ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL. DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL. DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE"

Transcrição

1 ÍNDICE INTRODUÇÃO DISPOSIÇÕES GERAIS Conceito de empregador Conceito de empregado Direitos do empregado ASSÉDIO MORAL E SEXUAL NO TRABALHO Assédio moral no trabalho Assédio sexual no trabalho EXAMES MÉDICOS Exame médico admissional Exame médico periódico Exame médico de retorno ao trabalho Exame médico de mudança de função Exame médico demissional SALÁRIO Formas de salário Salário mínimo federal Salário mínimo regional Salário mínimo sindical Definido pelo empregador Proporção salarial Reajuste salarial Remuneração salarial Equiparação salarial Descontos salariais Adiantamento salarial Redução salarial Prazo de pagamento salarial Recibo de pagamento Conta salário Tipos de salário Salário contratual Salário de contribuição Salário de benefício Salário complessivo Salário in natura Salário base Salário bruto Salário fixo Salário variável Salário normativo Salário maternidade CARTEIRA DE TRABALHO E PREVIDÊNCIA SOCIAL (CTPS) LIVRO REGISTRO DE EMPREGADO LIVRO DE INSPEÇÃO DO TRABALHO

2 CONTROLE DA JORNADA DE TRABALHO Conforme legislação específica do REP Conforme acordo ou convenção coletiva de trabalho Estrutura geral de controle da jornada de trabalho Banco de horas Escala de revezamento Quadro de horário CONTRATO DE TRABALHO Por prazo determinado Por prazo indeterminado Suspensão e interrupção do contrato Alteração do contrato de trabalho Recontratação de empregado Transferência do empregado JORNADA DE TRABALHO Prorrogação da jornada de trabalho Compensação da jornada de trabalho Variações de horário Deslocamento até o trabalho Regime de tempo parcial Turnos ininterruptos de revezamento Regime de prontidão PERÍODOS DE DESCANSO Intervalo intrajornada Intervalo entrejornada Serviços permanentes de mecanografia Descanso semanal remunerado FÉRIAS Férias individuais Organograma das férias Férias coletivas Férias sob regime de tempo parcial Abono pecuniário de férias Acréscimo de 1/3 de férias Férias em dobro º SALÁRIO º Parcela º Parcela Adiantamento nas férias Abono anual AVISO-PRÉVIO Aviso-prévio trabalhado Aviso-prévio indenizado RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO Termo de rescisão de contrato de trabalho Quantidade de vias a partir de 01/02/ Prazo de pagamento

3 Assistência na rescisão de contrato de trabalho Tipos de rescisão de contrato de trabalho RESCISÃO POR JUSTA CAUSA PLANO DE SAÚDE E RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO Empregado demitido sem justa causa Empregado aposentado com contrato rescindido BENEFÍCIOS SOCIAIS Vale-transporte Seguro-desemprego Abono do PIS Alimentação Benefícios da adesão no PAT Modalidades de execução do PAT Reembolso-creche Regulamentação da concessão do benefício Vale-cultura Formas de uso do vale-cultura Faixas de desconto do vale-cultura Organograma do vale-cultura BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS Salário-maternidade Salário-família Auxílio-doença Auxílio-acidente Aposentadoria especial Aposentadoria por idade Aposentadoria por tempo de contribuição Aposentadoria por invalidez Pensão por morte Auxílio-reclusão ADICIONAIS TRABALHISTAS Insalubridade Periculosidade Adicional noturno Hora noturna reduzida Hora extraordinária Gratificação de função Adicional de transferência Diária para viagens Gorjetas Participação nos lucros e resultados (PLR) Adicional por tempo de serviço Comissões ENCARGOS TRABALHISTAS Contribuição sindical urbana Contribuição sindical patronal Contribuição sindical dos empregados

4 Contribuição confederativa sindical Contribuição assistencial sindical Contribuição associativa sindical Estrutura da organização sindical Contribuição sindical rural Contribuição sindical rural patronal Contribuição sindical rural de trabalhadores rurais Estrutura da organização sindical rural Contribuição para seguridade social (INSS) GPS com valor inferior a R$ 10, Alteração não contemplada no aplicativo SEFIP Alteração não revogou o limite inferior de R$ 29, Limite de recolhimento mínimo entre GPS e DARF Desoneração da folha de pagamento Códigos de recolhimento do DARF Desoneração não contemplada pelo SEFIP Desoneração passa a ser definitiva Empresas beneficiadas pela desoneração Fundo de garantia por tempo de serviço (FGTS) Recolhimento mensal Recolhimento rescisório Saque do FGTS Imposto de renda retido na fonte (IRRF) AFASTAMENTO DO TRABALHO Faltas Faltas injustificadas Faltas justificadas Faltas abonadas Atestado médico e odontológico Desconto do DSR/RSR Advertência disciplinar Suspensão disciplinar Atraso na jornada de trabalho Feriados civis ou religiosos Pontos facultativos Datas móveis Licença remunerada e não remunerada Afastamento militar Afastamento por doença/acidente relacionado ao trabalho. 403 Afastamento por doença/acidente sem relação ao trabalho. 406 Afastamento por maternidade Organograma da licença-maternidade Afastamento para amamentação Maternidade de 180 dias Paternidade de 20 dias INDENIZAÇÕES TRABALHISTAS Definição

