Í N D I C E A N A L Í T I C O

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Í N D I C E A N A L Í T I C O"

Transcrição

1 EXTRATUS V1.09 PROGRAMA PARA IMPORTAÇÃO DE EXTRATOS BANCÁRIOS OFC, OFX, QIF E HTML E EXPORTAÇÃO DE LANÇAMENTOS CONTÁBEIS Stactus Informática Ltda Agosto / 2010

2 Í N D I C E A N A L Í T I C O 1 Introdução Instalação do Extratus Requisitos de Hardware e Software Execução do Instalador Importação dos Modelos no Domínio Sistemas Contato com a Revenda Local Exportação das informações do Domínio Sistemas Exportação do Cadastro de Empresas Exportação do Cadastro de Históricos Padrão Exportação do Cadastro de Plano de Contas Utilização do Extratus Iniciando e selecionando o usuário Selecionando a Empresa Licenciamento Licenciamento (Opção Sim ) Licenciamento (Opção Não ) Menu Arquivo Menu Cadastro Cadastro de Empresas Inclusão de Empresas Exclusão de Empresas Alteração de Empresas Cadastro da Febraban Inclusão da Febraban Exclusão da Febraban Alteração da Febraban Cadastro de Bancos Inclusão de Bancos Exclusão de Bancos Alteração de Bancos Cadastro de Contas Cadastro de Planos de Contas Cadastro de Históricos Padrão Cadastro de Tipos de Movimentação Menu Integração Importação Importação de Empresas Importação de Planos de Contas Exclusão de Contas Contábeis Importação de Históricos Padrão Exclusão de Históricos Padrão Importação de Extratos OFC/OFX/QIF Importação de Extratos do Banese HTM/HTML Importação de Extratos do Bradesco HTM/HTML Importação de Extratos do Banco do Brasil BBT Importação de Extratos do Sicredi PRN Prévia da Gravação dos Extratos Exportação Exportação de Lançamentos para o Domínio Menu Utilitários Seleção de Usuários... 18

3 5.6.2 Seleção de Empresa Cadastro de Usuários Parâmetros Menu Ajuda Licenciamento Bancos Homologados Novidades da Versão Sobre o Sistema Integração com o Domínio Sistemas Importação dos Lançamentos Contábeis Importação dos Extratos Bancários (Apenas OFC e OFX) Conciliação dos Lançamentos Contábeis e Extratos Importados Layout de arquivos Arquivos para importação Empresas Plano de Contas Históricos Padrão Arquivos para exportação Lançamentos Contábeis para o Domínio Sistemas Informações e contato...25

4 1 Introdução Nos dias de hoje, somos forçados a buscar ao máximo a otimização das nossas tarefas, a fim de aproveitarmos melhor o tempo, que se torna cada vez mais escasso. Toda empresa que mantém contabilidade regular está obrigada a inserir em seus lançamentos a movimentação das suas contas bancárias, o que consome grande parte do tempo do responsável pela tarefa. A grande maioria das instituições bancárias já disponibiliza as informações dos extratos bancários nos formatos OFC e OFX, possibilitando a importação por programas de controle financeiro/contábil. Pensando nisso, foi desenvolvido o Extratus, que diminui radicalmente o tempo necessário para a digitação dos lançamentos contábeis dos extratos bancários. Através do arquivo OFC ou OFX gerado no site das instituições bancárias, é possível importar todos os lançamentos bancários sem nenhum trabalho de digitação, e em seguida fazer a geração do arquivo de lançamentos contábeis que poderá ser importado no sistema contábil. Esta versão contempla apenas a exportação dos lançamentos contábeis para o Domínio Sistemas, mas estamos trabalhando aumentar a lista de programas compatíveis. 2 Instalação do Extratus 2.1 Requisitos de Hardware e Software PC com Processador de 500 MHz 256 megabytes (MB) de RAM ou mais 50 MB de espaço livre em C:\ Windows 2000 ou Windows XP. Microsoft Access 2003 (Caso não tenha, clique aqui e instale o Access Runtime) Internet Explorer 7 ou superior Sistema Contábil Domínio 2.2 Execução do Instalador Executar o arquivo Extratus.exe. Caso ainda não possua o instalador, fazer download através do endereço abaixo: Após a execução do programa, será apresentada a seguinte tela: Clique em Avançar, e o instalador questionará se existe necessidade de serem criados ícones na área de trabalho e bandeja do sistema. Ficará a critério do usuário se estas opções serão marcadas ou não: Autor: Edison Carlos Martins Página 1 Extratus.doc

5 Clique em Avançar, e será solicitada confirmação para a Instalação do Extratus: Clique em Instalar para que o procedimento de instalação inicie. Em seguida, será apresentada uma tela com orientação sobre o licenciamento do Extratus, e informações para contato, que deverão ser lidas atentamente: Após a leitura, clique em Avançar, e a tela abaixo será apresentada, com a solicitação de confirmação para executar o Extratus e abrir o Manual do sistema: Autor: Edison Carlos Martins Página 2 Extratus.doc

6 3 Importação dos Modelos no Domínio Sistemas 3.1 Contato com a Revenda Local Entre em contato com sua Revenda Local, e solicite acompanhamento na importação dos dois modelos de relatório abaixo: - Exportação de Empresas (C:\Extratus\Modelos\Exporta Empresas.bgr) - Exportação de Históricos Padrão (C:\Extratus\Modelos\Exporta Históricos.bgr) 4 Exportação das informações do Domínio Sistemas Após a intervenção da sua Revenda Local para auxiliá-lo na importação dos modelos, estarão disponíveis no Gerenciador de Relatórios os modelos para Exportação de Empresas e Exportação de Históricos, conforme abaixo: 4.1 Exportação do Cadastro de Empresas Para gerar o arquivo com informações do cadastro de empresas, basta selecionar o modelo Exportação Empresas, e clicar em Executar. Automaticamente será criado na pasta C:\Extratus o arquivo Empresas.txt com todas as empresas da base de dados. 4.2 Exportação do Cadastro de Históricos Padrão Antes de gerar o arquivo com informações dos históricos padrão, selecione a empresa que deseja trabalhar. Em seguida, clique sobre o modelo Exportação Históricos, e depois em Executar. Também é possível informar o código da empresa no momento de gerar o arquivo de históricos padrão. Automaticamente será criado na pasta C:\Extratus o arquivo Históricos.txt com todos os históricos padrão da empresa selecionada. Autor: Edison Carlos Martins Página 3 Extratus.doc

7 4.3 Exportação do Cadastro de Plano de Contas Já o plano de contas deverá ser gerado usando os recursos nativos do Domínio Sistemas, através do menu Utilitários / Exportação / Contas, conforme abaixo: É necessário alterar o campo Tipo para Analítica, e o nome do arquivo a ser gerado de acordo com a empresa que se pretende exportar. Lembre que o formato do nome do arquivo é Plano_EEEE.txt, onde EEEE é o código da empresa. Clicando em Exportar, será criado na pasta C:\Extratus o arquivo Plano_EEEE.txt com todas as contas contábeis analíticas da empresa selecionada. 5 Utilização do Extratus 5.1 Iniciando e selecionando o usuário Para iniciar o Extratus, clique no ícone correspondente na Área de Trabalho, Bandeja do Sistema ou Menu Iniciar. Será apresentada a tela de Identificação do Usuário: O usuário inicial é ADMIN, e a senha é Após a informação da senha padrão, é altamente recomendável que esta seja alterada. Para isso, clique no botão Alterar Senha, e será aberta a seguinte tela: Informe e repita a nova senha, e em seguida, clique no botão Alterar Senha. Voltando para a tela de Login, informe a nova senha para ter acesso ao Extratus. 5.2 Selecionando a Empresa Se o serial estiver correto, ou optar por não licenciar, será exibida a tela para Seleção da Empresa: Autor: Edison Carlos Martins Página 4 Extratus.doc

