Divisão de Telefonia

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Divisão de Telefonia"

Transcrição

1 Departamento de Tecnologia da Informação Divisão de Telefonia (FIXA E MÓVEL) Horário de atendimento 8h30min às 18:30min Local 1º andar do prédio anexo Contatos Ramais:

2 Sumário Telefonia Fixa...3 Requisição de Serviços...3 Abertura de chamados de Falha...3 Criação de senha de ramal...3 Cancelamento da Senha...4 Discagem com senha Não usar operadora...4 Ligações internacionais...4 Aparelho/terminal telefônico com problema...5 Alteração de Layout de ramais...5 Outros Serviços...6 Guia telefônico...7 Telefonia Móvel...8 Requisição de Serviços...8 Abertura de chamados de Falha...8 Dúvidas...8 Requisitos para retirar um celular ou modem:...8 Aparelhos estações móveis...9 Em caso de perda ou roubo:...9 Em caso de aparelho estragado:...9 LIMITES...11 Tarifas e Limites de despesas mensais...11 Tarifas Contratadas...13 Conferência mensal das faturas:...14 Recolhimento de valor junto à Tesouraria:...14 Ligações a cobrar...15 Serviços Bloqueados...16 Resumo dos Serviços de Telefonia Móvel

3 Telefonia Fixa Para o melhor atendimento e controle todos chamados devem ser registrados e podem ser classificados conforme abaixo: Requisição de Serviços Instalação de novo ramal Alteração de layout troca da posição dos ramais e aparelhos telefônicos Solicitação de ligações internacionais Criação de senha de ramal Manutenção de senha de ramal (exclusão/migração/alteração) Configuração aparelho telefônico teclas/visor/atalhos Configuração de ramal categoria de senha/grupo de busca Outras requisições Abertura de chamados de Falha Ramal/linha inoperante/indisponível Ramal/linha com defeito (chiado, falhas, desconexão) Aparelho/terminal telefônico com problema conserto Equipamento de FAX Outras falhas As solicitações registradas recebem um número de protocolo que é enviado por ao solicitante, permitindo um melhor acompanhamento do pedido. Ramais Bloqueados (RSM 783/07) Todos os ramais da casa são bloqueados para DDD e celular A liberação dos ramais é concedida mediante assinatura do Termo de Responsabilidade por uso de senha para desbloqueio de ramais telefônicos + autorização do responsável do setor Criação de senha de ramal Procedimento para servidores e estagiários cadastrar senha: Usuário vai pessoalmente à Divisão de Telefonia (1 andar do Anexo) Servidor informar o n. da identidade funcional, Estagiários, informar o RG Assina o Termo de Responsabilidade Cadastra a senha (cada ramal tem uma senha) Leva o termo para o seu superior autorizar a liberação do perfil Quando o termo retorna à Divisão devidamente assinado, é encaminhado para a central e efetiva-se a liberação. 3

4 CADASTRO DE SENHA PARA DEPUTADOS AGENDAR VIA TELEFONE O CADASTRO É FEITO NO GABINETE Cancelamento da Senha Automático quando o servidor for exonerado A pedido do responsável ( ) Atenção: Os ramais são liberados para ligações externas apenas no horário de expediente da Assembleia, de segundas a sextas feiras, das 08h às 19h Perfis (indicado pelo responsável pelo setor) Cat 12 = libera ligação para fixo e celular local Cat 13 = libera ligação para fixo e celular local + DDD RS Cat 14 = libera ligação para fixo e celular local + DDD RS + DDD Nacional Discagem com senha Não usar operadora Local: 7 senha # 0 N. desejado DDD RS: 7 senha # 00 (DDD) N. desejado Ainda, nenhum ramal da Assembleia será habilitado para: Receber Ligações a cobrar Transferir ligações para telefones externos (fixo ou móvel) Ligar para 0300 Ligações internacionais todos os ramais são bloqueados para este tipo de ligação. Quais setores podem demandar este tipo de ligação: Gabinete da Presidência Primeira Secretaria Cerimonial Superintendência Geral Gabinete Parlamentar Comissões Técnicas Permanentes Procedimento para solicitar: Encaminhar a solicitação por funcional do setor requerente para Na solicitação deve constar o ramal que deseja liberar + usuário + período (se necessário acima de 24h, renovar o pedido) 4

5 Modo de Discagem 7 senha # 000 (DDI) + (DDD) + N. desejado Competências da Divisão de Telefonia Aparelho/terminal telefônico com problema Conserto Entrar em contato com a Central de Atendimento do DTI ou Ramal 1080 Informações necessárias: Setor Nome do requerente ou contato funcional do setor ou do requerente Ramal com problema Ramal para contato Descrição do problema De posse das informações acima, será aberto um Tíquete de Atendimento (numerado), o qual será enviado para o informado e para a área técnica da telefonia. Alteração de Layout de ramais A troca de lugar dos terminais, inclusive dentro da sala São executadas às sextas feiras Entrar em contato com a Central de Atendimento do DTI ou Ramal 1080 Informar: Setor Nome do requerente ou contato funcional do setor ou do requerente Ramal para contato Descrição da solicitação De posse das informações acima, será aberto um Ticket de Atendimento (numerado), o qual será enviado para o informado e para a área técnica da telefonia que entrará em contato. 5

6 Outros Serviços (Entrar em contato com a Central de Atendimento do DTI) Configuração aparelho telefônico teclas/visor/atalhos Configuração de ramal categoria de senha/grupo de busca Relatórios 6

7 Guia telefônico A divisão de Telefonia disponibiliza através da intranet o guia telefônico da Assembleia Legislativa. Para acessá-lo basta clicar no link Ou procurar na capa do site da intranet abaixo a esquerda a figura abaixo: O guia telefônico é disponibilizado em arquivo em dois formatos: em formato pdf (não permite edição) e em formato odt (permite edição através do editor Libre Office). 7

8 Telefonia Móvel Para o melhor atendimento e controle todos chamados devem ser registrados e podem ser classificados conforme abaixo: Requisição de Serviços Solicitação de Roaming Internacional Habilitação de linha/pacote dados Transferências de responsabilidade pela linha/aparelho Configuração de telefone/aplicativos/ /agenda Backup/Restore agenda celular Bloqueio de linha (perda/roubo/solicitação) Devolução de linha/pacote dados Troca de número Transferência de titularidade das linhas de celular Outras requisições Abertura de chamados de Falha Telefone/aparelho inoperante Telefone/aparelho com defeito Conexão de dados/internet Conexão de voz Outras falhas Dúvidas Uso da telefonia móvel Operação celular voz Operação smartphones Configuração smartphones/aplicativos Configuração celular comum Telefonia móvel O contato com a operadora Vivo para tratar de assuntos relacionados ao contrato da Assembleia é exclusivo da Divisão de Telefonia, gestora do contrato. 8

9 Requisitos para retirar um celular ou modem: Estar nomeado Ter autorização do responsável pelo Setor (exceto Deputados e detentores de cargo de chefia) Assinar Termo de Responsabilidade Não ultrapassar o limite por setor (determinado pela RSM 783/07) Aparelhos estações móveis Os aparelhos são de propriedade da operadora, cedidos em comodato para a AL pelo prazo mínimo de 1 (um) ano; O usuário detém apenas a posse enquanto ocupar cargo ou função que lhe confira essa prerrogativa; É obrigação dos usuários zelarem pelas condições e bom uso dos aparelhos; Bateria e carregador, que acompanham o aparelho celular, também são de sua responsabilidade, devendo ser exigidos na retirada do equipamento, bem como devolvidos juntamente com ele na entrega à Divisão de Telefonia; Não disponibilizamos baterias e carregadores sobressalentes. Caso o usuário precise, deve adquiri-los em lojas do ramo. Em caso de perda ou roubo: Comunicar o quanto antes e solicitar bloqueio De segundas a sextas feiras, das 08h30min às 18h30min: a Divisão de Telefonia Dias ou horários fora do expediente: Contatar a Central de usuários da Operadora (*8486 de celular da VIVO ou 1058 de Fixo). Na comunicação direta à Operadora deverá informar a Razão Social da AL (Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul), o CNPJ da AL ( / ) e endereço (Praça Mal. Deodoro,101, Centro, Porto Alegre RS) Reposição : Providenciar, à sua conta, a reposição do aparelho; Somente após providenciarem a reposição do aparelho extraviado, a linha será liberada em outro aparelho da AL ou particular; Em caso de aparelho estragado: Conforme comprove laudo da assistência técnica, declaração do próprio usuário ou constatação por parte de servidor da Divisão de Telefonia, há 02 (duas) situações: 9

