SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho"

Transcrição

1 ÁREA DE PESSOAL IT / 7 1. OBJETIVO Estabelecer diretrizes para a realização das atividades da Área de Pessoal. 1. DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA CLT Consolidação das Leis Trabalhistas. DS. 06 Manual de Funções. IT. 01 Processo Administrativo. 1. PROCEDIMENTOS 3.1 Contratação de pessoal Quando da contratação de pessoal, a Área de Pessoal deverá: Solicitar ao servidor os documentos necessários para a contratação: Carteira de trabalho; Carteira de identidade; CPF; Título de eleitor, com o último comprovante de votação; Comprovante de endereço; Comprovante de escolaridade; PIS/ PASEP; Carteira de reservista (sexo masculino); Certidão de nascimento dos filhos, caso houver; 02 (duas) fotos 3x4 recentes e de frente. Documentos exigidos (registros) no DS. 06 Manual de Funções. Emitir uma Portaria de nomeação da função que o servidor irá exercer, em 03 (três) vias, encaminhando à Presidência para aprovação; Cadastrar o servidor no programa FPW - Folha de Pagamento ; Montar a pasta do servidor (dossiê), inserindo a Ficha Funcional e os documentos do servidor, e solicitando sua assinatura; Imprimir o Contrato de Experiência, com assinaturas do servidor e da Presidência; Elaborado/revisado por: 19/11/2008 Célia de Avelar Soares Data Aprovado para uso: 19/11/2008 Célia de Avelar Soares Data

2 ÁREA DE PESSOAL IT / 7 Anotar a carteira de trabalho do servidor; Entregar a Portaria de nomeação ao servidor, bem como o contrato de experiência. Observação: quando da contratação por tempo determinado, a Área de Pessoal deverá anotar na carteira de trabalho e no dossiê do servidor o período de vigência estabelecido no contrato. 3.2 Demissão de pessoal O processo de demissão poderá ser: a) Demissão sem justa causa Na ocorrência de necessidade de demissão sem justa causa, o responsável pela Unidade (Departamento ou Área) deverá solicitar a demissão ao Departamento de Gestão de Pessoas ou diretamente à Presidência para análise e aprovação. Após aprovação, a Área de Pessoal deverá abrir um processo administrativo, e realizar as seguintes atividades: Emitir Aviso Prévio, quando o servidor for cumprir o aviso; Cadastrar a rescisão do servidor; Solicitar o saldo do FGTS junto à Caixa Econômica Federal CEF, bem como, a numeração do saque do FGTS; Elaborar a Rescisão inserindo o saldo do banco, após o cálculo da rescisão, em 06 (seis) vias, sendo uma via para o Departamento Financeiro, uma via para a Área de Pessoal, uma via para o Sindicato da Categoria e as demais vias para o servidor. Encaminhar o processo à Presidência para análise e aprovação; Encaminhar o processo para o Departamento Financeiro, para emissão do cheque proveniente ao pagamento dos direitos trabalhistas; Encaminhar o servidor ao Sindicato da Categoria para homologação da Rescisão, no caso de servidor com mais de um ano de serviço; Observação: em caso de servidor com menos de um ano de serviço, a homologação da Rescisão é realizada pela Área de Pessoal. b) Demissão a pedido Na ocorrência de demissão a pedido, o servidor deverá solicitar a sua demissão em um documento dirigido à Presidência, encaminhando-o ao Departamento de Gestão de Pessoas, que deverá encaminhar a solicitação à Presidência para análise e aprovação. Após aprovação, a solicitação é encaminhada para a Área de Pessoal.

3 ÁREA DE PESSOAL IT / 7 Quando do recebimento da solicitação, a Área de Pessoal deverá abrir um processo administrativo e realizar as seguintes atividades: Cadastrar a rescisão do servidor, verificando se o mesmo irá cumprir o aviso ou não; Elaborar a Rescisão inserindo o saldo do banco, após o cálculo da rescisão, em 06 (seis) vias, sendo uma via para o Departamento Financeiro, uma via para a Área de Pessoal, uma via para o Sindicato da Categoria e as demais vias para o servidor; Encaminhar o processo para o Departamento Financeiro, para emissão do cheque proveniente ao pagamento dos direitos trabalhistas; Encaminhar o servidor ao Sindicato da Categoria para homologação da Rescisão, no caso de servidor com mais de um ano de serviço; Observação: em caso de servidor com menos de um ano de serviço, a homologação da Rescisão é realizada pela Área de Pessoal. 3.3 Folha de pagamento (mensal e inativo) Para o pagamento da folha de pagamento, a Área de Pessoal deverá: Recolher o ponto de cada colaborador, verificando as faltas e os abonos do mês (férias, atestados médicos). Lançar as faltas e os abonos no sistema SPWIN Ponto Eletrônico. Após cadastro, imprimir e conferir novamente o lançamento dos dados. Para cargos em que Presidência, autorizar a liberação do registro de ponto eletrônico deverá ser preenchido diariamente pelo colaborador em questão, o RG. 084 Folha de freqüência 8 horas ou o RG. 085 Folha de freqüência 6 horas, conforme a carga horária diária deste. Levantar a ocorrência de horas extras e gratificações, por meio de memorandos autorizados pela Gerência do Departamento e Presidência; Levantar os descontos de cada colaborador, tais como: vale transporte, ticket alimentação, pensão, convênios, dentre outros; Inserir todos os dados levantados no sistema FPW Folha de pagamento e calcular a folha de pagamento; Emitir folha de pagamento para conferência; Após conferência, emitir o registro Autorização para Pagamento em 02 (duas) vias, sendo uma para o Departamento Financeiro e outra para o Banco, e encaminhar à Presidência para análise e aprovação. Emitir folha de pagamento definitiva, em 02 (duas) vias, e disquete para o banco, encaminhando-os ao Departamento Financeiro para pagamento; Uma via da folha de pagamento deverá ser armazenada na Área de Pessoal;

4 ÁREA DE PESSOAL IT / 7 Imprimir contra-cheque e encaminhar aos colaboradores. 3.4 Férias Quando do período de férias dos colaboradores, a Área de Pessoal deverá: Encaminhar às Gerências a programação de férias de sua equipe; Cadastrar as férias no sistema FPW Folha de pagamento; Emitir o Aviso de Férias, com antecedência de 30 (trinta) dias e com ciência do líder da área e do Gerente do Departamento, encaminhando-o ao colaborador; Calcular a folha de pagamento das férias; Emitir o recibo das férias; Emitir relação de pagamento de férias e disquete para o banco; Emitir o registro Autorização para Pagamento em 02 (duas) vias, sendo uma para o Departamento Financeiro e outra para o Banco, e encaminhar à Presidência para análise e aprovação. Após aprovação, encaminhar os documentos e disquete para o banco ao Departamento Financeiro para pagamento; Uma via da folha de pagamento das férias deverá ser armazenada na Área de Pessoal; 3.5 Pagamento de encargos Mensalmente, a Área de Pessoal deverá providenciar o pagamento dos seguintes encargos: INSS, utilizando a Guia de GPS do programa SEFIP ; IRRF, utilizando a guia do IRRF; PIS / PASEP, utilizando o DARF Documento de Arrecadação da Receita Federal, no programa SICALC; FGTS, utilizando o programa SEFIP ; Ascreago; Mútua (empréstimos); Banco do Brasil (empréstimos); Ipasgo, utilizando o programa DPC; Pensão alimentícia; Sindicatos;

