Teleconferência de Resultados 2T09

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Teleconferência de Resultados 2T09"

Transcrição

1 Teleconferência de Resultados 2T09

2 Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos históricos, mas refletem as metas e as expectativas da direção da Braskem. As palavras "antecipa", "acredita", "espera", "prevê", "pretende", "planeja", "estima", "projeta", "objetiva" e similares são declarações prospectivas. Embora acreditemos que essas declarações prospectivas se baseiem em pressupostos razoáveis, essas declarações estão sujeitas a vários riscos e incertezas, e são feitas levando em conta as informações às quais a Braskem atualmente tem acesso. Esta apresentação está atualizada até 30 de junho de 2009 e a Braskem não se obriga a atualizá-la mediante novas informações e/ou acontecimentos futuros. A Braskem não se responsabiliza por operações ou decisões de investimento tomadas com base nas informações contidas nesta apresentação. 2

3 Cenário Mundial Preço de petróleo influenciado pela redução da oferta e movimentos do mercado financeiro Recuperação dos preços de petroquímicos no mercado internacional: Aceleração da demanda asiática Restrição de fornecimento na região Maior demanda por gasolina ( driving season EUA) e aromáticos Atrasos na entrada de novas capacidades do Oriente Médio Redução de 12MM t na oferta de eteno em 2009 na Europa e EUA Melhora do setor financeiro é incerta Ciclo de baixa deverá se prolongar até

4 Cenário Regional Plantas da Braskem operam a plena capacidade Nível de estoques regularizado na Braskem Aumento na demanda brasileira de resinas termoplásticas: Incentivos governamentais para o setores automobilístico e de linha branca Agronegócio e setor de construção civil dão sinais de melhora para 2S09 Redução do volume de importações de resinas e produtos manufaturados Nível de estoques na cadeia ainda é baixo Recuperação do volume de vendas para países do Mercosul, Bolívia e países andinos 4

5 Destaques 2T09 Desempenho Operacional:. Receita Líquida atinge R$ 3,7 bilhões, 13% superior ao 1T09, com recuperação de vendas no MI e de preços no ME. EBITDA alcança R$ 566 milhões, com margem de 15,3%. Lucro Líquido cresce R$ milhões em comparação com 1T09: valorização cambial e melhora de rentabilidade Movimentos Estratégicos:. Incorporação da Petroquímica Triunfo. Partida da planta de ETBE no Pólo Petroquímico de Camaçari: kt Conquistas:. Captação de R$ 250 milhões por meio de um FIDC (Fundo de Investimento de Direito Creditório), com custo ponderado de CDI + 1,85% a.a.. DVGA reduz em R$ 50 milhões no semestre 5

6 Mercado brasileiro em significativa evolução Vendas Mercado Interno 1T09 x 2T09 % Market Share Resinas 2T09 55% Importados 19% 16% 29% 27% 18% 28% 53% Outros PE s PP PVC Total Resinas Mercado Brasil * * Estimativa Braskem: Vendas internas + Importações Fonte: Braskem 6

7 Evolução do EBITDA Maiores preços de petroquímicos básicos b e volume de vendas superam valorização cambial e aumento de custos de matéria-prima R$ milhões 247 Impacto do câmbio nos custos Impacto do câmbio na receita (334) 457 ( 232) ( 96) ( 87) ( 57) ( 24) 566 EBITDA 1T09 Preço Volume Matéria Prima Outros PIS/ COFINS Câmbio Outros Variáveis Custo + DVGA EBITDA 2T09 Fonte: Braskem 7

8 Evolução do EBITDA Impacto cambial positivo, ganhos no CPV e aumentos no volume vendido compensaram os menores preços de resinas R$ milhões Impacto do câmbio nos custos Impacto do câmbio na receita (890) ( 2.509) EBITDA 2T08 Matéria Prima Outros Variáveis Câmbio Volume Outros Custo + DVGA Preço EBITDA 2T09 Fonte: Braskem 8

9 Caixa muito confortável cobrindo mais de 2 anos de amortização da dívidad Em R$ Milhões (30/06/09) Dívida Bruta: Dívida Líquida: L Prazo Médio: M 10,1 anos 67% da dívida d estão atrelados ao dólar d Dívida Líq / Ebitda (x) R$ 3,97-20% 3,16 Dívida Líq / Ebitda (x) US$ 6% 3,25 3, Mar 09 Jun 09 Mar 09 Jun 09 PFICO 15% 11% 10% 13% 12% 11% 13% 9% % /06/09 Aplicado em US$ Aplicado em R$ / / / 2019 Corresponde a dívida em dólar com subsidiária da Petrobras para fechamento do capital da Copesul. Vencimento em out/ em diante Fonte: Braskem 9

10 Concentrações Contínuo fortalecimento no relacionamento de LP com Clientes Prioridade na higidez financeira e liquidez Programa de Produtividade: redução de custos Apoiar a sustentabilidade da cadeia petroquímica brasileira Construção da planta de PE Verde Projetos na Venezuela Avaliação de oportunidades da crise: aquisições seletivas na América do Norte Renovação operacional: mais de 500 integrantes até 2011 Maior solidez operacional e financeira 10

11 Teleconferência de Resultados 2T09

Resultados do ano de 2015

Resultados do ano de 2015 Resultados do ano de 2015 2 de março de 2016 Disclaimer Esta apresentação pode incluir declarações que representem expectativas sobre eventos ou resultados futuros de acordo com a regulamentação de valores

Leia mais

Teleconferência de Resultados 4T14 e 2014. São Paulo, 12 de fevereiro de 2015

Teleconferência de Resultados 4T14 e 2014. São Paulo, 12 de fevereiro de 2015 Teleconferência de Resultados 4T14 e 2014 São Paulo, 12 de fevereiro de 2015 Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos

Leia mais

Este documento pode conter projeções, declarações e estimativas a respeito de circunstâncias ou eventos ainda não ocorridos.

