Manual Gestão Garantias

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual Gestão Garantias"

Transcrição

1 Manual Gestão Garantias OUTUBRO/2013

2 Sumário Sumário Introdução Funcionalidade Navegação no Sistema Configuração Garantias Cadastrar Validar Distribuição Movimentação Alteração Baixa Validar Movimentação Relatórios Garantias e Saldos Controle de Riscos Posição de Operações Garantia e Saldos Agrupados

3 1. Introdução Demonstrar as funcionalidades de cadastramento (Bens, outas garantias e cobráveis), movimento, gerenciamento, distribuição e relatórios do módulo de Gestão de Garantias. 2. Funcionalidade Pré-cadastro de garantias de diversos tipos como Bens, outras garantias e cobráveis podendo realizar o controle em um único módulo, validar (workflow) a garantia pré-cadastrada, possibilitando a garantia ser vinculada. Possibilitar realizar a movimentação das garantias, acrescendo ou decrescendo valores manualmente ou automático através da valorização por indexador. Gerenciamento das garantias através dos seus respectivos vencimentos e associações, possibilitando a distribuição da garantia de diversas formas, como, por contrato (todos, um ou n ), cliente, modalidade. Visualizar o histórico (movimentação) da garantia e seus respectivos pareceres, usuário, data e hora. Não é necessário existir o contrato para o cadastro da garantia, o módulo gestão de garantia tem por finalidade ser um gerenciador das garantias que o cliente possui, vinculadas ou não. Distribuir os valores da(s) garantia(s) proporcionalmente conforme o(s) contrato(s) vinculados ao mesmo gerencialmente e legalmente, conforme anexo do CADOC Navegação no Sistema O primeiro passo para ingressar no Sistema de Gestão de Garantias é o acesso com nome do usuário e senha. Caso o usuário queira mudar sua senha, ele deve digitar seu nome e senha atual, marcar a caixa trocar senha e clicar OK. Figura 1 Autenticação do Usuário Aparecerá a tela para alteração de senha. O usuário coloca a nova senha desejada no primeiro campo e no segundo campo ( confirmação ), repete-se a nova senha e clica OK. 3

4 Figura 2 Autenticação do Usuário Na próxima tela aparecerá a seleção do módulo desejado. Dependendo da senha de acesso do usuário, poderão aparecer diversos módulos. Clica-se em cima do ícone Gestão de Garantias para ter o acesso. Figura 3 Seleção de Módulo Na sequência, o usuário deverá escolher a abrangência. Este procedimento trata-se de escolher a empresa e a unidade a ter seus dados processados pelo Sistema. 4

5 Figura 4 Definição da Abrangência Após os efetuar as ações anteriores, chega-se ao Menu Principal, na qual exibirá dois menus: o Menu Fixo e o Menu Dinâmico. Figura 5 Tela Principal 5

6 Figura 6 Figura 7 Figura 8 Volta para menu Principal Definição de Abrangência Volta para menu Principal Seleção do Módulo Volta tela de login Figura 9 Cadastrar Garantia Figura 10 Alterar Garantia pré-cadastrada Figura 11 Visualizar garantia Figura 12 Excluir uma garantia cadastrada, mas não associada Figura 13 Validar garantia pré-cadastrada. Figura 14 Limpar a tela 4. Configuração As garantias são configuradas através do módulo Bens e Credimaster (PB). 4.1 Garantias Possibilitar: Cadastrar - Cadastrar uma Garantia sem a necessidade de existir um contrato de crédito Validar Validar, aprovar, as garantias cadastradas, podendo conceder parecer de aprovação ou rejeição. Distribuir Vincular a(s) garantia(s) com seus respectivos contratos, clientes ou modalidades. 6

7 Figura 15 Garantias Cadastrar Cadastrar Cadastrar a garantia conforme seus respectivo atributo, Bens, Outras Garantias e Cobráveis. Figura 16 Garantias Cadastrar Botão Pesquisar Pesquisar as garantias cadastradas e pré-cadastradas com seus respectivos status. Tela após fazer pesquisa. 7

8 Figura 17 Garantias Cadastrar Ao clicar em inserir é demonstrado a tela para filtro do cliente, Tipo de Garantia. Figura 18 Garantias Cadastrar Ao selecionar o tipo de garantia é demonstrado os campos de preenchimento conforme cada tipo de garantia. Figura 19 Garantias Cadastrar A funcionalidade Alterar tem por objetivo alterar uma garantia que não foi validada, caso o usuário tenha cadastrado a mesma erroneamente. 8

9 Figura 20 Garantias Cadastrar A funcinalidade visualizar tem por objetivo, visualizar as informações da garantia. Figura 21 Garantias Cadastrar A funcionalidade Excluir tem por objetivo excluir (logicamente) uma garantia que não esteja vinculada Validar A funcionalidade Validar é o workflow da garantia, ou seja, toda garantia cadastrada, não pode ser utilizada para mitigar o risco de um contrato se a mesma não foi validada. 9

10 Figura 22 Garantias Validar O Filtro para validar a garantia, pode ser realizada por cliente, tipo de garantia ou período que foi cadastrada. Figura 23 Garantias Validar Figura 24 Garantias Validar 10

11 É possível visualizar as informaçoes inseridas no cadastro da garantia, podendo o usuário com uma alçada diferente do usuário que realizou o cadastro conceder seu parecer favoravel ou não, nesta última opção a garantia fica com o status atual Pendente de Validação. Figura 25 Garantias Validar Distribuição Tem por objetivo definir a forma de distribuição da garantia e sua respectiva vinculação. Figura 26 Distribuição 11

12 Ao cadastrar a distribuição e vinculação de uma garantia é possível realizar uma única vez, sem a necessidade, se desejado pelo usuário, de realizar manutenção. Figura 27 Distribuição No exemplo acima, é possível que a vinculação seja realizada das seguintes formas: Todos os contratos deste cliente Para uma ou n modalidades específicas Para um ou n contratos específicos O tipo de distribuição também pode ser definido, das seguintes formas: Figura 28 Distribuição Rateio por valor maior para o menor -> maior saldo de contrato para o menor saldo Neste exemplo o rateio irá mitigar primeiro o contrato com maior saldo, e após o segundo com maior saldo. Rateio por valor menor para o maior -> menor saldo de contrato para o maior saldo Neste exemplo o rateio irá mitigar primeiro o contrato com menor saldo, e após o segundo com maior saldo. Rateio por idade Mais velho -> contrato com maior data de emissão Rateio por idade mais novo -> contrato com menor data de emissão Proporcional Saldo da(s) operações pelo saldo total da garantia. Processamento das garantias: Quando o usuário precisar visualizar as informações de distribuídas ou gerar o CADOC 3040, será necessário executar o processamento das garantias, para isso ele deverá informar à competência que desejada. Exemplo: 05/

