RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO"

Transcrição

1 RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO Projeto Olímpico Natação Minas Tênis Clube Rio 2016 Jan/2011 a Maio/2012 Projeto Olímpico Natação Minas Tênis Clube Rio 2016 Proponente: Minas Tênis Clube Processo: /201014

2 Histórico Descreva, sucintamente, os objetivos do projeto, as atividades realizadas e os principais resultados quantitativos e qualitativos obtidos. Com a fundação do Minas Tênis Clube em 15 de novembro de 1935, a natação surge no Clube em Um dos esportes mais completos, também é um dos mais apreciados pelos frequentadores do Clube. O Minas conta hoje com 20 piscinas, sendo oito infantis, duas olímpicas e dez para adultos. No ano seguinte ao surgimento da modalidade no Clube a equipe inicia sua coleção de títulos conquistando o Campeonato Brasileiro Infantojuvenil e sendo pentacampeã do Ranking Nacional de Clubes de Natação em 2004, 2005, 2006, 2007 e A classificação no ranking é definida pelo desempenho dos clubes nos campeonatos das categorias infantil, juvenil, júnior e absoluto. Em maio de 2010, a equipe minastenista ganhou a parceria da Fiat Automóveis passando a se chamar FIAT/MINAS. A união Minas Tênis Clube e Fiat perdura desde a década de 80, quando a montadora italiana patrocinou a equipe de vôlei masculino, tricampeã brasileira nos anos de 1984, 1985 e 1986, bicampeã sulamericana em 1984 e 1985, e eneacampeã mineira, em 1984 e Em Jogos PanAmericanos, a presença minastenista é ainda mais forte. Desde o Pan de Havana, em 1991, atletas minastenistas voltam para casa com medalhas. O Minas Tênis Clube é pentacampeão do Ranking Brasileiro de Clubes e em 1999, 2003 e 2009 ficou na segunda colocação, além de obter o terceiro lugar em 2001 e o quarto em O Clube quebrou a hegemonia de paulistas e cariocas no Troféu Brasil de Natação, a mais importante competição da modalidade do país, em A partir daquele ano, o Minas passou a figurar, definitivamente, entre as maiores forças da natação brasileira. Em 2011, a modalidade iniciou seu período competitivo participando do Grand Prix de Indianápolis (EUA), realizado de 18 a 21 de fevereiro. O Projeto Olímpico Natação Minas Tênis Clube Rio 2016, com pleno apoio do Clube, que assume mais uma vez, a responsabilidade técnica pela formação dos atletas, porém, com os recursos da Lei, vem proporcionar melhores condições técnicas e de infraestrutura para que 40 atletas jovens e adultos do Minas Tênis Clube (categorias Júnior II e Sênior) com qualidades físicas e habilidades técnicas apropriadas para o desenvolvimento do esporte de alto rendimento na modalidade de natação consigam desenvolver plenamente o seu potencial, a fim de atingir o ápice da sua forma física, técnica e psicológica nas Olimpíadas Rio Além disso, um dos objetivos do projeto é absorver profissionais do esporte com especialização específica qualificada em natação da comunidade esportiva estadual, nacional e internacional para darem o suporte necessário ao desenvolvimento do atleta de forma plena. Descrição Descreva sobre os seguintes aspectos: o problema que o projeto pretendia solucionar ou equacionar; a relevância ou resultado esperado que o projeto tinha em relação aos beneficiários e sua influência sobre o público alvo; o impacto ou benefícios previstos do projeto e as transformações positivas e duradouras obtidas; a área geográfica em que o projeto se inseriu; e as características demográficas, socioeconômicas, ambientais e culturais da população; e o estágio de organização e mobilização das comunidades, quando for o caso. OBS: Os aspectos destacados devem ser apresentados sob a forma de itens específicos. 3

3 O Problema: A partir do renascimento dos Jogos Olímpicos em 1896 pelo Barão de Coubertin até os dias de hoje, todos os atletas que buscam a excelência em sua modalidade têm a consciência de que sua dedicação e empenho são fundamentais para chegar aos seus objetivos. Porém, para alcançálos é fundamental o desenvolvimento de um programa de vários anos bem elaborado, com parcerias que se integrem durante todo o processo para que haja sucesso. A literatura científica traz diversos relatos do impacto positivo do planejamento em longo prazo no sucesso esportivo. De acordo com Platonov, 2008, o investimento em longo prazo na preparação esportiva depende de uma estratégia geral cientificamente fundamentada e de uma base de recursos sociopolíticos, organizacionais, científicometodológicos e de saúde (PLATONOV, 2008). Além disso, em um estudo divulgado em 2000, com base na experiência australiana no que diz respeito aos investimentos em longo prazo visando o alto rendimento, foi demonstrado que existe uma relação direta entre o total de dinheiro gasto e o número de medalhas ganhas pela equipe olímpica (HOGAN & NORTON, 2000). São vários os fatores que impedem a realização de um trabalho efetivo no direcionamento do treinamento para o desenvolvimento pleno da carreira esportiva do atleta: O imediatismo de resultados decorrente da influência da mídia, da pressão dos pais, técnicos e amigos e da esperança de se obter sucesso e status, que pode acarretar no surgimento a síndrome excesso de treinamento (overtraining) e, consequentemente, no abandono precoce do esporte; A descontinuidade nas ações para o esporte e a carência de uma política visando o esporte de alto rendimento nos Clubes, que por sua vez, são os maiores formadores de atletas olímpicos; A ausência de gestão em praticamente todos os níveis; a maioria dos dirigentes de instituições esportivas não tem formação para atuar nesta área e encaram o esporte de forma não profissional; A insuficiência quantitativa e qualitativa de profissionais com especialização necessária, tanto de técnicos para formar e treinar, como de profissionais do esporte (médicos, fisiologistas, preparadores físicos, fisioterapeutas, psicólogos, nutricionistas, etc.) para dar o suporte necessário ao desenvolvimento do desempenho esportivo do atleta; A inexistência de diretrizes e metas definidas e de planejamentos, programas e padronização de conceitos metodológicos que acompanhem a evolução do atleta durante a sua carreira esportiva, por meio de dados quantitativos e qualitativos organizados; O alto custo do esporte de alto nível, que envolve todo o processo de desenvolvimento do atleta desde as categorias de base até o alto rendimento, em face da escassez de recursos financeiros advindos de qualquer fonte; 4

4 O número reduzido de recursos humanos capacitados para formação de atletas de alto rendimento; A escassez de competições ou recursos para que atletas e equipes participem, em âmbito regional, nacional e internacional; A falta de infraestrutura das instalações esportivas com condições mínimas de desenvolvimento técnico, de segurança e higiene. As ações para desenvolvimento do esporte no país precisam ser abrangentes cobrindo desde a formação de atletas e capacitação dos profissionais do esporte até mudanças na atual organização. Atender a comunidade esportiva implica em apresentar diferentes oportunidades de intervenção em função da criatividade e dinâmica social dos profissionais e atletas das instituições esportivas. Assim, os clubes se apresentam como importantes instrumentos de sensibilização e conscientização da prática da atividade esportiva, principalmente aqueles que estimulam e desenvolvem o crescimento e a saúde plena do atleta. Considerando o que foi exposto anteriormente, este projeto visa a otimização e a visualização de um macro planejamento estratégico do Departamento de Natação Competitiva do Minas Tênis Clube, com vistas aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016, no que tange aos inúmeros aspectos técnicos e estruturais que cercam um preparação dessa magnitude. Esperase, com a implementação deste projeto, que o Clube consiga propiciar condições ideais para que os atletas atinjam o seu potencial máximo. Desta forma, o presente projeto busca a criação e o desenvolvimento de uma equipe préolímpica, bem como a manutenção do Minas Tênis Clube como referência na natação brasileira, fortalecendo ainda mais a continuidade do trabalho como um dos maiores clubes de natação na formação e também no abastecimento de nadadores olímpicos para a história esportiva brasileira. Para viabilizar e dar sequência a esse projeto é indispensável a utilização dos benefícios oferecidos pela Lei de Incentivo ao Esporte, uma vez que este tipo de trabalho demanda um alto custo de investimento, diante da necessidade de recursos humanos e materiais que viabilizam a realização de avaliações periódicas, acompanhamento e monitoramento do treinamento, e todas as intervenções para o desenvolvimento, aprimoramento e manutenção do programa, visando o alcance da excelência esportiva. Relevância do Projeto A instituição Minas Tênis Clube, embasada na literatura científica, entende que o processo de desenvolvimento do atleta de alto rendimento situase ao redor de dez anos, e que, somente depois desse período, será possível alcançar o desempenho em alto nível. O objetivo é de que o projeto tenha duração até 2016, período de execução dos jogos Olímpicos no Rio de Janeiro. No entanto, em função de questões financeiras e administrativas como, por exemplo, a captação de recursos, o projeto contemplará o prazo mínimo de 12 meses como garantia do controle a ser implantado durante todo o processo de treinamento esportivo, com a expectativa de que, a cada ano, o projeto seja renovado. 5

5 Como contrapartida, o MTC disponibilizou para o projeto, o chefe de departamento da modalidade como coordenador do projeto, outro técnico de nível internacional, 08 técnicos de equipes de base da natação, suporte administrativo esportivo (cadastro de atletas, comunicação com federações, roupeiro, vestiários etc.), segurança, conservação, limpeza, estrutura e manutenção das repúblicas, suporte administrativo (contábil e financeiro, e pessoal administrativo e operacional), suporte tecnológico (informática e programação), departamento de recursos humanos, departamento de comunicação, assessoria de imprensa e design gráfico, departamento de programas esportivos, Gerência de Saúde com 01 gerente de saúde, 03 médicos do esporte e a manutenção de dependências físicas adequadas (Centro de Treinamento e Parque Aquático). Objetivo Geral e Específico propostos e atingidos Identificar quais os benefícios mais amplos que as ações do projeto propiciaram a clientela alvo, dentro dos parâmetros cronológicos e de mensuração. Por exemplo: foi possível reduzir em 20% o índice de delitos juvenis, até dezembro de 2009? O Projeto Olímpico NataçãoMinas Tênis Clube Rio 2016 apresenta como objetivo principal proporcionar melhores condições técnicas e de infraestrutura para que os nadadores do Minas Tênis Clube consigam desenvolver plenamente o seu potencial, a fim de atingirem o ápice da sua forma física, técnica e psicológica nas Olimpíadas Rio Para tanto, este projeto apresenta os seguintes objetivos específicos: Otimizar um macro planejamento estratégico do Departamento de Natação Competitiva do Minas Tênis Clube, com vistas aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016, no que tange aos inúmeros aspectos técnicos, estruturais e competitivos que cercam uma preparação dessa magnitude; Identificar e desenvolver os talentos para a modalidade de natação, buscando a excelência no desempenho esportivo; Formar e desenvolver uma equipe préolímpica; Capacitar profissionais para a atuação na natação de alto rendimento; Possibilitar o intercâmbio com centros avançados da natação; Possibilitar a participação dos atletas e comissão técnica em centros de treinamento nacionais e internacionais. O Projeto desde 01/01/2011 vem se consolidando e muitos de seus objetivos já foram alcançados. Segue abaixo a relação dos atletas inseridos no Projeto no ano de 2011: Carolina Bilich Diego Lins matos Giuliano Carer Rocco Julia Benvenutti Gerotto Julia Volkmann Miguel Leite Valente 6

6 Sarah Gonçalves Corrêa Simone Kohler Victor Ribeiro Rodrigues Giovani Constantino de Paula Dandara Mendes Antonio Daynara de Paula Diego Uchoa Diogo Yabe Eduardo Aquiles Fisher Fabíola Molina Felipe Lima Fernanda Alvarenga Glauber Henrique Silva Jéssica de Bruin Nicolas Nilo Cesar de Oliveira Juliana Marin Larissa Cieslak Leonardo Fim Lucas Kanieski Lucas Azevedo Lucas Salatta Manuela Lyrio Marcus Botega Marcus Ferrari Maria Starling Natalia Favoretto Rafael Mattioli Renata Sander Ricardo Oliveira Ricardo Morini Rodrigo Castro Thamy Ventorin Juan Matin Pereyra Em 2012, devido a mudanças de atletas na equipe, alguns atletas foram retirados da lista e outros inseridos. A lista atualizada do ano de 2012 está apresentada abaixo: Andressa Cholodovski Lima André Juan Carvalho de Lima Thiago Henrique Rosa Diogo Andrade Villarinho André Luiz do Nascimento Brilhante Carolina Bilich Queiroz Diego Lins matos Estevão Augusto Leão de Andrade Giuliano Carer Rocco Julia Benvenutti Gerotto Lorrane Cristina V. Ferreira Mauro Henrique V. Fernandes Miguel Leite Valente Giovani Constantino de Paula Reinaldo Belli Dandara Mendes Antonio Diego Uchoa Diogo Yabe Fabíola Molina Felipe Lima Glauber Henrique Silva Nicolas Nilo Cesar de Oliveira Juliana Marin Larissa Cieslak Leonardo Fim Lucas Kanieski Manuela Lyrio Marcus Ferrari Rafael Mattioli Renata Sander Rodrigo Castro Simone Kohler 7

