Química A Intensivo V. 1

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Química A Intensivo V. 1"

Transcrição

1 Química A Intensivo V. 1 Exercícios 01)A A ideia apresentada na alternativa A, além de algo impossível, não estava incluída na teoria de Dalton que afirmava que átomos iguais pertenciam ao mesmo elemento químico e que átomos diferentes se combinavam em diferentes proporções para formar compostos. Todas as demais alternativas correspondem à teoria de Dalton. 02) 88 03) B 04) B 05) C 01. Errada. A teoria de Dalton não incluía partículas do átomo. 02. Errada. A teoria de Dalton não descrevia os prótons. 04. Errada. A descrição dos níveis de energia só surgiu a partir da teoria de Bohr. 08. Certa. Apesar de sabermos que os átomos não são indivisíveis, a teoria de Dalton afirmava o contrário. 16. Certa. A afirmação faz parte da teoria de Dalton. 32. Errada. A afirmação não faz parte da teoria de Dalton. 64. Certa. Dalton chamava essas substâncias de átomos compostos ou simplesmente de compostos. a) Errada. Os níveis e subníveis surgiram a partir dos trabalhos de Bohr e Sommerfeld. b) Certa. c) Errada. A descrição do núcleo e da eletrosfera surge na teoria de Rutherford. d) Errada. A ideia dos espaços vazios vem na teoria de Rutherford. e) Errada. Os orbitais só são descritos mais tarde, no trabalho de Schrödinger. Quando surge uma teoria, ela propõe fatos novos que substituam a teoria imediatamente anterior, no caso a de Thomson. O modelo de Dalton já havia sido refutado pelo de Thomson. Os modelos de Bohr e quântico vieram após o de Rutherford. I. Certa. Apesar de os raios não estarem visíveis na figura, deduz-se que sua trajetória é linear (linha reta), pois não estão submetidos ao efeito de campo elétrico, o que só ocorrerá na figura C. II. Certa. Os raios são desviados em direção ao polo positivo. Assim, considerando que polos opostos se atraem, pode-se deduzir que os raios catódicos apresentam carga elétrica negativa. III. Errada. Partículas alfa são formadas por prótons, que 06) B são positivos. Os raios catódicos possuem carga negativa. IV. Errada. O experimento apresentado foi utilizado por Thomson. Rutherford utilizou partículas alfa para bombardear uma lâmina de ouro. a) Certa. São as duas regiões do átomo. b) Errada. A carga negativa está na eletrosfera, onde se encontram os elétrons. No núcleo, tem-se carga positiva garantida pela presença dos prótons. c) Certa. No núcleo os prótons e nêutrons são partículas com massa. Os elétrons da eletrosfera possuem massa extremamente pequena, considerada desprezível. d) Certa. A densidade é a divisão da massa pelo volume. No caso da eletrosfera, onde encontram-se elétrons, a massa é pequena e o volume grande, resultando em uma pequena densidade. 07) 26 08) D 09) D 01. Errada. O modelo teve como base o bombardeamento de lâminas de ouro com partículas alfa. 02. Certa. Apresenta duas regiões distintas, sendo o núcleo a região que concentra praticamente toda a massa da matéria. 04. Errada. De acordo com o modelo de Rutherford, não há contato direto entre prótons e elétrons. 08. Certa. Os nêutrons foram descobertos alguns anos depois por James Chadwick. 16. Certa. O experimento contava com o bombardeamento de finas lâminas de ouro. 1. Certa. 2. Certa. 3. Errada. Na teoria de Rutherford, o núcleo é denso e possui diâmetro bem menor que a eletrosfera. 4. Certa. a) Errada. São os elétrons que apresenta característica ondulatória. b) Errada. O núcleo é positivo (possui prótons positivos e nêutrons que são neutros). c) Errada. Os nêutrons não neutralizam carga. O núcleo é positivo. d) Certa. e) Errada. A massa atômica está praticamente toda no núcleo (prótons e nêutrons). Química A 1

2 10) B 11) E 12) C A. Átomos indivisíveis Dalton. B. Regiões do átomo (núcleo e eletrosfera) Rutherford. C. Carga negativa dispersa pelo átomo Thomson. a) Certa. Tc 99. b) Certa. 26 Fe. c) Certa. 53 I. O número atômico é o número de prótons. d) Certa. 11 Na. O atómo está em seu estado neutro, sem cargas elétricas. Nessa condição, o número de prótons é igual ao número de elétrons. e)errada. 15 P = 15 + N N = N = A 40 15B 30 25C 30 25D 40 13) D a) Errada. Por se tratar do mesmo átomo (isótopos) e ambos estarem no estado neutro, possuem o mesmo número de prótons, e consequentemente de elétrons = 92. b) Errada. Isótopos são átomos com mesmo número de prótons. c) Errada. Isótonos possuem mesmo número de nêutrons. d) Certa. 92 U = 92 + N N = N = U = 92 + N N = N = ) C 92 U = 92 + N N = N = 146 e) Errada. O número de prótons dos isótopos é C14 Número de nêutrons (N): 14 = 6 + N N = 14 6 N = 8 Número de prótons: 6 Número de elétrons: 6 * Quando o átomo está no seu estado fundamental (neutro), o número de prótons e elétrons é igual. 2 Química A

3 15) B a) Errada. I possui 6 prótons e IV possui 19 prótons. Isótopos possuem o mesmo número de prótons. b) Certa. Íons possuem número de prótons e elétrons diferentes. II e III possuem mais elétrons do que prótons (ânions). c) Errada. I é eletricamente neutro ( número de prótons igual ao número de elétrons). II é um íon. d) Errada. Possuem números de prótons diferentes. Se pertencesse ao mesmo elemento químico, teriam o mesmo número de prótons (número atômico). 16) 21 18) C Substituindo x no esquema: 20A 40 20B 41 22C Esquema inicial: isóbaros X 56Y 137 Z 138 isótopos * X é isótono de Z mesmo número de nêutrons. isóto nos 20X 38 isóto pos Completando com as informações: isóbaros 17) A 22Y 40 20Z 40 isób aros 01. Certa. 02. Errada. Número de massa de Z é 40 (é isóbaro de Y). 04. Certa. 08. Errada. Número de nêutrons de X é 18 (38 20). 16. Certa Errada. Número de nêutrons de Y é 18 (40 22). 64. Errada. Número de prótons de Z é 20. A x B x+1 n=23 22C x+2 isóto pos * A e C são isótonos (mesmo número de nêutrons). Determinação do número atômico (Z) de B: x + 1 = z B + 23 z B = x 22 Como z A = z B (isótopos), z A = x 22. Determinação do número de nêutrons de C: x + 2 = 22 + N N = x 20 Como A e C são isótonos: x 22A x x 22B x+1 22C x+2 n=x 20 n=23 n=x 20 isótopos A partir de A: x = x 22 + x 20 x = 2x 42 x = 42 19) E X Y Z 138 isótopos Nêutrons de Z: 138 = 56 + N N = 82 isóbaros X Y Z 138 n=82 isótopos Como X e Y possuem o mesmo número de nêutrons: Para X: 137 = P + 82 P = 55 isóbaros 63A B 150 n=86 n= 65C 1. Como A e B são isóbaros, conclui-se que a massa de B é A partir do número de massa e de prótons de B, calcula-se o número de nêutrons: 150 = 64 + N N = Como B e C são isótonos, conclui-se que o número de nêutros de C é A partir dos prótons e nêutrons de C, calcula-se seu número de massa. A = A = 151 Química A 3

4 20) D 21) D 22) A 23) E isóbaros 2x+2A 4x+5 5x 1 B Como A e B são isóbaros: 4x + 5 = 5x 1 x = 6 x = 6 Substituindo x no átomo A: 14 A 29 Número atômico: 14 Número de massa: 29 Número de nêutrons: = 15 Número de elétrons: 14 (átomo nêutro, P = E) K Ca K: Prótons: 19 Elétrons: um a menos (carga positiva indica a perda de um elétron) = 18. Ca: Prótons: 20 Elétrons: dois a menos (carga 2+ indica a perda de dois elétrons) = 18. X tem 18 elétrons. O sinal negativo significa que ele possui um elétron a mais que o seu número de prótons. Assim, ele possui 17 prótons (número atômico 17). Dessa maneira: 17X 17X X possui 20 nêutrons e 17 prótons, tendo, portanto, número de massa = 37. a) Errada. 1 e 2 possuem o mesmo número de prótons, são isótopos. b) Errada. Um átomo é eletricamente neutro quando possui mesmo número de prótons e elétrons, o que não é o caso do átomo 2. Ele possui 2 elétrons a menos, sendo, portanto, um cátion bivalente. c) Errada. 3 é neutro número de prótons igual ao de elétrons. d) Errada. 5 é um ânion 1 elétron a mais que os prótons. e) Certa. Possuem mesmo número de prótons, são isótopos. 24) B 25) D 26) E 27) D a) Errada. Isoelétricos possuem mesmo número de elétrons. O que determina o tamanho do átomo é a atração entre elétrons da eletrosfera por prótons do núcleo. Quanto maior o número atômico, mais prótons no núcleo exercerão atração na eletrosfera, e o átomo ficará menor. b) Certa. c) Errada. A ordem crescente (do menor para o maior) é a ordem decrescente de números atômicos, ou seja, 12 Mg 2+, 11 Na+, 9 F, 8 O 2. d) Errada. Possuem o mesmo número de elétrons. Para cada um, o número de prótons é diferente. e) Errada. A quantidade de prótons (número atômico) determina o tamanho do átomo. Cáculo do número de nêutrons: X: 16 8 = 8 Y: 17 8 = 9 R: 17 7 = 10 Z: 16 7 = 9 * R e Z são íons, o que não interfere no número de nêutrons, apenas no de elétrons. Apresentam o mesmo número de nêutrons: Y e Z (9). Fe 3+ : Prótons: 26 Nêutrons: 30 (56 26) Elétrons: 23 (26 3 representado pelas cargas positivas). Total: 79 F: Prótons: 9 Nêutrons: 10 (19 9) Elétrons: 9 (eletricamente neutro, P = E) Total: 28 S 2 : Prótons: 16 Nêutrons: 16 (32 16) Elétrons: 18 ( representado pelas cargas negativas). Total: 50 Total de partículas: = 157 a) Errada. A indivisibilidade do átomo existia na teoria de Dalton. b) Errada. A existência de nêutrons foi introduzida por Chadwick, complementando o modelo de Rutherford. c) Errada. A natureza elétrica da matéria apareceu no trabalho de Thomson (descrição das cargas elétricas). d) Certa. e) Errada. Teoria de Rutherford. 4 Química A