13 a. Acessar a função Processar, Clicar no botão grifado b. Preencher a competência a ser processada, caso já houver sido processada a competência informada, o sistema irá exibir uma mensagem, mas poderá ser reprocessado caso necessário. Figura 29 Processamento 4.2. Movimentação A movimentação tem por objetivo, realizar alteração da garantia, mesmo que ela já esta vinculada, quando esta opção é realizada, se faz necessário validar a movimentação desta garantia (Workflow). 13

14 Figura 30 Movimentação Alteração Ao realizar alteração de uma garantia é possível visualizar os valores originais e os novos valores Figura 31 - Movimentação Visualizar as informações originais e as novas conforme definido pelo usuário. 14

15 Figura 32 Movimentação 15

16 4.2.2 Baixa Possibilitar a baixa da garantia. Figura 33 Movimentação Baixa 16

17 Figura 34 Movimentação Baixa Visualizar os dados da garantia e realizar baixa conforme o devido parecer do usuário. 17

18 4.2.3 Validar Movimentação Tem como função garantir que garantias que tiveram uma movimentação (alteração e baixa) sejam validadas por uma alçada superior (workflow). Figura 35 Movimentação Validar Movimentação Demonstra os últimos valores da garantia e seu novo valor e os respectivos pareceres. 18

19 Figura 36 Validar 19

20 4.3 Relatórios Gerenciar as garantias x contratos Figura 37 Relatórios Garantia e Saldos O relatório Garantias/Saldos tem por objetivo demonstrar o(s) contrato(s) seus respectivo risco e a(s) garantia(s) vinculada ao mesmo com seu devido saldo e vencimento. 20

21 Figura 38 - Relatórios Figura 39 Relatórios Filtro do relatório Garantias e Saldos é possível realizar diversos filtros, entre eles, por tipo de garantia, número de contrato, cliente e grupo econômico, e visualizar o vencimento da garantia, saldo e saldo do contrato. Figura 40 - Relatórios 21

22 4.3.2 Controle de Risco O relatório Controle de Riscos e Garantias demonstra todos os contratos e garantias associados, com seus respectivos riscos, vencidos, próximos vencimentos e a movimentação da garantia se a mesma houver. Figura 41 - Relatórios Figura 42 - Relatórios Filtro do relatório Controle de Riscos e Garantias é possível realizar diversos filtros, entre eles, por tipo de garantia, número de contrato, cliente e grupo econômico, agrupar por grupo econômico e visualizar respectivos riscos, vencidos, próximos vencimentos e a movimentação da garantia se a mesma houver. 22

23 Figura 43 - Relatórios 23

24 4.3.3 Posição de Operações Visualizar a Carteira de Crédito e as Garantias Figura 44 - Relatórios Figura 45 - Relatórios Possibilitar visualizar por diversos filtros, gerente, linha de operação, tipo de garantia entre outros. 24

25 Figura 46 - Relatórios Tem por objetivo demonstrar as operações da carteira e suas garantias. Relatório de garantias e Saldos Conforme a respectiva distribuição é possível Figura 47 - Relatórios Garantias e Saldos Agrupados O relatório de Garantias e Saldos Agrupados tem a finalidade de visualizar a distribuição das garantias processada, com opções de filtro como: Cliente, Data de Emissão do Contrato, Modalidade, Número do contrato e Número Adesão. 25

26 Figura 48 - Relatórios Para a emissão do relatório dois campos são obrigatórios, Competência e Visão. O campo competência refere-se ao mês e ano do processamento. O campo visão possui quatro opções: Relatório por Contrato: Gera o relatório PDF com a visão de distribuição do contrato associado a N garantias. Relatório por Garantia: Gera o relatório PDF com a visão de distribuição da garantia associado a N contratos. Excel por Contrato: Gera o relatório Excel com a visão de distribuição do contrato associado a N garantias. Excel por Garantia: Gera o relatório Excel com a visão de distribuição da garantia associado a N contratos. Figura 49 - Relatórios 26

27 Relatório por contrato Figura 50 - Relatórios Relatório por garantia Figura 51 - Relatórios 27

-Entre no menu Cadastros / Terceiros/Optantes -Insira os dados do Empregado ou Fornecedor / clique em Gravar

-Entre no menu Cadastros / Terceiros/Optantes -Insira os dados do Empregado ou Fornecedor / clique em Gravar Acesso ao Sistema -Dê dois cliques no ícone do programa -Digite o Usuário: -Digite a Senha: -Clique em Acessar 1 o. Passo Cadastrar os Empregados ou Fornecedores PARA O BOLETO NÃO É NECESSÁRIO CADASTRAR

Leia mais

SAÚDE CONNECT 03.010 ALTERAÇÃO DE DADOS CADASTRAIS

SAÚDE CONNECT 03.010 ALTERAÇÃO DE DADOS CADASTRAIS SAÚDE CONNECT 03.010 ALTERAÇÃO DE DADOS CADASTRAIS ALTERAÇÃO DE DADOS CADASTRAIS - PRESTADOR... 3 1. CONSULTAR OU ALTERAR DADOS CADASTRAIS... 3 1.1. DADOS GERAIS... 3 1.2. ENDEREÇOS... 5 1.3. ESPECIALIDADES...

Leia mais

REITORA Ulrika Arns. VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto. DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho

REITORA Ulrika Arns. VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto. DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho 2014 Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação - NTIC 10/07/2014 REITORA Ulrika Arns VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho COORDENADOR DE DESENVOLVIMENTO

Leia mais

HEMOVIDA (CICLO DO SANGUE - Gerenciamento de estoque para grandes eventos)

HEMOVIDA (CICLO DO SANGUE - Gerenciamento de estoque para grandes eventos) Ministério da Saúde Secretaria Executiva Departamento de Informática do SUS HEMOVIDA (CICLO DO SANGUE - Gerenciamento de estoque para grandes eventos) Manual do Usuário Versão 1.0 Fevereiro, 2014 Índice

Leia mais

Acesso ao Sistema Usuário: MASTER Senha : MASTER (maiúsculo ou minúsculo)

Acesso ao Sistema Usuário: MASTER Senha : MASTER (maiúsculo ou minúsculo) Manual Cobrança Caixa Acesso ao Sistema Usuário: MASTER Senha : MASTER (maiúsculo ou minúsculo) Selecionar Cedente Para utilizar o sistema, selecione o Cedente (CADASTROS > SELECIONAR CEDENTE > ACESSAR).