7 Juan Matin Pereyra Marcos Antônio da Costa F. Macedo O projeto proporciona a participação de uma equipe multidisciplinar atendendo aos atletas. Nesta equipe destacamos o trabalho de 01 técnico, 03 auxiliares técnicos, 01 psicóloga do esporte, 01 nutricionista, 01 preparador físico, 01 massoterapeuta, 01 biomecânico e 01 fisioterapeuta. Esses profissionais desde o início do projeto vêm investindo em sua capacitação profissional, buscando cada vez mais ampliar seu horizonte de conhecimento a fim de aprimorar o treinamento diário com os atletas, focando na evolução atlética e humana dos mesmos. Com o Projeto, vários eventos científicos foram oferecidos até o momento tanto para o corpo técnico quanto para os atletas. Podemos destacar: A IV Jornada Científica do Minas Tênis Clube Perspectivas das Ciências do Esporte visando Olimpíadas 2016, de 24 a 28 de janeiro de 2011, no salão de festas da Unidade I do MTC: o evento trouxe mais subsídios teóricos para todos os profissionais do esporte do Clube, incluindo os envolvidos nesse projeto, quanto ao aprimoramento do processo de avaliações e na prática de intervenções a partir de conceitos humanistas, alinhados com a filosofia da Diretoria do clube. Escolas Profissionais do Esporte: palestra do Biomecânico junto à modalidade, Mesa Redonda Moderna : Desenvolvimento de Atletas Potencias (agosto/2011). Training Camp: semana que contou com o Palestrante Prof. Dr. Peter Terry da Universidade do Sul de Queensland (Austrália), em que a didática e o trabalho foram focados no amparo e preparação mental dos atletas para o 40º Troféu Finkel / Taça Correios / Brasileiro Absoluto de Natação. V Jornada Científica do Minas Tênis Clube Cuidando do Potencial Esportivo realizada de 25 a 27, 30 e 31 de janeiro de 2012: o evento contou com palestras de professores e profissionais externos e internos ao Minas Tenis Clube, aumentando a conhecimento e capacidade técnica de todos os profissionais do esporte do Clube, incluindo os envolvidos nesse projeto. Escola de Profissionais do Esporte: Com o tema A importância da avaliação e acompanhamento no processo esporte, os profissionais assistiram à duas palestras, da Profa. Ms Luciana De Michelis, fisioterapeuta do Laboratório de Prevenção e Recuperação de Lesões Esportivas (LAPREVUFMG) e do Prof. Ms Rauno Simola, membro da comissão técnica da seleção olímpica se judô e membro do Laboratório de Fisiologia do Exercício (LAFISEUFMG). Diante do objetivo específico de possibilitar o intercâmbio dos atletas e comissão técnica à centros de treinamento avançados nacionais e internacionais, de 29 de Janeiro à 19 de fevereiro de 2011, a equipe visitou o Centro de Alto Rendimento (C.A.R.) localizado em Sierra Nevada, na Espanha. Um dos objetivos principais dessa viagem foi proporcionar aos atletas do Projeto Olímpico 8

8 a oportunidade de treinar em um centro de alto rendimento onde o foco está voltado para o nadador de elite internacional, reforçando o modelo de atleta que queremos ter. No mês seguinte, entre 14 e 18 de fevereiro, os atletas participaram da Semana de Avaliação de PréTemporada, realizada no Minas Tênis Clube. Esse evento proporcionou a avaliação de todos os atletas do clube de forma clínica, física, nutricional, psicológica e fisioterápica. Posteriormente a essa avaliação, aconteceram reuniões onde cada equipe de profissionais do esporte de cada modalidade esportiva recebeu e discutiu os resultados da análise dos dados coletados, podendo assim haver a readequação do treinamento em virtude desses resultados. Quanto à participação em competições, os atletas desse projeto tiveram destaque no Grand Prix de Indianápolis (3 e 5 de março de 2011), Grand Prix de Michigan (8 a 10 de abril de 2011), Campeonato Brasileiro Absoluto/Troféu Maria Lenk/Taça Correios (2 a 8 de maio de 2011), nos Jogos Militares (16 a 24 de Julho de 2011), participação no Mundial de Shangai (24 a 31 de julho de 2011), Troféu José Finkel / Taça Correios / Brasileiro Absoluto de Natação (29 de agosto a 04 de setembro de 2011), nos Jogos PanAmericanos de Guadalajara (15 a 22 de outubro de 2011), Torneio Open CBDA/CORREIOS (14 a 18 de dezembro de 2011). No final de maio de 2012 os atletas do Minas Tênis Clube já haviam participado de competições de alto nível nacional e internacional, sendo elas o Campeonato Sul Americano (12 a 17 de março de 2012), Pardue Invite (28 de março a 2 de abril de 2012) e o Campeonato Brasileiro Absoluto/Troféu Maria Lenk/Taça Correios (24 a 28 de abril de 2011). Além disso, os atletas foram novamente avaliados na Semana de Avaliação Pré Temporada. Em 2012, buscando melhorar ainda mais a qualidade dos trabalhos realizados no Clube, e alcançar grandes resultados nas Olimpíadas do Rio de Janeiro em 2016, a equipe FIATMinas passou a ser comandada pelo australiano Scott Volkers. Scott comandou a seleção olímpica australiana em Barcelona, 1992; Atlanta, 1996 e Sidney, 2000; conquistou medalhas olímpicas e recordes mundiais em sua carreira. Sua primeira ação oficialmente a frente da equipe FIATMinas foi o Training Camp realizado em Florianópolis, que permitiu uma semana de concentração da equipe para um treinamento em conjunto. Na Fase 3 deste documento, todas esses eventos serão detalhados. Etapas/Fases Descreva as etapas/fases do projeto com os resultados quantitativos e qualitativos obtidos em relação aos esperados, em cada objetivo, comentando sobre as atividades implementadas para sua consecução e seus períodos de execução. FASES DO PROJETO: O Projeto Olímpico Natação Minas Tênis Clube Rio 2016 se encontra organizado da seguinte forma: 9

9 1ª Fase: Treinamento e Promoção da Saúde Planejamento: Dentro desse contexto, é realizado constantemente a revisão e adequação dos conteúdos programáticos das equipes competitivas de base e de alto rendimento visando o alinhamento nos métodos e processos de formação e treinamento esportivo. O treinamento dos atletas segue um Planejamento Plurianual, Macrociclo (FIGURA 1A e 1B), Mesociclos e Microciclos (FIGURA 2). Essa periodização define objetivos do treinamento a longo, médio e curto prazo e de conteúdos técnicos, táticos, psicológicos, fisiológicos, educacionais, de preparação física, de prevenção, das atividades sociais e lúdicas que envolvem o planejamento do treino desde as equipes de base até o alto rendimento. 10

10 Figura 1A: 1ª parte do Planejamento anual de 2011 utilizado com os atletas do Projeto Olímpico 11

11 Figura 1B: 2ª parte do Planejamento anual de 2011 utilizado com os atletas do Projeto Olímpico 12

12 Figura 2: Exemplo do modelo de Microciclo utilizado com os atletas do Projeto Olímpico na Preparação para o Troféu José Finkel de

13 Figura 3A: 1ª parte do Planejamento anual de 2012 utilizado com os atletas do Projeto Olímpico. 14

14 Figura 3B: 2ª parte do Planejamento anual de 2012 utilizado com os atletas do Projeto Olímpico. Desenvolvimento Essa etapa compreende o planejamento estratégico do método interdisciplinar do trabalho. Atualmente a equipe do Minas é atendida pelo chefe de departamento e coordenador da Natação, pelo técnico principal de nível internacional, técnico de nível internacional, técnicos de base para as diferentes categorias, preparadores físicos para equipes de ponta e de base, fisioterapeuta, psicólogo, massoterapeuta e biomecânico. Na primeira fase desta etapa acontece uma Avaliação de Pré Temporada, que consiste na avaliação de todos os atletas da modalidade no início do ano pelas diferentes áreas que atuam junto aos atletas (preparação física, medicina, nutrição, fisioterapia e psicologia). A logística desse evento é de responsabilidade da Assessoria de Integração das Ciências do Esporte (AICE). A primeira etapa dessa avaliação envolve o preenchimento de um questionário, o Questionário de Préparticipação do Atleta, (FIGURA 4). A segunda etapa implica na aplicação de testes antropométricos, fisioterápicos, de capacidade física e questionários específicos nutricionais e psicológicos. Por meio dessa avaliação, foi possível criar parâmetros que são utilizados pelos profissionais da equipe multidisciplinar para o controle e desenvolvimento do treinamento. Maiores detalhes serão citados no item Descrição das Atividades Realizadas. Segue abaixo alguns exemplos de comparações que foram realizadas com as modalidades esportivas. 15

15 Figura 4: Comparações entre os anos de 2010, 2011 e 2012 realizados após a V Semana de Avaliação PréTemporada de Durante o desenvolvimento e execução dos treinamentos e competições, para que os atletas tenham um crescimento técnico, é fundamental que além dos treinamentos diários, eles participem de campeonatos e intercâmbios para que eles se sintam mais motivados, adquiram experiência e possam testar suas habilidades esportivas. Além disso, as competições e intercâmbios contribuem para o direcionamento e controle do programa e método de treinamento dentro dos princípios fisiológicos, psicológicos e pedagógicos. As intervenções preventivas da equipe multidisciplinar proporcionaram aos atletas o alcance de seu melhor rendimento esportivo durante esses eventos, por meio de avaliações específicas e trabalhos integrados. Por fim, a organização e análise dos dados das observações, medições e testes, supriram a comissão técnica e atletas com informações objetivas, que suportem a manutenção ou adequação do treinamento e das competições. 16

16 Figura 5A: Questionário de préparticipação que é preenchido pelo atleta no site do MTC (1ª parte) 17

17 Figura 5B: Questionário de préparticipação que é preenchido pelo atleta no site do MTC (2ª parte) 18

18 Intervenção Curativa O acompanhamento individual curativo darseá a partir do diagnóstico do atendimento do atleta, caso o mesmo necessite de cuidados clínicos. Exemplo dessa ação é a Semana de Avaliação e posteriormente o acompanhamento realizado com os atletas ao longo do ano. Com base nesse trabalho é possível traçar um perfil sobre a saúde dos nossos atletas, diagnosticando possíveis problemas de saúde e os encaminhado para tratamento, se necessário. Recursos humanos Os recursos do Projeto viabilizaram a contribuição dos seguintes profissionais na preparação dos atletas da equipe FIATMinas: 01 técnico principal. 02 técnico de categoria de base. 01 biomecânico 2ª fase: Disponibilização de infraestrutura e Recursos Materiais e Tecnológicos O projeto vem fornecer toda a assistência necessária para o desenvolvimento físico e intelectual dos atletas. Uma assistência especial tem sido oferecida àqueles atletas que realmente necessitam desse investimento. Dessa forma, o projeto vem oferecendo mensalmente benefícios como alimentação balanceada, transporte, faculdade, assistência médica (plano de saúde) e odontológica. O MTC tem a premissa de que todos os seus atletas sejam acompanhados pelo Núcleo de Integração das Ciências do Esporte (NICE) e pela Gerência de Saúde do Clube. Além da infraestrutura física que o Clube já possui, o projeto possibilita à equipe de natação adquirir materiais que auxiliam a comissão técnica na avaliação e controle do treinamento e rendimento dos atletas. Como exemplos podem ser citados os materiais para análise de lactato, que é um marcador fisiológico de desempenho do atleta. 3ª Fase Capacitação e Treinamento de Campo Treinamentos internos e externos: A capacitação contínua dos atletas e profissionais do esporte foi realizada por meio de visitas (benchmarking) a centros esportivos, centros acadêmicocientíficos reconhecidos nacional e internacionalmente e por meio de workshops (Training Camps), competições e treinamentos em vários centros de alto rendimento no mundo. Também foram convidados profissionais que pudessem contribuir com conhecimentos e evidências científicas consolidando os objetivos do projeto. Segue abaixo a descrição das atividades realizadas até o momento, incluindo ações que a equipe FIAT MINAS participou desde o início do projeto, porém não foram financiadas diretamente 19

19 pelo Projeto. O intuito de detalhar logo abaixo essas ações compreende a valorização das convocações dos atletas envolvidos no Projeto em eventos de nível nacional e internacional, como por exemplo, os Jogos Panamericanos. DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES REALIZADAS IV JORNADA CIENTÍFICA DO MINAS TÊNIS CLUBE PERSPECTIVAS DAS CIÊNCIAS DO ESPORTE VISANDO OLIMPÍADAS 2016 Realizada de 24 a 28 de janeiro de De acordo com a metodologia de execução do Projeto, a fim de capacitar e proporcionar o treinamento de campo, citado na 3ª fase do Projeto, em Janeiro de 2011 foi realizada a IV Jornada Científica do Minas Tênis Clube Perspectivas das Ciências do Esporte visando Olimpíadas Esse evento trouxe subsídios teóricos para todos os profissionais do esporte do Clube no aprimoramento do processo de avaliações e na prática de intervenções a partir de conceitos humanistas, alinhados com a filosofia da diretoria do clube (FIGURA 6). O evento contou com a presença de duas referências científicas internacionais, os palestrantes Professor PhD. Robyn Jones e da Professora Dra. Isabel Mesquita. O Professor Robyn Jones (FIGURA 5) é professor de Teoria Social e Desporto da Universidade do Instituto de Wales Cardiff, e II Professor da Escola Norueguesa de Ciências do Desporto. Sua área de pesquisa é composta por uma sociologia crítica do treinador em relação à análise da complexidade do contexto de treinamento interativo e como gerenciar os dilemas profissionais que possam surgir. Ele é autor de numerosos livros e artigos científicos sobre coaching e pedagogia, e faz parte do conselho editorial de revistas de impacto internacional: Sport, Education and Society; Physical Education and Sport Pedagogy e International Journal of Sport Science and Coaching. A professora Isabel Mesquita (FIGURA 6) é professora Associada com Agregação pela Faculdade de Desporto da Universidade do Porto e membro das comissões científicas do Mestrado em Ciências do Desporto, da especialização em Desporto de Crianças e Jovens e do Mestrado no Ensino da Educação Física. Também é membro do corpo editorial e revisora em 12 revistas científicas de circulação internacional na área esportiva, autora de 3 livros e 79 artigos publicados em revistas de circulação internacional nas áreas de Pedagogia do Desporto e Treinamento esportivo. Além de convidados de referência internacional, o evento contou com a presença de referências nacionais da área científica do esporte, com a participação do Prof. Ms. Luis Viveiros e o Prof. Dr. Luciano Sales Prado. A IV Jornada Científica do Minas Tênis Clube convidou para fomentar e mediar as discussões: Prof. Dr. Dietmar Samulski, Prof. Ms. Cláudio Olivio Vilela Lima, Prof. Dr. Pablo Juan Grecco, Prof. Dr. Leszek Szmuchrowski, professores com grande número de publicações científicas e de referência em temas específicos da área. 20

