Ferramenta: Spider-CL. Manual do Usuário. Versão da Ferramenta: 1.1.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Ferramenta: Spider-CL. Manual do Usuário. Versão da Ferramenta: 1.1. www.ufpa.br/spider"

Transcrição

1 Ferramenta: Spider-CL Manual do Usuário Versão da Ferramenta: 1.1

2 Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 14/07/ /07/ /07/ /05/ Preenchimento das seções 1, 2 3 e 4 sendo que durante o preenchimento da seção 1 a subseção 1.4 foi removida. Modificação das subseções 1.1 e 1.2; elaboração da seção 5. Modificação de todo o conteúdo das seções 2 e 3; elaboração do sumário; inserção da subseção 1.4. Modificação de diversos trechos do manual com o intuito de tornar o texto mais claro; substituição do termo SPIDER-CL para Spider-CL; modificação da seção 1.4; modificação da seção 2.1; Renan Sales Barros Renan Sales Barros Renan Sales Barros Renan Sales Barros Página 2 de 23

3 Sumário 1. Introdução Finalidade Escopo Definições Referências Instalação Requerimentos Requisitos mínimos Requisitos Recomendáveis Instalação e Configuração Usuário Padrão e Senha Padrão Conceitos Básicos O que é um Checklist? Benefícios da Utilização de Checklists Introdução à Spider-CL Componentes Conceitos Básicos da Spider-CL Utilização da Spider-CL Tela Principal Menu Principal Visualização da Spider-CL Perfil Administração Perfil Limitado Tela de Login Autenticar Cadastro de Usuários Cadastrar Ususário Cancelar o Cadastro de um Usuário Minha Conta Modificar Dados da Conta Pessoal Cancelar Visualização e Alteração da Conta Pessoal Consulta de Usuários Pesquisar Usuário Selecionar Usuário para Alteração dos Dados Cancelar a Consulta de Usuários Alteração dos Dados do Usuário Alterar Dados do Usuário Cancelar Alteração dos Dados do Usuário Cadastro de Critérios Cadastrar Critério Cancelar o Cadastro de um Novo Critério Página 3 de 23

4 Adicionar Alternativa Consulta de Critérios Pesquisar Critério Visualizar Gráfico do Critério Selecionar Critério para Alteração de Dados Cancelar Consulta de Critérios Visualizar Gráfico do Critério Selecionar o Tipo do Gráfico Cancelar Visualização do Gráfico Alteração dos Dados do Critério Alterar Dados do Critério Cancelar Alteração de Dados do Critério Cadastro de Checklists Definir Lista de Critérios do Checklist Definir Lista de Usuários que podem Acessar o Checklist Cadastrar Checklist Cancelar o Cadastro de um Checklist Consulta de Checklists Pesquisar Checklist Visualizar Gráfico do Checklist Selecionar Checklist para Alteração dos Dados Cancelar Consulta de Checklists Visualizar Gráfico do Checklist Selecionar o Tipo do Gráfico para cada Critério Alterar Dados do Checklist Alterar Título e Descrição do Checklist Alterar Lista de Usuários que Podem Aplicar o Checklist Cancelar Alteração de Dados do Checklist Seleção Checklist para Aplicação Selecionar Checklist para Aplicação Cancelar Seleção de Checklist para Aplicação Aplicação do Checklist Salvar Checklist Preenchido Cancelar o Preenchimento do Checklist Consulta de Checklists Aplicados Pesquisar Checklist Aplicado Visualizar as Informações da Aplicação de um Checklist Cancelar Consulta de Checklist Aplicado Visualização das Informações da Aplicação de um Checklist Excluir Aplicação de Checklist Exportar para PDF Cancelar Visualização de Aplicação de Checklist Página 4 de 23

5 Manual do Usuário 1. Introdução 1.1. Finalidade O propósito deste documento é apresentar um guia para a instalação, configuração e uso da ferramenta Spider-CL focando especificamente no usuário final da ferramenta, ou seja, com esse documento pretende-se estabelecer um meio que permita ao usuário final ter um entendimento da utilização da Spider-CL. Além disso, esse documento também apresenta uma descrição de todas as funcionalidades da Spider-CL e como elas podem ser acessadas na ferramenta Escopo A Spider-CL é uma ferramenta para o desenvolvimento de checklists objetivos que permite a aplicação desses checklists em diversos contextos e mantém um registro permanente de todas as utilizações dos checklists desenvolvidos. Dessa forma, essa ferramenta apresenta funcionalidades que estão relacionadas com o desenvolvimento e uso de checklists, e essas funcionalidades serão abordadas nesse documento. Além de apresentar as funcionalidades da ferramenta, esse documento também apresenta quais os termos usados na ferramenta e os seus respectivos significados, um guia de como instalar e configurar a ferramenta, e uma descrição do propósito e dos benefícios da ferramenta. Esse documento não deverá apresentar nenhuma descrição dos componentes internos da ferramenta, e sim apenas dos componentes que estão acessíveis aos usuários finais. Esse documento não deverá apresentar nenhuma descrição dos componentes internos da ferramenta, e sim apenas dos componentes que estão acessíveis aos usuários finais Definições Alternativa: É uma opção que pode ser marcada em um critério. Apenas uma alternativa pode ser marcada em cada critério durante o uso de um checklist. Uma alternativa representa um possível valor que deve ser dado a um critério, por exemplo, as alternativas sim e não podem representar possíveis valores de um critério sendo que durante o uso de um checklist que possua esse critério o usuário deverá marcar sim ou não como valor atribuído ao critério. Critério: Representa alguma característica, atributo ou propriedade que poderá ser avaliada em um checklist. Um critério consiste de uma descrição da característica, atributo ou propriedade e uma lista de alternativas que representam os possíveis resultados da avaliação do critério. Checklist: É um conjunto de critérios organizados. Um checklist não representa os dados oriundos da aplicação de um checklist. Ou seja, no contexto da Spider-CL, um checklist funciona como um checklist vazio e não utilizado. Um checklist é um template que deve reutilizado diversas vezes em várias aplicações. Usuário Ativo: É um usuário que tem acesso as funcionalidades do sistema. Usuário Inativo: É um usuário que não pode acessar as funcionalidades do sistema. Perfil Limitado: É um perfil de usuário que não permite a elaboração e modificação de critérios e checklists e também não permite o cadastro, consulta e alteração de usuários da ferramenta. Usuários desse perfil apenas podem acessar alguns de seus dados, como senha e nome, por exemplo; aplicar os checklists que lhes foram disponibilizados; e visualizar os dados das aplicações que o mesmo efetuou. Perfil Administração: Esse perfil pode acessar todas as funcionalidades do sistema. Entre elas estão o cadastro e alteração dos usuários; elaboração dos checklists e critérios; e aplicação de todos os checklists elaborados Aplicar Checklist: Esse procedimento consiste em utilizar um checklist já definido por um usuário com o perfil Administração e atribuir valores (escolher uma alternativa) para cada um dos critérios desse checklist Referências Página oficial do servidor Tomcat. Nessa página estão disponíveis os arquivos executáveis do servidor e também a sua documentação. Página oficial do SBGD MySQL. Nessa página pode ser feito o download da versão gratuita desse SGBD e também sua documentação pode ser acessada. Página 5 de 23