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE TRAMITAÇÃO DE DOCUMENTOS Versão 3.0

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO AUTOR GECi Gerenciador de eventos científicos

GUIA DO USUÁRIO AUTOR GECi Gerenciador de eventos científicos Grupo de Banco de IBILCE UNESP GUIA DO USUÁRIO AUTOR GECi Gerenciador de eventos científicos Coordenação: Prof. Dr. Carlos Roberto Valêncio Controle do Documento Grupo de Banco de Título Nome do Arquivo

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO PARECERISTA GECi Gerenciador de Eventos Científicos

GUIA DO USUÁRIO PARECERISTA GECi Gerenciador de Eventos Científicos IBILCE UNESP 2014 GUIA DO USUÁRIO PARECERISTA GECi Gerenciador de Eventos Científicos Coordenação: Prof. Dr. Carlos Roberto Valêncio Controle do Documento Alteração Feita Responsável Data Atualização do

Leia mais

PDE INTERATIVO MANUAL DE CADASTRO E GERENCIAMENTO DE USUÁRIOS

PDE INTERATIVO MANUAL DE CADASTRO E GERENCIAMENTO DE USUÁRIOS PDE INTERATIVO MANUAL DE CADASTRO E GERENCIAMENTO DE USUÁRIOS O cadastro dos usuários é a etapa que antecede a elaboração do PLANO DE DESEMVOLVIMENTO DA ESCOLA, no PDE Interativo e precisa ser feito por

Leia mais

e Autorizador Odontológico

e Autorizador Odontológico 1 CONTROLE DE DOCUMENTO Revisor Versão Data Publicação Diego Ortiz Costa 1.0 08/08/2010 Diego Ortiz Costa 1.1 09/06/2011 Diego Ortiz Costa 1.2 07/07/2011 2 Sumário CONTROLE DE DOCUMENTO... 2 1. Informações

Leia mais

Os passos a seguir servirão de guia para utilização da funcionalidade Acordo Financeiro do TOTVS Gestão Financeira.

Os passos a seguir servirão de guia para utilização da funcionalidade Acordo Financeiro do TOTVS Gestão Financeira. Acordo Financeiro Produto : RM - Totvs Gestão Financeira 12.1.1 Processo : Acordo Financeiro Subprocesso : Template de Acordo Controle de Alçada Negociação Online Data da publicação : 29 / 10 / 2012 Os

Leia mais

Solicitação de Autorização Intercâmbio

Solicitação de Autorização Intercâmbio Solicitação de Autorização Intercâmbio Passo a Passo - EQAT AGOSTO/2010 Por: Daniel Toledo 1 PARTE 1 PORTAL UNIMED... 4 1. ACESSO AO SITE... 4 2. SOLICITAÇÃO INTERCÂMBIO NACIONAL E ESTADUAL (EXCETO 0976

Leia mais

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da. Secretaria Municipal de Saúde do. Município de São Paulo

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da. Secretaria Municipal de Saúde do. Município de São Paulo Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Programa Bolsa Família Manual de Operação Conteúdo Sumário...

Leia mais

Portal de Sistemas Integrados. Manual do Usuário. Versão: 1.0

Portal de Sistemas Integrados. Manual do Usuário. Versão: 1.0 Portal de Sistemas Integrados Manual do Usuário Versão: 1.0 Página: 1/33 Índice 1. Apresentação... 3 2. Descrição do Sistema... 3 3. Orientações Gerais ao Usuário...4 3.1. Senhas de Acesso... 4 4. Funcionalidades

Leia mais

Portal dos Convênios - Siconv

Portal dos Convênios - Siconv MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - Siconv Análise, Aprovação de Proposta/Plano

Leia mais

Manual do Usuário (Firma Inspetora) Versão 1.8. CMCP - Controle da Marcação Compulsória de Produtos

Manual do Usuário (Firma Inspetora) Versão 1.8. CMCP - Controle da Marcação Compulsória de Produtos Manual do Usuário (Firma Inspetora) Versão 1.8 CMCP - Controle da Marcação Compulsória de Manual do Usuário - Firma Inspetora SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 1.1. Referências... 4 2. COMO ESTÁ ORGANIZADO O

Leia mais

SISTEMA CAÇA-TALENTOS MANUAL DE OPERAÇÃO PERFIL SECRETARIA

SISTEMA CAÇA-TALENTOS MANUAL DE OPERAÇÃO PERFIL SECRETARIA SISTEMA CAÇA-TALENTOS MANUAL DE OPERAÇÃO PERFIL SECRETARIA O Sistema Caça-Talentos tem o objetivo de aprimorar o negócio e fornecer um controle informatizado dos processos de captação dos alunos. Ele possui

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR 1 1 2 1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR Razão Social: FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR CNPJ: 12.838.821/0001-80 Registro ANS: 41828-5 Inscrição Municipal: 130973/001-6 Inscrição Estadual:

Leia mais

Registro de Retenções Tributárias e Pagamentos

Registro de Retenções Tributárias e Pagamentos SISTEMA DE GESTÃO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS (SiGPC) CONTAS ONLINE Registro de Retenções Tributárias e Pagamentos Atualização: 20/12/2012 A necessidade de registrar despesas em que há retenção tributária é

Leia mais

MANUAL e-sic GUIA DO SERVIDOR. Governo do Estado do Piauí

MANUAL e-sic GUIA DO SERVIDOR. Governo do Estado do Piauí MANUAL e-sic GUIA DO SERVIDOR Governo do Estado do Piauí 1 Conteúdo Introdução... 3 Sistema Eletrônico de Informação ao Cidadão (e-sic)... 4 Primeiro Acesso... 5 Cadastro...Erro! Indicador não definido.