20 Figura 6: Cronograma Oficial da Jornada Figura 7: Prof. Dr. Robyn Jones 21

21 Figura 8: Profª. Dra. Isabel Mesquita Com o intuito de disseminar o conhecimento gerado entre os profissionais do clube, foi realizada a apresentação formal dos Técnicos Principais das Equipes de Base do clube e seus projetos para 2011 e as observações da viagem de Benchmarking à Espanha realizada pela Diretora de Educação e Esportes de Base Luiza Pinheiro Machado, pelo Gerente de Esportes Luiz Eymard Zech Coelho, pelo Técnico Principal do Basquete Flávio Davis e pelo chefe de departamento do Tênis Roberto Carvalhais. IV SEMANA DE AVALIAÇÃO DE PRÉTEMPORADA Realizado de 14 a 18 de fevereiro de 2011, no Centro de Treinamento da unidade 1 do MTC. O objetivo dessa semana foi gerar e acompanhar o perfil do atleta minastenista, além de fornecer informações relevantes para os trabalhos multidisciplinares que acontecem nas categorias de base e ponta do MTC (FIGURAS 10 e 11). Na IV Semana de Avaliações dos Atletas das Categorias de Base e Adulta foram realizados testes cardíacos, psicológicos, antropométricos, de % Gordura, aplicação de questionário de hábito alimentar, testes para avaliação postural, alinhamento de pé, rigidez muscular, flexibilidade de membros superiores e inferiores, ponte, agachamento/salto e de força de membros inferiores. A realização dos testes contou com a participação dos profissionais do Departamento de Programas Esportivos (Auxiliares, Analistas TécnicoCientífico, e Bioestatística), Preparação Física, Fisioterapia, Psicologia, Medicina do Esporte (Ortopedia e Cardiologia) e Nutrição. Além disso, tivemos a suporte do Laboratório de Prevenção de Lesões (LAPREV) da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional da UFMG (CENESP/UFMG), alunos do Curso de Educação Física do Centro Universitário UniBH, do Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix e da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUCMinas). 22

22 Figura 9: Avaliação Nutricional: Percentual de Gordura e Avaliação da Estabilidade Pélvica, respectivamente. Figura 10: Avaliação Cardiológica (Ausculta e ECG) e Avaliação Psicológica, respectivamente. Foram avaliados 824 atletas (7 a 21 anos) nas seguintes modalidades: Basquetebol (91), Futsal (113); Ginástica Artística (34), Ginástica de Trampolim (25), Judô (75), Natação (330), Tênis (42), Voleibol Feminino (60), Voleibol Masculino (54). 23

23 Figura 11 Esquema das Estações: Legenda: ESTAÇÃO 1: Cardiologia ESTAÇÃO 2: Psicologia ESTAÇÃO 3: Antropometria ESTAÇÃO 4: % Gordura e Questionário alimentar ESTAÇÃO 5: Avaliação postural ESTAÇÃO 6: Alinhamento de pé ESTAÇÃO 7: Rigidez muscular ESTAÇÃO 8: Flexibilidade MMII ESTAÇÃO 9: Flexibilidade MMSS ESTAÇÃO 10: Ponte ESTAÇÃO 11: Agachamento / salto ESTAÇÃO 12: Força MMII TREINAMENTO EM ALTITUDE SIERRA NEVADA Realizado de 29 de Janeiro a 19 de fevereiro de A equipe Fiat/Minas e os técnicos Fernando Antônio Vanzella e Eduardo Almeida dos Santos foram ao Centro de Alto Rendimento (C.A.R.), localizado na cidade de Sierra Nevada/Espanha. O treinamento em altitude moderada ( metros) é uma técnica comumente utilizada em esportes de alto nível para melhorar o desempenho esportivo. Esta é a altitude recomendada para a realização do treinamento, pois os níveis de estimulação são suficientes, mas têm repercussões sobre o desempenho limitado, o que permite que os atletas realizem treinamento de qualidade adequada. As alterações fisiológicas causadas pela altitude agem como um forte estímulo no organismo do atleta induzindoo a melhora de resultados de curto e longo prazo (FIGURA 12). 24

24 Figura 12: Treinamento no Andaluzia Espanha O Projeto FIAT MINAS foi pioneiro no Brasil em permitir a realização desse tipo de trabalho com um grande número de atletas de uma mesma equipe. Antes disso, somente as seleções nacionais ou alguns atletas de forma isolada realizavam este tipo de ação. Os objetivos desse treinamento visaram melhorar o rendimento dos atletas nas principais competições da temporada (Troféu Maria Lenk, Troféu José Finkel, além do Mundial de Xangai, Panamericano no México, e, consequentemente as Olimpíadas de Londres, em 2012). Esse evento deu aos atletas do projeto olímpico a oportunidade de treinar em um centro de alto rendimento onde todas as facilidades para realizar o treinamento estão voltadas para o nadador de elite internacional, e desenvolveu o intercâmbio com atletas de outros países que também estão na busca da excelência no esporte. O período escolhido para o trabalho foi referente à primeira fase do macrociclo de treinamento, que, de acordo com o referencial teórico adotado pelo Clube, é chamada de período de acumulação. Nesse período, os atletas visam ganhar o maior nível de condicionamento aeróbio, preparandoos da melhor forma para a próxima fase do planejamento que é o período de Transformação e Realização. Dessa forma, o objetivo geral foi registrar a melhora na qualidade dos treinos pós período de altitude. Para participar deste treinamento, foram selecionados 17 atletas dentro do projeto Olímpico FIAT MINAS, seguindo o critério de melhores índices técnicos, atletas de melhor desempenho em 2010 e atletas com idade estratégicas para 2016 (entre 15 e 17 anos em 2011 = 20 a 22 anos em 2016). 25

25 Figura 13: Atletas que participaram do Treinamento de Altitude PALESTRA A CONSTRUÇÃO DE UMA CARREIRA VITORIOSA Realizado em fevereiro de Nesse evento, os atletas Fabíola Molina e Diogo Yabe foram apresentados no Clube como reforços da equipe Fiat/Minas em Fabíola é recordista sulamericana nos 50m e nos 100m costas e em seu currículo consta participações nos Jogos Olímpicos de Sidney/2000 e de Pequim/2008. Já Diogo Yabe, tem em seu currículo várias medalhas em campeonatos nacionais e internacionais nas provas de medley, tendo representado o Brasil nos Jogos de Atenas/2004. A vinda desses atletas faz parte do objetivo do Projeto em que eles funcionam como espelho, um exemplo para os mais jovens. Esta troca de experiência é uma constante na equipe. Após essa apresentação, os dois reforços da equipe realizaram uma palestra para os atletas das equipes de base, cujo tema foi A construção de uma carreira vitoriosa, onde eles puderam passar compartilhar um pouco de sua experiência durante sua trajetória esportiva e conquistas significativas no âmbito nacional e internacional (FIGURA 9). Figura 14: Palestra de Fabíola Molina e Diogo Yabe em fevereiro/

26 GRAND PRIX DE INDIANÁPOLIS Realizado de 03 e 05 de março de O objetivo dessa ação foi proporcionar aos atletas da equipe FIAT MINAS a oportunidade de participar de uma competição de alto nível, juntamente com alguns dos melhores nadadores do mundo. Nesse evento foi proporcionado o mais alto nível de intercâmbio técnico tanto aos atletas quanto à comissão técnica da equipe FIAT MINAS, onde eles puderam observar de perto o comportamento e treinamento dos principais nadadores do mundo, tais como: Michael Phelps, Kozuke Kitajima e Ryan Lochte, buscando com isso aproximarse deste modelo desejado. Segundo parecer do Departamento de Natação, a participação da equipe FIAT MINAS foi muito boa, apesar dos atletas estarem em um período de treinamento mais intenso, tanto dentro da água (séries nadadas), quanto fora da água (musculação, circuitos específicos de força, resistência e prevenção de lesões). Fazer parte da equipe em um evento desse nível técnico é de grande relevância, sendo mais um fator influenciador nos aspectos técnicos e motivacionais. (FIGURA 12) Figura 15: material de trabalho do técnico responsável pelos atletas. 27

27 Figura 16: Resultados oficiais do GP de Indianápolis AÇÃO SOCIAL NO PROJETO CURUMIM VILA PÉROLA CONTAGEM/MG Realização em Março e Maio de O objetivo dessa ação foi permitir o contato entre as crianças do Projeto Curumim da Unidade Vila Pérola, coordenado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (SEDESE), os técnicos, o chefe de departamento da Natação, os atletas do Projeto Olímpico e a psicóloga da modalidade. No primeiro encontro, as crianças do projeto fizeram uma apresentação do coral do projeto aos atletas, tendo a oportunidade de conversar com os atletas e saber um pouco da rotina 28

28 de treinamento, e um grande almoço de confraternização entre os presentes encerrou a visita. As atividades desenvolvidas no Curumim buscam o bemestar e o desenvolvimento da comunidade em todos os aspectos, trazendo atividades lúdicas, oficinas, esportes, atividades sociais, a fim de proporcionar às crianças uma maior vivência sócioesportiva, evitando que as mesmas se exponham aos riscos inerentes à vulnerabilidade social a qual estão expostas (FIGURA 13). Figura 17: Uniforme do Coral do Projeto Curumim e a atleta do Fiat Minas Manuela Lyrio com uma das crianças do Projeto Curumim. A segunda visita ao Projeto Curumim foi realizada em Maio, após o Campeonato Brasileiro Absoluto/Troféu Professora Maria Lenk/Taça Correios (2 a 8 de maio de 2011). Neste segundo encontro, os atletas puderam comemorar a conquista do 1º lugar na competição com as crianças que tanto lhe desejaram sorte na primeira visita. As crianças puderam ver e tocar o troféu conquistado. Elas também brincaram com os atletas, fazendo com que universos sociais tão diferentes se unificassem naquele momento. Essa ação propiciou aos atletas a percepção de uma realidade diferente da qual estão acostumados. GRAND PRIX DE MICHIGAN Realização de 08 a 10 de abril de Essa competição foi de grande valia técnica e motivacional para os atletas da equipe do Minas Tênis Clube na sua preparação visando o Troféu Maria Lenk (realização em maio/2011). A experiência de participar em mais de uma etapa do circuito dos Grand Prix 2011 dos Estados Unidos com a presença de alguns dos maiores nadadores do mundo na atualidade, como Michael Phelps, Ryan Lochte, Oussama Meloulli e Jason Lezak, foi um grande estímulo. A equipe mostrou uma evolução técnica em relação ao GP anterior (Indianápolis), de acordo com a fase do programa de treino e, ainda contou com a participação dos atletas que estiveram no Treinamento de Altitude em Sierra Nevada (fevereiro/2011), aumentando com isso, o nível técnico do grupo no referido evento. Essa ação foi extremamente positiva e de grande contribuição técnica na preparação dos nadadores da equipe do Minas Tênis Clube para o Troféu Maria Lenk 2011 (influência a curto prazo), 29

29 para o Jogos Olímpicos de Londres 2012 (influência a médio prazo) e para os Jogos Olímpicos Rio 2016 (influência a longo prazo).(figura 15 e 16) Figura 18: equipamento de filmagem e outros materiais utilizados no Gran Prix Figura 19: local de treinamento e competição University of Michigan CAMPEONATO BRASILEIRO ABSOLUTO/TROFÉU PROFESSORA MARIA LENK/TAÇA CORREIOS Realizado de 02 a 08 de maio de A equipe Fiat/Minas, depois de 14 anos, subiu ao pódio no lugar mais alto e consagrouse campeã na competição nacional mais importante da natação. O campeonato aconteceu na piscina do Parque Aquático Júlio de Lamare, na cidade do Rio de Janeiro. 30

30 Um dos objetivos desse projeto era a conquista dessa competição e após meses de treinamento, comprometimento e dedicação da equipe multidisciplinar e atletas, a equipe Fiat/Minas somou pontos, conquistando 49 medalhas, sendo 18 de ouro, 17 de prata e 14 de bronze. O diferencial para o alcance da vitória, dentre outros detalhes, foi o trabalho do Biomecânico. Ao realizar análises biomecânicas dos atletas e pontuar como esses poderiam melhorar seu tempo em prova, ele influenciou antes, durante (análise para aplicação de estratégias) e após a competição (conscientização da equipe quanto ao suporte oferecido pelo Clube através do Projeto). A dinâmica do trabalho desse profissional funcionou da seguinte forma: as provas de todos os atletas da equipe Fiat/Minas foram filmadas nessa competição. A partir disso, as imagens das 03 câmeras utilizadas foram sincronizadas e editadas de modo a facilitar a análise. Um avaliador traçava as linhas com base nas marcações presentes nas raias. Os tempos obtidos por esse avaliador eram ditados para o outro avaliador que os anotava. Ao término da edição de todos os vídeos, o avaliador/biomecânico recebia os tempos (o tempo era contado a partir do momento em que a cabeça do nadador analisado rompia a linha criada). Os tempos eram digitados em uma planilha previamente confeccionada, gerava valores de velocidade em cada trecho que podiam ser comparados com o campeão europeu através de dados disponibilizados na internet (www.swim.ee), ou com algum adversário direto presente na competição, também analisado. Os relatórios foram salvos em um pen drive e transmitido ao técnico responsável, que, com base nos resultados, escolhia a melhor estratégia para a semifinal e/ou final. A 51ª edição do Troféu Maria Lenk foi a primeira grande competição da Fiat/Minas após o início do Projeto Olímpico Natação Fiat/Minas Rio Esse projeto proporcionou aos atletas um suporte pioneiro no treinamento de alto nível focado nas primeiras Olimpíadas da América do Sul. Ainda sobre o campeonato (FIGURA 17), ele foi a última chance para os atletas conquistarem um lugar na Seleção Brasileira que disputaria o Mundial de Xangai, na China (julho/2011). 31