6 Página do Projeto SPIDER da Universidade Federal do Pará (UFPA). Nessa Página podem ser obtidas outras informações a respeito da ferramenta Spider-CL. Além disso, nessa página também podem ser encontradas informações de outras ferramentas gratuitas que a apóiam a criação de produtos de trabalhos no contexto de qualidade de software. 2. Instalação 2.1. Requerimentos Requisitos mínimos Para a instalação da Spider-CL é necessário que o computador possua instalado um servidor de aplicação Java e o SGBD MySQL 5.1. Os requisitos de hardware não são relevantes uma vez que se trata uma aplicação simples e que executa em qualquer máquina capaz de satisfazer os requerimentos do servidor de aplicação Java e do MySQL. Para acessar a interface da ferramenta é necessário um navegador web que interprete JavaScript e CSS Requisitos Recomendáveis A Spider-CL foi otimizada para o servidor Tomcat 6.0 e versões superiores, dessa forma, recomenda-se a utilização desse servidor. No entanto, a aplicação também foi testada no servidor Glassfish V3 e apresentou um desempenho satisfatório. Também se recomenda a utilização do navegador web Mozilla Firefox 2.0 ou uma versão superior No entanto a ferramenta também foi testada nos navegadores Safari 4, Internet Explorer 7 e Internet Explorer 8 e não apresentou nenhuma incompatibilidade significativa. Contudo, usuários do navegador Internet Explorer 7 e Internet Explorer 8 não poderão visualizar alguns efeitos gráficos do menu principal da ferramenta, além disso, algumas telas são exibidas por esse navegador de maneira ligeiramente diferente se comparada com os demais navegadores onde a ferramenta foi testada Instalação e Configuração Primeiramente deve ser instalado na máquina que hospedará a ferramenta um servidor de aplicação Java. Nessa mesma máquina também deve ser instalado o MySQL (para maiores informações consulte os sites listados nas referências). Antes de publicar a ferramenta no servidor é necessário antes configurar o MySQL. Para que a Spider-CL acesse o MySQL deverá ser criado um banco chamado spider_cl. Para isso pode-se executar o comando: CREATE DATABASE spider_cl; Depois disso deve ser criado um usuário chamado spider_cl e cuja senha seja spider_cl. Esse usuário deve ter permissões para criar tabelas e alterar o conteúdo delas dentro do banco spider_cl. Para isso pode-se executar o comando: GRANT ALL PRIVILEGES ON spider_cl.* TO IDENTIFIED BY 'spider_cl'; O banco de dados deve estar acessível localmente pela porta Ou seja, o mesmo deverá estar acessível pela url: localhost:3306/spider_cl. Após todas essas etapas de configuração do banco é necessário somente publicar o arquivo WAR com a ferramenta no servidor de aplicação Java. Após a conclusão desse procedimento a ferramenta já estará pronta para o uso. Ou seja, não é necessário executar nenhum script no MySQL para criar as tabelas ou o para inserir o usuário default inicial Usuário Padrão e Senha Padrão Para utilizar a ferramenta basta autenticar-se com o usuário admin e senha nula, ou seja, o campo senha deve ser deixado em branco. Esse usuário possui privilégios para realizar todas as operações dentro da ferramenta. 3. Conceitos Básicos 3.1. O que é um Checklist? A Spider-CL é uma ferramenta para o desenvolvimento e publicação de checklists compostos por critérios objetivos. Os checklists são bastante utilizados para avaliações e inspeções de produtos de trabalhos diversos das organizações. Um checklist é uma lista de atributos ou qualidades que devem ser avaliados em um determinado ativo de uma organização sendo que cada um desses atributos possui uma lista de possíveis valores que o mesmo pode receber e apenas um desses valores contidos nessa lista pode ser marcado Benefícios da Utilização de Checklists O uso checklists possui algumas vantagens se relacionado com outros mecanismos de avaliação. A principal delas é a objetividade. Diferentemente de outros métodos de avaliações, um checklist permite estabelecer um conjunto fechado de possíveis Página 6 de 23

7 resultados para as avaliações. Essa característica faz com que a verificação de problemas e defeitos seja mais bem executada por uma pessoa diminuindo a possibilidade de a mesma cometer erros durante a aplicação do checklist. Além disso, os critérios de avaliação contidos no checklist e o conjunto de valores que esses critérios podem assumir também funcionam como um guia durante a realização das avaliações. Dessa forma, o uso de checklists facilita a realização das avaliações além de possibilitar que essas avaliações sejam efetuadas de maneira objetiva. No contexto de desenvolvimento de software. A maioria das avaliações dos produtos de trabalho pode ser realizada através da utilização de checklists objetivos. Além disso, se comparado com o processo manual de desenvolvimento e utilização dos checklists, com a utilização da Spider-CL é possível uma rápida difusão e elaboração dos checklists dentro da organização o que deve facilitar na obtenção dos benefícios relacionados com o uso de checklists objetivos. 4. Introdução à Spider-CL 4.1. Componentes A Spider-CL é totalmente acessível a partir de um navegador web comum. A interface da Spider-CL foi desenvolvida utilizando componentes gráficos convencionais como caixas de textos, tabelas, listas e botões sendo que a interação com essa interface pode ser feita apenas através de um dispositivo apontador simples (mouse convencional, por exemplo) e um teclado Conceitos Básicos da Spider-CL Os principais conceitos apresentados no Spider-CL estão relacionados com checklists objetivos. Como descrito, na Spider-CL um checklist nada mais é do que uma relação organizada de critérios objetivos sendo que cada critério define uma característica e possíveis valores como resultado da avaliação dessa característica. Na Spider-CL um checklist também está associado com uma lista de usuários com perfil limitado. Juntamente com todos os usuários com perfil administração, os usuários dessa lista são os únicos usuários que poderão aplicar esse checklist. O principal objetivo da Spider-CL é prover a automação do processo de definição e utilização de checklists para a avaliação, inspeção ou revisão através de critérios objetivos. A Spider-CL apresenta uma série de benefícios como: É uma ferramenta gratuita. É portável, por ser desenvolvida como uma aplicação web Java, a ferramenta pode ser instalada em qualquer plataforma que capaz de executar um servidor de aplicação Java e o MySQL 5.1. Possui uma interface bastante simples de utilizar e que pode ser acessada a partir de qualquer navegador web convencional; Pode ser utilizada para o desenvolvimento e aplicação de qualquer tipo de checklist objetivo e em qualquer contexto, não somente o contexto de avaliação. Possui controle de acesso e mantém registro de todas as aplicações de cada checklist. Exporta os checklists preenchidos para o formato PDF. Permite visualizar os dados das aplicações dos checklists a partir de gráficos. 5. Utilização da Spider-CL 5.1. Tela Principal Esta seção reproduz visualmente a tela principal do sistema e descreve cada uma das funcionalidades acessíveis a partir da mesma. Página 7 de 23

8 Menu Principal Minha Conta: Essa opção permite alterar os dados do usuário que está autenticado na ferramenta. Caso o usuário seja um usuário com perfil limitado o mesmo apenas poderá alterar o seu nome, a sua senha e o seu nome de usuário. Sair: Essa opção permite que o usuário retorne para a tela de autenticação da aplicação. Cadastrar Usuário: Essa opção permite que novos usuários sejam cadastrados na ferramenta. Consultar Usuário: Essa opção permite visualizar todas as informações dos usuários cadastrados, a partir dessa opção pode ser selecionado um usuário para que os dados do mesmo sejam editados. Cadastrar Critério: Essa opção permite cadastrar novos critérios que podem ser utilizados na elaboração de checklists. Consultar Critério: Essa opção permite acessar todos os critérios já cadastrados e alterar os dados desses critérios. Cadastrar Checklist: Essa opção possibilita a criação de um novo checklist. Consultar Checklist: Essa opção permite acessar todos os checklists elaborados. A partir dessa opção pode ser acessada a tela de edição dos dados de um checklist. Aplicar Checklist: Essa opção permite selecionar um checklist já desenvolvido e fazer uso do mesmo. Visualizar Checklist: Essa opção permite visualizar os dados oriundos de uma aplicação de um checklist. A partir dessa opção é possível exportar um checklist preenchido para o formato PDF e, caso necessário, os usuários com perfil administração poderão selecionar e excluir um checklist preenchido Visualização da Spider-CL Esta seção permite um entendimento das diferentes visões de utilização da Spider-CL. As subseções a seguir listam cada uma dessas visões e descrevem as diferentes funções disponíveis para os usuários de acordo com essas visões Perfil Administração O perfil administrador tem acesso a todas as operações do menu principal apresentado Perfil Limitado O perfil limitado tem acesso apenas somente às seguintes opções do menu principal: Minha Conta: Como mencionado, nessa opção um usuário com perfil limitado poderá modificar o seu nome, o seu nome de usuário e a sua senha. Os demais itens, perfil e status, encontram-se bloqueados para usuários com o perfil limitado. Sair: Permite que o usuário retorne para a tela de autenticação. Aplicar Checklist: Essa opção apresenta algumas diferenças quando acessada por um usuário com o perfil limitado. Nesse caso apenas podem ser selecionados os checklists que foram disponibilizados para o usuário limitado em questão. Visualizar Checklist: Essa opção permite visualizar os dados oriundos de uma aplicação de um checklist realizada pelo usuário limitado que está acessando a opção, ou seja, ele apenas pode visualizar as aplicações de checklist por ele realizadas. Além disso, ele não poderá modificar ou remover os dados inseridos durante a aplicação de um checklist. Página 8 de 23