5 Indenização do artigo 479 da CLT Indenização do artigo 480 da CLT Indenização da data-base Indenização do aviso-prévio Indenização da multa do FGTS Indenização da multa rescisória Indenização da ajuda de custo Indenização das férias FISCALIZAÇÃO DO TRABALHO Definição Agente de inspeção Notificação Recurso Depósito Inscrição Cobrança Dispensa de obrigações trabalhistas OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS ESPECÍFICAS CAGED Relação de empregados sindical Relação anual de informações sociais (RAIS) PCMSO Programa de prevenção de risco ambiental (PPRA) Equipamento de proteção individual (EPI) SESMT Vagas destinadas a portadores de deficiência Folha de pagamento mensal Cópia da guia da previdência social (GPS) SEFIP Certificação eletrônica Certificação eletrônica ICP-Brasil Conectividade social Conectividade social ICP-Brasil Fator acidentário de prevenção (FAP) Contratação de menor aprendiz Cadastro no PIS Comissão interna de prevenção de acidentes (CIPA) Perfil profissiográfico previdenciário (PPP) Declaração do imposto sobre a renda retido na fonte (DIRF) Comprovante de rendimentos pagos e do IRRF Comunicado de acidente do trabalho (CAT) Tipos de CAT Falecimento do empregado relacionado ao trabalho GABARITO

ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL. DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE www.departamentopessoalonline.com - 3 -

ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL. DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE www.departamentopessoalonline.com - 3 - ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL INTRODUÇÃO... 008 DISPOSIÇÕES GERAIS... 009 Conceito de empregador... 009 Conceito de empregado... 009 Direitos do empregado... 010 ASSÉDIO MORAL E SEXUAL NO TRABALHO...

Leia mais

Sumário. Introdução, 1

Sumário. Introdução, 1 S Sumário Introdução, 1 1 Folha de Pagamento, 7 1 Salário, 8 1.1 Salário-hora para 40 horas semanais: divisor 200 (duzentos), 9 1.2 Depósito de salários em conta bancária, 9 2 Horas extras, 10 2.1 Integração

Leia mais

INSS/FGTS/IRRF -Tabela de Incidências

INSS/FGTS/IRRF -Tabela de Incidências INSS/FGTS/IRRF -Tabela de Incidências RUBRICAS de qualquer natureza, salvo o de férias INCIDÊNCIAS INSS FGTS IR 28, I, e 1º, art. 457 da CLT Não. Abono pecuniário de férias Não. Arts. 28, 9º, e, 6 Art.

Leia mais

Tabela de incidência de INSS, FGTS e Imposto de Renda e legislação correlata

Tabela de incidência de INSS, FGTS e Imposto de Renda e legislação correlata Tabela de incidência de INSS, FGTS e Imposto de Renda e legislação correlata RUBRICAS INCIDÊNCIAS INSS FGTS IR Abono de qualquer natureza, salvo o de férias Incide Art. 28, I, Lei nº e 1º, art. 457 da

Leia mais

Escopo do Produto. Permite copiar e inativar eventos, além de vincular um evento ao evento padrão, obtendo as mesmas características do evento Mega;

Escopo do Produto. Permite copiar e inativar eventos, além de vincular um evento ao evento padrão, obtendo as mesmas características do evento Mega; Escopo do Produto Módulo do Mega Empresarial: RH Folha de Pagamento Última Atualização: 01/04/2016 Gerente de Produto: Pedro Oliveira Descrição do Módulo O módulo de Folha de Pagamento do Mega Empresarial

Leia mais

INSS/FGTS/IRRF Tabela de incidências

INSS/FGTS/IRRF Tabela de incidências INSS/FGTS/IRRF Tabela de incidências Tabela de incidências Fonte: ECONET EDITORA RUBRICAS INCIDÊNCIAS INSS FGTS IR 28, I, Lei n de qualquer natureza, salvo o de Sim. Arts. 3 e 7 e 1, art. férias 457 da

Leia mais

EQUIPE DE PROFESSORES DE TRABALHO DO DAMÁSIO CURSO DE 2ª FASE DA OAB EXAME PLANO DE ESTUDO - DIREITO DO TRABALHO

EQUIPE DE PROFESSORES DE TRABALHO DO DAMÁSIO CURSO DE 2ª FASE DA OAB EXAME PLANO DE ESTUDO - DIREITO DO TRABALHO EQUIPE DE PROFESSORES DE TRABALHO DO DAMÁSIO CURSO DE 2ª FASE DA OAB EXAME 2011.2 PLANO DE ESTUDO - DIREITO DO TRABALHO 1ª SEMANA Princípios 1. Princípios norteadores do Direito do Trabalho: 1.1 Princípio

Leia mais

1 Acordo, 1 Acordo de prorrogação da jornada de trabalho: hora extra, 2

1 Acordo, 1 Acordo de prorrogação da jornada de trabalho: hora extra, 2 SUMÁRIO Prefácio, xi 1 Acordo, 1 Acordo de prorrogação da jornada de trabalho: hora extra, 2 2 Acordo coletivo, 3 Acordo coletivo de trabalho, 4 Acordo de compensação de dias úteis intercalados durante

Leia mais

Tabela 3 - Natureza de Rubricas no esocial

Tabela 3 - Natureza de Rubricas no esocial T a b e l a 3 N a t u r e z a d e R u b r i c a s e S o c i a l M O S 2. 1 P á g i n a 1 Tabela 3 - Natureza de Rubricas no esocial A tabela foi otimizada para aplicação prática: 1) Imprima a tabela 2)

Leia mais

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A JANEIRO / 2017 D S T Q Q S S 01 02 03 04 05 06 06 07 08 09 10 10 11 12 13 13 14 15 15 16 16 17 18 19 20 20 21 22 23 24 25 25 26 27 28 29 30 31

Leia mais

Coleção Sinopses para Concursos Guia de leitura da Coleção... 17

Coleção Sinopses para Concursos Guia de leitura da Coleção... 17 Coleção Sinopses para Concursos... 15 Guia de leitura da Coleção... 17 Capítulo 1 FONTES DO DIREITO DO TRABALHO... 19 1. Conceito... 19 2. Classificação... 19 2.1. Fontes materiais... 19 2.2. Fontes formais...