10 01. Problemas por mau uso (IMPERÍCIA) Providenciar, à sua conta, a reposição do aparelho; Somente após providenciarem a reposição do aparelho extraviado, a linha será liberada em outro aparelho da AL ou particular; 02. Defeito de fábrica, software... Requisitar a troca do aparelho, que será realizada conforme disponibilidade de estoque. Em não havendo aparelho para pronto-atendimento, deverá aguardar o envio de novo aparelho pela operadora contratada no prazo previsto em contrato; Troca de aparelhos (por outro modelo): os usuários ficam cientes de que os aparelhos somente serão trocados, no mínimo, após um ano de uso por outros novos cujos modelos contemplem as especificações técnicas constantes no contrato. Modelos: Conforme definições contratuais limitam-se a 04 tipos: 1. Tipo A smartphone limitado a existencia do pacote de dados/acesso internet 2. Tipo B modelos mais simples 3. Smartphones - Deputados limitado em 01/gabinete 4. Modem (internet 3G) - limitado em 01/gabinete 10

11 LIMITES: De estações móveis por setor, conforme RSM 783/07 com alterações da RSM 1056/2011 SETOR Bancadas Até 04 deputados Até 07 deputados + de 07 deputados Gabinetes Comissões Técnicas Perm 01 Comissões Técnicas Temp Presidência Gabinete Secretaria de Mesa Cerimonial Gabinete Militar Sup. Geral Sup. Comunicação Social Sup. Legislativa Sup. Adm Financeira e Deptos Transportes Memorial Liderança Governo Telefonia Primeira Secretaria Procuradoria Escola do Legislativo Fórum Democrático Departamento de Segurança 03 QUANTIDADE 03 (1 pacote dados/internet) 04 (2 pacote dados/internet) 05 (5 pacote dados/internet) Smartphone (Deputado) (destes até 04 com internet) 01 pelo prazo da Comissão 06 (1 modem / 2 pacote dados) 01 (1 pacote dados/internet) 02 (1 pacote dados/internet) 04 (1 pacote dados/internet) 01 (1 pacote dados/internet) 14 (4 modems / 5 pacote dados) 05 (5 pacote dados/internet) 10 (10 pacotes dados/internet) 02 (1 pacote dados/internet) 01 (1 pacote dados/internet) 01 (1 pacote dados/internet) 02 (1 pacote dados/internet) 03 (1 pacote dados/internet) 01 (1 pacote dados/internet) 01 (1 pacote dados/internet) 02 (2 pacote dados/internet) Tarifas e Limites de despesas mensais Limite das despesas mensais - RSM 783/07 Superintendências e Departamentos R$ 90,00 Gabinetes Bancadas Comissões Liderança do Governo Presidência Ilimitado 11

12 * O valor excedente poderá ser suportado pela ALRS, a critério do Superintendente Geral, desde que as ligações sejam realizadas comprovadamente a serviço do parlamento. * O usuário é responsável pela verificação de tarifas (basear-se na tabela abaixo) indevidas na conta de seu celular, devendo verificar o detalhamento de sua conta, que é enviado juntamente com memorando através de ; 12

13 Tarifas Contratadas (válida para 2013) Serviço de Voz VC MÓVEL x MÓVEL (mesma operadora) VC MÓVEL x MÓVEL (diferente operadora) VC1 (MÓVEL x FIXO) VC2 MÓVEL x MÓVEL (mesma operadora) VC2 MÓVEL x MÓVEL (diferente operadora) VC2 MÓVEL x FIXO VC3 MÓVEL x MÓVEL (mesma operadora) VC3 MÓVEL x MÓVEL (diferente operadora) VC3 MÓVEL x FIXO AD - adicional por deslocamento Serviço de mensagens e dados SMS mensagens curtas Serviço de internet móvel de alta velocidade Pacotes ilimitados c/ aparelhos Pacotes ilimitados c/ modems USB Descrição do Serviço Vivo para vivo Dentro da mesma área - Local Vivo para móvel de outra operadora Dentro da mesma área - Local Vivo para Fixo Dentro da mesma área - Local Vivo para Vivo DDD RS Vivo para móvel de outra operadora DDD RS Vivo para Fixo DDD RS Vivo para Vivo DDD Nacional Vivo para móvel de outra operadora DDD Nacional Vivo para Fixo DDD Nacional Quando o usuário viajar com o celular, dentro do Brasil, não pode ter cobrança pelo deslocamento Torpedos sem mídia (sem fotos, vídeos, músicas...) Preço por minuto (2013) (R$) R$ 0,03 R$ 0,32 R$ 0,04 R$ 0,11 R$ 0,66 R$ 0,40 R$ 0,11 R$ 0,66 R$ 0,40 R$ 0,00 Preço por unidade (R$) R$ 0,07 Preço por unidade (R$) Acesso à internet no celular R$ 24,45 Acesso à internet no modem 3G para notebook R$ 24,

14 Tarifas e Limites de despesas mensais (continuação) Alerta - tarifas em roaming internacional: Não são contratadas - Variam de acordo com a tarifação local Toda utilização de dados efetuada no exterior será cobrada como utilização particular: pacote de dados só é válido dentro da cobertura / rede Vivo. No exterior, caso o cliente faça uso de Internet, a conexão é feita através das operadoras locais de cada país, por isso a cobrança será considerada particular. O valor irá variar de R$ 13,99 a 27,99 por MB consumido. Utilização do modem no exterior: Orientamos o cliente que mantenha o aparelho sempre desconectado dos Serviços de Dados, principalmente o "Sincronismo de "; Conecte apenas se for utilizar; desconectar em seguida. Isso evita um custo mais elevado na conta. Recomendação: Para acesso a internet fora do país, serão consideradas de caráter particular, recomendamos a utilização do acesso Wi-fi do seu smartphone; Conferência mensal das faturas: Mensalmente (próximo ao dia 05 do mês) encaminhamos, via Fatura, em formato pdf Memorando referentes às contas de celular Usuários e responsável pelo setor conferem a(s) conta(s) analisar ligações e tarifas aplicadas conforme tabela de tarifas. Imprime o memorando Observações, recolhimentos e contestações são informados a mão no campo observação do memorando Assinado pelo responsável do setor Devolvidos à Divisão de Telefonia no prazo de 48h (quarenta e oito horas). Caso contrário, considerar-se-ão aceitos os termos referidos no memorando. Para fins de economia de papel e espaço, sugerimos a entrega do mesmo em caderno de Protocolo. Atenção - Endereço de determinado, via memorando, pelo Deputado; alterações somente com outro memorando 14

15 Recolhimento de valor junto à Tesouraria: O que deve ser recolhido: A utilização de serviços não contratados (downloads de jogos, ligações e mensagens para participar em promoções de caráter geral...) é considerada de caráter particular e terá de ser ressarcida à Assembleia; Ligações de caráter particular terão de ser ressarcidas à Assembleia; Procedimento (para ressarcir ligações particulares): Toda solicitação deve ser feita através do Sistema de COTAS Usuário deverá ter acesso ao sistema Caminho: Intranet > Cotas > Logar no Sistema > Solicitações > Recolhimento de Ligações Particulares : Preenche o formulário indicando: Nome : Proveniente de: Mês / Ano: Valor : Gravar Selecionar Fixo ou Celular: Digitar o Número da linha: Informar o valor que deverá ser recolhido Para adicionar mais de uma linha clicar no sinal de + Verde; Após todas as linhas já incluidas clicar em Gravar. Imprimir Pagar na tesouraria Entregar uma cópia do requisição paga no DTI Divisão de Telefonia Será creditado na cota do centro de custo o valor pago; Ligações a cobrar Ligações recebidas a cobrar com operadora diferente da contratada (operadora contratada 15) também serão consideradas de caráter particular (visto que possui tarifas diferentes e superiores às contratadas) e devem ser ressarcidas a Assembleia A Divisão de Telefonia encaminha por (indicado pelo deputado): Fatura digitalizada Memorando de conferência da conta O Gabinete: 1. Imprime o memorando 2. No campo Observações informa as contestações, se for o caso 3. Deputado assina 4. Devolver à Divisão de Telefonia no prazo de 05 (cinco) dias úteis. Caso contrário,considerar-se-ão aceitos os termos referidos no memorando. Para fins de economia de papel e espaço, sugerimos a entrega do mesmo em caderno de protocolo 15