5 28) D 29) E A alternativa incorreta é a apresentada no item D. Na explosão de fogos de artifício, elétrons recebem energia e saltam para níveis mais externos. Ao retornarem para os níveis de origem, liberam energia na forma de luz visível. a) Errada. Três níveis de menor energia: K, L, M (1, 2, 3), que acomodam respectivamente no máximo: 2, 8, 18 elétrons. b) Errada. 1º nível: K subnível: s 2º nível: L subníveis: s, p 3º nível: M subníveis: s, p, d c) Errada. 11 Na: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 1 Mg: 12 1s2 2s 2 2p 6 3s 2 A : 13 1s2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 1 14 Si: 1s2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 2 Mesmo nível, porém em subníveis diferentes. d) Errada. São todos gases nobres, pertecem à mesma família na tabela periódica. Assim, possuem os elétrons mais energéticos no mesmo subnível, p 6, porém em níveis diferentes (sendo o nível ou camada correspondente ao período em que se encontra na tabela). e) Certa. Os elementos de números atômicos de 25 a 28 estão todos no mesmo período (4), na região correspondente ao subnível d. 30) 11 31) A 01. Certa. Um átomo, ao tornar-se cátion, perde elétrons. Como o número de massa é a soma dos prótons e nêutrons, este não se altera. 02. Certa. No estado fundamental (átomo neutro), o número de prótons e nêutrons é igual. A soma de prótons (24) e nêutrons (28) resulta no número de massa (52). 04. Errada. 24 Cr: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 4 Camada de valência: 4s 2 com 2 elétrons. 08. Certa. A perda de elétrons deixa o átomo com carga positiva. Basta somar o total de elétrons distribuídos: = 26 Quantidade de elétrons = 26. Para o átomo neutro de ferro: 26 prótons = 26 elétrons. 32) D 33) A 34) D 35) B Seguindo o diagrama de distribuição eletrônica de Linus Pauling: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 3d 10 4s 2 5s 2 4p 6 4d 10 5p 6 5d 10 5f 14 6s 2 6p 6 6d 10 7s 2 Z = 16: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 4 Distribuição do ferro neutro: 26 Fe: 1s2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 6 4f 14 Ao perder elétrons, estes devem ser retirados da camada mais externa (camada de valência). No caso do ferro, a camada de valência é 4s 2. Distribuição do cátion bivalente do ferro: 26 Fe2+ : 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 3d 6 26 Fe56 Distribuição eletrônica: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 6 a) Errada. Possui 26 prótons no núcleo (número atômico 26). b) Errada. Possui 4 níveis eletrônicos ocupados. c) Errada. Possui 26 elétrons girando na eletrosfera (átomo neutro de ferro). d) Certa. Possui 26 prótons. e) Errada. Possui 6 elétrons no nível mais energético (3d 6 ). X: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 1 Somando-se os elétrons: 21 Sc Y: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 10 4p 6 5s 2 4d 1 Somando-se os elétrons: 39 Y Química A 5

6 36) B 37) B 38) B 39) A Apesar de o enunciado não ser bem claro, para a resolução desta questão bastava olhar para o período em que o elemento se encontra. O número de níveis a ser ocupado coincide com o número do período. Observe que a distribuição em níveis não obedece necessariamente à previsão teórica. a) Errada. 106 Sg: distribuição em níveis 2, 8, 18, 32, 32, 12, 2 (7 níveis 7º período). b) Certa. 54 Xe: distribuição em níveis 2, 8, 18, 18, 8 (5 níveis 5º período). c) Errada. 92 U: distribuição em níveis: 2, 8, 32, 21, 9,2 (7 níveis 7º período). d) Errada. 58 Ce: distribuição em níveis: 2, 8, 18, 19, 9, 2 (6 níveis 6º período). e) Errada. 94 Pu: distribuição em níveis: 2, 8, 18, 32, 24, 8, 2 (7 níveis 7º período). 43 Tc99 : 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 10 4p 6 5s 2 4d 5 a) Errada. Estão distribuídos em 5 níveis de energia. b) Certa. Prótons: 43 + Nêutrons: 56 = 99 (número de massa). c) Errada. O número de massa é 99. d) Errada. O subnível de maior energia é o 4d. e) Errada. Possui 43 prótons. 2p 4 Segundo nível de energia: n = 2 Subnível p: = 1 Representação do subnível 2p: 2p 4 : Valores de m: m = O elétron é o segundo do orbital. Convencionando-se que o primeiro elétron tem Spin 1/2 e o segundo +1/2, S = +1/ Fe:1s 2s 2p 3s 3p 2s 3d O elétron de diferenciação é o mais energético, ou seja, o último na ordem de distribuição de Pauling. 6 3d : n = 3 m = ) A 41) A 42) A O elétron é o segundo do orbital. Convencionando-se que o primeiro elétron tem Spin 1/2 e o segundo +1/2, então S = +1/2. A partir dos números quânticos, determinar o número de elétrons do átomo: n = 3 4p m = +1 Partindo da informação de que o segundo elétron a ocupar o orbital tem número de Spin +1/2, deduz-se que os outros orbitais estarão totalmente preenchidos: 4p 6 +1 A partir daí, obtêm-se a distribuição completa: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 10 4p 6 O átomo possui 36 elétrons. Como está no estado fundamental (enunciado), possui 36 prótons. 84 = 36 + N N = N = 48 Metal alcalino família 1, ou I A sódio (Na); Gás nobre família 18, ou VIII A ou 0 xenônio (Xe); alogênio família 17, ou VII A cloro (C ). Demais alternativas (incorretas): b) Metal alcalino, metal alcalino, gás nobre. c) Metal alcalinoterroso, metal alcalinoterroso, halogênio. d) Gás nobre, gás nobre, metal alcalinoterroso. e) Calcogênio, calcogênio, gás nobre. a) Correta todos são semimetais. b) Errada semimetal, metal, metal. c) Errada ametal, ametal, metal. d) Errada metal, metal, metal. e) Errada gás nobre, gás nobre, gás nobre. 6 Química A

7 43) E 44) D 45) E 46) B Primeiramente, obtém-se o número atômico a partir do número de massa e de nêutrons: z X80 A = Z + N 80 = Z + 45 Z = Z = 35 A partir do número de nêutrons, verifica-se na tabela periódica a localização do átomo: Z = 35: Bromo Br 4 o período (linha) e grupo VIIA (coluna família). A partir da distribuição eletrônica apresentada, pode-se facilmente encontrar o átomo na tabela periódica. Para isso, deve-se somar todos os elétrons que aparecem sobrescritos nos subníveis. Assim, = 86. O átomo possui 86 elétrons. Considerando que esteja neutro (não seja íon), seu número de prótons será 86. Z = 86 Rn radônio gás nobre. Outra forma de encontrar o átomo é observar a camada de valência: 6s 2 6p 6. O átomo está no 6 o período (linha) e possui 8 elétrons na camada de valência família VIII A. 1. Certa. Soma dos elétrons: = P (ou observar que são 5 elétrons na última camada família VA). 2. Certa. Basta observar a posição na tabela ou distribuir os 12 elétrons em 3 níveis. 3. Errada. Distribuição do 13 A : 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 1 (átomo neutro). 13 A 3+ : 1s 2 2s 2 2p 6 (3 elétrons a menos que o átomo neutro). 4. Certa. Distribuição do 16 S: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 4 (átomo neutro). 16 A 2 : 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 (2 elétrons a mais que o átomo neutro). Distribuição eletrônica do cálcio: 20 Ca: 1s2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 a) Errada pertence à família 2, porém possui 2 elétrons na camada de valência. 47) D 48) D b) Certa o número de camadas corresponde ao período em que o elemento está. c) Errada pertence à família 2, pois possui 2 elétrons na última camada (camada N, ou 4). d) Errada seu número atômico é 20. e) Errada é um metal alcalinoterroso (família II A), sendo seu subnível mais energético o subnível s. I. Certa subnível mais energético dos elementos da família I A: 1s 1, 2s 1, 3s 1,.... II. Errada em uma mesma família os elementos possuem o mesmo número de elétrons na camada de valência. O mesmo número de camadas ocorre entre elementos de mesmo período. III. Errada quando o subnível mais energético é s ou p, o elemento é chamado representativo. Os elementos de transição interna possuem como subnível mais energético o subnível f. a) Errada. O iodo é halogênio (família VIIA). b) Errada. O sódio é metal alcalino (família IA). c) Errada. O ferro é elemento de transição (família B), mas o fósforo é representativo (família A). d) Certa. É ametal. e) Errada. É elemento de transição (família B). 49) 31 50) A A partir da distribuição eletrônica apresentada, pode-se facilmente encontrar o átomo na tabela periódica. Para isso, deve-se somar todos os elétrons que aparecem sobrescritos nos subníveis. A 36 elétrons kriptônio gás nobre. B 56 elétrons bário metal alcalinoterroso. C 35 elétrons bromo halogênio. D 19 elétrons potássio metal alcalino. E 16 elétrons enxofre calcogênio. 01. Certa. 02. Certa. 04. Certa. 08. Certa. 16. Certa. Soma dos elétrons de X = 33 Arsênio período 4 família 15, ou VA. Soma dos elétrons de Y = 19 Potássio período 4 família 1, ou. Os dois estão no mesmo período (4 o ) e respectivamente nas famílias V A e I A. X é da família do nitrogênio, e Y é metal alcalino. Química A 7