Leia mais

ANALISTA DE DEPARTAMENTO PESSOAL E ROTINAS. TRABALHISTAS Conhecimentos e Práticas que Mitigam Riscos

ANALISTA DE DEPARTAMENTO PESSOAL E ROTINAS. TRABALHISTAS Conhecimentos e Práticas que Mitigam Riscos ANALISTA DE DEPARTAMENTO PESSOAL E ROTINAS TRABALHISTAS Conhecimentos e Práticas que Mitigam Riscos Objetivos do Workshop 1 Conhecer e Atualizar os Conhecimentos acerca da Legislação Trabalhista Vigente

Leia mais

Aviso Prévio indenizado OBS: o posicionamento do STJ não há a incidência de INSS sobre o aviso prévio indenizado, devendo o verificado o posicionament

Aviso Prévio indenizado OBS: o posicionamento do STJ não há a incidência de INSS sobre o aviso prévio indenizado, devendo o verificado o posicionament de qualquer natureza, salvo o de férias Sim. Art. 28, I, Lei nº e 1º, art. 457 da CLT Abono Adicionais (Insalubridade, periculosidade, noturno, de função e tempo de serviço, de transferência, Horas extras)

Leia mais

S UMÁRIO. Capítulo 1 Direito do Trabalho... 1

S UMÁRIO. Capítulo 1 Direito do Trabalho... 1 S UMÁRIO Capítulo 1 Direito do Trabalho... 1 1. Trabalho...1 1.1. Origem da palavra...1 1.2. Definição... 1 1.3. Conceito... 2 1.4. Característica...2 1.5. Divisão... 2 1.6. Fundamento...3 1.7. Breve histórico

Leia mais

1) O que caracteriza a utilidade com natureza salarial e a utilidade com natureza indenizatória?

1) O que caracteriza a utilidade com natureza salarial e a utilidade com natureza indenizatória? CADERNO DE EXERCÍCIOS 1) O que caracteriza a utilidade com natureza salarial e a utilidade com natureza indenizatória? 2) Vale transporte pago em dinheiro, vale refeição pago em dinheiro, concessão de

Leia mais

Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF INCIDÊNCIAS INSS FGTS IR

Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF INCIDÊNCIAS INSS FGTS IR Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF INCIDÊNCIAS Abono Adicionais RUBRICAS de qualquer natureza, salvo o de férias pecuniário de férias (Insalubridade, periculosidade, noturno, de função e tempo de serviço,

Leia mais

FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO

FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO Curso: (curso/habilitação) Ciências Contábeis Disciplina: Cálculos Trabalhistas Carga Horária: (horas/semestre) 50 aulas Semestre Letivo / Turno: 4º Semestre Professores:

Leia mais

Caderno de Exercícios - Departamento Pessoal - Aluno

Caderno de Exercícios - Departamento Pessoal - Aluno 1. O empregado na função de pizzaiolo foi contratado a tempo parcial com jornada de trabalho de 24 horas semanais. Os empregados na mesma função, com jornada normal de 220 horas, ganhavam o piso salarial

Leia mais

Tabela de incidências Tributárias

Tabela de incidências Tributárias Tabela de incidências Tributárias Abaixo, apresentamos uma Tabela Prática para facilitar a verificação da incidência ou não do INSS, FGTS e IR/Fonte sobre os rendimentos mais comumente pagos. Rendimentos

Leia mais

É MELHOR PREVENIR DO QUE INDENIZAR COMO REDUZIR RISCOS DE AÇÕES TRABALHISTAS ATRAVÉS DE AÇÕES PREVENTIVAS

É MELHOR PREVENIR DO QUE INDENIZAR COMO REDUZIR RISCOS DE AÇÕES TRABALHISTAS ATRAVÉS DE AÇÕES PREVENTIVAS É MELHOR PREVENIR DO QUE INDENIZAR COMO REDUZIR RISCOS DE AÇÕES TRABALHISTAS ATRAVÉS DE AÇÕES PREVENTIVAS PRÉ-CONTRATAÇÃO: CONSEQUENCIA DA CONTRATAÇÃO: VÍNCULO EMPREGATÍCIO oneroso, habitual, subord, depend.

Leia mais

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A FEVEREIRO / 2017 DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE D S T Q Q S S

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A FEVEREIRO / 2017 DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE D S T Q Q S S AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A FEVEREIRO / 2017 D S T Q Q S S 01 02 03 04 05 07 07 08 09 10 10 11 12 13 14 15 15 16 17 18 19 20 20 21 22 23 24 24 25 26 27 27 28 28-1 - 02/2017

Leia mais

Tempo de Guarda para Documentos Fiscais, Contábeis e Trabalhistas

Tempo de Guarda para Documentos Fiscais, Contábeis e Trabalhistas Tempo de Guarda para Documentos Fiscais, Contábeis e Trabalhistas A presente tabela contém os principais documentos fiscais, contábeis e trabalhistas das empresas com o tempo que deve ser mantido em arquivo

Leia mais

PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS Nº do Processo: Nº da Licitação: Data / Hora: Discriminação do Seviços (dados referente à contratação)

PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS Nº do Processo: Nº da Licitação: Data / Hora: Discriminação do Seviços (dados referente à contratação) PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS Nº do Processo: Nº da Licitação: Data / Hora: 59800.000305/201291 3/2012 04/12/2012 10:00 horas Discriminação do Seviços (dados referente à contratação) A Data de

Leia mais

Aquisição. Férias dos Funcionários: O que Pode e não Pode. Este conteúdo faz parte da série: Folha de Pagamento Ver 10 posts dessa série

Aquisição. Férias dos Funcionários: O que Pode e não Pode. Este conteúdo faz parte da série: Folha de Pagamento Ver 10 posts dessa série Este conteúdo faz parte da série: Folha de Pagamento Ver 10 posts dessa série As férias dos funcionários é um dos temas mais corriqueiros do mundo do trabalho, mas também dos mais complexos. Tentaremos

Leia mais

Aprova modelos de Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho e implanta o Sistema Homolognet.