Leia mais

2.1. Incluir uma Proposta de Concessão de Diárias e Passagens PCDP com diárias e passagens.

2.1. Incluir uma Proposta de Concessão de Diárias e Passagens PCDP com diárias e passagens. 2.Viagem Nacional 2.1. Incluir uma Proposta de Concessão de Diárias e Passagens PCDP com diárias e passagens. Iremos iniciar nosso trabalho pela funcionalidade Solicitação. Essa funcionalidade traz os

Leia mais

Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL Manual do Usuário Módulo Controle de Qualidade Analítico

Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL Manual do Usuário Módulo Controle de Qualidade Analítico Ministério da Saúde Secretaria Executiva Departamento de Informática do SUS DATASUS Gerenciador de Ambiente Laboratorial GAL Manual do Usuário Módulo Laboratório Manual de Operação_Módulo Laboratório_Controle

Leia mais

Boletim de Administração Pública Municipal

Boletim de Administração Pública Municipal Atualização: Junho 2005 Página: 3 SIAWeb Introdução: O SiaWeb é composto de três módulos Imobiliário, Mobiliário e Água e Esgoto. O uso do sistema pela Internet facilita e agiliza a troca de informações

Leia mais

Manual SAGe Versão 1.2

Manual SAGe Versão 1.2 Manual SAGe Versão 1.2 Equipe de Pesquisadores do Projeto Conteúdo 1. Introdução... 2 2. Criação da Equipe do Projeto (Proposta Inicial)... 3 2.1. Inclusão e configuração do Pesquisador Responsável (PR)...

Leia mais

COMO CRIAR UM PEDIDO DE COMPRAS

COMO CRIAR UM PEDIDO DE COMPRAS Esse guia considera que o catálogo já esteja atualizado, caso haja dúvidas de como atualizar o catálogo favor consultar o Guia de Atualização do Catálogo. Abra o programa e clique no botão Clique aqui

Leia mais

REITORA Ulrika Arns. VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto. DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho

REITORA Ulrika Arns. VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto. DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho 2014 Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação - NTIC 17/01/2014 REITORA Ulrika Arns VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho COORDENADOR DE DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Manifestação. O Sistema de Distribuição Fiscal Eletrônica do Gosocket. Manual de Usabilidade Gadget Manifestação

Manifestação. O Sistema de Distribuição Fiscal Eletrônica do Gosocket. Manual de Usabilidade Gadget Manifestação Manifestação O Sistema de Distribuição Fiscal Eletrônica do Gosocket Manual de Usabilidade Gadget Manifestação Versão 2.00 2015 Sumário 1. Introdução... 3 2. Ativação do Gadget Manifestação... 3 3. Visão

Leia mais

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba Departamento de Tecnologia da Informação

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba Departamento de Tecnologia da Informação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba Departamento de Tecnologia da Informação MANUAL SUAP (MÓDULO ALMOXARIFADO) Manual de utilização do módulo Almoxarifado do Sistema Unificado

Leia mais

UNIMED LITORAL MANUAL DE PROCESSOS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

UNIMED LITORAL MANUAL DE PROCESSOS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UNIMED LITORAL MANUAL DE PROCESSOS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MANUAL PORTAL UNIMED AUTORIZAÇÃO Site: www.unimedlitoral.com.br/planodesaude A senha e login será sempre o CPF do Médico Desenvolvido por: Larissa

Leia mais

Módulo Odontologia. Sumário. Odontologia

Módulo Odontologia. Sumário. Odontologia Módulo Odontologia Sumário Odontologia Este módulo contêm as informações referentes como lançar os dados do atendimento odontológico dos pacientes, bem como a(s) receita(s) a ele fornecidas e o(s) exame(s)

Leia mais

Treinamento Hospital

Treinamento Hospital Treinamento Hospital O que é o Projeto SGU? É o projeto de implantação do sistema de gestão de planos de saúde - SGU (Sistema de Gestão Unimed) que irá substituir o Top Saúde. O Módulo SGU-Card é um sistema

Leia mais

MANUAL HAE - WEB MANUAL WEB HAE

MANUAL HAE - WEB MANUAL WEB HAE MANUAL HAE - WEB MANUAL WEB HAE PROJETO HAE - WEB www.cpscetec.com.br/hae *NÃO DEVERÃO ser lançados os projetos de Coordenação de Curso, Responsável por Laboratório, Coordenação de Projetos Responsável

Leia mais

WEBDESK SURFLOG. http://webdesk.surflog.com.br MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 2.0.1

WEBDESK SURFLOG. http://webdesk.surflog.com.br MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 2.0.1 http://webdesk.surflog.com.br MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 2.0.1 SUMÁRIO Introdução... 3 O Webdesk Surflog... 4 Acessando o Webdesk... 5 Funções do Webdesk... 7 Envio de avisos por e-mail pelo Webdesk... 8

Leia mais

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável - SEMAD. Manual do Usuário

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável - SEMAD. Manual do Usuário Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável - SEMAD Manual do Usuário SISEMAnet Sistema Integrado de Meio Ambiente Módulo 1 Portal Submódulo Portal de Segurança Módulo Externo Versão

Leia mais

CERTIDAO SIMPLIFICADA EXISTÊNCIA DE EMPRESA

CERTIDAO SIMPLIFICADA EXISTÊNCIA DE EMPRESA CERTIDAO SIMPLIFICADA EXISTÊNCIA DE EMPRESA Ao escolher o Tipo de Certidão Simplificada, será exibida uma lista com o tipo da simplificada a ser escolhida. A tabela de preços vale para ambas opções. Selecione

Leia mais

SISTEMA ISS - CURITIBA LIVRO ELETRÔNICO

SISTEMA ISS - CURITIBA LIVRO ELETRÔNICO PREFEITURA MUNICIPAL DE CURITIBA SECRETARIA MUNICIPAL DE FINANÇAS DEPARTAMENTO DE RENDAS MOBILIÁRIAS SISTEMA ISS - CURITIBA LIVRO ELETRÔNICO EMPRESAS Curitiba 2008 2 1 - CONCEITO O Sistema ISS Curitiba

Leia mais

Sistema de Editoração Eletrônica de Revistas (SEER) Open Journal System (OJS) TUTORIAL SUBMISSÃO DE ARTIGOS

Sistema de Editoração Eletrônica de Revistas (SEER) Open Journal System (OJS) TUTORIAL SUBMISSÃO DE ARTIGOS Sistema de Editoração Eletrônica de Revistas (SEER) Open Journal System (OJS) TUTORIAL SUBMISSÃO DE ARTIGOS Processo de submissão Visão geral dos passos de submissão PASSO 1 Iniciar submissão PASSO 2 Inclusão

