A Empresa...3. Vantagens Competitivas...6. Histórico dos Principais Gestores..7. Organograma Institucional.8. Filosofia de Investimento.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A Empresa...3. Vantagens Competitivas...6. Histórico dos Principais Gestores..7. Organograma Institucional.8. Filosofia de Investimento."

Transcrição

1 Agosto 2013 Este material foi elaborado pela JGP DTVM LTDA ( JGP ), tem caráter meramente informativo e não deve ser utilizado, distribuido ou copiado sem a prévia e expressa autorização da JGP. 1

2 Índice A Empresa....3 Vantagens Competitivas....6 Histórico dos Principais Gestores..7 Organograma Institucional.8 Filosofia de Investimento. 10 Gestão de Risco..11 Fundos Multimercados.. 12 Fundos de Ações.15 Fundos de Distressed Debt

3 A Empresa JGP Uma das primeiras e maiores gestoras independentes da indústria brasileira, focada exclusivamente na gestão discricionária de recursos; Origem A JGP foi fundada em agosto de 1998 por um grupo de profissionais que trabalham juntos há mais de 20 anos, com vasta experiência em gestão de recursos, tanto no mercado financeiro brasileiro quanto global; Modelo de Negócios Partnership, baseada em hierarquia horizontalizada e ambiente meritocrático; 20 sócios e 10 associados de um total de 71 profissionais; Alinhamento de interesses entre os sócios e os investidores; Foco em Preservação de Capital Os Fundos multimercados da JGP apresentam performance longa e consistente ao longo de 14 anos de atividades, com todos os anos positivos; Total de Ativos sob gestão R$ 8,3 bilhões, divididos em produtos de diferentes estratégias: Produtos Fundos Multimercados (baixa e alta volatilidade) Fundos de Ações Fundos de Crédito (Distressed Debt) Total sob Gestão R$ 4,8 bilhões R$ 3,3 bilhões R$ 250 milhões 3

4 A Empresa Liderança Sênior André Jakurski, principal executivo, possui 40 anos de experiência; MBA (Harvard University); Diretor do Unibanco, Fundador e Diretor Executivo do Banco Pactual por 13 anos; Fundador e Diretor Executivo da JGP; 10 entre os 14 Gestores são sócios; Equipe de Gestão 14 Gestores: Média de 17 anos de experiência no mercado financeiro; 11 dedicados a Multimercados, 2 a fundos de Ações e 1 ao Fundo de Distressed Debt; 4 Macroeconomistas: 1 PhD, 2 mestres; 2 dedicados a Brasil e demais países em desenvolvimento e 2 a países desenvolvidos; 12 Analistas de Empresas: 8 Seniores com média de 10 anos de mercado; Mais de 80 anos de experiência combinada em análise de empresas; Cobertura de mais de 120 companhias listadas no Brasil e exterior; 2 Analistas Quantitativos: 1 MBA; 6 Analistas de Crédito: 1 MBA; 1 mestre; Equipes de Middle e Back-Office 27 profissionais: Responsáveis por controle de risco, liquidações financeiras, controle gerencial, contabilidade, T.I. e jurídico. Modelos proprietários e rígido controle de risco desde a fundação da empresa; Reconciliação diária das posições e do caixa com administrador externo e contra-partes, desde a fundação; Cálculo diário de risco e de retornos por fundo e por gestor, desde a fundação; Existência de planos de contingência para todos os serviços críticos; Equipe de Relação com Investidores 6 profissionais 4

5 A Empresa 38 50% de aumento 78% de aumento 58% de aumento 106% de aumento 5

6 Vantagens Competitivas Sócios Fundadores trabalham juntos há mais de 20 anos; Grupo com larga experiência em gestão de recursos; Gestores com diferentes especialidades e estilos complementares, cobrindo renda fixa, ações, câmbio, commodities e crédito (Distressed Debt), nos mercados emergentes e desenvolvidos; Estrutura robusta e escalável: 71 Profissionais dedicados à atividade de gestão de recursos; Única gestora independente do Brasil a ser agraciada com o Rating MQ1 da Moody s; Equipe de análise de empresas de alto nível: 12 analistas e 2 Gestores dedicados a ações, efetuando cobertura detalhada de 15 setores e mais de 120 companhias listadas no Brasil e exterior; Rígida metodologia de risco, aliada à constante preocupação com a preservação do capital investido; 14 anos de track record auditado em fundos multimercados, apresentando retornos positivos anualmente, desde a fundação; Ênfase em ativos de alta liquidez e uso limitado de alavancagem; Forte cultura de meritocracia resultando em alta performance e em um grupo de profissionais motivado. A empresa entende que seu maior ativo são os profissionais que a compõem; Alinhamento de interesses: sócios investem parte substancial de seus recursos nos produtos da casa. 6

7 Principais Gestores Histórico Anos de Anos Gestor Experiência Currículos Início Fim André Jakurski 40 Sócio Fundador e Diretor Executivo da JGP. Gestor Sênior, Mercados Globais 1998 Corrente Sócio Fundador e Diretor Executivo - Banco Pactual Diretor Executivo - Unibanco Engenharia Mecânica (PUC-RJ), MBA (Harvard University, 73) - Baker Scholar Arlindo Vergaças 23 Sócio Fundador e Diretor Executivo da JGP. Gestor Sênior, Mercados Emergentes 1998 Corrente Sócio e Gestor de Renda Fixa da carteira proprietária e de fundos, Mercados Emergentes - Banco Pactual Graduado em Economia (Faculdade Cândido Mendes) Henrique Alhante 22 Sócio e Diretor da JGP. Gestor Sênior de Ações, Mercados Emergentes 1999 Corrente Co-head de Vendas Institucionais e Trader da carteira proprietária de ações - Banco Pactual Graduado em Economia (Faculdade Cândido Mendes), MBA em Finanças (IBMEC) e OPM (Harvard, 2012) Roberto Berardo 21 Sócio e Diretor da JGP. Gestor Sênior de Renda Fixa e Moedas, Mercados Emergentes 2001 Corrente Diretor de Investimentos - UBS Asset Management no Brasil Sócio-gestor - IP Gap Asset Management Trader da Tesouraria de Renda Fixa, Mercados Emergentes - Banco Fonte Cindan Graduado em Economia (PUC-RJ) Ivan Monteiro 28 Sócio da JGP. Gestor Sênior de Ações, Mercados Emergentes 1999 Corrente Trader da carteira proprietária de ações - Banco Pactual Graduado em Engenharia Civil (PUC-RJ), Mestrado em Engenharia (COPPE-UFRJ) Márcio Correia 12 Sócio da JGP. Gestor Sênior de fundos exclusivamente dedicados à ações, Brasil 2008 Corrente Diretor Executivo, Gestor e Head da área de análise de empresas - Banco Pactual Analista dos setores de Telecom, Aço e Mineração - Credit Suisse Brazil Graduado em Engenharia Aeronáutica (ITA-SP) Marcelo Magalhães 13 Sócio da JGP. Gestor dos Fundos Small & Mid Cap, Brasil 2011 Corrente Sócio e Head da área de análise de empresas - M Square Sócio e Analista de Empresas - Investidor Profissional Graduado em Economia (PUC-RJ) Rafael Fritsch 14 Sócio-Fundador da JGP Crédito. Gestor de Distressed Debt e High Yield 2011 Corrente Sócio-Fundador da Root Capital. Gestor de Distressed Debt e High Yield Gestor Sênior de Distressed Debt e High Yield - Arrowgrass Capital Partners Vice-Presidente Sênior de Distressed Debt - Deutsche Bank Vice-Presidente Sênior e Gestor de Distressed Debt, Europa Continental - Bank of America Graduado em Economia (PUC-RJ), MBA (London Business School) 7