Aprova modelos de Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho e implanta o Sistema Homolognet. PORTARIA n.º 1.474, de 29 de JUNHO de 2010 Aprova modelos de Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho e implanta o Sistema Homolognet. O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO, no uso das atribuições

Leia mais

Curso de 13 Salário. Capacitação e Treinamento

Curso de 13 Salário. Capacitação e Treinamento Curso de 13 Salário Capacitação e Treinamento Conteúdo 1. DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO... 3 1.1. Contagem de Avos... 3 1.2. Primeira Parcela Pagamento até 30/11... 3 1.3. Empregados não disponíveis durantes

Leia mais

DOCUMENTOS PARA FAZER HOMOLOGAÇÃO

DOCUMENTOS PARA FAZER HOMOLOGAÇÃO DOCUMENTOS PARA FAZER HOMOLOGAÇÃO Conforme Instrução Normativa SRT/MTE nº 15 de 14/07/2010 1 APRESENTAR CARTA DE PREPOSTO SE FOR FUNIONÁRIO DO CARTÓRIO, COM CTPS, CRACHÁ OU FICHA DE FUNCIONÁRIO (TRAZER

Leia mais

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A FEVEREIRO / 2016 D S T Q Q S S 01 02 03 04 05 05 06 07 08 09 10 10 11 12 13 14 15 15 16 17 18 19 19 20 21 22 23 24 25 26 27 25 28 29 29-1 - AGENDA

Leia mais

Rescisão do Contrato de Trabalho

Rescisão do Contrato de Trabalho Rescisão do Contrato de Trabalho Ana Paula Ferreira Graduada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie/SP em 1984. Membro da Ordem dos Advogados do Brasil - OAB/SP 83.285. Consultora trabalhista e previdenciária

Leia mais

TERMO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO

TERMO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO TERMO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 01 CNPJ/CEI 02 Razão Social/Nome 04.543.651/0001-89 03 Endereço ( logradouro, nº, andar, apartamento ) 04 Bairro RUA FRANCISCO MUCCIOLO

Leia mais

TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO

TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) AVENIDA VIDA NOVA, 28 ALA B SALA 1008 05 Município 06 UF 07 CEP 08 CNAE TABOAO DA SERRA SP 06764-045 8020-0/00 IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A MARÇO / 2015 D S T Q Q S S 01 02 03 04 05 06 06 07 08 09 10 10 11 12 13 13 14 15 16 16 17 18 19 20 20 21 22 23 24 25 25 26 27 28 29 30 31 31-1

Leia mais

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A NOVEMBRO / 2016 D S T Q Q S S 01 02 03 04 05 06 07 07 08 09 10 10 11 12 13 14 14 15 16 16 17 18 18 19 20 21 22 23 24 25 25 26 27 28 29 30 30-1

Leia mais

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A MAIO / 2016 D S T Q Q S S 01 02 03 04 05 06 06 07 08 09 10 10 11 12 13 13 14 15 16 16 17 18 19 20 20 21 22 23 24 25 25 26 27 28 29 30 31 31-1

Leia mais

Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS. Cartilha esocial

Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS. Cartilha esocial Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS Cartilha esocial 2 O que é o esocial? ESOCIAL DOMÉSTICO / SIMPLES DOMÉSTICO O recolhimento obrigatório a partir da competência OUTUBRO/2015. Por intermédio

Leia mais

AGENDA DE OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS E PREVIDENCIÁRIAS DEZEMBRO DE 2011

AGENDA DE OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS E PREVIDENCIÁRIAS DEZEMBRO DE 2011 Page 1 of 6 AGENDA DE OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS E PREVIDENCIÁRIAS DEZEMBRO DE 2011 06/12/2011 SALÁRIOS 07/12/2011 Pagamento de salários - mês de NOVEMBRO/2011 Base legal: Art. 459, parágrafo único da CLT.

Leia mais

liberada por se tratar de um documento não aprovado pela PUC Goiás.

liberada por se tratar de um documento não aprovado pela PUC Goiás. PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD Plano de Ensino 2016/2 Atenção! Este Plano de Ensino é um Rascunho. Sua impressão não está liberada por se tratar de um documento

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS001260/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 17/07/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR034965/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.008742/2012-81 DATA DO

Leia mais

TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO

TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO TERMO DE RESCISÃO DO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR CNPJ/CEI 07.199.061/00-79 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) Rua Cláudio Brotherhood 540 - LJ 05 Município 06 UF 07 CEP Recife

Leia mais

REMUNERAÇÃO E ADICIONAIS LEGAIS

REMUNERAÇÃO E ADICIONAIS LEGAIS REMUNERAÇÃO E ADICIONAIS LEGAIS 1 Conceito Salário complessivo corresponde aos pagamentos efetuados diretamente pelo empregador em favor do empregado, em virtude da vigência do contrato de trabalho, bem

Leia mais

Compreender e aplicar os cálculos trabalhistas necessários à elaboração da folha de pagamento.

Compreender e aplicar os cálculos trabalhistas necessários à elaboração da folha de pagamento. ROTINAS DE ADM. DE PESSOAL - GST1141 Título Cálculos trabalhistas - execícios propostos Objetivo Ao final da realização das atividade o aluno será capaz de: Compreender e aplicar os cálculos trabalhistas

Leia mais

Cálculos Trabalhistas Férias, 13º, Remuneração e Salários. 3ª edição

Cálculos Trabalhistas Férias, 13º, Remuneração e Salários. 3ª edição Cálculos Trabalhistas Férias, 13º, Remuneração e Salários 3ª edição ANA PAULA FERREIRA Advogada especializada em Direito do Trabalho e Previdência. MARIZA ABREU OLIVEIRA MACHADO Advogada especializada

Leia mais

Sumário. Direito_Trabalho_Simplificado_Cad_00.indd 13 24/06/ :03:33

Sumário. Direito_Trabalho_Simplificado_Cad_00.indd 13 24/06/ :03:33 Sumário Capítulo 1 História e Evolução do Direito do Trabalho... 1 1.1. Sumário da Evolução Histórica do Direito do Trabalho no Mundo... 1 1.2. Sumário da Evolução Histórica do Direito do Trabalho no Brasil...