8 Selecione a empresa 1 EMPRESA TESTE, que já está previamente cadastrada, informe a competência que se pretende importar os extratos, e depois clique no botão Ativar. A seleção poderá ser feita digitando o número da empresa, clicando com o mouse no campo Empresa e escolhendo na lista, ou teclando F3 para abrir a Tela de Pesquisa, conforme abaixo: Digitando qualquer parte do nome da empresa no campo Pesquisar por, a lista de empresas será filtrada. Quando a empresa que se pretende trabalhar aparecer na lista, basta um duplo-clique sobre a linha para levar a informação para a tela de Seleção de Empresas. Clicando no botão Cancelar, o Extratus será fechado. Para confirmar a empresa e competência selecionadas, clique no botão Ativar e a Razão Social da empresa aparecerá na barra da janela principal, conforme abaixo: Licenciamento Se o Extratus ainda não estiver licenciado, será apresentada a seguinte tela: Se o licenciamento estiver vencido, será apresentada a seguinte tela: Autor: Edison Carlos Martins Página 5 Extratus.doc

9 Licenciamento (Opção Sim ) Clicando em Sim, será apresentada a seguinte tela: Preencha os campos Razão Social/Nome, Pessoa para Contato, Telefone e Fax. Perceba que o campo Identificação da Estação é preenchido automaticamente, com o código correspondente da máquina onde está instalado o Extratus, e não pode ser alterado pelo usuário. Informe os campos Tipo do Licenciamento e o Serial Válido de. O campo Até será preenchido automaticamente. Em seguida, clique no botão Solicitar Serial, e será gerado um com os dados informados. Quando receber a resposta deste com o serial do produto, informe no respectivo campo e clique em Licenciar. Se preferir, ligue para (79) , peça para falar com Edison e solicite sua senha. Caso o serial seja inválido, o sistema será fechado Licenciamento (Opção Não ) Se não estiver licenciado e clicar em Não, será apresentada a seguinte tela: tela: Se o licenciamento estiver vencido e clicar em Não, será apresentada a seguinte Em ambos os casos o sistema funcionará normalmente, porém com a limitação de exportação de apenas 5 lançamentos contábeis. Autor: Edison Carlos Martins Página 6 Extratus.doc

10 5.3 Menu Arquivo Neste menu temos apenas a opção de saída do Extratus: Outra forma de sair do Extratus é clicar no botão no canto superior direito da janela principal. 5.4 Menu Cadastro Neste menu temos as opções Empresas, Bancos, Contas, Planos de Contas, Históricos Padrão e Tipos de Movimentação: Cadastro de Empresas Clicando na opção Empresas, será aberta a seguinte tela: A seleção poderá ser feita digitando o número da empresa, clicando com o mouse no campo Empresa e escolhendo na lista, ou teclando F3 para abrir a Tela de Pesquisa, conforme abaixo: Digitando qualquer parte do nome da empresa no campo Pesquisar por, a lista de empresas será filtrada. Quando a empresa que se pretende trabalhar aparecer na lista, basta um duplo-clique sobre a linha para levar a informação para a tela de Seleção de Empresas. Autor: Edison Carlos Martins Página 7 Extratus.doc

11 Inclusão de Empresas Para incluir uma empresa, basta informar o novo código e será questionado se o usuário pretende mesmo fazer a inclusão, conforme abaixo: Clicando no botão Sim, um novo registro será criado, bastando informar os campos Razão Social e Inscrição Exclusão de Empresas Para excluir uma empresa, selecione o registro correspondente, e clique no botão que fica na barra de ferramentas. Após clicar, ratifique sua intenção na tela de confirmação Alteração de Empresas Para alterar uma empresa, selecione o registro correspondente e altere o campo desejado. Não é permitido alterar o código da empresa. Caso haja necessidade de trocar o código, a empresa deverá ser excluída e incluída novamente com o código correto, e todas as informações desta empresa serão eliminadas Cadastro da Febraban Clicando na opção Febraban, será aberta a seguinte tela: Inclusão da Febraban Para incluir um banco, clique no botão que fica na barra de ferramentas. Após clicar, o cursor se deslocará para o final da tabela, bastando informar o código e a Descrição de acordo com a FEBRABAN. O campo Elimina Descrição deve ser preenchido apenas se necessitar que algum caracter informado na descrição do banco seja substituído, por exemplo: - Informar quando quiser que todos os caracteres numéricos sejam substituídos por espaços em branco. - Informar -/. quando quiser que o traço, barra e ponto sejam substituídos por espaços em branco. Autor: Edison Carlos Martins Página 8 Extratus.doc

12 Exclusão da Febraban Para excluir um banco, selecione o registro correspondente, e clique no botão fica na barra de ferramentas. Se pretender excluir todos os registros de uma única vez, antes de clicar no botão de exclusão, clique no quadrado no canto superior esquerdo da janela para marcar os registros, conforme exemplo abaixo: que Após clicar, ratifique sua intenção na tela de confirmação. Importante: Vale lembrar que este cadastro é essencial para a correta importação dos extratos. Caso seja excluído algum banco indevidamente, terá que ser novamente informado para possibilitar a importação Alteração da Febraban Para alterar um banco, selecione o registro correspondente e altere o campo desejado Cadastro de Bancos Clicando na opção Bancos, será aberta a seguinte tela: Inclusão de Bancos Este cadastro será preenchido automaticamente no momento da importação dos extratos bancários Exclusão de Bancos Para excluir um banco, selecione o registro correspondente, e clique no botão fica na barra de ferramentas. Se pretender excluir todos os registros de uma única vez, antes de clicar no botão de exclusão, clique no quadrado no canto superior esquerdo da janela para marcar os registros, conforme exemplo abaixo: que Após clicar, ratifique sua intenção na tela de confirmação. Autor: Edison Carlos Martins Página 9 Extratus.doc

13 Vale lembrar que todos os extratos já importados deste banco também serão excluídos Alteração de Bancos Para alterar um banco, selecione o registro correspondente e altere o campo desejado. Se o campo Código for alterado, todos os extratos também serão alterados Cadastro de Contas Este cadastro será preenchido automaticamente no momento da importação dos extratos bancários Cadastro de Planos de Contas Clicando na opção Plano de Contas, será aberta a seguinte tela: A inclusão de planos de contas será detalhada durante o processo de importação de Planos de Contas Cadastro de Históricos Padrão Clicando na opção Históricos Padrão, será aberta a seguinte tela: A inclusão de históricos padrão será detalhada durante o processo de importação dos Históricos Padrão. Autor: Edison Carlos Martins Página 10 Extratus.doc

14 5.4.7 Cadastro de Tipos de Movimentação Clicando na opção Tipos de Movimentação, será aberta a seguinte tela: Alguns tipos de movimentação são previamente cadastrados, porém, alguns bancos usam tipos diferenciados. Se durante o processo de importação dos extratos for solicitada a inclusão de um tipo não existente, basta informar no campo Extrato o conteúdo que for lido durante a importação, e assinalar no campo Extratus se o mesmo é positivo ou negativo. 5.5 Menu Integração Saltamos o menu de Movimento propositalmente, pois suas opções dependem diretamente do menu Integração, e serão gerados praticamente em conjunto. Neste menu temos as opções de Importação e Exportação: Importação Clicando na opção Importação, será aberta a seguinte tela: Existem arquivos de exemplo para todos os itens. Clique em importar para testar Importação de Empresas Para importar o cadastro das empresas, basta clicar no botão para selecionar o arquivo Empresas.txt, gerado pelo seu sistema contábil, e em seguida clicar no botão Importar. Para consultar o último arquivo importado, clique no botão. Autor: Edison Carlos Martins Página 11 Extratus.doc