5 ÁREA DE PESSOAL IT / 7 Ticket de alimentação; por meio de Nota Fiscal do fornecedor, utilizando o programa Sodex; Estagiário e menor aprendiz, por meio de Nota Fiscal do fornecedor; Vale transporte, através de memorando ao Departamento Administrativo solicitando a aquisição do quantitativo necessário; Todos os pagamentos dos encargos acima relacionados devem ser realizados pelo Departamento Financeiro. 3.6 Comunicação ao CAGED Comunicado Geral de Empregados Demitidos e Admitidos Mensalmente, após a emissão da folha de pagamento, a Área de Pessoal deverá informar eletronicamente ao Ministério do Trabalho a relação dos admitidos e demitidos no mês. Após envio, imprimir o recibo de recebimento e arquivar. 3.7 Aplicação de penalidades aos colaboradores (servidores) Na ocorrência de necessidade de penalidades, o Gerente de Gestão de Pessoas deverá encaminhar à Presidência um relato sobre a conduta do colaborador e uma solicitação de aplicação de penalidade. Após aprovação e determinação da penalidade pela Presidência, a Área de Pessoal deverá: Emitir Portaria da penalidade, assinada pela Presidência; Comunicar ao colaborador sobre a penalidade; Observação: em caso de não concordância da penalidade, o colaborador deverá apresentar os seus questionamentos que devem ser apresentados à Unidade responsável pela origem da solicitação da penalidade. E caso, sejam pertinentes, o processo é arquivado. Caso contrário, o colaborador é comunicado sobre a manutenção da penalidade. Arquivar a Portaria, bem como outros documentos relevantes à penalidade na pasta do colaborador (dossiê). 3.8 Atualizações da CTPS A Área de Pessoal é a responsável por atualizar constantemente os dados das CTPS Carteira de Trabalho e Previdência Social dos colaboradores do Crea GO, tais como: salário; férias; licenças; dentre outros.

6 ÁREA DE PESSOAL IT / Abertura e trâmite de processo administrativo Para a abertura e trâmite de processos administrativos, a Área de Pessoal deverá seguir as orientações descritas na IT. 01 Processo Administrativo. 2. REGISTROS Contrato Contrato por tempo determinado Item excluído Folha de pagamento Contra cheque Ficha cadastral Aviso prévio Aviso de férias RG. 084 Folha de freqüência 8 horas RG. 085 Folha de freqüência 6 horas 1. CONTROLE DE REGISTROS Os registros gerados pelas atividades deste procedimento são controlados da seguinte forma: Identificação Armazenamento Proteção Recuperação Contrato Tempo de Retenção Descarte Contrato por tempo determinado Item excluído Contra cheque Área de pessoal Pasta suspensa Acesso da Área de Pessoal Por servidor Permanente - Aviso prévio Aviso de férias Ficha cadastral

7 ÁREA DE PESSOAL IT / 7 Folha de pagamento Área de pessoal Pasta AZ Acesso da Área de Pessoal Por mês Permanente - RG. 084 Folha de freqüência 8 horas RG. 085 Folha de Área de pessoal Caixa Box Acesso da Área de Pessoal Por mês Permanente - freqüência 6 horas

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho SERVIÇOS GERAIS IT. 26 08 1 / 6 1. OBJETIVO Orientar a realização de serviços gerais nas dependências do Crea GO e controle dos s. 2. DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA IT. 28 Patrimônio. IT.27 Arquivo Geral e Correspondências

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho SERVIÇOS GERAIS IT. 26 10 1 / 6 1. OBJETIVO Orientar a realização de serviços gerais nas dependências do Crea GO e controle dos s. 2. DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA IT.28 Patrimônio. IT.27 Arquivo Geral e Correspondências

Leia mais

PROCEDIMENTO SOBRE ENTREGA MENSAL DA DOCUMENTAÇÃO TRABALHISTA E PROCESSO DE LIBERAÇÃO DE ACESSO

PROCEDIMENTO SOBRE ENTREGA MENSAL DA DOCUMENTAÇÃO TRABALHISTA E PROCESSO DE LIBERAÇÃO DE ACESSO PROCEDIMENTO SOBRE ENTREGA MENSAL DA DOCUMENTAÇÃO TRABALHISTA E PROCESSO DE LIBERAÇÃO DE ACESSO Aos prestadores de serviço da VOITH PAPER MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS LTDA. Este procedimento tem por objetivo

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho INSPETORIAS IT. 47 00 1 / 8 1 - OBJETIVO Estabelecer diretrizes para procedimentos referentes a manutenção das instalações das Inspetorias do Crea-GO. 2 - DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Lei n 8.666 de 21 de

Leia mais

Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS. Cartilha esocial

Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS. Cartilha esocial Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS Cartilha esocial 2 O que é o esocial? ESOCIAL DOMÉSTICO / SIMPLES DOMÉSTICO O recolhimento obrigatório a partir da competência OUTUBRO/2015. Por intermédio

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PROCEDIMENTO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PROCEDIMENTO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO MANUAL DE PROCEDIMENTOS Data Elaboração: 23/04/2013 Código: PRH-04 Elaborado por: Maria Helena Durao Chefe Adm. Pessoal Área Responsável: Recursos Humanos Revisado por: Gabriele G. Heilig Coord. de Auditoria

Leia mais

RECURSOS HUMANOS IDBRASIL CULTURA, EDUCAÇÃO E ESPORTE

RECURSOS HUMANOS IDBRASIL CULTURA, EDUCAÇÃO E ESPORTE MANUAL DE RECURSOS HUMANOS IDBRASIL CULTURA, EDUCAÇÃO E ESPORTE 1. OBJETIVO Este manual tem como objetivo estabelecer os princípios que deverão ser observados pelo IDBrasil Cultura, Educação e Esporte

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA SRH Nº , 15 DE SETEMBRO DE 2014.