Este documento pode conter projeções, declarações e estimativas a respeito de circunstâncias ou eventos ainda não ocorridos. Declaração de Projeções Este documento pode conter projeções, declarações e estimativas a respeito de circunstâncias ou eventos ainda não ocorridos. Estas projeções e estimativas têm embasamento, em grande

Leia mais

AGENDA DESEMPENHO FINANCEIRO NOSSO NEGÓCIO VANTAGENS COMPETITIVAS OPORTUNIDADES

AGENDA DESEMPENHO FINANCEIRO NOSSO NEGÓCIO VANTAGENS COMPETITIVAS OPORTUNIDADES Dezembro de 2015 1 DISCLAIMER Esta apresentação pode incluir declarações que representem expectativas sobre eventos ou resultados futuros de acordo com a regulamentação de valores mobiliários brasileira

Leia mais

Reunião com Investidores

Reunião com Investidores Reunião com Investidores Resultados 4T12 e 2012 Marcela Drehmer Vice-Presidente Financeiro Rio de Janeiro, 22 de Fevereiro de 2013 Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações

Leia mais

Resultados do 1T13. 02 de Maio de 2013

Resultados do 1T13. 02 de Maio de 2013 Resultados do 02 de Maio de 2013 2 Grupo Eucatex Fundada em 1951 Segmentos Indústria Moveleira, Revenda, Construção Civil e Exportação Subsidiária em Atlanta EUA 72 Fazendas de Eucalipto Total de 45,8

Leia mais

Reunião APIMEC - 3T13. dri@santosbrasil.com.br +55 11 3897-1111

Reunião APIMEC - 3T13. dri@santosbrasil.com.br +55 11 3897-1111 Reunião APIMEC - 3T13 dri@santosbrasil.com.br +55 11 3897-1111 Ressalvas sobre considerações futuras As afirmações contidas neste documento quanto a perspectivas de negócios para a Santos Brasil Participações

Leia mais

Os resultados do segundo trimestre e primeiro semestre de 2014 consolidam as Empresas BRF S.A.

Os resultados do segundo trimestre e primeiro semestre de 2014 consolidam as Empresas BRF S.A. BRF RESULTADOS 2T14 Os resultados do segundo trimestre e primeiro semestre de 2014 consolidam as Empresas BRF S.A. As declarações contidas neste relatório relativas à perspectiva dos negócios da Empresa,

Leia mais

RENDA VARIÁVEL. Novembro / 2011

RENDA VARIÁVEL. Novembro / 2011 Novembro / 2011 Acreditamos no Investimento em Renda Variável O mercado americano é um exemplo de consistentes e elevados retornos no longo prazo 2 A Bolsa Brasileira também Apresenta Sólidos Resultados

Leia mais

AGENDA: Destaques Desempenho Operacional Mercado de Capitais Estratégias e Perspectivas

AGENDA: Destaques Desempenho Operacional Mercado de Capitais Estratégias e Perspectivas 0 Disclaimer Nossas estimativas e declarações futuras têm por embasamento, em grande parte, expectativas atuais e projeções sobre eventos futuros e tendências financeiras que afetam ou podem afetar o nosso

Leia mais

Resultados 1T15. 08 de maio de 2015

Resultados 1T15. 08 de maio de 2015 Resultados 1T15 08 de maio de 2015 2 Principais destaques do 1T15 Crescimento da receita líquida de 23%, sendo de 2 dígitos em todas unidades de negócio no comparativo ano vs. ano, favorecidas por 83%

Leia mais

Resultados do Terceiro Trimestre de 2005

Resultados do Terceiro Trimestre de 2005 Resultados do Terceiro Trimestre de 2005 28 de outubro de 2005 Mensagem do Panorama do Mercado Resultados Financeiros Ambiente Regulatório Conclusão Mensagem do A TIM Participações está crescendo em um

Leia mais

Companhia de Bebidas das Américas AmBev

Companhia de Bebidas das Américas AmBev Companhia de Bebidas das Américas AmBev Bovespa: AMBV4 & AMBV3 / ABV & ABVc Pedro Aidar Gerente de Relações com Investidores Março 2005 VISÃO GERAL AMBEV 3 UNIDADES DE NEGÓCIO América do Norte Canadá:

Leia mais

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social Área de Insumos Básicos Seminário sobre Petróleo e Gás APIMEC RIO Agosto/2012 BNDES Fundado em 20 de Junho de 1952 Empresa pública de propriedade integral

Leia mais

Ultrapar Participações S.A. Agosto 2014

Ultrapar Participações S.A. Agosto 2014 Ultrapar Participações S.A. Agosto 2014 Considerações iniciais Previsões acerca de eventos futuros Este documento pode conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas

Leia mais

Como avaliar a real rentabilidade das empresas de energia?

Como avaliar a real rentabilidade das empresas de energia? Audiência Pública 004/2007 da ANEEL Segunda Revisão Tarifária Periódica da Coelce Como avaliar a real rentabilidade das empresas de energia? Cláudio J. D. Sales Presidente Instituto Acende Brasil Auditório

Leia mais

Release de Resultados do 4T13

Release de Resultados do 4T13 São Paulo, 19 de fevereiro de 2014 A Eucatex (BM&FBovespa: EUCA3 e EUCA4), uma das maiores produtoras de painéis de madeira do Brasil, que atua também nos segmentos de tintas e vernizes, pisos laminados,

Leia mais

Destaques do Período. CADE aprova a fusão No dia 7 de novembro o CADE aprovou a fusão sem restrições.