8 51) B 52) B 53) C 54) B 55) E Descobrir os elementos pela soma de elétrons e pesquisa na tabela periódica: A) 20 Ca: 4º período, família IIA. B) 22 Ti: 4º período, família IVB. C) 32 Ge: 4º período, família IVA. D) 58 Ce: 6º período, família IIIB. a) Errada. Estão no mesmo período (4º). b) Certa. Estão em famílias B. c) Errada. C está no 4º período, e D está no 6º período. d) Errada. Apenas A é metal alcalinoterroso (família IIA). Elementos que terão propriedades químicas semelhantes são os que se encontram em uma mesma família, sendo assim, têm o mesmo número de elétrons na última camada. Assim, terão comportamento semelhante em uma ligação química ou reatividade química, por exemplo. Ga família III A, Ge família IV A. a) Errada Sn (IV A), In (III A). b) Certa Al (III A), Si(IV A). c) Errada Cu (I B), Se(VI A). d) Errada Zn (II B), As (V A). Identificando os elementos: I. Errada. 1º elemento: 9 F 19 : número de massa 19. II. Certa. 3º elemento: 35 Br: um próton a menos que o gás nobre 36 Kr, do mesmo período. III. Certa. Completando a família VIIA, que contém os elementos citados, 9 F, 17 C, 35 Br, 53 I, 85 At. IV. Errada. Pertence à família VIIA, então não possui configuração de gás nobre, e sim de halogênio. V. Certa. X corresponde ao elemento Iodo, um ametal. Z = 26 Fe: Ferro Fe metal de transição externa: bloco d, família VIII B, 26 período 4. a) Errada o cádmio (Cd) está no quinto período. Os demais estão no quarto período. b) Errada são elementos de transição externa. De transição interna são os lantanídeos e os actinídeos. c) Errada o bloco f da tabela está relacionado aos lantanídeos e actinídeos. 56) D 57) D 58) D 59) A 60) A d) Errada elementos representativos são os elementos das famílias A da tabela. e) Certa os elementos de transição externa possuem o elétron mais energético (final da distribuição eletrônica) em subnível d. a) Errada. I (hidrogênio) e II (hélio) são gases. b) Errada. III é um halogênio (família VIIA). c) Errada. VII é um gás nobre (família VIIIA). d) Certa. IX possui o maior raio atômico, pois possui maior número de camadas. Entre IV e V é o maior raio atômico de IV, pois nos períodos o raio atômico aumenta da direita para a esquerda. e) Errada. VI possui 4 camadas (período 4), e X possui 6 camadas (período 6). I. Errada 53 I: família VII A 7 elétrons de valência. II. Certa 45 Rh: família VIII B 7 elétrons em subnível d. 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 10 4p 6 5s 2 4d 7 III. Errada 34 Se: família VI A 3s 2 3p 4 (3s 2 3p 6 8 elétrons de valência família VIII A). IV. Certa 39 Y: período 5 = 5 níveis de energia. I. Certa pertencem à família I A (metais alcalinos). II. Errada são de transição externa (famílias B da tabela). III. Errada são da família II A e tendem a perder 2 elétrons, formando cátions bivalentes. IV. Errada o símbolo do Nitrogênio é N, sendo o Nióbio de símbolo Ni. a) Certa. Carbono é menos eletronegativo que oxigênio, possui raio atômico menor que o berílio e sua eletroafinidade é maior que a do boro. b) Errada. Enxofre possui raio atômico maior que o berílio. c) Errada. Alumínio possui raio atômico maior que o berílio. d) Errada. Magnésio possui raio atômico maior que o berílio. e) Errada. Flúor possui maior eletronegatividade que o oxigênio. a) Certa. A eletronegatividade aumenta nos períodos para a direita, e o raio atômico aumenta nas famílias para baixo. b) Errada. Raio atômico aumenta nos períodos para a esquerda, e eletroafinidade aumenta nas famílias para cima. 8 Química A

9 61) C 62) C 63) B c) Errada. Raio atômico aumenta nos períodos para a esquerda. d) Errada. A eletronegatividade aumenta nas famílias para cima. e) Errada. O potencial de ionização aumenta nas famílias para cima. I. Certa são metais que perdem facilmente os elétrons. II. Errada são maiores, pois é mais difícil arrancar elétrons de elementos que pertecem ao bloco p (ametais) do que de elementos do bloco s (metais). III. Certa as propriedades dos elementos do bloco d são intermediárias às propriedades dos elementos do bloco s e p. O halogênio mais eletronegativo é o flúor, pois possui o menor raio atômico. Assim, seus prótons do núcleo atraem mais fortemente os elétrons da eletrosfera. Conforme a tabela apresentada, o elemento V é o de maior energia de ionização. A energia de ionização na tabela periódica aumenta de baixo para cima e da esquerda para a direita. Posicionando cada elemento na tabela de acordo com seus números atômicos, tem-se: energia de ionização 64) C 65) E Assim, o elemento V, de maior energia de ionização, corresponde ao número atômico 10 neônio. Soma dos elétrons: 17 Elemento 17 C a) Errada. Pertence ao terceiro período e possui 7 elétrons na camada de valência. b) Errada. Sua energia de ionização é maior que a do enxofre, pois é mais eletronegativo (mais difícil de retirar o elétron). c) Certa. O raio atômico aumenta nos períodos para a esquerda, enquanto que a eletronegatividade aumenta para a direita. d) Errada. Possui menor raio atômico, pois este aumenta nos períodos para a esquerda. Posicionamento dos elementos citados na tabela: 1 I A 1 1,01 3 6,94 2 II A III A IV A V A VI A VII A 4 9 Elementos de transição Li Be B C N O F Ne 9, Na Mg III B IV B V B VI B VII B VIII B I B II B Al Si P S Cl Ar 22, ,1 24, ,8 26, , ,1 7 14, , , ,06 19, VIII A 2 4, , ,45 39,9 K Ca Sc Ti V Cr Mn Fe Co Ni Cu Zn Ga Ge As Se Br Kr 40, , , , , , , , , , , , , , , , ,8 e Em um mesmo período, o raio atômico (tamanho do átomo) aumenta da direita para a esquerda, no sentido inverso Química A 9

10 66) A do aumento do número atômico. Isso ocorre pois com o aumento do número atômico (número de prótons) aumenta a atração exercida pelo núcleo na eletrosfera, fazendo com que ela diminua. a) Errada o zinco é o menor dentre os apresentados. b) Errada o potássio é o maior átomo dentre os descritos. c) Errada o menor é o zinco. d) Errada estão em ordem crescente de número atômico e, por consequência, ordem decrescente de raio atômico. e) Certa ordem decrescente: do maior raio atômico (K) para o menor raio atômico (Zn). Soma dos elétrons: I = 35 elemento: bromo (Br). II = 19 elemento: potássio (K). Posicionamento dos elementos citados na tabela: 1 1,01 3 6,94 1 I A 2 II A III A IV A V A VI A VII A 4 9 Elementos de transição Li Be B C N O F Ne 9, Na Mg III B IV B V B VI B VII B VIII B I B II B Al Si P S Cl Ar 22, ,1 24, ,8 26, , ,1 7 14, , , ,06 19, VIII A 2 4, , ,45 39,9 K Ca Sc Ti V Cr Mn Fe Co Ni Cu Zn Ga Ge As Se Br Kr 40, , , , , , , , , , , , , , , , ,8 e a) Certa a eletronegatividade aumenta da esquerda para a direita, sendo os ametais mais eletronegativos que os metais. b) Errada a camada K (primeira) do elemento 1 possui 2 elétrons. c) Errada a correta distribuição dos 35 elétrons em subníveis é: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 10 4p 5. d) Errada K pertence à família I A, e Br pertence à família VII A. e) Errada distribuição do K: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 1. Último elétron está em 4s 1. * A alternativa estará incorreta ao se considerar o primeiro elétron ao ocupar um orbital com Spin (+1/2). 67) C a) Errada: É o elemento de maior raio atômico do período 5. b) Errada: É menos eletronegativo. c) Certa: É sempre mais difícil "arrancar" um elétron de um gás nobre (alta energia de ionização). d) Errada: O bário é mais eletropositivo (propriedade que aumenta da direita para a esquerda). e) Errada: Magnésio é mais reativo. Nos metais, a reatividade aumenta da direita para a esquerda. 68) E a) Errada compostos inorgânicos também possuem ligação covalente. b) Errada a ligação covalente ocorre por compartilhamento, e a ligação iônica por transferência de elétrons. c) Errada as cargas formam-se apenas na ligação iônica. d) Errada a ligação iônica ocorre pela união de íons. e) Certa na ligação covalente ocorre compartilhamento de elétrons, e na iônica, transferência de elétrons. 10 Química A