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 SINDTRAN-SIND TRAB TRANSP RODOV PASSAG URB E INT CARGAS SECAS E MOLH. E TRANSP. GERAL BAURU PRES. ALVES E AGUDOS, CNPJ n. 51.510.642/0001-71, neste ato representado(a)

Leia mais

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A DEZEMBRO / 2016 D S T Q Q S S 01 02 03 04 05 06 06 07 07 08 09 09 10 11 12 13 14 15 15 16 17 18 19 20 20 21 22 23 23 24 25 26 27 28 29 30 30 31-1

Leia mais

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A DEZEMBRO / 2015 D S T Q Q S S 01 02 03 04 05 05 06 07 07 08 08 09 10 10 11 12 13 14 15 15 16 17 18 18 19 20 20 21 22 23 24 24 25 26 27 28 29 30

Leia mais

PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº DE D.O.U.:

PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº DE D.O.U.: PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012 Altera a Portaria nº 1.621, de 14 de julho de 2010, que aprovou os modelos de Termos de Rescisão do Contrato

Leia mais

Construção pesada gargalos trabalhistas: sugestões de mudança. José Pastore SINICESP

Construção pesada gargalos trabalhistas: sugestões de mudança. José Pastore SINICESP Construção pesada gargalos trabalhistas: sugestões de mudança José Pastore SINICESP 29-03-2011 Principais gargalos Custo do trabalho: a desoneração da folha Custo da insegurança jurídica: a disciplina

Leia mais

CONTABILIZAÇÃO DE FOLHA DE PAGAMENTO

CONTABILIZAÇÃO DE FOLHA DE PAGAMENTO CONTABILIZAÇÃO DE FOLHA DE PAGAMENTO DEFINIÇÃO DE FOLHA DE PAGAMENTO A Folha de Pagamento representa as obrigações do empregador com seus empregados, como salários, gratificações, comissões, etc., assim

Leia mais

Legislação Social Profª Mestre Ideli Raimundo Di Tizio p REMUNERAÇÃO

Legislação Social Profª Mestre Ideli Raimundo Di Tizio p REMUNERAÇÃO 15 Legislação Social Profª Mestre Ideli Raimundo Di Tizio p REMUNERAÇÃO Definição É o conjunto de retribuições recebidas habitualmente pelo empregado pela prestação de serviços, seja em dinheiro ou utilidades,

Leia mais

ANEXO III PLANILHAS MODELO PARA APRESENTAÇÃO DAS PROPOSTAS

ANEXO III PLANILHAS MODELO PARA APRESENTAÇÃO DAS PROPOSTAS 1 ANEXO III PLANILHAS MODELO PARA APRESENTAÇÃO DAS PROPOSTAS Planilha de Proposta de Preço nº Processo: Licitação nº Dia / / às : horas Data da apresentação da proposta Município/UF Ano Acordo, Convenção

Leia mais

Sumário APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO SINOPSES PARA CARREIRAS FISCAIS... 17

Sumário APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO SINOPSES PARA CARREIRAS FISCAIS... 17 Sumário APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO SINOPSES PARA CARREIRAS FISCAIS... 17 EDITAL SISTEMATIZADO CARREIRAS FISCAIS... 19 1. Receita Federal do Brasil... 19 2. Ministério do Trabalho e Emprego... 21 CAPÍTULO

Leia mais

TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº

TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº ÍNDICE DO MANUAL DE ROTINAS TRABALHISTAS TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº INTRODUÇÃO 6 SIGLAS UTILIZADAS 7 ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL E GERÊNCIA DE REC HUMANOS 8 ABANDONO DE EMPREGO 19 ACIDENTE NO

Leia mais

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES ABRIL DE 2010

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES ABRIL DE 2010 CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES ABRIL DE 2010 DIA OBRIGAÇÃO FATO GERADOR Cadastro Geral de Empregados e Desempregado - CAGED (1ª via) Enviar ao Ministério do Trabalho a relação de admissões e desligamentos ocorridos

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO PARANA PLANILHA DE CUSTOS

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO PARANA PLANILHA DE CUSTOS EMPRESA: PROCESSO LICITATÓRIO: OBJETO DA LICITAÇÃO: Data apresentacao proposta Regime Tributário da Empresa: (se lucro real, lucro presumido ou beneficiária do tratamento diferenciado às DISCRIMINAÇÃO

Leia mais

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL EMPREENDEDOR INDIVIDUAL 1 Oportunidade de regularização para os empreendedores individuais, desde a vendedora de cosméticos, da carrocinha de cachorro-quente ao pipoqueiro. 2 Receita Bruta de até R$ 36

Leia mais

Portaria MTE nº 1.621, de DOU 1 de

Portaria MTE nº 1.621, de DOU 1 de Portaria MTE nº 1.621, de 14.07.2010 - DOU 1 de 15.07.2010 Aprova modelos de Termos de Rescisão de Contrato de Trabalho e Termos de Homologação. O Ministro de Estado do Trabalho e Emprego, no uso das atribuições

Leia mais

Aula 12 Constituição Formal de Empresa

Aula 12 Constituição Formal de Empresa Considerações iniciais Todas as sociedades empresariais e entidades, independente do seu objeto social e porte econômico, estão sujeitas às regras estabelecidas pelo MTE, quando tiverem pessoas físicas

Leia mais

Agente Homologador Dirigente Sindical Assessor Técnico da Federação dos Trabalhadores do Estado do Ceará Técnico em Segurança do Trabalho

Agente Homologador Dirigente Sindical Assessor Técnico da Federação dos Trabalhadores do Estado do Ceará Técnico em Segurança do Trabalho Agente Homologador Dirigente Sindical Assessor Técnico da Federação dos Trabalhadores do Estado do Ceará Técnico em Segurança do Trabalho jfalcao@ftice.org.br O que o trabalhador espera do agente homologador