Destaques do Período. CADE aprova a fusão No dia 7 de novembro o CADE aprovou a fusão sem restrições. 1 Considerações Gerais Considerações referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados operacionais e financeiros, e às perspectivas de crescimento da B2W, eventualmente expressas neste

Leia mais

MARISA LOJAS S.A. 2ª Emissão Pública de Debêntures

MARISA LOJAS S.A. 2ª Emissão Pública de Debêntures MARISA LOJAS S.A. 2ª Emissão Pública de Debêntures Relatório Anual do Agente Fiduciário Exercício de 2013 MARISA LOJAS S.A. 2ª Emissão Pública de Debêntures Relatório Anual do Agente Fiduciário Exercício

Leia mais

Carta Mensal Novembro 2015

Carta Mensal Novembro 2015 Canvas Classic FIC FIM (nova razão social do Peninsula Hedge FIC FIM) Ao longo de novembro, a divergência na direção da política monetária conduzida pelos dois mais relevantes bancos centrais do mundo

Leia mais

LOCALIZAÇÃO DE EMPRESAS Aspectos qualitativos. Profª MSc. Patrícia Tavares

LOCALIZAÇÃO DE EMPRESAS Aspectos qualitativos. Profª MSc. Patrícia Tavares LOCALIZAÇÃO DE EMPRESAS Aspectos qualitativos Profª MSc. Patrícia Tavares LOCALIZAÇÃO É o processo que determina os locais geográficos para as operações de uma empresa; Localizar significa determinar o

Leia mais

Release de Resultados 2T14. 30 de julho de 2014

Release de Resultados 2T14. 30 de julho de 2014 Release de Resultados 2T14 30 de julho de 2014 Ressalvas As informações e declarações sobre eventos futuros estão sujeitas a riscos e incertezas, as quais têm como base estimativas e suposições da Administração

Leia mais

I. AMBIENTE DE MERCADO II. RESULTADOS III. NOVOS PROJETOS UTVM IV. NOVOS PROJETOS UF

I. AMBIENTE DE MERCADO II. RESULTADOS III. NOVOS PROJETOS UTVM IV. NOVOS PROJETOS UF 1 I. AMBIENTE DE MERCADO II. RESULTADOS III. NOVOS PROJETOS UTVM IV. NOVOS PROJETOS UF 2 Crédito ainda em Expansão, mas Desacelerando 30,7% Crescimento do Crédito 15,1% 20,6% 18,8% 16,4% 14,7% 11,7% 2008

Leia mais

Apresentação de Resultados

Apresentação de Resultados Apresentação 3T08 Apresentação de Resultados José Carlos Aguilera (Diretor Presidente e de RI) Eduardo de Come (Diretor Financeiro) Marcos Leite (Gerente de RI) Destaques do Período Contexto de crise no

Leia mais

Release de Resultados 3T13. 23 de outubro de 2013

Release de Resultados 3T13. 23 de outubro de 2013 Release de Resultados 3T13 23 de outubro de 2013 Ressalvas As informações e declarações sobre eventos futuros estão sujeitas a riscos e incertezas, as quais têm como base estimativas e suposições da Administração

Leia mais

Economia Brasileira: da estabilidade macroeconômica ao crescimento sustentado

Economia Brasileira: da estabilidade macroeconômica ao crescimento sustentado Economia Brasileira: da estabilidade macroeconômica ao crescimento sustentado Junho de 2010 Wilson R. Levorato Diretor Geral Brasil e a crise internacional: porque nos saímos tão bem? Onde estamos? Cenário

Leia mais

CENÁRIO ECONÔMICO PLANO UNIFICADO 2º TRI/2015

CENÁRIO ECONÔMICO PLANO UNIFICADO 2º TRI/2015 CENÁRIO ECONÔMICO PLANO UNIFICADO 2º TRIMESTRE DE 2015 1 CENÁRIO ECONÔMICO O segundo trimestre do ano de 2015 demonstrou uma aceleração da deterioração dos fatores macroeconômicos no Brasil, com aumento

Leia mais

Desempenho Econômico- Financeiro 1T15

Desempenho Econômico- Financeiro 1T15 Desempenho Econômico- Financeiro 1T15 Mensagem da Administração Senhores (as) Acionistas: Conforme mencionado no final do exercício de 2014, concluímos com pleno sucesso o processo que converteu em capital

Leia mais

Esgotamento do Funding Tradicional?

Esgotamento do Funding Tradicional? Esgotamento do Funding Tradicional? Novos instrumentos vão vigorar no curto prazo? Gueitiro Matsuo Genso 12ª Conferência Internacional da LARES São Paulo 19 a 21 de setembro, 2012 Agenda Relevância no

Leia mais

Resultados 2T08 15 DE AGOSTO DE 2008

Resultados 2T08 15 DE AGOSTO DE 2008 Apresentação Resultados 2T08 15 DE AGOSTO DE 2008 Participantes Jorge Cury - Diretor Presidente Marco Mattar - Diretor Vice Presidente Financeiro e Diretor Técnico Rebeca Ouro-Preto - Diretora de Relações

Leia mais

Teleconferência de Resultados do 3T09

Teleconferência de Resultados do 3T09 Teleconferência de Resultados do 3T09 2 Destaques do trimestre O forte resultado do 3T09 demonstrou nossa confortável posição competitiva na indústria de proteínas e confirmou os resultados esperados de

