENTAR Padrão TISS Histórico e Consulta Pública nº 43 Padrão TISS - Versão 3.0 3 Histórico RN 305 09/10/2012 - Termo

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR WEB

MANUAL DO PRESTADOR WEB MANUAL DO PRESTADOR WEB ÍNDICE ÍNDICE... 2 1) Apresentação... 3 2) Informações importantes... 3 3) Programas e configurações necessários... 4 3.a. Programas necessários.... 4 3.b. Configurações necessárias....

Leia mais

Manual do AP_Conta. Manual do AP_Conta. Aplicativo para digitação e envio de contas médicas no padrão TISS

Manual do AP_Conta. Manual do AP_Conta. Aplicativo para digitação e envio de contas médicas no padrão TISS 2014 Manual do AP_Conta Aplicativo para digitação e envio de contas médicas no padrão TISS 0 Sumário 1. Sobre esse manual... 3 2. Habilitando e Configurando o AP_Conta... 4 3. Habilitação e Licenciamento...

Leia mais

Este manual irá guia-lo passo a passo na geração de um Lote de Guia e, como transmitir o arquivo para gerar o xml no padrão TISS.

Este manual irá guia-lo passo a passo na geração de um Lote de Guia e, como transmitir o arquivo para gerar o xml no padrão TISS. FATURAMENTO ELETRO NICO - SADT Este manual irá guia-lo passo a passo na geração de um Lote de Guia e, como transmitir o arquivo para gerar o xml no padrão TISS. LANÇANDO SADT Para enviar o faturamento

Leia mais

Atendimento de urgência (Pronto Atendimento)

Atendimento de urgência (Pronto Atendimento) 1 de 6 RESULTADO ESPERADO: 642 PROCESSOS RELACIONADOS: Apoio ao Cliente DESCRIÇÃO DO PROCEDIMENTO: AÇÃO RESPONSÁVEL REGISTROS DESCRIÇÃO DA AÇÃO 1. Atender o cliente Técnico de Enfermagem e Recepcionista

Leia mais

Apresentação. Para utilização do novo Autorizador Web Unimed, é necessário que você tenha acessa à Internet.

Apresentação. Para utilização do novo Autorizador Web Unimed, é necessário que você tenha acessa à Internet. MANUAL AUTORIZADOR WEB Sistema Tasy Unimed Versão 1.9 Dezembro - 2012 Apresentação O presente Manual Tasy, contém as instruções necessárias para a operação detalhada do novo software de autorização de

Leia mais

SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS

SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS MANUAL DO PRESTADOR DE SERVIÇOS DE SADT ELETIVO (FASCÍCULO DO SADT ELETIVO) VERSÃO I - 2013 Instituto Curitiba de Saúde ICS - Plano Padrão ÍNDICE APRESENTAÇÃO

Leia mais

Hilum - Profissionais Paramédicos

Hilum - Profissionais Paramédicos Atualizado em 23/12/2015 Hilum - Profissionais Paramédicos O sistema Autorizador Hilum será utilizado para realização de transações para os profissionais paramédicos de forma a agilizar os atendimentos

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE INTRODUÇÃO O portal do Afrafep Saúde é um sistema WEB integrado ao sistema HEALTH*Tools. O site consiste em uma área onde os Usuários e a Rede Credenciada,

Leia mais

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade DM003.0 Página 1 / 42 Índice 1 APRESENTAÇÃO... 4 DETALHAMENTO DOS LINKS DO TECBIZ ONLINE... 5 2 INICIAL... 5 3 ASSOCIADO... 5 3.1 SELECIONA ASSOCIADO... 5 3.2 ALTERAR

Leia mais

Manual. do POS. O novo POS é de fácil uso e aplicação. Conheça suas funções e características

Manual. do POS. O novo POS é de fácil uso e aplicação. Conheça suas funções e características Manual do POS O novo POS é de fácil uso e aplicação. Conheça suas funções e características Sumário 4 5 6 7 funções básicas funções operacionais c o n s u l t a m é d i c a execução sp/sadt 9 10 c a n

Leia mais

Departamento de Gestão da Rede Prestadora

Departamento de Gestão da Rede Prestadora Manual de atualização da Versão do Sistema de Gestão Unimed SGU Florianópolis, 07 de Julho de 2015. Visando o processo de melhoria contínua do Sistema de Gestão Unimed- SGU, informamos que a partir de

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO CONSULTAS, SOLICITAÇÕES E EXECUÇÕES DE EXAMES (SADT) HILUM 4.0.5 TISS 3.02.00

MANUAL DE UTILIZAÇÃO CONSULTAS, SOLICITAÇÕES E EXECUÇÕES DE EXAMES (SADT) HILUM 4.0.5 TISS 3.02.00 MANUAL DE UTILIZAÇÃO CONSULTAS, SOLICITAÇÕES E EXECUÇÕES DE EXAMES (SADT) HILUM 4.0.5 TISS 3.02.00 1 APRESENTAÇÃO A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde Suplementar - TISS para registro