31 Figura 20: Momento entre provas e foto com toda a equipe comemorando o título, respectivamente. JOGOS MILITARES Realizado de 16 a 24 de Julho de Em 2011, foi realizada a 5ª edição dos Jogos Mundiais Militares do CISM no Estádio Olímpico João Havelange, o Engenhão, na cidade do Rio de Janeiro. Essa competição foi executada sob a responsabilidade das "forças armadas brasileiras" e teve uma contribuição muito importante na preparação dos nadadores Minastenistas com vistas a nossa participação no Troféu José Finkel 2011, competição que foi válida como seletiva olímpica brasileira visando os jogos de Londres Como destaque, podemos citar a nadadora Dandara Mendes Antônio, que obteve a medalha de bronze na prova dos 100 borboleta, e estabeleceu um tempo apenas 0.95s do índice de participação para os Jogos Olímpicos de Londres Abaixo a lista de atletas que participaram da competição e faziam parte do Projeto: Sgt Fabíola Molina Sgt Lucas Salatta Sgt Rodrigo Castro Sgt Diogo Yabe Mn Fernanda Alvarenga Mn Juliana Marin 32

32 Mn Dandara Mendes TREINAMENTO EM ALTITUDE DA SELEÇÃO BRASILEIRA DE NATAÇÃO Realizado de 25 a 17 de Julho de O treinamento de altitude em La Loma, em San Luis Potosi, no México, foi realizado com os atletas do projeto FIATMINAS que estavam convocados para os JOGOS PANAMERICANOS. Eles realizaram um treinamento em altitude na cidade citada acima sob a supervisão da CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos), visando prioritariamente melhorar a capacidade aeróbia dos nadadores. Participaram dessa ação os seguintes nadadores da equipe FIAT MINAS: Giuliano Rocco, Sarah Corrêa, Thamy Ventorin, Larissa Cieslak, Lucas Kanieski, Manuela Lyrio, Jéssica Cavalheiro, além do técnico da equipe FIAT MINAS, Prof. Eduardo Almeida. Essa iniciativa da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos proporcionou aos atletas envolvidos participar de 2 competições preparatórias para os Jogos PanAmericanos Essas competições foram realizadas no Canadá (Torneio 4 Nações e Campeonato Canadense de Verão) logo após o treinamento em altitude. MUNDIAL DE SHANGAI Realizado de 16 de Julho a 31 de julho de O Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos de 2011 foi a décima quarta edição da competição de esportes aquáticos organizada pela Federação Internacional de Natação (FINA), realizado na cidade de Shangai, na China. Para essa competição internacional foram convocados o técnico da equipe FIAT, na época Fernando Vanzella, e os seguintes atletas: Rodrigo Castro, Daynara de Paula, Felipe Lima, Nicolas Nilo e Juan Pereyra (Argentina). Destacandose nesse grupo, tivemos a nadadora Daynara de Paula que chegou até a semifinal, conquistando o 10º lugar na prova dos 50 borboleta. ESCOLA DE PROFISSIONAIS DO ESPORTE DESENVOLVIMENTO DE ATLETAS POTENCIAS Realizado em 08 de agosto de Esse evento é parte de uma ação realizada com regularidade pelo Clube que busca capacitar os profissionais do Clube a fim de que os mesmos estejam atualizados no contexto do treinamento esportivo. Esse evento foi a 5ª Escola de Profissionais de Esporte de 2011 e contou com a presença de professores que são referência internacional da Psicologia do Esporte, como o Professor de Psicologia da Universidade do Sul de Queensland Peter Terry e o Professor Titular da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional da UFMG Dietmar Martin Samulski. Eles apresentaram aos profissionais do esporte do Clube, incluindo aqueles que fazem parte da comissão técnica da equipe FIAT Minas, os seus conhecimentos sobre o tema Desenvolvimento de Atletas Potencias. 33

33 TRAINING CAMP Realizado entre os dias 08 a 13 de agosto de Durante essa semana foi proporcionado aos atletas da modalidade Natação e sua equipe multidisciplinar um treinamento motivacional a fim de preparálos para o 40º Troféu Finkel / Taça Correios / Brasileiro Absoluto de Natação. A Semana do Training Camp influenciou de forma considerável a preparação mental dos atletas para a competição. Influência tal que cooperou para que depois de 13 anos, o Minas Tênis Clube conquistasse em sua piscina o título da competição com uma diferença de 694 pontos para o segundo lugar. CAMPEONATO BRASILEIRO ABSOLUTO DE NATAÇÃO/TROFÉU JOSÉ FINKEL Realizado de 29 de agosto a 04 de setembro de Esse campeonato é o segundo mais importante do calendário da natação brasileira. O Minas nesse ano foi o anfitrião dessa competição. Após meses de treinamento e dedicação da comissão técnica e dos atletas da equipe Fiat/Minas, o Clube conquistou o título de campeão do evento somando 2.493,5 pontos (12 medalhas de ouro, 19 de prata e 13 de bronze). A equipe Fiat/Minas participou de diversos eventos que influenciaram de forma positiva na conquista desse título. De acordo com o gráfico abaixo, a equipe superou as expectativas da comissão técnica, demonstrando que toda a preparação física, emocional, técnica e tática foi feita de forma correta, garantindo o sucesso nessa competição. Figura 21: Estudo feito pela bioestatística do Clube durante o Troféu José Finkel. 34

34 JOGOS PANAMERICANOS EM GUADALAJARA Realizado de 14 a 30 de Outubro de Os Jogos PanAmericanos, realizados pela Organização Desportiva PanAmericana (ODEPA), acontecem a cada quatro anos em regiões do Continente Americano, Central, Norte e Sul. Em 2011, ele foi realizado na cidade de Guadalajara, no México. Os atletas da equipe que fazem parte deste projeto tiveram a oportunidade de competir e conquistaram dez medalhas (uma de ouro, seis de prata e três de bronze), conforme detalhamento. Ouro Nicolas Nilo 4x100m livre 3min14seg65, batendo o recorde Panamericano, Prata Nicolas Nilo 4x200m livre 7min21seg96 Daynara de Paula 100m borboleta 59seg30 Daynara de Paula 4x100m livre 3min44seg62 Felipe Lima 100m peito Manuela Lyrio 4x200m livre Jéssica Cavalheiro 4x200m livre Bronze Daynara de Paula 4x100m medley 3min44seg62 Fabiola Molina 4x100m medley 3min44seg62 Juan Pereyra 1500m livre 15min26seg20 V JORNADA CIENTÍFICA CUIDANDO DO POTENCIAL ESPORTIVO Realizado de 25 a 27, 30 e 31 de janeiro de Dando continuidade do objetivo do Projeto, de capacitação dos profissionais envolvidos com o mesmo, a V Jornada Científica do Minas Tênis Clube Cuidando do Potencial Esportivo teve como objetivo atualizar todos os profissionais do esporte em relação a diferentes aspectos físicos, psicológicos e de gestão do esporte que devem ser cuidadosamente trabalhados para o pleno desenvolvimento de um atleta (FIGURA 21). 35

35 Figura 22: Cronograma oficial da V Jornada Científica do Minas Tênis Clube Cuidando do potencial esportivo Participaram como convidados externos dessa jornada o Prof. Dr. Plablo Juan Greco, a Prof. Dr. Maria Tereza Boheme e o Prof. Dr. Luciano Sales Prado, referências nacionais e internacionais nas áreas de Iniciação Esportiva, Treinamento Esportivo para crianças e adolescentes e Fisiologia do Exercício, respectivamente. 36

36 A presença dos professores Dr. Pablo Juan Greco e Dr. Luciano Sales Prado fortaleceram o convênio entre o Centro de Excelência Esportiva da UFMG (CENESPUFMG) e o Minas Tenis Clube que, desde 2008 aumenta a utilização da ciência como base do trabalho realizado no esporte do Clube. Além dos convidados já citados, de Rogério Romero e Pedro Meloni, a jornada contou com palestras de diversos profissionais do esporte do Clube, o que ocorre desde a primeira jornada. O objetivo da participação ativa desses profissionais é de que exista uma troca de experiências entre as diferentes áreas e modalidades, integrando o Clube em uma metodologia e filosofia única. Figura 23: Mesa redonda na V Jornada Científica. V SEMANA DE AVALIAÇÃO PRÉTEMPORADA Dando continuidade ao trabalho realizado há cinco anos no Minas Tênis Clube, a V Semana de Avaliações PréTemporada teve como objetivos a criação e acompanhamento do perfil do atleta minastenista e a obtenção de dados que permitem o acompanhamento a longo prazo dos atletas do Clube e uma avaliação da efetividade dos trabalhos realizados pela equipe multidisciplinar, garantindo maior eficiência e assertividade em suas intervenções após a avaliação. Pela primeira vez, as avaliações ocorreram em datas diferentes para diferentes modalidades para melhor atendelas em relação aos seus calendários de competições e eventos. Durante os períodos listados abaixo foram realizados testes antropométricos, médicos, fisioterápicos e físicos. 37

37 Figura 24: Teste cardiológico e psicológico durante a prétemporada 2012 Figura 25: Vista da estrutura montada para a realização das avaliações prétemporada. Abaixo o cronograma seguido: De 14/12/2011 a 22/12/2011: realização dos testes antropométricos, médicos, fisioterápicos e físicos com a modalidade tênis; De 16/01/2012 a 21/01/2012: realização dos testes antropométricos, médicos e fisioterápicos com as modalidades Ginástica Artística e Ginástica de Trampolim, Judô (equipes sub 17 e sub20) e Natação (equipes juvenil e júnior); De 16/01/2012 a 21/01/2012: realização dos testes físicos com a modalidade Judô (equipe sub17); De 23/01/2012 a 25/01/2012: realização dos testes físicos com as modalidades Ginástica Artística e Ginástica de Trampolim e Natação (equipes juvenil e júnior); 38

38 De 13/02/2012 a 17/02/2012: realização dos testes antropométricos, médicos, fisioterápicos e físicos com as modalidades Basquete, Futsal, Judô (equipe sub15), Vôlei feminino e Vôlei Masculino. Para a realização dessas avaliações é necessário o trabalho conjunto de toda a equipe multidisciplinar, com coordenação da Assessoria de Integração das Ciências do esporte, composta por uma Assessora Científica, dois Analistas TécnicoCientíficos, uma Bioestatística, um Biomecânico, um Analista Tecnológico Científico e um Auxiliar Tecnológico. A equipe multidisciplinar engloba médicos, fisioterapeutas e preparadores físicos, juntamente com os treinadores das oito modalidades esportivas do Clube. Além dos profissionais do Clube, tivemos novamente o suporte do Laboratório de Prevenção de Lesões (LAPREV) da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional da UFMG (CENESP/UFMG), alunos do Curso de Educação Física do Centro Universitário da UFMG, UniBH, do Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix e da Universidade Federal de Itaúna. Figura 26: Avaliação fisioterápica e avaliação física durante a V Semana de Avaliação Pré Temporada. Após a realização da Avaliação, os resultados foram apresentados à equipe multidisciplinar de cada modalidade separadamente. Juntamente com a apresentação dos resultados, foram apresentados também os planos de ação de cada profissional com o objetivo de melhoria dos aspectos físicos, médicos, psicológicos e fisioterápicos de cada atleta. CAMPEONATO SULAMERICANO Realizado de 12 a 17 de março de

39 A equipe FIAT Minas obteve resultados expressivos no Campeonato Sul Americano, com quatro convocações para a equipe brasileira (Manuela Lyrio, Carolina Bilich, Glauber Silva e Lucas Kanieski) e uma para a equipe argentina do atleta Juan Pereira, que já treina no Clube há três anos. Abaixo os resultados alcançados na competição: Manuela Lyrio: Ouro na prova de 200 livre, atingindo novo recorde do Campeonato, ouro no revezament0 4x200 livre e prata nos 400 livre; Glauber Silva: Ouro nos 100 borboleta e no revezamento 4x 100 livre e prata nos 50 livre; Lucas Kanieski: Ouro na prova de 1500 livre e prata nas provas de 800 livre, 400 livre e no revezamento 4 x 200 livre. Carolina Bilich: Prata na prova de 1500 livre e quarto lugar nos 800 Livre; Juan Pereira: Ouro na prova de 800 livre, prata nos 1500 e quarto lugar nos 800 livre. TRAINING CAMP EM FLORIANÓPOLIS Realizado de 26 de Fevereiro à 3 de Março de Trinta atletas e seis membros da comissão técnica da equipe FIATMinas passaram uma semana em Florianópolis para um Training Camp. O intuito dessa ação foi de proporcionar à equipe um ambiente diferenciado de treinamento para uma maior motivação, integração e concentração do grupo visando o campeonato brasileiro Troféu Maria Lenk Os treinos foram realizados na piscina da Universidade do Sul de Santa Catarina (UNISUL), uma das melhores do país. A presença diária durante e entre os treinamentos da equipe multidisciplinar (técnicos, fisioterapeuta, preparador físico e biomecânico) permitiu maior integração de todo o time e maior detalhe de análise das qualidades físicas, técnicas e psicológicas dos atletas. Durante o training camp foram feitas filmagens e análises dos estilos dos atletas pelo biomecânico, sempre integrado com toda a comissão técnica; análise de dominância muscular pela fisioterapeuta, além da coleta de sangue para análise da concentração de lactato pelo preparador físico. Este é utilizado como indicador da intensidade do esforço dos atletas e permite a readequação dos treinamentos de forma individualizada com o objetivo de otimizar a melhora do desempenho de cada atleta. 40