8 Organograma Institucional COMITÊ EXECUTIVO André R. Jakurski Diretor Executivo e Gestor Sênior, Mercados Internacionais Henrique Alhante Diretor e Gestor Sênior Ações - Mercados Emergentes / Multimercados Arlindo Vergaças Diretor Executivo e Gestor Sênior, Mercados Emergentes/Brasil Roberto Berardo Diretor e Gestor Sênior R. Fixa Mercados Emergentes e FX / Multimercados EQUIPE MULTIMERCADOS Gestores EQUIPE MACRO EQUIPE DE ANÁLISE DE EMPRESAS Gestores e Analistas EQUIPE CRÉDITO Ivan Monteiro Gestor Sênior Ações M. Emergentes 28 anos Evandro Mota Gestor Sênior R. Fixa M.Emergentes e FX; 13 anos Fernando Rocha Analista Sênior Brasil / Brics 13 anos Márcio Correia Gestor Sênior Long Biased, Long Only 12 anos Marcelo Magalhães Gestor Sênior Small & Mid Cap 13 anos Lucas Cachapuz Trader de Execução Rafael Fritsch Gestor Sênior 14 anos Diego Beleza Gestor Sênior FX Global 13 anos Leonardo Cabral Gestor FX Global 14 anos Paulo Grahl Analista Sênior Países Desenvolvidos 20 anos Alexandre Magalhães Oil & Gas Doméstico / Internacional Analista Sênior - 16 anos Jander Medeiros Consumo e Varejo Doméstico Analista Sênior - 13 anos Fábio Fonseca Financeiro e Saúde Doméstico Analista Sênior - 9 anos Luiza Oswald Analista Sênior 9 anos Ruy Alves Gestor Sênior Ações -Global 20 anos Bruno Marangoni Gestor M. Emergentes e FX 9 anos +2 Analistas Mariana Aversa Construção, Telecom Doméstico Analista - 5 anos Rodrigo Barros Mineração e Siderurgia Doméstico / Internacional Analista Sênior - 12 anos Daniella Guanabara Logística, Agro e Bens K Doméstico Analista Sênior - 11 anos +5 Analistas +1 Analista Marcio Lyra Analista Quant Sênior 21 anos Marcos di Tulio Educação e Outros Doméstico Analista - 6 anos Reno Azevedo Concessões e Utilities Doméstico Analista - 2 anos Suy Anne Martins Consumo e Varejo Internacional Analista - 4 anos Marcelo Barros Oil & Gas Doméstico / Internacional Analista - 6 anos Guilherme Xavier Consumo e Varejo Doméstico Analista Junior - 2 anos Daniel Sasson Commodities Financeiro e Saúde Analista Junior GESTÃO DE RISCO Daniela Kubudi - Head Headcount - 4 SISTEMAS, LEGAL, COMPLIANCE e CONTABILIDADE Roberto Vaimberg Head Headcount 12 LIQUIDAÇÕES, CONTROLE GERENCIAL, SUPORTE MESA Carlos Lorentz Head Headcount - 11 RELAÇÃO COM INVESTIDORES Maurício Werneck - Head Headcount - 6 8

9 Equipe de Gestão Equipe com 38 profissionais de investimento permite uma análise detalhada, ampla e profunda, dificilmente replicável; Intensa interação entre Gestores e Analistas dá origem à uma série de temas de investimento; Abordagem detalhada e intensa na análise de empresas, resultando em uma gama diversificada de cases de investimentos. Fundos Multimercados Dedicados a Brasil e Hedge Fund Global Fundos de Crédito Capital Comprometido em Março 2012 INTELIGÊNCIA COMPARTILHADA Equipe Macroeconômica 4 profissionais Equipe de Análise de Empresas 12 profissionais Análise Técnica e Quantitativa 2 profissionais Equipe de Análise de Crédito 7 profissionais Fundos Equity Long-Biased Lançamento em Junho 2008 Fundos Equity Long-Only Lançamento em Dezembro 2009 Fundos Small & Mid Cap Lançamento em Março

10 Melhores Práticas Princípios do Negócio Comprometimento com os mais altos padrões de ética corporativa; Profissionais talentosos, alinhamento de interesses e trabalho árduo; Nossos investidores são nossos sócios; Preservação de capital; Compliance Código de ética e Política de Investimentos Pessoais em vigor; Membros da Equipe JGP são proibidos de investir individualmente em ações; Investimentos pessoais dos membros da JGP devem ser reportados duas vezes por ano à área de compliance; Profissional exclusivamente dedicado às questões de Compliance; Controles Operacionais Contratação da empresa Sophis para implementação de software que irá integrar toda as atividades de boletagem, risco, controle gerencial e liquidações financeiras dos fundos sob gestão da JGP, garantindo assim um nível ainda maior do controle e de processamento de suas operações (data de implementação: 4º trimestre de 2012/ 1º trimestre de 2013); Transparência Fácil acesso aos Gestores e Analistas; Comunicação Proativa com os Investidores através de relatórios mensais contendo cartas macroeconômicas, desempenho e atribuição de performance dos fundos; 10

11 Gestão de Risco Gestão proprietária de Risco desde a fundação da empresa Abordagem disciplinada com ênfase na preservação de capital; Decisões prudentes de tomada de risco visando gerar cenários de risco-retorno atrativos; Gestor de Risco independente monitorando a exposição de todos os fundos da empresa; Produção e avaliação de relatórios de risco diários; Monitoramento e exigência do cumprimento dos limites de risco; A área de risco se reporta diretamente ao Comitê Executivo. Fundos Multimercados A JGP utiliza a metodologia Value at Risk como principal ferramenta de controle de risco, com objetivo de limitar a máxima exposição dos fundos; Cada fundo da JGP possui seu limite máximo de VaR diário (99,6% de nível de confiança, distribuição histórica, 500 dias); Cada Gestor possui seu próprio nível de VaR baseado em performance passada, senioridade e condições de mercado; Testes de stress, controles de liquidez e de diversificação, DV100 e testes de cenário também são ferramentas decisivas para a alocação de risco; Fundos de Ações A Área de Risco realiza o monitoramento das seguintes métricas em bases diárias: Liquidez do Portfolio Stop losses; Exposição Líquida e Bruta (como % do PL); Concentração por indústria; Concentração por ativo; 11

12 Fundos Multimercados Introdução Objetivo Retornos absolutos com ênfase em preservação de capital. O objetivo é proporcionar no longo prazo retornos superiores ajustados ao risco, independentemente das condições de mercado; Estilo Oportunista, procurando estar presente nos mercados que ofereçam a melhor relação risco/retorno, operando preferencialmente ativos financeiros de alta liquidez. Processo de Investimento Baseado na identificação de grandes tendências de mercado, através de uma análise conjunta da situação macroeconômica e política do Brasil e do mundo, acompanhada de detalhado levantamento de companhias, instrumentos e veículos financeiros específicos que deverão expressar mais amplamente o movimento implícito na tendência identificada Ideias de investimento são geradas com a participação de toda a Equipe de Gestão; Plena interação entre Gestores e Analistas durante todo o processo de pesquisa e análise; Construção do Portfólio Os Fundos Multimercados da JGP investem em ativos de renda fixa, renda variável, moedas e commodities; 11 Gestores especialistas, com perfis diferentes e complementares, dividem entre si o risco total dos fundos. Esta divisão é baseada em senioridade e no track record individual; O Risco costuma estar concentrado nos Gestores Sêniores; Os fundos multimercados da JGP não possuem compromisso de concentração em qualquer fator de risco específico, não possuem restrições em relação às proporções dos ativos e utilizam alavancagem em seu programa de investimentos; O Portfolio pode ser composto por: Operações direcionais compradas e/ou vendidas, por operações de arbitragens e por eventos corporativos; Investimentos de longo prazo ou aqueles de viés mais tático, de menor duração; Operações com approach macro e/ou aquelas de viés puramente fundamentalista. 12

13 Fundos Multimercados JGP HEDGE FIC de FIM 1100% 900% 700% 500% 300% 100% -100% JGP HEDGE FIM CDI Ibovespa Dólar Início das Atividades: 01 de Julho de 1999 Administrador: BNY Mellon Serviços Financeiros DTVM S/A Custodiante: Banco Bradesco S/A Auditor: KPMG Auditores Independentes Categoria Anbima: Multimercado Multiestratégia Máximo VaR Diário: 1,30% (VaR 99,6%, Distribuição Histórica, 500 observações) Investimento no Exterior: Até 20% do Patrimônio Líquido Aplicação Mínima: R$ ,00 Movimentações Subsequentes: R$ ,00 Saldo Mínimo: R$ ,00 Taxa de Administração: 1,50% a.a. Taxa de Performance: 20% dos ganhos que excederem 100% do CDI. High Water Mark Movimentações: Diariamente até às 14 horas Resgates: Conversão em D+4 (corridos), liquidação um dia útil após a conversão Retorno JGP Hedge CDI % CDI 2013 (1) 4,0% 4,2% 96,0% ,4% 8,4% 124,1% ,9% 11,6% 102,7% ,0% 9,7% 102,8% ,9% 9,9% 120,6% ,2% 12,4% 90,5% ,7% 11,8% 116,2% ,5% 15,1% 142,7% ,5% 19,0% 113,0% ,9% 16,2% 116,6% ,4% 23,3% 113,5% ,5% 19,1% 149,2% ,8% 17,3% 161,1% ,4% 17,3% 146,4% ,9% 9,2% 301,8% 12 Meses 7,9% 7,2% 109,4% Anualizado 19,1% 14,5% 131,9% Desde Início 1068,6% 570,2% 187,4% Patrimônio Líquido Atual R$ Patrimônio Líquido Médio (2) R$ Patrimônio Líquido da Estratégia (1) R$ (1) Valores calculados em 31/jul/13 (2) Últimos 12 meses 13