15 Importação de Planos de Contas Para importar o plano de contas, basta clicar no botão para selecionar o arquivo Plano_EEEE.txt, gerado pelo seu sistema contábil, e em seguida clicar no botão Importar. Observe que EEEE no nome do arquivo tem que corresponder ao código da empresa selecionada, caso contrário o sistema não fará a importação. Para consultar o último arquivo importado, clique no botão. Quando a importação for concluída, será possível visualizar os dados importados em Cadastro / Planos de Contas, conforme abaixo: Nesta tela nenhuma informação poderá ser alterada manualmente, pois devem corresponder com exatidão com os dados do seu Sistema Contábil Exclusão de Contas Contábeis Para excluir uma conta contábil, selecione o registro correspondente, e clique no botão que fica na barra de ferramentas. Se pretender excluir todos os registros de uma única vez, antes de clicar no botão de exclusão, clique no quadrado no canto superior esquerdo da janela para marcar os registros, conforme exemplo abaixo: Após clicar, ratifique sua intenção na tela de confirmação. Vale lembrar que todos os lançamentos de extratos já importados com esta conta contábil também serão excluídos Importação de Históricos Padrão Para importar os históricos padrão, basta clicar no botão para selecionar o arquivo Históricos.txt, gerado pelo seu sistema contábil, e em seguida clicar no botão Importar. Dentro do arquivo Históricos.txt gerado pelo seu sistema contábil, existe a informação do código da empresa, que obviamente também deverá corresponder ao código da empresa selecionada, caso contrário o sistema não fará a importação. Para consultar o último arquivo importado, clique no botão. Quando a importação for concluída, será possível visualizar os dados importados em Cadastro / Planos de Contas, conforme abaixo: Autor: Edison Carlos Martins Página 12 Extratus.doc

16 O campo Acrescenta Descrição? Deve ser marcado para os lançamentos que necessitam da descrição (Complemento do Histórico Padrão) que vem no extrato. Ex.: Cheques compensados. As demais informações não poderão ser alteradas manualmente, pois devem corresponder com exatidão com os dados do seu Sistema Contábil. Para facilitar a procura por históricos padrão que necessitem acrescentar a descrição, de um duplo-clique sobre o campo Código, e a seguinte tela será apresentada: Digitando qualquer parte da descrição do histórico campo Pesquisar por, a lista de históricos será filtrada. Quando o histórico que se pretende alterar aparecer na lista, basta um duplo-clique sobre a linha para levar a informação para a tela de Cadastro de Históricos. Repita a operação até ter informado todos os históricos padrão necessários Exclusão de Históricos Padrão Para excluir um histórico padrão, selecione o registro correspondente, e clique no botão que fica na barra de ferramentas. Se pretender excluir todos os registros de uma única vez, antes de clicar no botão de exclusão, clique no quadrado no canto superior esquerdo da janela para marcar os registros, conforme exemplo abaixo: Após clicar, ratifique sua intenção na tela de confirmação. Vale lembrar que todos os lançamentos de extratos já importados com este histórico padrão também serão excluídos. Autor: Edison Carlos Martins Página 13 Extratus.doc

17 Importação de Extratos OFC/OFX/QIF Para importar os extratos no formato OFC/OFX/QIF de qualquer instituição bancária, basta clicar no botão para selecionar o arquivo Extrato_EEEE_BBB_AAAAMM.TTT, gerado através do site, e em seguida clicar no botão Importar. Observe que EEEE no nome do arquivo tem que corresponder ao código da empresa selecionada, caso contrário o sistema não fará a importação. BBB corresponde ao código da instituição bancária, de acordo com a FEBRABAN. Importante: Os arquivos QIF não trazem em seu conteúdo a informação do código da instituição bancária, neste caso, a formatação correta do nome do arquivo com o respectivo código, influenciará diretamente no resultado da importação. AAAAMM corresponde ano e mês da competência que se deseja importar. TTT pode ser OFC, OFX ou QIF, de acordo com o arquivo disponibilizado pela instituição bancária. Para consultar o último arquivo importado, clique no botão Importação de Extratos do Banese HTM/HTML Para importar os extratos no formato HTM/HTML do Banese basta clicar no botão para selecionar o arquivo Extrato_EEEE_047_AAAAMM.TTTt, gerado através do site, e em seguida clicar no botão Importar. Observe que EEEE no nome do arquivo tem que corresponder ao código da empresa selecionada, caso contrário o sistema não fará a importação. 047 corresponde ao código do Banese, de acordo com a FEBRABAN. AAAAMM corresponde ano e mês da competência que se deseja importar. TTTt pode ser HTM ou HTML, de acordo com o arquivo salvo do site do Banese. Para consultar o último arquivo importado, clique no botão Importação de Extratos do Bradesco HTM/HTML Para importar os extratos no formato HTM/HTML do Bradesco basta clicar no botão para selecionar o arquivo Extrato_EEEE_237_AAAAMM.TTTt, gerado através do site, e em seguida clicar no botão Importar. Observe que EEEE no nome do arquivo tem que corresponder ao código da empresa selecionada, caso contrário o sistema não fará a importação. 237 corresponde ao código do Bradesco, de acordo com a FEBRABAN. AAAAMM corresponde ano e mês da competência que se deseja importar. TTTt pode ser HTM ou HTML, de acordo com o arquivo salvo do site do Bradesco. Para consultar o último arquivo importado, clique no botão Importação de Extratos do Banco do Brasil BBT Para importar os extratos no formato BBT do Banco do Brasil basta clicar no botão para selecionar o arquivo Extrato_EEEE_001_AAAAMM.TTT, gerado através do site, e em seguida clicar no botão Importar. Observe que EEEE no nome do arquivo tem que corresponder ao código da empresa selecionada, caso contrário o sistema não fará a importação. 001 corresponde ao código do Banco do Brasil, de acordo com a FEBRABAN. Autor: Edison Carlos Martins Página 14 Extratus.doc

18 AAAAMM corresponde ano e mês da competência que se deseja importar. TTT deve ser BBT, de acordo com o arquivo salvo do site do Banco do Brasil. Para consultar o último arquivo importado, clique no botão Importação de Extratos do Sicredi PRN Para importar os extratos no formato BBT do Banco do Brasil basta clicar no botão para selecionar o arquivo Extrato_EEEE_748_AAAAMM.TTT, gerado através do site, e em seguida clicar no botão Importar. Observe que EEEE no nome do arquivo tem que corresponder ao código da empresa selecionada, caso contrário o sistema não fará a importação. 748 corresponde ao código do Sicredi, de acordo com a FEBRABAN. AAAAMM corresponde ano e mês da competência que se deseja importar. TTT deve ser PRN, de acordo com o arquivo salvo do site do Sicredi. Para consultar o último arquivo importado, clique no botão Prévia da Gravação dos Extratos Quando a importação os Extratos for concluída, será apresentada a tela de Prévia da Gravação dos Extratos, conforme abaixo: Veja que as informações do Banco e Conta já são importadas do arquivo de extrato, bem como as informações da movimentação bancária. A informação da agência deverá sempre ser feita pelo usuário, para prevenir quanto a importação de extratos em contas incorretas. Caso a agência da conta ainda não tenha sido informada, tecle F3, e será aberta automaticamente a tela para cadastro de contas, já com as informações de banco e conta preenchidas automaticamente, bastando apenas informar a agência e conta contábil, conforme abaixo: Autor: Edison Carlos Martins Página 15 Extratus.doc