9 5.3. Tela de Login A tela acima é a tela inicial da ferramenta. Quando um usuário digita no seu navegador a url da ferramenta o mesmo visualizará essa tela cujo objetivo é capturar os dados do usuário e posteriormente apresentar as operações da ferramenta de acordo com o perfil desse usuário Autenticar Após ter fornecido um usuário e uma senha válidos, para efetivar a autenticação o usuário deverá ou clicar no botão rotulado com a palavra Autenticar ou, caso o componente focado seja a caixa de texto da senha, pressionar a tecla <Enter>. Eventualmente o usuário poderá informar um nome de usuário inválido ou uma senha inválida, nesse caso uma mensagem será exibida informando tal ocorrência. Caso um usuário inativo tente autenticar-se no sistema, o mesmo será informado por meio de uma mensagem que surgirá na tela que ele encontra-se impossibilitado de acessar as funcionalidades da ferramenta Cadastro de Usuários Página 9 de 23

10 Nessa tela são fornecidos os dados para o cadastro de um novo usuário. A seguir temos uma descrição de cada um dos campos: Nome completo: Esse campo deve armazenar o nome completo do usuário, como, por exemplo: Pedro Carvalho de Melo. Esse campo de conter no máximo 63 caracteres. Nome de usuário: Esse campo deve armazenar o nome que o usuário deverá utilizar para se autenticar na ferramenta, como, por exemplo: pedro_melo. Esse campo de conter no máximo 31 caracteres. Senha: Esse campo deve armazenar a senha que o usuário deve fornecer quando desejar autenticar-se na ferramenta. Esse campo de conter no máximo 31 caracteres. Confirmar senha: Esse campo serve apenas para que o usuário repita a senha digitada no campo anterior. Perfil do usuário: Esse campo indica qual o perfil do usuário cadastrado. Status do usuário: Esse campo indica qual o status do usuário cadastrado Cadastrar Ususário Após o preenchimento de todos os campos, para concluir o cadastro do novo usuário o botão rotulado com o texto Salvar deve ser clicado. Se algum erro for detectado no preenchimento de algum campo uma mensagem será exibida informando sobre o erro. O novo usuário apenas será salvo quando nenhum erro for encontrado nos valores fornecidos para cada um dos campos da tela Cancelar o Cadastro de um Usuário Para cancelar o cadastro de um usuário o botão rotulado com texto Cancelar deve ser clicado. Caso alguma outra funcionalidade do menu principal seja acessada enquanto essa tela estiver sendo visualizada, essa ação será automaticamente executada antes da tela da outra funcionalidade que foi acessada ser exibida Minha Conta Nessa tela o usuário que se encontra autenticado na ferramenta pode visualizar e alterar os seus dados. Caso seja um usuário de perfil limitado os campos Perfil do usuário e Status do usuário estarão bloqueados para modificações Modificar Dados da Conta Pessoal Para efetivar as modificações realizadas nessa tela o usuário deve clicar no botão rotulado com o texto Salvar Cancelar Visualização e Alteração da Conta Pessoal Página 10 de 23

11 5.6. Consulta de Usuários Nessa tela é possível visualizar os dados de todos os usuários cadastrados na ferramenta Pesquisar Usuário Para efetuar essa operação basta clicar no botão Pesquisar ou pressionar a tecla <Enter> caso a caixa de texto Palavrachave esteja focada. Ao efetuar essa operação, a tabela logo abaixo do botão Pesquisar deverá exibir todos os usuários que apresentam em seus nomes completos ou nomes de usuários a palavra-chave fornecida Selecionar Usuário para Alteração dos Dados Essa operação está acessível a partir do botão Editar ou ao efetuar um clique duplo em um dos usuários listados na tabela. Ao efetuar essa operação a janela atual é fechada e uma nova janela, semelhante à janela de cadastro de usuários, deve ser exibida. Nessa tela são exibidos os dados do usuário selecionado na tela anterior e é possível alterar cada um dos valores que foram fornecidos no momento do cadastro do usuário Cancelar a Consulta de Usuários 5.7. Alteração dos Dados do Usuário Nessa tela é possível alterar os dados de um usuário já cadastrado na ferramenta. Página 11 de 23

12 Alterar Dados do Usuário Essa operação está acessível a partir do botão Salvar. Ao efetuar essa operação os dados do usuário selecionado na tela de consulta de usuários são alterados de acordo com os novos valores fornecidos nessa tela Cancelar Alteração dos Dados do Usuário 5.8. Cadastro de Critérios Nessa tela é possível criar um novo critério Cadastrar Critério Essa operação está acessível a partir do botão Salvar. Ao efetuar essa operação é verificado se todos os campos estão preenchidos corretamente, caso isso ocorra o critério será salvo. O campo Critério deve possuir um texto que não seja maior que 511 caracteres. Para cada uma das alternativas deve ser atribuído um texto com 63 caracteres ou menos Cancelar o Cadastro de um Novo Critério Adicionar Alternativa Essa operação está acessível a partir do botão Adicionar Alternativa. Ao efetuar essa operação um novo campo para a inserção de uma nova alternativa é criado na tela. Na atual versão do Spider-CL Não existe a possibilidade de remover esse campo após ele ser criado. Caso sejam criados mais campos do que o necessário deve-se reiniciar o processo de criação de um novo critério. Um critério deve possuir no mínimo duas alternativas, dessa maneira, sempre que um novo critério é criado o mesmo já aparece na tela com duas alternativas para serem cadastradas. Página 12 de 23

13 5.9. Consulta de Critérios Pesquisar Critério Para efetuar essa operação basta clicar no botão Pesquisar ou pressionar a tecla <Enter> caso a caixa de texto Palavrachave esteja focada. Ao efetuar essa operação, a tabela logo abaixo do botão Pesquisar deverá exibir todos os critérios cujo texto apresente as palavras-chave fornecidas Visualizar Gráfico do Critério Essa operação está acessível a partir do botão Visualizar Gráfico. Ao efetuar essa operação uma nova tela será exibida com um gráfico que mostra o percentual e quantidade de vezes que cada alternativa do critério selecionado foi marcada Selecionar Critério para Alteração de Dados Essa operação está acessível a partir do botão Editar ou ao efetuar um clique duplo em um dos critérios listados na tabela. Ao efetuar essa operação a janela atual é fechada e uma nova janela, semelhante à janela de cadastro de critérios, deve ser exibida. Nessa tela são exibidos o critério selecionado na tela anterior e suas alternativas. Nessa será é possível alterar o texto do critério e o texto de suas alternativas, além disso, não será permitido alterar a quantidade de alternativas do critério selecionado Cancelar Consulta de Critérios Visualizar Gráfico do Critério Página 13 de 23

14 Essa tele permite visualizar a os valores atribuídos ao critério selecionado considerando todas as aplicações de todos os diferentes checklists nos quais esse critério é utilizado Selecionar o Tipo do Gráfico Para mudar o tipo de gráfico utilizado basta selecionar um dos valores da caixa de combinação rotulada com o texto Tipo do gráfico:. Dois tipos de gráficos estão disponíveis: Pizza e Barras. Na legenda de ambos os tipos de gráficos são mostrados, respectivamente, o texto da alternativa, o número de vezes que essa alternativa foi selecionada, e o percentual de vezes que essa alternativa foi selecionada Cancelar Visualização do Gráfico Alteração dos Dados do Critério A partir dessa tela os usuários podem modificar os dados de um critério previamente selecionado Alterar Dados do Critério Para alterar os dados do critério na ferramenta é necessário clicar no botão Salvar. Página 14 de 23