Leia mais

NOVA VERSÃO SAFE DOC MANUAL

NOVA VERSÃO SAFE DOC MANUAL NOVA VERSÃO SAFE DOC MANUAL COMO ACESSAR O APLICATIVO SAFE DOC CAPTURE Acesse o aplicativo SAFE-DOC CAPTURE clicando no ícone na sua área de trabalho: SAFE-DOC Capture Digite o endereço do portal que é

Leia mais

Agendando um Horário

Agendando um Horário Agendando um Horário Ao acessar a Agenda, escolha primeiramente o médico. Por padrão abrirá a agenda do Médico vinculado ao cadastro do usuário com os horários do dia. Para agendar um horário clique duas

Leia mais

Parametrização do Banco de Dados PROGRESS Base de Dados Origem

Parametrização do Banco de Dados PROGRESS Base de Dados Origem A conversão dos dados do TMS 4.01 para o SIGAGFE Gestão de Frete Embarcador utiliza uma conexão de dados ODBC. Parametrização do Banco de Dados PROGRESS Base de Dados Origem 1. Configurar a base de dados

Leia mais

Manual Para Peticionamento Online

Manual Para Peticionamento Online Manual Para Peticionamento Online 1. Após abrir a página do PROJUDI, digite seu usuário e senha 1.1. Para advogados o usuário é o cpf.adv (ex: 12345678900.adv). 1.2. Após digitar os dados (login e senha),

Leia mais

Manual Básico. Para utilização do Gerenciador de Imóveis

Manual Básico. Para utilização do Gerenciador de Imóveis Manual Básico Para utilização do Gerenciador de Imóveis Acessando o gerenciador 3 O Gerenciador é o local restrito onde o administrador responsável pelas informações do site, poderá fazer alterações de

Leia mais

O sistema gestor já contem uma estrutura completa de categorias que são transferidas automaticamente para cada empresa nova cadastrada.

O sistema gestor já contem uma estrutura completa de categorias que são transferidas automaticamente para cada empresa nova cadastrada. Página2 Cadastro de Categorias O cadastro de categoria é utilizado dentro do gestor para o controle financeiro da empresa, por ela é possível saber a origem e a aplicação dos recursos, como por exemplo,

Leia mais

MANUAL DO PROFESSOR. - Inscrições Colégios. Colégios Participantes de Temporadas anteriores:

MANUAL DO PROFESSOR. - Inscrições Colégios. Colégios Participantes de Temporadas anteriores: MANUAL DO PROFESSOR - Inscrições Colégios Colégios Participantes de Temporadas anteriores: O Professor deverá acessar o link Inscrições Colégios no menu esquerdo da página inicial do site da LE2 e com

Leia mais

PEME Web. Versão 1.0

PEME Web. Versão 1.0 PEME Web Versão 1.0 fl. 2 de 12 Histórico de Revisões Data Versão Descrição 26/01/2015 1.0 Elaboração do documento. Autor José Navasconi Junior fl. 3 de 12 Índice Analítico 1. INTRODUÇÃO... 4 1.1 FINALIDADE......

Leia mais

SISVAN WEB. Informações Gerais para Navegar no Acesso Restrito

SISVAN WEB. Informações Gerais para Navegar no Acesso Restrito SISVAN WEB Informações Gerais para Navegar no Acesso Restrito Este documento tem o objetivo de orientar a navegação pelo ambiente restrito do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional SISVAN Web. Aqui

Leia mais

MANUAL - ALTERAÇÃO DO ESTOQUE DA ESCOLA - Versão 3

MANUAL - ALTERAÇÃO DO ESTOQUE DA ESCOLA - Versão 3 MANUAL - ALTERAÇÃO DO ESTOQUE DA ESCOLA - Versão 3 Prezados, Informamos que a partir do dia 18/04/2016, as escolas não poderão mais alterar o estoque através da tela Editar Produto em Estoque. Sendo assim,

Leia mais

SISRDT SISTEMA DE RESSACIMENTO, DIÁRIAS E TRANSPORTES. Manual de Procedimentos

SISRDT SISTEMA DE RESSACIMENTO, DIÁRIAS E TRANSPORTES. Manual de Procedimentos SISRDT SISTEMA DE RESSACIMENTO, DIÁRIAS E TRANSPORTES Manual de Procedimentos PRAD Pró-Reitoria de Administração Divisão Administrativa AI - Assessoria de Informática ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...4 2. OBJETIVO...4

Leia mais

Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - Inep. Navegação Guiada. Situação do Aluno 2015

Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - Inep. Navegação Guiada. Situação do Aluno 2015 Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - Inep Navegação Guiada Situação do Aluno 2015 Brasília Fevereiro 2016 1 SUMÁRIO ACESSO À SITUAÇÃO DO ALUNO 3 AUTENTICAÇÃO 4 AUTENTICAR

Leia mais

Declaração de Serviços Tomados

Declaração de Serviços Tomados Declaração de Serviços Tomados O que é isto? O que isto faz? Por meio desta página, qualquer contribuinte pode realizar a declaração dos serviços tomados para gerar as guias de Retenção. Nesta página,

Leia mais

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br CADASTRO GERAL CADASTRO PESSOA FÅSICA E PESSOA JURÅDICA CADASTROS > CADASTRO GERAL 1. PARA INCLUSÇO UM NOVO CADASTRO: a) LIMPAR TELA; b) Selecionar uma ou mais Classificações; c) Selecionar Situação ATIVADO;

Leia mais

MANUAL PARA EMISSÃO DA AUTORIZAÇÃO DE TRANSPORTE SEM OBJETIVO COMERCIAL TSOC EVENTUAL

MANUAL PARA EMISSÃO DA AUTORIZAÇÃO DE TRANSPORTE SEM OBJETIVO COMERCIAL TSOC EVENTUAL 1 MANUAL PARA EMISSÃO DA AUTORIZAÇÃO DE TRANSPORTE SEM OBJETIVO COMERCIAL TSOC EVENTUAL Este manual tem como objetivo apresentar os procedimentos necessários para a emissão, on-line, da autorização para

Leia mais

Tutorial de Preenchimento de ARTs. Contrato com a CAIXA

Tutorial de Preenchimento de ARTs. Contrato com a CAIXA Pág. 1 1) Estrutura de Preenchimento das ARTs: A ART Principal deve conter as informações do contrato com a Caixa. As ARTs Múltiplas devem conter as ordens de serviço do mês e estarem vinculadas à ART

Leia mais

Solicitação de Cadastramento de Instituição de Pesquisa ou Empresa (a partir da versão