14 Fundos Multimercados JGP MAX FIC de FIM 120% 100% 80% 60% 40% 20% 0% -20% -40% -60% Retorno JGP Max CDI % CDI 2013 (1) 4,8% 4,2% 116,5% ,7% 8,4% 150,6% ,0% 11,6% 120,3% ,2% 9,7% 114,7% ,5% 9,9% 156,6% ,5% 12,4% 93,2% ,8% 4,4% 175,6% 12 Meses 9,4% 7,2% 129,4% Anualizado 13,0% 10,0% 129,9% Desde Início 107,8% 78,3% 137,5% Início das Atividades: Administrador: Custodiante: Auditor: Categoria Anbima: Máximo VaR Diário: Investimento no Exterior: Aplicação Mínima: Movimentações Subsequentes: Saldo Mínimo: Taxa de Administração: Taxa de Performance: Movimentações: Resgates: JGP Max CDI Ibovespa Dólar 01 de Agosto de 2007 BNY Mellon Serviços Financeiros DTVM S/A Banco Bradesco S/A KPMG Auditores Independentes Multimercado Multiestratégia 3,25% (VaR 99,6%, Distribuição Histórica, 500 observações) Até 20% do Patrimônio Líquido R$ ,00 R$ ,00 R$ ,00 2,00% a.a. 20% dos ganhos que excederem 100% do CDI. High Water Mark O fundo encontra-se fechado para novas aplicações Conversão em D+30 (corridos), liquidação um dia útil após a conversão Patrimônio Líquido Atual R$ Patrimônio Líquido Médio (2) R$ Patrimônio Líquido da Estratégia (1) R$ (1) Valores calculados em 31/jul/13 (2) Últimos 12 meses 14

15 Fundos de Ações Introdução Em 2008, a JGP lançou seu primeiro fundo dedicado a ações, visando aproveitar o extenso expertise da empresa nesta classe de ativo; Historicamente, ações sempre tiveram importante participação na atribuição de performance dos fundos multimercados da JGP; Outra razão para esse movimento estratégico foi a significativa melhora dos fundamentos do país na última década, resultado de importantes reformas macroeconômicas e de uma robusta demanda por commodities; A demanda de investidores por produtos de maior valor agregado cresceu; Para implementar essa expansão, 2 Gestores inteiramente dedicados a ações se juntaram a JGP como sócios e o time de análise de empresas foi enrobustecido; A JGP gere atualmente R$ 3,3 bilhões em fundos de ações, dividido nas 3 estratégias abaixo: Equity Long Biased: R$ 1,80 bilhões Equity Long Only: R$ 1,07 bilhão Small & Mid Cap : R$ 452 milhões Small & Mid Caps Long Only Long Biased 15

16 Estratégia Long Biased Introdução Objetivo Entregar retornos absolutos positivos e ajustados ao risco no longo prazo; Estilo Um fundo Long Biased, com flexibilidade nos níveis de exposição do portfólio (alocação líquida entre 40% e 100% do PL e exposição bruta entre 67% e 180% do PL) e utilização de alavancagem através de operações de long & short (tipicamente inferior a 140% do PL); Processo de investimento Foco em valuations e em ciclos econômicos, investindo principalmente em large caps (por volta de 90%); Comprar ações com retorno de 3 anos anualizado de, pelo menos, 14~15% em termos nominais, baseado em valuation normalizado (P/E ou EV/EBTIDA, levando em consideração os padrões históricos e corroborado por modelos de DCF); Market timing, em termos de alocação líquida e escolha dos setores, deve ser corroborado pelo valuation (em termos relativos e absolutos); Margem de segurança como função de: (i) Diversificação do portfólio (tipicamente, possuímos em carteira de 20 a 25 diferentes ações); (ii) foco em ações líquidas e (iii) valuation considerando premissas conservadoras; Construção do Portfólio Combinação de 2 portfólios: carteira comprada em ações é a estratégia principal, mais relevante; portfólio long/short usado oportunisticamente, quando apropriado (pares market neutral, tipicamente, intra-setoriais). 16

17 Retorno Líquido Exposição Líquida Estratégia Long Biased JGP EQUITY FIC de FIM 240% 220% 200% 180% 160% 140% 120% 100% 80% 60% 40% 20% 0% -20% -40% -60% -80% Início das Atividades: Administrador: Custodiante: Auditor: Categoria Anbima: Investimento no Exterior: Aplicação Mínima: Movimentações Subsequentes: Saldo Mínimo: Taxa de Administração: Taxa de Performance: Movimentações: Resgates: Exposição líquida JGP Equity Ibovespa 100% 30 de Maio de 2008 BNY Mellon Serviços Financeiros DTVM S/A Banco Bradesco S/A KPMG Auditores Independentes Multimercado Estratégia Específica Até 20% do Patrimônio Líquido R$ ,00 R$ ,00 R$ ,00 2,00% a.a. 20% dos ganhos que excederem 100% do IPCA + 6% a.a.. High Water Mark Diariamente até às 14 horas Conversão em D+30 e liquidação financeira três dias úteis após a conversão. 90% 80% 70% 60% 50% 40% 30% 20% 10% 0% Retorno JGP Equity IPCA + 6% Ibovespa 2013 (1) -2,2% 6,7% -20,9% ,5% 12,1% 7,4% ,4% 12,9% -18,1% ,1% 12,2% 1,0% ,1% 10,5% 82,7% ,5% 6,6% -48,3% 12 Meses 10,7% 12,6% -14,0% Anualizado 24,1% 11,9% -7,6% Desde Início 205,4% 78,7% -33,6% Patrimônio Líquido Atual R$ Patrimônio Líquido Médio (2) R$ Patrimônio Líquido da Estratégia R$ (1) Valores calculados em 31/jul/13 (2) Últimos 12 meses 17

18 Estratégia Long Only Introdução Objetivo Superar a performance do Ibovespa no Longo Prazo; Estilo Fundo de estratégia Long Only tradicional, com alocação comprada líquida esperada entre 95% e 100% do PL na maioria do tempo; Limites de alocação: mínimo de 90% e máximo de 110% do PL; Processo de Investimento Foco em valuations e em ciclos do mercado, investindo principalmente em large caps (por volta de 80%); Comprar ações com retorno de 3 anos anualizado de, pelo menos, 14~15% em termos nominais, baseado em valuation normalizado (P/E ou EV/EBTIDA, levando em consideração os padrões históricos e corroborado por modelos de DCF); Market timing, em termos de preferência setorial, deve ser corroborado pelo valuation (em termos relativos e absolutos); Margem de segurança como função de : (i) Diversificação do portfólio (tipicamente, possuímos em carteira de 20 a 25 diferentes ações); (ii) foco em ações líquidas e (iii) valuation considerando premissas conservadoras; Tendência a ter maior exposição ao segmento de Small Caps do que no fundo Long Biased (de 10% para 20% do PL), se encontrarmos oportunidades; Construção do Portfólio O portfólio do fundo Long Only é bastante similar ao do fundo Long Biased (exceto pela estratégia long & short), ponderado para um maior nível de exposição comprada em ações. 18

19 Retorno Líquido Estratégia Long Only JGP FIC de FIA 60% 50% 40% 30% 20% 10% 0% -10% -20% -30% -40% Retorno JGP FIA Ibovespa 2013 (1) -6,8% -20,9% ,2% 7,4% ,5% -18,1% ,3% 1,0% ,8% 2,3% 12 Meses 6,8% -14,0% Anualizado 9,3% -8,6% Desde Início 38,6% -28,1% Patrimônio Líquido Atual R$ Patrimônio Líquido Médio (2) R$ Início das Atividades: Administrador: Custodiante: Auditor: Categoria Anbima: Investimento no Exterior: Aplicação Mínima: Movimentações Subsequentes: Saldo Mínimo: Taxa de Administração: Taxa de Performance: Movimentações: Resgates: JGP FIA Ibovespa 30 de Novembro de 2009 BNY Mellon Serviços Financeiros DTVM S/A Banco Bradesco S/A KPMG Auditores Independentes Ações Livre Até 10% do Patrimônio Líquido R$ ,00 R$ ,00 R$ ,00 2,75% a.a. Não há Diariamente até às 14 horas Conversão em D+30 e liquidação financeira três dias úteis após a conversão. Patrimônio Líquido da Estratégia R$ (1) Valores calculados em 31/jul/13 (2) Últimos 12 meses 19

20 Retorno Líquido Estratégia Long Only JGP INSTITUCIONAL FIA 70% 60% 50% 40% 30% 20% 10% 0% -10% -20% -30% Retorno JGP Inst. FIA Ibovespa 2013 (1) -6,4% -20,9% ,8% 7,4% ,4% -18,1% ,6% 17,1% 12 meses 7,3% -14,0% Anualizado 13,5% -6,1% Desde Início 50,9% -18,5% Patrimônio Líquido Atual R$ Patrimônio Líquido Médio (2) R$ JGP Institucional FIA Ibovespa Patrimônio Líquido da Estratégia R$ (1) Valores calculados em 31/jul/13 (2) Últimos 12 meses Início das Atividades: 25 de Maio de 2010 Administrador: BNY Mellon Serviços Financeiros DTVM S/A Custodiante: Banco Bradesco S/A Auditor: KPMG Auditores Independentes Categoria Anbima: Ações Livre Investimento no Exterior: Não há Aplicação Mínima: R$ ,00 Movimentações Subsequentes: R$ ,00 Saldo Mínimo: R$ ,00 Taxa de Administração: 2,75% a.a. Taxa de Performance: Não há Movimentações: Diariamente até às 14 horas Resgates: Conversão em D+30 (corridos), liquidação três dias úteis após a conversão 20