15 Cancelar Alteração de Dados do Critério Cadastro de Checklists Página 15 de 23

16 Nessa tela é possível criar um novo checklist. Durante o processo de criação de um novo checklist o usuário deverá informar um nome para o checklist, sendo que esse nome deve conter no máximo 63 caracteres. Opcionalmente pode ser fornecida uma descrição para o checklist, esse campo não possui limite de tamanho. Em seguida o usuário deverá elaborar uma lista de critérios, e uma lista de usuários. A lista de critérios define quais os critérios estarão presentes no checklist; e a lista de usuários define quais usuários poderão aplicar o checklist que está sendo criado Definir Lista de Critérios do Checklist Para definir a lista de critérios do checklist deve-se antes pesquisar os critérios que devem ser adicionados ao checklist. É possível realizar uma pesquisa com base em todos os critérios do sistema, ou com base nos critérios de um checklist já criado. Após realizar essa pesquisa, a segunda tabela da tela deverá apresentar o resultado da pesquisa de critérios. Para inserir um critério no checklist, basta clicar e arrastar um critério da tabela com o resultado da pesquisa para a primeira tabela da tela. Essa tabela representa a organização dos critérios no checklist. Durante a criação de um checklist é possível alterar a posição de um critério apenas clicando e arrastando o mesmo para a posição desejada, essa posição irá determinar a ordem na qual os critérios serão organizados no checklist. Para excluir um critério deve ser pressionada a tecla <Delete> do teclado. Pelo menos um critério deve ser adicionado ao checklist caso contrário o mesmo não poderá ser salvo Definir Lista de Usuários que podem Acessar o Checklist Para definir a lista de usuários que podem acessar o checklist deve ser feito exatamente o mesmo processo utilizado para definir a lista de critérios do checklist. No entanto, nesse caso a posição dos usuários na tabela não possui nenhuma interpretação adicional. A lista apenas indica que os usuários que a mesma apresenta poderão acessar o checklist que sendo criado. Um checklist pode ser salvo sem a determinação de nenhum usuário. Nesse caso o checklist só poderá ser aplicado por usuários com perfil Administração Cadastrar Checklist Para efetuar essa operação basta clicar no botão Salvar. Ao clicar nesse botão será exibida uma mensagem que pede a confirmação da operação e informa que após o checklist ser salvo a organização dos critérios do mesmo não poderá ser modificada futuramente Cancelar o Cadastro de um Checklist Página 16 de 23

17 5.13. Consulta de Checklists Pesquisar Checklist Para pesquisar um checklist o usuário deve clicar no botão Pesquisar ou, caso a caixa de texto Palavra-chave esteja focada, pressionar a tecla <Enter>. Essa pesquisa ira retornar todos os checklists que apresentem o termo da caixa de texto Palavra-chave em seu título ou em sua descrição Visualizar Gráfico do Checklist Essa operação está acessível a partir do botão Visualizar Gráfico. Quando essa operação é iniciada a tela de consulta de checklists é fechada e uma nova tela é mostrada. Nessa nova tela encontram-se exibidos diversos gráficos, um para cada critério do checklist sendo que as informações mostradas nesses gráficos são referentes às aplicações do checklist selecionado. Dessa forma, se um critério é utilizado em dois checklists, apenas os dados coletados nas aplicações do checklist selecionado na tela de consulta serão considerados durante a criação do gráfico Selecionar Checklist para Alteração dos Dados Essa operação está acessível a partir do botão Editar. Quando esse botão é clicado, a tela de consulta de checklist é fechada e o checklist é Cancelar Consulta de Checklists Visualizar Gráfico do Checklist Página 17 de 23

18 Nessa tela são exibidos os gráficos referentes às aplicações de um checklist Selecionar o Tipo do Gráfico para cada Critério Para mudar o tipo de gráfico de um critério é necessário selecionar um dos valores da caixa de combinação acima do critério em questão. Da mesma forma como disponível na tela de visualização do gráfico de um critério, dois tipos de gráficos estão disponíveis: Pizza e Barras. Na legenda de ambos os tipos de gráficos são mostrados, respectivamente, o texto da alternativa, o número de vezes que essa alternativa foi selecionada, e o percentual de vezes que essa alternativa foi selecionada Alterar Dados do Checklist Página 18 de 23

19 Nessa tela é possível modificar alguns dados de um checklist anteriormente criado. Todas as operações disponíveis nessa tela são semelhantes com a tela de criação de um novo checklist, no entanto, Nessa tela, a lista de critérios do checklist não pode ser alterada, mas a lista de usuários, o título e a descrição podem ser alteradas livremente Alterar Título e Descrição do Checklist Para efetuar essa operação basta alterar o texto dos campos Nome do checklist e Descrição e clicar no botão Salvar Alterar Lista de Usuários que Podem Aplicar o Checklist Essa operação pode ser realizada mesma forma como descrito na tela de cadastro de checklists na operação Definir Lista de Usuários que podem Acessar o Checklist Cancelar Alteração de Dados do Checklist Seleção Checklist para Aplicação Essa tela permite buscar e selecionar um checklist para aplicação. Página 19 de 23

20 Selecionar Checklist para Aplicação Essa operação pode ser realizada a partir do botão Selecionar, nesse caso o checklist marcado na lista será aplicado, ou através de um duplo clique em um dos checklists exibidos na lista Cancelar Seleção de Checklist para Aplicação Aplicação do Checklist Nessa tela é feita o preenchimento de um checklist. Durante o preenchimento checklist, é possível descrever essa utilização do checklist a partir do campo Descrição do uso do checklists. Esse campo não possui um limite de caracteres. Além disso, durante esse preenchimento a página é rolada automaticamente para o próximo critério a ser preenchido. Página 20 de 23

21 Salvar Checklist Preenchido O processo de preenchimento de um checklist consiste em assinalar uma alternativa para cada critério e opcionalmente elaborar algum detalhamento no campo descrição desse critério. Após esse processo ser concluído. Para salvar os dados na ferramenta deve-se clicar no botão Salvar. Se algum critério foi deixado sem resposta, a ferramenta informará o usuário Cancelar o Preenchimento do Checklist Consulta de Checklists Aplicados Nessa tela podem ser pesquisados todos os checklists aplicados. A pesquisa pode ser realizada levando em consideração vários parâmetros. A seguir será descrito cada um desses parâmetros: Palavra-chave: Esse campo determina uma palavra-chave que será buscada no campo descrição dos checklists aplicados. Data inicial: Uma data que identifica o início de um período onde se deseja buscar checklists aplicados. Data final: Uma data que identifica o final de um período onde se deseja buscar checklists aplicados. Confirmar senha: Esse campo serve apenas para que o usuário repita a senha digitada no campo anterior. Usuário responsável: Esse campo indica qual do que fez o preenchimento do checklist buscado. Caso o usuário autenticado na ferramenta apresente o perfil Limitado esse campo estará bloqueado e terá como valor o próprio usuário que está utilizando a ferramenta. Dessa forma, os usuários com o perfil Limitado apenas poderão visualizar as aplicações de checklist que o mesmo efetuou. Checklist: Esse campo indica qual checklist foi usado na aplicação buscada Pesquisar Checklist Aplicado Para efetuar essa operação basta clicar no botão Pesquisar. Ao efetuar essa operação, a tabela logo abaixo do botão Pesquisar deverá exibir todos os checklists que satisfaçam as condições determinadas pelo conjunto de campos anteriormente descritos Visualizar as Informações da Aplicação de um Checklist Essa operação está acessível a partir do botão Visualizar ou ao efetuar um clique duplo em um dos checklists aplicados listados na tabela. Ao efetuar essa operação a janela atual é fechada e uma nova janela será exibida com todos os dados da aplicação do checklist Cancelar Consulta de Checklist Aplicado Página 21 de 23

22 5.19. Visualização das Informações da Aplicação de um Checklist Nessa são exibidas todas as informações referentes a uma aplicação de um checklist. A partir dessa tela é possível ter o acesso a uma versão em PDF dos dados da aplicação do checklist e, para usuários com perfil administrador. É possível excluir uma aplicação de um checklist Excluir Aplicação de Checklist Essa operação está acessível a partir do botão Excluir. Ao efetuar essa operação o registro dessa aplicação do checklist é excluído definitivamente da aplicação Exportar para PDF Essa operação está acessível a partir do botão Baixar PDF. Ao efetuar essa operação é gerado um arquivo em formato PDF que contém todas as informações apresentadas pela ferramenta em sua tela atual. Página 22 de 23

23 Cancelar Visualização de Aplicação de Checklist Página 23 de 23

Manual do Usuário. Sistema/Ferramenta: Spider-ACQ. Versão do Sistema/Ferramenta: 1.0. www.spider.ufpa.br

Manual do Usuário. Sistema/Ferramenta: Spider-ACQ. Versão do Sistema/Ferramenta: 1.0. www.spider.ufpa.br Manual do Usuário Sistema/Ferramenta: Spider-ACQ Versão do Sistema/Ferramenta: 1.0 www.spider.ufpa.br Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 27/05/2011 1.0 Criação da seção de instalação/configuração

Leia mais

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ÍNDICE INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ACESSO ÀS FERRAMENTAS 9 FUNÇÕES 12 MENSAGENS 14 CAMPOS OBRIGATÓRIOS

Leia mais

KalumaFin. Manual do Usuário

KalumaFin. Manual do Usuário KalumaFin Manual do Usuário Sumário 1. DICIONÁRIO... 4 1.1 ÍCONES... Erro! Indicador não definido. 1.2 DEFINIÇÕES... 5 2. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 7 3. ACESSAR O SISTEMA... 8 4. PRINCIPAL... 9 4.1 MENU