16 Atenção - Endereço de determinado, via memorando, pelo Deputado; alterações somente mediante outro memorando O gabinete deve fazer o recolhimento do valor mensalmente junto à Tesouraria. As faturas porventura não ressarcidas serão encaminhadas para desconto na folha de pagamento no final de cada ano ou quando o deputado se afastar da Casa por qualquer motivo. 16

17 SERVIÇOS Serviços contratados Vivo para vivo - Dentro da mesma área - Local Vivo para móvel de outra operadora - Dentro da mesma área - Local Vivo para Fixo - Dentro da mesma área - Local Vivo para Vivo - DDD RS Vivo para móvel de outra operadora - DDD RS Vivo para Fixo - DDD RS Vivo para Vivo - DDD Nacional Vivo para móvel de outra operadora - DDD Nacional Vivo para Fixo - DDD Nacional Torpedos sem mídia (fotos, vídeos, músicas...) Acesso à Internet no celular Acesso à Internet no modem 3G para notebook Serviços Bloqueados Operadoras não contratadas (Utilizar sempre o 15) Recebimento de ligações a cobrar Acesso à Internet (exceto as linhas com pacote de dados contratados) Ligações para 0300 Ligações Internacionais (exceto uma linha por deputado será liberada para Discagem Direta Internacional, conforme tenha sido informado pelo gabinete, sem necessidade de solicitação todas as vezes que houver uso) Siga-me Vivo Gestão Dispomos de um Sistema de Gerenciamento das Contas através do qual podemos, a pedido do responsável pelo setor (via memorando): Programar Bloqueios: A determinado serviço; Por determinado tempo Programar Limites consumo (R$) Por linha; Por grupo 17

18 Resumo dos Serviços de Telefonia Móvel 1. Solicitação/Liberação aparelho+linha para Roaming Internacional Solicitado por com 01 semana de antecedência Indicar número a ser liberado Local Período Motivo da viagem Obs: Viagens aprovadas pela Mesa Diretora serão Liberadas;Para as demais viagens, a liberação será apreciada pela SAF/SG 2. Habilitação de linha/pacote dados Verifica se está aderente a resolução 783 Busca chip de linha reserva que a conta do mês anterior já esteja zerada Verifica no vivo gestão se a linha consta como reserva ALERGS Separa aparelho + cabo usb + carregador Zerar dados do aparelho Anota número IMEI do aparelho (serial) Anota número do chip Fazer as alterações no WCELL e imprimir termo de responsabilidade em pdf Enviar termo de responsabilidade para chefe de gabinete assinar e carimbar Usuário da linha traz termo de responsabilidade autorizado pelo chefe de gabinete e assinado pelo próprio Testar a linha e o celular Entregar o celular ao usuário 3. Transferências de responsabilidade pela linha/aparelho Sempre que houver alguma alteração, o usuário deve dirigir-se à Divisão para fazer as devidas alterações; Troca de Nome (quando o usuário for exonerado ou a linha for passada para outro usuário); Troca de Setor (quando outro setor vai responsabilizar-se pela linha); Trocas de aparelhos e ou chips devem ser formalizadas (eventuais trocas de chips entre os aparelhos do setor) - não será feito nenhum serviço nos celulares/linhas que não estiverem devidamente regularizados 4. Configuração de telefone/aplicativos/ /agenda 5. Backup/Restore agenda celular 6. Bloqueio de linha (perda/roubo/solicitação) 7. Devolução de linha/pacote dados/aparelho Quando o usuário ou setor perde o direito à linha, deve entregá-la na Divisão, onde receberá um termo de devolução, que o exime de qualquer responsabilidade daquele momento em diante 8. Troca de número 18

19 9. Transferência de titularidade das linhas de celular 10. Transferência pacote de dados 11. Outras requisições Transferência da agenda do telefone Quando: No caso de troca de aparelhos do comodato. Conteúdo Transferido: A transferência restringe-se a contatos da agenda telefônica, não incluindo fotos, vídeos, musicas ou mensagens. Segurança: A transferência de dados não é 100% segura, podendo haver perda e modificação de contatos Responsabilidade: A Divisão de Telefonia não se responsabiliza pela perda ou modificação de dados, tampouco pela transferência não permitida em sistema. Falhas Técnicas: Também é possível que o sistema não detecte/reconheça o aparelho e não seja viável efetivar a transferencia. Serviços de Assistência A Divisão de Telefonia conta com Suporte da contratada (configuração dos aparelhos) mediante agendamento prévio. 19

JUAREZ COSTA, PREFEITO MUNICIPAL DE SINOP, ESTADO DE MATO GROSSO, no uso de suas atribuições legais; D E C R E T A:

JUAREZ COSTA, PREFEITO MUNICIPAL DE SINOP, ESTADO DE MATO GROSSO, no uso de suas atribuições legais; D E C R E T A: DECRETO Nº. 245/2014 DATA: 24 de novembro de 2014 SÚMULA: Disciplina a utilização das linhas telefônicas móveis, os chamados Celulares Corporativos, e dá outras providências. JUAREZ COSTA, PREFEITO MUNICIPAL

Leia mais

Política de Celular Corporativo LIBBS

Política de Celular Corporativo LIBBS Política de Celular Corporativo LIBBS 1. Objetivo Estabelecer as diretrizes/normas para uso do Celular Corporativo LIBBS, recurso este disponibilizado para o trabalho, que visa melhorar a comunicação da

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO PRESIDÊNCIA PORTARIA CNMP-PRESI N.º 88 DE 26 DE OUTUBRO DE 2010.

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO PRESIDÊNCIA PORTARIA CNMP-PRESI N.º 88 DE 26 DE OUTUBRO DE 2010. PORTARIA CNMP-PRESI N.º 88 DE 26 DE OUTUBRO DE 2010. Regulamenta a utilização, manutenção e controle do Sistema de Telefonia fixa e móvel, no âmbito do Conselho Nacional do Ministério Público. O PRESIDENTE

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa RESOLUÇÃO DE MESA N.º783/2007. (publicada no DOE nº 194, de 11 de outubro de 2007) Define as políticas para o uso

Leia mais

Carteira de Transporte Escolar Metropolitano. Manual de Orientação aos Estudantes Com direito ao PASSE LIVRE. Região Metropolitana de Sorocaba

Carteira de Transporte Escolar Metropolitano. Manual de Orientação aos Estudantes Com direito ao PASSE LIVRE. Região Metropolitana de Sorocaba MA-GRS-004 Versão: 01 Vigência: 2016 Página: 1 / 19 Carteira de Transporte Escolar Metropolitano 2016 Manual de Orientação aos Estudantes Com direito ao PASSE LIVRE Região Metropolitana de Sorocaba MA-GRS-004

Leia mais

Guia do serviço SMP Corporativo

Guia do serviço SMP Corporativo Guia do serviço SMP Corporativo Versão 02 Introdução Esse guia tem o intuito de apresentar o funcionamento e os procedimentos da gestão do novo contrato do Serviço de Telefonia Móvel corporativo da Unicamp.