19 Se o banco do extrato está sendo importado ainda não constar na lista de bancos da empresa selecionada, ele será gravado automaticamente. A seleção da conta contábil poderá ser feita digitando o número da conta, clicando com o mouse no campo Conta e escolhendo na lista, ou dando um duplo-clique sobre o campo Conta para abrir a Tela de Pesquisa, conforme abaixo:. Digitando qualquer parte da descrição da conta contábil no campo Pesquisar por, a lista de contas será filtrada. Quando a conta desejada aparecer na lista, basta um duploclique sobre a linha para levar a informação para a tela de Cadastro de Contas. Voltando para a tela de Prévia da Gravação de Extratos, clique no campo Agência, e a opção de seleção da Agência cadastrada já estará disponível, conforme abaixo: Quando for importar novos extratos deste mesmo banco, conta e agência, a opção já estará disponível. Informando o Saldo Inicial da conta, o Extratus fará a o cálculo do Saldo Final, que deverá coincidir com o valor informado pela instituição bancária. Neste caso, mesmo fazendo a importação do arquivo de extrato, é recomendável ter em mãos também o extrato impresso, para que seja possível fazer a conferência. O botão só estará habilitado após a informação da agência e saldo inicial. Caso exista no arquivo importado algum lançamento com data fora da competência selecionada, o Extratus emitirá a seguinte mensagem: Autor: Edison Carlos Martins Página 16 Extratus.doc

20 Se houver necessidade de excluir ou alterar algum lançamento, certifique-se de conferir se o saldo final calculado coincide com o valor informado pela instituição bancária. Após clicar no botão, será aberta a tela para Relacionamento entre a movimentação bancária e as Contas Contábeis, conforme abaixo: Como se pode perceber, as contas contábeis de partida já estão preenchidas com a conta contábil informada no cadastro de contas-correntes, faltando apenas informar as contas contábeis de contra-partida e o histórico padrão. Caso algum campo não seja preenchido, seja ele Débito, Crédito ou HP, a seguinte mensagem será exibida: Somente será possível exportar os lançamentos contábeis após concluir os relacionamentos. Quando for importar novos extratos deste mesmo banco, todos os relacionamentos já cadastrados anteriormente já estarão disponíveis. No exemplo acima, após o preenchimento das contas contábeis de contra-partida e históricos padrão, a tela ficaria assim: Após a importação, os extratos poderão ser visualizados através da opção do menu Movimento / Extratos Mensais, conforme abaixo: Autor: Edison Carlos Martins Página 17 Extratus.doc

21 5.5.2 Exportação Clique no campo Banco para selecionar o extrato que se deseja consultar. Clicando na opção Exportação, será aberta a seguinte tela: Exportação de Lançamentos para o Domínio Ao clicar no botão Exportar, será criado um arquivo no caminho especificado pelo sistema. Observe que não é possível alterar o nome do arquivo. O nome do arquivo tem o formato Extrato_EEEE_CCCCCC_AAAAMM.txt. Observe que EEEE no nome do arquivo corresponde ao código da empresa selecionada. CCCCCC corresponde ao número da conta, e poderá variar de tamanho.. AAAAMM corresponde ano e mês da competência que se deseja gravar. Caso o sistema ainda não tenha sido Licenciado, serão repetidos os passos do item Menu Utilitários Neste menu temos as opções Seleciona Usuário, Seleciona Empresa e Cadastro de Usuários: Seleção de Usuários Clicando na opção Seleciona Usuário, serão executados os mesmos passos do item 5.1, na abertura do sistema. Autor: Edison Carlos Martins Página 18 Extratus.doc

22 5.6.2 Seleção de Empresa Clicando na opção Seleciona Empresa, serão executados os mesmos passos do item 5.2, na abertura do sistema Cadastro de Usuários Clicando na opção Cadastro de Usuários, será aberta a seguinte tela: Esta opção permite que sejam incluídos ou excluídos usuários no sistema. Não é permitido alterar a Chave ou a Senha nesta tela. Caso haja necessidade de trocar a Chave, o usuário deverá ser excluído e incluído novamente com a Chave correta Parâmetros Clicando na opção Parâmetros, será aberta a seguinte tela: No campo Sistema utilizado deve-se informar para qual sistema o Extratus deverá exportar os lançamentos contábeis. Por enquanto, a única opção disponível é para o Domínio Sistemas. No campo Máscara de Contas deve-se informar em qual formato será apresentada a estrutura do plano de contas, para facilitar a visualização. É essa máscara quem determina o formato da classificação, ou seja, o número de casas em cada quebra. 5.7 Menu Ajuda Neste menu temos as opções Licenciamento e Sobre o Sistema: Autor: Edison Carlos Martins Página 19 Extratus.doc

23 5.7.1 Licenciamento Clicando na opção Licenciamento, será aberta a seguinte tela: Preencha os campos Razão Social/Nome, Pessoa para Contato, Telefone e Fax. Perceba que o campo Identificação da Estação é preenchido automaticamente, com o código correspondente da máquina onde está instalado o Extratus, e não pode ser alterado pelo usuário. Informe os campos Tipo do Licenciamento e o Serial Válido de. O campo Até será preenchido automaticamente. Em seguida, clique no botão Solicitar Serial, e será gerado um com os dados informados. Quando receber a resposta deste com o serial do produto, informe no respectivo campo e clique em Licenciar. Se preferir, ligue para (79) , peça para falar com Edison e solicite sua senha. Caso o serial seja inválido, o sistema será fechado. Se o sistema já tiver sido licenciado, será apresentada a tela abaixo: Bancos Homologados Clicando na opção Bancos Homologados, será aberta a seguinte tela: Autor: Edison Carlos Martins Página 20 Extratus.doc

24 Esta opção permite que sejam visualizadas as Instituições Bancárias que já foram testadas, validadas e homologadas no Extratus Novidades da Versão Clicando na opção Novidades da Versão, será apresentado um relatório que detalha todas as modificações/implementações feitas no Extratus Sobre o Sistema Clicando na opção Sobre o Sistema, será aberta a seguinte tela: Esta opção permite que sejam visualizados os dados do licenciamento do Extratus. 6 Integração com o Domínio Sistemas 6.1 Importação dos Lançamentos Contábeis Para fazer a importação dos lançamentos contábeis no Domínio Sistemas, acesse o módulo de Contabilidade, e clique no menu Utilitários, Importação, do Arquivo texto, de Lançamentos, conforme abaixo: Será apresentada a tela para seleção do arquivo de lançamentos a ser importado: Autor: Edison Carlos Martins Página 21 Extratus.doc

Í N D I C E A N A L Í T I C O

Í N D I C E A N A L Í T I C O DIRF CARTÃO 2013 V4..03 DE 07//02//2013 PROGRAMA PARA IMPORTAÇÃO DE DADOS DE CARTÕES DE CRÉDITO NA DIRF 2013 VERSÃO COM VISANET E REDECARD IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO EM LOTE CAPTURA DADOS CADASTRAIS DE EMPRESAS

Leia mais

MANUAL DE CONCILIAÇÃO BANCÁRIA MANUAL - TABELAS CONTÁBEIS E ORÇAMENTÁRIAS

MANUAL DE CONCILIAÇÃO BANCÁRIA MANUAL - TABELAS CONTÁBEIS E ORÇAMENTÁRIAS MANUAL DE CONCILIAÇÃO BANCÁRIA MANUAL - TABELAS CONTÁBEIS E ORÇAMENTÁRIAS SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO...3 2 APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA...4 2.1 CONCILIAÇÃO MOVIMENTOS COM LANÇAMENTOS...6 3 PASSO A PASSO: CONCILIAÇÃO

Leia mais

Tutorial contas a pagar

Tutorial contas a pagar Tutorial contas a pagar Conteúdo 1. Cadastro de contas contábeis... 2 2. Cadastro de conta corrente... 4 3. Cadastro de fornecedores... 5 4. Efetuar lançamento de Contas à pagar... 6 5. Pesquisar Lançamento...