INSTRUÇÃO NORMATIVA SRH Nº , 15 DE SETEMBRO DE 2014. INSTRUÇÃO NORMATIVA SRH Nº 001 2014, 15 DE SETEMBRO DE 2014. Versão: 01 Ato de Aprovação: Instrução Normativa SRH nº 001 2014. Unidade Responsável: Diretoria de Recursos Humanos. Dispõe sobre procedimentos

Leia mais

Manual de Movimentação Cadastral

Manual de Movimentação Cadastral Manual de Movimentação Cadastral 1. Objetivo; 2. Processo; 3. Datas de vigência e datas de cadastro; 4. Cadastro de novo Subestipulante; 4.1 Filiais; 4.2 Prestador de Serviços; 5. Inclusões de Segurados;

Leia mais

ZELADORIA. Quanto pode custar uma pessoa que limpa a igreja?

ZELADORIA. Quanto pode custar uma pessoa que limpa a igreja? ZELADORIA Toda pessoa que realiza limpeza na igreja deve ser registrado pela CLT através da Associação. A igreja não deve de maneira alguma fazer pagamentos a pessoas que limpem a igreja e que não estejam

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho OUVIDORIA IT. 11 11 1 / 5 1. OBJETIVO Estabelecer diretrizes para o atendimento ao profissional, empresa e leigo, bem como, à sociedade em geral que faça uso dos serviços prestados pelos profissionais

Leia mais

que cursou todo o ensino médio em Escola Pública Histórico Escolar do Ensino Médio, mesmo para candidatos que já tenham curso superior.

que cursou todo o ensino médio em Escola Pública Histórico Escolar do Ensino Médio, mesmo para candidatos que já tenham curso superior. Item 8 do Edital nº 02/2015 1 ANÁLISE DOCUMENTAL (Check-list)/ Processo Seletivo de Ingresso em Cursos de Graduação da UFT por meio do SISU para o 1º semestre de 2015 GRUPO L1:Lei nº 12.711/12; Renda Familiar

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE PROCEDIMENTO ADMISSÃO DE COLABORADOR CLT Nº PE-ADM-006 Fl. 1/15 Rev. Data Descrição Executado Verificado Aprovado 0 A B C D E F G H J 28/05/04 05/11/04 06/01/05 11/07/05 23/11/07 22/02/08 30/10/09 31/05/10

Leia mais

VAMOS NOS CONHECER FMVA

VAMOS NOS CONHECER FMVA VAMOS NOS CONHECER FMVA Seção Técnica de Desenvolvimento e Administração de Recursos Humanos - (STDARH) João Paulo Montoro Kampara Melânia Cristina Mazini Núbio Saito Flores Virgínia Helena dos Santos

Leia mais

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DIREITOS HUMANOS NÚCLEO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DIREITOS HUMANOS NÚCLEO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA APRESTAÇÃO DA PRESTAÇÃO DE CONTAS CONVÊNIO TODOS COM A NOTA 1. Ofício de encaminhamento da Prestação de Contas à Secretária Estadual de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos.

Leia mais

PROCEDIMENTO OPERACIONAL

PROCEDIMENTO OPERACIONAL 1 1 OBJETIVO Normatizar os processos de compras, recebimento de mercadorias e pagamentos que ocorrem nas lojas da Comercial Agromen e padroniza-los com base no modelo utilizado nas outras empresas do grupo.

Leia mais

Prefeitura de RIO POMBA ESTADO DE MINAS GERAIS

Prefeitura de RIO POMBA ESTADO DE MINAS GERAIS PORTARIA Nº 024/2013, de 04 de março de 2013. Dispõe sobre o recadastramento obrigatório do Servidor Público Municipal, ativo e inativo, e dá outras providências. O Prefeito Municipal de Rio Pomba, no

Leia mais

PROCEDIMENTO DO SISTEMA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL

PROCEDIMENTO DO SISTEMA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL 1. OBJETIVO: Estabelecer diretrizes e critérios referentes à Jornada de Trabalho. 2. DEFINIÇÕES: Não aplicável 3. DOCUMENTOS APLICÁVEIS: Código de Conduta da Gunnebo Norma SA 8000 Consolidação das Leis

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE RONDONÓPOLIS Estado de Mato Grosso

CÂMARA MUNICIPAL DE RONDONÓPOLIS Estado de Mato Grosso INSTRUÇÃO NORMATIVA SRH Nº 002/2011 Versão 01 Unidade Responsável: Secretaria Legislativa de Administração Unidade Executora: Chefia de Apoio a Folha de Pagamento Data da Aprovação: 23/12/2011 Dispõe sobre

Leia mais

Contrataça o. Passo a Passo de contratação

Contrataça o. Passo a Passo de contratação Passo a Passo de contratação Contrataça o 1 - Entrevistar os candidatos dando a ficha de solicitação de emprego para eles preencherem. (link para a ficha) Preenchida a mão pelo candidato 2- Imprimir o

Leia mais

1 Acordo, 1 Acordo de prorrogação da jornada de trabalho: hora extra, 2

1 Acordo, 1 Acordo de prorrogação da jornada de trabalho: hora extra, 2 SUMÁRIO Prefácio, xi 1 Acordo, 1 Acordo de prorrogação da jornada de trabalho: hora extra, 2 2 Acordo coletivo, 3 Acordo coletivo de trabalho, 4 Acordo de compensação de dias úteis intercalados durante

Leia mais

Contatos: Controle de Pessoal - SGVV:

Contatos: Controle de Pessoal - SGVV: Contatos: Controle de Pessoal - SGVV: controledepessoal@segplan.go.gov.br Siglas: Gerência de Gestão de Pessoas GGP Gerência de Manutenção e Logística Setorial GEMLS Gerência de Operação da Rede Própria

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO Divisão de Recursos Humanos. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 002 de 20 de Dezembro de 2012

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO Divisão de Recursos Humanos. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 002 de 20 de Dezembro de 2012 SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO Divisão de Recursos Humanos INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 002 de 20 de Dezembro de 2012 ASSUNTO: RECADASTRAMENTO DOS SERVIDORES E EMPREGADOS PÚBLICOS Esta Instrução Normativa

Leia mais

REGULAMENTO DE CONTRATAÇÃO DE PESSOAL - PROJETO BARUERI

REGULAMENTO DE CONTRATAÇÃO DE PESSOAL - PROJETO BARUERI o REGULAMENTO DE CONTRATAÇÃO DE PESSOAL - PROJETO BARUERI MANUAL DE PROCEDIMENTOS RECURSOS HUMANOS Este regulamento tem por objetivo realizar a contratação e seleção de Recursos Humanos, sob o Regime Jurídico

Leia mais

PROCEDIMENTO PARA ENTREGA MENSAL DE DOCUMENTAÇÃO DE OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS CAJAMAR SKF FÁBRICA JORANESIA C.D SKF CAJAMAR ICS EXTERNO -SF

PROCEDIMENTO PARA ENTREGA MENSAL DE DOCUMENTAÇÃO DE OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS CAJAMAR SKF FÁBRICA JORANESIA C.D SKF CAJAMAR ICS EXTERNO -SF PROCEDIMENTO PARA ENTREGA MENSAL DE DOCUMENTAÇÃO DE OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS CAJAMAR SKF FÁBRICA JORANESIA C.D SKF CAJAMAR ICS EXTERNO -SF ÍNDICE Dica! Para ler sobre um Tópico, clique na Página relacionada

Leia mais

1. OBJETIVO Estabelecer diretrizes para elaboração e controle dos documentos e registros do Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ).