Leia mais

APIMEC. 23 de outubro de 2008

APIMEC. 23 de outubro de 2008 APIMEC 23 de outubro de 2008 1 Importante As informações e declarações sobre eventos futuros estão sujeitas a riscos e incertezas, as quais têm como base estimativas e suposições da Administração e informações

Leia mais

Teleconferência sobre os Resultados do 1º Trimestre de 2011. 10 mai 2011

Teleconferência sobre os Resultados do 1º Trimestre de 2011. 10 mai 2011 Teleconferência sobre os Resultados do 1º Trimestre de 2011 Sergio Lulia Jacob Diretor Vice-Presidente Financeiro Alexandre Sinzato, CFA Head de Relações com Investidores 10 mai 2011 1 Destaques O Lucro

Leia mais

Novos patamares:r$399 milhões de Ebit e 216 milhões de pares

Novos patamares:r$399 milhões de Ebit e 216 milhões de pares Resultado do e 2013 Novos patamares:r$399 milhões de Ebit e 216 milhões de pares Sobral, 13 de fevereiro de 2014 A GRENDENE (BM&FBOVESPA: Novo Mercado - GRND3), divulga o resultado do e 2013. As informações

Leia mais

A política comercial no período 2005-2010:

A política comercial no período 2005-2010: A política comercial no período 2005-2010: contribuições para o desempenho exportador? Julho de 2010 Estrutura 1. Quando foi o boom exportador? 2. Política comercial pós-boom: - política de proteção (tarifas

Leia mais

JBS DAY Apresentação dos Resultados do 3T13 14 de Novembro de 2013

JBS DAY Apresentação dos Resultados do 3T13 14 de Novembro de 2013 JBS DAY Apresentação dos Resultados do 3T13 14 de Novembro de 2013 Apresentadores Wesley Batista Presidente Global da JBS André Nogueira Presidente da JBS USA Miguel Gularte Presidente da JBS Mercosul

Leia mais

POSITIVO INFORMÁTICA RESULTADOS 2T15. 17 de agosto de 2015

POSITIVO INFORMÁTICA RESULTADOS 2T15. 17 de agosto de 2015 POSITIVO INFORMÁTICA RESULTADOS 2T15 17 de agosto de 2015 Seção I Destaques & Conjuntura Positivo Informática registra crescimento de 3,1% na receita líquida no varejo no 2T15 Mesmo em um trimestre de

Leia mais

Resultados 4º Trimestre de 2015

Resultados 4º Trimestre de 2015 Resultados 4º Trimestre de 2015 24 de Fevereiro de 2016 Principais Destaques do Resultado do 1 2 Ganho de market share no mercado total no, com Receita Líquida totalizando R$ 5,461 bilhões - regressão

Leia mais

B2W Companhia Digital Divulgação de Resultados 2T13

B2W Companhia Digital Divulgação de Resultados 2T13 Estar Mais Próximo do Cliente B2W Companhia Digital Divulgação de Resultados 2T13 RESULTADOS CONSOLIDADOS 2T13 Receita Bruta R$ 1.369,8 MILHÕES +24% Receita Líquida R$ 1.210,5 MILHÕES +22% Lucro Bruto

Leia mais

INDICADORES FINANCEIROS

INDICADORES FINANCEIROS Relatório 2014 Um Olhar para o Futuro DESEMPENHO ECONÔMICO ECONÔMICA www.fibria.com.br/r2014/desempenho-economico/ 126 INDICADORES FINANCEIROS A Fibria encerrou 2014 com lucro líquido de R$ 163 milhões,

Leia mais

Release de Resultados 3T14. 22 de outubro de 2014

Release de Resultados 3T14. 22 de outubro de 2014 Release de Resultados 3T14 22 de outubro de 2014 Ressalvas As informações e declarações sobre eventos futuros estão sujeitas a riscos e incertezas, as quais têm como base estimativas e suposições da Administração

Leia mais

TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. Resultado Consolidado para o Terceiro Trimestre de 2005 Publicação, 08 de novembro de 2005 (07 páginas)

TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. Resultado Consolidado para o Terceiro Trimestre de 2005 Publicação, 08 de novembro de 2005 (07 páginas) TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. Resultado Consolidado para o Terceiro Trimestre de 2005 Publicação, 08 de novembro de 2005 (07 páginas) Para maiores informações, contatar: Daniel de Andrade Gomes TELEFÔNICA

Leia mais

TIM Participações S.A. Resultados do 4T06 e 2006. 06 de Março de 2007

TIM Participações S.A. Resultados do 4T06 e 2006. 06 de Março de 2007 TIM Participações S.A. Resultados do 4T06 e 2006 06 de Março de 2007 1 Destaques Desempenho do Mercado Estratégia Comercial Desempenho Financeiro 2 4T06: Forte crescimento e sólida performance financeira

Leia mais

AMBEV DIVULGA RESULTADO DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2011

AMBEV DIVULGA RESULTADO DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2011 Pág. 1 AMBEV DIVULGA RESULTADO DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2011 São Paulo, Companhia de Bebidas das Américas Ambev [BOVESPA: AMBV4, AMBV3; e NYSE: ABV, ABVc], anuncia hoje os seus resultados do primeiro trimestre

Leia mais

3º Trimestre de 2008. Teleconferência de Resultados. Lançamentos de 2008. Viver São J. Pinhais (São J. Pinhais-PR) 2T08