21 Estratégia Small & Mid Cap Introdução Objetivo Gerar elevados retornos focando no conjunto de empresas listadas com valor de mercado de até cerca de R$10 bilhões (todas as empresas exceto as large caps); Estilo Fundo Long Only, com exposição entre 67% e 100% do PL, função da identificação de boas oportunidades de investimento; Processo de Investimento Baseado em análise fundamentalista profunda com abordagem bottom-up. Cerne da filosofia consiste em gerar conhecimento diferenciado a respeito das empresas para nos permitir tomar melhores decisões de investimento: análise quantitativa e qualitativa. Intenso trabalho de campo (reuniões com executivos, shareholders controladores, membros da diretoria, competidores, clientes, fornecedores, ex-sócios, ex-funcionários, consultores, presença nos eventos da indústria, etc); Idealmente, buscamos negócios atrativos, geridos por equipe experiente e que possui interesses alinhados, com baixos riscos e valuation barato. Atributos desejáveis que buscamos: Vantagem competitiva clara e sustentável; Modelo de negócios rentável e sustentável no longo prazo; Boas perspectivas de crescimento; Tomadores de decisão (executivos/controladores) idôneos, competentes e alinhados; Ausência de fat tail risks; Baixa alavancagem financeira; Margem de segurança no valuation (desconto em relação ao valor intrínseco); Valor Estratégico (alvo de aquisição); Construção do Portfólio Idealmente, entre 20 e 25 papéis. As 5 maiores posições representam geralmente de 30% a 55% do PL; Concentração máxima em uma única posição é de 20%; Máxima exposição a um único setor limita-se a 35% do PL a custo. 21

22 Retorno Líquido Estratégia Small & Mid Cap JGP EXPLORER FIC de FIA 60% 40% 20% 0% -20% -40% JGP Explorer Ibovespa SMLL IPCA+6% Retorno JGP Explorer Ibovespa SMLL IPCA (1) 1,1% -20,9% -14,6% 6,7% ,3% 7,4% 28,7% 12,2% ,4% -17,3% -15,0% 8,6% 12 meses 18,0% -14,0% -0,2% 12,6% Anualizado 21,3% -14,0% -2,9% 11,9% Desde Início 56,9% -29,7% -6,6% 30,0% Patrimônio Líquido Atual R$ Patrimônio Líquido Médio (2) R$ Patrimônio Líquido da Estratégia R$ (1) Valores calculados em 31/jul/13 (2) Últimos 12 meses Início das Atividades: Administrador: Custodiante: Auditor: Categoria Anbima: Investimento no Exterior: Aplicação Mínima: Movimentações Subsequentes: Saldo Mínimo: Taxa de Administração: Taxa de Performance: Movimentações: Resgates: 31 de Março de 2011 BNY Mellon Serviços Financeiros DTVM S/A Banco Bradesco S/A KPMG Auditores Independentes Ações Livre Até 10% do Patrimônio Líquido R$ ,00 R$ ,00 R$ ,00 2,00% a.a. 20% dos ganhos que excederem 100% do IPCA + 6% a.a.. High Water Mark Diariamente até às 14 horas Conversão em D+60 e liquidação financeira três dias úteis após a conversão. 22

23 Retorno Líquido Estratégia Small & Mid Cap JGP EXPLORER INSTITUCIONAL FIA 40% 30% 20% 10% Retorno JGP Explorer Inst. Ibovespa SMLL 2013 (1) -0,2% -20,9% -14,6% ,5% 11,9% 20,3% 12 meses 21,3% -14,0% -0,2% Anualizado 24,7% -9,9% 2,3% 0% -10% -20% Explorer Inst. Ibovespa SMLL Desde Início 29,3% -11,5% 2,7% Patrimônio Líquido Atual R$ Patrimônio Líquido Médio (2) R$ Patrimônio Líquido da Estratégia R$ (1) Valores calculados em 31/jul/13 (2) Últimos 12 meses Início das Atividades: Administrador: Custodiante: Auditor: Categoria Anbima: Investimento no Exterior: Aplicação Mínima: Movimentações Subsequentes: Saldo Mínimo: Taxa de Administração: Taxa de Performance: Movimentações: Resgates: 31 de Maio de 2012 BNY Mellon Serviços Financeiros DTVM S/A Banco Bradesco S/A KPMG Auditores Independentes Ações Livre É vedado ao Fundo aplicar em ativos negociados noexterior R$ ,00 R$ ,00 R$ ,00 2,75% a.a. Não cobra Diariamente até às 14 horas Cotização em D+60 e liquidação financeira três dias úteis após a conversão. 23

24 JGP Distressed FIDC NP A JGP selou, em Julho de 2011, uma parceria com o time de investimentos da Root Capital, empresa pioneira no mercado de crédito high yield e distressed brasileiro, formando assim a JGP Crédito; A base dessa parceria é a visão comum de que o mercado de crédito no Brasil passa por uma etapa importante de desenvolvimento e essa classe de ativos deve apresentar, nos próximos anos, atraentes oportunidades de investimento, principalmente em termos de risco/retorno; A Root Capital, antes da parceria, tinha 4 fundos de crédito sob gestão com cerca de R$ 920 milhões em ativos, e geriu, em 2010, a recuperação do maior fundo de crédito do Brasil, o Union National FIDC; A JGP Crédito opera em um mercado expressivo com concorrência limitada, dado o pequeno número de FIDCs- NPs para um mercado de R$ 154 bilhões de dívida bancária em default. Além da JGP Crédito, existem poucos gestores independentes especializados e dedicados a créditos corporativos inadimplidos; Investir em um fundo distressed credit proporciona retornos não correlacionados com a Bolsa, e uma boa alternativa de diversificação, com real possibilidade de altos retornos combinados à baixa volatilidade; O primeiro fundo distressed da JGP foi lançado no Brasil em Março de 2012, com o patrimônio comprometido de R$ 250 milhões. 24

25 GESTÃO JGP Gestão de Recursos Ltda. Rua Humaitá º andar Humaitá, Rio de Janeiro, RJ CEP : Brasil DISTRIBUIÇÃO JGP DTVM Ltda. Rua Humaitá º andar Humaitá, Rio de Janeiro, RJ CEP : Brasil Administração BNY Mellon Serviços Financeiros DTVM S/A CNPJ: / Av. Presidente Wilson, 231, 11º andar, RJ, CEP Telefone (21) Fax (21) SAC: Fale conosco no endereço ou no telefone (21) Ouvidoria no endereço ou no telefone: OUVIDORIA Telefone: Fax: Rua Humaitá º andar Humaitá, Rio de Janeiro, RJ CEP : Brasil Este material é meramente informativo e não considera os objetivos de investimento, a situação financeira ou as necessidades individuais de um ou de determinado grupo de investidores. Recomendamos a consulta de profissionais especializados para decisão de investimentos. Fundos de Investimento não contam com a Garantia do Administrador, do Gestor, de qualquer mecanismo de seguro, ou, ainda, do Fundo Garantidor de Crédito FGC. Rentabilidade obtida no passado não representa garantia de rentabilidade futura. Ao investidor é recomendada a leitura cuidadosa do prospecto ou do regulamento do Fundo de Investimento antes de aplicar seus recursos. As rentabilidade divulgadas são líquidas de taxa de administração e performance e bruta de impostos.as informações e conclusões contidas neste material podem ser alteradas a qualquer tempo, sem que seja necessária prévia comunicação. Este material não pode ser copiado, reproduzido ou distribuído sem a prévia e expressa concordância da JGP. Para maiores informações, consulte nossa área comercial.