40 Figura 27: Treinamento da equipe FIAT Minas durante o training camp de Florianópolis. COMPETIÇÃO PARDUE INVITE Realizado de 26 de março a 2 de Abril de A equipe FIATMINAS de natação participou da competição PURDUE INVITE que ocorreu na Universidade de Purdue na cidade West Lafayete, Indiana nos Estados Unidos. O objetivo dessa participação foi realizar uma competiçãotreino de alto nível, visando o campeonato brasileiro absoluto Troféu Maria Lenk. Os atletas do Clube conquistaram 18 medalhas, sendo seis de ouro, seis de prata e seis de bronze. A competição foi também uma ótima oportunidade dos atletas mais jovens, que fazem parte do projeto olímpico, participarem de uma competição a nível internacional. Mais uma vez, a participação da equipe multidisciplinar foi de extrema importância para análises e instruções individualizadas aos atletas. Foram feitas análises biomecânicas individuais utilizando um sistema trazido da Austrália pelo novo técnico da equipe, Scott Volkers e adequado às necessidades dos atletas do Clube. Figura 28: Atletas da equipe FIATMinas durante a competição em Pardue. 41

41 MULTINATIONS JÚNIOR SWIMMING MEET Realizado de 31 de março a 01 de abril de A equipe FIAT Minas teve duas convocações para o campeonato: Andressa Cholodovskis da categoria juvenil e Diogo Vilarinho, hoje atleta da categoria júnior. TROFÉU PROFESSORA MARIA LENK/ TAÇA CORREIOS Realizado de 23 a 28 de abril de Este campeonato, além de ser uma das competições mais importantes do calendário brasileiro, teve valor aumentado para a equipe FIATMinas. Esta foi a última chance dos atletas brasileiros de alcançarem índice para participação nos jogos olímpicos de Londres, Figura 29: Equipe FIAT Minas no Troféu Maria Lenk. O Clube alcançou mais um índice olímpico de Fabíola Molina que irá a sua terceira Olimpíada, e confirmou a participação de outros dois atletas que já haviam feito seus índices. Abaixo a lista dos atletas do Minas Tenis Clube que irão nadar em Londres e suas respectivas provas: Fabíola Molina: 100 costas Nícolas Oliveira: 100 livre Felipe Lima: 100 peito 42

42 Figura 30: Fabíola Molina, após alcançar o índice para sua terceira Olimpíada. A atuação do biomecânico foi importante na correção dos atletas entre as provas que nadaram, tendo o novo método de análise se mostrado eficiente (FIGURA 28). A equipe terminou na quarta colocação o campeonato, com a maioria dos seus atletas alcançando os melhores resultados da carreira. TENTATIVA OLÍMPICA Realizado de 09 a 12 de maio de A tentativa olímpica foi a última chance dos atletas brasileira de alcançarem índices de participação em Londres, 2012, somente nas provas em que o Brasil ainda não possuía dois atletas classificados. Foi nesta competição que Gláuber Silva carimbou seu passaporte ao alcançar o tempo para a prova de 100 metros borboleta. Figura 32: Gláuber Silva, durante a prova de 100 borboleta. 43

43 Figura 31: Novo método de análise biomecânica utilizada na equipe FIATMinas 44

44 Avaliação Processual e de Resultados Descreva os resultados e índices apurados pelos indicadores quantitativos e qualitativos de progresso e, ainda, os meios de verificação das informações, ou seja: onde, quando e como as informações foram coletadas e analisadas. Seguem os resultados obtidos durante o projeto, de acordo com as metas qualitativas: Meta: Implantar um método padronizado de trabalho interdisciplinar Indicador: Planejamento Plurianual, Macrociclo, Microciclo do Treinamento das equipes. O método padronizado de trabalho interdisciplinar se consistiu na utilização de macro, meso e microciclos, ou seja, planejamento unificado de todas as áreas atuantes junto às equipes. Como relatado em DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES REALIZADAS, a comissão técnica da equipe FIATMinas utilizou planejamento a longo, médio e curto prazo para basear todas as suas ações e intervenções. Meta: Aprimorar a utilização do Macro, Meso e Microciclos de Treinamento pelos profissionais do esporte (técnicos, preparadores físicos, fisioterapeutas, psicólogos e nutricionistas) nas equipes contempladas pelo projeto. Indicador: Número de profissionais que utilizam o Planejamento Plurianual, Macrociclo, Microciclo no Treinamento das equipes. Quatro profissionais, sendo todos os três treinadores da equipe, o preparador físico utilizaram todos os planejamentos. A fisioterapia, nutrição e psicologia utilizam o Macrociclo para planejamento de suas ações. Meta: Aplicar tecnologia ao desenvolvimento esportivo. Indicador: Número de testes específicos realizados junto aos atletas utilizando equipamentos tecnológicos por ano. Foram realizados, no período do projeto, 25 testes e avaliações utilizando equipamentos tecnológicos. Para cumprir essa meta, além do Biomecânico, o Clube conta com a Assessoria Tecnológico Científica cujo objetivo é melhorar o desempenho e a aprendizagem dos atletas, por meio do desenvolvimento de modelos e recursos tecnológicos, além de fornecer dados de pesquisa que favorecem o desenvolvimeto desses atletas. O uso de equipamentos tecnológicos permite melhorar a qualidade das avaliações 45

45 realizadas pelos técnicos esportivos de técnicas e estratégia de prova, aumentando assim o nível de trabalho realizado pelos mesmos e facilitando o alcance dos resultados esperados individual e coletivamente. 2 1 Figura 33: Utilização da filmagem subaquática para correção de técnica durante o treinamento de natação (1. Câmera subaquática, 2. Tela para visualização do vídeo pelo atleta). Meta: Capacitar e promover o constante desenvolvimento dos profissionais envolvidos nas equipes de base e treinamento de alto rendimento. Indicador: Números de Escolas de Profissionais do Esporte promovidas por ano e número de participação em eventos técnicocientíficos. Em 2011 foram realizadas 06 escolas de profissionais do esporte, com os seguintes temas: IV Jornada Científica do Minas Tênis Clube Perspectivas Das Ciências do Esporte Visando Olimpíadas 2016; Competência, Profissionalismo e Resultados; Como Detectar Atletas Potenciais; 46

46 Palestra sobre biomecânica de nados com o Biomecânico da equipe FIATMinas Augusto Carvalho Barbosa; Apresentação dos Programas e Projetos Realizados no Minas Tênis Clube; Desenvolvimento de Atletas Potencias. Até maio de 2012 já foram realizadas 02 escolas de profissionais do esporte, com os seguintes temas: V Jornada Científica do Minas Tênis Clube Perspectivas das Ciências do Esporte visando Olimpíadas 2016 A importância da Avaliação no Processo Esporte Meta: Disseminar os conhecimentos dos profissionais do Clube de cada Ciência Esportiva por meio de cursos, palestras, seminários, produção e publicação de documentos científicos. Indicador: Número de participação anual como palestrantes em cursos, palestras e seminários, bem como número de publicações anuais em anais de eventos e periódicos. Em dezembro de 2011, o técnico principal da base, Amauri Machado, ministrou o curso teóricoprático de Natação no IV Simpósio Internacional de Atividade Física, realizado em São José dos Campos, SP. No período do Projeto, foram publicados dois trabalho em anais de eventos, detalhados a seguir: Evento: XIV Congresso Ciências Do Desporto E Educação Física Dos Países De Língua Portuguesa Participantes: Amauri Machado (Técnico Principal) Guilherme Passos Ramos (Preparador físico). Trabalhos: Comparação da frequência cardíaca máxima atingida em teste progressivo máximo, em competição e através da equação 220idade. Gustavo Guimarães Aguiar de Oliveira; J. M. Ludolf; André MaiaLima, Guilherme Passos Ramos (NICE MTC); T. T. Mendes; E. SilamiGarcia. Comparação entre dois testes de capacidade aeróbica mais utilizados no futebol. Leonardo Gomes Martins Coelho; Ronivaldo Lopes de Oliveira, Cristiano Lino Monteiro de Barros, Guilherme Passos Ramos (NICE MTC), D. B. Coelho, André MaiaLima, Emerson Silami Garcia. 47

47 Meta: Consolidar a participação direta de Entidades Governamentais, Universidades, Conselhos Profissionais e Entidades Desportivas, que possam dar suporte ao objetivo do programa. Indicador: Número de parcerias firmadas por ano. O Minas Tênis Clube possui dois grandes projetos aprovados na Lei de Incentivo ao Esporte, sendo eles: o Projeto Olímpico da Natação e o Projeto Formação e Desenvolvimento de Atletas Por Meio da Integração das Ciências do Esporte. Além da participação governamental, o Clube possui quatro parcerias firmadas, sendo elas com os Colégios e Faculdades Pitágoras e Izabela Hendrix, que auxiliam no objetivo de formar o atletacidadão, mantendo seus atletas também no estudo. Além disso, o Clube possui parceria com a Universidade Federal de Viçosa e com o Centro de Excelência Esportiva CENESP da Universidade Federal de Minas Gerais, que ofereceu algumas das palestras de capacitação aos profissionais envolvidos com a modalidade. Meta: Prevenir lesões e promover a saúde dos atletas envolvidos nas atividades esportivas do Clube. Indicador: Número de lesões ocorridas nos atletas anualmente. Em 2011 ocorreram 198 lesões na natação e, em 2010, 204 casos. Abaixo, gráfico comparativo dos anos em relação ao número de atletas em cada ano na modalidade. Meta: Melhorar o rendimento das equipes contempladas pelo projeto na natação; Indicador: Resultados obtidos em competições durante o ano de 2011 comparados ao ano anterior. 48

48 Figura 34: Comparação do desempenho em competições do ano de 2011 com o ano de 2010 Como mostrado em DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES REALIZADAS, a equipe FIATMinas conquistou os dois campeonatos mais importantes do calendário nacional em 2011 e em 2012 garantiu a convocação de quatro atletas para as Olimpíadas de 2012 em Londres. Meta: Desenvolver e reter novos talentos esportivos para esta modalidade; Indicador: Número de atletas que permanecerão nas equipes em 2011 comparados com o número de desligamentos. Dos quarenta atletas que fizeram parte do Projeto Olímpico em 2011, 24 permaneceram no clube. Das dezesseis evasões, doze ocorreram por motivo de fim de contrato ou questões financeiras. Meta: Promover aperfeiçoamento contínuo das áreas envolvidas no esporte. Indicador: Número de participação anual como palestrantes em cursos, palestras e seminários, bem como número de publicações anuais em anais de eventos e periódicos. Como detalhado em DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES REALIZADAS, e na descrição dos resultados da meta anterior, foram realizadas ações de capacitação dos profissionais, como a IV e V Jornadas Científicas e 07 Escolas de Profissionais do Esporte durante o período do Projeto, sendo que uma delas contou com a palestra do Biomecânico da equipe FIATMinas, Augusto Carvalho. 49

RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO

RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO Projeto Olímpico de Natação Ano I Processo: 58000.002149/2009-50 SLIE: 090203909 Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos - CBDA CONSECUÇÃO DO OBJETO As ações contidas

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DE CUMPRIMENTO DO OBJETO. Projeto Olímpico Natação - Minas Tênis Clube Rio 2016. Processo N 58701.001991/2011-91

RELATÓRIO FINAL DE CUMPRIMENTO DO OBJETO. Projeto Olímpico Natação - Minas Tênis Clube Rio 2016. Processo N 58701.001991/2011-91 RELATÓRIO FINAL DE CUMPRIMENTO DO OBJETO Projeto Olímpico Natação - Minas Tênis Clube Rio 2016 Processo N 58701.001991/2011-91 29 de Maio de 2012 a 30 de Setembro de 2013 SUMÁRIO Objetivos... 3 Metas qualitativas...