11 69) C 70) E 71) B 72) C 73) C I. A informação de que X no estado líquido conduz corrente elétrica leva ao entendimento de que pode formar íons substância iônica. II. Como Y não conduz eletricidade no estado líquido, entende-se que não forma íons substância covalente. Sódio metálico apenas metal ligação metálica. Sal de cozinha Na é metal, C é ametal ligação iônica. Ácido muriático é ametal, C é ametal ligação covalente. Gás oxigênio apenas ametal ligação covalente. a) Errada átomos do grupo I A (metais, com exceção do hidrogênio) e átomos do grupo VII A (ametais) fazem ligação iônica. b) Certa são características da ligação iônica. c) Errada o átomo do grupo II A (metal) transfere dois elétrons ao átomo do grupo VI A (ametal) em ligação iônica. d) Errada o C 2 (cloro é ametal) é formado por ligação covalente. e) Errada o N 3 (nitrogênio e hidrogênio são ametais) é formado por ligação covalente. 1. Errada e Br são ametais ligação covalente. 2. Certa Ba é metal e O é ametal ligação iônica. 3. Certa Ca é metal e C é ametal ligação iônica. 4. Errada Si é semimetal (ametal, na nova classificação) e O é ametal ligação covalente. 5. Errada B é semimetal (ametal, na nova classificação) e O é ametal ligação covalente. a) Errada NaC ligação iônica. b) Errada ambas possuem metal (Mn e Mg) e ametal (O e ) e, assim, ligação iônica. c) Certa apenas ametais. d) Errada ambas possuem metal (L e Li) e ametal (N, O e F) e, assim, ligação iônica. e) Errada ambas possuem metal (Li e Cs) e ametal (O, e I) e, assim, ligação iônica. 74) A 75) A 76) A Na Solubilidade em meio aquoso: ocorre em compostos iônicos e covalentes, mas não metálicos. Condução de corrente elétrica: ocorre em compostos metálicos e iônicos (quando dissolvidos), mas não em compostos covalentes. A solúvel e condutor em meio aquoso: iônica. B solúvel e não condutor em meio aquoso: covalente. C insolúvel e condutor em meio aquoso: metálica. A B 7A Família I A: metais Família VII A: ametais Ligação entre metal e ametal: iônica Na 7A Mg 2A 77) 70 Na S 2 MgS S S 6A Na 6A Mg 2A A 19 K família I A B 35 Br família VII A Na Mg 2 Na Mg NaBr MgBr Errada a ligação formada será iônica (metal e ametal). 02. Certa A é o potássio (metal), e B é o bromo (ametal). 04. Certa estão no mesmo período (raio atômico aumenta da direita para a esquerda). 08. Errada o átomo B pertence à família dos halogênios. 16. Errada o íon possui um elétron a menos. Com isso, a eletrosfera diminui. Então, o raio de A é maior que o raio de A Errada A é da família I A (ns 1 ), e B da família VII A (ns 2 np 5 ). 64. Certa B é ametal da família VII A, então forma-se um composto covalente de fórmula B 2. Br Br Br 2A Química A 11

12 78) C X 3A metal XY 2 ligação iônica 79) B X metal X 2A metal XF 2 ligação iônica 80) 16 3A M M 2A 6A S S S Y Y 7A ametal O 6A ametal F F 7A ametal 3A M 7A Cl Cl Cl 82) D 83) B 84) D a) Certa cloreto de sódio: NaC. b) Certa é formado por ligação iônica que, por ser uma ligação forte, tem como característica originar compostos de alto ponto de fusão. c) Certa em solução aquosa separam-se os íons Na + e C, que conduzem a corrente elétrica. d) Errada a ligação é do tipo iônica, pois Na é metal e C é ametal. e) Certa C + NaO NaC + 2 O. São duas ligações coordenadas (dativas) que ocorrem entre o enxofre e os oxigênios, representadas por "flechinhas". As demais ligações são do tipo covalente comum. Na molécula do ácido sulfúrico ( 2 SO 4 ) estão presentes 4 ligações covalentes comuns e 2 ligações covalentes coordenadas (dativas) que ocorrem entre o enxofre e dois dos oxigênios (representadas por "flechinhas"). O O S O O 81) Certa Potássio K. 02. Errada número atômico 19, número de massa 39. Possui 20 nêutrons. 04. Certa potássio é da família I A e perde 1 elétron para um halogênio da família VI A, formando um composto na proporção de 1 para 1, ou seja, KX. 08. Errada é um elemento representativo, porém seu subnível mais energético é o s. 16. Certa totalizando os 19 elétrons no estado fundamental, distribuídos os subníveis em: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s Química A

O Átomo. a + thomos = sem divisão

O Átomo. a + thomos = sem divisão O Átomo 1. O nome átomo tem origem na Grécia Antiga no sec. V a.c. Os pensadores antigos falavam da existência de partículas invisíveis e indivisíveis que formariam toda matéria. a + thomos = sem divisão

Leia mais

Química A Intensivo V. 1

Química A Intensivo V. 1 1 Química A Intensivo V. 1 Exercícios 01) 10 01. Incorreta. O modelo atômico de Dalton não prevê a existência de elétrons. 02. Correta. Segundo Dalton, os átomos eram indestrutíveis e, durante uma reação

Leia mais

Resoluções das Atividades

Resoluções das Atividades Resoluções das Atividades Sumário Módulo 1 Teoria atômica básica e leis ponderais Evolução dos modelos atômicos Modelo atômico atual 1 Módulo 2 Números quânticos; Distribuição eletrônica Paramagnetismo,

Leia mais

Química Atomística Profª: Bruna Villas Bôas. Exercícios

Química Atomística Profª: Bruna Villas Bôas. Exercícios NÚMERO ATÔMICO (Z) Os diferentes tipos de átomos (elementos químicos) são identificados pela quantidade de prótons (P) que possui. Esta quantidade de prótons recebe o nome de número atômico e é representado

Leia mais

Lista exercícios N1 Química Geral Tabela Periódica, distribuição eletrônica e ligações químicas.

Lista exercícios N1 Química Geral Tabela Periódica, distribuição eletrônica e ligações químicas. 1 Parte I - Considere as informações abaixo: Lista exercícios N1 Química Geral Tabela Periódica, distribuição eletrônica e ligações químicas. Núcleo: Prótons e nêutrons. Eletrosfera: elétrons Os átomos

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS

CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS EXERCÍCIOS Questão 01) O correto uso da tabela periódica permite determinar os elementos químicos a partir de algumas de suas características. Recorra a tabela periódica

Leia mais

TD nº 02 Química 2 1º ano - 2011

TD nº 02 Química 2 1º ano - 2011 Prof. Willame TD nº 02 Química 2 1º ano - 2011 TABELA PERIÓDICA 1. A organização dos elementos Com a descoberta de uma grande variedade de átomos, tornou-se necessária à criação de uma sistemática de classificação.

Leia mais

ATIVIDADES EM QUÍMICA Recuperação paralela de conteúdos

ATIVIDADES EM QUÍMICA Recuperação paralela de conteúdos Nova Friburgo, de de 2014. Aluno (a): Gabarito Professor(a): ATIVIDADES EM QUÍMICA Recuperação paralela de conteúdos Nº: Turma:100 Assuntos: Estrutura atômica; Tabela Periódica; Propriedades periódicas;

Leia mais

Próton Nêutron Elétron

Próton Nêutron Elétron Próton Nêutron Elétron ARNOLD SOMMERFELD MODELO ATÔMICO DE ARNOLD SOMMERFELD - 1916 Ao pesquisar o átomo, Sommerfeld concluiu que os elétrons de um mesmo nível, ocupam órbitas de trajetórias diferentes

Leia mais

Apostila de Química Geral

Apostila de Química Geral Cursinho Vitoriano UNESP - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Câmpus de São José do Rio Preto Apostila de Química Geral Período noturno Ligações químicas interatômicas Vanessa R.