Índice. A Empresa. Fundos Multimercados. Fundos de Ações. Fundos de Crédito. CVs: Equipe de Gestão

Índice. A Empresa. Fundos Multimercados. Fundos de Ações. Fundos de Crédito. CVs: Equipe de Gestão Janeiro 2015 Este material foi elaborado pela JGP DTVM LTDA ( JGP ), tem caráter meramente informativo e não deve ser utilizado, distribuido ou copiado sem a prévia e expressa autorização da JGP. 1 Índice

Leia mais

FCLCapital. Junho 2015. www.fclcapital.com

FCLCapital. Junho 2015. www.fclcapital.com Junho 2015 www.fclcapital.com FCL Equities FIA Filosofia de Investimentos - Pág. 4 Estratégia Long-Biased - Pág. 5 Processo de Investimentos - Pág. 6 Gestão de Riscos - Pág. 10 1 Plano de Crescimento Plano

Leia mais

EXCLUSIVO E CONFIDENCIAL

EXCLUSIVO E CONFIDENCIAL EXCLUSIVO E CONFIDENCIAL Por que GTI? Alinhamento Partnership Modelo de negócio participativo, meritocrático e com total alinhamento de interesse entre sócios e investidores Equipe experiente oriunda de

Leia mais

BNY Mellon ARX Extra FIM. Julho, 2013

BNY Mellon ARX Extra FIM. Julho, 2013 BNY Mellon ARX Extra FIM Julho, 2013 Índice I. Filosofia de Investimento II. Modelo de Tomada de Decisão III. Processo de Investimento IV. Características do Fundo 2 I. Filosofia de Investimento Filosofia

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL. Julho 2010 APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL. Julho 2010 APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL Edge Investimentos Ltda. Av. Ayrton Senna 3000 Bloco 2 324 Rio de Janeiro RJ Tel: +55 (21) 2421-4262 www.edgeinvestimentos.com.br Administrador/ Distribuidor:

Leia mais

Constância NP. Em busca de valor AGOSTO 2015

Constância NP. Em busca de valor AGOSTO 2015 Constância NP Em busca de valor AGOSTO 2015 DISCLAIMER A CONSTÂNCIA NP não comercializa nem distribui cotas de fundos de investimentos ou qualquer outro ativo financeiro. As informações contidas neste

Leia mais

Constância NP. Em busca de valor JULHO 2015

Constância NP. Em busca de valor JULHO 2015 Constância NP Em busca de valor JULHO 2015 DISCLAIMER A CONSTÂNCIA NP não comercializa nem distribui cotas de fundos de investimentos ou qualquer outro ativo financeiro. As informações contidas neste material

Leia mais

APRESENTAÇÃO XP UNIQUE QUANT

APRESENTAÇÃO XP UNIQUE QUANT APRESENTAÇÃO XP UNIQUE QUANT SUMÁRIO 1. Histórico XP 2. Apresentação XPG 3. Organograma XPG 4. Equipe de Gestão Quant 5. XP Unique Quant. Metodologia de Análise. Conceitos Quantitativos. Estratégia. Exemplos

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO- DEZEMBRO -2011

RELATÓRIO DE GESTÃO- DEZEMBRO -2011 O ano de 11 terminou sem grandes surpresas. Na tentativa de manter aquecido o mercado consumidor brasileiro, a taxa básica de juros, que chegou a 1,5% ao longo do ano, encerrou o período em 11%. O crescimento

Leia mais

Relatório Mensal - Setembro de 2013

Relatório Mensal - Setembro de 2013 Relatório Mensal - Relatório Mensal Carta do Gestor O Ibovespa emplacou o terceiro mês de alta consecutiva e fechou setembro com valorização de 4,65%. Apesar dos indicadores econômicos domésticos ainda

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Visão Geral Administradora de Recursos Independente Fundada em 2001 por Luiz Carlos Mendonça de Barros. Diretor do BACEN, presidente do BNDES, Ministro das Telecomunicações e

Leia mais

Relatório Mensal - Junho de 2013

Relatório Mensal - Junho de 2013 Relatório Mensal - Relatório Mensal Carta do Gestor Junho foi mais um mês bastante negativo para o Ibovespa. O índice fechou em queda pelo sexto mês consecutivo impactado pela forte saída de capital estrangeiro

Leia mais

Fundos de Investimento

Fundos de Investimento Fundo de Investimento é uma comunhão de recursos, constituída sob a forma de condomínio que reúne recursos de vários investidores para aplicar em uma carteira diversificada de ativos financeiros. Ao aplicarem

Leia mais

Relatório Mensal Dezembro de 2015

Relatório Mensal Dezembro de 2015 Relatório Mensal Relatório Mensal Carta do Gestor O Ibovespa teve um desfecho melancólico no ultimo mês de 2015, fechando com queda de 3,92% e acumulando uma retração de 13,31% no ano. O cenário econômico

Leia mais

Apresentação GAP Multiportfolio

Apresentação GAP Multiportfolio Apresentação GAP Multiportfolio Estrutura GAP ASSET MANAGEMENT Renda Fixa Renda Variável Pesquisa Macroeconômica Crédito Risco Portfolio Manager Leonardo Callou Oscar Camargo Renato Junqueira Portfolio

Leia mais

A P R E S E N TAÇ ÃO I N S T I T U C I O N A L

A P R E S E N TAÇ ÃO I N S T I T U C I O N A L A P R E S E N TAÇ ÃO I N S T I T U C I O N A L 2 0 1 4 Í N D I C E VISÃO GLOBAL A EMPRESA EQUIPE FILOSOFIA DE INVESTIMENTO NOSSOS FUNDOS CONTATOS 2 V I S Ã O G L O B A L A E M P R E S A A Log Fund é uma

Leia mais

TRÓPICO LATIN AMERICA INVESTMENTS

TRÓPICO LATIN AMERICA INVESTMENTS TRÓPICO LATIN AMERICA INVESTMENTS Apresentação Institucional Value investing is simple to understand, but difficult to implement. The hard part is discipline, patience, and judgment Seth Klarman, Baupost

Leia mais

Perfin Institucional FIC FIA

Perfin Institucional FIC FIA Perfin Institucional FIC FIA Relatório Mensal- Junho 2013 O fundo Perfin Institucional FIC FIA utiliza-se de análise fundamentalista para compor o seu portfólio, baseado no diferencial existente entre

Leia mais

Relatório Mensal - Novembro de 2013

Relatório Mensal - Novembro de 2013 Relatório Mensal - Relatório Mensal Carta do Gestor Depois de quatro meses consecutivos de alta, o Ibovespa terminou o mês de novembro com queda de 3,27%, aos 52.842 pontos. No cenário externo, os dados

Leia mais

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional 3 A SULAMERICA VOCÊ JÁ CONHECE 116 anos no mercado 4.947 funcionários 6,7 milhões de clientes 54 filiais 35 C.A.S.A.s Maior grupo segurador independente

Leia mais

OPPORTUNITY LONG BIASED FIC FIM

OPPORTUNITY LONG BIASED FIC FIM OPPORTUNITY LONG BIASED FIC FIM [ ÍNDICE ] Opportunity Histórico, Equipe e Filosofia de Investimentos Processo de Tomada de Decisão Opportunity Long Biased FIC FIM Resultado Portfólio de ações 3 [ OPPORTUNITY

Leia mais

Cenário. Ibovespa 60.000 50.000 40.000 30.000 20.000 10.000. set-02. set-06. set-04. set-05. set-03. jan-02. jan-04. jan-03. jan-05. jan-06.

Cenário. Ibovespa 60.000 50.000 40.000 30.000 20.000 10.000. set-02. set-06. set-04. set-05. set-03. jan-02. jan-04. jan-03. jan-05. jan-06. Data Base: jun/07 Cenário O Brasil está começando a firmar-se como economia estável e previsível. A queda dos juros vem diminuindo o atrativo dos investimentos em títulos do Governo. Quanto mais credibilidade

Leia mais

Relatório Mensal - Fevereiro de 2015

Relatório Mensal - Fevereiro de 2015 Relatório Mensal - Relatório Mensal Carta do Gestor O Ibovespa encerrou o mês de fevereiro com alta de 9,97%, recuperando as perdas do início do ano. Mesmo com o cenário macroeconômico bastante nebuloso

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Dezembro/2014 BOGARI CAPITAL Quem somos Estratégia Alinhamento Recursos sob gestão Fundos de Pensão Gestora independente focada em renda variável, fundada em 2007 Ações long-only,

Leia mais

O Brasil Plural é um Grupo Financeiro fundado em 2009 que possui escritórios no Rio de Janeiro, São Paulo e Nova York. Nossos sócios possuem um amplo

O Brasil Plural é um Grupo Financeiro fundado em 2009 que possui escritórios no Rio de Janeiro, São Paulo e Nova York. Nossos sócios possuem um amplo O Brasil Plural é um Grupo Financeiro fundado em 2009 que possui escritórios no Rio de Janeiro, São Paulo e Nova York. Nossos sócios possuem um amplo histórico de sucesso no mercado de capitais brasileiro

Leia mais

CSHG Verde AM Horizonte FIC FIM IE

CSHG Verde AM Horizonte FIC FIM IE CSHG Verde AM Horizonte FIC FIM IE MODELO DE GESTÃO Não está autorizada a distribuição deste material sob nenhuma hipótese. Este material foi preparado pela Verde Asset Management S.A., bem como suas sociedades

Leia mais

Maximizando a rentabilidade e a segurança dos investimentos de nossos clientes

Maximizando a rentabilidade e a segurança dos investimentos de nossos clientes APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL Maximizando a rentabilidade e a segurança dos investimentos de nossos clientes ÍNDICE Equipe, Posicionamento e Parceiros da Plurimax Filosofia de Investimentos e Controle de

Leia mais

Av. Ataulfo de Paiva, 245-3º andar Leblon CEP: 22440-032 www.animaeducacao.com.br/ri Rio de Janeiro Tel.: +55 (21) 3550-1630. www.genuscapital.com.