Leia mais

Manual Sistema Padrão TISS 3.02

Manual Sistema Padrão TISS 3.02 Unimed Caçapava Cooperativa de Trabalho Médico Manual Sistema Padrão TISS 3.02 Para uso interno/externo Departamento de Autorização Setembro/2014 MANUAL HILUM 4.0.1 2014 TISS 3.02 O Hilum teve algumas

Leia mais

SAÚDE CONNECT 3.001 FATURAMENTO

SAÚDE CONNECT 3.001 FATURAMENTO SAÚDE CONNECT 3.001 FATURAMENTO FATURAMENTO - PRESTADOR... 3 1. DIGITAR GUIAS... 3 1.1 GUIA DE CONSULTA... 3 1.2 GUIA DE SP/SADT... 8 1.3 GUIA DE HONORÁRIOS... 17 1.4 RESUMO DE INTERNAÇÃO... 23 1.5 GUIA

Leia mais

SEI-SS Sistema Extrajudicial Integrado Módulo Site dos Serviços

SEI-SS Sistema Extrajudicial Integrado Módulo Site dos Serviços TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO MANUAL DO USUÁRIO SEI-SS Sistema Extrajudicial Integrado Módulo Site dos Serviços TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO 2/24 ÍNDICE Instruções

Leia mais

Manual do Usuário Prestador SGU-CARD

Manual do Usuário Prestador SGU-CARD Manual do Usuário Prestador SGU-CARD ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO... 3 2. ACESSO AO SGU-CARD... 3 3. CONSULTAS (CONSULTÓRIOS)... 6 3.1. Consultas em aberto... 6 3.2. Execução das Consultas em aberto... 11 3.3.

Leia mais

Gerencie a sala de espera e garanta a satisfação dos pacientes

Gerencie a sala de espera e garanta a satisfação dos pacientes Centralx Clinic O ciclo de trabalho completo em um só sistema. Para ambientes de alta produtividade, do agendamento à consulta, do faturamento ao rateio entre prestadores de serviço, o Centralx Clinic

Leia mais

Sistema MV Saúde. Manual do Prestador

Sistema MV Saúde. Manual do Prestador Sistema MV Saúde Manual do Prestador Indice: Como logar 3 COMO GERAR UMA GUIA DE CONSULTA 5 COMO GERAR UMA GUIA DE SP/SADT (PROCEDIMENTOS) 8 COMO GERAR UMA GUIA DE INTERNAÇÃO 12 2 Como logar Sistema MV

Leia mais

Manual de utilização do Sistema. Plano Tiss

Manual de utilização do Sistema. Plano Tiss Manual de utilização do sistema de lançamento de guias Planotiss 1 Manual de utilização do Sistema Plano Tiss Plano Tiss Após a instalação do Sistema Planotiss, será criada um atalho na Área de trabalho,

Leia mais

P&F Manual Guia WEB TISS 3.0

P&F Manual Guia WEB TISS 3.0 A seguir será apresentado os passos para emissão de guia via internet, versão TISS 3.0. Essas guias foram desenvolvidas de acordo com o padrão estabelecido pelo órgão regulador do setor de saúde suplementar

Leia mais

ÍNDICE. - 1 Guia Padrão TISS Versão 3.01.00

ÍNDICE. - 1 Guia Padrão TISS Versão 3.01.00 ÍNDICE TÓPICO PAG. 1 Apresentação... 2 2 Definição do Padrão TISS... 3 3 Objetivo do Padrão TISS... 3 4 Guias (formulários) do Padrão TISS... 3 5 Preenchimento das Guias do Padrão TISS... 4 Guia de Consulta...

Leia mais

Autorização de Intercâmbio pela Web

Autorização de Intercâmbio pela Web Autorização de Intercâmbio pela Web Exclusivamente para Cooperados UNIODONTO DO RIO DE JANEIRO COOPERATIVA ODONTOLÓGICA LTDA. Av. Passos, 120 / 11º andar - Centro - Rio de Janeiro - CEP 20051-040 Tel.:

Leia mais

Manual de. Solicitação. de Procedimentos Eletivos. Confira o passo a passo para solicitar autorização para a realização de procedimentos eletivos.

Manual de. Solicitação. de Procedimentos Eletivos. Confira o passo a passo para solicitar autorização para a realização de procedimentos eletivos. Manual de Solicitação de Procedimentos Eletivos Confira o passo a passo para solicitar autorização para a realização de procedimentos eletivos. Rio SUMÁRIO MANUALWEB INTRODUÇÃO 2 3 1) Introdução 2) Estrutura

Leia mais

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus.

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. - Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. Ou digite www.simpo.com.br/protocolo/login.php, para ir diretamente

Leia mais

Manual Laboratório. ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014

Manual Laboratório. ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014 2014 Manual Laboratório ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014 Sumário Acesso ao Sistema... 2 Menu Cadastros... 4 Cadastro de usuários... 4 Inclusão de Novo Usuário... 5 Alteração de usuários...