Leia mais

EC PINHEIROS OLÍMPICO AQUÁTICOS

EC PINHEIROS OLÍMPICO AQUÁTICOS EC PINHEIROS OLÍMPICO AQUÁTICOS ESPORTE CLUBE PINHEIROS NÚMEROS QUE IMPRESSIONAM 112 ANOS de existência umas das instituições mais tradicionais do país, oferecendo atividades esportivas, sociais e culturais

Leia mais

Gestão e Marketing Esportivo. Prof. José Carlos Brunoro

Gestão e Marketing Esportivo. Prof. José Carlos Brunoro Gestão e Marketing Esportivo Prof. José Carlos Brunoro O Sucesso depende de 3 pontos importantes 1. CONHECIMENTO 2. LIDERANÇA 3. CONDUTA PESSOAL 1 CONHECIMENTO Estudo Constante Aprender com todos Idioma

Leia mais

RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO

RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO s s Proponente: Minas Processo N 58.000.003.707/2007-32 Índice Índice...02 Histórico...03 Descrição...04 Objetivo Geral...05 Etapas e Fases...05 Método Empregado...10

Leia mais

ESPORTE CLUBE PINHEIROS

ESPORTE CLUBE PINHEIROS EC PINHEIROS 2012 NÚMEROS QUE IMPRESSIONAM 113 ANOS de existência umas das instituições mais tradicionais do país, oferecendo atividades esportivas, sociais e culturais de primeiro nível. 170.000 m² de

Leia mais

Confederação Brasileira de Voleibol PREPARAÇÃO FÍSICA Prof. Rommel Milagres SAQUAREMA Dezembro 2013

Confederação Brasileira de Voleibol PREPARAÇÃO FÍSICA Prof. Rommel Milagres SAQUAREMA Dezembro 2013 Confederação Brasileira de Voleibol PREPARAÇÃO FÍSICA Prof. Rommel Milagres SAQUAREMA Dezembro 2013 CURRICULUM VITAE Chefe do Departamento e Preparação Física do Minas Tênis Clube desde 1978 Preparador

Leia mais

EC PINHEIROS OLÍMPICO TERRESTRES

EC PINHEIROS OLÍMPICO TERRESTRES EC PINHEIROS OLÍMPICO TERRESTRES ESPORTE CLUBE PINHEIROS NÚMEROS QUE IMPRESSIONAM 112 ANOS de existência umas das instituições mais tradicionais do país, oferecendo atividades esportivas, sociais e culturais

Leia mais

RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO

RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO PROJETO TREINAMENTO OLÍMPICO DE PÓLO AQUÁTICO PROCESSO: 58701.000695/2010-92 SLIE: 1000.112-33 Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos - CBDA ATIVIDADES DO PROFESSOR

Leia mais

Natação Calendário Anual

Natação Calendário Anual Natação Calendário Anual O Clube Paineiras Fundado no início da década de 60, o Paineiras é um dos mais conceituados clubes de São Paulo, destacando-se em sua programação sociocultural, com grandes shows

Leia mais

III Seminário Gestão e Otimização dos Espaços de Cultura, Esporte e Lazer

III Seminário Gestão e Otimização dos Espaços de Cultura, Esporte e Lazer III Seminário Gestão e Otimização dos Espaços de Cultura, Esporte e Lazer Unidades SESI 94 Unidades em 77 Municípios: 30 unidades escolares 43 unidades multioperacionais 6 Clubes 4 Centros de Cultura 6

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DE CUMPRIMENTO DO OBJETO. Projeto Olímpico Natação - Minas Tênis Clube Rio 2016. Processo N 58701.001071/2012-54

RELATÓRIO FINAL DE CUMPRIMENTO DO OBJETO. Projeto Olímpico Natação - Minas Tênis Clube Rio 2016. Processo N 58701.001071/2012-54 RELATÓRIO FINAL DE CUMPRIMENTO DO OBJETO Projeto Olímpico Natação - Minas Tênis Clube Rio 2016 Processo N 58701.001071/2012-54 Outubro de 2013 à Junho de 2014 SUMÁRIO Objetivos... 3 Metas qualitativas...

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2010 / 2016 RICARDO DE MOURA

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2010 / 2016 RICARDO DE MOURA PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2010 / 2016 NATAÇÃO RICARDO DE MOURA APRESENTAÇÃO O Planejamento Estratégico 2010-2016 é o estudo e um roteiro de trabalho orientado para aumentar a probabilidade de resultados

Leia mais

AAARP PROJETO ATLETISMO. Acreditamos no poder da transformação através do esporte. E CIDADANIA ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO ATLETISMO DE RIBEIRÃO PRETO

AAARP PROJETO ATLETISMO. Acreditamos no poder da transformação através do esporte. E CIDADANIA ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO ATLETISMO DE RIBEIRÃO PRETO Acreditamos no poder da transformação através do esporte. Foto: Matheus urenha PROJETO ATLETISMO E CIDADANIA AAARP ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO ATLETISMO DE RIBEIRÃO PRETO Troféu Brasil de Atletismo, Equipe

Leia mais

PROJETO REAÇÃO OLÍMPICO VI

PROJETO REAÇÃO OLÍMPICO VI PROJETO REAÇÃO OLÍMPICO VI Temporada 2016/2017 Breve Histórico Criado pelo medalhista olímpico Flávio Canto em 2003, o Instituto Reação é uma organização não governamental que promove o desenvolvimento

Leia mais

ATLETAS DOS ESPORTES AQUÁTICOS NA BOLSA PÓDIO

ATLETAS DOS ESPORTES AQUÁTICOS NA BOLSA PÓDIO ATLETAS DOS ESPORTES AQUÁTICOS NA BOLSA PÓDIO CESAR AUGUSTO CIELO FILHO 10/01/1987 Santa Bárbara d Oeste SP 1,94m e 84kg 4x100 livre e 50m livre RANKING 1º PRINCIPAIS CONQUISTAS: Ouro (50m, 100m e 4x100m

Leia mais

XXIV TORNEIO SUL BRASILEIRO DE NATAÇÃO JÚNIOR I, II e SENIOR - TROFÉU PROF. HUGO YABE E XXII TROFÉU OPEN SUL BRASILEIRO DE NATAÇÃO

XXIV TORNEIO SUL BRASILEIRO DE NATAÇÃO JÚNIOR I, II e SENIOR - TROFÉU PROF. HUGO YABE E XXII TROFÉU OPEN SUL BRASILEIRO DE NATAÇÃO XXIV TORNEIO SUL BRASILEIRO DE NATAÇÃO JÚNIOR I, II e SENIOR - TROFÉU PROF. HUGO YABE E XXII TROFÉU OPEN SUL BRASILEIRO DE NATAÇÃO REGULAMENTO CAPÍTULO I DO OBJETIVO E FINALIDADES Art. 1º - Pelos Clubes

Leia mais

50M LIVRE FEMININO TOP 100 MELHORES TEMPOS

50M LIVRE FEMININO TOP 100 MELHORES TEMPOS Flavia Delaroli tem 40 das 100 melhores marcas da história dos 50m livre. Etiene Medeiros, por sua vez, tem apenas 6, mas conseguiu o recorde brasileiro e sul-americano no fim de 2014 50M LIVRE FEMININO

Leia mais

Comitê Olímpico Brasileiro Planejamento Estratégico Rio 2016

Comitê Olímpico Brasileiro Planejamento Estratégico Rio 2016 Comitê Olímpico Brasileiro Planejamento Estratégico Rio 2016 Meta - O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) trabalha pela transformação e manutenção do Brasil em uma potência olímpica, e a participação nos

Leia mais

Clínica Junior 2013 Rumo a Dubai Prof. Ricardo de Moura

Clínica Junior 2013 Rumo a Dubai Prof. Ricardo de Moura Clínica Junior 2013 Rumo a Dubai Prof. Ricardo de Moura MABU PARQUE RESORT RUA MANOEL VALDOMIRO DE MACEDO, 2609 CURITIBA Telefone : 41-3241-1400 Dia 19 Nadadores e Técnicos Dias 20 e 21 - Técnicos CLÍNICA

Leia mais

A melhor equipe de natação universitária do Brasil é da UNIP!

A melhor equipe de natação universitária do Brasil é da UNIP! A melhor equipe de natação universitária do Brasil é da UNIP! Oito vezes campeã das Olimpíadas Universitárias Brasileira, time de natação da UNIP quebra recordes de conquistas e torna-se referência de

Leia mais

PROJETO OLÍMPICO - RIO 2016 -

PROJETO OLÍMPICO - RIO 2016 - A MVP é uma agência de Comunicação e Marketing Esportivo que atua de forma diferenciada no mercado, gerenciando a imagem de grandes atletas do esporte nacional desde 2006, passando pelos ciclos olímpicos

Leia mais

Coordenadoria de Gestão das Políticas e Programas de Esporte e Lazer - CGPE. Clínica de Basquete. Aprendendo com o esporte

Coordenadoria de Gestão das Políticas e Programas de Esporte e Lazer - CGPE. Clínica de Basquete. Aprendendo com o esporte "Uma jornada de mil milhas começa com um primeiro passo" Lao-Tsé Data: 08/08/2009 Horário: 9H00 às 13H00 Local: Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa INTRODUÇÃO O objetivo do Circuito esportivo Clube

Leia mais

PLANO COMERCIAL PÉ DE VENTO 2014 À 2016

PLANO COMERCIAL PÉ DE VENTO 2014 À 2016 PLANO COMERCIAL PÉ DE VENTO 2014 À 2016 QUEM SOMOS A Associação Atlética Pé de Vento é uma organização não governamental. Considerada hoje uma das maiores equipes de corrida de longa distância da América

Leia mais

Resultados em Destaque

Resultados em Destaque Perfil O ATLETA Data e Local de Nascimento: 18/01/1991, Campo Grande - MS Altura e peso: 1,75 m e 70 kg Clube: Sport Club Corinthians Paulista Provas: 200m borboleta, 200m costas, 200m e 400m livre, revezamentos

Leia mais

Centro Paraolímpico Brasileiro, em São Paulo, é legado do Rio 2016 para os esportes adaptados

Centro Paraolímpico Brasileiro, em São Paulo, é legado do Rio 2016 para os esportes adaptados Centro Paraolímpico Brasileiro, em São Paulo, é legado do Rio 2016 para os esportes adaptados Governo federal e governo do Estado de São Paulo constroem o maior legado dos Jogos Paraolímpicos de 2016 para

Leia mais

Lei Federal de Incentivo ao ESPORTE

Lei Federal de Incentivo ao ESPORTE Lei Federal de Incentivo ao ESPORTE PATROCINE os Esportes do Paineiras! O Clube Fundado no início da década de 60, o Paineiras é um dos mais conceituados clubes de São Paulo, destacando-se em sua ampla

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RUGBY

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RUGBY Edital N 88/2013 São Paulo, 12 de junho de 2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROVIMENTO DE VAGAS DESTINADAS À CONTRATAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS A CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RUGBY (CBRu), de acordo

Leia mais

vvencendo Oportunidade. Superação. Transformação. no esporte e na vida.

vvencendo Oportunidade. Superação. Transformação. no esporte e na vida. o Oportunidade. Superação. Transformação. Poucos recursos, muitos obstáculos e uma grande vontade de vencer. As adversidades que desde cedo aprendeu a enfrentar só fizeram fortalecer a sua garra e a sua

Leia mais

RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO

RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DO OBJETO Formação de Equipes de Base de Ginástica Artística Proponente: Processo N 58000.003708/2007-87 Índice Índice...02 Histórico...03 Descrição...05 Objetivo Geral...06 Etapas

Leia mais

Esportes Compe..vos Clube Paineiras do Morumby

Esportes Compe..vos Clube Paineiras do Morumby Patrocínio Espor.vo Incen.vado Com base na Lei de Incen.vo ao Esporte. Esportes Compe..vos Clube Paineiras do Morumby O Paineiras Fundado no início da década de 60, hoje com 50 anos, o Paineiras é um dos

Leia mais

Crianças e jovens, de 09 até 17 anos de idade, participam de Escolinha e das Equipes nas competições oficiais.

Crianças e jovens, de 09 até 17 anos de idade, participam de Escolinha e das Equipes nas competições oficiais. ABIG / JEQUIÁ BASQUETE * Localizado na Ilha do Governador * Há 40 anos participando das competições de Basquete no Estado do Rio de Janeiro * Equipes participando de 5 categorias nesta temporada Crianças

Leia mais

CAMPEONATO ESTADUAL DE NATAÇÃO DE VERÃO TROFÉU ALEXANDRE VISCARDI, TROFÉU MARCOS CHAIBEN INFANTIL JUVENIL JUNIOR SENIOR TROFÉU PARANÁ ABSOLUTO

CAMPEONATO ESTADUAL DE NATAÇÃO DE VERÃO TROFÉU ALEXANDRE VISCARDI, TROFÉU MARCOS CHAIBEN INFANTIL JUVENIL JUNIOR SENIOR TROFÉU PARANÁ ABSOLUTO CAMPEONATO ESTADUAL DE NATAÇÃO DE VERÃO TROFÉU ALEXANDRE VISCARDI, TROFÉU MARCOS CHAIBEN INFANTIL JUVENIL JUNIOR SENIOR TROFÉU PARANÁ ABSOLUTO Data :04 A 07 DE NOVEMBRO DE 2015 Inscrição: 28 de outubro

Leia mais

AÇÕES DE FORMAÇÃO CREDITADAS PARA TREINADORES 2015 - Leiria

AÇÕES DE FORMAÇÃO CREDITADAS PARA TREINADORES 2015 - Leiria AÇÕES DE FORMAÇÃO CREDITADAS PARA TREINADORES 2015 - Leiria Ações Creditadas pelo PNFT 2015 Preços de Inscrição: 1) Ações de 1,4 créditos - 30,00 a. Preço para Filiados - 20,00 2) Ações de 0,8 créditos

Leia mais

PINHEIROS NO PAN-AMERICANO UMA HISTÓRIA VITORIOSA

PINHEIROS NO PAN-AMERICANO UMA HISTÓRIA VITORIOSA PINHEIROS NO PAN-AMERICANO UMA HISTÓRIA VITORIOSA Presente em todas as edições dos Jogos Pan-Americanos, o Pinheiros tem sua história esportiva associada diretamente com a competição. Para relembrar e

Leia mais

PREPARAÇÃO FÍSICA ARBITRAGEM FPF Fedato Esportes Consultoria em Ciências do Esporte

PREPARAÇÃO FÍSICA ARBITRAGEM FPF Fedato Esportes Consultoria em Ciências do Esporte PREPARAÇÃO FÍSICA ARBITRAGEM FPF Fedato Esportes Consultoria em Ciências do Esporte Antonio Carlos Fedato Filho Guilherme Augusto de Melo Rodrigues O Futebol está em uma constante evolução. Quando falamos

Leia mais

Pólo Aquático Calendário Anual

Pólo Aquático Calendário Anual Pólo Aquático Calendário Anual O Clube Paineiras Fundado no início da década de 60, o Paineiras é um dos mais conceituados clubes de São Paulo, destacando-se em sua programação sociocultural, com grandes

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER. Lançamento oficial dos programas, projetos e ações do esporte e Lazer 2013

SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER. Lançamento oficial dos programas, projetos e ações do esporte e Lazer 2013 SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER Lançamento oficial dos programas, projetos e ações do esporte e Lazer 2013 Equipe Smel 2013 Programas e ações de Esporte e Lazer de Uberaba em 2013 Programa Esporte

Leia mais

9 anos acreditando na comunidade! 05.05 - RELATÓRIO GERAL DE ATIVIDADES 2012 / 2013

9 anos acreditando na comunidade! 05.05 - RELATÓRIO GERAL DE ATIVIDADES 2012 / 2013 INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO ESPERANÇA BRASIL OSCIP ORGANIZAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL DE INTERESSE PÚBLICO 9 anos acreditando na comunidade! 05.05 - RELATÓRIO GERAL DE ATIVIDADES 2012 / 2013 Janeiro de 2014.