Leia mais

Tron Informática

Tron Informática 13º Salário Gratificação Natalina 1 Veja uma vídeo-aula sobre este assunto em: http://www.trontv.com.br/t/index.php/videos/gestao-contabil/fp/76-como-calcular calcular-o-13-salario.html A Gratificação

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL DIRETORIA DE ATENDIMENTO. Programa de Educação Previdenciária

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL DIRETORIA DE ATENDIMENTO. Programa de Educação Previdenciária Ministério da Previdência Social INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL DIRETORIA DE ATENDIMENTO Todos que se inscrevem na Previdência Social podem escolher como vão contribuir. Isso permite que o segurado

Leia mais

Jornada de trabalho LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA

Jornada de trabalho LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA Jornada de trabalho 1 A jornada de trabalho normal será o espaço de tempo durante o qual o empregado deverá prestar serviço ou permanecer à disposição do empregador, com habitualidade, executadas as horas

Leia mais

PROCEDIMENTO SOBRE ENTREGA MENSAL DA DOCUMENTAÇÃO TRABALHISTA E PROCESSO DE LIBERAÇÃO DE ACESSO

PROCEDIMENTO SOBRE ENTREGA MENSAL DA DOCUMENTAÇÃO TRABALHISTA E PROCESSO DE LIBERAÇÃO DE ACESSO PROCEDIMENTO SOBRE ENTREGA MENSAL DA DOCUMENTAÇÃO TRABALHISTA E PROCESSO DE LIBERAÇÃO DE ACESSO Aos prestadores de serviço da VOITH PAPER MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS LTDA. Este procedimento tem por objetivo

Leia mais

Rio de Janeiro, 20 de janeiro de Á

Rio de Janeiro, 20 de janeiro de Á Rio de Janeiro, 20 de janeiro de 2016. Á FEDERAÇÃO NACIONAL DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE TELECOMUNICAÇÕES ATT: Cenise Monteiro Comissão Nacional de Negociação da Fenattel Ref: Formalização da Proposta

Leia mais

PORTARIA MTE Nº 1621/2010

PORTARIA MTE Nº 1621/2010 Page 1 of 6 PORTARIA MTE Nº 1621, DE 14.07.2010 (DOU DE 15.07.2010) Aprova modelos de Termos de Rescisão de Contrato de Trabalho e Termos de Homologação. O Ministro de Estado do Trabalho e Emprego, no

Leia mais

RENATA TIVERON NOÇÕES DE DIREITO DO TRABALHO. 1ª Edição JUN 2013

RENATA TIVERON NOÇÕES DE DIREITO DO TRABALHO. 1ª Edição JUN 2013 RENATA TIVERON NOÇÕES DE DIREITO DO TRABALHO 174 QUESTÕES DE PROVAS DE CONCURSOS GABARITADAS Seleção das Questões: Prof.ª Renata Tiveron Coordenação e Organização: Mariane dos Reis 1ª Edição JUN 2013 TODOS

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016. Confira a autenticidade no endereço

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016. Confira a autenticidade no endereço ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR001404/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 20/04/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR019141/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.005615/2015-22 DATA DO

Leia mais

Estudos sobre valores limite para a. contratação de serviços de vigilância e. limpeza no âmbito da Administração Pública. Federal

Estudos sobre valores limite para a. contratação de serviços de vigilância e. limpeza no âmbito da Administração Pública. Federal Estudos sobre valores limite para a contratação de serviços de vigilância e limpeza no âmbito da Administração Pública Federal Caderno Técnico 35/2014 Serviços de Limpeza da Federação: DF Data de início

Leia mais

O presente texto refere-se as notas de aula do Curso Básico de Departamento Pessoal.

O presente texto refere-se as notas de aula do Curso Básico de Departamento Pessoal. O presente texto refere-se as notas de aula do Curso Básico de Departamento Pessoal. 1. TRABALHO Todos animais (inclusive nós seres humanos) temos instintos (instinto de maternidade, de sobrivivência etc.),

Leia mais

12/02/14. E-social Fev/2014. } E-social Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais Previdenciárias e Trabalhistas.

12/02/14. E-social Fev/2014. } E-social Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais Previdenciárias e Trabalhistas. E-social Fev/2014 } E-social Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais Previdenciárias e Trabalhistas. 1 } O E-social é um projeto do governo federal que vai coletar informações trabalhistas,

Leia mais

PRODUTO 6.3 RELATÓRIO FINAL DA IMPLANTAÇÃO DO SACC-RURAL

PRODUTO 6.3 RELATÓRIO FINAL DA IMPLANTAÇÃO DO SACC-RURAL Nome da Empresa: Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) OBJETIVO DA CONSULTORIA: DESENVOLVIMENTO DE PESQUISA, ESTUDOS, DIVULGAÇÃO E SISTEMA DE ACOMPANHAMENTO DAS NEGOCIAÇÕES

Leia mais

- Compreender a aplicação e interpretação das normas de Direito do Trabalho;

- Compreender a aplicação e interpretação das normas de Direito do Trabalho; 1. IDENTIFICAÇÃO PERÍODO: 4 CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 NOME DA DISCIPLINA: DIREITO DO TRABALHO I NOME DO CURSO: DIREITO 2. EMENTA CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 Introdução ao Direito do Trabalho.

Leia mais

Ensaio sobre a nova Lei dos Empregados Domésticos

Ensaio sobre a nova Lei dos Empregados Domésticos www.fagnersandes.com.br Preparando você para o sucesso! Ensaio sobre a nova Lei dos Empregados Domésticos Regulamentado pela Lei Complementar n. 150/15, empregado doméstico é aquele que presta serviços

Leia mais

Teorias. Tempo efetivamente trabalhado. Tempo à disposição do empregador (art. 4º CLT) Tempo in itinere (art. 58 CLT e Súm.