1. OBJETIVO Estabelecer diretrizes para elaboração e controle dos documentos e registros do Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ). Sistema de Gestão da Qualidade SUPERINTENDÊNCIA DE VAPT VUPT E ATENDIMENTO AO PÚBLICO PROCEDIMENTO DE CONTROLE DE DOCUMENTOS E REGISTROS Responsável: Juliana Maria Gomes de Almeida Alves Cópia Controlada

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE PO Procedimento Operacional

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE PO Procedimento Operacional E AÇÃO PREVENTIVA PO. 09 10 1 / 5 1. OBJETIVO Descrever a forma como o produto ou serviço não conforme deve ser controlado, a fim de se prevenir a sua utilização ou entrega não intencional ao cliente.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE GESTÃO ACADÊMICA EDITAL N.º 004/2017. PROCESSO SELETIVO SiSU/UFG MATRÍCULA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE GESTÃO ACADÊMICA EDITAL N.º 004/2017. PROCESSO SELETIVO SiSU/UFG MATRÍCULA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE GESTÃO ACADÊMICA EDITAL N.º 004/2017 PROCESSO SELETIVO SiSU/UFG 2017- MATRÍCULA ANEXO IV DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA A SOLICITAÇÃO DE MATRÍCULA

Leia mais

GO ALINHAMENTO ESTRATÉGICO

GO ALINHAMENTO ESTRATÉGICO Versão 01 - Página 1/24 PROCESSO: Acompanhamento e controle das obras nas sedes do MP-GO PROCEDIMENTO: Acompanhamento e controle das obras nas sedes do MP- GO ALINHAMENTO ESTRATÉGICO Objetivo estratégico:

Leia mais

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA MATRÍCULA. PERÍODO DE CONFIRMAÇÃO DE VAGA 1ª CHAMADA: 13 a 16 de dezembro de 2016

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA MATRÍCULA. PERÍODO DE CONFIRMAÇÃO DE VAGA 1ª CHAMADA: 13 a 16 de dezembro de 2016 DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA MATRÍCULA PERÍODO DE CONFIRMAÇÃO DE VAGA 1ª CHAMADA: 13 a 16 de dezembro de 2016 1) DOCUMENTOS GERAIS (para todos os candidatos) Na Confirmação de Vaga, o candidato deverá entregar

Leia mais

Procedimentos para a prestação de contas junto ao FUMPROARTE PESSOA FÍSICA

Procedimentos para a prestação de contas junto ao FUMPROARTE PESSOA FÍSICA Procedimentos para a prestação de contas junto ao FUMPROARTE PESSOA FÍSICA 1 Instrução Normativa 004/2014 A prestação de contas de cada projeto acontecerá conforme o estabelecido na INSTRUÇÃO NORMATIVA

Leia mais

Jornada de Trabalho. Esta Politica seguirá as regras constantes no Acordo de Banco de Horas celebrado entre a LBH e os Sindicatos dos colaboradores.

Jornada de Trabalho. Esta Politica seguirá as regras constantes no Acordo de Banco de Horas celebrado entre a LBH e os Sindicatos dos colaboradores. Assunto: Política de Jornada de Trabalho Página: 1 / 5 Descrição: Política de Jornada de Trabalho. A DIRETORIA da LBH BRASIL, no uso de suas atribuições legais, e tendo em vista a elaboração do presente

Leia mais

IRMANDADE DA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE SÃO PAULO

IRMANDADE DA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE SÃO PAULO CRITÉRIO PARA CURSOS SÃO PAULO 2005 SUMÁRIO 1. EDITAIS 2. INSCRIÇÃO INFORMATIZADA 3. PERÍODO PARA INSCRIÇÕES 4. VALOR PARA INSCRIÇÕES 5. LOCAL E DATA DAS PROVAS 6. CONFECÇÃO DE PROVAS 7. NOTA DE CORTE

Leia mais

DÚVIDAS E RESPOSTAS Treinamento Folha de Pagamento Projeto PLUG

DÚVIDAS E RESPOSTAS Treinamento Folha de Pagamento Projeto PLUG DÚVIDAS E RESPOSTAS Treinamento Folha de Pagamento Projeto PLUG DÚVIDAS MÓDULO FOLHA DE PAGAMENTO 1. Os dados já cadastrados no atual RM serão transferidos automaticamente para o novo sistema ou teremos

Leia mais

ANEXO I LISTA DE DOCUMENTOS PARA MATRÍCULA

ANEXO I LISTA DE DOCUMENTOS PARA MATRÍCULA ANEXO I LISTA DE DOCUMENTOS PARA MATRÍCULA A) CANDIDATOS OPTANTES DA AMPLA CONCORRÊNCIA: 1. Fotocópias autenticadas: a) Documento de identidade* b) CPF c) Título de eleitor, para maiores de 18 (dezoito)

Leia mais

PORTARIA Nº 021/2016, de 22 de novembro de 2016

PORTARIA Nº 021/2016, de 22 de novembro de 2016 PORTARIA Nº 021/2016, de 22 de novembro de 2016 Dispõe sobre os procedimentos e rotinas referentes ao recadastramento dos aposentados e pensionistas da CAPPS. O Presidente da Caixa de Assistência, Previdência

Leia mais

DEPARTAMENTO FISCAL INFORMATIVO ULTIMA REMESSA MODELO Nº. ÚLTIMA N.F. EMITIDA Nº. DAS NOTAS FISCAIS CANCELADAS DA REMESSA Nº. DATA / / FORNECEDOR

DEPARTAMENTO FISCAL INFORMATIVO ULTIMA REMESSA MODELO Nº. ÚLTIMA N.F. EMITIDA Nº. DAS NOTAS FISCAIS CANCELADAS DA REMESSA Nº. DATA / / FORNECEDOR 1 DEPARTAMENTO FISCAL INFORMATIVO ULTIMA REMESSA * ÚLTIMA REMESSA * Mês: / 1) Seguem anexas as seguintes Notas Fiscais MODELO Nº. ÚLTIMA N.F. EMITIDA Nº. DAS NOTAS FISCAIS CANCELADAS DA REMESSA 1 2 D 1

Leia mais

PROCEDIMENTO GERENCIAL PARA PG 012/04 GESTÃO DE MATERIAIS E EQUIPAMENTOS Página 2 de 7

PROCEDIMENTO GERENCIAL PARA PG 012/04 GESTÃO DE MATERIAIS E EQUIPAMENTOS Página 2 de 7 EQUIPAMENTOS Página 2 de 7 1 OBJETIVO Este procedimento estabelece os critérios básicos de suprimento e logística de materiais assim como as diretrizes para a armazenagem, preservação e manuseio de materiais