Leia mais

APRESENTAÇÃO... 3 OBJETIVO... 3 QUEM DEVE USAR... 3 CAPÍTULO 1 - INICIANDO O SISTEMA... 4

APRESENTAÇÃO... 3 OBJETIVO... 3 QUEM DEVE USAR... 3 CAPÍTULO 1 - INICIANDO O SISTEMA... 4 INDICE APRESENTAÇÃO... 3 OBJETIVO... 3 QUEM DEVE USAR... 3 CAPÍTULO 1 - INICIANDO O SISTEMA... 4 1.1 - ENTRADA NO SISTEMA... 4 1.2 - TELA DO ORGANIZADOR DO MULTICONTAS... 4 CAPÍTULO 2 - FUNCIONALIDADES

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 2013 GVDASA Sistemas Caixa AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONCILIAÇÃO BANCÁRIA

PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONCILIAÇÃO BANCÁRIA PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONCILIAÇÃO BANCÁRIA O que é? É um comparativo entre as movimentações existentes em uma conta bancária e as existentes no controle financeiro. Todos sabem, por exemplo, que existe

Leia mais

Sumário INTRODUÇÃO... 3 O QUE É CNAB?... 3 QUAL O OBJETIVO DO CNAB?... 3 QUAIS BANCOS E CARTEIRAS O EMPRESÁRIO ERP NOS FORNECE?...

Sumário INTRODUÇÃO... 3 O QUE É CNAB?... 3 QUAL O OBJETIVO DO CNAB?... 3 QUAIS BANCOS E CARTEIRAS O EMPRESÁRIO ERP NOS FORNECE?... Sumário INTRODUÇÃO... 3 O QUE É CNAB?... 3 QUAL O OBJETIVO DO CNAB?... 3 QUAIS BANCOS E CARTEIRAS O EMPRESÁRIO ERP NOS FORNECE?... 4 COMO CONFIGURAR O CNAB... 5 CADASTRO DE BANCOS... 5 PARAMETROS DO CNAB...

Leia mais

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Razão.

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Razão. Impairment Produto : TOTVS Gestão Contábil 12.1.1 Processo : Relatórios Subprocesso : Razão Data publicação da : 12/11/2014 O relatório razão tem a finalidade de demonstrar a movimentação analítica das

Leia mais

Material de Apoio. SEB - Contas a Pagar. Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com

Material de Apoio. SEB - Contas a Pagar. Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com Material de Apoio SEB - Contas a Pagar Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com Conteúdo CONFIGURAÇÃO... 3 Cadastro de Fornecedores... 3 Métodos de Pagamento...

Leia mais

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE GERAÇÃO DE BOLETOS CAIXA ECONÔMICA FEDERAL NO FINANCE Finance V10 New 2 Índice Como gerar Boleto Bancário pela Caixa Econômica... 3 Como efetuar a Conciliação por Extrato

Leia mais

CPS FINANÇAS PESSOAIS MANUAL DO USUÁRIO

CPS FINANÇAS PESSOAIS MANUAL DO USUÁRIO APRESENTAÇÃO O CPS FINANÇAS PESSOAIS é um software desenvolvido para gerenciar a movimentação financeira de forma pessoal, rápida e simplificada fornecendo relatórios e demonstrativos. Este manual é parte

Leia mais

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE GERAÇÃO DE BOLETOS BRADESCO NO FINANCE 2 Índice Como gerar Boleto Bancário pelo Bradesco... 3 Como gerar os arquivos de Remessa para o Banco pelo Finance... 14 Como enviar

Leia mais

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet Manual do Usuário Copyright 2014 - ControleNaNet Conteúdo A Ficha de Vendas...3 Os Recibos...6 Como imprimir?...7 As Listagens...9 Clientes... 10 Consulta... 11 Inclusão... 13 Alteração... 14 Exclusão...

Leia mais

Será exibido um painel de opções com 3 possibilidades: Cadastrar Cliente, Listagem de Cliente e Gerar Chave de Instalação.

Será exibido um painel de opções com 3 possibilidades: Cadastrar Cliente, Listagem de Cliente e Gerar Chave de Instalação. ATIVAÇÃO DA LICENÇA A partir do momento em que a revenda torna-se parceira comercial do produto ela pode efetuar compras de licenças no site e ativar essas licenças em seus usuários. O UNICO até pode ser

Leia mais

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização WebEDI - Tumelero Manual de Utilização Pedidos de Compra Notas Fiscais Relação de Produtos 1. INTRODUÇÃO Esse documento descreve o novo processo de comunicação e troca de arquivos entre a TUMELERO e seus

Leia mais

MANUAL DO ADMINISTRADOR DO MÓDULO

MANUAL DO ADMINISTRADOR DO MÓDULO MANUAL DO ADMINISTRADOR DO MÓDULO ÍNDICE Relatórios Dinâmicos... 3 Requisitos de Sistema... 4 Estrutura de Dados... 5 Operadores... 6 Tabelas... 7 Tabelas x Campos... 9 Temas... 13 Hierarquia Relacionamento...

Leia mais

Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação.

Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação. Incluir um Inventário Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação. ) e preencha Clique na aba Itens e depois no botão Carregar Produtos

Leia mais

MENUS TELA INICIAL. Movimento de Ferramentaria. Alternar entre casas do grupo. Cadastro de Ferramentas. Não Implementado. Cadastro de Funcionários

MENUS TELA INICIAL. Movimento de Ferramentaria. Alternar entre casas do grupo. Cadastro de Ferramentas. Não Implementado. Cadastro de Funcionários FERRAMENTARIA TELA INICIAL Ao autenticar no sistema com usuário e senha cadastrados é apresentada a seguinte tela ao lado esquerdo, sendo essa tela a página inicial do sistema de Ferramentaria. MENUS TELA

Leia mais

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas GerNFe 1.0 Manual do usuário Página 1/13 GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas O programa GerNFe 1.0 tem como objetivo armazenar em local seguro e de maneira prática para pesquisa,

Leia mais

Manual do Visualizador NF e KEY BEST

Manual do Visualizador NF e KEY BEST Manual do Visualizador NF e KEY BEST Versão 1.0 Maio/2011 INDICE SOBRE O VISUALIZADOR...................................................... 02 RISCOS POSSÍVEIS PARA O EMITENTE DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA.................

Leia mais

Manual Sistema Curumim. Índice

Manual Sistema Curumim. Índice Versão 1.0 Índice 1. Instalação do Sistema... 3 2. Botões e Legenda... 4 3. Login do Sistema... 5 4. Tela Principal... 6 5. Dados Cadastrais da Empresa... 7 6. Aluno Cadastro... 8 7. Aluno - Cadastro de

Leia mais

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO DO M3

MANUAL DO USUÁRIO DO M3 MANUAL DO USUÁRIO DO M3 1 CADASTROS 1.1 Clientes Abre uma tela de busca na qual o usuário poderá localizar o cadastro dos clientes da empresa. Preencha o campo de busca com o nome, ou parte do nome, e

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo III

Treinamento Sistema Condominium Módulo III Financeiro (Lançamentos Despesas e Saldos) Nesse módulo iremos apresentar os principais recursos da área contábil do sistema. Contábil> Lançamentos Nessa tela é possível lançar as despesas dos condomínios,

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO FUNCIONAL. Versão 1.3

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO FUNCIONAL. Versão 1.3 MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO FUNCIONAL Versão 1.3 Sumário 1. ACESSO AO SISTEMA... 3 1.1. Primeiro acesso ao sistema... 3 1.2. Como alterar a senha no primeiro acesso... 4

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 Vendas... 3 1.1

Leia mais

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet www.controlenanet.com.br Copyright 2015 - ControleNaNet Conteúdo Tela Principal... 3 Como imprimir?... 4 As Listagens nas Telas... 7 Clientes... 8 Consulta... 9 Inclusão... 11 Alteração... 13 Exclusão...