Leia mais

INSTRUÇÃO CONJUNTA SAEB/SEINFRA Nº 001 DE 28 DE ABRIL DE 2009

INSTRUÇÃO CONJUNTA SAEB/SEINFRA Nº 001 DE 28 DE ABRIL DE 2009 INSTRUÇÃO CONJUNTA SAEB/SEINFRA Nº 001 DE 28 DE ABRIL DE 2009 Orienta os órgãos e entidades da Administração Pública do Poder Executivo Estadual, quanto aos critérios para utilização do Serviço de Telefonia

Leia mais

1. Objetivos dos Laboratórios de Informática fixo e móveis; Os Laboratórios de Informática têm como objetivo atender às seguintes necessidades da IES:

1. Objetivos dos Laboratórios de Informática fixo e móveis; Os Laboratórios de Informática têm como objetivo atender às seguintes necessidades da IES: REGULAMENTO PARA USO DOS LABORATORIOS DE INFORMATICA E DA INTERNET NA FACULDADE REDENTOR POR PARTE DE PROFESSORES E ALUNOS 1. Objetivos dos Laboratórios de Informática fixo e móveis; Os Laboratórios de

Leia mais

POLÍTICA DE TELEFONIA MÓVEL

POLÍTICA DE TELEFONIA MÓVEL POLÍTICA DE TELEFONIA MÓVEL REV. 03 DATA 20-07-2015 1. OBJETIVO Padronizar o processo e regras de uso de telefonia móvel corporativa da FSB, a fim de deixar o processo mais claro e eficiente e evitar excessos

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31389 de 31/03/2009

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31389 de 31/03/2009 DIÁRIO OFICIAL Nº. 31389 de 31/03/2009 GABINETE DA GOVERNADORA DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 04 /2009. Dispõe sobre a utilização, o registro e o controle dos telefones móveis pertencentes

Leia mais

O plano CLARO apresenta as seguintes características:

O plano CLARO apresenta as seguintes características: Vitória, 09 de Abril de 2012. Aos Associados da AJUSTES A CLARO, em parceria com a AJUSTES, nessa proposta, visa proporcionar economia em sua conta telefônica celular, disponibilizando melhores tarifas

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO SISTEMA CCA

MANUAL DE ORIENTAÇÃO SISTEMA CCA MANUAL DE ORIENTAÇÃO SISTEMA CCA Versão.0 Sistema de Controle de Concessão de Adiantamentos Sumário O Sistema CCA ----------------------------------------------------- 3 Iniciando a operacionalização do

Leia mais

SERVICE. manual do usuário. Version 2.0 FLM 040001

SERVICE. manual do usuário. Version 2.0 FLM 040001 Version 2.0 FLM 040001 INDEX INTRODUÇÃO DEFINIÇÃO DO SERVIÇO REQUISITOS BÁSICOS RECOMENDAÇÕES COMO FAZER O REGISTRO NO SERVIÇO FLIP COMO FAZER LIGAÇÕES COMO RECEBER LIGAÇÕES COMO TRANSFERIR AS LIGAÇÕES

Leia mais

REGULAMENTO OFERTA OI CONTROLE

REGULAMENTO OFERTA OI CONTROLE REGULAMENTO OFERTA OI CONTROLE Válida para os Estados de MG(31/32/33/34, BA(71/73/74/77),PE(81/87), AL(82),PB(83), CE(85),RN(84),PI(86),AM(92), PA(93),MA(98/99). OI CONTROLE GANHE R$2700 EM BÔNUS Empresa

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL Nº 27/15. ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

PREGÃO PRESENCIAL Nº 27/15. ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PREGÃO PRESENCIAL Nº 27/15. ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA Constitui objeto da presente licitação o registro de preços para implantação de sistema de telefonia digital (PABX) baseado em servidor IP, com fornecimento

Leia mais

FIN. 08 - ADIANTAMENTO E PRESTAÇÃO DE CONTAS

FIN. 08 - ADIANTAMENTO E PRESTAÇÃO DE CONTAS 1 de 12 msgq - ADIANTAMENTO E PRESTAÇÃO DE CONTAS MACROPROCESSO FINANCEIRO PROCESSO CONTAS A PAGAR - ADIANTAMENTO E PRESTAÇÃO DE CONTAS 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA... 2 3. DOCUMENTOS RELACIONADOS...

Leia mais

Como Vender. Versão Maio/2016. Nossa melhor ligação é com você

Como Vender. Versão Maio/2016. Nossa melhor ligação é com você Versão Maio/2016 Nossa melhor ligação é com você Passo a passo COMO VENDER A Porto Seguro sempre procurou criar produtos e serviços que facilitam a vida dos seus clientes. Foi assim com os consertos gratuitos

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO DOS PLANOS CLARO INTERNET PÓS PAGO

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO DOS PLANOS CLARO INTERNET PÓS PAGO TERMOS E CONDIÇÕES DE USO DOS PLANOS CLARO INTERNET PÓS PAGO O presente Termo tem a finalidade de regular as relações entre a CLARO S.A., empresa autorizatária do Serviço Móvel Pessoal, inscrita no CNPJ/MF

Leia mais

REGULAMENTO PROMOÇÃO COMBOS VIVO 2 EM 1 PÓS + INTERNET MÓVEL

REGULAMENTO PROMOÇÃO COMBOS VIVO 2 EM 1 PÓS + INTERNET MÓVEL REGULAMENTO PROMOÇÃO COMBOS VIVO 2 EM 1 PÓS + INTERNET MÓVEL Válido para todos os estados do Brasil Antes de participar da Promoção, o usuário deve ler o presente Regulamento e, participando da Promoção,

Leia mais

PROGRAMAÇÃO E INSTALAÇÃO RAMAL CELULAR

PROGRAMAÇÃO E INSTALAÇÃO RAMAL CELULAR MANUAL DE PROGRAMAÇÃO E INSTALAÇÃO RAMAL CELULAR Bem-vindo! Obrigado por adquirir o RAMAL CELULAR GSM. Antes de instalar e acionar o equipamento, leia atentamente as instruções deste manual. Introdução

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO E INSTALADOR

MANUAL DO USUÁRIO E INSTALADOR MANUAL DO USUÁRIO E INSTALADOR Apresentação O Rastreador Curinga é uma solução prática e confiável para rastreamento e bloqueio remoto de veículos. O aparelho possui alguns recursos desenhados especialmente

Leia mais

Call Center do cliente corporativo oi. Fique por dentro de tudo que você pode solicitar.

Call Center do cliente corporativo oi. Fique por dentro de tudo que você pode solicitar. Call Center do cliente corporativo oi. Fique por dentro de tudo que você pode solicitar. Acesso ao call center Ligue 0800 031 8031 Atendimento Corporativo O horário de funcionamento é de 24 horas durante

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS POLÍTICA DE TELEFONIA

MANUAL DE PROCEDIMENTOS POLÍTICA DE TELEFONIA 02/02/205 PTI-0. INTRODUÇÃO A Política de Telefonia tem por objetivo estabelecer o procedimento e regras para concessão e utilização dos recursos de telefonia móvel disponibilizados pela empresa. 2. ESCOPO

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES. Compatibilidade com uso da linha na rede móvel. Recebimento de chamadas a cobrar Sim Não -

TERMOS E CONDIÇÕES. Compatibilidade com uso da linha na rede móvel. Recebimento de chamadas a cobrar Sim Não - TERMOS E CONDIÇÕES 1. Definições e compatibilidade 1.1 O serviço TU Go está disponível para clientes Vivo Móvel pessoa física e pessoa jurídica (com exceção de clientes que possuam o serviço Vivo Gestão).

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça Vide Instrução Normativa STJ/GDG n. 26 de 18 de dezembro de 2015 (Alteração = art. 12) RESOLUÇÃO STJ N. 2 DE 4 DE FEVEREIRO DE 2015. Dispõe sobre os serviços de telecomunicações do Superior Tribunal de

Leia mais

1.3. A adesão ao Programa de Relacionamento implica na aceitação total das condições e normas descritas no presente Regulamento.