Leia mais

Para eventuais dúvidas entrar em contato com Osvaldo, pelo telefone

Para eventuais dúvidas entrar em contato com Osvaldo, pelo telefone O candidato nomeado pelo Decreto nº 4151, de 25/05/2016, deve comparecer, para apresentar a documentação exigida para a posse, na Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social, de segunda a

Leia mais

1. PROCESSO DE PREPARAÇÃO PARA DEFESA DE DISSERTAÇÃO OU TESE

1. PROCESSO DE PREPARAÇÃO PARA DEFESA DE DISSERTAÇÃO OU TESE PROCEDIMENTOS PARA DEFESA DE DISSERTAÇÃO/TESE E DIPLOMAÇÃO STRICTO SENSU 1. PROCESSO DE PREPARAÇÃO PARA DEFESA DE DISSERTAÇÃO OU TESE Aluno: Após integralizar os requisitos necessários para obtenção do

Leia mais

4. Conceitos: Dossiê - Assentamento funcional

4. Conceitos: Dossiê - Assentamento funcional 4. Conceitos: Dossiê - Assentamento funcional Certidão de Tempo de Contribuição - É o documento que atesta o período de exercício das atribuições do cargo, emprego ou função pública com vinculação com

Leia mais

BOLSA QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL (LEI Nº 7.998/1990) Perguntas e respostas

BOLSA QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL (LEI Nº 7.998/1990) Perguntas e respostas Secretaria de Políticas Públicas de Emprego Departamento de Emprego e Salário Coordenação-Geral do Seguro-Desemprego, do Abono Salarial e Identificação Profissional. BOLSA QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL (LEI

Leia mais

SPDM ASSOCIAÇÃO PAULISTA PARA O DESENVOLVIMENTO DA MEDICINA. Cargos/Funções: Assistente de Departamento Pessoal

SPDM ASSOCIAÇÃO PAULISTA PARA O DESENVOLVIMENTO DA MEDICINA. Cargos/Funções: Assistente de Departamento Pessoal SPDM ASSOCIAÇÃO PAULISTA PARA O DESENVOLVIMENTO DA MEDICINA EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL SPDM MATRIZ Nº 33/ 2012 PROCESSO SELETIVO DE PROFISSIONAIS PARA TRABALHAREM NA SEDE ADMINISTRATIVA DO PROJETO DE

Leia mais

Aula 12 Constituição Formal de Empresa

Aula 12 Constituição Formal de Empresa Considerações iniciais Todas as sociedades empresariais e entidades, independente do seu objeto social e porte econômico, estão sujeitas às regras estabelecidas pelo MTE, quando tiverem pessoas físicas

Leia mais

APOSENTADOS E DEMITIDOS CARTILHA COM ORIENTAÇÕES

APOSENTADOS E DEMITIDOS CARTILHA COM ORIENTAÇÕES APOSENTADOS E DEMITIDOS CARTILHA COM ORIENTAÇÕES A BIOVIDA SAÚDE com o intuito de informar e orientar seus beneficiários quanto ao PLANO CONTINUIDADE, resolveu criar e divulgar essa cartilha com explicações

Leia mais

Aprova modelos de Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho e implanta o Sistema Homolognet.

Aprova modelos de Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho e implanta o Sistema Homolognet. PORTARIA n.º 1.474, de 29 de JUNHO de 2010 Aprova modelos de Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho e implanta o Sistema Homolognet. O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO, no uso das atribuições

Leia mais

INFORMAÇÕES, RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE BOLSA E FICHA DE INSCRIÇÃO NA INSTITUIÇÃO FEAD

INFORMAÇÕES, RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE BOLSA E FICHA DE INSCRIÇÃO NA INSTITUIÇÃO FEAD INFORMAÇÕES, RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE BOLSA E FICHA DE INSCRIÇÃO NA INSTITUIÇÃO FEAD FEAD Faculdade de Estudos Administrativos de MG FEAD Faculdade de Estudos Superiores de MG CANDIDATOS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE GESTÃO DE PESSOAS MANUAL DO SERVIDOR

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE GESTÃO DE PESSOAS MANUAL DO SERVIDOR Página 1 de 5 POSSE EM CARGO PÚBLICO DEFINIÇÃO Investidura em cargo público, com a assinatura do respectivo termo de posse, no qual deverão constar as atribuições, os deveres, as responsabilidades e os

Leia mais

Cronograma de Atividades. Processo Seletivo Simplificado Edital 01/2016 CRONOGRAMA

Cronograma de Atividades. Processo Seletivo Simplificado Edital 01/2016 CRONOGRAMA Cronograma de Atividades Processo Seletivo Simplificado Edital 01/2016 ATIVIDADE CRONOGRAMA DATAS Publicação de Extrato de Abertura de Inscrições 03/02/2016 Período de Inscrições, Entrega de Títulos e

Leia mais

Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina Saúde Indígena Convênios SPDM-MS/SESAI PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO SPDM MATRIZ Nº 52/2016

Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina Saúde Indígena Convênios SPDM-MS/SESAI PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO SPDM MATRIZ Nº 52/2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO SPDM MATRIZ Nº 52/2016 PROCESSO SELETIVO DE PROFISSIONAIS PARA TRABALHAREM NA SEDE ADMINISTRATIVA DO PROJETO DE SAÚDE INDÍGENA DA SPDM DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS Cargos/Funções:

Leia mais

ANEXO IV - Procedimentos para cálculo e apuração da renda familiar bruta mensal per capita

ANEXO IV - Procedimentos para cálculo e apuração da renda familiar bruta mensal per capita ANEXO IV - Procedimentos para cálculo e apuração da renda familiar bruta mensal per capita 1. A renda familiar bruta mensal per capita, para fins de verificação da Ação Afirmativa 1A e Ação Afirmativa

Leia mais

RO Roteiro Operacional Prefeitura do Rio de Janeiro

RO Roteiro Operacional Prefeitura do Rio de Janeiro RO.PREF. DO RIO JANEIRO [RO. 05.31] Versão: 38 Exclusivo para Uso Interno RO Roteiro Operacional Prefeitura do Rio de Janeiro Área responsável: Gerência Produtos Consignados I - CONDIÇÕES GERAIS 1. PÚBLICO

Leia mais

Orientações aos SGP`s para o acompanhamento da frequência dos empregados da Unidade

Orientações aos SGP`s para o acompanhamento da frequência dos empregados da Unidade Orientações aos SGP`s para o acompanhamento da frequência dos empregados da Unidade Tendo em vista a implantação do controle alternativo de frequência com registro eletrônico, desde novembro de 2015, bem