Solicitação de Cadastramento de Instituição de Pesquisa ou Empresa (a partir da versão Manual SAGe v 2.2 Solicitação de Cadastramento de Instituição de Pesquisa ou Empresa (a partir da versão 12.10.04.03) Conteúdo Introdução... 2 Cadastro de Instituições Brasileiras... 2 Solicitando o cadastramento

Leia mais

epucc.com.br SAIBA COMO INCLUIR INFORMAÇÕES DE COLABORADORES, CENTROS DE CUSTO E RATEIO DE DESPESAS

epucc.com.br SAIBA COMO INCLUIR INFORMAÇÕES DE COLABORADORES, CENTROS DE CUSTO E RATEIO DE DESPESAS epucc.com.br SAIBA COMO INCLUIR INFORMAÇÕES DE COLABORADORES, CENTROS DE CUSTO E RATEIO DE DESPESAS O PUCC permite que uma tabela com o nome dos Colaboradores e seus respectivos Departamentos e/ou Centros

Leia mais

Guia de Capacitação Liberador de Rotinas Automáticas

Guia de Capacitação Liberador de Rotinas Automáticas Guia de Capacitação Liberador de Rotinas Automáticas Versão 01 Setembro 2014 MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN MÓDULO: GESTÃO LIBERADOR DE ROTINAS AUTOMÁTICAS COLABORADORES DO MATERIAL: GENIVIEVE

Leia mais

CRIAÇÃO DE TABELAS NO ACCESS. Criação de Tabelas no Access

CRIAÇÃO DE TABELAS NO ACCESS. Criação de Tabelas no Access CRIAÇÃO DE TABELAS NO ACCESS Criação de Tabelas no Access Sumário Conceitos / Autores chave... 3 1. Introdução... 4 2. Criação de um Banco de Dados... 4 3. Criação de Tabelas... 6 4. Vinculação de tabelas...

Leia mais

Módulo: M_CONFIRMA_AGENDAMENTO - Confirmação dos Agendamentos

Módulo: M_CONFIRMA_AGENDAMENTO - Confirmação dos Agendamentos Page 1 of 16 145806 Módulo: M_CONFIRMA_AGENDAMENTO - Confirmação dos Agendamentos PDA 145806: Aumento do Campo "Telefone". SOLICITAÇÃO DO CLIENTE Aumentar o campo "Telefone" nas telas de agendamento, para

Leia mais

Administração Portal Controle Público

Administração Portal Controle Público Administração Portal Controle Público Manual do usuário www.controlepublico.org.br 2015 Sumário 1. Workflow da publicação... 3 1.1. Perfis de publicação... 3 1.2. Perfis de controle no Administrador...

Leia mais

CONTROLE FINANCEIRO - TAREFAS BENNER WEB MÓDULO CONTROLE FINANCEIRO

CONTROLE FINANCEIRO - TAREFAS BENNER WEB MÓDULO CONTROLE FINANCEIRO BENNER WEB MÓDULO CONTROLE FINANCEIRO 1 ÍNDICE 1. RELAÇÃO DE PAGAMENTO...03 1.1 Pagamento com Recurso da União - CREDENCIADOS...03 1.1.1 Geração de RP dos credenciados...03 1.1.2 Impressão da RP-Relação

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE CONSULTÓRIO MÉDICO

DOCUMENTAÇÃO SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE CONSULTÓRIO MÉDICO DOCUMENTAÇÃO SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE CONSULTÓRIO MÉDICO SUMÁRIO Parte I Modelagem do Software Documento de Requisitos 1. Introdução 2. Descrição Geral do Sistema 3. Requisitos Funcionais 4. Requisitos

Leia mais

MANUAL DO PUBLICADOR

MANUAL DO PUBLICADOR MANUAL DO PUBLICADOR Brasília 2010/2013 1 SUMÁRIO 1 Introdução... 5 2 O Sistema... 5 2.1 Módulos do Sistema... 6 2.2 Perfis do Sistema... 6 2.2.1 Perfil Publicador... 7 3 Publicar Documentos - Publicador...

Leia mais

ROTEIRO PARA REGISTRO NO CONTAS ONLINE Programa Caminho da Escola Parte I Execução Financeira Data de atualização: 21/6/2012

ROTEIRO PARA REGISTRO NO CONTAS ONLINE Programa Caminho da Escola Parte I Execução Financeira Data de atualização: 21/6/2012 1 ROTEIRO PARA REGISTRO NO CONTAS ONLINE Programa Caminho da Escola Parte I Execução Financeira Data de atualização: 21/6/2012 Introdução O material abaixo foi elaborado para orientar de forma objetiva

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e)

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Declaração de Serviços Sistema desenvolvido por Tiplan Tecnologia em Sistema de Informação. Todos os direitos reservados. http://www.tiplan.com.br Página 2 de 22 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES

Leia mais

1 Criação do Manual 15/07/2011 Edilson J. Martins. 2 Revisão do Manual 01/10/2012 Raruana Freitas

1 Criação do Manual 15/07/2011 Edilson J. Martins. 2 Revisão do Manual 01/10/2012 Raruana Freitas 0ESTOQUE Versão Observação Data Modificação Responsável 1 Criação do Manual 15/07/2011 Edilson J. Martins 2 Revisão do Manual 01/10/2012 Raruana Freitas Página 1 ÍNDICE 1 Estoque... 3 2 Aferições... 3

Leia mais

Manual Mobuss Construção - Móvel

Manual Mobuss Construção - Móvel Manual Mobuss Construção - Móvel VISTORIA & ENTREGA - MÓVEL Versão 1.0 Data 22/04/2014 Mobuss Construção - Vistoria & Entrega Documento: v1.0 Blumenau SC 2 Histórico de Revisão Versão Data Descrição 1.0

Leia mais

INTEGRAÇÃO FINANCEIRO E CONTABILIDADE APOSTILA DE APRESENTAÇÃO DOS MOVIMENTOS EMPRESA: EMATER MINAS GERAIS ESCRITÓRIOS LOCAIS

INTEGRAÇÃO FINANCEIRO E CONTABILIDADE APOSTILA DE APRESENTAÇÃO DOS MOVIMENTOS EMPRESA: EMATER MINAS GERAIS ESCRITÓRIOS LOCAIS INTEGRAÇÃO FINANCEIRO E CONTABILIDADE APOSTILA DE APRESENTAÇÃO DOS MOVIMENTOS EMPRESA: EMATER MINAS GERAIS ESCRITÓRIOS LOCAIS 1 MOVIMENTAÇÃO FINANCEIRA UREGIS - Entrando no Sistema: - Movimentação; - Movimentação