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. Conteúdo 1. Descrição geral 2 2. Resumo das funcionalidades 3 3. Efetuar cadastro no sistema 4 4. Acessar o sistema 6 5. Funcionalidades do menu 7 5.1 Dados cadastrais 7 5.2 Grupos de usuários 7 5.3 Funcionários

Leia mais

GERENCIADOR DE CONTEÚDO

GERENCIADOR DE CONTEÚDO 1/1313 MANUAL DO USUÁRIO GERENCIADOR DE CONTEÚDO CRISTAL 2/13 ÍNDICE 1. OBJETIVO......3 2. OPERAÇÃO DOS MÓDULOS......3 2.1 GERENCIADOR DE CONTEÚDO......3 2.2 ADMINISTRAÇÃO......4 Perfil de Acesso:... 4

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Administrador de Programas e Sistemas

Treinamento GVcollege Módulo Administrador de Programas e Sistemas Treinamento GVcollege Módulo Administrador de Programas e Sistemas AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA CONVERSÃO DE IMAGENS DIGITALIZADAS EM DOCUMENTO PDF ÚNICO UTILIZANDO A IMPRESSORA FREEPDF XP.

PROCEDIMENTOS PARA CONVERSÃO DE IMAGENS DIGITALIZADAS EM DOCUMENTO PDF ÚNICO UTILIZANDO A IMPRESSORA FREEPDF XP. PROCEDIMENTOS PARA CONVERSÃO DE IMAGENS DIGITALIZADAS EM DOCUMENTO PDF ÚNICO UTILIZANDO A IMPRESSORA FREEPDF XP. O objetivo deste manual é orientar os usuários do sistema de Processo Eletrônico a transformar

Leia mais

INDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONFIGURAÇÃO MÍNIMA... 4 3. INSTALAÇÃO... 4 4. INTERLIGAÇÃO DO SISTEMA... 5 5. ALGUNS RECURSOS... 6 6. SERVIDOR BAM...

INDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONFIGURAÇÃO MÍNIMA... 4 3. INSTALAÇÃO... 4 4. INTERLIGAÇÃO DO SISTEMA... 5 5. ALGUNS RECURSOS... 6 6. SERVIDOR BAM... 1 de 30 INDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONFIGURAÇÃO MÍNIMA... 4 3. INSTALAÇÃO... 4 3.1. ONDE SE DEVE INSTALAR O SERVIDOR BAM?... 4 3.2. ONDE SE DEVE INSTALAR O PROGRAMADOR REMOTO BAM?... 4 3.3. COMO FAZER

Leia mais

Escritório Virtual Administrativo

Escritório Virtual Administrativo 1 Treinamento Módulos Escritório Virtual Administrativo Sistema Office Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual e módulo Administrativo do sistema Office 2 3 1. Escritório

Leia mais

Manual do Sistema "Vida - Controle Financeiro" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Vida - Controle Financeiro Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Vida - Controle Financeiro" Editorial Brazil Informatica I Vida - Controle Financeiro Conteúdo Part I Introdução 2 1 Vida Controle... Financeiro 2 Part II Novidades Versão 2.9 (Contas)

Leia mais

Pagamento - Fornecedor

Pagamento - Fornecedor Pagamento - Fornecedor MT-212-00137 - 1 Última Atualização 30/08/2014 I. Objetivos Após este módulo de capacitação você será capaz de: Carregar Documentos Fiscais Verificar o status de envio dos documentos

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.12 Pagueban...2 Bancos...2 Configurando Contas...5 Aba Conta Banco...5 Fornecedores Referências Bancárias...7 Duplicatas a Pagar...9 Aba Geral...10 Aba PagueBan...11 Rastreamento

Leia mais

INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS

INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS 1) Clique duas vezes no arquivo ControlGasSetup.exe. Será exibida a tela de boas vindas do instalador: 2) Clique em avançar e aparecerá a tela a seguir: Manual de Instalação

Leia mais

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro SUMÁRIO 1. FINANCEIRO... 5 1.1. ED - SECRETARIA... 5 1.2. ED - ESCOLA... 5 1.3. USUÁRIOS POR ENTIDADE NO ED SECRETARIA E ESCOLA... 6 2. FINANCEIRO - SECRETARIA... 7 2.1.

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB

MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB CNS LEARNING MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB Versão Online 13 Índice ÍNDICE... 1 VISÃO GERAL... 2 CONCEITO E APRESENTAÇÃO VISUAL... 2 PRINCIPAIS MÓDULOS... 3 ESTRUTURAÇÃO... 3 CURSOS... 4 TURMAS... 4

Leia mais

jfinanç as Pessoal Versão 2.0 - Fevereiro/2015

jfinanç as Pessoal Versão 2.0 - Fevereiro/2015 jfinanças Pessoal Versão 2.0 - Fevereiro/2015 Índice 1 INTRODUÇÃO E VISÃO GERAL... 1 2 INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INICIAL DO JFINANÇAS PESSOAL... 2 2.1 Download... 3 2.2 Instalação do jfinanças Pessoal...

Leia mais

MANUAL PARA USO DO SISTEMA GCO Gerenciador Clínico Odontológico

MANUAL PARA USO DO SISTEMA GCO Gerenciador Clínico Odontológico MANUAL PARA USO DO SISTEMA GCO Gerenciador Clínico Odontológico O GCO é um sistema de controle de clínicas odontológicas, onde dentistas terão acesso a agendas, fichas de pacientes, controle de estoque,

Leia mais

SuperStore Sistema para Automação de Óticas

SuperStore Sistema para Automação de Óticas SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Administrador) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 ACESSANDO O SISTEMA PELA

Leia mais

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL. CERBERUS Manual do sistema Versão 1.0

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL. CERBERUS Manual do sistema Versão 1.0 CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CERBERUS Manual do sistema HISTÓRICO DA REVISÃO Data Versão Descrição Autor 07/08/2014 1.0 Criação do documento Antonio Rogério da Costa Silva LISTA DE FIGURAS

Leia mais

Manual de utilização do sistema Maxpress

Manual de utilização do sistema Maxpress Manual de utilização do sistema Maxpress A Maxpress visa com este manual, auxiliar os usuários do Maxpress Mailing de Imprensa a utilizarem de modo mais eficaz o sistema. Todas as sugestões, dúvidas ou

Leia mais

Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios - SCBA

Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios - SCBA Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios - SCBA Manual de Utilização Perfil Beneficiário 1. 2. Objetivo do Manual... 2 Siglas e Abreviações... 2 3. Perfil do Usuário... 2 4. Descrição Geral do Sistema...