1.3. A adesão ao Programa de Relacionamento implica na aceitação total das condições e normas descritas no presente Regulamento. REGULAMENTO OI MAIS Condições Gerais 1.1.A Telemar Norte Leste ( Telemar ) inscrita no CNPJ/MF sob o nº 33.000.118/0001-79, com sede na Rua General Polidoro, nº 99, Botafogo, na Cidade e Estado do Rio

Leia mais

Regra do SERVIÇO VIVO GESTÃO

Regra do SERVIÇO VIVO GESTÃO Regras do serviço VIVO GESTÃO Serviço que permite controlar o uso e o gasto do tráfego voz dos celulares da sua Empresa em todo o Brasil. Através do serviço Vivo Gestão, a empresa configura via internet,

Leia mais

TERMO DE ADESÃO AO SERVIÇO SEM PARAR Consulte a Proposta de Adesão com as regras específicas do Plano de Serviços escolhido.

TERMO DE ADESÃO AO SERVIÇO SEM PARAR Consulte a Proposta de Adesão com as regras específicas do Plano de Serviços escolhido. TERMO DE ADESÃO AO SERVIÇO SEM PARAR Consulte a Proposta de Adesão com as regras específicas do Plano de Serviços escolhido. 1. DAS DEFINIÇÕES 1.1. São aplicáveis as seguintes definições: (I) AUTOATENDIMENTO:

Leia mais

Dispõe sobre as instruções de implantação e uso do Crachá Digital no âmbito da Secretaria da Fazenda.

Dispõe sobre as instruções de implantação e uso do Crachá Digital no âmbito da Secretaria da Fazenda. Portaria Conjunta CGA/CPM - 1, de 27-11-2012 Dispõe sobre as instruções de implantação e uso do Crachá Digital no âmbito da Secretaria da Fazenda. Os Coordenadores da Coordenadoria Geral de Administração

Leia mais

Manual PME. de Movimentação Cadastral e Faturamento

Manual PME. de Movimentação Cadastral e Faturamento Manual PME de Movimentação Cadastral e Faturamento 2 Caro cliente Obrigado por escolher a NotreDame Intermédica como a operadora de saúde dos seus colaboradores. Este Manual de Utilização do PME On-line

Leia mais

Manual de Treinamento Serviços de Manutenção Ticket Car. Operações via POS/TEF

Manual de Treinamento Serviços de Manutenção Ticket Car. Operações via POS/TEF Manual de Treinamento Serviços de Manutenção Ticket Car Operações via POS/TEF Cartão Ticket Car CIU - Cartão de Identificação do Usuário ÍNDICE Operações com o Cartão Ticket Car... 04 POS Ticket Car :

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 419, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2009

RESOLUÇÃO Nº 419, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2009 Publicada no Diário da Justiça Eletrônico, em 1º/12/2009. RESOLUÇÃO Nº 419, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2009 Dispõe sobre a utilização dos sistemas de telefonia fixa e de comunicação móvel do Supremo Tribunal

Leia mais

NORMA DE TELEFONIA FIXA, MÓVEL E RÁDIO COMUNICAÇÃO NOR 203

NORMA DE TELEFONIA FIXA, MÓVEL E RÁDIO COMUNICAÇÃO NOR 203 MANUAL DE ADMINISTRAÇÃO COD. 200 ASSUNTO: UTILIZAÇÃO DE SERVIÇOS DE TELEFONIA FIXA, MÓVEL E RÁDIO COMUNICAÇÃO COD: NOR 203 APROVAÇÃO: REDIR nº 14/2009, de 16/11/2009 NORMA DE TELEFONIA FIXA, MÓVEL E RÁDIO

Leia mais

MANUAL OPERACIONAL GESTÃO DE PATRIMÔNIO

MANUAL OPERACIONAL GESTÃO DE PATRIMÔNIO MANUAL OPERACIONAL GESTÃO DE PATRIMÔNIO ÍNDICE: CAPÍTULO 01 NORMA E PROCEDIMENTOS 1 - OBJETIVO 03 2 - VISÃO 03 3 - DISPOSIÇÕES GERAIS 03 4 - DEFINIÇÕES 03 5 - CLASSIFICAÇÃO 03 6 - PEDIDO DE MATERIAL PERMANENTE

Leia mais

BOOK DE OFERTAS Segmento Corporativo Vigência: até 03/10/2011

BOOK DE OFERTAS Segmento Corporativo Vigência: até 03/10/2011 Segmento Corporativo Vigência: até 03/10/2011 As informações contidas neste documento são proprietárias e para uso público. Propriedade da Vivo. CONCEITO DA OFERTA LD SUPER DADOS A PARTIR DE 01 LINHA FRANQUIA

Leia mais

Novidades da Versão 3.0.0.30

Novidades da Versão 3.0.0.30 Novidades da Versão 3.0.0.30 Alteração Equipamento Unidade Instalação Inserida informação Telemetria na Tela de Alteração de Equipamento Unidade de Instalação (326). A informação Roaming Internacional

Leia mais

Plano Sob Medida Regulamento

Plano Sob Medida Regulamento Plano Sob Medida Regulamento O presente Regulamento tem por objeto regular as relações entre a CLARO e os participantes do Plano Sob Medida. 1. Condições Gerais 1.1 Com o plano Sob Medida, o cliente poderá

Leia mais

REGULAMENTO Nextel Família

REGULAMENTO Nextel Família REGULAMENTO Nextel Família Esta promoção é comercializada pela NEXTEL TELECOMUNICAÇÕES Ltda., prestadora do Serviço Móvel Pessoal SMP, doravante simplesmente NEXTEL, situada na Avenida das Nações Unidas,

Leia mais

GUIA DE PRODUTOS E SERVIÇOS NET

GUIA DE PRODUTOS E SERVIÇOS NET GUIA DE PRODUTOS E SERVIÇOS NET 1 SEJA BEM-VINDO à net! Caro cliente, Este guia foi desenvolvido para você conhecer um pouco mais sobre os produtos e serviços NET que estão à sua disposição. Aproveite

Leia mais

DADOS DO CLIENTE OI MÓVEL TITULAR DO PLANO:

DADOS DO CLIENTE OI MÓVEL TITULAR DO PLANO: Via Oi PROMOÇÃO OFERTA MÃES - ABR/13 PROMOÇÃO VÁLIDA DE 24/04/2013 a 30/06/2013. Certificamos a sua adesão à PROMOÇÃO OFERTA MÃES - ABR/13 SMARTPHONE, que consiste em um Pacote ilimitado de minutos mensais

Leia mais

MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE CLÁUDIA CONTROLE INTERNO

MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE CLÁUDIA CONTROLE INTERNO 1/5 1) FINALIDADE: 1.1) Estabelecer rotinas para utilização e controle dos meios de comunicação de telefonia móvel e fixa no âmbito do Serviço Público do Município de Cláudia/MT. 2) ABRANGÊNCIA: 2.1) Abrange

Leia mais

TERMO DE USO - SERVIÇO VIVO FOTO REVISTA

TERMO DE USO - SERVIÇO VIVO FOTO REVISTA TERMO DE USO - SERVIÇO VIVO FOTO REVISTA As disposições abaixo regulam a utilização do serviço VIVO FOTO REVISTA ( Serviço ) ofertado pela VIVO ( VIVO ) ao CLIENTE VIVO MÓVEL ( Cliente ), o qual antes

Leia mais

PROCEDIMENTO CORPORATIVO

PROCEDIMENTO CORPORATIVO 1/19 Nº Revisão Descrição da Revisão Data 01 Emissão Inicial 08/09/2013 Revisão 2 10/09/2013 Elaboração: Patrícia Eto Aprovação: Divulgação: 2/19 1. Objetivo O objetivo deste material é apresentar as regras

Leia mais

Telecomunicações: faça valer seus direitos. Versão digital

Telecomunicações: faça valer seus direitos. Versão digital Telecomunicações: faça valer seus direitos Versão digital Atualizada em maio de 2015 Os serviços de telecomunicações estão entre os que mais geram dúvidas e reclamações. Veja quais são os seus principais

Leia mais

Manual do Usuário e Instalação - FIT100

Manual do Usuário e Instalação - FIT100 Manual do Usuário e Instalação - FIT100 1. APRESENTAÇÃO: O Rastreador Locktronic FIT100 é um dispositivo eletrônico para lhe auxiliar na proteção de seu veículo. As funções disponíveis neste produto são

Leia mais

Manual de Estágio Supervisionado

Manual de Estágio Supervisionado NEP Manual de Estágio Supervisionado Sumário Apresentação.................................................................... 3 Considerações Iniciais............................................................