Leia mais

Portal dos Convênios - Siconv. Cadastramento de Proponente, Consórcio Público e Entidades Privadas sem Fins Lucrativos

Portal dos Convênios - Siconv. Cadastramento de Proponente, Consórcio Público e Entidades Privadas sem Fins Lucrativos MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - Siconv Cadastramento de Proponente, Consórcio

Leia mais

Manual de uso Serasa Judicial Março/2014 Controle de revisão Data da Revisão Versão Documento Versão Manager DF-e Executor Assunto Revisado 08/10/2013 1.0 Rodrigo Vieira Ambar/Gigiane Martins Criação 18/03/2104

Leia mais

MANUAL DO VEÍCULO Abril/2013

MANUAL DO VEÍCULO Abril/2013 MANUAL DO VEÍCULO Abril/2013 Tela Inicial do Sistema BUP Para acesso ao sistema, preencha os campos inserindo seu nome de Usuário e Senha. Esta tela aparecerá em caso de erro. Verifique o preenchimento

Leia mais

Objetivo do Portal da Gestão Escolar

Objetivo do Portal da Gestão Escolar Antes de Iniciar Ambiente de Produção: É o sistema que contem os dados reais e atuais, é nele que se trabalha no dia a dia. Neste ambiente deve-se evitar fazer testes e alterações de dados sem a certeza

Leia mais

Manual Candidato Edital Público. Manual de Utilização de Inscrição On-Line em Edital Público

Manual Candidato Edital Público. Manual de Utilização de Inscrição On-Line em Edital Público Manual de Utilização de Inscrição On-Line em Edital Público Última Atualização: 22/10/2013 1 Índice 1. Visão Geral...4 2. Incrição On-line em Edital Público...4 2.1 Visualizar cursos de Lato Sensu ou Stricto

Leia mais

Rateio por Despesas por Contas Contábeis

Rateio por Despesas por Contas Contábeis Rateio por Despesas por Contas Contábeis Introdução É possível efetuar configuração no sistema para que a contabilização das despesas seja rateada entre departamentos/centros de custo, de acordo com percentuais

Leia mais

PJe - NOVIDADES DA VERSÃO 1.7.1.5 USUÁRIOS INTERNOS

PJe - NOVIDADES DA VERSÃO 1.7.1.5 USUÁRIOS INTERNOS PJe - NOVIDADES DA VERSÃO 1.7.1.5 USUÁRIOS INTERNOS Esse documento tem como objetivo apresentar as novidades da versão 1.7.1.5 do Sistema Processo Judicial Eletrônico (PJe), liberada em 31/08/2015. 1.

Leia mais

Gestão de Actas Escolares. Manual Utilizador. (Versão 4)

Gestão de Actas Escolares. Manual Utilizador. (Versão 4) inovar TI Gestão de Actas Escolares Manual Utilizador (Versão 4) ÍNDICE: INTRODUÇÃO... 3 FUNCIONALIDADES DO UTILACTAS... 3 1.ENTRAR NO PROGRAMA... 4 2.CONVOCAR UMA REUNIÃO... 5 2.1. CRIAR... 5 2.2. EDITAR...

Leia mais

TCI Sistemas Integrados

TCI Sistemas Integrados TCI Sistemas Integrados Manual Gera arquivo Prefeitura 1 Índice 1 - Cadastros obrigatórios para Gerar Arquivo para Prefeitura...3 2 Gerar Arquivo...8 3 Retorno Arquivo Prefeitura...19 2 1 Cadastros obrigatórios

Leia mais

DECOM Digital. Perguntas Frequentes

DECOM Digital. Perguntas Frequentes DECOM Digital Perguntas Frequentes O Sistema DECOM Digital SDD é um sistema de formação de autos digitais que permitirá o envio eletrônico de documentos no âmbito de petições e de processos de defesa comercial,

Leia mais

Manual de Utilização. Ao acessar o endereço www.fob.net.br chegaremos a seguinte página de entrada: Tela de Abertura do Sistema

Manual de Utilização. Ao acessar o endereço www.fob.net.br chegaremos a seguinte página de entrada: Tela de Abertura do Sistema Abaixo explicamos a utilização do sistema e qualquer dúvida ou sugestões relacionadas a operação do mesmo nos colocamos a disposição a qualquer horário através do email: informatica@fob.org.br, MSN: informatica@fob.org.br

Leia mais

Guia operação site www.atu.com.br

Guia operação site www.atu.com.br Guia operação site www.atu.com.br OBS: as telas no site bem como no sistema de gestão poderão sofrer alguma alteração, com base nos exemplos ilustrativos deste manual. 1. Objetivo Este guia tem como objetivo

Leia mais

Manual de Uso do Aplicativo

Manual de Uso do Aplicativo Manual de Uso do Aplicativo Login Para acessar o aplicativo é necessário digitar login e senha. Caso não possua essas informações, clique no botão Cadastro, para criar um novo login (mais detalhes no item

Leia mais

Procedimento Operacional Padrão nº 26 Intimação de Sociedade de Advogados SUMÁRIO 1. USUÁRIOS DO SAJ/PG (USUÁRIOS INTERNOS)...2

Procedimento Operacional Padrão nº 26 Intimação de Sociedade de Advogados SUMÁRIO 1. USUÁRIOS DO SAJ/PG (USUÁRIOS INTERNOS)...2 1 Procedimento Operacional Padrão nº 26 Intimação de Sociedade de Advogados SUMÁRIO 1. USUÁRIOS DO SAJ/PG (USUÁRIOS INTERNOS)...2 1.1 Cadastro de Pessoas (Cadastro Controlado)...2 1.2 Cadastro de Partes

Leia mais

SIPAC Sistema Integrado de Patrimônio, Administração e Contratos MÓDULO ORÇAMENTO

SIPAC Sistema Integrado de Patrimônio, Administração e Contratos MÓDULO ORÇAMENTO SIPAC Sistema Integrado de Patrimônio, Administração e Contratos MÓDULO ORÇAMENTO Módulo Orçamento Objetivo: Integrar as atividades de administração com a execução orçamentária. Possibilita Realizar operações