Leia mais

HISTÓRICO DE REVISÕES

HISTÓRICO DE REVISÕES PÁGINA: 1/15 DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO DIRAD ÁREA GESTÃO DE CONTRATOS/ QUALIDADE CÓDIGO DE CLASSIFICAÇÃO DO DOCUMENTO 010 TíTULO: APLICAR PENALIDADE ELABORADO EM:15/08/2014 REVISADO EM: 10/12/2014 APROVADO

Leia mais

Documentação do Candidato

Documentação do Candidato Documentação do Candidato Documentos de identificação do candidato: Apresentar um dos documentos abaixo para fins de identificação Carteira de Identidade fornecida pelos órgãos de segurança pública das

Leia mais

PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS- PROUNI PROCESSO SELETIVO PROUNI PARA 2012/2

PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS- PROUNI PROCESSO SELETIVO PROUNI PARA 2012/2 FAHESA- Faculdade de Ciências Humanas Econômicas e da Saúde de Araguaína ITPAC- Instituto Tocantinense Presidente Antônio Carlos PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS- PROUNI PROCESSO SELETIVO PROUNI PARA 2012/2

Leia mais

1. VIDA FINANCEIRA 1.1 PAGAMENTO DE TRIBUTOS. Documento Prazo de Guarda Prazo de Precaução Observações

1. VIDA FINANCEIRA 1.1 PAGAMENTO DE TRIBUTOS. Documento Prazo de Guarda Prazo de Precaução Observações 1. VIDA FINANCEIRA 1.1 PAGAMENTO DE TRIBUTOS 1.1.1 Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) e seu respectivo DARF. 5 anos, contados a partir do exercício seguinte àquele em que o lançamento poderia ter

Leia mais

ORIENTAÇÕES AO PESQUISADOR MANUAL PARA USO DOS RECURSOS FINANCEIROS

ORIENTAÇÕES AO PESQUISADOR MANUAL PARA USO DOS RECURSOS FINANCEIROS ORIENTAÇÕES AO PESQUISADOR MANUAL PARA USO DOS RECURSOS FINANCEIROS 1 AUXÍLIO FINANCEIRO AO PESQUISADOR Este guia tem como objetivo orientar os coordenadores dos projetos de pesquisa sobre os requisitos

Leia mais

USO INTERNO. SGT Sistema de Gerenciamento de Treinamentos

USO INTERNO. SGT Sistema de Gerenciamento de Treinamentos Sistema de Gerenciamento de Treinamentos CONFIDENCIAL SISTEMA DE GESTÃO DE TREINAMENTOS Sistema corporativo criado para gerenciamento e interface das evidências dos treinamentos da UNF, com foco nas empresas

Leia mais

manual do cliente PaRa Funcionamento da empresa

manual do cliente PaRa Funcionamento da empresa manual do cliente PARA FUNCIONAMENTO DA EMPRESA ORGANIZAÇÃO Organizar documentos é a mesma coisa que organizar a empresa. Um erro comum nas administrações é o de tratar o arquivo da empresa como um mero

Leia mais

Tabela de Temporalidade de Documentos de Pessoa Física

Tabela de Temporalidade de Documentos de Pessoa Física Tabela de Temporalidade de Documentos de Pessoa Física 1. VIDA FINANCEIRA 1.1 PAGAMENTOS DE TRIBUTOS 1.1.1 Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) e seu respectivo DARF 1.1.2 Imposto Predial e Territorial

Leia mais

FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO

FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO Curso: (curso/habilitação) Ciências Contábeis Disciplina: Cálculos Trabalhistas Carga Horária: (horas/semestre) 50 aulas Semestre Letivo / Turno: 4º Semestre Professores:

Leia mais

Escopo do Produto. Permite copiar e inativar eventos, além de vincular um evento ao evento padrão, obtendo as mesmas características do evento Mega;

Escopo do Produto. Permite copiar e inativar eventos, além de vincular um evento ao evento padrão, obtendo as mesmas características do evento Mega; Escopo do Produto Módulo do Mega Empresarial: RH Folha de Pagamento Última Atualização: 01/04/2016 Gerente de Produto: Pedro Oliveira Descrição do Módulo O módulo de Folha de Pagamento do Mega Empresarial

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE CONTRATAÇÃO DE PESSOAL 01/2013

PROCESSO SELETIVO DE CONTRATAÇÃO DE PESSOAL 01/2013 PROCESSO SELETIVO DE CONTRATAÇÃO DE PESSOAL 01/2013 O Instituto Brasileiro de Alternativa para Saúde e Meio Ambiente - IBRAAS, em atendimento à determinação da sua Diretora Executiva no pleno exercício

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FACULDADE DE MEDICINA DO TRIÂNGULO MINEIRO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FACULDADE DE MEDICINA DO TRIÂNGULO MINEIRO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FACULDADE DE MEDICINA DO TRIÂNGULO MINEIRO N 002 DE 26 DE MARÇO DE 1999, DO DIRETOR DA FMTM. Aprova as Normas Procedimentais - NP n s 50.04.007, 50.04.008, 50.04.009, 50.04.010,

Leia mais

INSTRUÇÃO OPERACIONAL CARTÃO CONVÊNIO ESTADO SÃO PAULO. Data de atualização 10/08/2016

INSTRUÇÃO OPERACIONAL CARTÃO CONVÊNIO ESTADO SÃO PAULO. Data de atualização 10/08/2016 INSTRUÇÃO OPERACIONAL CARTÃO CONVÊNIO ESTADO SÃO PAULO Data de atualização Público-alvo Atendidos: Servidores efetivos, efetivos que acumulam cargo em comissão, militares ativos da PMESP, celetistas do

Leia mais

Documentação do Candidato

Documentação do Candidato Documentação do Candidato Documentos de identificação do candidato: Apresentar um dos documentos abaixo para fins de identificação Carteira de Identidade fornecida pelos órgãos de segurança pública das

Leia mais

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL EMPREENDEDOR INDIVIDUAL 1 Oportunidade de regularização para os empreendedores individuais, desde a vendedora de cosméticos, da carrocinha de cachorro-quente ao pipoqueiro. 2 Receita Bruta de até R$ 36

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL CDC SERVIDOR PÚBLICO

ROTEIRO OPERACIONAL CDC SERVIDOR PÚBLICO ROTEIRO OPERACIONAL CDC SERVIDOR PÚBLICO GOVERNO DE MINAS GERAIS (SEPLAG) - MG Entidades: 3 Vigência: 30.04.2015 Produto: 136 Próxima atualização: 30.10.2015 Cód. Op / Gerente: Classificação da Informação:

Leia mais

Orientações por natureza das despesas: 2.1. Pagamento de pessoal e encargos:

Orientações por natureza das despesas: 2.1. Pagamento de pessoal e encargos: Cartilha de orientações para a aplicação e prestação de contas dos recursos relativos aos convênios da SMGL com entidades não governamentais, oriundos do FUNCRIANÇA. Esta cartilha traz orientações para

Leia mais

REQUISITOS PARA TEREM DIREITO AO RECURSO DO PASSE LIVRE ESTUDANTIL:

REQUISITOS PARA TEREM DIREITO AO RECURSO DO PASSE LIVRE ESTUDANTIL: REQUISITOS PARA TEREM DIREITO AO RECURSO DO PASSE LIVRE ESTUDANTIL: - Estar matriculado em instituição de ensino; - Morar no município e estudar em outro; - Ter renda per capita de até 1,5 salários mínimos

Leia mais

ANEXO I (Redação dada pela Portaria Normativa 22/2014/MEC)

ANEXO I (Redação dada pela Portaria Normativa 22/2014/MEC) ANEXO I (Redação dada pela Portaria Normativa DOCUMENTOS A SEREM APRESENTADOS NA CPSA (Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento) FACULDADE - IES 1. IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DO

Leia mais

O Microempreendedor Individual MEI é a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário.

O Microempreendedor Individual MEI é a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário. 1) O QUE É? O Microempreendedor Individual MEI é a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário. A Lei Complementar nº 128 de 19/12/2008 que criou condições especiais

Leia mais

Campus Porto Alegre PORTARIA Nº. 128, DE 17 DE JUNHO DE 2011.

Campus Porto Alegre PORTARIA Nº. 128, DE 17 DE JUNHO DE 2011. PORTARIA Nº. 128, DE 17 DE JUNHO DE 2011. O Diretor-Geral do IFRS -, no uso das atribuições legais que lhe são conferidas pela Portaria nº 08/2009, R E S O L V E: Art. 1º Regulamentar a concessão de auxílio

Leia mais

REGULAMENTO DA GERÊNCIA DE SERVIÇOS DO IMA/UFRJ

REGULAMENTO DA GERÊNCIA DE SERVIÇOS DO IMA/UFRJ REGULAMENTO DA GERÊNCIA DE SERVIÇOS DO IMA/UFRJ O presente regulamento visa estabelecer normas, procedimentos de funcionamento e atividades atribuídas à Gerência de Serviços, conforme estabelecido no Capítulo

Leia mais

PORTARIA Nº 092, DE 31 DE MARÇO DE 2016.

PORTARIA Nº 092, DE 31 DE MARÇO DE 2016. PORTARIA Nº 092, DE 31 DE MARÇO DE 2016. Dispõe sobre a obrigatoriedade de recadastramento anual de aposentados e pensionistas que integram a folha de pagamento de pessoal do Instituto de Previdência Social

Leia mais

Treinamento CSC Operações de Pessoal

Treinamento CSC Operações de Pessoal Treinamento CSC Operações de Pessoal Índice I) Abertura do Treinamento II) III) IV) Estrutura CSC Catálogo de Serviços Detalhamento do Processo Abertura do Treinamento Introdução OBJETIVO Apresentar visão

Leia mais

Municípios, na contagem recíproca de tempo de contribuição para efeito de aposentadoria, e dá outras providências , de 6 de julho de 1999.

Municípios, na contagem recíproca de tempo de contribuição para efeito de aposentadoria, e dá outras providências , de 6 de julho de 1999. Municípios, na contagem recíproca de tempo de contribuição para efeito de aposentadoria, e dá outras providências. - Decreto nº 3.217, de 22 de Outubro de 1999 - Altera dispositivos do Decreto n o 3.112,

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS POLÍTICA DE TREINAMENTO

MANUAL DE PROCEDIMENTOS POLÍTICA DE TREINAMENTO 1. INTRODUÇÃO A Política de Treinamento tem por objetivo estabelecer critérios para o tratamento das solicitações de Capacitação, Desenvolvimento, Cursos Intensivos, Seminários, Palestras, Congressos,

Leia mais

EDITAL IFCE N 07/2016 CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DO TRABALHADOR CAMPUS CAMOCIM

EDITAL IFCE N 07/2016 CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DO TRABALHADOR CAMPUS CAMOCIM EDITAL IFCE N 07/2016 CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DO TRABALHADOR CAMPUS CAMOCIM A Direção do INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ Campus Camocim, no uso de suas atribuições

Leia mais

1. CRONOGRAMA PARA RENOVAÇÃO NO PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA AO ESTUDANTE (PAES) EDITAL 02/2014 CEARÁ e BAHIA - AGOSTO/2016

1. CRONOGRAMA PARA RENOVAÇÃO NO PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA AO ESTUDANTE (PAES) EDITAL 02/2014 CEARÁ e BAHIA - AGOSTO/2016 1. CRONOGRAMA PARA RENOVAÇÃO NO PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA AO ESTUDANTE (PAES) EDITAL 02/2014 CEARÁ e BAHIA - AGOSTO/2016 1.1 RENOVAÇÃO DE ESTUDANTES NACIONAIS E INTERNACIONAIS DE REDENÇÃO E ACARAPE CONVOCADOS

Leia mais

ANO º SEMESTRE

ANO º SEMESTRE EDITAL Nº: 157/2016, de 20/12/2016 PROCESSO SELETIVO E MATRÍCULA DOS ESTUDANTES APROVADOS NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO PELO SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA - SiSU ANO 2017 1º SEMESTRE ANEXO II DOCUMENTOS EXIGIDOS

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho CURSOS IT. 41 07 1 / 5 1. OBJETIVO Estabelecer diretrizes para o cadastramento e recadastramento de Instituições de Ensino e Cursos, de nível Médio, Tecnológico, Superior e de Pós-graduação e realização

Leia mais

CALENDÁRIO DE MATRÍCULAS DO CAMPUS MANAUS CENTRO 2º SEMESTRE 2015

CALENDÁRIO DE MATRÍCULAS DO CAMPUS MANAUS CENTRO 2º SEMESTRE 2015 CALENDÁRIO DE MATRÍCULAS DO CAMPUS MANAUS CENTRO 2º SEMESTRE 2015 EDITAL/CURSO/FORMA/MODALIDADE DATA HORÁRIO LOCAL EDITAL 05/2015 CURSO TÉCNICO SUBSEQUENTE 20,21 e 22 de JULHO (1ª Chamada) 8h às 17h SALA

Leia mais

Cadastro Seguro Fiança Pessoa Física Residencial

Cadastro Seguro Fiança Pessoa Física Residencial Cadastro Seguro Fiança Pessoa Física Residencial 1. Informações para cadastro pessoa física Corretora: CSI Corretora de Seguros Imobiliária: Freitas Godoi 2.Informações pessoais Sobre o Pretendente: Nome