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. - INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

Manual do Usuário SUMÁRIO

Manual do Usuário SUMÁRIO SUMÁRIO VISUAL LIVRO CAIXA 1. Noções Gerais 1.1. Objetivo... 03 1.2. Sistema com Fundamento Legal Atualizado...03 1.3. Assistência Técnica... 03 1.3.1. Suporte Técnico... 03 1.3.2. Office Service... 03

Leia mais

1. Escritório Virtual... 5. 1.1. Atualização do sistema...5. 1.2. Instalação e ativação do sistema de Conexão...5

1. Escritório Virtual... 5. 1.1. Atualização do sistema...5. 1.2. Instalação e ativação do sistema de Conexão...5 1 2 Índice 1. Escritório Virtual... 5 1.1. Atualização do sistema...5 1.2. Instalação e ativação do sistema de Conexão...5 1.3. Cadastro do Escritório...5 1.4. Logo Marca do Escritório...6...6 1.5. Cadastro

Leia mais

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo em sua oficina. O sistema foi desenvolvido para ser utilizado

Leia mais

VALIDADOR DE ARQUIVOS SICREDI (VAS) Cobrança e Convênios

VALIDADOR DE ARQUIVOS SICREDI (VAS) Cobrança e Convênios VALIDADOR DE ARQUIVOS SICREDI (VAS) Cobrança e Convênios Atrelada ao processo: Validação de layout dos arquivos de convênios/cobrança de um novo convênio/cedente Classificação da informação: uso interno

Leia mais

CONTABILIDADE COM MÚLTIPLOS PLANOS DE CONTAS

CONTABILIDADE COM MÚLTIPLOS PLANOS DE CONTAS CONTABILIDADE COM MÚLTIPLOS PLANOS DE CONTAS As mudanças ocorridas com a publicação da lei 11.638/07 e alterações da lei 11.941/09 exigiram das empresas uma adequação em sua estrutura de balanços e demonstrações

Leia mais

Corregedoria-Geral de Justiça. Serviço Notarial e de Registro. Manual do Sistema SISNOR CARTÓRIO

Corregedoria-Geral de Justiça. Serviço Notarial e de Registro. Manual do Sistema SISNOR CARTÓRIO Corregedoria-Geral de Justiça Serviço Notarial e de Registro Manual do Sistema SISNOR CARTÓRIO Atualizado em 29/04/2015 CONTEÚDO APRESENTAÇÃO... 4 CAPÍTULO 1 DOWNLOAD DO SISNOR CARTÓRIO... 5 CAPÍTULO 2

Leia mais

2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO

2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INDICE 1. INTRODUÇÃO 2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO 2.1. COMPARTILHANDO O DIRETÓRIO DO APLICATIVO 3. INTERFACE DO APLICATIVO 3.1. ÁREA DO MENU 3.1.2. APLICANDO A CHAVE DE LICENÇA AO APLICATIVO 3.1.3 EFETUANDO

Leia mais

Tópicos: Acessar o módulo Domínio Contabilidade:

Tópicos: Acessar o módulo Domínio Contabilidade: Tópicos: *acessar o modulo domínio contabilidade; *definir parâmetros *cadastrar plano de contas, históricos, entre outros *efetuar lançamentos contábeis *conciliação bancária e conciliação cliente/fornecedor

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização Índice 1 Introdução...2 2 Acesso ao Sistema...3 3 Funcionamento Básico do Sistema...3 4 Tela Principal...4 4.1 Menu Atendimento...4 4.2 Menu Cadastros...5 4.2.1 Cadastro de Médicos...5

Leia mais

Domínio Registro. Teclas de atalho para ajudar na utilização do Sistema e cadastros em todos dos Módulos. Menu Controle

Domínio Registro. Teclas de atalho para ajudar na utilização do Sistema e cadastros em todos dos Módulos. Menu Controle Domínio Registro O Domínio Registro foi desenvolvido para gerenciar todos os processos referentes à abertura e fechamento de empresas, permite a confecção de contratos, alterações e distratos sociais,

Leia mais

1. Controle de exercício

1. Controle de exercício 1 1. Controle de exercício Para realizar lançamentos e emitir relatório o módulo Contabil obriga a criação de exercícios, que na verdade representam os anos de atividade da empresa. Confira algumas dicas

Leia mais

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

Análise de Dados do Financeiro

Análise de Dados do Financeiro Análise de Dados do Financeiro Introdução Para reunir em um só local as informações de contas a pagar e receber cadastradas e/ou geradas no sistema TTransp existe a interface de análise de dados do financeiro.

Leia mais

Como funciona? SUMÁRIO

Como funciona? SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Introdução... 2 2. Benefícios e Vantagens... 2 3. Como utilizar?... 2 3.1. Criar Chave / Senha de Usuário... 2 3.2. Recursos da Barra Superior... 2 3.2.1. Opções... 3 3.2.1.1. Mover Para...

Leia mais

TCEnet. Manual Técnico. Responsável Operacional das Entidades

TCEnet. Manual Técnico. Responsável Operacional das Entidades TCEnet Manual Técnico Responsável Operacional das Entidades 1 Índice 1. Introdução... 3 2. Características... 3 3. Papéis dos Envolvidos... 3 4. Utilização do TCEnet... 4 4.1. Geração do e-tcenet... 4

Leia mais

Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015

Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015 Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015 I. Objetivos Após este módulo de capacitação você será capaz de: Carregar Documentos Fiscais Verificar o status de envio dos documentos fiscais Consultar

Leia mais

SicoobNet Empresarial. Manual do Usuário. Versão 1.0

SicoobNet Empresarial. Manual do Usuário. Versão 1.0 SicoobNet Empresarial Manual do Versão 1.0 Manual do Data: 04/0/2008 Histórico Data Versão Descrição Autor 04/0/2008 1.0 Criação do Manual Ileana Karla GECOQ Gerência de Controle e Qualidade Página: 2/122

Leia mais

Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica I Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Conteúdo Part I Introdução

Leia mais

G-Bar. Módulo Básico Versão 4.0

G-Bar. Módulo Básico Versão 4.0 G-Bar Software para Gerenciamento de Centrais de Corte e Dobra de Aço Módulo Básico Versão 4.0 Pedidos de Vendas Manual do Usuário 1 As informações contidas neste documento, incluindo links, telas e funcionamento

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema

Leia mais

Manual. Pedido Eletrônico

Manual. Pedido Eletrônico Manual Pedido Eletrônico ÍNDICE 1. Download... 3 2. Instalação... 4 3. Sistema de Digitação SantaCruz... 8 3.1. Configuração... 8 4. Utilização do Sistema Digitação SantaCruz... 11 4.1. Atualizar cadastros...11

Leia mais

PEDIDO Manual OPERACIONAL

PEDIDO Manual OPERACIONAL SISTEMA DE GESTÃO HDIAS HAMILTON DIAS (31) 8829.9195 8540.8872 www.hdias.com.br hamilton-dias@ig.com.br PEDIDO Manual OPERACIONAL Pagina 2 de 34 ÍNDICE Pedido... 4 Como Acessar... 4 Como Localizar Pedido...