Leia mais

PROGRAMA ATLETA PARCEIRO

PROGRAMA ATLETA PARCEIRO PROGRAMA ATLETA PARCEIRO Contexto: O Programa Atleta Parceiro é uma ação da Pedro Baldo Escola de Natação que oferece bolsas integrais e parciais para atletas que se comprometem com as estratégias de treinamento

Leia mais

Seleção Brasileira Feminina de Handebol COMISSÃO TÉCNICA

Seleção Brasileira Feminina de Handebol COMISSÃO TÉCNICA Seleção Brasileira Feminina de Handebol COMISSÃO TÉCNICA Técnico: Morten Soubak é o técnico da Seleção Brasileira Adulta Feminina de Handebol para o ciclo olímpico 2009-2012. Morten é natural de Fodby,

Leia mais

1 Thiago de Souza Aranha Duarte (ARANHA) Nascimento: 25/09/81 (29 anos) Santos (SP)

1 Thiago de Souza Aranha Duarte (ARANHA) Nascimento: 25/09/81 (29 anos) Santos (SP) Medley/Campinas Elenco temporada 2011/2012 1 Thiago de Souza Aranha Duarte (ARANHA) Nascimento: 25/09/81 (29 anos) Santos (SP) Altura: 1m95 Última equipe: Pinheiros / Sky Principais resultados: Bicampeão

Leia mais

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Professor. 9º Ano 4º Bimestre. DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO DINÂMICA. Tratamento da Informação.

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Professor. 9º Ano 4º Bimestre. DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO DINÂMICA. Tratamento da Informação. Reforço escolar M ate mática Quem será o campeão? Dinâmica 2 9º Ano 4º Bimestre DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO Professor Matemática Ensino Fundamental 9º DINÂMICA Quem será o campeão? Tratamento da Informação.

Leia mais

Programa do Curso: Uma abordagem multidisciplinar do esporte, com ênfase na Psicologia do Esporte.

Programa do Curso: Uma abordagem multidisciplinar do esporte, com ênfase na Psicologia do Esporte. Programa do Curso: Uma abordagem multidisciplinar do esporte, com ênfase na Psicologia do Esporte. Formato do Curso: O curso terá a duração de 5 (cinco) meses, com aulas a cada 15 dias, ou seja, via de

Leia mais

Programa Atleta Cidadão

Programa Atleta Cidadão Programa Atleta Cidadão 1 Índice I. Identificação... 3 II. Carta de apresentação... 3 III. Nome do Programa... 3 IV. Objetivo Geral... 3 V. Objetivos Específicos... 4 VI. Justificativa... 4 VII. Relevância

Leia mais

Trilha para o Mundial

Trilha para o Mundial esporte patinação Trilha para o Mundial É grande a expectativa da equipe do Iate para o Mundial de Patinação Artística 2011. Pela primeira vez, o campeonato será realizado no Brasil, de 14 a 27 de novembro.

Leia mais

MANUAL DO ATLETA São Paulo, 2013

MANUAL DO ATLETA São Paulo, 2013 MANUAL DO ATLETA São Paulo, 2013 1 APRESENTAÇÃO O Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa, também identificado pela sigla COTP, é um equipamento da Coordenadoria de Gestão do Esporte de Alto Rendimento

Leia mais

CAMPEONATO ESTADUAL INFANTIL A SENIOR DE NATAÇÃO - 2012

CAMPEONATO ESTADUAL INFANTIL A SENIOR DE NATAÇÃO - 2012 FEDERAÇÃO AQUÁTICA NORTERIOGRANDENSE www.fanrn.com.br - aquaticarn@gmail.com Fone: 84-32018008 CAMPEONATO ESTADUAL INFANTIL A SENIOR DE NATAÇÃO - 2012 REGULAMENTO Art. 1º - O Campeonato Estadual Infantil

Leia mais

SELEÇÃO MASCULINA COMISSÃO TÉCNICA

SELEÇÃO MASCULINA COMISSÃO TÉCNICA SELEÇÃO MASCULINA COMISSÃO TÉCNICA Presidente CBHb: Manoel Luiz Oliveira Técnico: Jordi Ribera Romans Assistente-técnico: Washington Nunes Preparador Físico: Luis Antonio Luisi Turisco Fisioterapeuta:

Leia mais

PLANO DE TRABALHO FUTEBOL

PLANO DE TRABALHO FUTEBOL PLANO DE TRABALHO FUTEBOL Telefone: (44) 3220-5750 E-mail: centrosesportivos@maringa.pr.gov.br EQUIPE ORGANIZADORA SECRETARIO MUNICIPAL DE ESPORTES E LAZER Francisco Favoto DIRETOR DE ESPORTES E LAZER

Leia mais

PROJETO ESPORTIVO MODIFICA ESTILO DE VIDA DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES EM VULNERABILIDADE SOCIAL

PROJETO ESPORTIVO MODIFICA ESTILO DE VIDA DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES EM VULNERABILIDADE SOCIAL 110. ÁREA TEMÁTICA: ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( X ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA PROJETO ESPORTIVO MODIFICA ESTILO DE VIDA DE CRIANÇAS

Leia mais

柔 道 パウリスタ. Informações sobre valores, favorecidos e contratantes de convênios e pagamentos relativos aos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016:

柔 道 パウリスタ. Informações sobre valores, favorecidos e contratantes de convênios e pagamentos relativos aos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016: Informações sobre valores, favorecidos e contratantes de convênios e pagamentos relativos aos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016: Convênios Número do Convênio SIAFI: 755940 Situação: Aguardando Prestação

Leia mais

Histórico de Medalhas e Modalidades Paralímpicas - Portugal

Histórico de Medalhas e Modalidades Paralímpicas - Portugal Histórico de Medalhas e Modalidades Paralímpicas - Portugal Igualdade, Inclusão & Excelência Desportiva Departamento Técnico, Fevereiro de Índice Introdução... Medalhas... Gráficos de Medalhas... Atletas

Leia mais

A HISTÓRIA DA MODALIDADE EM INDAIATUBA

A HISTÓRIA DA MODALIDADE EM INDAIATUBA 1 A HISTÓRIA DA MODALIDADE EM INDAIATUBA O handebol é praticado em Indaiatuba há 20 anos. Nos primeiros anos sem um forte trabalho de base, os times foram montados com atletas migrados de outros esportes

Leia mais

III Curso de atualizações em Lutas. II Workshop Internacional de Lutas. www.workshopdelutas.com CONVITE

III Curso de atualizações em Lutas. II Workshop Internacional de Lutas. www.workshopdelutas.com CONVITE III Curso de atualizações em Lutas II Workshop Internacional de Lutas www.workshopdelutas.com CONVITE Será realizado em Maringá-PR de 23 a 25 de Agosto de 2013 o III Curso de Atualizações em Lutas e II

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL SELEÇÃO BRASILEIRA FEMININA DE HANDEBOL COMISSÃO TÉCNICA Presidente da CBHb: Manoel Luiz Oliveira Técnico: Morten Soubak Assistente técnico: Alex Aprille Médica: Pauline

Leia mais

XXV Campeonato Brasileiro Interfederativo Infanto- Juvenil Troféu Chico Piscina

XXV Campeonato Brasileiro Interfederativo Infanto- Juvenil Troféu Chico Piscina REGULAMENTOS XXV Campeonato Brasileiro Interfederativo Infanto- Juvenil Troféu Chico Piscina CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Art. 1º - Com a participação das Federações filiadas à Confederação Brasileira de

Leia mais

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Aluno Primeira Etapa Compartilhar Ideias. 9º Ano 4º Bimestre

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Aluno Primeira Etapa Compartilhar Ideias. 9º Ano 4º Bimestre Reforço escolar M ate mática Quem será o campeão? Dinâmica 2 9º Ano 4º Bimestre DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO Matemática Ensino Fundamental 9º Tratamento da Informação. Análise de gráficos e tabelas. Aluno

Leia mais

APRESENTAÇÃO JORGE HACHIYA SAEKI (11) 3016-8450 / 9.9996-1546

APRESENTAÇÃO JORGE HACHIYA SAEKI (11) 3016-8450 / 9.9996-1546 APRESENTAÇÃO Jorge Hachiya Saeki é advogado, sócio do Clube de Campo de São Paulo onde já atuou na diretoria do departamento de golfe, atualmente faz parte da diretoria da Federação Paulista de Golfe no

Leia mais

RESOLUÇÃO. Bragança Paulista, 30 de maio de 2005. Prof. Milton Mayer Presidente

RESOLUÇÃO. Bragança Paulista, 30 de maio de 2005. Prof. Milton Mayer Presidente RESOLUÇÃO CONSEAcc-BP 9/2005 ALTERA AS EMENTAS DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO, DO CÂMPUS DE BRAGANÇA PAULISTA. O Presidente do Conselho Acadêmico por Câmpus, do câmpus de Bragança

Leia mais

ESPINHO 2009 CAMPUS DE ANDEBOL

ESPINHO 2009 CAMPUS DE ANDEBOL CAMPUS DE ANDEBOL ESPINHO 2009 A 1ª Edição do Campus de Andebol Espinho 2009, pretende contribuir para a formação integral dos jovens participantes, no âmbito desportivo, humano e educativo. Aliar o treino

Leia mais

RELATÓRIO DE CONCLUSÃO DO PROJETO FORMAÇÃO DE ATLETAS

RELATÓRIO DE CONCLUSÃO DO PROJETO FORMAÇÃO DE ATLETAS RELATÓRIO DE CONCLUSÃO DO PROJETO FORMAÇÃO DE ATLETAS RELATÓRIO DE CONCLUSÃO DO PROJETO FORMAÇÃO DE ATLETAS PERÍODO: MARÇO /29 a FEVEREIRO/211 VALOR TOTAL: R$ 14.343.772,7 EMPRESAS PARTICIPANTES: AGORA

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES B8 PROJETOS EDUCACIONAIS

RELATÓRIO DE ATIVIDADES B8 PROJETOS EDUCACIONAIS RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013 B8 PROJETOS EDUCACIONAIS Janeiro de 2014. A B8 Projetos Educacionais conseguiu demonstrar mais uma vez que o Brasil sabe produzir e desenvolver jovens talentos capazes de fazer

Leia mais

Proposta de projetos para o desenvolvimento do remo nacional Autor: Gustavo Maia Atualizado em: 27/03/2015

Proposta de projetos para o desenvolvimento do remo nacional Autor: Gustavo Maia Atualizado em: 27/03/2015 P1. Implantação e manutenção de unidades gerenciais na CBR Aumentar o nível de maturidade gerencial da CBR A melhoria do gerenciamento da CBR causará impacto positivo em todas as partes interessadas Captação

Leia mais

Praça Engenheiro José Rebouças Ponta da Praia Santos SP CEP 11030-000 Tel. 3269 8080 gab.semes@santos.sp.gov.br

Praça Engenheiro José Rebouças Ponta da Praia Santos SP CEP 11030-000 Tel. 3269 8080 gab.semes@santos.sp.gov.br Praça Engenheiro José Rebouças Ponta da Praia Santos SP CEP 11030-000 Tel. 3269 8080 gab.semes@santos.sp.gov.br ROTEIRO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETO 1. Título do Projeto: Educando com o Taekwondo 2. Manifestação:

Leia mais

COMUNICADO Nº 29-15 11/09/2015

COMUNICADO Nº 29-15 11/09/2015 COMUNICADO Nº 29-15 11/09/2015 ÍNDICE 1. PLANO DE ATIVIDADES 2015/2016 2. NATAÇÃO PURA 3. FILIAÇÕES 2015/2016 4. ABERTURA DO CONCURSO - BOLSA DE ESTUDOS EUA 5. DIVERSOS 1. PLANO DE ATIVIDADES 2015/ 2016

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 55 Discurso na cerimónia de abertura

Leia mais

Como montar Programas de Corridas e Caminhadas para grupos heterogêneos dentro de clubes Professor Zeca

Como montar Programas de Corridas e Caminhadas para grupos heterogêneos dentro de clubes Professor Zeca Como montar Programas de Corridas e Caminhadas para grupos heterogêneos dentro de clubes Professor Zeca Apresentação: De jogador de Vôlei a treinador de natação e dono de assessoria; Formado em Educação

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA DO ABC MANTIDA PELA FUNDAÇÃO DO ABC EXAMES REALIZADOS NOS ÁRBITROS DA DO ABC FMABC

FACULDADE DE MEDICINA DO ABC MANTIDA PELA FUNDAÇÃO DO ABC EXAMES REALIZADOS NOS ÁRBITROS DA DO ABC FMABC RELATÓRIO DOS EXAMES REALIZADOS NOS ÁRBITROS DA FEDERAÇÃO PAULISTA DE FUTEBOL PELA FACULDADE DE MEDICINA DO ABC FMABC O Núcleo de Saúde no Esporte da Faculdade de Medicina do ABC FMABC, utilizando as suas

Leia mais

O que são as diretrizes para Discussão Temática?