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA N 001/2013

INSTRUÇÃO NORMATIVA N 001/2013 1 INSTRUÇÃO NORMATIVA N 001/2013 "Estabelece normas de controle para o Patrimônio do Poder Executivo Municipal." A Unidade Central de Controle Interno, no uso de suas atribuições, conforme determina o

Leia mais

Contrato de concessão de uso de cartões TEU Carga a Bordo Teu Online

Contrato de concessão de uso de cartões TEU Carga a Bordo Teu Online Contrato de concessão de uso de cartões TEU Carga a Bordo Teu Online Registrado no 2º Serviço de Títulos e Documentos de Porto Alegre sob o nº 16867 1. PARTES CONTRATANTE: Razão social: CNPJ: Email: Telefone:

Leia mais

Internet Banking. Outubro - 2012

Internet Banking. Outubro - 2012 Internet Banking Outubro - 2012 1 Índice 1. Início... Pg. 4 2. Menu Home... Pg. 5 3. Menu Conta Corrente... Pg. 7 3.1 Extratos Conta Corrente... Pg. 8 3.2 Extratos de Tarifas...Pg. 9 3.3 Informações Complementares...

Leia mais

MANUAL CONTRATAÇÃO DE EVENTOS PRÉ EVENTO A) ELABORAÇÃO DA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA E TRÂMITES PARA CONTRATAÇÃO DA EMPRESA

MANUAL CONTRATAÇÃO DE EVENTOS PRÉ EVENTO A) ELABORAÇÃO DA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA E TRÂMITES PARA CONTRATAÇÃO DA EMPRESA MANUAL CONTRATAÇÃO DE EVENTOS PRÉ EVENTO A) ELABORAÇÃO DA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA E TRÂMITES PARA CONTRATAÇÃO DA EMPRESA 1) Reunião Prévia (Responsável: Secretaria Demandante) Solicitação de Contratação,

Leia mais

Plano Pós-Pago Alternativo de Serviço

Plano Pós-Pago Alternativo de Serviço 1 - Aplicação Plano Pós-Pago Alternativo de Serviço Plano Nº 044 - Claro Online 5GB Requerimento de Homologação Nº 8876 Este Plano Pós-Pago Alternativo de Serviço é aplicável pela autorizatária CLARO S.A.,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 367, DE 13 DE JUNHO DE 2008

RESOLUÇÃO Nº 367, DE 13 DE JUNHO DE 2008 RESOLUÇÃO Nº 367, DE 13 DE JUNHO DE 2008 Dispõe sobre a utilização dos sistemas de telefonia fixa e móvel celular do Supremo Tribunal Federal O PRESIDENTE DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, no uso das atribuições

Leia mais

Termo de Compromisso e Adesão ao Sistema de Emissão e Reserva de Bilhete Aéreo

Termo de Compromisso e Adesão ao Sistema de Emissão e Reserva de Bilhete Aéreo Termo de Compromisso e Adesão ao Sistema de Emissão e Reserva de Bilhete Aéreo PICCHIONI VIAGENS E TURISMO LTDA, estabelecida à Avenida Bernardo Monteiro, 1539, em Belo Horizonte- MG- CEP: 30.150-281,

Leia mais

CONHEÇA O PASSO A PASSO PARA UTILIZAÇÃO DA SUA CARTA DE CRÉDITO

CONHEÇA O PASSO A PASSO PARA UTILIZAÇÃO DA SUA CARTA DE CRÉDITO CONHEÇA O PASSO A PASSO PARA UTILIZAÇÃO DA SUA CARTA DE CRÉDITO 1. PRINCIPAIS ORIENTAÇÕES 2 2. MODALIDADE PARA USO DA SUA CARTA DE CRÉDITO 2 3. ETAPAS PARA UTILIZAÇÃO DO CRÉDITO 2 4. DOCUMENTOS PARA PESQUISA

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO PLANOS PÓS PAGO CLARO ONLINE

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO PLANOS PÓS PAGO CLARO ONLINE O presente Termo tem a finalidade de registrar as características e a oferta dos novos Planos Pós Pago da e regular as relações entre a S.A., empresa autorizatária do Serviço Móvel Pessoal, inscrita no

Leia mais

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO PORTABILIDADE PRÉ-PAGO 2015

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO PORTABILIDADE PRÉ-PAGO 2015 O presente Regulamento tem por objeto regular as relações entre a CLARO e os participantes da Promoção. 1. Condições gerais 1.1 REALIZADORA: CLARO S/A, autorizatária do serviço móvel pessoal com sede na

Leia mais

Pagamento via Celular. Guia Prático. Cartão Ecopag. Pagamento via Celular

Pagamento via Celular. Guia Prático. Cartão Ecopag. Pagamento via Celular Pagamento via Celular Guia Prático Cartão Ecopag Pagamento via Celular VALIDADE MARCELO TELLES 08/15 Parabéns! Agora você já pode dizer para todo mundo que tem um fantástico cartão de crédito e pagamento

Leia mais

MANUAL DE USO DO PLANO DE TELEFONIA MÓVEL CORPORATIVO EMPRESARIAL OPERADORA: VIVO. Outubro/2013 DILS

MANUAL DE USO DO PLANO DE TELEFONIA MÓVEL CORPORATIVO EMPRESARIAL OPERADORA: VIVO. Outubro/2013 DILS MANUAL DE USO DO PLANO DE TELEFONIA MÓVEL CORPORATIVO EMPRESARIAL OPERADORA: VIVO Outubro/2013 DILS Parabéns! Você acaba de tornar-se um participante do grupo corporativo de telefonia móvel (Ope. Vivo)

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 036/2010 SEMA PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 042-2504/2010 ANEXO I DESCRIÇÃO DO LOTE LOTE I SERVIÇOS DE TELEFONIA MÓVEL

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 036/2010 SEMA PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 042-2504/2010 ANEXO I DESCRIÇÃO DO LOTE LOTE I SERVIÇOS DE TELEFONIA MÓVEL EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 036/2010 SEMA PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 042-2504/2010 ANEXO I DESCRIÇÃO DO LOTE LOTE I SERVIÇOS DE TELEFONIA MÓVEL ITEM DESCRIÇÃO QUANTIDADE UNIDADE 1.1 Serviços de telefonia

Leia mais

MANUAL SISTEMA AJG/CJF

MANUAL SISTEMA AJG/CJF MANUAL DO SISTEMA AJG/CJF ÍNDICE 1. SEJA BEM VINDO AO AJG... 3 1.1 Seja Bem-Vindo!... 3 2. SOBRE A AJUDA... 4 2.1 Como navegar no ajuda on-line... 4 3. SOBRE O SISTEMA... 5 3.1 Sobre o sistema... 5 3.2

Leia mais

ESCLARECIMENTO PE 090/2014

ESCLARECIMENTO PE 090/2014 ESCLARECIMENTO PE 090/2014 Questionamento 1 Nossa solicitação: O edital em epígrafe não estabeleceu a incidência de multas e atualização financeira do valor devido, em caso de atraso no pagamento. Logo,

Leia mais

Book Vivo Sua Empresa Ilimitado Exclusivo PR/SC/MA e Nordeste versão 2 Segmento PME Vigência: 21/10/2013 a 31/12/2013

Book Vivo Sua Empresa Ilimitado Exclusivo PR/SC/MA e Nordeste versão 2 Segmento PME Vigência: 21/10/2013 a 31/12/2013 Book Vivo Sua Empresa Segmento PME Vigência: 21/10/2013 a 31/12/2013 As informações contidas neste documento são proprietárias e para uso público. Propriedade da Vivo. Plano Vivo Sua Empresa (A partir

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA Processo 50618.000923/2008-47 1. OBJETO 01.01. Contratação de empresa para fornecimento de combustível para abastecimento dos veículos a serviço da Superintendência Regional

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa RESOLUÇÃO DE MESA N.º 784/2007. (republicada no DOAL nº 9212, de 12 de março de 2008) (vide publicação original abaixo)

Leia mais

Campanha para o Vestibular 2015.1 - Matricule-se e ganhe o mesmo valor em bônus para o seu celular.