Leia mais

Parte I CADASTRO DE SACADO

Parte I CADASTRO DE SACADO Sicoob Coopercred Módulo Cedente Manual do Usuário (versão 2) ÍNDICE Parte I Cadastro de Sacado... 1 Parte II Emissão de Títulos... 1 Emitindo título com registro... 2 Emitindo título sem registro... 3

Leia mais

Treinamento Módulo Contas a Pagar

Treinamento Módulo Contas a Pagar Contas a Pagar Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla F2 Gravar Tecla

Leia mais

SISTEMA DE CONTROLE FINANCEIRO. Curitiba PR www.softwar.com.br suporte@softwar.com.br

SISTEMA DE CONTROLE FINANCEIRO. Curitiba PR www.softwar.com.br suporte@softwar.com.br SISTEMA DE CONTROLE FINANCEIRO Curitiba PR www.softwar.com.br suporte@softwar.com.br Esta é a primeira tela, aonde o usuário irá colocar o código de acesso para utilizar o software. Se for a primeira vez

Leia mais

Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual

Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual Diário On-line Apresentação ----------------------------------------------------------------------------------------- 5 Requisitos Básicos

Leia mais

Treinamento. Módulo. Escritório Virtual. Sistema Office. Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual do sistema Office

Treinamento. Módulo. Escritório Virtual. Sistema Office. Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual do sistema Office Treinamento Módulo Escritório Virtual Sistema Office Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual do sistema Office 1. Atualização do sistema Para que este novo módulo seja ativado,

Leia mais

Como Preencher a SMP e Termos do Pedido

Como Preencher a SMP e Termos do Pedido Como Preencher a SMP e Termos do Pedido 2 Sumário I. Acesso ao Sistema CRMTEL... 4 II. Como Cadastrar Novo Cliente... 5 III. Cliente já Cadastrado... 13 IV. Criando a SMP... 14 V. Movimentação e Acompanhamento

Leia mais

Manual do Usuário. Sistema Financeiro e Caixa

Manual do Usuário. Sistema Financeiro e Caixa Manual do Usuário Sistema Financeiro e Caixa - Lançamento de receitas, despesas, gastos, depósitos. - Contas a pagar e receber. - Emissão de cheque e Autorização de pagamentos/recibos. - Controla um ou

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DE UTILIZAÇÃO Módulo de operação Ativo Bem vindo à Vorage CRM! Nas próximas paginas apresentaremos o funcionamento da plataforma e ensinaremos como iniciar uma operação básica através do nosso sistema,

Leia mais

SISTEMA COOL 2.0V. (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO

SISTEMA COOL 2.0V. (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA COOL 2.0V (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO ÍNDICE Pré-requisitos para utilização do sistema....2 Parte I Navegador...2 Parte II Instalação do Interpretador de PDF...2 Parte III

Leia mais

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas 2014 V.1.0 SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Contas Médicas SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Módulos CONTAS MÉDICAS Capa

Leia mais

Treinamento de. Linx Pos

Treinamento de. Linx Pos Treinamento de caixa Linx Pos Será instalados no terminal da loja, o ícone, conforme imagem abaixo: Linx POS ÍNDICE Abertura de caixa e leitura X Lançamentos Cancelamento de itens Consulta preços no ato

Leia mais

Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. CADASTRO DA EMPRESA... 8 3. CONTROLE DE PERMISSÕES... 14 4. CONFIGURAÇÕES DA EMPRESA... 19 5. CND...

Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. CADASTRO DA EMPRESA... 8 3. CONTROLE DE PERMISSÕES... 14 4. CONFIGURAÇÕES DA EMPRESA... 19 5. CND... Sage CND Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 1.1. Primeiro Acesso... 2 1.2. Conhecendo a Plataforma Sage... 4 1.2.1. Seleção de Empresa de Trabalho... 4 1.2.2. Sair do sistema/minhas Configurações... 5 1.2.3.

Leia mais

Manual de Usuário do UnB Webmail Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO

Manual de Usuário do UnB Webmail Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO Elaboração: Equipe de Suporte Avançado do CPD SA/SRS/CPD/UnB suporte@unb.br Universidade de Brasília Brasília / 2014 Resumo A

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES 1.3

Leia mais

Manual Operacional Versão 2.2

Manual Operacional Versão 2.2 1 Manual Operacional Versão 2.2 2 SUMÁRIO 1) Assistente de configuração 4 2) Módulo Geral 9 2.1) Administradora 9 2.2) Empresa 9 2.3) Grupo de Empresa 12 2.4) Responsável 13 2.5) CEP 13 2.6) Configurações

Leia mais

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

Versão 1.0 CARBON SYSTEM. Manual do Software Ponto Legal. Manual do PONTO LEGAL

Versão 1.0 CARBON SYSTEM. Manual do Software Ponto Legal. Manual do PONTO LEGAL Versão 1.0 CARBON SYSTEM Manual do Software Ponto Legal Manual do PONTO LEGAL S O F T W A R E P A R A E M I S S Ã O D O R E L A T Ó R I O E S P E L H O D E P O N T O Manual do Ponto Legal Versão 1.0 Carbon

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.04

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.04 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.04 Inventário Manual...2 Relatório de contagem...2 Contagem...3 Digitação...3 Inventário Programado...6 Gerando o lote...7 Inserindo produtos manualmente no lote...8 Consultando

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES

Leia mais

Manual. Sistema Venus. (Introdução)

Manual. Sistema Venus. (Introdução) Manual Do Sistema Venus (Introdução) 1 Este Manual tem com o objetivo demonstrar os padrões utilizados no sistema, e o início para usar o Vênus com sucesso. Ícone para acesso ao Vênus, para entrar, basta

Leia mais

WEB COLABORADOR. Envio e Recebimento de arquivos de consignação

WEB COLABORADOR. Envio e Recebimento de arquivos de consignação TUTORIAL Envio e Recebimento de arquivos de consignação Para acessar o Web Colaborador e transferir arquivos de consignação, entre com os dados de CNPJ, usuário e senha, nos campos correspondentes. Regras

Leia mais

1998-2011 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2011 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas poderá ter

Leia mais

Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos DESIG/GPGEM

Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos DESIG/GPGEM Manual do Usuário SFC SISTEMA DE FATURAMENTO CORPORATIVO ECT EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DESIG - DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE GESTÃO Elaborado por Claudimiro José dos Santos Neto Analista

Leia mais

PMAT. Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações. Manual. Desenvolvido pelo BNDES AS/DEGEP

PMAT. Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações. Manual. Desenvolvido pelo BNDES AS/DEGEP PMAT Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações Manual 1 Índice 1. O que é o Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações PMAT... 3 2. Acessando o sistema pela primeira vez Download... 3 3. Fluxogramas

Leia mais

Portal Acadêmico Manual Técnico Renovação de Matrícula 2015/1

Portal Acadêmico Manual Técnico Renovação de Matrícula 2015/1 A rematrícula poderá ser feita acessando o site da Multivix e clicando no link Portal Acadêmico, ou digitando diretamente no seu navegador o endereço http://portal.. Na tela de login, entre com seus dados

Leia mais

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE ❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE a) Checagem de Estoque - Verifique o estoque dos produtos desejados. b) Listar produtos com a quantia de estoque mínimo atingido: ESTOQUE / RELATÓRIO / ALERTA DE COMPRA

Leia mais

O Tesouro Direto é um programa de venda de títulos públicos a pessoas físicas desenvolvido pelo Tesouro Nacional, em parceria com a BM&FBOVESPA.

O Tesouro Direto é um programa de venda de títulos públicos a pessoas físicas desenvolvido pelo Tesouro Nacional, em parceria com a BM&FBOVESPA. 1 Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Tesouro Direto... 4 3. Compra de títulos... 5 4. Venda de títulos... 12 5. Consultas... 19 5.1 Extrato... 19 5.2 Cestas de compra... 20 5.3 Cestas de venda... 21

Leia mais

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Índice ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO PELA PRIMEIRA VEZ... 6 CONFIGURAÇÕES NECESSÁRIAS PARA ACESSAR O SISTEMA... 6 TELA DE ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO...

Leia mais

Módulos Extras/ Protocolos

Módulos Extras/ Protocolos Módulos Extras/ Protocolos Inclusão de Documentos de Entrada para Protocolar Nesta rotina podem ser digitados todos os documentos que entram no escritório, permitindo um maior controle de recebimentos/devoluções,

Leia mais