Av. Ataulfo de Paiva, 245-3º andar Leblon CEP: 22440-032 www.animaeducacao.com.br/ri Rio de Janeiro Tel.: +55 (21) 3550-1630. www.genuscapital.com. Av. Ataulfo de Paiva, 245-3º andar Leblon CEP: 22440-032 Rio de Janeiro Tel.: +55 (21) 3550-1630 www.genuscapital.com.br A EMPRESA A Genus Capital Group é uma gestora independente centrada em produtos

Leia mais

Sparta Top Renda Fixa FIC FI CP LP. Outubro/2015 1

Sparta Top Renda Fixa FIC FI CP LP. Outubro/2015 1 Sparta Top Renda Fixa FIC FI CP LP Outubro/2015 1 Sparta Fundos de Investimento Gestora independente com foco na gestão de fundos abertos Tradição Focada na gestão de recursos há mais de 20 anos Excelência

Leia mais

Prezados Investidores,

Prezados Investidores, Prezados Investidores, No mês de março, o fundo Apex Ações FIC de FIA rendeu +6,20% contra +7,05% do Ibovespa. Desde seu início em 30 de novembro de 2011, o fundo rendeu +28,65% contra uma queda de -11,36%

Leia mais

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - MODERADA MIX 20

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - MODERADA MIX 20 BENCHMARK RF:80.00% ( 100.00%CDI ) + RV:20.00% ( 100.00%IBRX 100 ) Relatório Gerencial Consolidado - Período de 01/04/2015 Posição e Desempenho da Carteira - Resumo a 30/04/2015 pg. 1 Posição Sintética

Leia mais

BTG Pactual. Administração de Fundos Agosto 2012. Para informações adicionais, favor observar a página ao final desta apresentação.

BTG Pactual. Administração de Fundos Agosto 2012. Para informações adicionais, favor observar a página ao final desta apresentação. BTG Pactual Administração de Fundos Agosto 2012 Para informações adicionais, favor observar a página ao final desta apresentação. Histórico do BTG Pactual 2012 Aquisição da Celfin Capital no Chile 1983-86

Leia mais

A presente Instituição aderiu ao Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas para os Fundos de Investimento. CARACTERÍSTICAS HG Verde Fundo de Investimento Multimercado FUNDO DE INVESTIMENTO EM COTAS

Leia mais

POLÍTICA DE INVESTIMENTO

POLÍTICA DE INVESTIMENTO QUEM SOMOS Somos uma gestora independente de investimentos, totalmente alinhada com os interesses de nossos clientes. Os sócios possuem larga experiência no mercado financeiro, em diversas áreas de atuação.

Leia mais

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - CONSERVADORA FIX

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - CONSERVADORA FIX BENCHMARK 100.00%CDI Relatório Gerencial Consolidado - Período de 01/04/2015 Posição e Desempenho da Carteira - Resumo a 30/04/2015 pg. 1 Posição Sintética dos Ativos em 30/04/2015 Financeiro % PL FUNDOS

Leia mais

BRASIL PLURAL PREV FIC FIM

BRASIL PLURAL PREV FIC FIM BRASIL PLURAL PREV FIC FIM Agosto / 2013 Todos os direitos reservados para Icatu Seguros S/A - 2013. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida, arquivada ou transmitida de nenhuma forma ou por

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL Quem somos Fundadores Estrutura organizacional Filosofia de investimento Processo de investimento Anexo: currículos 3 4 5 7 9 16 QUEM SOMOS SOMOS Uma gestora independente com

Leia mais

A P R E S E N TAÇ ÃO I N S T I T U C I O N A L

A P R E S E N TAÇ ÃO I N S T I T U C I O N A L A P R E S E N TAÇ ÃO I N S T I T U C I O N A L 2 0 1 5 Í N D I C E VISÃO GLOBAL A EMPRESA EQUIPE FILOSOFIA DE INVESTIMENTO NOSSOS FUNDOS CONTATOS 2 V I S Ã O G L O B A L A E M P R E S A A Log Fund é uma

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Fev/2015 Quem somos A GBX Asset Management é uma administradora de recursos composta por profissionais com larga experiência no mercado financeiro, que enfrentaram as mais diversas

Leia mais

FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO COM FOCO EM TÍTULOS DE CRÉDITO IMOBILIÁRIO ESTRUTURADO REIT RIVIERA FII

FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO COM FOCO EM TÍTULOS DE CRÉDITO IMOBILIÁRIO ESTRUTURADO REIT RIVIERA FII FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO COM FOCO EM TÍTULOS DE CRÉDITO IMOBILIÁRIO ESTRUTURADO REIT RIVIERA FII Crédito lastreado em imóveis, alta rentabilidade e fluxo de caixa constante, com a solidez do concreto.

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO- JANEIRO -2012

RELATÓRIO DE GESTÃO- JANEIRO -2012 O pessimismo amplamente precificado em bolsa ao longo de 2011 parece ter sofrido uma mudança de rota em direção a céus mais azuis. Em janeiro de 2012, o Ibovespa subiu 11,13%, de tal forma a recuperar

Leia mais

Política e Alternativas de Investimentos. Alessandra Cardoso Towers Watson

Política e Alternativas de Investimentos. Alessandra Cardoso Towers Watson Política e Alternativas de Investimentos Alessandra Cardoso Towers Watson Processo de gestão de recursos Governança Definir Definição dos objetivos Alocação dos recursos Estrutura de investimento Executar

Leia mais

Divulgação de Resultados 1T14

Divulgação de Resultados 1T14 Divulgação de Resultados 1T14 A Tarpon Investimentos S.A. ( Tarpon ou Companhia ), por meio de suas subsidiárias, realiza a gestão de fundos e carteiras de investimentos em bolsa e private-equity ( Fundos

Leia mais

Como analisamos as empresas

Como analisamos as empresas Como analisamos as empresas Analisamos empresas de capital aberto assim como faríamos com uma de capital fechado, conforme processo abaixo: Setor Micro Histórico Sócios Valuation Barreira de entrada Clientes

Leia mais

Perfin Long Short 15 FIC FIM

Perfin Long Short 15 FIC FIM Perfin Long Short 15 FIC FIM Relatório Mensal- Junho 2013 O Perfin LongShort 15 FICFIM tem como objetivo gerarretorno superior ao CDIno médio prazo. O fundo utiliza-se de análise fundamentalista eaestratégia

Leia mais

Apresentação Institucional Agosto 2011

Apresentação Institucional Agosto 2011 Apresentação Institucional Fundos dos investimentos não contam com garantia do administrador do fundo, do gestor da carteira, de qualquer mecanismo de seguro ou, ainda, do fundo garantidor de créditos

Leia mais

Apresentação Institucional. Junho 2013

Apresentação Institucional. Junho 2013 Apresentação Institucional Junho 2013 Sumário 03 Visão Geral 10 Gestão dos Fundos Macro0 14 Gestão dos Fundos Ações 22 Fundos de Investimento 29 Biografias Visão Geral A Empresa Visão Geral 4 A SPX é uma

Leia mais

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS CAGEPREV - FUNDAÇÃO CAGECE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR POLÍTICA DE INVESTIMENTOS PLANO DE GESTÃO ADMINISTRATIVA Vigência: 01/01/2013 a 31/12/2017 1. OBJETIVOS A Politica de Investimentos tem como objetivo

Leia mais

Apresentação Institucional. Setembro 2013

Apresentação Institucional. Setembro 2013 Apresentação Institucional Setembro 2013 Sumário 03 Visão Geral 11 Gestão dos Fundos Macro0 20 Gestão dos Fundos Ações 31 Biografias Visão Geral A Empresa Visão Geral 4 A SPX é uma sociedade fundada em

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Quem Somos 2 CTM Investimentos Visão Geral A empresa A CTM Investimentos, fundada em 2012, é uma empresa independente, focada na busca por valor em empresas (Equity Research)

Leia mais

2ª Conferência de Investimentos Alternativos: FIDC, FII E FIP

2ª Conferência de Investimentos Alternativos: FIDC, FII E FIP 2ª Conferência de Investimentos Alternativos: FIDC, FII E FIP São Paulo, 21 de Agosto de 2013 Hotel Caesar Park Patrocínio SPX Capital Agosto 2013 Perspectivas Macroeconômicas Inflação acumulada em 12

Leia mais

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional AGENDA 3 SUL AMÉRICA INVESTIMENTOS Processos de investimento Produtos Informativos e boletins 4 A SULAMERICA VOCÊ JÁ CONHECE 116 anos no mercado 4.947

Leia mais

dt A presente Instituição aderiu ao Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas para os Fundos de Investimento. CARACTERÍSTICAS HG Verde Fundo de Investimento Multimercado FUNDO DE INVESTIMENTO EM

Leia mais

Informe Mensal. Novembro 2013. XP Gestão de Recursos: Palavra dos Gestores. Índice. Palavra dos Gestores Renda Variável 1

Informe Mensal. Novembro 2013. XP Gestão de Recursos: Palavra dos Gestores. Índice. Palavra dos Gestores Renda Variável 1 Renda Variável No final do mês de Outubro, logo após o anuncio da Petrobras acerca da apresentação de uma possível fórmula para o reajuste automático dos combustíveis, em seu conselho de administração,

Leia mais

12º FÓRUM PERSPECTIVAS DE INVESTIMENTOS 2016. The asset manager for a changing world

12º FÓRUM PERSPECTIVAS DE INVESTIMENTOS 2016. The asset manager for a changing world 12º FÓRUM PERSPECTIVAS DE INVESTIMENTOS 2016 The asset manager for a changing world INVESTIMENTOS ALTERNATIVOS LUIZ FIGUEIREDO HEAD - INVESTIMENTOS ALTERNATIVOS The asset manager for a changing world 1.