Leia mais

Tabela periódica e propriedades periódicas

Tabela periódica e propriedades periódicas Tabela periódica e propriedades periódicas Mendeleev Vários cientistas procuravam agrupar os átomos de acordo com algum tipo de semelhança, mas o químico russo Dmitri Ivanovich Mendeleev foi o primeiro

Leia mais

Próton Nêutron Elétron

Próton Nêutron Elétron Próton Nêutron Elétron Próton Nêutron Elétron Número de prótons: 54 2 Nome do elemento: BORO BERÍLIO HÉLIO Esta Os quantidade diferentes tipos de prótons de átomos recebe (elementos o nome químicos) de

Leia mais

01) (ACAFE) O grupo de átomos que é encontrado na forma monoatômica pelo fato de serem estáveis é:

01) (ACAFE) O grupo de átomos que é encontrado na forma monoatômica pelo fato de serem estáveis é: 01) (ACAFE) O grupo de átomos que é encontrado na forma monoatômica pelo fato de serem estáveis é: a) Halogênios b) Calcogênios c) Metais Alcalinos Terrosos d) Metais Alcalinos e) Gases Nobres 02) (UFF-RJ)

Leia mais

Teoria Atômica. Constituição da matéria. Raízes históricas da composição da matéria. Modelos atômicos. Composição de um átomo.

Teoria Atômica. Constituição da matéria. Raízes históricas da composição da matéria. Modelos atômicos. Composição de um átomo. Teoria Atômica Constituição da matéria Raízes históricas da composição da matéria Modelos atômicos Composição de um átomo Tabela periódica Raízes Históricas 6000 a.c.: descoberta do fogo 4000 a.c.: vidros,

Leia mais

A ESTRUTURA ATÔMICA REPRESENTAÇÃO

A ESTRUTURA ATÔMICA REPRESENTAÇÃO A ESTRUTURA ATÔMICA O modelo nuclear admite que o átomo é formado por uma região central extremamente pequena, o núcleo, em torno do qual giram diminutas partículas, constituindo uma outra região, a eletrosfera.

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS

CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS PARTE 1 01. A classificação periódica apresenta os elementos na: a) seqüência crescente de números de massa; b) ordem de reatividade química; c) seqüência crescente

Leia mais

Energias de ionização (ev) 1ª 2ª 3ª 4ª 5ª 6ª 7ª 8ª X 5,4 75,6 122,4 Y 13,6 35,2 54,9 77,4 113,9 138,1 739,1 871,1

Energias de ionização (ev) 1ª 2ª 3ª 4ª 5ª 6ª 7ª 8ª X 5,4 75,6 122,4 Y 13,6 35,2 54,9 77,4 113,9 138,1 739,1 871,1 1. (Cefet MG 2014) Na tabela a seguir, estão representadas as energias de ionização de dois elementos X e Y pertencentes ao segundo período do quadro periódico. Elementos Energias de ionização (ev) 1ª

Leia mais

Prova de Recuperação Bimestral de Ciências Nome Completo: Data: / /2010

Prova de Recuperação Bimestral de Ciências Nome Completo: Data: / /2010 COLÉGIO MARIA IMACULADA QI 05 ch. 72 LAGO SUL BRASÍLIA DF E-MAIL: cmidf@cmidf.com.br FONE: 248 4768 SITE: www.cmidf.com.br VALOR:10 pontos. NOTA: 9ºano 2º PERÍODO Prova de Recuperação Bimestral de Ciências

Leia mais

Química A Semiextensivo V. 2

Química A Semiextensivo V. 2 Química A Semiextensivo V. Exercícios 0) B 0) A 0) A Símbolo N: elemento Nitrogênio Símbolo P: elemento Fósforo (do latim Phosphorus) Símbolo K: elemento Potássio (do latim Kalium) Trata-se de uma questão

Leia mais

AULA 02: TABELA PERIÓDICA

AULA 02: TABELA PERIÓDICA AULA 02: TABELA PERIÓDICA 1. INTRODUÇÃO A Tabela Periódica é, efetivamente, um instrumento organizador de conhecimentos sobre os elementos químicos, onde estes estão ordenados por ordem crescente de número

Leia mais

Módulo: Tabela Periódica Atividade: Estudo da Tabela Periódica e Distribuição Eletrônica de Linus Pauling

Módulo: Tabela Periódica Atividade: Estudo da Tabela Periódica e Distribuição Eletrônica de Linus Pauling Guia do Professor Módulo: Tabela Periódica Atividade: Estudo da Tabela Periódica e Distribuição Eletrônica de Linus Pauling I Introdução A atividade Distribuição Eletrônica favorece o desenvolvimento de

Leia mais

Química. Resolução das atividades complementares. Q36 Classificação de elementos

Química. Resolução das atividades complementares. Q36 Classificação de elementos Resolução das atividades complementares 3 Química Q36 Classificação de elementos p. 24 1 (Fatec-SP) Imagine que a tabela periódica seja o mapa de um continente, e que os elementosquímicos constituem as

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO ELETRÔNICA E N OS QUâNTICOS TEORIA - PARTE II. Elétron de diferenciação e elétrons de valência. Distribuição eletrônica de íons

DISTRIBUIÇÃO ELETRÔNICA E N OS QUâNTICOS TEORIA - PARTE II. Elétron de diferenciação e elétrons de valência. Distribuição eletrônica de íons DISTRIBUIÇÃO ELETRÔNICA E N OS QUâNTICOS TEORIA - PARTE II Elétron de diferenciação e elétrons de valência O elétron de diferenciação é definido como o último elétron do subnível mais energético de um

Leia mais

Lista de Exercícios de Recuperação do 3 Bimestre

Lista de Exercícios de Recuperação do 3 Bimestre Lista de Exercícios de Recuperação do 3 Bimestre Instruções gerais: Resolver os exercícios à caneta e em folha de papel almaço ou monobloco (folha de fichário). Copiar os enunciados das questões. Entregar

Leia mais

1. Qual a fórmula do composto formado entre o cálcio, Ca (Z = 20) e o flúor F (Z = 9)?

1. Qual a fórmula do composto formado entre o cálcio, Ca (Z = 20) e o flúor F (Z = 9)? EXERCÍCIOS REVISÃO 1ª série 1. Qual a fórmula do composto formado entre o cálcio, Ca (Z = 20) e o flúor F (Z = 9)? 2. Qual a fórmula do composto formado entre o potássio, K (Z = 19) e o enxofre, S (Z =

Leia mais

LIGAÇÕES QUÍMICAS TEORIA CORPUSCULAR

LIGAÇÕES QUÍMICAS TEORIA CORPUSCULAR LIGAÇÕES QUÍMICAS 5 TEORIA CORPUSCULAR 1 INTRODUÇÃO O fato de os gases nobres existirem na natureza como átomos isolados, levou os cientistas KOSSEL e LEWIS a elaborar um modelo para as ligações químicas.

Leia mais

A) a existência do oceano líquido é uma hipótese possível, pois um sal solúvel só forma uma mistura homogênea com a água, quando ela está líquida.

A) a existência do oceano líquido é uma hipótese possível, pois um sal solúvel só forma uma mistura homogênea com a água, quando ela está líquida. TEXTO PARA A QUESTÃO 1. Sonda espacial detecta sal de cozinha em lua de Saturno A análise da composição química do anel mais externo de Saturno revelou a presença de 98% de água, 1% de cloreto de sódio,

Leia mais

Thomson denominou este segundo modelo atômico de Pudim de Passas.

Thomson denominou este segundo modelo atômico de Pudim de Passas. EVOLUÇÃO DOS MODELOS ATÔMICOS Durante algum tempo a curiosidade do que era constituída a matéria parecia ser impossível de ser desvendada. Até que em 450 a.c. o filósofo grego Leucipo de Mileto afirmava

Leia mais

Química. Resolução das atividades complementares. Q42 Ligação metálica

Química. Resolução das atividades complementares. Q42 Ligação metálica Resolução das atividades complementares 3 Química Q42 Ligação metálica p. 59 1 (Cefet-PR) Analise as afirmações a seguir: I. O metal X é leve, sofre pouca corrosão e é bastante utilizado na construção

Leia mais

Nível 1 2 3 4 5 6 7 Camada K L M N O P Q Número máximo de elétrons 2 8 18 32 32 18 2

Nível 1 2 3 4 5 6 7 Camada K L M N O P Q Número máximo de elétrons 2 8 18 32 32 18 2 DISTRIBUIÇÃO ELETRÔNICA E TABELA PERIÓDICA dos ELEMENTOS INTRODUÇÃO O conhecimento químico é necessário para uma melhor compreensão sobre as propriedades físicas, químicas e mecânicas dos materiais utilizados,

Leia mais

Exercícios de Revisão de Química 1º ano

Exercícios de Revisão de Química 1º ano Questão 01) Dentre as alternativas abaixo, indicar a que contém a afirmação correta. a) Dois átomos que possuem o mesmo número de nêutrons pertencem ao mesmo elemento químico. b) Dois átomos com o mesmo

Leia mais

Material Extra: Modelos atômicos e atomística Química professor Cicero # Modelos Atômicos e atomística - Palavras chaves

Material Extra: Modelos atômicos e atomística Química professor Cicero # Modelos Atômicos e atomística - Palavras chaves Material Extra: Modelos atômicos e atomística Química professor Cicero # Modelos Atômicos e atomística - Palavras chaves Evolução da ideia do átomo 1) Partícula maciça, indivisível e indestrutível; 2)

Leia mais

Ligações Químicas Ligação Iônica Ligação Metálica

Ligações Químicas Ligação Iônica Ligação Metálica Química Geral e Inorgânica QGI0001 Eng a. de Produção e Sistemas Prof a. Dr a. Carla Dalmolin Ligações Químicas Ligação Iônica Ligação Metálica Periodicidade O átomo é visto como uma esfera, onde só as