3º Trimestre de 2008. Teleconferência de Resultados. Lançamentos de 2008. Viver São J. Pinhais (São J. Pinhais-PR) 2T08 3º Trimestre de 2008 Teleconferência de Resultados Lançamentos de 2008 La Vita (Vitoria-ES) 2T08 Beach Park Wellness Resort (Aquiraz-CE) 1T08 Viver Caxias (Caxias do Sul-RS) 3T08 Viver São J. Pinhais (São

Leia mais

Disclaimer. www.fras-le.com

Disclaimer. www.fras-le.com 1 Disclaimer Esta apresentação contém informações futuras. Tais informações não são fatos históricos, mas refletem as metas e expectativas da direção da Companhia. As palavras antecipa, deseja, espera,

Leia mais

Relatório Mercatto OABPREV RJ Fundo Multimercado

Relatório Mercatto OABPREV RJ Fundo Multimercado Relatório Mercatto OABPREV RJ Fundo Multimercado Abril/11 Sumário 1. Características do Fundo Política de Gestão Objetivo do Fundo Público Alvo Informações Diversas Patrimônio Líquido 2. Medidas Quantitativas

Leia mais

Resultados do 1T16. Rogério Melzi Presidente Pedro Thompson Diretor Financeiro e DRI

Resultados do 1T16. Rogério Melzi Presidente Pedro Thompson Diretor Financeiro e DRI Resultados do Rogério Melzi Presidente Pedro Thompson Diretor Financeiro e DRI Captação Graduação Crescimento da captação presencial (+1,9%) Penetração FIES apenas 8,4% da captação de graduação presencial,

Leia mais

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 3T14

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 3T14 Relações com Investidores DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 3T14 Apresentação: José Rubens de la Rosa CEO José Antonio Valiati CFO & Diretor de Relações com Investidores Thiago A. Deiro Gerente Financeiro &

Leia mais

A empresa quantifica aspectos socioambientais nas projeções financeiras de:

A empresa quantifica aspectos socioambientais nas projeções financeiras de: Os trechos em destaque encontram-se no Glossário. Dimensão Econômica Critério I - Estratégia Indicador 1 - Planejamento Estratégico 1. Assinale os objetivos que estão formalmente contemplados no planejamento

Leia mais

Teleconferência Resultados 3T10

Teleconferência Resultados 3T10 Teleconferência Resultados 3T10 Sexta-feira, 5 de Novembro de 2010 Horário: 14:00 (horário de Brasília) 12:00 (horário US EDT) Tel: + 55 (11) 4688-6361 Código: LASA Replay: + 55 (11) 4688-6312 Código:

Leia mais

PRINCIPAIS FATORES DE ANÁLISES. INVESTIMENTOS e RISCOS

PRINCIPAIS FATORES DE ANÁLISES. INVESTIMENTOS e RISCOS PRINCIPAIS FATORES DE ANÁLISES INVESTIMENTOS e RISCOS RENTABILIDADE A rentabilidade é a variação entre um preço inicial e um preço final em determinado período. É o objetivo máximo de qualquer investidor,

Leia mais

Lucratividade: Crescer, Sobreviver ou Morrer

Lucratividade: Crescer, Sobreviver ou Morrer Lucratividade: Crescer, Sobreviver ou Morrer Foco da Palestra Orientar e esclarecer os conceitos de Lucratividade e a importância para existência e sucesso das empresas. Proporcionar aos participantes

Leia mais

Localiza Rent a Car S.A.

Localiza Rent a Car S.A. Localiza Rent a Car S.A. Resultados 2T10 R$ milhões, USGAAP Agência Aeroporto Internacional de Guarulhos São Paulo Brasil Inauguração: 11/06/2010 14 de julho de 2010 1 Destaques 2T10 R$ milhões 2T09 2T10

Leia mais

Processos de Gerenciamento de Portfólio e Projetos da Braskem

Processos de Gerenciamento de Portfólio e Projetos da Braskem Processos de Gerenciamento de Portfólio e Projetos da Braskem ABEAV Carlos Eduardo Pereira Peninha 07/10/2008 Agenda Apresentação da Braskem Gestão do Portfólio de Investimentos CAPEX Sistemática de Implantação

Leia mais

Reunião Pública com Analistas Abril, 2009

Reunião Pública com Analistas Abril, 2009 Reunião Pública com Analistas Abril, 2009 Profarma Overview Profarma: Overview da Companhia Desde 1961, a Profarma distribui produtos farmacêuticos, higiene pessoal e cosméticos para farmácias e hospitais

Leia mais

Automação no Abastecimento - Refino

Automação no Abastecimento - Refino Abinee Tec 2003 Automação no Abastecimento - Refino São Paulo, 9 de outubro de 2003. Objetivo SITUAÇÃO ATUAL E PERSPECTIVAS DA AUTOMAÇÃO DO ABASTECIMENTO-REFINO DA PETROBRAS FRENTE AS METAS DESAFIADORAS

Leia mais

Teleconferência de Resultados 1T15. 24 de abril de 2015

Teleconferência de Resultados 1T15. 24 de abril de 2015 Teleconferência de Resultados 1T15 24 de abril de 2015 Aviso Legal As informações contidas nesta apresentação poderão incluir afirmações que representem "forward looking statements" nos termos do disposto

Leia mais

Release de Resultados do 1T14

Release de Resultados do 1T14 São Paulo, 07 de maio de 2014 A Eucatex (BM&FBovespa: EUCA3 e EUCA4), uma das maiores produtoras de painéis de madeira do Brasil, que atua também nos segmentos de tintas e vernizes, pisos laminados, divisórias