Teorias. Tempo efetivamente trabalhado. Tempo à disposição do empregador (art. 4º CLT) Tempo in itinere (art. 58 CLT e Súm. DURAÇÃO DO TRABALHO Teorias Tempo efetivamente trabalhado Tempo à disposição do empregador (art. 4º CLT) Tempo in itinere (art. 58 CLT e Súm. 90 TST) Geral Artigo 7º, XIII, CF/88 duração do trabalho normal

Leia mais

Ao final deste documento, veja em Informações Adicionais como executar o programa de atualização da base de dados.

Ao final deste documento, veja em Informações Adicionais como executar o programa de atualização da base de dados. esocial Produto : RM TOTVS Folha de Pagamento Biblioteca RM 11.82.39 Processo : esocial Adequação Cadastral Layout 2.0 esocial Subprocesso : N/A Data da publicação : 03/07/2015 Importante - Programa Executor

Leia mais

Parcela do Empregado (6% do salário base mensal)

Parcela do Empregado (6% do salário base mensal) POSTO 12 HORAS DIÁRIAS - DIURNO (de segunda-feira a domingo) Quantidade de vigilantes por posto: 02 MEMORIA DE CALCULOS - SALÁRIOS E ENCARGOS Salário base mensal 2.436,30 Adicional de Periculosidade 30%

Leia mais

,UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO P L A N O D E E N S I N O

,UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO P L A N O D E E N S I N O ,UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO P L A N O D E E N S I N O I IDENTIFICAÇÃO Curso: Bacharelado em Administração Disciplina: Legislação Social e Trabalhista Ano Letivo:

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC002549/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 15/10/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR066775/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46220.006576/2014-09 DATA

Leia mais

ATUALIZAÇÃO TRABALHISTA. Alexandre Corrêa

ATUALIZAÇÃO TRABALHISTA. Alexandre Corrêa ATUALIZAÇÃO TRABALHISTA Alexandre Corrêa ROTINAS TRABALHISTAS AVISO PRÉVIO PROPORCIONAL ADVERTÊNCIA E SUSPENSÃO CONTRATO DE EXPERIÊNCIA EXAMES OCUPACIONAIS AVISO PRÉVIO A Lei nº 12.506/2011 institui a

Leia mais

PLANILHA+ Planilha+ 1 CÁLCULO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO, SEGURO DESEMPREGO E HORAS EXTRAS

PLANILHA+ Planilha+ 1 CÁLCULO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO, SEGURO DESEMPREGO E HORAS EXTRAS 1 PLANILHA+ CÁLCULO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO, SEGURO DESEMPREGO E HORAS EXTRAS Planilha de fácil utilização. Pode ser utilizada até por pessoas com poucos conhecimentos em direitos trabalhistas.

Leia mais

Completo de Departamento de Pessoal com ênfase no esocial

Completo de Departamento de Pessoal com ênfase no esocial CURSOS DE ATUALIZAÇÃO PROFISSIONAL Completo de Departamento de Pessoal com ênfase no esocial Objetivo: Nosso intuito é facilitar as práticas do departamento de pessoal do dia-a-dia, possibilitando o aprimoramento

Leia mais

Curso Êxito e Prof. Bruno Creado

Curso Êxito e Prof. Bruno Creado Curso Êxito e Prof. Bruno Creado Questões Comentadas (Aula 3) Segue às questões da Vunesp do concurso de procurador municipal, devidamente comentada. Alteração do contrato 1. Complete a frase: A mudança

Leia mais

Planejamento Fiscal Previdenciário. Fábio Zambitte

Planejamento Fiscal Previdenciário. Fábio Zambitte Planejamento Fiscal Previdenciário Fábio Zambitte SAT SEGURO DE ACIDENTES DO TRABALHO CONCEITO: Contribuição social previdenciária incidente sobre o total das remunerações pagas, devidas ou creditadas

Leia mais

FECHAMENTO DE CONCESSIONÁRIAS

FECHAMENTO DE CONCESSIONÁRIAS ANEXO PRE 145.16 FECHAMENTO DE CONCESSIONÁRIAS ROTEIRO ILUSTRATIVO DE ASSUNTOS QUE MERECEM ATENÇÃO NA DESCONTINUIDADE DE NEGÓCIOS I ASPECTOS FISCAIS 1. Verificação de Passivos e Ativos Federais: 1.1. Secretaria

Leia mais

O que estudamos aula passada

O que estudamos aula passada O que estudamos aula passada Cessação, suspensão e interrupção dos contratos de trabalho Rescisão Contratual As formas de extinção do Contrato de Trabalho Pedido de demissão Dispensa sem justa causa Dispensa

Leia mais

DIREITO DO TRABALHO. Remuneração e salário. Prof. Hermes Cramacon

DIREITO DO TRABALHO. Remuneração e salário. Prof. Hermes Cramacon DIREITO DO TRABALHO Remuneração e salário Prof. Hermes Cramacon Remuneração Consiste na somatória da contraprestação paga diretamente pelo empregador, seja em pecúnia, seja em utilidades, com a quantia

Leia mais

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DO SINDICATO DOS MÉDICOS DE SANTO ANDRÉ E REGIÃO PARA AS NEGOCIAÇÕES COLETIVAS DO PERÍODO

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DO SINDICATO DOS MÉDICOS DE SANTO ANDRÉ E REGIÃO PARA AS NEGOCIAÇÕES COLETIVAS DO PERÍODO PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DO SINDICATO DOS MÉDICOS DE SANTO ANDRÉ E REGIÃO PARA AS NEGOCIAÇÕES COLETIVAS DO PERÍODO 2016-2017 SUSCITANTE: SINDICATO DOS MÉDICOS DE SANTO ANDRÉ E REGIÃO - SINDMED-GABC, entidade

Leia mais

PORTARIA MTE Nº 1.621, DE 14 DE JULHO DE 2010 (DOU ) Aprova modelos de Termos de Rescisão de Contrato de Trabalho e Termos de Homologação.