Leia mais

Goiânia, / / 2014. Elemento Configuração 1 1s 2 2s 2 2p 6 3s 1 2 1s 2 2s 2 2p 4 3 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 4 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6

Goiânia, / / 2014. Elemento Configuração 1 1s 2 2s 2 2p 6 3s 1 2 1s 2 2s 2 2p 4 3 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 4 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 Lista de exercícios - Química Aluno (a): Nº. Professora: Núbia de Andrade Série: 1º ano (Ensino médio) Turma: Goiânia, / / 2014. Questão 01) Localize na Tabela Periódica o elemento químico de número atômico

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Final Disciplina: Química Ano: 2012 Professor (a): Elisa Landim Turma: 1º FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação. Faça a lista

Leia mais

Profa Fernanda Galante Fundamentos de Química e Biologia Molecular/ Nutrição Material 3 1 LIGAÇÕES QUIMICAS

Profa Fernanda Galante Fundamentos de Química e Biologia Molecular/ Nutrição Material 3 1 LIGAÇÕES QUIMICAS Profa Fernanda Galante Fundamentos de Química e Biologia Molecular/ Nutrição Material 3 1 LIGAÇÕES QUIMICAS REGRA DO OCTETO Cada átomo tem um número de elétrons diferente e estes e - (elétrons) estão distribuídos

Leia mais

Escola Secundária Anselmo de Andrade Teste Sumativo de Ciências Físico - Químicas 9º Ano Ano Lectivo 08/09

Escola Secundária Anselmo de Andrade Teste Sumativo de Ciências Físico - Químicas 9º Ano Ano Lectivo 08/09 Escola Secundária Anselmo de Andrade Teste Sumativo de Ciências Físico - Químicas 9º Ano Ano Lectivo 08/09 2ºTeste Sumativo 1ºPeríodo Duração do Teste:60 minutos Data: 05 / 12 / 08 Prof. Dulce Godinho

Leia mais

Lista de Exercício de Química - N o 6

Lista de Exercício de Química - N o 6 Lista de Exercício de Química - N o 6 Profa. Marcia Margarete Meier 1) Arranje em ordem crescente de energia, os seguintes tipos de fótons de radiação eletromagnética: raios X, luz visível, radiação ultravioleta,

Leia mais

Nº máximo 2 8 18 32 32 18 2. Camadas K L M N O P Q 20 Ca (Z=20) 2 8??

Nº máximo 2 8 18 32 32 18 2. Camadas K L M N O P Q 20 Ca (Z=20) 2 8?? Ligações químicas Na natureza, todos os sistemas tendem a adquirir a maior estabilidade possível. Os átomos ligam-se uns aos outros para aumentar a sua estabilidade. Os gases nobres são as únicas substâncias

Leia mais

Lista 1 Atomística e tabela periódica

Lista 1 Atomística e tabela periódica Lista 1 Atomística e tabela periódica 1. (Ufrn 2013) A Lei Periódica e sua representação gráfica, a Tabela Periódica, são dois conhecimentos essenciais para a química e para os químicos. D. Mendeleev (1834-1907),

Leia mais

Propriedades Químicas

Propriedades Químicas Álvaro Montebelo Barcelos Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons. http://creativecommons.org.br http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/br/legalcode

Leia mais

Resoluções das atividades

Resoluções das atividades Resoluções das atividades Sumário Aula 1 Evolução dos modelos atômicos: da alquimia ao modelo atômico de Thomson... 1 Aula 2 Evolução dos modelos atômicos: de Rutherford ao modelo atômico de Sommerfeld...

Leia mais

APSA 2 - Tabela Periódica 10º Ano Novembro de 2011

APSA 2 - Tabela Periódica 10º Ano Novembro de 2011 1. Dada a distribuição eletrónica dos elementos a seguir, indique qual deles apresenta maior e menor raio atómico 3Li: 1s 2 2s 1 7N: 1s 2 2s 2 2p 3 9F: 1s 2 2s 2 2p 5 R: Maior raio Atómico = Li Menor raio

Leia mais

Tabel e a l P rió dica

Tabel e a l P rió dica Tabela Periódica Desenvolvimento histórico da Tabela Periódica Dmitri Mendeleev (1834-1907 ) Escreveu em fichas separadas as propriedades (estado físico, massa, etc) dos elementos químicos. Enquanto arruma

Leia mais

Química Orgânica I Profª Dra. Alceni Augusta Werle Profª Dra.Tânia M. Sacramento Melo

Química Orgânica I Profª Dra. Alceni Augusta Werle Profª Dra.Tânia M. Sacramento Melo Química Orgânica I Profª Dra. Alceni Augusta Werle Profª Dra.Tânia M. Sacramento Melo Ligação Química e Estudo do Átomo de Carbono Aula 1 1- INTRODUÇÃO Os átomos são formados por nêutrons, prótons e elétrons.

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 2ª Etapa 2014. 1ª série Turma: FG

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 2ª Etapa 2014. 1ª série Turma: FG COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 2ª Etapa 2014 Disciplina: QUÍMICA Professora: Maria Luiza 1ª série Turma: FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

SEMI 2016 UNIDADES 04 e 05 Química A (Com gabarito)

SEMI 2016 UNIDADES 04 e 05 Química A (Com gabarito) SEMI 2016 UNIDADES 04 e 05 Química A (Com gabarito) 1 - (UFPR) - Considere um elemento químico (E) com número atômico (Z) igual a 16. a) Qual sua configuração eletrônica para o estado fundamental? a) 1s

Leia mais

Escola Básica e Secundária Gonçalves Zarco Ciências Físico-Químicas, 9º ano Ano lectivo 2006 / 2007

Escola Básica e Secundária Gonçalves Zarco Ciências Físico-Químicas, 9º ano Ano lectivo 2006 / 2007 Escola Básica e Secundária Gonçalves Zarco Ciências Físico-Químicas, 9º ano Ano lectivo 2006 / 2007 Ficha de Trabalho, nº 2 CORRECÇÃO Nome: n.º aluno: Turma: 1. Nas frases seguintes, risca as palavras

Leia mais

Química. Química 3 SUMÁRIO. e Pré-vestibular

Química. Química 3 SUMÁRIO. e Pré-vestibular Química SUMÁRIO Química 1 MÓDULO 1 Estrutura da matéria - Atomística... 3 Estrutura da matéria: modelos atômicos, Z, A, isótopos e íons Estrutura da matéria: A eletrosfera MÓDULO 2 Classificação periódica

Leia mais

RESUMO 1 MODELOS ATÔMICOS

RESUMO 1 MODELOS ATÔMICOS RESUMO 1 MODELOS ATÔMICOS A constituição da matéria é motivo de muita curiosidade entre os povos antigos. Filósofos buscam há tempos a constituição dos materiais. Resultado dessa curiosidade implicou na

Leia mais

MODELOS ATÔMICOS. Química Professora: Raquel Malta 3ª série Ensino Médio

MODELOS ATÔMICOS. Química Professora: Raquel Malta 3ª série Ensino Médio MODELOS ATÔMICOS Química Professora: Raquel Malta 3ª série Ensino Médio PRIMEIRA IDEIA DO ÁTOMO 546 a.c. Tales de Mileto: propriedade da atração e repulsão de objetos após atrito; 500 a.c. Empédocles:

Leia mais

PROPRIEDADES PERIÓDICAS I

PROPRIEDADES PERIÓDICAS I PROPRIEDADES PERIÓDICAS I Portal de Estudos em Química (PEQ) www.profpc.com.br Página 1 EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO 01 Considere as primeiras, segundas, terceiras e quartas energias de ionização dos elementos

Leia mais

LIGAÇÕES QUÍMICAS. Um novo jeito de se aprender química Helan Carlos e Lenine Mafra- Farmácia- 2014.2

LIGAÇÕES QUÍMICAS. Um novo jeito de se aprender química Helan Carlos e Lenine Mafra- Farmácia- 2014.2 ATENÇÃO: Não sou o detentor dos direitos e também não tenho a intenção de violá-los de nenhuma imagem, exemplo prático ou material de terceiros que porventura venham a ser utilizados neste ou em qualquer

Leia mais

Aluno(a): Instituição de Ensino: Município: Coordenador da Instituição de Ensino: ATENÇÃO: O DESENVOLVIMENTO TEÓRICO DAS QUESTÕES É OBRIGATÓRIO

Aluno(a): Instituição de Ensino: Município: Coordenador da Instituição de Ensino: ATENÇÃO: O DESENVOLVIMENTO TEÓRICO DAS QUESTÕES É OBRIGATÓRIO IX Olimpíada Capixaba de Química 2011 Prova do Grupo I 1 a série do ensino médio Fase 01 Aluno(a): Instituição de Ensino: Município: Coordenador da Instituição de Ensino: ATENÇÃO: O DESENVOLVIMENTO TEÓRICO

Leia mais

2) Um átomo T apresenta menos 2 prótons que um átomo Q. Com base nessa informação, assinale a opção falsa.