Leia mais

Manual de Operações do Painel Administrativo do site www.jornalrotadomar.com.br

Manual de Operações do Painel Administrativo do site www.jornalrotadomar.com.br Manual de Operações do Painel Administrativo do site www.jornalrotadomar.com.br 2015 DMW DESIGN - AGÊNCIA DIGITAL contato@dmwdesign.com.br www.dmwdesign.com.br Login Para efetuar o Login no Painel Administrativo

Leia mais

MANUAL PARA EMISSÃO DA AUTORIZAÇÃO DE TRANSPORTE SEM OBJETIVO COMERCIAL TSOC CONTINUO

MANUAL PARA EMISSÃO DA AUTORIZAÇÃO DE TRANSPORTE SEM OBJETIVO COMERCIAL TSOC CONTINUO 1 MANUAL PARA EMISSÃO DA AUTORIZAÇÃO DE TRANSPORTE SEM OBJETIVO COMERCIAL TSOC CONTINUO Este manual tem como objetivo apresentar os procedimentos necessários para a emissão, on-line, da autorização para

Leia mais

SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS. RH Online

SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS. RH Online Campus de Botucatu Sistema de Recursos Humanos SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS RH Online Mônica Cristina Fumis do Carmo Faculdade de Medicina de Botucatu Seção Técnica de Desenv. Adm de RH / Serviço Técnico

Leia mais

DF-e Manager Manual de uso Manifestação do destinatário Setembro de 2015

DF-e Manager Manual de uso Manifestação do destinatário Setembro de 2015 DF-e Manager Manual de uso Manifestação do destinatário Setembro de 2015 Copyright 2015 Synchro Solução Fiscal Brasil 1 Conteúdo 1. Introdução... 3 2. A Manifestação do Destinatário no DF-e Manager...

Leia mais

Caso tenha alguma dificuldade nesta etapa, procure um técnico de informática para auxiliá-lo.

Caso tenha alguma dificuldade nesta etapa, procure um técnico de informática para auxiliá-lo. Preenchimento da SEFIP para gerar a GFIP e imprimir as guias do INSS e FGTS Você, Microempreendedor Individual que possui empregado, precisa preencher a SEFIP, gerar a GFIP e pagar a guia do FGTS até o

Leia mais

Portal nddcargo 4.2.6.0 Manual de Utilização Contratante Visão Usuário Financeiro

Portal nddcargo 4.2.6.0 Manual de Utilização Contratante Visão Usuário Financeiro Portal nddcargo 4.2.6.0 Manual de Utilização Contratante Visão Usuário Financeiro Histórico de alterações Data Versão Autor Descrição 16/04/2014 1 Deiviane F. R. de Souza Criação do documento. 2 1. Introdução...

Leia mais

Fluxo de Caixa. 1. Conexão ao Sistema... 2

Fluxo de Caixa. 1. Conexão ao Sistema... 2 1. Conexão ao Sistema... 2 2. Cadastros 2.1 Beneficiários 2.1.1 Dados do Beneficiário e Contatos... 3 2.1.2 Parametrização Contas do Fluxo Gerencial... 4 2.1.3 Parametrização Contas Financeiras... 4 2.1.4

Leia mais

DEF. Índice: Cap. 01 DEF Peugeot. Cap. 02 DEF Volkswagen

DEF. Índice: Cap. 01 DEF Peugeot. Cap. 02 DEF Volkswagen DEF Índice: Cap. 01 DEF Peugeot Cap. 02 DEF Volkswagen Parametrização Peugeot O SISDIA preenche automaticamente a planilha do DEF Peugeot. Para isso é necessário efetuar o cadastro dos parâmetros, direcionando

Leia mais

02.02.2012 PORTAL JUD

02.02.2012 PORTAL JUD 02.02.2012 PORTAL JUD A ferramenta O Portal Jud tem como objetivo propiciar as autoridades o envio de ordens judiciais ou extrajudiciais e consultar às informações cadastrais de clientes de telefonia móvel

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Figura 1: Tela de Apresentação do FaçaCalc.

MANUAL DO USUÁRIO. Figura 1: Tela de Apresentação do FaçaCalc. Apresentação MANUAL DO USUÁRIO O FAÇACALC é um software que realiza cálculos hidráulicos, tais como: Motor Hidráulico, Trocador de Calor, Acumulador Hidráulico e Cilindro Hidráulico. Na sessão Funcionalidades

Leia mais

Manual SOFIA (Software Inteligente ARPEN-SP) versão 0.1

Manual SOFIA (Software Inteligente ARPEN-SP) versão 0.1 Manual SOFIA (Software Inteligente ARPEN-SP) versão 0.1 Normatização: Provimento nº 22/2014 Corregedoria Geral de São Paulo Segue o link com a íntegra do provimento, publicado no site da ARPEN-SP, em 18/09/2014:

Leia mais

Sistema de Gestão Avícola SYSAVES. O sistema SYSAVES controla todo o processo, desde a saída dos

Sistema de Gestão Avícola SYSAVES. O sistema SYSAVES controla todo o processo, desde a saída dos Sistema de Gestão Avícola SYSAVES O sistema SYSAVES controla todo o processo, desde a saída dos galpões dos fornecedores (granjeiros) de aves até a emissão de relatórios das saídas dos galpões para os

Leia mais

Processo: LOGISTICA. Acesso. Motivação

Processo: LOGISTICA. Acesso. Motivação Pendências 23011 Versão 2006 Release 78 Autor Francisca Cruz Processo: LOGISTICA Nome do Processo: Distribuição Automática de Estoque por Família de Cores Acesso Logística Distribuição Distribuição Automática

Leia mais

Orientações básicas para submissão de projetos de pesquisa

Orientações básicas para submissão de projetos de pesquisa Orientações básicas para submissão de projetos de pesquisa Versão 1.2 Versão Autor Data Descrição 1.0 Equipe suporte 13/10/2011 Criação do Plataforma Brasil documento 1.1 Equipe suporte Plataforma Brasil

Leia mais

Guia do Administrador. Gestor Web TIM PRATICIDADE E ECONOMIA NA MEDIDA CERTA PARA SUA EMPRESA. Você, sem fronteiras.

Guia do Administrador. Gestor Web TIM PRATICIDADE E ECONOMIA NA MEDIDA CERTA PARA SUA EMPRESA. Você, sem fronteiras. Guia do Administrador Gestor Web TIM Você, sem fronteiras. PRATICIDADE E ECONOMIA NA MEDIDA CERTA PARA SUA EMPRESA. Prezado Cliente A TIM oferece um conjunto de serviços inteligentes que proporciona maior

Leia mais