Leia mais

CSHG Unique Comentário do Gestor

CSHG Unique Comentário do Gestor CSHG Unique Comentário do Gestor Outubro 2010 Para nós, essa é uma carta muito especial. Na busca por oferecer a melhor prateleira possível de produtos para nossos clientes, lançamos em 24 de setembro

Leia mais

Relatório de Gestão Invext FIA. Maio - Junho

Relatório de Gestão Invext FIA. Maio - Junho Relatório de Gestão Maio - Junho 2013 1 Filosofia O é um fundo de ações alinhado com a filosofia de value investing. O fundo possui uma estratégia de gestão que busca capturar de forma contínua oportunidades

Leia mais

A importância do asset allocation na otimização dos resultados

A importância do asset allocation na otimização dos resultados A importância do asset allocation na otimização dos resultados Joaquim Levy Diretor Superintendente da BRAM Cristiano Picollo Corrêa Portfolio Specialist da BRAM Agenda Introdução Estudo de Casos Caso

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL Dezembro/2008

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL Dezembro/2008 APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL Dezembro/2008 1 Índice Sobre a Skopos Estratégia: Long & Short Long Biased Processo de Investimento Filosofia de Investimento Nosso Target Breakdown dos Ativos Performance Características

Leia mais

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS CAGEPREV - FUNDAÇÃO CAGECE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR POLÍTICA DE INVESTIMENTOS PLANO DE BENEFÍCIO DE CONTRIBUIÇÃO VARIÁVEL Vigência: 01/01/2013 a 31/12/2017 1. OBJETIVOS A Política de Investimentos tem

Leia mais

Reunião APIMEC 2013. São Paulo, 19 de dezembro de 2013

Reunião APIMEC 2013. São Paulo, 19 de dezembro de 2013 Reunião São Paulo, 19 de dezembro de Importante O presente material tem caráter somente informacional. Não constitui uma oferta ou solicitação de investimento em qualquer fundo aqui mencionado ou quaisquer

Leia mais

Desempenho Setembro 2015 Acumulado 2015. Equity Hedge 1,68% 7,51% CDI 1,11% 9,55%

Desempenho Setembro 2015 Acumulado 2015. Equity Hedge 1,68% 7,51% CDI 1,11% 9,55% Relatório de Gestão Setembro de 20 Desempenho Setembro 20 Acumulado 20 Equity Hedge 1,68% 7,51% 1,11% 9,55% Para mais informações relevantes à análise da rentabilidade deste Fundo - tais como taxa de administração,

Leia mais

FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES DO CLARITAS INSTITUCIONAL FUNDO DE INVESTIMENTO MULTIMERCADO CNPJ nº 10.705.335/0001-69 ( FUNDO )

FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES DO CLARITAS INSTITUCIONAL FUNDO DE INVESTIMENTO MULTIMERCADO CNPJ nº 10.705.335/0001-69 ( FUNDO ) Classificação ANBIMA: Multimercados Macro Nivel 1: Multimercados - Fundos que possuam políticas de investimento que envolvam vários fatores de risco, sem o compromisso de concentração em nenhum fator em

Leia mais

RBC BRASIL DTVM LTDA. Confiança que faz a diferença

RBC BRASIL DTVM LTDA. Confiança que faz a diferença RBC BRASIL DTVM LTDA Confiança que faz a diferença Sobre o RBC Brasil O RBC Brasil (RBC Brasil DTVM Ltda) é uma subsidiária integral do Royal Bank of Canada, cuja história de atuação em nosso país remonta

Leia mais

A presente Instituição aderiu ao Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas para os Fundos de Investimento. CARACTERÍSTICAS HG Verde Fundo de Investimento Multimercado FUNDO de Investimento em Cotas

Leia mais

CSHG Crédito Privado Magis FIC FIM LP

CSHG Crédito Privado Magis FIC FIM LP CSHG Asset Management Comentários do gestor CSHG Crédito Privado Magis FIC FIM LP Setembro de 2014 1. Revisão do resultado do O obteve rentabilidade de (a) 1,01% (111,1% do ) no mês; (b) 8,44% (107,8%

Leia mais

Propel Axis FIM Crédito Privado

Propel Axis FIM Crédito Privado Melhora expressiva na economia dos EUA; Brasil: inflação no teto da meta, atividade econômica e situação fiscal mais frágil; A principal posição do portfólio continua sendo a exposição ao dólar. 1. Cenário

Leia mais

Banco do Brasil - Cartilha de Fundos de Investimento Fundos de Investimento

Banco do Brasil - Cartilha de Fundos de Investimento Fundos de Investimento Fundos de Investimento O que é?...2 Tipos de Fundos...2 Fundos de curto prazo...2 Fundos renda fixa...2 Fundos referenciados DI...2 Fundos multimercado...3 Fundos de ações...3 Fundos da dívida externa...3

Leia mais

Apresentação Institucional. Gestão de Recursos

Apresentação Institucional. Gestão de Recursos Apresentação Institucional Gestão de Recursos 2012 Teórica Gestão de Recursos... construa seu banco como construiria seu barco: sólido para enfrentar com segurança qualquer tempestade. Jacob Safra Somos

Leia mais

Relatório AWM Investimentos no atual cenário de juros

Relatório AWM Investimentos no atual cenário de juros Mudança nas características dos investimentos no Brasil A mudança estrutural que o Brasil está vivenciando diante da forte queda de juros, afetou diretamente os investimentos da população. Conforme abordado

Leia mais

INFORMATIVO FUNDOS GALT FIA - FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES GERAL DIVIDENDO - FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES. Química 12% Papel e Celulose 8%

INFORMATIVO FUNDOS GALT FIA - FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES GERAL DIVIDENDO - FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES. Química 12% Papel e Celulose 8% Outubro de 2015 INFORMATIVO FUNDOS GALT FIA - FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES O Geral Asset Long Term - GALT FIA é um fundo de investimento que investe em ações, selecionadas pela metodologia de análise

Leia mais

FATOR PORTFOLIO VERDE FUNDO DE INVESTIMENTO EM COTAS DE FUNDO DE INVESTIMENTO MULTIMERCADO

FATOR PORTFOLIO VERDE FUNDO DE INVESTIMENTO EM COTAS DE FUNDO DE INVESTIMENTO MULTIMERCADO FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES FATOR PORTFOLIO VERDE FUNDO DE INVESTIMENTO EM COTAS DE FUNDO DE INVESTIMENTO MULTIMERCADO Data da Competência: Mai/16 ESTE FORMULÁRIO FOI PREPARADO COM AS INFORMAÇÕES

Leia mais

a) mercados de derivativos, tais como, exemplificativamente, índices de ações, índices de preços, câmbio (moedas), juros;

a) mercados de derivativos, tais como, exemplificativamente, índices de ações, índices de preços, câmbio (moedas), juros; CREDIT SUISSE HEDGINGGRIFFO 1. Públicoalvo LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS dezembro/2013 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o CSHG EQUITY HEDGE LEVANTE FUNDO DE INVESTIMENTO

Leia mais

Divulgação de Resultados 1T15

Divulgação de Resultados 1T15 São Paulo - SP, 06 de Maio de 2015. A Tarpon Investimentos S.A. ( Tarpon ou Companhia ), por meio de suas subsidiárias, realiza a gestão de fundos e carteiras de investimentos em bolsa e private equity

Leia mais

Solução Accenture RiskControl

Solução Accenture RiskControl Solução Accenture RiskControl As rápidas transformações econômicas e sociais que marcaram a primeira década do século XXI trouxeram novos paradigmas para a gestão empresarial. As organizações ficaram frente

Leia mais

Divulgação de Resultados 3T15

Divulgação de Resultados 3T15 São Paulo - SP, 4 de Novembro de 2015. A Tarpon Investimentos S.A. ( Tarpon ou Companhia ), por meio de suas subsidiárias, realiza a gestão de fundos e carteiras de investimentos em bolsa e private equity

Leia mais

Relatório de Gestão Invext FIA. Janeiro - Março

Relatório de Gestão Invext FIA. Janeiro - Março Relatório de Gestão Invext FIA Janeiro - Março 2015 1 Filosofia O Invext FIA é um fundo de ações alinhado com a filosofia de value investing. O fundo possui uma estratégia de gestão que busca capturar