Campanha para o Vestibular 2015.1 - Matricule-se e ganhe o mesmo valor em bônus para o seu celular. Campanha para o Vestibular 2015.1 - Matricule-se e ganhe o mesmo valor em bônus para o seu celular. 1. A Faculdade CDL concederá aos alunos que realizarem sua matrícula acadêmica e financeira para o semestre

Leia mais

CONTRATO DE COMODATO

CONTRATO DE COMODATO Pelo presente instrumento particular de contrato de comodato, as partes, de um lado SKYPROTECTION Tecnologia de Informação Veicular Ltda., pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o nº.

Leia mais

Gestão de Suprimento de Fundos

Gestão de Suprimento de Fundos Suporte Institucional MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS Gestão de Suprimento de Fundos Esta edição do Manual foi atualizada até 26/06/2014. Ministério Público Federal Procuradoria da República do Rio Grande

Leia mais

Corporativo PME. Agosto 2013

Corporativo PME. Agosto 2013 Corporativo PME Agosto 2013 Plano Sob Medida - Promoção Claro Flex 28 107 minutos local Minutos ilimitados para falar com o grupo 107 minutos para falar com a rede Claro VC1 R$ 0,28 Flat dentro e fora

Leia mais

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO?

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO? Índice BlueControl... 3 1 - Efetuando o logon no Windows... 4 2 - Efetuando o login no BlueControl... 5 3 - A grade de horários... 9 3.1 - Trabalhando com o calendário... 9 3.2 - Cancelando uma atividade

Leia mais

REGULAMENTO. Promoção 3G Pooling

REGULAMENTO. Promoção 3G Pooling REGULAMENTO Promoção 3G Pooling Esta promoção é comercializada pela NEXTEL TELECOMUNICAÇÕES Ltda., prestadora do Serviço Móvel Pessoal SMP, doravante denominada simplesmente NEXTEL, situada na Alameda

Leia mais

Faculdade de Tecnologia de Barueri Padre Danilo José de Oliveira Ohl. Portaria nº 05/2014

Faculdade de Tecnologia de Barueri Padre Danilo José de Oliveira Ohl. Portaria nº 05/2014 Página 1 de 9 Portaria nº 05/2014 Estabelece e Regulamenta a Política de Uso dos Computadores, Laboratórios de Informática e Equipamentos Eletrônicos da Faculdade de Tecnologia de Barueri. O Diretor da

Leia mais

ANEXO TERMOS E CONDIÇÕES DE USO PRÉ PAGO E CONTROLE REGULAMENTO DA PROMOÇÃO ACESSO FACEBOOK, TWITTER E WHATSAPP PRÉ E CONTROLE

ANEXO TERMOS E CONDIÇÕES DE USO PRÉ PAGO E CONTROLE REGULAMENTO DA PROMOÇÃO ACESSO FACEBOOK, TWITTER E WHATSAPP PRÉ E CONTROLE ANEXO TERMOS E CONDIÇÕES DE USO PRÉ PAGO E CONTROLE REGULAMENTO DA PROMOÇÃO ACESSO FACEBOOK, TWITTER E WHATSAPP PRÉ E CONTROLE O presente Regulamento tem por objeto regular as relações entre a CLARO e

Leia mais

GUIA ACADÊMICO MATRÍCULA E REMATRÍCULA DISPENSA DE DISCIPLINA REQUERIMENTOS

GUIA ACADÊMICO MATRÍCULA E REMATRÍCULA DISPENSA DE DISCIPLINA REQUERIMENTOS GUIA ACADÊMICO MATRÍCULA E REMATRÍCULA A matrícula é o ato formal do aluno com a UNIUV. Importa em direitos e deveres, tanto para o aluno como para a instituição. Sua efetivação ocorre após classificação

Leia mais

PLATAFORMA DE DESENVOLVIMENTO PINHÃO PARANÁ. PROCESSO REGISTRAR MARCAS NO INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial)

PLATAFORMA DE DESENVOLVIMENTO PINHÃO PARANÁ. PROCESSO REGISTRAR MARCAS NO INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial) PLATAFORMA DE DESENVOLVIMENTO PINHÃO PARANÁ PROCESSO REGISTRAR MARCAS NO INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial) Dezembro 2008 Sumário de Informações do Documento Tipo do Documento: Guia Título

Leia mais

GUIA PARA NOVOS NO ELO7: MEIOS DE PAGAMENTO 1

GUIA PARA NOVOS NO ELO7: MEIOS DE PAGAMENTO 1 GUIA PARA NOVOS NO ELO7: MEIOS DE PAGAMENTO 1 ÍNDICE 1. Meios de Pagamento disponíveis 1.1 Notificação de Pagamento 03 03 2. Moip 2.1 Benefícios 2.2 Como criar uma conta no Moip 2.2.1. Verificação da conta

Leia mais

Telefonia Celular Coorporativo, fixo e Mini Modem. Sumário. 1. Objetivo 02. 2. A quem se destina 02. 3. Diretrizes 02

Telefonia Celular Coorporativo, fixo e Mini Modem. Sumário. 1. Objetivo 02. 2. A quem se destina 02. 3. Diretrizes 02 Sumário 1. Objetivo 02 2. A quem se destina 02 3. Diretrizes 02 4. Uso do celular corporativo 03 5. Mini Modem 04 6. Ligações Particulares 05 7. Responsabilidades e autoridades 8. Anexos Página 1 de 5

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL Manual do ITIV PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE TRIBUTAÇÃO M A N U A L D O ITIV PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL Manual do ITIV ÍNDICE INFORMAÇÕES GERAIS...3

Leia mais

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES DA GESTÃO DO TRABALHO FRENQUENTLY ANSWER QUESTIONS (FAQ S) ATIVIDADES PARA FORMAÇÃO

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES DA GESTÃO DO TRABALHO FRENQUENTLY ANSWER QUESTIONS (FAQ S) ATIVIDADES PARA FORMAÇÃO PERGUNTAS MAIS FREQUENTES DA GESTÃO DO TRABALHO FRENQUENTLY ANSWER QUESTIONS (FAQ S) ATIVIDADES PARA FORMAÇÃO 1 FORMAÇÃO 1.1 O que é formação? Todas atividades relacionadas ao processo de educação, que

Leia mais

Vale Transporte PREFEITURA DE GUARULHOS. Origem da informação: SAM01.06.03

Vale Transporte PREFEITURA DE GUARULHOS. Origem da informação: SAM01.06.03 1 Vale Transporte Legislação: Decreto Municipal n 29.086, de 21/07/2011 Lei Municipal n 4.981, de 03/07/1997 Definição: Custear despesas com deslocamento entre residência-trabalho-residência. A concessão

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO PARA CONCESSÃO DE USO DE LINHA DE TELEFONIA MÓVEL

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO PARA CONCESSÃO DE USO DE LINHA DE TELEFONIA MÓVEL Nº Do contrato: Fone: ( ) IMEI: * *A ser preenchido pela associação. INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO PARA CONCESSÃO DE USO DE LINHA DE TELEFONIA MÓVEL Pelo presente instrumento particular, de um lado

Leia mais

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO DOS DISCENTES DESTE CAMPUS EM: VISITAS TÉCNICAS CAPÍTULO I

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO DOS DISCENTES DESTE CAMPUS EM: VISITAS TÉCNICAS CAPÍTULO I REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO DOS DISCENTES DESTE CAMPUS EM: VISITAS TÉCNICAS CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO E OBJETIVOS Artigo 1º - Visita técnica é atividade complementar dos componentes curriculares dos cursos

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO MÓVEL PESSOAL SMP - PRÉ- PAGO.