O que são as diretrizes para Discussão Temática? O que são as diretrizes para Discussão Temática? As diretrizes para Discussão Temática apresentam conteúdos exclusivos desenvolvidos por meio de pesquisas para a Fundação 1º de Maio. As informações aqui

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO 1. ª SÉRIE CÓDIGO DISCIPLINAS TEOR PRAT CHA PRÉ-REQUISITO 99-7233-02

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO 1. ª SÉRIE CÓDIGO DISCIPLINAS TEOR PRAT CHA PRÉ-REQUISITO 99-7233-02 MATRIZ CURRICULAR Curso: Graduação: Regime: Duração: EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA SERIADO ANUAL - MATUTINO/NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO TOTAL - MÍNIMO = 04 (QUATRO) ANOS LETIVOS

Leia mais

CALENDÁRIO CBDA - UNIFICADO 2016

CALENDÁRIO CBDA - UNIFICADO 2016 CALENDÁRIO CBDA - UNIFICADO 2016 JANEIRO 02 a 23 EVEO Treinamento em Altitude 1 - Poliana Okimoto Treinamento em Altitude 2 - Ana Marcela 12/01 a 04/02 Cunha e Allan do Carmo FEVEREIRO 07 16 a 21 19 a

Leia mais

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DO BASQUETE MINEIRO

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DO BASQUETE MINEIRO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DO BASQUETE MINEIRO O que é? O Programa de Desenvolvimento do Basquete Mineiro (PDBM) é um projeto focado no atendimento as demandas dos clubes e escolas, em novas metodologias

Leia mais

ORIENTAÇÃO TÉCNICA 2015

ORIENTAÇÃO TÉCNICA 2015 1 ORIENTAÇÃO TÉCNICA 2015 1. FINALIDADE Regular a Orientação Técnica de 2015 às Federações filiadas à CBPM. 2. REFERÊNCIAS - Estatuto da CBPM; - Regulamento Técnico da CBPM; - Calendário Desportivo da

Leia mais

Patinação brilha nos EUA

Patinação brilha nos EUA Patinaçăo Patinação brilha nos EUA Patinadoras vencem competição internacional e adquirem mais experiência para 2009 A patinação do Iate teve uma participação destacada nos EUA e ainda ganhou um reforço

Leia mais

salto em distância. Os resultados tiveram diferenças bem significativas.

salto em distância. Os resultados tiveram diferenças bem significativas. 1 Análise de comparação dos resultados dos alunos/atletas do Atletismo, categoria infanto, nos Jogos Escolares Brasiliense & Olimpíadas Escolares Brasileira. Autora: Betânia Pereira Feitosa Orientador:

Leia mais

Relatório Gestão do Projeto 2013

Relatório Gestão do Projeto 2013 Relatório Gestão do Projeto 2013 Fundação Aperam Acesita e Junior Achievement Minas Gerais: UMA PARCERIA DE SUCESSO SUMÁRIO Resultados 2013... 6 Resultados dos Programas... 7 Programa Vamos Falar de Ética...

Leia mais

Período de Preparação Período de Competição Período de Transição

Período de Preparação Período de Competição Período de Transição PERIODIZAÇÃO Desde que a chamada "Ciência do Esporte" passou a sistematizar e metodizar o Treinamento Desportivo, a periodização passou a ser a única forma de se organizar todo o trabalho realizado durante

Leia mais

DESCRIÇÃO DO PROJETO

DESCRIÇÃO DO PROJETO I. CADASTRO DO PROPONENTE 02PR087352011 Proponente: Academia Brasileira de Canoagem CNPJ: 12.502.059/0001-67 E-mail: abracan@live.com Endereço: R. Monsenhor Celso, 231, 6 andar, Centro Telefone(DDD): (41)3083-2600

Leia mais

MANUAL DE DIRETRIZ E EXECUÇÃO 2013

MANUAL DE DIRETRIZ E EXECUÇÃO 2013 MANUAL DE DIRETRIZ E EXECUÇÃO 2013 1. APRESENTAÇÃO O Programa Minas Olímpica Oficina de Esportes é uma ação do Governo de Minas por meio da SEEJ, cujo objetivo é o fomento e desenvolvimento do esporte

Leia mais

PROJETO ATLETISMO EQUIPE PÉ DE VENTO RUMO AOS JOGOS OLÍMPICOS RIO 2016

PROJETO ATLETISMO EQUIPE PÉ DE VENTO RUMO AOS JOGOS OLÍMPICOS RIO 2016 PROJETO ATLETISMO Alto Rendimento EQUIPE PÉ DE VENTO RUMO AOS JOGOS OLÍMPICOS RIO 2016 PROPONENTE Proponente: Associação Atlética Pé de Vento CNPJ: 07.344.299\0001-40 E-mail: pedeventobra@gmail.com Site:

Leia mais

FUTSAL HISTÓRICO ORIGEM DO FUTSAL BRASIL URUGUAI 1940 ACM 1930 ACM

FUTSAL HISTÓRICO ORIGEM DO FUTSAL BRASIL URUGUAI 1940 ACM 1930 ACM A exemplo de vários outros esportes, - basquetebol, Handebol tentar entender a origem do futebol de salão, é um caminho muito difícil, devido aos escassos documentos que nos possam esclarecer a origem

Leia mais

REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012

REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012 REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012 OBJETIVO GERAL Formação para o pleno exercício da cidadania de crianças e adolescentes por meio do esporte. CAPÍTULO I DA FINALIDADE DO EVENTO

Leia mais

Projeto 1ª Semana Raça Rugby Ribeirão

Projeto 1ª Semana Raça Rugby Ribeirão Projeto 1ª Semana Raça Rugby Ribeirão O Projeto 1ª Semana Raça Rugby Ribeirão é um evento realizado pela Associação Atlética Raça Rugby Ribeirão, cujos focos são o aprimoramento técnico de atletas, a criação

Leia mais

I SELETIVA ANO - 2015 Local: SECRETARIA DE ESPORTES Data: 28/03/2015 à 29/03/2015 50 METROS COSTAS FEMININO MIRIM

I SELETIVA ANO - 2015 Local: SECRETARIA DE ESPORTES Data: 28/03/2015 à 29/03/2015 50 METROS COSTAS FEMININO MIRIM Prova N 1 Etapa: 1 (28/3/2016) 50 METROS COSTAS FEMININO MIRIM 4 MARIA PAULA GOMIDE MOREIRA 284220 2005 ASBAC/AQUANAII 00:54.48 5 FERNANDA RESENDE ROCHA 296569 2006 ASBAC/AQUANAII 99:99.99 26/03/2015 18:36:48

Leia mais

NEWSLETTER 01/2011. Fórum de Esporte no RJ. Esporte como legado para a transformação social. Rio de Janeiro, 16 de maio de 2011

NEWSLETTER 01/2011. Fórum de Esporte no RJ. Esporte como legado para a transformação social. Rio de Janeiro, 16 de maio de 2011 Fórum de Esporte no RJ Representantes de 18 estados brasileiros estiveram presentes na primeira reunião do Fórum Nacional de Secretários e Gestores Estaduais de Esporte e Lazer coordenada pela Secretária

Leia mais

Programa de Desenvolvimento Gerencial. Brasília, Maio de 2014

Programa de Desenvolvimento Gerencial. Brasília, Maio de 2014 Programa de Desenvolvimento Gerencial Brasília, Maio de 2014 A Embrapa Missão Viabilizar soluções de pesquisa, desenvolvimento e inovação para a sustentabilidade da agricultura em benefício da sociedade

Leia mais

PROJETO SABER PARA CUIDAR DOENÇA FALCIFORME NA ESCOLA. Cristiane Miranda Rust cristiane@nupad.ufmg.br

PROJETO SABER PARA CUIDAR DOENÇA FALCIFORME NA ESCOLA. Cristiane Miranda Rust cristiane@nupad.ufmg.br PROJETO SABER PARA CUIDAR DOENÇA FALCIFORME NA ESCOLA Cristiane Miranda Rust cristiane@nupad.ufmg.br Incidência da DF: Brasil MA 1:1400 PE 1:1400 BA 1:650 RO 1:13000 GO 1:1800 MS 1:4000 SP 1:4000 MG 1:1400

Leia mais

ESPORTE E CIDADANIA, PROGRAMA MEDALHA DE OURO GINÁSTICA DE TRAMPOLIM E ARTÍSTICA

ESPORTE E CIDADANIA, PROGRAMA MEDALHA DE OURO GINÁSTICA DE TRAMPOLIM E ARTÍSTICA ESPORTE E CIDADANIA, PROGRAMA MEDALHA DE OURO GINÁSTICA DE TRAMPOLIM E ARTÍSTICA Projeto enviado por Lúcia de Fátima Albuquerque Silva - Juíza de Direito Titular da Vara Criminal e da Infância e da Juventude

Leia mais

Associação de Ginástica Rítmica Universidade Positivo Secretaria do Centro Esportivo Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300 - Curitiba PR

Associação de Ginástica Rítmica Universidade Positivo Secretaria do Centro Esportivo Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300 - Curitiba PR Projeto Clube AGIR ANO 6 Nome: ASSOCIAÇÃO DE GINÁSTICA RÍTMICA AGIR CNPJ: 08.004.169/0001-21 - Fone: +55 41 3079-4842 E-mail: Universidade Positivo Centro Esportivo Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza,

Leia mais

Atletas do vôlei de praia contemplados com a Bolsa Atleta Pódio

Atletas do vôlei de praia contemplados com a Bolsa Atleta Pódio Atletas do vôlei de praia contemplados com a Bolsa Atleta Pódio Emanuel Fernando Scheffer Rego 15/04/1973 Curitiba (PR) 1,90m e 80kg Ouro nas Olimpíadas de Atenas-2004 Prata nas Olimpíadas de Londres-2012

Leia mais

Gestão pela Excelência

Gestão pela Excelência OLIMPÍADA DA BAIXADA Gestão pela Excelência Triplo E Excelente Experiência Esportiva PROF. MS LUCIO MACEDO Academia Olímpica Brasileira Gestão pela Excelência 13 Municípios Participantes Belford Roxo

Leia mais

DUARTE MOURÃO currículo

DUARTE MOURÃO currículo DUARTE MOURÃO currículo O ATLETA DUARTE MOURÃO NOME: Duarte Rafael Rodrigues de Almeida Mourão DATA DE NASCIMENTO: 28 Janeiro de 1984 RESIDÊNCIA: Loures NATURALIDADE: Loures MORADA: Rua Dr. Henrique Barbas

Leia mais

Esporte na Educação. Maria Alice Zimmermann

Esporte na Educação. Maria Alice Zimmermann Esporte na Educação Olimpismo O Olimpismo é uma filosofia de vida que defende a formação de uma consciência pacifista, democrática, humanitária, cultural e ecológica por meio da prática esportiva. COB

Leia mais

PROJETO FUTSAL 2013 CATEGORIAS SUB 07 SUB 09 SUB 11 SUB 13 SUB 15

PROJETO FUTSAL 2013 CATEGORIAS SUB 07 SUB 09 SUB 11 SUB 13 SUB 15 PROJETO FUTSAL 2013 CATEGORIAS SUB 07 SUB 09 SUB 11 SUB 13 SUB 15 1 PROJETO FUTSAL DA ESCOLA BARÃO EM 2013 INTRODUÇÃO A Escola Barão do Rio Branco, através do seu Curso Livre BARÃO ESPORTES, oportuniza

Leia mais

Currículos dos Cursos do CCB UFV EDUCAÇÃO FÍSICA. COORDENADORA DO CURSO EDUCAÇÃO FÍSICA Maria Aparecida Cordeiro Sperancini speranci@ufv.

Currículos dos Cursos do CCB UFV EDUCAÇÃO FÍSICA. COORDENADORA DO CURSO EDUCAÇÃO FÍSICA Maria Aparecida Cordeiro Sperancini speranci@ufv. 88 Currículos dos Cursos do CCB UFV EDUCAÇÃO FÍSICA COORDENADORA DO CURSO EDUCAÇÃO FÍSICA Maria Aparecida Cordeiro Sperancini speranci@ufv.br UFV Catálogo de Graduação 2002 89 Bacharelado ATUAÇÃO A formação

Leia mais

Check-up Performance

Check-up Performance A Saúde pelo Esporte é nosso lema maior. É o nosso ponto de partida e também nosso norteador. Dr. Felix Abuquerque Drummond Parceria REMOSUL O INSTITUTO O Instituto de Medicina do Esporte - IME é um centro

Leia mais

Nº59 Fev. 2014 CARNAVAL 2014 COLÔNIA DE FÉRIAS

Nº59 Fev. 2014 CARNAVAL 2014 COLÔNIA DE FÉRIAS Nº59 Fev. 2014 SOCIAL CARNAVAL 2014 Com o tema Clube Folia Copa do Mundo 2014, o Clube Mogiano apresenta o carnaval com animação de Carlinhos Lima & Banda Diva Drive. Confira os eventos sociais e a programação

Leia mais

Atletas do Atletismo contemplados com a Bolsa Pódio

Atletas do Atletismo contemplados com a Bolsa Pódio Atletas do Atletismo contemplados com a Bolsa Pódio ANA CLAUDIA LEMOS SILVA 11/06/1988 Jaguaretama CE 1.58m e 55kg 4x100m Ouro (200m e 4x100m) nos Jogos Pan-americanos Guadalajara 2011 1ª colocada (100m

Leia mais

Projeto Futuros Craques São Paulo

Projeto Futuros Craques São Paulo Projeto Futuros Craques São Paulo O Projeto Futuros Craques é considerado o carro chefe da B16 em São Paulo, a sua programação destina-se à oferecer esportes de maneira saudável para crianças da rede pública

Leia mais