Leia mais

Versão 1.0 MANUAL PRÁTICO TISS 3.02.00. 1. Divulgação 3.02.00 Unimed Taubaté/ANS. 2. Material TISS 3.02.00 3. Componentes da TISS 3.02.

Versão 1.0 MANUAL PRÁTICO TISS 3.02.00. 1. Divulgação 3.02.00 Unimed Taubaté/ANS. 2. Material TISS 3.02.00 3. Componentes da TISS 3.02. Versão 1.0 MANUAL PRÁTICO TISS 3.02.00 1. Divulgação 3.02.00 Unimed Taubaté/ANS 2. Material TISS 3.02.00 3. Componentes da TISS 3.02.00 SUMÁRIO 1. Divulgação 3.02.00 - Unimed Taubaté/ANS...2 3.2.1. Guias

Leia mais

ÍNDICE. - 1 Guia Padrão TISS Versão 3.02.00

ÍNDICE. - 1 Guia Padrão TISS Versão 3.02.00 ÍNDICE TÓPICO PAG. 1 Apresentação... 2 2 Definição do Padrão TISS... 3 3 Objetivo do Padrão TISS... 3 4 Guias (formulários) do Padrão TISS... 3 5 Preenchimento das Guias do Padrão TISS... 4 Guia de Consulta...

Leia mais

1 O que é a TISS 3.02.00?

1 O que é a TISS 3.02.00? 1 O que é a TISS 3.02.00? O Padrão TISS possui padrão obrigatório para trocas eletrônicas de dados de atenção à saúde dos beneficiários de planos, entre os agentes da Saúde Suplementar. Tem por finalidade

Leia mais

TREINAMENTO DO PADRÃO TISS 3.00.01

TREINAMENTO DO PADRÃO TISS 3.00.01 TREINAMENTO DO PADRÃO TISS 3.00.01 Coordenadoras TISS: Elisandra Baldissera e Roseli Fistarol Colaboradores: Cesar Paz, Denise Bertoldo e Patrique Hedlund 1 Organização do evento Os slides estão disponíveis

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO DO SISTEMA HOSP7

GUIA DE INSTALAÇÃO DO SISTEMA HOSP7 GUIA DE INSTALAÇÃO DO SISTEMA HOSP7 LEALDATA INFORMÁTICA RECEPÇÃO FATURAMENTO CADASTRANDO E FATURANDO PACIENTES INSTALAÇÃO DO SISTEMA EM OUTROS COMPUTADORES RECEPÇÃO Segue abaixo passo a passo os cadastros

Leia mais

Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb

Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Dezembro/2012 2 Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Sumário de Informações do Documento Título do Documento: Resumo:

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM Versão 01/2013 XML 11 IDENTIFICAÇÃO VOAM VOLVO ODONTOLOGIA E ASSISTÊNCIA MÉDICA. Razão Social: VOLVO DO BRASIL VEÍCULOS LTDA. CNPJ: 43.999.424/0001-14 Registro

Leia mais

Manual do Prestador SEPACO. Saúde. ANS - n 40.722-4

Manual do Prestador SEPACO. Saúde. ANS - n 40.722-4 Manual do Prestador Saúde o ANS - n 40.722-4 SEPACO Prezado prestador, Este manual tem como objetivo formalizar a implantação das rotinas administrativas do Sepaco Saúde, informando as características

Leia mais

Roteiro de acesso ao Autorizador do Plan-Assiste para autorização de procedimentos.

Roteiro de acesso ao Autorizador do Plan-Assiste para autorização de procedimentos. 1 - PRIMEIRO ACESSO AO AUTORIZADOR Tutorial Autorizador WEB Roteiro de acesso ao Autorizador do Plan-Assiste para autorização de procedimentos. 1.1. Acessar o endereço http://assiste.mpu.gov.br/autorizadorweb;

Leia mais

Prefeitura de Rio Verde GO. SEFAZ - Secretaria da Fazenda. DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas

Prefeitura de Rio Verde GO. SEFAZ - Secretaria da Fazenda. DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas Prefeitura de Rio Verde GO SEFAZ - Secretaria da Fazenda DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas DMS e Notas Fiscais Eletrônicas Rio Verde, GO, setembro 2009 1 Sumário INTRODUÇÃO... 03 LEGISLAÇÃO...

Leia mais

Principais Característic

Principais Característic Principais Característic Características as Software para agendamento e controle de consultas e cadastros de pacientes. Oferece ainda, geração de etiquetas, modelos de correspondência e de cartões. Quando

Leia mais

VOLUME 1 2012 MANUAL. Sistema Autorizador. Laboratórios de Análises Clínicas

VOLUME 1 2012 MANUAL. Sistema Autorizador. Laboratórios de Análises Clínicas VOLUME 1 2012 MANUAL Sistema Autorizador Laboratórios de Análises Clínicas ÍNDICE 1 Introdução 1 Definições Gerais 2 Intraestrutura e Componentes 3 Acessando o Sistema 5 Tela Inicial 6 Execução de Procedimento

Leia mais