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE INTRODUÇÃO O portal do Afrafep Saúde é um sistema WEB integrado ao sistema HEALTH*Tools. O site consiste em uma área onde os Usuários e a Rede Credenciada,

Leia mais

Manual do Assinador de Documentos

Manual do Assinador de Documentos Manual do Usuário Manual do Assinador de Documentos PROJUDI Template Versão 1.1 SUMÁRIO 1. Requisitos Básicos... 3 2. Atualizar a Versão do Java... 3 2.1 Adicionar Site à Lista de Exceções... 10 3. Baixar

Leia mais

GUIA RÁPIDO SISTEMA ANTIFURTO THEFT DETERRENT

GUIA RÁPIDO SISTEMA ANTIFURTO THEFT DETERRENT GUIA RÁPIDO SISTEMA ANTIFURTO THEFT DETERRENT SUMÁRIO Prefácio... 1 A quem se destina... 1 Nomenclatura utilizada neste documento... 1 Tela de login... 2 Tela Inicial... 4 Gestão de Dispositivo Acompanhar

Leia mais

Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha

Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha Versão 1.5 Histórico de revisões Revisão Data Descrição da alteração 1.0 18/09/2015 Criação deste manual 1.1 22/09/2015 Incluído novas

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Desktop

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Desktop MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Desktop 1 1 INICIANDO O APLICATIVO PELA PRIMEIRA VEZ... 3 2 PÁGINA PRINCIPAL DO APLICATIVO... 4 2.1 INTERFACE INICIAL... 4 3 INICIANDO PROCESSO DE LEITURA...

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Mobile

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Mobile MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Mobile 1 1 INICIANDO O APLICATIVO PELA PRIMEIRA VEZ... 3 2 PÁGINA PRINCIPAL DO APLICATIVO... 4 2.1 INTERFACE INICIAL... 4 2.2 DISPOSITIVO NÃO REGISTRADO...

Leia mais

Smart Laudos 1.9. A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos. Manual do Usuário

Smart Laudos 1.9. A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos. Manual do Usuário Smart Laudos 1.9 A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos Manual do Usuário Conteúdo 1. O que é o Smart Laudos?... 3 2. Características... 3 3. Instalação... 3 4. Menu do Sistema... 4 5. Configurando

Leia mais

INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS

INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS 1) Clique duas vezes no arquivo ControlGasSetup.exe. Será exibida a tela de boas vindas do instalador: 2) Clique em avançar e aparecerá a tela a seguir: Manual de Instalação

Leia mais

V 1.0 LINAEDUCA - GUIA DE USO

V 1.0 LINAEDUCA - GUIA DE USO V 1.0 LINAEDUCA - GUIA DE USO ARGO Internet ARGO.com.br 2013 Sumário 1. Instalação... 2 1.1 Windows... 2 2 Guia de Uso... 5 2.1 Inicialização... 5 2.1.1 Modo Casa... 5 2.1.2 Modo escola... 6 2.2 Cadastro

Leia mais

2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO

2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INDICE 1. INTRODUÇÃO 2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO 2.1. COMPARTILHANDO O DIRETÓRIO DO APLICATIVO 3. INTERFACE DO APLICATIVO 3.1. ÁREA DO MENU 3.1.2. APLICANDO A CHAVE DE LICENÇA AO APLICATIVO 3.1.3 EFETUANDO

Leia mais

COMO INSTALAR O CATÁLOGO

COMO INSTALAR O CATÁLOGO Este guia tem por finalidade detalhar as etapas de instalação do catálogo e assume que o arquivo de instalação já foi baixado de nosso site. Caso não tenho sido feita a etapa anterior favor consultar o

Leia mais

CERTIDÕES UNIFICADAS

CERTIDÕES UNIFICADAS CERTIDÕES UNIFICADAS Manual de operação Perfil Cartório CERTUNI Versão 1.0.0 MINISTÉRIO DA JUSTIÇA Departamento de Inovação Tecnológica Divisão de Tecnologia da Informação Sumário LISTA DE FIGURAS... 2

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

Versão 1.15. Portal StarTISS. Portal de Digitação e Envio do Faturamento. Manual de Utilização. Versão 1.15 (Agosto/2014)

Versão 1.15. Portal StarTISS. Portal de Digitação e Envio do Faturamento. Manual de Utilização. Versão 1.15 (Agosto/2014) Versão 1.15 Portal StarTISS Portal de Digitação e Envio do Faturamento Manual de Utilização Versão 1.15 (Agosto/2014) Conteúdo 1. CONTATOS... 1 2. REQUISITOS NECESSÁRIOS... 1 3. ACESSANDO O PORTAL STARTISS...

Leia mais

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE ❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE a) Checagem de Estoque - Verifique o estoque dos produtos desejados. b) Listar produtos com a quantia de estoque mínimo atingido: ESTOQUE / RELATÓRIO / ALERTA DE COMPRA

Leia mais

Manual do Aplicativo - Rastreamento Veicular

Manual do Aplicativo - Rastreamento Veicular Manual do Aplicativo - Rastreamento Veicular Sumário Apresentação... 2 Instalação do Aplicativo... 2 Localizando o aplicativo no smartphone... 5 Inserindo o link da aplicação... 6 Acessando o sistema...

Leia mais

Módulo de Gestores. Utilizaremos telas do Módulo de Gestores (Homologação): http://siops-homologa2.datasus.gov.br

Módulo de Gestores. Utilizaremos telas do Módulo de Gestores (Homologação): http://siops-homologa2.datasus.gov.br Módulo de Gestores Módulo de Gestores Utilizaremos telas do Módulo de Gestores (Homologação): http://siops-homologa2.datasus.gov.br Módulo de Gestores As telas oficiais do Módulo de Gestores estão disponíveis

Leia mais

IMPORTANTE: O sistema Off-line Dr.Micro é compatível com os navegadores Mozilla Firefox e Internet Explorer.

IMPORTANTE: O sistema Off-line Dr.Micro é compatível com os navegadores Mozilla Firefox e Internet Explorer. CONFIGURANDO O SISTEMA OFFLINE DR.MICRO IMPORTANTE: O sistema Off-line Dr.Micro é compatível com os navegadores Mozilla Firefox e Internet Explorer. 1- Ao acessar a plataforma online a opção Minha Escola

Leia mais

Faturamento Eletrônico - CASSEMS

Faturamento Eletrônico - CASSEMS 1 Conteúdo 1. Informações Iniciais... 3 1.1. Sobre o documento... 3 1.2. Organização deste Documento... 3 2. Orientações Básicas... 3 2.1. Sobre o Faturamento Digital... 3 3. Instalação do Sistema... 4

Leia mais

Manual de Utilização Autorizador Web V2

Manual de Utilização Autorizador Web V2 Manual de Utilização Autorizador Web V2 OBJETIVO Esse manual tem como objetivo o auxílio no uso do Autorizador de Guias Web V2 do Padre Albino Saúde. Ele serve para base de consulta de como efetuar todos

Leia mais

Acesso ao Localidade. LOCALIDADE Sistema de Cadastro Localidade. Acesso ao Sistema de Cadastro Localidade

Acesso ao Localidade. LOCALIDADE Sistema de Cadastro Localidade. Acesso ao Sistema de Cadastro Localidade Acesso ao Localidade Acesso ao O endereço do sistema é: www.saude.gov.br/localidade Quem pode acessar o Sistema de Cadastro de Localidade? Somente profissionais que foram cadastrados no CSPUWEB terão acesso

Leia mais

GUIA DE USUÁRIO - GU-

GUIA DE USUÁRIO - GU- 1/22 Revisão 00 de 20//12 1. OBJETIVO Orientar o usuário para a pesquisa e visualização detalhada de todas as ordens de compra emitidas, emitir confirmações de aceite, submeter solicitação de alteração,

Leia mais

TCEnet. Manual Técnico. Responsável Operacional das Entidades

TCEnet. Manual Técnico. Responsável Operacional das Entidades TCEnet Manual Técnico Responsável Operacional das Entidades 1 Índice 1. Introdução... 3 2. Características... 3 3. Papéis dos Envolvidos... 3 4. Utilização do TCEnet... 4 4.1. Geração do e-tcenet... 4