Leia mais

CURSO DE CONTABILIDADE DE CUSTOS. Professora Ludmila Melo

CURSO DE CONTABILIDADE DE CUSTOS. Professora Ludmila Melo CURSO DE CONTABILIDADE DE CUSTOS Professora Ludmila Melo Conteúdo Programático INTRODUÇÃO Agenda Aula 1: Conceitos, objetivos e finalidades da Contabilidade de Custos Aula 2: Classificação e Nomenclatura

Leia mais

Lucro líquido da Petrobras em 2010 alcança valor recorde de R$ 35 bilhões 189 milhões

Lucro líquido da Petrobras em 2010 alcança valor recorde de R$ 35 bilhões 189 milhões Nota à Imprensa 25 de fevereiro de 2011 Lucro líquido da Petrobras em 2010 alcança valor recorde de R$ 35 bilhões 189 milhões O lucro líquido aumentou 17% em relação a 2009 e EBITDA atingiu de R$ 60 bilhões

Leia mais

As vendas de resinas (PE, PP e PVC) expandiram 6% em relação ao 1T14 Na comparação com o 4T14, a alta foi de 12%

As vendas de resinas (PE, PP e PVC) expandiram 6% em relação ao 1T14 Na comparação com o 4T14, a alta foi de 12% Resultados do 1T15 As vendas de resinas (PE, PP e PVC) expandiram 6% em relação ao 1T14 Na comparação com o 4T14, a alta foi de 12% PRINCIPAIS DESTAQUES: Os crackers operaram a uma taxa média de utilização

Leia mais

Teleconferência de resultados

Teleconferência de resultados Teleconferência de resultados 2 Aviso importante Este material foi preparado pela Linx S.A. ( Linx ou Companhia ) e pode incluir declarações que representem expectativas sobre eventos ou resultados futuros.

Leia mais

LFG MAPS. 2 - ( Prova: CESPE - 2012 - Polícia Federal - Agente da Polícia Federal / Contabilidade Geral / Contabilidade -

LFG MAPS. 2 - ( Prova: CESPE - 2012 - Polícia Federal - Agente da Polícia Federal / Contabilidade Geral / Contabilidade - Escrituração Contábil 05 questões Noções Gerais; Escrituração Contábil ) Considere os eventos de I a V listados abaixo. I aquisição de veículo à vista para uso na atividade operacional II baixa de bem

Leia mais

Itautec S.A. Grupo Itautec. Guilherme Pereira Diretor Administrativo e Financeiro CFO 07.03.2013

Itautec S.A. Grupo Itautec. Guilherme Pereira Diretor Administrativo e Financeiro CFO 07.03.2013 Itautec S.A. Grupo Itautec Guilherme Pereira Diretor Administrativo e Financeiro CFO 07.03.2013 Sumário Executivo a mudança no cenário macroeconômico do Brasil (desvalorização cambial, redução das taxas

Leia mais

Webcast 2T12 Agosto 2012

Webcast 2T12 Agosto 2012 Webcast 2T12 Agosto 2012 Apresentação da Administração Apresentadores Sílvio Ernesto Zarzur Diretor Presidente Flávio Ernesto Zarzur Diretor Vice-Presidente A. Emílio C. Fugazza Diretor Financeiro e de

Leia mais

PERSPECTIVAS MERCADO DE AÇÕES

PERSPECTIVAS MERCADO DE AÇÕES PERSPECTIVAS MERCADO DE AÇÕES Walter Mendes de Oliveira Filho. Fevereiro 2005 1 PERSPECTIVA MERCADO DE AÇÕES A RECENTE RECUPERAÇÃO DO MERCADO DE AÇÕES BRASILEIRO ACOMPANHOU A ALTA DOS MERCADOS EMERGENTES

Leia mais

Resultados 3T12. 8 de novembro de 2012

Resultados 3T12. 8 de novembro de 2012 Resultados 3T12 8 de novembro de 2012 Resumo do trimestre Melhoria nas margens de rentabilidade do 3T12 ano-a-ano: margem líquida de 6,0% (+1,9 p.p.) e margem EBITDA de 17,8% (+1,8 p.p.); Consistente expansão

Leia mais

Metas de Inflação e Evolução da Taxa de Câmbio no Brasil Afonso Bevilaqua

Metas de Inflação e Evolução da Taxa de Câmbio no Brasil Afonso Bevilaqua Metas de Inflação e Evolução da Taxa de Câmbio no Brasil Afonso Bevilaqua abril de 20 1 Metas de Inflação e Evolução da Taxa de Câmbio no Brasil 1. Metas de Inflação no Brasil 2 Metas de Inflação no Brasil

Leia mais

APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009

APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009 APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009 1 1 Ressalvas As informações e declarações sobre eventos futuros estão sujeitas a riscos e incertezas, as quais têm como base estimativas e suposições da Administração

Leia mais

CENÁRIOS 2013: PERSPECTIVAS E O SETOR DE BKs 19/03/2013

CENÁRIOS 2013: PERSPECTIVAS E O SETOR DE BKs 19/03/2013 CENÁRIOS 2013: PERSPECTIVAS E O SETOR DE BKs 19/03/2013 CENÁRIO GLOBAL Crescimento global de 3,4 % em 2013 O mundo retoma a média histórica de crescimento (3,4% a.a) Zona do Euro sai da recessão Os EEUU

Leia mais

Conference Call. Resultados do 3T14 e 9M14

Conference Call. Resultados do 3T14 e 9M14 Conference Call Resultados do 3T14 e 9M14 10/11/2014 Destaques do trimestre Aumentos do volume de vendas e da receita líquida, em reais e em moedas estrangeiras Variações dos volumes de vendas (milhões

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/2012 - KLABIN S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/2012 - KLABIN S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Apresentação de Resultados 2T12. 10 de agosto de 2012