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO MÓVEL PESSOAL SMP - PRÉ- PAGO. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO MÓVEL PESSOAL SMP - PRÉ- PAGO. Confira as condições do contrato para prestação de serviços firmado entre você e a Oi Móvel S/A. (Oi), com sede em Setor Comercial Norte,

Leia mais

Tem entre si, certo e ajustado, o presente CONTRATO, que será regido pelas seguintes cláusulas e condições:

Tem entre si, certo e ajustado, o presente CONTRATO, que será regido pelas seguintes cláusulas e condições: ADMINISTRADORA DE CARTÕES LTDA. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ADMINISTRAÇÃO E DE FORNECIMENTO DE CARTÃO REFEIÇÃO Por este instrumento e na melhor forma de direito, de um lado, MAXXCARD ADMINISTRADORA

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL DO CARTÃO BI CARD CONSIGNADO GOV. ACRE

ROTEIRO OPERACIONAL DO CARTÃO BI CARD CONSIGNADO GOV. ACRE 1. PUBLICO ALVO O publico alvo é constituído por servidores ativos e inativos do Governo do Estado do Acre com o objetivo de concessão do Cartão BI CARD possibilitando saque antecipado, saques eletrônicos,

Leia mais

Considerando que: a) A UNAFISCO NACIONAL firmou com a TIM Celular contrato de Prestação do Serviço Móvel Pessoal (SMP);

Considerando que: a) A UNAFISCO NACIONAL firmou com a TIM Celular contrato de Prestação do Serviço Móvel Pessoal (SMP); Nº Do contrato: Fone: ( ) IMEI: * *A ser preenchido pela associação. INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE COMODATO DE APARELHO CELULAR E DE CONCESSÃO DE USO DE LINHA DE TELEFONIA MÓVEL E CONTRATAÇÃO DE

Leia mais

Manual de utilização do Relatório de Viagens

Manual de utilização do Relatório de Viagens Manual de utilização do Relatório de Viagens Os Módulos do Sistema de Relatório de Viagens foram criados tendo com base a Regulamentação de Viagem da MGS - Minas Gerais Administração e Serviços S/A (RG/AD/02/10ª).

Leia mais

2. Os percursos serão de 4 km para caminhada, corrida de 4 Km, 8 km e 16 km. 7. A prova se realizará com qualquer condição climática.

2. Os percursos serão de 4 km para caminhada, corrida de 4 Km, 8 km e 16 km. 7. A prova se realizará com qualquer condição climática. REGULAMENTO SOBRE O EVENTO 1. A Corrida Colorada é um evento de corrida e caminhada, que será realizada no dia 18 de outubro de 2015 (domingo), em Porto Alegre, no Estado do Rio Grande do Sul, com participação

Leia mais

Argumentos de Vendas. Versão Maio/2016. Nossa melhor ligação é com você

Argumentos de Vendas. Versão Maio/2016. Nossa melhor ligação é com você Argumentos de Vendas Versão Maio/2016 Nossa melhor ligação é com você Algumas perguntas que podem ser feitas Você está satisfeito com sua operadora atual? Você é bem atendido quando liga na central de

Leia mais

REGULAMENTO DA BIBLIOTECA CECÍLIA MEIRELES

REGULAMENTO DA BIBLIOTECA CECÍLIA MEIRELES REGULAMENTO DA BIBLIOTECA CECÍLIA MEIRELES 1) DO ACESSO E DO FUNCIONAMENTO 1.1) Horário de funcionamento: De segunda a sexta-feira, das 8h às 18h50min. 1.2) Quem pode usar a Biblioteca: I. Alunos regularmente

Leia mais

JANEIRO/16. Válida apenas de 01 a 31 - JAN 2016

JANEIRO/16. Válida apenas de 01 a 31 - JAN 2016 JANEIRO/16 1 SUPER OFERTA! CONTINUA EM 2016 SEU CLIENTE PRECISA DE MUITOS MINUTOS PARA FALAR E MUITA INTERNET PARA NAVEGAR? E MAIS TURBINE A INTERNET DA SUA OFERTA DE 3GB PARA: 1.000 MINUTOS PARA QUALQUER

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR 1 1 2 1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR Razão Social: FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR CNPJ: 12.838.821/0001-80 Registro ANS: 41828-5 Inscrição Municipal: 130973/001-6 Inscrição Estadual:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS CHAMADA PARA PROCESSO DE SELEÇÃO DE CURSISTAS 03/2015 A Escola de Administração da Universidade

Leia mais

Passo a passo Aditamento a Contrato de Arrendamento Mercantil Cessão de Direitos e Obrigações.

Passo a passo Aditamento a Contrato de Arrendamento Mercantil Cessão de Direitos e Obrigações. Passo a passo Aditamento a Contrato de Arrendamento Mercantil Cessão de Direitos e Obrigações. Para dar início ao processo de transferência do contrato primeiramente é necessário preencher a proposta para

Leia mais

REGULAMENTO DAS BIBLIOTECAS: CENTRAL E INFANTIL

REGULAMENTO DAS BIBLIOTECAS: CENTRAL E INFANTIL REGULAMENTO DAS BIBLIOTECAS: CENTRAL E INFANTIL DA NATUREZA Art. 1º - A Biblioteca do Colégio Catarinense, apresentando características inovadoras, alicerçada no conhecimento e na qualidade na prestação

Leia mais

DADOS DO CLIENTE OI MÓVEL TITULAR DO PLANO:

DADOS DO CLIENTE OI MÓVEL TITULAR DO PLANO: Via PROMOÇÃO PAIS - JUL/12 PROMOÇÃO VÁLIDA DE 12/07/2012 a 03/09/2012. Certificamos a sua adesão à PROMOÇÃO PAIS - JUL/12, que consiste em um pacote ilimitado de minutos mensais em chamadas locais originadas

Leia mais

DADOS DO CLIENTE OI MÓVEL TITULAR DO PLANO: Nome Completo:... Data de nascimento:. /. /...

DADOS DO CLIENTE OI MÓVEL TITULAR DO PLANO: Nome Completo:... Data de nascimento:. /. /... Via Oi PROMOÇÃO NATAL - NOV/12 PROMOÇÃO VÁLIDA DE 14/11/2012 a 04/02/2013. Certificamos a sua adesão à PROMOÇÃO NATAL - NOV/12 SEM FIDELIZAÇÃO, que consiste em um pacote ilimitado de minutos mensais em

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA PORTARIA Nº 969, DE 17 DE NOVEMBRO DE 2015. Regulamenta a utilização, manutenção e controle do sistema de telefonia fixa, móvel e de Voz sobre

Leia mais

Book de Ofertas Canal Premium SP AUDITORIA - NOVOS CLIENTES Segmento PME Vigência: Outubro-Dezembro/13

Book de Ofertas Canal Premium SP AUDITORIA - NOVOS CLIENTES Segmento PME Vigência: Outubro-Dezembro/13 Book de Ofertas Canal Premium SP AUDITORIA - NOVOS CLIENTES Segmento PME Vigência: Outubro-Dezembro/13 As informações contidas neste documento são proprietárias e para uso público. Propriedade da Vivo.

Leia mais

REGULAMENTO DA BIBLIOTECA ACADÊMICA

REGULAMENTO DA BIBLIOTECA ACADÊMICA REGULAMENTO DA BIBLIOTECA ACADÊMICA Aprovado pela Resolução Consuni nº. 15/08, de 21/05/08. CAPÍTULO I DA CONSTITUIÇÃO E DO FUNCIONAMENTO Art. 1º A Biblioteca Acadêmica, órgão de apoio às atividades do

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE PÚBLICA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU NA MODALIDADE PRESENCIAL

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE PÚBLICA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU NA MODALIDADE PRESENCIAL Oferta ENSP Regular - Anual CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE PÚBLICA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU NA MODALIDADE PRESENCIAL Coordenação: Gíssia Gomes Galvão Célia Regina de Andrade Serviço de Gestão Acadêmica:

Leia mais