Leia mais

Permissão de Usuários

Permissão de Usuários Permissão de Usuários 1 Conteúdo 1. Propósito 3 2. Permissão de Usuários PrefGest 4 3. Permissão de Usuário para PrefCad 10 2 1. Propósito Este documento destina-se a explicar a ação para liberar permissões

Leia mais

Plano de Carreira Sistema de Apoio à Gestão de Planos de Carreira

Plano de Carreira Sistema de Apoio à Gestão de Planos de Carreira Plano de Carreira Sistema de Apoio à Gestão de Planos de Carreira Manual do Usuário Página1 Sumário 1 Configurações Recomendadas... 4 2 Objetivos... 4 3 Acesso ao Sistema... 5 3.1. Acessar 6 3.2. Primeiro

Leia mais

Curso Básico Sistema EMBI

Curso Básico Sistema EMBI Curso Básico Sistema EMBI Módulo Atendentes e Administradores Todos os direitos reservados. Nenhuma parte deste trabalho pode ser reproduzida em qualquer forma por qualquer meio gráfico, eletrônico ou

Leia mais

Manual de Instalação. SafeNet Authentication Client 8.2 SP1. (Para MAC OS 10.7)

Manual de Instalação. SafeNet Authentication Client 8.2 SP1. (Para MAC OS 10.7) SafeNet Authentication Client 8.2 SP1 (Para MAC OS 10.7) 2/28 Sumário 1 Introdução... 3 2 Pré-Requisitos Para Instalação... 3 3 Ambientes Homologados... 4 4 Tokens Homologados... 4 5 Instruções de Instalação...

Leia mais

Tutorial para acesso ao Peticionamento Eletrônico e Visualização de Processos Eletrônicos

Tutorial para acesso ao Peticionamento Eletrônico e Visualização de Processos Eletrônicos Tutorial para acesso ao Peticionamento Eletrônico e Visualização de Processos Eletrônicos Este tutorial visa preparar o computador com os softwares necessários para a utilização dos sistemas de visualização

Leia mais

REMOÇÃO 2015 MANUAL DE DESISTÊNCIA

REMOÇÃO 2015 MANUAL DE DESISTÊNCIA REMOÇÃO 2015 MANUAL DE DESISTÊNCIA Versão 05/05/2015 SUMÁRIO ACESSANDO O SISTEMA... 03 VISUALIZANDO A SOLICITAÇÃO... 05 DEMONSTRATIVO DAS VAGAS... 06 DESISTÊNCIA DA REMOÇÃO... 08 IMPRIMIR PROTOCOLO...

Leia mais

W o r d p r e s s 1- TELA DE LOGIN

W o r d p r e s s 1- TELA DE LOGIN S U M Á R I O 1Tela de Login...2 2 Painel......3 3 Post...4 4 Ferramentas de Post...10 5 Páginas...14 6 Ferramentas de páginas...21 7 Mídias...25 8 Links......30 1 1- TELA DE LOGIN Para ter acesso ao wordpress

Leia mais

Boletim Eletrônico de Recolhimento Manual do Sistema. Boletim Eletrônico de Recolhimento. Manual do Sistema

Boletim Eletrônico de Recolhimento Manual do Sistema. Boletim Eletrônico de Recolhimento. Manual do Sistema Boletim Eletrônico de Recolhimento Manual do Sistema Versão 1.2 Junho / 2013 Sumário 1. Introdução... - 3-2. O Sistema BOLETIM ELETRÔNICO DE RECOLHIMENTO... - 3-3. Pré-requisitos... - 3-4. Primeiro Acesso...

Leia mais

Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4.

Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4. 1 Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4. Interface do sistema... 4 1.4.1. Janela Principal... 4 1.5.

Leia mais

Manual Do Usuário ClinicaBR

Manual Do Usuário ClinicaBR Manual Do Usuário ClinicaBR SUMÁRIO 1 Introdução... 01 2 ClinicaBR... 01 3 Como se cadastrar... 01 4 Versão experimental... 02 5 Requisitos mínimos p/ utilização... 03 6 Perfis de acesso... 03 6.1 Usuário

Leia mais

Manual Captura S_Line

Manual Captura S_Line Sumário 1. Introdução... 2 2. Configuração Inicial... 2 2.1. Requisitos... 2 2.2. Downloads... 2 2.3. Instalação/Abrir... 3 3. Sistema... 4 3.1. Abrir Usuário... 4 3.2. Nova Senha... 4 3.3. Propriedades

Leia mais

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx 1 Introdução O Conecta S_Line permite que o laboratório envie à Central S_Line os resultados de exames gerados pelo Sistema de Informação Laboratorial (LIS) em forma de arquivos digitais. Todo o processo

Leia mais

Sistema de Controle de Cheques GOLD

Sistema de Controle de Cheques GOLD Sistema de Controle de Cheques GOLD Cheques GOLD é um sistema para controlar cheques de clientes, terceiros ou emitidos. Não há limitações quanto as funcionalidades do programa, porém pode ser testado

Leia mais

Manual do Usuário. SCA - Sistema de Controle de Acesso

Manual do Usuário. SCA - Sistema de Controle de Acesso Manual do Usuário SCA - Sistema de Controle de Acesso Equipe-documentacao@procergs.rs.gov.br Data: Julho/2012 Este documento foi produzido por Praça dos Açorianos, s/n CEP 90010-340 Porto Alegre, RS (51)

Leia mais

Guia do Usuário. idocsscan v.2.1.14

Guia do Usuário. idocsscan v.2.1.14 Guia do Usuário idocsscan v.2.1.14 2013 BBPaper_Ds - 2 - Sumário Introdução... 5 Instalação... 7 Inicializando a aplicação... 12 Barras de acesso e informações... 13 Teclas de atalho... 14 Barra de Ferramentas...

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Online Web Opinião Versão 1.0.5

Manual do Teclado de Satisfação Online Web Opinião Versão 1.0.5 Manual do Teclado de Satisfação Online Web Opinião Versão 1.0.5 09 de julho de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação

Leia mais

Manual de uso PSIM Client 2010

Manual de uso PSIM Client 2010 MANUAL DE USO PSIM CLIENT VERSÃO 2010 ÍNDICE Manual de uso PSIM Client 2010 INSTALAÇÃO...2 INSTALAÇÃO LOCAL...2 INICIANDO O SISTEMA...13 UTILIZANDO O ÍCONE DA ÁREA DE TRABALHO...13 UTILIZANDO O MENU INICIAR...16

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Manual de Utilização Google Grupos Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução... 3 Página

Leia mais

Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb

Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Dezembro/2012 2 Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Sumário de Informações do Documento Título do Documento: Resumo:

Leia mais

Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual

Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual Diário On-line Apresentação ----------------------------------------------------------------------------------------- 5 Requisitos Básicos

Leia mais

MANUAL Credenciados SGMC Sistema de Gestão de Modalidades de Credenciamento

MANUAL Credenciados SGMC Sistema de Gestão de Modalidades de Credenciamento MANUAL Credenciados SGMC Sistema de Gestão de Modalidades de Credenciamento SEBRAE-GO 1 Sumário Introdução... 3 1) Acesso ao Sistema... 4 1.1. LOGIN... 4 1.2. ALTERAR SENHA... 7 1.3. RECUPERAR SENHA...

Leia mais

PMAT. Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações. Manual. Desenvolvido pelo BNDES AS/DEGEP

PMAT. Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações. Manual. Desenvolvido pelo BNDES AS/DEGEP PMAT Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações Manual 1 Índice 1. O que é o Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações PMAT... 3 2. Acessando o sistema pela primeira vez Download... 3 3. Fluxogramas

Leia mais

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus.

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. - Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. Ou digite www.simpo.com.br/protocolo/login.php, para ir diretamente

Leia mais

1) Existem diferenças entre os painéis da loja virtual? 2) Quais são os tipos de Produtos da loja? 3) Como cadastrar um Produto Simples?

1) Existem diferenças entre os painéis da loja virtual? 2) Quais são os tipos de Produtos da loja? 3) Como cadastrar um Produto Simples? FAQ Loja Virtual 1) Existem diferenças entre os painéis da loja virtual? Sim, há diferenças entre os painéis da loja virtual. Abaixo segue uma imagem exemplificando as diferenças entre os painéis. 2) Quais

Leia mais

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Neste capítulo nós iremos examinar as características da interface do gerenciador de arquivos Konqueror. Através dele realizaremos as principais operações com arquivos

Leia mais

Manual do Usuário. Novo Internet Banking Governo - IBG

Manual do Usuário. Novo Internet Banking Governo - IBG Manual do Usuário Novo Internet Banking Governo - IBG Versão V - Abril 2013 Sumário 2. Visão Geral do Sistema... 5 2.1. Operações disponíveis no novo IBG... 6 2.1. Perfis disponíveis... 7 2.2. Definições,

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Se ainda tiver dúvidas entre em contato com a equipe de atendimento: Por telefone: 0800 642 3090 Por e-mail atendimento@oisolucoespraempresas.com.br Introdução... 3 1. O que é o programa Oi Backup Empresarial?...