Apresentação de Resultados 2T12. 10 de agosto de 2012 Apresentação de Resultados 2T12 10 de agosto de 2012 Aviso Legal Esta apresentação contém certas declarações futuras e informações relacionadas à Companhia que refletem as visões atuais e/ou expectativas

Leia mais

Os Desafios das Startups e o Investimento Anjo

Os Desafios das Startups e o Investimento Anjo Os Desafios das Startups e o Investimento Anjo Cassio Spina 23/04/2013 1 2 Vale da Morte das Empresas Inovação/ Protótipo Falta Capital Experiência Negócio/ Produto 3 Exemplos de STARTUPs No Brasil: Case

Leia mais

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS Disciplina: Matemática Financeira 10 h/a Ementa: O valor do dinheiro no tempo. Conceitos de juros, taxas de juros, principal,

Leia mais

Grande base de clientes, com CRM visando a fidelização e retenção de clientes

Grande base de clientes, com CRM visando a fidelização e retenção de clientes 1 Pilares Estratégicos 1 Forte cultura corporativa, cujo principal foco é a valorização das pessoas 2 Plataforma de vendas integrada, com múltiplos canais de venda 3 Grande base de clientes, com CRM visando

Leia mais

Estrutura Acionária. Grupo Espírito Santo 18,3% Fundo Asas G&G. Grupo AIG. 99,9% 99,9% Providência Transportes. Providência Participações 0,1% 100,0%

Estrutura Acionária. Grupo Espírito Santo 18,3% Fundo Asas G&G. Grupo AIG. 99,9% 99,9% Providência Transportes. Providência Participações 0,1% 100,0% Reunião APIMEC SP 21/12/2007 Estrutura Acionária Grupo AIG Fundo Asas G&G Grupo Espírito Santo 18,4% 17,7% 18,3% 9,1% 36,5% 99,9% 99,9% Providência Transportes 0,1% Providência Participações Isofilme 100,0%

Leia mais

Aquisição de 8.671 hectares de terras com florestas plantadas. Conselho de Administração aprova investimento adicional de

Aquisição de 8.671 hectares de terras com florestas plantadas. Conselho de Administração aprova investimento adicional de APRESENTAÇÃO CORPORATIVA Agosto de 2010 11 Destaques Aquisição de 8.671 hectares de terras com florestas plantadas Xno Estado de São Paulo Conselho de Administração aprova investimento adicional de XR$

Leia mais

Dois Cenários Antagônicos para 2015

Dois Cenários Antagônicos para 2015 Dois Cenários Antagônicos para 2015 Celso L. Martone Setembro de 2014 A Herança Lula/Dilma I Taxa de inflação efetiva de 7,5%, contida a 6,5% pelo congelamento de preços administrados (energia, combustíveis,

Leia mais

Almir Guilherme Barbassa Diretor Financeiro e de Relações com Investidores 18 de Agosto de 2009

Almir Guilherme Barbassa Diretor Financeiro e de Relações com Investidores 18 de Agosto de 2009 Teleconferência / Webcast DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS 2 o trimestre de 2009 (Legislação Societária) Almir Guilherme Barbassa Diretor Financeiro e de Relações com Investidores 18 de Agosto de 2009 Reservatório

Leia mais

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS À BRASKEM. PROIBIDA REPRODUÇÃO OU ALTERAÇÃO DO DOCUMENTO.

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS À BRASKEM. PROIBIDA REPRODUÇÃO OU ALTERAÇÃO DO DOCUMENTO. Agenda A BRASKEM PORQUE INOVAR? A INOVAÇÃO NA BRASKEM A GESTÃO DA INOVAÇÃO E O PLANEJAMENTO TECNOLÓGICO Indústria Petroquímica Brasileira INTEGRAÇÃO COMPETITIVA NAFTA CONDENSADO GÁS VALOR ADICIONADO COMPETITIVIDADE

Leia mais

Grupo Pão de Açúcar e Viavarejo. 24 de julho de 2013

Grupo Pão de Açúcar e Viavarejo. 24 de julho de 2013 Grupo Pão de Açúcar e Viavarejo 24 de julho de 2013 GPA Consolidado Destaques: Foco na expansão: abertura de 33 novas lojas. No 1S13, foram abertas 58 lojas, o que representou 2,2% de aumento de área de

Leia mais

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1T15

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1T15 Relações com Investidores DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1T15 Apresentação: José Rubens de la Rosa CEO José Antonio Valiati CFO & Diretor de Relações com Investidores Thiago Deiro Gerente Financeiro & de

Leia mais

Apresentação de Resultados 4T14

Apresentação de Resultados 4T14 Apresentação de Resultados 4T14 0 Aviso Geral Algumas afirmações nesta apresentação podem ser projeções ou afirmações sobre expectativas futuras. Tais afirmações estão sujeitas a riscos conhecidos e desconhecidos

Leia mais

PETROBRAS Resultado Neutro no 4T09 e PN 2010-14

PETROBRAS Resultado Neutro no 4T09 e PN 2010-14 Analista PETROBRAS Resultado Neutro no 4T09 e PN 2010-14 A Petrobras divulgou na última sexta-feira seus resultados referentes ao 4T09 e ao fechamento de 2009 que mostraram um desempenho um pouco mais

Leia mais

Divulgação de Resultados 1T16

Divulgação de Resultados 1T16 São Paulo - SP, 29 de Abril de 2016. A Tarpon Investimentos S.A. ( Tarpon ou Companhia ), por meio de suas subsidiárias, realiza a gestão de fundos e carteiras de investimentos em bolsa e private equity