2) Um átomo T apresenta menos 2 prótons que um átomo Q. Com base nessa informação, assinale a opção falsa. 1) Um átomo, cujo número atômico é 18, está classificado na Tabela Periódica como: a) metal alcalino b) metal alcalinoterroso c) metal terroso d) ametal e) gás nobre 2) Um átomo T apresenta menos 2 prótons

Leia mais

Tabela Periódica. 2. C Consultando a tabela periódica para a obtenção das massas atômicas dos elementos apresentados, tem-se:

Tabela Periódica. 2. C Consultando a tabela periódica para a obtenção das massas atômicas dos elementos apresentados, tem-se: Segmento: Pré-vestibular Resoluções Coleção: Alfa, Beta e Gama Disciplina: Química Volume: 1 Série: 2 Tabela Periódica 1. C Nas tabelas periódicas atuais os elementos estão dispostos em ordem crescente

Leia mais

1º trimestre Ciências Sala de estudos Data: Abril/2015 Ensino Fundamental 9º ano classe: Profª Elisete Nome: nº

1º trimestre Ciências Sala de estudos Data: Abril/2015 Ensino Fundamental 9º ano classe: Profª Elisete Nome: nº 1º trimestre Ciências Sala de estudos Data: Abril/2015 Ensino Fundamental 9º ano classe: Profª Elisete Nome: nº Valor: 10 Nota:.. Conteúdo: Atomística e MRU 1) Observe o trecho da história em quadrinhos

Leia mais

ESTRUTURA ATÔMICA OS PRIMEIROS MODELOS ATÔMICOS

ESTRUTURA ATÔMICA OS PRIMEIROS MODELOS ATÔMICOS 1 ESTRUTURA ATÔMICA OS PRIMEIROS MODELOS ATÔMICOS Alguns filosófo da Grécia Antiga já admitiam que toda e qualquer matéria seria formada por minúsculas partículas indivisíveis, que foram denominadas átomos

Leia mais

478 a.c. Leucipo e seu discípulo Demócrito

478 a.c. Leucipo e seu discípulo Demócrito MODELOS ATÔMICOS 478 a.c. Leucipo e seu discípulo Demócrito - A matéria após sofrer várias subdivisões, chegaria a uma partícula indivisível a que chamaram de átomo. - ÁTOMO a = sem tomos = divisão - Esta

Leia mais

Tabela Periódica. Li C S Na Br X K l Te

Tabela Periódica. Li C S Na Br X K l Te 1. (Ufg 2013) Para estimular um estudante a se familiarizar com os números atômicos de alguns elementos químicos, um professor cobriu as teclas numéricas de uma calculadora com os símbolos dos elementos

Leia mais

Disciplina: Química Professor: Giorgio Antoniolli TABELA PERIÓDICA

Disciplina: Química Professor: Giorgio Antoniolli TABELA PERIÓDICA Disciplina: Química Professor: Giorgio Antoniolli TABELA PERIÓDICA BREVE HISTÓRICO Mendeleev (1869): organizou os elementos em ordem crescente de massas atômicas. Os elementos de comportamento químico

Leia mais

QUÍMICA QUESTÃO 41 QUESTÃO 42

QUÍMICA QUESTÃO 41 QUESTÃO 42 Processo Seletivo/UNIFAL- janeiro 2008-1ª Prova Comum TIPO 1 QUÍMICA QUESTÃO 41 Diferentes modelos foram propostos ao longo da história para explicar o mundo invisível da matéria. A respeito desses modelos

Leia mais

A Evolução dos Modelos Atômicos

A Evolução dos Modelos Atômicos A Evolução dos Modelos Atômicos 400 a.c. Modelo de Demócrito Concepção filosófica de uma bolinha maciça. 1803 Modelo de Dalton Bolinha maciça baseada em experiências. 1903 Modelo de Thomson Esfera sólida

Leia mais

SIMULADO DE QUÍMICA. 1) Para eliminar a poeira e outras impurezas sólidas do ar, muitos aparelhos de purificação usam método da:

SIMULADO DE QUÍMICA. 1) Para eliminar a poeira e outras impurezas sólidas do ar, muitos aparelhos de purificação usam método da: SIMULADO DE QUÍMICA 1) Para eliminar a poeira e outras impurezas sólidas do ar, muitos aparelhos de purificação usam método da: a) ( ) filtração; b) ( ) flotação; c) ( ) separação de mistura; d) ( ) ventilação.

Leia mais

EXERCÍCIOS - TABELA PERIÓDICA - 2012

EXERCÍCIOS - TABELA PERIÓDICA - 2012 EXERCÍCIOS - TABELA PERIÓDICA - 2012 1- (CEUB) Examine atentamente o gráfico que mostra a variação de determinada propriedade X com o número atômico Z. A) A propriedade X é uma propriedade periódica. B)

Leia mais

PROF: Alex LISTA 7 DATA: 21/08/2011 Propriedades Periódicas e Ligações (Exercícios Gerais)

PROF: Alex LISTA 7 DATA: 21/08/2011 Propriedades Periódicas e Ligações (Exercícios Gerais) NOME: PROF: Alex LISTA 7 DATA: 21/08/2011 Propriedades Periódicas e Ligações (Exercícios Gerais) 01 - (UDESC SC/2011) De acordo com as propriedades periódicas dos elementos químicos, analise as proposições

Leia mais

05 - (UEL PR/1994) Localize na tabela periódica o elemento químico de número atômico 20 e escolha a(s)

05 - (UEL PR/1994) Localize na tabela periódica o elemento químico de número atômico 20 e escolha a(s) 01 - (UEM PR/2012) Assinale o que for correto. (01) Dentro de uma família na tabela periódica, todos os elementos químicos têm temperatura de fusão aumentada com o aumento do número atômico. (02) Qualquer

Leia mais

INTRODUÇÃO À QUÍMICA Apostila

INTRODUÇÃO À QUÍMICA Apostila INTRODUÇÃO À QUÍMICA Apostila Profa. Graça Porto Índice 1. Introdução...03 2. Idéia de átomo...03 3. Teorias e modelos atômicos...03 4. As partículas do átomo...06 5. Conceitos fundamentais...07 6. Números

Leia mais

Configurações eletrônicas

Configurações eletrônicas Configurações eletrônicas Metais de transição Depois de Ar, os orbitais d começam a ser preenchidos. Depois que os orbitais 3d estiverem preenchidos, os orbitais 4p começam a ser preenchidos. Metais de

Leia mais

[A] Incorreta. O amálgama é uma liga metálica, ou seja, uma mistura homogênea, em que o principal componente é o mercúrio. [Xe] 6s 4f 5d.

[A] Incorreta. O amálgama é uma liga metálica, ou seja, uma mistura homogênea, em que o principal componente é o mercúrio. [Xe] 6s 4f 5d. Gabarito: Resposta da questão 1: A representação do elemento químico do átomo da espécie responsável pela coloração pertence à família dos metais alcalinos-terrosos da tabela periódica, ou seja, família

Leia mais

APOSTILA DE QUÍMICA 2º BIMESTRE

APOSTILA DE QUÍMICA 2º BIMESTRE Nome: nº: Bimestre: 2º Ano/série: 9º ano Ensino: Fundamental Componente Curricular: Química Professor: Ricardo Honda Data: / / APOSTILA DE QUÍMICA 2º BIMESTRE TEORIA 1 EVOLUÇÃO DOS MODELOS ATÔMICOS 1.

Leia mais

ATOMÍSTICA MODELOS ATÔMICOS. MODELO ATÔMICO DE DALTON: o átomo é constituído de uma pequena esfera maciça indivisível e indestrutível.

ATOMÍSTICA MODELOS ATÔMICOS. MODELO ATÔMICO DE DALTON: o átomo é constituído de uma pequena esfera maciça indivisível e indestrutível. ATOMÍSTICA MODELOS ATÔMICOS MODELO ATÔMICO DE DALTON: o átomo é constituído de uma pequena esfera maciça indivisível e indestrutível. O Átomo é constituído de uma região central chamada de núcleo onde

Leia mais

ânodo TUBO B lâmina de Au anteparo com ZnS

ânodo TUBO B lâmina de Au anteparo com ZnS UFSC 2003 Uma das principais partículas atômicas é o elétron. Sua descoberta foi efetuada por J. J. Thomson em uma sala do Laboratório Cavendish, na Inglaterra, ao provocar descargas de elevada voltagem

Leia mais

História da Química: Empédocles (Séc. V a.c.)