Leia mais

1- Requisitos mínimos. 2- Instalando o Acesso Full. 3- Iniciando o Acesso Full pela primeira vez

1- Requisitos mínimos. 2- Instalando o Acesso Full. 3- Iniciando o Acesso Full pela primeira vez Manual Conteúdo 1- Requisitos mínimos... 2 2- Instalando o Acesso Full... 2 3- Iniciando o Acesso Full pela primeira vez... 2 4- Conhecendo a barra de navegação padrão do Acesso Full... 3 5- Cadastrando

Leia mais

Guia Rápido para Acesso, Preenchimento e Envio Formulário de Cadastro da Empresa e Formulário de Projeto

Guia Rápido para Acesso, Preenchimento e Envio Formulário de Cadastro da Empresa e Formulário de Projeto EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA MCTI/AEB/FINEP/FNDCT Subvenção Econômica à Inovação Transferência de Tecnologia do SGDC 01/2015 Transferência de Tecnologia Espacial no Âmbito do Decreto nº 7.769 de 28/06/2012

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização Índice 1 Introdução...2 2 Acesso ao Sistema...3 3 Funcionamento Básico do Sistema...3 4 Tela Principal...4 4.1 Menu Atendimento...4 4.2 Menu Cadastros...5 4.2.1 Cadastro de Médicos...5

Leia mais

SECTEC / COORDENADORIA DE DESENVOLVIMENTO

SECTEC / COORDENADORIA DE DESENVOLVIMENTO Macaé, Outubro de 2010 SECTEC / COORDENADORIA DE DESENVOLVIMENTO Página 1 de 38 Controle de Revisões Data Comentário Responsável 01/10/2010 Revisão e correção de texto Marcos Lemos 01/10/2010 Correção

Leia mais

Introdução ao Tableau Server 7.0

Introdução ao Tableau Server 7.0 Introdução ao Tableau Server 7.0 Bem-vindo ao Tableau Server; Este guia orientará você pelas etapas básicas de instalação e configuração do Tableau Server. Em seguida, usará alguns dados de exemplo para

Leia mais

Como funciona? SUMÁRIO

Como funciona? SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Introdução... 2 2. Benefícios e Vantagens... 2 3. Como utilizar?... 2 3.1. Criar Chave / Senha de Usuário... 2 3.2. Recursos da Barra Superior... 2 3.2.1. Opções... 3 3.2.1.1. Mover Para...

Leia mais

Manual do Sistema de Apoio Operadores CDL

Manual do Sistema de Apoio Operadores CDL N / Rev.: Manual 751.1/02 Este documento não deve ser reproduzido sem autorização da FCDL/SC Aprovação: Representante da Direção Ademir Ruschel Elaboração: Supervisor da Qualidade Sílvia Regina Pelicioli

Leia mais

Módulo e-rede VirtueMart v1.0. Manual de. Instalação do Módulo. estamos todos ligados

Módulo e-rede VirtueMart v1.0. Manual de. Instalação do Módulo. estamos todos ligados Módulo e-rede VirtueMart v1.0 Manual de Instalação do Módulo estamos todos ligados 01 02 03 04 Introdução 3 Versão 3 Requerimentos 3 Manual de instalação 4 05 06 4.1 Permissões 4 4.2 Instalação e ativação

Leia mais

Manual de Utilização Chat Intercâmbio

Manual de Utilização Chat Intercâmbio Manual de Utilização Chat Intercâmbio 1 INDICE 1 Chat Intercâmbio... 6 1.1 Glossário de Termos Utilizados.... 6 1.2 Definições de uma Sala de Chat... 7 1.3 Como Acessar o Chat Intercâmbio... 8 1.4 Pré-requisitos

Leia mais

DIRETRIZES DE USO DA MATRIZ DE SISTEMATIZAÇÃO DE INFORMAÇÕES

DIRETRIZES DE USO DA MATRIZ DE SISTEMATIZAÇÃO DE INFORMAÇÕES Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Departamento de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turístico Coordenação Geral de Regionalização PROGRAMA DE REGIONALIZAÇÃO DO TURISMO Roteiros do Brasil

Leia mais

Recursos do Outlook Web Access

Recursos do Outlook Web Access Recursos do Outlook Web Access Este material foi criado pela Secretaria de Tecnologia de Informação e Comunicação (SETIC) do Tribunal Regional do Trabalho da 17ª Região. Seu intuito é apresentar algumas

Leia mais

Este manual visa orientar o usuário na geração/emissão do boleto online pelo Portal Educacional.

Este manual visa orientar o usuário na geração/emissão do boleto online pelo Portal Educacional. GERAÇÃO/EMISSÃO DO BOLETO ONLINE (Portal Educacional) Este manual visa orientar o usuário na geração/emissão do boleto online pelo Portal Educacional. Acessar o portal da EST www.est.edu.br e clicar em

Leia mais

Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio.

Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio. Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio. 1) Logar no Kit Médias Empresas Clicar no ícone Tókio Marine Empresarial, que abrirá a tela de login, veja abaixo. Caso seja o primeiro acesso

Leia mais

Guia do Usuário do Servidor do Avigilon Control Center

Guia do Usuário do Servidor do Avigilon Control Center Guia do Usuário do Servidor do Avigilon Control Center Versão 5.0.2 PDF-SERVER5-A-Rev2_PT Copyright 2013 Avigilon. Todos os direitos reservados. A informação apresentada está sujeita a alteração sem aviso

Leia mais

Módulo e-rede OpenCart v1.0. Manual de. Instalação do Módulo. estamos todos ligados

Módulo e-rede OpenCart v1.0. Manual de. Instalação do Módulo. estamos todos ligados Módulo e-rede OpenCart v1.0 Manual de Instalação do Módulo estamos todos ligados 01 02 03 04 Introdução 3 Versão 3 Requerimentos 3 Manual de instalação 4 05 06 4.1 vqmod 4 4.2 Instalação e ativação do

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. 1. Descrição Geral Este manual descreve as operações disponíveis no módulo VTWEB Client, cuja finalidade é gerenciar cadastros de funcionários, realização de pedidos e controle financeiro dos pedidos.

Leia mais

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09 ÍNDICE Sobre o SabeTelemarketing 03 Ícones comuns à várias telas de gerenciamento Contato Verificar registros 09 Telas de cadastro e consultas 03 Menu Atalho Nova pessoa Incluir um novo cliente 06 Novo

Leia mais

www.siteware.com.br Versão 2.6

www.siteware.com.br Versão 2.6 www.siteware.com.br Versão 2.6 Sumário Apresentação... 4 Login no PortalSIM... 4 Manutenção... 5 Unidades... 5 Unidades... 5 Grupos de CCQ... 5 Grupos de unidades... 6 Tipos de unidades... 6 Sistema de

Leia mais

Requerimento: Digitador de Pedidos ProfarmaNet. Manual de Apoio. Preparado por: Versão: 1.0. Sumário

Requerimento: Digitador de Pedidos ProfarmaNet. Manual de Apoio. Preparado por: Versão: 1.0. Sumário Vanderlei Manual de Apoio Resumo Módulo Básico Especifico para Instalação e Usabilidade Lista de Distribuição Nome Área / Função Histórico de modificações Versão Data Descrição Responsável 13/12/2013 Versão

Leia mais

Ajuda On-line - Sistema de Relacionamento com o Cliente. Versão 1.1

Ajuda On-line - Sistema de Relacionamento com o Cliente. Versão 1.1 Ajuda On-line - Sistema de Relacionamento com o Cliente Versão 1.1 Sumário Sistema de Relacionamento com Cliente 3 1 Introdução... ao Ambiente do Sistema 4 Acessando... o Sistema 4 Sobre a Tela... do Sistema

Leia mais

Introdução. Nesta guia você aprenderá:

Introdução. Nesta guia você aprenderá: 1 Introdução A criação de uma lista é a primeira coisa que devemos saber no emailmanager. Portanto, esta guia tem por objetivo disponibilizar as principais informações sobre o gerenciamento de contatos.