Leia mais

Brasil Telecom. Café da Manhã com Investidores Unibanco. Fevereiro 2003

Brasil Telecom. Café da Manhã com Investidores Unibanco. Fevereiro 2003 Brasil Telecom Café da Manhã com Investidores Unibanco Fevereiro 2003 1 Estratégia 2 Mercado Metas Metas Garantir a liderança na Região II, focando nos clientes de alto valor. Garantir a liderança na Região

Leia mais

VALE RIO DOCE S/A. No resultado de 2013 a receita líquida da companhia tinha a seguinte divisão:

VALE RIO DOCE S/A. No resultado de 2013 a receita líquida da companhia tinha a seguinte divisão: VALE RIO DOCE S/A Empresa: A companhia é uma das maiores mineradoras do mundo, sendo a maior das Américas, baseada na capitalização de mercado. É a maior produtora mundial de minério de ferro e pelotas

Leia mais

POLÍTICA ENGAJAMENTO DE STAKEHOLDERS ÍNDICE. 1. Objetivo...2. 2. Abrangência...2. 3. Definições...2. 4. Diretrizes...3. 5. Materialidade...

POLÍTICA ENGAJAMENTO DE STAKEHOLDERS ÍNDICE. 1. Objetivo...2. 2. Abrangência...2. 3. Definições...2. 4. Diretrizes...3. 5. Materialidade... ENGAJAMENTO DE STAKEHOLDERS Folha 1/8 ÍNDICE 1. Objetivo...2 2. Abrangência...2 3. Definições...2 4. Diretrizes...3 5. Materialidade...7 Folha 2/8 1. Objetivos 1. Estabelecer as diretrizes que devem orientar

Leia mais

Teleconferência de Resultados 2T15. 23 de julho de 2015

Teleconferência de Resultados 2T15. 23 de julho de 2015 Teleconferência de Resultados 2T15 23 de julho de 2015 Aviso Legal As informações contidas nesta apresentação poderão incluir afirmações que representem "forward looking statements" nos termos do disposto

Leia mais

Plínio do Amaral Pinheiro Diretor de Relações com Investidores

Plínio do Amaral Pinheiro Diretor de Relações com Investidores Plínio do Amaral Pinheiro Diretor de Relações com Investidores Áreas de Atuação DIVISÃO DECA Metais Sanitários Louças Sanitárias Acessórios DIVISÃO MADEIRA Chapa de Fibra MDP MDF/HDF/SDF Piso Laminado

Leia mais

Empreendedorismo CAPÍTULO [13] UNIDADE I. Plano de Negócios: Plano Financeiro. www.demostenesfarias.wordpress.com

Empreendedorismo CAPÍTULO [13] UNIDADE I. Plano de Negócios: Plano Financeiro. www.demostenesfarias.wordpress.com Empreendedorismo Plano de Negócios: Plano Financeiro [13] UNIDADE I CAPÍTULO PLANO DE NEGÓCIOS - Dever de casa (1) Capa; SUMÁRIO EXECUTIVO: Enunciado do Projeto; Competência dos responsáveis; os produtos

Leia mais

Suzano Petroquímica Divulga Resultado do 1º Semestre de 2005

Suzano Petroquímica Divulga Resultado do 1º Semestre de 2005 Suzano Petroquímica Divulga Resultado do 1º Semestre de 2005 Receita líquida atinge R$ 820 milhões no semestre São Paulo, 10 de agosto de 2005 A Suzano Petroquímica S.A. (a Companhia ) (BOVESPA: SZPQ4;

Leia mais

Conference Call. Resultado do 3T15. Márcio Utsch CEO Fabio Leite de Souza CFO 09/11/2015

Conference Call. Resultado do 3T15. Márcio Utsch CEO Fabio Leite de Souza CFO 09/11/2015 Conference Call Resultado do 3T15 Márcio Utsch CEO Fabio Leite de Souza CFO 09/11/2015 Márcio Utsch CEO Destaques das marcas Resultado consolidado 2 Destaques das marcas Havaianas MI Aumento dos volumes

Leia mais

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A.

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A. ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A. (BOVESPA:UGPA4/NYSE: UGP) INFORMAÇÕES E RESULTADOS DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2006 (São Paulo, Brasil, 10 de maio de 2006) Diversas iniciativas gerenciais de contenção de custos

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2015 - ELEKEIROZ S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2015 - ELEKEIROZ S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração

Leia mais

Apresentação de Resultados do 3T07 7 de novembro de 2007

Apresentação de Resultados do 3T07 7 de novembro de 2007 Apresentação de Resultados do 3T07 7 de novembro de 2007 Destaques 3T07 Lucro líquido de R$45,5 milhões Resultados consolidados Companhia de menor custo no mercado (CASK consolidado = R$14,2 centavos /

Leia mais

Edmundo Aires São Paulo Dezembro de 2010

Edmundo Aires São Paulo Dezembro de 2010 Estratégia de Inovação e Tecnologia da Braskem Edmundo Aires São Paulo Dezembro de 2010 Evolução da Braskem Aquisições EUA Sunoco 2002 Trikem Polialden Politeno 2006 Ipiranga / Copesul 2007 Triunfo 2009

Leia mais

Informações e orientações para organização do processo decisório

Informações e orientações para organização do processo decisório Informações e orientações para organização do processo decisório Prof. Pedro Paulo H. Wilhelm, Dr. Eng. Prod (Dep. Economia) WILHELM@FURB.BR Prof. Maurício C. Lopes, Msc. Eng. Prod. (Dep. Computação) MCLOPES@FURB.BR

Leia mais