PORTARIA MTE Nº 1.621, DE 14 DE JULHO DE 2010 (DOU ) Aprova modelos de Termos de Rescisão de Contrato de Trabalho e Termos de Homologação. PORTARIA MTE Nº 1.621, DE 14 DE JULHO DE 2010 (DOU 15.07.2010) Aprova modelos de Termos de Rescisão de Contrato de Trabalho e Termos de Homologação. O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO, no uso das

Leia mais

TABELA DE INCIDÊNCIA TRIBUTÁRIA

TABELA DE INCIDÊNCIA TRIBUTÁRIA DE 01/08//97 A 10/12/97 DE 11/12/97 A 21/05/98 A PARTIR DE 22/05/98 ATÉ 31/07/97 VIGÊNCIA DA MP 1.523-7/97 VIGÊNCIA DA LEI Nº 9.528/97 VIGÊNCIA DA MP 1.586-9/98 TABELA DE INCIDÊNCIA TRIBUTÁRIA EVENTOS

Leia mais

SINDICATO DOS MÉDICOS DE SOROCABA E CIDADES DA REGIÃO SIMESUL

SINDICATO DOS MÉDICOS DE SOROCABA E CIDADES DA REGIÃO SIMESUL PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DO SINDICATO DOS MÉDICOS DE SOROCABA E CIDADES DA REGIÃO - - 2016/2017 CLÁUSULA 1ª - CORREÇÃO SALARIAL Os salários vigentes em 31 de agosto de 2016 serão corrigidos, a partir de

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br Cálculo das verbas rescosórias *Adriano Martins Pinheiro Este artigo apontará quais são as verbas rescisórias a serem recebidas após a rescisão. Enumeramos as possibilidades de rescisão:

Leia mais

1ª Fase PROVA OBJETIVA DIREITO DO TRABALHO

1ª Fase PROVA OBJETIVA DIREITO DO TRABALHO 1ª Fase PROVA OBJETIVA DIREITO DO TRABALHO P á g i n a 1 QUESTÃO 1 - O Decreto n. 3.197, de 5 de outubro de 1999, promulgou a Convenção n. 132, da OIT, que dispõe sobre as Férias Anuais Remuneradas. Em

Leia mais

Comentários do Primeiro Simulado Direito Previdenciário Aula 05 Filiação e inscrição e salário-de-contribuição

Comentários do Primeiro Simulado Direito Previdenciário Aula 05 Filiação e inscrição e salário-de-contribuição Comentários do Primeiro Simulado Direito Previdenciário Aula 05 Filiação e inscrição e salário-de-contribuição Filiação e Inscrição ao RGPS 33. (1º Simulado/Profº Francisco Júnior/Preparatório INSS- 2015)

Leia mais

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES MENSAIS

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES MENSAIS Data Vencimento Obrigação Código Receita Fato Gerador e Fundamento Legal Período Apuração Salário- Maternidade Parto e aborto espontâneo, conforme certidão de nascimento ou atestado. (IN 971, artigos.

Leia mais

Calendário Mensal das Obrigações Fiscais, Trabalhistas e Previdenciárias Outubro de 2016

Calendário Mensal das Obrigações Fiscais, Trabalhistas e Previdenciárias Outubro de 2016 Calendário Mensal das Obrigações Fiscais, Trabalhistas e Previdenciárias Outubro de 2016 Nota: Em caso de feriados estaduais e municipais, os vencimentos das obrigações principais deverão ser antecipados

Leia mais

SINDICATO DOS EMPREGADOS

SINDICATO DOS EMPREGADOS 2008 2009 Pelo presente instrumento, de um lado o SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ENTIDADES CULTURAIS, RECREATIVAS, E DE ASSISTÊNCIA SOCIAL, DE ORIENTAÇÃO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL DO ESTADO DE SANTA CATARINA

Leia mais

JORNADA DE TRABALHO. Tempo in itinere. - 2º 58 CLT; Súmulas 90;320;324;325 TST

JORNADA DE TRABALHO. Tempo in itinere. - 2º 58 CLT; Súmulas 90;320;324;325 TST JORNADA DE TRABALHO Tempo efetivamente Trabalhado; Tempo à disposição do empregador Tempo in itinere. - 2º 58 CLT; Súmulas 90;320;324;325 TST Conceito Jornada é o lapso de tempo durante o qual o empregado

Leia mais

POWER WORK RH CURSO ANALISTA DE FOLHA DE PAGAMENTO

POWER WORK RH CURSO ANALISTA DE FOLHA DE PAGAMENTO POWER WORK RH CURSO ANALISTA DE FOLHA DE PAGAMENTO INTRODUÇÃO Muitos profissionais desta área se sentem perdidos quando falamos sobre a elaboração da Folha de Pagamento. Ficam cheios de dúvidas em meio

Leia mais

Nota à 8 a edição, xvii. Nota à 7 a edição, xix. Nota à 6 a edição, xxi. Nota à 5 a edição, xxiii. Nota à 4 a edição, xxv. Nota à 3 a edição, xxvii

Nota à 8 a edição, xvii. Nota à 7 a edição, xix. Nota à 6 a edição, xxi. Nota à 5 a edição, xxiii. Nota à 4 a edição, xxv. Nota à 3 a edição, xxvii sumário Nota à 8 a edição, xvii Nota à 7 a edição, xix Nota à 6 a edição, xxi Nota à 5 a edição, xxiii Nota à 4 a edição, xxv Nota à 3 a edição, xxvii Nota à 2 a edição, xxix Preâmbulo, xxxiii 1 Trin t

Leia mais

CARTILHA INFORMATIVA Lei das domésticas (Lei Complementar 150 de 1 de junho de 2015)

CARTILHA INFORMATIVA Lei das domésticas (Lei Complementar 150 de 1 de junho de 2015) CARTILHA INFORMATIVA Lei das domésticas (Lei Complementar 150 de 1 de junho de 2015) A Lei Complementar 150/2015, trouxe em seu bojo inúmeras alterações e novos direitos para os empregados domésticos.

Leia mais