História da Química: Empédocles (Séc. V a.c.) Prof.: Manzi História da Química: Empédocles (Séc. V a.c.) Teoria sobre os 4 elementos: Terra, Fogo, água e ar Aristóteles ( 350 a.c.) Quando a matéria recebe a forma ela se organiza nos quatro elementos

Leia mais

3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril

3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril 3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril 01. A corrosão de um metal é a sua destruição ou deterioração, devida à reação com o meio ambiente. O enferrujamento é o nome dado à corrosão do ferro: Fe(s)

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL Conteúdos Competências / Habilidades Avaliação/Atividades

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL Conteúdos Competências / Habilidades Avaliação/Atividades Estrutura atômica I (Unid. 02 e 3) COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA Associação Brasileira de Educadores Lassalistas ABEL SGAS Q. 906 Conj. E C.P. 320 Fone: (061) 3443-7878 CEP: 70390-060 - BRASÍLIA - DISTRITO

Leia mais

NÚMERO DE OXIDAÇÃO. Porém, nem todos os compostos que existem são formados por íons. Observe a seguinte estrutura: METANO H C

NÚMERO DE OXIDAÇÃO. Porém, nem todos os compostos que existem são formados por íons. Observe a seguinte estrutura: METANO H C NÚMER DE XIDAÇÃ INTRDUÇÃ Na química há reações chamadas reações de óxido-redução que são de extrema importância no nosso dia-a-dia. Essas reações (que serão estudadas na próxima unidade) podem apresentar

Leia mais

REVISÃO PARA VESTIBULAR

REVISÃO PARA VESTIBULAR REVISÃO PARA VESTIBULAR MODELOS ATÔMICOS Desvendar os segredos da matéria, sua estrutura, sua constituição, sempre foi um desejo dos estudiosos. Cinco séculos antes de Cristo, os filósofos gregos especulavam

Leia mais

Tarefa online 9º ano Química Juliana

Tarefa online 9º ano Química Juliana Tarefa online 9º ano Química Juliana 1) Um elemento químico X apresenta configuração eletrônica 1s2 2s2 2p4. Podemos afirmar que, na tabela periódica, esse elemento químico está localizado no a) 2 º período,

Leia mais

54) Escreva o número de elétrons de valência e classifica quanto a configuração eletrônica dos elementos:

54) Escreva o número de elétrons de valência e classifica quanto a configuração eletrônica dos elementos: CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS 54) Escreva o número de elétrons de valência e classifica quanto a configuração eletrônica dos elementos: a) K b) B c) I d) Ne 55) Dê o nome da família e a camada

Leia mais

Ligações Químicas elementos químicos átomos moléculas

Ligações Químicas elementos químicos átomos moléculas Ligações Químicas Ligações Químicas Os diferentes elementos químicos combinam-se de várias maneiras formando uma grande variedade de substâncias, por meio das ligações químicas. Através das ligações químicas

Leia mais

Lista de exercícios 12 Propriedades periódicas

Lista de exercícios 12 Propriedades periódicas Lista de exercícios 12 Propriedades periódicas 01. (UEG) O gráfico a seguir indica a primeira variação do potencial de ionização, em função dos números atômicos. Analise o gráfico, consulte a tabela periódica

Leia mais

Estrutura Atômica. Parte I. www.soexatas.com Página 1

Estrutura Atômica. Parte I. www.soexatas.com Página 1 Parte I Estrutura Atômica 1. (Ufg 2013) Para estimular um estudante a se familiarizar com os números atômicos de alguns elementos químicos, um professor cobriu as teclas numéricas de uma calculadora com

Leia mais

QUÍMICA. A Tabela Periódica. frente 2 MAXIM SHEBEKO DREAMSTIME.COM

QUÍMICA. A Tabela Periódica. frente 2 MAXIM SHEBEKO DREAMSTIME.COM QUÍMICA frente 2 MAXIM SHEBEKO DREAMSTIME.COM A Tabela Periódica 96 Capítulo 4 A Tabela Periódica 1. Histórico da Tabela Periódica 1.1. 1817 As tríades de Döbereiner Até essa data, conheciam-se cerca de

Leia mais

Prof. Luis Carlos F. Oliveira IFAL- Campus Marechal/AL

Prof. Luis Carlos F. Oliveira IFAL- Campus Marechal/AL Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Alagoas IF/AL Coordenadoria de Química Disciplina: Química - 2º bimestre ALAGOAS Aluno:... Prof. Luis Carlos F. Oliveira IFAL- Campus Marechal/AL

Leia mais

Polaridade de moléculas

Polaridade de moléculas Polaridade de moléculas 01. (Ufscar) É molécula polar: a) C 2 H 6. b) 1,2-dicloroetano. c) CH 3 Cl. d) p-diclorobenzeno. e) ciclopropano. 02. (Mackenzie) As fórmulas eletrônicas 1, 2 e 3 a seguir, representam,

Leia mais

Gabarito - Química - Grupo A

Gabarito - Química - Grupo A 1 a QUESTÃO: (1,5 ponto) Avaliador Revisor A estrutura dos compostos orgânicos começou a ser desvendada nos meados do séc. XIX, com os estudos de ouper e Kekulé, referentes ao comportamento químico do

Leia mais

Educação Infantil, Ensino Fundamental, Médio e Pré- Vestibular

Educação Infantil, Ensino Fundamental, Médio e Pré- Vestibular Colégio Drummond Educação Infantil, Ensino Fundamental, Médio e Pré- Vestibular MATERIAL DE QUÍMICA PROF.: CARLINHOS CURSINHO 2+ efeito estufa é o monóxido de carbono CO2, este é liberado principalmente

Leia mais

Estão corretos: a) apenas I, II e V. b) apenas I, III e IV. c) apenas II, III e V. d) I, II, III, IV e V. e) apenas I, II, III, IV.

Estão corretos: a) apenas I, II e V. b) apenas I, III e IV. c) apenas II, III e V. d) I, II, III, IV e V. e) apenas I, II, III, IV. 1. (Ufpr 2014) As teorias atômicas vêm se desenvolvendo ao longo da história. Até o início do século XIX, não se tinha um modelo claro da constituição da matéria. De lá até a atualidade, a ideia de como

Leia mais

Listão de Química I Atomística Profª.: Alessandra

Listão de Química I Atomística Profª.: Alessandra 01.: (UNEMAT MT) Os elementos químicos são distribuídos na tabela periódica dentro dos grupos (ou famílias) e das séries (ou períodos), em função das características que apresentam individualmente. Desta

Leia mais

- LIGAÇÕES IÔNICAS: Na (1s 2 2s 2 2p 6 3s 1 ) + Cl (1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 5 ) Na + (1s 2 2s 2 2p 6 ) + Cl - (1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 )

- LIGAÇÕES IÔNICAS: Na (1s 2 2s 2 2p 6 3s 1 ) + Cl (1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 5 ) Na + (1s 2 2s 2 2p 6 ) + Cl - (1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 ) - LIGAÇÕES IÔNICAS: A ligação iônica é a ligação química formada pela atração eletrostática entre íons positivos e íons negativos. A ligação se dá entre dois átomos quando um elétron, ou mais um, se transfere

Leia mais

COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo

COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo 2 Bimestre 1. Tem-se dois elementos químicos A e B, com números atômicos iguais a 20 e 35, respectivamente. Escrever as configurações eletrônicas dos dois elementos.

Leia mais

~ 1 ~ Olimpíada de Química do Rio Grande do Sul 2012

~ 1 ~ Olimpíada de Química do Rio Grande do Sul 2012 Questão 02: Ao nosso redor vemos diversos materiais assumindo os estados sólido, líquido ou gasoso. Abaixo você vê uma imagem mostrando água pura nos três estados físicos mais comuns. MODALIDADE EM-1 Nº

Leia mais

ESPECTRO ELETROMAGNÉTICO

ESPECTRO ELETROMAGNÉTICO COLÉGIO ESTADUAL RAINHA DA PAZ, ENSINO MÉDIO REPOSIÇÃO DAS AULAS DO DIA 02 e 03/07/2012 DAS 1 ª SÉRIES: A,B,C,D,E e F. Professor MSc. Elaine Sugauara Disciplina de Química ESPECTRO ELETROMAGNÉTICO As ondas

Leia mais

A Tabela Periódica pode ser um guia para a ordem na qual os orbitais são preenchidos...

A Tabela Periódica pode ser um guia para a ordem na qual os orbitais são preenchidos... Aula 02 - Tabela Periódica TABELA PERIÓDICA e Lothar Meyer A Tabela Periódica pode ser um guia para a ordem na qual os orbitais são preenchidos... Pode-se escrever a distribuição eletrônica de um elemento

Leia mais

COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo

COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo 2 Bimestre 1. Tem-se dois elementos químicos A e B, com números atômicos iguais a 20 e 35, respectivamente. Escrever as configurações eletrônicas dos dois elementos.

Leia mais

Questão 01) Os átomos isótopos 2x+6 X 54 e 3x-4 Y 56 têm número atômico: a) 26. b) 27. c) 28. d) 54. e) 56. Gab: A. Questão 02)

Questão 01) Os átomos isótopos 2x+6 X 54 e 3x-4 Y 56 têm número atômico: a) 26. b) 27. c) 28. d) 54. e) 56. Gab: A. Questão 02) Questão 01) Os átomos isótopos 2x+6 X 54 e 3x-4 Y 56 têm número atômico: a) 26 b) 27 c) 28 d) 54 e) 56 Gab: A Questão 02) Uma certa variedade atômica do estrôncio, cujo número atômico é 38, tem número

Leia mais

ESTRUTURA DOS MATERIAIS CERÂMICOS

ESTRUTURA DOS MATERIAIS CERÂMICOS ESTRUTURA DOS MATERIAIS CERÂMICOS Os sólidos são caracterizados por uma associação muito próxima de átomos, em geral representados por esferas rígidas, em contato uns com os outros e mantidos juntos por

Leia mais

Química 1ª série Ensino Médio v. 1. Gabarito comentado

Química 1ª série Ensino Médio v. 1. Gabarito comentado Química 1ª série Ensino Médio v. 1 Exercícios Gabarito comentado Neste material você encontrará, além das respostas das atividades propostas no material didático Energia, resoluções completas com comentários

Leia mais

Química A Extensivo V. 2

Química A Extensivo V. 2 Química A Extensivo V. 2 Exercícios 01) B 02) A a) Errada. Ao mudar de órbita, os elétrons emite ou absorve energia igual à diferença de energia entre as órbitas. b) Certa. c) Errada. De acordo com a teoria

Leia mais