Leia mais

FATOR MAX CORPORATIVO FUNDO DE INVESTIMENTO DE RENDA FIXA LONGO PRAZO CRÉDITO PRIVADO

FATOR MAX CORPORATIVO FUNDO DE INVESTIMENTO DE RENDA FIXA LONGO PRAZO CRÉDITO PRIVADO FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES FATOR MAX CORPORATIVO FUNDO DE INVESTIMENTO DE RENDA FIXA LONGO PRAZO CRÉDITO PRIVADO Data da Competência: Mar/16 ESTE FORMULÁRIO FOI PREPARADO COM AS INFORMAÇÕES

Leia mais

CARTA JBI FOCUS #8 Dezembro 2011

CARTA JBI FOCUS #8 Dezembro 2011 CARTA JBI FOCUS #8 Dezembro 2011 ÍNDICE DESTAQUES DA CARTEIRA... 3 I. MARCOPOLO... 3 II. MILLS... 3 III. BEMATECH... 4 DESEMPENHO DA CARTEIRA... 6 I. JB FOCUS FIC DE FIA... 6 2 Carta JBI Focus #8 dez/11

Leia mais

FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES DO CLARITAS VALOR FEEDER FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES CNPJ nº 11.403.850/0001-57 ( FUNDO )

FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES DO CLARITAS VALOR FEEDER FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES CNPJ nº 11.403.850/0001-57 ( FUNDO ) I Relação de prestadores de serviços do FUNDO: Os prestadores dos serviços de administração, gestão de carteira e custódia encontram-se qualificados no Regulamento. É(São), ainda, prestador(es) de serviço(s)

Leia mais

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional. Novembro/2011

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional. Novembro/2011 SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional Novembro/2011 3 A SULAMERICA VOCÊ JÁ CONHECE 116 anos no mercado 4.925 funcionários 6,7 milhões de clientes 45 filiais 256 escritórios de venda Maior

Leia mais

GAP Ações FIA O Fundo e sua Filosofia

GAP Ações FIA O Fundo e sua Filosofia GAP AÇÕES FIA GAP Ações FIA O Fundo e sua Filosofia Time formado por 7 pessoas (2 gestores de portifólio + 5 analistas) + suporte das áreas de análise macroeconômica e de risco Fundo long-only com um consistente

Leia mais

Investimentos para Investidores Institucionais Fernando Lovisotto

Investimentos para Investidores Institucionais Fernando Lovisotto Investimentos para Investidores Institucionais Fernando Lovisotto Importante: Este documento não constitui uma opinião ou recomendação, legal ou de qualquer outra natureza, por parte da Vinci Partners,

Leia mais

Carta ao Cotista Abril 2015. Ambiente Macroeconômico. Internacional

Carta ao Cotista Abril 2015. Ambiente Macroeconômico. Internacional Carta ao Cotista Abril 2015 Ambiente Macroeconômico Internacional O fraco resultado dos indicadores econômicos chineses mostrou que a segunda maior economia mundial continua em desaceleração. Os dados

Leia mais

Mellon FAMA Private Equity I Fundo de Investimento em Quotas de Fundos de Investimento Multimercado

Mellon FAMA Private Equity I Fundo de Investimento em Quotas de Fundos de Investimento Multimercado Mellon FAMA Private Equity I Fundo de Investimento em Quotas de Fundos de Investimento Multimercado Março 2008 Private Equity A Oportunidade Diversificação Acessível ao Varejo O Mellon FAMA Private Equity

Leia mais

Divulgação de Resultados 2014

Divulgação de Resultados 2014 São Paulo - SP, 10 de Fevereiro de 2015. A Tarpon Investimentos S.A. ( Tarpon ou Companhia ), por meio de suas subsidiárias, realiza a gestão de fundos e carteiras de investimentos em bolsa e private-equity

Leia mais

Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA

Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA 3º Trimestre 2015 O Fundo O FIP BVEP PLAZA tem como objetivo o investimento na empresa BVEP Empreendimentos Imobiliários SPE III S.A. que é proprietária de 100%

Leia mais

JULHO 2011. Objetivo #1: Preservação de capital

JULHO 2011. Objetivo #1: Preservação de capital O fundo M Square Ações FIC FIA registrou perda de -2,94% em julho, acumulando um resultado de -4,14% em 2011 e +66,00% desde seu início em setembro de 2007. Antes de falar do portfólio, é importante mencionar

Leia mais

XP TOP Dividendos FIA

XP TOP Dividendos FIA XP TOP Dividendos FIA INTRODUÇÃO O XP TOP DIVIDENDOS FIA é um Fundo de Investimento em Ações que tem como objetivo proporcionar ganho de capital, no longo prazo, a seus cotistas, por meio da gestão ativa

Leia mais

FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES FATOR AÇÕES FUNDO DE INVESTIMENTO EM COTAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO EM AÇÕES Data da Competência: Abr/16

FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES FATOR AÇÕES FUNDO DE INVESTIMENTO EM COTAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO EM AÇÕES Data da Competência: Abr/16 FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES FATOR AÇÕES FUNDO DE INVESTIMENTO EM COTAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO EM AÇÕES Data da Competência: Abr/16 ESTE FORMULÁRIO FOI PREPARADO COM AS INFORMAÇÕES NECESSÁRIAS

Leia mais

FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES DO META VALOR FUNDO DE INVESTIMENTO DE AÇÕES CNPJ nº 07.899.238/0001-40 ( FUNDO )

FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES DO META VALOR FUNDO DE INVESTIMENTO DE AÇÕES CNPJ nº 07.899.238/0001-40 ( FUNDO ) Classificação ANBIMA: Ações Indexados Serão classificados como Ações os Fundos que possuírem, no mínimo, 67% (sessenta e sete por cento) da carteira em ações à vista, bônus ou recibos de subscrição, certificados

Leia mais

FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES DO GAP AÇÕES FUNDO DE INVESTIMENTO DE AÇÕES CNPJ nº 08.912.569/0001-35 ( FUNDO )

FORMULÁRIO DE INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES DO GAP AÇÕES FUNDO DE INVESTIMENTO DE AÇÕES CNPJ nº 08.912.569/0001-35 ( FUNDO ) Classificação ANBIMA: Ações Índice Ativo Nivel 1: Ações - Fundos que possuem, no mínimo, 67% (sessenta e sete por cento) da carteira em ações à vista, bônus ou recibos de subscrição, certificados de depósito

Leia mais

POLÍTICA: ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE RISCO DE MERCADO

POLÍTICA: ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE RISCO DE MERCADO POLÍTICA: ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE RISCO DE MERCADO 1. INTRODUÇÃO A política de Risco de Mercado do Scotiabank Brasil ( Scotiabank ) é baseada na política do grupo de Risk Management Global do Scotiabank

Leia mais

Hedge Funds no Brasil: os novos tomadores de risco?

Hedge Funds no Brasil: os novos tomadores de risco? Hedge Funds no Brasil: os novos tomadores de risco? Luiz Fernando Figueiredo História da Indústria no Brasil No Brasil, os precursores deste mercado foram a Hedging Griffo e a Investidor Profissional.

Leia mais

XP UNIQUE QUANT FIC FEEDER FIM

XP UNIQUE QUANT FIC FEEDER FIM XP UNIQUE QUANT FIC FEEDER FIM O XP UNIQUE QUANT FIC FEEDER FIM é um Fundo Quantitativo que busca superar o CDI com operações sistemáticas nos mercados de Bolsa, juros e câmbio, através de modelos matemáticos

Leia mais

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS DO PERUIBEPREV PARA O EXERCICIO DE 2008

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS DO PERUIBEPREV PARA O EXERCICIO DE 2008 POLÍTICA DE INVESTIMENTOS DO PERUIBEPREV PARA O EXERCICIO DE 2008 INTRODUÇÃO Este documento formaliza os objetivos e restrições de investimento da gestão dos recursos do PERUIBEPREV, através da designação

Leia mais

Conference Call. Maio 2008

Conference Call. Maio 2008 Conference Call Maio 2008 Cenário macro O Brasil é Investment Grade: E agora? Taxa de câmbio/ taxa de juros Atração de capital de longo prazo Potencial impacto positivo no PIB Disponibilidade de crédito:

Leia mais

ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE RISCOS

ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE RISCOS Conselho de Administração Diretoria Geral Gerenciamento de Capital Diretoria de Controladoria, Operações, Jurídico, Ouvidoria e Cobrança Diretoria de Tesouraria, Produtos e Novos Negócios Operações Bancárias

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Confidencial Maio 2015 Índice A Peninsula Empresa Diferenciais Equipe Sócios Apêndice I Monitoramento e Controle de Risco Governança Corporativa Análise de Risco Multimercado:

Leia mais

Fundos de Investimentos

Fundos de Investimentos Fundos de Investimentos 1 O que e um fundo de investimentos? Um fundo de investimentos concentra em uma unica entidade juridica, varios investidores com o mesmo objetivo e que compartilham a mesma estrategia

Leia mais