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA COMPRAS E SOLICITAÇÕES DE SERVIÇO NO CCHSA/UFPB

ORIENTAÇÕES PARA COMPRAS E SOLICITAÇÕES DE SERVIÇO NO CCHSA/UFPB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA COLÉGIO AGRÍCOLA VIDAL DE NEGREIROS ORIENTAÇÕES PARA COMPRAS E SOLICITAÇÕES DE SERVIÇO NO CCHSA/UFPB As compras de bens materiais, animais, serviços

Leia mais

1 DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO E DOS MEMBROS DE SEU GRUPO FAMILIAR

1 DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO E DOS MEMBROS DE SEU GRUPO FAMILIAR DOCUMENTOS NECESSÁRIOS À COMPROVAÇÃO DA RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA Procedimento de Avaliação Sócioeconômica - Cotas EP1 e EP1A Concurso Vestibular EAD/UAB/UFSM 2014. Observações: a) Os documentos

Leia mais

Edital. Processo Seletivo FACULDADE CEPEP

Edital. Processo Seletivo FACULDADE CEPEP Edital Processo Seletivo 2017.1 FACULDADE CEPEP Janeiro/2017 1. ABERTURA EDITAL PROCESSO SELETIVO 2017.1 EDITAL N 01/2017 O Diretor Acadêmico da Faculdade CEPEP, no uso de suas atribuições e com base no

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSORES SUBSTITUTOS E/OU TEMPORÁRIOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSORES SUBSTITUTOS E/OU TEMPORÁRIOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSORES SUBSTITUTOS E/OU TEMPORÁRIOS CAMPUS MATÃO 2016 1 OBJETIVOS 2 DEFINIÇÃO 3 CONTRATAÇÃO 4 DIREITOS E BENEFÍCIOS 5 RESCISÃO DO CONTRATO 6 LEGISLAÇAO

Leia mais

Sistema de Gestão do Processo de Certificação ABNT (CERTO) Guia do Auditor

Sistema de Gestão do Processo de Certificação ABNT (CERTO) Guia do Auditor Pag. Nº 1/23 SUMÁRIO 1 Comentários Gerais 2 Login 3 Segurança do Sistema 4 Área Principal 5 Ferramentas de comunicação 6 Solicitação de serviço: identificação da auditoria 7 Solicitação de serviço: documentos

Leia mais

2.2 Além da comprovação da situação de moradia do grupo familiar, os (as) discentes que não residem com o grupo familiar devem apresentar.

2.2 Além da comprovação da situação de moradia do grupo familiar, os (as) discentes que não residem com o grupo familiar devem apresentar. ANEXO II RELAÇÃO DE DOCUMENTOS OBRIGATÓRIOS 1. DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO (A) DISCENTE E DOS MEMBROS DO GRUPO FAMILIAR 1.1. Documento de identidade RG (para maiores de 18 anos). 1.2. Cadastro de Pessoa

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS POLÍTICA DE ADMISSÃO, ALTERAÇÕES CADASTRAIS E DESLIGAMENTO DE FUNCIONÁRIOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS POLÍTICA DE ADMISSÃO, ALTERAÇÕES CADASTRAIS E DESLIGAMENTO DE FUNCIONÁRIOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS Data Elaboração: 15/06/2016 Código: PTI-02 Elaborado por: Julio Cezar Nicolosi Gerente TI Área Responsável: Tecnologia da Informação Revisado por: Gabriele G. Heilig Coord. de Auditoria

Leia mais

Neste bip. Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego. Você Sabia? Edição 68 Abril de 2016

Neste bip. Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego. Você Sabia? Edição 68 Abril de 2016 Neste bip Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego... 1 Geração dos recibos de vale transporte... 2 Horário de Trabalho... 3 Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego O validador do arquivo

Leia mais

CONTRATAÇÃO RECRUTAMENTO E SELEÇÃO Políticas

CONTRATAÇÃO RECRUTAMENTO E SELEÇÃO Políticas Esta política estabelece diretrizes que serão aplicadas no Morena Rosa Group, cabendo a todas as áreas envolvidas no processo e citadas neste documento a responsabilidade pelo seu cumprimento. CONTRATAÇÃO

Leia mais

6. PROCESSO PARA EXPEDIÇÃO DE DIPLOMA

6. PROCESSO PARA EXPEDIÇÃO DE DIPLOMA 6. PROCESSO PARA EXPEDIÇÃO DE DIPLOMA Após finalizado o curso, o aluno deve solicitar seu diploma à secretaria do Programa, que providenciará a abertura de um processo de solicitação de expedição de diploma,

Leia mais

Norma de Procedimento

Norma de Procedimento PREFEITURA DE VITÓRIA Secretaria de Administração Código Assessoria de Planejamento Organizacional Norma de Procedimento 05.38 Assunto PROCEDIMENTO PARA CONCESSÃO DE VALE-TRANSPORTE 1. Finalidade Estabelecer

Leia mais

DIFISC PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO (PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO) 01/2015

DIFISC PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO (PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO) 01/2015 DIFISC PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO (PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO) 01/2015 PROCEDIMENTOS PARA FISCALIZAÇÃO DE CONTRATOS COM DEDICAÇÃO EXCLUSIVA DE MÃO DE OBRA PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO 01/2015 PROCEDIMENTOS

Leia mais

EDITAL Nº 04/2015 MATRÍCULA 2015 CURSOS TÉCNICOS DE NÍVEL MÉDIO EM AGROPECUÁRIA, ZOOTECNIA E ALIMENTOS

EDITAL Nº 04/2015 MATRÍCULA 2015 CURSOS TÉCNICOS DE NÍVEL MÉDIO EM AGROPECUÁRIA, ZOOTECNIA E ALIMENTOS 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO DEPARTAMENTO DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL

Leia mais

IT-IB-012 Instrução para Inscrição de Exames

IT-IB-012 Instrução para Inscrição de Exames IT-IB-012 Instrução para Inscrição de Exames Para os profissionais de acesso por corda. Rev. 00 SUMÁRIO 1. OBJETIVO.... 3 2. CAMPO DE APLICAÇÃO... 3 3. RESPONSABILIDADES... 3 4. REVISÃO... 3 5. DOCUMENTO

Leia mais

1. OBJETIVO Prestar atendimento ao cidadão, de maneira rápida, eficiente e eficaz, de acordo com os requisitos especificados pelo cliente.

1. OBJETIVO Prestar atendimento ao cidadão, de maneira rápida, eficiente e eficaz, de acordo com os requisitos especificados pelo cliente. Sistema de Gestão da Qualidade SUPERINTENDÊNCIA DE VAPT VUPT E ATENDIMENTO AO PÚBLICO INSTRUÇÃO DE TRABALHO DE ATENDIMENTO AO CIDADÃO - PREVIDÊNCIA SOCIAL DE ÁGUAS LINDAS Responsável: Elisabeth Santos

Leia mais