Leia mais

Polycom RealPresence Content Sharing Suite Guia rápido do usuário

Polycom RealPresence Content Sharing Suite Guia rápido do usuário Polycom RealPresence Content Sharing Suite Guia rápido do usuário Versão 1.2 3725-69877-001 Rev.A Novembro de 2013 Neste guia, você aprenderá a compartilhar e visualizar conteúdos durante uma conferência

Leia mais

INTEGRAÇÃO SISREG - CADSUS WEB DOCUMENTO ORIENTADOR

INTEGRAÇÃO SISREG - CADSUS WEB DOCUMENTO ORIENTADOR INTEGRAÇÃO SISREG - CADSUS WEB DOCUMENTO ORIENTADOR SUMÁRIO 1 - IDENTIFICANDO O PACIENTE... 3 2 - PESQUISANDO PACIENTE NO CADSUSWEB... 5 3 ALTERANDO DADOS OU CADASTRANDO UM NOVO USUÁRIO... 7 O objetivo

Leia mais

MANUAL DO PERSUS OPERADORAS MÓDULO DE GESTÃO DE CONTAS ANS Agência Nacional de Saúde Suplementar

MANUAL DO PERSUS OPERADORAS MÓDULO DE GESTÃO DE CONTAS ANS Agência Nacional de Saúde Suplementar MANUAL DO PERSUS OPERADORAS MÓDULO DE GESTÃO DE CONTAS ANS Agência Nacional de Saúde Suplementar MANUAL DO PERSUS - OPERADORAS MÓDULO DE GESTÃO DE CONTAS Índice 1. INTRODUÇÃO...5 2. MÓDULO DE GESTÃO DE

Leia mais

Manual para Utilização Site DVA Express. Versão 2.0 para Parceiros.

Manual para Utilização Site DVA Express. Versão 2.0 para Parceiros. Manual para Utilização Site DVA Express Versão 2.0 para Parceiros. Introdução O presente manual tem por finalidade instruir os parceiros e representantes na utilização do site para consultas, rastreabilidade

Leia mais

Atualização De Mapas GPS Apontador. 1º Acessar site: www.naviextras.com 2º Selecione o Idioma para Português no seu canto direito.

Atualização De Mapas GPS Apontador. 1º Acessar site: www.naviextras.com 2º Selecione o Idioma para Português no seu canto direito. Atualização De Mapas GPS Apontador 1º Acessar site: www.naviextras.com 2º Selecione o Idioma para Português no seu canto direito. 3º Clique na Opção Registrar 4º Selecione o Dispositivo Apontador e o Modelo

Leia mais

MANUAL DO PVP SUMÁRIO

MANUAL DO PVP SUMÁRIO Manual PVP - Professores SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 6 2 ACESSANDO O PVP... 8 3 TELA PRINCIPAL... 10 3.1 USUÁRIO... 10 3.2 INICIAL/PARAR... 10 3.3 RELATÓRIO... 10 3.4 INSTITUIÇÕES... 11 3.5 CONFIGURAR... 11

Leia mais

SisLegis Sistema de Cadastro e Controle de Leis

SisLegis Sistema de Cadastro e Controle de Leis Sistema de Cadastro e Controle de Leis Desenvolvido por Fábrica de Software Coordenação de Tecnologia da Informação Pág 1/22 Módulo: 1 Responsável: Desenvolvimento Ti Data: 01/11/2012 Versão: 1.0 Empresa:

Leia mais

Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR

Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR 1 Índice: 01- Acesso ao WEBMAIL 02- Enviar uma mensagem 03- Anexar um arquivo em uma mensagem 04- Ler/Abrir uma mensagem 05- Responder uma mensagem

Leia mais

Manual do Usuário. Sistema Financeiro e Caixa

Manual do Usuário. Sistema Financeiro e Caixa Manual do Usuário Sistema Financeiro e Caixa - Lançamento de receitas, despesas, gastos, depósitos. - Contas a pagar e receber. - Emissão de cheque e Autorização de pagamentos/recibos. - Controla um ou

Leia mais

Manual do Usuário. Minha Biblioteca

Manual do Usuário. Minha Biblioteca Manual do Usuário Minha Biblioteca Sumário Acesso a Minha Biblioteca... 3 Tela Principal... 3 Para que serve o ícone Minha Biblioteca?... 3 O que você encontra no campo Pesquisar?... 4 Quando utilizar

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO NextCall Gravador Telefônico Digital

MANUAL DO USUÁRIO NextCall Gravador Telefônico Digital MANUAL DO USUÁRIO NextCall Gravador Telefônico Digital DEZEMBRO / 2010 NEXTCALL GRAVADOR TELEFÔNICO DIGITAL Obrigado por adquirir o NextCall. Este produto foi desenvolvido com o que há de mais atual em

Leia mais

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 1 Sumário 1 - Instalação Normal do Despachante Express... 3 2 - Instalação do Despachante Express em Rede... 5 3 - Registrando o Despachante Express...

Leia mais

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário SERVIÇO PÚBLICO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ ARQUIVO CENTRAL Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário Belém Pará Fevereiro 2000 Sumário Introdução... 3 Acesso ao Sistema...

Leia mais

Manual do Usuário DENATRAN

Manual do Usuário DENATRAN Manual do Usuário DENATRAN Confidencial Portal SISCSV - 2007 Página 1 Índice Analítico 1. INTRODUÇÃO 5 2. ACESSANDO O SISCSV 2.0 6 2.1 Configurando o Bloqueador de Pop-Ups 6 3. AUTENTICAÇÃO DO USUÁRIO

Leia mais

UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ. Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM. Manual

UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ. Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM. Manual UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM Manual DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DIRGTI 2015 Sumário 1. Introdução... 3 2. Acessando o serviço...

Leia mais

SIAI Despesa de Pessoal (DP) MANUAL DE INSTALAÇÃO Versão 1.0

SIAI Despesa de Pessoal (DP) MANUAL DE INSTALAÇÃO Versão 1.0 MANUAL DE INSTALAÇÃO Versão 1.0 Natal, Maio de 2013 Sumário 1. O que é o SIAI DP... 3 2. Requisitos mínimos de instalação... 4 2. Como instalar o SIAI DP Módulo Coleta... 4 3. Acessando o SIAI DP... 8

Leia mais

SISTEMA COOL 2.0V. (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO

SISTEMA COOL 2.0V. (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA COOL 2.0V (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO ÍNDICE Pré-requisitos para utilização do sistema....2 Parte I Navegador...2 Parte II Instalação do Interpretador de PDF...2 Parte III

Leia mais

Manual de Atualização de Versão

Manual de Atualização de Versão Este documento fornece as orientações necessárias para efetuar a atualização da versão da Plataforma Citsmart. Versão 2.0 05/03/2014 Visão Resumida Data Criação 05/03/2014 Versão Documento 2.0 Projeto

Leia mais

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.1. ExpressoMG

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.1. ExpressoMG Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge Manual do Usuário Versão 1.1 ExpressoMG 14/10/2015 Sumário 1. Apresentação... 4 1.1 Objetivos do Manual... 4 1.2 Público Alvo...

Leia mais

GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR

GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR 1 - Integra Services Atenção: o Integra Services está disponível a partir da versão 2.0 do software Urano Integra. O Integra Services é um aplicativo que faz parte

Leia mais

FAQ Perguntas Frequentes

FAQ Perguntas Frequentes FAQ Perguntas Frequentes 1. COMO ACESSO A PLATAFORMA DE ENSINO?... 2 2. NÃO CONSIGO REALIZAR O MEU CADASTRO NO AMBIENTE VIRTUAL DO MMA.... 4 3. FIZ MEU CADASTRO NO SITE E NÃO RECEBI O E-MAIL DE CONFIRMAÇÃO

Leia mais

Universidade Federal do Mato Grosso - STI-CAE. Índice

Universidade Federal do Mato Grosso - STI-CAE. Índice CAPA Universidade Federal do Mato Grosso - STI-CAE Índice 1. Página da área administrativa... 1.1 Botões e campo iniciais... 2. Explicar como funcionam as seções... 2.1. Seções dinâmicos... 2.1.1 Como

Leia mais

Instalando e usando o Document Distributor 1

Instalando e usando o Document Distributor 1 Instalando e usando o 1 O é composto por pacotes de software do servidor e do cliente. O pacote do servidor deve ser instalado em um computador Windows NT, Windows 2000 ou Windows XP. O pacote cliente

Leia mais